Page 1

www.tribunabh.com.br

Ano V - Edição N. 55 - Belo Horizonte, 2ª Quinzena de abril a 1ª Quinzena de maio de 2012

Opinião TCN bate as suas próprias marcas .....................................................................................................................Página 2

Via 710 começa a sair do papel Alberto Escalda

A Via 710 vai ligar as regiões Leste e Nordeste de BH. Aqui aspecto do viaduto já concluído, ao lado do Minas Shopping

O

s estudos para a criação do corredor de transporte viário denominado Via 710 já têm mais de três décadas. Em 2006, depois de anos sendo postergada a um segundo plano, a 710 foi incluída na reestruturação viária da Capital, dentro do chamado PAC Mobilidade para a Copa 2014 e vai ligar as avenidas Andradas e Cristiano Machado. O objetivo é facilitar o acesso transversal entre as regiões Leste e Nordeste de BH, principalmente em direção à Cidade Administrativa, transpondo de forma ampla, sem passagem pelo centro da cidade, a linha ferroviária, marco Página 3 divisório dessas regiões.

Novo Independência Gil Leonardi Depois de vários adiamentos, finalmente o Estádio Independência foi entregue aos amantes do futebol. A solenidade de inauguração contou com as presenças do governador Antonio Anastasia (foto), do prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda e outras autoridades. Os próximos jogos na arena do Horto serão os testes finais que a comunidade dos bairros limítrofes Sagrada Família e Cidade Nova terá para saber se as intervenções realizadas trarão segurança e conforto Página 4 para os moradores.

Mágica para as mães Divulgação

No Mês das Mães, mágicos renomados se apresentarão em um espetáculo no teatro Izabela Hendrix e intervenções dentro do restaurante Xico da Carne, na Cidade Nova, fazem parte das atrações.

SEGURANÇA PÚBLICA

Koban na Cidade Nova, Porque Não? Arquivo TCN

E

m março deste ano, nossa reportagem tomou conhecimento que estava para ser inaugurada a primeira base fixa de um novo modelo de policiamento na capital, denominado Koban, de origem japonesa. O TCN, mesmo apoiando e enaltecendo o atual sistema de segurança vigente em nossa região, Policiamento Comunitário e Rede de Vizinhos Protegidos, acredita que o novo modelo poderia ser também implantado na região. Dispomos até de local adequado para tal, em imóvel abandonado pela municipalidade, numa das extremidades da passarela da feira dos produtores, na Cidade Nova.

Página 6

Novo hotel na região da CN Divulgação

A hotelaria nacional ganhou mais uma grande bandeira, a Ímpar Hotéis. Empresa 100% mineira está aqui em Belo Horizonte, na Cidade Nova. É o Hotel Ímpar Suítes (foto), sob a gerência de Pablo Ramos. Localizado na Linha Verde, próximo ao Minas Shopping, sentido Confins.

Página 3 Reprodução/ Facebook Rômulo

Morador da Cidade Nova pode ser campeão de MMA

R

ômulo Romano, 23 anos, filho da grande desportista e maratonista Mônica Oliveira, moradores da Cidade Nova está no Hall da fama da febre mundial das artes marciais mistas, modalidade mais conhecida como MMA, luta livre onde vale quase tudo.

Página 7

Tombamento da C. Ozanam Reprodução

Rômulo, The Gladiator, seu nome de batismo no mundo dos octógonos, reside em Las Vegas (Estados Unidos), desde 2006 e faz parte da equipe do renomado atleta e destaque mundial do Projeto de Lei propõe UFC/MMA, o brasileiro Vitor o tombamento de todo o Belfort. Confira na página 6 na conjunto urbanístico e arquitetônico da área Sala de Visitas desta edição.

onde se encontra localizada a histórica e tão importante Cidade Ozanam, no bairro Ipiranga, região nordeste de Belo Horizonte. Segundo a autora, vereadora Pricila Teixeira, o tombamento, vai preservar o conjunto urbanístico e arquitetônico e permitir que o local continue sendo utilizado como referência na assistência social da capital.

Página 11


2

Belo Horizonte, 2ª Quinzena, abril a 1ª Quinzena, maio, 2012 - Edição N. 55

TCN bate suas próprias marcas

POLÍTICA & OPINIÃO

A difícil arte de crer Arquivo/TCN

É

com muita satisfação que dividimos com vocês, caros leitores, um pouco de nossa satisfação ao constatar, através de levantamentos estatísticos, que o jornal Tribuna da Cidade Nova – Tribuna-BH, tem superado suas próprias marcas. O jornal também recebe seguidas manifestações de apreço e confiança por parte de nossa comunidade, de autoridades e segmentos organizados. Basta conferir em nossa versão impressa, ou através da versão digital pelo issuu.com.tribucity, ou no portal www.tribunabh.com.br ou, ainda, no Twitter @tribunabh.com para se constatar que nosso veículo está em perfeita sintonia com o pensamento de nossa gente, nossa cidade e nossa região. Naturalmente, é o veículo certo e ideal para divulgar as potencialidades da região, de modo especial, uma oportunidade para todos aqueles que também estão aqui estabelecidos com seu comércio, negócio ou ideias. Não é necessário ir muito longe e nem gastar muito para fazer chegar ao público certo seus produtos e projetos. O TCN está aqui, bem pertinho, do seu lado, falando diretamente para seus clientes e amigos.

Apesar de pouco tempo em atividades – o jornal caminha agora para o seu sexto ano de criação e de distribuição ininterrupta –, a equipe do Tribuna não tem medido esforços para levar adiante esse projeto arrojado, de resultados, cujo único compromisso é com a comunidade da Região Nordeste de Belo Horizonte e com toda a cidade, pois nenhuma comunidade é uma ilha. O jornal busca levar a seus milhares de leitores a informação segura, imparcial e independente. A versão digital tem média de 800 novos acessos a cada edição e seis mil leitores mensais. O site já recebeu dezenas de milhares de visitas e, no Twitter, lançado recentemente, contamos com 364 seguidores entre público altamente formador de opinião. Pense bem, pense certo: participar e anunciar no Tribuna, com certeza, é a melhor pedida para aqueles que aqui residem ou desenvolvem alguma atividade comercial em nossa região.

Arquivo TCN

Depósito de lixo Que bom que denunciaram o descaso com a Praça Santa Paulina, pois eu moro justamente no prédio que faz divisa com ela. Gostaria de propor que visitassem ou elaborassem uma matéria que abordasse o descaso com a Rua Zaira de Paula, que cruza a Rua Ilacir Pereira Lima e desemboca na Cristiano Machado. A Rua Zaira de Paula (foto), que no passado abrigava mendigos, agora se tornou depósito de lixo. Isso mesmo! No muro que a Pneusola e a Moto Roma dividem entre si, está um amontoado de tralhas, contendo fezes humana e até lixo eletrônico

TRIBUNA DA CIDADE NOVA EDIÇÃO N. 55 Editores: Lucas Martins Reg. Prof. MG 02485 JP Eugênio Oliveira Reg. Prof. MG 03478 JP Fotografia: Santos Filho Colaboradores: Guilherme

(que possui mercúrio, substância altamente poluente e de efeito deletério à saúde). É com tristeza que temos que recorrer à mídia para cuidar de um assunto desprezado pela Administração pública: a limpeza da cidade! Por outro lado, é com alegria que saliento: foi depois que o TCN publicou matéria sobre moradores de rua que a Zaira de Paula se viu livre

Avelar, Luiz Góes, Rodrigo Denúbila. Redação: Rua Irmãos Kennedy, 114/06 Cidade Nova - Belo Horizonte - Minas Gerais - 31170-130 Telefax: (31) 3484 0480 e (31) 9955 8447. Email Redação: tribunabh@gmail.com

deles. Forte abraço, Ulysses Martins - morador do bairro Silveira NR – O Jornal TCN encaminhou a solicitação à Regional Nordeste que prontamente providenciou a limpeza da área. Esperamos que continue o espaço continue limpo.

Site: www.tribunabh.com.br Edição Digital: www.issuu.com/tribucity O Tribuna da Cidade Nova é uma publicação da Logos Editora Ltda. – Registrado no Cartório Jero Oliva, documentação arquivada naquela Serventia em 12/09/2007, no Registro nº 1.143, no Livro A.

Logos Editora Ltda. Registrada na JUCEMG sob o nº 3120431497 – CNPJ 25.712.977/0001-62. Inscrição Estadcual nº 62.881.449.00-81. Circulação: O jornal é distribuído de casa em casa, na Paróquia de Santa Luzia, na Feira dos Pro-

Por Guilherme Nunes Avelar Advogado

Os brasileiros somos arremessados, dia após dia, contra a parede dura da incredulidade, como em um exercício insano, inclemente e perpétuo, um teste contínuo de até onde vai a paciência de todos e de cada um de nós. Chega a ser assustadora a prodigalidade de vexames morais a que nossos dirigentes se entregam, nem mesmo deixando baixar a poeira de escândalo anterior para de chafurdar em nova lama! É verdade que o Brasil tem apresentado melhoras em alguns indicadores macros, ainda que suas fragilidades estruturais estejam também visivelmente “esquecidas”, revelando entranhas temerosamente vulneráveis. Talvez seja exatamente por esses números mais vistosos serem tão bons que, acreditando no senso de saciedade dos cidadãos, os políticos se deixem navegar ao sabor do vento, sem maiores preocupações de mérito e de forma. Não enfrentar aqueles pontos frágeis de nosso sistema político, econômico e administrativo já seria motivo para preocupação e muita dor de cabeça; mas saber que, ao lado disso, nossas autoridades têm se dedicado com afinco na arte da trapaça máxima, absoluta, insaciável, é para lá de preocupante: é catastrófico. O escândalo da vez assume posição ainda mais alarmante, mais do que os vários mensalões: o maior e mais ganancioso de todos (o petista-lulista), o que parece ter sido o ensaio geral (o mineiro-tucano) e o que seguiu a ambos no caminho do descalabro (o demo-brasiliense). O escândalo da vez revela uma rede de tentáculos geográficos e partidários de tal ordem que permite, ou mesmo impõe a conclusão de que “é tudo farinha do mesmo saco”. De fato, não dá mais para acreditar, ou ao menos fingir acreditar, que há alguma exceção, escondida em algum canto pouco iluminado pelos holofotes do poder. Do Rio a Brasília, passando caudalosamente por Goiás e por outros trechos intercalados de Norte a Sul, o esquema gerenciado por Carlinhos Cachoeira envolve governadores do PT e do PSDB, parlamentares de todos os principais partidos brasileiros (os dois já citados, mais o DEM, o PMDB, o PPS, o PTB, etc. etc. etc.). Uma das empresas do grupão, a Delta, tem contratos bilionários com o Governo Federal, aparentemente conseguidos sem muita dificuldade e sem pudor algum; também os tem em vários estados e municípios; em todos, ou quase, os teria obtido dentro do esquema cada vez mais comum de se contratar sem o “inconveniente” de uma competição sincera, em troca de, digamos, uma “ajudinha”, partidária, pessoal ou (o que é mais habitual) ambos. Como disse antes, dessa vez o monstro se mostra amplo, de garganta maior que a barriga, esticando-se para todos os lados e em todos os campos possíveis de se pensar (do lixo ao jogo, de rodovias a universidades, e por aí vai). Salva alguém? Dentre os que tiveram algum tipo de contato, por mais singelo que seja, com essas empresas organizadas em cascatas sucessivas, aparentemente não: todos estão sujos e fedendo. Nessa pocilga, fica difícil, muito difícil, acreditar em algo ou em alguém; está difícil, muito difícil, encontrar quem ainda tenha alguma moral para merecer nosso apoio e o nosso voto.

dutores da Cidade Nova, bancas de revistas, padarias, postos de combustíveis, lojas e empresas dos bairros Cidade Nova, Silveira, Nova Floresta, e partes da Renascença, Ipiranga, União e adjacências. Periodicidade: 2ª Quinzena, Abril a 1ª Quinzena, Maio/2012.

• Este jornal foi editado seguindo a Nova Ortografia da Língua Portuguesa èèè Os artigos assinados não espelham, necessariamente, a opinião do jornal, sendo de inteira responsabilidade de seus autores.


CIDADANIA

Belo Horizonte, 2ª Quinzena, abril a 1ª Quinzena, maio, 2012 - Edição N. 55

3

OP 2012 de BH foca em 56 novas obras Foto Isabel Baldoni

E

ntre estas obras está a tão sonhada Via 710, uma das ligações transversais da cidade. Ela servirá para que bairros de diferentes regiões sejam conectados sem a passagem pelo área central da Capital. A Via 710 representará um novo anel, paralelo à Avenida do Contorno e ao Anel Rodoviário, saindo da Avenida dos Andradas, na Região Leste e chegando à Avenida Cristiano Machado até cair na Avenida Teresa Cristina, fazendo a ponte Leste-Oeste sem passar pelo Centro. Essa obra faz parte da Matriz de Responsabilidades da Copa 2014. O custo estimado, total do Projeto é de R$ 156,1 milhões. A primeira etapa, já em andamento nas imediações da Av. José Cândido da Silveira, fica em R$ 68 milhões, com previsão de conclusão para novembro de 2013/2014. OP Nordeste – No dia 17 de abril, centenas de lideranças da Região Nordeste de BH compareceram à quadra da Escola

Municipal Governador Carlos Lacerda, no bairro Ipiranga para discutirem o Orçamento Participativo 2013/2014. O OP, como é mais conhecido é marca registrada do modelo de administração pública da capital mineira desde 1993. Um direito de cidadania conquistada. Nesta edição, as prioridades estipuladas pela própria população para o futuro da região foram ampliadas. O lançamento do OP 2013/2014 na região Nordeste incluiu em sua programação um recital do Coral Dolin Dolá, formado por alunos da Escola Municipal Professor Paulo Freire. A escola também foi obra escolhida pela comunidade no Orçamento Participativo 1997. Compareceram ao encontro o secretário regional Nordeste, Jorge Espeschit, o adjunto, Paulo Bastos, os secretários de Obras e Infraestrutura, Murilo Valadares, o adjunto de Planejamento e Gestão, Geraldo Afonso Herzog, e o diretor-presidente da Urbel, Claudius Vinicius Leite, além dos gerentes

Prefeito Márcio Lacerda dá Ordens de Serviços para 56 intervenções escolhidas por meio do Orçamento Participativo que coordenam os trabalhos do OP. Loteamento Irregular – Segundo Jorge Espeschit, esta será uma oportunidade para moradores de loteamentos irregulares: “ainda temos na Nordeste loteamento irregu- lares de difíceis soluções, e a Prefeitura

agora oferece a possibilidade dos cidadãos pedirem seu plano de regularização fundiária”, infor-mou o secretário. Para esta edição do OP 2013/2014, a Prefeitura aumentou os recursos financeiros que serão investidos em relação ao OP 2011/2012. Serão

destinados R$ 130 milhões, dos quais R$ 16 milhões serão investidos em até 14 obras nas seis sub-regiões da Nordeste. As lideranças dessas sub regiões deverão se reunir periodicamente para decidirem quais das 25 demandas deverão ter prioridades nos próxi-

mos meses. Cada bairro da região tem direito a uma obra prioritária. Segundo a PBH, mos 19 anos de execução do OP a região Nordeste já conquistou 125 empreendimentos e outros 27 estão em andamento, ou seja, 82% de obras prontas.


4

Belo Horizonte, 2ª Quinzena, abril a 1ª Quinzena, maio, 2012 - Edição N. 55

ESPORTE & CULTURA

Foto:Gil Leonardi

Beagá era assim Gui & Marcos Mazzoni - Acervo Esc. Arq/UFMG

Por Luiz Góes* “O Footing”

N

Independência é a nova atração da Região

D

epois de várias promessas de inauguração – foram quase dez as datas previstas –, finalmente o estádio Independência foi inaugurado. No dia 25 de abril, uma quarta-feira, após quase 27 meses em obras de ampliação, melhorias e adequações, América e Argentinos Juniors, equipe de Buenos Aires, fizeram o jogo de reinauguração do estádio. Essa primeira partida foi vencida pelo América por 2 a 1. O custo inicial estimado para as obras era de R$ 48 milhões, mas, ao final, o novo Independência custou aos cofres públicos de Minas R$ 149 milhões, três vezes mais ou R$ 6 mil por assento. A solenidade de inauguração contou com as presenças do governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia, do prefeito de Belo Horizonte, Márcio Lacerda, esportistas e outras autoridades. Durante a solenidade, o governador Antonio Anastasia assinou um documento ratificando a entrega do estádio, que pertence ao Governo Mineiro, para o Consórcio Arena Independência, formado pelas empresas Ingresso Fácil e BWA Administração de Are-

nas, vencedor da licitação pública, que terá direito a explorar o estádio por dez anos. Depois desse período a administração do estádio voltará para o América Futebol Clube, que detém a concessão do governo estadual por 28 anos, a vencer em 21 de outubro de 2037. O estádio tem, atualmente, capacidade para 23 mil pessoas, pois persiste a polêmica da falta de visibilidade para seis mil torcedores, que terão visão do gramado prejudicada pelas grades de proteção em parte das arquibancadas. No domingo, 6 de abril, América e Atlético fazem a primeira partida da final do Campeonato Mineiro do ano. Localizado entre os bairros Horto e Sagrada Família, na região Leste da capital, o estádio é oficialmente batizado de Raimundo Sampaio. Para o governador Anastasia, “com o Independência em pleno funcionamento, juntamente ao Mineirão, que será entregue no final deste ano, teremos prontos em Belo Horizonte dois estádios modernos preparados para competições internacionais”, comemorou o governador. No topo do Mundo – As obras realizadas no estádio desde janeiro de 2010

abrangeram implantação de cobertura para a totalidade dos assentos; instalação de nova iluminação; novo gramado com sistemas de drenagem e de irrigação recomendados pela Fifa. A cobertura foi feita com material que reduz a emissão de som para a área externa. Os vestiários contam com auditório para entrevistas coletivas. A área de imprensa inclui 16 cabines de rádio e TV e 72 postos de trabalho para a imprensa escrita. Além disso, o estádio Independência contará com duas lojas e 32 bares e lanchonetes em diferentes setores. O acesso do público ao local será feito por seis portões, mas o estacionamento oferece apenas 422 vagas. Desta forma, o público terá que usar o precário sistema de do transporte coletivo, a vantagem é que a estação de metrô Horto está a apenas 600 metros do estádio. O objetivo do governo estadual é que o Independência seja utilizado na Copa das Confederações de 2013 e na Copa do Mundo de 2014, como Campo Oficial de Treinamento (COT), local onde as seleções treinam dias antes do jogo oficial na cidade sede da Copa Fifa 2014.

os bons tempos de Belo Horizonte, o “footing” era uma das maneiras que os rapazes e moças se conheciam, flertavam, namoravam, noivavam, e até resultava em casamentos. Assim, nos primórdios da cidade, com a predominância de funcionários públicos, que foram transferidos de Ouro Preto com a inauguração da Capital, grande parte deles e suas famílias residiam nas imediações do Palácio da Liberdade. Era comum, aos sábados, depois do almoço, cerca das 13 horas, os jovens e as donzelas, acompanhadas da mãe ou de uma responsável, participar do “footing”, entre os jardins da Praça da Liberdade. Os rapazes ficavam parados e as meninas desfilavam, para escolher ou ser escolhida pelo pretendente, através de um galanteio. Quando elas simpatizavam, deixava o lenço cair perto do escolhido e este, além de recolhê-lo, devia entregá-la e iniciar uma conversa, sempre às vistas da acompanhante. Os anos passaram e, com o crescimento da cidade, moradores de outros locais e bairros também promoviam o “footing”. Muito famoso foi o “footing”, no bairro Floresta, nas décadas de 1910 e 20, na Rua Curvelo, entre Avenida do Contorno e Rua Pouso Alegre, onde estava situado o antigo cinema. Este costume era também usual nas décadas de 1940 e 50 na Avenida Afonso Pena, entre ruas Espírito Santo e Rio de Janeiro, no passeio do lado da Igreja de São José. Naquela região, o “footing” também acontecia no passeio da Casa Guanabara, ao lado do recém-construído Edifício Acaiaca. A Praça Floriano Peixoto, no bairro Santa Efigênia, era frequentada, em sua maioria, pelos soldados do Primeiro

Aspecto da Praça da Liberdade Reprodução

Aspecto do antigo Cine Floresta Reprodução

Praça Floriano Peixoto, no Santa Efigênia Batalhão da Polícia Militar, e por moradores daquela região, para o “footing”, nos dias de lazer. O Bairro de Santa Tereza, desde a criação da Paróquia de Santa Teresa e Santa Teresinha, em 1931, o primeiro padre, José de Campos Taitson, criou as “barraquinhas”, no mês de maio, em frente ao prédio da Matriz em construção onde, também, iniciou o “footing”. Os moradores passaram a frequentar a praça do bairro, em 1937 e, nos fins de semana, sábado e domingo, acontecia o “footing”. Dezenas de casamentos resultou

deste convívio social e, na atualidade, centenas de famílias contam a história de seus avós namorando, noivando e se casando, depois de se conhecerem no “footing”, da Praça Duque de Caxias. Entre todos os casais que se conheceram no “footing” o exemplo é Carmino Capuruço e Ângela Gonzaga, ambos falecidos, que se conheceram em 1938, se casaram e deixaram grande descendência no bairro Santa Tereza. (*) Jornalista, pesquisador e escritor da história de Belo Horizonte.


SEGURANÇA PÚBLICA

Belo Horizonte, 2ª Quinzena, abril a 1ª Quinzena, maio, 2012 - Edição N. 55

5

Koban pode ser uma alternativa de segurança na região Nordeste Arquivo TCN

A

pesar das diversas tentativas, sem sucesso, para obter junto à PMMG maiores informações a respeito do possível e novo sistema de policiamento em nossa cidade, o Koban, de origem japonesa, tivemos que basear a nossas informações em dados publicados em uma das edições do jornal Super Notícia. O jornal tem como objetivo mostrar que o sistema Koban pode ser uma opção de policiamento interessante, podendo ser adotada em nossa região, já que dispomos até de um local, público, sua instalação, em imóvel abandonado pela municipalidade, numa das extremidades da passarela da feira dos produtores, na

Imóvel abandonado em área da passarela da Feira dos Produtores, poderia ser uma base fixa da Polícia Militar, proporcionando mais segurança para a população

divisa da Cidade Nova com o bairro Silveira. Mesmo participando e apoiando desde as primeiras horas a implantação do atual policiamento na região, a Rede de Vizinhos Protegidos, o TCN não está abrindo

mão do mesmo e nem de outros formatos de segurança em vigor. Acreditamos que nossa comunidade não pode deixar de buscar sempre mais segurança, e o novo modelo, que está sendo implantado em

outras regiões, será muito bem vindo na Região Nordeste de Belo Horizonte, área carente de maior policiamento. O Koban é uma referência mundial, de prevenção da criminalidade e possibilita maior

aproximação da população com a comunidade visando o combate à criminalidade. Além de funcionar 24 horas, os policiais e os representantes das comunidades visitam residências e comércios, distribuem

dicas de segurança e identificam os problemas locais que podem levar à violência. Iniciativa já testatada – Outros estados, como São Paulo, já tiveram resultados positivos com a metodologia de combate à violência. Na cidade de Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de BH, está em funcionamento no bairro Florença o novo modelo de base comunitária fixa. A unidade conta com 15 policiais que fazem visitas e ações culturais de aproximação com os moradores. Na cidade, a primeira base fixa está prevista para a região de Venda Nova. O TCN disponibiliza o espaço necessário para que a Polícia Militar, caso tenha interesse, nos dê maiores informações a respeito.


6

Belo Horizonte, 2ª Quinzena, abril a 1ª Quinzena, maio, 2012 - Edição N. 55

SALA DE VISITAS

Rômulo (The Gladiator) Romano, da Cidade Nova, é promessa no MMA fotos: Reprodução

É

muito gratificante constatar que jovens talentos aqui de nossa região, estão aí, pelo mundo afora, se esforçando, com muita dedicação, talento e, muitas vezes, sem patrocínio oficial, colaborando efetivamente para que o Brasil tenha o devido respeito e destaque no cenário esportivo mundial. É o caso de nosso amigo Rômulo Romano (23), filho da grande desportista e maratonista Mônica Oliveira, moradores da Cidade Nova. Rômulo, The Gladiator, reside em Las Vegas, nos Estados Unidos desde 2006 e faz parte da equipe do renomado atleta e destaque mundial do UFC/MMA, o brasileiro Vitor Belfort. Desde muito cedo Rômulo começou a treinar Jiu-jítsu e cresceu assistindo às lutas de Vitor Belfort no UFC, no antigo PRID, até em fitas cassetes os eventos do MMA, pois o esporte era pouco divulgado por aqui. “Meu sonho

sempre foi me tornar um grande lutador”, afirma. Tendo Vitor Belfort como amigo, ídolo e mestre, Rômulo segue sua trajetória de sucesso na América. “Com o apoio de Vitor e a ajuda de um parente ganhei moral para começar a carreira. Consegui um emprego e comecei a treinar boxe e wrestling. Seis meses depois fiz minha primeira luta profissional, ainda com 18 anos”. “Assim como muitos brasileiros passei por momentos difíceis e achei que não conseguiria realizar meu sonho, mas não desisto nunca. O Vitor Belfort apostou em mim. Treinei com ele na Xtreme Couture, do Randy Couture, e depois ele criou sua própria equipe. Agora estou recebendo vários convites para participar de alguns eventos”, disse Rômulo Romano, nosso futuro campeão, determinado a buscar uma vaga no Ultimate Fighting Championship. O lutador Rômulo Romano, da Cidade Nova, faz parte do “Team Belfort”, aqui ao lado do mestre Vitor Belfort em Las Vegas, Estados Unidos

Mês das Mães

I l u s i o n i s m o e m a g i a n o X i co d a Ca r n e Divulgação

No Mês das Mães, mágicos renomados se apresentarão em um espetáculo no teatro Izabela Hendrix e intervenções dentro do restaurante fazem parte das atrações

O

Dia das Mães terá uma comemoração diferenciada no Xico da Carne. Durante todo o mês de maio, haverá uma série de ações para presentear e entreter as mamães e seus familiares dentro e fora das unidades do grupo. A magia e o ilusionismo darão o toque especial nessa comemoração. O mágico e ilusionista George Rubadel percorrerá todas as unidades do grupo em dias alternados nos fins de semana, apresentando mágica stand-up junto ás mesas, bem próximo aos clientes. “Vou interagir com as pessoas e diverti-las com alguns truques e ilusões que envolvem moedas, baralhos e até objetos que elas próprias podem emprestar. Também tenho algumas ‘cartas nas mangas’ para surpreender as crianças”, diz Rubadel. Festival de Mágica e Ilusões Além dos shows de mágica, também haverá brincadeiras e ações voltadas para as mamães, que ainda poderão ganhar rodadas de chope, picanha e ingressos para assistir a um Festival de Mágica e Ilusões – outra iniciativa organizada pelo Xico da Carne em comemoração ao Dia das

Mães. “Nosso objetivo é reforçar o restaurante como uma opção de boa gastronomia e entretenimento na capital. Por isso, investimos em ações para todos os públicos”, diz o diretor do grupo, Rodrigo Nascimento. O festival será realizado no Teatro Izabela Hendrix (Rua da Bahia, 2020, Lourdes) e reunirá quatro mágicos e ilusionistas renomados, que se apresentarão nos dias 25 e 26 (sexta e sábado), às 21h, e no dia 27 (domingo), às 19h, com shows divertidos e interativos. Durante o espetáculo, George Rubadel, que é formado pelo Centro Cultural de Artes Mágicas (CECAM) e Diretor Cultural da Academia Mineira de Ilusionismo (AMI), será o mestre de cerimônias e receberá colegas da profissão para entreter o público, entre eles Klauss, Mister Jack e Henry Vargas. Klauss é um jovem carismático e criativo que já foi campeão brasileiro e argentino de mágica, além de ter participado de congresso latino-americano de mágica e do Encontro Mundial de Mágicos. Mister Jack atua como mágico profissional há 14 anos e é presidente da Academia Mineira de Ilusionismo e se destaca por mesclar elementos do teatro, humor e mágica em suas apresentações. Já o campeão internacional de mágica Henry Vargas completará o quadro de atrações. Ele é conhecido por

O mágigo Rudabel em um stand-up, num restaurante suas performances envolventes e, apesar de ter apenas 21 anos, se dedica à arte da mágica há quase dez. Se apresentou em países como Argentina, Peru, Colômbia, Uruguai, Panamá e Estados Unidos. Os ingressos para o Festival de Mágica e Ilusões estão à venda nas unidades do Xico da Carne e custam R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia). Para outras informações sobre os shows, ligar para (31) 9217-6240.

SERVIÇO Calendário de apresentações do mágico Rubadel na unidade Cidade Nova: 04/05 (sexta-feira): unidade Cidade Nova – 21h às 23h 13/05 (domingo, Dia das Mães): unidade Cidade Nova – 13h às 15h. Rua Dr. Júlio Otaviano Ferreira, 772. Fone: (31) 3484 0038.


EMPREENDIMENTOS

Belo Horizonte, 2ª Quinzena, abril a 1ª Quinzena, maio, 2012 - Edição N. 55

o mês de Abril, a hotelaria nacional ganhou mais uma grande bandeira, a Ímpar Hotéis. Empresa 100% mineira e aqui em Belo Horizonte, na Cidade Nova, o público já pode contar com o Hotel Ímpar Suítes, sob a gerência de Pablo Ramos. Localizado na Linha Verde, próximo ao Minas Shopping, sendo o único no sentido aeroporto de Confins. Visando melhor atender seus hóspedes, o Hotel possui apartamentos para portadores de necessidades especiais, apartamentos para não fumantes e um andar feminino. A unidade foi uma das primeiras construídas pela Lei do Solo e valoriza os conceitos de responsabilidade social. O Restaurante Solare, localizado nas dependências do empreendimento e com visão panorâmica para a Serra do Curral, está apto a atender aos hóspedes e público externo em geral,

Ímpar Suítes N Divulgação

alto padrão em hotelaria, aqui na Cidade Nova

7 oferecendo excelentes pratos de almoço executivo e várias opções de saladas e sucos naturais. Nos finais de tarde acontece no Solare o Happy Hour com Buffet de frios e quitutes além de música ao vivo. As suítes do Ímpar Suítes Hotel detêm o que há de mais moderno no ramo hoteleiro. Possuem duas TVs LCD de 32’ polegadas, cama box, cozinha com fogão, forno microondas e ar-condicionado. A decoração ficou a cargo da renomada Tânia Salles. O empreendimento tem capacidade para hospedar até 150 pessoas e dispõe de 96 flats. O Tribuna da Cidade Nova, convidado, se fez presente na concorrida solenidade de inauguração e pode constatar a excelência do novo empreendimento. Um Cinco Estrelas de fato, que coloca nossa região em destaque no ramo da hotelaria e do turismo nacional. Arquivo TCN

Jornalista Eugenio Oliveira, Dr. Otacílio Bicalho, Pablo Ramos, Gerente Geral do Hotel Ímpar Suítes; Cesar Viana, Gerente-geral do Hotel Financial e Marco Aurélio Carvalho, Promoter Fotos: Divulgação

Arquivo TCN

Lançamento do Brasil Sabor 2012 no Espaço Meet Porcão, em BH A Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), repetindo o sucesso das edições anteriores, promoveu na capital mineira o lançamento da 7ª edição do Brasil Sabor com o slogan “Quem tem boca vai a Roma”, festival que faz uma homenagem à influência da cultura italiana na gastronomia brasileira. O concorrido evento (foto) foi realizado no Espaço Meet Porcão BH e contou com a presença de autoridades, imprensa, representantes dos principais bares, restaurantes e empresários do trade turístico mineiro.

Secretário de Turismo de Minas Gerais, Agostinho Patrus e César Tavares, vice-presidente da Vilma Alimentos, prestigiaram o lançamento do Brasil Sabor, no Porcão-BH


LIGUE AGORA & ANUNCIE!

Fa莽a seu neg贸cio mais conhecido

LIGUE AGORA & ANUNCIE!

(31) 3484 0480

(31) 3484 0480

ANUNCIE NO CLASSIBOX TRIBUNA!

(31) 3484 0480


EM TEMPO

9

Belo Horizonte, 2ª Quinzena, abril a 1ª Quinzena, maio, 2012 - Edição N. 55

Vale a Pena Conferir Álbum de Família

Fotos: Arquivo TCN

tigo pleito da comunidade local. No dia 13 de abril, com a Igreja Nossa Senhora Perpétuo Socorro lotada, foram entregues as placas que caracterizam o projeto.

Mais ordem no trânsito do bairro Silveira cipal da ação é o plantio de árvore nativas na região limítrofe e de influência da Estrada Real, proporcionando a recomposição e ampliação vegetal.

Os noivos Tatiana e Marcos Eduardo GRANDE ESTILO Casamento prestigiado foi o do gerente hoteleiro Marcos Eduardo Tavares e da jornalista Tatiana Rocha, ele filho de Lourdes Tavares e Alcides Pereira, ela filha de Luciano Chaves e Vanda Rocha. A emocionante cerimônia foi realizada no último dia 14 de abril na Capela do Colégio Arnaldo, que ficou repleta de amigos e familiares. Após cerimônia religiosa os noivos receberam seus convidados em requintada recepção. No dia seguinte, os noivos embarcaram para uma semana de pura diversão no Caribe. PROJETO ARVORE É VIDA

Especial, o Tenente Jackson Ramos, lideranças e moradores, acaba de implantada a Rede de Vizinhos Protegidos no bairro União, em atendimento a um an-

Colégio M2 de Lagoa Santa, fazendo a diferença O COLÉGIO M2 em Lagoa Santa tem a honra e a satisfação de sediar o Seminário organizado pela EMATER-MG que acontecerá no dia 14 de Maio às 14h no salão Belvedere, oportunidade em que também plantaremos uma árvore nativa nas dependências do COLÉGIO M2.

O ‘Projeto Arvore é Vida’, idealizado pela BPW (International Federation of Business and Professional Women), registrado na ONU e presente em 90 países, da qual faz parte o Brasil (BPW BRASIL) é representado em MG pela ACER (Associação das Caminhantes da Estrada Real). O foco prin-

Comunidade do bairro União, ativa e participativa REDE DE VIZINHOS PROTEGIDOS NO BAIRRO UNIÃO Após seguidas reuniões e grande participação popular, a Policia Militar de Minas Gerais, com o efetivo apoio dos dinâmicos Cap. Luciano, respondendo pelo Comando. da 23ª Cia

BHTRANS ATENDE COMUNIDADE E O TCN A Empresa de Transportes e Trânsito da PBH (BHTrans) começa a colocar o mínimo de ordem no trânsito do bairro Silveira e Nova Floresta, até com sinalizações estatigráficas em alguns cruzamentos. Na Rua Ilacir Pereira Lima, principal do bairro Silveira, é que se constata maiores intervenções. Esperamos que a BHTrans seja firme e tome medidas efetivas no tocante ao estacionamento de veículos, garantindo assim a melhora do fluxo de veículos e de pedestres, em segurança.

Caçamba no meio da rua é perigo na certa FALTA DE BOM SENSO E DE FISCALIZAÇÃO A colocação de uma caçamba em frente a uma construção na Rua São Bartolomeu, quase esquina com Rua Capricórnio, o bairro Nova Floresta é um exemplo claro da falta de bom senso e fiscalização. A Rua São Bartolomeu é uma das principais vias de acessos ao bairro Nova Floresta, com trânsito intenso e conta com uma caçamba ocupa a metade da rua, Se houvesse bom senso e uma fiscalização a caçamba poderia ser colocada na rua Capricórnio, que não tem tráfego algum. Não prejudicaria ninguém, muito menos a construção. Isto se chama ação e cidadania. Notícias para a coluna pelo email: tribunabh@gmail.com


10

LEGISLATIVO MUNICIPAL Belo Horizonte, 2ª Quinzena, abril a 1ª Quinzena, maio, 2012 - Edição N. 55

Câmara Municipal de BH em ação Fotos: Divulgação

ACADEMIA DA CIDADE, PODE CHEGAR AOS BAIRROS CIDADE NOVA E UNIÃO Os moradores dos bairros Cidade Nova e União, e as centenas de pessoas que utilizam a pista de Cooper da Avenida José Cândido da Silveira estão prestes a receber uma boa e importantes notícia vinda da Câmara Municipal.Poderá ser colocado em pauta ainda no mês de maio, para votação em primeiro turno, o Projeto de Lei 1790/2011, de autoria da vereadora Pricila Teixeira e do vereador Leonardo Mattos , que declara de Utilidade Pública e de Interesse Social para Fins de Desapropriação, a área do imóvel invadido há vários anos na avenida José Cândido da Silveira, em frente ao Serpro, no bairro Cidade Nova. Os autores do projeto propõem que parte do terreno seja anexada ao Parque Ecológico da Matinha e outra parte para a construção de uma Academia da Cidade. O Projeto já teve parecer favorável em diversas Comissões e caminha a passos largos para ser levado à apreciação do Plenário brevemente. É grande a expectativa em torno da matéria. Com certeza, será uma grande conquista para toda nossa comunidade e para a Capital mineira.

Vereador Márcio Almeida repercute matéria do TCN no plenário da CMBH Imprensa/CMBH

De posse de um exemplar do jornal Tribuna da Cidade Nova, edição 54, o vereador Márcio Almeida fez uso da palavra e dentre outros assuntos, foi enfático ao cobrar do Executivo Municipal providências urgentes que visem a recuperação dos espaços Públicos destinados ao lazer e entretenimento Vereador Márcio Almeida de nossa comunidade. Em seu pronunciamento, Márcio Almeida frisou que “... comunidade longe das praças , se vocês olharem o cenário, olha aqui, gente, um absurdo isso aqui, parece uma guerra do Iraque, olha os muros como que estão todos pichados, a praça Guimarães Rosa que fica no cidade nova, a praça Madre Paulina, até a imagem de Madre Paulina foi pichada e destruída, olha que ponto nós estamos chegando. Então o poder publico tem que tomar providências”, disse o vereador. O TCN reconhece a coragem e empenho do vereador em tornar nossa região cada dia melhor, mas lamenta informar que, passados mais de 25 dias da publicação, a situação de abandono e descaso em todos os espaços registrados na matéria, é a mesma, cabendo constatar que está faltando à PBH mais ação e mais atenção para com a comunidade e o que é muito sério, às próprias demandas dos vereadores, nossos legítimos representantes.

ANUNCIE NO JORNAL DA REGIÃO NORDESTE DE BH E FALE DIRETO COM SEU PÚBLICO ALVO

(031) 3484 0480

Vereadores Leonardo Matos e Pricila Teixeira querem transformar imóvel abandonado e invadido na Cidade Nova em uma Academia da Cidade

Avenida José Cândido poderá receber novos equipamentos de ginástica Fotos: reprodução

Vereador Bruno Miranda

Vereador Bruno Miranda encaminhou Indicação à Prefeitura de Belo Horizonte – PBH – solicitando a implantação de novos equipamentos públicos de ginás-

O

tica ao longo do Parque Linear da Av. José Cândido da Silveira. Esses equipamentos públicos já existem em praças e parques da região Sul e Central de BH. Caso sejam implantados também na José Cândido, tais equipamentos irão beneficiar os usuários da avenida que praticam caminhadas e atividades físicas diariamente no local. “Estamos aguardando uma resposta positiva da PBH. Pois essa é uma intervenção que irá proporcionar aos usuários do Parque a oportunidade de cuidar da saúde de forma econômica e prazerosa”, ressalta.

Carlúcio quer mais segurança nos shoppings centers de Belo Horizonte De iniciativa do vereador Carlúcio Gonçalves, está em tramitação na Câmara Municipal de BH o Projeto de Lei PL 1949 que trata da criação de uma área de serviço com segurança especial em shopping e grandes centros comercias. Segundo o vereador, o projeto visa abrigar em um mesmo espaço/área, agências bancárias, joalherias, financeiras, cooperativas de crédito, casas lotéricas, de câmbio e caixas-eletrônicos, oferecendo segurança diferenciada para comerciantes e seus clientes. Com a onda de assaltos que paira sobre os shoppings de Belo Horizonte, está passando da hora do projeto ser aprovado e sair do papel, com a máxima urgência.

Vereador Carlúcio Gonçalves


GERAL

Belo Horizonte, 2ª Quinzena, abril a 1ª Quinzena, maio, 2012 - Edição N. 55

11

Cidade Ozanam poderá ser tombada Foto: Reprodução Google

Ação poderá garantir a geração de renda e emprego para a comunidade local

T

ramita na Câmara Municipal de Belo Horizonte um Projeto de Lei propondo o tombamento de todo o conjunto urbanístico e arquitetônico da área onde se encontra localizada a histórica e tão importante Cidade Ozanam, no bairro Ipiranga, região nordeste de Belo Horizonte. Segundo a autora do Projeto, vereadora Pricila Teixeira, o tombamento, além de preservar o conjunto urbanístico e arquitetônico da tradicional Cidade Ozanam, vai permitir que o local continue sendo utilizado como referência na assistência social na capital. “O tombamento é a forma que encontramos para tentar preservar e garantir que a Cidade Ozanam continue prestando um serviço assistencial e de apoio às

pessoas carentes, jovens e idosos de Belo Horizonte, evitando que a área seja objeto de especulação imobiliária”, afirma. Tanto o Projeto de Lei, que já está tramitando, quanto a indicação enviada ao Executivo Municipal, preveem que o tombamento a ser realizado permita que as edificações construídas a mais de oitenta anos sejam utilizadas em conjunto pelos moradores e pelo poder público municipal na promoção de atividades culturais, educacionais e de lazer, viabilizando, inclusive, a geração de renda e emprego para a comunidade local. “A região nordeste é carente de espaços culturais e de lazer e não pode abrir mão desta importante área que faz parte da história da capital”, destaca a vereadora.

Espaço da Cidade Ozanam, no Ipiranga, poderá ser tomabado e transformado em corredor cultural

AD Shopping tem nova administração em Minas

NOTÍCIAS DO ROTARY ATENÇÃO: BAZAR DO DIA DAS MÃES

Fabio Ortolan

partir deste mês, a AD Shopping tem um novo coordenador de administração em Minas Gerais. O profissional que ocupa o cargo é Odair Daroque. Formado em ciências contábeis, Daroque trabalha na AD Shopping desde 2001 e já atuou como gerente-geral do Minas Shopping e do Esplanada Shopping (Sorocaba/SP), além de ter passado por outros shoppings centers. Com o novo coordenador, os empreendimentos da AD Shopping no Estado (Minas Shopping, Ponteio, Pátio Divinópolis, Poços de Caldas e Villaggio Gutierrez) passam a ter maior suporte e acompanhamento. O novo coordenador assume a função em um momento especial, no ano em que o Minas Shopping passa por uma série de mudanças e ações de expansão. Os investimentos são da ordem de R$ 40 milhões e incluem 60 novas lojas e ampliação do estacionamento. Sobre a AD Shopping A AD Shopping é a maior administradora independente de shopping centers do país e está presente nas regiões Sul, Sudeste, Nordeste, Norte e CentroOeste. Com 20 anos de experiência, tem como foco estra-

A

o dia 12/05/2012, sábado, véspera do Dia das Mães, o Rotary Club BH - Cidade Nova, em parceria com a Sociedade São Vicente de Paulo, quer homenagear as mães com um bazar de roupas e acessórios, que serão vendidos a preços simbólicos. Duas boutiques da região doaram grande quantidade de peças para o bazar, novinhas em folha, e particulares também fizeram doações de roupas em bom estado. Ainda aceitamos doações. A renda será repassada pelo Rotary à Sociedade São Vicente de Paulo

N

para obras assistenciais. NÃO PERCAM! Data: 12/05/2012 – sábado Horário: a partir de 9 horas da manhã Local: CRECHE ODETE VALADARES CIDADE OZANAN Endereço: Rua Pio XI, 804 - Bairro Ipiranga. (ao lado da Igreja São Vicente de Paulo - Cidade Ozanan) O Rotary BH – Cidade Nova reúne-se às segundas-feiras, às 19 horas, no Restaurante do Porto, Cidade Nova. Conheçam os nossos projetos sociais.

41ª Conferência Distrito 4520 – Poços de Caldas

tégico planejamento e comercialização na gestão de shopping centers, viabilizando empreendimentos de maneira a torná-los rentáveis e bem conceituados no mercado. Para isso, a administradora utiliza o know-how de uma equipe totalmente afinada com o varejo, sem qualquer vínculo com grupos empresariais ou de incorporadores. Tem foco em resultados positivos, em ações estruturadas a partir de pesquisas aprofundadas, na obediência aos critérios éticos, mercadológicos, jurídicos e de segurança para todos os envolvidos. A AD Shopping se baseia na satisfação plena de empreendedores e lojistas a partir de passos conscientes e resultados otimizados.

Foi realizada, em Poços de Caldas, a XLI Conferência Distrital (D 4520) do Rotary, com o lema “Conheça a Si Mesmo para Envolver a Humanidade”. Estiveram presentes vários companheiros do Rotary Club BH – Cidade Nova, entre eles, o Professor Marcos Cláudio, que foi homenageado como “Patrono” da Conferência, pelos serviços prestados à organização.

Professor Marcos Cláudio, do Rotary Cidade Nova, recebendo a justa homenagem


TRIBUNABH-ED55  

SEGURANÇA PÚBLICA - Koban na Cidade Nova

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you