Page 1

Workshop em

Borbense ganha na Giesteira [pág. 8]

Publicação quinzenal I Propriedade: Mediaborba, Lda. I Director: David Guégués

Estremoz sensibiliza população para o exercício de uma cidadania mais plena [pág. 7]

Campo Maior analisa voluntariado

[pág. 5]

Ano XVI I Nº. 430 I 14 de Outubro de 2010 I Preço (IVA incluído): 0,50 euros I terrasbrancas@net.sapo.pt

Autarcas alentejanos defendem a regionalização [pág. 6]

Borba elege a janela mais florida da cidade [pág. 3]

Município de Borba instala equipamentos geriátricos [pág. 6]

Vila Viçosa isenta empresas do concelho do pagamento da derrama e reduz 1% da carga fiscal [pág. 6]


2

Ano XVI I Nº. 430 I 14 de Outubro de 2010

[Editorial] “Vendedores da banha da cobra” Muito embora se deva viver a vida, segundo a segundo e da melhor forma possível, isto é, duma forma saudável, não prejudicando nada nem ninguém e, se possível, contribuindo duma forma positiva de alguma maneira para que o “nosso” Mundo seja um pouco menos mau e, actualmente, neste caos total (não só a nível económico), mas principalmente, sob o ponto de vista social, podíamos colaborar para minimizar muitas das grandes faltas de apoio solidário. Mas, tais gestos, também poderiam ser entendidos como “interventivos e com segundas intenções” por aqueles a quem, por direito (ou não), deviam cumprir, pelos menos moralmente, com o que apregoam, mas, esses, também já vão sendo conhecidos por muitos que se vão apercebendo daquilo que, na realidade, fazem e aquilo que dizem fazer. DG

Restaurante Churrasqueira Irmãos Broa, Lda - Vila Viçosa Grelhados de Porco Preto - Frango na Brasa - Bacalhau à Casa Carpa à Casa - Coelho na Caçarola Largo Gago Coutinho, 40 - A

Telef.: 268 980 355 / Telem.: 938 607 853

Agência de Viagens e Turismo Rainha Santa Isabel Largo Combatentes da Grande Guerra, 9 e 10 7100 - 111 Estremoz Telefone: 268 333 228 | Fax: 268 333 285

* Quinta da Malafaia – Arraial Minhoto – De 16 a 17 de Outubro * Fim de Semana em Fátima – Dias 16 e 17 de Outubro * Excursão ao Santuário de Fátima – Dia 17 de Outubro * Fim de Semana no Vale do Sousa – Quinta da Aveleda – Dias 23 e 24 de Outubro * Marina D´Or – Oropesa del Mar – De 24 a 31 de Outubro * Feira dos Santos em Chaves - Noite de Halloween no Barroso com a presença do Padre Fontes – De 30 de Outubro a 1 de Novembro * O Melhor do Egipto – De 28 de Outubro a 4 de Novembro * Santiago de Compostela e Rias Baixas – De 30 de Outubro a 1 de Novembro – XACOBEO * Feira dos Santos em Chaves – Conversa à lareira com a presença de Pe. Fontes – De 30 de Outubro a 1 de Novembro * Madrid e El Escorial – De 30 de Outubro a 1 de Novembro * Feira do Cavalo da Golegã – Dias 6 e 7 de Novembro * Fim de semana em Sevilha – Dias 6 e 7 de Novembro – Cruzeiro no Guadalquivir e Espectáculo de Sevilhanas * Feira da Castanha de Marvão – Dia 13 de Novembro – Almoço e tarde dançante no Sobreiro * Fim de semana de S. Martinho – Feira de Penafiel e Felgueiras – Dias 13 e 14 de Novembro * Almoço de S. Martinho da Sertã – Restaurante Ponte Velha – Dia 14 de Novembro * FADO A HISTÓRIA DE UM POVO – Casino do Estoril – DIA 28 DE NOVEMBRO – ÚLTIMOS LUGARES Consulte-nos para mais informações e detalhes!

MUNICÍPIO DE BORBA Praça da República - 7150-249 Borba . Telef.: 268 891 630 . Fax: 268 894 806 . e-mail: angelo.sa@cm-borba.pt http://www.cm-borba.pt - Contribuinte n.º 503 956 546

EDITAL A Câmara Municipal de Borba, reunida ordinariamente em 29 de Setembro de 2010, pelas 10:00 horas, no Salão Nobre dos Paços do Município, estando presentes os Senhores vereadores Artur João Rebola Pombeiro, Humberto Luís Russo Ratado, Rosa Maria Basílio Vestia e Joaquim José Serra Silva, sob a presidência do Senhor Ângelo João Guarda Verdades de Sá, e em conformidade com o nº.4 do artigo 92º da Lei nº.169/99 de 18 de Setembro na nova redacção dada pela Lei nº.5-A/2002, de 11 de Janeiro, torna público que foram tomadas as seguintes deliberações relativamente aos pontos abaixo indicados: Ponto 1. Período de Antes da Ordem do Dia: Neste período o Senhor Presidente propôs uma rectificação ao ponto 2.4 da ordem do dia, passando o mesmo a ter o seguinte teor: “Ratificação de Contrato de Cedência de Espaço”. Foi a mesma aprovada por unanimidade. Ponto 2. Ordem do Dia: Ponto 2.2 – Aprovação de Normas de Participação para a Festa da Vinha e do Vinho Gastronomia – Deliberado, por unanimidade, aprovar as referidas Normas. Ponto 2.3 – Fixação de Preços de entradas na Festa da Vinha e do Vinho – 2010 – Deliberado, por maioria, aprovar a proposta de Fixação de Preços de entradas no referido evento. Ponto 2.4 – Ratificação de Contrato de Cedência de Espaço – Deliberado, por maioria, ratificar o referido Contrato. Ponto 2.5 – Aprovação de Contratos-Programa de Desenvolvimento Desportivo: a) entre a Câmara Municipal de Borba e o Sport Clube Borbense – Deliberado, por unanimidade, aprovar o referido Contrato-Programa. b) entre a Câmara Municipal de Borba e o Grupo Desportivo e Cultural de Rio de Moinhos – Deliberado, por unanimidade, aprovar o referido Contrato-Programa Ponto 2.6 – Aprovação de Protocolo a estabelecer entre o INOVINTER e a Câmara Municipal de Borba – Deliberado, por unanimidade, aprovar o referido Protocolo. Ponto 2.7 – Aprovação de Minuta de Protocolo a estabelecer entre o Governo, o Município de Borba e a Agência para a Modernização Administrativa – Deliberado, por unanimidade, aprovar a referida Minuta de Protocolo.

SEDE: Av. do Povo, 48 a 52 - 7150 BORBA – Telefs.: 268894218 – 268894644 – Fax: 268894644 DELEGAÇÃO: Rua Combatentes Ultramar, 30 – Telef./Fax: 268801493 RIO DE MOINHOS

Para conhecimento geral se publica o presente edital e outros de igual teor, que vão ser afixados nos lugares do costume. Borba, 30 de Setembro de 2010 O Presidente da Câmara __________________________ (Dr. Ângelo João Guarda Verdades de Sá)


Ano XVI I Nº. 430 I 14 de Outubro de 2010

[Notícias] Autarquia de Borba repara caminho rural que liga Orada à Esteveira Na passada semana, a autarquia de Borba terminou a reparação do caminho rural entre a Estrada Municipal 506, que liga a Orada a Santo Aleixo, e o Monte da Esteveira. A intervenção decorreu numa extensão de 3 km’s, com colocação de tout-venant e construção de um pontão para encaminhamento de águas pluviais. Este caminho é bastante utilizado para os acessos a propriedades agrícolas, permitindo ligar por caminhos rurais a Orada à sede de concelho

e à Albufeira do Monte Branco. Já em 2004 a autarquia havia efectuado a reparação do caminho, mas o avançado estado de degradação obrigou agora à realização de uma nova intervenção. Esta tem sido uma área com particular atenção da autarquia, melhorando e mantendo as acessibilidades rurais do concelho, como apoio ao desenvolvimento das actividades económicas e contribuindo para a redução de incêndios florestais.

Artista borbense, João Ficalho lança novo CD No próximo dia 30 de Outubro, o artista borbense João Ficalho apresenta o seu segundo CD, numa parceria com o Sport Clube Borbense, realiza-se nesse dia, pelas 22 horas, no Pavilhão de Joaquim Mendes, uma Grande Noite de Fados. Neste espectáculo poderá assistir á actuação de vários fadistas amigos, como José da Câmara, José Geadas, António Vieira, Patrícia Leal, Ana Rita, Geninha Tiago, e da sua filha, Paula Ficalho. Jorge Silva, João Esquetim, Jaime Santos e o prof. Joel Pina encarregam-se dos instrumentos que abrilhantarão esta noite que se espera, memorável. O preço por mesa, de quatro pessoas fica a 40 euros, e inclui pão, linguiça, vinho e caldo verde. Para efectuar reservas deverá ligar para o

927742277 ou através scborbense@gmail.com.

do

email

Alunos das Escolas do concelho de Borba comemoram o primeiro centenário da República No passado dia 4 de Outubro, pelas 11 horas, todas as crianças das escolas do concelho de Borba dirigiram-se para a Praça da República, em frente á Câmara Municipal, onde entoaram o Hino Nacional, e agitaram bandeiras de Portugal. A assistir estava o Presidente da Câmara, Ângelo Sá, o Vereador, Humberto Ratado, o Director do Agrupamento de Escolas, Agnelo Baltazar, o Comandante da GNR, Vitor Rato e o Comandante dos Bombeiros Voluntários de Borba. Vestidos a rigor, com blusas verdes e vermelhas, os alunos cantaram “A Portuguesa” e desfilaram pelas ruas da cidade agitando as bandeiras portuguesas, antecipando a comemoração do primeiro centenário da proclamação da República em Portugal.

3

Borba elege a janela mais florida da cidade Chegou ao fim mais um concurso Borba Florida 2010. Depois de avaliadas as janelas e varandas onde estavam expostas as flores, o júri deliberou a atribuição dos três primeiros lugares aos seguintes: 1º Prémio – Maria Adelaide Cochiccho 2º Prémio – Maria do Carmo Ramos Alpalhão 3º Prémio – João Manuel Ficalho Durante os meses de Maio e Setembro, o Júri do concurso efectuou três visitas aos inscritos, avaliando a evolução/manutenção da floração, enquadramento, conjugação de espécies e coloridos e o estado fitossanitário, distinguindo as

três melhores varandas e janelas. Todos os conjuntos de floreiras a concurso foram fotografados para a exposição que está a patente no Palacete dos Melos, até 17 de Outubro. A entrega dos prémio decorreu no passado dia 8 de Outubro, pelas 18 horas, no Palacete dos Melos, mesmo dia da inauguração da exposição de fotografias “Borba Florida 2010”. Além dos prémios atribuídos aos três vencedores, todos os participantes receberam um diploma e prémio de participação.

Exposição "Selecção de Cerâmicas em reserva" na Galeria Municipal D. Dinis em Estremoz Até 07 de Novembro, a Galeria Municipal D. Dinis, recebe a exposição “Selecção de cerâmicas das Reservas do Museu Municipal de Estremoz”. Nesta mostra, vão estar expostas mais de 90 peças, que irão dar a conhecer o vasto acervo museológico cerâmico (Figurado, Olaria e Faiança de Estremoz) em Reserva nos Museus da Câmara Municipal de Estremoz. Após a exposição da colecção de desenho (na Sala de Exposições Temporárias do Centro Cultural Dr. Marques Crespo), com origem nas Reservas do Museu de Estremoz, também esta nova exibição, vem sublinhar e reforçar a qualidade e a riqueza do acervo fora do olhar habitual do público. Proporcionar ao visitante a oportunidade de conhecer e apreciar as colecções do Museu, é o objectivo fundamental destas mostras. Uma organização da Câmara Municipal de Estremoz, através do Museu Municipal de Estremoz Prof. Joaquim Vermelho.

Município de estremoz cria estacionamentos no espaço de terra batida do Parque Desportivo Municipal O espaço, actualmente revestido de terra batida, encontra-se inserido no Parque Desportivo Municipal, delimitado pela Estrada Nacional 18, pelo Pavilhão Desportivo Municipal, pelos Campos de Ténis e pela Piscina Municipal e possui uma área de cerca de 3200 m2.

Atendendo às características dos equipamentos existentes, este espaço é bastante solicitado, quer em termos de circulação de veículos, quer em termos de estacionamento. Para dar resposta a estas necessidades, a Câmara Municipal de Estremoz procurou encontrar


4

Ano XVI I Nº. 430 I 14 de Outubro de 2010

soluções para o problema de estacionamento e, em simultâneo, garantia de um espaço mais amplo, mais limpo e que permita a circulação do trânsito em condições de segurança e com maior fluidez. O projecto prevê a criação de estacionamento em toda a zona de intervenção, com uma capacidade de 71 lugares para veículos ligeiros, 2 para veículos pesados, 1 para cargas e descargas e 3 para cidadãos com mobilidade reduzida. Está previsto, para esta obra, um investimento de 126.580,50 euros e um prazo de execução 90 dias. A Câmara Municipal de Estremoz pede desculpa pelo incómodo que estas obras possam causar, mas as mesmas contribuirão para o bem-estar e

para a melhoria da qualidade de vida de todos os munícipes.

paradigmas de desenvolvimento, e a ideia de apostar nas pessoas e no conhecimento que produzem é sem dúvida das mais inspiradoras e mobilizadoras para o momento que atravessamos” salientou o Presidente da Autarquia alandroalense, adiantando ainda que “ cabe aos governos nacionais e locais criarem condições de excelência para que a educação no nosso país seja cada vez melhor”. De referir ainda que a Câmara Municipal de Alandroal está empenhada em concluir a renovação da rede escolar do concelho que se encontrava no

grande impasse no início do mandato. Assim, depois de quase um ano de trabalho para ultrapassar os problemas herdados com estas obras, vão ser reiniciadas nos próximos dias as obras do Centro Escolar de Santiago Maior. O bloco de pré-escolar da EBI Diogo Lopes de Sequeira será iniciado até ao final do ano e também já existe um acordo entre a autarquia e a Direcção regional de Educação do Alentejo para a construção do Pavilhão Gimnodesportivo e os arranjos exteriores da referida escola.

Câmara de Alandroal assinala o ano Europeu de Combate à Pobreza e Exclusão Social Como é sabido, a pobreza e exclusão social continuam a afectar milhões de pessoas em todo o mundo e largos milhares em Portugal. Sendo um problema transversal que, directa ou indirectamente, afecta toda a sociedade, é fundamental que se unam esforços para o combater. Por isso mesmo, a Rede Social de Alandroal associou-se à Rede Europeia Anti-Pobreza nas comemorações do Ano Europeu do Combate à Pobreza e Exclusão Social. Assim sendo, a Câmara Municipal de Alandroal, como coordenadora da Rede Social, preparou, em articulação com as restantes entidades da Rede Social, um conjunto de actividades, a realizar em vários dias, e que se destinam a assinalar as comemorações do “2010 Ano Europeu do Combate à Pobreza e Exclusão Social”. O auditório do Fórum Cultural de Alandroal recebeu, no passado dia 6 de Outubro, a peça de teatro “Se o mundo fosse bom, o dono morava nele”, pelo CENDREV (Centro Dramático de Évora). O espectáculo, que volta a estar em cena no concelho no próximo dia 22 de Outubro vai estar em cena na Casa do Povo de Santiago Maior, foi uma das iniciativas que a Câmara Municipal de Alandroal organizou para assinalar as comemorações do Ano Europeu Contra a Pobreza e Exclusão Social. Ao longo de mais de uma hora de espéculo, o público presente, que enchia quase por completo o auditório do Fórum alandroalense, vibrou com o empenho dos actores em cada cena da peça. “Se o mundo fosse bom, o dono morava nele” é uma peça escrita a partir de textos de Ariano Suassuna, referência incontornável da dramaturgia brasileira, Januário de Oliveira e Gil Vicente. A interacção com o público, a fusão de actores, bonecos e músicos,

subvertendo as unidades de tempo, lugar e acção, deixando soltar-se a imaginação dos espectadores, foram as imagens de marca do espectáculo. O tema central da peça é o “desconcerto” em que o mundo mergulhou, onde os valores morais são, muitas vezes, substituídos por valores menos nobres, e onde se privilegia o material em detrimento do espiritual. A peça tem encenação de José Russo e Maria Marrafa, com cenografia, figurinos e bonecos de Inês de Carvalho. Alguns dias depois, no dia 17 de Outubro, tem lugar um encontro de poetas populares, que vai acontecer em Ferreira de Capelins. Também neste dia terá lugar a abertura de uma exposição de fotografia, subordinada ao tema “Pobreza e Exclusão Social”.

Fundação Eugénio de almeida expõe "A Magia de M.C. Escher" A Fundação Eugénio de Almeida inaugurou no passado dia 08 de Outubro, a Exposição “A Magia de M.C. Escher”, uma mostra composta por litografias e xilogravuras do artista que jogava com a arquitectura, a perspectiva e os espaços impossíveis. Famoso pelas estruturas impossíveis, representadas no famoso quadro Relativity onde escadas sobem e descem em todas as direcções, e por desafiar as leis da perspectiva através da exploração do espaço tridimensional, na inevitável bidimensionalidade do papel, a obra de M.C. Escher traduz uma observação afiada do mundo e a expressão da sua própria fantasia. Tower of Babel; Day and Night; Drawing Hands e Relativity, são algumas das 50 pinturas que estão patentes no Fórum Eugénio de Almeida até 30 de Janeiro de 2011, e que transportarão o visitante para o mundo de ilusões espaciais de M.C. Escher,

Alandroal comemorou Centenário da República com inauguração de uma escola O passado dia 5 de Outubro, data em que se assinalou o Centenário da República Portuguesa, foi a data escolhida para a inauguração das novas instalações da Escola Básica Diogo Lopes de Sequeira, no Alandroal. A Cerimónia, que decorreu nas instalações da escola, contou com a presença do Ministro da Agricultura, António Serrano. A inauguração da Escola Diogo Lopes de Sequeira integrou a iniciativa de inauguração simultânea de 100 escolas e Centros Escolares em todo o Pais, no âmbito das Comemorações do Centenário da Republica, e em que se pretendeu homenagear os ideais republicanos. O Presidente da Câmara Municipal de

Alandroal, João Grilo, salientou que “de entre os ideais republicanos que se foram afirmando na nossa sociedade, um dos mais marcantes, foi, sem dúvida, o desígnio da educação universal e da escola pública e a sua força e importância para a construção de um país virado para o futuro”. “Foi, por certo, neste pressuposto que o Governo decidiu, em boa hora, lançar esta iniciativa de inaugurar 100 escolas no país, nos 100 anos da república, a que a Câmara Municipal de Alandroal desde logo se associou”, adiantou ainda o autarca alandroalense. Para João Grilo, “a educação é um factor determinante para o sucesso de uma sociedade. Para ultrapassarmos a crise que Portugal e a Europa enfrentam são necessários novos

onde a geometria se transforma em arte e a arte em geometria. Sem formação matemática, os trabalhos de M.C. Escher constroem-se, no entanto, sobre o fascínio por alguns objectos e conceitos matemáticos como o infinito, rotações ou simetrias, conciliando de forma extraordinária o universo artístico e o matemático. Um atracção tão forte que o levou a ser admirado por matemáticos e cientistas, acabando por se inspirar nas suas novas descobertas de que é exemplo a pintura “Waterfall”, baseada na figura do Tribar. Para M.C. Escher a realidade pouco interessava, antes pelo contrário, preferia criar mundos impossíveis que apenas parecessem reais. Eis porque se tornou uma espécie de mágico das artes gráficas. Além de artista gráfico, M.C. Escher ilustrou livros, desenhou tapeçarias, selos postais e murais.

AUTO PERNAS COMÉRCIO DE AUTOMÓVEIS Novos e Usados - Compra, Vende e Troca CARROS A GASOLEO 5 LUG Peugeot 206 HDI (2002) Audi A4 com A/C (1995) Fiat Palio Weekend (1999) Fiat Palio 1.7 TD (1998) Renault Scénic (2004) Citroen Xsara Picasso (2004) Volkswagen Golf com A/C (1996) Seat Cordoba (2000) Peugeot 206 (2002) Volkswagen Golf com A/C (1996) Lancia Muso Multijet (2004) Citroen Saxo (1998) Peugeot 406 HDI 7 lug. (2000)

JEEPS E CARRINHAS Nissan D 22 4x2 Cab. Dupla (1999) Nissan Terrano (1998) Vende-se também Caravana PYC com Ar Condicionado de 4 lug. em muito bom estado.

Fiat Strada (2000)

CARROS A GASOLINA Opel Astra Caraven (1999) Volkswagen Polo (2002) Citroen Saxo (2000) Renault clio (2004) Fiat Punto (2006) Citroen C3 (2003)

CARROS A GASOLEO 2 LUG. Volkswagen Cady SDI Isotérmica (1997) Renault Clio (1998)

Quinta do Araújo - Frandina ESTREMOZ Telef.: 268 324 823 Telm.: 964 038 258 / 934 810 836 auto-pernas@hotmail.com


Ano XVI I Nº. 430 I 14 de Outubro de 2010

Universidade de Évora vai atribuir honoris causa ao geógrafo Jorge Gaspar A Universidade de Évora vai atribuir o grau de Doutor honoris causa ao Prof. Jorge Manuel Barbosa Gaspar, conceituado geógrafo português e académico com ligações ao Alentejo. O patrono é Francisco Ramos, professor de Sociologia da Universidade de Évora. A cerimónia de atribuição do grau decorre no dia 1 de Novembro, dia da UE. Na proposta de atribuição do grau de doutor honoris causa ao Prof. Jorge Gaspar é destacado o “prestígio nacional e internacional” e a sua

dedicação ao ensino, investigação e serviço à comunidade. Para além disso, é considerado o mais “conceituado geógrafo português vivo”, com “ligações profissionais e afectivas ao Alentejo” tendo a sua tese de doutoramento versado a “Área de influência de Évora - Sistemas de funções e lugares centrais”. Jorge Gaspar fez ainda investigação e coordenou vários estudos sobre a temática alentejana, tendo colaborado com a UE em ensinos pós-graduados.

XIII Jornadas Internacionais "Escola Música da Sé de Évora" tiveram grande êxito

A Associação Eborae Mvsica promoveu, entre 2 e 5 de Outubro, as XIII Jornadas Internacionais “Escola de Música Sé Évora” que decorreram com grande êxito. Durante quatro dias cerca de cinquenta participantes e maestros prepararam obras de Estêvão Lopes-Morago que apresentaram no Concerto Final. As conferências por Bernadette Nelson e Owen Rees e os Concertos pelos Grupos The Huelgas Ensemble, Grupo Vocal Olisipo, The Brabant Ensemble, Coro Polifónico Eborae Mvsica e Coro dos Participantes contaram com uma assistência superior a mil pessoas. O Convento dos Remédios e a Sé de Évora foram os espaços onde directores de Coros, membros de Coros, profissionais e amadores de Canto, professores de Educação Musical, os Maestros Peter Phillips, Owen Rees, Paulo

5

Workshop em Campo Maior analisa voluntariado A Associação Coração Delta com o apoio do Grupo Nabeiro, organizou no passado dia 1 de Outubro, o Workshop “Inovar para as redes de voluntariado – um desafio para todos”, que decorreu nas instalações da Adega Mayor, em Campo Maior. A iniciativa, orientada pela Dr.ª Elza Chambel, Coordenadora Nacional para o ano Europeu do Voluntariado, contou com a participação de mais de 50 instituições de solidariedade social da região de Portalegre. O Workshop foi organizado pela Associação Coração Delta, com o apoio do Grupo Nabeiro visou preparar as instituições da região para o ano Europeu do Voluntariado que

se assinala em 2011. Enquadrada na política de responsabilidade social do Grupo Nabeiro, a acção reforça o compromisso do Grupo no apoio à terceira idade e é considerado por Elza Chambel “uma prática exemplar, que gostaria de ver florescer em todas as empresas”. A sessão de encerramento foi presidida pelo Comendador Rui Nabeiro, Presidente do Conselho de Administração do Grupo Nabeiro Delta-Cafés, que aproveitou a oportunidade para reafirmar o esforço do Grupo na sensibilização da sociedade para as dificuldades da terceira idade.

Lourenço, Paul van Nevel e Pedro Teixeira, os Grupo Vocais profissionais e o público, voltaram a afirmar, mais uma vez, que a Polifonia da Escola de Música da Sé de Évora, dos séculos XVI e XVII, é um património artístico com valor universal e que a sua valorização e divulgação é importante e necessária. Este ano o compositor estudado nas Jornadas foi Estêvão Lopes-Morago. As XIII Jornadas são co-financiadas pelo QREN, através do INALENTEJO. A Associação Eborae Mvsica é uma estrutura financiada pelo Ministério da Cultura, Direcção Geral das Artes e Direcção Regional da Cultura do Alentejo. As Jornadas têm o Apoio da Câmara Municipal de Évora, Cabido da Sé de Évora, Antena 2, Fundação Eugénio de Almeida, Fundação Casa de Bragança, Cafés Delta, Caixa Geral de Depósitos, Rádio Diana e Diário do Sul.

Rua Rodrigo da Cunha Ferreira, 10 7150 - 169 Borba Telefs: 268 890 375 / 475 Fax: 268 890 381

CONSULTAS CARDIOLOGIA Dr. José de Aguiar (Évora)

GASTRENTOLOGIA Dr. Paulo Maia (Portalegre)

CONSULTA DE DIABETES Dr. Pintão Antunes

ORTOPEDIA Dr.Mário Ramos

EXAMES RADIOLOGIA CONVENCIONAL ECOGRAFIA MAMOGRAFIA ECOCARDIOGRAFIA

TAC DENSITOMETRIA ÓSSEA

PEDIATRIA Dr. Felix Romero Vivas, Dr. Manuel Escobar Bejarano e Dr. Francisco Ruiz Niñas (Complexo Infanta Cristina)

NUTRICIONISTA Dr. João Sampaio

PSIQUIATRIA Dr.Prata de Matos (Évora)

CONVENÇÕES: ARS, ADSE, ADMG, PT-ACS, SSCGD, SAMS QUADROS, MÉDIS, ADVANCECARE

ACORDOS - COMPANHIAS DE SEGUROS (SEGUROS DE ACIDENTES) Médis Acidentes, Fidelidade-Mundial, Tranquilidade, Império-Bonança, Global, Rural, Lusitania, Europeia, Allianz, Royal Exchange,

ECODOPPER A CORES

OTORRINOLARINGOLOGIA Dr. Alfonso Ambel (Badajoz)

ACORDOS

ENDOSCOPIA / COLONOSCOPIA

NUTRICIONISTA Dr. João Sampaio

CONSULTA DE DIABETES Dr. Pintão Antunes

RADIOLOGISTAS: Dr. António Lopes (Beja) / Dr. Francisco Mancha (Cáceres) / Dr. José Filipe (Beja) / Dr. Enrique Fernandez (Badajoz)

ORTOPEDIA Dr. Mário Ramos

ELECTROCARDIOGRAFIA CARDIOLOGISTA

MEDICINA DO TRABALHO

Dr. José de Aguiar (Évora)

ANÁLISES CLÍNICAS

Évoralabor


6

Ano XVI I Nº. 430 I 14 de Outubro de 2010

Autarcas alentejanos defendem António a Gonçalo Passinhas regionalização Ventura Jornalista da RTP Cerca de uma centena de actuais e ex-autarcas

da região Alentejo dos mais diversos partidos reuniram este Sábado, em Alcáçovas, com o objectivo de lançar uma Plataforma de Intervenção dos Antigos Autarcas do Alentejo, congregadora dos antigos Presidentes de Câmara que, sem pretensões de protagonismos inconsequentes, possa no plano cívico contribuir para um melhor aproveitamento dos seus conhecimentos e experiências para a afirmação do Poder Local democrático e para o desenvolvimento regional. Para a realização deste almoço/encontro foi escolhido um local com história, o Monte do Sobral, onde em 1973 decorreu a primeira reunião do movimento dos capitães, cuja acção culminaria na madrugada de 25 de Abril de 1974. De acordo com a mensagem distribuída pela Comissão Organizadora do Encontro, o Poder Local “ganhou forças e cresceu, passando a ser considerado como uma das maiores conquistas do 25 de Abril. Foi o melhor que se enraizou nas populações e a que melhor contribuiu para a concretização de dois dos três “D’s” preconizados pelo MFA – a Democracia e o Desenvolvimento”, reconhecendo e enaltecendo o enorme trabalho desenvolvido no Alentejo pelos autarcas que ao longo destes 36 anos passaram pelas autarquias. “Quantas vezes, com uns parcos cobres provenientes da participação autárquica nas receitas dos impostos pagos pelos cidadãos ou

provenientes de ajudas comunitárias, não multiplicámos o investimento público, não contribuímos de forma muito objectiva para que cada euro nas mãos da Administração Local valesse bem mais”, reconhecendo que “nem sempre conseguimos fazer tudo quanto gostaríamos, poderíamos ou deveríamos ter feito”. Sem ter conseguido evitar o progressivo despovoamento da região, os autarcas consideram que “a inexistência de uma estratégia de desenvolvimento regional por parte da Administração Central e de políticas favoráveis à concentração nos grandes centros urbanos e no litoral são as principais causas desse processo”. O movimento defende a criação de um Código Autárquico, que reúna toda a legislação a aplicar pelas autarquias, considerando que esta velha reclamação se mantém actual e pertinente e que as alterações à legislação autárquica “nem sempre têm sido as mais adequadas aos pressupostos anunciados da melhor prestação de serviços às populações, do melhor aproveitamento dos recursos disponíveis, do combate à corrupção e outras práticas lesivas do erário público e do interesse colectivo”. Alguns autarcas manifestaram a intenção de que o encontro fosse além do almoço e convívio, mas que se apresentassem algumas conclusões que integrassem as preocupações e perspectivas relativamente ao Poder Local democrático, ao Alentejo e à eventual intervenção nas áreas que

merecessem consenso generalizado. Para reflexão, foram apresentadas algumas ideias tendo e vista um entendimento, para adopção, com urgência, de uma Estratégia Nacional de Desenvolvimento Regional que combata o despovoamento e a desertificação do Interior e promova o desenvolvimento equilibrado e integral do País, retomar o processo de criação e instituição das Regiões Administrativas, consolidar o Poder Local

democrático na lógica dos governos locais, de maior aproximação do poder das populações e da maior participação destas nas principais decisões sobre o futuro colectivo e de promover a concertação dos poderes locais com o Poder Central e com os agentes económicos e sociais, com vista a um melhor aproveitamento dos recursos disponíveis para o desenvolvimento do Alentejo. J.O.

Município de Borba Vila Viçosa isenta instala equipamentos empresas do concelho geriátricos do pagamento da derrama e reduz 1% da carga fiscal

A partir de agora os munícipes do concelho de Borba podem efectuar exercício físico ao ar livre, em vários espaços públicos da cidade e freguesias do concelho. Foram instalados oito equipamentos geriátrico no Jardim Municipal de Borba onde é possível realizar diversos tipos de exercícios que fomentam a eliminação de gorduras e uma maior autonomia dos gestos diários. Nos restantes espaços verdes do concelho, foram tanbém instalados pedais junto dos bancos para realização de exercício a nível dos membros inferiores. Criados como um novo conceito de socialização nos parques e jardins públicos, os equipamentos geriátricos respondem às necessidades de praticar actividades físicas, transformando-as em convívio agradável. Com este objectivo, está também a ser criado no Parque Desportivo de Borba um equipamento

lúdico destinado à prática de mini-golf, com a construção de 18 pistas. Estes equipamentos foram implementados pelo projecto supra-concelhio Zona dos Mármores – Desenvolvimento Social, a decorrer no âmbito do programa Contratos Locais de Desenvolvimento Social, coordenado pela Associação de Desenvolvimento Montes Claros, que abrange os Municípios de Borba, Alandroal, Estremoz, Vila Viçosa e Sousel. O financiamento destes projectos assume duas vertentes de financiamento, uma verba proveniente dos resultados líquidos da exploração dos jogos sociais e uma verba proveniente do Programa Operacional Potencial Humano (POPH). Os equipamentos agora instalados no concelho de Borba são financiados exclusivamente por verbas provenientes dos jogos sociais, num investimento de 44 mil euros.

O Município de Vila Viçosa aprovou este mês a isenção das empresas sedeadas no concelho do pagamento da derrama no próximo ano fiscal. Uma medida que pretende apoiar o desenvolvimento do tecido empresarial já existente, estimular a criação de emprego e atrair novos investidores. Em 2011, as empresas sedeadas em Vila Viçosa vão ficar isentas do pagamento da derrama, uma isenção que significa uma redução de 1,2 por cento nos encargos das empresas em relação ao ano fiscal transacto. A derrama é um imposto local, autárquico, que pode ser lançado anualmente pelos municípios, até ao limite máximo de 1,5 por cento sobre a colecta do Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Colectivas (IRC). A isenção fiscal, proposta pela Câmara e aprovada pela Assembleia Municipal, revela “a abertura do Município ao investimento empresarial, através da criação de condições favoráveis à instalação de novas empresas”, declarou o vice-presidente da autarquia, Francisco Chagas. A autarquia calipolense aprovou ainda a redução em um ponto percentual da carga fiscal em sede de IRS para a população residente no concelho, no ano 2011. A Câmara Municipal de Vila Viçosa deliberou, em reunião ordinária, fixar em quatro por cento, no ano de 2011, a participação no IRS dos sujeitos passivos com domicílio fiscal na área geográfica do concelho, a proposta já foi apresentada e aprovada em Assembleia Municipal.

Ao estabelecer uma taxa inferior à definida na lei, a autarquia calipolense alivia em um ponto percentual a carga fiscal dos munícipes, que vêem o produto da diferença de taxas e a colecta líquida ser considerado como dedução à colecta do IRS, a favor do sujeito passivo. Esta medida visa, de acordo com o vice-presidente da Câmara Municipal de Vila Viçosa, “aliviar, a médio prazo, os munícipes e as famílias que se deparam com grandes dificuldades económicas e enfrentam questões tão preocupantes como o desemprego”. Em termos práticos, o Município de Vila Viçosa prescinde de parte das receitas do IRS em benefício dos munícipes, para que as famílias do concelho consigam planear um pouco melhor os seus rendimentos e beneficiem de uma melhor qualidade de vida.


Ano XVI I Nº. 430 I 14 de Outubro de 2010

Estremoz sensibiliza população para o exercício de uma cidadania mais plena No passado dia 6 de Outubro, realizou-se em Estremoz a campanha de sensibilização para o exercício de uma cidadania mais plena, com o slogan “Ser diferente é… Saber olhar a diferença”. Esta iniciativa surgiu no âmbito da actuação da Rede Europeia Anti-Pobreza, que promove Focus Weeks em todos os países da União Europeia, com o objectivo de concentrar, na mesma semana, várias acções de mobilização da sociedade civil. A Câmara Municipal de Estremoz promoveu uma acção junto da população, com o objectivo de sensibilizar a comunidade local para a compreensão dos fenómenos da pobreza e exclusão social, enquanto violação de direitos humanos, dar a conhecer as temáticas sectoriais que podem induzir à Exclusão Social, sensibilizar e estimular comportamentos como veículo para o reforço do exército da cidadania e Desenvolvimento Social e sensibilização para o exercício de uma cidadania mais plena. Para conseguir essa sensibilização, o Gabinete de Acção Social utilizou uma folheto com frases alusivas ao tema, tais como: “Ser diferente é... saber olhar a diferença, é quebrar as barreiras afectivas, é promover pontes de afectos, é traços diferentes para escrita igual, os seniores, ou idade do ouro, são fontes de experiências e sabedoria acumulada, é sorrir para todos, com um sorriso do

tamanho do mundo, é saber olhar a diferença com a razão e o coração, é saber que há lugar para todos com direitos e deveres.” Esta iniciativa esteve inserida no Ano Europeu do Combate à Pobreza e à Exclusão Social.

7


8

Ano XVI I Nº. 430 I 14 de Outubro de 2010

1ª Divisão Distrital de Évora

[Desporto] Em colaboração com o blog da Força Azul de Carlos Bacalhau www.forcaazulborbense.blogspot.com

Divisão de Honra do Distrital de Évora Borbense vence na Giesteira! A equipa do S.C. Borbense foi a São Sebastião da Giesteira no passado domingo e derrotou a equipa local por 1-2 em jogo a contar para a 2ª Jornada da Divisão de Honra do Distrital de Évora. Depois do mau inicio, com duas derrotas e sem ainda ter marcado nenhum golo, a equipa do S.C. Borbense entrava em campo com a necessidade de somar os primeiros pontos no campeonato, e de facto foi a equipa que mais fez para vencer, dominando o jogo, criando perigo e conseguiu trazer os 3 pontos da Giesteira. O Mister Caldeira fez várias alterações na equipa fazendo alinhar Armando; Tiago, Valter, Luis Espiguinha e Márcio; Mendes, André, Filipe e Galvão; Ruca e Nuno Bravo. Entraram depois no decorrer do jogo o Deco, Pina e Pneu. Entrou mais forte a equipa azul e branca, a dominar o jogo a meio campo mas sem conseguir criar grandes ocasiões de perigo, até que ao fim do primeiro quarto de hora Luis Espiguinha na marcação de um livre bem distante da baliza, consegue mandar à bola à trave. Pouco depois, nova bola no poste da baliza da equipa da casa e foi com alguma normalidade que surgiu o golo,

novamente o central borbense a bater um livre e Nuno Bravo muito oportuno a desviar para o fundo das redes. A equipa da casa não conseguia reagir e era o borbense que continuava a criar perigo, embora o jogo fosse para intervalo com o resultado de 0-1. A segunda parte começa quase com o segundo golo borbense, numa boa pressão atacante de Bravo e André, obrigando a defesa da Giesteira a aliviar para Galvão e este muito bem a desmarcar Ruca, que isolado não desperdiçou, aumentando para o 0-2. Foi então que a equipa da casa começou a aparecer no jogo, e na marcação de um livre directo consegue enviar a bola ao poste. Pouco depois, uma bola cruzada para a área, com alguma atrapalhação da defensiva azul e branca e o experiente avançado Ronaldo a rematar para o fundo das redes, reduzindo para 1-2. Daí até ao final tivemos várias oportunidades para ambos os lados, mas o resultado não se alteraria e o Borbense conseguia somar a primeira vitória. Na próxima jornada, já no domingo, o S.C. Borbense recebe no Municipal de Borba a equipa do Perolivense que ainda não somou qualquer ponto.

Depois da tempestade vem a bonança No fim-de-semana passado realizou-se a 2ª Jornada da 1ª Divisão Distrital de Évora, e depois de na jornada passada todas as equipas da Zona dos Mármores terem perdido, esta jornada as duas que entraram em campo conseguiram vencer, enquanto que o Arcoense descansou. O C.F. Estremoz vinha de uma derrota caseira na primeira jornada e agora já não podia falhar, pois é um dos grandes candidatos ao título nesta divisão e não podia deixar os rivais directos ganharem mais vantagem. Assim sendo, entrou muito forte em Santana do Campo e conseguiu golear por 0-4, com dois golos de Fabinho, um de Tracanas e um de Ruben Caldeira; O S.C. Arcoense descansou nesta jornada, estando já a preparar a próxima jornada que vai ser em casa com o Aldeense, equipa que também ainda não somou qualquer ponto; O Rosário recebeu e venceu o São Manços

por 1-0, conseguindo assim a primeira vitória nesta época, diante da equipa que o deixou fora da Taça Distrital e que é um dos candidatos à subida. Com esta brilhante vitória, a equipa do Rosário subiu para o meio da tabela.

Equipa do C. F. estremoz

2ª e 3ª Divisão Nacional Juventude está muito forte! Realizou-se no passado fim-de-semana a 4ª Jornada do Campeonato da 2ª e da 3ª Divisão Nacional, e mais uma vez as equipas do nosso distrito estiveram muito bem, perdendo apenas o Estrela de Vendas Novas, enquanto que o Juventude de Évora e o União Montemor ocupam mesmo lugares de subida. Jogo do S. C. Borbense com a Giesteira

2ª DIVISÃO NACIONAL O Juventude de Évora recebeu o histórico Farense e conseguiu vencer por 2-0, com golos do capitão Nuno Gaio e do central Viula. Com esta vitória a equipa eborense subiu à liderança com 10 pontos e é a melhor defesa com apenas 1 golo sofrido. Na próxima jornada vai aos Açores defrontar o Operário que é o segundo classificado; O Atlético Reguengos recebeu o Carregado e venceu por 2-0 com golos dos avançados Barry e Rui Sousa. A equipa do Mister Jorge Vicente soma assim os jogos em casa por vitória, enquanto que nas deslocações ainda não somou qualquer ponto. Neste momento soma 6 pontos e ocupa a 6ª posição. Na próxima jornada vai ao Estádio da Tapadinha de Lisboa defrontar o histórico Atlético;

Algarvio e venceu por 2-0 com golos do avançado Vieira e de Hélio. Os pupilos do Mister João Prates subiram assim à 2ª posição com 8 pontos e são juntamente com o Aljustrelense, as únicas 2 equipas que ainda não perderam nesta série. Na próxima jornada vão a Vendas Novas no grande derby entre equipas vizinhas; O Estrela de Vendas Novas foi a Moura e acabou derrotado por 5-2 no terreno do líder da classificação. O Estrela até entrou melhor e esteve a ganhar, mas a equipa da casa, muito forte, conseguiu dar a volta ao jogo e ficar com os 3 pontos. Os golos do Estrela foram marcados por Serginho e Bruno Mendes. Apesar da derrota a equipa vendasnovense ocupa a 8ª posição com 6 pontos, fruto das 2 vitórias caseiras, onde volta a jogar na próxima semana diante do vizinho União de Montemor.

3ª DIVISÃO NACIONAL O União de Montemor recebeu o Beira-mar Equipa do Juventude


Ano XVI I Nº. 430 I 14 de Outubro de 2010

9

Futsal em Borba Barbus Futsal apresentou as suas equipas No sábado passado decorreu o Barbus Day organizado pelo Barbus Futsal. Uma iniciativa que tinha como principal objectivo a apresentação das três equipas de Futsal que vão participar nos Campeonatos Distritais de Futsal e posterior convívio entre os atletas de todas as equipas e respectivos responsáveis. Durante a tarde, no Pavilhão Municipal de Borba, realizaram-se então os jogos de Futsal, começando com o jogo feminino entre a equipa do Barbus Futsal e a equipa do Almansor F.C. que na época passada terminou o campeonato numa honrosa terceira posição. As jogadoras borbenses bateram-se muito bem e provaram que já estão preparadas para participar no Campeonato Distrital que vai começar já este Domingo, mas perderam por 3-1, com o golo da equipa da casa a ser marcado pela capitã Júlia. Depois seguiu-se o jogo de juniores, uma nova aposta do Futsal em Borba que conseguiu jantar

um bom grupo de jovens e formar uma equipa que vai participar no Campeonato Distrital. Neste jogo, o Barbus Futsal recebeu o Sport Cabeção e Benfica e perdeu por 1-6, mas foi um jogo muito bem disputado e com a equipa borbense a demonstrar qualidade. No último jogo tivemos a equipa sénior masculina do Barbus Futsal que recebeu o G.D.C. Baronia, equipa que na época passada disputou a III Divisão Nacional, e que venceu este jogo por 1-4. Á semelhança da época passada, a equipa borbense soma todos os jogos de pré-época por derrota, mas a competição está quase a começar e tudo fará para que as coisas melhorem. Depois de apresentadas as três equipas que já treinam há cerca de um mês, agora vem aí a competição onde estas equipas irão tentar alcançar a melhor classificação possível e dignificar o nome de Borba no Futsal a nível distrital.

Equipa Sénior do Barbus Futsal

Quer vender o seu carro, ou a sua casa? Faça-o aqui no seu jornal!

PUBLICIDADE 927894580

Equipa Feminina do Barbus Futsal

- Oficina de chocalhos - Comércio de artesanato - artigos equestres e correaria - cadeiras alentejanas - artigos militares

Tel. 268 323 130 / 268 324 181/ 967 623 057 www.casagalileu.com.sapo.pt psimsim@hotmail.com Rua Victor Cordon, 16 7100 - 560 ESTREMOZ

GERÊNCIA DE:

Manuel Matos Gomes Telemóvel: 919 398 382 Zona Insdustrial, Lote 88 APART. 35 - EC 7101 - 909 ESTREMOZ

Equipa junior do Barbus Futsal

Telefone: 268 337 563/5 Fax: 268 337 564

Torne-se assinante Ligue o 268 894 580


10

Ano XVI I Nº. 430 I 14 de Outubro de 2010

[Aconteceu em Borba há 100 anos]

[Saúde]

Outubro (1910): Acuidade visual Como ela é medida? Acuidade visual é a capacidade de ver e identificar um objecto a uma determinada distância. Isso representa não um teste do sistema óptico ocular, anatómico, organizacional retiniano, mas pode incluir a habilidade de discriminar um tipo específico da percepção psicofísica. O primeiro requerimento para a acuidade visual é o contraste entre o optotipo e o fundo. Optotipos pretos sobre o fundo branco, são usados para a determinação da acuidade visual. A acuidade visual de Snellen representa a capacidade do paciente envolvida pelo tipo de letras. Esse método de teste da acuidade visual (Método de Vernier) é subentendido por ângulos de objetos diferentes, sobre a retina apresentada a diferentes distâncias dos olhos. O ângulo subentendido pelo objecto ao ponto nodal do olho, é a imagem retiniana, entendida como ângulo visual. A resolução visual é medida pelo ângulo no componente que o objecto pode ser apreciado. Eles são medidos em minutos de arco e em fracções decimais dos minutos. A notação de Snellen é 20/ 20 que significa que o testado pode ver linhas de letras pretas com fundo branco a 20 pés á frente quando o campo de cada linha é de 1 minuto de arco na retina. A notação 20/40 corresponde a 2 minutos de arco. Ocasionalmente, a notação de Snellen é expressa em frações decimais, como 20/20 é 1, 20/ 40 é 0,5, e assim sucessivamente. O menor ângulo visual detectável é estabelecido como 0,5 segundo

de arco em um fundo iluminado uniformemente. A linha geométrica produzida na retina dá uma imagem de 0,033mm, que é o diâmetro de um cone foveal. Por causa da variabilidade do valor de letras alfabéticas, o C de Landolt foi desenvolvido com uma quebra num anel, em uma parte de 1 minuto de arco, e o total do optotipo é de 5 minutos de arco à distância. Esse teste foi o primeiro a ser usado, porém o teste de Snellen é melhor por questões de entendimento do examinado. A acuidade visual para perto, é determinada pela mesmo método usando a tabela de perto de Jaeger. Essa tabela de perto, foi desenhada para o teste de 33cm, sendo diferentes linhas e tem o ângulo equivalente à escala para longe. Outras tabelas, incluindo as de figuras de E´s em direções diferentes (E direcional). Entretanto, o critério para uma boa tabela de tipos não são os optotipos. O mais importante são os componentes das letras sobre a linha que estão à mesma distância de cada uma. A acuidade visual varia de acordo com a área da retina a ser examinada. A capacidade de resolução da retina até a fóvea pode ser de 20/20 a 20/15, porém a capacidade da acuidade visual diminui com relação à densidade dos receptores visuais e dos grupos receptores da periferia, com interação com a fibra nervosa do campo. Dr Carlos Bilro Grupo Optivisão

A Escola: Espaço Seguro e Saudável (Parte 2) A Escola enquanto espaço educativo, é também espaço de promoção de estilos de vida saudáveis, tendo em conta que estes são um conjunto de hábitos e comportamentos de resposta às situações do dia-a-dia, apreendidos através do processo de socialização e constantemente reinterpretados e testados, ao longo do ciclo de vida .1 No contexto da intervenção de Saúde Escolar, as áreas prioritárias para a promoção de estilos de vida saudáveis são: 1. Saúde mental; 2. Saúde oral; 3. Alimentação saudável; 4. Actividade física; 5. Ambiente e saúde; 6. Promoção da segurança e prevenção de acidentes; 7. Saúde sexual e reprodutiva; 8. Educação para o consumo. A adopção dos princípios e das práticas das Escolas Promotoras da Saúde na vida diária da escola ajuda, indiscutivelmente, à promoção e consolidação de estilos de vida mais saudáveis.2 Uma pequena nota referente aos comportamentos aditivos. Sabemos que não há “receitas”, mas da prática sabe-se que uma prevenção eficaz de comportamentos aditivos, inicia-se com uma boa saúde mental, promoção de competências pessoais e sociais e intervenção ao nível da prevenção do tabagismo e do abuso de álcool.3 No contexto da intervenção de Saúde Escolar, as áreas prioritárias da prevenção de consumos nocivos e de comportamentos de risco são: 1. Consumo de substâncias lícitas: tabaco, álcool e utilização indevida de medicamentos; 2. Consumo de substâncias ilícitas; 3. Doenças transmissíveis, incluindo IST/VIH/ SIDA;

4. Violência em meio escolar, incluindo bullying e comportamentos autodestrutivos. De realçar que em Maio de 2010 foi criado um espaço de atendimento / debate com os adolescentes escolarizados. Este gabinete funciona dois dias por semana, entre as 13h e as 15h, contando com a colaboração e empenho de vários profissionais: enfermeiras, psicóloga e professores. Foi ainda criado um sítio na página da escola, o que permite que os alunos possam expor as suas dúvidas de forma individual e confidencial. Em próximo artigo, abordaremos este tema com maior profundidade. De qualquer forma aproveitamos mais uma vez para informar toda a população que sempre que haja necessidade…. NÂO HEXITE EM CONTACTAR-NOS Tel: 268848110 CENTRO DE SAÚDE DE BORBA Enfermeira Chefe Sara Sepúlveda da Fonseca OMS. Health 21. Health for all in the 21st century. World Health Organization. Regional Office for Europe. Copenhagen. 1999. 2 http://www.dgs.pt/- programa tipo Saúde Escolar 3 OMS. Health 21. Health for all in the 21st century. World Health Organization. Regional Office for Europe. Copenhagen. 1999. 1

8- O Governador Civil do Distrito de Évora Sr. Estêvão da Cunha Pimentel faz saber a todos os cidadãos, em edital, que para garantir a liberdade individual, condição necessária da segurança social e da honra do governo republicano, é indispensável haver todo o respeito pela pessoa dos polícias, dos padres e bem assim dos indivíduos de qualquer outra condição, castigando-se rigorosamente qualquer desacato que se pratique. - O Sr. Vicente da Assunção Cortes foi nomeado Administrador do Concelho de Borba. - A Comissão Municipal Republicana, que vai governar a CMB é constituída pelos Srs. José Manuel da Silva, Eleutério Sousa e Silva, António Mendonça, Mateus Justino Canelhas e José Vicente Carvalho Cortes. 10- Em Santiago Rio de Moinhos, faleceu a sogra do Sr. Joaquim Augusto Cardoso, conceituado comerciante da praça de Estremoz. 22- Esteve, em Estremoz, o mui Revº. Padre José Maria Gonzaga Vinagre. 27-O Governo aboliu o cargo de Inspector das Águas Minero-Medicinais, que era desempenhado pelo borbense Sr. Dr. Joaquim Tenreiro Sarzedas. 29- Foram mandados apresentar-se, na Câmara Municipal do Alandroal, a fim de procederem a uma nova sindicância por irregularidades ali praticadas, os Srs. Diogo Vaz Touro e Serafim Crespo, respectivamente Secretários das Câmaras Municipais de Estremoz e de Borba. 30-Pelo Sr. Administrador do Concelho de Borba foi requisitada uma força de polícia, a fim de garantir a segurança e a ordem pública, na feira dos Santos. 31-Foram nomeados os seguintes cidadãos para Regedores das freguesias do concelho de Borba: Matriz e Santa Bárbara – João José Grego; São Bartolomeu – Vicente José Oliveira; Santiago Rio de Moinhos – João Joaquim Juca Talhinhas; Orada - João António Cabaço. - Esteve em Évora o Sr. Dr. Duarte Silva.

E… Há 50 Anos (1960) 4- A Srª. D. Joana Conceição Bravo Pereira de Mendonça festeja o seu aniversário natalício. 5-Vende-se a Horta do Queijinho, situada a dois quilómetros de Borba, casa com todas as comodidades modernas, boa residência para caseiro, dependências agrícolas, olival, estacaria do melhor que há no concelho, águas, árvores de fruto, vinha e terras de semeadura Aceitam-se propostas à carta fechada até ao dia 23 do corrente pelas 15 horas dirigidas a Fernando Alvarez de Carvalho. Não agradando estas proceder-se-á a licitações verbais e reservado ao proprietário o direito de não entregar, caso não convenham. 10-Vende-se a bolota da herdade do Forte, na Orada. Quem pretender deve dirigir-se à referida herdade. 12- João Lopes Pereira & Sobrinhos Sucrs., com o telefone 8, em Borba, é o representante oficial da marca Cimianto, produzida pela Sociedade Técnica de Hidráulica, SARL.

13- O trabalhador Sr. Cipriano José Mendes, de 37 anos de idade, casado, residente no Monte da Canelas, em Borba, sofreu um desastre de caça, devido a uma queda, que lhe provocou um disparo sobre o abdómen. Foi socorrido no Hospital da Misericórdia de Évora, onde foi operado de urgência, recolhendo depois a uma enfermaria em estado pouco satisfatório. 14- Realizaram-se na Subdelegação de Saúde de Borba os exames médicos dos candidatos e portadores do Boletim de Sanidade para obterem a radiofoto (vulgo micro). 16- Teve lugar um concurso de pesca desportiva, na albufeira de Monte Branco, gentilmente cedida pela Fundação da Casa de Bragança, cuja organização pertence à Conferência de S. Vicente de Paulo, de Borba. Estiveram inscritos 103 participantes provenientes de vários pontos do país, numa disputa renhida que durou sete horas. Foram classificados e receberam prémios cerca de 70 inscritos. Os lucros reverteram para as instituições locais de caridade de Borba. 20- Arrenda-se a propriedade da Horta do Paiol, situada na Coutada de Monforte. Dirigir a Manuel Joaquim Belchior – Horta dos Matos, em Borba. 23-Em desafio de futebol a contar para o Campeonato Regional promovido pela Associação de Futebol de Évora, o SCB derrotou o Sport Lisboa e Évora por 3-0, em jogo ocorrido em Borba. -Durante este jogo desprendeu-se um tijolo da chaminé da antiga fábrica da Sociedade Oleícola que se encontra em ruínas e se situa ao lado do campo de futebol. O estrondo causado pela queda, embora não tenha atingido qualquer espectador, provocou alarme entre os presentes. Por esta razão impõe-se a demolição da referida chaminé. 27- A menina Ana Maria Guégués festeja o seu aniversário natalício. 30-O corpo activo dos Bombeiros Voluntários de Borba, o seu comandante, o presidente da Direcção Sr. José Maria Frade e muito povo foram recebidos, pelo Sr. António Ascensão Ramos, Presidente da CMB, no Salão Nobre, a quem apresentaram o seu mais veemente protesto contra os ataques dirigidos pela ONU à soberania de Portugal no Ultramar. O Sr. Presidente da Direcção leu uma mensagem alusiva, tendo o Sr. Presidente da CMB agradecido a manifestação de apoio, que iria transmitir aos Srs. Ministros do Interior e do Ultramar. No final, ouviram-se muitas vivas a Portugal e ao governo da nação. - Pela ordem do sorteio, o SCB não joga hoje, deslocando-se no próximo domingo a Vila Viçosa. - O Sr. Leonardo dos Santos Moreno, ajudante de notário em Vila Viçosa, foi vítima de uma queda junto à Fonte das Bicas, de que resultou a fractura de uma perna.

João Azaruja


Ano XVI I Nº. 430 I 14 de Outubro de 2010

[Opinião] Processo Casa Pia Dos “sete arguidos” acusados e condenados pelo crime de “pedofilia”, em alguns alunos da “Casa Pia”, só Gertrudes nunes, e que foi absolvida. E incompreensível, como esta mulher, acusada de vários crimes de “lenocídio”, na sua casa em Elvas, saiu desta maneira airosa, absolvida!... Pois, isto não é mais nem menos, o produto prévio de impunidade, originada pela alteração da “Lei portuguesa”, em Setembro de 2007, que veio beneficiar sobremaneira os autores da pratica deste género de crimes e outros, o que é um autentico atentado ao “Estado de Direito”. Deste modo, a Lei, em vez de ser alterada para punir fortemente os infractores – faz precisamente o contrario, e... assim beneficia os mesmos. Apesar do Tribunal Campus de Justiça, em Lisboa, ter condenado no passado dia três de setembro, cinco arguidos do processo, a penas que vão de cinco anos e nove meses a sete anos de prisão sendo aplicada ao antigo motorista da Casa Pia, a pena de “dezoito anos de cárcere”. De qualquer modo, esta decisão do Tribunal da Primeira Instância, foi considerada histórica, porque o mesmo, apurou a verdade dos factos e aplicou a justiça; o que a maioria dos portugueses já não acreditavam... Porém, e em face da condenação de prisão efectiva – nenhum dos réus, irá cumprir a pena aplicada pelo Tribunal, porque, os mesmos interpuseram recurso para o Tribunal da relação de Lisboa. Desta feita, esta foi uma decisão hábil dos arguidos e seus advogados, para ganhar tempo e livrarem-se de cumprir pena de prisão, até que os processos atinjam a prescrição, com o arrastar de mais alguns anos, no referido Tribunal, o que já lhe é peculiar... Mas, se a decisão do Tribunal da Relação, não lhes for favorável, ainda recorrerão para o Supremo Tribunal de Justiça, até ficar tudo em “aguas de bacalhau”!... Por estas e outras razões, grande parte dos portugueses, já não acreditam nas leis portuguesas, nem nos julgamentos exercidos muitas vezes pelos tribunais, porque são demasiado contempladores, para com “predadores sexuais” e, não protegem convenientemente as vitimas desses abusos abomináveis e horrendos. A avaliar toda esta situação, esteve as verdadeiras declarações do ex-casapiano e advogado, Pedro Namora, que solicitou ao Estado, para que estes perigosos pedófilos, permanecessem em prisão preventiva, durante o tempo dos seus recursos às instâncias judiciais superiores, para evitar que pratiquem mais abusos sexuais. Mas, parece que nenhum responsável pela justiça portuguesa, tomou este apelo em conta, desta ex-vítima da Casa pia, Pedro Namora. Como já é o conhecimento público, estes crimes de pedofilia, vem sendo praticados há muitas dezenas de anos, nesta Instituição do Estado, infelizmente. Realmente, os mesmos, tem sido sempre encobertos ao longo desse tempo, por se tratar de figuras de topo da sociedade portuguesa, envolvidas nestes abusos sexuais de menores. Até que por fim, uma ilustra jornalista, em “um de Setembro de 2001”, trouxe a publico este horrendo crime, que foi confirmado em 23/ 11/2002, pelo adolescente casapiano, “Joel”, quando se queixou a mãe, da atitude estranha que um destes senhores, tinha para com ele, pedindo-lhe ao mesmo tempo para lhe chamar pai... Assim, este processo mediático, envolvendo estas altas personalidades, têm tido um percurso bastante atribulado, desde o início em Janeiro de 2003, começando pela avaliação da competência dos dois primeiros doutores juízes, que tomaram conta deste complicado processo crime, que foram, Paulo Pinto Albuquerque e Rui Teixeira; começando logo a serem pressionados, por todos os advogados de defesa dos arguidos, nomeadamente pelo advogado do antigo motorista da Casa Pia, Carlos Silvino, Dr. José Maria Martins, chegando este

causídico a solicitar por escrito, ao Supremo Tribunal de Justiça, o afastamento do Juiz, Rui Teixeira, o que foi recusado em 03/12/03. A pressão, era enorme dos advogados de defesa, desde o início deste processo, designadamente sobre o Juiz Rui Teixeira, que começou a andar escoltado diariamente, derivado ao seu total empenho e imparcialidade referente a todo este processo. Por todo este rigor exercido pelo mesmo, passado pouco mais de um ano, acabou por ser transferido por ordem das altas instâncias judiciais, para o Tribunal Judicial de Torres Vedras. Deste modo, foi alvo de perseguição judicial, considerando-o incompetente, e sem classificação para o cabal desempenho de tais funções. Isto é inadmissível, em pleno século XXI, ao desclassificarem tão injustamente, o Meretissimo Juiz Rui Teixeira..., até parece que vivemos num país do “terceiro mundo”!... Realmente, se ele continuasse com a responsabilidade de inquirição e julgamento deste mediático processo crime de pedofilia, mais algumas altas individualidades seriam processadas e incriminadas pelo mesmo crime. Assim, ficaram de fora, presenciando o desenrolar dos acontecimentos – lavando as mãos como “Pilatos”, como nada tivessem praticado... Embora o julgamento deste tribunal, tivesse sido em certa medida positivo, demorando mais de sete anos, o que facilitará também a prescrição, por causa dos recursos, o que não aconteceria, se os trâmites do processo, tivesse sido bastante mais celeres. Seja como for, há imperiosa necessidade de alterar o “Código de Processo Penal”, criando leis mais pesadas e eficazes, e que facilitem a celeridade destes e outros processos, a fim de punir, severamente os predadores sexuais e, também reduzir o tempo ao máximo, nos recursos por eles requeridos. Porém, para que isso possa acontecer, é necessário que os “230” deputados na assembleia da República, sejam muito empenhados e responsáveis em aprovar “Leis” novas eficientes, que honrem e dignifiquem a justiça portuguesa, assim como a sua nobre missão política de deputados.

[PROPRIETÁRIO E EDITOR] MediaBorba - Sociedade de Comunicação Social, Unipessoal, Lda. Rua Fernão Penteado, 20 I 7150-128 Borba I NIPC: 505 680 386 [ADMINISTRAÇÃO E REDACÇÃO] Rua Fernão Penteado, 20 I 7150-128 Borba I Telefone: 268 894 580 I Fax: 268 890 677 [DIRECTOR] David Guégués [COORDENADOR DE REDACÇÃO] João Oliveira [RESPONSÁVEL DE MARKETING E PUBLICIDADE] Vanessa Barriga [REDACÇÃO] Benjamim Espiguinha, Neide Bagulho, João Oliveira, Joaquim Trincheiras [COLABORADORES] João Azaruja, Manuel Esteves, Tomé Leitão, Joaquim Coimbra e Carlos Bacalhau [PUBLICIDADE] Telefone: 268 894 580 I Fax: 268 890 677 I E-mail: terrasbrancas@net.sapo.pt [TIRAGEM] 3000 Exemplares [REGISTO DE IMPRENSA] n.º 117749 Membro da [DEPOSITO LEGAL] n.º 290807/09 [IMPRESSÃO] Coraze - Centro de Impressão I Zona Industrial de Oliveira de Azeméis, 587 I 3720 Oliveira de Azeméis

11

[Ocorrências] Guarda Nacional Republicana Ocorrências nos concelhos de Estremoz, Borba, Arraiolos; Mora e Vimieiro. No Periodo de 27 de Setembro a 10 de Outubro de 2010.

Acidentes de Trânsito- Neste período ocorreram: 2 em Pavia ; 3 em Borba; 2 em Arraiolos; 1 em Veiros e 1 em Mora. Dos quais resultaram danos materiais nos veiculos e um ferido ligeiro. Furtos - Furto de cabos eléctricos, em Borba, no valor de 3.263 euros; Furto de cobre em estabelecimento industrial, em Arraiolos, no valor de 2.700 euros; Furto em estabelecimento comercial de diversos telemóveis e outros artigos, em Arraiolos; Furto de um ciclomotor, em Mora, no valor de 500 euros; Furto de diversos artigos em estabelecimento industrial, em Pavia. Outras Denúncias - Posto de Mora - Denúncia de um crime de dano; Denúncia de crime de abuso de confiança; Posto de Borba Denúncia de dois crimes de violência doméstica; Denúncia de um crime de abuso sexual de menor; Posto de Estremoz - Denúncia de um crime de ameaças; Posto de Arraiolos - Denúncia de crime de devassa da vida privada. Autos de Contra Ordenação Elaborados - 45 Detenções - PArraiolos deteve três cidadãos portugueses maiores de idade, por condução de veículo automóvel, em estado de embriagues. Um acusou uma TAS de 1,31 g/l álcool no sangue, outro 1,33 g/l álcool no sangue e outro 2,02 g/l álcool no sangue. PBorba deteve cidadão português, maior de idade, por conduzir veículo automóvel sem possuir carta de condução. Equipa de Protecção da Natureza deteve cidadão português maior de idade, por exercício da caça em reserva turística Manuel Esteves ilegalmente.


Agenda Cultural

[Última hora] Clínica Fonte de Saúde de Borba promove 2.º Rastreio Podológico Depois do sucesso alcançado em iniciativas anteriores promovendo rastreios gratuitos para todos, a Clínica Fonte de Saúde em Borba vai promover o 2.º rastreio podológico deste ano, que se realizará já no próximo dia 26/10/2010 durante todo o dia. Faça a sua marcação gratuita pelos Telf. 268 891 074 e 965 478 600,ou dirija-se à recepção das instalações na Rua Florbela Espanca n.º 17 e 17 B, em Borba. Não perca esta oportunidade e faça já a sua

de Monsaraz, pediu apoio a todos os municípios portugueses para contribuírem com material e equipamento escolar. O autarca refere que “a câmara municipal tem sido contactada por municípios de todo o país que estão a desenvolver iniciativas e campanhas que visam a obtenção de material e equipamento escolar para as crianças de Moçambique, pelo que estou muito satisfeito pela excelente resposta que está a ser dada ao meu apelo e por termos conseguido expandir este projecto a todo o território nacional”. José Calixto diz que “a autarquia está agora a pedir o apoio de todos os cidadãos do concelho e acredito ser possível angariar muito material escolar para podermos oferecer esta ajuda preciosa às crianças moçambicanas que necessitam de ter melhores condições de aprendizagem, pois assim estaremos a contribuir para que tenham um futuro melhor”. Os pontos de recolha são no Gabinete de Acção Social da Câmara Municipal de Reguengos de Monsaraz, escolas básicas do 1º Ciclo de Campinho, Caridade, Outeiro, Perolivas, Reguengos de Monsaraz, S. Marcos do Campo e S. Pedro do Corval, SchoolHouse e nas instalações do Pólo de Apoio à Família, creche, jardim-de-infância e Actividades de Tempos Livres da Santa Casa da Misericórdia de Reguengos de Monsaraz.

Candidaturas a Bolsas de Estudo em Avis terminam a 29 de Outubro Decorrem, até 29 de Outubro, as candidaturas à atribuição de Bolsas de Estudo no âmbito do Regulamento Municipal de Apoio aos Estudantes do Ensino Secundário e do Ensino Superior. Com o intuito de estimular a aquisição de conhecimentos e competências profissionais aos jovens carenciados residentes no Concelho de Avis. Podem beneficiar das bolsas de estudo os estudantes inscritos em estabelecimentos de ensino secundário ou superior públicos ou outros, quando não exista oferta de cursos similares no ensino público ou por frequência de cursos em horário pós-laboral. As bolsas são apenas atribuídas aos alunos do ensino superior que demonstrarem mérito,

SALT

marcação para garantir a sua avaliação totalmente profissional e gratuita. A podologia é uma área da saúde que se ocupa do cuidado completo dos seus pés e da sua relação como resto do corpo, tratando patologias como as alterações da pele e unhas, ortopedia do pé adulto e de criança, estado funcional do pé desportista, pé diabético, pé reumático,unhas encravadas, micóticas e engrossadas, deformações do pé, joanetes e má formações congénitas.

Município de Reguengos de Monsaraz promove recolha de material escolar para as crianças de Moçambique

O Município de Reguengos de Monsaraz está a promover até ao dia 30 de Novembro uma campanha de recolha de material e equipamento escolar para ajudar as crianças de Moçambique. Denominada “Ajude Moçambique a Sorrir”, esta iniciativa está a ser efectuada em parceria com a Santa Casa da Misericórdia de Reguengos de Monsaraz e com a SchoolHouse. Esta campanha surge na sequência da acção de solidariedade que o Município de Reguengos de Monsaraz tem desenvolvido desde Maio em conjunto com a Embaixatriz de Moçambique em Portugal, Glória Mkaima, com o objectivo de angariar fundos e parcerias estratégicas que permitam colmatar dificuldades sentidas no apoio às crianças desfavorecidas deste país de língua oficial portuguesa. Nessa altura, José Calixto, presidente da Câmara Municipal de Reguengos

CINEMA - EM BORBA

dedicação e aproveitamento escolar e visam auxiliar o pagamento de despesas de alojamento, alimentação, transporte, material escolar e propinas. Apenas os alunos do ensino secundário público que frequentam estabelecimentos de ensino fora do Concelho de Avis têm direito às bolsas, que visam custear despesas de transporte, alimentação e alojamento. A bolsa de estudos para o ensino superior corresponde a 30% da Retribuição Mínima Mensal Garantida e a bolsa de estudos para o ensino secundário equivale a 15% da mesma referência, sendo ambas pagas mensalmente pelo Município de Avis ao longo de 9 meses correspondentes ao ano lectivo.

30 de Outubro de 2010 Sessões: 15.30h / 21.00h Realizador: Phillip Noyce Actores: Angelina Jolie, Liev Schreiber, Chiwetel Ejiofor, Daniel Olbrychski, Andre Braugher Ano: 2010 Duração: 97 min Género: Acção País de Origem: EUA Para maiores de 12 anos Sinopse: Evelyn Salt (Angelina Jolie) é uma das mais bem treinadas agentes da CIA. Quando o desertor russo Vassily Orlov (Daniel Olbrychski) aparece na agência, declarando que ela fez parte de um programa secreto do Governo soviético chamado KA, que treinava crianças para se tornarem assassinas, ela rapidamente compreende que a fuga é a única solução. Assim, servindo-se dos longos anos de experiência como agente infiltrada, consegue escapar aos seus perseguidores.

Agora, com os próprios colegas Ted Winter (Liev Schreiber) e Peabody (Chiwetel Ejiofor) no seu encalço, ela irá avaliar todas as pistas e fazer de tudo para provar a sua inocência. Mas será Salt quem julga ser? Que verdades estarão por revelar? Um “thriller” de acção realizado por Phillip Noyce (“O Coleccionador de Ossos”, “Calma de Morte”, “O Americano Tranquilo”).

DIVERSOS - Exposição de Artes Plásticas "Peinture du Silence", está patente até 31 de Outubro, no Caffé Caffé, em Borba; - "Mês da Musica", de 16 a 30 de Outubro, em Estremoz; "Ensemble Vox Antiqua", dia 16 de Outubro, pelas 18 horas, na Casa de Estremoz; - Concerto "Fried Chicken & Gasoline" dia 23 de Outubro, no Cine-Teatro Florbela Espanca, pelas 21h30; -Exposição de Fotografia "Água e Biodiversidade", até 30 de Outubro no Fórum Cultural Transfronteiriço de Alandroal.

Terras Brancas n.º 430  

Terras Brancas n.º 430

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you