Issuu on Google+

s

na zo ul

Jornal de Coleção • Ano i1 • Nº 17 • JANEIRO 2010 • 10.000 Exemp. • Tel. (51) 3273.4984 • distribuição Gratuita

natação

Férias Agradável de praticar e excelente para a saúde! 

VERÃO

Curta a estação com bom senso e evite seus efeitos colaterais 

ecologia

Meio ambiente começa a ganhar a luta contra o lucro

Com todo o tempo do mundo! Mudar a forma de entender o tempo e os compromissos é fundamental para desfrutar bem suas merecidas férias.


Bem Estar • Nº 17 • Janeiro 2010 • 2

Há que se buscar um amante! Pessoas vêm ao meu consultório para contar que estão tristes, com insônia, apatia, pessimismo, crises de choro ou as mais diversas dores. Eu lhes digo que não precisam de antidepressivo; mas sim de um AMANTE...

Jorge Bucay

M

uitas pessoas tem um amante e outras gostariam de ter um. Há também as que não tem, e as que tinham e perderam. Geralmente são estas últimas que vêm ao meu consultório para contar que estão tristes ou que apresentam sintomas típicos de insônia, apatia, pessimismo, crises de choro ou as mais diversas dores. Elas me contam que suas vidas transcorrem monotonamente e sem perspectivas, que trabalham apenas para sobreviver e que não sabem como ocupar seu tempo livre. Enfim, são várias as maneiras que elas encontram para dizer que estão simplesmente perdendo a esperança. Antes de me contarem tudo isto, elas já haviam visitado outros consultórios, onde receberam as condolências de um diagnóstico firme: DEPRESSÃO, além da inevitável receita do antidepressivo do momento. Assim, após escutá-las atentamente, eu lhes digo que não precisam de nenhum antidepressivo; digo-lhes que elas precisam de um AMANTE. Amante é tudo aquilo que nos apaixona. É o que toma conta do nosso pensamento antes de pegarmos no sono e é também

www.jornalbemestar.com.br

aquilo que, às vezes, nos impede de dormir. O nosso amante é aquilo que nos mantém distraídos em relação ao que acontece à nossa volta. É o que nos mostra o sentido e a motivação da vida. Às vezes encontramos o nosso amante em nosso parceiro, outras em alguém que não é nosso parceiro mas que nos desperta sensações indescritíveis. Também podemos encontrá-lo na pesquisa científica ou na literatura, na música, na política, no esporte, no trabalho quando é vocacional, na necessidade de transcender espiritualmente, na boa mesa, no estudo ou no prazer do passatempo predileto. Enfim, é alguém ou algo que nos faz NAMORAR A VIDA e nos afasta deste destino de “durar”.

“Amante é tudo aquilo que nos apaixona. É o que toma conta do nosso pensamento antes de pegarmos no sono e é também aquilo que, às vezes, nos impede de dormir. É o que nos mostra o sentido e a motivação da vida”.

E o que é “durar”? Durar é ter medo de viver. É o vigiar a forma como outros vivem, é o se deixar dominar pela pressão, perambular por consultórios médicos, tomar remédios multicoloridos, afastar-se do que é gratificante, observar decepcionado cada ruga nova que o espelho mostra, é a preocupação com o calor ou com o frio, com o sol ou com a chuva. Durar é adiar a possibilidade de desfrutar o hoje, fingindo contentar-se com a incerta e frágil sugestão de que talvez possamos fazer amanhã. Por favor, não se empenhe em DURAR: procure um amante; seja também um amante e um protagonista da vida. Pense que o trágico não é morrer; afinal a morte tem boa memória e nunca se esqueceu de ninguém. O trágico é não se animar a viver. Enquanto isso, e sem mais delongas, procure um amante... A psicologia, após estudar muito sobre o tema, descobriu algo transcendental: PARA SE ESTAR SATISFEITO, ATIVO E SENTIR-SE FELIZ, É PRECISO NAMORAR A VIDA! ­­­Texto extraído do livro HAY QUE BUSCARSE UM AMANTE

Gentileza gera amor e paz!


Guia Saúde

Informações importantes para sua saúde e bem-estar

Para Ajudar na Degeneração Macular Salmão e maçã podem ajudar na doença, pois ampliam efeito de suplementos antioxidantes.

Caminhada Pode Reverter Perda Óssea Redução do risco de fraturas e osteoporose são alguns benefícios da caminhada constante. A caminhada pode ajudar a reverter a perda óssea associada a um tratamento comum contra câncer de próstata, reduzindo o risco de fraturas e osteoporose, segundo pesquisadores norte-americanos. Em um estudo do Johns Hopkins Hospital com homens que estavam em tratamento com deprivação de androgênio e radioterapia, os especialistas observaram, após oito semanas, que uma caminhada de passadas rápidas durante 30 minutos diários, cinco dias na semana, ajuda a fortalecer os ossos desses pacientes (ganho de 0,49% na massa óssea). Em contraste, aqueles que passavam pela terapia que bloqueia o hormônio e não praticavam a atividade apresentavam considerável perda de massa óssea (2,2% no período de dois meses), comum em pessoas mais velhas, mesmo saudáveis (perda de 0,5% a 1% por ano). Então, pessoal, vamos colocar o tênis e sair pro parque?

Um estudo realizado nos Estados Unidos e publicado no “British Journal of Ophthalmology” concluiu que uma dieta rica em ômega 3 - ácido graxo encontrado em peixes gordurosos como o salmão - e em alimentos com baixo índice glicêmico, como a maçã e o pão integral, pode reduzir a progressão da degeneração macular relacionada à idade e até mesmo deter o avanço da doença, nas formas exsudativa ou seca. A pesquisa, multicêntrica e controlada, acompanhou cerca de 3 mil voluntários por um período de oito anos. Trabalhos anteriores já haviam comprovado que a suplementação vitamínica com antioxidantes adia o aparecimento da degeneração macular relacionada à idade e retarda sua evolução depois de ins-

Querido leitor(a), dê preferência aos nossos anunciantes.

talada. Agora, a nova pesquisa concluiu que a suplementação é ainda mais efetiva quando associada à ingestão de alimentos que são fonte de ômega 3 e que têm baixo índice glicêmico. A degeneração macular relacionada à idade é uma importante causa de deficiência visual e talvez a doença ocular mais prevalente para a qual o tratamento ainda é pouco eficaz. Assim, todos os esforços para prevenila devem ser valorizados. Segundo oftalmologistas, o risco de desenvolver o problema pode ser detectado em consultas de rotina, por meio do exame de fundo de olho. Todas as pessoas com mais de 50 anos e, principalmente, aquelas que têm olhos claros podem apresentar a doença e devem passar por avaliações periodicamente.

Alimentos Orgânicos São Melhores Pesquisas científicas constatam novamente o óbvio. O que é natural é melhor para a saúde. Resultados preliminares de um estudo financiado pela União Europeia sugerem que alimentos orgânicos são melhores para a saúde do que os convencionais. A pesquisa da Newcastle University, na Inglaterra, indica que frutas e legumes orgânicos (principalmente trigo, tomate, batata, repolho, cebola e alface) contêm até 40% mais antioxidantes do que seus equivalentes comuns, enquanto o leite pode conter entre 50% e 80% mais antioxidantes em sua versão orgânica. Os resultados também sugerem que esse tipo de alimento contém menos ácidos graxos trans, que fazem mal à saúde. Embora eles ainda não saibam explicar as causas dessa diferença, as descobertas vêm ao encontro do senso comum, que indica que alimentos cultivados naturalmente são mais saudáveis que aqueles que contêm fertilizantes industriais e que recebem altas cargas de agrotóxicos.

www.jornalbemestar.com.br


Alimentação

Bem Estar • Nº 17 • Janeiro 2010 • 4

CENOURA

Um eficiente remédio contra a debilidade e a astenia, é ótima também para a visão além de dar aquela cor no verão.

A

cenoura silvestre é uma planta cujos usos medicinais são conhecidos desde tempos remotos. Uma variedade desta cenoura silvestre, de origem não conhecida, originou a cenoura cultivada que conhecemos, que foi tratada geneticamente para produzir raízes mais grossas e saborosas.

“A ingestão de 100 gramas de cenoura cobre cerca de 15% da necessidade diária de ferrro. Isto explica porque é indicada como uma remineralizante natural do organismo, em estados anêmicos, de debilidade, convalescença, esgotamento, astenias”. A cenoura contém um óleo essencial com pineno, limoneno, caroteno entre outros, além de sacarose, pectina e vitaminas. Conhecida é sua excepcional riqueza em betacaroteno, que faz desta hortaliça o nutriente mais eficaz para o aporte de Vitamina A. É também uma ótima fonte de sais minerais, especialmente o ferro. A ingestão de 100 gramas de cenoura cobre cerca de 15% da necessidade diária deste mineral. Isto explica porque é indicada como uma remine-

ralizante natural do organismo, em estados anêmicos, de debilidade, convalescença, esgotamento, astenias. A cenoura atua igualmente como digestiva, carminativa, protetora do fígado e anti diarréica. O sumo da cenoura é um excelente remédio depurativo e desintoxicante, que se recomenda contra dores reumáticas, gota e como ajudante para controla os níveis de açúcar e gordura no sangue. A raiz da cenoura se destaca por seu alto grau de betacaroteno, um nutriente responsável por sua reconhecida coloração avermelhada, e que se converte em vitamina A quando é assimilada pelo organismo. O betacaroteno atua como um antioxidante que protege os tecidos do corpo da ação dos radicais livres, diminuindo o desenvolvimento das enfermidades de tipo degenerativo, como cardiopatias, apoplexia e alguns tipos de câncer. Seu consumo habitual estimula a produção de melanina na pele, protegendo-a das radiações UVA do sol, além de proporcionar uma coloração mais bronzeada sob exposição solar. Mas talvez seu efeito mais benéfico seja sobre os olhos. Sabe-se que um déficit de Vitamina A pode provocar, dentre outros sintomas, numa maior dificuldade na visão

“Oftalmologistas com uma orientação mais holística recomendam consumir cenoura de maneira periódica (ao invés de remédios), especialmente em casos de miopia progressiva e quando aparecem danos na retina, pois esta hortaliça é riquíssima em Vitamina A.” noturna. Por isso os oftalmologistas com uma orientação mais holística recomendam consumir cenoura de maneira periódica (ao invés de remédios), especialmente em casos de miopia progressiva e quando aparecem danos na retina.

Querido leitor(a), dê preferência aos nossos anunciantes.

SOLIDARIEDADE

Dê preferência aos anunciantes do BEM ESTAR, são eles que possibilitam que o jornal seja entregue a você gratuitamente. Ajude a tecer a rede do BEM!

Pelo uso indiscriminado de agrotóxicos na produção industrial de hortaliças, convém dar preferência para cenouras de cultivo orgânico. Apesar de serem menores, por não usarem adubos químicos, as cenouras orgânicas são mais saudáveis e saborosas.


5 • Nº 17 • Janeiro 2010 • Bem Estar

Fique Alerta

Sua saúde merece cuidado Notícias para ler e repassar

Alumínio: Útil, Mas Perigoso 

O excesso deste metal no organismo pode provocar sérios danos, sendo alguns deles irreparáveis.

Dr. Sérgio Teixeira

S

e seu cabelo está caindo, desconfie do alumínio. Este metal, quando em excesso no organismo, provoca grande oleosidade no couro cabeludo e vai sufocar a raiz dos cabelos. Usar xampus contra a oleosidade ajuda, mas a causa pode ser o excesso de alumínio no corpo e se você não cuidar, pode acabar perdendo muito cabelo.  Além dos seus cabelos, todo o seu organismo está sendo prejudicado: o  alumínio deposita-se no cérebro, causando o mal de Alzheimer (esclerose mental precoce) e expulsa o cálcio dos ossos, produzindo a osteoporose. Esse cálcio vai se depositar em outros lugares, produzindo bursite, tártaro nos dentes, bico de papagaio e cálculos renais. Também vai para dentro das suas artérias, estimulando a pressão alta e a possibilidade de isquemias cardíacas (infarto), cerebrais (trombose) e genitais (frigidez e impotência). Para o Dr. Mauro Tarandach, da Sociedade Brasileira de Pediatria, graças ao avanço da biologia molecular no que tange ao papel dos oligoelementos na fisiologia e na patologia, está bem claro o papel do alumínio nas doenças da infância. Os sintomas clínicos da intoxicação por alumínio nas crianças, além da hiperatividade e da indisciplina, são mui-

tos: anemia microcítica hipocrômica refratária ao tratamento com ferro, alterações ósseas e renais, anorexia e até psicoses, o que se agrava com a continuidade da  intoxicação. Atualmente se utiliza a biorressonância para avaliar o nível do alumínio e outros metais. O método é muito menos dispendioso, podendo ser utilizado no consultório ou na casa do paciente. E de onde vem o alumínio para o organismo? Das panelas de alumínio, por exemplo, que vêm sendo proibidas em muitos países do mundo. Na Itália, famosa por seus restaurantes, nenhum deles pode usar essas panelas devido à proibição do governo italiano. É que as panelas de alumínio contaminam a comida intensamente. Para você ter uma ideia: pesquisa da Universidade do Paraná   demonstrou que as panelas vendidas no  Brasil dei-

Querido leitor(a), dê preferência aos nossos anunciantes.

xam resíduos de  alumínio nos alimentos que vão de 700 a 1.400 vezes acima do permitido. Isso só ao preparar a comida. Se a comida ficar guardada na panela por algumas horas, ou de um dia para o outro, este valor pode triplicar ou quintuplicar. Portanto, realmente vale a pena trocar de panelas.

Mas não é só. Sabe as latinhas de refrigerantes e cervejas, hoje tão difundidas no  Brasil? Pesquisa do Departamento de Química da PUC demonstrou que elas não  são fabricadas de acordo com os padrões internacionais. Em consequência,  seu refrigerante predileto pode conter quase 600 vezes mais alumínio do que se estivesse na garrafa. E, além do alumínio, foram demonstrados pelo mesmo estudo mais 12 outros metais altamente perigosos para a  saúde nessas latinhas, como o manganês, que causa o mal de Parkinson, o cádmio, que causa psicoses, o chumbo, que é  tão  encontrado no organismo de muitos assassinos, e outros. Que tal?

Prefira as garrafas Descoberto em 1809, o alumínio é um metal muito leve (só é mais pesado do que o magnésio) e já foi muito caro. Naquela época, Napoleão III, imperador da França, pagou 150 mil libras esterlinas por um jogo de talheres de alumínio. Esse metal tem espantosa versatilidade, sendo utilizado em muitas ligas metálicas. Depois do aço, é o metal mais usado no mundo, seja em panelas, embalagens aluminizadas, latas de refrigerantes e cervejas, antiácidos e desodorantes  antitranspirantes, assim como vasilhames para cães e gatos comerem e  beberem. Nestes, pode causar paralisia dos membros posteriores, o que leva  ao sacrifício precoce dos animais.  Em suma, o alumínio é muito útil, porém muito perigoso. Fique de olho.

www.jornalbemestar.com.br


Especial

de

Verão

Bem Estar • Nº 17 • Janeiro 2010 • 6

VERÃO modo de usar Com algumas informações, responsabilidade e bom senso, você pode usar o verão à vontade, mas cuidado com os efeitos colaterais!

D

e primeira, fique informado da composição da estação: no verão nosso hemisfério encontrase mais próximo do Sol e os dias são mais longos, enquanto as noites são mais curtas. As temperaturas se elevam e várias mudanças ocorrem no meio ambiente e também em nós. Então fique atento: o calor e a exposição ao sol podem agravar a perda de líquidos que, se associada a uma alimentação inadequada, pode desencadear quadros dramáticos. Deve-se tomar muita água e sucos naturais, que são agradáveis, leves e não dão aquela sensação de “barriga pesada”, como acontece com refrigerantes e outras bebidas gaseificadas. Além disso, sucos naturais garantem um aporte adequado de vitaminas e sais minerais. Com relação às crianças deve-se ter cuidado redobrado, pois elas são mais sensíveis à perda de líquidos e sais, bem como aos efeitos maléficos do consumo de alimentos não indicados, podendo ser vítimas fáceis de desidratação, intoxicação alimentar, diarréia e outros problemas.

Alimentação é a chave da estação Passe bem pelo clima quente. Para isso, o primeiro cuidado a ser tomado é se alimentar em pequenas quantidades, várias vezes ao dia. O café da manhã é uma das principais refeições e não deve ser negligenciado, sempre com frutas e sucos. No almoço e jantar devem constar refeições leves, que são de digestão mais fácil e garantem uma maior disposição. Evite, claro, o consumo de alimentos gordurosos e massas com molhos pesados. Durante a manhã e a tarde, entre as refeições, recomenda-se a ingestão de frutas e sucos naturais, mantendo assim uma reserva mais ou menos contínua de nutrien-

Denzin Evandro

-Wahl en Ow Robbie

tes em nosso organismo, o que evita a vontade de comer em grande quantidade no almoço e na janta. Uma outra questão fundamental é o cuidado com o preparo e a conservação dos alimentos, principalmente os vegetais e as carnes. Quanto à conservação, é importante que sejam mantidos refrigerados e bem acondicionados em recipientes próprios já que as altas temperaturas podem acelerar sua degradação, além de favorecer a proliferação de bactérias e fungos. No preparo, devemos estar atentos à lavagem adequada de frutas, legumes e verduras, que deve ser feita de maneira rigorosa, usando-se vinagre e um pouco de água sanitária (uma colher para cada litro) e água tratada. Bactérias adoram umidade e calor! Então, fique alerta com os alimentos oferecidos em bares e quiosques à beira da praia.


Especial

7 • Nº 17 • Janeiro 2010 • Bem Estar

de

Verão

Dicas para aproveitar bem o verão

“Se eu puder ver com os seus olhos e você com os meus, cada um de nós veria algo que talvez não pudéssemos ver sozinhos.” Peter Senge

O

marido chega do trabalho, joga sua pasta de um lado, seus sapatos de outro, se joga na poltrona e suspira. A mulher fala para a terapeuta: “Meu marido não me ama; todo dia eu arrumo a casa pra ele, me arrumo toda e a primeira coisa que faz quando chega em casa é resmungar na poltrona.” A terapeuta a incentiva a questionar este fato com o marido. Ao que o marido responde: “Querida, eu não resmungo, eu suspiro aliviado porque cheguei em casa, depois de um longo dia de trabalho”. Segundo Platão, vivemos como se estivéssemos dentro de uma caverna, amarrados de costas para a entrada, de forma que tudo que podemos ver são sombras da realidade que passa lá fora. Construímos modelos mentais para serem filtros da realidade. Não sabemos, nem nunca poderemos saber, a verdade completa das coisas. Estes modelos que construímos são baseados em nossas crenças, valores e história de vida. Quando cientistas estavam na dúvida se a luz era composta de partículas ou ondas, nos laboratórios onde se acreditava que

G uinovart

e morango) e vegetais verde-escuros (agrião, brócolis, couve, espinafre, rúcula). RO betacaroteno ajuda na obtenção e manutenção de um bronzeado mais intenso, por isso recomenda-se iniciar a ingestão de alimentos ricos nessa substância 15 dias antes da data desejada, mantendo a ingestão durante todo o verão. Esses alimentos são: a cenoura, a abóbora, o damasco, a laranja, o mamão, a manga e o pêssego. RPreparados com açaí são uma ótima maneira de resfriar o corpo e repor as energias gastas com o excesso de atividades físicas. No entanto, evite seu consumo exagerado, pois o açaí é muito gorduroso e de difícil digestão, devendo ser ingerido após o treino e não antes dos exercícios, como é comum. RLembre-se que sua saúde é o mais importante, por isso não a sacrifique aderindo a dietas milagrosas que colocam em risco o seu bem-estar. Invista na reeducação alimentar. O Verão é ótimo, embora tenha seus perigos. Divirta-se, pois afinal de contas você só pode aproveitar esta estação uma vez por ano! Carmen

boidratos complexos, como os cereais integrais, frutas, verduras, arroz, feijão e batata, são uma ótima fonte de energia e ajudam a regular a quantidade de açúcar no sangue. Evite o consumo de açúcar e doces em geral, pois eles são absorvidos rapidamente, elevando em picos a quantidade de açúcar no sangue, o que não é recomendável. REvite alimentos ricos em gorduras, como manteiga, creme de leite, margarina, bacon, óleo vegetal, etc. Além disso, mantenha distância de petiscos e aperitivos calóricos (os famosos “tira-gostos”, como o amendoim, salgadinhos industrializados, condimentados e batatas fritas). Uma opção saudável é substituí-los por legumes temperados e cortados (como pepino, cenoura, etc.) ou queijo branco temperado com azeite e orégano. RSanduíches naturais são deliciosos, porém não substituem uma refeição e devem ser preparados na hora que forem consumidos. Eles podem ser uma opção nos lanches durante a manhã e à tarde, acompanhando os sucos. ROs alimentos ricos em vitamina C têm propriedades antioxidantes e ajudam a manter a pele saudável, combatendo os radicais livres. Recomenda-se a ingestão de frutas cítricas (acerola, kiwi, laranja, limão, maracujá

M ari

Richard Sweet

RAbuse da água: beba no mínimo três litros de líquido por dia. Sucos naturais são ótimos, mas as bebidas isotônicas, somente se tiver feito exercícios. RConsuma muitos legumes, verduras e frutas. Eles são de fácil digestão e não causam aquela sensação de empachamento que pode comprometer sua disposição paras as atividades. As saladas cruas são excelentes opções para a obtenção de energia de forma leve e saudável, além de prover o organismo de vitaminas e sais minerais, que são importantes para a prática de exercícios. As saladas devem ser temperadas com azeite, vinagre e limão. Importante: a maionese pode ser perigosíssima nessa época do ano, pois contém ovos crus, foco de contaminação de bactérias, especialmente a salmonela, favorecendo as infecções intestinais, que podem acabar com a alegria de seu verão. RQuanto às carnes, dê preferência às grelhadas ou assadas, pois elas fornecem menos gorduras e, conseqüentemente, menos calorias. Dessa forma, evitam o ganho excessivo de peso. ROs alimentos que são ricos em car-

Inteligência Emocional Silvia Rocha

Percepção e diálogo:

caminhando para a integração A renovação dos nossos modelos mentais pode se dar através do contato com pessoas que não pensam como nós. O ideal de independência e autossuficiência cede lugar ao compartilhar das diferenças. a luz era onda, eles viam onda, e nos laboratórios que os cientistas acreditavam que a luz era partícula, eles viam partícula. Até que Einstein chegou a conclusão que era só tirar o “ou” e colocar o “e”. A luz é partícula e onda. Realidade é aquilo que percebemos. Após a física quântica, foi constatado que observador e observado fazem parte de uma dança interdinâmica contínua, uma única unidade. Isto significa que não conseguimos conhecer a realidade totalmente

porque estamos dentro dela. Nós somos a realidade. Nós só conseguimos enxergar a nós mesmos em tudo o que vemos. Segundo Maturana e Varela em seu conceito

de auto-poiésis (auto-criação), quanto mais conhecemos o mundo mais conhecemos a nós mesmos, e quanto mais nos renovamos no nosso auto-conceito, mais ampliamos nosso conceito de mundo. A renovação dos nossos modelos mentais pode se dar através do contato com outras pessoas que pensam diferente. O ideal de independência e auto-suficiência cai agora por água a baixo e é bem vindo o compartilhar das diferenças.

Algumas tribos de índios usam um ritual do bastão que fala. Cada integrante da tribo tem o direito de falar quando de posse do bastão. Normalmente eles sentam em círculo ao redor da fogueira e todos escutam aquele que está falando. Após este conselho, cada um segue sua vida sabendo o que deverá ser feito sem ninguém precisar mandar ou atribuir tarefas. Humildade é um requisito para buscar a complementaridade no outro. É preciso ultrapassar o modelo mental da discussão, que é como um jogo de tênis, onde um ganha e o outro perde, para se abrir para o diálogo, que pode ser comparado a um jogo de frescobol, em que os dois ganham se conseguem manter a bola no ar. Todos têm talentos criativos em uma coisa que o outro não tem. Aproveitar as diferenças das experiências individuais complementares é também aprender com as divergências. Estas devem ser entendidas como diversidades, não como conflitos. Neste espírito cooperativo, as percep-ções são somadas, a comunicação flui e soluções vêem regadas de idéias criativas que começam a florescer. Sílvia Rocha é psicóloga,

psicoterapeuta, consultora de empresas.


Matéria

Liberdade n

Alex Martín

Férias” vem da palavra latina “vacare” (daí o “vacaciones” do espanhol), que significa “ter tempo”, “estar ocioso”. Mas o ritmo de vida que levamos o resto do ano nos impulsiona de forma inconsciente a preencher também esses dias de atividades, quando deveriam ser um período de trégua, um espaço reservado para o descanso, a contemplação, a criatividade. Mas às vezes se escutam comentários do tipo “preciso de um mês para descansar dessas férias”, um sinal inequívoco de que não se soube girar o botão interno de TRABALHO para ÓCIO, ou

seja, do dever para a não obrigação. Especialmente para os que vivem em cidades, é importante que a pausa de verão seja uma oportunidade para recobrar a energia física e mental, deixar para trás os compromissos e abraçar a serenidade. As férias devem ser um período em que o corpo recupera seu ritmo, em que se permite deixar voar a imaginação e fazer coisas que se deseja, esquecendo o relógio e as pressões externas. Não deveriam ser as normas sociais as que decidem quando descansar, pois freqüentemente o organismo envia sinais de que necessita fazer uma parada.

Com todo o temp

Mudar a forma de entender o tempo é fundamental para desfrutar bem das

Aprender a desconectar Os principais sintomas de esgotamento:

Já que se tem menos de uma décima parte do ano para escapar da rotina, é bom escapar o máximo de tudo que não seja natural e espontâneo. Como um balão que solta lastro para elevar-se, é necessário despedir-se da pressão, do estresse e do esforço continuado para gozar de um período de calma. Para isso é preciso cortar as cordas que nos amarram às batalhas cotidianas. Ou seja, conseguir uma verdadeira desconexão.

Necessitamos mudar, espairecer, e isso significa sair de uma cadeia de obrigações sem entrar em outra. A espontaneidade é a melhor garantia de umas férias regeneradoras. Na hora de planejar a primeira prioridade é a liberdade. Para que a desconexão seja efetiva é importante deixar uma porta aberta para a improvisação, deixar de conjugar-se ao tempo futuro para abrir os braços ao presente.

m Sensação de perda de controle e estado freqüente de irritabilidade. m Esforço cada vez maior para realizar um trabalho que antes era um prazer. Bob Smith

Jan Flaska/arte de jaqueline bica

Aprender a não fazer nada é um requisito importante para gozar de um tempo de qualidade.

m Sensação de peso, confusão, lentidão de reflexos e desânimo m Transtornos, como dores de cabeça, contrações musculares, insônias.


de

Capa

nas férias

o e os compromissos s suas merecidas férias.

É um erro pretender fazer em algumas semanas o que não se pode fazer no resto do ano. É usual pessoas preencherem o tempo todo das férias com incontáveis programações. Esta é uma atitude que pode conduzir a frustrações. Já que férias equivalem a ter tempo, você deve ser a prioridade. Deixe se aconselhar por seus instintos, desfrute do sol, da natureza, decida sobre suas caminhadas, permita-se loucuras, visite lugares desconhecidos, abra aquele livro que levou meses na fila de leitura... Existem muitas possibilidades pra você! Freqüentemente deixamos a vida acontecer como se fosse algo prefixado, alheia à nossa vontade. As férias são uma oportunidade de resgatar a poesia que existe em cada pequena coisa. Nesse sentido, não é só uma ocasião para conhecer novos lugares, mas também para favorecer um crescimento interior. Livre das obrigações fica mais fácil contemplar a vida em perspectiva, ordenar idéias, reconsiderar os rumos, revigorar as energias para novos projetos. As férias são como um balão de oxigênio para o autodescobrimento, um tempo que renova e rejuvenesce, se estamos dispostos a abraçá-lo sem condicionamentos.

Dez regras infalíveis para desfrutar do ócio! O decálogo seguinte te ajudará a mudar o ritmo e a mentalizar-se para poder gozar com liberdade as suas férias. Não esqueça-o em casa!

1.

Enterre as pendências

Antes de sair de férias, escreva em sua agenda os assuntos que ficaram desatendidos e que terás que encarar na sua volta. Guarde a agenda e só a reabra quando voltares. sanja gjenero

po do mundo!

2.

Proibido levar trabalho

Nem sequer a agenda para planejar o ano! Só assim você conseguirá uma autêntica desconexão, para depois voltar à atividade com a vitalidade renovada.

a


3.

Matéria

Esqueça das notícias

Tanto das que acontecem no mundo, como dos pequenos acontecimentos de seu entorno. Você terá oportunidade de colocar em dia mais tarde, quando retornares.

4. 5.

O homem contemporâneo é basicamente sedentário, mas ainda conserva parte desta inquietude de explorar, descobrir, mudar de cenários, línguas, rostos. Viajar é uma poderosa fonte de enriquecimento, uma escada que permite contemplar o horizonte a partir de uma perspectiva mais ampla. Ao partir de férias se deixa para trás a monotonia, e o olhar adquire vivacidade e profundidade. Viajar implica esquecer os problemas passados e futuros e centrar-se no momento presente. Einstein assinalou que a velocidades próximas da luz o tempo se relativiza. Esta mesma visão continua tendo validade para velocidades muito mais bai-

Deixe-se levar

Esqueça o relógio

Não há hora para dormir ou se levantar quando se está de férias. Deixe que seu corpo imponha o ritmo.

Seja atrevido

Mostre-se aberto ao que surgir: no improviso se encontram as experiências mais valiosas e inesquecíveis.

8. 9. 10.

Bem Estar • Nº 17 • Janeiro 2010 • 10

Somos nômades historicamente. O ser humano sempre se locomoveu de um lugar para outro em busca de novos alimentos, situações e clima melhores.

Seja leve com sua bagagem

Oriente seus sentidos ao prazer e ao imprevisto e decida momento a momento o que queres fazer. Siga o que dizes tua inspiração.

7.

Capa A arte de viajar

Trate de levar com você somente o indispensável. É inútil carregar quatro livros se sabes, por experiência, que só lerá um.

6.

de

Frases para viajar

Comece algo novo

É a ocasião para explorar novos campos: pintar, escrever, praticar fotografia, fazer exercícios, música...

“Cada saída é uma entrada para outra parte”.

Não te sobrecarregues

Não se trata de fazer tudo e estar em todas as partes, mas sim desfrutar de cada momento e deixar espaço para a criatividade e a contemplação.

TOM STOPPARD

xas, inclusive para a velocidade de um homem que caminha. Pode-se falar de uma relatividade emocional, já que quando nos deslocamos de um lugar a outro sentimos que o tempo se dilata. Longe de casa, um dia pode parecer-nos uma semana, ou inclusive mais. Uma professora de literatura afirmava: “quando viajas pela primeira vez à Índia, em uma hora podem te acontecer mais coisas que em toda sua vida!”. Viaja-se pelo prazer de vagar, surpreender-se, rir, compartilhar, redescobrir-se a cada passo. Podemos deixarnos guiar por nossos instintos, inventar caminhos, passar ao largo de grandes monumentos para nos deter em uma

“As pessoas não fazem viagens. As viagens fazem as pessoas”. JOHN STEINBEK

pequena aldeia; basicamente: ser livre. Nas viagens não só descobrimos grandes territórios, mas também outras paisagens humanas. Quando viajamos percebemos quanta gente amável e hospitaleira existe em qualquer rincão do mundo, disposta a ajudar-nos de maneira desinteressada. Dispomo-nos a ver sob outros pontos de vista, conhecemos gente nova após um simples olhar ou compartilhando uma cena encontramos um amigo para a vida. Mas nem todo mundo pode permitir-se grandes aventuras e cada um deve fazer suas férias em sua medida. Para isso convém conhecer as próprias necessidades e tentar satisfazê-las.

“Chegou o dia em que o risco de permanecer apertado dentro do casulo foi mais doloroso que o risco de florescer”.

“O mundo é um livro e aqueles que não viajam lêem só uma página”.

ANAÏS NIN

“O barco está a salvo na baía. Mas os barcos não foram construídos para isso”.

“A vida se sustenta com o movimento, não com os cimentos”.

WILLIAM SHEDD

ANTOINE DE SAIT-EXUPÉRY

SAN AGOST

Expectativas demasiadamente altas podem levar a decepções. Desfrute do que se apresente sem exigências.

rodrigo lemes

Não idealizes

Boas Notícias Informações e serviços de Qualidade para você

Água Doce Cachaçaria – Zona Sul Agora atendendo no almoço aos domingos. Somente nos domingos! Cardápio será disponibilizado normalmente com todos os pratos e bebidas. Sistema à la carte. Horário de funcionamento: Das 11h30min às 15h. Lembrando que de segunda a sábado, no happy hour, das 18 às vinte horas, chopp Brahma

em dobro. Diversas porções com preços promocionais. Será um prazer recebê-los!

Tel: (51) 3273.4984

zonasul@jornalbemestar.com.br Editores - Zona Sul de Porto Alegre: RENATO GUARIGLIA e RENATA CUNHA | Editores - Redação Central: erico vieira, MAX BOF, ralph viana | Concepção/ Projeto Gráfico: RV COMUNICAÇÃO VITAL | Diagramação: FÁBIO FERREIRA | Jornalista Responsável: MAX BOF (MTB25046) | Colaboradores: Janilde Araujo, Silvia Rocha. | Material: Revistas CUERPOMENTE, UNO MISMO, GUIA LÓTUS, NEW AGE, PSYCHOLOGY TODAY, MUTANTIA, BUENA SALUD, THE QUEST, PSYCHOLOGIES, SHAMBHALA SUN, MAGICAL BLEND, NOUVELLES CLÉS | Impressão: Grupo Sinos Tiragem: 10.000 exemplares. Informes publicitários, textos e colunas assinadas não correspondem necessariamente a opinião do jornal e são de reponsabilidade de seus autores.

SIGA-NOS

www.twitter.com/bemestarzs


Matéria

11 • Nº 17 • Janeiro 2010 • Bem Estar

de

Capa

Lynne Lancaster

Prevenir a depressão pós-férias

Cada caso, uma necessidade No caso de quem trabalha de forma sedentária, é bom optar por uma viagem mais ativa. Podese empreender uma rota por lugares atrativos, seja só ou em grupo, se o que se busca é companhia. Após passar um ano na cidade, caem bem umas férias no campo ou na praia, para reavivar os pulmões, os sentidos e se aproximar da natureza. Se se tem “fome intelectual” e anseios de vida cultural, visitar uma grande cidade será uma magnífica ocasião para ver museus, freqüentar teatros, centros culturais etc. Se a vida profissional está

cheia de estresse e atividades, pode ser útil um retiro, num local mais isolado, para recuperar o silêncio e se reconectar consigo mesmo. Se o que se busca é um maior compromisso com o mundo, existe uma infinidade de ONGs que podem ter programas de “férias solidárias” em regiões que precisam de voluntários. Pode ser uma bela experiência de vida. Qualquer opção pode ser boa, se a escolha coincidir com nossos verdadeiros desejos.

O momento mais duro das férias se vive quando terminam. Por mais breve que tenha sido a liberdade, custa reincorporar-se à vida cotidiana. Os conselhos seguintes ajudarão a ver o retorno positivamente. p Evite o estresse e o esgotamento A finalidade das férias é fazer uma reposição de energia, não desperdiçá-la. Às vezes, aconselhe-se com sua preguiça. p Seja realista Fique presente que as férias são uma pausa, não um estado permanente. Cada coisa em seu lugar. p Volte com tempo É importante chegar alguns dias antes de reincorporar-se ao trabalho. Assim você poderá descansar da viagem e reintegrar-se paulatinamente ao seu mundo cotidiano. p Reencontre-se com o seu lar Desfrute das comodidades que a sua casa oferece. Valorize seu espaço como um refúgio que expressa sua identidade e no qual podes fazer o que quiseres. p Prepare-se para

Cada coisa em seu momento. Concentre-se em teu novo ciclo vital e aborde-o com prazer e responsabilidade. p Aplique o que aprendeu Não esqueças o que você viveu em seu período de descanso. Se tomares alguma resolução ou iniciativa, este é o momento de colocar em prática. p Encontre beleza no cotidiano Abra os olhos às pequenas maravilhas que te rodeiam: o cheiro de uma taça de chá, o sorriso dos conhecidos e vizinhos, o reencontro com sua cama... p Compartilhe suas experiên-

a atividade

Ao chegar é o momento de revisar sem pressa o que deixaste pendente ou os novos projetos. Adote uma atitude positiva frente ao que virá. p Não pense nas próximas fé-

rias

Publicada em CUERPOMENTE Muris Kuloglija Kula

cias

Esta é uma boa ocasião para reencontrar os amigos e colocar em dia o vivido. (Mas não abuse das fotografias e vídeos!) p Leve as férias consigo Preserve a energia acumulada durante o descanso. Prolongue o bom humor (pode ser até o ano que vem) e ofereça um pouco de sol aos demais.


Bem Estar • Nº 17 • Janeiro 2010 • 12

Scott Snyder

NATAÇÃO Uma prática excelente para a saúde Dr. Ángel Rubio Cada vez mais pessoas praticam regularmen- que praticam natação são mais altos, com maior te a natação. É claro que o verão é a melhor épo- desenvolvi mento muscular e com uma maior caca para desfrutar desse excelente exercício, mas pacidade pulmonar e apresentam um estado gea disponibilidade de piscinas cobertas e aquecidas ral de saúde melhor do que aqueles que não a prapermite que esta atividade seja também um exercí- ticam. cio habitual durante todo o ano. Claro que a prática da natação, em termos de Em vários países a natasaúde pessoal e saúde públição é obrigatória durante a Desenvolve toda a musculatura sem ca, é um excelente investijuventude, considerada uma forçar as articulações, aumenta o mento social, que fortalece atividade educativa e preânimo, tonifica pulmões e coração e o cidadão e desafoga a rede ventiva de saúde, pois forpública de saúde (postos, é muito agradável de praticar. talece e equilibra a muscuhospitais, etc.). Mas somenlatura dos jovens, estimula a te políticos com visão mais função respiratória em toampla identificam a questão dos os níveis, melhora a função cardíaca e circula- sob este ângulo. Tanto que esta medida é adotatória, aperfeiçoa a coordenação neuro-muscular e da somente em países mais desenvolvidos (Suécia, favorece o desenvolvimento harmônico do corpo. França, Dinamarca, entre outros). Comprovações sistemáticas realizadas pelo Mas saber um pouco mais sobre esta atiProfessor C. Latorget, em escolas primárias de vidade pode nos ser muito proveitoso, pessoalLyon, na França, demonstraram que as crianças mente.


13 • Nº 17 • Janeiro 2010 • Bem Estar

Steve Woods

Entrar numa piscina, num rio ou no mar mais ao nadarmos ou realizarmos qualproduz importantes mudanças na fisiologia quer tipo de exercício dentro d’água, de nosso organismo. Destacamos algumas como hidroginástica, por exemplo. das mais importantes. Mudanças sobre o peso que suporMudanças Circulatórias - A pressão que tam as articulações - Fora dágua nosso cora água exerce sobre o corpo faz com que po está submetido à ação da gravidade, que os líquidos orgânicos - sangue e linfa - se re- nos puxa para baixo, sendo a causa de nosdistribuam no organismo, dirigindo-se des- so peso. Dentro da água aparece outra forde as zonas mais baiça, que empurra nosxas para o tronco e tóso corpo para cima, farax. Isto melhora o recilitando sua flutuação. torno venoso e linfátiÉ o “empuxe”, descrito co, o que é interessante no Princípio de Arquipara pessoas com promedes. Ao submergirblemas circulatórios ou mos na água nosso peso edemas nas extremidacorporal se reduz signides inferiores. Além disficativamente, tanto que so, quando estamos de quando a água chega aos pé dentro d’água e esta ombros pesamos só uns nos chega à cintura, o dez por cento do que sangue se distribui em pesaríamos fora dela. nosso organismo como Ao nadar, o peso e o se estivéssemos deitaempuxe se compensam. dos. Se a água sobe até Não pesamos nada e, Ao submergirmos na água o tórax ou o pescoço, a por este motivo, flutunosso peso corporal se distribuição do sangue amos. Por isso a água é é equivalente ao que reduz dez vezes: assim, uma o meio adequado para acontece se estivéssepessoas que têm propessoa de 70 kg passa a pesar mos numa posição inblemas nas articulações. somente 7 kg! clinada com os pés mais Efeito na Musculaaltos que a cabeça. tura - Ao pesar menos, Mudanças Respiratórias - Se submergir- a musculatura se relaxa dentro dágua. Sem mos sob a água, a musculatura implicada na dúvida o movimento dentro d’água é um respiração tem que trabalhar contra a pres- movimento com resistência. Ou seja, que são que exerce a água para poder “inflar” nos custa mais nos mover, o que resulta os pulmões de ar. Desta maneira, se fortale- em maior exercício muscular. A água ofecem os músculos e melhora nossa capacida- rece assim um lugar excelente tanto para de respiratória. Este efeito aumenta muito exercícios quanto para relaxamento.

Massimo Giuliani

O corpo humano na água

Nadar no mar O mar apresenta uma série de características diferenciadoras com relação à piscina que merecem uma atenção especial. Devido ao sal, sua densidade é maior, por isso a força de empuxe aumenta e flutuamos melhor. Por tratar-se de uma imensa massa de

água e em movimento, é necessário adotar uma série de precauções para evitar situações de risco. O movimento das ondas dificulta a coordenação do movimento e a respiração, daí que ambos devem ser mais lentos, controlados e coordenados.

Conclusão A natação é um dos melhores exercícios que podemos fazer. Com ela trabalhamos intensamente a musculatura e as estruturas articulares do sistema locomotor e, além disso, ativa a respiração, a circulação e o metabolismo. Além do mais é uma atividade prazerosa e gratificante, que ajuda em estados de ansiedade. Do ponto de vista emocional é excelente para facilitar o contato com as emoções e para pessoas muito rígidas. É também uma ginástica natural indicada para pessoas de qualquer idade. Tem ação efetiva contra várias patologias.

“A prática da natação, em termos de saúde pessoal e saúde pública, é um excelente investimento social, que fortalece o cidadão e desafoga a rede pública de saúde (postos, hospitais, etc.)”

INDICAÇÕES A prática regular da natação e/ou da hidroginástica, é excelente para ajudar nas: n Contraturas cervicais,

dorsais e lombares. n Pinçamentos vertebrais n Artroses da coluna

vertebral n Osteoporose

n Contraturas diversas n Dores nas costas n Dores no nervo ciático n Problemas nos ombros n Problemas respiratórios e

circulatórios

n Estados de debilidade e ansiedade.


Ecologia

VERDES

S

e, até poucos anos atrás, os empresários do mundo, em especial os do Brasil, pouco se importavam com o meio ambiente, agora temos sinais claros de que essa mentalidade está mudando. O International Business Report 2009, pesquisa anual feita pela Grant Thornton International, com 7.200 empresas privadas de capital fechado de 36 países, inclusive o Brasil, mostra que pelo menos 51% do total das companhias estão dispostas a abrir mão de parte dos seus lucros para proteger o meio ambiente. É uma grande mudança de paradigma. Entre os brasileiros, o índice de empresários dispostos a perder parte da rentabilidade em prol da sustentabilidade é um pouco menor do que a média mundial, chegando a 43%. Mas é um número bem alto, se comparado ao que se via no passado, inclusive em anos mais recentes. Percebe-se claramente que a adoção de práticas verdes e de produção limpa vêm norteando o planejamento estratégico de um número cada vez maior de empresas, de todos os tamanhos e setores. Esse processo de evolução da sociedade com relação ao meio ambiente mostra, principalmente, que o meio empresarial está percebendo que o consumidor está cada vez mais preocupado com as questões ligadas à sustentabilidade e está

Bem Estar • Nº 17 • Janeiro 2010 • 14

Empresários

Pesquisa feita com mais de 7 mil empresas de 36 países revela que o meio ambiente já começa a ganhar a luta contra um de seus maiores adversários: o lucro. Wanderlei ferreira mais exigente também. A tendência é que a pressão dos consumidores aumente nos próximos anos, levando o setor produtivo a mudar de atitude, nem que seja apenas para a preservação do próprio negócio. De qualquer forma, quem sai ganhando é o meio ambiente. Há mais um dado que merece ser destacado nesta análise. Esses empresários perceberam que, se não cuidarem da sustentabilidade, no futuro, itens como matériaprima e água poderão ficar cada vez mais caros e escassos, elevando os custos e, consequentemente, dimi-

nuindo a rentabilidade e a produção. A pesquisa da Grant Thornton International mostra também que, entre todos os empresários ouvidos na América Latina, 56% garantem que adotariam práticas ambientalmente corretas. Já 37% preferem manter a rentabilidade. O Chile é o país com maior preocupação ambiental (89%), seguido da Argentina (80%) e do México (60%). A região da Ásia Oriental concentra o maior número de empresários dispostos a defender o meio ambiente (61%). A pesquisa deixa claro que o

“O empresários perceberam que, se não cuidarem da sustentabilidade, no futuro, itens como matéria-prima e água poderão ficar cada vez mais caros e escassos, elevando os custos e, consequentemente, diminuindo a rentabilidade e a produção”. lucro não é, obviamente, o único fator que conduz as práticas empresariais. Além da ética e da preocupação social do emprego, agora também chama a atenção o meio ambiente. Restará às empresas que ainda não atentaram para esse grande assunto rever seus planejamen-

tos e inserirem-se no conceito de entidades que respeitam o meio ambiente. Sem dúvida, esse será um dos fatores importantes no sucesso dessas organizações. Wanderlei Ferreira é sócio da Terco Grant Thornton.

PEÇA O ADESIVO GRATUITAMENTE! Se você quer um mundo mais pacífico, amoroso, afetuoso,

Faça sua parte: espalhe

acolhedor e feliz

essa mensagem por todos

você já está participando desse

os lugares!

projeto!

Mande um e-mail com essa mensagem, coloque o adesivo no seu carro. Vamos mostrar que é

faça sua parte!

Realização

Apoio

Queridos leitores, compartilhamos com vocês nossa imensa gratidão a essas empresas e profissionais, pois graças aos seus propósitos, bondades e generosidades essa campanha tornou-se real.

Peça seu adesivo gratuito, coloque no seu carro, dissemine a mudança! Assim tudo poderá melhorar.

possível mudar e vamos fazer isso da melhor

PASSE SEUS DADOS E ENVIAREMOS PARA VOCÊ! Ligue (51) 3273.4984 ou peça pelo site www.jornalbemestar.com.br

forma!



Bem Estar Zona Sul - Janeiro/Fevereiro 2010