Issuu on Google+

Clube Rugby Famalicão com resultados distintos As equipas do Clube de Rugby de Famalicão (CRF) que competiram no passado fim-de-semana conheceram diferentes resultados. Os seniores deslocaram-se a Tomar e venceram a equipa local por 57-3. Na próxima jornada o CRF vai folga, regressando à competição no dia 26 de Abril para receber o Lousada. Já os sub-18 do CRF deslocaram-se a Arcos de Valdevez para disputar os 1/16 da Taça de Portugal contra a equipa do CRAV e perderam por 29-0, sendo afastados da competição. O próximo jogo dos sub-18 está marcado para 19 de Abril, em Ribeirão, às 15 horas, frente à equipa das Caldas.

Associação Ciclismo Pousada em competição No próximo fim-de-semana, a Associação de Ciclismo de Pousada de Saramagos/Escola de Ciclismo Carlos Carvalho vai estar presente em mais duas provas de ciclismo. No sábado vai competir no 2º Encontro de Escolas de Ciclismo, a realizar em Nogueira do Cravo, Oliveira de Azeméis. A equipa de Pousada de Saramagos vai participar com nove ciclistas, divididos pelas categorias de infantis e juvenis. Já no domingo é a vez dos seis cadetes às ordens de Nuno Silva e Hélder Carvalho entrarem em acção na 1ª Provada Taça Nacional de Cadetes que se realizará na Anadia, na distância de 70 kms.

Pousadense garante lugar na final da taça distrital de futsal FC Vermoim participa nas 24 horas de futsal A equipa de futsal feminina do Futebol Clube de Vermoim vai marcar presença no 1º Torneio de Futsal Feminino da Associação Desportiva, Cultural e Recreativa de Paço dos Negros, de Almeirim. A competição decorrerá no próximo fimde-semana, dias 4 e 5 de Abril, no Pavilhão da Escola EB 2, 3 de Fazendas de Almeirim. A abertura do torneio está marcada para as 15h30 de sábado, terminando 24 horas depois.

O FC Vermoim está integrado no grupo B, jogando com Riachense (sábado, 18h30), JSC Évora (sábado, 20h30) e Coruche (domingo, 2h00). As meias-finais do torneio realizam-se no domingo de manhã, juntando os primeiros e segundos classificados dos grupos A e B, estando o jogo de apuramento do terceiro e quarto lugares agendado para o meio-dia de domingo e a final marcada para as 13 horas.

Martine Pereira conquistou um triunfo

Clube Pesca Lemenhe abre temporada O Clube de Pesca Desportiva de Lemenhe (CPDL) vai estar presente no ano de 2009 nos campeonatos nacionais e regionais de pesca desportiva. Neste momento conta já com a participação na 1ª e 2ª provas do campeonato nacional de pesca à truta com isco artificial que foi realizada no Rio Ceira, em Góis. Os resultados obtidos nas duas primeiras provas são considerados positivos pelos responsáveis da colectividade. O CPDL teve um atleta a fazer um 2º lugar na primeira prova e um outro atleta a fazer o 1º lugar na segunda prova. Neste momento, a equipa de Lemenhe conta com um dos seus atletas no 5º lugar da geral, tratandose do último lugar que dá acesso à Selecção nacional da modalidade. A 4ª e 5ª provas serão realizadas nos dias 4 e 5 de Abril, no Rio Vez.

Delães recebe fase regional de Karaté No próximo sábado realiza-se no Pavilhão Municipal de Delães a fase Regional Norte do Campeonato Nacional de Karaté da Federação Nacional de KaratéPortugal, nos escalões de infantis, iniciados e juvenis. Este campeonato tem a organização local da Escola de Karaté de Delães, contando com o apoio da Câmara Municipal de Famalicão e Junta de Ferguesia de Delães. Na parte da manhã (9h00-

13h00) vão competir os escalões de infantis e iniciados, em provas de kata, e na parte da tarde (14h30-19h00) competirá o escalão de juvenis, em provas de kata e kumite. Embora a organização ainda não tenha por parte da Federação o número exacto de competidores inscritos, a previsão vai para que cerca de meio milhar de crianças estejam presentes em Delães para competir no próximo sábado.

O Autódromo do Estoril abriu as hostilidades do Campeonato de Portugal de Circuitos (PTCC), com o piloto famalicense Martine Pereira a sair vitorioso na segunda corrida da categoria 3, enquanto na primeira ficou privado de o fazer devido a um pequeno toque que deixou o Alfa 147 imobilizado em pista. “Sofri um toque involuntário e o carro ficou imobilizado em pista, demorando bastante tempo para voltar a pegar. Um problema que já me tinha deixado apreensivo aquando da saída do parque fechado e que desconhecemos por completo. Podia ter levado do Estoril uma dobradinha, mas as corridas são assim mesmo, vamos continuar a trabalhar para atingir os nossos objectivos que passam pelo título”, apontou Martine.

O piloto de Famalicão justificou plenamente as suas ambições ao título na categoria 3 do PTCC, uma das mais participadas da competição, com o triunfo na segunda corrida, ao liderar da primeira à última volta. “Tinha consciência que era possível ganhar e na segunda corrida não desperdicei a oportunidade, mesmo estando algo apreensivo sobre o problema registado no carro”, disse. “Sem cometer erros e com um andamento rápido assumi de pronto a liderança da corrida e tudo se tornou mais fácil”, acrescentou ainda. O piloto está já a preparar o ataque a mais uma jornada dupla no Circuito Vasco Sameiro, em Braga, nos dias 25 e 26 de Abril.

Série B está suspensa pela FPF As fases da subida e manutenção da série B da 3ª divisão nacional estão suspensas pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF), devido ao facto de ainda não ter saído qualquer decisão quanto aos casos verificados nos jogos entre Vila Real e Oliveirense e entre Serzedelo e Coimbrões. Como a classificação final da primeira fase está dependente da resolução destas duas situações, a FPF decidiu adiar o início da segunda fase do campeonato. Desta forma, a Oliveirense vai cumprir mais uma semana sem competição em termos de jogos oficiais. Recorde-se que no caso do Vila Real-Oliveirense está em causa um possível castigo à equipa transmontana, por agressão ao árbitro da partida, enquanto no Serzedelo-Coimbrões existem suspeitas de tentativa de suborno ao árbitro do encontro. pub.


grande área

sport: 1 de Abril de 2009

22

PÓDIO

1º Liga Futsal Famalicão

A Liga de Futsal de Famalicão, destinada aos escalões mais jovens, está a ser bem sucedida, com muitas equipas e adeptos a acompanharem os jogos. A iniciativa é pioneira no concelho e promete dar a conhecer novos valores na modalidade, promovendo ainda a prática desportiva entre os mais jovens.

Pousadense venceu Santo Adrião por 4-2 nas meias-finais

Outeirense sobe à 2ª divisão nacional de ténis mesa

Taça distrital está à vista A equipa de futsal sénior da Associação Recreativa Pousadense venceu no passado domingo o Santo Adrião por 4-2, na decisão por grandes penalidades, e garantiu um lugar na final da taça distrital de futsal. No jogo das meias-finais, disputado no Pavilhão Municipal Terras de Vermoim, a equipa de Pousada de Saramagos teve de sofrer para eliminar o Santo Adrião. A final joga-se no dia 6 de Junho. A partida entre Pousadense e Santo Adrião foi sempre muito disputada, tendo a formação famalicense estado em vantagem no marcador, graças a um golo de Paulinho na conversão de um penálti. Ainda assim, os visitantes che-

gariam ao empate, resultado que se verificava no final do tempo regulamentar. O jogo teve por isso de seguir para prolongamento e a formação da casa haveria de se colocar novamente em vantagem no marcador. Numa boa jogada construída já no segundo tempo do prolongamento, o mesmo Paulinho fez o 2-1. Todos pensaram que a vitória estaria assegurada, mas num livre de dez metros, a castigar a sexta falta do Pousadense, o Santo Adrião fez o 2-2. Na decisão por grandes penalidades brilhou o guardaredes João Paulo, do Pousadense, que defendeu dois penáltis. O Santo Adrião

desperdiçou logo o primeiro pontapé de grande penalidade e João Paulo voltaria depois a suster novo remate dos adversários. Do lado da formação de Pousada de Saramagos ninguém falhou, com golos de Daniel, Hugo, Paulo Pereira e Machado. O resultado final nos penáltis foi de 42. Com este triunfo, o Pousadense alcançou o objectivo de marcar presença na final da Taça da AF Braga, em futsal, encontrando agora no jogo decisivo a formação do GCR Nun’Álvares. A final da competição joga-se apenas no dia 6 de Junho. B.M.

2º AR Pousadense O Pousadense derrotou o Santo Adrião nas meiasfinais e carimbou o passaporte para a final da Taça da Associação de Futebol de Braga, em futsal. Apesar de não ter conseguido realizar um campeonato dentro dos objectivos iniciais, o Pousadense pode agora vencer esta competição, encontrando na final o Nun’Álvares.

3º ADR Outeirense Apesar de ter averbado a primeira derrota no campeonato nacional da 3ª divisão de ténis de mesa, em jogo realizado na Maia, a equipa do Outeirense atingiu o principal objectivo desta temporada, a subida à 2ª divisão nacional da modalidade.

Plantel da Associação Recreativa Pousadense

Paulo Oliveira, Carlos Fernandes e Luís Henriques

A Associação Desportiva e Recreativa Outeirense (ADRO) deslocou-se no passado fim-de-semana ao Complexo Desportivo de São Cosme (Maia) para disputar a penúltima jornada do campeonato nacional da 3ª divisão nacional de ténis de mesa. O Outeirense averbou a primeira derrota no campeonato, perdendo por 4-2, mas garantiu o principal objectivo da temporada, a subida à 2ª divisão nacional da modalidade. A ADRO tentou tudo para evitar o desaire, mas mesmo saindo derrotada garantiu a promoção ao segundo escalão nacional do ténis de mesa. Assim sendo, o Outeirense vai disputar a última jornada do campeonato em casa, defrontado o Bairro da Misericórdia (Braga) e tendo já a subida assegurada. Este jogo servirá para a consagração e reconhecimento de todo o esforço de uma época. Entretanto, o escalão de cadetes masculinos iniciou o campeonato distrital com a recepção do CTM Taipas, tendo a ADRO vencido o opositor por 4-1.

Em duelo entre os dois primeiros classificados

AVC mantém primeira posição Numa partida onde se defrontaram as duas primeiras classificadas, com apenas uma derrota cada, a equipa sénior feminina de voleibol do Atlético Voleibol Clube (AVC) venceu por 3-0 na recepção ao AS Mamede, em partida da 2ª divisão da modalidade. Num jogo onde tudo saiu como previsto às famalicenses, o AVC vence o primeiro set por 25-14. A equipa da casa entrou no jogo com muita agressividade no serviço e com muita concentração na zona defensiva, impossibilitando qualquer reacção das adversárias. No set seguinte, o AS Mamede pareceu conseguir adaptar-se melhor, levando o jogo equilibrado até aos 20 pontos, altura em que o AVC partiu para o triunfo no set por 25-22. Este 2º set foi o único em que as visitantes demonstraram o porquê da po-

sição que ocupavam. No derradeiro set repetiu-se a história do primeiro, terminando com a vitória do AVC por 25-10. Na explicação do treinador do AVC, José Pereira, “a equipa efectuou a melhor exibição da temporada, não só em termos tácticos e técnicos, mas também em termos de vontade de vencer”. “O segredo para estas exibições assenta em manter os índices de concentração o mais tempo possível durante o jogo e qualidade no primeiro toque”, concluiu o técnico. Com este resultado, o AVC isolou-se no primeiro lugar, deslocando-se no próximo fim-de-semana à Maia onde defrontará o terceiro classificado, o Gueifães. J u n i o r e s ci l i n d r a m B e l e n e n s e s No passado sábado a equipa júnior do

AVC deslocou-se a Lisboa para defrontar a equipa do Belenenses, tendo vencido por 3-0, com os parciais de 4-25, 5-25 e 1-25. A equipa famalicense sabia de antemão que não podia contar com duas das suas atletas devido a lesão. Assim, a equipa técnica, constituída por Óscar Barros e Rui Oliveira, teve de proceder a algumas alterações. Mesmo assim, as jovens atletas demonstraram que estão a passar por uma boa fase e conseguiram levar de vencida a equipa lisboeta com relativa facilidade, fruto de um jogo técnico/táctico mais elaborado e consistente. No próximo sábado começa a segunda volta do campeonato nacional, onde o AVC vai encontrar uma vez mais a equipa da Universidade Lusófona. pub.


futebol

sport: 1 de Abril de 2009 23

Famalicão vence mas não convence na Divisão de Honra

Ribeirão desperdiçou oportunidade de ficar próximo da manutenção

Vitória suada Novo empate e no último minuto no Passal Bruno Zé D’Angola Hélder Tó Talocha Saviola (73’ Barreiras) Costa (73’ Canetas) Táxi Nuno Sousa (83’Bessa) Maniche Badara

Ricardo Peixoto (82’ Mayer) Nuno César (21’ Piruta) Zézinho Vitinha Bruno Ibraima Romeu Raimundo Rui Ossos (73’Tiago)

Treinadores Vítor Paneira

Luís Gomes

Golos: 26’ Maniche (1-0); 76’ Tiago (1-1); 95’ Tó (2-1). C artõ es Amarelo s: 40’ Hélder; 45’ Costa; 59’ Saviola; 62’ Ibraima; 65’ Tó; 80’ Táxi; 95’ Bruno. C artõ es Vermelho s: 96’ Hélder; 96’ Tiago.

José Clemente O FC Famalicão tinha na tarde de domingo uma boa possibilidade de mostrar ao muito público presente no Estádio Municipal que os últimos resultados conseguidos até tinham sido acidentes de percurso. No entanto, este jogo foi novamente uma cópia e para pior dos anteriores. Ainda assim, os famalicenses conseguiram regressar aos triunfos, com um golo de Tó já muito perto do final. Durante a primeira parte ainda se assistiu a rasgos de bom futebol, mas foi sol de pouca dura. Sem ter nada a perder, o Arões apresentou-se em Famalicão com a nítida inten-

AFB DIVISÃO HONRA A. Graça, 3; P. Regalados, 0 Santa Maria, 4; Laje, 1 Forjães, 0; Esposende, 0 Pica, 1; Torcatense, 1

CLAS SIFICAÇÃO

J

V

1. FC FAMALICÃO 24 16 2. Santa Maria 24 14 3. Taipas 24 14 4. Martim 24 12 5. Stª Eulalia Vizela 24 13 6. Aroes 24 12 7. Porto Ave 24 11 8. Torcatense 24 11 9. Esposende 24 10 10. Aguias Graça 24 9 11. Ronfe 24 8 12. Pica 24 6 13. Laje 24 6 14. Forjães 24 4 15. Alegrienses 24 3 16. Pico Regalados 24 2 Taipas - Aguias Graça P. Regalados - Santa Maria Laje - Forjães Esposende - Pica

Série 1

Alegrienses, 1; Ronfe, 1 Porto Ave, 3; SE Vizela, 0 FC FAMALICÃO, 2; Aroes, 1 Martim, 2; Taipas, 0 E

D

F

C

P

5 3 39 10 53 8 2 53 28 50 3 7 37 24 45 7 5 36 23 43 4 7 35 30 43 3 9 28 21 39 4 9 31 21 37 3 10 34 22 36 6 8 36 27 36 7 8 31 25 34 5 11 34 38 29 6 12 22 32 24 5 13 20 44 23 4 16 14 44 16 6 15 21 41 15 6 16 11 52 12 Torcatense - Alegrienses Ronfe - Porto Ave SEVizela - FC FAMALICÃO Aroes - Martim

Escola do Benfica de Famalicão vai ao Estádio da Luz Foi no passado dia 7 de Março que a Escola de Futebol do Benfica abriu em Famalicão. A ideia do projecto “Geração Benfica” é dar a possibilidade às crianças de Famalicão de aprender a jogar futebol, seguindo o método de treinos do clube encarnado. Após cumprir um mês de existência, os responsáveis desta escola pretendem implementar novas valências, estando ainda prevista a ida dos atletas ao Estádio da Luz no mês de Abril. A direcção da Escola de Futebol do Benfica pretende também estar muito presente na vida académico dos atletas e por isso futuramente vão ser criadas salas de estudo no centro de treinos para acompanhamento dos

Escola já tem cerca de 40 inscritos

jovens que integram a escola. Durante o mês de Abril, os atletas do Benfica de Famalicão vão ter a oportunidade de irem ao Estádio da Luz assistir a uma partida do Benfica. Os atletas famalicenses terão várias surpresas à sua espera.

Após um mês de existência, a escola tem sido um sucesso e as duas turmas criadas inicialmente estão já praticamente esgotadas, tendo nesta altura um total de cerca de 40 atletas inscritos. De forma a não prejudicarem qualquer criança,

os responsáveis vão criar mais turmas para poderem aceitar mais jovens. As inscrições continuam por isso abertas, com os interessados a poderem recorrer ao número 918 081 215 ou ao e-mail: efbfamalicao@slbenfica.pt.

Estádio do Passal Árbitro: Carlos Oliveira (Aveiro)

Ribeirão Caniçal Litos Luís Faria Pica Caravana André Serrão Tiago Martins Vítor Lobo (87’ Adriano) Bruno Pereira (46’ Pizzi) Mendes Paulo Rola Bacari (73’ Forbes)

Carrapato João Fidalgo Rui Manuel Bruno Costa Paulinho Edu Walter Vítor Cardoso (52’ A. Moreira) Rodrigo Wanderson (90’ Álvaro) Bruno Carvalho (80’ Afonseca)

Treinadores Flávio Neves

Luis Teixeira

Golos: 49’ Paulo Rola (1-0, penálti); 84’ Edu (1-1). Cartões Amarelos: 25’ Paulinho; 45’ João Fidalgo; 51’ Rui Manuel; 46’ Bruno Costa; 50’ Vítor Cardoso; 85’ Walter. Cartões Ve rme lhos: 48’ João Fidalgo; 91’ Rui Manuel.

José Carlos Fernandes O Ribeirão teve tudo para alcançar a vitória frente ao Caniçal, mas não o conseguiu porque foi uma equipa desorganizada durante toda a segunda parte. Os ribeirenses ainda estiveram em vantagem no marcador, jogando também toda a segunda parte com mais uma unidade, consentindo já perto do final a igualdade a uma bola diante dos madeirenses do Caniçal. O jogo foi de domínio caseiro durante os primeiros 45 minutos. O Ribeirão não conseguiu concretizar as boas situações de golo que usufruiu e saiu para o intervalo com o empate a zero. Foi a formação da ilha a primeira a causar perigo. Rodrigo em boa posição atirou ao lado da baliza. A reacção do Ribeirão surgiu de imediato. Tiago Martins, sozinho, não conseguiu marcar. Aos 22 minutos, Bacari imitou o seu colega de equipa e desperdiçou mais uma situação de golo. A partir daqui foi de facto um Ribeirão a dominar a partida. Contudo, os visitantes nunca deram muito sossego aos defensores caseiros. Aos 31 minutos, a equipa do Passal teve a melhor oportunidade de golo, na sequência de um canto, Paulo Rola, de cabeça, enviou a bola à barra. As ameaças eram muitas, mas o golo não surgia. Mesmo perto do intervalo, uma vez mais Tiago Martins desperdiçou excelente situação de golo. O nulo ao intervalo premiava o Caniçal, castigava e muito o conjunto da casa que criou mas desperdiçou boas oportunidades para marcar. No segundo tempo, Flávio Neves deixou Bruno Pereira nas cabines, surgindo Pizzi no seu lugar. Alteração que deu frutos de imediato. Pizzi combinou bem com Luís Faria, este devolveu para Pizzi rematar com perigo, obrigando João Fidalgo a

defender com as mãos. Penálti e duplo amarelo para o defesa do Caniçal. Paulo Rola não falhou, colocando o conjunto do Passal a vencer por uma bola a zero. O Ribeirão ganhou vantagem no marcador e ficou em superioridade numérica. Tudo se conjugava para uma tarefa mais facilitada da equipa da casa. Puro engano. Os ribeirenses engalanaram-se, vestiram o smoking, pensando que de facto tinham a festa controlada. Do outro lado surgiu o contrário. Mesmo com menos um elemento, os forasteiros foram sempre uma equipa inconformada, sempre a jogarem com garra e determinação, demonstrando excelente atitude. O tempo ia passando, as jogadas de perigo eram poucas, mas as que existiam eram para a equipa do Caniçal. Do banco surgem alterações, uma vez que nenhum técnico estava satisfeito. Flávio Neves queria mais dos seus jogadores e a atitude não era a melhor. Do outro lado, Luís Teixeira via a sua equipa dar o tudo por tudo na tentativa de conseguir melhor resultado. Foi o Caniçal que apesar da inferioridade numérica conseguiu chegar ao golo. Aos 84 minutos, boa jogada de Wanderson que combinou com Rodrigo que num remate colocado bateu Litos. Foi o desalento na equipa do Ribeirão. A jogarem com mais um homem, os ribeirenses consentiram o empate mas não estavam à espera de tal maldade dos ilhéus. Mas diga-se que foi justo, na altura, o golo do empate. A atitude das equipas era totalmente diferente. Tiago Martins, mesmo em cima do apito final, acabou por desperdiçar uma excelente oportunidade que poderia ter ditado a vitória do Ribeirão. O empate acabou por ser um mal menor face aos resultados verificados nos outros jogos. O Ribeirão mantém a primeira posição, mas perdeu uma excelente oportunidade de conseguir quase garantir a manutenção. O Caniçal pela atitude que teve, mereceu o empate, mas mesmo assim, continua com dificuldades para conseguir a manutenção. Arbitragem com alguns erros, mas sem influência resultado final

II DIVISÃO

RESULTADOS

Famalicão Arões

1-1

Ribeirão, 1; Caniçal, 1 R. Brava, 1; M. Fonte, 2

CLAS SIFICAÇÃO

1. Ribeirão 2. Vianense 3. R. Brava 4. Maria Fonte 5. Caniçal 6. Mirandela

PRÓ XI MA

Árbitro: António Ribeiro Auxiliares: Ricardo Coimbra e Nicolas Oliveira

Bruno obrigou o guarda-redes famalicense a evitar aquilo que seria um escândalo. Com um minuto ainda para jogar, o Famalicão beneficiaria de um pontapé de canto e na marcação do mesmo Tó dava os três pontos à sua equipa. Este foi um golo bastante contestado pelos homens do Arões por uma possível falta sobre o seu guarda-redes. Esta foi uma vitória sofrida da formação famalicense, mas uma coisa é certa, Paneira no final do encontro não poupou críticas a alguns jogadores da sua formação. Agora o campeonato vai parar duas semanas e Paneira promete rever alguns processos da equipa e são esperadas mudanças no Famalicão. Quanto ao árbitro da partida esteve bem, mas muito mal auxiliado pelo seu colega do lado da bancada.

R E S U LTA D O S

Estádio Municipal Famalicão

ção de não perder por muitos golos de diferença. Uma defesa muito bem organizada e reforçada, o mesmo acontecendo com o seu meio campo e na frente de ataque apenas um homem. Foi deste modo que a formação do Arões complicou e muito a tarefa da equipa da casa. O Famalicão só praticou bom futebol até à altura de marcar o seu primeiro golo e a partir daí a equipa famalicense nunca mais se encontrou. Antes do golo famalicense já Raimundo tinha ameaçado a baliza de Bruno quando apareceu sozinho e rematou ao lado. Maniche colocou depois a sua equipa a vencer por uma bola a zero e o Famalicão acreditou que tinha o jogo ganho. Puro engano, embora ao intervalo os locais estivessem na frente do marcador, num resultado mais do que justo. Para a segunda parte tudo foi diferente e para pior. O Arões entrou para a segunda parte muito mais atrevido, foi a melhor equipa em campo e obrigou o Famalicão a cometer muitos erros. Seria numa dessas jogadas, em que os centrais famalicenses não se entenderam, tendo Tiago, que tinha entrado três minutos antes no jogo, restabelecido a igualdade e a justiça no marcador. Com o golo do empate, o Arões acreditou que poderia levar mais do que um ponto, tanto era a desorganização da equipa da casa. Até teve uma boa oportunidade para matar o jogo, a dois minutos do final dos descontos, quando mais uma vez Tiago, sozinho, frente a

PRÓXIMA

2-1

J

4 4 4 4 4 4

V

1 2 0 2 1 1

Caniçal - Ribeira Brava Maria Fonte - Vianense

MANUTENÇÃO

Vianense, 0; Mirandela, 0

E

3 2 1 1 1 2

D

0 0 3 1 2 1

F

3 3 2 6 4 3

C

2 0 6 6 5 2

Mirandela - Ribeirão

P

21 19 17 16 14 13


futebol

sport: 1 de Abril de 2009

24

Juniores derrotados por 2-1 pelo V. Guimarães

Subida em aberto na 1ª divisão distrital Trata-se, sem dúvida, de um dos mais competitivos campeonatos dos últimos anos na 1ª divisão, série A. Enquanto o líder Apúlia continua a mostrar que a subida é uma realidade que ali mora por perto (vitória sobre o Palmeiras por 4-2), a luta pela segunda vaga que dá acesso à subida de divisão está ao rubro. Para já esse lugar está ao alcance de várias equipas, entre elas o Louro, que empatou em casa (1-1 com o Maximinense), e o Ninense e CATEL que perderam os seus jogos em Terras do Bouro e Viatodos. O Gondifelos, ainda que com objectivos diferentes, averbou nova vitória, desta vez sobre o Soarense por 2-1. O Ninense começou bem o jogo, criando várias oportunidades para inaugurar o marcador, ainda que o lance mais perigoso tenha ocorrido no final da primeira parte ao ser perdoada uma grande penalidade a favor do Ninense, quando todos os espectadores que assistiam ao jogo, menos o juíz da partida, viram o defensor do Terras de Bouro a cortar a bola com a mão dentro da grande área. Ainda assim, o Ninense voltaria disposto a desfazer o nulo do intervalo e conseguiria, através de Káká, o golo inaugural, após bom cruzamento de Ruizinho da direita. A reacção dos da casa não se fez esperar e aproveitando um certo desacerto da defensiva famalicense, conseguiria dois golos em poucos minutos, dando a volta ao marcador. A poucos minutos do final, novo lance polémico,

Que grande injustiça

Ninense perdeu em Terras de Bouro

com KáKá a sair lesionado do terreno de jogo após carga ilegal do defensor bourense, quando o atacante ninense se preparava para fazer o golo do empate e com o árbitro novamente a nada assinalar. Com estes resultados, os jogos do próximo fim-desemana podem ser decisivos, com o Ninense a visitar o Álvelos, o Louro a deslocar-se ao Dumiense e o Gondifelos a receber o líder Apúlia. Alberto Barbosa

S. Cláudio regressa às vitórias O São Cláudio recebeu o Águias FC para disputar a 22ª jornada do campeonato da 2ª divisão distrital, série C, e venceu por 3-1. A equipa de Antas, depois de ter perdido dois pontos na jornada anterior, encarou esta jornada com muita seriedade e com vontade de vencer o jogo o mais depressa possível, mas o vento que se fez sentir no Parque Desportivo de São Cláudio durante toda a partida fez com que o jogo não fosse muito bom e que as oportunidades de golo fossem poucas. Aos 15 minutos, os visitantes fizeram o 0-1 no único remate realizado na primeira. Apesar de ter criado algumas oportunidades para marcar, o S. Cláudio nunca in-

Juniores famalicenses mereciam outro resultado

V

PRÓXIMA

E

D

F

C

4 1 73 21 6 4 53 23 7 4 55 30 3 10 57 43 8 7 55 36 9 7 37 30 8 8 34 28 9 9 23 34 5 12 43 47 9 10 37 41 7 12 45 40 4 14 43 55 4 17 27 56 4 17 24 54 8 15 39 65 7 18 25 67 Académica - Leixões Gil Vicente - Boavista Penafiel - Beira-Mar Infesta - FC Porto

P

70 57 55 45 44 42 41 36 35 33 31 31 22 22 20 13

GD Joane organiza torneio de sueca O Grupo Desportivo de Joane organiza no próximo dia 4 de Abril, sábado, às 15 horas, em Joane, um grande torneio de sueca, bem como o jogo do palito. Numa e noutra modalidade, o clube joanense promete valiosos prémios para disputa. Os interessados em participar neste torneio podem realizar as inscrições na sede do clube no dia do torneio.

AFB I DIVISÃO

Terras Bouro, 2; Ninense, 1 Celeirós, 0; Águias Alvelos, 1 Louro, 1; Maximinense, 1 Vila Chã, 3; Dumiense, 1

CLAS SIFICAÇÃO

J

V

1. Apúlia 23 14 2. Ninense 23 12 3. Louro 23 11 4. CATEL 22 12 5. Águias Alvelos 23 11 6. Vila Chã 23 11 7. Palmeiras 23 12 8. Terras Bouro 22 11 9. Gondifelos 23 10 10. Viatodos 23 6 11. Cabreiros 23 8 12. Pousa 23 6 13. Soarense 23 6 14. Maximinense 23 5 15. Dumiense 23 4 16. Celeirós 23 1 Águias Alvelos - Ninense Maximinense - Celeirós Dumiense - Louro CATEL - Vila Chã

Série A

Viatodos, 1; CATEL, 0 Apúlia, 4; Palmeiras, 2 Soarense, 1; Gondifelos, 2 Cabreiros, 0; Pousa, 1 E

D

F

C

P

6 3 34 12 48 8 3 27 14 44 9 3 29 13 42 5 5 35 17 41 7 5 28 19 40 6 6 41 26 39 3 8 34 27 39 4 7 29 22 37 1 12 25 36 31 9 8 24 35 27 2 13 21 31 26 7 10 19 20 25 6 11 25 34 24 7 11 22 27 22 4 15 13 37 16 2 20 13 49 5 Palmeiras - Viatodos Gondifelos - Apúlia Pousa - Soarense Cabreiros - Terras Bouro

As oportunidades aconteciam, só que os jogadores da casa estavam em tarde desastrosa. Aos 35 minutos da primeira parte, na marcação de um castigo máximo, poderia o S. Cosme ter chegado ao golo, mas o jogador encarregado da marcação permitiu a defesa do penálti. A equipa do Peões não se limitou apenas a defender e por algumas vezes chegou com bastante perigo à baliza do S. Cosme. O empate acaba por ser um mal menor para o desacerto dos jogadores da casa. O S.Cosme jogou com: J. Pereira, Toninho (Zé Miguel), Rafa, Bruno, Rogério, Tiago, Vitó, Rochinha, Seara, Vitor Hugo (Gonçalves), Hélder (Pedro).

AFB II DIVISÃO

Série A

S. Veríssimo, 6; J. Belinho, 1 Mouquim, 3; Necessid., 2 Tebosa, 1; Sequeirense, 0 MARCA, 1; Antas, 1 Lemenhe, 5; Gandra, 5 Tadim, 3; Granja, 1 Roriz, 2; Operário, 0

CLAS SIFICAÇÃO

J

V

1. Tadim 21 15 2. MARCA 21 12 3. S. Veríssimo 21 11 4. Roriz 21 11 5. Operário 21 11 6. Gandra 21 8 7. Antas 21 8 8. Lemenhe 21 7 9. Mouquim 21 7 10. Sequeirense 21 6 11. Granja 21 4 12. Necessidades 21 4 13. Tebosa 21 4 14. Juv. Belinho 21 1 Sequeirense - Juv. Belinho Gandra - Tebosa Operário - Lemenhe Necessidades - Roriz

E

D

F

C

5 1 38 13 6 3 33 19 7 3 46 24 6 4 51 29 4 6 25 16 7 6 38 33 5 8 36 26 7 7 31 32 5 9 24 31 5 10 23 38 8 9 27 37 4 13 26 42 3 14 22 40 4 16 21 61 Antas - Mouquim Granja - MARCA Tadim - S. Veríssimo

P

50 42 40 39 37 31 29 28 26 23 20 16 15 7

AFB II DIVISÃO

R E S U LTA D O S

J

1. FC Porto 27 22 2. V. Guimarães 27 17 3. Sp. Braga 27 16 4. Penafiel 27 14 5. Académica 27 12 6. Leixões 27 11 7. Candal 27 11 8. Merelinense 27 9 9. Gondomar 27 10 10. Rio Ave 27 8 11. Boavista 27 8 12. Gil Vicente 27 9 13. Vizela 27 6 14. Famalicão 27 6 15. Beira-Mar 27 4 16. Infesta 27 2 Gondomar - Merelinense Candal - Rio Ave V. Guimarães - Vizela Sp. Braga - Famalicão

Rui Faria

S. Cosme, 0; Peões, 0 Arsenal, 2; Bairro, 4 Figueiredo, 2; S. Paio, 1 S. Cláudio, 3; Águias, 1

CLAS SIFICAÇÃO

J

1. Ruivanense 21 2. Bairro 20 3. L. Enguardas 20 4. S. Paio 20 5. Lagense 21 6. Figueiredo 20 7. S. Cosme 21 8. Guisande 19 9. S. Cláudio 21 10. Delães 20 11. Vitória 20 12. Arsenal 21 13. Águias 21 14. Peões 20 15. Telhado 21 Peões - Arsenal Bairro - Figueiredo S. Paio - S. Cláudio Águias - L. Enguardas

PRÓXIMA

CLAS SIFICAÇÃO

I DIVISÃO

Leixões, 0; Sp. Braga, 2 Boavista, 1; Académica, 2 Beira-Mar, 4; Gil Vicente, 3 Infesta, 1; Penafiel, 1

R E S U LTA D O S

FC Porto, 3; Merelinense, 0 Rio Ave, 1; Gondomar, 1 Vizela, 0; Candal, 1 Famalicão, 1; V. Guimarães, 2

Depois de duas jornadas a vencer, tendo o S. Cosme derrotado respectivamente S. Paio e Bairro, esperavase por mais uma vitória da formação famalicense comandada por Mário Melo. Na recepção ao Peões, o S. Cosme não venceu por culpa própria, registando-se um nulo no final da partida. Talvez a pensar que o adversário era fácil, os jogadores do S. Cosme não conseguiam acertar no último passe, talvez motivado pelo forte vento que se fez sentir durante o jogo. Apesar de ser sempre a formação que mais fez para chegar ao golo, a verdade é que ou os avançados falhavam, ou o guarda-redes do Peões defendia.

PRÓXIMA

R E S U LTA D O S

JUNIORES

2-1. Ao minuto 65, o jogador Riba foi expulso por derrubar um adversário quando este corria isolado para a baliza, mas a equipa não sentiu muito essa perda no eixo da defesa e já no período de descontos, aos 94, Carneiro, depois de ter sofrido uma falta dentro da área, fez o 3-1 final. O S. Cláudio jogou com: Hélder, Luís Miguel, Riba, Couto e Ricardo (93’ Rafael) Peneda, Abel, Mendes (70’ José Fernando), José Rui, Avelino (82’ Vítor) e Carneiro. No próximo sábado, 4 de Abril, o S. Cláudio desloca-se a Braga para defrontar o S. Paio d’Arcos às 16 horas.

S. Cosme empata na recepção ao Peões

R E S U LTA D O S

Os juniores do Famalicão receberam no passado sábado o V. Guimarães e perderam por duas bolas a uma, numa partida em que a formação famalicense não merecia sair derrotada. Com este resultado, os famalicenses perderam em definitivo o comboio da manutenção. Assistiu-se a um bom jogo no campo de treinos do Estádio Municipal, com a equipa famalicense a não ter medo do nome do seu adversário. Isso já tinha acontecido no jogo da primeira volta, em que o Famalicão perdeu por 1-0, tendo no último minuto de jogo enviado uma bola à barra. Desta vez aconteceu a mesma coisa. O Famalicão foi quase sempre a melhor equipa e só com a ajuda do árbitro da partida, que empurrou a equipa fama-

license para trás, é que o resultado não foi outro. O Famalicão marcou primeiro e logo aos dez minutos já vencia por 10, fruto do golo marcado por Nelson. O Guimarães chegaria ao empate através de um autogolo de Bruno Carvalho. A partir daqui, o jogo passaria por um fase de equilíbrio e o intervalo chegaria com as equipas empatadas. Para a segunda parte, o Famalicão entrou com a disposição de discutir o jogo e tentar vencer a partida, só que o Guimarães jogava nesta partida a manutenção no segundo lugar da tabela. O Guimarães iria conseguir os seus objectivos a cinco minutos do final da partida, quando Jussane colocou pela primeira vez a sua equipa em vantagem no marcador. No cômputo geral pode dizer-se que este resultado não condiz em nada com aquilo que se passou dentro das quatro linhas. A divisão de pontos ou mesmo a vitória da equipa famalicense seria o resultado mais justo. Os visitantes foram mais felizes e daí terem levado os três pontos para a cidade berço. Num jogo realizado no campo de treinos do Estádio Municipal, arbitrado por Paulo Rodrigues (Braga), auxiliado por João Gomes e João Cardoso, o FC Famalicão alinhou com: Piteca Vidigal, Castanheira, Bruno Carvalho, Miguel, Rui, Arantes, Urbano, Tavares, Cesário e Nelson. Jogaram ainda: Tiago e Batista. Já o V. Guimarães, treinado por Luís Filipe, jogou com: Cláudio, Ricardo, Carlos, Vítor, Gonçalo, Cristiano, Fausto, Dinis, Jussane, Bruno e Diogo Lamelas. Jogaram ainda: Lucas, Rafael e Djaló

PRÓXIMA

José Clemente

comodou verdadeiramente o guarda-redes contrário durante os primeiros 45 minutos. Na segunda parte, o Águias apenas criou uma jogada de perigo, onde reclamaram golo, mas o guarda-redes da casa, Hélder, defendeu a bola em cima da linha de golo. O S. Cláudio da segunda parte foi muito diferente do da primeira, pois a equipa de Antas entrou com outra atitude e aos 53 minutos fez o golo da igualdade por Mendes que já dentro da área rematou colocado. Ao minuto 58, dentro da área do visitante, um defesa do Águias deu mão na bola e prontamente o árbitro marcou grande penalidade convertida por Carneiro, fazendo o

Série C

V

14 12 11 10 10 9 9 8 8 8 6 5 4 2 2

L. Enguardas, 3; Lagense, 2 Vitória, 0; Ruivanense, 2 Delães, 2; Telhado, 1 Folgou: Guisande E

D

F

C

2 5 39 16 6 2 43 18 4 5 34 20 6 4 26 19 5 6 36 19 6 5 28 22 6 6 24 18 5 6 30 25 4 9 33 31 4 8 27 25 4 10 29 40 3 13 29 46 5 12 26 52 6 12 19 42 4 15 17 47 Lagense - Vitória Ruivanense - Delães Telhado - Guisande Folga: S. Cosme

P

44 42 37 36 35 33 33 29 28 28 22 18 17 12 10


J

1. Ribeirão 21 2. Vitoria 21 3. M. Fonte 21 4. Brito 21 5. Fafe 21 6. Sandinenses 20 7. Taipas 20 8. Urgeses 20 9. Fair-Play 19 10. Joane 20 11. Ruivanense 21 12. S.E Vizela 19 13. F.C Vizela 20 14. Vieira 20 Taipas - F.C Vizela Sandinenses - Ribeirão M. Fonte - Brito Vieira - Fair-Play

E

D

F

C

P

1 2 47 9 52 3 1 87 14 51 3 3 58 23 42 7 4 32 21 37 2 8 39 35 35 4 7 31 20 34 4 7 31 24 31 4 9 34 36 28 3 10 19 32 24 5 10 24 37 20 3 14 14 45 15 4 13 18 44 13 2 15 18 52 11 3 15 20 80 9 Moreirense - M.Fonte Pevidem - Taipas Vizela - Vitoria

I Divisão - Série B

Vitoria, 9; Vieira, 0 S.E Vizela, 0; Joane, 1 Ruivanense, 0; Urgeses, 0

V

19 17 16 10 9 8 8 7 7 6 5 5 3 0

E

D

F

C

1 1 60 5 0 4 70 12 2 3 50 18 2 9 29 30 4 8 45 33 6 6 35 21 3 9 26 31 4 9 29 31 2 10 24 37 5 9 19 35 6 10 24 37 3 11 14 41 3 14 13 47 3 17 14 74 Joane - Vitoria Urgeses - S.E Vizela Ruivanense - Fafe

P

58 51 50 32 31 30 27 25 23 23 21 18 12 3

V

Fradelos - Bairro Gandarela - Joane Antime - Urgeses Prazins - Cabeceirense

JUVENIS

16 14 10 9 10 8 8 7 7 5 4 3 1 3

D

2 0 3 4 8 4 9 10 9 9 11 11 11 14

F

62 63 26 38 42 32 39 46 35 30 22 31 15 20

C

18 15 19 27 32 23 50 40 37 43 42 56 43 56

Estorãos - Celoricense Delães - S.Paio Ruivanense - Silvares

PRÓXIMA P

51 48 36 35 33 32 28 25 25 20 17 15 11 11

II Divisão - série C

Carreira, 1; Cavalões, 3 Operario, 3; Telhado, 1 Brufense, 2; Lousado, 0 Arnoso, 1; Oliveirense, 5

CLAS SIFICAÇÃO

E

3 6 6 8 3 8 4 4 4 5 5 6 8 2

J

V

Viatodos, 1; Ribeirão, 1 Bairro, 2; Joane, 3 Folgou: Ruivanense E

D

F

C

1. Viatodos 20 15 3 2 68 10 2. Ribeirão 18 15 1 2 96 9 3. Joane 18 14 0 4 44 19 4. Operario 18 12 4 2 44 10 5. Ruivanense 19 12 2 5 39 21 6. Oliveirense 19 11 2 6 51 21 7. Bairro 18 8 2 8 38 35 8. Telhado 19 6 0 13 32 69 9. Carreira 19 5 0 14 27 57 10. Arnoso 18 4 0 14 26 65 11. Cavalões 18 3 3 12 18 66 12. Lousado 17 3 0 14 16 72 13. Brufense 17 2 1 14 9 54 Cavalões - Ruivanense Ribeirão - Arnoso Telhado - Carreira Joane - Viatodos Lousado - Operario Folga: Bairro Oliveirense - Brufense

INICIADOS

P

48 46 42 40 38 35 26 18 15 12 12 9 7

II Divisão - Série A

Vila Chã, 5; Louro, 1 Granja, 0; Gandra, 3 Ninense, 0; Marinhas, 5 Verissimo, 3; E.Faro, 0

CLAS SIFICAÇÃO

J

1. Marinhas 19 2. Braga 17 3. Verissimo 19 4. Vila Chã 19 5. Fão 16 6. Bastuço 19 7. Aveleda 19 8. Louro 19 9. Operario 19 10. Granja 16 11. Gandra 16 12. E.Faro 18 13. Ninense 18 Gandra - Louro Marinhas - Granja E.Faro - Ninense Fão - Verissimo

V

17 13 10 10 10 8 7 7 5 5 4 4 3

Folgou: Fão Braga, 2; Bastuço, 0 Aveleda, 1; Operario, 3 E

D

F

C

1 1 58 9 0 4 59 15 3 6 33 22 3 6 27 18 1 5 28 24 4 7 30 29 2 10 25 35 2 10 28 45 4 10 15 29 1 10 27 39 2 10 22 33 2 12 18 43 3 12 12 41 Folga: Bastuço Operario - Braga Aveleda - Vila Chã

V

16 12 11 11 9 9 8 8 8 7 5 5 4 3

JUVENIS

Vieira, 3; Brufense, 0 Arões, 0; Fair-Play, 1 Ronfe-Sandinen. (adiado) E

D

F

C

4 1 46 9 6 3 42 23 5 4 29 24 2 7 38 33 5 7 29 27 2 9 36 32 5 8 29 27 4 8 42 36 3 10 38 37 6 6 31 34 4 11 30 38 4 12 32 47 2 14 21 41 2 16 20 55 Fair-Play - Vieira Sandinenses - Arões Ronfe - Brito

P

52 42 38 35 32 29 29 28 27 27 19 19 14 11

I Divisão - série A

Alvelos, 0; Prado, 1 Gil Vicente, 4; Marinhas, 0 S.Verissimo, 1; Vilaverde., 0 Braga, 2; Andorinhas, 0 Moreirense, 3; Misericordia, 0 Merelinense, 7; Regalados, 1 Famalicão, 3; Esposende, 1

CLAS SIFICAÇÃO

J

V

E

D

F

C

1. Gil Vicente 21 18 2 1 63 8 2. Moreirense 21 16 2 3 68 10 3. Famalicão 21 15 3 3 53 15 4. Merelinense 21 10 6 5 50 28 5. Marinhas 21 11 3 7 41 27 6. Braga 21 10 5 6 38 23 7. Andorinhas 20 10 4 6 37 28 8. Esposende 20 7 5 8 35 31 9. Vilaverdense 21 8 1 12 41 53 10. Misericordia 21 6 6 9 29 40 11. Prado 21 6 2 13 40 38 12. Alvelos 21 4 5 12 14 48 13. S.Verissimo 21 3 0 18 15 76 14. Regalados 21 0 0 21 10 109 Andorinhas - Gil Vicente Vilaverdense - Prado Regalados - Braga Misericordia - S.Verissimo Merelinense - Alvelos Esposende - Moreirense Marinhas - Famalicão

P

56 50 48 36 36 35 34 26 25 24 20 17 9 0

PRÓXIMA

J

J

1. Moreirense 21 2. Ribeirão 21 3. S.Eulalia 20 4. Sandinenses 20 5. Oliveirense 21 6. Brito 20 7. Fair-Play 21 8. Pevidem 20 9. M.Fonte 21 10. Ronfe 19 11. Torcatense 20 12. Arões 21 13. Vieira 20 14. Brufense 21 Torcatense - S.Eulalia Moreirense - Pevidem M.Fonte - Ribeirão Brufense - Oliveirense

R E S U LTA D O S

II Divisão - série C

21 20 19 21 21 20 21 21 20 19 20 20 20 19

CLAS SIFICAÇÃO

INICIADOS

RE SUL TA DOS

PRÓXIMA

RE SUL TA DOS

1. Urgeses 2. Ruivanense 3. Antime 4. Joane 5. Delães 6. Celoricense 7. Prazins 8. Cabeceirense 9. S.Paio 10. Fradelos 11. Silvares 12. Estorãos 13. Gandarela 14. Bairro

I Divisão - série B

Brito-S.Eulalia (adiado) Pevidem-Torcaten. (adiado) Ribeirão, 2; Moreirense, 1 Oliveirense, 3; M.Fonte, 1

P

52 39 33 33 31 28 23 23 19 16 14 14 12

I Divisão - Série A

Misericordia, 6; Arnoso, 0 Prado, 1; Merelinense, 1 S. Maria, 1; Esposende, 0 Ceramistas, 3; Braga, 2 Arsenal, 1; Andorinhas, 0 Palmeiras, 1; Amares, 1 Vilaverdense, 2; G.Vicente, 3

CLAS SIFICAÇÃO

1. Braga 2. Merelinense 3. Prado 4. Vilaverdense 5. Arsenal 6. Esposende 7. S. Maria 8. Gil Vicente 9. Palmeiras 10. Misericordia 11. Ceramistas 12. Andorinhas 13. Amares 14. Arnoso

J

21 20 21 21 21 21 19 20 21 21 21 21 20 18

V

14 14 12 13 12 10 8 8 7 7 6 3 3 1

Esposende - Arnoso Andorinhas - S. Maria Gil Vicente - Arsenal Merelinense - Vilaverdense

INICIADOS

6 4 6 1 3 3 5 3 5 4 2 7 1 0

D

1 2 3 7 6 8 6 9 9 10 13 11 16 17

F

C

49 10 64 29 50 16 35 19 41 14 29 21 36 20 22 34 39 23 35 31 29 58 28 33 19 61 19 126

Braga - Prado Amares - Ceramistas Palmeiras - Misericordia

P

48 46 42 40 39 33 29 27 26 25 20 16 10 3

II Divisão - Série C

Moreirense, 1; Famalicão, 1 Pevidem, 3; S. Paio, 0 Delães, 2; Desp. Ponte, 4 S.Jorge, 0; Vitoria, 2

CLAS SIFICAÇÃO

E

J

1. Pencelo 21 2. Pevidem 18 3. S.Jorge 21 4. Oliveirense 21 5. Celoricense 20 6. Ronfe 21 7. Vitoria 21 8. Bairro 21 9. Moreirense 21 10. Famalicão 21 11. Desp. Ponte 19 12. S. Paio 19 13. Delães 21 14. Cabeceirense 21 S. Paio - Famalicão Desp. Ponte - Pevidem Vitoria - Delães Celoricense - S.Jorge

V

18 14 14 13 12 11 11 10 9 6 6 4 1 0

Oliveirense, 0; Celoricense, 2 Ronfe, 2; Pencelo, 2 Cabeceirense, 1; Bairro, 4 E

D

F

C

P

3 0 61 14 57 2 2 81 17 44 1 6 52 26 43 0 8 51 28 39 2 6 46 23 38 4 6 47 18 37 3 7 43 24 36 3 8 39 26 33 2 10 31 35 29 4 11 27 50 22 1 12 21 28 19 1 14 27 63 13 1 19 15 104 4 1 20 10 95 1 Pencelo - Oliveirense Bairro - Ronfe Cabeceirense - Moreirense

Infantis A do Famalicão perdem com Guimarães por 2-0 Na visita ao terreno do Guimarães, os infantis famalicenses não foram felizes, talvez por inadaptação ao relvado sintético, e saíram derrotados por 2-0. Os infantis A do Famalicão entraram mal no jogo e o primeiro quarto de hora havia de ser fatal para os rapazes do concelho famalicense que sofreram dois golos. Com o resultado desfavorável, os azuis tiveram que assumir as despesas do jogo e daí até ao final só deu Famalicão. Mas o futebol é feito de golos e apesar de uma mão cheia de oportunidades desperdiçadas, o estigma da falta concretização pairava sobre os dianteiros famalicenses que não atinavam com as redes contrárias. Por seu turno, o V. Guimarães nunca conseguiu superiorizar-se ao Famalicão e fazia um futebol de contenção, uma vez que o relógio jogava a seu favor. O jogo terminou sem que os miúdos de Famalicão tivessem materializado em golo todo o ascendente, principalmente na segunda parte. De qualquer forma, os jovens jogadores famalicenses demonstraram que têm valor para andarem nos lugares cimeiros. Os infantis A alinharam com: Miguel, André Gomes, Rui, Dani, Carlos, Simão, Marito, João Pedro, César, Viana e Dinis.

Resultados das camadas jovens do FC Famalicão… As camadas jovens do FC Famalicão estiveram em acção no passado fim-de-semana, registando os seguintes resultados: Famalicão 1-2 V. Guimarães (nacional juniores); Famalicão A 3-1 Esposense (juvenis); Maria da Fonte 0-1 Famalicão B (juvenis); Moreirense 1-1 Famalicão B (iniciados); V. Guimarães 2-0 Famalicão A (infantis); Operário 3-0 Famalicão B (infantis); Louro 1-5 Famalicão A (escolas); Famalicão B 1-13 Vizela (escolas).

Os jogos da próxima jornada são os seguintes: Braga-Famalicão (nacional juniores, sábado, 16 horas); Marinhas-Famalicão A (juvenis, sábado, 17h30); Famalicão B-Amares (juvenis, sábado, Campo do Outiz, 16 horas); Famalicão A-Vizela (infantis, sábado, Campo do Avidos, 14h30); Famalicão B-Vizela (infantis, Campo do Avidos, 16 horas); Famalicão A-Operário (escolas, sábado, Campo do Avidos, 17h30).

…e do GD Joane Também as diferentes equipas das camadas de formação do GD Joane actuaram no passado fim-de-semana. Resultados: Joane 0-3 Fradelos (juniores); Bairro 2-3 Joane (juvenis); Santa Eulália 0-1 Joane (iniciados); Joane 2-3 Bairro (infantis); Operário 6-2 Joane (escolas, série E); Pevidem 4-3 Joane (escolas, série F). Na próxima ronda, jogam-se as partidas: Gandarela-Joane (juniores, sábado, 21 horas); Joane-Viatodos (juvenis, sábado, Campo da Riopele, 16 horas); Joane-V. Guimarães (iniciados, domingo, Campo da Riopele, 10 horas); Lousado-Joane (infantis, sábado, 9h30); Joane-Taipas (escolas, série F, Campo nº 2 do GD Joane, domingo, 10 horas).

Floresta aproximou-se do topo na AFSA Decorreu no passado fim-desemana mais uma jornada dos diferentes escalões da Associação de Futebol de Salão Amador de Famalicão (AFSA) e o principal destaque na 1ª divisão vai para a aproximação do Floresta ao primeiro lugar, depois do empate do líder Covense. Resultados da 19ª jornada: Landim 9-2 Novais; Vermoim 3-5 S. Martinho; Floresta 3-1 Outeirense; Covense 2-2 Castelões; ADESPO 4-3 Carril; Lameiras 4-1 JASP; Gavião 45 Pedome. Lidera o Covense com 48 pontos, mais um que o Floresta. Na 2ª divisão também se jogou para a 19ª jornada, com os resultados: ACURA 4-3 Barrimau; Carreira 11-4 Esmeriz; Louredo 1-3 Telhado; S. Cosme 7-1 1º Maio; Bente 2-1 Lousado; Cabeçudense 4-1 Requionense; Bairrense 0-3 Flor Monte. Lidera No passado sábado, a equipa de futsal da Associação Recreativa e Cultural de Antas (ARCA) deslocouse ao terreno do líder do campeonato nacional da 3ª divisão, o Piratas de Creixomil, e perdeu por 9-7. Em jogo da 22ª jornada, os comandados de Henrique Passos realizaram uma boa exibição e criarem muitas dificuldades ao líder da tabela classificativa que teve de suar para garantir os três pontos. A ARCA não conseguiu somar pontos, mas está acima da linha de água e mantém intactas as aspirações de se manter nas divisões nacionais de futsal. Na próxima jornada, a equipa de S. Tiago de Antas recebe no Pavilhão Municipal das Lameiras a formação do Chaves Futsal, equipa que se segue imediatamente na classificação, com mais dois pontos, e em caso de vitória poderá dar mais um importante passo rumo à permanência. A partida está marcada para as 17h30 do próximo sábado.

o S. Cosme com 52 pontos. Em juvenis, os resultados da 19ª jornada foram: Louredo 7-2 Juv. Académico; S. Martinho 121 Barrimau; Cabeçudense 4-2 Bairrense; Mouquim 11-4 Flor Monte; Landim 10-1 Pedome; ADERM 5-9 Lameiras. Lidera as Lameiras com 48 pontos. Em iniciados disputou-se a 16ª ronda, com os resultados: Cabeçudense 1-15 JASP; Outeirense 7-4 Juv. Académico; ADERM 3-9 Barrimau; Lameiras 19-2 Juv. Joane; Covense 1-2 Castelões; Pedome 29-0 Carreira. Lidera o Outeirense com 48 pontos. No escalão feminino, jogouse para a primeira mão das meias-finais da Taça da AFSA. Os resultados foram: Landim 61 Juv. Académico; Lousado 1-8 Outeirense. A segunda mão da eliminatória joga-se no próximo sábado.

ARCA fez suar o líder FUTSAL

Araucária, 5; Macedense, 7 Vianense , 5; Sangemil, 6 Merelinense, 3; Ac. Leça, 5 P.Creixomil, 9; ARCA, 7

R E S U LTA D O S

Fafe, 4; F.C Vizela, 1 Ribeirão, 4; Taipas, 0 Brito, 3; Sandinenses, 1 Fair-Play, 1; M. Fonte, 0

M.Fonte, 0; Famalicão, 1 Taipas, 1; Moreirense, 0 Vizela, 2; Pevidem, 3

P

52 52 41 39 34 32 27 27 25 21 21 19 17 11

Silvares-Bairro (adiado) Celoricense, 3; Prazins, 1 Joane, 0; Fradelos, 3 S.Paio, 3; Estorãos, 0 Urgeses, 5; Gandarela, 0 Ruivanense, 2; Delães, 1 Cabeceirense, 2; Antime, 3

CLAS SIFICAÇÃO

PRÓXIMA

Operario - Antas Granja - Celeiros Marca - Meães

P

55 50 50 46 39 32 31 24 21 19 18 13 11 6

C

sport: 1 de Abril de 2009 25

CLAS SIFICAÇÃO

J

1. P. Creixomil 20 2. Ac. Leça 20 3. FC Foz 20 4. Macedense 20 5. Contacto 19 6. Barranha 21 7. Chaves 20 8. ARCA 21 9. Merelinense 19 10. C. Ansiães 21 11. Sangemil 20 12. Vianense 20 13. Araucária 19 FC Foz - Araucária Macedense - Vianense Sangemil - Merelinense Ac. Leça - P.Creixomil

PRÓXIMA

V

17 16 13 10 11 10 9 8 7 5 4 3 3 2

PRÓXIMA

R E S U LTA D O S

INICIADOS

PRÓXIMA

C

13 35 19 34 28 34 48 48 52 64 68 56 49 70

F

PRÓXIMA

J

1. Fafe 20 2. Vitoria 20 3. Fair-Play 19 4. Taipas 21 5. Gil Vicente 21 6. M.Fonte 21 7. Pevidem 20 8. Vizela 21 9. Brito 20 10. Moreirense 20 11. Ronfe 21 12. Famalicão 20 13. Amares 20 14. Delães 20 Fafe - Ronfe Brito - Delães Gil Vicente - Fair-Play Famalicão - Amares

CLAS SIFICAÇÃO

F

75 80 63 48 54 40 50 44 28 33 31 26 26 20

I Divisão - série B

Vitoria, 5; Ronfe, 0 Delães, 1; Fafe, 5 Fair-Play, 7; Brito, 1 Amares, 2; Gil Vicente, 1

CLAS SIFICAÇÃO

D

2 2 3 5 5 6 9 11 12 14 14 13 15 18

D

4 0 71 21 1 2 64 16 2 5 51 30 3 6 57 32 4 7 43 34 2 9 43 51 3 10 28 33 3 10 37 43 1 12 34 53 3 11 23 35 3 12 32 54 1 14 29 52 2 14 38 62 2 16 31 65 Ninense-Esposende S.Veríssimo-Vila Prado-ArsenalDevesa

R E S U LTA D O S

R E S U LTA D O S

JUVENIS

E

1 2 2 1 3 5 1 3 3 1 0 4 2 0

R E S U LTA D O S

Realense - Vila Chã Ag.Alvelos - Catel Arnoso - Bastuço Apulia - Forjães

V

18 16 16 15 12 9 10 7 6 6 6 3 3 2

E

PRÓXIMA

J

21 20 21 21 20 20 20 21 21 21 20 20 20 20

R E S U LTA D O S

1. Ag.Alvelos 2. Arnoso 3. Catel 4. Celeiros 5. Operario 6. Realense 7. Meães 8. Granja 9. Forjães 10. Antas 11. Marca 12. Vila Chã 13. Bastuço 14. Apulia

V

JUNIORES

PRÓXIMA

RE SUL TA DOS

CLAS SIFICAÇÃO

PRÓXIMA

II Divisão - série A

Meães, 2; Vila Chã, 1 Antas, 1; Apulia, 2 Catel, 4; Realense, 1 Celeiros, 3; Operario, 0 Bastuço, 0; Ag.Alvelos, 3 Marca, 4; Granja, 0 Forjães, 1; Arnoso, 2

J

1.Vilaverdense 20 16 2.Marinhas 20 17 3.Amares 20 13 4.SantaMaria 21 12 5.Esposende 21 10 6.Prado 21 10 7.MerelimS.Paio 21 8 8.Nogueirense 21 8 9.ArsenalDevesa 21 8 10.Andorinhas 20 6 11.Ninense 21 6 12.Vila 21 6 13.S.Veríssimo 21 5 14.Patrimoniense 21 3 Vilaverdense-MerelimS.Paio Patrimoniense-Nogueirense SantaMaria-Andorinhas Amares-Marinhas

JUNIORES

PRÓXIMA

R E S U LTA D O S

CLAS SIFICAÇÃO

A equipa de iniciados do Ribeirão lidera de forma tranquila a 1ª divisão distrital, série B, do escalão. No passado fim-de-semana os ribeirenses bateram em casa o Taipas por 4-0 e mantiveram a distância pontual para o segundo classificado e principal perseguidor. O conjunto de Ribeirão tem sete pontos de vantagem e está tranquilo no topo da classificação da série.

JUNIORES

I Divisão - série A Esposende,2;Amares,2 Arsenal,3;MerelimS.Paio,0 Nogueirense,1;Vilaverdense,1 Vila,4;Ninense,1 Andorinhas,2;Patrimoniense,1 Prado,4;S.Veríssimo,1 Marinhas,2;SantaMaria,1

RE SUL TA DOS

JUNIORES

Iniciados do Ribeirão lideram tranquilos

distritais

III Divisão

Chaves, 6; Barranha, 5 Folgou: Contacto C. Ansiães, 4; FC Foz, 8 V

16 15 14 12 10 9 8 6 7 7 5 5 1

E

D

F

C

P

3 1 96 48 51 1 4 87 52 46 3 3 102 52 45 2 6 93 72 38 0 9 85 85 30 3 9 74 74 30 2 10 80 87 26 6 9 62 87 24 2 10 72 85 23 1 13 105 107 22 4 11 58 76 19 3 12 86 111 18 0 18 41 105 3 ARCA - Chaves Barranha - Contacto Folga: Carrazeda Ansiães


26

modalidades

sport: 1 de Abril de 2009

Mouquim abre segunda fase com derrota O Mouquim entrou da pior forma na segunda fase do campeonato distrital de futsal, depois de ter perdido por 5-1 na recepção ao Nun’Álvares. Ao intervalo, os famalicenses já perdiam por 2-1e na segunda parte os visitantes acabaram em definitivo com o jogo. A formação do Mouquim alinhou com: Patrese, Hélder, Taveira, Gui, Teixeira (1), Ricardo, Matos, Gil, Tiago, Pedro, Guimarães e Paulo. Marcha do marcador: 0-1; 1-1; 1-5. Entretanto, no campeonato concelhio de futebol de salão, escalão de juvenis, o Mouquim venceu a Flor do Monte por 11-4. Em destaque esteve o jogador Vieira que só à sua conta apontou seis golos. Esta foi a terceira vitória consecutiva da formação famalicense. Os juvenis do Mouquim jogaram com: Maia, Rui, Tiago (2), Simão (1), Vieira (6), Vítor (1), Tiago Machado, Rogério (1), Bruno e Arantes.

FC Vermoim recuperou título de campeão A equipa de futsal feminino do Futebol Clube de Vermoim recuperou o título de campeão distrital, depois de ter recebido e vencido o Maria da Fonte por 2-1, sucedendo desta forma precisamente à formação da Póvoa de Lanhoso. O Pavilhão Municipal Terras de Vermoim encheu-se para aquela que foi a jornada de consagração, sendo que a partir de agora a Taça Nacional de futsal é o grande objectivo. O treinador do FC Vermoim, Francisco Paiva, garante que a equipa vai agora trabalhar muito para passar a primeira fase da Taça Nacional. “Queremos chegar às meias-finais e acredito que

temos uma boa base para atingir o sonho que perseguimos”, acrescentou o técnico citado por um jornal da região. Entretanto, o FC Vermoim vai continuar com a sua aposta na área da formação e na continuidade da actual equipa feminina. Assim, as jogadoras Andreia Santos (guarda-redes), Catarina (guarda-redes); Paulinha (fixo/ala), Ana Azevedo (universal), Dulce Piairo (pivot), Elsa Dias (fixo/ala), Paula Gomes (fixo), Sandra Piairo (ala), Patrícia Magalhães (ala/pivot), Vera Paiva (ala) e Isabel Paiva (ala) já renovaram os seus vínculos com o clube famalicense.

Famalicenses em estágio nacional de karaté

Campeonatos nacionais juniores e seniores em natação

Jorge Maia e Luís Vaz somam títulos O Grupo Desportivo de Natação de Famalicão (GDNF) foi das equipas que esteve em destaque nos campeonatos nacionais de juniores e seniores, realizados em Lisboa nas piscinas do Estádio Universitário, entre os passados dias 27 e 29 de Março, conquistando dois títulos de campeão nacional, dois títulos de vice-campeão nacional e quatro terceiros lugares, totalizando seis medalhas obtidas. No plano individual, Jorge Maia sagrou-se campeão nacional sénior e Luís Vaz campeão nacional nacional júnior. Jorge Maia foi a “estrela” dos campeonatos, ao sagrar-se campeão nacional sénior na prova de 400 metros Livres. Com a marca obtida, o nadador famalicense alcançou também os mínimos de acesso ao estatuto de alta competição e mínimos de ingresso ao nível de esperança olímpica para os Jogos Olímpicos de Londres, em 2012. De igual modo, Jorge Maia, na prova de 200 metros Livres, também alcançou mínimos de ingresso ao nível de esperança olímpica para Londres, significando ainda o melhor tempo nacional da distância e muito próximo do recorde nacional absoluto. Luís Vaz sagrou-se campeão nacional júnior, na prova de 100 metros Livres, estabelecendo o seu novo recorde pessoal e que lhe garantiu a participação no Open de França no mês de Maio. Por sua vez, Ana Rita Ferreira sagrou-se vice-campeã nacional sénior, na prova de 400 metros Livres, no seu primeiro ano na categoria de sénior. Ana Rita Ferreira é desta forma a primeira atleta famalicense a sagrar-se vice-campeã nacional em seniores. Da mesma

Jorge Maia e Luís Vaz nadadores do GDNF

forma, Mário Costa também se sagrou vice-campeão nacional de seniores no seu primeiro ano na categoria máxima da modalidade, na prova de 200 metros Costas. As restantes medalhas de bronze foram alcançadas por Luís Vaz, nas provas de 200, 400 e 800 metros Livres e ainda pela estafeta de 4x200 metros Livres, constituída por Jorge Maia, Paulo Araújo, Mário Costa e João Araújo. Para o treinador do GDNF, Pedro Faia, “Famalicão esteve em evidência nestes nacionais, ao ter dois novos campeões nacionais e ao alcançar extraordinárias marcas por intermédio do Jorge Maia, obtendo dois mínimos de esperança olímpica e abrindo boas perspectivas para lutar pelos mínimos para os Campeonatos do Mundo de Roma”. As boas prestações e resultados, “responsabilizam-nos ainda mais para darmos seguimento ao

projecto da natação famalicense e acima de tudo satisfazer as expectativas desportivas e humanas destes jovens atletas que investem de forma profunda na modalidade”, concluiu Faia. Terminados os campeonatos nacionais, Jorge Maia vai agora representar a Selecção nacional sénior para defender as cores lusas no Open de Espanha, a realizar em Málaga entre os dias 1 e 5 de Abril, ao passo que Luís Vaz estará ao serviço da Selecção nacional júnior nos Multinations Juniores, a realizar em Atenas (Grécia), entre os dias 2 e 5 de Abril. Nos campeonatos nacionais seniores e juniores, a equipa famalicense foi constituída por: João Araújo, Diogo Carneiro, Paulo Araújo, Jorge Maia, Mário Costa, Luís Vaz, Marco Machado, Marta Jordão, Rita Ferreira e Catarina Marques.

José Rodrigues venceu Trilhos de Camilo No passado fim-de-semana realizou-se no Pavilhão Municipal do Samouco e no Pavilhão Municipal de Alcochete o Estágio Nacional de Karaté Shotokan, organizado pela Associação Desportiva e de Clubes “Centro Português de Karaté”, dirigido pelos mestres José Melo (Coimbra) e Joaquim Fernandes (Vila das Aves). Neste estágio do concelho de Famalicão participaram: Escola de Karaté de Delães, Stephanie Paiva graduada neste estágio após exame com o nível Shodan (cinturão negro 1º Dan) e Andreia Silva graduada em 3º Kyu (1º nível de cinto castanho); Associação Desportiva de S. Mateus, Ricardo Oliveira graduado após exame em 1º Kyu (último nível de cinto castanho) e João Araújo que apenas participou no estágio. Participou também o mestre Renato Monteiro, responsável técnico dos dois clubes famalicenses.

Realizou-se no passado domingo a terceira edição do Raid BTT “Trilhos de Camilo”, em Seide S. Miguel. A prova, com um percurso de 50 kms e de dificuldade física média/alta e técnica média, contou com cerca de 300 participantes e foi classificado pela maioria de “duro mas divertido”. O percurso, depois de inicialmente ter percorrido terrenos agrícolas, entrou no Monte de Santa Cristina, iniciando aí os momentos de maior dureza da prova que ainda fez mossa na passagem pelo Penedo das Letras, terminando de uma forma mais suave em Seide. O primeiro a cortar a meta foi José Rodrigues, da equipa da casa, com um tempo de duas horas e 17 minutos, menos 15 minutos que o segundo classificado Francisco Rosa (Bike Zone Chamir). O terceiro foi Nuno Monteiro (Joane BTT). Na prova feminina, a vencedora foi Ana Gonçalves, da formação da casa, seguida de Gabriela Rebelo (Lousado BTT) e de Isabel Araújo (AfimdeBTT).

Trilhos de Camilo teve 50 kms

A prova contou ainda com a presença do vereador do desporto da autarquia famalicense, Jorge Paulo Oliveira, e presença notada foi também a de alguns atletas espanhóis.

Toni Paiva e Académico na frente na Liga de Futsal Disputou-se no passado fim-de-semana a primeira jornada da Liga de Futsal de Famalicão, com os jogos a decorrerem no polidesportivo da JASP que registou muita afluência. No escalão de escolinhas, registaram-se os seguintes resultados: FC Vermoim 3-5 Sportfut; Escola FT Paiva/JASP 5-2 Arnoso Sta Eulália; Juv. Joane 3-3 Juv. Académico; Folgou: Academia Futebol Famalicão. No final da primeira jornada, a classificação é liderada por Escola FT Paiva/JASP e Sportfut, ambas com três pontos, seguindo-se

Juv. Académico e Juv. Joane com dois, depois FC Vermoim e Arnoso Sta Eulália, com um, e Academia Futebol de Famalicão ainda sem qualquer ponto. Quanto ao escalão de pré-escolinhas, os resultados foram: FC Vermoim 5-2 Juv. Joane; Juv. Académico 8-0 Arnoso Sta Eulália; Sportfut 3-2 Escola FT Paiva/JASP. Classificação: Juv. Académico, FC Vermoim e Sportfut todos com três pontos, seguindo-se Escola FT Paiva/JASP, Juv. Joane e Arnoso Sta Eulália, todos com um ponto.


sport: 1 de Abril de 2009 27

modalidades

Veteranos dão cartas no badminton Realizou-se no passado sábado em S. Paio de Oleiros a sexta e última prova do calendário do Circuito Nacional Yonex de Veteranos. Em representação do FAC compareceram na prova quatro atletas. Em veteranos A, e em singulares homens, Paulo Bourbon perdeu nos quartosde-final da prova enquanto Rui Gomes atingiu as meias-finais. Nos quartos-de-final, Rui Gomes derro-

tou Jorge Azevedo, de Espinho. No jogo da meia-final, o cansaço fez-se sentir e Rui Gomes perdeu com Nélson Dias, de Porto Salvo, que viria a vencer a prova. Quanto a Maria Machado, que venceu a prova de singulares senhoras em veteranos B+C, derrotou Eugénia Magalhães, da PT. A dupla, composta por Maria Machado e Armando Pinto, na categoria B+C, ven-

ceu Eugénia Magalhães (PT)/Luís Mendes (CDUP). Em pares homens A, Rui Gomes e Paulo Bourbon perderam nas meias-finais. Em pares mistos A, Rui Gomes e Maria Machado ficaram em segundo lugar na poule de apuramento do vencedor enquanto Paulo Bourbon e Olívia Ferreira (PT) alcançaram a terceira posição. Por equipas, o FAC ficou na segunda posição.

2º Torneio de Damas da Casa do Povo de Lousado

FAC vence no voleibol sénior… A equipa de voleibol sénior do FAC recebeu e venceu o GC Santo Tirso por 3-2 e praticamente assegurou o terceiro lugar final na segunda fase do campeonato da 2ª divisão nacional. O FAC venceu o primeiro set por 25-23 e o segundo por 25-16. No terceiro set, os famalicenses relaxaram e permitiram ao Santo Tirso empolgar-se, vencendo por 25-22. A derrota para os de Famalicão voltou a aparecer no quarto set, com os je-

suítas a vencerem por 25-20. Com a formação tirsense na mó de cima iniciou-se o quinto set. Neste decisivo parcial, o FAC voltou a jogar ao nível inicial e ganhou uma vantagem inicial de três pontos que não mais perdeu e que deu para terminar em 15-12. Com a classificação praticamente definida, o FAC realiza o último jogo da temporada em casa, no próximo sábado, frente ao CA Madalena.

…e juvenis saíram derrotados A formação de juvenis do FAC, em voleibol, recebeu a formação do Castelo da Maia e perdeu por 3-0, em mais uma jornada do campeonato nacional. Esta foi uma partida em que os maiatos foram superiores, com o FAC a não conseguir discutir qualquer set. Este era um encontro decisivo para a possibilidade do FAC alcançar um dos dois primeiros, mas não foi capaz de apresentar um jogo constante. O campeonato nacional continua no próximo domingo, com o FAC a receber a equipa da AAS Mamede. Entretanto, o jogador Nélson, da equipa de juvenis do FAC, marcou presença no estágio de observação da Selecção que decorre até hoje, quarta-feira, em Resende. A concentração tem como objectivo a formação do grupo de trabalho da Selecção nacional de cadetes masculinos para o triénio 2009/2011.

Iniciados do FAC superiores ao Braga em hóquei… Os iniciados do FAC venceram o HC Braga por 1-0 em mais uma ronda do campeonato nacional. Em destaque esteve o guarda-redes Diogo que se exibiu a bom nível. O FAC entrou melhor no jogo e na sequência de um boa jogada colectiva, Bruno Costa fez o único golo da partida. Na segunda parte, o Braga melhorou e esteve muito perto de conseguir o empate, algo que não chegou a acontecer.

Foram muitos os jogadores que marcaram presença no Torneio de Damas

Lousado recebeu no passado fim-de-semana o 2º Torneio de Damas da Casa do Povo de Lousado organizado pela Casa do Povo local, em conjunto com a Federação Portuguesa de Damas. A iniciativa teve também a colaboração do INATEL e das Carnes Primor. Foram 54 os participantes oriundos de diversas localidades, como Vale de Cambra, São João da Madeira, Vila do Conde, Gondomar, Avintes e Ermesinde. O torneio contou com a presença do campeão nacional de damas do INATEL, Tiago Manuel, de Vale de Cambra, que curiosamente foi o grande vencedor do evento que teve também no Vale de Cambra o vencedor colectivo. Após a grande final, a organização serviu um jantar convívio, durante o qual decorreu a entrega de troféus a todos os participantes. O presidente da direcção da Casa do Povo de Lousado, Álvaro Ferreira, perante o sucesso desta iniciativa, garantiu aos presentes que no próximo ano a Casa do Povo de Lousado organizará a terceira edição da competição.

Vermoim recebeu regional de Alex Ryu Jitsu

Após esta vitória, o FAC está estabilizado na tabela classificativa, lutando pelo terceiro lugar. O campeonato nacional volta a jogar-se no dia 18 de Abril. Entretanto, os jogadores Nuno e Diogo estiveram presentes nos treinos de preparação para o Torneio Inter-Regiões, em representação da Associação de Patinagem do Minho. Os treinos realizaram-se no dia 30, em Fão, e no dia 31, em Braga.

…e juniores perderam nas Taipas Quanto à equipa júnior de hóquei em patins do FAC perdeu frente ao CAR Taipense por 6-4. O Taipense chegou cedo ao 2-0, o FAC ainda reduziu para 2-1, mas até ao intervalo não conseguiu impôr o ritmo de jogo

e acabou por sofrer mais dois golos. Ao intervalo o marcador registava 42. Na segunda parte, o FAC não teve a reacção necessária para dificultar o jogo do adversário e em consequência disso o jogo baixou de qua-

lidade. O resultado final foi de 6-4, com os golos do FAC a serem apontados por: João Pedro (3) e João Correia. O quadro competitivo terá agora uma paragem, com os jogos a retornarem no dia 19 de Abril.

Francisco Graça na fase final de bilhar… O jogador de bilhar do FAC Francisco Graça participou na fase final do segundo torneio aberto da 1ª divisão. A prova realizou-se no Salão do Leça FC e Graça defrontou Pedro Pais, atleta do Leça, que a jogar em casa venceu em três sets. A Federação Portuguesa de Bilhar já divulgou o ranking actualizado, após este torneio, e com a presença nesta fase adiantada da competição, Graça subiu 22 lugares no ranking nacional, colocando-se no

31º lugar. Também Artur Figueiredo, apesar da lesão que o fez desistir na segunda fase da prova, subiu no ranking, do 35º para o 30º lugar. Para Artur Figueiredo a época deve ter terminado, mas Graça ainda tem mais conquistas. Além da presença na fase final do nacional da 2ª divisão, onde se vai apurar o campeão nacional, a sua participação individual vai continuar no 3º torneio da 1ª divisão.

…Tiago Moreira eliminado Tiago Moreira, jogador de bilhar do FAC, foi eliminado do quadro 1 do terceiro torneio para atletas da 2ª divisão. Na sua estreia em competições individuais esta temporada, Moreira não teve qualquer hipótese frente ao cabeça de série Nuno Amaral, do Leça FC, que jogava em casa e que é o nº 5 do ranking da categoria. Após

a derrota no primeiro jogo, o jogador do FAC teria de vencer Ângelo Figueiredo, do BC Porto, e conseguiu. Ao contrário do habitual, o terceiro jogo do quadro 1 foi disputado na continuação do segundo, com o acordo dos dois atletas e a pedido do adversário do famalicense. Frente ao atleta da Galp Energia, Manuel

Costa, o jogo foi muito equilibrado e no final a vitória foi para Manuel Costa que eliminou o atleta famalicense. A próxima presença de Tiago Moreira em competição será na final four do campeonato nacional de equipas, onde o FAC discutirá o título de campeão nacional da 2ª divisão, em Sintra, nos dias 18 e 19 de Abril.

Academia de Vermoim venceu por equipas

O Pavilhão Municipal Terras de Vermoim foi palco, no passado dia 28 de Março, do Campeonato Regional LightContact Alex Ryu Jitsu, primeira fase de qualificação para o campeonato nacional que se realiza em Julho na cidade de Aveiro. O evento contou com a organização do Mestre Laurindo Azevedo, 4ºDan, e da Academia de Vermoim. Por equipas, a Academia de Vermoim venceu o campeonato, tendo a Academia de Lousado ficado no segundo lugar e a Academia da PSP de Famalicão no terceiro. Este evento foi oficializado pela Associação Portuguesa de Alex Ryu Jitsu, Associação de Artes Marciais de Famalicão, pela Federação Portuguesa de Alex Ryu Jitsu e pelo Mestre Alexandre Car-

valho, 10º Dan, fundador do estilo Alex Ryu Jitsu. A segunda fase de qualificação realiza-se no dia 16 de Maio na Escola EBI de Arnoso Santa Maria. Sagraram-se campeões nestes regionais: Hélder Silva (Cavalões), Rúben Correia (Vermoim), Vítor Lopes (Lousado), Marta Félix (BV Famalicenses), Raquel Oliveira (Cavalões), Marta Oliveira (PSP Famalicão), Roberto Barbosa (Vermoim), Ricardo Carvalho (Esmeriz), Sérgio Sousa (Ribeirão), Isabel Oliveira (Cavalões), Rui Araújo (Gavião), Florbela Lopes (Lousado), Orquídea Maia (S. Martinho), Mikaël Azevedo (Vermoim). Classificação por equipas: 1º lugar: Academia Vermoim; 2º lugar: Academia Lousado; 3º lugar: Academia PSP Famalicão.


28

sport: 1 de Abril de 2009

Aos 43 anos, Cindy Crawford está completamente em forma A modelo foi fotografada nua (com o corpo coberto de espuma) para a edição de Abril da revista americana Allure – a bíblia da beleza. A edição é dedicada ao “anti-envelhecimento”, e ninguém melhor que Cindy Crawford para provar que idade se opõe à beleza. A matéria descreve os cuidados, produtos e tratamentos para a pele e corpo que a supermodelo utiliza. Cindy também revela o modo como se sente sobre envelhecer e admite que tem celulite. “Eu tenho celulite e nunca escondi. Tive 2 fi fi-lhos e tenho 43 anos”

últimas

Vera Fisher sem sexo há 3 anos A actriz Vera Fischer revelou não ter relações sexuais há três anos, mas ao que parece, isso não mudou a sua vida. Fischer afirma também que se sente muito melhor hoje do que aos 20 anos, quando se achava «ridícula e gordinha. Vera Fischer foi sempre considerada um símbolo sexual no Brasil, onde foi duas vezes capa da revista «Playboy», uma em Agosto de 1982 e outra em Janeiro de 2000, sendo que nesse último ensaio fez fotos nua em Paris, quando já tinha 48 anos. A actriz começou a sua carreira depois de ter sido Miss Brasil em 1969, tendo ficado entre as 15 mais belas no concurso da Miss Universo desse ano. A sua carreira de actriz catapultou-a para a fama, tendo-se iniciado em pornochanchadas, um género cinematográfico muito popular na década de 70. Vera Fischer, que actualmente dá vida à personagem «Chiara» da novela da Globo, «Caminho das Índias», irá lançar proximamente a segunda parte de sua autobiografia «Um Leão Por Dia».

Dormir com Beckham vale 20 mil euros

Um grupo de mulheres da alta sociedade de Milão fez uma curiosa aposta com David Beckham pelo meio. De acordo com a revista «Grazia», as senhoras apostaram 20 mil euros, que serão pagos à primeira que conseguir dormir com o inglês, que está cedido pelos LA Galaxy ao Milan. A fonte da «Grazia» preferiu o anonimato, mas disse à publicação que «há um grupo de 20 mulheres que frequenta os clubes e bares onde os futebolistas vão descontrair e decidiram que o prémio máximo é David Beckham». Victoria Beckham é capaz de não achar piada. Mas está a dez mil quilómetros de distância, com os filhos, na Califórnia.

Mais uma angelical Brasileira A brasileiríssima Izabel Goulart é a nova Angel da mais recente campanha da Victoria's Secret. Izabel anunciou que vai ser embaixadora internacional para a Fundação de Pesquisas da Diabetes. A fundação tem a missão de fi fin nanciar a investigação científi ficca na busca de uma cura para uma doença que atinge milhões de pessoas em todo o mundo. Goulart tem também um projecto que reúne verbas para distribuição gratuita de insulina, destinados a hospitais brasileiros. Esse acordo humanitário tem um signifi ficcado especial para Izabel , uma vez que o seu irmão foi diagnosticado com diabetes ainda bebé. Para a modelo, a parte mais difícil de ser Angel é passar muito tempo longe, da comida da sua mãe, da sua casa e dos meus irmãos", disse Izabel, em uma entrevista.

pub.

pub.


Opinão Sport 882