Page 1

ANO 13 / Número 231 / 1a edição de Novembro de 2011 / New York - USA


02

ONDE ESTIVER UM BRASILEIRO, ALI ESTARÁ O MENSAGEIRO!


ONDE ESTIVER UM BRASILEIRO, ALI ESTARĂ O MENSAGEIRO!

7 03

EDITORIAL : POR QUÊ EU? Olå amigo leitor, mas uma vez aqui estamos com um editorial todo especial para você. Mais uma linda mensagem que recebi via internet. Desfrute dela, pois creio que a mesma falarå ao seu coração. O autor Ê: David H. Rope DQWHVH[LJLDHXPDDOPDTXH aprendeu a mesma lição. Esse pXPFKDPDGRSDUDDSUHQGHU VREUHDKXPLOGDGHSHUVHYHrança e contentamento em WRGDVDVPLQKDVFLUFXQVWkQFLDV – sejam quais forem –, embora eu não compreenda as razþes GH'HXV$OyJLFDGLYLQDHVWi DOpPGDFRPSUHHQVmRGDPLQKD mente.

Salmos 131: “Senhor, o meu coração nĂŁo ĂŠ soberbo, nem os meus olhos sĂŁo altivos; nĂŁo me ocupo de assuntos grandes e maravilhosos demais para mim. Pelo contrĂĄrio, tenho feito acalmar e sossegar a minha alma; qual criança desmamada sobre o seio de sua mĂŁe, qual criança desmamada esta a minha alma para contigo. Espera, Ăł Israel no Senhor. Desde agora e para sempreâ€?. Recentemente li o Salmo 131, um dos meus salmos favoritos. No passado, eu o via como um encorajamento para compreender que o mistĂŠrio ĂŠ um dos diferenciais do carĂĄter de Deus. DesaÂżDYDPHDGHL[DUPLQKDPHQWH descansar, jĂĄ que sou incapaz de compreender tudo que Deus estĂĄ fazendo em Seu universo. 0DVHQWmRHQ[HUJXHLRXWURODGRGRFDOPRHVStULWRGH Davi: sou incapaz de compreender tudo que Deus estĂĄ ID]HQGRHPPLPHpLPSRVVtYHOWHQWDU Davi estabelece uma comparação entre uma criança desmamada, que nĂŁo mais se preocupa com aquilo que

(XSHUJXQWR³3RUTXHHVWDDÀLomR"3RUTXHHVWDDQJ~VWLD"´H R3DLUHVSRQGH³6LOHQFLH¿OKR 9RFrQmRHQWHQGHULDVH(XOKH H[SOLFDVVH$SHQDVFRQ¿HHP PLP´

Expediente: Autor & Editor: +HOLR'RV6DQWRV)LOKR Design Gråfico: &DUORV)HUQDQGHV Correção: Dora Garcia Relaçþes Públicas: Jandir Silva Colunistas: $ORtVLR&DPSDQKD Atilano Muradas &OtFLD6DQWRV Eli de Oliveira Fernandes

Assim, apĂłs contemplar o H[HPSORGH'DYLSHUJXQWRPH 3RVVRHPPLQKDVFLUFXQVWkQFLDVHVSHUDUQR6HQKRU" 6DOPR &RQVLJR esperar com fĂŠ e paciĂŞncia sem preocupar-me e sem TXHVWLRQDUDVDEHGRULDGH'HXV"&RQVLJRFRQÂżDUQHOH HQTXDQWR(OHRSHUDHPPLPD6XDERDDJUDGiYHOH SHUIHLWDYRQWDGH"Ĺž

Elizabete Bifano EstevĂŁo Fernandes FĂĄtima Melo FlĂĄvia Martins Gersonita Malafaia Gilson Bifano *XLOKHUPLQR&XQKD ,UODQG3HUHLUDGH$]HYHGR

Maravilha! Medite, e atÊ a próxima edição.

,YRQLOGR7HL[HLUD

Helio Dos Santos Filho, editor

Jandir Silva Jeremias Silva

CONTATOS COM NOSSA REDAĂ&#x2021;Ă&#x192;O: &DUWDVDR(GLWRU+HOLRGRV6DQWRV)LOKR %URDGZD\6W6XLWH%$VWRULD1<

Tel: (347) 239.6700 / (347) 985.9251 website: www.omensageiro7.com HPDLORPHQVDJHLUR#DROFRP Â&#x2039;E\6DQWRV3URGXFWLRQ$OO5LJKWVReserved Sites que colaboram conosco:

Â&#x203A; ENCORAJAMENTO Â&#x203A; CHAMADA Â&#x203A; CBMC BRASIL Â&#x203A; PORTAS ABERTAS Â&#x203A; ATLETAS DE CRISTO Â&#x203A; CLICK FAMĂ?LIA

Os artigos, mensagens e estudos publicados neste Jornal, por cada autor, QmRUHĂ&#x20AC;HWHPDLGpLDGDGLUHomRGHVWH Jornal. &DGDHVFULWRUpUHVSRQViYHOSRUVHXV DVVXQWRVHLGpLDV$VVLPVHQGRFDGD DXWRU D HVWijGLVSRVLomRSDUDUHVSRQGHU DVG~YLGDVGRDPLJROHLWRU

O Mensageiro7 newspaper is a biweekly publication in Portuguese. Reproduction in whole or in part without permission is VWULFWO\ SURKLELWHG 7KH 3XEOLVKHU PDNHV HYHU\ HIIRUW WR HQVXUHWKHDFFXUDF\RIWKHLQIRUPDWLRQJLYHQLQWKHHGLWRULDO DQG DGYHUWLVLQJ SDJHV RI 2 0HQVDJHLUR QHZVSDSHU EXW DFFHSWV QR UHVSRQVLELOLW\ IRU HUURV RU RPLVVLRQV IRU FODLPV PDGHLQDQ\VHFWLRQRIWKLVQHZVSDSHU3ULQWHGLQWKH8QLWHG 6WDWHVRI$PHULFD 2 -RUPDO 2 0HQVDJHLUR p XPD SXEOLFDomR TXLQ]HQDO HP PortuguĂŞs. 5HSURGXomR SDUFLDO RX WRWDO GR FRQWH[WR GD SXEOLFDomR VHP D GHYLGD SHUPLVVmR p H[SUHVVDPHQWH SURLELGD 2 -RUQDO20HQVDJHLURQmRVHUHVSRQVDELOL]DSRULQVHUomR GHIRWRVORJRVVORJDQVHUURVRXRPLVV}HVSRUSDUWHGRV DQXQFLDQWHV RX LQIRUPDo}HV IRUQHFLGDV SRU WHUFHLURV HGLWDGDVHPTXDOTXHUSDUWHGHVWDSXEOLFDomR,PSUHVVRQRV (VWDGRV8QLGRVGD$PpULFDGR1RUWH

-RUJHGH2OLYHLUD%H]HUUD Jota Moura LĂŠcio Dornas Marcos Roberto Nascimento MoisĂŠs Apsan NĂŠlio da Silva Renato Rubim 5HXHO3HUHLUD)HLWRVD R.R. Soares 7KHRGRPLUR-RVpGH)UHLWDV 9LWRU+XJR0HQGHVGH6i Sites que colaboram: &KDPDGDGD0HLD1RLWH 0DQiGDVHJXQGD 3RUWDOGD)DPtOLD


04

7

ARTIGO

Algumas amizades têm a duração de uma vida. Qual é o segredo?

que você quer que eles lhes ofe-

A resposta é muito simples: um dos motivos é a lealdade. Essa é daquelas qualidades que mais encabeçam as listas de todas as pesquisas sobre o que as pessoas mais apreciam em seus amigos.

seja amigo. Se quer ser amado,

Parece tão pouco, mas ser leal é até mais importante do que ser franco. Porque franqueza é dizer o que tem que ser dito. Lealdade é a capacidade de estar junto, haja o que houver, de ser honesto.

angústia lhe bater à porta, você

reçam. Se você quer ter amigos, ame. Conserve amizades. Amigo leal em todo o tempo, como diz o provérbio de Salomão e, "quando a terá um amigo". Faça isso e seus amigos se orgulharão de tê-lo como amigo. Plante lealdade. Comece hoje,

Quantas amizades morreram por causa da deslealdade! Lealdade é guardar segredos, nunca passá-los adiante. Trancar a sete FKDYHVDVFRQ¿GrQFLDVGHTXHP um dia decidiu pensar em voz alta ao nosso lado. porque nenhum caminho é longo Os bons amigos fazem promes- demais quando um amigo nos sas e as mantêm vivas na mente, acompanha. esforçando-se para cumpri-las. Lealdade é não abandonar o Quantas juras de amor e lealda- amigo quando o relacionamento de entre noivos ao pé do altar são está passando por uma crise. De desprezadas tão desleixadamen- um cancioneiro popular: "quante! do teus olhos se cansarem dos Ser leal é assumir o amigo e andar com ele seja por onde for,

meus, não é preciso haver falsidade".

agora, e no dizer de Aristóteles você construirá amigos para sempre "como se houvesse uma alma em dois corpos", porque, como ele ainda escreve: "o amigo leal é Lealdade é crer que aquele amigo vai sair dos reveses; é encorajá-lo a que realize aquilo de que é capaz. Lealdade é estender a mão na necessidade, aplaudir nas vitórias, sem inveja, sem tirar vantagem, porque deslealdade dói. Preze seus amigos, dê-lhes o

XPRXWURHXž


ONDE ESTIVER UM BRASILEIRO, ALI ESTARÁ O MENSAGEIRO!

7 05


06

7

DISCIPULADO

A Torre da vaidade Gn11.4 A construção da torre de Babel foi uma ideia humana inspirada no orgulho e na vaidade. O objetivo de sua construção era exaltar o ser humano, declarar sua grandeza e deixar o poder de Deus em segundo plano. Quando o ser humano tenta chegar ao Senhor com seu prĂłprio esforço, a obra ĂŠ feita em vĂŁo. Para que o ser humano chegue perto do Pai ĂŠ necessĂĄrio que Deus venha atĂŠ ele.. O contrĂĄrio ĂŠ impossĂ­vel e tambĂŠm esforço inĂştil; Quando AdĂŁo e Eva foram tentados no jardim do Ă&#x2030;den, o diabo os seduziu com as mesmas armas da torre de Babel: a tentativa de ser igual a Deus. E, novamente o ser humano fracassou.. Deus os confundiu. Separou as lĂ­nguas que hoje separam os povos Na torre de Babel, o Senhor do cĂŠu e da terra reprovou a obra do RUJXOKR H GD VXÂżFLrQFLD GRV VHres humanos. E Deus continua

da por Deus para nossa moradia eterna no cÊu, as coisas desse PXQGR WRUQDPVH LQVLJQL¿FDQWHV e passageiras. reprovando a todos quantos se orientam pelo caminho errado de Babel.. O ¿PGRRUJXOKRHGD vaidade Ê sempre o mesmo a reprovação do Senhor. Em babel, temos o alerta, o aviso dos cÊus para tomarmos outra direção na vida. Em Jesus, Deus vem ao encontro do ser humano. Nele temos a mensagem da esperança, de vida e de salvação. A grande nação - Gn 12.1-3 Abraão recebeu a maravilhosa promessa de Deus de ser uma JUDQGHQDomR(HOHQHPWLQKD¿lhos ainda. a promessa demorou-

-se a concretizar-se, mas Abraão cumpriu a vontade do Senhor e ele foi abençoado. Em primeiro lugar, Deus exigiu dele uma tarefa a ser cumprida, uma ordem a ser obedecida: ele tinha de sair da sua própria terra para outra, deixar a terra de seus pais. Abraão,pensava, acima de tudo, FRQ¿DUQDSURPHVVDGH'HXV

O texto de Hebreus 11.8-12 registra a fÊ que Abraão tinha e as ErQomRV VREUH HOH  H VXD HVSRsa Sara:"Pela fÊ, Abraão quando FKDPDGR REHGHFHX D ¿P GH ir a um lugar que devia receber por herança, e partiu sem saber aonde ia. Pela fÊ peregrinou na terra da promessa como em terra alheia, habitando em tendas com Isaque e Jacó , herdeiros com ele da mesma promessa , aguardava a cidade que tem fundamentos, da qual Deus Ê o arquiteto e edi¿FDGRU

Pela fĂŠ, tambĂŠm, a prĂłpria Sara recebeu poder para ser mĂŁe, nĂŁo obstante o avançado de sua LGDGH SRLV WHYH SRU ÂżHO DTXHOH Ă&#x20AC;s vezes nĂŁo ĂŠ fĂĄcil deixar tudo que lhe havia feito a promessa. SDUDWUiVDÂżPGHVHJXLURFDPL- Por isso, tambĂŠm de um, alias jĂĄ nho de Deus. Mas o Senhor aben- amortecido, saiu para uma posteoRD DTXHOHV TXH QHOH FRQÂżDP ridade tĂŁo numerosa como as ese obedecem. Quando olhamos trelas do cĂŠu e inumerĂĄvel como a para a Cidade Eterna, arquiteta- areia que estĂĄ na praia do mar". Ĺž


ARTIGO Ă&#x2030; muito comum hoje em dia a população nĂŁo fazer diferença entre estas 2 palavras: "ouvir" e "escutar". PorĂŠm, ambas sĂŁo absolutamente distintas entre si.

7 07

jĂĄ conhecedor e sabedor de todas as coisas nos alertou de antemĂŁo nos dando o antĂ­doto para que tenhamos uma vida de fĂŠ. E isto sĂł se dĂĄ pelo conhecimento da Palavra. Conhecimento este que sĂł alQuando falamos em "escutar", cançamos se estudarmos a BĂ­blia. WUDWDVH GH DOJR PDLV VXSHUÂżFLDO Como ouvimos a Palavra? Apenas onde aquilo que se chega aos ouquando alguĂŠm a cita para nĂłs? vidos nĂŁo necessariamente ĂŠ asResposta: NĂŁo!! Ouvimos a Palasimilado. Logo, nĂŁo ĂŠ absorvido vra quando a lemos estudando, como conhecimento/aprendizado, meditando nela dia apĂłs dia. Deus nĂŁo faz diferença alguma. E, no nos deu entendimento, alfabetizainstante seguinte, ĂŠ absolutamente ção, tempo (sim tempo) e etc. Ă&#x2030; esquecido. VocĂŞ começa a pensar naquilo que do alguma besteira (colocando a obrigação do ser humano estudar Ă&#x2030; muito comum se ouvir dizer: "Eu se ouviu, vocĂŞ guarda aquilo que mĂŁo na tomada), a mĂŁe vira e diz: RPDQXDOGR&UHQWH %tEOLD $ÂżQDO acho que jĂĄ escutei isto antes". RXYLXHLVWRWHID]DSUHQGHUUHĂ&#x20AC;HWLU "menino, nĂŁo coloca a mĂŁo aĂ­ que conseguimos passar uma semana Esta expressĂŁo ĂŠ muito comum, Quando ouvimos algo geralmente vocĂŞ vai se machucar". A criança ou 03 dias absolutamente sem corealmente, de pessoas que "escu- aprendemos. QmR RXYH DSHQDV HVFXWD H ÂżQJH mer e sem beber nada? Se assim taram" algo, porĂŠm, como de fato que nĂŁo escutou. Logo ela nĂŁo as- Âż]HUPRV LPHGLDWDPHQWH ÂżFDUHPRV podemos observar nĂŁo foi assi- Exemplo: Se estamos tendo algu- simila/aprende isto. E, no instante fracos, desmaiando, anĂŞmicos, domilado, tanto que gera-se apenas ma atitude errada em determinado VHJXLQWHHODYDLHHQÂżDRGHGRQD entes e vulnerĂĄveis a â&#x20AC;&#x153;zilhĂľesâ&#x20AC;? de uma vaga lembrança de: "parece momento, e ouvimos algo que nos tomada. O que acontece? Ela leva doenças (imunidade baixa). Nossa que eu jĂĄ ouvi isto antes, porĂŠm, mostra tal erro, aprendemos e au- um choque, começa a chorar e sĂł alma tambĂŠm precisa de alimento nĂŁo lembro muito bem se foi isto WRPDWLFDPHQWH LGHQWLÂżFDPRV RQGH assim aprende. diĂĄrio - a Palavra de Deus, senĂŁo mesmo... ĂŠ apenas uma vaga lem- erramos e procuramos corrigi-lo. A mesma coisa se dĂĄ em relação PRUUHPRVHVSLULWXDOPHQWHÂżFDPRV brança". Se estamos certos em algo e "ouviao Evangelho de Jesus Cristo para anĂŞmicos espirituais, e doenças Quando ouvimos algo, isto sim faz mos" alguĂŠm falando alguma besespirituais nĂŁo sĂŁo necessĂĄrias. conosco. toda a diferença. Ouvir vai mais WHLUD SDUD RXWUHP LGHQWLÂżFDPRV alĂŠm. Ouvir envolve prestar aten- que tal fato estĂĄ sendo ensinado A BĂ­blia (Deus) jĂĄ nos diz desde an- Ă&#x2030; preciso esperar queimar o deerrado e procuramos nĂŁo praticar tes, hĂĄ mais de 2.000 anos atrĂĄs: dinho na tomada para ouvirmos? ção, interesse.. NĂŁo! Obedeçamos antes. Ao se ouvir algo, aquilo que se tal erro. Pois hĂĄ um conhecimento. "A fĂŠ vem pelo ouvir, e ouvir a Paouve entra em nosso intelecto e Exemplo de "escutar": Geralmen- lavra de Deus." (Romanos 10:17) JĂĄ disse Deus: "O temor do Senhor Continua na pĂĄgina 8 gera um efeito de transformação. te uma criança que estĂĄ fazen- Ora, Deus excelentemente sĂĄbio,


08

7

ARTIGO & GOTAS DE ENCORAJAMENTO

Continuação da pågina 7 Ê o princípio da Sabedoria; revelam prudência todos os que o praticam..." (Salmos 111:10) A Salvação Ê individual. Absolutamente individual. O esforço Ê individual. A caminhada Ê individual. As atitudes para com Deus são individuais. As experiências com Deus são individuais. NinguÊm serå salvo por esforço de um parente. NinguÊm serå salvo porque hå um crente em sua família.

PorÊm, quando você abandona os seus mais valiosos tesouros a ¿PGHJDQKDUDFRQTXLVWDVHWRUna vazia demais. Quando você abre mão da sua integridade, as realizaçþes não terão valor algum; isso porque o valor da realização não Ê a realização em si mesma.

Deus ĂŠ amor! Deus te ama! E Ele sĂł quer o teu bem. "Examine-se, pois o homem a si mesmo..." (1 CorĂ­ntios 11:28) Que possamos aprender a nos examinar e procurar aperfeiçoar NOSSOS PRĂ&#x201C;PRIOS caminhos diante de Deus. Julguemos a nĂłs mesmos e tenhamos a coragem, humildade e atitude de andarmos para frente, aparando as arestas para com Deus. â&#x20AC;&#x153;Quem tem ouvidos, ouça o que o EspĂ­rito diz Ă s igrejas" (Apocalipse 2:29) Que Deus abençoe a todos. E que a Palavra de Deus gere frutos denWURGHFDGDXPĹž

ENTRE VITĂ&#x201C;RIAS E DERROTAS NĂŁo tente ser um homem de sucesso; em vez disso, tente ser um homem de valor. Albert Einstein VocĂŞ ĂŠ muito mais do que as suas derrotas e vocĂŞ ĂŠ muito mais do que o seu sucesso. Ă&#x2030; muito importante ter isso em mente ao buscar vitĂłrias e ao lidar com derrotas. Ă&#x2030; Ăłtimo ganhar, realizar e crescer em excelĂŞncia. E, obviamente, ĂŠ doloroso perder.

O real valor da realização estå na maneira como você expressa aquilo que você Ê. Focalize em vencer, porÊm, lembre-se de que cada realização Ê uma oportunidade para retirar o melhor de você. Faça isso e, caso você ganhe ou perca a batalha do momento, ainda assim você poderå obter alguma coisa de real e duradouro valor. Para Meditação: Baixem sobre mim as tuas misericórdias, para que eu viva. Salmos 119:77

VERDADE DOLORIDA O carĂĄter nĂŁo ĂŠ produzido diante da crise, ele ĂŠ apenas exposto. Freeman A verdade pode ser algo dolorido. PorĂŠm, ainda assim, tentar evitar a verdade pode ser ainda mais doloroso. A verdade pode ser algo desconfortĂĄvel e nada popular; pode DSUHVHQWDU GLÂżFXOGDGHV H GHVDÂżRV FRPSOH[RV 7RGDYLD R FRPpromisso com a verdade ĂŠ sempre o melhor caminho a tomar. Isso porque, nĂŁo importa quĂŁo grande seja a tentativa de esconder a verdade, ela sempre terĂĄ a SDODYUDÂżQDO Sim, a verdade pode ser dolorida e, quanto mais ela ĂŠ oculta, maior a dor se torna. A verdade, porĂŠm, SRGHVHULQÂżQLWDPHQWHOLEHUWDGRUD ao ponto de valer a pena todo o Continua na pĂĄgina 9


GOTAS DE ENCORAJAMENTO Continuação da pågina 8 esforço, toda a dor e todo o desconforto de viver em verdade. Nem sempre Ê fåcil estar do lado da verdade. PorÊm, não existe como contestar de que a verdade pVHPSUHDPHOKRUDPLJDH¿UPH segurança. Para Meditação: Tenho posto o Senhor continuamente diante de mim. Porque ele estå à minha mão direita, não serei abalado. Salmos 16:8

Quando você decide verdadeiramente fazer uma diferença, sempre existe uma maneira de você fazer exatamente isso. Quando você sabe o que Ê certo e o que deve ser feito, sempre existe uma maneira de fazê-lo. Isso não serå nem fåcil ou imediato. Isso porque qualquer coisa de valor demanda tempo e esforço. Se você estå constantemente focado em recompensas imediatas e desencorajado pelos problemas do momento, o sucesso irå iludi-lo facilmente. Em vez disso, esteja disposto a caminhar uma longa distância e, ao fazer isso, você irå realizar as mais portentosas e espetaculares conquistas. Quando alguÊm lhe disser que isso não pode ser feito, não creia.

Ă&#x2030; POSSĂ?VEL Se vocĂŞ acha que pode, vocĂŞ estĂĄ certo, se vocĂŞ acha que nĂŁo pode, vocĂŞ estĂĄ certo. Henry Ford

As recompensas que realmente tĂŞm valor sĂŁo aquelas pelas quais vocĂŞ dĂĄ o seu melhor. Esteja completamente devotado a isto e saiba que â&#x20AC;&#x201C; pela graça de Deus â&#x20AC;&#x201C; isso ĂŠ possĂ­vel.

ENTRE ALEGRIAS E TRISTEZAS

As tristezas o ajudam a entender as coisas boas da vida, enquanto as alegrias lhe dĂŁo uma SiOLGDPDVPDJQtÂżFDGHPRQVtração de como as coisas real2 TXH LVVR UHDOPHQWH VLJQLÂżFD p mente podem melhorar. Jack Mason que irĂĄ demandar compromisso, persistĂŞncia e esforço. Na vida obviamente que existem NĂŁo deixe passar a melhor de tristezas, mas nela tambĂŠm existodas as possibilidades apenas tem muitas alegrias. As tristezas, porque ela tem um custo. Faça DĂ&#x20AC;Lo}HVHGHVDSRQWDPHQWRVPRVo que tiver de fazer para pagar o tram realmente quem vocĂŞ ĂŠ. custo, para carregar o fardo, para alcançar o melhor e nunca se satisfazer com menos.

As alegrias lhe mostram como â&#x20AC;&#x201C; de maneira incrĂ­vel â&#x20AC;&#x201C; as coisas realmente podem ser. Se nĂŁo

7 09 houvesse tristezas nĂŁo haveria a experiĂŞncia da alegria. Desta maneira, tanto a tristeza como a alegria acrescentam riTXH]DjPDJQtÂżFDH[SHULrQFLDGH viver. Nas tristezas vocĂŞ cresce muito mais forte e exuberante; nas alegrias vocĂŞ pode usar a força desVHVPRPHQWRVSDUDXPÂżPQREUH e positivo. Nas tristezas vocĂŞ tem a oportunidade de aprender dolorosas, profundas e preciosas OLo}HVQDVDOHJULDVYRFrVHWRUQD capaz de criar algo positivo, em função daquilo que aprendeu. As tristezas certamente virĂŁo, e as alegrias tambĂŠm. Cada uma delas tem seu lugar para vocĂŞ no coração de Deus, e delas vocĂŞ poderĂĄ retirar o que existe de melhor â&#x20AC;&#x201C; tanto em riqueza como em VLJQLÂżFDGR  SDUD R UHVWR GD VXD YLGDĹž


10

7

ACONTECEU

EVENTO INTERNACIONAL DE CAPOEIRA EM ASTORIA NEW YORK

TEXTO: PRA. RITA DE CASSIA LIMA email:ritasl63@aol.com

Mestre Gulliver (Paulo Aires) e esposa Marta

Hå 30 anos nasceu no coração do Mestre Gulliver, Paulo Aires, o empenho e dedicação à arte da Capoeira. O legendårio Mestre Nô da Bahia foi a inspiração e exemplo com quem o Mestre Gulliver cresceu QDSUR¿VVmRJUDGXDQGRVHQHV ta modalidade esportiva. Começou no Brasil, no Estado do Rio Grande do Sul, tendo uma experiência internacional LQWHUDJLQGR FRP RXWURV SUR¿V sionais do mundo da Capoeira,

Pr. Humberto Vasconcellos e Pra. Rita de Cassia Lima

Mestre Gulliver, Marta e Pra. Rita de Cassia Lima

alunos e diversas culturas. A sua MissĂŁo ĂŠ aproximar os se res humanos atravĂŠs da mĂşsica, dança e jogo, tambĂŠm conhecido como Capoeira! A AssemblĂŠia de Deus Shalom teve a alegria de ver a chegada desses irmĂŁos, Paulo e Marta, no nosso meio e compartilhar da VXDFRQÂżVVmRGHUHFHEHUD-HVXV FRPRVHXĂ&#x2019;QLFRHVXÂżFLHQWH6DO vador. Desde entĂŁo os mesmos tĂŞm perseverado na FĂŠ e no em SHQKRGHVHUYLUDR6HQKRU-HVXV FOTOS: LELE TORRENTE/LEBEKE1@AOL.COM O EVENTO OCORREU NO DIA 22 DE OUTUBRO EM ASTORIA E LĂ ESTIVEMOS COMO IGREJA ORANDO E ANUNCIANDO AS BOAS NOVAS DE SALVAĂ&#x2021;Ă&#x192;O! Temos a imensa alegria de ter conosco os irmĂŁos Paulo e Marta Aires, que juntos buscam a Deus em sinceridade e dedicação Ă Obra! Dia apĂłs dia tĂŞm demons trado fruto de um real encontro com Cristo, desejando levar o 1RPH GH -HVXV SRU RQGH SDV sam. Sempre, apĂłs cada aula dĂŁo testemunho do que Deus

fez nas suas vidas e convidam os alunos para experimentarem tambĂŠm do Poder Transforma dor do Evangelho! Oremos para que muitas vidas sejam alcançadas pois o Tempo estĂĄ prĂłximo! Fica o ALERTA PARA TODOS: "COMO CRERĂ&#x192;O, SE NĂ&#x192;O HĂ QUEM PREGUE? " Rm 10:14 Ĺž ASSEMBLĂ&#x2030;IA DE DEUS SHALOM 40 -11 29 ST. L.I.C QUEENS NY, 11101 PR. HUMBERTO VASCONCELLOS


EVANGELISMO

11 Mas eu quero meditar com você sobre a PIOR TRAGÉDIA DO MUNDO, que pode estar acontecendo a todo instante na vida de várias pessoas pertinho de nós, e muita vezes, passa despercebido, e se nós não tomarmos cuidado, pode acontecer conosco, e é ABANDONAR A DEUS. E assim nos revela as Escrituras Sagradas em Jeremias 2, que sucedeu com o povo de Israel por ter abandonado e se afastado do SENHOR, e sofreram terrível opressão do inimigo, destruição e LPHQVDKXPLOKDomRHDÀLomR

Hoje em dia, o que mais se ouve falar é sobre tragédia, em todas as partes do mundo temos visto acontecer vários tipos de catástrofes, trazendo grande destruição e dor para todos os que ali habitam; Parece que isto se tornou uma constância na vida dos seres humanos, e apenas muda o endereço de onde algo ruim está sucedendo. Nos últimos dias, vilarejos e cidades inteiras deixaram de existir,

famílias desmoronaram e acabaram, empresas e negócios e até nações milenares e históricas como a Grécia estão na falência. Filhos que foram criados em lares com educação e amor, estão sendo levados pelas más companhias e para tristeza de seus progenitores estão se entregando nos vícios das drogas, nas orgias, na criminalidade e em tantas outras coisas que corrompem os bons costumes e trazem angústia e dor.

São tantas coisas dolorosas sucedendo. Há poucos dias o Rio de Janeiro, quando começava um novo dia bem de manhã, foi surpreendido com uma grande explosão de gás de um restaurante na praça Tiradentes no Centro, causando mortes e grande devastação como que se uma guerra tivesse acontecido. E cada situação é tão dolorosa e terrível que é difícil assinalar que esta é, ou foi pior do que aquela outra.

E ainda assim isto tem sucedido no meio de nós, onde muitos acabam dando lugar para a apostasia, e passam a buscar e servir ao SENHOR de acordo com a própria vontade, e não segundo a Vontade Divina. Acabam permitindo que outras coisas na vida sejam mais importantes do que a Presença de DEUS. Acabam se afastando do SENHOR e da sua Proteção, e foi isto que sucedeu com Sansão como nos revela o livro de Juízes 16. Continua na página 12


12

EVANGELISMO

Continuação da pĂĄgina 11 Ele nĂŁo vigiou, e por isso nĂŁo percebeu que Dalila estava tomando o lugar de DEUS na vida dele, e iria levĂĄ-lo a provar da PIOR TRAGĂ&#x2030;DIA na vida de um ser humaQRTXHpÂżFDU/21*(GH'(86 E os relatos bĂ­blicos nos revelam que ele pensava que iria se livrar FRPRGDVRXWUDVYH]HVSRUpPÂżcou confundido e humilhado como um ladrĂŁo que ĂŠ apanhado em Ă&#x20AC;DJUDQWH H DVVLP HOH WHYH VHXV olhos vazados e o colocaram a JLUDUXPPRLQKRQRFiUFHUH Aquele que antes libertava os oprimidos, agora estava preso como escravo, oprimido e humiOKDGRGLDQWHGRVVHXVLQLPLJRV2 nosso amado PAI, nĂŁo quer isto para nenhum de nĂłs que somos VHXV ÂżOKRV PDV VH GHL[DUPRV H abandonarmos a DEUS, a PIOR apĂłs ter sido grandemente abenTRAGĂ&#x2030;DIA do mundo pode aconoRDGR SRU '(86 IRL GHL[DQGR R WHFHUHPQRVVDYLGD 6(1+25 HP VHJXQGR SODQR H /HPEURPHGDKLVWyULDGHXPKR- quando ele menos tinha percebimem que teve seu encontro com do, havia abandonado e estava JESUS, e consagrou a sua vida DIDVWDGRGH'(86 DR 6(1+25 GH WRGR FRUDomR (FRPRQRVUHYHODDKLVWyULDGRÂżFRP VXD HVSRVD H RV ÂżOKRV SH- lho PrĂłdigo no Evangelho de LuTXHQRVTXHRFDVDOWLQKD cas 15: 11-32, o pior aconteceu PorĂŠm, com o passar do tempo, e

com ele e a sua famĂ­lia, e aque-

Aquele que antes libertava os oprimidos,agora estava preso como escravo, oprimido e humilhado diante dos seus inimigos. O nosso amado PAI, nĂŁo quer isto para nenhum de nĂłs TXHVRPRVVHXVÂżOKRV mas se deixarmos e abandonarmos a DEUS, a PIOR TRAGĂ&#x2030;DIA do mundo pode acontecer em nossa vida.

cio e nĂŁo tiveram muitos anos de YLGD 7XGR LVVR H RXWUDV FRLVDV ruins lhes aconteceram, porque DEDQGRQDUDP R 6(1+25 TXDQGR(/(RVJXLDYDSHORFDPLQKR Talvez vocĂŞ esteja vivendo esta terrĂ­vel tragĂŠdia que ĂŠ abandonar D'(86PDVR6(1+25-(686 YDLHVWDUVHPSUHGHEUDoRVDEHUWRVSDUDUHFHErORGHYROWD $VVLPFRPRVXFHGHXFRPRÂżOKR PrĂłdigo, que se arrependeu, e voltou para a casa do PAI, assim SRGHDFRQWHFHUFRPYRFr Saia desta vida de derrota e de tristeza, DEUS tem vida abundante, vale a pena retornar, antes que seja tarde demais, volte logo pra DEUS!

Porque se nĂŁo, quando vocĂŞ dei[DU HVWD YLGD VHP '(86 Dt VLP vocĂŞ irĂĄ provar da PIOR TRAGĂ&#x2030;le lar que antes era de paz e de DIA na vida de um ser humano, DPRU GHL[RX GH H[LVWLU H DTXHOH TXH p R 7250(172 (7(512 homem que antes era temente a DEUS, agora, sozinho e oprimi- que estĂĄ reservado para o diabo do estava vivendo em adultĂŠrio e HVHXVDQMRV QDVRUJLDV O PAI tem para nĂłs UMA MORA( QmR PXLWR ORQJH FRPHoRX D '$ &(/(67( RQGH QmR Ki WULVprovar da misĂŠria total em sua teza e nem dor, somente alegria YLGDHPXLWRVGDTXHOHVÂżOKRVVH H SD] 6HP '(86 QDGD VRPRV tornaram escravos de algum vi- QHVWHPXQGRĹž


0$7e5,$ Em JoĂŁo 1.1-4 e 14 lemos a respeito dEle: "No princĂ­pio era o Verbo (a Palavra), e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. Ele estava no princĂ­pio com Deus. Todas as coisas foram feitas por intermĂŠdio dele, e, sem ele, nada do que foi feito se fez. A vida estava nele e a vida era a luz dos homens... E o Verbo se fez carne e habitou entre nĂłs, cheio de graça e de verdade, e vimos a sua glĂłria, glĂłria como do unigĂŞnito do Pai." Por isso encontramos o Filho de Deus jĂĄ no Antigo Testamento: Jesus em cada livro do Antigo Testamento Em GĂŞnesis, Ele ĂŠ chamado de "semente da mulher". Em Ă&#x160;xodo, Ele ĂŠ o "cordeiro pascal". Em LevĂ­tico, Ele ĂŠ apresentado como "sumo sacerdote".

13 Em Joel, Ele ĂŠ o que "batiza com o EspĂ­rito Santo e com fogo". Em AmĂłs vemos Jesus como "aquele que carrega nossos fardos". Em Obadias, Ele ĂŠ "poderoso para salvar". Em Jonas, Ele estĂĄ diante de nĂłs como o "grande missionĂĄrio para os gentios".

Em JuĂ­zes, Ele aparece como nosso "juiz e legislador".

Em MiquĂŠias, Ele ĂŠ o "Deus encarnado" (Mq 5.1).

Em Rute, Ele ĂŠ "resgatador".

Em ProvĂŠrbios e Eclesiastes, Ele "brilha como nossa sabedoria".

Em 1 e 2 Samuel vemos a Jesus como nosso "verdadeiro profeta".

Em Cantares, Ele ĂŠ o "noivo que nos ama".

Em Reis e CrĂ´nicas, Ele ĂŠ o nosso "Senhor Soberano".

Em IsaĂ­as, Ele ĂŠ chamado de "PrĂ­ncipe da paz".

Em Habacuque, Ele ĂŠ o evangelista de Deus que clama: "Aviva a tua obra, Ăł Senhor, no decorrer dos anos" (Hc 3.2).

Em Esdras, Ele aparece como o "homem que restaura os muros caĂ­dos de nossa existĂŞncia humana".

Em Jeremias, Ele aparece como o "renovo de justiça".

Em Sofonias, Ele se manifesta como "nosso Salvador".

Em Lamentaçþes, Ele Ê nosso "profeta que chora".

Em Ageu, Ele Ê o "restaurador da herança de Deus perdida".

Em Neemias, vemos o Senhor como "nossa força".

Em Ezequiel, Ele nos ĂŠ apresentado como o "homem maravilhoso com quatro rostos".

Em Zacarias, Ele ĂŠ apresentado como a "fonte aberta da casa de 'DYLTXHSXULÂżFDRVSHFDGRVH as impurezas".

Em NĂşmeros, Ele ĂŠ a "coluna de nuvem de dia e a coluna de fogo Ă noite".

Em Ester, Ele ĂŠ o nosso "Mordecai".

Em DeuteronĂ´mio, MoisĂŠs fala dEle como sendo "profeta".

Em JĂł, Ele ĂŠ chamado de nosso "Salvador eternamente vivo".

Em JosuÊ, Ele Ê o "líder da nossa salvação".

Nos Salmos, Ele ĂŠ nosso "bom pastor".

Em Daniel, Ele ĂŠ o "quarto homem na fornalha ardente".

Em Naum, Ele ĂŠ mencionado como o "juiz escolhido por Deus".

Em Malaquias, Ele se mostra como Em OsÊias, Ele aparece como o o "sol da justiça" com a "salvaPDULGR¿HOTXHpFDVDGRFRP ção nas suas asas" (Ml 4.2)Ş Fonte:ajesus.com.br XPDLQ¿HO ,VUDHO .


14

MENSAGEM VDÂżRV GH Y{RV DOWtVVLPRV 0RoR busca sempre vencer seus limites. Ă&#x2030; um inusitado aventureiro. Haja vista, os que se lançam no alpinismo nas montanhas, nos ralys, nos jogos competitivos, nas maratonas e nas olimpĂ­adas.

"Eu vos escrevi jovens, porque sois fortes, e a palavra de Deus habita em vĂłs, e jĂĄ vencestes o maligno" (1Jo.2:14b) Teria Deus feito uns para vencer e outros para perder? NĂŁo! Deus fez todos para vencerem. Se alguns nĂŁo vencem ĂŠ porque nĂŁo lutam com armas prĂłprias.

Existem jovens que dizem na sua pretença segurança: "Ê melhor um påssaro na mão do que dois voando". Que adågio pobre. Que segurança minguada. Que sentimento mesquinho. Que ideal nefasto.

O texto supra diz: "... jĂĄ vencestes". O moço crente na luta jĂĄ entra em campo com a faixa de campeĂŁo. O moço crente nĂŁo pode pensar em derrota. Ă&#x2030; o que diz o texto. Li a histĂłria de um pescador que sĂł gostava de peixes pequenos. Ele ia para o rio pescar, quando ÂżVJDYD XP SHL[H JUDQGH GHYROvia ao rio, mas quando o peixe era pequeno ele guardava para si. VocĂŞ dirĂĄ: que loucura! EstĂĄ contrariando a lei do IBAMA que manda nĂŁo pescar peixes pequenos. Mas era verdade. AlguĂŠm intrigado, aproximou-se dele e disse: por que vocĂŞ faz isto? Ele respondeu: porque a minha frigideira ĂŠ pequena e nĂŁo dĂĄ para fritar peixes grandes. Esta ĂŠ a mentalidade de muita

gente. Moço Ê por natureza conquistador. Moço Ê por índole progressista. Moço Ê por vontade um competidor. Moço Ê por Deus feito vencedor.

åguia que tem seus vôos altaneiros, que tem sua visão grandiosíssima, que tem suas garras poderosíssimas, que tem em sua imaginação fazer ninhos nas alturas, evitando que predadores DOFDQFHVHXV¿OKRWHVHTXHID]GR sacrifício, sua renovação.

No quadro de avisos da igreja existe um cartaz lindo, com a seguinte inscrição: "PENSE *5$1'( WHQGR FRPR ¿JXUD D Moço Ê como åguia, gosta de de-

Se eu posso, quero não apenas um påssaro, mas, dez, vinte e trinta. Quando escrevi meu priPHLUR OLYUR R ¿] FRP PXLWDV GL¿FXOGDGHVHHUURV0DVKRMHMi tenho escrito 17 e estå para sair o 18° e cada vez busco aprimorar mais. Estou com meus sessenta anos, mas não paro de lutar, não me entrego. Sou um desbravador. Sou um conquistador. Cada dia lanço um folheto novo e mais bonito que os anteriores. Gosto de fazer sempre o melhor para o meu Deus. Jovem, seja um vencedor em &ULVWR-HVXVŞ


EVANGELISMO Todos os que não colocam Deus como o centro de sua vida experimentam uma triste solidão. Mas você pode estar se perguntando: como posso voltar para Deus? 0LOK}HVMi¿]HUDPDPHVPDSHUJXQta. Muitos estão insatisfeitos com a vida, frustrados, desiludidos, e não encontram uma saída. O pecado criou uma barreira, uma LQLPL]DGHQRFRUDomRKXPDQRFRQtra os princípios do Reino do CÊu, a ponto de criar atÊ uma revolta, e por isso a pessoa acaba ignorando a Deus e vivendo sem Ele. O livro de EfÊsios capítulo 2:12, descreve a infelicidade que existe QHVVHV FRUDo}HV "Estranhos às alianças da promessa, não tendo esperança, e sem Deus no mundo."

como seres humanos ĂŠ encontrar o caminho de volta para Deus, o Criador. E saber por nĂłs mesmos TXHHVWDPRVHPSD]FRPRFpXH O apĂłstolo Tiago pĂľe cores fortes que entramos em harmonia com os na linguagem, para descrever a SULQFtSLRV GD MXVWLoD 6y DVVLP SRFRQGLomR QDWXUDO GR VHU KXPDQR GHUHPRV VHU IHOL]HV WHQGR D SD] ,QÂżpLVQmRFRPSUHHQGHLVTXHD verdadeira na mente e na alma. amizade do mundo ĂŠ inimiga de 6DEHPRVTXH'HXVHVWiFKDPDQGR 'HXV" $TXHOH SRLV TXH TXLVHU o mundo de volta a Ele. Esta ĂŠ a ser amigo do mundo, constitui-se SUySULDHVVrQFLDGD%tEOLD6DJUDGD $Wp SHOR Q~PHUR GH YH]HV HP TXH inimigo de Deus." Tiago 4:4 Meu amigo, agora vocĂŞ jĂĄ estĂĄ o amor de Deus estĂĄ convidando, sentindo o drama. EstĂĄ perceben- vocĂŞ pode perceber como ĂŠ impordo que a nossa maior necessidade WDQWHLUPRVQDGLUHomRGH'HXV

7 15 GD pSRFD DFKDUDP GHIHLWR QR 6HQhor porque comia com os pecadores e essas pessoas eram consideradas de classe baixa por eles. 0DV6XDUHVSRVWDIRL(XYRVDÂżUPRTXHKiM~ELORGLDQWHGRVDQMRV GH 'HXV SRU XP SHFDGRU TXH VH arrepende." Lucas 15:10. Assim amigo, se vocĂŞ deseja voltar SDUD 'HXV VH QXQFD VHQWLX D SD] UHDO RX VH GHVHMD YROWDU D WHU SD] lembre-se que Ele o chama. NĂŁo espere ser bom para depois ir a Deus. Venha a Ele como estĂĄ. 6H QyV SHUPLWLUPRV (OH 6H HQFDUregarĂĄ de arrumar a nossa vida. Devemos ir a Ele como estamos. (OHQRVGL]"Vinde a Mim todos os TXH HVWDLV FDQVDGRV H VREUHFDUregados, e Eu vos aliviarei." Mateus 11:28

3RGHPRV DWp GL]HU TXH DV (VFULWXUDV 6DJUDGDV IRUDP HVFULWDV MXVWDmente porque Deus deseja ver-nos de volta. Quer ver-nos restaurados Ă SHUIHLomRRULJLQDOHDIHOLFLGDGHTXH Mesmo que estejamos sem fĂŠ, sem existia antes da entrada do pecado. FRQGLo}HV GHVHVSHUDGRV UHEHOGHV e sem vontade, se quisermos ou26HQKRU-HVXVFRQWRXDKLVWyULDGH vir, poderemos nos voltar para Ele: FRPRXPPRoRYROWRXSDUDRVEUD- Deus nos chama 9ROWDL y ÂżOKRV oRVGR3DL(OHÂżFRXFRQKHFLGR UHEHOGHVHXFXUDUHLDVYRVVDVUHFRPR R ÂżOKR SUyGLJR 0DV QD UH- EHOL}HV-HUHPLDV alidade ele tinha outro irmĂŁo. O Mesmo que a pessoa nĂŁo queiprimeiro deixou o paĂ­s, e este per- ra voltar, mas gostaria de quePDQHFHXHPFDVD$QWHVGR6HQKRU rer, poderĂĄ voltar, porque Deus a contar essa histĂłria, alguns sacer- DMXGDUiSDUDTXHLVVRDFRQWHoD dotes e teĂłlogos &RQWLQXDQDSiJLQD


16

7

EVANGELISMO & MENSAGEM 0LQKDVÂżOKDVYLUDPXPMDUGLQHLUR que, com sua tesoura, podava os arbustos da praça. Disseram: â&#x20AC;&#x153;Ele nĂŁo pode fazer isso; a plantinha vai chorarâ&#x20AC;?. Se tivesse consciĂŞncia, a planta talvez chorasse realmente, perguntando ao homem por que a perturbava. E ele carinhosamente, seguiria o seu trabalho, esculpindo em cada galho e folha, as formas que idealizara para o jardim.

Continuação da pågina 15 O Espírito Santo sempre vai orientar a pessoa como chegar a Deus, e tudo o que for necessårio o Senhor proverå: "E Eu, quando for levantado da terra, atrairei todos a Mim mesmo." João 12:32. Querido leitor, se você abandonou os caminhos de Deus, venha porque Ele estå chamando você. Se fez coisas erradas, se desperdiçou oportunidades, se foi ingrato... ou se nunca sentiu o desejo de voltar-se SDUD'HXVYHQKDDJRUDPHX¿OKR

â&#x20AC;&#x153;Eu bem sei os planos que estou projetando para vĂłs, diz o Senhorâ&#x20AC;?. Ele sabe, nĂłs nĂŁo. O criador tem em mente para onde nos leva; nĂłs sĂł descobrimos quando chegamos lĂĄ. Neste exato momento, Deus maneja os aconteFLPHQWRV GD VXD YLGD D ÂżP GH que seus ideais se cumpram. As ferramentas que ele utiliza podem lhe parecer ameaçadoras. SĂŁo, porĂŠm, empunhadas com amor. E quanto ao resultado... bem, ele ĂŠ sempre maravilhoso.

"Acaso pode uma mulher esquecHUVHGR¿OKRTXHDLQGDPDPDGH sorte que não se compadeça do ¿OKR GR VHX YHQWUH" 0DV DLQGD que esta viesse a se esquecer dele, eu, todavia não me esquecerei de ti. Eis que nas palmas da minhas mãos te gravei." Isaías 49:15, 16. "Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu Filho Unigênito para que todo aquele que nEle crê não pereça, mas tenha a vida eterna." João 3:16 "Hoje se ouvirdes a sua voz, não endureçais os vossos coraçþes." Hebreus 4:7

â&#x20AC;&#x153;Pois eu bem sei os planos que estou projetando para vĂłs, diz o Senhor; planos de paz, e nĂŁo de mal, para vos dar um futuro e uma esperançaâ&#x20AC;? (Jeremias 29:11)

A mente de Deus nunca descan4XHRLQÂżQLWREUDoRGRDPRUGH'HXV sa, e as suas mĂŁos jamais param. Ele estĂĄ continuamente envolvido FLUFXQGHDYRFrQHVWHPRPHQWRĹž

com as nossas vidas, tranformando-nos no que quer que sejamos, dirigindo-nos para o que deseja que experimentemos. Revolve a nossa história como se ela fosse um canteiro de obras. Sacode as nossas emoçþes como um garimpeiro à procura de diamantes.

8P IXWXUR 8PD HVSHUDQoD e isso que o Pai estĂĄ projetando para vocĂŞ. Portanto, tranqĂźilizese e persevere. HĂĄ um Deus em sua vida. Ele nĂŁo desiste de vocĂŞ. Ele nunca abre mĂŁo dos planos que tem para a sua existĂŞncia. 9DOHDSHQDFRQÂżDUĹž


MANĂ DA SEGUNDA Quais sĂŁo as maiores tentaçþes em sua vida â&#x20AC;&#x201C; as ĂĄreas em que vocĂŞ ĂŠ mais vulnerĂĄvel a transigir com seus valores e padrĂľes pesVRDLVHSURÂżVVLRQDLV" Para alguns, a ira ĂŠ um castigo sempre presente. TendĂŞncias irritĂĄveis podem se transformar em explosĂŁo Ă menor provocação. Para outros ĂŠ a tentação de distorcer a verdade â&#x20AC;&#x201C; ou simplesmente mentir â&#x20AC;&#x201C; especialmente quando se trata de obter vantagem em negĂłcios, fechar venda ou atrair um cliente. Outros lutam com cobiça ou inveja, nunca satisfeitos com o que possuem ou conquistaram. Existe sempre o desejo de ter mais. Outros ainda lutam com tentaçþes de ordem sexual em suas mais variadas formas, no ambiente de trabalho e outros lugares. Para estes, a luxĂşria nunca ĂŠ satisfeita. Um amigo falou-me hĂĄ tempos acerca de uma sigla que ajuda a explicar porque nossas tentaçþes parecem mais fortes em diferentes momentos de nossas vidas. A sigla ĂŠ FISC, ou seja: faminto, irado, solitĂĄrio e cansado. Cada uma dessas condiçþes pode tornar nossas respectivas ĂĄreas de

fraqueza ainda mais difĂ­ceis de administrar ou controlar.

assim, buscamos estabelecer conversaçþes casuais ou atĂŠ Por exemplo, quando estou fa- companheirismo aparentemente minto minha inclinação natural inocente e, de repente, nos deSDUD D LPSDFLrQFLD ÂżFD DLQGD frontamos com uma situação vermais forte. Ao dirigir, resmungo dadeiramente comprometedora. impaciente contra os motoris- ApĂłs um dia particularmente estas que impedem meu avanço. tafante ou depois de concluĂ­da Se estiver num restaurante es- uma tarefa difĂ­cil que consumiu perando que minha comida che- muito tempo, estar cansado pode gue, me descubro menos cortĂŞs UDSLGDPHQWH LQMHWDU FRQĂ&#x20AC;LWR QXP e compreensivo com a demora. relacionamento que normalmente Eu quero o que quero â&#x20AC;&#x201C; e jĂĄ! apreciarĂ­amos. Recentemente estava me sentindo irado com uma situação totalmente fora do meu controle. Sentia-me irado por causa da minha incapacidade de fazer algo H ÂżTXHL WHQWDGR D UHGLUHFLRQDU aquela ira para os membros da famĂ­lia. Todos nĂłs jĂĄ ouvimos histĂłrias a respeito de â&#x20AC;&#x201C; ou nĂłs mesmos experimentamos â&#x20AC;&#x201C; estar sĂł durante uma viagem de negĂłcios e nos sentirmos solitĂĄrios. Em ocasiĂľes

Sendo assim, o que fazer quando encontramos tentaçþes ou um GHVVHV HOHPHQWRV ),6&" &RQsidere os conselhos sobre isso extraídos de um livro veneråvel, a Bíblia:

7 17 tentado. â&#x20AC;&#x153;O nosso Grande Sacerdote nĂŁo ĂŠ como aqueles que nĂŁo sĂŁo capazes de compreender as nossas fraquezas. Pelo contrĂĄrio, temos um Grande Sacerdote que foi tentado do mesmo modo que nĂłs, mas nĂŁo pecouâ&#x20AC;? (Hebreus 4.15). Quando tentado devemos buscar ajuda. AlguĂŠm disse: â&#x20AC;&#x153;Posso resistir a tudo, menos Ă tentaçãoâ&#x20AC;?. Muitas vezes a resposta correta Ă  tentação nĂŁo ĂŠ tentar com mais empenho resistir. Ă&#x2030; preciso reconhecer nossa fraqueza e pedir a Deus forças para vencer. â&#x20AC;&#x153;E agora Jesus pode ajudar os que sĂŁo tentados, pois Ele mesmo foi tentado e sofreuâ&#x20AC;? (Hebreus 2.18).

Tentaçþes demandam escolha consciente. Um comediante usava a expressĂŁo, â&#x20AC;&#x153;O diabo me fez fazer istoâ&#x20AC;?, para explicar um comportamento errado. Entretanto, ninguĂŠm pode nos forçar a fazer o NĂŁo confunda tentação com mau que ĂŠ errado. NĂłs consideramos procedimento. Ser tentado nĂŁo e depois determinamos se agiVLJQLÂżFD IDOKDU SHOR PHQRV QmR mos ou nĂŁo segundo a tentação. ainda. A tentação ĂŠ apresentada â&#x20AC;&#x153;Mas as pessoas sĂŁo tentadas como oportunidade para a mĂĄ quando sĂŁo atraĂ­das e enganaDomRRTXHD%tEOLDGHÂżQHFRPR das pelos seus prĂłprios maus â&#x20AC;&#x153;pecadoâ&#x20AC;?. AtĂŠ mesmo Jesus foi desejosâ&#x20AC;? (Tiago 1.14)Ĺž


18

MENSAGEM

7

“... Porque a minha graça te basta...” II Coríntios 12.9ª

“Largue tudo, e siga a Jesus”, diz o cântico da Recuperação.

"Às vezes, o orgulho, a vaidade, auto-piedade e a dureza de coração te impedem de receber o tanto que Ele tem para você. “Largue tudo, e siga a Jesus”, diz o cântico da Recuperação."

1mRLPSHoDDJUDoDGHÀXLU1mR crie obstáculos para si, e nem para os outros. E nunca se torne um tropeço. A graça é para todos. “... Não deixem que se perca a graça de Deus que vocês já receberam. Escutem o que diz o Senhor: Quando chegou o tempo de mostrar a minha bondade, Eu atendi o seu pedido, e o socorri quando chegou o dia da salvação” (II Coríntios 6.12).

Graça é um ato incompreensível de Deus. Uma atitude que Ele toma unilateralmente em meu e em seu favor. Não pode ser entendida pela mente humana. Você deve apropriar-se dessa bênção, sem questionamentos. Deus disse que abençoaria você. Ele prometeu isso. Um dia chamou Abrãao: “Sai da tua terra, do meio da tua parentela e vai para a terra que Eu mostrarei. Eu abençoarei você.” (Gênesis 12.3). Você é um cristão genuíno e está “dentro” dessa palavra. Você está “batizado” nela e precisa desfrutá-la. O Senhor não dá a Sua bênção sob medida. Deus enviou o Seu Único Filho por sua causa. “Veio para o que era seu... O Verbo se fez carne, e habitou entre nós, e vimos

a Sua glória como a glória do Unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade” (João 1.14). Cada cristão verdadeiro está dentro dessa promessa cumprida! Ela não irá acontecer no futuro está acontecendo no presente e já aconteceu no passado. A bênção é agora! Abrãao não aguardou a chegada do futuro e nem esperou pela passagem do tempo. Ele antecipou o futuro e aniquilou o tempo! Porque “o justo viverá pela

fé” (Habacuque 2.4). A graça divina realmente não é merecida - só por ser graça! Contradição falar em mérito. É exatamente para você, que muito precisa dela. Ela nos faz respirar, nos dá o hálito da vida. Marca todos os nossos sorrisos; É perdão, misericórdia, fé, amor, esperança e paz! Às vezes, o orgulho, a vaidade, auto-piedade e a dureza de coração te impedem de receber o tanto que Ele tem para você.

Deus abraçou você com as suas misericórdias, e a sua bondade jamais falhará. Ele concede a você todas as oportunidades; Você não pode perdê-las. Venha correndo para o Senhor. Mergulhe nEle. Aproprie-se da bênção. “A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza” (II Coríntios 12.9). Não despreze o amor de Deus. Essa é a razão da sua vida. Sem a graça de Deus, você estaria acabado e o mundo já não existiria. Tudo é pela graça! 'HXVDEHQoRHYRFrž


ACONTECEU

7 19

IGREJA BATISTA DA LIBERDADE EM NEW YORK 7 ANOS DE MINISTÉRIO

Nyack College Chorale

M.M. Jocilene Ayres Malas

Pr. Bert Vitaliz orando com a congregação

Pr. Aloísio Campanha, Pr. Fausto Vasconcelos e Pr. Augusto Nicolau

Nem a inesperada neve, nem as baixíssimas temperaturas, esfriaram o calor e a alegria das celebrações dos 7 anos de existência da Igreja Batista da Liberdade em New York, ou como é carinhosamente chamada por seus membros, a Liber NY. Vindos de várias partes de New York, de New Jersey e Connecticut, os integrantes do Nyack College Chorale, atendendo ao convite da Ministra de Música da Liber NY, Jocilene Ayres Malas, mais uma vez abrilhantaram as festividades de aniversário da Liber NY, desta vez sob a regência da Dra. Elizabeth Swanson. Instrumentistas do Nyack Col-

lege também trouxeram um ar todo especial às festividades, interpretando peças do repertório brasileiro. O pianista brasileiro Glauco Lima, que juntamente com um dos colaboradores da Liber NY, o percussionista João Mota, arrancaram aplausos em pé de um público entusiasmadíssimo, bem como o violonista, Dr. Lars Frandsen. O preletor convidado para aquela noite foi o Pr. Fausto Aguiar de Vasconcelos, Diretor de Evangelismo e Missões da Aliança Batista Mundial, que devido a presença de muitos americanos, trouxe a mensagem em um inglês impecável, tendo como tradutor ao português o pastor da Liber

NY, Pr. Aloísio Campanha. O Pr. José Augusto Nicolau, que estará na Liber NY por todo o mês de novembro, também esteve presente, bem como Pr. Bert Vitaliz, pastor da Immanuel Church. Logo após o Culto de Celebração, os convidados foram recepcionados no amplo Fellowship Hall da igreja, onde puderam desfrutar de momentos preciosos de amizade e confraternização. E a festa continuou no domingo, com mais uma abençoada mensagem do Pr. Fausto e batismos. Aos membros da Igreja Batista da Liberdade em New York, que não pouparam esforços e carinho na preparação de todos os detalhes

daquela festa, o nosso “muito obrigado”pela hospitalidade e atenção. Agradecemos à Deus pela vida dessa igreja, que está crescendo forte e saudável e que busca no Senhor, ser um canal de bençãos, um local de refúgio e de fortalecimento aos que desejam entender e crescer no Reino de Deus. Que o Pai continue a lhes dar forças, amor e todos os meios necessários para que vocês possam cumprir a boa obra que Ele WHPSDUDYRFrVž PARABÉNS, LIBER NY! FELIZ 7 ANOS! Texto: Ministra de Música Jocilene Malas


20

FINANĂ&#x2021;AS

7

1L[RQ DÂżUPRX â&#x20AC;&#x153;os covardes nunca tentam, os fracassados nunca terminam e os vencedores nunca desistemâ&#x20AC;?.

â&#x20AC;&#x153;O homem nĂŁo morre quando deixa de viver, e sim quando deixa de sonhar!â&#x20AC;? Ah, se a vida nĂŁo tivesse sonhadores! Tudo seria sem graça, nĂŁo haveria motivos para se viver, pois a beleza da vida estĂĄ no colorido dos sonhos, o que nos falam de esperança, de perspectivas, de novos horizontes a serem visualizados, de uma estrada a ser percorrida. HĂĄ dois tipos de sonhos, o primeiro ĂŠ aquele que sonhamos dormindo e, o segundo, se trata do que sonhamos acordados. Sonhar faz bem para o corpo, para a alma e para o nosso coração! Para quem tem problemas com dinheiro, tenho uma maravilhosa notĂ­cia para dar: Sonhar nĂŁo custa nada. VocĂŞ nĂŁo terĂĄ que pagar absolutamente nenhum centavo e sim acreditar em vocĂŞ mesmo, crer nos teus sonhos e, acima de qualquer questĂŁo, conÂżDURVWHXVVRQKRVQDVPmRVGRLQspirador dos sonhos. Vale a pena sonhar e como vale! Os sonhos regam uma mente inIUXWtIHUDRVVRQKRVID]HPĂ&#x20AC;RUHVFHU o jardim do nosso coração com as PDLVOLQGDVĂ&#x20AC;RUHVGDSULPDYHUDRV

sonhos nos fazem vislumbrar um mundo melhor. Todos quantos estĂŁo parando de sonhar estĂŁo deixando de fazer a coisa mais importante da vida, o prazer de viver. Os sonhos sĂŁo como um novo amanhecer vem nos trazer boas novas de um dia melhor, de um mundo melhor, pois sonhar faz parte da vida de gente capaz, de gente que pensa de gente visionĂĄria. Acreditar que ainda vale a pena sonhar ĂŠ para os que conseguem enxergar alĂŠm do Ăłbvio; eles vĂŞem aonde ninguĂŠm viu e nem consegue ver; os que ousam sonhar, sĂŁo como o saudoso e amado tri-campeĂŁo de

FĂłrmula 1, Airton Senna, que, ao ser questionado sobre os limites, respondeu: â&#x20AC;&#x153;os meus limites vĂŁo um pouco alĂŠm dos demaisâ&#x20AC;?. Os sonhadores sĂŁo ilimitados, pois nos seus coraçþes pulsam conquistas, vitĂłrias, estes nutrem no seu sangue uma Ăşnica palavra: â&#x20AC;&#x153;vencer ou vencerâ&#x20AC;?. Por que os sonhadores estĂŁo sempre acreditando que ainda vale a pena sonhar? Pelo simples fato de serem sonhadores! Eles sabem que a vida sĂł tem sentido quando se sonha pra valer. O ex-presidente americano Richard

Um sonhador nunca se acovarda, estĂĄ sempre tentando mais uma vez; fracassos, nĂŁo passam pela cabeça dos sonhadores; tudo o que os sonhadores iniciam, pode atĂŠ demorar, todavia, as suas metas sĂŁo concluĂ­das; os sonhadores sĂŁo insistentes, persistentes, mesmo que apareça uma aparente derrota, os sonhadores vĂŞem naquele fracasso uma experiĂŞncia vitoriosa a ser usada mais a frente com todo ardor. Deus sonhou um dia comigo e com vocĂŞ. A tarefa de Deus atravĂŠs de nĂłs jamais poderĂĄ sucumbir. â&#x20AC;&#x153;Os sonhos de Deus nĂŁo podem morrerâ&#x20AC;?, ao contrĂĄrio, os sonhadores precisam mais nunca sonhar, antes que o mundo se encha de homens medĂ­ocres, covardes e fracos cheios de pessimismo e de pesadelos. Sonhe, mas sonhe muito e sempre! Pois enquanto sonhamos, estamos lançando nesta bela terra as sementes mais lindas da vida. Acredite, ainGDYDOHjSHQDVRQKDUĹž ExtraĂ­do do livro â&#x20AC;&#x153;Acredite, ainda vale a pena Sonhar, Ed. Mk.


DIVERSÃO & NOTÍCIA

CA ÇA PA LAV RA S I

A

R

V

A

L

A

P

I

G

A

X

S

E

N

H

O

R

R

K

X

U

A

H

R

K

V

E

I

O

I

H

W

R

E

Z

A

F

I

C

S

E

D

S

M

Z

S

L

E

V

A

N

T

A

S

I

O

A

H

W

L

S

O

C

A

A

M

L

O

V

J

P

A

D

T

W

I

A

H

U

O

D

P

U

C

O

A

M

R

E

V

S

U

A

G

O

R

E

E

B

I

I

S

T

C

D

M

N

L

R

O

R

R

A

B

L

I

O

O

E

E

R

O

D

A

S

Z

Z

L

U

D

J

Encontre no quadro acima as palavras que estão em negrito: AS PALAVRAS SÃO: Jeremias 18-1 a 6

A palavra que veio a Jeremias, dizendo: Levanta-te, e desce à casa do oleiro, e lá te farei ouvir as minhas palavras. Desci, pois, à casa do oleiro, e eis que ele estava ocupado com a sua obra sobre as rodas. Como o vaso, que ele fazia de barro, se estragou na mão do oleiro, tornou a fazer dele outro vaso, conforme pareceu bem aos seus olhos fazer: Então veio A mim a palavra do Senhor, dizendo: Não poderei fazer de vós como fez este oleiro, ó casa de Israel? Diz o Senhor: Eis que, como barro na mão do oleiro,assim sois vós na minha mão,ó casa de Israel. Criado por : H.S.F

7 21

TENSÃO ISRAEL-IRÃ GANHA NOVO CAPÍTULO As tensões entre Israel e Irã envolvendo o programa nuclear iraniano deram um novo passo. O MRUQDOLVUDHOHQVH+D DUHW]D¿UPRX que Israel buscava apoio do Conselho de Ministros para iniciar um ataque às ogivas nucleares do país de Mahmoud Ahmadinejad. O Irã não demorou a reagir. O ministro das Relações Exteriores, Ali Akbar Salehi, disse que o país "está preparado para o pior". À medida que países ocidentais engrossavam o tom contra o Irã, a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) descartou qualquer possibilidade de intervir no país persa. A atitude de Israel em relação a um possível ataque ao Irã levanta questões sobre a legalidade de uma intervenção como essa. Para que ocorra de forma legal, a ação precisa ser aprovada pelo Conselho de Segurança da ONU com unanimidade. Entretanto, é muito provável que a Rússia e a China votem contra o ataque. Assim, Israel iria contra as normas que regem o direito internacional caso decidisse intervir sem o aval

da ONU. Apesar da tensão acirrada, episódios parecidos já foram regisWUDGRV QD KLVWyULD GRV FRQÀLWRV entre Israel e Irã. O jornal online CBS News destacou que, desde o surgimento de relatos de que o Irã estava envolvido em um programa de enriquecimento de urânio, especialistas e líderes mundiais alertaram o mundo sobre uma possível bomba atômica em pouco tempo. Além disso, é improvável que os Estados Unidos, enquanto liderados por Barack Obama, apoiem um ataque israelense ao Irã. Mesmo que o governo atual dos EUA tenha tomado medidas para isolar o país persa com sanções, Obama está em campanha eleitoral - e um de seus feitos mais destacados durante esse período é a retirada das tropas americanas GR ,UDTXH DWp R ¿QDO GHVWH DQR Segundo o CBS News, desde 2007, o Pentágono envia fortes advertências a Israel para que não ataque o Irã sob quaisquer circunstâncias, já que as conseTXrQFLDVVHULDPPXLWRJUDYHVž


22

7

NOTĂ?CIA

ECONOMIA AMERICANA TEM FALTA DE MĂ&#x192;O-DE-OBRA ESPECIALIZADA Apesar da alta taxa de desemprego, que caiu de 9,1% em setembro para 9% em outubro, segundo dados divulgados nesta sexta-feira pelo Departamento do Trabalho dos EUA, alguns setores da economia americana sofrem com falta de mĂŁo-de-obra especializada.

ness da Duke University, na Carolina do Norte, as empresas americanas enfrentam uma "guerra por talentos". Um estudo conduzido por Lewin concluiu que, quando muitas empresas começaram a demitir engenheiros em 2009, no auge da recessão, provocando um aumento na taxa de desemprego para a categoria, elas na verdade HVWDYDP GHVFDUWDQGR SUR¿VVLR nais que não eram considerados os melhores em suas åreas.

Em åreas como tecnologia da informação, mineração, serviços de saúde e indústria manufatureira, HPSUHJDGRUHV UHODWDP GL¿FXOGDGH HP FRQVHJXLU SUR¿VVLRQDLV FRPDTXDOL¿FDomRQHFHVViULD

"Por um lado, as empresas estĂŁo aprendendo a operar com menos HQJHQKHLURV H D FRQWUDWDU SURÂżVsionais temporariamente, para SURMHWRV HVSHFtÂżFRV $R PHVPR tempo, elas estĂŁo cortando funcionĂĄrios que sĂŁo bons, mas nĂŁo sĂŁo os melhores", disse Lewin Ă BBC Brasil.

Uma pesquisa recente feita pela consultoria Deloitte em conjunto com o Manufacturing Institute, entidade que representa o setor manufatureiro, calcula que 600 mil vagas permanecem abertas na indústria manufatureira porque os empregadores não conseguem encontrar funcionårios o nível de instrução desejada.

A falta de mĂŁo-de-obra especializada ĂŠ tambĂŠm apontada pelo estudo de Lewin como um dos principais motivos que levam muitas empresas a terceirizar suas atividades para outros paĂ­ses.

O problema da falta de mĂŁo-deobra especializada nĂŁo ĂŠ novo nos Estados Unidos. Mas o fato de que persiste mesmo em um momento em que 13,9 milhĂľes de americanos estĂŁo desempregados surpreende alguns analistas. "Algumas pessoas acham estranha a ideia de que os empregaGRUHV SRVVDP WHU GLÂżFXOGDGH HP UHFUXWDUSURÂżVVLRQDLVHVSHFLDOL]Ddos em um momento em que hĂĄ tanto excesso de trabalhadores procurando por empregos", disse Ă BBC Brasil a analista Madeleine Sumption, do Migration Policy Institute, em Washington. "Mas o alto desemprego nĂŁo sigQLÂżFDTXHFHUWRVSURÂżVVLRQDLVHVpecializados nĂŁo sejam difĂ­ceis de encontrar. HĂĄ algumas ocuSDo}HVHVSHFtÂżFDVHPTXHDGHmanda permanece muito forte", DÂżUPD Sumption cita dados do setor de saĂşde, onde a taxa de desemSUHJRSDUDSURÂżVVLRQDLVHVSHFLD lizados ĂŠ de 3%, bem menor que o total de 9%. "Esta ĂŠ uma economia que ainda estĂĄ Ă  procura de trabalhadores. Geralmente, SURÂżVVLRQDLV DOWDPHQWH HVSHFLD lizados."

outros paĂ­ses podem pensar em imigrar para os Estados Unidos e aproveitar a oportunidade.

Duke University, observa que hĂĄ tambĂŠm um problema da "fuga de cĂŠrebros a contrĂĄrio" nos Estados Unidos.

Lewin observa que atÊ mesmo empresas de mÊdio porte estão aumentando seus investimentos em terceirização e alerta para o risco de que a "guerra por talentos" jå tenha se transformado em um problema global.

'H DFRUGR FRP *HUHI¿ R SUR blema tambÊm Ê de demanda, e não tanto de oferta de mãoSumption alerta, no entanto, que SUR¿VVLRQDLVGHRXWURVSDtVHVSR- O aumento das restriçþes a vis- de-obra especializada, jå que hå GHPHQIUHQWDUGL¿FXOGDGHVFRPR tos para imigrantes após os aten- muitas pessoas com especializaadaptar a licença para exercer a tados de 11 de setembro de 2001 ção que estão desempregadas SUR¿VVmRjVUHJUDVDPHULFDQDV IH]FRPTXHPXLWRVSUR¿VVLRQDLV ou subempregadas. Em outros casos, diz Sumption, estrangeiros voltassem a seus "Uma vez que esteja claro onde a a capacitação e a experiência países de origem após fazer Mes- demanda estarå, onde o governo dos imigrantes podem não ser as trado ou Doutorado em universi- e as empresas privadas planejam investir, acredito que, com tantas mesmas exigidas pelo mercado dades americanas. americano, o que obrigaria os tra- "De certo modo, estamos limi- boas instituiçþes acadêmicas, balhadores estrangeiros a investir tando um recurso enorme com o poderemos gerar os talentos neem nova capacitação. qual sempre havíamos contado, FHVViULRVD¿UPD Outra barreira pode ser o idi- que Ê a imigração de engenhei- Especialistas temem os efeitos oma. "Algumas pessoas podem URV FLHQWLVWDV H RXWURV SUR¿VVLR de longo prazo, caso a carência ter o conhecimento tÊcnico ne- nais altamente especializados GH SUR¿VVLRQDLV HVSHFLDOL]DGRV cessårio, mas se não falam in- para se unirem à força de tra- se mantenha no mercado de traglês, não conseguirão exercer EDOKR GRV (VWDGRV 8QLGRV D¿U- balho americano por muito tempo. PD*HUHI¿ VXDSUR¿VVmRDTXL "Mais e mais inovação serå feita Guerra por talentos fora dos Estados Unidos", diz 2 SURIHVVRU *DU\ *HUHI¿ GLUHWRU do Centro de Globalização, Go- De acordo com o professor Arie /HZLQŞ

Segundo a analista, diante desse FHQiULR PXLWRV SUR¿VVLRQDLV GH vernança e Competitividade da

Lewin, da Fuqua School of Busi-

Fonte: BBC


ONDE ESTIVER UM BRASILEIRO, ALI ESTARÁ O MENSAGEIRO!

23


24

ONDE ESTIVER UM BRASILEIRO, ALI ESTARÁ O MENSAGEIRO!

Número 231  

1a Edição Novembro 2011