Issuu on Google+

PILAR DO SUL | SÃO MIGUEL ARCANJO

Ano XI • Século XXI • Edição 163 • Preço R$ 1,00

Augusto Camargo/OJ

Alunos voltaram às aulas em toda região

Sexta-feira, 29 de julho de 2011

Vandalismo destrói bens públicos e onera cofres da prefeitura de Pilar do Sul Geni A.Santos/OJ

Dia 26 de julho, mais uma vez, a Escola Municipal de Ensino Fundamental “Profª. Hilda Holtz de Carvalho” foi vítima de vandalismo: uma de suas salas teve os vidros quebrados. Segundo a diretora, professora Marlene Brizolla Loureiro, a escola tem sido alvo de depredação nos últimos seis meses, apesar de ter caseiro e também alarme. “Roubam torneiras, lâmpadas (já foram repostas 26 lâmpadas econômicas), quebram vidros (foram recolocados 40 vidros quebrados), tapetes. Colocam massinhas nas fechaduras, enfim, cometem atos de vandalismo no prédio.

+ PÁG.1

Divulgação

Futsal é campeão invicto nos Jogos Regionais 2011

+ PÁG.8

PÁG. 3

Crédito rural registra novo recorde com R$ 94 bi

+ PÁG.7

PÁG 6

Prefeitura apresenta projeto de prevenção às drogas PÁG 7

Augusto Camargo/OJ

Secretaria de obras realiza recuperação nas estradas rurais

Augusto Camargo/OJ

Divulgação

Parceria entre o Supermercados Silva e o Lar São Vicente de Paulo foi um sucesso PÁG. 5 em São Miguel Arcanjo


Cidade

A2

Sexta-feira, 29 de julho de 2011 - Edição 163

EDITORIAL A cidade tem sofrido com a ação de vândalos. Não poupam escolas, praças, cemitérios... O ato de vandalismo é uma ação hostil, violenta, contra patrimônios públicos, históricos e privados. São atos ilegais e criminosos, conforme o artigo 163 do Código Penal: “Destruir, inutilizar ou deteriorar coisa alheia: pena de detenção de um a seis meses, ou multa”. Constatamos essa violência quando andamos pela cidade: bustos de

charge

autoridades, quando não estão destruídos, estão pichados; vidros de banheiros recém inaugurados quebrados, falta de lâmpadas em ruas e locais utilizados para o ir e vir da população. Há também o vandalismo nas escolas, com a quebra de vidros, entupimento de banheiros com os rolos de papel higiênico, entre outras ações ilegais. O que gera essa ação de vandalismo? A certeza que têm os autores da impunidade. Certamente

a população presencia esses atos e se cala. E quem cala consente, é conivente com as ações ilegais e criminosas dos vândalos. Cabe ao município o dever de fiscalizar, identificar e tomar as medidas cabíveis contra quem pratica vandalismo. Cabe à população, quando presencia um ato de vandalismo, denunciar quem pratica. Quem paga o custo do vandalismo somos todos nós, com nossos impostos.

qualificação

Estão abertas as inscrições do SENAI para o curso de qualificação profissional no setor do vestuário O CECAPI/PAT, está abrindo a 3ª e 4ª turma do curso de costura industrial, nas máquinas reta, overlokc e interlock. Os interessados deverão comparecer no PAT até o dia 04 de agosto de 2011, com os seguintes documentos: RG/CPF/CTPS/ comprovante de endereço. A vaga para o curso segue a ordem de inscrição. O PAT informa, que há vagas de emprego para constureiro(a) de

emediato no setor de confecçâo no município. Time do Emprego O programa da SERT “Secretaria do Estado de Emprego e Relações do Trabalho”, informa que estão encerrando as inscrições para o curso do time do emprego, para as pessoas que estão desempregadas. O curso visa orientar as pessoas reconhecer suas habilidades, entrevistas, cur-

riculum e a recolocação no mercado de trabalho. Os participantes do time de emprego anterior, 65% que concluíram o curso conseguiram a recolocação no mercado de trabalho. parabéns a vocês, pois são vencedores. Os interessados devem comparecer com todos os documentos no PAT, Av. Antonio Lacerda, 308 (antiga Brasan-o) Pilar do Sul.

ACONTECE Missa da Saúde

Com Frei Rinaldo Stecanela da TV Século 21 de Valinhos da Associação do Senhor Jesus Pela Primeira Vez em São Miguel Arcanjo

Dia 10 de Agosto de 2011 As 19h30 na Igreja Matriz Contamos com a presença de todos

Informações: Maria C.P. Trindade: Fone (15) 9778.5491

oportunidades

Curso de qualificação profissional de Cozinha Industrial ESTÃO ABERTAS AS INSCRIÇÕES PARA O CURSO DE COZINHA INDUSTRIAL, REALIZADO PELA SERT “Secretaria de Emprego e Relações do Trabalho” que será ministrado pela Escola “ETEC FERNANDO PRESTES”, aqui no município. Pré-requisito para se inscrever: • Estar desempregado; • Ser maior de 16 anos; Serão priorizados aqueles: • Idade superior a trinta anos

(homem ou mulher); • menor escolaridade; • mulheres arrimo de família; As inscrições deverão ser efetuadas no site: www.viarapida.sp.gov.br, ou no PAT de Pilar do Sul. Documentos necessários: CTPS(Carteira de Trabalho), RG, CPF, e Comprovante de endereço O Prazo para as inscrições termina dia 08/08/2011. Observação: Caso o candidato esteja recebendo o Seguro Desemprego ou algum beneficio do governo, ele poderá participar do curso, mas

show evangélico

não receberá bolsa auxilio.

André Jr. fará show em Pilar do Sul

Curso de Costura O PAT – Posto de Atendimento ao Trabalhador, localizado à Av. Antonio Lacerda, nº. 308, no Recinto de Festas Chico Mineiro informa que as inscrições para o Curso de Costura encontram-se abertas. Os interessados deverão comparecer até o dia 31 de julho com cópia dos seguintes documentos: RG, CPF, Carteira de Trabalho e Comprovante de residência atualizado. A idade mínima para fazer o curso é de 16 anos.

O cantor evangélico André Júnior, vem se destacando nos palcos da nossa cidade e cidades vizinhas, cantando e evangelizando seu público. No ultimo dia 14 de julho, André jr. Esteve na TV Século 21 no programa “Você pode ser feliz”, e no próximo dia 5 de agosto, estará cantando e evangelizando na “Festa do Padroeiro Bom Jesus”, em Pilar do Sul. Vale a pena conferir esse fenômeno mirim.

mortes

FLASH

Mais um animal foi encontrado envenenado em Pilar do Sul Desta vez foi em frente ao Posto Roberta e à AGROMAIA Materiais para Construção. No último domingo (24/07), logo pela manhã, um de nossos voluntários encontrou jogado na guia entre o posto e o asfalto este cachorro que estava agonizante e babando. Com certeza os sintomas que ele apresentava eram de envenenamento. Como infelizmente não tinha veterinário e nem órgão público aberto para poder dar socorro a esse animal, o mesmo foi colocado em uma caixa de papelão e deixado encostado na parede para que, se ele tivesse a sorte de sobreviver até a segunda-feira (25/07), viesse a ser atendido por algum profissional. Infelizmente, isso não

Divulgação

aconteceu. Quando cheguei logo cedo para resgatá-lo não encontrei mais nada (nem ele, nem a caixa), provavelmente deve ter falecido e alguém o levou de lá. É muito triste vermos ce-

Divulgação

nas como esta ainda acontecendo a nossa volta, se quem envenena pudesse ter a consciência de como um animal sofre, com certeza ficaria com sua consciência profundamente pesada (se é que se pode dizer que, quem faz uma maldade dessas, tenha alguma consciência...). Mais uma vez alertamos as pessoas que têm amor aos animais, Denunciem quem vende chumbinho, isso é proibido por lei; já que não conseguimos ainda pegar o autor desse crime, temos que denunciar quem não está cumprindo a lei e que está colaborando para que esses atos venham a acontecer. Sueli Cano Maita Presidente da Apaasa- Associação Protetora de Animais “Anjos Sem Asas”

Augusto Camargo/OJ

A Associação Comercial e Empresarial de Pilar do Sul (ACE), em parceria com o SEBRAE realizou, dia 19 de julho, uma Oficina de Criatividade. A Oficina, direcionada a empresários e gerentes autônomos, contou com a participação de 25 pessoas. O palestrante Eduardo Flud, do Sebrae Sorocaba coordenou a Oficina.

PILAR DO SUL | SÃO MIGUEL ARCANJO Diretor: José Augusto Camargo Neto Jornalista responsável: Geni Alves dos Santos - MTB - 49926 Diagramação: Artedesign Impressão: Gráfica Atlantica Tiragem: 3.500 exemplares Periodicidade: Quinzenal

Empresa ASA promoções e Eventos Ltda. CNPJ: 04.442.577/0001-04 Registrado sob nº 001276 no Cartório Oficial de Registro de Pessoa Jurídica de Piedade/SP Site: www.ojornal.info email: sac@ojornal.info

A redação não se responsabiliza pelos artigos assinados; não devolve os originais, mesmo quando não são publicados e faculta o direito de resposta.

Telefones: (15) 3278.1413 / (15) 9744.0343 Contato pelo e-mail: redacao@ojornal.info Redação: Rua Professor Eloi Lacerda, 853 (fundos) - Centro Pilar do Sul - CEP 18.185-000

Telefone São Miguel Arcanjo: (15) 9746.3530 Contato pelo e-mail: redacao@ojornal.info Redação: Rua Euzebio P. de Assis, 135 - Res. Monte Verde - São Miguel Arcanjo - CEP 18.230-000

Circulação: Pilar do Sul, São Miguel Arcanjo. Preço em banca: R$ 1,00. Ilustrações: Caco Salles Classificados: classificados@ojornal.info


Cidade

A3

Sexta-feira, 29 de julho de 2011 - Edição 163

pilar do sul

O LEITOR COMUNICA

Vandalismo destrói bens públicos e onera cofres da prefeitura Dia 26 de julho, mais uma vez, a Escola Municipal de Ensino Fundamental “Profª. Hilda Holtz de Carvalho” foi vítima de vandalismo: uma de suas salas teve os vidros quebrados. Segundo a diretora, professora Marlene Brizolla Loureiro, a escola tem sido alvo de depredação nos últimos seis meses, apesar de ter caseiro e também alarme. “Roubam torneiras, lâmpadas (já foram repostas 26 lâmpadas econômicas), quebram vidros (foram recolocados 40 vidros quebrados), tapetes. Colocam massinhas nas fechaduras, enfim, cometem atos de vandalismo no prédio. Temos feito B. O. (Boletim de Ocorrência), mas nada impede a ação, nem a presença de caseiro ou o alarme instalado”, desabafa a diretora. “A comunidade precisa nos ajudar a cuidar da escola, do prédio. É patrimônio público, um bem usufruído por todos, crianças, adultos”, enfatiza Marlene. O alto custo do vandalismo para a Prefeitura Não são somente as escolas que sofrem ações de vândalos. Praças, bustos de autoridades municipais, dentre outros patrimônios são constantemente depredados por pessoas que agem sorrateira e covardemente. Destroem o bem comum e oneram os cofres da prefeitura. Segundo a Secretária de Finanças, Planejamento e Patrimônio, Isabel Rainha do Nascimento, cada banco de praça tem um custo de R$ 290,00. O chefe de Patrimônio, Cláudio de Carva-

As cartas devem ter nome, endereço e telefone para contato. A redação reserva-se no direito de selecioná-las e resumi-las conforme o espaço disponível.

Fotos: Geni A.Santos/OJ

lho, relata que em 2010 por três vezes precisaram trocar lâmpadas e luminárias. “Em 2011, já trocamos uma vez”, diz Mário. O alto custo para a prefeitura não se resume somente na reposição dos bens que sofrem o vandalismo. Segundo Mário V. da Silva, Chefe de Obras, os funcionários consomem mais tempo consertando os estragos do que realizando novas benfeitorias à população. “Foi assim com o banheiro da Praça Gabriel Valio: um dia depois da inauguração, os vidros foram quebrados, as paredes sujas”, conta. Segundo dados do setor de Patrimônio, no ano de 2010 foram realizadas duas trocas de lâmpadas, incluindo e reatores e alguns relês fotoelétrico, que é o dispositivo responsável pelo acionamento e desligamento da iluminação. O valor atual em média é de R$100,00 cada ponto de iluminação. Como são 14 postes, o custo total é de R$1400,00 cada troca. Ainda em 2010 foram efetuadas trocas de lâmpadas e luminárias com tela de proteção, como tentativa de impedir a ação dos vândalos. No ano de 2011, já foi realizado uma troca de lâmpada. A vida útil destas lâmpadas gira em torno de 10.000 horas para vapor metálico, e de 18.000 horas para vapor de sódio. Nesta iluminação já foram utilizados os dois tipos de lâmpadas. “Vale ressaltar que temos lâmpadas na Praça Gabriel Valio instaladas há mais de cinco anos funcionando perfeitamente”, lembra o Técnico Eletrônico José Carlos Gomes da Silva.

» Por carta: R. Prof. Eloi Lacerda, 853 - Centro - Pilar do Sul - CEP 18.185-000 » Por fax: (15) 3278 1413 » Por e-mail - Pilar: leitor@ojornal.info

Cartas para esta seção devem ser enviadas à Redação pelo correio (endereço acima) ou pelo e-mail ojornal.pilar@hotmail.com ou ojornal.sma@gmail. com, assinadas e acompanhadas de nome e sobrenome completos, endereço, e telefone. Podem enviar sugestões, reclamações e agradecimentos que iremos verificar e buscar soluções.

AGRADECIMENTO Agrademos aos seguintes apoiadores da I CAVALGADA ATÉ A CAPELA DE BOM JESUS DE IGUAPE, Sítio Cachoeira, Bairro Turvinho realizada em 10 de julho de 2011. VALDIR MAT.PARA CONSTRUÇÃO - PHARMÁCIA SÃO JOSÉCOMERCIAL RIBEIRO- O JORNAL- RÁDIO ALIANÇA FM - AUTO POSTO FUZIKAWA - AGROPECUÁRIA BOIADEIROCASA DE MÓVEIS SÃO MIGUEL - PEDRO PAULO @GROPECUÁRIA - SUPERMERCADO MH - IRMÃOS SILVA SUPERMERCADOS - R&S PRODUTOS HIDROPÔNICOS- VLR VERDURAS E FRUTAS - SUPERMERCADO IRMÃOS PEREIRA - AUTO POSTO MARCHESIN –BENEFICIADORA DE BATATAS SANTA CRUZ – DOMINGUES SECAGEM E ARMAZENAGEM DE CEREIAIS - PREF. MUNICIPAL DE S. M. ARCANJO - POLÍCIA MILITAR DER- POLÍCIA RODOVIÁRIA A todos os apoiadores e a todos os cavaleiros que prestigiaram a Cavalgada o nosso Deus lhe pague! Família Gaudêncio

religião

Dudu Terra propõe projeto de sustentabilidade para novo conjunto habitacional Em entrevista para a imprensa especializada em assuntos ambientais, o vereador Dudu Terra, falou da importância do novo Conjunto Habitacional “Francisco Pezzato” para o município de São Miguel Arcanjo, no sentido da implantação de um projeto sustentável que vise uma educação ambiental e proporcione qualidade de vida a seus moradores. Para o vereador, antes da entrega das casas para seus moradores, é necessário uma proposta para organizar a cole-

ta seletiva, o lixo orgânico, o plano de arborização, a utilização de calçadas verdes e também a questão da educação do trânsito, que está se tornando um desafio para nossa cidade. “Os moradores do novo conjunto habitacional tem uma oportunidade ímpar de organizar o seu bairro com ações que sejam sustentáveis. Para isso o Poder Público tem de convocar os moradores para um bom diálogo, que proponha as ações necessárias para uma vida em sociedade. Como trata-se de um novo bairro, ele

Borboleta

Me chamo Borboleta

Augusto Camargo/OJ

pode perfeitamente ser um modelo para São Miguel Arcanjo em residencias sustentáveis, que trabalhem com eficiência o lixo, a reciclagem, a arborização, o uso racional da água e da energia elétrica. É uma grande chance de avançarmos nessas questões.”, comentou Dudu Terra.

O gabinete do vereador Dudu Terra informou a nossa reportagem, que tão logo o recesso legislativo termine, ele apresentará indicações e requerimentos que coloquem esse assunto na pauta administrativa e da mesma forma mobilizará os moradores para dialogar com a Administração Municipal.

visita

Presidente do Centro de Tradições Campeiras (CTC) visita deputado No dia 10 de julho o presidente do Centro de Tradições Campeiras (CTC) e o assessor político Carlos Alberto (Teco) visitaram o Deputado Federal Eli Correa Filho. Na ocasião entregaram um ofício de uma emenda parlamentar para a construção de benfeitorias no CTC. As obras previstas são para aumentar as arquibancadas e banheiros públicos, para melhor atender a população nas festas beneficentes realizadas no recinto do CTC. O deputado e seu assessor Elierson Celestino receberam o pedido da emenda parlamentar e se comprometeram a ajudar o CTC.

Envie sua colaboração para “O Jornal”.

Divulgação

Muito prazer, me chamo Borboleta! Chamaram-me aqui. Chamaram-me aqui para escrever. Aqui estou. Será que haverá páginas suficientes para mim? E não, eu não vou te cansar. Não devo me identificar para manter a graça, para estimular a sua curiosidade. Há sempre muito o quê falar/ escrever, no entanto, ouvimos/ lemos sempre tantas bobagens que eu concordo com você; este espaço não pode nem será mais um para se falar des-

sas besteiras que estamos cansados! Afinal, quem tem boca vai a Roma, não é? Enfim, espero poder contar com sua atenção e interação, afinal construiremos juntos esse espaço de reflexão. Sobre o que falaremos? Ah! Da vida, de trabalho, de filhos, de futebol? De filosofia? De tantas dificuldades que passamos e vemos nosso povo passar, de educação, de saúde, das coisas que você quiser e de esperança, sempre. Até a próxima edição!


Cidade

A4

Sexta-feira, 29 de julho de 2011 - Edição 163

pilar do sul

Escolas Municipais recebem Livros

A Prefeitura Municipal de Pilar do Sul, através de sua Secretaria de Educação, adquiriu no mês de Julho 4.685 livros, no valor de R$ 44.352,00, que foram entregues aos diretores das Escolas Municipais do Município, no auditório da Secretaria, no último dia 25.

Os diretores assistiram a apresentação de um vídeo (O Poder da Visão) e elogiaram o investimento e a qualidade dos materiais. As bibliotecas das escolas Municipais beneficiadas com livros para educação Infantil com fantoches e CDS foram: Massagiro Ogawa, Esco-

la Especial Edna Aparecida Ferreira, Dr. Narcizo José, Hilda Holtz de Carvalho, Maria de L. OliveiraIha, Saturnino Dias de Góes, Maria Aparecida Perches, Aparecida Maria da Silva, Célia Antunes de Proença, Eleni Barros Trindade, Jane Rechinelli , Maria Terezinha Yassuda,

Divulgação

Escola de ensino Infantil Marajoara, Escola Professora Eli Aparecida Leite. É o dinheiro público sendo investido na qualidade de ensino aos alunos da educação básica, que dará maior acesso à leitura e contribuirá para a melhoria da qualidade do ensino. (Ass. Com. PMPS)

são miguel arcanjo

A Secretaria de Assistência Social convida toda população para a “VIII Conferência Municipal de Assistência Social” A Secretaria de Assistência Social em conjunto com o Conselho Municipal de Assistência Social – CMAS do Município de São Miguel Arcanjo, em conformidade com a Lei Orgânica de Assistência Social – LOAS, art. 18, inciso VI, Lei nº.8.742 de 07 de dezembro de 1993, convoca por maioria de seus membros a VIII Conferência Municipal de Assistência Social, que pretende debater sobre “Os avanços na consolidação do Sistema Único e Assistência Social – SUAS, com a valorização dos tra-

balhadores e a qualificação da gestão, dos serviços, programas, projetos e benefícios”. Convidamos Vsª, para participar no dia 03 de agosto de 2011 às 14:00 horas da “VIII Conferência Municipal de Assistência Social” no Clube Recreativo “Bernardes Junior”. Ressaltamos que a Conferência Municipal é o espaço de deliberações máxima da Política de Assistência Social, envolvendo os diversos

atores sociais – Gestores da Assistência Social, Trabalhadores da Área e da Sociedade em geral, Conselheiros, Entidades Sócio-Assistenciais e usuários da Política de Assistência Social. Haverá palestra ministrada pelo Dr. Elvis Cesar Bonassa que discorrerá sobre o Tema “Os avanços na

consolidação do Sistema Único e Assistência Social – SUAS, com a valorização dos trabalhadores e a qualificação da gestão, dos serviços, programas, projetos e benefícios”. Para Lourdes Aparecida Pezzato Salim, Secretária Municipal de Assistência Social, “Consideramos a realização deste evento de fundamental importância, para a participação da população urbana e rural, podendo condensar a problemática social da população e dar encaminhamento melhor às questões”.

Posse do Conselho Diretor do Rotary Club de Pilar do Sul

Em um jantar festivo, com autoridades municipais, convidados do Distrito 4620 e dos clubes de Araçoiaba da Serra, Salto de Pirapora e Sarapui tomou posse em 11/07/2011 o Conselho Diretor do Rotary Club local. A nova equipe que manterá sua gestão de julho/11 a junho/12 tem a seguinte composição: Presidente: Flavio Antonio Borges Saraiva Vice-Presidente: Antonio Pereira Filho Presidente Anterior: Antonio Clemente Paiotti Presidente Eleita (2012/2013): Laura Proença de Oliveira Mendes Secretária: Eliana Maria Almeida Tesoureira: Laura Proença de Oliveira Mendes Protocolo: Maria Lucia Barreira Batista Paiotti Administração: Sergio Caetano Quadro Social: Edson Ribeiro de Carvalho e Antonio Pereira Filho Imagem Pública: Lya Barreira Baptista Fundação Rotária: Hideo Kuruiva Projetos de Serviços: Maria Cecilia Borges Saraiva e Jose Antonio Caetano Na mesma ocasião, tomou posse a diretoria da Associação das Famílias dos Rotarianos, assim constituída: Presidente: Maria Cecilia Borges Saraiva Vice-Presidente: Maria Lucia Barreira Baptista Paiotti 1ª. Secretária: Ines Nascimento Pereira 2ª. Secretária: Eliana Maria Almeida 1ª. Tesoureira: Laura Proença de Oliveira Mendes 2ª. Tesoureira: Rosana Caetano Diretora de Quadro Social: Lya Barreira Baptista


Cidade

A5

Sexta-feira, 29 de julho de 2011 - Edição 163

solidariedade

Parceria entre o Supermercados Silva e o Lar São Vicente de Paulo foi um sucesso

visita

Seminário com Geraldo Alckmin, Arnaldo Jardim, reúnem mais de 800 lideranças em SP

Divulgação

O ano de 2011 tem sido de muita felicidade para o Lar São Vicente de Paulo de São Miguel Arcajo. Depois do sucesso da festa para arrecadar fundos, no último dia 16 uma parceria com os Supermercados Silva retornou e foi sucesso total. Este ano foram arrecadados 5.407 kg de alimentos nos 45 dias arrecadação. Para Antonio Carlos Silva (Coelinho), gerente do Supermercado, “O projeto ficou dois anos afastado, atendendo o “projeto sopão” e a “Fazenda São Miguel” que cuida de dependentes químicos. Esse ano a pedido do Lar São Vicente de

Paula nós retomamos a parceria “Arraiá da Solidariedade”, que agradou a população e está ai o sucesso de arrecadação que nós conseguimos”. De acordo com a Associação Paulista de Supermercados, na região, os Supermercados Silva é a única empresa que desenvolve esse projeto de “Ação Social”. A “empresa cidadã” é pioneira nesse seguimento, pois já vem á 10 anos atendendo entidades da cidade. Com a troca de 2 kg de alimentos por cartelas de bingos a praça central ficou cheia. O Bingo ficou por conta do locutor “Marcha Ré” que animou

a tarde. As crianças se divertiram com o parque de diversões, algodão doce e pipocas, tudo grátis. Foram sorteados três vale compras no valor total de R$ 1 mil, uma geladeira, um freezer vertical, um fogão quatro bocas, uma bicicleta, um forno elétrico e outros prêmios relâmpagos. O Lar Hoje o Lar São Vicente de Paulo atende 31 internos. Fabio Pezzato, festeiro 2011, fala da importância da parceria. “Sem a ajuda dos supermercados Irmãos Silva o Lar passou por dificuldades. A campanha

trouxe de volta a solidaderidade das pessoas, que por meio do supermercado, ajudaram o Lar São Vicente”. “O maior benefício além dos alimentos arrecadados, foi mostrar para população a importância da ajuda através de doação. O Lar São Vicente é uma família com 31 pessoas que precisam de cuidados”, declarou Meire Matsuura, coordenadora do Lar. O Lar São Vicente de Paulo através da sua diretoria e dos festeiros, agradece aos Supermercados Irmãos Silva, a todos os funcionários envolvidos, voluntários e a população em geral, que sem vocês, nada disso seria possível. Meire lembra que o Lar está de portas abertas para receber doações, não só de alimentos, mas de serviços voluntários também. “Os moradores do Lar não vão mais para o convívio social, por esse motivo procuramos trazer até eles”, conclui.

Vereador Dudu Terra, Deputado Federal Arnando Jardim e o empresário Amarildo Silva (Coelhão)

No último dia 9 de Julho, feriado paulista da Revolução Constitucionalista de 1932, os deputados federais Arnaldo Jardim e Dimas Ramalho realizaram, em São Paulo, o Seminário “O Futuro de São Paulo”, com palestras do Secretário de Energia, José Anibal, do ex-ministro Ozires Silva e do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB). O evento contou com a presença de mais de 800 pessoas, entre elas 63 prefeitos, centenas de vereadores e lideranças políticas, empresariais, sindicais e sociais e do terceiro setor que representaram 200 municípios paulistas. Representando São Miguel Arcanjo, estiveram presentes o vereador Dudu Terra, o empresário Amarildo José da Silva (Coelhão) e o locutor Xuruco, que na oportunidade reivindicarão maior assistência do Governo do Estado na área da

educação técnica para qualificação de jovens e adultos. Vice-líder do PPS na Câmara dos Deputados, Arnaldo Jardim destacou que o evento foi uma oportunidade de colocar em debate temas relevantes para os municípios paulistas. “Quero compartilhar com todos da alegria de promover um evento como este, a tradução mais clara de como se faz a boa política. Sem sectarismo, incorporando visões distintas, discutindo propostas, debatendo questões de interesse nacional, tendo uma visão geral e um olhar local, demonstrando, assim, o nosso compromisso com o “Futuro de São Paulo”. Para Jardim “são eventos como este, com conteúdo, reunindo importantes lideranças, que fazem a diferença do nosso mandato, um mandato verdadeiramente coletivo, fruto da interação permanente de todos nós”.


Cidade

A6

Sexta-feira, 29 de julho de 2011 - Edição 163

são miguel arcanjo

A secretaria de obras e meio ambiente realiza trabalho de recuperação e manutenção das estradas rurais A Prefeitura por meio da Secretaria de Obras e Meio Ambiente vem realizando um trabalho de recuperação e manutenção nas estradas rurais de São Miguel Arcanjo. Os trabalhos começaram em abril deste ano e já foram recuperados cerca de 40km de pontos críticos nas estradas rurais do município. Todo trabalho está sendo feito com acompanhamento técnico e dentro dos padrões exigidos pela secretaria de meio ambiente, para conservação do solo. De acordo com Euvaldenir José Carareto, coordenador de estradas rurais e meio ambiente, o ano de 2011 está dentro da normalidade e com o cronograma em dia. “Anos anteriores não conseguimos fazer esse serviço antecipado, pois as chuvas atrapalharam bastante”. Os bairros atendidos pelo projeto de recuperação fo-

Escarificação do solo

Fotos: Augusto Camargo/OJ

ram: Abaitinga, Guararema, Ferreirada, Turvinho, Justinada, Gramadão, Pocinho, Capão Rico, Rio Acima, Lavrinha, etc. “Ainda temos algumas estradas para fazer o serviço e serão atendidas até o final do ano, antes das chuvas de verão”, conclui Carareto. Carareto diz que provavelmente aparecem alguns pontos isolados com a temporada de chuva. “Havendo esse processo de deformação natural da estrada devido o volume de água, estamos preparados para resolver da maneira ágil, pois levaremos o comboio completo com máquinas e caminhões para sanar o problema”. Processo de recuperação O processo de reparação da estrada é feito em 3 partes: Escarificação do solo: escarificação é o corte verti-

cal ou perfuração do solo Colocação de pedras: as pedras são descarregadas e distribuídas nos pontos críticos

Colocação de pedras

Mistura: a mistura consiste em misturar a terra escarificada com as pedras com um grau de compactação, deixando assim o solo

estabilizado. “Procuramos deixar a estrada com certa inclinação para as laterais, assim quando vem a chuva toda

água escorre pelas canaletas, evitando a formação de poças no leito carroçável”, diz Carareto.

Mistura da terra escarificada com as pedras para estabilização


Cidade

A7

Sexta-feira, 15 de julho de 2011 - Edição 162

segurança

CIPA é implantada em Pilar do Sul A Prefeitura Municipal de Pilar do Sul, através da Secretaria de Administração e Recursos Humanos, em conformidade com o Art. 163 da CLT e Portaria nº 3214, baixada pelo Ministério do Trabalho, NR-5, torna público que realizou o Processo Eleitoral para implantação da CIPA – Comissão Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho, para gestão 2011/2012, com início em Agosto do corrente exercício, sendo empossados no dia 25 de Julho de 2011, pelo Prefeito Municipal Antonio José Pereira, os seguintes representantes: Representantes eleitos pelos Empregados: Titulares: Silvano Antonio da Silva e Ovídio José de Góes; Suplentes: Adil-

Divulgação’

economia

Crédito rural registra novo recorde com R$ 94 bi

Valor corresponde a 94% do total programado no ciclo agrícola. Trata-se do melhor desempenho já registrado desde a safra 1999/2000, período em que o governo iniciou o levantamento Divulgação

son Joaquim de Oliveira e Natanael Fogaça Filho. Representantes indicados pelo Empregador: Titulares: Luciano Luiz Moura e Cleber Dias de

Moraes; Suplentes: José Antonio de Proença e Regina Márcia Carvalho Silva. Foi designado para Presidente da CIPA LUCIANO LUIS MOURA; escolhido entre os representantes

eleitos dos empregados Ovídio José de Góes para Vice- Presidente e escolhida, entre os representantes em comum acordo, Regina Márcia Carvalho Silva para Secretária da CIPA.

são miguel arcanjo

Projeto do Hospital é apresentado para população em Audiência Pública

Fotos: Augusto Camargo/OJ

No último dia 20, na Câmara Municipal de São Miguel Arcanjo, a diretoria do Hospital Nipo Brasileiro esteve presente para audiência pública, a fim de esclarecer a sociedade sobre a construção do hospital na cidade. Na audiência foram apresentados slides com o histórico das entidades mantidas pela “Fundação Dinnai Rioichi” e o pré-projeto do hospi-

tal. Também foi divulgada a compra oficial do terreno. A proposta de parceria entre a Prefeitura a Fundação Dinnai Rioichi foi reafirmada. Esta parceria públicoprivada é inédita no Estado e está sendo formada para construção do hospital em São Miguel Arcanjo. De acordo com o Superintendente do Hospital Nipo Brasileiro, Paulo Afonso

Oppermann, a primeira fase do hospital deverá ser entregue em 2014, com um investimento inicial de R$ 5,5 milhões para a obra, dinheiro este que virá da fundação. Oppermann conta que o hospital atenderá as especialidades básicas, tais como clínica médica, clínica cirúrgica, gineco-obstetrícia e pediatria. A primeira fase do hospital deverá contar com

40 leitos. “Os atendimentos deverão ser feitos primeiro pelo Pronto Atendimento e só ai será encaminhado para o Hospital, onde todos os pacientes serão atendidos pelo SUS”, conta o Prefeito Antonio Celso Mossin. O próximo passo agora é o envio do projeto de Lei do Executivo à Câmara, para votação dos vereadores.

são miguel arcanjo

Prefeitura apresenta projeto de prevenção às drogas nas escolas municipais A Divisão Municipal de Assistência Social realizou no dia 21 de julho, o 1° Encontro Municipal de Enfrentamento às Drogas. A palestra foi ministrada Laércio Rezende do Departamento de Investigações sobre Narcóticos, “Denarc”. Os temas discutidos foram “USO NOCIVO DE DROGAS” do “PROJETO ESCOLA SEM DROGAS”, centrado na prevenção, possibilitando aos indivíduos uma defesa no envolvimento no uso de drogas. “A principal mudança entre a lei 6.368, de 1976, para a 11.343, aprovada e sancionada em 2006, é que a mais recente deu respaldo legal à prevenção às drogas e, embora evite a detenção do usuário no sistema prisional, cria penalidades que enfocam a sua conscientização e educação. “Saímos de um modelo baseado na repressão e no medo, que, como já sabemos, não dá certo, para um voltado à educação”, disse Rezende. Outra mudança, também bastante representativa na lei,

Fotos: Augusto Camargo/OJ

é a inclusão de drogas lícitas no trabalho de prevenção. E, quando diz “drogas lícitas”, inclui não apenas as tradicionais, como o cigarro e a cerveja, mas também os chamados inalantes (esmaltes, cola de sapateiro, verniz, entre outros), “considerados as principais drogas na América Latina”, disse ele, ao lembrar, por exemplo, a propagação do uso de embalagens de refrigerante para o acondicionamento destas substâncias, “que, para os olhos de uma criança, são extremamente atraentes”, res-

salta Rezende, ao apontar um grave problema domiciliar. A Divisão Municipal de Assistência Social está inserindo um novo projeto de prevenção as drogas nas escolas do município. O projeto tem como carro chefe o livro “DROGA DISFARÇADA DE ESTUDANTE”, que transforma a história dos personagens numa poderosa ferramenta de prevenção no ambiente escolar, desmistificando a sedução das drogas para jovens adolescentes. Pretende-se com este Projeto, atender crianças, ado-

lescentes, jovens, pais, professores. Na 1ª fase deste trabalho serão abrangidos 1002 jovens matriculados na Escola Estadual “Nestor Fogaça”. O Projeto pretende se estenderá todas as escolas do município. Prevê-se também a realização de um “CURSO DE CAPACITAÇÃO” ministrado pelo DENARC, no intuito de dar embasamento teórico e prático para os trabalhadores envolvidos com a questão da prevenção, reabilitação e reinserção social.

A aplicação do crédito rural na agricultura empresarial, na safra de 2010/2011, foi de R$ 94,2 bilhões do total de R$ 100 bilhões disponíveis. Se comparado com a safra passada, quando foram liberados R$ 86,7 bilhões, houve crescimento de 8,6% nas aplicações de custeio, comercialização e investimento no setor. O programa de financiamento para a classe média rural teve o melhor desempenho na safra. Dos R$ 5,65 bilhões previstos pelo Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp), R$ 5,035 bilhões (89% do total), foram liberados. O valor representa um acréscimo de 54% do montante utilizado na safra passada. O Programa de Capitalização de Cooperativas Agropecuárias (Procap-agro) também teve um resultado positivo, liberando, inclusive, recursos além do previsto. Foram desembolsados R$ 2,5 bilhões, o que equivale a 125% do total programado. O valor é ainda 258% superior ao contratado no mesmo período da safra anterior. Na avaliação do Secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, José Carlos Vaz, os fatores que levaram ao resultado positivo estão ligados ao aumento da demanda por commodities no mercado externo, especialmente em países asiáticos como a China e a Índia. Houve também redução do custo de produção e aumento da área de plantio. Segundo Vaz, “a economia está aquecida, os preços dos alimentos estão acima da média e o agronegócio vem em ritmo crescente”. Plano Agrícola O Plano Agrícola e Pecuário 2011/2012, lançado pela presidenta Dilma Rousseff em junho passado, vai disponibilizar R$ 107,2 bilhões para financiar agricultores e pecuaristas. O valor é 7,2% superior aos R$ 100 bilhões direcionados ao ciclo agrícola de 2010/2011. O governo também vai destinar mais recursos para financiar o médio produtor rural. Na temporada 2011/2012, serão 48,2% a mais para a classe média, o que equivale a R$ 8,3 bilhões. Outra novidade é a mudança do limite de renda bruta anual, de R$ 500 para R$ 700 mil, para

enquadramento no programa Programa ABC O Programa Agricultura de Baixo Carbono (ABC) incentiva processos tecnológicos que neutralizam ou minimizam os efeitos dos gases de efeito estufa no campo, a serem adotados pelos agricultores nos próximos anos. O ABC reflete o esforço do governo para atender aos compromissos voluntários assumidos na Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP 15), de redução significativa das emissões de gases de efeito estufa gerados pela agropecuária. Na safra de 2010/2011, depois de vencidos os entraves burocráticos para liberação do crédito, foram feitas 30 operações de liberação, 16 delas, em junho deste ano. O Secretário José Carlos Vaz acredita que esse número tenda a crescer na safra que se iniciou em 1º. de julho deste ano. “A expectativa é utilizar boa parte dos recursos destinados ao programa, que somam R$ 3,15 bilhões”, afirma. Estão garantidos recursos a agricultores e cooperativas, com limite de financiamento de R$ 1 milhão por beneficiário. O crédito será financiado com taxa de juros de 5,5% ao ano e prazo de reembolso de até 15 anos. Saiba mais Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp) – Criado na safra 2010/2011, dispõe de recursos para custeio, comercialização e investimento para a classe média rural. Até o ciclo agrícola atual, para ter acesso ao crédito, o produtor precisava ter uma renda bruta anual de até R$ 500 mil. A partir da safra 2011/2012, o limite para enquadramento no programa passa a R$ 700 mil, favorecendo um maior número de produtores. O Pronamp substituiu o antigo Proger Rural, com mais recursos e condições facilitadas para contratação. Programa de Capitalização de Cooperativas Agropecuárias (Procap-agro) – Destinado às cooperativas de produção agropecuária, pesqueira e aquícola. Os recursos (R$ 2 bilhões) podem ser utilizados para recuperação ou reestruturação patrimonial. Fonte: Priscilla Oliveira / Ministério da Agricultura


Esportes

A8

Sexta-feira, 29 de julho de 2011 - Edição 163

jogos regionais

Futsal é campeão invicto nos Jogos Regionais 2011 A seleção de Pilar do Sul venceu, no dia 15 deste mês, a cidade de Campina do Monte Alegre pelo placar de 3 a 2 e conquistou o título de campeão (medalha de ouro) da categoria futsal livre, da 2ª divisão, dos 55° Jogos Regionais em Itapetininga. O jogo foi difícil e a vitória só foi conquistada no final do jogo com o gol salvador de Elo, que marcou duas vezes no jogo. O outro gol de Pilar foi anotado por Ricardinho. Ao final do jogo o secretário de esportes, Silvio Yasuda, o vice-prefeito Takao Yonemura e o grupo de jogadores e comissão técnica comemoraram, e muito, a conquista do bicampeonato para a cidade. O primeiro título tinha sido em Itú, em 2008. Com a vitória o time conquistou a vaga para disputar os Jogos Abertos, fase estadual que reúne os campeões das oito regiões esportivas do estado, que ocorrerá entre os dias 7 e 19 de novembro na cidade de Mogi das Cruzes. O jogo Jogando no Ginásio Ayrton Sena, em uma quadra com dimensões oficiais, de 20x40m, os jogadores sentiram o cansaço pela maratona de jogos na competição. Foram seis partidas em seis dias. Com isso os jogadores cadenciaram o ritmo e jogo foi muito equilibrado. E, até a metade do segundo tempo, estava difícil de assistir, já que as duas equipes praticavam um futsal de muito estudo, imprimiam

forte marcação e pouco se arriscavam ao ataque e o placar fez jus ao primeiro tempo: 0 a 0. No segundo tempo o cenário só se alterou com o gol de Pilar do Sul marcado aos 7min30s. Numa cobrança de falta, Ted achou Elo na entrada da área que, de frente para o gol, não desperdiçou e encheu o pé, rasteiro, fazendo 1 a 0. À partir do gol de Pilar do Sul o jogo pegou fogo. Campina do Monte Alegre partiu pra cima e empatou o jogo. Aos 13min, em cobrança de lateral, a defesa falhou e, no bate-rebate na área Fernando fez 1 a 1. Logo depois, aos 14m, em uma das poucas jogadas de toques rápidos (o ponto forte da equipe) que funcionou, Paulinho serviu Ricardinho que invadiu a área e bateu colocado na saída do goleiro Tiago. Pilar 2 a 1. Campina voltou a empatar, aos 14min30s, na única falha de Tigrilo, que espalmou uma bola chutada pelo goleiro linha (Grilo), para o meio da área, no rebote Tota aproveitou e fez 2 a 2. Mas, faltando 23 segundos para o jogo terminar, quando todos já se preparavam para a prorrogação, Elo fez o gol do título. O gol originou de uma jogada individual de Ricardinho, que não realizava uma boa partida e que estava sendo muito criticado por parte da torcida pilarense. Ricardinho fez bela jogada individual e meteu Elo na cara do gol

que, com categoria, deslocou o goleiro Tiago e fez Pilar do Sul 3 a 2. Os segundo finais foram angustiantes e de muita pressão de Campina do Monte Alegre, mas os pilarenses conseguiram conter as investidas do adversário. Ao apito final dos árbitros Marcel Grotta e Marcelino Rodrigues, a torcida invadiu a quadra e junto com os jogadores deram a tão sonhada volta olímpica e comemoraram muito a conquista. Equipes Pilar do Sul: Tigrilo e Cristian (goleiros), Fabinho, Ricardinho, Willian, Elo, Paulinho, Ted, Otavinho, Choquito, Luan Tetsu e Edgol . Técnico: Silvio Yasuda. Aux. Técnico: Neca. Preparador Físico: Juliano Castor. Roupeiro: Capitão Jack. Gols: Fernando e Tota. Campina do Monte Alegre: Tiago, Guininha, Oscar, Fernando, Grilo, Tutu, Reginaldo, Willian e Tota. Técnico: Beto Fuscão. Gols: Elo (2) e Ricardinho. Campanha 15/07: Pilar do Sul 3x2 Campina Monte Alegre (final) 14/07: Pilar do Sul 4x2 Louveira (semifinal) 13/07: Pilar do Sul 1x0 Itararé (quartas-de-final) 12/07: Pilar do Sul 1x0 Alumínio 11/07: Pilar do Sul 5x3 Cerquilho 10/07: Pilar do Sul 6x3 Boituva

cavalos

Hipismo: esporte olímpico em Pilar do Sul Fotos: Divulgação

O hipismo é um esporte olímpico, onde homens e mulheres, de diferentes idades, em conjunto com seus cavalos, competem em igualdade de condições, individualmente ou em equipes. O hipismo olímpico abrange diversas modalidades: Adestramento, CCE e Salto, sendo esta última a mais conhecida e praticada no mundo todo, inclusive em nossa cidade. A modalidade Salto consiste, basicamente, em cumprir um traçado pré determinado, saltando por obstáculos diferentes, sem derrubá-los e o mais rapidamente possível. Nas Olimpíadas, os obstáculos são colocados a 1,60m de altura, porém existem categorias para todos os níveis de cavalos e cavaleiros, que iniciam saltando “varinhas no chão”, depois 0,40m, 0,60m, e assim por diante, com limitações de tempo até a categoria 0,90m, o que contribui e muito, para a segurança dos iniciantes. E esta é justamente uma das graças deste esporte. Cada

cavaleiro/amazona evolui de acordo com a sua confiança e habilidade, e desde o início, pode se aventurar a competir em igualdade de condições, pois as categorias são divididas em níveis técnicos, de acordo com a altura que o conjunto se sentir confortável em saltar. Com a evolução das aulas, em consenso com o professor, o conjunto vai gradativamente subindo de categoria, sempre competindo em condição de igualdade com seus adversários. Na prática isso é extremamente prazeroso, pois permite que pais e filhos, casais, ou qualquer grupo de pessoas, não importando sexo ou idade, treinem e até compitam juntos, numa mesma categoria. A Escola de Hipismo do Haras Bella Carol, situado em Pilar do Sul, abriu suas portas ao público em novembro de 2009. Desde então, vem trabalhando seriamente, melhorando sua estrutura aumentando seu plantel e disponibilizando novos horá-

rios de aula, a fim de atender com excelência, a crescente demanda de alunos. Apesar do pouquíssimo tempo de implantação, a Escola de Hipismo do Haras Bella Carol já vem colhendo excelentes resultados em importantes concursos hípicos da região. No Haras Bella Carol, os iniciantes têm à disposição, animais extremamente dóceis e bem treinados e equipamentos de segurança obrigatórios (coletes e capacetes), cedidos pela Escola. As aulas podem ser individuais ou em grupos de até 4 pessoas, com 30 ou 60 minutos de duração. As aulas, mesmo em grupo, são individualizadas de acordo com o perfil de cada aluno, visando a evolução, com segurança e custam a partir de R$90,00/ mês. Venha nos conhecer ou agende uma aula grátis. Mais informções, visite o site do haras, www.harasbellacarol.com.br Haras Bella Carol. Hipismo em Família.

Fotos: Divulgação

futsal

Copa Colaso Rugine é atração para toda região SELJ – Secretaria de Esportes, encerrará neste final de semana as inscrições abertas para a Copa Colaso/Rugine de Futsal, categoria principal, masculino e feminino. O diferencial da Copa Colaso/Rugine, que será eliminatório, nos moldes do Cruzeirão, será a premiação de R$ 4 mil, para o campeão, e R$ 1 mil para o vice-campeão no masculino e R$ 1,5 mil para a campeã feminina. Na categoria masculino as inscrições de equipes são ilimitados e poderão participar atletas nascido até 1993 (acima de 17 anos). No feminino para atletas nascidas até 1995 (acima de 15 anos). Mais de 50 cidades e equipes já confirmadas: Masculino: PM São Miguel Arcanjo(2), PM Salto de Pirapora, PM Itapetininga, PM Alambari, PM Piedade, PM Alumínio, PM Cananéia, PM Várzea Paulista, PM Itararé, PM Sarapuí, Silvano(SO), Guimarães (SO), Pipocas (VOT), Transcarvalho (PS), Rugine (PS), Gere Som (PS), União

Miyasil(PS), Amigos (PS), Multiclass (PS), Ressaca Rodrigão (SO), Guarany(SO), Douradinho (PS), Feras FC/ PostoBR/Colegio Sta Maria (Itap), Guadá Futsal (SO), American Shoes(SO), PM Pilar do Sul, Sorodiesel (SO), ADC ZF (SO)Á confirmar: Itapeva, VArgem Grande Paulista, Tiete, Cerquilho, Mairinque, Tatui, Cajati, Miracatu, Louveira. Feminino: ABFC, PM Registro, PM Salto de Pirapora, PM Itapetininga, PM Piedade, PM Aluminio, PM Itararé, PM Várzea Paulista, PM Taquarivaí, PM Mac Max, PM Sarapuí, PM Pilar do Sul História O Torneio Intermunicipal volta a ser realizado depois de alguns anos. O último grande torneio aconteceu em 1999. No ano 2000 o torneio não aconteceu porque o Ginásio Pedro Batista foi fechado para reformas e só ficou pronto na metade do ano 2001, o que inviabilizou a competição naqueles dois anos. Em 2006 a SELJ – Sec. de

Esportes, Lazer e Juventude, tentou retomar o torneio, sem sucesso. Naquele ano, São Miguel Arcanjo sagrando-se campeão numa final contra Salto de Pirapora. Depois disso a competição não foi mais realizada. O Torneio Intermunicipal de Pilar do Sul fez história nos anos 80 e 90. Era uma das mais importantes competições de futsal da época, depois do Cruzeirão (Sorocaba) e do Intermunicipal de Votorantim, e reunia as melhores equipes da região, como Pizzaria Virgílio, Ação Cobranças, Yashica, Guarany, Drogaria Marinky, Votocel, Jaraguá, Moveis Pardal, Monte Negro/Mafra, São Camilo, Menk Prens, entre outras, e os melhores jogadores da região, como Edu Bento, Espetinho, Simei Lamarca, Dorival, Daniel Ibañes, Gil, Canhoto, Carlão, Pixula, João Xepa, Pelão, Neizinho, entre outros. A ficha de inscrição e o regulamento podem ser baixados no site da prefeitura: www.pilardosul.sp.gov.br.


Cidades