Page 1


2

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Lagoa de Iriry será palco de folk rock amanhã Músico Luciano Alves volta ao município para show com composições que remetem ao poeta do rock, Bob Dylan

N

o sábado, dia 25, o projeto “A Música da Cidade” retorna ao anfiteatro da Lagoa de Iriry, em Rio das Ostras. Como convidado da programação, o cantor e compositor gaúcho Luciano Alves desembarca de Porto Alegre para se apresentar pela segunda vez no município. No show, a partir das 16h, o público ouvirá canções autorais de folk rock do CD “Caminhando”, cujas composições remetem a sonoridade característica das músicas de Bob Dylan. Ao final, Luciano Alves fará uma homenagem ao

poeta do rock e tocará vários clássicos, entre eles Hurricane, Blowin in the Wind e Like a Rolling Stone. Durante o show, o músico se apresenta com um trio que traz Felipe Rangel no contrabaixo e Marcelo Scherer na bateria. No disco, violão, banjo, bandolin, ukelele, dobro, harmônica, guitarras, pedal steel, piano, hammond, baixo, bateria e percussão criam a sonoridade, acrescidos da “brasilidade” da viola caipira e da acordeona. Nas letras de profundidade poética atual, o compositor resgata o cuidado com a palavra e com sua

função artístico-social. Luciano Alves mergulha na filosofia, nos problemas sociais e numa firme proposta da arte como denúncia. Contando histórias com personagens reais e fictícios, ele busca inspirar o princípio de transformação e libertação do indivíduo, enquanto ser social e humano. A Música da Cidade traz ainda o show de Fernanda Sant´anna e Deparlie, além do DJ Tiago Abs. O projeto conta com patrocínio da Sinal Construtora e apoio da Artmanha, Taberna da Amendoeira, Rafiusk Tatoo, Fundação Rio das Ostras de Cultu-

ra e Prefeitura de Rio das Ostras. O patrocínio cultural é da Comunicación - Assessoria, Produção e Marketing.

SERVIÇO: Luciano Alves Lagoa de Iriry de Rio das Ostras Sábado, dia 25, às 16h Entrada franca

EXPEDIENTE - Propriedade: EJORAN - Editora de Jornais, Revistas e Agências de Notícias • Sede e Parque Gráfico Próprios. Rua: Benedito Peixoto, 90 Centro Macaé/RJ Tel. (22) 2106-6060 - CNPJ: 29699.626/0001-10 • Registrado na forma da lei • Diretor Presidente: Oscar Pires • Editor: Letícia Santana (leticiasantana@odebateon.com.br) • Vendas de Publicidade: Paulo Só (22-9926-6222), Tânia Sá (22-8135-9228) • Diagramação: Cezar Lobo (atosoficiais@odebateon.com.br) • Fotos: Wanderley Gil (fotografia@odebateon. com.br) • Acesse: www.odebateon.com.br • E-Mail: comercial@odebateon.com.br • A direção de O DEBATE não se responsabiliza e nem endossa os conceitos emitidos por seus colaboradores em ações ou artigos assinados, sendo de total responsabilidade do autor. • Filiado à ADJORI - RJ Associação dos Diretores de Jornais do Estado do Rio de Janeiro e à ADI Brasil • ANJ Associação Nacional de Jornais.

O DEBATE RIO DAS OSTRAS


O DEBATE RIO DAS OSTRAS • • •

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Formação Profissional

3

Por Luciana Leal

Inglês na Copa e Olimpíadas Por Luciana Leal riodasostras@says.com.br

A

pa rt i r d e st e ano o Brasil sediará grandes eventos, começando pela Copa das Confederações em 2013, Copa do Mundo em 2014 e Olímpiadas em 2016. Com o aumento do fluxo de estrangeiros no país, as oportunidades se multiplicam. Assim, mais do que nunca, quem começar a aprender o idioma ou aprimorar seus conhecimentos na língua poderá ter muitas oportunidades de trabalho. O Rio sediará as Olimpíadas, portanto, o inglês será a língua oficial da Rio 2016. Pesquisa revela que o

Brasil está entre os piores países que falam a língua inglesa, ocupa a 31ª posição. Portanto, se você se preparar até lá, sabe que vai ter um grande diferencial, dentre muitas pessoas. Ainda dá tempo. É fundamental estudar inglês antes que chegue a Copa e as Olimpíadas, pois estes eventos irão gerar milhares de empregos no Brasil, trazendo turistas do mundo inteiro. Iniciar os estudos na língua inglesa deve ser uma tarefa imediata. Tem muita gente de olho nesse mercado e se você tem dúvida de qual curso escolher para começar a es-

tudar ou aprimorar seus conhecimentos na língua, escolha o SAYS - Centro de Ensino. Além de contarmos com profissionais experientes na área, o SAYS se preocupa com o efetivo aprendizado do aluno, com preço acessível, gerando oportunidade para todos que desejam preparar-se profissionalmente. O SPEED SAYS é um curso de inglês de 18 meses voltado para alunos acima de 18 anos, visando também atender profissionais que precisam se preparar para os próximos eventos, assim como taxis- ótima oportunidade para para o futuro. Matriculetas, guias e comerciantes. quem deseja alavancar a se e descubra um mundo O SPEED SAYS é uma carreira e estar preparado de oportunidades!


4

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Teologia & Vida “Ainda assim, agora mesmo, diz o Senhor: Convertei-vos a mim de todo vosso coração; e isso com jejuns com choro e com pranto” (Joel 2.12) Fabio m. martins fabiomarinho73@gmail.com

UMA VIDA CONSAGRADA A DEUS!

O

livro de Joel é um dos menores da Bíblia. Ele descreve uma invasão de gafanhotos que destruiu Judá numa época de infidelidade, secularismo, esquecimento de Deus e apostasia. O evento é descrito como sendo um juízo de Deus, que ele chama de “Dia do Senhor” (Jl 2.11). Os gafanhotos, a seca, o fogo e os exércitos assírios eram os agentes do próprio Deus da aliança para disciplinar seu povo. As casas seriam invadidas, as propriedades saqueadas, a cidade destruída. Este profeta, cujo nome significa "O Senhor é Deus", exorta o povo ao arrependimento e a ter esperança, porque Deus suavizaria seu julgamento, se houvesse quebrantamento. O contexto social, político e religioso da época de Joel não é muito diferente do nosso: afronta à Palavra do Senhor, incredulidade,

imoralidade, sacerdotes inescrupulosos, servos infiéis e um povo de Deus frio e descompromissado. A atualidade desse relato bíblico é gritante. Deus não se impressiona com formas, com programas, com ritos, com cerimônias. Ele busca um povo santo, piedoso, fiel. Na sua infinita compaixão, o Senhor oferece à nação uma oportunidade de arrependimento. Parece ser este o único caminho para a restauração em todas as áreas de nossas vidas. É a única porta de escape do juízo vindouro. As lições que podemos aprender são aplicáveis, adequadas e pertinentes. Do texto em epígrafe, podemos tirar três delas. Em primeiro lugar, uma vida consagrada a Deus é uma vida “convertida ao Senhor”. Tem gente “convertida” ao pastor, à denominação, ao templo e ao cargo que ocupa na Igreja. O apelo de Joel é solene: “CONVERTAM-SE AO SENHOR”. Denominações, pastores, organizações, etc., nada disso salva. Paulo é claro quando escreve aos efésios: “Pela graça sois salvos, por meio da fé, e isso não vem de vós, é dom de Deus” (Ef 2.8). Uma vida consagrada tem as costas

por Pr. Fabio M. Martins

para o pecado e face voltada para Deus. Não é apenas fazer parte de uma igreja, cultivar uma vida moral, correta e ilibada, mas, sobretudo, cultivar uma relação pessoal com o Pai. Os fariseus, por exemplo, amavam mais a religião do que a Deus. Eles estavam mais apegados aos costumes religiosos do que a comunhão com o Senhor. Hoje, vemos muita religiosidade, mas pouca intimidade com Deus; muito barulho, porém pouca consagração; muita promessa e pouco comprometimento. Em segundo lugar, uma vida consagrada a Deus cultiva um “relacionamento profundo com o Senhor”. O texto é claro: “Convertam-se ao Senhor, DE TODO VOSSO CORAÇÃO”. Aqui em Rio das Ostras temos a Praia da Boca da Barra. Muitos pais gostam de levar seus filhos lá por um motivo bem peculiar. Nesta praia, nós podemos andar vários metros para dentro do mar sem que as águas passem dos joelhos. Alguns cristãos também fazem assim com seu relacionamento com o Senhor. Eles caminham por longo tempo, mas sem qualquer profundidade. A Palavra de Deus já não faz mais efeito nas suas

vidas. Eles são superficiais; seus corações não estão tomados pelas coisas que são do alto. Eles cantam hinos de consagração, mas não se consagram; declaram que querem ser um vaso de bênção, mas se negam a disponibilizar suas vidas; eles afirmam que são luz, mas seus testemunhos evidenciam as obras das trevas; abrem suas bocas para dizer “Tudo a ti Jesus entrego”, mas são egoístas, avarentos, presunçosos e adoradores do próprio ventre (Fp 3.19). Em terceiro lugar, uma vida consagrada a Deus é uma vida “quebrantada”. Diz o texto “Convertei-vos a mim de todo vosso coração... COM CHORO E COM PRANTO”. Servos do Senhor que não choram pela situação caótica do mundo e das almas sem Deus e sem salvação, é porque têm seus corações secos demais. Choramos pouco por falta de quebrantamento. Nossa arrogância, muitas vezes, é maior do que nossa necessidade de dobrar os joelhos e clamar como o publicano: “Senhor, sê propício a mim pecador” (Lc 18.13). Vida consagrada é vida aos pés da cruz, com os olhos encharcados e o coração contrito.

O povo de Deus anda com os olhos enxutos demais. Muitas vezes desperdiçamos nossas lágrimas, chorando por motivos fúteis demais. Outras vezes, queremos remover o elemento emocional do culto. É por isso que estamos secos. Não choramos porque estamos endurecidos. Temos chorado como Jacó, no vau de Jaboque, buscando uma restauração em sua vida (Os 12:4)? Temos chorado como Davi chorou ao ver sua família saqueada pelo inimigo? Temos chorado como Neemias chorou ao saber da desonra que estava sobre o povo de Deus? Temos chorado como Jeremias chorou ao ver os jovens da sua nação desolados, vencidos pelo inimigo, e as crianças jogadas na rua como lixo? (Lm 1:16: 2:11). Temos chorado como Pedro por causa do nosso próprio pecado de negar o Senhor? Temos chorado como Jesus ao ver a impenitência da nossa igreja e da nossa cidade (Lc 19:41)? Conhecemos o que é chorar numa volta para Deus? Nosso coração tem se derretido de saudades do Senhor?

Rio das Ostras abre inscrições para 1º Encontro da Cidade com a Ciência A partir do dia 3 de junho, a Prefeitura de Rio das Ostras abre as inscrições para o 1º Encontro da Cidade com a Ciência, evento promovido pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação, nos dias 14 e 15 de junho. O Encontro tem por objetivo mobilizar a sociedade em torno da va-

lorização da ciência como integrante do cotidiano. Para isso, serão apresentadas as ações desenvolvidas pela Prefeitura e discutidas propostas que orientarão as prioridades nos próximos anos nesses setores, dentre outros. Os interessados em participar devem fazer

o credenciamento pelo site da Prefeitura (www. riodasostras.rj.gov.br) até o dia 10 de junho. A abertura do evento será realizada no dia 14, a partir das 19h, na Câmara Municipal. Será realizada uma apresentação do Grupo de Música Antiga da UFF e uma

palestra com o professor da UFRJ Ideu de Castro Moreira sobre a Popularização da Ciência. Já no dia 15, a partir das 8h, serão realizadas palestras e debates no Colégio Municipal Professora América Abdalla, em Nova Esperança. Serão promovidos grupos de traba-

lho, sobre diversos temas, como: Desenvolvimento Científico e Tecnológico para o Futuro; Educação para a Ciência; Energias Renováveis; Os Desafios da Ciência na Saúde; Os Desafios da Ciência no Esporte; Ciência e Cultura; e Questões de Gênero e as Novas Tecnologias.


6

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Prévia da inflação de maio registra variação de 0,46% Índice registra alta de 6,46% no acumulado de 12 meses, influenciado por preço dos remédios

Patricia Lucena patricia@odebateon.com.br

A

pós fortes altas, os alimentos finalmente deram um descanso para a inflação, que agora está sendo impactada pelos remédios. O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou ontem (22) que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo - 15 (IPCA-15), considerado uma prévia da inflação oficial, variou 0,46% em maio, ficando abaixo do registrado em abril (0,51%). Com isso, o resultado acumulado no ano ficou em 3,06%, acima da taxa de 2,39% relativa à igual período do ano passado. Considerando os últimos 12 meses, o índice foi para 6,46%, descendo dos 6,51% que estava nos 12 meses imediatamente anteriores. Os remédios mais uma vez lideraram os principais impactos do mês, registrando uma alta de 2,94% em maio, após a alta de 0,93% em abril. O aumento ainda é reflexo do reajuste so-

bre os preços no final do mês de março, que variou de 2,70% a 6,31%, dependendo da classificação do medicamento. Com isso, o ano acumula uma alta de 4,18%. Assim, os remédios levaram o grupo de Saúde e Cuidados Pessoais ao mais elevado resultado do índice, atingindo 1,30%, contra 0,63% registrado no mês anterior. “Todo ano acontece esse reajuste, mas as pessoas sempre reclamam, porque pesa no orçamento de todas as famílias. Aqui, grande parte dos medicamentos mais procurados teve um aumento de 6,71%”, conta Estevão Santos, funcionário de uma drogaria no Centro de Macaé. Já os alimentos, embora tenham aumentado 0,47%, mostraram um forte recuo em relação a abril, quando a alta havia sido de 1,00%. Assim, diversos produtos ficaram mais baratos de abril para maio, como açúcar refinado (-6,46%) e cristal (-2,37%), óleo de soja (-2,23%), café (-1,92%), arroz (-1,78%), frango (-1,72%) e car-

nes (-0,75%). O destaque ficou com o tomate, cujos preços chegaram a cair 12,42% no mês. Por outro lado, alguns produtos tiveram aumentos significativos, como o feijão carioca (10,13%), cebola (5,63%), batata inglesa (5,45%), leite em pó (3,32%), leite longa vida (3,14%), frutas (2,33%) e pão francês (1,50%). Mesmo assim, o impacto do grupo de alimentos e bebidas no índice caiu de 0,24 para 0,12 ponto percentual. “Algumas coisas realmente baixaram de preço. O tomate diminuiu bastante, mas a cebola continua cada vez mais cara. A impressão que dá é que a inflação está ficando fora do controle”, afirma a dona de casa Elza Souza. No mês passado, o macaense, com um rendimento equivalente a um salário mínimo, precisou cumprir uma jornada de 89 horas e 15 minutos para adquirir os itens alimentícios que compõem a cesta básica individual, segundo o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconô-

micos (Dieese). O valor gasto com a cesta representou, em abril, 44,10% do salário mínimo líquido, após os descontos da Previdência Social. Em abril, o custo médio individual da cesta básica no município foi de R$ 275,07, valor 0,29% superior ao verificado em março, quando

alcançou R$ 274,27. Apesar de algumas importantes reduções, o IPCA-15 no acumulado de 12 meses preocupa o governo federal, que tem como meta manter a inflação em 4,5% ao ano, com margem de tolerância de dois pontos percentuais para cima e para baixo.

Boato de suspensão de pagamento faz 900 mil sacarem benefício no último final de semana, as agências da Caixa Econômica Federal de todo o Brasil registraram tumultos, com os beneficiários do Bolsa Família tentando sacar seus benefícios. Isso porque

um boato espalhou a notícia de que os pagamentos seriam suspensos. O temor era de que no domingo seria o último dia para receber os benefícios. O banco esclareceu que

as agências que registraram maior movimentação foram nos estados do Pará, Piauí, Paraíba, Bahia, Pernambuco, Ceará, Maranhão, Alagoas, Sergipe, Rio Grande do Norte, Amazonas, Tocantins e Rio de Janeiro. De acordo com a Caixa, neste final de semana foram registrados cerca de 900 mil saques do Bolsa família, com a liberação de R$ 152 milhões de recursos. O Rio de Janeiro foi um dos estados mais afetados pelo boato. Na noite do último domingo (19), as agências da Caixa do município de Rio das Ostras apresentaram grande movimentação, com as pessoas receosas em relação à notícia e tentaram sacar seus benefícios. Nesta segunda-feira (20), a Caixa Econômica Federal informou que o movimento

das agências já havia sido normalizado e os pagamentos do Bolsa Família seguiam normalmente, de acordo com o calendário do benefício. Assim, aqueles que já retiraram o pagamento do mês de maio, só poderão realizar o próximo saque no mês de junho. As confusões só acalmaram após a notícia ter sido desmentida no domingo pelo Ministério do Desenvolvimento Social. Na segundafeira, as agências iniciaram o atendimento mais cedo e alguns empregados foram deslocados para as salas de autoatendimento, para prestar todas as orientações aos clientes. Cartazes informativos também foram afixados em todas as agências da Caixa e notas foram disponibilizadas na internet e nos terminais de autoatendimento

para que todas as dúvidas fossem esclarecidas. A equipe do jornal O DEBATE esteve na agência da Caixa do Centro de Macaé, mas não havia nenhum cartaz fixado explicando o ocorrido. Segundo o último levantamento realizado pela secretaria de Desenvolvimento Social, Macaé possui 7,6 mil beneficiários do Programa Bolsa Família. Para ter acesso ao benefício, é preciso ter renda per capita familiar de R$ 140 por mês. A Caixa ainda informou que as investigações sobre a origem dos boatos estão sendo conduzidas pela Polícia Federal. O banco aguardará a finalização das investigações e passará todas as informações necessárias às autoridades policiais para colaborar com a apuração.


8

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Gastronomia

por Raoni Spalla

Como arte culinária desperta paixões? raoni spalla lechatonro@hotmail.com

P

odemos afirmar que a principal preocupação da arte de cozinhar é proporcionar o máximo de prazer a quem come. Não comemos apenas para saciar a fome, mas principalmente, para ter prazer. Comer do mesmo pão, por exemplo, é alimentarse junto, é sinal de fraternidade, solidariedade e companheirismo. Daí a expressão com pão ter dado origem à palavra companheiro e a expressão criar com o alimento ter originado a palavra aluno. Embora a palavra gastronomia signifique estudo das leis do estômago, ela tem hoje um sentido muito mais amplo. Refere-se à arte de preparar as iguarias, tornando-as mais digestivas, pois todos nós sabemos que antes da descoberta do fogo tudo era cru, ou seja,

grande dificuldade de digestão e sabor nenhum. Cozinhar é uma ação cultural que nos liga sempre ao que fomos, somos e seremos e também, com o que produzimos, cremos, projetamos e sonhamos, a saber, que saiu na TV que está chegando aqui no Ocidente, só que com mais ênfase, os pratos feitos com inseto, por que isso? O mundo está em crise e claro esses alimentos são cheios de proteína. O que quer dizer que nossa alimentação e nós também somos seres que se adaptam, se você reparar os alimentos que se comiam no começo da humanidade até os dias de hoje, vocês se surpreenderiam. Com novas tecnologias, com fogo, temperos e uma nova história, o ato de comer deixou de ser um ato de se alimentar para um ato de prazer, só que isso está mudando, as pessoas não

mais se preocupam com esse prazer, quer comer e pronto. Quando você come com prazer a comida desperta sentimentos de paixão, como por exemplo: você lembra-se de alguém, volta para infância, tem comidas afrodisíacas e muitos outros sentimentos. Onde eu quero chegar com isso? Parem de querer o famoso ditado barriga cheia, e onde está o seu prazer? Respondame indo a bons restaurantes, comendo em casa mesmo só que com mais carinho, é a hora mais importante pra você e para o seu corpo, deem-se esse cuidado. Claro que no restaurante Le Chaton você pode se dar tal presente, venham e surpreendamse com a gastronomia, com o lugar que é lindo, com os preços e claro, atendimento. Como eu sempre digo “quem tem bom gosto, sofisticação e se dá presentes veem ao Le Chaton”.

Vamos a uma receita

Bombom de uva caseiro Ingredientes: Uvas Leite condensado Creme de leite 180g de chocolate meio amargo Ponha o leite condensado numa panela em fogo baixo e cozinhe até soltar do fundo da panela, tipo brigadeiro, ponha num refratário e disponha as uvas por cima e reserve. Em banho maria derreta o chocolate e esfrie, em seguida ponha o creme de leite e misture e ponha por cima das uvas e geladeira. Uma delícia.


O DEBATE RIO DAS OSTRAS • • •

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Arquitetando Espaços eduardo camilo arquiteto e sócio diretor da sandrin ambientes Planejados sandrin.ro@oi.com.br

V

ocês já repararam como os projetos das edificações estão ficando cada vez mais com uma aparência e forma orgânica? Repara-se nos projetos construídos para as olimpíadas, ou até mesmo a Copa do Mundo, já se foram muitas edições e não sei se lembram das formas como foram construídos os estádios, os ginásios, ou seja, essa arquitetura vem se modificando com o tempo e adquirindo novos acabamentos e formas inusitadas. Essa semana, pesquisando aleatoriamente em alguns blogs de arquitetura e decoração, encontrei um post muito legal que fala exatamente sobre esse assunto que eu não conhecia, e resolvi dividir essa informação com vocês. Todo o texto a seguir foi extraído do blog - arquitetandoideias. blogspot.com.br - da Arquite-

ta Elenara Stein Leitão. Biomimétrica - Aprendendo com a natureza. Bios (Vida) + Mimesis (imitação) deram origem à Biomimética, uma área da ciência que procura aprender com a natureza. Mas mais que imitação, ela procura aprender com a natureza.

9

por Eduardo Camillo

“A biomimética não consiste em propor formas de aproximação orgânica à arquitetura, ou de reinterpretar poeticamente a natureza: não se trata de desenvolver metáforas arquitetônicas da natureza. Não penso que os edifícios tenham que se assemelhar a plantas ou organismos biológicos, mas sim acredito que podem funcionar como eles: podem mover-se, transferir ar e umidade, filtrar poluição, reorientar water discus Hotel - o hotel tem como formato grandes discos, dispostos tanto em cima quanto embaixo da água sendo planejado o lançamento de um hotel subaquático em dubai. o water discus Hotel permitirá que os visitantes durmam abaixo da superfície do mar, podendo ter como vista a vida marinha.

suas peles, modificar o calor e o frio, alertar aos ocupantes de mudar as condições sociais e meio-ambientais… etc.” Dennis Dollens. Exemplos a seguir do que já foi construído e o que ainda está em construção.

Já dá para imaginar o que vem por aí na Arquitetura mundial nos próximos anos, não é? Até semana que vem!

cubo d’Água (centro aquático nacional), Pequim 2008 arquitetos: Ptw architects, cscec, ccdi, e arup


10

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Dança

por Luiz Vieira

1° Congresso de Dança de Salão e Zouk Luiz vieira luizvieiraes@hotmail.com

A

Região dos Lagos será contemplada com um mega congresso de Dança jamais realizado em nossa região. Cabo frio será palco deste grande evento que contará com a presença de professores renomados do país e do Norte-Fluminense. Serão quatro dias de muito estudo de dança, espetáculos e bailes que mobilizarão dançarinos e também aqueles que querem aprender a dançar. Então, não perca tempo! Entre no site e faça a sua reserva: www.nucleoallanlobato.k6.com.br ou nucleoallanlobato@yaoo.com.br Faça parte você também e seja um dançarino! Este evento está sendo realizado pelo núcleo de dança Allan Lobato, em Cabo Frio, de quinta-feira, dia 23/05/2013 a domingo, dia 26.

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS

O professor Allan Lobato é o pioneiro no zouk em nossa região, além de ser especializado em outras modalidades. Respeitado no mundo da dança, Allan Lobato vem fazendo a diferença, sempre promovendo grandes eventos e a integração entre academias. A Dança vive o seu momento ápice, deixou de ser um modismo e se tornando uma atividade essencial pois concilia atividade física aeróbica que proporciona muito prazer. Este evento promete aumentar ainda mais o número de adeptos e lotar os estúdios de dança. Aqui em Rio das Ostras, você pode estar procurando o Estúdio de Dança Luiz Vieira, no Shopping Village, 3º Piso (9943-0112) para maiores informações sobre o Congresso ou até mesmo para iniciar suas aulas aqui na cidade!


12

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Literatura

por Leda Ferreira

Inferno - Dan Brown Por Leda Ferreira leda.leiturasereleituras@gmail.com

R

o b e r t L a n g d o n, simbologista de Harvard e professor de iconografia religiosa, protagonista de Código da Vinci, Anjos e Demônios e Símbolo Perdido está de volta na nova obra de Dan Brown, INFERNO, que foi lançada no dia 14 de maio nos Estados Unidos e na Grã Bretanha, e no dia 20, no Brasil. Centrado no Infer-

no de Dante, o romance nos remete à Itália numa viagem repleta de códigos, símbolos e algumas passagens secretas onde Robert Langdon, numa corrida contra o tempo, segue para salvar o mundo de uma praga artificial. Considerado por alguns um romance "pesado, mas inteligente", e "uma leitura infernalmente boa", o livro traz atrações turísticas famosas, medicina futurista e um cien-

tista louco que ameaça o mundo com uma máquina destruidora. O primeiro livro de Brown, O Código da Vinci, ficou mais de um ano na lista dos best sellers do The New York Times e levou Tom Hanks às telas de cinema na pele de Robert Langdon. O livro começou a ser traduzido em fevereiro, cercado de fortes medidas de segurança. Durante dois meses, onze tradutores ficaram num

Meio Ambiente Plasticomania antonio Peixoto Eng.Segurança Trabalho Consultor/Instrutor Perito Judicial Ambiental ajrpeixoto@yahoo.com.br

Não há desculpas para nós brasileiros, não estarmos igualmente preocupados com a multiplicação indiscriminada de sacos plásticos na natureza. O país que sediou a Rio-92 (Conferência Mundial da ONU sobre Desenvolvimento e Meio Ambiente) e que tem uma das le-

gislações ambientais mais avançadas do planeta ainda não acordou para o problema do descarte de embalagens em geral, e dos sacos plásticos em particular. O Brasil é, sem dúvida, o paraíso dos sacos plásticos. Todos os supermercados, farmácias e boa parte do comércio varejista embalam em saquinhos tudo o que passa pela caixa registradora. Não

"bunker" subterrâneo, sem acesso a computadores e proibidos de levar qualquer papel do

interior para fora do local de trabalho e todas as noites os manuscritos eram devolvidos.

A operação se deu para que o lançamento mundial acontecesse a partir do dia 14 de maio.

por Antônio Ribeiro Peixoto

importa o tamanho do produto que se tenha à mão: aguarde a sua vez porque ele será embalado num saquinho plástico. O pior é que isso foi incorporado à rotina como algo normal, como se o destino de cada produto comprado fosse mesmo um saco plástico. Nossa dependência é tamanha que, quando ele não está disponível, costumamos reagir com reclamações indignadas. Quem recusa a embalagem de plástico é considerado, no mínimo, exótico.

A plasticomania vem tomando conta do planeta desde que o inglês Alexander Parkes inventou o primeiro plástico, em 1862. O novo material sintético reduziu o custo dos comerciantes e incrementou a sanha consumista da civilização moderna. Mas os estragos causados pelo derrame indiscriminado de plásticos na natureza tornou o consumidor um colaborador passivo de um desastre ambiental de grandes proporções. Feitos de resina sintética originada

do petróleo, esses sacos não são biodegradáveis e levam séculos para se decompor na natureza. Usando a linguagem dos cientistas, esses saquinhos são feitos de cadeias moleculares inquebráveis, e é impossível definir com precisão quanto tempo levam para desaparecer no meio natural. Nessas sacolas plásticas, a matéria-prima é o plástico filme, produzido a partir de uma resina chamada polietileno de baixa densidade (PEBD). Abandonados em vazadouros, esses

sacos plásticos impedem a passagem de água - retardando a decomposição dos materiais biodegradáveis - e dificultam a compactação dos resíduos. É preciso declarar guerra contra a plasticomania e se rebelar contra a ausência de uma legislação específica para a gestão dos resíduos sólidos. Há muitos interesses em jogo. Qual é o seu?


O DEBATE RIO DAS OSTRAS • • •

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Moda

por Iza Freire

Tendência Masculina: Camisas sociais

iza Freire belezatropicalb@bol.com.br Facebook-Beleza Tropical Holiday

A

tendendo aos pedidos masculinos, umas dicas de como se arrumar com elegância, antenado e um look casual. Camisas sociais: estão muito em alta, saiba como usar: A primeira regra que você deve saber é que há diferenças nas camisas, portanto é sempre bom tomar alguns cuidados na hora de escolher essas camisas. Muitos dos homens confundem as camisas sociais com as casuais, por isso que

você deve ficar atento a numeração. Nas camisas casuais a numeração pode variar do 1 ao 5 ou do P ao G, sendo as mais comuns e o uso da gravata deve ser descartado. As casuais são indicadas para serem usadas com as calças jeans. Em nenhum momento opte em usar camisas de manga curta com gravata, fica muito ridículo, evite cometer esse erro. Uma pergunta que deixa qualquer homem encabulado é em relação a usar a camisa para dentro ou para fora da calça. Existe uma regra a ser seguida que é a seguinte: as camisas com barra

reta podem ser usadas para fora da calça jeans. Em relação às camisas que não forem retas o jeito é usar por dentro. Na hora da compra, você deve optar por camisetas de algodão, primeiro porque o tecido é muito melhor e segundo que na hora de lavá-la é muito mais fácil. Evite comprar camisas de cetim, além de ser o oposto do algodão, elas se tornam muito brega nos dias atuais. Quando for comprar suas camisetas, primeiro pensem no conforto que elas podem trazer e por fim opte na escolha de um bom tecido.

13


14

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Coisas de Rio das Ostras por Jussara Leite

OBSERVAÇÕES DA SEMANA *** IRRESPONSABILIDADES: Não é admissível que pessoas adultas circulem com cachorros de maior porte pelas praias, sem coleiras e guias. Eles dão liberdade aos cães e tiram o sossego dos que andam ou fazem exercícios, tanto durante o dia quanto à noite. Os donos dos animais esquecem serem eles animais, portanto não podemos confiar totalmente em suas reações, e ficam transitando com eles soltos não se preocupando com as demais pessoas ou com os cães abandonados que perambulam pelas ruas, mas que não atacam porque se acostumam com as pessoas e com os demais animais. Tenho presenciado e escutado por várias vezes os donos, ao verem seus cães partirem para cima de outros cães ficarem gritando, ordenando a volta deles e em algumas vezes isto não acontece. Já houve casos de ferimentos e mortes quando do ataque dos maiores sobre os menores. Chega a ser desumano da parte dos donos que parecem se orgulhar da covardia, quando a coisa não os leva a processos ou coisa pior como ter o seu animal envenenado. Outra irresponsabilidade diz respeito aos pichadores que voltaram a atacar, sem dó nem piedade, as propriedades de quem paga impostos e veem seu patrimônio depreciado pelos vândalos das tintas. As BOCAS de MATILDES estão comentando que eles estão orquestrando uma para o Prefeito. Aí, quem sabe se isso acontecer, os irresponsáveis serão punidos? *** Sou contra os servidores públicos, principalmente os essenciais como policiais, médicos e enfermeiros, professores, motoristas e cobradores dos coletivos fazerem greve, prejudicando a população como um todo,

mas não sou contra as passeatas e atos públicos para reivindicar o que lhes é devido pelo Estado ou Município, desde que as manifestações sejam bem programadas para surtirem o efeito justo e desejado. Não estava lá, portanto não posso afirmar o número de professores participantes que foram para a entrada da Prefeitura reclamar e reivindicar os seus direitos por se acharem usurpados ou vilipendiados pelo atual governo deste município. Saúde e educação são os pilares que formam e sustentam uma população que precisa de dignidade para viver ordeiramente. Quem almeja, se empenha e quer a todo custo ser responsável por um governo, seja federal, estadual ou municipal, deve estar preparado e capacitado para desempenhar dignamente após conseguir o seu intento que é se eleger, dar conta do recado, pois foi para isso que a população confiou e acreditou. Quem acha ser fácil, brinca com a verdade, brinca com vidas, brinca com uma coisa sagrada que é a confiabilidade! *** CEDAE: E a água! Cadê a água? O povo há muito está cheio das promessas e dos enganadores! Em 2012 ela entrava nas residências pelo menos duas vezes na semana! Agora, em 2013, parece que sumiram com ela. Mas as contas não param de chegar! Para onde estará sendo desviada? Seria para Costa Azul? Não creio, pois bem antes da grande inauguração da tão esperada água para aquele bairro que injustamente não a recebia, os demais bairros que como informei antes, recebiam água duas vezes por semana já estavam com o fornecimento ineficiente, com alguns até só recebendo água de mês em mês. Agora tem

pessoas que estão há três meses sem que caia uma gota em suas cisternas ou caixas. Os carros pipas voltaram a circular! Alguns até já fazem ponto pela manhã próximo à entrada de Costa Azul e por incrível que pareça alguns pintados de Azul e Verde! *** FESTIVAL DE JAZZ E BLUES: Congratulações aos responsáveis pela secretaria de Turismo que, com antecedência e precavidamente estão fazendo a montagem do local das apresentações. Ouvi dizer que a intenção é fazerem uma festança para ninguém botar defeito. Particularmente acho que o evento já vem se firmando há alguns anos, porém nunca é demais se for possível ficar melhor. Agora nos resta saber se quando os que lá forem como acontece todos os anos, extrapolarem no consumo de bebidas e outras drogas se o resgate e o Pronto Socorro estarão capacitados e habilitados para dar conta da demanda que é grande de alcoolizados e acidentados no decorrer das apresentações. É aí que mora o perigo! Portanto, que os que usam e abusam das bebidas maneirem no consumo para não precisarem daquele atendimento que não sabemos irá dar certo! *** HOSPITAL MUNICIPAL: Eu sei e você leitor também deve saber do déficit de pediatras existente no Brasil! Obviamente este déficit também está atingindo Rio das Ostras, porém a quantidade de mães e responsáveis que procuram atendimento infantil na parte do hospital destinada às crianças, gestantes e a maternidade que foi feita na gestão passada e desvinculada do principal prédio para melhor atendimento, acha estar o hospital infantil com apenas duas pediatras,

mas que só uma se dedica e trabalha com afinco, mesmo que a espera dessas crianças para serem atendidas seja na maioria das vezes de 05 a 06 horas. Na maioria dos dias é sempre ela que lá está para atendê-los. Esta médica dedicada faz das tripas coração e se vira nos 30! Parece que tem uma outra que dizem as Bocas de Matilde é chamada pelas mães de madrasta da Branca de Neve. Chiiiiiiiiiiiiiii, pelo andar da carruagem já sabemos quem vem dentro ou não sabemos? *** É, a coisa está feia e parece que vai piorar! Quem poderá nos salvar? Com quem poderemos contar para desvendar os mistérios? Chapollin Colorado ou com o Observatório de Rio das Ostras? *** Vamos aliviar! Noite dessas, saindo do Restaurante Mundi (somos assíduas frequentadoras das terçasfeiras para ouvirmos o Zulu e seu colega de trabalho baterista) e ao passar pelo Forró da Padaria tomei um susto! Era tanto carro parado que perguntei às amigas: O que é isso, o que está acontecendo? A resposta foi: Aqui é sempre assim, principalmente quando contratam atrações conhecidas! Gente, fiquei impressionada, pois só vejo fila de carros na noite Riostrense às 5ª, 6ª e sábados, lá no Mundi! E olha que a fila do Forró não era de carroças não, era de carros bons! Agora, que me lembrei na hora por não ver mais saídas no local, da desgraça da boite Biss em Santa Maria, ah, lá isso lembrei. Será que todos os cuidados estão sendo tomados para proteção daquele número de frequentadores? Que aquele lugar deve pegar fogo pelo consumo de bebidas alcoólicas ah, lá isso deve!


O DEBATE RIO DAS OSTRAS • • • *** Aniversário da LU foi comemorado também no Mundi, dia 14/05. Estava ótimo e Lu como sempre animadíssima e o seu maridão, como sempre, apaixonado! São pessoas queridas, sem dúvida! Fotos do aniversário e de dois garçons que nos servem bem (sendo que o Paulinho é nosso queridinho) e o segurança do local que, além de atencioso conosco é muito respeitador.

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

15


16

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Kuarup se preparara para a 11 edição do Rio das Ostras Jazz & Blues a

Orquestra, mantida pela Fundação de Cultura, acelera ensaios para abrir o maior festival da América Latina

O

público do Rio das Ostras Jazz & Blues conhece muito bem a Orquestra Kuarup. Há 10 anos o grupo formado por adolescentes e jovens músicos da cidade abre o evento, que traz artistas renomados, em cinco dias de shows. Com 12 membros fixos, os músicos se encontram no mínimo duas vezes na semana para ensaios das canções, clássicos da Música Popular Brasileira. Para o maestro Nando Carneiro, o Festival é uma oportunidade única e que alimenta nos jovens a vontade de atuar no meio artístico. “É incrível ver a emoção dos músicos aqui de Rio das Ostras se preparando para esta apresentação que, sem dúvidas, oferece uma experiência singular para eles. Muitos deles querem seguir a carreira”, conta. Juliana Poncioni é flautista e desde criança sonhava em

ser integrante da orquestra. “Sou envolvida com música desde os seis anos de idade e já me imaginava tocando com eles. Quando consegui, senti que estava realizando um sonho. Comecei com a flauta doce e hoje, a transversa. Estar no mesmo palco em que os maiores instrumentistas do jazz executam suas músicas não tem preço”, relata. Nesta edição do Festival, a Kuarup se apresenta no dia 29, às 20h, na Cidade do Jazz, montada na Área de Eventos de Costazul. A ORQUESTRA - Formada por violão, cavaquinho, percussão, flautas doce e transversa, a Kuarup já tem doze anos de estrada. Em 2001, gravou seu primeiro CD e DVD com composições próprias. Participou de diversos festivais e já se apresentou no Teatro Trianon, em Campos. Em 2004, fez um intercambio na Alemanha.

Gabriel Sales

O NOME - Kuarup, de origem Tupi-guarani, é a denominação de uma festa da tradição cultural dos povos indígenas do Xingu, realizada

para homenagear os mortos e resgatar suas tradições e suas memórias. Através do programa da Orquestra Kuarup, surgiu a Orquestra Curumim,

em que novos integrantes participam de oficinas e ensaios. A orquestra tem sua sede no Centro de Formação Artística de Música Dança e Teatro.

Público do Festival de Jazz é convidado a doar livros A edição 2013 do Rio das Ostras Jazz & Blues Festival não vai trazer só boa música para a cidade. Quem for assistir aos shows poderá levar livros

e gibis para serem doados às bibliotecas das escolas da rede municipal. O objetivo é aproveitar o grande público do evento para angariar obras literárias e

histórias em quadrinhos em bom estado de conservação para as unidades de ensino, incentivando o hábito da leitura nas crianças. ESTANDE - Para receber

as doações, a Secretaria de Educação de Rio das Ostras vai estar com um estande na Cidade do Jazz e do Blues, na Área de Eventos de Costazul. O estande vai ficar na

entrada principal, na Avenida Governador Roberto Silveira, do lado direito, funcionando de 19h à meianoite, entre os dias 29 de maio e 1º de julho.


O DEBATE RIO DAS OSTRAS • • •

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

17

Festival oferece workshops gratuitos

Aulas serão ministradas na Casa do Jazz pelo gaitista Jeferson Gonçalves e pelo produtor norte-americano Martin Salzaman

A

mantes do Jazz e do Blues poderão participar de workshops gratuitos durante o maior Festival da América Latina, seja para aprender noções básicas de gaita ou a produzir eventos relacionados a estes estilos musicais. A novidade é proporcionada pela Fundação Rio das Ostras de Cultura, que vai oferecer dois encontros com músicos renomados do cenário. As aulas acontecerão no espaço da Casa do Jazz, nos dias 30 de maio, quinta-feira, e 1º de junho, sábado, às 12h, na Área de Eventos de Costazul. Os alunos da Escola de Música de Rio das Ostras terão a oportunidade de aprender um pouco mais com a Orquestra Byu Synthesis, dos Estados Unidos. O encontro entre os estudantes acontecerá no dia 31 de maio, sexta-feira, às 12h. Os interessados devem se inscrever gratuitamente entre os dias 27 e 29 de maio, no Centro de Forma-

ção Artística, na Praça José Pereira Câmara, no Centro, de 9h às 21h. Para ministrar estes cursos foram convidados músicos de renome internacional como Martin Salzaman, um dos maiores produtores do “Blues de Chicago”, nos Estados Unidos. O músico aplicará workshop de Produção e Agenciamento, sempre direcionado aos eventos relacionados ao Jazz. Para quem gosta de gaita, terá a oportunidade participar da oficina de iniciação com um dos maiores nomes deste cenário, o brasileiro Jefferson Gonçalves. Para o presidente da Fundação Rio das Ostras de Cultura, Cosme dos Santos, essa é uma oportunidade de levar um pouco mais da música para fora das salas de aula. “Muita gente tem vontade de aprender a tocar um instrumento e conhecer este cenário. Oferecer esta oportunidade é uma grande novidade e estamos empenhados para fazer preparar este espaço”, conta.

Confira a programação: DATA: QUINTA 30 DE MAIO - 12H LOCAL: CASA DO JAZZ MARTIN SALZMAN WORKSHOP SOBRE PRODUÇÃO E AGENCIAMENTO COM UM DOS MAIORES PRODUTORES DE BLUES DE CHICAGO

DATA: SEXTA 31 DE MAIO - 12H LOCAL: PREDIO DA ONDA ORQUESTRA BYU SYNTHESIS INTERCAMBIO ENTRE ALUNOS DA ESCOLA DE MÚSICA E ALUNOS DA UNIVERSIDADE BYU DE PROVO-UT, EUA

DATA: SÁBADO 01 DE JUNHO - 12H LOCAL: CASA DO JAZZ JEFFERSON GONÇALVES INTRODUÇÃO À GAITA COM UM DOS MAIORES GAITISTAS BRASILEIROS DA ATUALIDADE


O DEBATE RIO DAS OSTRAS • • •

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Flores

por Yasmim Flores

Significado de Tulipas Yasmim Flores yasmimflores7@gmail.com

T

ulipas são flores resistentes cultivadas em diversas cores, e é uma flor considerada muito luxuosa, com grande charme e requinte, uma vez que o próprio nome significa turbante, ou “o rei das flores”. Apesar de se acreditar que as tulipas são flores originárias da Constantinopla, atualmente Istambul, na Turquia, alguns afirmam que esta flor surgiu na China. Esta flor é um dos símbolos da Holanda, onde a sua popularidade começou a aumentar no século XVII, e uma só flor tinha um alto valor monetário. A tulipa é facilmente cultivada na Holanda e numa certa altura foi mesmo a sua quarta maior

fonte de renda. Tendo em conta que não se adapta a climas tropicais, a tulipa não é cultivada naturalmente no Brasil. Apesar disso, é possível encontrá-las à venda no Brasil entre Março e Setembro, pois o seu cultivo é feito com a ajuda de estufas que produzem as baixas temperaturas que a tulipa necessita. Existem aproximadamente 100 espécies de tulipas, e o seu manuseio requer cuidado, pois libertam uma substância que pode causar conjuntivites, rinites e ataques de asma. Tulipa é uma flor que também marcou a história. Na Idade média, as tulipas vermelhas eram o símbolo da loucura, e os próprios médicos utilizavam a flor como símbolo de que a pessoa tinha sido curada, estava sã.

Significado das Cores das Tulipas O principal significado da tulipa é o amor perfeito, mas os significados podem variar, dependendo das diversas cores delas. Estas flores também podem estar associadas à prosperidade e independência. ·Tulipa vermelha: significa amor verdadeiro e eterno; ·Tulipa roxa: tranquilidade, paz, realeza; ·Tulipa amarela: amor impossível; ·Tulipa branca: significa perdão; ·Tulipa laranja: vitalidade e vigor. Por ser uma flor sensível ao calor, são encontradas com maior frequência no período do inverno. Essa foi mais uma dica da Yasmim Flores.

19


20

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Aroma e Sedução por Ellen Carvalho

Você sabe como as fragrâncias são criadas? ellen carvalho dnaparfum@gmail.com

N

e st e a rt i g o, você conseguirá entender um pouco mais sobre as famosas "notas de saída, de coração e de fundo" dos perfumes, o seu significado, e muito mais. A força de um perfume depende, basicamente, da concentração de matérias-primas utilizadas em sua concepção.

Do ponto de vista técnico, consiste na mistura de vários ingredientes voláteis dissolvidos em álcool, que se espalham no ar em temperaturas normais. Pela origem, a palavra perfume aplicase somente ao tipo de composição que contém a mais alta proporção de extrato aromático com o menor teor de álcool possível. As outras combinações quase sempre levam um pouco de água na fór-

mula. Essa concentração, portanto, é fator determinante na nomenclatura. É comum ouvir falar em fragrâncias com forte - ou fraco - poder de fixação, ou seja que persistem ou não - por várias horas. Mas o efeito não é mérito de um agente fixador, como há quem acredite. Na verdade, a fixação se deve às notas de base - ou de fundo. Elas são ingredientes mais densos e persistentes, capazes de atuar

na composição de modo a proporcionar uma difusão mais lenta. Notas de Saída (Cabeça) A introdução. A impressão inicial, elaborada para despertar o interesse, são as notas mais leves aquelas que "escapam" do frasco. Ingredientes ligeiros e voláteis que evaporam rapidamente, são sentidas logo após a sua aspersão,

vão direto paras as narinas. São notas frescas como limão, bergamota, laranja, pinho, lavanda e eucalipto. No t a s d e C o ra ç ã o (Corpo) O centro, a alma, a personalidade do perfume, são notas que expressam o tema principal da fragrância. Menos voláteis, evaporam mais devagar, são sentidas assim que o perfume "desaparece" sobre a pele. São notas

mais encorpadas como as de flores, folhas e especiarias. Notas de Fundo (Base) Garante o poder de fixação de uma fragrância, são notas que definem o cheiro que se difunde na pele. Pouco voláteis, os ingredientes evaporam lentamente, é o último acorde a ser percebido e o que permanece por mais tempo. São notas densas, como as de resinas, de madeiras e as de origem animal. O perfumista usa a fantasia e o nariz para criar fragrâncias marcantes, que podem reunir até 300 matérias-primas. É capaz de distinguir mais de 3 mil cheiros e consegue combiná-los em uma quantidade ilimitada de fórmulas. Como um maestro compõe as diferentes notas, sua mistura resulta no acorde ou na harmonia da fragrância, imaginando o papel que cada ingrediente terá em sua composição olfativa. A força de um perfume depende da concentração de extrato aromático e das matérias-primas usadas em sua composição. Transformar esse mix em sucesso está nas mãos dessa categoria restrita e valiosa de profissionais, que ganha salários astronômicos para desenvolver essências sob encomenda. O "bom nariz" se desenvolve desde a infância. Existe uma ligação muito forte entre as coisas que acontecem durante a vida e os cheiros que as acompanham.


O DEBATE RIO DAS OSTRAS • • •

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

21

Rodando Legal: Indústria das diárias atua na ilegalidade KANÁ MANHÃES

Alvo de várias denúncias envolvendo cobranças indevidas e atendimento precário, a empresa Rodando Legal, é responsável por cobrar a regularidade dos veículos que circulam em Macaé e Rio das Ostras. bertha muniz berthamuniz@odebateon.com.br

M

as na “Capital do Petróleo”, a empresa que é uma das maiores causas de insatisfação por parte da população, opera ilegalmente, funcionando sem alvará e licença ambiental. A informação foi confirmada pela própria prefeitura, na tarde da última sexta-feira (17). Com o mesmo nome, atuam outros três depósitos que prestam serviço ao governo Estadual como abrigo de veículos apreendidos em operações da Polícia Militar - Barra Mansa, Barra do Piraí e Búzios. Outra sede da empresa estava instalada na cidade de Araruama, na Região dos Lagos, mas no ano passado, após cinco anos, o contrato com a prefeitura da cidade foi rompido. A equipe de reportagem de O DEBATE esteve na sede da empresa, situada no Barreto, onde registrou o flagrante da precariedade dos serviços prestados pela Rodando

Legal em Macaé. Apesar de faturar com a “indústria das diárias”, cobrando o valor de R$ 58 por dia para cada carro apreendido no depósito e outros R$ 124,00 pelo serviço de reboque, no local verificamos que não há piso - o chão é de terra batida, faltam banheiros públicos e rampas de acesso para portadores de necessidades especiais. Não há água e quem precisa ir até o local para resgatar um veículo tem que ficar exposto ao tempo, faça chuva ou sol. Uma grade separa os funcionários da empresa do resto da população. A sensação é de descaso. “Chegamos aqui e somos tratados como bichos. Não podemos entrar, ficamos por trás deste portão até que uma resposta chegue. Perdemos o dia de trabalho, estamos cansados ou com sede, e não podemos entrar”, relatou o eletricista Sebastião Gomes, que na ocasião esperava por cerca de três horas para recuperar seu carro. Nem mesmo alguns funcioná-

No pátio da rodando Legal, centenas de veículos estão amontoados. burocracia impede que sejam retirados

rios escapam da falta de estrutura do local. Muitos deles não têm lugar para sentar e se escondem do sol atrás dos reboques. Uma das principais queixas por parte da população dá conta da intolerância da empresa, que apesar de funcionar em parceria com o Detran, parece desconhecer a dificuldade em agendar visto-

rias na região Norte Fluminense. Muitos são os carros apreendidos por falta de vistoria, mesmo com todos os documentos, impostos e taxas em dia. Quem estava no depósito na tarde da última sexta-feira (17) e passou por esta situação foi o bombeiro hidráulico Antônio Donizete Queiroz. “Meu carro foi apreendido

à noite, estava com toda a minha família e com toda documentação em dia. Por conta disso, tivemos que voltar de ônibus para casa, às 23 horas. Hoje apresentei a documentação e estou esperando retirarem o reboque que está na frente do meu carro. Perdi um dia de trabalho e ainda não entendo a causa disso”, explicou.

Empresa é registrada como “Estacionamento Rotativo” Documentos públicos do processo de Alvará da Rodando Legal dão conta de que a empresa funciona em um local impróprio. Outro fator importante do processo é a maneira como a empresa está registrada na prefeitura de Macaé. Apesar de ser um depósito de veículos legalizado pelo Detran, o cadastro do município informa que o terreno em que a Rodando Legal

está instalado seria um Estacionamento Rotativo. O processo de número 16.398, mostra que em 2012, uma requisição de “Busca Prévia”, foi feita no ano de 2010 na Secretaria de Fazenda de Macaé do município. A Lei Complementar 141/2010 que determina as áreas de zoneamento do município, aponta que algumas

empresas não podem funcionar em diversos bairros de Macaé. O bairro São José do Barreto, onde a empresa está situada, está classificado como zona residencial 7. Ou seja, as irregularidades vão além do que o mínimo exigido pela empresa aos contribuintes do Detran-RJ. Em abril, a empresa foi alvo de uma fiscalização por parte de uma comissão parlamentar

formada pelos vereadores Cezinha, Amaro Luiz, Welbert, Maxwell Vaz e Paulo Antunes. A fiscalização aconteceu em conjunto com a Prefeitura de Macaé. Na ocasião, diversas irregularidades foram constatadas e a empresa foi notificada a regularizar a situação fiscal, correndo o risco de ser fechada. Como relatado no início da matéria, a Prefeitura

de Macaé confirmou ao O DEBATE, na sexta-feira (17), que a Rodando Legal continua funcionando sem alvará e licenciamento ambiental. De acordo com a assessoria de comunicação do órgão, o processo que envolve as questões foi encaminhado à Procuradoria do município e um parecer mais concreto será divulgado nesta segunda-feira (20).


22

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS

Workshop Internacional oferece três bolsas para Congresso Brasileiro de Dança Moderna Aulas acontecem neste final de semana em Rio das Ostras com professores de renome internacional

R

io das Ostras realizará no próximo final de semana o I Workshop Internacional de Dança Moderna. As aulas acontecem no prédio de Formação Artística na Praça José Pereira Câmara, no Centro. Os participantes concorrerão a três bolsas de estudos para o Congresso Brasileiro de Dança que acontecerá entre os dias 26 de maio e 02 de junho, no Rio de Janeiro. O objetivo é divulgar as diferentes e ricas técnicas de dança moderna. Numa parceria com a Secretaria de Cultura do Rio de Janeiro, a Fundação de Cultura abriu inscrições para este workshop. Os interessados podem procurar o Centro de Formação Artística de Dança, Música e Teatro, na Praça José Pereira Câmara no Centro até sexta, 24. Ao preencher a fixa, o aluno deve entregar uma cópia da identidade.

Para o presidente da Fundação Rio das Ostras de Cultura, Cosme dos Santos, uma parceria bem feita pode colaborar para o avanço da carreira de um artista em potencial. “Falta oportunidade e nós estamos avançando neste aspecto fechando parcerias com outras unidades públicas. É o jeito que encontramos de abrir mais as portas para os talentos locais”, conta. Quem ministrará as aulas será a professora Ana Marie Forsythe apresentando a técnica de Lester Horton. A dançarina é renomada na área por ensinar em grandes universidades norte-americanas. Em seu workshop, ela tem parceria do percussionista caribenho Victor See Yuen que acompanha diversas oficinas de dança há mais de 25 anos. Ajudando na ministração, a professora tradutora Andrea Iracema, colaborará nos ensinos.

Feira de Ciências e reinauguração de Sala de Leitura movimentam escola de Rio das Ostras

O

Instituto Municipal de Educação de Rio das Ostras (Imero) realizou dois eventos com grande participação dos alunos e de toda a comunidade escolar. Com a proposta de integração entre os estudantes do Ensino Médio e Fundamental foi reinaugurada a Sala de Leitura, com a presença da diretora da Casa da Educação, Eliane Camacho, e da coordenadora de Leitura do Município, Juliana Ramos, entre outros visitantes. Um evento de Ciências, com o tema “O Homem, A Terra e o seu lugar no Universo”, reuniu trabalhos dos alunos do curso de Formação de Professores. Na programação do evento, realizado no dia 14, foram abordados assun-

tos como história do átomo, os estados físicos da matéria, reações químicas, conceitos macros e micros, planetário, entre outros. CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS - Na reinauguração da sala, no dia 10, a coordenadora de Leitura do município e alunos caraterizados como personagens de obras infantis contaram histórias para as crianças. O estudante Adler Franco, que está no 2º ano do Curso de Formação de Professores, elogiou a iniciativa. “Foi uma experiência produtiva e enriquecedora na perspectiva de incentivo à leitura, já que as experiências que instigam o gosto pelo livro são sempre um marco em nossa infância e deveriam ser sempre estimuladas”, afirmou Adler.

MAURICIO ROCHA


O DEBATE RIO DAS OSTRAS • • •

Veterinária

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

uma maior predisposição nos meses frios. Por isso os cuidados nesse período devem ser redobrados.

Por Dra. Solange Mattos solange mattos falecomavet@gmail.com

S

Tosse dos canis

eu cão apresenta sinais como tosse, espirros, febre e falta de apetite? Cuidado! Ele pode estar com Tosse dos Canis. A tosse dos canis é causada principalmente por três agentes infecciosos, uma bactéria de nome Bordetella bronchiseptica e dois vírus, Parainfluienza e Adenovírus, agindo de forma isolada ou em combinação. Uma coisa importante a ser observada é que a Bordetella Bronchiseptica pode acometer humanos, sendo por isso considerada uma zoonose. Então, cuidado você também! Sintomas Normalmente nos cães acome-

tidos pela gripe, os principais sintomas observados são acessos de uma tosse seca, contínua, parecendo que o animal está engasgado, às vezes expectorando um tipo de espuma branca. Essa tosse costuma piorar com exercícios físicos ou agitação. A doença pode gerar broncopneumonia, que dá apatia, febre, corrimento nasal e perda de apetite. Em casos mais graves seu cão pode apresentar secreção nos olhos, coriza, falta de apetite e febre. Nos filhotes e nos animais mais debilitados o quadro pode evoluir para situações mais complicadas, como pneumonia, por exemplo. E, você sabe, em animais ou seres

23

humanos, a pneumonia, se não for bem tratada, pode causar a morte! Contágio Altamente contagiosa, animais sadios em contato com animais doentes podem desenvolver a doença dada a exposição a tosse ou espirros dos animais infectados. É daí que surge a denominação tosse dos canis, pois a doença torna-se comum onde vários cães são confinados juntos, como canis, petshops e lojas de animais. Ela pode aparecer em qualquer época do ano, porém há

Prevenção A prevenção da gripe dos canis se faz através da vacinação. Além da vacina anti-rábica e da vacina múltipla (contra cinomose, hepatite, leptospirose, parvovirose, coronavirus e parainfluenza), todos os cachorros devem receber uma dose da vacina contra a tosse dos canis a partir dos dois meses de vida, com reforço anual. É importante salientar que nem sempre o cão que apresenta o sintoma de tosse seca está com a gripe canina. Muitas vezes este sintoma também ocorre em animais cardiopatas (animal com problemas cardíacos), particularmente nos animais idosos. Por isso, sempre é importante levar o animal em seu veterinário de confiança, para que o diagnóstico seja correto. Nós da Clínica Veterinária Riovet Zoo Doctor não deixaremos que seu amigão entre nessa fria, façanos uma visita .


24

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Decoração

por Nilo Martins Ilumine nilo sérgio nilosergiog@gmail.com

Mês de maio, noivas, belo presente e belas mães. Ilumine, lustres, peças im-

portantes, o tom e o brilho em festas, jantares e decoração. Importantes na decoração de uma casa, os lustres são elementos que vão além de simples acessórios utilizados pa-

ra iluminar ou para segurar lâmpadas. Os lustres podem dar um ar sofisticado, rústico, moderno ou contemporâneo a um ambiente. Se trabalhado e pensado junto com a iluminação do ambiente podem fazer toda a diferença na decoração de uma casa ou escritórios. Diferente dos spots, os lustres chamam a atenção de quem adentra ao ambiente. São comuns em salas de visitas, jantar e em locais amplos como halls de hotéis, teatros e nas modernas varandas dos apartamentos. Encontrados, em vários modelos e de di-

versos tamanhos, grandes, pequenos ou médios, em várias cores e produzidos em diversos materiais, os lustres são peças que marcam os ambientes de luz e estilo. A produção com lustres, luminárias, spots devem combinar com os diversos ambientes residenciais, usando a tecnologia disponível no mercado, prezando sempre a qualidade dos produtos. Integra os ambientes desde que sejam do mesmo material ou acabamentos. A nossa indicação é que você combine um pendente sobre

a mesa de jantar com um plaffons que não roubará a cena. Pontos de iluminação não precisam estar alinhados, mas sim centralizados com lustres em todos os ambientes das residências. Estilo e elegância, detalhe de luz e vida, a beleza dos cristais, do ferro batido, dos laliques, de lâmpadas de led, de cor tons, perfeitos para a qualidade de luz. Ilumine. Abraços, Nilo Sergio.


O DEBATE RIO DAS OSTRAS • • •

Casa e Estilo Espaço Gourmet alexandre silva Leal predilecta_ro@hotmail.com

D

ias de folga são um convite para reuniões com amigos e familiares. Uma boa pedida é aproveitar o Espaço Gourmet, tão comum hoje em dia nas casas e até em apartamentos. Para evitar transtornos durante os momentos de lazer, temos que prestar bastante atenção nos detalhes da decoração para evitar problemas. Primeiro não devemos colocar geladeira próxima ao fogão ou churrasqueira, pois pode prejudicar o seu desempenho, o ideal é que a área gastronômica seja dividida em três partes: Área quente (Churrasqueira, Fogão e Forno), Área Molhada (Torneiras e Pias), Área Gelada (Geladeiras, Freezer, Adegas) lembrando que a primeira deve ficar o mais longe possível da última, a bancada de preparo dos alimentos deve ficar próxima a Área quente, assim não dificulta na hora do preparo e evita desgastes na hora da diversão. Na hora da decoração deve se valorizar a pra-

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

25

por Alexandre Silva Leal ticidade. Coifas, além da utilidade, também ajudam a compor a decoração e junto com o Cooktop dão um charme a mais, trazendo modernidade ao ambiente. Pode se colocar uma barra com imã na parede para deixar os utensílios à mão de quem cozinha e manter longe do alcance das crianças por ficar no alto, e também pendurar nas paredes quadros com referências a comidas, temperos e rótulos de alimentos, fica muito agradável compondo o ambiente. Pode também ter vasos com temperos, que na hora da preparação dos alimentos estarão sempre frescos. Uma mesa grande com cadeiras confortáveis ajudam na interação dos convidados. Se o espaço gourmet for ao ar livre deve-se ter algum tipo de cobertura, pois

a chuva pode levar os planos literalmente por água abaixo. Em apartamento deve ser fechada com vidro que pode ser aberto e fechado, embaixo das bancadas deve se fazer como nas cozinhas, aproveitar todos os espaços para se guardar o máximo possível de utensílios que serão usados nas reuniões, lembrando sempre que a Predilecta Moveis Planejados disponibiliza de varias soluções para o melhor aproveitamento de todos ambientes de sua casa. A Predilecta Moveis Planejados tem uma ampla escolha de soluções de conforto sustentável.


26

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS

Lá-tá Rolando Por Renato Mascarenhas

E

m 2013 ocorrerá a terceira edição do “Lá-Tá-Rolando - Jazz & Blues”. O Lá-Tá-Rolando é um projeto elaborado e produzido por alunos de Produção Cultural da Universidade Federal Fluminense do Polo Universitário de Rio das Ostras. O projeto consiste na democratização cultural e fomentação da cena artística da região em suas diversas vertentes. Por ser um evento originado e produzido por discentes, o Lá-Tá-Rolando serve também como uma experiência profissional para eles, que aprenderão na prática como se realizar eventos culturais. No seu quinto ano, o Projeto Lá-Tá-Rolando se orgulha de ter fomentado a criação de um cenário cultural de-

mocrático, formando um permanente com a paisapúblico consciente, inter- gem e a beleza natural da ventor e difusor de sua arte. cidade, serve para fortalecer a arte e cultura local, em uma época de intensa Stand do Lá-Tá na movimentação na cidade Música da Cidade por conta da grandeza do Viradão com Arte festival. Pelo terceiro ano conAs bandas convidadas são secutivo, a produção do a Bacon Blues, quadrilha de Lá-Tá estabelece acordo amigos interessados em se com os organizadores do apresentar de maneira intenmaior festival de Jazz & sa e muitas vezes gordurosa; Blues da América Latina Micha Devellard, show solo e terá a oportunidade de com passagem pelos clássifazer a “ressaca” do even- cos do blues - nacional e into, no domingo, dia 2 de ternacional- e músicas auJunho, às 19h, na Concha torais; Facção Caipira, com Acústica de Rio das Os- seu blues pra lá de rock n’ tras, último dia de shows roll; e Afrojam, que tem coe após o último show da mo principal característica programação do festival. a rotatividade de músicos Além de aumentar a in- renovando, assim, os ares a teração entre universi- cada vez que toca. O evento tários, comunidade e ar- contará também com audiotistas locais, em contato visual, exposições e o Palco

Aberto para literatura. Para se inscrever no Palco Aberto de Literatura procure a produção pelo facebook (/LaTaRolando). Poetas da região, aproveitem a oportunidade de se apresentar!


O DEBATE RIO DAS OSTRAS • • •

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

27

Fundação Cultura abre teatro para gravação de clipe da JMJ C

om a parceria da Fundação Rio das Ostras de Cultura, a Pastoral da Juventude está promovendo uma performance (flash mob) para divulgar o empenho dos jovens da região que participarão da Jornada Mundial da Juventude - JMJ, em julho. A atuação vai virar um clipe e as gravações acontecerão neste sábado, 25, no palco do Teatro Popular do Município. Desta vez, os jovens do Vicariato Litoral, da Diocese de Nova Friburgo, farão uma paródia do funk da Mc Anitta, “Show das Poderosas”, que com a nova versão terá sua letra alterada para “Agora é hora da JMJ”. Cerca de 20 pessoas estão envolvidas na produção entre dançarinos e cantores. O clipe lançará a equipe “Renascer Dance”, projetada pelo Grupo de Jovens do Município de Casimiro de Abreu. Acompanhada de Thiago Pigozzo, um dos vocalistas da Banda

Católica Trinum, a Mc Lolita é quem cantará o hit que terá novas coreografias. “O funk é um ritmo que atrai os jovens. Ele já se espalhou por todo o Brasil. Nada melhor que usarmos esta ferramenta para atrai-los para a JMJ. Estamos ansiosos pela visita do nosso Pontífice que trará muitas palavras sábias para nós. Vamos fazer um clipe diferente e que chegue ao coração da juventude”, conta Thiago Pigozzo, coordenador do grupo de dança. Para o presidente da Fundação de Cultura, Cosme dos Santos, a arte está em todos os espaços e é preciso ter um olhar minucioso sobre elas. “As religiões produzem arte o tempo todo, seja por meio da música, do teatro, da poesia. Não podemos fechar os olhos para este público que tem cada vez mais investido nos talentos. Para nós é uma honra abrir as portas para estes jovens que esperam pelo

Papa Francisco”, diz. JMJ - Com o lema “Ide e fazei discípulos entre todas as nações”, do livro bíblico de Mateus 28- 29, o

maior evento católico dos últimos anos deve receber até dois milhões de fiéis vindo de todo o mundo. O Papa Francisco vem ao Rio de Janeiro

entre os dias 23 e 28 de julho dar continuidade à Jornada Mundial da Juventude que começou em 1984 com o Papa João Paulo II.

Amanhã é dia de “A Música da Cidade” Quatro apresentações estão programadas para sábado, 25, na Lagoa do Iriry Depois do sucesso da última edição do “A Música da Cidade”, Rio das Ostras recebe mais quatro atrações locais. O evento, que tem o apoio da Prefeitura, acontece neste sábado, 25, na Lagoa do Iriry, a partir das 16h. Desta vez, é o DJ Tiago Abs quem abre o projeto, seguido dos músico Luciano Alves, Fernanda Sant’anna e a banda Derpalie. Segundo a organizadora, Renata Cabral, o objetivo é lançar projetos autorais, seja pelas composições ou pelos arranjos ousados e inovadores. “Nossos artistas inventam e reinventam um som de qualidade não apenas em suas letras, mas, também, com melodias e ritmos” diz a produtora. ARTISTAS DJ Tiago Abs

Busca explorar a integração entre os mais diversos campos artísticos, o que influencia diretamente seu trabalho como DJ, um repertório diversificado que promete surpreender o público. Luciano Alves Com seu primeiro CD chamado “Caminhando”, o músico tem influências fortes de Bob Dylan. Luciano Alves mergulha na filosofia, nos problemas sociais e numa firme proposta da arte como denúncia. Fernanda Sant’Anna A cantora faz um show voltado inteiramente para as raízes e riquezas da música brasileira em seus diversos gêneros. É uma mistura rica de ritmos como samba, maracatu, baião, entre outros.


28

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Inglês sim! Por Márcia Lage

Tradutores online marcia Lage marcialage@rocketmail.com

M

uito comum hoje em dia utilizar-se de tradutores online para “salvar a pele” em situações de trabalho ou estudo quando não se sabe a palavra em Inglês. Muitas das vezes pessoas digitam parágrafos inteiros ou pequenos textos como de emails, por exemplo. O resultado disso? Nada ideal. As palavras têm signifi-

cados múltiplos muitas das vezes, e vão mudar de sentido de acordo com o contexto. Os tradutores estão programados para apenas um sentido e irão fazer um “samba do crioulo doido” principalmente quando traduzindo parágrafos inteiros, pois não podem interpretar. Expressões também não podem ser traduzidas em partes, palavra por palavra, não irão fazer sentido algum, e essa é mais uma das falhas do tradutor. Por exemplo, a

çosas, sedentárias, dessas que ficam esparramadas no sofá vendo TV, mas se você coloca no tradutor, ele irá fazer a tradução literal que é “batata de sofá”, não faz sentido para nós, fica no mínimo estranho, e você certamente continuará sem entender o sentido da expressão. Experimente digitar “headsup”, o tradutor irá entender como sendo encabeçar, liderar; quando se diz “head a department” até estamos falando de dirigir, estar à frente de um departamento, mas a expressão “headsup” expressa a ideia de dar um alerta, um correspondente em português seria “se liga”. expressão “couchpotato” é O ideal então é utilizar uma expressão usada para um dicionário inglêsse referir a pessoas pregui- inglês, evitar traduções,

e recomendo acessar o www.dictionary.com , excelente dicionário online, também o www.freedictionary.com ou ainda o www.urbandictionary. com, este último só sobre gírias e expressões. Mas sabemos que para quem ainda está iniciante no idioma pode ficar difícil, ou até mesmo há momentos em que temos a palavra em português e precisamos passar para o Inglês, então nestes casos minha sugestão é o www.linguee. com.br, nele você pode ver o significado das palavras dentro de diferentes contextos, ou seja, terá mais chances de encontrar o uso correto e evitar passar por situações constrangedoras de e-mails profissionais nitidamente redigidos por um tradutor.

funcional de nossos órgãos e sistemas, que diminui com o passar dos anos. De forma interess a n t e, e m i n d i v í d u o s jovens e saudáveis, esta capacidade funcional se encontra muito além do necessário para o quotidiano, de forma que existe uma denominada reserva funcional, o envelhecimento fisiológico ou normal pode também ser entendido como uma diminuição progressiva desta reserva funcional, de forma a diminuir a capacidade de resposta a desafios. Esta diminuição na capacidade de manter a homeostase (função de regular o ambiente interno para manter uma condição estável do corpo) do organismo tem sido denominada homeostenose e está ligada a riscos progressivamente maiores de doença ou perda da capacidade funcional. Por esta razão, a morte é a consequência final do envelhecimento, mas va-

le notar que a diminuição das reservas funcionais em seres humanos é lenta e progressiva, sendo compatíveis com a vida saudável em idades tão avançadas como a dos centenários. É o stress adicional das doenças (especialmente as doenças crônicas e dos maus hábitos de vida (como tabagismo, alcoolismo, sedentarismo, obesidade e outros) o grande vilão para a saúde do idoso: ao atingirem negativamente uma reserva funcional já normalmente diminuída em relação ao jovem que estas causam insuficiências orgânicas em idades menos avançadas. A senescência é o processo natural que se opõe a senilidade, que é o envelhecimento patológico, e entendido como os danos à saúde associados com o tempo, porém causados por doenças ou maus hábitos de saúde. O qual será explanado no próximo artigo.

Energia Vital Por Dra. Simone Bastos

Envelhecimento Orgânico Por dra. simone bastos siabastos@yahoo.com.br

O

envelhecimento do organismo como um todo está relacionado com o fato das células somáticas do corpo irem morrendo uma após outra e não serem substituídas por novas como acontece na juventude. O motivo é que para a substituição acontecer, as células somáticas têm de ir se dividindo para criarem cópias que vão ocupar o lugar deixado vago pelas que morrem. Em virtude das múltiplas divisões celulares que a célula individual resista ao longo

do tempo, para esse efeito, o telómero (extensão de DNA que serve para a sua proteção) vai diminuindo até que chega a um limite crítico de comprimento, ponto em que a célula deixa de se dividir, envelhece e morre com a consequente diminuição do número de células do organismo, das funções dos tecidos, órgãos, do próprio organismo e o aparecimento das chamadas doenças da velhice e não só. O e n ve l h e c i m e n t o p o d e ser entendido também como a consequência da passagem do tempo ou como o processo cronológico pelo qual um

indivíduo se torna mais velho. No caso dos seres vivos relaciona-se com a diminuição da reserva funcional, com a diminuição da resistência às agressões e com o aumento do risco de morte. É a Senescência orgânica que é o envelhecimento do organismo como um todo, ligado, entre outros fenômenos, ao envelhecimento celular. É geralmente caracterizado pela diminuição da capacidade de responder a desafios à função orgânica. Estes desafios em geral oneram a capacidade


O DEBATE RIO DAS OSTRAS • • •

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Ser Humano por Danielle Manera

O psicopedagogo e os problemas de aprendizagem Por danielle manera

PEDAGOGA E ESPECIALISTA EM PSICOPEDAGOGIA CLÍNICA E INSTITUCIONAL CAPACITAÇÃO DE PROFESSORES - PALESTRANTE AUTORA/TUTORA DE CURSOS EAD GESTORA E PROFESSORA REGIONAL CENSUPEG - POLO MACAÉ/RJ

clinicaserhumano@gmail.com

A

s crianças que apresentam dificuldades na escola, na compreensão de novas habilidades, estão correndo o risco de terem problemas nas diferentes áreas escolares e na vida em geral, no seu desenvolvimento cognitivo, social e afetivo, como um todo. Tais dificuldades são de grande importância, pois os problemas entre o poten-

cial da criança e a sua execução, devem ser avaliados com cuidado por um profissional especializado em dificuldades de aprendizagem. As primeiras experiências na escola são da maior importância, já que o fracasso escolar vai ocasionar o desenvolvimento de um crescente sentimento de frustração e baixa autoestima. A maioria dos transtornos de aprendizagem se estabelece antes dos 7 anos de idade. Muitos sintomas podem mostrar esse estado na criança pequena, que ainda não consegue expressar com palavras seus sentimentos. Estes sintomas podem se dar como por exemplo, através da ansiedade, do sono perturbado, e de condutas regressi-

vas. Muitas começam a roer unhas, chorar por qualquer motivo, não querer comer ou comer demais. Algumas chegam a se queixar até de dores imaginárias. Estão sempre frustradas e insatisfeitas. Podemos destacar neste caso, aquelas crianças que passaram por alguma situação difícil na idade entre 0 e 5 anos, como

29

as crianças que são abandonadas, e a partir daí, podem surgir problemas psicossomáticos e de agressividade em diferentes níveis. Sua autoestima fica comprometida e faz aparecer comportamentos que demonstram insegurança, rebeldia e outros sintomas que são preocupantes e podem ser percebidos até mesmo em sua forma de caminhar, já que nessa idade sua personalidade e identidade estão em formação. Estas crianças, mais tarde, acabam não demonstrando interesse pelo estudo, já que não conseguem acompanhar seus colegas com a mesma idade. Como as crianças precisam do amor de seus pais, familiares, professores e colegas, é de se esperar que na família e na escola, se desenvolva todo e qualquer tipo de dificuldade. A autoestima é um valor que uma pessoa tem de si mesma a partir da competência que demonstra para executar diferentes tarefas e também, da valorização que lhe é dada pelas pessoas. A autoestima atingida, acaba gerando o fracasso. Por isto, aconselho pais e professores a estarem atentos a seus filhos e alunos, independente da idade.Procurar um psicopedagogo pode prevenir problemas importantes de aprendizagem na vida de muitas crianças e adolescentes.

Sempre na Moda Por Valessa Coiffeur Ética profissional da beleza

N

a função de cabeleireira é necessário a formação do ser humano e de grande utilidade para o crescimento do profissional de higiene e beleza. Ela define a formação de caráter, conduta, estilo, responsabilidade e simplicidade. A ética é a SUPREMA VIRTUDE por isso é primordial em qualquer profissional, seja empregado ou empregador. A ética sustenta e dirige nossas ações, norteando a conduta individual e social. E como tal, define o que é bom ou mal, certo ou errado, permitido ou proibido, de acordo com cada cultura. É muito importante para nossa classe de higiene e beleza. Sem ética, não existiríamos, acompanho fatos tristes por falta de ética. Palavras pequenas e significativas, que representam na profissão, vocação para coletivo, virtudes profissionais, lealdade, respeito, responsabilidade, honestidade, sigilo, entre outras qualidades. Lealdade e respeito:

pontos que regem a união entre seres humanos. Dedicação e amor à nossa profissão!


30

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS

Modelo e manequim Por Isabel Mugani O que é teste de fotogenia? isabel mugani frimodel.ro@hotmail.com

Se você tem interesse em fazer parte de uma agência, o primeiro passo é fazer um teste de fotogenia, este teste vai analisar a sua fotogenia, expressão corporal e facial. O resultado determina o potencial do modelo para atuar no mercado fotográfico. A Agência Frimodel realiza este tipo de avaliação sem cobrar nada. 1º passo: serão tiradas de 06 a 08 fotos, estas fotos serão avaliadas pela produção da agência que vai analisar a sua fotogenia, caso passe nesta primeira etapa, você passará por uma entrevista com a produção da agência que vai analisar se você se encaixa em algum perfil de mercado, modelo fashion ou comercial. (Modelo Fashion você deve atender

as medidas pedidas pelo mercado, já para o modelo comercial não existe uma padronização). Se o produtor de casting julgar você com o perfil de mercado, então passará para próxima etapa. Todo modelo precisa de seu material de trabalho que é o Book, pois através dele a agência vai divulgar a sua imagem para o mercado publicitário. Não é um mercado de trabalho fácil e nem tão glamoroso quanto parece, são muitas avaliações, muita rivalidade, mas grandes oportunidades, e se este for seu sonho, nada como uma avaliação gratuita para dizer se você tem chances ou não. “A agência Frimodel não dá a garantia de se conseguir um trabalho, a garantia do trabalho acontece somente depois de testes nas produtoras ou clientes, mas ela divulga a modelo e a auxilia para in-

gressar numa carreira profissional.” Agora que você já sabe o que é um teste de fotogenia é só procurar a agência Frimodel Modelos e Manequins que atua no mercado há 20 anos e em Rio das Ostras há 03 anos atendendo o mercado publicitário com modelos (crianças e adultos), encaminhando para desfiles, editoriais, figuração em todo o Brasil. Contato Frimodel: 22 2771-7990 / 9946-2652.


O DEBATE RIO DAS OSTRAS • • •

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

31

Rio das Ostras é o destino dos amantes do jazz e do blues R

io das Ostras já está preparada para receber os amantes do jazz e do blues entre os dias 29 de maio e 2 de junho, quando a cidade recebe alguns dos melhores músicos do mundo para a décima primeira edição do Rio das Ostras Jazz & Blues Festival. Este ano, o evento traz novidades para o público e um clima especial de Nova Orleans para a Cidade do Jazz, em Costazul. A cidade espera receber mais de 25 mil pessoas por dia durante o festival. Com uma programação diversificada, em 29 shows gratuitos, o evento faz um mix entre o jazz e o blues e entre a nova e a velha geração, em apresentações de talentos nacionais e internacionais nas

praias de Costazul e Tartaruga, na Lagoa de Iriry e nas praças São Pedro e José Pereira Câmara. Como já virou tradição, quem abre as atrações do palco principal, no dia 29, às 20h, é a Orquestra Kuarup, da Fundação Rio das Ostras de Cultura, formada por músicos locais, sob a regência do maestro Nando Carneiro. A programação segue recheada de nomes consagrados como Stanley Clarke Band, Scott Henderson Trio, Lucky Peterson e Tamara Peterson, Vernon Reid & Masque com Maya Azucena, Christian Scott, Will Calhoun Ensemble com Donald Harrison, Victor Wooten Band, John Primer & The Real Deal Blues Band,

Léo Gandelman com Charlie Hunter, Byu Synthesis, Arthur Maia, Diego Figueiredo, Tributo a Celso Blues Boy, Lancaster, Fernando Vidal Trio, Mauro Hector, Gean Pierre, Vagner Faria, Orleans Street Jazz Band e Monte Alegre Hot Jazz Band. Haverá também apresentação de duas bandas Dixie Square Jazz, que percorrerão os principais pontos da cidade executando standards do jazz para divulgar o festival. As apresentações resgatam uma tradição musical apreciada por músicos de Jazz por permitir uma maior facilidade no improviso. O festival também receberá a Big Band da Universidade pública de

Salt Lake City, de Utah, nos Estados Unidos. A programação completa pode ser conferida no site

www.riodasostrasjazzeblues. com ou no Portal da Prefeitura de Rio das Ostras: www. riodasostras.rj.gov.br.

Saxofone de três metros é a grande novidade da Casa do Jazz Artistas da Fundição de Artes e Ofícios de Rio das Ostras estão preparando uma grande novidade para a Casa do Jazz. Um saxofone gigante, de aproximadamente três metros, ficará exposto na entrada do espaço. O objetivo desta peça é chamar a atenção dos visitantes para a exposição dos objetos confeccionados no Município. O sax é feito de isopor e foi escolhido por ser um dos

instrumentos que mais se remete ao jazz e ao blues. A equipe está trabalhando a todo o vapor no nos últimos dias para deixar o Festival mais temático e charmoso. Para o artista plástico Isaque Rocha, uma obra exposta do lado externo da Casa convida ainda mais as pessoas para entrarem no espaço e conhecer as atividades dos artistas da região. “A Casa do Jazz é um lugar que já caiu

no gosto popular. Lá um pequeno palco dá oportunidade aos músicos da região para mostrarem seu trabalho. E ainda, nossos artistas plásticos fazem a mostra de suas criações, divulgando Rio das Ostras em diversos lugares do Brasil e do Mundo. Esse sax chamará muita atenção dos visitantes”, conta. A Casa do Jazz ficará aberta de 29 de maio a 01 de junho, sempre a partir das 19h.


32

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS


2 Classificados

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS


O DEBATE RIO DAS OSTRAS • • •

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Classificados 3


4 Classificados

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS


O DEBATE RIO DAS OSTRAS • • •

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Classificados 5

Gastando por conta do futuro O

governo federal acaba de inventar mais um truque para manter a gastança e continuar fechando suas contas, no fim do ano, como se houvesse cumprido a meta fiscal ou, pelo menos, manejado com alguma prudência as finanças públicas. Para isso, a presidente Dilma Rousseff decidiu antecipar, em nova manobra contábil, o recebimento de recursos devidos à União pela Itaipu Binacional cerca de R$ 15 bilhões até 1.º de maio. O prazo previsto para a liquidação dos compromissos de Itaipu terminará em 2023. Com isso, cria-se mais uma hipoteca sobre a arrecadação dos próximos dois mandatos presidenciais e do começo do terceiro.

Eis aí mais um instrutivo exemplo de irresponsabilidade fiscal. O Tesouro já havia recorrido à antecipação de dividendos de estatais para tapar buracos. Esse foi um dos artifícios empregados em 2012 para maquiar a execução do orçamento. Na prática, o Tesouro terá de se endividar, por meio da emissão de papéis, para conseguir neste ano aquele dinheiro. O endividamento, autorizado pela Medida Provisória (MP) n.º 615, de 17 de maio, será "em favor da Conta de Desenvolvimento Energético". Os valores recebidos depois, quando a Itaipu liquidar efetivamente seus compromissos, "serão destinados exclusivamente ao pagamento da dívida

pública federal". Para autorizar essa manobra, a nova MP alterou a Lei n.º 12.783, de 11 de janeiro deste ano, relativa às concessões de serviços de geração, transmissão e distribuição de energia elétrica e à redução das tarifas de eletricidade. Com a antecipação do dinheiro devido até 2023 pela Itaipu Binacional, o governo terá recursos adicionais para enfrentar os custos da redução das contas de energia. Incluída na receita, essa verba será contada no cálculo do superávit primário, isto é, da economia feita anualmente para o pagamento de juros devidos pelo Tesouro. Facilitará, portanto, o cumprimento da meta fiscal, ampliando o espaço para a manutenção das

despesas federais. Será mais fácil cumprir a meta sem comprimir os gastos ou sem aumentar a receita efetiva, em parte prejudicada pela concessão de estímulos tributários. Apesar da emissão de títulos, a dívida líquida poderá ficar inalterada, porque os papéis terão como contrapartida os créditos a receber da Itaipu. Mas a dívida bruta aumentará e o custo de sua rolagem poderá subir, se as condições do mercado financeiro se alterarem. Isso dependerá tanto da política oficial de juros como do humor dos financiadores. Embora os ministros e outros funcionários insistam em falar quase exclusivamente sobre a dívida líquida, o mercado leva em conta, em suas avaliações, tam-

bém a dívida bruta. É assim em todo o mundo e nenhum operador do sistema financeiro tem um bom motivo para agir de forma diferente em relação ao governo brasileiro. A MP autoriza a emissão de papéis até o limite do valor devido pela Itaipu Binacional em 1.º de maio. O objetivo imediato é cobrir os gastos previstos para a Conta de Desenvolvimento Energético, criada para várias finalidades, como a universalização do serviço de energia elétrica, a indenização a empresas no caso da reversão das concessões, a redução dos preços para os consumidores e a competitividade da energia produzida com base no carvão e em outras fontes. O governo recorreu a essa conta para

evitar o repasse aos consumidores dos custos adicionais da energia térmica produzida durante a seca. O secretário do Tesouro, Arno Augustin, já havia anunciado a adoção de uma política "contracíclica" - economia nos anos bons para despesas maiores nas fases ruins. Na prática, só a segunda parte da cartilha, a dos gastos maiores, vem sendo seguida há muitos anos. O compromisso com o regime de metas fiscais tem sido mantido principalmente de maneira formal, com o uso cada vez mais amplo de maquiagem contábil. Ao recorrer à antecipação dos recursos devidos pela Itaipu Binacional, o governo dá mais um salto no caminho da irresponsabilidade, ampliando o gasto por conta de créditos futuros.


6 Classificados

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS


O DEBATE RIO DAS OSTRAS • • •

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

Imóveis

viços complementares. Podem colocar a casa em várias plataformas de venda, como a internet ou na agência, mas também podem ajudá-lo a tratar dos procedimentos legais até à escritura da casa. Mas, os especialistas das imobiliárias alertam que existem situações extremas. Colocar a casa em muitas imobiliárias também pode dificultar o processo de venda e dar um sinal de "desespero" aos potenciais compradores.

por Charles Oliveira Quem quer vender casa está numa posição mais vulnerável. Charles Oliveira charlesbezoli@hotmail.com

M

esmo em tempos de crise, existem pequenos detalhes que podem fazer toda a diferença para conseguir vender uma casa mais rápido e a um melhor preço. Seguem aqui seis dicas, com base na opinião de especialistas do mercado imobiliário, que o podem ajudar nessa missão. 1. Conheça o mercado: Antes de colocar à venda o seu imóvel deve fazer uma pesquisa para perceber qual o seu valor real, bem como as possibilidades de conseguir vendê-lo. Entre os aspectos

que mais valorizam uma casa incluem-se a zona, a tipologia, a posição em relação ao sol e o estado de conservação. Analise também se o mercado de locação é uma alternativa para si. 2. Definir um "preço justo": Se colocar um preço demasiado alto à sua casa, ninguém vai querer sequer visitá-la. Para evitar dissabores deve estabelecer por isso um preço que seja bom para si, mas que o ajude a encontrar o comprador certo. Para isso tenha em consideração o valor de propriedades semelhantes recentemente vendidas na sua área e estude as tendências do mercado imobiliário. Não

se concentre demasiado nos preços dos imóveis à venda já que estes podem estar no mercado há muito tempo precisamente por terem um preço muito alto. 3. A ajuda das imobiliárias Recorrer ao serviço das imobiliárias tem um custo acrescido, já que implica o pagamento de uma comissão. No entanto, a ajuda de um profissional poderá acelerar o processo de venda. As imobiliárias têm armas que os particulares não têm em termos de divulgação e ser-

4. Reparos e reformas Os pequenos melhoramentos podem valorizar o imóvel e ajudar no processo de venda. Contudo, os especialistas alertam que em exagero este tipo de intervenções pode afastar compradores. Eles podem pensar que há problemas maiores que não podem ver e que poderá obrigá-los a gastar posteriormente mais dinheiro. Às vezes as pessoas pensam que ao pintar o imóvel todo vão conseguir vender melhor, mas o comprador pode pensar que o objetivo foi esconder eventuais infiltrações e isso pode afastá-lo.

Classificados 7 5. A importância da primeira impressão: Estudos mostram que um comprador forma a sua opinião sobre o imóvel nos primeiros 90 segundos da visita. Para esta avaliação contribuem sobretudo pormenores como o cheiro, a limpeza, a arrumação do espaço ou uma boa luz. Por exemplo, se a luz do sol incidir sobre a sua casa na parte da tarde, procure marcar as visitas para essa altura. É neste contexto que a experiência de profissionais pode ser uma mais-valias. 6. Não compre antes de vender: Os tempos não estão fáceis para quem quer vender casa. Mais complicado ainda pode ficar a sua situação se já tiver adquirido, entretanto, outro imóvel. Isto pode pressionálo a baixar o preço de venda e a concretizar um negócio em condições mais desfavoráveis. É importante ter ainda em consideração que passa a ter encargos com dois imóveis.


8 Classificados

RIO DAS OSTRAS (RJ), SEXTA-FEIRA,24 A 30 DE MAIO DE 2013

• • • O DEBATE RIO DAS OSTRAS

Rio das Ostras - 24/05/2013  

Rio das Ostras - 24/05/2013

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you