Issuu on Google+

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, com garantia de manejo florestal responsável, pela Gráfica Moura Ltda.

NEVER SAY DIE! APÓS 35 ANOS, BLACK SABBATH LANÇA DISCO COM OZZY PÁG. 09 BRASÍLIA Quarta-feira, 12 de junho de 2013 sunny snow rain Edição nº 272, ano 2

partly sunny

cloudy

sleet

MÍN: 14°C MÁX: 25°C

www.readmetro.com | leitor.bsb@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metrobsb

hazy

showers

GDF desiste de prever data de reabertura do planetário Novo prazo descumprido. Depois de prometer que o espaço estaria aberto em junho, governo agora afirma não ter mais como dizer quando a saga, que se estende desde 1996, acabará. Nem sequer a parte física foi concluída. Peças para o projetor ainda devem chegar da Alemanha PÁG. 05

FESTA DA ÓPERA

Teatro Nacional recebe ‘Carmen’ e ‘Olga’, além de um concerto em homenagem a Wagner e Verdi PÁG. 08

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Ensaio com figurino de “Carmen”, na noite de segunda-feira: a soprano Biljana Kovac interpreta a protagonista da ópera de Bizet | RICARDO MARQUES/METRO BRASÍLIA

Otimismo cai, mas Dilma A um ano da Copa, Praça Taksim tem segue favorita para 2014 luta contra atrasos batalha campal Pesquisa encomendada pela CNT revela que cresceu o temor sobre questões econômicas e sociais, mas popularidade da presidente foi pouco atingida PÁG. 02

Metro faz balanço sobre situação das cidades-sede, exatos 365 dias antes de a bola rolar para o Mundial PÁGS. 14 E 15

Premiê manda polícia retirar manifestantes do local. Ativistas revidam e violência se espalha PÁG. 07

Manifestantes e policiais se enfrentam | YANNIS BEHRAKIS/REUTERS

thunder


1 FOCO

|02|

Novo protesto em SP tem quebra-quebra

Chamando para a briga

Carlinhos Cachoeira publicou ontem um artigo num jornal goiano ameaçando revelar as ‘sangrias’ do governo de Goiás. A reação do empresário ocorreu depois de sua esposa, Andressa Mendonça, ser chamada de ‘penetra’ num evento beneficiente no Palácio das Esmeraldas, em Goiânia, cujo ingresso custava R$ 350. “Se quiserem saber onde estão as principais sangrias desse governo é só encarar a briga que estou pronto para o embate”, escreveu, sem citar, no entanto, o governador de Goiás, Marconi Perillo.

Tumulto. Reintegração de posse termina em confronto com moradores

Contra aumento de passagens. Ativistas do Movimento Passe Livre e policiais militares se enfrentam. Grupo marcou outro ato para amanhã O centro de São Paulo foi palco ontem de um novo confronto entre a Polícia Militar e integrantes do MPL (Movimento Passe Livre), que realizou seu terceiro ato contra o aumento da tarifa de ônibus. Os bilhetes passaram de R$ 3 para R$ 3,20 neste mês. Cerca de 2 mil pessoas saíram da praça do Ciclista, na avenida Paulista, e seguiram pela rua da Consolação, com destino à sede da Prefeitura de São Paulo, no viaduto do Chá. Quando se aproximavam da ligação leste-oeste, foram iniciados os confrontos com a tropa de choque da PM. Manifestantes tentaram invadir o terminal parque Dom Pedro II, um dos principais da cidade. A polícia tentou evitar o avanço dos estudantes utilizando bombas de gás lacrimogêneo e balas de de borracha. O confronto durou cerca de uma hora. Membros do MPL tentaram atear fogo em um ônibus que deixava o terminal. Um trólebus (ônibus elétrico) foi depredado duran-

Cachoeira

BRASÍLIA, QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013 www.readmetro.com

{BRASIL}

Tropa de choque avança para cumprir ordem judicial | AVENER PRADO/FOLHAPRESS

Pelo menos 5 mil pessoas participaram do protesto | ANDRÉ PORTO/METRO SP

te os embates nas ruas do centro de São Paulo. Por volta das 21h, quando parecia que o movimento havia sido dispersado, um grupo seguiu de volta para a Paulista, palco do primeiro ato do MPL na quinta-feira da semana passada. Mais uma vez, os jovens fecharam as duas pistas da avenida no sentido Consolação, altura do Masp. Para liberar as faixas para o tráfego, a PM voltou a utilizar bombas de gás e de efeito moral. O grupo só deixou o lo-

cal por volta das 22h, quando a avenida foi liberada. Segundo integrantes do Movimento Passe Livre, cinco jovens foram detidos durante os confrontos de ontem. A coordenação do movimento marcou um novo ato para amanhã. A concentração se dará em frente ao Teatro Municipal, no centro de São Paulo. Os líderes do movimento garantem que não irão parar os atos até a prefeitura aceitar reduzir o valor da passagem de ônibus. METRO

Policiais militares e moradores de um terreno invadido entraram em confronto na manhã de ontem durante reintegração de posse na avenida do Cursino, na zona sul de São Paulo. Por volta das 6h, moradores da área queimaram objetos e fizeram barricadas na via, para impedir o avanço da polícia. O Corpo de Bombeiros teve que enviar viaturas ao local para controlar o incêndio. A via precisou ficar bloqueada das 6h às 13h, quando foi concluída a reintegração. Por volta das 10h, os policiais usaram bombas de efeito moral, gás lacrimogêneo e balas de borracha para dispersar os moradores, que revidavam atirando pedras. Segundo o capitão Luis Carlos Pardubski, porta-

500

famílias viviam na área, segundo a polícia. De acordo com os moradores, 1,2 mil famílias moravam no local. -voz da operação, o boato de que uma criança havia sido morta pela polícia intensificou a resistência dos moradores. Até as 22h de ontem, não havia informações sobre o número de feridos. O terreno invadido há cerca de um mês tem 60 mil metros quadrados e pertence a uma construtora. Segundo a PM, 500 famílias viviam na área. O número diverge do apresentado pelo moradores, que afirmam que 1,2 mil famílias moravam no local. METRO

Após divergência, Gurgel demite vice-PGR

Gurgel é favorável à suspensão do projeto | VALTER CAMPANATO/ABR

A vice-procuradora-geral da República, Deborah Duprat, foi exonerada do cargo. A decisão foi tomada ontem pelo procurador-geral, Roberto Gurgel, após divergências no entendimento da liminar que suspendeu a tramitação do projeto que restringe o acesso a tempo de televisão e fundo partidário para novos partidos. Substituta de Gurgel na sessão do STF (Supremo FALE COM A REDAÇÃO leitor.bsb@metrojornal.com.br 061/3966-4610 COMERCIAL: 061/3966-4615

O jornal Metro circula em 23 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

Tribunal Federal) que começou a julgar o caso na semana passada, Duprat afirmou que a decisão judicial era uma interferência do Poder Judiciário no Congresso. “Abre um perigoso precedente. Não há nenhuma razão que justifique o controle desse projeto”, afirmou. A posição, no entanto, contraria o parecer expedido por Gurgel, favorável à decisão tomada pelo mi-

nistro Gilmar Mendes. Na avaliação do procurador, a liminar preservaria preceitos constitucionais e garantiria o pluralismo político. Duprat ficou em 3º na lista tríplice encaminhada à presidente Dilma Rousseff para substituir Gurgel na chefia do Ministério Público Federal. Rodrigo Janot e Ela Wiecko completam a relação. O julgamento da liminar será retomado hoje. METRO BRASÍLIA

EXPEDIENTE

Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: 70.145). Editor Chefe: Luiz Rivoiro (MTB 21.162). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Tecnologia e Operações: Luiz Mendes Junior Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso. Metro Brasília. Diretor-editor: Cláudio Humberto. Editor-Executivo: Lourenço Flores (MTB: 8075). Diagramação: Natalia Xavier. Gerente Executivo: Vandler Paiva Grupo Bandeirantes de Comunicação Brasília. Diretor Geral: Flávio Lara Resende.

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: SBS Quadra.02 - Bloco "Q" - Ed. João Carlos Saad - 15º andar. Brasília-DF - Cep: 70070-120. O jornal Metro é impresso na Gráfica Moura.

Duprat alegava que liminar interfere no Congresso | FELLIPE SAMPAIO/STF

Filiado ao


BRASÍLIA, QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013 www.readmetro.com

{BRASIL}

Dilma perde popularidade, mas seria reeleita, diz CNT Pesquisa. Se as eleições fossem hoje, a petista venceria no 1º turno. Otimismo sobre temas sociais e econômicos, entretanto, diminui A presidente Dilma Rousseff teve uma pequena queda de popularidade em junho, mas encontra um cenário favóvel na corrida presidencial em 2014. É o que aponta pesquisa do instituto MDA encomendada pela CNT (Confederação Nacional dos Transportes) e divulgada ontem. A sondagem entrevistou 2 mil pessoas, em 134 municípios, entre 1º e 5 de junho. O índice de avaliação pessoal da presidente caiu para 54,2%, ante os 56,6%, registrados no último levantamento, feito em julho de 2012. Para 42,9% dos entrevistados, Dilma ainda mantém como principal marca a imagem ligada ao ex-presidente Lula. A segunda característica apontada positivamente na pesquisa, por 16,5%, é a imagem de boa administradora, seguida por determinação, com 13,2%. Na comparação com o governo do ex-presidente Lula, 12% consideram que o de Dilma está melhor, contra 29,4% que consideram que está pior. Segundo o levantamento, há uma redução do otimismo em temas das áreas sociais e econômicas. Um terço dos ouvidos afirmou ter uma dívida. A percepção sobre a melhora do emprego caiu de 54,1% para 39,6%; da educação de 47,2% para 33,1% e da segurança públi-

73,1%

dos eleitores declararam que ainda não têm um candidato para votar nas eleições do próximo ano.

Temas

1º CENÁRIO (com a candidatura de Eduardo Campos)

52,8%

A população foi consultada também sobre outros assuntos.

penal. 92,7% - a favor 6,3% - contra 0,9% - não sabe •

17% DILMA ROUSSEFF (PT)

pessoas do mesmo sexo. 37,5% - concordam 54,2% - discordam 8,3% - não sabe

AÉCIO NEVES (PSDB)

12,5% MARINA SILVA (REDE)

3,7% EDUARDO CAMPOS (PSB)

2º CENÁRIO (sem a candidatura de Eduardo Campos)

54,2%

• nos últimos meses. 51,7% - sim 44,3% - não

18%

13,3%

• 36,7% - alto 36,6% - moderado 18,6% - baixo •

DILMA ROUSSEFF (PT)

AÉCIO NEVES (PSDB)

MARINA SILVA (REDE)

Presidente da Caixa terá que se explicar no Senado A Comissão de Fiscalização e Controle aprovou ontem o convite para o presidente da Caixa, Jorge Hereda, explicar as causas do tumulto que levou beneficiários a antecipar os saques do Bolsa Família. A Polícia Federal investiga o caso, mas há suspeita de que a antecipação da liberação do recurso tenha provocado o boato. METRO BRASÍLIA

DILMA ROUSSEFF (PT)

AÉCIO NEVES (PSDB)

58,8% 22,5%

DILMA ROUSSEFF (PT)

MARINA SILVA (REDE)

Presidente do STJ vê ‘equívocos’ nos cálculos de custos O presidente do Superior Tribunal de Justiça, Félix Fischer, afirmou ontem que os governos estaduais deverão ceder as estruturas para baratear os custos de implantação dos tribunais regionais federais do Amazonas, da Bahia, de Minas Gerais e do Paraná, estimado em até R$ 1 bilhão. Os estudos serão apresentados em agosto. METRO BRASÍLIA ‘Cura gay’

EM CASO DE 2º TURNO saúde. 26,2% - vai melhorar 45,5% - vai ficar igual 25,7% - vai piorar.

Boato

Novos tribunais

ca de 39,1% para 29,1%. Eleições A um ano e quatro meses da eleição, o cenário apresentado para Dilma renovar o mandato é bastante positivo, com vitórias sobre os todos os adversários que se apresentam como pré-candidatos. Para o presidente da CNT, senador Clésio Andrade (PMDB-MG), uma eventual mudanca neste cenário tão positivo para Dilma poderia ocorrer caso Aécio Neves (PSDB), Marina Silva (Rede) e Eduardo Campos (PSB) venham a ter mais exposição no país. “Um segundo turno se aproxima muito à medida que os demais candidatos passam a ser mais conhecidos”, diz Andrade. Hoje, Dilma é conhecida por 99,5%, seguida por Marina Silva (75,6%), Aécio Neves (72,6%) e Eduardo Campos (45%) Mantidas as atuais circunstâncias, porém, a presidente Dilma Rousseff sairia vitoriosa, inclusive, na disputa do segundo turno. METRO BRASÍLIA

CORRIDA ELEITORAL

A pesquisa fez simulações para a eleição presidencial de 2014

|03|◊◊

59,7% 20,4%

Pela 5ª vez, votação do projeto é adiada

FONTE: CONFEDERAÇÃO NACIONAL DOS TRANSPORTES/INSTITUTO MDA

• mais confia. Igreja (37,5%), Polícia Federal (13,8%), STF (8,2%), Ministério Público (7,8%), Presidência (7,1%), Senado (0,7%) e Câmara (0,6%).

“É o início de uma queda anunciada. O governo não toma providências eficazes, principalmente na área econômica.”

“Nós estamos seguros com as medidas que estão sendo tomadas, preservando o poder de compra da população.”

JOSÉ AGRIPINO, PRESIDENTE DO DEM

ARLINDO CHINAGLIA (PT), LÍDER DO GOVERNO

A Comissão de Direitos Humanos da Câmara adiou a votação do projeto que autoriza tratamento psicológico para ‘curar’ a homossexualidade. Houve novo bate-boca e uma nova tentativa de votar será feita hoje. METRO BRASÍLIA


|04|

Política

BRASÍLIA, QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013 www.readmetro.com

{BRASIL}

CLÁUDIO HUMBERTO WWW.CLAUDIOHUMBERTO.COM.BR

COM ANA PAULA LEITÃO E TERESA BARROS

GOVERNO MANOBRA PARA EFETIVAR ‘CUMPANHERADA’ O PT bolou um jeito de “efetivar” como servidores a “cumpanherada” que aparelha cargos de confiança desde o início do governo Lula, em 2003. O Edital nº 48, do Ministério do Planejamento, publicado na sexta (7), abre “concurso” curioso, que prevê pontuação alta para quem tem “experiência” e pontuação baixa para nota mínima nas provas escritas – afinal, qualificação não é o forte dos que ocupam esses cargos.

“Devagar com o andor. Isso não corresponde aos fatos” DEPUTADO ARLINDO CHINAGLIA (PT-SP), QUE NÃO VÊ CRISE NA BASE DE APOIO AO GOVERNO

O DÍZIMO AGRADECE O concurso para “Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental”, sob medida, oferecerá R$ 13.400 de salário inicial.

PARA QUE PHD? Qualificação para quê? Candidato com doutorado, mestrado etc. terá de escolher um dos títulos para somar no máximo 50 pontos, no concurso.

Eduardo Paes (PMDB-RJ) | TÂNIA RÊGO/ABR

MILONGUEIRO O prefeito engraçadinho do Rio, Eduardo Paes (PMDB), ameaçou se “matar” se a Argentina vencer a Copa. Antes deveria comungar com o papa Francisco, que chega à cidade em julho e por acaso é argentino.

PULO DO GATO

ESTÁ RUSSO

Cada ano de “experiência” rende 15 pontos em período máximo de 10 anos. A petelhada acumulará 150 pontos, contra 50 de quem tem PhD.

Em visita ao Brasil, o chanceler da Rússia, Serguei Lavrov, tentará convencer Dilma a optar pelos os caças Sukhoi-35 contra os franceses, suecos e americanos, transferindo tecnologia e sistemas antimísseis.

SÓ COINCIDÊNCIA... O Planejamento admite que valoriza em “maior grau” a experiência para contar com pessoas com bagagem profissional. Ah, bom.

DILMA AFAGA OPOSIÇÃO E OFENDE GOVERNO PORTUGUÊS A visita da presidenta a Dilma a Lisboa deixou um rastro de indignação no governo português. A revolta é grande, em razão dos excessivos afagos dela à oposição e pelas atitudes ríspidas em relação aos anfitriões, mas o primeiro-ministro Pedro Passos Coelho (PSD) proibiu assessores de expressá-la. Após herdar o país quebrado sob gestão do Partido Socialista, Coelho se viu obrigado a impor austeridade, para cortar despesas e obter crédito, e enfrenta as conseqüências disso.

INFLUÊNCIA?

MEU GAROTO Com o Rio em destaque no noticiário internacional da bandidagem, um projeto da Assembleia Legislativa concede a medalha Tiradentes a Marco Antônio, filho do governador Sérgio Cabral.

SEM INVESTIMENTO A empresa pública criada pelo governo Tarso Genro não tem recursos para investimentos e manutenção nas estradas que devem retornar ao governo estadual. Vai sobrar para o usuário das estradas gaúchas: a partir de 2014 vão ficar sem ambulância, sem guinchos e com buracos.

CONFRATERNIZAÇÃO Nesta sexta-feira, véspera da abertura da Copa das Confederações, o governador do DF, Agnelo Queiroz (PT), vai oferecer um jantar ao presidente da CBF, José Maria Marin, e a seu vice, Marco Pólo Del Nero. Todos os presidentes de federação estaduais foram convidados.

PODER SEM PUDOR ELEGÂNCIA PRESIDENCIAL

OUTRO LADO O Conselho Nacional do Ministério Público alega que os 4,8 milhões de inquéritos enviados ao MP incluem processos liberados para diligências e que voltaram, contabilizando nova passagem. Em 2011, segundo o CNMP, 1,5 milhão foram enviados à polícia para apuração.

Mário Soares e Dilma Rousseff | ROBERTO STUCKERT FILHO/PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA

Mário Soares saiu de longa reunião com Dilma pregando a queda do governo que tenta consertar os estragos feitos pelo seu partido, o PS.

PRIMEIRA DESFEITA Dilma foi o primeiro presidente brasileiro a quebrar a tradição de iniciar por Portugal suas visitas oficiais na Europa. Antes foi à Alemanha.

DE PIJAMA A presidente da Petrobras, Graça Foster, é a nova aposentada da empresa, acumulando o cargo, mais INSS e proventos da Petros.

SORRY, PERIFERIA Mais de mil “progressistas” de 200 países estão em Canoas (RS) para o Fórum Mundial de Autoridades Locais de Periferia. Lula e o ministro que mentiu aos índios, Gilberto Carvalho (Secretaria Geral), estão entre os “periféricos” debatedores.

PAPAGAIOS O deputado distrital Washington Mesquita (PSD) descobriu o que falta nas cidades do Distrito Federal: “pipódromos” para todos, que o governo deverá bancar com seguranças e campanhas contra o cerol.

PERGUNTA AO OBAMA Dá para descobrir no cipoal da vigilância interplanetária onde está “Rose” Noronha?

O vaidoso Juscelino Kubitschek jamais negligenciava a elegância. Certa vez, num voo do Rio para o canteiro de obras de Brasília, foi despertado pelo aflito ajudante de ordens, em meio a forte turbulência: - Senhor Presidente, estamos em pane e o problema é grave.

JK trocou de roupa com calma, vestindo seu terno. Ajeitava o nó da gravata quando viu a cara de incredulidade do jovem capitão. O presidente sorriu: - O avião pode cair. Não fica bem o corpo do presidente ser encontrado vestindo pijama.


BRASÍLIA, QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013 www.readmetro.com

{BRASÍLIA}

GDF atrasa mais uma vez a entrega do Planetário Sem prazo. ‘Viagem ao espaço’ prometida para junho não se torna realidade e governo agora evita marcar data para fim de reforma Na última vez que um grupo de estudantes pôde observar projeções espaciais no Planetário de Brasília, Plutão não corria o risco de perder o status de planeta. Desde então, são 16 anos de portas fechadas e reformas mal-sucedidas. A última começou em 2008, ainda no governo de José Roberto Arruda, e já consumiu R$ 10 milhões, entre paralisações e pagamentos extras. A atual administração prometeu, no início do ano, que os brasilienses teriam o prédio de volta em junho, com a tecnologia de projeção mais avançada do mundo. Sem conseguir cumprir o prazo mais uma vez, porém, o GDF agora evita marcar uma data e só afirma que entrega a obra em algum momento do segundo semestre.

Apesar de não haver operários à vista atrás dos tapumes que seguem cercando a obra, a Novacap informa que a reforma física ainda não foi concluída. Faltam, por exemplo, as 108 poltronas da sala de projeções. Peças alemãs para modernizar o sistema de projeção também não chegaram no prazo esperado, apesar de já terem sido pagas, segundo a Secretaria de Ciência e Tecnologia. Além disso, falta firmar uma parceria com uma instituição privada para a administração do prédio e contratação de pessoal. Quando concluídas as obras, o Planetário poderá receber 600 visitantes por dia e terá uma biblioteca digital e um auditório. METRO BRASÍLIA

Linha do tempo Em 2014 o Planetário vai completar 40 anos, mas o prédio passou quase metade deste tempo fechado. •

O objetivo das 500 placas brancas instaladas em todo o DF é ajudar turistas a encontrar pontos como o local de hospedagem. Mas uma peça na L4 Norte prestava o serviço contrário, indicando o caminho para o Setor Hoteleiro Norte - enquanto a legenda em inglês registrava o lado sul. A gafe foi compartilhada milhares de vezes em redes sociais e o GDF trocou a placa por outra versão. | REPRODUÇÃO

Hospital de Base ganhará 20 leitos Hoje serão abertos no Hospital de Base 20 novos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) para a recuperação pós-cirurgica de adultos. Os leitos vão atender pacientes de cirurgias de alta complexidade. Atualmente, a unidade conta com 74 leitos de UTI, com ocupação entre 98% e 100%. METRO BRASÍLIA

Festival de cantadas da UnB

h 199 Local é fechado para reformas, mas obras sofrem seguidas paralisações ao longo dos anos seguintes.

Erro de tradução em placa vira hit na internet

Saúde

Dia dos solteiros

19 4 Prédio era um dos mais inovadores da capital e recebia milhares de visitantes.

GDF promete reabertura este ano, mas já evita marcar data exata.

|05|◊◊

Tapumes ainda cercam o local | RICARDO MARQUES/METRO BRASÍLIA

Para quem está solteiro, mas nutre uma paixão platônica, será montado na UnB um palco para que as pessoas manifestem seus sentimentos. O festival premiará as melhores declarações. O evento será promovido pelo DCE (Diretório Central de Estudantes) e começa às 17h30, no ICC Norte. METRO BRASÍLIA


|06|

Na ponta do lápis

MARCOS SILVESTRE MARCOS.SILVESTRE@METROJORNAL.COM.BR

ANDA PRECISANDO ENXUGAR? COM JEITO, A ECONOMIA SAI! Não sobra! Muita gente reclama que não tem dinheiro para investir. Daí, quando surge a necessidade – ou a vontade – de realizar um gasto de maior valor, jamais haverá dinheiro pronto disponível. Amarelo piscante. Imagine uma família que peça por semana duas refeições delivery (pode ser pizza, massas ou comida chinesa, por exemplo) ao valor unitário médio de R$ 50,00 cada refeição. Sendo oito refeições por mês, o gasto mensal ficará em R$ 400,00 (= 8 X R$ 50,00). Digamos que hoje este gasto esteja pesando demasiadamente no orçamento, e assim precise passar por um providencial enxugamento. Enxugandooo! Uma opção inteligente seria trocar as refeições de R$ 50,00 por um valor unitário médio de R$ 40,00. Fazendo uma pesquisa na região onde se mora isto será perfeitamente possível. Pode-se então combinar tal providência com a precaução de fazer um único pedido por semana, ou seja, “apenas” quatro pedidos por mês. Nos outros dias, come-se comida preparada em casa, mesmo, que também tem algum custo, mas bastante inferior. Agindo assim, quanto se economiza? Uma boa grana! Adotando este cuidado de enxugamento, o novo valor da despesa será de R$ 160,00 (= R$ 40,00 X 4 refeições), gerando uma economia mensal de R$ 240,00 (isto é: R$ 400,00 antes – R$ 160,00 depois), e uma economia anual de R$ 2.880,00. Após liberar R$ 240,00 mensais com maior controle dos gastos com comida delivery, será possível aplicar este dinheiro e ganhar juros. Na ponta do lápis. Imaginemos o investimento desta mensalidade na caderneta de poupança, com rendimento mensal de 0,45%. Em 60 meses (cinco anos), a família terá juntado praticamente R$ 16,5 mil. Destes, R$ 14.400,00 (= R$ 240,00 mensais X 60 meses) terão vindo do esforço poupador da própria família (87%), enquanto outros R$ 2.100,00 terão vindo dos juros sobre juros acumulados na caderneta (13%). Este “extra” será resultado do esforço do dinheiro trabalhando pela família. Prêmio. O que pode ser feito com a verba acumulada? Boas destinações para o dinheiro não faltarão. A grana será suficiente para bancar uma maravilhosa viagem ao exterior, por exemplo, com tudo incluso para quatro pessoas: o casal e dois filhos. Esse dinheiro também poderá ser usado para trocar o carro da família por um ainda melhor, sem carnê. Sabe como é: com din-din na mão não faltará “diversão”! Economista com MBA em Finanças (USP), orientador de famílias e educador em empresas, é colunista da BANDNEWS FM e fundador da SOBREDinheiro. Diretor do site www. oplanodavirada.com.br, da EKNOWMIX Consultores Integrados e da TECHIS SA.

Tecnologia. Google compra serviço de mapas Waze O Google venceu a disputa com a Apple e o Facebook pela aquisição Waze. A empresa israelense criou um aplicativo para celulares que captura dados de posicionamento de seus 47 milhões de usuários para formar um mapa com infor-

BRASÍLIA, QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013 www.readmetro.com

{ECONOMIA}

mações, em tempo real, das condições de trânsito. Serviços de mapas estão entre os cinco aplicativos mais usados em smartphones. Segundo o jornal israelense “Globes”, o Google pagou US$ 1,3 bilhão pela Waze. METRO

Bolsa atinge o menor nível desde 2011 Mercados. Ibovespa fechou em queda de 3,01%, aos 49.769 pontos. Mau humor externo contaminou negócios na Bovespa

O nervosismo externo contribuiu para empurrar o principal índice acionário da Bovespa para o menor patamar desde agosto de 2011, diante de temores de que a era de abundantes estímulos monetários no mundo possa estar perto do fim. O Ibovespa caiu 3,0%, a 49.769 pontos, num pregão de giro financeiro de R$ 8,35 bilhões, acima da média diária de 2013, de cerca de R$ 7,7 bilhões. Investidores reagiram mal à decisão do banco central japonês de manter inalterada sua política monetária, frustrando expectativas de novas medidas de estímulo. Uma audiência na Alemanha sobre a legalidade do programa de compra de títulos do Banco Central Europeu, além dos crescentes temores de redução dos estímulos pelo Federal Reserve, BC dos Estados Unidos, também azedaram os mercados. Ainda assim, o tombo na

Ações tiveram queda generalizada ontem | ELISA RODRIGUES/FUTURA PRESS

Bovespa foi mais acentuado que o de Wall Street e das bolsas europeias, por conta das persistentes preocupações com a economia brasileira, segundo o sócio na Zenith Asset Management Guilherme Sand, em Porto Alegre. “O cenário negativo aqui está muito bem definido”, disse à “Reuters”. A queda do Ibovespa foi praticamente generalizada nesta sessão, com a petrolífera OGX sendo a principal

influência negativa, com queda superior a 9%. Na noite de segunda-feira, a companhia informou que o controlador Eike Batista vendeu 70,4 milhões de ações em maio, num total de R$ 121,82 milhões. Em email a clientes, analistas do JPMorgan avaliaram o evento como negativo, “com a venda refletindo uma possível necessidade de caixa pelo acionista controlador”. METRO COM AGÊNCIAS

BC volta a atuar duas vezes e dólar recua 0,55% O dólar fechou em baixa frente ao real ontem, interrompendo sequência de duas altas, num pregão marcado por forte volatilidade e novamente com o Banco Central atuando por duas vezes. O dólar fechou com queda de 0,55%, para R$ 2,1365 na venda, batendo na máxima de R$ 2,1665. As intervenções foram interpretadas por analistas como um sinal de que, embora ainda seja cedo para determinar um novo teto para o dólar, o BC não deve permitir que a moeda norte-americana ultrapasse muito o nível de R$ 2,15. Na segunda-feira, mesmo tendo feito dois leilões no mesmo dia, algo que não acontecia desde o final de 2012, o BC não conseguiu segurar a alta do dólar, de 0,71%. A alta foi mais uma vez impulsionada pelo quadro externo, com dados sinalizando que a economia dos EUA estaria se recuperando. O mercado também trabalhava sob expectativa de que o governo possa zerar o IOF sobre as posições cambiais vendidas líquidas. METRO

R$ 2,13

foi a cotação da moeda americana no encerramento do pregão de ontem. O dólar chegou a atingir R$ 2,16.

Juro do cheque especial supera 200% ao ano

Cesta básica. Câmara aprova texto da MP

As taxas médias de juros cobradas pelos maiores bancos no cheque especial tiveram ligeira alta, passando de 7,92% ao mês, em maio, para 7,93% ao mês em junho, segundo levantamento do Procon. Com o aumento neste mês, a taxa anual cobrada pelos bancos na modalidade ficou próxima de 150%, superando 200% em algumas instituições. O juro médio se mantinha estável desde novembro de 2012. Dos sete bancos pesquisados, dois elevaram os juros no cheque especial. O Bradesco alterou sua taxa de 8,76% ao mês para 8,78% ao mês e o Santander mudou de 9,87% ao mês para 9,95% ao mês. Os demais mantiveram suas taxas de cheque especial inalteradas.

A Câmara dos Deputados aprovou ontem o texto-base da Medida Provisória (MP) 609, que zera a cobrança de PIS/Pasep e Cofins sobre produtos da cesta básica. Junto com ela, foi aprovada uma emenda que recupera o teor da MP 601, que reduz as tarifas de energia no país. O Senado se recusou a apreciá-la porque o texto não chegou com o prazo mínimo de sete dias exigido pela Casa. Além dos produtos da cesta básica já previstos no texto original, o relator Edinho Araújo (PMDB-SP) incluiu outros como pão de forma, frango industrializado, biscoitos, molho de tomate, rações, escovas de dente, fraldas descartáveis, absorventes, suco de frutas, gás de cozinha e sal. METRO

MAIS DE 200% AO ANO Juros do cheque especial

BANCO

MENSAL

SANTANDER

9,95%

HSBC

9,82%

BRADESCO

8,78%

ITAÚ

8,75%

SAFRA

8,25%

BANCO DO BRASIL

5,7%

CAIXA

4,27%

AO ANO

212,14% 207,74% 174,53% 173,62% 158,9% 94,49% 65,16%

FONTE: PROCON-SP

Com a taxa média mensal de 9,95%, corresponde a 212,14% ao ano, o Santander tem o maior juro entre os bancos pesquisados. Uma dívida de R$ 100 chegaria a R$ 312,14 ao final de 12 meses. O consumidor deve ter cautela na hora de fazer em-

préstimos. “Caso seja absolutamente necessário contratar um empréstimo, é preciso analisar as diversas alternativas de crédito disponíveis, priorizando a liquidação de suas dívidas”, diz Cristina Rafael Martinussi, assessora técnica do Procon-SP. METRO


BRASÍLIA, QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013 www.readmetro.com

{MUNDO}

|07|◊◊

YANNIS BEHRAKIS /REUTERS

Forças de segurança usaram jatos d’água para dispersar a multidão

Batalha na praça Taksim Turquia. Polícia lança ofensiva para retirar ativistas, que revidam. Premiê promete novas operações Após mais de dez dias de protestos concentrados na praça Taksim, em Istambul, o governo turco lançou uma ofensiva para retirar os manifestantes do local. Houve confronto com a polícia e dezenas de pessoas ficaram feridas. A operação-surpresa começou no início da manhã de ontem, com a tropa de choque disparando bombas de gás lacrimogêneo e jatos d’água contra a multidão.

Os ativistas revidaram e, na praça, fizeram barricadas e dispararam coquetéis molotov contra os agentes. A ofensiva ocorreu um dia depois de o primeiro-ministro, Recep Tayyip Erdogan, anunciar que se encontraria com os manifestantes. O encontro estava previsto para hoje. Ameaça Em um discurso no parlamento, o premiê -- que venceu as três últimas eleições, mas vem sendo criticado por seu autoritarismo -- exigiu o fim da ocupação da praça. “Peço a todos os ativistas para que entendam o que está acontecendo. Apelo a todos que são sinceros a aban-

donarem o lugar”, disse. “Mas para aqueles que desejam continuar, eu digo: acabou! A partir de agora, não demonstraremos tolerância.” Ele culpou as redes sociais e a imprensa internacional pela crise. No final do dia, centenas de pessoas voltaram à praça Taksim. O governador da província de Istambul disse que a tropa de choque continuará as operações “dia e noite”, até que o local seja esvaziado. Os protestos eclodiram na Turquia no fim do mês passado, depois de uma violenta repressão policial contra manifestantes contrários à derrubada de árvores. METRO MURAD SEZER/REUTERS

YANNIS BEHRAKIS/REUTERS

Homens socorrem ativista ferido no confronto

Manifestantes correm para fugir dos efeitos do gás lacrimogênio MURAD SEZER/REUTERS

Turcos fizeram barricadas com fogo e atiraram pedras contra a polícia

YANNIS BEHRAKIS/REUTERS

Policiais disparam bombas de gás

Grupo de direitos civis processa o governo Obama A ACLU (sigla em inglês para União Americana pelas Liberdades Civis) entrou com uma ação questionando o Prism, o programa do governo que monitora e-mails e ligações telefônicas de cidadãos dos Estados Unidos. Foi a primeira medida legal tomada após o vazamento de informações que revelou o sistema de vigilância. A ACLU contesta a legalidade do programa e pede para que o governo o encerre, apagando todos os registros colhidos até agora. A Booz Allen, empresa de segurança que empregava o delator do Prism, anunciou ontem sua demissão. Edward Snowden, 29, trabalhava há quatro anos como técnico para companhias de TI (Tecnologia da Informação). Antes disso, ele foi agente da CIA (a agência de inteligência dos EUA). Em um vídeo divulgado no último domingo, Snowden disse saber das consequências de sua ação, mas afirmou que não poderia aceitar “a máquina de vigilância maciça” construída pelo governo americano. O caso abalou também grandes empresas de tecnologia. Ontem, o Google publicou, em seu blog oficial, uma carta enviada ao procurador-geral americano, Eric Holder, e ao diretor do FBI, Robert Mueller, em que pede a divulgação de todos os números relativos aos pedidos de segurança nacional feitos à empresa. A companhia garante que não compactua-

Aviso na casa do pai e da madrasta de Snowden, na Pensilvânia | MARK MAKELA/REUTERS

va com a vigilância. Asilo político O paradeiro de Snowden, que estava em Hong Kong até segunda-feira, ainda é desconhecido. Autoridades russas cogitaram a possibilidade de o país dar asilo político ao jovem. O presidente da Comissão das Relações Exteriores da Duma (a Câmara bai-

xa do parlamento), Alexei Pushkov, disse que tal decisão provocaria “histeria” nos EUA. Em entrevista à CNN, o fundador do WikiLeaks, Julian Assange, sugeriu que Snowden busque refúgio na América Latina. “Nos últimos 10 anos, a região está avançando no que diz respeito aos direitos humanos.” METRO


2

|08|

{CULTURA}

CULTURA

BRASÍLIA, QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013 www.readmetro.com

ÓPERA para (quase) todos Festival de Ópera de Brasília. Com espetáculos ‘Carmen’ e ‘Olga’, evento chega à terceira edição. Ingressos, neste ano, serão pagos O muito cobiçado Festival de Ópera de Brasília começa hoje. Desta vez, porém, os interessados terão que desembolsar R$ 30 para assistir aos espetáculos. Segundo a organização, a cobrança visa evitar a tradicional confusão à porta do Teatro Nacional, em que muitos eram os que ficavam de fora, e também muitos os que não apreciavam o show e o largavam pela metade. Assim, espera-se, comporão a plateia aqueles verdadeiramente interessados em ópera. Os R$ 30 estão abaixo do preço normal de bilheteria em espetáculos do tipo, mas podem ser um obstáculo para o público de baixa renda. A organização discorda. “Hoje, R$ 30 é o preço da entrada do cinema. Não é um valor pesado para um orçamento programado”, argumenta Alan Moreira, produtor do evento. “Quando se observa que há três meses de preparação e 300 profissionais envolvidos, não é um preço alto.” Em 2012, conforme revelado pelo Metro, a Secretaria de Cultura do DF teve dificuldades em pagar o elenco do festival e músicos da orquestra. A secretaria, porém, nega que a decisão tenha sido motivada pelos problemas das edições passadas, apesar de admitir que o valor da bilheteria será integralmente revertido para a realização do evento. Segundo Moreira, a cobrança

Fábio Miranda

Excelência na viola caipira

Carioca radicado em Brasília, o violeiro Fábio Miranda embolsou o Prêmio Rozini de Excelência da Viola Caipira 2013, concedido pelo Instituto Brasileiro de Viola Caipira (IBVC), na categoria “Melhor Letrista”. A premiação será realizada em São Paulo (SP), no próximo dia 17, às 20h, no Memorial da América Latina. Ópera “Carmen” está na programação deste ano | RICARDO MARQUES/METRO BRASÍLIA

não afetou o entusiasmo do público e algumas sessões têm ingressos quase esgotados. Interessados podem comprar ingressos na bilheteria e pelo ingresso.com. Espetáculos Na programação estão os espetáculos “Carmen” e “Olga, em 11 apresentações, além duas sessões de um concerto em homenagem a Richard Wagner e Giuseppe Verdi. Os ensaios de “Carmen” com figurino, que ocorreram no decorrer desta semana, foram de dar água na boca. A soprano croata Biljana Kovac e a brasileira Janete Dornellas se revezam no papel central. Figurinos e cenários estão caprichados. William Pereira, que assina as duas cenografias, tentou fugir do aspecto de cartão postal espanhol em “Carmem”. “Estou interessado em uma espanha dramática, já que a ópera se passa durante a Guerra Civil Espanhola”, afirma. “Já em ‘Olga’ apostamos em uma mistura com o cinema, com projeções, tipo de espetáculo nunca visto em Brasília.” De hoje a 17 de julho. Na Sala VillaLobos do Teatro Nacional, sempre às 20 horas. Ingressos a R$ 30 (inteira).

NANA QUEIROZ METRO BRASÍLIA


BRASÍLIA, QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013 www.readmetro.com

{CULTURA}

Black Sabbath de volta

|09|◊◊

aos bons e velhos anos 1970 Lançamento. Ozzy Osbourne reassume vocais após 35 anos, no nostálgico e agressivo ‘13’

O Black Sabbath lançou ontem o tão aguardado disco “13”, o 19º da carreira do grupo. É o primeiro álbum a reunir o trio Ozzy Osbourne, Tony Iommi e Geezer Butler desde “Never Say Die!”, de 1978. Três vocalistas e 35 anos depois, ter Osbourne como a voz principal já é um alento e tanto. Sem a participação do baterista original, Bill Ward, devido a problemas de saúde e desavenças contratuais, o trio convocou Brad Wilk (Rage Against The Machine e Audioslave) para, juntos, apresentarem logo de cara um Sabbath poderoso. “The End of the Beginning” abre o álbum com o peso da guitarra de Iommi e as lembranças dos primeiros e mais marcantes discos. Os vocais de Ozzy estão assustadoramente firmes, o oposto do que se escuta do mesmo cara em entrevistas e aparições esporádicas. Seriam as mãos mágicas do produtor Rick Rubin na edi-

“13” BLACK SABBATH UNIVERSAL R$ 30 Butler, Ozzy e Iommi, juntos novamente após 35 anos | DIVULGAÇÃO

ção final dos trabalhos? Rubin foi fundamental neste retorno. Após insistir durante anos, o processo se tornou definitivo em 2011. Com sua experiência, ele conseguiu capturar a essência do Sabbath em “13”.

“God Is Dead?” foi o primeiro single. Longo, mostra o tradicional lado sombrio do quarteto, mas sem a mesma evidência de “Damaged Soul”. A faixa é autenticamente inspirada nas composições da década de

1970, seja pelos riffs em tom de blues de Iommi seja – mais uma vez – pela bem trabalhada voz de Ozzy. O final, com “Dear Father”, mantém os graves na medida exata para o que se espera da ban-

CRISTINA GRANATO/ DIVULGAÇÃO

ARLINDO CRUZ Sambista promete sacudir os torcedores em apresentação na Copa das Confederações

Arlindo Cruz já conquistou o Brasil com seu samba poético. Agora, o compositor de músicas como “Meu Lugar” e “Meu nome é favela” se prepara para cativar fãs em todo o planeta. O cantor será uma das atrações musicais da Copa das Confederações. Em entrevista exclusiva ao Metro, o artista relembra momentos de sua carreira e valoriza o intercâmbio entre as gerações do gênero.

A música “Meu lugar” pode ser considerada um marco? Foi com essa música que eu fiquei mais conhecido como cantor. Hoje, o meu lugar é o Rio de Janeiro, o Brasil e Madureira, principalmente. Esse bairro continua presente nas suas músicas mais recentes, como em “Meu Nome é Favela”. Madureira está sempre nas

composições. Apesar de eu nunca ter morado lá, eu tenho muitas memórias de quando meu tio morou lá. É só fechar os olhos que as ideias para as músicas vêm. Recentemente, Zeca Pagodinho fez um uma homenagem aos músicos que o inspiraram. Você pensa em fazer algo parecido? Zeca é mais intérprete. Eu, apesar de gostar muito de cantar, prefiro compor. Componho três sambas por semana, enquanto faço uns

dois shows. Por isso, essa ideia não é tão forte. Pensa em partir para o mercado internacional? O samba me deu muita coisa. Além da música da Olimpíada, vou participar da Copa das Confederações com artistas ótimos, como a Ivete Sangalo e o Skank. Não posso adiantar muita coisa, porque estamos ensaiando ainda e não sabemos exatamente como será. Posso avisar que o couro vai comer! METRO RIO

da. Aliado a isso, os segundos derradeiros trazem o mesmo som da chuva, de trovões e de um sino de igreja que abrem “Black Sabbath” (1970). Nostalgia é o que não falta. E ela poderá ser vis-

ta ao vivo, em 11 de outubro deste ano, no show do quarteto no Campo de Marte, em São Paulo. PAULO BORGIA METRO SÃO PAULO


|10|

BRASÍLIA, QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013 www.readmetro.com

{VARIEDADES}

Drone vira garçom em Londres

Os invasores

Estacionamento

Cruzadas

Inovação. Restaurante inglês troca atendente por uma bandeja voadora Para surpreender a clientela e passar à frente da concorrência vale tudo em tempos de inovações tecnológicas. O que você acharia se seu pedido chegasse voando à sua mesa? Pois isso já é possível. Em vez dos tradicionais garçons servirem a comida, o Yo Sushi, uma rede de restaurantes em Londres, chama atenção dos clientes ao servir a comida com o auxílio de um drone, neste caso, um helicóptero em miniatura guiado por controle-remoto. E você encararia a novidade ou sairia correndo com medo de um ataque alienígena? Na capital inglesa, a bandeja voadora, que ainda está

Leitor fala

Ontem me deparei com uma situação absurda. Meu carro tinha sido todo trancado não por apenas um, mas por três outros. Parei em uma vaga de baliza e ao sair lá estavam os veículos - inclusive o que estava paralelo a mim havia puxado o freio de mão. Mesmo que deixem o carro solto, é uma falta de respeito. Tive de me desdobrar para encontrar um espaço para sair, uma manobra que nem sei como consegui fazer sem arranhar o carro. Baita falta de senso. MARIA INÊS AGUIAR - ASA SUL (DF)

Uma hora de atraso Gostaria de parabenizar o Metro pelas reportagens, gosto muito do formato. Além disso, gostaria de denunciar o descaso da empresa de ônibus Planeta, Linha 252.1, que faz o trecho Asa Norte-Santa Maria. No último domingo cheguei na parada no Sudoeste às 21h25, sendo que deveria ter um ônibus às 22h e outro às 23h. Esperei até às 23h30 e não passou nenhum dos dois. É uma falta de respeito com o usuário. Onde está o DFTrans? O usuário é quem fica prejudicado, sempre!

em fase de testes, parece ter agradado os frequentadores ouvidos pelo jornal inglês “The Guardian”. Eles aceitaram a proposta porque o objeto chama atenção e desperta a curiosidade dos clientes de serem servidos por uma uma bandeja tecnológica. A questão é garantir que o drone não atropele ninguém, claro. Testes A invenção ainda não consegue carregar peso excessivo ou o equivalente a uma refeição completa com bebida de uma só vez, mas para o CEO da marca, Robin Rowland, o importante é ousar e romper barreiras sempre. METRO

DONIZETE REIS - SANTA MARIA (DF)

Metro Pergunta

GDF promete 100% Siga o Metro de coleta seletiva no Twitter: @jornal_metrobsb ainda neste ano. Você pretende já começar a separar seu lixo? Sudoku

@zondabez

Separo faz tempo. Se implementarem mesmo, já chega tarde. @BarbosaLais_

Pretendo começar só depois que o GDF começar a coleta, porque aí sim vou saber que a minha separação está valendo a pena. @lbmenezes

Eu já separo. O problema é que ainda no meu prédio os lixos são misturados.

Metro web Para falar com a redação:

leitor.bsb@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

Drone serve os pedidos em restaurante londrino | NEIL HALL/REUTERS

Horóscopo

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Bom momento para pesquisas financeiras, para lidar com seguros e a recuperação de algum negócio. Período para exercitar a espiritualidade e fortalecer emoções.

O envolvimento com assuntos familiares tende a ser mais intenso. O diálogo será fundamental para esclarecer mal entendidos e para identificar pensamentos das pessoas.

Bom momento para refletir sobre seu ritmo e o quanto tem obtido reciprocidade na dedicação que tem por outras pessoas. Período para colocar limites em sacrifícios.

Influência que recomenda atenção com as finanças e assuntos materiais. Cuide para não se expressar de maneira extrema ou exigir demais de quem mais tem vínculo afetivo.

A dedicação a novos conhecimentos tomará mais o seu tempo. Investigar informações será essencial no trabalho para agir com mais ciência das coisas corretas a fazer.

Mudanças em algumas convivências que têm em grupo e diante de amizades. Momento especial para consolidar o rumo de sociedades em negócios.

Período para uma disciplina maior com assuntos do trabalho, especialmente por novos projetos. Não deixe responsabilidades do cotidiano afastarem bons momentos.

O momento recomenda atenção para não se comportar com posturas extremas ou mesmo perder a diplomacia diante das relações. Período para se repensar.

O trabalho aponta boas tendências para adquirir novos conhecimentos e para estabelecer contatos que auxiliem em desafios. Não tome decisões sem ponderações.

Mudanças na maneira de lidar com suas relações. Seus pensamentos e impressões sobre algumas pessoas estarão diferentes. A vida amorosa recomenda conversas e diversões.

Influência importante para se dedicar aos projetos a longo prazo, inclusive na vida amorosa. Bom momento para definir responsabilidades e assumir sentimentos.

Consolidação de metas que há tempos desejava. Momento para contatos à distância e viagens, seja a trabalho ou a lazer. Na vida amorosa, momento para levar interesses a sério.


BRASÍLIA, QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013 www.readmetro.com

{CULTURA}

|11|◊◊

Games do futuro

Novos consoles Xbox One e PlayStation 4, exibido na segunda, dominam as atenções na E3, maior feira do gênero do mundo, que está rolando em Los Angeles, nos EUA. Evento promete ainda dezenas de lançamentos de jogos superaguardados. Conheça as novidades que chegam em breve às prateleiras

Messi segue como destaque no “Fifa” | DIVULGAÇÃO

2

METRO SÃO PAULO

Xbox One e PlayStation 4

Mario é uma das estrelas

5 ‘Call of Duty: Ghosts’

4 3 6 1 ‘Pro Evolution Soccer’ e ‘Fifa’

Algumas empresas fizeram apresentações para jornalistas. Uma delas foi a EA, que mostrou o novo “Fifa”, com uma atualização de inteligência artificial que promete aprimorar ainda mais o realismo do jogo. Já o “PES 2014”, da Konami, tenta reconquistar o público com um novo processador. METRO

A Microsoft também já apresentou seu mais novo xodó, o Xbox One. O novo console terá lançamento mundial em novembro e custará US$ 499 (o preço no Brasil ainda é incerto). O PS4 da Sony, por sua vez, chega no fim do ano, por US$ 400. Ao contrário do Xbox, o console comportará jogos usados. METRO

O novo Xbox One

| DIVULGAÇÃO

| DIVULGAÇÃO

Você terá 1,2 mil motivos para acelerar | DIVULGAÇÃO

‘Gran Turismo 6’

O Playstation 3 ainda tem espaço na E3, em jogos como esse, que promete gráficos ainda melhores, 33 circuitos e 1,2 mil carros novos. O lançamento está marcado para o final do ano, no Circuito de Silverstone, no Reino Unido. METRO

‘Super Smash Bros. 4’

Uma das séries da Nintendo mais queridas do público sairá para Wii U e o portátil 3DS. Entram na disputa os personagens Mario, Luigi, Peach e Toad, que têm novas habilidades especiais, como a possibilidade de se transformar em gatos, escalar paredes e atacar inimigos com suas garras superafiadas. METRO

A Actvision divulgou no último domingo cenas do game, que será apresentado oficialmente dentro da E3. Nesta edição do jogo de tiro, uma equipe de elite enfrenta batalhas após um ataque devastador das forças armadas dos Estados Unidos. Entre as novidades, há até um cachorro, Rilley, escalado para ajudar nas táticas. METRO

Jogo tem equipe de elite | DIVULGAÇÃO

Jogo mostra uma guerra ao terrorismo | DIVULGAÇÃO

‘Battlefield 4’

O game também foi apresentado na prévia de segunda da Microsoft. Entre suas novidades, está o mecanismo Frostbite 3, que amplia o potencial gráfico do jogo. Foram também apresentados o modo multiplayer e o modo on-line do jogo. METRO


3

|12|

BRASÍLIA, QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013 www.readmetro.com

{ESPORTE}

Tricolores miram o G-4 Campeonato Brasileiro. Em Porto Alegre, Grêmio e São Paulo tentam retornar ao grupo dos quatro melhores do torneio antes de sua paralisação. Mesmo fora de casa, clube paulista terá formação ofensiva, com três atacantes CLASSIFICAÇÃO SÉRIE A

ESPORTE

P V GP SG

Kleber está confirmado no ataque gremista | LUCAS UEBEL/GRÊMIO F.B.P.A

GRÊMIO Dida; Pará, Werley, Bressan e Alex Telles; Adriano, Souza, Zé Roberto e Guilherme Biteco (Elano); Kleber e Barcos Técnico: Vanderlei Luxemburgo

SÃO PAULO Rogério Ceni; Douglas, Lúcio, Paulo Miranda e Juan; Denilson, Rodrigo Caio e Paulo Henrique Ganso; Aloísio, Luis Fabiano e Osvaldo. Técnico: Ney Franco • • •

Arena do Grêmio 22h Band News FM e Bandeirantes

Com sete pontos ganhos, Grêmio e São Paulo se enfrentam hoje, às 22h, em Porto Alegre, para buscar uma vaga entre os quatro melhores do Brasileirão. No clube gaúcho, Guilherme Biteco pode ser a novidade na vaga de Elano, enquanto Kleber – mesmo ainda tentando recuperar a forma física – foi confirmado no ataque. Já o São Paulo promete ir para cima do rival, com um esquema ofensivo, utilizando três atacantes. Além de Luis Fabiano e Osvaldo, Aloísio também irá compor o setor. “Quero jogar, não importa

Aloísio ganhou a vaga de Maicon | RAFAEL NEDDERMEYER/FOTOARENA

em qual posição. De centroavante ou aberto, tanto faz”, confessou Aloísio. O duelo contra o Grêmio pode ser o último de Luis Fabiano pelo São Paulo, que recebeu boas ofertas de Galatasaray-TUR (R$ 12,7 mi) e Olympiakos-GRE (R$ 14 mi). Riveros é apresentado O volante Cristian Riveros, ex-Kayserispor-TUR, foi apresentado ontem na Arena do Grêmio. O paraguaio chega para ser titular do setor que deverá sofrer a perda de Fernando, convocado para a Copa das Confederações e assediado por clubes europeus. METRO

Santos aposta na Vila para acabar com jejum

Sebastian Vettel

Parceria renovada 1 2015 2014

Depois de perder o craque Neymar e o técnico Muricy Ramalho, o Santos passa por uma espécie de inferno astral: não vence há sete jogos e, de quebra, amarga a lanterna do Campeonato Brasileiro com apenas dois pontos ganhos. Hoje, às 19h30, o Peixe aposta na força da Vila Belmiro para vencer o Atlético-MG, que também não vive bom momento no torneio nacional. Jogando em seus domínios, o Peixe não sabe o que é perder desde 29 de agosto de 2012. Desde então, foram sete vitórias e cinco empates. “Contamos com o fator positivo de o time estar há muito tempo sem perder na Vila. Isso equilibra um pouco as coisas e traz um ânimo extra para o grupo”, afirmou o experiente lateral-esquerdo Léo.

Léo prega reação imediata do Peixe

Já o Atlético-MG quer evitar a zona de rebaixamento a todo custo – o time é o 16º, com 4 pontos, a mesma pontuação do Náutico, o 17º. Para o duelo, Cuca não poderá contar com cinco titulares: Réver, Leonardo Silva, Bernard, Jô e Diego Tardelli. METRO

| LUIZ FERNANDO MENEZES/FOTOARENA

SANTOS • •

ATLÉTICO-MG Vila Belmiro 19h30

Retrospecto SÃO 55 JOGOS NO BRASILEIRÃO

36%

DE VITÓRIAS DO GRÊMIO

1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º 11º 12º 13º 14º 15º 16º 17º 18º 19º 20º

CORITIBA VITÓRIA BOTAFOGO FLUMINENSE CRUZEIRO BAHIA SÃO PAULO GRÊMIO VASCO CRICIÚMA INTERNACIONAL CORINTHIANS FLAMENGO ATLÉTICO-PR GOIÁS ATLÉTICO-MG NÁUTICO PONTE PRETA PORTUGUESA SANTOS

11 10 10 9 8 8 7 7 7 6 6 6 5 5 5 4 4 3 3 2

3 3 3 3 2 2 2 2 2 2 1 1 1 1 1 1 1 1 0 0

6 10 8 8 11 6 7 4 5 6 8 3 5 11 4 3 3 5 3 3

3 5 3 4 5 0 5 1 -3 -4 1 0 0 -1 -5 -1 -5 -4 -1 -3

Classificados para a Libertadores Rebaixados para a Série B

4 gols 28%

DE EMPATES

36%

DE VITÓRIAS DO SÃO PAULO

tem o atacante Fernandão, do Bahia, artilheiro do Campeonato Brasileiro. Maxi Biancucci (Vitória), Ederson (Atlético-PR), Deivid (Coritiba) e William (Ponte Preta) somam três.

No Canindé. Flu encara a Lusa e pode virar líder Desfalcado e com uma equipe muito diferente da que deve jogar o restante do Campeonato Brasileiro, o Fluminense enfrenta a Portuguesa, às 22h, no Canindé, em partida válida pela 2ª rodada – o jogo foi adiado porque o tricolor estava disputando a Libertadores na época. Se vencer a Lusa, o tricolor garante a primeira colocação na tabela, de forma isolada, com 12 pontos. Atualmente o time é o 4º, com 9 pontos, dois a menos que o líder Coritiba. Já a Portuguesa busca a sua primeira vitória. A única dúvida do técnico Abel Braga é se escala Biro Biro ou Denílson no lugar de Rhayner, que levou cartão vermelho na vitória por 2 a 1 sobre o Goiás, na última rodada. Um dos dois fará dupla de ataque com Rafael Sobis. METRO RIO

Time de Abel Braga jogará desfalcado | ROSSANA FRAGA/PHOTOCAMERA

PORTUGUESA • •

FLUMINENSE

Canindé 22h


BRASÍLIA, QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013 www.readmetro.com

{ESPORTE}

Festa na Esplanada vai custar R$ 5 mi Copa das Confederações. ‘Brasília joga junto’ terá apresentações de artistas e contará com nove telões de alta definição. São esperadas 200 mil pessoas no dia do evento A festa de abertura da Copa das Confederações, “Brasília joga junto”, custará R$ 5 milhões ao GDF. O evento contará com shows e a transmissão da partida entre Brasil e Japão em nove telões de alta definição montados na Esplanada dos Ministérios. O público é estimado em aproximadamente 200 mil pessoas. Do valor total, R$ 667 mil são destinados ao pagamento do cachê dos artistas Gusttavo Lima, Revelação e Asa de Águia, principais atrações da festa. Mil e quinhentos policiais farão a segurança da festa. As pessoas passarão por uma revista antes de entrarem na área cercada, que também será observada por cinco torres de monitoramento da Polícia Militar. Já os serviços de saúde contarão com quatro unidades do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) antes do jogo – o número aumentará para dez com o fim da partida – e seis ambulâncias particulares. Seis praças de alimentação serão montadas na Esplanada, além de 480 banheiros químicos. Os turistas terão sete pontos de atendimento espalhados no local. O acesso dos carros ao local estará restrito e a circulação das seis faixas da Esplanada será interrompida – os estacionamentos, no entanto, serão liberados. Os ônibus terão acesso à Rodoviária, enquanto o Metrô ficará aberto até a 1h. METRO BRASÍLIA

|13|◊◊

Seleção. Brasil volta aos trabalhos e treina com bola Cafusa pela 1ª vez Depois de um dia e meio de folga, a Seleção Brasileira retomou ontem os treinos de preparação para a Copa das Confederações. De volta a Goiânia, o time do técnico Luiz Felipe Scolari trabalhou no CT do Goiás. Os goleiros Julio César, Diego Cavalieri e Jefferson fizeram uma atividade à parte, enquanto os titulares correram ao redor do campo – só Fred e Thiago Silva foram preservados. Já os reservas, comandados pelo auxiliar-técnico Flávio Murtosa, realizaram uma atividade de dois toques. A grande novidade, no entanto, foi a presença da Cafusa, bola da Copa das Confederações, que ainda não havia sido utilizada nos treinamen-

tos da equipe brasileira. A delegação nacional segue na tarde de hoje para Brasília, palco da estreia na Copa das Confederações, contra o Japão, no sábado. Morde e assopra Pelé não está satisfeito com a atual safra de jogadores brasileiros, mas espera que a Seleção tenha apoio da torcida na Copa das Confederações. “Entendo que estamos em uma safra não muito boa, mas dá para recuperar na Copa do Mundo, ainda tem um ano de preparação. Estamos em formação, temos um torneio de 15 dias. Mesmo que as coisas não saiam bem, é apenas uma preparação para a Copa do Mundo”, disse. METRO

Esplanada será tomada pelos brasilienses | RICARDO MARQUES/METRO BRASÍLIA

“Vamos receber o povo japonês de forma hospitaleira. É um povo que viaja muito e gasta muito nas viagens.” AGNELO QUEIROZ, GOVERNADOR

R$ 5 mi

é o gasto do GDF com a festa “Brasília joga junto”, incluindo as apresentações artísticas e a estrutura montada.

A programação Confira os horários e os artistas que se apresentarão na Esplanada dos Ministérios, das 13h às 23h: • 13h - Tambores japoneses • 14h - Gusttavo Lima • 15h30 - Cerimônia de abertura pré-jogo

Jadson participa do treino com os reservas | JEFFERSON BERNARDES/VIPCOMM

Fuá de Terreiro / 2 trios elétricos sairão da Torre de TV em direção à Esplanada dos Minisérios, com os artistas locais Obará, Ile Axe Oya Bagan, Mambembricante, Banda Imagem, Boi do Seu Teodoro e Pé de Cerrado.

• 16h - Jogo Brasil x Japão

• 19h - Revelação (gravação de DVD ao vivo)

• 18h - Seu Estrelo e

• 21h - Asa de Águia

E a Itália ‘conseguiu’ O último teste da Itália antes da estreia na Copa das Confederações terminou com um resultado histórico em São Januário, mas para o Haiti, que empatou em 2 a 2 com a Azurra. Os italianos ainda ouviram “olé” dos 3.257 torcedores presentes. | CELSO PUPO/FOTOARENA

Nem mesmo Balotelli conseguiu garantir a vitória


|14|

BRASÍLIA, QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013 www.readmetro.com

{ESPORTE}

UM ANO PARA ARRUMAR A CASA A um ano da Copa do Mundo, o Brasil ainda corre contra o relógio para arrumar não apenas a Seleção, mas também a casa. Dos 12 estádios do Mundial, seis ainda não estão prontos. O prazo dado pela Fifa acaba em dezembro. Aeroportos, sistemas de transporte, sinalização nas cidades e infraestrutura hoteleira também deixam a desejar. Para a entidade, os atrasos podem acarretar em problemas nos eventos-teste, que prejudicariam a excelência do torneio. Ou, nas palavras de Jérôme Valcke, secretário-geral da Fifa: “Cumprir o prazo seria o cenário perfeito”. Já Aldo Rebelo, ministro do Esporte, mostra tranquilidade, com a certeza de que “100% dos estádios ficarão prontos.” E mais, garantiu que os aeroportos terão “quase o dobro da capacidade da demanda projetada para 2014”. É esperar para ver. E o torcedor? Esse anda desconfiado. E com razão. No último ranking da Fifa, de 6 de junho, o Brasil ocupava a inexpressiva 22ª posição. A vitória sobre a França por 3 a 0 em Porto Alegre derrubou um jejum de quase quatro anos sem vencer um campeão mundial e aliviou, em parte, a pressão sobre a equipe de Luiz Felipe Scolari. É pouco. O treinador do penta de 2002 ainda precisa mostrar que sua equipe tem um padrão de jogo eficiente. A partida contra o Japão na abertura da Copa das Confederações no sábado vai revelar se o avanço apresentado contra os franceses tende a ser sustentável ou não. Nada, porém, que ofusque o otimismo do governo federal. “Não vamos deixar que ninguém tire este título das mãos do Brasil. Já bastou 1950”, afirmou o ministro.

Prós Contras

Segurança

Prós e Contras Cobertura já começou a ser montada

R

A AMAZÔ N EN I

Park (em stais: Beach Cartões-po tro Dragão do Mar n Aquiraz), Ce ra e Praia do Futuro u lt Cu e e de Art

TELÃO CAS

A

A

Estádio é o mais atrasado dos 12 da Copa do Mundo

A novidade no Brasil em termos de segurança vem de cima. O céu será patrulhado por drones – veículos aéreos não tripulados. Ao todo, serão R$ 1,8 bilhão de investimento para a segurança do Mundial e capacitação de policiais e bombeiros

Prós e Contras 4

37

3 km

Assim como o Maracanã, entorno passa por obras

84

4.

2.69

a(

:6

l

AN

ez

Sta

de - C a p a ci d a % tu s d a ob r a : 1 0 0 C E)

2.3

72

É GARRINCH

06

ia

síl

o ais: Congress Cartões-post to e al an Pl do o ci Nacional, Palá ropolitana Catedral Met

0.

B ra

4

875 km 7 (D e: F) C a p a c id a d Sta % tu s d a ob r a : 1 0 0

Prós e Contras Foi bem avaliado no evento-teste. Vai abrir a Copa das Confederações

8 1.32 AN NA P TANA

b

METRO SÃO PAULO

T) -

Prós e Contras Vencedor da licitação do estádio terá de cobrar valores baixos para os clubes locais

km

4 e: id ad C c a a p Sta t us d 7% a o bra: 6 (M

2.

ia

96

8

Cu

á

km

Arena precisa acelerar obras para ser entregue em dezembro

853

A

RE

L

Foi o estádio mais caro. E, na abertura, faltou água quente nos vestiários

WILSON DELL’ISOLA MATHEUS ADAMI Cartões-postais: Parque Naciona Pantanal, l da Chapada dos Guimarães e Museu Rondon

Fortaleza Natal São Lourenço da Mata

BEI

Salvador

9 eg

Al

Porto Alegre

Paralisação das obras tirou a cidade da Copa das Confederações

to

Rio de o São Paulo Janeir

Prós e Contras Identidade do estádio será preservada mesmo com a cobertura P or

Curitiba

Belo Horizonte

.8 4

Brasília

RA-RIO

Cartões-postais: Laçador, Usina Estátua do do Gasô e Mercado Públ metro ico

48

Manaus

Cuiabá

km

A

M

M) -

ta

:4 de id a c C a a p Sta t us d 2% a ob ra: 6 (A

6

For

na

us

2.

Ma

Cartões-po stais: Teat Amazonas, Praia da Po ro nta Negra e Ponte Rio Negro

Primeiro estádio a ser entregue

e ad ) - C apacid St a 1% tu s d a o bra: 7 re

(R S

:


BRASÍLIA, QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013 www.readmetro.com

{{ESPORTE} ESPORTE}} ESPORTE

||15|◊◊ |14|◊◊ 15|◊◊ 15 |◊◊

DAS DU NA NA

AR

RNAM

BU

4 4 .2

o

NT FO

Parte da cobertura se rompeu logo depois da inauguração

E NOVA

id da ac Ma ta (PE) - C ap Sta % tu s d a ob r a : 1 0 0

2.1

km

do

va

6 1.45

S al

m

k 8 2

74 7

ç

Em visita da Fifa, ar-condicionado não foi suficiente para atenuar o calor

Primeira arena a ter os “naming rights” negociados, com a Itaipava

e:

ren

Obra está em ritmo acelerado e deve ser entregue no cronograma

Prós e Contras

48

Sã o L o u

Prós e Contras

2.325 km

A PE EN

CO

Cartões-postais: Praia de Genipabu (em Extremoz), Pórtico dos Reis Magos e Morro do Careca

Distância do centro de Recife dificulta o acesso

8.

.0

ta

42 e: )-C a p a ci d a d St a 1% tu s d a o bra: 7 RN

Estádio tem boas áreas de circulação interna, o que evita aglomerações

Cartões-p ost Viagem, ais: Praia de Boa Inst Brennand ituto Ricardo e Marco Zero

86

Na

l(

Prós e Contras

ad

RE

S

A

Corre, Brasil! Time sob desconfiança e atrasos na infraestrutura marcam o dia 12 de junho, a exatos 365 dias para o início da Copa do Mundo

r( :4 B A) de - C a p a ci d a Sta % tu s d a ob r a : 1 0 0

O PONTO DE

PARTIDA

MA

RACANÃ

a, Lacerd vador arra le E : is B a s-post rol da Cartõe urinho e Fa Pelo

De São Paulo, onde o Mundial começa, confira 04

6. 8

:7

Cristo Cartões-postais: o do Pão de Redentor, Bondinh drigo de Freitas Açúcar e Lagoa Ro

IA

491.1

2 km

80

5.

Entorno do estádio ainda passa por obras

M IN

EIRÃO

A

DA BAIX AD NA A

RE

rit

45

6

Cu

Cartões-postais: Ópera de Arame, Jardim Botânico e Parque Barigui

1.

i

:4 de id a c C a ap Sta % tu s d a ob ra: 6 8 (P

R) -

Prós e Contras

Deve ficar 100% pronta apenas no início de 2014

.5 4

62

d nt id a e (B H) - C a pac Sta % tu s d a ob r a : 1 0 0

Por atrasos anteriores, Fifa ameaçou tirar do estádio a abertura do Mundial

Cobertura começou a ser instalada recentemente

ba

zo

ri

Cartões-postais: Masp, Parque Ibirapu era Mercado Munici e pal

Palco de abertura, é o mais adiantado das arenas em obras

Ho

Prós e Contras

7

B e lo

339 km

S P)

e:

Pa

:6 de - C a p a c id a Sta % t us d a o bra: 7 8 o(

Estádio será palco da decisão do Mundial

ir o ( R J) - C a p a ci d a Sta % tu s d a ob r a : 1 0 0

7

S ão ul

Prós e Contras

de

Ja

AR

de

RINTH

ne

NS

A CO EN

358 km

R io

as distâncias entre as sedes

Cartões-postais: Conjunto Arquitetônico da Pampulha, Praç a da Liberdade e Mercado Centra l

Bebida O comércio de cerveja nos estádios brasileiros é proibida desde 2003. Mas, por conta do patrocínio da Budweiser à Fifa, a bebida será vendida na Copa. “A bebida é parte do Mundial. Isso a gente não negocia.” disse o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke

Prós e Contras Já recebeu jogos e shows desde a reabertura Teve problemas com goteiras no primeiro jogo sob chuva



20130612_br_brasilia