Page 1

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, garantia de manejo florestal responsável, e com tinta ecológica elaborada com matérias-primas bioderivadas e renováveis pela gráfica Plural.

BRABC_2012-07-13_1.qxp:BRAZIL

7/12/12

9:58 PM

Page 1

A UPA não resolve o problema da Saúde, dificulta a chegada das pessoas ao pronto-socorro.”

LÍGIA GOMES (PSTU)

SERVIDORA DA UFABC FALA AO METRO SOBRE SUA CANDIDATURA À PREFEITURA DE SÃO BERNARDO

{págs 04 e 05}

ABC

Sexta-feira, 13 de julho de 2012

Edição nº 659, ano 3 Mín 9°C Máx 21°C

Metade dos atropelamentos ocorre próximo do trólebus Dos 18 pontos com maior incidência de casos em Santo André e São Bernardo, 50% ficam próximo às linhas exclusivas de transporte público Falta de sinalização e dificuldade na travessia são principais motivos {pág 02}

Dança e sentimento

No Paraná

Polícia Federal faz apreensão recorde de notas falsas Ação em Curitiba intercepta R$ 682 mil que seriam espalhados durante a fila da Copa do Brasil, na noite de quarta {pág 10}

Sem trégua para o consumidor: juros sobem de novo Mesmo com redução da Selic, taxas de empréstimo pessoal subiram em junho {pág 20}

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Teatro Santos Dumont, em São Caetano, apresenta domingo o espetáculo gratuito de balé “Superando Limites” {pág 26} ANDRÉ AMERICO/METRO ABC

proíbe cobrança de taxas Construtora não pode paraJustiça assessoria jurídica, técnica ou cobrar por consultoria para obtenção de crédito {pág 10}

Forlán diz que ‘está em casa’ Atacante do Inter afirma que conhece bem o Brasil {pág 30}


BRABC_2012-07-13_2.qxp:BRAZIL

7/12/12

9:07 PM

Page 1

abc

02

1 foco

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 13 DE JULHO DE 2012

Vias próximas a trólebus concentram atropelamentos Levantamento das prefeituras de SA e SBC sobre locais com maior ocorrência de casos mostra que metade é cortada pelo corredor dos ônibus Travessia está entre problemas

ANDRÉ AMERICO/METRO ABC

Internet

A Secretaria de Estado da Educação vai ampliar a velocidade da internet em 119 escolas da região. Os alunos passarão a contar com acesso de 2 Mbps a 10 Mbps, um aumento 16 vezes maior de capacidade em relação à anterior, que variava entre 256 Kbps e 2 Mbps. Até o fim do ano, outras 134 escolas da região serão contempladas. Em todo o Estado, 2,4 mil escolas já tiveram a banda de internet aumentada.

Cotações Dólar

Euro

+ 0,24% (R$ 2,04)

+ 0,43% (R$ 2,49)

Bovespa

Selic (8%)

- 0,28% (53.420 pts)

Salário mínimo (R$ 622)

Dos 18 pontos de maior incidência de atropelamentos em Santo André e São Bernardo, metade são vias cortadas pelo corredor de trólebus (veja ao lado). De acordo com a prefeitura de Santo André, a falta de sinalização adequada ao pedestre e a dificuldade para atravessar o corredor onde há duas pistas separadas estão entre os principais motivos dos atropelamentos nessas áreas. A administração afirma estudar meio para melhorar a segurança na faixa do trólebus na cidade, como a instalação de sinalização com tempo adequado para o cruzamento das pistas, embora a responsabilidade de colocar e manter equipamentos na via seja da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) e da Metra, que administra o corredor. Em São Bernardo, levantamento do departamento de trânsito mostra que dos 15 endereços com maior incidência de atropelamentos na cidade, seis são cortados pelo corredor de trólebus. A EMTU informou que mantém grupo de trabalho para levantar os pontos críticos do corredor, que tem 45 quilômetros e se estende de São Mateus

ao Jabaquara, passando pela região. Casos Juntas, Santo André e São Bernardo registraram 299 atropelamentos este ano. As prefeituras não divulgaram o universo de ocorrências exclusivamente no corredor de trólebus e informaram ser de competência da Metra o registro dos casos. Segundo o departamento de trânsito de Santo André, 80% dos casos de atropelamento no corredor de trólebus ocorrem no trecho em que a via corta a cidade. O problema é agravado a noite, quando a visibilidade de motoristas e pedestres diminui e 66% dos acidentes acontecem. Questionada, a Metra informou que não dispõe de dados sobre as ocorrências nem tem a responsabilidade pela instalação de faixas de pedestre para melhorar a segurança dos usuários. “O cansaço e estresse dos motoristas também tem de ser verificados e programas de direção defensiva são tão importantes quanto educar os pedestres”, avalia o engenheiro de tráfego Valdir Lafer. METRO ABC

Maioria dos acidentes ocorre durante a noite

Mapa dos acidentes

Levantamento feito pelas prefeituras aponta vias do trólebus como locais com grande frequência de atropelamentos nas cidades

São Bernardo

Santo André

COM CORREDOR

COM CORREDOR

Av. Brigadeiro Faria Lima Av. Lucas Nogueira Garcez Praça Samuel Sabatini SEM CORREDOR

Av. Gen. Barreto de Menezes Av. Humberto A. C. Branco Av. Robert Kennedy Estrada dos Alvarenga Fontes: prefeituras

Av. Pereira Barreto Rua do Oratório Av. Ramiro Coleoni

Av. Piraporinha Av. Caminho Do Mar Av. Pereira Barreto

SEM CORREDOR

Av. Marechal Deodoro Av. Sen. Vergueiro Rua dos Viana Rua Jurubatuba Av. Capitão Casa

Indústria fecha 1,4 mil postos Pesquisa da CIESP (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo) mostra em junho o nível regional de empregos no setor teve varia-

ção negativa de 0,94%, o equivalente a 1,4 mil vagas a menos. A região teve desempenho pior do que o restante do Estado, que teve

FALE COM A REDAÇÃO

leitor.abc@metrojornal.com.br 011/3528-8520 COMERCIAL: 011/4979-6928

O jornal Metro circula em 22 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. Épublicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

queda menor, de 0,27%, e que a capital, com recuo de 0,40% no nível de emprego. São Caetano foi a cidade que obteve a menor queda

no ABC, com 0,34% menos postos. Do lado oposto, o pior desempenho ficou com Santo André, com queda de 1,47%. METRO ABC

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini. Diretor de Redação: Fábio Cunha (MTB: 22.269). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Operações: Luís Henrique Correa. Editor Chefe: Luiz Rivoiro. Editor de Arte: Vitor Iwasso. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Metro ABC. Editor Executivo: Marcelo Camargo (MTB: 33.618). Editor de Arte: Eli de Souza Filho. Gerentes Comerciais: Tânia Biagio e Elizabeth Silva.

Av. D. Pedro 2

4,4% foi a queda no número de postos de trabalho nas indústrias nos últimos 12 meses da pesquisa na região.

Editado e distribuído por SP Publimetro S/A. Endereço: rua Tabapuã, 81, 14º andar, Itaim, CEP 04533-010, São Paulo, SP. Tel.: 011/3528-8500. O jornal Metro é impresso na Plural Editora e Gráfica Ltda. A tiragem e distribuição desta edição de 30.000 exemplares são auditadas pela BDO.


BRABC_2012-07-13_3.qxp:BRAZIL

7/12/12

5:21 PM

Page 2


BRABC_2012-07-13_4-5.qxp:BRAZIL

7/12/12

7:01 PM

Page 1

04

C

andidata do PSTU ao Paço de São Bernardo, Lígia Gomes admite não ter condições reais de vencer a disputa. Ainda assim, acredita que a eleição é também espaço para a apresentação de propostas e afirma que a campanha do PSTU é a alternativa contra “a falsa polarização” na cidade. Segundo a postulante, PT e PPS, maiores forças, representam o mesmo projeto.

Por que quer ser prefeita?

Não sou só eu que quero. É uma decisão coletiva do partido. Entendemos que o nosso projeto para a prefeitura é muito mais adequado do que o dos outros candidatos. Defendemos uma prefeitura pelos trabalhadores e para os trabalhadores. Muito mais prioridade para saúde e educação e menos prioridade para pagamentos de dívidas, isenção de impostos e concessão para grandes empresas. Não enxergamos isso em lugar nenhum aqui. Defendemos projeto diferente, que tenha transporte público como prioridade, barato e de qualidade, e ninguém defende isso. O PSTU anunciou só em 2 de julho que disputaria eleição. Como se deu o processo?

Foi um longo debate interno que culminou na convenção, no fim de junho. Fizemos debate porque o problema não é a Lígia, é quem vai defender as propostas do partido para São Bernardo. Debatemos internamente quem teria melhor condições de levar o projeto e meu nome foi construído nesse processo. Quais partidos compõem o arco de alianças? Foram procurados para compor com outras legendas?

Em São Bernardo, a gente não compõe com ninguém. É chapa pura. Em Santo André, estamos coligados com o PSOL, mas aqui não tratamos de ir junto porque entendemos que era mais importante reafirmar nosso programa. Acredita que haverá polarização entre PT e PPS, em aliança com o PSDB? Como você entra nessa disputa?

Há uma polarização, mas é falsa, porque nenhum dos dois tem projeto muito diferente. Não vão melhorar o transporte público, não vão melhorar a qualidade da saúde, da educação, vão remendando onde dá, onde é necessário, mas a prioridade deles não é es-

CANDIDATA LÍGIA GOMES Servidora da UFABC, representante do PSTU afirma que prefeitura precisa pressionar para a ampliação do número de vagas na universidade federal. Única mulher na disputa em São Bernardo afirma não enxergar evolução no transporte coletivo, na educação e na saúde e diz que a especulação imobiliária é um dos responsáveis pelo déficit de habitação

‘VERTICALIZAÇÃO É O MÁXIMO DA IRRESPONSABILIDADE’ sa. A prioridade é manter indústrias, continuar dando incentivos para as grandes empresas e usar dinheiro público para terceirização. Eles defendem, no fundo, o mesmo projeto. Dentro desse projeto, pode ganhar um ou o outro. Como disputar eleição com essas siglas maiores?

Nossa campanha é muito diferente. Não temos os

milhões para financiar. A minha será a campanha mais modesta da região. Isso se dá porque a nossa prioridade não é governar para empresas e dar incentivos, e sim governar para os trabalhadores, então a gente não pode receber dinheiro das empresas, que financiam as outras campanhas. Nossa campanha é muito pobre. Vamos depender, essencialmente,

do que os trabalhadores puderem contribuir, não só financeiramente, mas na campanha do boca a boca, de casa em casa. Trabalhamos muito com panfletos, conversando com as pessoas, no bate-papo, marcando encontros nos bairros e a partir de cada local de trabalho. Acredita que tem condições reais de se eleger ou ir para

um eventual segundo turno?

Não. Mas acho que dá para colocar em pauta para a população um outro projeto. Dizer que dá para construir outro projeto, porque é uma bandeira que ninguém está levando. Você chegou a disputar as eleições de 2010, para deputada estadual, ou sua candidatura foi indeferida?

Meus votos não foram con-

ANDRÉ AMERICO/METRO ABC

tabilizados. É um problema da Justiça, que não trabalha para a gente. Foi um detalhe muito pequeno: eu peguei a certidão criminal estadual em uma cidade e deveria ter pego na outra. Por isso, disseram que não poderia. Peguei a certidão correta, mas eles não julgaram de volta. Sentaram em cima e não contabilizaram meus votos. Como não julgaram, é como se eu não tivesse concorrido. Como avalia a gestão do prefeito Luiz Marinho, do PT?

É uma gestão que tem feito o que o PT faz de melhor: dizer que está atendendo os desejos dos trabalhadores, mas, no fundo, no fundo, está atendendo e dá mais incentivo e melhores condições para que as grandes empresas continuem lucrando. Doaram terreno para Scania, por exemplo, mesmo quando a empresa está demitindo trabalhadores em São Bernardo. Não é uma defesa para os trabalhadores. Em termos de transporte, não vejo melhoria qualitativa. Foi construída a Nova Lions, que melhorou o trânsito, mas qualquer um percebe que daqui a cinco anos vai estar tudo parado, de novo. O transporte pú-


BRABC_2012-07-13_4-5.qxp:BRAZIL

7/12/12

7:02 PM

Page 2

www.readmetro.com

eleições 2012 blico, que é a única solução viável para a nossa cidade, não mudou nada. Estão anunciando um metrô – que deve ser uma disputa com o [deputado estadual] Orlando Morando [PSDB] e o [deputado estadual e candidato a prefeito pelo PPS] Alex Manente – que não é um metrô. É um monotrilho, que leva metade das pessoas que um metrô, e, talvez, para 2020. Os CEUs [Centros Educacionais Unificados], por exemplo, foram anunciados para zerar o déficit de vagas, mas estão fechando escolas para colocar crianças no CEU. Isso não é política de educação: colocar crianças para estudar a três quilômetros de casa para dar função para o monstro que eles ergueram. Na prática, não avalio que ele tem feito boa administração para trabalhadores, para o povo e para São Bernardo. A prefeitura aposta a melhoria da saúde em UPAs (Unidades de Pronto Atendimento) e no Hospital de Clínicas, que não está pronto. Como vê esse serviço sendo prestado?

Um problema, não só da saúde, mas da educação, é a terceirização. Boa parte dos trabalhadores é terceirizada ou contratada em regime diferenciado. Isso em si já é ruim, pois contratações precárias levam a serviços precários. Quando se envolve o lucro, é ruim. Eu sou usuária do serviço público de saúde. As coisas muito básicas até são conseguidas, mas as UPAs não resolvem o problema. Quando é preciso ir ao pronto-socorro, continua desumano, com pessoas passando mal por horas na fila, em pé, do lado de fora. Não avalio que tenha avançado qualitativamente. A UPA não resolve o problema, dificulta a chegada das pessoas ao pronto-socorro. Qual papel a prefeitura pode desempenhar para a melhoria da segurança pública?

É verdade que é dever do Estado e o governo do PSDB faz péssimo serviço no sentido de privilegiar a repressão. A gente acha que não é dever do Estado sair reprimindo com polícia, e com as GCMs [Guardas Civis Municipais], menos ainda. É preciso trabalhar nos bairros para que as pessoas possam eleger quem vai cuidar da segurança deles. Pesquisa apontou que a Polícia Civil tem 72% de rejeição da população e a Militar, 60 e poucos. Veja, é um grupo

em que não se confia para a segurança. As pessoas deveriam escolher quem vai cuidar da segurança e como vai cuidar. Tirar de dentro da casa de cada um pessoas que tenham disposição para isso e que, por serem de lá, não vão atuar reprimindo. Estamos batalhando para construir isso e vamos usar as eleições para dizer. A maioria das pessoas nunca ouviu falar de nada assim. Uma colega falou: “Não pode acabar com a Polícia Militar. Se acabar com a Polícia Militar, quem vai segurar a Civil no meu bairro?” As pessoas estão acostumadas com esse negócio de que é preciso uma polícia para segurar a outra, para segurar os bandidos. Podemos ter uma segurança diferente. Nos Estados Unidos, eles elegem o xerife, tem algum nível de democracia. Não é de outro mundo o que propomos.

SEXTA-FEIRA, 13 DE JULHO DE 2012

QUEM É LÍGIA GOMES Idade: 31 anos Partido: PSTU Nascida em: Castro, Paraná, em 14 de janeiro de 1981

rais, em defesa dos serviços públicos de qualidade. Na UFABC, tem contribuído com a organização e luta dos trabalhadores e está participando da greve das universidades federais

05

Não tem muito. E isso também é prejudicado pela falta do transporte público, as pessoas não conseguem se deslocar com facilidade. Em São Bernardo, os parques fecham à noite a muitos jovens ficam no Paço. As pessoas precisam de cultura, mas não vejo isso.

Família: É casada e tem uma filha É: Servidora técnico-administrativa desde 2006 na UFABC (Universidade Federal do ABC) Já foi: Não ocupou cargos públicos Formação: Formada em ciências sociais pela Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), especialista em filosofia e história da ciência e da tecnologia pela UFABC História política: Iniciou a militância no PSTU em 2004. Tem atuado no movimento dos servidores públicos fede-

Eleições já disputadas: Deputada estadual em 2010 Principais metas, se eleita prefeita de São Bernardo: Colocar a cidade a serviço da classe trabalhadora; promover a saúde e educação públicas, universais e de qualidade; denunciar políticas que aumentem a exploração da mulher, do negro e do homossexual; e defender a moradia digna contra a especulação imobiliária

ligia16-prefeita.blogspot.com.br/ www.facebook.com/ligia.gomes.353

São Bernardo tem projeto de construir usina para modificar a política de resíduos sólidos. Como avalia o projeto?

É evidente que devem existir formas adequadas de trabalhar com o lixo e que deve ser política de governo, não basta cada um abdicar da sua sacolinha no mercado. Não é esse o problema. Agora, a usina verde, onde vai ser construída, no bairro do Alvarenga, pode levar a desapropriação de várias casas. E isso para a gente é prioridade. Se for concretizada dessa forma, não defendemos. Você é a única mulher na disputa pela cadeira do Paço. Isso pode significar um diferencial na sua candidatura?

Você é funcionária da UFABC (Universidade Federal do ABC). Como vê a chegada da universidade e o que a prefeitura pode fazer pela instituição e por seus alunos?

O município precisa pressionar para que existam muito mais vagas, e vagas com qualidade, não nos marcos do governo Dilma [Rousseff ]. Você está vendo a greve. A greve é resultado desta expansão sem qualidade e de professores, funcionários e alunos que estão dizendo que não querem essa precarização. Teremos aqui, talvez, 1 mil alunos por ano e 5 mil em regime de graduação. São 5 mil para uma cidade com quase 800 mil habitantes. Não é nada. É muito pouco, tem que multiplicar muitas vezes. E tem que ter qualidade, com professores contratados em regime de dedicação exclusiva e mais professores. Os professores da UFABC reclamam de ser sobrecarregados, de não terem tempo para estudar. Professor universitário que não consegue estudar e fazer pesquisa só vai prejudicar. É o mesmo caso dos funcionários técnicoadministrativos. É preciso melhor condição de trabalho. A prefeitura precisa estar junto para ampliar as vagas e garantir a qualidade. As pessoas perguntam qual é o tipo de curso, se é voltado para a indústria, por causa da região, ou se é de humanidades e tal. Na verdade, se ampliarmos para 30 mil, 50 mil vagas, teremos cursos de todas as áreas.

ANDRÉ AMERICO/METRO ABC

É uma gestão que tem feito o que o PT faz de melhor: dizer que está atendendo aos desejos dos trabalhadores, mas, no fundo, no fundo, está atendendo e dá mais incentivo e melhores condições para as grandes empresas lucrarem.”

A implantação da universidade está sendo morosa?

Até que está. Estou aqui desde 2006, mas, em comparação com as outras – porque aqui é a universidade do Lula –, as coisas estão andando. A Unifesp [Universidade Federal de São Paulo] de Santos até hoje está no mesmo prédio alugado. Eles usam refeitório como sala de aula. As pessoas usam micro-ondas no meio da aula para esquentar a comida. Isso em uma universidade federal. Existe o problema de ter de contratar empreiteiras. As universidades mais antigas têm equipe de construção, mas hoje tudo é terceirizado e dialogar com empreiteira é um problema. O modelo de São Bernardo foi mudado e deverá sair mais rápido. A unidade começou a ser construída em 2010 e está mais acelerada

do que em Santo André, mas tem um pouco disso. É preciso contratar alguém, pagar milhões para uma empreiteira, que vai ficar protelando. São Bernardo tem bairros periféricos em áreas de manancial, que apresentam atraso de serviços em relação ao Centro. O que pode ser feito?

Quando não se dá conta da demanda de moradia – e São Bernardo tem déficit de 100 mil unidades –, as pessoas vão ocupando. Sabemos também da especulação imobiliária que ocorre no Centro. Se não enfrentarmos esses problemas, não temos como atacar os problemas das regiões afastadas. Em princípio, defendemos a regularização de todos os lugares, e o quanto antes, pois quanto mais se demora mais desordenado vai fi-

cando. Ao mesmo tempo em que se tem o déficit, existem imóveis ociosos, e a prefeitura precisa articular. As pessoas não querem morar lá, preferem morar aqui, mas não podem morar aqui porque existe imóvel parado esperando quem pode pagar mais. Isso precisa ser resolvido. Como vê o processo de verticalização de São Bernardo?

É o máximo da irresponsabilidade e uma prova de que não interessa o partido que está no poder. É o mesmo projeto. Não somos contra construir prédios, pois há demanda de moradia. O problema é que isso é feito para quem pode pagar e para quem não vem com um só carro. Vai ficar tudo travado. Os jovens, principalmente, têm opções de lazer?

Acho que sim. É importante levantar bandeiras que a própria presidente Dilma não leva, como o problema das creches. O Plano Nacional de Educação prevê atingir percentual de crianças em creches no fim da década. A falta de creche é motivo de desemprego entre as mulheres. Não dá para esperar 2020. As pessoas não estão conseguindo emprego hoje porque não há lugar adequado para deixar o filho. O problema da violência está banalizado em São Bernardo. A delegacia e o centro de referência atendem em horário comercial. As mulheres não sofrem violência em horário comercial. Toda mulher que sofre violência e foi a delegacia que não é da mulher sabe o que acontece. Os caros perguntam o que ela fez. É importante levantar essas bandeiras de maneira consequente. A senhora declarou R$ 30 mil para gasto de campanha. Como pretende fazê-la?

De boca em boca, com nossa militância panfletando, fazendo reunião na casa dos apoiadores, das pessoas que a gente for conhecendo, que se identificarem com o projeto para poder divulgar mais. Vamos usar faixas, adesivos e internet, que tem se mostrado ferramenta poderosa. Dependemos, essencialmente, dos nossos militantes e dos trabalhadores que apoiam. METRO ABC


BRABC_2012-07-13_6-7.qxp:BRAZIL

7/12/12

8:54 PM

Page 2


BRABC_2012-07-13_6-7.qxp:BRAZIL

7/12/12

8:55 PM

Page 3


BRABC_2012-07-13_8.qxp:BRAZIL

08

7/12/12

7:18 PM

Page 1

www.readmetro.com

abc

SEXTA-FEIRA, 13 DE JULHO DE 2012

Vila pronta para curtir o frio Começa amanhã a 12ª edição do Festival de Inverno de Paranapiacaba São aguardadas até 100 mil pessoas Vila ganhou ponte e unidade de saúde O 12º Festival de Inverno de Paranapiacaba começa no final de semana com Tom Zé, Arnaldo Antunes e temperatura mínima prevista de 6ºC. O principal evento turístico da Vila conhecida pela garoa e arquitetura inglesa deve atrair cerca de 100 mil pessoas nos próximos três finais de semana.

O público é 50 vezes maior que a população de Paranapiacaba, estimada em cerca de 2 mil habitantes. Para suportar a grande quantidade de turistas, a prefeitura investiu neste ano no reforço da ponte que faz a ligação entre as partes baixa e alta da Vila. Outra reivindicação anti-

ga de visitantes e moradores era a melhoria na unidade de saúde. Este será o primeiro festival com a nova estrutura de Pronto Atendimento em funcionamento. O estacionamento de veículos será permitido apenas na Parte Alta, com disponibilidade de 2 mil vagas. Ônibus gratuitos es-

tarão a disposição para levar os turístas até o local das apresentações. Quem optar por transporte púbico, pode seguir via trem para Rio Grande da Serra, onde também haverá ônibus intermunicipal até Paranapiacaba. Neste caso, porém, é preciso pagar tarifa. METRO ABC

Programe-se O festival tem atrações a partir do meio-dia. Confira o horário das principais Sábado 14h – Banda Seu Chico, no Mercado 20h – Tom Zé, no campo Domingo 14h – Funk Como Le Gusta, no Mercado 20h – Arnaldo Antunes, no campo

ANDRÉ AMERICO/METRO ABC


BRABC_2012-07-13_9.qxp:BRAZIL

7/12/12

6:53 PM

Page 2


BRABC_2012-07-13_10.qxp:BRAZIL

10

7/12/12

7:45 PM

Page 1

abc

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 13 DE JULHO DE 2012

Justiça proíbe construtoras do ABC de cobrar por consultoria Ação foi movida pelo Ministério Público com base em denúncias de consumidores e reportagem publicada pelo Metro ABC Empresas são acusadas de cobrança compulsória de até R$ 1,3 mil pelo serviço ANDRÉ AMERICO/METRO ABC

O Juiz da 9ª Vara Cível de São Bernardo Rodrigo Gorga Campos determinou que construtoras do ABC suspendam imediatamente a cobrança de taxa compulsória por serviços de assessoria técnica, imobiliária, jurídica e para obtenção de crédito em seus empreendimentos. A ação é movida pelo Ministério Público, que iniciou inquérito sobre o problema após matéria publica pelo Metro ABC em março do ano passado. O órgão ouviu depoimento de consumidores que disseram ter sido obrigados a pagar taxa de até R$ 1,3 mil, cobrada compulsoriamente mesmo daqueles que conseguiram o financiamento diretamente com agentes financeiros, sem a utilização da assessoria das construtoras. O valor médio da taxa, conhecida como Taxa SATI ou Taxa ATI, cobrada é de 0,88% do valor do imóvel. A decisão é uma liminar e ainda cabe recurso. A ação cita duas construtoras

com sede em São Bernardo: M. Bigucci Comércio e Empreendimentos Imobiliários e Estratégia Empreendimentos Imobiliários. As empresas que descumprirem a decisão terão de pagar multa de R$ 10 mil por consumidor lesado. O Ministério Público aguarda ainda decisão sobre mérito da ação que pede às duas construtoras a restituição em dobro aos consumidores das quantias já cobradas compulsoriamente e indenização por dano moral coletivo estimada em R$ 500 mil, valor que será destinado ao Fundo Estadual de Defesa dos Interesses Difusos. A M. Bigucci disse que se pronunciará depois de ser notificada sobre a decisão. Empreendimentos Imobiliários e Estratégia Empreendimentos Imobiliários não foi localizada pela reportagem. VANESSA SELICANI

Taxa era cobrada até de consumidores que não utilizavam o serviço de assessoria

METRO ABC

RODRIGO FÉLIX LEAL/METRO CURITIBA

Apreensão recorde de dinheiro falso

Volume e qualidade impressionaram a polícia

Agentes da Polícia Federal apreenderam R$ 682 mil em notas falsas, no bairro Cajuru, em Curitiba. É o maior volume apreendido já registrado em todo o Brasil. A apreensão foi realizada na quarta-feira durante uma investigação da polícia para reprimir o crime de moeda falsa. Duas pessoas foram presas em flagrante, um homem de 50 anos e uma mulher de 30 anos. De acordo com a PF, eles iriam trocar todo o dinheiro nas imediações do estádio Couto Pereira, antes da partida final da Copa do Brasil. Eram 28 mil cédulas, todas no valor de R$ 20 e R$ 50. “Eles escon-

diam as notas em uma sacola e confessaram que iriam distribuir para ambulantes no local. Certamente eles não agiam sozinho, se trata de uma grande quadrilha”, conta o coordenador de comunicação da Polícia Federal, Marcos Koren. Koren diz que a falsificação poderia enganar muitagente e chamou a atenção, inclusive, de técnicos do Banco Central que vieram a Curitiba conferir o material. “Eles ficaram impressionados com o alto valor e vieram ontem do Rio de Janeiro para examinar a quantidade e a qualidade das notas. Nunca apreendemos tantas cédulas juntas”.

A polícia acredita que as notas eram distribuídas em toda a cidade e não descarta a possibilidade de mais dinheiro falso dos acusados estar em circulação. Todas as notas foram encaminhadas para a Polícia Criminal, que vai realizar uma perícia. Os dois suspeitos estão presos na Polícia Federal de Curitiba e vão responder pelo crime de moedas falsas. Se forem condenados, a pena pode chegar de 3 a 12 de prisão. Segundo a PF, a maior apreensão da mesma natureza que havia sido feita no Brasil foi de R$ 200 mil, no Rio de Janeiro, há quatro anos. METRO CURITIBA


BRABC_2012-07-13_11.qxp:BRAZIL

7/12/12

5:22 PM

Page 2


BRABC_2012-07-13_12.qxp:BRAZIL

12

7/12/12

8:20 PM

Page 1

brasil

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 13 DE JULHO DE 2012

Boas-vindas serão com processo Demóstenes Torres enfrentará processo disciplinar ao retornar ao cargo de procurador Ministério Público de Goiás reconhece constrangimento RICARDO MARQUES / METRO BRASÍLIA

Com o mandato cassado, Demóstenes Torres voltou ao cargo de procurador de Justiça, mas não conseguirá sair tão cedo da condição de processado. O ofício comunicando o retorno foi entregue ontem. Ao mesmo tempo, a Corregedoria do Ministério Público de Goiás anunciou a abertura de um procedimento disciplinar para apurar a conduta do ex-senador. O processo investigará se o suposto envolvimento com o esquema do bicheiro Carlinhos Cachoeira teve relação também com a atividade do Ministério Público. Demóstenes está licenciado da função desde 1999,

quando assumiu a secretaria de Segurança de Goiás. Ele reassumirá à 27ª Procuradoria de Justiça, responsável por investigações criminais. O retorno de Demóstenes causa constrangimento à categoria. “Ao dar abrigo a Demóstenes, o Ministério Público passa a mensagem de tutor da impunidade", afirmou um procurador, que não quis se identificar. Se for denunciado pelo Ministério Público, Demóstenes pode ser punido com a aposentadoria, mas manterá o salário integral. MARCELO FREITAS METRO BRASÍLIA

Política

CLÁUDIO HUMBERTO LÍDER DO PDT QUER VER CRISTOVAM PRESIDENTE.

Após decisão da cúpula do PDT de lançar candidato próprio à Presidência, em 2014, o líder do partido na Câmara, André Figueiredo (CE), já defende a candidatura do senador Cristovam Buarque (DF): “É um nome talhado, que se beneficiaria do recall da campanha de 2006”. Quanto ao governo do Distrito Federal, Figueiredo aposta no deputado Antônio Reguffe, mas pondera: “Ele precisa sair do isolamento”.

Demóstenes prepara o retorno à carreira de procurador

JORGE HENRIQUE/ FUTURAPRESS

Desabamento ocorreu durante a final da Copa do Brasil

Laje desaba durante jogo e fere 86 pessoas funcionava um lava-rápido e, ao lado, um bar chamado Família Palmeirense. O desabamento aconteceu quando os torcedores começaram a pular para comemorar o gol de empate do Palmeiras. Segundo o capitão dos Bombeiros, Luiz Carlos Alves, não houve mortes porque a laje caiu sobre os

SENADORA KÁTIA ABREU (PSD-TO) APÓS APROVAÇÃO DE PARECER DA MP DO CÓDIGO FLORESTAL

FINANCIAMENTO. Lideres

do PDT-DF revelaram há um ano que a campanha presidencial de Cristovam, em 2006, teria sido secretamente financiada pelo PSDB. IRRECONHECÍVEL. Antonio

A queda de uma laje em Aracaju, capital de Sergipe, deixou 86 pessoas feridas ontem. O acidente aconteceu durante o jogo entre Palmeiras e Coritiba, na final da Copa do Brasil. A maioria das vítimas eram torcedores do Palmeiras. De acordo com os Bombeiros, em cima da laje

“Não abrimos mão dos nossos princípios.”

carros que estavam no piso térreo. Duas vítimas ficaram sob os escombros e 19 tiveram ferimentos graves. A Defesa Civil fez uma vistoria ontem no local. Agentes informaram que o excesso de peso sobrecarregou a estrutura. O local permanecerá interditado. METRO

Código Florestal é votado na comissão Depois de três adiamentos, a comissão mista do Congresso que analisa a medida provisória que alterou o novo Código Florestal aprovou ontem o relatório do senador Luiz Henrique (PMDB-SC). Foram 16 votos favoráveis e quatro parlamentares anunciaram obstrução e se recusaram a votar. O texto desagradou tanto a bancada ambientalista como os produtores rurais que apresentaram 343 pedidos de alteração no texto. As mudanças serão analisadas somente em agosto, na volta do recesso parlamentar. A sessão, que durou quase seis horas, gerou polêmica em dois pontos: o novo limite de recuperação de 25% da propriedades localizadas nas margens de rios e a exigência de manter vegetação nativa em áreas de preservação permanente de, no máximo, 80% em áreas dentro da Amazônia Legal e 50% em biomas de outras regiões. A medida provisória perde a validade em oito de outubro. Para virar lei precisa ser aprovada na Câmara e no Senado. METRO BRASÍLIA

Patriota chamou de “uma opinião” a posição da Organização dos Estados Americanos (OEA) de que não houve golpe no Paraguai. RAHEL PATRASSO / FUTURA PRESS

com uma pergunta, no Senado: “Por que tanta presteza em condenar o Paraguai, quando há anos o Brasil assiste, sem protestar, à sistemática deformação das instituições democráticas no continente?” VEM MAIS POR AÍ. Empresas como a CTIS, de Brasília, cujos donos não foram incluídos na denúncia da procuradoria-geral da República, não devem ficar sossegadas. Na página 9 da denúncia à Justiça Federal, a PGR admite que serão aprofundadas as apurações na Operação Caixa de Pandora. DESCALABRO. A divulga-

Antonio Patriota

FICOU SEM RESPOSTA. O

senador Ricardo Ferraço (PMDB-ES) calou o chamceler Antonio Patriota

ção dos salários no Senado, determinada pelo Supremo Tribunal Federal, vai revelar que senadores ganham menos que o funcionário do protocolo, por exemplo. Para carimbar documento, um servidor com ensino fundamental incompleto chega a ganhar R$ 27 mil.

PODER SEM PUDOR

Analfabetos funcionais

O

s parlamentares sobrecarregam os redatores particulares ou do próprio Congresso para elaborar discursos. O Instituto de Pesquisa e Assessoria dos Congressistas, no final dos anos 80, de tão assoberbado, trocou os textos dos deputados Jerônimo Santana

(RO) e Minoro Massuda (SP). O deputado paulista foi o primeiro a usar a tribuna, em tom dramático: – Senhor Presidente, o problema de conflito de terras em Rondônia... Interrompeu ao perceber o engano e jogou a toalha: – Pô, presidente, eu não sou de Rondônia... E foi embora, praguejando.

COM ANA PAULA LEITÃO E TERESA BARROS WWW.CLAUDIOHUMBERTO.COM.BR

Leia as colunas de sábado e domingo em www.metrojornal.com.br


BRABC_2012-07-13_13.qxp:BRAZIL

7/12/12

8:04 PM

Page 1


BRABC_2012-07-13_14.qxp:BRAZIL

14

7/12/12

7:35 PM

Page 1

www.readmetro.com

mundo

SEXTA-FEIRA, 13 DE JULHO DE 2012

CHARLES PLATIAU / REUTERS

Embaixador sírio desertor convoca à revolução Os alpes franceses são um conhecido destino de aventura

Avalanche soterra alpinistas na França Uma avalanche nas proximidades do Mont Blanc, na fronteira da França com a Suíça, matou nove pessoas e feriu outras nove. As autoridades chegaram a anunciar que quatro pessoas estavam desaparecidas, mas, depois, elas foram encontradas. O grupo fazia uma trilha para o maciço de Mont Blanc, quando foi supreendido pela neve. O serviço de meteorologia não havia previsto nenhuma movimentação desse tipo. As vítimas são dois alemães, dois suíços, dois espanhóis e três

Breves

9

pessoas morreram no deslizamento de ontem. Foi o acidente mais grave na região desde 2008, quando a neve matou 8 alpinistas (3 suíços, um austríaco e 4 alemães). britânicos. O governo francês prometeu investigar as ciscunstâncias da avalanche. METRO COM AGÊNCIAS

Farc derrubam avião militar

O agora ex-funcionário do regime pediu aos militares que combatam os crimes do ditador EUA dizem que deserção é ‘sinal de desespero’ O ditador Bashar Al Assad pode estar começando a assistir seu círculo de apoiadores se desfazer. Ontem, o embaixador sírio que desertou convocou as tropas leais ao regime a fazerem o mesmo. Nawaf Fares, que era o chefe da representação síria no Iraque, também disse que nenhum plano de paz funcionará enquanto Assad estiver no comando. “Nunca há um mapa do caminho com Bashar Assad, porque ele atrasa e ignora qualquer plano que seja combinado internacionalmente”, disse Fares, em um vídeo postado no Facebook e transmitido pela emissora árabe “Al Jazeera”. “Ele só pode ser tirado do poder pela força, e o povo sírio se deu conta disso.” Em um comunicado, o regime limitou-se a dizer que Fares não era mais funcionário do governo. Autoridades iraquianas disseram

Adeus, Assad O embaixador não foi o primeiro funcionário a deixar o regime:

Fares gravou um pronunciamento exibido pela Al Jazeera REUTERS TV

que o ex-embaixador está no Catar, um dos países árabes que apoiam os rebeldes. Os Estados Unidos consideraram que a deserção de Fares foi “um sinal de desespero”. “Aqueles ao redor dele estão começando a pensar melhor sobre as chances de Assad permanecer no poder”, observou Jay Carney, porta-voz da Casa Branca.

Fares tinha estreitos laços com as forças de segurança do país. Segundo analistas, porém, há outras figuras dentro do governo, que são tão poderosas quanto ele ou quanto o próprio Assad. “Mesmo se Assad sair de cena, a oposição ainda teria que chegar a um acordo com o corpo de oficiais sírios, bem como com os representantes das várias

Manaf Tlas O general, comandande da Guarda Republicana, desertou há uma semana. Ele era próximo de Assad. Outros militares O primeiro foi um piloto, que voou para a Turquia. Ele foi seguido por muitos.

minorias, que são uma parte antiga e essencial do tecido social”, comentou Patrick Seale, na agência “The Nation”. Para ele, a única solução é o diálogo e o acordo entre as várias correntes de oposição, fragmentada e desorganizada. CAROLINA VICENTIN METRO SÃO PAULO

SERGE LIGTENBERG / GETTY IMAGES

COLÔMBIA. As Farc (Forças

O ex-militar ficou foragido por 16 anos

Mladic é hospitalizado ‘AÇOUGUEIRO’. Ratko Mla-

dic, ex-chefe militar sérvio que está sendo julgado por uma corte internacional, foi levado ao hospital na manhã de ontem. Mladic, conhecido como “o açougueiro dos Bálcãs”, já sofreu dois derrames e se sentiu mal durante uma audiência de seu julgamento. Ele é acusado de genocídio contra muçulmanos, em particular, por ter comandado o massacre de Srebrenica. METRO

Armadas Revolucionárias da Colômbia) derrubaram um avião do Exército que fazia operações contra a guerrilha na região central do país. O corpo de um dos tripulantes foi encontrado, e o do segundo teria sido levado por membros das Farc, segundo o jornal “El Tiempo”. O avião era um Super Tucano, de fabricação da Embraer. METRO

Costa Concordia será retirado

MODA

Mandela é pop A família do ex-presidente sul-africano Nelson Mandela anunciou a criação de uma grife de roupas inspirada líder político. A coleção, que será comercializa-

da pela internet, se chamará “Longa Caminhada Rumo à Liberdade”, o mesmo título da autobiografia de Mandela. Serão camisetas e malhas com a assinatura e com fotografias do ícone da luta contra o apartheid, além de referências ao número 67 (a quantidade de anos que ele passou no combate à desigualdade racial). Mandela fará 94 anos. METRO

DESENCALHE. O navio Costa

Concordia, que naufragou em janeiro, na costa italiana, começou a ser desencalhado ontem. A operação é delicada, pois a embarcação está em uma área de proteção ambiental. De janeiro até agora, a equipe trabalhou para retirar todos os pedaços de rocha que ficaram presos no casco do navio. METRO

Explosão mata 95 pessoas na Nigéria Um acidente em uma região muito pobre da Nigéria terminou em uma grande tragédia. Pelo menos 95 pessoas morreram após a explosão de um caminhão tanque que havia se envolvido em uma batida de trânsito. A colisão ocorreu em uma estrada sem manutenção da cidade de Okobe. O caminhão se chocou com três carros, mas não pegou

fogo instantaneamente. Não demorou muito, dezenas de pessoas se aglomeraram em volta do veículo para recolher o combustível que vazava. Foi quando houve a explosão. Cinegrafitas das agências de notícias contaram que, entre as vítimas, havia mulheres e crianças, além de muitos mototaxistas (profissão comum na Nigéria). METRO COM AGÊNCIAS

Equador tira do ar 20 rádios e emissoras de TV Nas últimas duas semanas, as autoridades equatorianas fecharam 20 meios de comunicação atuantes no país, entre rádios e emissoras de televisão.

Estão na lista de veículos lacrados, a Rádio Cosmopolita, que operava há 59 anos em Quito, e a Rádio Morena, de propriedade da mãe de um opositor do governo

do presidente Rafael Correa. A imprensa local noticiou que os agentes utilizam gás lacrimogêneo para dispersar os funcionários. O governo de Correa jus-

tifica os fechamentos por questões legais ou técnicas. Muitos jornalistas, porém, denunciam perseguição. O presidente já processou vários repórteres. METRO


BRABC_2012-07-13_15.qxp:BRAZIL

7/12/12

5:27 PM

Page 1


BRABC_2012-07-13_16-17.qxp:BRAZIL

7/12/12

8:05 PM

Page 2


BRABC_2012-07-13_16-17.qxp:BRAZIL

7/12/12

8:05 PM

Page 3


BRABC_2012-07-13_18.qxp:BRAZIL

18

7/12/12

7:56 PM

Page 1

www.readmetro.com

mundo

SEXTA-FEIRA, 13 DE JULHO DE 2012

Anonymous atacam pedófilos Especialistas dizem que ‘justiceiros’ da web podem atrapalhar investigações Em uma mensagem postada na semana passada, um porta-voz mascarado anunciou que a missão do Anonymous, agora, é a caça aos pedófilos da internet. “Para o bem dos nossos seguidores, para o bem da humanidade e para nosso próprio prazer, vamos expulsa-los da rede.” Houve uma resposta rápida. A declaração foi traduzida para várias línguas, e sites como o boychat.org e boylovenews.com (voltados para pedófilos) foram derrubados. Há ainda 85 páginas no alvo do Anonymous, e pedófilos suspeitos terão seus nomes divulgados. O grupo é mais conhecido por ataques ao governo e a grandes empresas,

mas, recentemente, mudou o foco. Especialistas acreditam que isso coloca os hacktivistas em um novo patamar. Ao invés de apenas estarem derrubando sites, eles, agora, parecem estar trabalhando em conjunto para causar um dano irreparável. Grupos de apoio às vítimas são críticos. “A busca por publicidade barata pode ser contraproducente, com o risco de que os pedófilos podem se esconder”, disse Peter Saunders, de uma organização britânica. Um porta-voz do departamento policial de proteção à criança disse ao Metro que o Anonymous “pode estar comprometendo as investigações em curso.”

A máscara também passou a ser usada no “Ocuppy” Heróis ou vilões? WOLFGANG RATTAY / REUTERS

Como surgiram: a expressão “Anonymous” surQuem são eles: um núgiu no site 4chan mero indeterminado de hacktivistas, que invadem em 2003, para falar computadores e derrubam de pessoas que sites, sob o argumento da executam tarefas defesa da liberdade de ex- de forma anônima na internet pressão e de informação

Raio-x

Como se consolidaram: enfrentando a Igreja da Cientologia, em 2004, a qual consideravam opressora

O que quer dizer a máscara: trata-se de uma criação do desenhista David Lloyd, para representar Guy Fawkes, um inglês condenado à morte em 1605 por conspirar contra o rei

Operações mais famosas: 2010 – derrubada dos sites da Mastercard e do PayPal, em resposta à prisão do fundador do WikiLeaks, Julian Assange 2011 – ataque ao site da Sony. A empresa processou um hacker pelo desbloqueio do PS3, e o Anonymous se vingaram. 2012 – ataque a vários sites do governo americano, devido ao fechamento do Megaupload.

METRO INTERNACIONAL

economia

Possível suspensão derruba ação da TIM

Operadora precisa melhorar a qualidade dos serviços, diz ministro Papéis recuaram mais de 7% As ações da TIM tiveram uma queda de mais de 7%, com investidores mostrando receio de que a operadora de telefonia possa sofrer sanções do governo devido a reclamações sobre a qualidade de seu serviço. O papel da empresa fechou em baixa de 7,46%, vendido a R$ 9,80 cada, enquanto o Ibovespa, principal índice de ações da Bolsa paulista, recuou 0,28%. Em entrevista ontem, o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, disse que a eventual suspensão de novas vendas é uma possibilidade, mas “seria o último recurso”. O ministro, entretanto, afirmou que algo precisa ser feito para melhorar a

“Não queremos tomar uma medida duríssima. Mas, se tiver que fazer, vai ser feito.” MINISTRO PAULO BERNARDO

qualidade do serviço da operadora, ressaltando que o governo tem recebido muitas reclamações, “mas não no Brasil todo, em cinco ou seis estados”. “Podemos (suspender as vendas), por que não? Faremos isso se ela não resolver o problema", disse o ministro.

Antes de medidas mais duras, Bernardo disse que o governo dará um prazo para a TIM resolver os problemas e diminuir as reclamações, afirmando que a intenção não é prejudicar nenhuma empresa, segundo a “Reuters”. A TIM Participações afirmou, em nota, que cumpre com rigor as orientações da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações). A operadora também disse que está desenvolvendo um conjunto de projetos de infraestrutura “para seguir suportando o seu crescimento e capturando as oportunidades que o mercado brasileiro oferece”. METRO COM AGÊNCIAS

Operadoras têm venda suspensa no Sul O Procon Porto Alegre suspendeu a venda de novas linhas de celular a partir de segunda-feira. Claro, Oi, Tim e Vivo devem seguir a medida, mediante multa, caso seja não descumprida. A decisão deve ser mantida até que as operadoras apresentem soluções para melhorar o serviço. O órgão solicitou que elas apresentem descontos nas faturas dos consumidores afetados pelas falhas dos serviços. METRO

REPRODUÇÃO

Suposto iPhone 5 vendido pelo site chinês

Chineses oferecem iPhone 5 antes da Apple A Apple ainda não lançou a nova versão do iPhone, mas vendedores no site Taobao, maior plataforma de comércio eletrônico da China, já estão oferecendo pré-venda, com direito a fotos e supostas especificações técnicas. O tão aguardado iPhone 5 deve ser lançado entre agosto e outubro deste ano, embora a Apple venha mantendo sigilo sobre o aparelho. Fontes afirmaram à “Reuters” que o smartphone terá tela maior que os modelos anteriores, e a imprensa taiwanesa noticiou que o software de reconhecimento de voz Siri teria funções mais poderosas.

Vendedores que operam no Taobao, subsidiária do Alibaba Group, estão aceitando encomendas do iPhone 5, em alguns casos exigindo depósitos de mil iuans (R$ 320). Um deles, que começou a aceitar préencomendas, pede todo o pagamento adiantado, de 6.999 iuans (R$ 2.200). Vendedores do Taobao afirmaram que planejam comprar o iPhone 5 em Hong Kong ou nos Estados Unidos e vendê-lo em seguida na China continental. Os produtos da Apple muitas vezes estão disponíveis em Hong Kong antes que na China continental. METRO


BRABC_2012-07-13_19.qxp:BRAZIL

7/12/12

5:55 PM

Page 2


BRABC_2012-07-13_20.qxp:BRAZIL

7/12/12

7:10 PM

Page 1

economia

20

HARRIS ARTEMIS/IMAGE SOURCE

Neste ano, mais de 9 milhões de cheques foram devolvidos

Cheques sem fundo batem recorde De janeiro a junho deste ano, do total de cheques emitidos em todo o país, 2,07% foram devolvidos, segundo a Serasa Experian. Foi o maior volume de devoluções para o período desde 2009, quando foram devolvidos 2,30% de cheques. Os economistas da Serasa avaliam que o aumento confirma que o consumidor se endividou, ampliou o comprometimento de renda e acabou perdendo o controle das contas também nas compras parceladas com cheques pré-datados.

No primeiro semestre de 2012, foram compensados 458.170.923 cheques e, desses, 9.488.913 voltaram. Em igual período de 2011, a emissão havia sido de 508.827.839 e a devolução, de 9.844.863. Ou seja: houve uma queda de 10% no total de emissões de um semestre para outro e uma redução menor, de apenas 3,6%, no número de cheques sem fundos. “Prova de que os cheques estão perdendo qualidade”, avaliam os economistas da Serasa. METRO

Economia ficou estagnada em maio A economia brasileira ficou praticamente estagnada em maio. O IBC-Br (Índice de Atividade Econômica do Banco Central), considerado uma espécie de prévia do PIB (Produto Interno Bruto), registrou leve queda de 0,02% em maio em relação ao mês anterior. Os dados foram divulgados ontem pelo Banco Central. O índice mensal tem oscilado este ano entre queda e alta. De acordo com o da-

dos mensais revisados do BC, neste ano, também houve queda no índice em janeiro (0,22%, em relação a dezembro) e março (0,17% na comparação com fevereiro). Em abril e em fevereiro, houve alta de 0,10% e 0,39%, respectivamente. Na comparação de maio deste ano com o mesmo mês do ano passado, o índice observado (sem ajuste para o período) registrou alta de 1,09%. METRO

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 13 DE JULHO DE 2012

Juros ao consumidor sobem em junho Mesmo com redução da Selic, taxas tiveram alta no empréstimo pessoal e comércio no mês passado Tendência ainda é de queda, diz Anefac Apesar da queda da taxa básica de juros nos últimos meses, os juros ao consumidor voltaram a subir em junho. A taxa de juros média geral subiu 0,02 ponto percentual no mês correspondente a uma alta de 0,32% no mês, segundo a Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac). Entre os motivos apontados para a alta estão a piora no cenário econômico por conta da crise na Europa, a expectativa de menor crescimento no Brasil e o aumento da inadimplência. Das seis linhas pesquisadas, apresentaram alta os juros do comércio (de 4,72% para 4,75% ao mês), empréstimo pessoal nos bancos (3,59% para

Confira as taxas em junho Crédito

Média mensal

Juros do comércio

4,75%

Cartão de crédito

10,69%

Cheque especial

8,22%

CDC (bancos)

1,84%

Empréstimo pessoal (bancos)

3,63%

Empréstimo pessoal (financeiras)

8,04%

Média

6,18%

Fonte: Anefac

Acumulado em 12 meses

74,52% 238,30% 158,04% 24,46% 53,40% 152,94% 105,36% 116.666667

3,63% ao mês) e empréstimo pessoal nas financeiras (7,98% para 8,04%). “A expectativa é de que as taxas de juros voltem a

233.333333

350.00000

ser reduzidas nos próximos meses por conta das prováveis reduções da Selic”, diz o diretor de estudos econômicos da Anefac, Miguel Jo-

sé Ribeiro de Oliveira. Entre dezembro de 2011 e junho deste ano, a Selic teve redução de 2,5 pontos porcentuais, passando de 11% para 8,5% ao ano. Nesse período, a taxa de juros média para pessoa física teve redução de 7,85%, caindo de 114,84% ao ano para 105,82%. Nas operações de crédito para pessoa jurídica, a redução foi de 7,85% (ou 9,02 pontos porcentuais) no mesmo período. A taxa saiu de 114,84% ao ano em dezembro de 2011 para 105,82% ao ano em junho de 2012. Na última quarta-feira, o Banco Central fez o oitavo corte na Selic, para 8% ao ano. Com isso, alguns bancos já anunciaram novos corte nas suas taxas de juros. METRO

Bancos cortam taxas na segunda

Financiamento de carro está entre linhas com cortes

Recado

SILVA JUNIOR/FOLHAPRESS

Após o novo corte da Selic na última quarta-feira, Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil e Bradesco vão promover novas reduções nas taxas de juros na próxima segunda-feira. Na Caixa, foram reduzidas as taxas para financiamento de veículos e crédito aporte Caixa, o refinanciamento de imóveis ou home equity. No primeiro caso, as taxas, que dependem do prazo, cota de financiamento e ano de fabricação, foram reduzidas em todas as faixas. Assim, as que antes variavam de 0,75% ao mês a

1,75% a.m., passam a variar de 0,75% a.m. a 1,63% a.m. Para os clientes do Bradesco, a modalidade CDC Veículos, por exemplo, teve a taxa mínima reduzida de 0,93% para 0,89% ao mês, e a máxima de 2,91% para 2,87% ao mês. No leasing, a taxa mínima diminuiu de 1,63% para 1,59% ao mês, e a máxima, de 2,96% para 2,92% ao mês. No BB, as taxas ficam entre 2,21% e 3,79% ao mês para o crédito benefício; e variam de 1,53% a 1,98% para material de construção. METRO

a

Durante 9 Conferência Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente, ontem, a presidente Dilma Rousseff rebateu as críticas sobre o baixo crescimento do PIB.

“Uma grande nação tem que ser medida por aquilo que faz por suas crianças e adolescentes, e não pelo PIB.”

American Airlines terá novas frequências A companhia aérea American Airlines terá 17 novas frequências de voos entre os Estados Unidos e o Brasil a partir do dia 1º de outubro. Nessa data será iniciado um segundo voo diário entre o aeroporto Kennedy, de Nova York, e São Paulo. Em 15 de novembro, o voo diário de Miami para

Salvador, com serviço contínuo para o Recife, deixará de ser um voo com escala e seguirá rota direta, cinco dias por semana. A empresa também vai aumentar a quantidade de viagens sem escala entre Miami e Rio de Janeiro, de um para dois voos diários, em 15 de dezembro.

JOEL SILVA/FOLHAPRESS

Serão 17 novos voos entre Estados Unidos e Brasil


BRABC_2012-07-13_21.qxp:BRAZIL

7/12/12

7:11 PM

Page 1


BRABC_2012-07-13_22.qxp:BRAZIL

22

7/12/12

8:11 PM

Page 1

www.readmetro.com

cultura

2

cultura Fleetwood Mac A cantora Stevie Nicks anunciou o retorno da banda Fleetwood Mac para 2013. Mesmo sem dois ex-integrantes – Bob Weston, que morreu em janeiro, e Bob Welch, encontrado morto em junho, o grupo deve começar turno no próximo ano. "Este é o plano", disse Nicks, em entrevista ao programa "CBS This Morning", dos EUA. A última turnê do Fleetwood Mac foi em 2009 e a banda hoje é formada por Mick Fleetwood, John Mcvie, Lindsey Buckingham e Stevie Nicks. METRO

SEXTA-FEIRA, 13 DE JULHO DE 2012

Pela estrada afora Ao adaptar o romance beat de Jack Kerouac, o diretor Walter Salles retrata uma juventude além de seu tempo Filme, que estreia amanhã, traz uma ousada Kristen Stewart em cenas de sexo, além da brasileira Alice Braga Escrito em 1951, o romance beat “On The Road”, de Jack Kerouac, incorporou a realidade de uma geração rebelde de jovens e chocou os conservadores da época. Afinal, retratava personagens libertários, que queriam seguir seus próprios caminhos, usavam drogas para expandir a mente e experimentavam o sexo sem pudores. Transpor o livro para o cinema era, desde então, um desejo de cineastas. O sonho, porém, nunca se concretizou. Até hoje. Coube ao diretor brasileiro Walter Salles tornar o projeto, enfim, realidade. Antes de “Na Estrada” ganhar versão cinematográfica, Salles fez um documentário prévio sobre a história, na busca de “uma identidade para o longa”. Em maio, o filme, que tem no elenco Sam Riley, Gar-

ret Hedlund, Kristen Stewart e participação de Alice Braga, disputou a Palma de Ouro em Cannes. “Foi um processo inspirador. Sem ele não teria sido possível fazer o filme. Enquanto o documentário foi alimentando o roteiro e procurávamos personagens ainda vivos, decidimos: o longa tem que ser feito”, conta Salles, que leu Kerouac pela primeira vez aos 18 anos. “Li várias vezes e em cada uma tive uma reação diferente. Tem algo que fica que é o momento de transformação interna que vivemos aos 18 anos, quando queremos ampliar as possibilidades. Esses relatos de formação encontramos em qualquer geração. É o que faz esse livro sobreviver ao tempo”, conclui.

Kristen sem pudores “Na Estrada” narra a história do jovem escritor Sal Paradise (Riley), que tem a vida transformada ao conhecer Dean Moriarty (Hedlund), que namora Marylou (Stewart), de 16 anos. Embalados por sexo - incluindo cenas de “ménage à trois” com os personagens -, drogas, bebop e jazz, eles cruzam os EUA em busca da última fronteira americana, ultrapassando todos os limites conservadores de sua época. “Todas as experimentações e aventuras são vividas. Mas há, também, uma viagem interna que vem junto com a dor”, define Walter Salles. GISLANDIA GOVERNO METRO RIO

Diretor retratou Hedlund dentro do Hudson usado nas cenas

Salles rodou 100 mil quilômetros para filmar o longa

Em foto de Salles, Garret e equipe no fim das filmagens FOTOS WALTER SALLES

‘On The Road’

Cássia Eller O filho de Cássia Eller (1962-2001), Chicão, e a ex-parceira da cantora, Maria Eugênia, aceitaram a proposta do produtor Gustavo Nunes e vão fazer um musical sobre a artista. Para escolher o papel de Eller, nada de famosos. Haverá um reality show que vai passar por seis cidades do país. Com estreia prevista para abril do ano que vem, o texto vai ser um mix da obra e da vida de Cássia, e terá como diretor musical o músico e amigo Nando Reis. Além disso, o espetáculo vai contar com a banda original que tocava com a cantora nos shows. METRO

Trio principal do filme: os atores Sam Riley (ao fundo), Kristen Stewart e Garret Hedlund DIVULGAÇÃO

Para que os personagens de “Na Estrada” encontrassem a última fronteira dos EUA, Walter Salles e equipe percorreram, aproximadamente, 100 mil quilômetros em busca de uma geografia que não fosse poluída, como nos centros urbanos. “Foi bem difícil. Às vezes, desesperador”, conta o diretor, que registrou, com sua câmera, fotos em preto e branco da aventura.

DIVULGAÇÃO

‘Conversa de Gente Grande’, com Marcelo Tas, estreia no domingo No comando do “CQC”, da Band há cinco temporadas, Marcelo Tas não consegue parar quieto. A nova empreitada do apresentador estreia neste domingo, às 20h, com o programa “Conversa de Gente Grande”. A atração vai se utilizar da inteligência e experiência de Tas para entrevistas com diversos personagens. Dessa vez, no entanto, ele estará acompanhado de temíveis, astutas e sinceras crianças, na faixa dos 3 aos 12 anos, que não têm medo de falar o que pensam. “Eles comentam de tudo,

de assuntos da vida adulta, como violência, drogas e relacionamentos, até seus grandes problemas, como notas baixas, briga com amiguinhos… Cada gravação é surpreendente, pois os pequenos são imprevisíveis e sempre têm algo inesperado a dizer”, comenta Tas. O apresentador destaca o fato de a atracão ser voltada para toda a família e que, apesar das crianças, vai dialogar com o mundo dos adultos. “Os entrevistados ficam em cada situação que até eu me surpreendo”, diz. O “CGG” – como é cari-

nhosamente chamado – vai ter quadros como o “Mano a Mano”, uma série de entrevistas irreverentes e cômicas entre Tas e uma criança. Há espaço também para esquetes rápidos, como câmeras escondidas, paródias de programas, comentários sobre acontecimentos atuais e interpretações de vídeos famosos. “O programa não é um show de talentos. O foco aqui é a entrevista a partir de outra ótica, a das crianças, que muitas vezes parecem inocentes, mas são certeiras”, explica Tas. METRO

Marcelo Tas conversa com as crianças do “CGG”


BRABC_2012-07-13_23.qxp:BRAZIL

7/12/12

5:24 PM

Page 1


BRABC_2012-07-13_24.qxp:BRAZIL

24

7/12/12

8:12 PM

Page 1

cultura

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 13 DE JULHO DE 2012

Intérprete de si Miranda Kassin deixa de lado versões de Amy Winehouse e outras divas para apresentar seu primeiro disco de músicas autorais Cantora apresenta o álbum “Aurora” em show no Auditório do Ibirapuera CISCO VASQUES/DIVULGAÇÃO

Cantora profissional desde 2003, Miranda Kassin entra em um novo ciclo musical. O primeiro aconteceu ao largar o trabalho em marketing para se dedicar completamente a cantar. Agora, chegou a vez de mostrar seu primeiro disco autoral. Conhecida nos palcos paulistanos por interpretar grandes divas do soul, co-

mo Amy Winehouse, Kassin sobe ao palco do Auditório Ibirapuera amanhã para apresentar o disco “Aurora”. Gravado no sítio do produtor Fábio Pinczowski, a cantora lança o projeto para mostrar que, além de intérprete, pode também ser uma boa compositora. “As letras vieram na forma de um diário, como se eu compilasse minhas

reflexões do dia a dia. Peguei tudo e fiz um ‘resumão’, em oito faixas que conversam bastante entre si”, explica. A coesão que ela busca entre as músicas sintoniza com a própria coesão buscada por ela na carreira, que alcança agora um ponto de equilíbrio. “Senti que o público pedia por um material só meu.” “Além DIVULGAÇÃO

Cícero em seu apartamento

disso, também rola um certo preconceito por quem só interpreta – mesmo tendo Elis, Gal ou Etta James para provar o contrário”, analisa Kassin. “Quero mostrar quem é a Miranda, sem a sombra de Amy ou qualquer outra diva". Ao contrário do soul que permeia seus shows, o novo trabalho quase não tem esse elemento. “Abri

espaço para brotar o que fosse, sem pensar em gênero. Foi um processo natural, com influência de coisas que gosto.” No show, além das músicas do álbum, Kassin vai cantar trabalhos inéditos, versões e até um cover do “Clube da Esquina”, de Lô Borges e Milton Nascimento. “O disco e o show me retratam muito. Eles

estão muito bem costurados. Se gostam de mim, vão gostar do meu trabalho. Espero!”, diz ansiosa. No Auditório Ibirapuera (av. Pedro Álvares Cabral, s/n, portão 3, tel.: 3629-1075) Amanhã, às 21h. R$ 20.

PAULO BORGIA METRO SÃO PAULO

Cícero faz pocket show no Cambridge

Dia do Rock em São Paulo

uma sala (risos)”, diz. “Canções” começou a ser distribuído pelo selo Deck mês passado, mas Cícero não pretende deixar de lado sua veia independente. “Isso é mais um estado de espírito. Faço parcerias, mas continuo tomando conta das coisas. As decisões são minhas. Não é fácil viver assim, não tem glamour, mas me viro bem”, explica. Para este ano o cantor não deve lançar novo material. “Não tenho nada planejado e nem curto muito fazer isso. O planejamento tira um pouco da surpresa. Só sei que, em algum momento, quero finalizar um livro, mais um disco, conhecer pessoas novas, viajar… O que pintar eu topo!” METRO

A comemoração do Dia Mundial do Rock, celebrado hoje, começa cedo na capital paulista. A partir das 7h30, um caminhão vai sair do parque Ibirapuera levando em sua caçamba Lobão, Nasi e outros músicos em uma jam session. O show terá transmissão em facebook.com/ conversebrasil. No Manifesto Bar, as bandas Torture Squad e Carro Bomba fazem shows de lançamentos de discos a partir das 22h. (r. Iguatemi, 36, tel.: 3168-9595, R$ 25). Já no Sesc Ipiranga (r. Bom Pastor, 822, tel.: 3340-2000, às 21h), a lendária Made In Brazil celebra seus 45 anos em um show com releituras de clássicos do rock. METRO

Muita coisa pode mudar na vida de uma pessoa em um ano – e Cícero sentiu isso muito bem. O cantor carioca lançou em junho de 2011 seu primeiro trabalho solo, “Canções de Apartamento”, e virou sucesso imediato. Aclamado pela mídia, público e artistas consagrados, como Marcelo Camelo e Marisa Monte, o jovem de 25 anos celebra agora a marca de 200 mil downloads do seu trabalho e faz o pré-lançamento do clipe da música “Laiá, laiá” amanhã, no Hotel Cambridge. “Esse período foi uma sucessão de surpresas. O público foi incrível, principalmente pelo Facebook, onde disponibilizei o disco e tive retorno rápido”, conta o músico. Apesar do reconhecimento, a rotina continua quase a mesma. “Na verdade só mudei de apartamento. Agora tenho um quarto e

No Hotel Cambridge (r. João Adolfo, 126, tel.: 3101-2537). Amanhã, às 22h. R$ 25 (antecipado) e R$ 30 (porta).


BRABC_2012-07-13_25.qxp:BRAZIL

7/12/12

8:23 PM

Page 1


BRABC_2012-07-13_26.qxp:BRAZIL

7/12/12

5:54 PM

Page 2

cultura

26

www.readmetro.com

SEXTA-FEIRA, 13 DE JULHO DE 2012

A dança que se sente “A dança é uma arte muito linda e muito desafiadora. Me sinto livre no palco.” GEYZA PEREIRA, 26 ANOS

A companhia se apresenta pela segunda vez na cidade e promete um espetáculo emocionante

DIVULGAÇÃO

Sapatilhas cor-de-rosa, collant, meia-calça, cabelos presos e um desafio: deslizar pelo palco sem enxergá-lo. E é assim de figurino completo e ao som de Dom Quixote, que a Companhia de Balé de Cegos Fernanda Bianchini chega ao ABC. A apresentação única e gratuita será encenada no Teatro Santos Dumont, em São Caetano, no domingo, às 17h. Quem for para a apresentação terá a oportunidade de ver como esses bailarinos se saem nos palcos. “A dança é uma arte muito linda e, no palco, consigo expressar os meus sentimentos, por meio de leves movimentos”, afirmou Geyza Pereira, primeira bailarina da companhia. Juntos, os seis bailarinos se encontram em uma sincronia perfeita, criando

um verdadeiro exercício de superação e emoção. Este trabalho, bem como seu método, é pioneiro no mundo e foi desenvolvido voluntariamente pela bailarina e fisioterapeuta Fernanda Bianchini. Com a dedicação da professora e suas alunas, o grupo foi quebrando paradigmas, superando barreiras e transformando o que parecia ser impossível: dançar o balé sem ver o palco e os movimentos da dança. O balé clássico é uma dança muito desafiadora e sincronizar os movimentos entre os bailarinos não é uma tarefa fácil. A professora pede que as alunas coloquem as mãos em seus tornozelos para sentir seus movimentos. “O toque é a nossa principal ferramenta durante as aulas”, disse Marina Guimarães, bailarina e

aluna há 15 anos. A companhia conta hoje com dez professores de dança clássica, entre eles as próprias alunas. A professora Marcia Bueno está na companhia desde o início, e acredita que os primeiros passos são os mais difíceis, por conta do balé ser uma dança muito técnica. “Depois dos primeiros ensinamentos, é só deixar a dança fluir dentro deles", afirmou a professora. A Companhia

A associação é gratuita a todos os deficientes visuais, de todas as idades, com aulas de balé clássico, sapateado, dança de salão, capoeira, danças folclóricas e teatro. Pela experiência desses 17 anos, a professora afirma que o “balé melhora a postura, o equilíbrio, a noção espacial e

corporal, além da auto-estima do deficiente, possibilitando o rompimento de barreiras e preconceitos”, afirmou. Faz parte também dos objetivos da associação estar qualificando profissionais da área de dança para trabalhar com esse público. O espetáculo encenado apresentará pequenos trechos instrumentais e vocais da obra de Don Quixote. A faixa etária é livre e a entrada é gratuita. O Teatro Santos Dumont está localizado na avenida Goiás, 1.111, Centro, São Caetano. Mais informações do espetáculo pelo telefone 4227-7761. Interessados em conhecer a academia da professora Fernanda Bianchini podem ligar para 5575-9898 ou acessar o portal www. ciafernandabianchini.org. br. METRO ABC

ANDRÉ AMERICO/METRO ABC

Teatro Santos Dumont, em São Caetano, exibe no domingo, às 17h, o espetáculo de dança clássica ‘Superando Limites’ apresentado pela Companhia de Balé de Cegos Fernanda Bianchini A entrada no evento é gratuita

Marina ensaiando para apresentação de domingo


BRABC_2012-07-13_27.qxp:BRAZIL

7/12/12

6:54 PM

Page 1


BRABC_2012-07-13_28.qxp:BRAZIL

7/12/12

7:57 PM

Page 1

www.readmetro.com

variedades

28

SEXTA-FEIRA, 13 DE JULHO DE 2012

Os invasores

Receita Minuto

Leitor fala Rodoanel

DANIEL BORK

CALDEIRADA Cruzadas

U

m cozido preparado com diversas variedades de peixes, batatas, tomates, frutos do mar etc... O tempero inclui vários condimentos como azeite, sal, pimenta, salsa, entre outros. A caldeirada pode ser mais ou menos líquida: por vezes, é servida como uma sopa, em algumas regiões é frequente servi-la com fatias de pão ou com pedacinhos de pão torrado.

Esse rodoanel tem que entrar pra história do país como o maior desvio de verba pública que se tem notícia. Demorou muito mais do que o esperado, nada funciona direito, o asfalto já está ruim e agora essa dos telefones não funcionarem. Se o carro quebrar lá faz o que? Porque celular também não pega naquela região. Esse Rodoanel é uma palhaçada sem tamanho. Renato Bizarri, São Bernardo

LUANA LACERDA/PORTAL DA BAND

Prevenção Esse tempo frio é propício para a proliferação de diversos vírus, principalmente o da gripe. É importante ficar atento, usar o álcool em gel e se agasalhar bem. Mesmo com a vacina em dia, é importante tomar essas precauções para não ficar "de molho" nesse inverno. Marcela Malta, Santo André

Pergunta

Sudoku

Siga o Metro no Twitter: @jornal_metro

Ingredientes ½ xícara (chá) de azeite 2 cebolas picadinhas 4 tomates sem sementes picados ½ kg de abadejo em cubos 1 xícara (chá) de camarões pequenos 1 xícara (chá) de anéis de lulas 1 xícara (chá) de polvo 1 xícara (chá) de vôngoles

A taxa básica de juros caiu para 8% ao ano, a oitava queda seguida. Você está sentindo alguma diferença nos juros cobrados pelo seu banco?

com casca 1 xícara (chá) de vieiras 1 xícara (chá) de coentro picado 2 envelopes de hondashi ½ litro de água quente 2 xícaras (chá) de vinho branco seco 2 folhas de louro 1 colher (café) de sal

@guti.009: Não, pra mim não mudou nada, pelo menos por enquanto. @ca_fgc: Eu até senti, mas muito pouco. @leticiafsampaio: Eu fiquei sabendo disso mas não senti nada.

Modo de preparo Comece refogando no azeite as cebolas junto com os tomates. Em sequência coloque o restante dos ingredientes, abaixe o fogo e cozinhe até que tudo esteja macio e gostoso. Sirva com arroz branco.

Horóscopo

Web Para falar com a redação: leitor.abc@metrojornal.com.br Participe também no Facebook: www.facebook.com/metrojornal

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Áries (21/3 a 20/4) Grandes acordos significam mais compromissos e deveres que poderão exigir muito mais dedicação da sua parte. Necessidade de sair da preguiça e se animar. Touro (21/4 a 20/5) Rigidez nos assuntos do dia, não vai ser possível dispor de muitas possibilidades, acordos e compromissos assumidos tendem a te deixar com poucas opções. Gêmeos (21/5 a 20/6) Dia de prestigiar os amigos, familiares e parceiros de negócios. Ganhos e vantagens só se concretizarão com a participação destas pessoas, juntas com você. Câncer (21/6 a 22/7) Hoje os seus acordos e propósitos podem se tornar divergentes dos objetivos do seu grupo. Tente administrar as diferenças sem criar desgastes pessoais.

Leão (23/7 a 22/8) Dia favorável ao surgimento de grandes acordos. Algumas dificuldades podem levar as pessoas a tomarem você como sendo a melhor opção para todo o grupo. Virgem (23/8 a 22/9) Se você sentir que as coisas não estão fluindo muito bem, saia um pouco de circulação, não adianta insistir na hora errada. Espere as coisas melhorarem. Libra (23/9 a 22/10) Boas parcerias exigem mais atenção pelas pessoas e fidelidade. Não dê motivos para que os seus parceiros duvidem da sua lealdade e compromisso para com eles. Escorpião (23/10 a 21/11) A concorrência vai querer o seu espaço de volta, dia de confrontos que podem ser mais bem resolvidos com boas negociações e acordos secretos, sem desgastes.

Sagitário (22/11 a 21/12) Falta de flexibilidade. Parceiros e amigos exigindo a sua presença e o cumprimento de acordos importantes dos quais é melhor você não tentar se desvencilhar. Capricórnio (22/12 a 20/1) Ajude as pessoas a cumprirem as suas metas, notícias eloquentes ou boatos podem fazer com que elas se afastem dos seus objetivos e se arrependam mais tarde. Aquário (21/1 a 19/2) Perigo com novas ideias, não é dia de inovar e sim de seguir receitas de bolo. Tudo passo a passo e com bastante calma para não se atrapalhar. Evite riscos. Peixes (20/2 a 20/3) Conquiste as pessoas, traga elas para mais próximo de você. Não adianta mais ficar discutindo por coisas que podem não ter mais nenhum sentido prático.


BRABC_2012-07-13_29.qxp:BRAZIL

7/12/12

6:08 PM

Page 1

29

www.readmetro.com

esporte

SEXTA-FEIRA, 13 DE JULHO DE 2012

Depois de chegar com um ‘contrato de experiência, atacante Betinho se destaca nas finais da Copa do Brasil diante do Coritiba e conquista o respeito da torcida palmeirense

3 Betinho: HEULER ANDREY/AGIF/FOLHAPRESS

esporte

o herói improvável

Fala campeão!

Marcos EX-GOLEIRO DO PALMEIRAS

Renovação de recompensa

‘A ficha ainda não caiu’

MAIS SEIS MESES. Autor do gol do título do Palmeiras e candidato a novo xodó da torcida, Betinho vai permanecer. Como prêmio por seu desempenho nas finais contra o Coritiba – quando substituiu Barcos – o atacante terá renovado seu contrato com o Verdão, que inicialmente era de três meses para um período de testes. METRO

É COMIGO? O atacante deixou de ser motivo de piada e virou herói. Na primeira mostra da idolatria, o antes desconhecido jogador foi recebido no desembarque do elenco, na manhã de ontem, com gritos de “ão, ão, ão, Betinho é Seleção”. Agora, o camisa 33 terá que se acostumar com o assédio.

FICA FELIPÃO!

Técnico cogita ficar O técnico Luiz Felipe Scolari já deixa em aberto a possibilidade de renovar contrato com o Palmeiras. Um dia após a conquista da Copa do Brasil, Felipão não vetou a possibilidade de prorrogar o seu vínculo com o clube, que acaba no final do ano. “É melhor seguir o rumo normal do contrato atual e deixar as

“O jogador foi bem nesta reta final, entrou e resolveu nossos problemas. É um predestinado. Acho que foi iluminado por Deus.” ARNALDO TIRONE, PRESIDENTE

coisas acontecerem”, falou Felipão à “Globo”. “Vamos deixar as coisas acontecerem. Estamos celebrando, mas precisamos pensar que estamos em 18º no Brasileiro. Não vale a pena pensar lá na frente e pagar mico agora”, continuou. Esta é a primeira vez que Felipão deixa no ar a possibilidade de ficar no Palmeiras para a disputa da Libertadores de 2013. Até agora o treinador dizia que deixaria a equipe no término do contrato. METRO

“Não caiu a ficha ainda. Estou emocionado. Recebi muitas ligações de familiares, amigos... Estou muito feliz. Só tenho a agradecer ao ‘papai do céu’, depois à comissão técnica e aos meus companheiros, que me ajudaram muito”, disse um ainda tímido Betinho em entrevista ao “Jogo Aberto”, da Band. METRO

“Gambazada, preste atenção: no ano que vem não é o Boca, é o Verdão!”

1

gol apenas tem Betinho com a camisa do Palmeiras. O atacante de 25 anos chegou em maio deste ano ao Verdão, vindo do São Caetano, onde amargava a condição de reserva no Campeonato Paulista.

Desfile da redenção

Valdivia MEIA

“Enquanto a diretoria quiser que eu fique, eu vou ficar, porque eu não tenho vontade nenhuma de deixar este clube. Aqui é minha casa.”

Marcos Assunção VOLANTE

Carreata alviverde causou euforia da torcida no trajeto até o CT da Barra Funda REINALDO CANATO/FOLHAPRESS

Verdão elétrico

Após desembarcarem em Congonhas, os jogadores do Palmeiras subiram em um trio elétrico e foram desfilar pelas ruas de São Paulo. A caminho da Academia de Futebol – ao som do hino alviverde – jogadores e dirigentes fizeram muita festa.

“Cumpri o que eu queria, que era dar um troféu para esta torcida. Agora, se eu parar amanhã, não devo nada a ninguém.”


BRABC_2012-07-13_30.qxp:BRAZIL

30

7/12/12

10:01 PM

Page 2

esporte

Mano testa Oscar no lugar de Ganso Mano Menezes começou a esboçar o time titular da Seleção na Olimpíada de Londres. Na parte final do treino, o técnico escalou Rafael na lateral direita, em uma simulação de ataque contra defesa, e confirmou a presença de Oscar no meio, como o camisa 10. Ele manteve o jogador do Inter, deixando o santista Paulo Henrique Ganso como reserva. O time titular foi escalado com Rafael Cabral; Rafael, Thiago Silva, Juan e Marcelo; Sandro, Rômulo e Oscar; Hulk.

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 13 DE JULHO DE 2012

Metro entrevista

Neymar e Leandro Damião, titulares nos últimos amistosos, atuaram no time reserva para dar trabalho à equipe principal na defesa. Amistoso

O Brasil embarca segundafeira para a Grã-Bretanha, onde fará, dia 20, um amistoso contra os donos da casa. Seis dias depois, o time estreia na Olimpíada contra o Egito. Pelo Grupo C, a Seleção enfrentará ainda, na primeira fase da Olimpíada, a Bielorrússia e a Nova Zelândia. METRO

Forlán quer se adaptar rapidamente ao futebol brasileiro

MOWA PRESS/DIVULGAÇÃO

Filho de Pablo Forlán, ex-ídolo do Cruzeiro e do São Paulo, Diego deixou o Inter de Milão e é a nova estrela do Internacional

DIEGO FORLÁN ‘QUERO COMPLETAR MEUS TRÊS ANOS AQUI E GANHAR TÍTULOS PELO INTERNACIONAL’ Oscar ganha vaga do santista Ganso no time titular

Roupa olímpica O Comitê Olímpico Brasileiro divulgou os trajes que os atletas brasileiros utilizarão na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Londres, em 27 de julho. Os uniformes foram desenvolvidos com a consultoria da designer de mo-

da Eliza Conde.“O resultado final ficou muito bonito. O Brasil estará bem representado na Cerimônia de Abertura dos Jogos Olímpicos de Londres” disse o presidente do COB, Carlos Arthur Nuzman. METRO

Brasileiros estarão elegantes em Londres

DIVULGAÇÃO

A calorosa recepção feita pela torcida do Inter na gelada e chuvosa tarde de sábado surpreendeu a Diego Forlán. Antes de dar o primeiro passe e marcar o primeiro gol, ele já é um ídolo do torcedor. O atacante uruguaio entendeu rapidamente o que representa a sua presença no clube e no futebol brasileiro. O melhor jogador da última Copa do Mundo, em 2010, na África do Sul, chega como uma das maiores contratações da história do futebol brasileiro. Ainda sem data para estrear com a camisa colorada, Forlán aprimora o condicionamento físico e vai se adaptando a nova realidade. Após participar do programa “Jogo Aberto RS”, na TV Bandeirantes, o novo reforço atendeu com exclusividade a reportagem do Metro e falou um pouco de seu retorno ao futebol sul-americano, o seu futuro e a recepção que teve pelos demais jogadores do elenco do Inter. Quando você saiu da América do Sul e depois de tanto tempo de Europa, você imaginava retornar como uma grife do futebol?

Não, na verdade não. Sempre quero fazer um bom jo-

go, mas jamais pensei assim. Sempre tive vontade de jogar e fazer o melhor possível para desfrutar do tempo dentro de campo. Sua carreira na Europa foi muito boa, mas o que você tirou de lição do que acabou dando errado nesses anos?

É sempre a vontade de querer jogar e saber quando parar. O mais importante que se deve aprender é isso, sair por cima. Você teve um começo difícil no Manchester United, na sua primeira experiência no futebol europeu. O que se tira disso para esse início?

Não, sempre tive a possibilidade de jogar e jogar bem. Foram anos muito bons que eu tive. Agora vim para um país novo como o Brasil, em termos de futebol. Conheço bem o país, meu

“Vou treinar e me preparar para aprender tudo do futebol daqui, que é diferente de outros que joguei.” DIEGO FORLÁN

pai jogou aqui, minha família toda morou aqui. É um país que temos muito carinho. Tenho que treinar e me preparar bem para começar e aprender tudo sobre as características do futebol daqui, que é diferente do de outros lugares em que joguei. Todas as ligas tem características diferente uma da outra.

O Guiñazu, com quem você jogou no futebol argentino, será o seu guia na cidade?

Você nunca jogou profissionalmente no seu país, o Uruguai. Pensa em encerrar a carreira lá?

Além do seu pai, você tem algum outro ídolo no futebol? Algum jogador brasileiro?

Não. tenho três anos de contrato aqui no Inter. Quero completar os três anos aqui e ganhar títulos pelo Inter. Com 33 anos, você poderia encerrar a carreira no Inter?

Não sei. Quero jogar muito mais tempo, se tiver a oportunidade de jogar aqui, quero seguir jogando aqui, mas tem que ver. Agora é difícil prever isso. Meu pai, por exemplo, jogou até quase os 40 anos. Como o elenco do Inter te recepcionou?

Muito bem. Ontem (terçafeira), eu conheci todos. Os jogadores me recepcionaram bem. Aos poucos vou conhecendo todos.

Não sei, mas tanto o Guiñazu, o Bolatti, o Dátolo e o D’Alessandro estão ali para me ajudar. Eles já falaram que qualquer coisa que eu necessite eles vão me ajudar. Como outros jogadores brasileiros também me disseram isso.

Sim, sim tenho. Tem grandes jogadores que jogaram aqui. Lembro muito do Silas. O Totinho Cerezo também. Sempre gostei do Brasil, sempre teve jogadores de grande qualidade. Quando jovem você também jogava tênis, quando você optou por jogar pelo futebol?

Faz 15 anos que decidi pelo futebol. Sempre tive as duas possibilidades. No fim acabei escolhendo o futebol. Eu também era ofensivo no tênis. Sou destro no futebol e canhoto no tênis. Gostava muito de jogar tênis e até hoje eu jogo quando posso. VALTER JUNIOR

METRO PORTO ALEGRE


BRABC_2012-07-13_31.qxp:BRAZIL

7/12/12

9:52 PM

Page 2

esporte

AMANHÃ

x

Com o final da Libertadores e da Copa do Brasil, todos os clubes podem voltar suas forças para o Brasileirão Craques do futebol mundial desembarcam no nacional NÁUTICO

18h30

FIGUEIRENSE

x

ATLÉTICO-MG

18h30

PONTE PRETA

x

CORITIBA

21h

DOMINGO

BOTAFOGO

x

FLUMINENSE

16h

INTERNACIONAL

x

SANTOS

16h

CRUZEIRO

x

GRÊMIO

16h

BAHIA

x

FLAMENGO

16h

VASCO

x

ATLÉTICO-GO

18h30

PALMEIRAS

x

SÃO PAULO

18h30

SPORT

x

SEXTA-FEIRA, 13 DE JULHO DE 2012

Agora vai começar

Brasileirão 9ª rodada

CORINTHIANS

31

www.readmetro.com

PORTUGUESA

18h30

CLASSIFICAÇÃO

Oito rodadas já se passaram do Campeonato Brasileiro, e como já é tradicional, os times que avançaram até as fases finais da Taça Libertadores e da Copa do Brasil – que encavalam com o início do nacional – costumam ter que correr atrás do prejuízo quando estas “competições paralelas” terminam. O Corinthians, que conquistou o inédito título do torneio sul-americano, é o penúltimo colocado no Brasileirão. Com apenas 5 pontos ganhos, o time ainda vive a ‘ressaca’ pelo título: um empate e uma derrota na era pós-conquista. Tite, que teve que poupar os titulares no início do nacional, já deu o recado ao elenco: “Não dá para baixar a guarda. Ganhamos e já tomamos um choque. Agora temos que aprender rápido.” Situação parecida vive o Palmeiras. Campeão da Copa do Brasil, o alviverde – assim com o Timão – já está garantido na Libertadores do ano que vem. Mas a situação no Brasileiro exige cuidados. Na 18a colocação, o Verdão precisa voar para não ficar para trás na luta do Brasileiro, e seguir o exemplo do Vasco de 2011 que, vencedor da Copa do Brasil, brigou pelo título nacional até a última rodada. E para iniciar a reação, o Palmeiras tem pela frente o São Paulo no próximo domingo. Diferentemente dos rivais da capital, que já estão garantidos na Libertadores 2013, o Tricolor está pressionado. Sem levantar

um caneco há algum tempo, a torcida exige um bom desempenho no Brasileirão para apagar as campanhas recentes.

E para isso, o time do Morumbi trouxe o treinador Ney Franco, que fará sua estreia justamente contra o Verdão. Na 5a colocação do

Brasileiro, o novo técnico acredita que pode fazer bonito na competição. “O Milton Cruz [interino] fez um belo trabalho, me entregou

a equipe bem classificada. Vendo o São Paulo, percebese que o elenco é forte e que temos condições de fazer um bom trabalho”, disse o comandante. Mas se o treinador sãopaulino está otimista, o mesmo não se pode dizer do santista. Muricy Ramalho, que tinha um elenco qualificado no primeiro semestre, viu seu time ruir. Logo ao fim da participação do time na Libertadores, o técnico perdeu nomes como Borges, Renteria, Elano, Alan Kardec e, provavelmente, Ganso seja o próximo. Além disso, Neymar, Rafael e o próprio Ganso, que disputam as Olimpíadas, desfalcarão o Peixe durante oito rodadas. “O Brasileiro é muito pesado, a diretoria sabe. Mas vamos lutar, porque eu não abaixo a cabeça nunca, não jogo a toalha. Mas precisamos de reforços de peso”, disse Muricy. Enquanto o Peixe aguarda nomes consagrados, outros clubes já se deliciam com suas contratações bombásticas. Em uma corrente contrária a habitual, grandes craques do futebol mundial chegaram aos clubes brasileiros e já enchem suas torcidas de esperança. Seedorf, Forlán, Deco, D’Alessandro, Guerrero... nomes que antes só era possível ver pela TV, agora desfilarão em gramados brasileiros. WILSON DELL’ISOLA METRO SÃO PAULO

P V GP SG 1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º 11º 12º 13º 14º 15º 16º 17º 18º 19º 20º

ATLÉTICO-MG FLUMINENSE VASCO BOTAFOGO SÃO PAULO INTER CRUZEIRO GRÊMIO FLAMENGO PONTE PRETA NÁUTICO SPORT PORTUGUESA SANTOS FIGUEIRENSE CORITIBA BAHIA PALMEIRAS CORINTHIANS ATLÉTICO-GO

19 18 17 15 15 15 14 12 12 12 10 9 8 8 8 7 7 5 5 2

6 5 5 5 5 4 4 4 3 3 3 2 2 1 1 2 1 1 1 0

12 15 15 20 11 12 11 9 13 9 9 8 5 7 8 13 6 7 5 2

9 10 4 6 2 5 3 1 1 1 -6 -2 -5 0 -2 -3 -4 -3 -6 -11

Classificados para a Libertadores Rebaixados para a Série B

CELSO PUPO / FOTOARENA

Brasileirão estrelado

FERNANDO SOUTELLO/AGIF/FOLHAPRESS

Uma das maiores estrelas do futebol mundial, o meia Holandês Seedorf desembarcou no Botafogo após se desligar do Milan. O jogador de 36 anos, aliás, dedicou 14 deles à seleção do seu país.

MARCELO PRATES/HOJE EM DIA/FOLHAPRESS

Depois de uma passagem apagada pelo Flamengo, Ronaldinho Gaúcho acertou sua transferência para o Atlético-MG. Pentacampeão com a Seleção em 2002, o meia tenta reviver seus dias de glória no Galo.

GUSTAVO GRANATA/AGIF/FOLHAPRESS

Eleito o melhor jogador da Copa do Mundo de 2010, Diego Forlán trocou a Inter de Milão pelo Inter-RS. O uruguaio, inclusive, é o recordista de gols pela seleção do seu país: 33.

Brasileiro naturalizado português, Deco – que atuou por sete anos na ‘Seleção das Quinas’ – é uma das armas do meio-campo do Fluminense. O jogador também tem passagens por Barcelona, Benfica, Porto e Chelsea.


BRABC_2012-07-13_32.qxp:BRAZIL

7/12/12

6:55 PM

Page 2

20120713_br_metro abc  

ABC Dança e sentimento Forlán diz que ‘está em casa’ Dos 18 pontos com maior incidência de casos em Santo André e São Bernardo, 50% ficam pr...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you