Page 1

PUB

JORNAL MENSAL DE DESPORTO DO CONCELHO DE SINTRA • DIRETORA: GRAÇA TRACANA ANO VII • N.º 77 • fevereiro 2013 // GRATUITO

Sintra Desportivo Estágio de Karaté, no Centro Shotokai de Queluz

Pág. 8 Desporto escolar

5ºaniversário

Estágio de karaté

dakar 2013

Uma grande mais valia para as escolas

Casa do Benfica Algueirão MM

Centro shotokai de Queluz

Hélder Rodrigues em 4ºlugar

Cada vez mais as escolas investem na melhoria das suas instalações. Sendo uma das mais valias para todos os alunos, que vão tendo um maior êxito no âmbito do desporto escolar e nas suas atividades.

Aproxima-se o 5º aniversário da casa do Benfica de Algueirão-MM. O atual presidente da casa, falounos um pouco de algumas participações e de eventos ligados ao clube, a que têm participado.

Numas iniciais e antigas instalações deste centro, realizou-se o 1º estágio de karaté em Portugal. Com anos de trabalho e dedicação, e algumas mudanças , o centro Shotokai de Queluz volta mais uma vez a realizar um estágio de karaté.

Hélder Rodrigues acabou a sua participação no Dakar 2013, com uma admirável posição, da etapa que ligou La Serena a Santiago do Chile.

pág.4,5

pág. 6,7

pág. 8

pág. 15 PUB


Sintra Desportivo fevereiro 2013

2

DESPORTO DO CONCELHO DE SINTRA

editorial

Atletismo

Acreditar até ao fim e "no tudo ou nada" Sintra volta a receber a prova de atletismo,

FICHA TÉCNICA Diretora: Graça Tracana

Propriedade: Mérito da Palavra, Lda. Morada: Av. dos Bombeiros Voluntários, n.º19, Loja 1 2725-592 Mem Martins

(direcao.gracatracana@gmail.com)

Contatos.: 219 202 240/219 202 335

Chefe de redação: Verónica Ferreira

NIF: 510 015 603

Colaboradores: António Duarte, Carlos Gonçalves, Linda Alagoinha, Manuela Almeida,Rita Sousa, Rui Glórias, Nuno Pimenta, Paulo Carvalho, Paulo Sanches e Victor Martins.

Registo da ERC n.º (em fase de registo)

(redacao.desportivo@gmail.com) Fotografia: Nuno Pimenta, Sérgio Martinho, Paulo Carvalho e Paulo Sanches. Conceção gráfica: Vera Tracana (design.mpalavra@gmail.com) Periodicidade: Mensal. Serviços administrativos: Alexandra Dias (contabilidade.mpalavra@gmail.com) Equipa comercial: Carlos Gonçalves, José Rebelo, José Aguiar, Maria Almeida e Sónia Rodrigues.

Grande Prémio “Fim da Europa”

FOTOS: DIREITOS RESERVADOS- SÉRGIO MARTINHO

N

ovo ano , traz-nos novas motivações e ainda uma grande coragem para novos desafios. Cada vez mais deve ser a nossa preocupação, pois é o combustível que nos faz funcionar. A Motivação é uma palavra que todos ouvimos falar, mas defini-la não é assim tão fácil, pois depende de cada um de nós. Há que encontrar alternativas ao mais sombrio dos panoramas. Não é tempo para baixar os braços e desanimar. Esta é a altura ideal para reformar a mente e a atitude. As realidades mais acanhadas, mas de idêntico ou maior valor e mérito desportivo, estão agora, mais do que nunca, amedrontadas com a falta de apoio. Porque enquanto os resultados são bons, os apoios e patrocínios não acabam. Mas quando o medo e a insegurança se assentam, aqueles que nos abriram as portas são os primeiros a fechar todas as janelas. Vamos erguer a cabeça e perdurar. É essencial não perder a confiança num dia melhor e para vós, atletas e clubes sintrenses, a equipa do SINTRA DESPORTIVO deseja um excelente ano com muitas alegrias e bons resultados!

Cerca de 1200 atletas participaram numa das mais emblemáticas provas de Atletismo de Sintra, a vigésima terceira edição do Grande Prémio “Fim da Europa”, que se realizou no dia 27 de Janeiro, pelas 10h00.

Depósito legal: 266837/07 Tiragem média: 35000 Impressão: Gráfica Funchalense - Morelena, 2715 Pêro Pinheiro.

A iniciativa, organizada pela Câmara Municipal de Sintra, teve início na volta do Duche, no Centro Histórico de Sintra na Vila, pelas 10h00, terminou no Cabo da Roca, num percurso de 17km que teve a particularidade de

sintradesportivo.blogspot.com facebook.com/sintra.desportivo INTERDITA A REPRODUÇÃO DE TEXTOS, IMAGENS E ANÚNCIOS DE PUBLICIDADE SEM DEVIDO CONSENTIMENTO DO SINTRA DESPORTIVO

"atravessar" grande parte da Serra de Sintra. O tiro de partida foi dado em conjunto pelo vice-presidente da C.M.Sintra, Marco Almeida, o presidente da Associação de Atletismo de Lisboa, Marcel Almeida, e o presidente da Junta de Freguesia de S. Martinho, Fernando Pereira. O Grande Prémio “Fim da Europa” é considerado por muitos entusiastas do atletismo como uma das mais belas provas de estrada de todo o mundo e, quer pela sua singularidade quer pela sua dificuldade, faz parte da história recente do atletismo em Sintra. O internacional e olímpico Alberto Chaíça, em representação do Clube de Amigos de Atletismo do Parque da Paz, e Chantal Xhervelle (A.M. Casal das Figueiras) foram os vencedores masculinos e femininos. A corrida teve ainda a presença de três sintrenses no pódio na condição de vencedores do seu escalão: Estela Costa, Casa Benfica em Algueirão-Mem Martins (seniores femininos), Rosa Carita, CCD Sintrense (F50), e Carlos Neves, Real Academia (M60). Na cerimónia de entrega de prémios, marcaram presença, Carlos Pereira, em representação do Instituto Português da Juventude e Desporto, do Chefe da Divisão de Desporto da C.M. Sintra, Pedro Alves, e do presidente da Junta de Freguesia de Colares, Rui Santos. ■ RITA SOUSA

AS NOTÍCIAS DESTE JORNAL FORAM REDIGIDAS AO ABRIGO DO ACORDO ORTOGRÁFICO

Atribuição da Medalha de Mérito Municipal

"É uma prova da amizade que têm por mim"

(comercial.mpalavra@gmail.com)

FOTOS: DIREITOS RESERVADOS - CM SINTRA

PUB

António Faias, na cerimónia , em que foi destinguido.

António Faias, jornalista do Jornal de Sintra foi distinguido , pela Câmara de Sintra com a atribuição da Medalha de Mérito Municipal, “Grau Ouro”, numa cerimónia no Palácio Valenças. “Chegou a vez de se louvar a ética e a dedicação”, notou Fernando Seara ao homem que trabalhou e dedicou grande parte da sua vida ao jornalismo. António Faias tem-se dedicado ao longo de décadas, à imprensa nacional e regional, enquanto linotipista (de 1968 a 1990), jornalista e editor do Jornal de Sintra. Ao longo de toda a sua carreira, António Faias dedicouse à população do município de Sintra, na promoção e divulgação de coletividades e associações do concelho. Em 2009, nas Bodas de Ouro do Jornal de Sintra foi distinguido com a medalha de “Dedicação, Mérito e Competência”. Em 2011 foi galardoado com a Medalha Mérito da Freguesia de Rio de Mouro, onde reside desde 1968.

“Nervoso e assustado” e de voz rouca que escondia alguma emoção, António Faias agradeceu os elogios e as palavras proferidas pelo presidente da Câmara de Sintra, considerando-as “talvez exageradas, ou muito exageradas” e no seu estilo brincalhão e bem-disposto, confessou “o medo” que tem sentido nos últimos tempos, “desde que soube da notícia”, de tal forma, que “não me tem deixado dormir”, provocando uma saudável, gargalhada geral. Emocionado, “saúdo todos aqueles que aqui estão. É uma prova da amizade que têm por mim”, disse António Faias, agradecendo ao município de Sintra a atribuição do Galardão “que já mais sonhei, mas aconteceu” regozija-se, confessando sentir-se “desvanecido com o facto”, e com as inúmeras mensagens de felicitação de amigos e gente conhecida, reafirmando a justiça ■ RS da Medalha de Mérito.


Sintra Desportivo

JORNAL QUINZENAL

3 PUB

Andebol Atletismo

FOTOS: DIREITOS RESERVADOS

Corrida urbana noturna vai juntar mil atletas na Vila de Sintra no dia 23 de fevereiro

A Vila de Sintra vai ser palco de uma rara iniciativa de atletismo, o "Run!Sintra Trail by Night", com partida marcada para as 20h30 do dia 23 de fevereiro. "É a primeira prova noturna e a primeira prova de "urban trail" à volta da Vila mais famosa e visitada de Portugal. Os cerca de mil atletas vão passar pelas pequenas ruas e escadas da Vila de Sintra, passando pelo interior de algumas quintas, como a Regaleira, e pelos belos trilhos que a serra nos oferece com passagem pelas muralhas do Castelo, pelo Palácio e os seus jardins e isto tudo de noite", explicam os promotores. A iniciativa contará com a presença do atle-

ta Dean Karnazes, que aproveitará a ocasião para lançar o seu terceiro livro "RUN!" (CORRE!). "A edição portuguesa conta com um capítulo exclusivo sobre as aventuras do Dean correndo na Serra da Freita, Porto, Lisboa, e Sintra. O livro estará disponível em pré-venda junto com o ato de inscrição no evento, para entrega no dia da prova. Todos os exemplares comprados através do site serão autografados pelo autor." Além da corrida urbana, com 11 quilómetros, terá igualmente lugar uma caminhada de cerca de cinco quilómetros. As inscrições já abriram e estão limitadas a mil participantes. Mais informações emwww.runsintra.pt e em https://www.facebook.com/ RunSintraTrailByNight. ■ RS

Torneio de Judo António Matias

5º Torneio de Judo Memorial António Matias já que se tratava de uma prova de âmbito nacional e pontuável para o “ranking” de juniores. ■ RS FOTOS: DIREITOS RESERVADOS -NOTICIAS DE COLARES

O União Mucifalense, recebeu no dia 26 de janeiro, o 5º Torneio de Judo Memorial António Matias, no pavilhão desportivo do União Mucifalense em parceria com a Associação de Judo de Lisboa e com o apoio da Junta de Freguesia de Colares e Câmara Municipal de Sintra. Distanciado do resultado do ano anterior, não por culpa da União Mucifalense mas sim por culpa da Associação e Federação de Judo, que com as suas complicações, conseguiram denegrir uma das mais importantes provas do concelho de Sintra. O torneio de judo realizou-se, prestando assim homenagem ao professor António Matias. As pesagens dos judocas começaram pelas 11h00, com o sorteio aprazado para as 13h45. Pelas 14h30 tiveram início os combates que reuniram os melhores valores da modalidade


4

Sintra Desportivo fevereiro 2013

DESPORTO DO CONCELHO DE SINTRA

Desporto escolar

"Uma grande mais valia para a

Pavilhão Polidesportivo da escola secundária de Mem - Martins

A Escola Secundária de Mem Martins foi sujeita a obras de requalificação nos últimos dois anos tendo a parte desportiva sido melhorada e ampliada. Este conjunto de instalações desportivas permite melhorar a prática desportiva escolar, bem como, oferecer à comunidade local um conjunto de infraestruturas que possibilitam a realização de um leque alargado de atividades. No que concerne a planos de ação e projetos, no âmbito da Educação Física e Desporto, a escola desenvolve todo o seu trabalho em três grandes vetores: O projeto de Desporto Escolar; R.A.S.E.; Plano Anual de Atividades. No que diz respeito ao projeto de Desporto Escolar, ele é parte integrante do Projeto Educativo e do Plano Anual de Atividades da nossa escola, o que pressupõe que este seja operacionalizado em total complementaridade com o trabalho efetuado na disciplina curricular de educação física e com a participação comprometida e empenhada dos seus respetivos docentes. É um projeto plurianual que se afirma e consolida pela continuidade e pela criação de uma genuína cultura desportiva de escola, contribuindo desta forma para um melhor aproveitamento escolar e para o sucesso educativo, fomentando um clima de boas relações interpessoais e uma competição leal e fraterPUB

na. O projeto do Clube do Desporto Escolar é um instrumento de inclusão e promoção do sucesso escolar. Este ano os núcleos de Desporto Escolar são Andebol, Badminton, Basquetebol, Desportos Gímnicos, Futsal e Voleibol. O Rastreio e Acompanhamento de Saúde Escolar (RASE) é um projeto multidisciplinar (Educação Física e Biologia) que tem como objectivo combater a inatividade e a luta contra a obesidade dos nossos alunos. Consubstancia-se pela realização de tarefas de desenvolvimento das capacidades motoras apoiadas por um enquadramento nutricional. O Plano Anual de Atividades de Educação Física pretende ser o mais abrangente possível, tendo em conta não só as idades mas também os interesses e motivações dos alunos. É composto por torneios de desportos individuais e coletivos, formação de árbitros e por transmissão de conhecimentos na esfera organizativa. Promovemos ainda ações que pretendem divulgar atividades e/ ou modalidades que não são lecionadas na escola. Como se pode constatar, no âmbito da Educação Física e Desporto, esta é uma escola dinâmica, com projetos e atividades importantes nas áreas do saber e do lazer e com um conjunto de infraestruturas de invulgar excelência que podem e devem ser utilizadas e otimizadas por toda a comunidade. Catarina Lacerda Luís Gonçalo Fernandes PUB

O Agrupamento de escolas D. Carlos I, situa-se no concelho de Sintra mais concretamente na freguesia de Santa Maria e São Miguel. É uma escola que engloba alunos com idades compreendidas entre os 3 anos e os 18 anos. A escola funciona nas atuais instalações desde Outubro de 1984 e apresenta características muito próprias pois está situada numa zona calma e verdejante, sendo na sua maioria rodeada por amplos espaços verdes. A escola D. Carlos I oferece de forma gratuita aos seus alunos atividades no âmbito do Desporto Escolar. Nesta escola funcionam diversos grupos equipa das seguintes modalidades: Voleibol, Tiro com Arco, Ginástica Desportiva, Futsal e Ténis de Mesa. A escola D. Carlos I oferece aos seus alunos como componente extra-curricular estas modalidades que são devidamente enquadradas pelos professores de Educação Física da Escola. Numa altura onde o sedentarismo aumenta e a obesidade infantil é um problema da nossa sociedade a Educação Física e o Desporto Escolar assumem-se como actividades válidas e potenciadoras de melhores hábitos e estilos de vida com benefícios na saúde de todos os nossos alunos que frequentam o Desporto Escolar. Estudos científicos comprovam que os alunos que praticam actividade física e desporto de uma forma regular e continuada, têm geralmente um melhor desempenho escolar na sua vida escolar, obtendo melhores resultados escolares do que os alunos que não praticam actividade física. A Escola D. Carlos I, é uma escola que apresenta uma tradição muito acentuada ao nível do ténis de mesa. Sob a supervisão do carismático professor Luís Rocha, num ambiente de grande rigor e com uma supervisão pedagógica de qualidade acentuada diversos alunos da zona de Sintra treinam diariamente numa sala bem equipada. Aliás a escola D. Carlos I é uma escola de referência desportiva de ténis de mesa com cerca de 120 alunos inscritos no Desporto Escolar e um conjunto de ex-alunos que colaboram na formação dos mais novos. Paralelamente às actividades do Ténis de Mesa no Desporto Escolar, funciona nas mesmas PUB

Corta - Mato da escola básica 2,3 D.Carlos I

instalações o clube “Top-Spin” que envolve a competição de carácter federada, proporcionando aos atletas competição do mais alto nível nesta modalidade. A formação de atletas bem como a formação de cidadãos responsáveis é o nosso objectivo, enquanto estabelecimento de ensino compete à escola proporcionar aos seus alunos a maior possibilidade de prática desportiva. Acreditamos que a prática desportiva no contexto escolar deve ser cada vez mais promovida e apoiada pelo poder local e empresas da região. Sub-Departamento de Educação Física da Escola D. Carlos I. FOTOS: DIREITOS RESERVADOS

FOTOS: DIREITOS RESERVADOS

Desporto Escolar na Escola D. Carlos I ( Sintra)

Encontro de Téns de mesa D.Carlos I PUB


Sintra Desportivo

JORNAL QUINZENAL

5 PUB

Encontro de natação - piscinas de Ouressa

Encontro de Natação O primeiro encontro de Natação da Coordenação Local de Desporto Escolar de Sintra, teve lugar no passado dia 12 de janeiro, nas Piscinas de Ouressa. A atividade contou com a presença de 140 alunos representando 7 escolas, foi uma tarde bem passada, onde para além da qualidade das marcas alcançadas, se viu a alegria e o empenho de todos os presentes, com muitos familiares e encarregados de educação a acompanharem o desempenho da “garotada”. A organização este de parabéns e contou com um bom trabalho de todos os professores presentes. Este encontro revela-se de extrema importância para a dinâmica da modalidade no desporto escolar, já que com a excelente parceria estabelecida com a Câmara Municipal de Sintra, neste momento semanalmente cerca de 500 alunos frequentam as piscinas do concelho sem qualquer custo para os mesmos. Prof. Paulo Sanches

ração empenhada de todos os professores presentes, teve um início de atividade muito intenso, que só abrandou pelas 13h00 e ocupou mais de 7 horas sem interrupção, de modo a que todos os participantes, que manifestaram sempre grande cooperação com a organização, pudessem jogar às horas combinadas.Com a presença efetiva de 121 alunos, que demonstraram muita dinâmica e vontade de vencer, destacaramse os seguintes: Maria Morais (Esc. M. Domingos Saraiva); Nuno Fernandes (Esc. M. Domingos Saraiva); Inês Silveira (ESMA); Marco Fernandes (Esc. Ferreira de Castro); Viorica Pogor (ESMA); Daniel Meira (Esc. M. Domingos Saraiva); Joana Silveira (ESMA); Daniel Mendes (ESMA); Vanessa Alvarenga (ESMA) e Tiago Amaral (ESMA). Destaque para os três primeiros lugares no mesmo escalão obtidos pela: Esc. Mestre Domingos Saraiva em Infantis A Masc.; Esc. Ferreira de Castro em Infantis B Masc e ainda a Esc. Sec. Matias em Infantis B Fem. A participação neste torneio foi no entanto inferior à do torneio anterior (menos 22 participantes) merecendo especial referência à presença da Esc. Ferreira de Castro com 25 alunos neste torneio. Muitos alcançaram o pódio, outros chegaram perto, mas quase todos partilharam o mesmo «A felicidade de competir uns com os outros, divertindo-se entre si». Acácio Gonçalves com a colaboração de Mauro Chaves e Rui Neto (Turma 12º5, Esma)

2º Torneio de Badminton DE, Fase Local Sintra No dia 26 de Janeiro de 2012, a Esc. Sec. Matias Aires teve o prazer de receber os representantes das nove escolas participantes no 2º Torneio de Badminton, Sintra, respectivos professores e muitos acompanhantes. A organização, que teve a colabo-

PUB

2º torneio de Badminton de desporto escolar PUB

PUB

PUB FOTOS: DIREITOS RESERVADOS

FOTOS: DIREITOS RESERVADOS

as escolas"


6

Sintra Desportivo fevereiro 2013

DESPORTO DO CONCELHO DE SINTRA

Especial 5º Aniversário Casa do Benfica de Algueirão - Mem Martins

"Davamos 1 euro por cada golo que a equipa marcava"

Sabemos que a casa do Benfica de AlguerãoMem Martins foi fundada em 2008. Á quanto tempo ocupa o cargo de presidente desta casa? Estive como vice-presidente na direção anterior, e atualmente como presidente vai fazer em abril um ano. Como tem sido ocupar este cargo? Consegue sentir que tem dado aos benfiquistas “um local onde se podem encontrar e sentir bem”? Tem sido bom. A casa está aberta a toda a gente, mas principalmente a todos os benfiquistas. Temos uma sala de convivio, para os jovens com mais idade, para ajudar a passar o tempo com um espaço para jogarem às cartas, e para as damas. Os dias são dificeis, as ajudas não são grandes, mas podemos dizer que temos vindo a proporcionar um bom espaço a todos os benfiquistas, seja a ver um jogo, ou a querer adquirir algo da nossa loja ou até mesmo para passar algum tempo de bem-estar. Estamos a trabalhar para vir a melhorar toda a organização. Que razões o levaram a ser candidato à presidência da Casa do Benfica de Algueirão – Mem martins? As razões que me levaram a candidatar foi realmente a nivel financeiro. A casa do Benfica de Algueirão – Mem-Martins no inicio dos tempos, quando a casa foi inaugurada, teve uma comissão instaladora, atualmente tem uma direção, que na qual já é a segunda, tudo isto começou do nada. Tinha vários sócios, e a iniciativa foi de cada um deles, na altura como brincadeira, davamos 1 euro por cada golo que a equipa marcava e assim criou – se uma direçao. Agora estamos no bom caminho, mas o Benfica é o benfica as casas são as casas, são apenas um elo de ligação para todos os Benfiquistas. Ainda há muito trabalho para fazer, mas dentro daquilo que todos nós planeamos está a correr bem. Quantos sócios têm, atualmente, esta Casa do Benfica? A casa do Benfica tem cerca de 1200 socios. Esse número de socios, tem uma parcela muito pequena de pagantes,é uma das dificuldades que temos. Estivemos agora a fazer um levantamento PUB

em relação á direçao anterior e temos muitas cotas porreceber. Iremos agora criar um sistema para ver se conseguimos recuperar, porque estas casas só conseguem sobreviver com a cotização e com estes eventos que vamos criando. São estes eventos que chamam cá os socios no dia-a-dia para regularizar as cotas. Quais as vantagens de ser sócio da Casa do Benfica do Algueirão? Á muitas vantagens de ser sócio desta casa. Porque nós aqui recebemos toda a gente. Mas como é óbvio não deixamos a casa do Benfica, é do benfica, é dos sócios do benfica, a qual eles têm direito. Algum dos beneficios que vamos criar muito em breve, é adequirir algumas máquinas de software para podermos estar interligados através da casa do Benfica e através daqui da biética, todos os benfiquistas podem comprar aqui o seu bilhete, e para conseguirmos oferecer todos os beneficios ao sócio ao apresentar o seu cartão, e obter alguns descontos. Houve alguma razão especial para abrir a sede da Casa do Benfica de Algueirão – Mem-Martins, nas proximidades da estação de comboios? Este local não era o mais desejado por nós, procuramos vários locais e como sabe à alguma dificuldade em abrir estes espaços comerciais, debaixo de prédios. Procuramos vários sitios e este foi realmente o que nos apresentou mais garantias, por estar isolado, por não ter vizinhos por causa do barulho, foi o motivo mais forte. E a questão de abrirmos aqui em Algueirão – Mem-Martins, é pelo fato de haver muitos benfiquistas nesta zona, porque nós só com este poder é que conseguimos abrir aqui esta casa. Porque já existe uma Casa do Benfica na Agualva-Cacém, e como é relativamente perto, é que realmente nos deixaram abrir esta casa, pelos milhares de benfiquistas que existe nesta zona de Sintra. Quem é que, habitualmente, passa pela Casa do Benfica? Como já referi, temos a porta aberta para todos. A única coisa que não gostamos e não admitimos, é em dias de jogos ou memso sem jogos, que venham fardados com o equipamento de outro clube de futebol. Como é o relacionamento da Casa do Benfica de Algueirão – Mem martins com o Sport Lisboa e Benfica? Émuitoboa,eesteelodeligaçãodosoftwareque estamos a criar, vai nos trazer algumas vantagens. No dia 13 de Feveireiro vamos ter uma reunião, e vamos ver a fundo quais vão ser esses beneficios

DIREITOS RESERVADOS

Aproxima - se o 5º aniversário da Casa do Benfica de Algueirão - Mem-Martins. Fundada a 28 de fevereiro de 2008, por uma comissão instaladora, e agora atualmente com uma direção, presidida por Avelino de Almeida, esta casa têm participado em muitas organizações e acontecimentos ligados ao clube.

Atual presidente da Casa do Benfica de Algueirão-Mem Martins, Avelino de Almeida. das vantagens que estamos a criar. Nós temos aqui uma lojinha que ainda não foi inaugurada, por não estar pronta. Não está à imagem que o Benfica pretende. Irá ser inaugurada em breve, onde irá vir a Benfica TV e algumas figuras mediáticas do clube e onde vamos fazer também um pequeno evento com porconoespeto.OsistemaqueoBenficaquercriar, é para melhorar o tipo de venda que a loja ofereçe, se algum artigo não estir disponivel na loja, acelera a entrega do artigo na mesma. Há um intercâmbio entre o Benfica e as casas, para haver mais um elo deligaçãoparasatisfazerosbenfiquistasdamelhor maneira possivel.

Uma delas foi esta que nos inscrevemos na federação Portuguesa de Bilhar, onde já nos iniciamos aqui no 1º jogo. Hoje por exemplo, tivemos aqui 30 pessoas a almoçar, um grupo de almoço semanal, com vários sócios, amigos e simpatizantes, temos também o atletismo, onde cerca de 80 a 90 atletas, entre veteranos e crianças, correm. Representamosacasaemváriasprovas,muitasdelasvãoagora dar início, como em Torres Vedras com 5 ateltas, a prova de Mem-Martins no dia 17 de fevereiro, com cerca de 30 a 40 atletas, o Torneio de sintra dia 9 de fevereiro, igualmente temos dois dos nossos atletas que vão aos açores correr, a representar a nossa casa.

Como avalia o atual momento da equipa de futebol do Sport Lisboa e Benfica? A equipa está boa, não está como desejavamos, mas os resultados estão a ser positivos. As casas do Benfica vivem um pouco à margem dos resultados da equipa de futebol. O Benfica é muito mais que o futebol. Mas todos as casas e os adeptos se vêm no futebol, o futebol é a paixão nacional, e se a equipa estiver boa e os resultados forem bons, nós aqui sentimos, como é óbvio. E este ano temos uma vantagem, os jogos estão a passar em canal fechado, só exceptionalmente a taça da liga está a passar em canal aberto, e isso faz nos ter sempre a casa cheia. Temos vários televisores espalhados pela casa, um plasma, e ainda temos uma tela.

Quais são as modalidades que esta casa do Benfica representa? As modalidades são o snocker, o xadrez, o atletismo. Juntamente todos os anos o Benfica organiza um campeonato de sueca, à qual fazemos um torneio integro em cada casa do Benfica e depois mandamos 3 a 4 equipas para participar diretamente no torneio do Benfica. Temos tido bons resultados. A modalidade que nos destacamos mais é sem dúvida o atletismo.

Sabemos que a casa tem vindo a porporcionar aos sócios e atletas alguns eventos e organizações relacionados com o clube. Que tipo de eventos são esses e qual a sua adesão por parte dos sócios? Sim, temos várias atividades e a adesão é boa.

Quer deixar alguma mensagem aos sócios da casa e simpatizantes do clube? A minha mensagem é que estejam todos unidos, ajudem a direção, porque a casa do benfica é sempre a mesma, a direção hoje está, amanhã passa a outros, mas isto é um elo de benfiquistas, e só com o coração grande de benfiquistas é que conseguimos ir a bom porto, e que paguem as cotas como é óbvio (risos). ■ RITA SOUSA


JORNAL QUINZENAL

ESPECIAL MEM-MARTINS SPORT CLUBE

Sintra Desportivo

7

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

Atletismo

38 ª S.Silvestre da Amadora: Casa Benfica em Algueirão -MM conquista quatro pódios nas equipas de veteranos DIREITOS RESERVADOS: CASA DO BENFICA DE ALGUEIRÃO -MM

A competição reuniu na linha de chegada cerca de um milhar de concorrentes, apesar da noite menos boa que estava. Individualmente, as vitórias ficaram no Maratona Clube de Portugal através de Manuel Damião e Sara Moreira, com Emiliano Vieira, da Juventude Operária de Monte Abraão (JOMA) a cotar-se como o melhor representante sintrense ao classificar-se no 22.º lugar. Já por equipas, foi a Casa Benfica em AlgueirãoMem Martins que fez as honras do pódio, com a conquista do 2.º lugar em Veteranos 2 e 6, e um 3.º lugar em Veteranos 4. Também no setor feminino, a Casa Benfica ocupou o 2.º lugar (Estela Costa/Susana Figueiredo/ Sandra Tomaz/, com os Leões de Porto Salvo a vencer o escalão. ■ RS

Edição do corta - mato de Alcoitão

Atletismo - Casa Benfica em Algueirão - Mem Martins no pódio de Alcoitão

Na classificação coletiva, a vitória foi para a equipa da A.M. de Atibá (Estoril) que somou 512 pontos, seguida do N.A.Z. Abóboda, com 315, e da Casa Benfica em Algueirão-Mem Martins que obteve 171. Também a União Recreativa e Cultural da Abrunheira (URCA) consegiu um bom resultado ao classificar-se no 4.º lugar com 143 pontos, numa classificação com 32 clubes classificados. Individualmente, Patrícia Pedro (Casa Benfica em AMM) venceu no escalão F45, José Costa, do mesmo clube, o M60, seguido do seu colega de clube, Jorge Santos. Já Abílio Neiva venceu no M65. Em Benjamins femininos, o GRD Manique de Cima colocou duas atletas no pódio; Patrícia Carrazedo (2.ª) e Joana Tomé (3.ª), e nos masculinos foi Tomás Pereira que subiu ao 2.º lugar, o mesmo que Raquel Dias (Infantis). Nas Juniores, o clube de Manique de Cima venceu nas raparigas (Joana Coelho). Em Juvenis femininos, brilhou a A.A. Pêgo Longo, com Bruna Jesus (1.ª), e Rokaia Baldé (2.ª), acabando com Carolina Branco (URCA) a fechar o pódio, todo ele do concelho de Sintra. PUB

Nas Seniores femininas, a corrida foi ganha por Sandrina Cunha (NAZA), com Andreia Pereira (Mente Traquina do Casal do Cotão-S.Marcos) a ser a melhor sintrense no 5.º lugar). Finalmente em Sub 23, Carlos Varela (Casa Benfica AMM) foi 2.º classificado, e no escalão de Seniores, as honras foram para Euclides Sanches (Casa Benfica AMM) que subiu ao 3.º lugar, numa corrida ganha por João Brito (Atibá. ■ RS DIREITOS RESERVADOS

Realizou-se no passado, dia 13 de Janeiro, nos terrenos anexos ao Autódromo do EStoril, mais uma edição do Corta-mato de Alcoitão, prova que deu início ao Troféu de Atletismo do Concelho de Cascais 2013 e que voltou a registar a presença de clubes e atletas sintrenses.

PUB


8

Sintra Desportivo fevereiro 2013

DESPORTO DO CONCELHO DE SINTRA

Estágio e preparação de exames de Karaté

Centro Shotokai de Queluz recebe estágio de karaté DIREITOS RESERVADOS - SÉRGIO MARTINHO

referir que naquele tempo a importância da falha de infraestruturas desportivas nas escolas era elevada. Seguindo esta orientação passaram a dar aulas gratuitas aos alunos das escolas do 1º e 2º ciclo n.º 1, 2 e 3 de Monte Abraão e às escolas do 1º e 2º ciclo de Massamá e 1 e 2 de AgualvaCacém, Pendão e Barota, para além de se ter estabelecido um protocolo com a Igreja Paroquial de Nossa Senhora da Fé, Monte Abraão, onde se desloca um dos professores de ginástica para dar aulas gratuitas à 3ª Idade. O centro Shotokai de Queluz pode sem dúvida estar orgulhoso de até à data, serem um Clube da zona que no ponto de vista competitivo possuem de equipas, que representam a nível de Futsal, Judo, Karaté, Kickboxing, Ginástica e Dança e a nível nacional já tiveram equipas em competição como o Tiro com Arco e o Badminton. E é assim que o Centro de Queluz, se apresenta ao fim destes anos de trabalho, em prol do desporto saudável e ao alcance de todos.

O centro de Queluz realizou no passado dia 20 de janeiro, um estágio de karaté e uma preparação de exames, com a organização da união nacional de artes marciais. Realizou-se ainda uma cerimónia de felicitação às equipas Campeães Nacionais FNKP. O Centro Shotokai de Queluz esteve, no início, vocacionado para o ensino das artes marciais, hoje é um Clube completo, com dezenas de modalidades. Os assistentes do clube, estão preparados para ajudar a escolher a classe que mais convém a cada atleta. Este Centro de Queluz principiou a sua atividade desportiva nos Bombeiros Voluntários de Queluz, com a seção de Karaté, mas já com Estatutos próprios, tendo na altura 383 alunos de várias graduações e idades. Foi nessas instalações que se realizou o 1º Estágio de Karaté de Mestre Tetsuji Murakami em Portugal com a participação de 478 Karatecas e com a curiosidade de ter estado presente a 1ª Classe

de Karaté Infantil que houve em Portugal e que pertencia ao Clube. No ano de 1978 saíram dos Bombeiros Voluntários de Queluz e abriram numa cave da Av. D. António Correia de Sá, 11-B, espaço este cedido gratuitamente durante 5 meses pela firma António Guerreiro Construções, Lda. Foi neste espaço bastante reduzido que se deu início efetivamente ao que é hoje o Centro Shotokai de Queluz, com o arranque de outras atividades desportivas, nomeadamente Ginástica de Manutenção, Dança Jazz, Ballet, Judo em diferentes categorias e Yoga, para além da atividade inicial, Karaté Infantil e Adultos Dado a existência de um terreno ao lado da sede, o qual havia sido doado à Câmara Municipal de Sintra, pelo Exmo. Sr. Visconde Almeida Garret, para que aí fosse feito um mercado Municipal, e tendo a C.M. Sintra decidido fazer o mesmo noutro local, o referido Senhor Visconde propôs ao centro que pedisse à C.M. Sintra o direito de transferência desse terreno para aí ser construída a sede, dado o grande desenvolvimento que o Clu-

be tinha atingido e as exíguas instalações que ocupava. Por acordo com a C.M. Sintra, na altura presidida pelo Sr. Dr. Tavares de Carvalho, foi aprovada a exigência por todos os partidos que faziam parte da Câmara. Nomeou-se uma Comissão Instaladora para acompanhar o andamento do Processo de construção no qual teve início em 1989. Mediante o protocolo assinado entre a C.M. Sintra e o Clube, instalaram-se no edifício do Centro Desportivo Municipal, em 13 de abril de 1991. Na inauguração das novas instalações estiveram presentes o Ministro da Educação Dr. Roberto Carneiro, o Presidente da C.M. Sintra Dr. Rui Silva, para além da Comissão Instaladora que funcionava como Direção do Clube e com ainda vários alunos e seus familiares. Com as novas instalações, foi permitido alargar substancialmente as atividades a outras modalidades, sempre com o objetivo de melhor e servir a população da zona e muito em especial os mais jovens que tanto necessitavam de praticar desporto, é de

PUB

PUB

PUB

DIREITOS RESERVADOS - SÉRGIO MARTINHO

■ RITA SOUSA

PUB


Sintra Desportivo

JORNAL QUINZENAL

9

Futebol

Para além da competência que lhe é reconhecida pela experiência, dedicação e postura no desporto, já desenvolveu ao longo dos anos trabalhos notáveis em vários Clubes. Já representou, no futebol juvenil, alguns Clubes de grande dimensão. Recentemente Carlos Manguito, foi convidado por João Nogueira, presidente do Clube Atlético do Cacém, para desempenhar o cargo de coordenador de futebol Juvenil e da Academia de Futebol do clube. No final da época passada Carlos Manguito terminou a sua ligação com o R. D. Algueirão, clube no qual desenvolveu um trabalho notável durante vários anos e onde desempenhou vários cargos, desde coordenador técnico a chefe do departamento de futebol, passando ainda pelas funções de director desportivo e vice-presidente desportivo, sempre em paralelo com a função de treinador. Simultaneamente, existiu uma parceria entre o clube e a sua escola de futebol Sintrafoot Carlos Manguito, largamente reconhecida pelo bom contributo e boa imagem para a formação jovem. Pelo caminho, estabeleceu ainda um protocolo entre o R.D. Algueirão e o S.L. Benfica. Toda esta envolvência com

clube levou a que Carlos Manguito fosse em diversas ocasiões considerado pela comunicação social como a "bandeira do clube". Na presente temporada, Carlos Manguito foi convidado por João Nogueira, presidente do Atlético Clube Cacém, a desempenhar o cargo de coordenador do futebol juvenil e da Academia de Futebol do clube, desafio que aceitou com muita satisfação, desde logo por considerar que este clube possui as condições necessárias ao desenvolvimento de um projecto à sua imagem, o que significa tornar o futebol de formação do A.C. Cacém numa referência não apenas do concelho de Sintra mas também do distrito de Lisboa.Todavia, mesmo considerando as dificuldades existentes em vários aspectos e compreendendo que a sua resolução não será fácil nem instantânea, aceitou ainda assim o convite, determinado a reestruturar gradualmente o funcionamento do futebol formação e a colocá-lo no patamar que o clube merece. Neste novo projeto, para além do apoio da Direção do clube, tem a colaboração directa de Vitor Conceição, coordenador na área administrativa. Carlos Manguito tem realizado ao longo dos anos, um trabalho na área da formação de jovens, tanto a nível desportivo, como edu-

DIREITOS RESERVADOS - CARLOS MANGUITO

Carlos Manguito coordena Academia de Futebol do Clube Atlético do Cacém

Carlos Manguito, no campo do Clube do Atlético do Cacém. cativo e social, o qual tem sido reconhecido no Concelho de Sintra, distrito de Lisboa e a nível Nacional. Neste momento encontra-se a funcionar na Escola Secundária de Mem Martins, a qual dispõe de excelentes condições de utilização. Continua a participar em várias

atividades, torneios, ligas de Escolas de Futebol, proporcionado deste modo grandes momentos de convívio e alegrias para todos os seus alunos. ■ CARLOS MANGUITO

Futebol

Semana Histórica no Arsenal 72 DIREITOS RESERVADOS - ARSENAL 72

Uma atleta do Clube Arsenal 72, foi convocada para a Seleção Sub 17 Futebol Feminino. Pela primeira vez na história do Arsenal 72, uma atleta da equipa feminina foi integrada numa convocatória para a Seleção Sub 17 Futebol Feminino, também 4 atletas da equipa de polo aquático feminino irão integrar no estágio da Seleção de Sub 17 Feminina, não sendo uma novidade é o regresso a uma convocatória que não estavam presentes há já algum tempo. Também 3 atletas da equipa de 9 anos irão participar num treino do SCP. ■ RS

Selecção Sub 17 Futebol Feminino. PUB

PUB


10 Sintra Desportivo fevereiro 2013

DESPORTO DO CONCELHO DE SINTRA

Futsal

Núcleo de Sintra e Sol Nasce Para Todos destacam-se no futsal de “tenra idade” DIREITOS RESERVADOS

em que se aceita o resultado dada a 1.ª parte e os primeiros minutos da 2.ª parte de bom nível da equipadoSolNasceParaTodos.ONúcleodeSintra acabou por vender cara a derrota numa partida em que acreditou até ao fim que o resultado poderia ser outro.

Derby de Benjamins na Serra das Minas.

Recentemente as duas únicas equipas sintrenses federadas de Benjamins defrontaram-se na Serra das Minas. A equipa do Sol Nasce Para Todos conseguiu vencer tangencialmente por 6-5 o Núcleo de Sintra numa partida bem disputada até ao fim. O Sintra Desportivo esteve lá e também aproveitou para conhecer mais um pouco das duas coletividades. Sol Nasce Para Todos surpreende com 1.ª parte de grande nível Em jogo a contar para a 10.ª Jornada da série 5 do Campeonato Distrital de Benjamins, primeira jornada da segunda volta, Núcleo de Sintra e Sol Nasce Para todos defrontavam-se no segundo “derby” desta temporada. À entrada para esta jornada o Núcleo somava nove vitórias em nove partidas, conferindo-lhe assim a liderança invicta da prova, enquanto que o Sol Nasce Para Todos na 6.ª posição somava 10 pontos, obtidos após três vitórias e um empate. No jogo da 1.ª volta o Núcleo de Sintra venceu por claros 14-1, mas nesta partida o Sol Nasce Para Todos impôs a primeira derrota do Núcleo na temporada. Com duas equipas dispostas a pressionar o opositor no meio-campo adversário, esteve melhor a equipa de Mira Sintra que muito certa nas marcaçõesconseguiarecuperarmuitasbolasepartircom perigo em direção à baliza contrária. No lado contrário o Núcleo de Sintra com boas combinações ofensivas, mas perdulária no último passe e na finalização não conseguia ser eficaz, também com mérito do guarda-redes André Oliveira que rapidamente e com muita atenção transmitia segurança à sua equipa. Era uma tarde em que corria tudo bem ao Sol PUB

Nasce Para Todos que ao intervalo surpreendia o líder e vencia por 1-4. Celestino Dombele fez o primeiro golo logo nos primeiros minutos. Rodrigo Sanches, com um dia para não esquecer pelo “poker” nesta partida, iria elevar a contagem para 0-2 e 0-3. Já nos últimos minutos antes do intervalo o Sol Nasce Para Todos chegaria ao 0-4 após um momento infeliz de Yuca Indami que introduziu a bola na sua própria baliza. No entanto, seria mesmo o n.º 4 do Núcleo de Sintra a redimir-se e a fazer o primeiro golo da sua equipa já muito perto do regresso aos balneários. Núcleo de Sintra acreditou até ao fim Na segunda parte foi mais uma vez a equipa do Sol Nasce Para Todos a entrar melhor na partida. E mais uma vez era Rodrigo Sanches em evidência já que conseguia chegar ao seu terceiro e quarto golos na partida. Ainda com cerca de quinze minutos para jogar e com uma vantagem de cinco golos, poderia pensar-se que estava tudo decidido mas o Núcleo de Sintra com a obtenção do seu segundo golo a meio da segunda parte, outra vez através de Yuca Indami, permitia uma viragem no jogo em que a equipa de Rio de Mouro conseguiu estar por cima da partida até final. Ainda faltavam cerca de cinco minutos para jogar quando o resultado já se encontrava em 5-6 após o Núcleo de Sintra ter marcado três golos de rajada: primeiro por Rui Cassama, depois por intermédio de Ivanoel Ca e outra vez por Yuca Indami que fazia assim o seu terceiro da contagem. Uma recuperação muito boa do Núcleo de Sintra que empolgou os cerca de 50 espetadores que se deslocaram ao Pavilhão Municipal da Serra das Minas dada a incerteza do resultado até final, registando-se muitas transições rápidas e emoção até ao apito final do árbitro José Santos. Contudo, o 5-6 seria o resultado final num jogo PUB

Núcleo de Sintra: 1. Mamadou Diallo (GR), 2. Pedro Natário, 4. Yuca Indami (Capitão), 5. Rodrigo Carvalho, 6. Gonçalo Macedo, 8. Rufino Fernando, 9. Ivanoel Ca, 11. Rui Cassama, 12. João Cardoso (GR), 13. Osvaldo Costa. Treinador: Jorge Coelho, Treinadores-adjuntos/Delegados: Nuno Fialho, Rui Natário e Rosário Camacho. Sol Nasce Para Todos: 1. André Oliveira (GR), 2. Fábio Tobias, 5. Rafael Sanches, 8. João Borges, 10. Celestino Dombele, 11. Rodrigo Sanches, 14. Rodrigo Pereira (Capitão), 15. Tiago Quintas. Treinador: Leonel Tobias, Treinadora-adjunta/Delegada: Fernanda Silva Comentários ao jogo No final do jogo fomos ter ao encontro dos treinadores, também eles responsáveis pelo departamento de Futsal nos dois clubes. Jorge Coelho do Núcleo de Sintra considerou o “resultado injusto”, salientando também que a sua equipa estava “desfalcada devido à convocação de jogadores para o escalão de Infantis”, numa partida em que fez também alinhar “jogadores que têm sido menos utilizados e que tiveram a oportunidade de aprender”. Já Leonel Tobias do Sol Nasce Para Todos estava muito radiante com a sua equipa, chegando mesmo a dizer que “fizeram um jogo como nunca tinham feito até aqui”. Um “excelente jogo em que os jogadores jogaram como uma equipa, como resultado do trabalho efetuado nos treinos”. Núcleo de Activ. Desportivas e Culturais do Concelho de Sintra Aproveitámos esta oportunidade também para conhecermos um pouco mais destas duas coletividades que tão bem representam o nosso concelho. Fundado a 7 de julho de 1992, o Núcleo de Sintra conta de há uns anos para cá com os escalões de Benjamins, Infantis e Iniciados com a curiosidade de todos eles estarem nos campeonatos maiores do futsal distrital. Além dos escalões federados e dos 64 jogadores inscritos nesta vertente, possui ainda uma Escola de Futsal que conta com 26 atletas. Uma coletividade já com vários títulos na formação e com atletas de reconhecida qualidade formados, tais como os futebolistas Ricardo Vaz Tê (West Ham United, Inglaterra) e Sami (MarítiPUB

mo). Uma obra que segundo Jorge Coelho muito se deve ao Presidente Adelino Martins e a Manuela Martins, Presidente da Mesa da Assembleia Geral, que perante as dificuldades inerentes às pequenas coletividades e com a ajuda da secção de Futsal formada por Jorge Coelho, Nuno Fialho, Leandro Coelho, Rui Natário e Rosário Camacho têm possibilitado desviar jovens dos maus vícios e fazê-los evoluir como atletas e como pessoas. O futuro é “risonho”. Segundo o responsável do Futsal, está em marcha “a Escola de Futsal” e um “projeto que conta com a colaboração das escolas e das creches”. Em vista está a criação do escalão de Juvenis na próxima época e também a ambição de se “formar um grande clube de Futsal na freguesia de Rio de Mouro e no concelho de Sintra”. Falámos ainda com a colaboradora Rosário Camacho que realçou ainda as dificuldades dos atletas no dia-a-dia, reforçando o “carinho e a ajuda que o Núcleo de Sintra tem junto deles” e aproveitando para lamentar “a falta de apoios e de patrocínios, sobretudo pelo pouco interesse em ajudar a coletividade na aquisição de equipamentos para os atletas mais novos”. Centro Cultural Desportivo O Sol Nasce Para Todos 16 Anos depois dos últimos registos de equipas federadas, o Sol Nasce Para Todos regressou esta época ao Futsal. Uma iniciativa do próprio Leonel Tobias que após passagens por outros clubes do concelho decidiu criar este projeto neste clube modesto da freguesia de Mira Sintra. Fundado em 23 de fevereiro de 1982, o Sol Nasce Para Todos conta neste regresso com os escalões de Juniores Femininos, Infantis, Benjamins, estando estas equipas a efetuarem épocas estáveis nos seus campeonatos. São 45 atletas que dão vida ao clube, 36 deles inscritos nos escalões federados. Um projeto que Leonel Tobias lidera e que apresentou à Direção do clube com uma duração de quatro anos, mas no qual “espera criar raízes na coletividade”. Neste projeto recente lamentou ainda os encargos financeiros, sobretudo pelo “pouco apoio e as elevadas taxas cobradas pela Associação de Futebol de Lisboa por não terem Seniores no clube” e pela “falta de apoios estatais por coletividades, como o Sol Nasce Para Todos, substituirem o Estado nas suas atividades”. No entanto, reconheceu o apoio da Câmara Municipal de Sintra, “louvando” o interessedovice-presidentedaCMSintraMarcoAlmeida em reforçar algumas condições indispensáveis ■ PAULO CARVALHO às suas atividades. PUB


PUB

JORNAL QUINZENAL

Sintra Desportivo

11


12 Sintra Desportivo fevereiro 2013

DESPORTO DO CONCELHO DE SINTRA

Patinagem Artística

DIREITOS RESERVADOS

"Maria Gomes e Marcia Macieira na Taça da Europa 2012 de Patinagem Artística"

A atleta Maria Gomes, escalão iniciada consegue no seu segundo ano de inicada entrada na Taça da Europa, depois de se sagrar Campeã Distrital e Nacional de solodance, a Federação de patinagem de Portugal acreditou no valor desta atleta e convocou-a para integrar a Selecção Nacional e representar Portugal.

chegar à Europa, pela primeira vez chamada a representar o nosso país, exibiu-se ao melhor nível no escalão mais forte da patinagem, conseguindo obter um 9º lugar. Marcia ficou em 3º lugar no campeonato Nacional. Esta atleta agora com 23 anos, também já com curso de treinadora, consegue conciliar estudos e desporto, o seu objectivo este ano é conseguir voltar a representar Portugal.

Maria apenas com 13 anos de idade, esteve ao seu melhor, conseguindo alcançar no primeiro dia um 3º lugar nas danças obrigatórias e um 4º lugar no final das danças obrigatórias e dança livre. Esta atleta que é treinada porMário lago há cerca de dois anos consegue ao fim de tão pouco tempo resultados excelentes, deixando uma brilhante imagem dentro da patinagem. Maria Gomes agradece a todas as pessoas que contribuiram para que conseguisse alcançar estes resultados, nomeadamente aos seus pais, treinador Mário Lago e à secção de patinagem da SRSSP. Marcia Macieira, atleta sénior, é uma apaixonada por esta modalidade e nunca deixou de acreditar que era possível

Nova modalidade desportiva no GDR Os Lobinhos - PATINAGEM ARTÍSTICA

PUB

PUB

"A Patinagem Artística é um desporto que alia a técnica de patinagem com a expressão corporal e o acompanhamento musical. Nasceu em Portugal na década de 50. A competição desta modalidade apresenta as seguintes vertentes: Figuras Obrigatórias, Patinagem Livre, Solo Dance, Pares de Dança. Geralmente os altetas entram para esta modalidade a partir dos 4 anos, idade em que as crianças já apresentam o equilibrio necessário. Na Patinagem Artística existem 7 escalões: Bambis, Benjamins,

Infantis, iniciados, Cadetes, júniores e Séniores,normalmente os atletas abandonam a prática no último escalão e muitos deles dedicam-se a ser treinadores ou juízes. A época deste desporto inicia-se em Jan e termina em Dez.Para garantir o direito à participação nos Campeonatos associativos, cada Patinador do sexo masculino ou feminino tem de possuir o Certificado de Aptidão na disciplina a que se propõe concorrer. A atribuição do Certificado de Aptidão exige que o Patinador obtenha aprovação em: Figuras Obrigatórias /Patinagem Livre/ Pares de Dança/ Solo Dance. Depois desta etapa seguem-se os campeonatos Distritais, Nacionais, Europeus e Mundiais. Nos Campeonatos Nacionais têm direito a participar os Patinadores que nos Campeonatos Associativos se tenham classificado nos sete primeiros lugares. Os atletas para os campeonatos Europeus e Mundiais são escolhidos pela comitiva da Federação de Patinagem de Portugal, esta escolha baseia-se nas classificações obtidas nos Campeonatos Nacionais, bem como nos centros de estágio/ visionamento levados a cabo pela FPP ao longo da época. Manuela Almeida, Fernando Batista, Rui Gomes e Lurdes Macieira, pais de atletas juntaram-se para abrir uma escola de patinagem artistica num local onde ainda não existia esta modalidade. Depois de uma procura exaustiva de pavilhões, encontraram o GDR Os Lobinhos que lhes abriu as portas e decidiu abraçar esta modalidade. Este é um clube já vocacionado para desportos com rodinhas, pois têm ganho imensos títulos no Hoquéi patins, nomeadamente a equipa feminina, talvez por isso Manuela Almeida diz " A patinagem artística é um desporto na minha opinião muito completo, porque para além de permitir a prática de exercicio fisico, essencial para a saúde, consegue ser um desporto muito bonito, a maioria dos elementos técnicos são feitos ao som da música,trabalha também a parte psicológica do atleta como organização, concentração, disciplina, respeito pelo outro, entre outros... Fomos muito bem recebidos, nomeadamente pelo presidente Sr. José Raimundo, ao qual aproveitamos para agradecer toda PUB

a colaboração e disponibilidade que mostrou para lançarmos a patinagem artística já em Janeiro de 2013. O nosso objectivo é ajudar o clube a crescer para que possamos ter Todos as melhores condições possíveis, para isso contamos com a ajuda dos pais e esperamos também a colaboração da Junta de Freguesia e da camara de Sintra." Lurdes Macieira acrescenta, "Vamos ter aulas ao sábado de iniciação à patinagem, aqui os atletas aprenderão a andar de patins, depois serão eles e os pais que decidem se querem fazer patinagem artística ou hoquéi em patins. Durante a semana teremos treinos todos os dias, foi possível conciliar os nossos horários com os do Hoquéi pois já temos um grupo de atletas da pré-competição e competição que nos acompanhará. " Rui Gomes e fernando Batista partilham a mesma opinião "Esperamos levar para Vale de Lobos uma modalidade que as pessoas gostem, teremos durante o ano várias provas e espectaculos para alegrar e dinamizar mais esta bonita terra que nos recebeu da melhor forma, queremos que as crianças daqui e todas aquelas que queiram representar este clube tenham ao seu dispor diferentes modalidades e se sintam felizes no desporto, a curto prazo, aulas de preparação fisica, dança e psicologia tambérm são um dos nossos objectivos. ■ MANUELA DE ALMEIDA

PUB


Sintra Desportivo

JORNAL QUINZENAL

13 PUB

Aniversário Sport União Colarense

DIREITOS RESERVADOS - NOTICIAS DE COLARES

Sport União Colarense assinala 80 anos de existência

Fundado a 10 de janeiro de 1933, os atuais dirigentes do Sport União Colarense fiéis à data de aniversário, assinalaram no mesmo dia deste mês, ano de 2013, o 80.º aniversário de existência. E foi perante uma sala bem composta de associados, amigos e convidados que se fez uma retrospetiva das dificuldades dos últimos anos, mas com o desejo de um futuro melhor. Foi

também uma noite de homenagens; entre os eleitos, os empresários José Morais (Funerária de S. João das Lampas), e João Carava (Ginásio SPALD), patrocinadores da modalidade de BTT no Colarense. ■ RS

Aniversário Sporting Clube Vila Verde

DIREITOS RESERVADOS - SC VILA VERDE

Sporting Clube Vila Verde entrou na casa dos 70

No dia 18 de janeiro, o Sporting Clube Vila Verde entrou na casa dos 70. Aproveitou-se para homenagear todos os que um dia sonharam e tornaram realidade o projeto do clube projecto, mas também todos aqueles que ao longo de 70 anos de vida contribuíram para o sucesso da coletivida-

de de referência na freguesia da Terrugem e no concelho de Sintra. E faz-se votos para que o futuro seja recheado de êxitos e no qual se verifique um Vila Verde cada vez maior no panorama do associativismo e do desporto. ■ RS

PUB

PUB

PUB


14 Sintra Desportivo fevereiro 2013

DESPORTO DO CONCELHO DE SINTRA

Motores

O piloto Sintrense Gonçalo Reis, um dos mais talentosos pilotos portugueses de enduro da atualidade, irá representar as cores da KTM na temporada de 2013 do campeonato nacional de Enduro. Trata-se de uma volta a uma equipa que conhece bem e onde já foi bem-sucedido. O piloto do Magoito está de regresso a uma marca onde no passado obteve inúmeros triunfos e irá permanecer na sua categoria de eleição, a Elite 1 alinhando com uma KTM EXC-F 250 2013, máquina com a qual pretende lutar pelo título da classe. Aos 27 anos, esta volta de Gonçalo Reis à marca austríaca tem um significado particular, como o mesmo expõe: “estou muito contente por voltar a correr de KTM. Juntos passámos boas épocas ganhando campeonatos durante cinco anos”, salientou Gonçalo Reis. O piloto recordou as boas lembranças desta equipa, que “foi praticamente a marca em que comecei a correr, sempre com ajuda dos meus pais e amigos”. No último ano em que competiu com as cores da KTM, o piloto venceu o Campeonato Europeu à Geral “com uma moto de série onde apenas tinha um escape e

DIREITOS RESERVADOS :AUTOSPORT

Sintrense Gonçalo Reis regressa à KTM

umas suspensões preparadas. É mesmo uma moto de elite”, salienta. Assim, para este ano, Gonçalo Reis diz que o “projeto é apenas de âmbito nacional, pois vou participar no campeonato nacional de

enduro e motocross”, destacando uma grande motivação para a nova aposta. Para a KTM, a inserção de Gonçalo Reis na sua estrutura desportiva em 2013 representa “uma aposta clara na firmação

da imagem da marca num dos setores desportivos mais valorizados para o fabricante, o enduro, reforçando o posicionamento dos seus produtos junto dos praticantes e amantes da modalidade, e provando a excelência das suas motos, bem patente na filosofia 'ready to race'”. ■ RITA SOUSA

BREVES

A época de 2013, de Motocross teve início no dia 3 de fevereiro. A primeira prova do Troféu Sintra MX, realizou-se no Granho. Para além das clássicas, estiveram presentes em competição, as 50cc Livres, Infantis, Pit Bike, Infantis e a classe “Open”. A segunda prova, com continuidade ao troféu, está agendada para dia 3 de março, em Almargem do Bispo. Tudo indica que estão reunidas todas as condições para mais uma boa época de Motocross. A organização é da Sintra MX Eventos, liderada pelo piloto Jorge Viegas.

PUB

DIREITOS RESERVADOS :ACP

Troféu Sintra MX

DIREITOS RESERVADOS : JOÃO PAULO SIMÕES

BREVES

Passeio ao Motorclássico No dia 06 de Abril, realiza-se mais um um passeio ao Motorclássico, com partida do estacionamento da Empark Docas Ponte em Lisboa, o passeio passará pela Marina de Cascais, onde se pode tomar um café, por Sintra, e onde se fará os míticos troços da Lagoa Azul, Peninha e Sintra e terá como destino final a FIL e o Salão Motorclássico onde as viaturas ficarão estacionadas. O Passeio inclui o coffeebreak, as entradas na FIL e o estacionamento na área reservada para o efeito dentro da FIL (sujeito à disponibilidade de espaço). O almoço não está incluído neste Passeio de modo a que os participantes tenham mais tempo para visitar a Feira. PUB

PUB


Sintra Desportivo

JORNAL QUINZENAL

15

Dakar 2013

Hélder Rodrigues encerra Dakar 2013 com 4º lugar

DIREITOS RESERVADOS

DIREITOS RESERVADOS :DIARIO DIGITAL

A jornada de encerramento deste Dakar ficou marcada por mais uma demonstração do valor dos pilotos portugueses nesta competição. Hélder Rodrigues acabou a sua participação no Dakar 2013 com uma admirável posição , na etapa que ligou La Serena a Santiago do Chile.

Nesta volta da equipa oficial da Honda ao Dakar, após 24 anos de ausência, Hélder Rodrigues piloto nº 1 da equipa nipónica, acabou na 7ª posição da classificação geral, aguentando um impressionante currículo nesta grande maratona de todo-oterreno onde se estreou em 2006, com um 9º lugar, tendo a partir daí concluído todas as suas participações no Top 10. O piloto português pautou a sua participação neste

Dakar 2013 pela regularidade, praticamente não cometendo erros e superando com a sua determinação todas as dificuldades da prova e os imprevistos da juventude de um projeto de elevado potencial. A jornada de encerramento deste Dakar ficou assinalada por mais uma exibição do valor dos pilotos portugueses nesta competição de duas rodas, com o Top 10 do sector seletivo a marcar a presença de quatro pilotos lusos.

«Este foi o meu sétimo Dakar e o quinto na América do Sul. Acabei todas as minhas participações e sempre no Top 10. Chegar ao fim é uma satisfação muito grande e pela minha parte sinto que cumpri. Cheguei muito bem preparado, senti-me sempre bem fisicamente, estou a navegar cada vez melhor e esforceime muito para conseguir resultados positivos em cada dia de prova. Nunca baixei os braços e o 4º lugar na etapa de hoje é um bom prémio final», referiu hoje, à chegada a Santiago do Chile, o piloto da Honda, Red Bull e TMN. ■ RITA SOUSA

PUB


16 Sintra Desportivo fevereiro 2013

DESPORTO DO CONCELHO DE SINTRA

Corta - Mato São Marcos

Agenda desportiva

Campeonato Reginal de Cross Curto

3 de fevereiro OLIVEIRA RACING TEAM

FOTOS: DIREITOS RESERVADOS

A uma semana do inicio do campeonato nacional de enduro a formação sintrense «OLIVEIRA RACING TEAM» desvendou os seus pilotos para a época 2013. Luis Oliveira irá participar na totalidade do Mundial de Enduro Junior e juntamente com Diogo Ventura irá disputar os Campeonatos Nacional e Europeu de Enduro.

9 de fevereiro 1º Cross Internacional de Queluz

A Junta de freguesia de São Marcos com a colaboração da Associação de Atletismo de Lisboa e a Câmara Municipal de Sintra, leva a efeito pelo primeiro ano a corrida pedestre, 1º Corta-Mato de São Marcos e o Campeonato Regional de Cross Curto. A competição será realizada no dia 23 de fevereiro de 2013, com início às 14h00, nas instalações do Centro Carlos Paredes - Lúdico Cultural e Desportivo de São Marcos, situado na Avenida do Brasil em São Marcos. A corrida destina-se a todos os PUB

interessados, atletas federados e não federados de ambos sexos de acordo com os escalões etários definidos no regulamento, desde que estejam devidamente inscritos. A participação é gratuita em todas as provas porém, carece de inscrição prévia que só poderá ser efetuada até terça-feira, dia 19 de fevereiro de 2013. No final das provas existirá uma caminhada convívio enquadrada no Centro Municipal de Marcha e Corrida de São Marcos. As inscrições poderão ser efetuadas no local da prova até às 14h00, necessitam de: Nome, Data de Nascimento e Nº Bilhete de Identidade. ■ RS

A Associação Atlética de Pego Longo e a Câmara de Sintra, em colaboração com as juntas de freguesia e cubes do concelho, promovem dia 9 de Fevereiro o 1º Cross Internacional de Queluz, Campeonato Regional de Cross Longo. A prova integrada no Troféu "Sintra a Correr" parte da Escola Prática da GNR em Queluz e está aberta a toda a população. As inscrições decorrem até dia 5 de Fevereiro junto da Divisão de Desporto e Juventude.

17 de fevereiro VI Grande Prémio de Atletismo e III “Caminhada Gerações” Realiza-se no dia 17 de Fevereiro, um domingo, a VI edição do Grande Prémio de Atletismo de Algueirão-Mem Martins e a III 'Caminhada Gerações', iniciativas organizadas entre a Junta de Freguesia e a Real Academia, com o apoio técnico da Xistarca. A corrida tem uma extensão de 10 Km e podem participar atletas federados ou não, bastando proceder à inscrição. Já a “Caminhada Gerações” terá uma extensão de apenas cinco quilómetros.

23 de fevereiro 1º Passeio pedestre na Serra de Sintra Este vai ser um roteiro templário medieval pela vila velha, e não só. Passa-se em locais ligados aos templários nos quais vão se fazendo várias paragens e dando as explicações históricas. A caminhada parte da Adega das Caves, local onde estava situado o quartel-general dos templários no tempo da reconquista.

9 e 10 de fevereiro JOMA garante lugar entre os grandes

10 de março Troféu de Sintra BTT

A equipa feminina de atletismo da JOMA – Juventude Operária de Monte Abraão conseguiu o apuramento para o Nacional da I Divisão de Pista Coberta, que será disputado a 9 e 10 de Fevereiro, em Pombal.

No dia 10 Março a Organização de Assoc. Recreio Cultura Bairro da Tabaqueira e JF Rio de Mouro, vai receber o troféu de Sintra BTT, em Albarraque.

Sintra Desportivo N77  

Sintra Desportivo N77