Issuu on Google+

PUB

Concelho

Jornal mensal do Concelho de Oeiras

• p.2

Oeiras recruta para projeto “Jovens em Movimento”

Diretora: Graça Tracana

N.º 61

Reciclagem

março de 2013

• p.5

DIREITOS RESERVADOS: parquedospoetas.blogspot.com

Família Oeiras Ecológica fomenta boas práticas

Saude

• p.6

Oeiras comparticipa medicamentos em 350 mil euros Desporto

• p.14-15

Paço de Arcos sagra-se campeão distrital em juniores

Economia

Oeiras

• p.2

p. 7-11

Nova fase do parque dos poetas

Saúde

• p.15

Governo vai investir no Jamor O governo vai avançar 2,3 milhões de euros no complexo desportivo do Jamor em 2013 para “colmatar o estado de degradação” . PUB


Atualidade

2 • março 2013 CARNAXIDE

editorial

A

proveitando a primavera, que se aproxima a passos largos, o Correio de Oeiras surge com varias novidades. Mais informação sobre a atualidade da nossa sociedade, com o nosso habitual especial suplemento.Recorremos a meios e a instituições para conseguirmos relatar muitos casos que se tornam obscuros na nossa sociedade. Há mudanças irreversíveis, em especial no que toca a negligências ou a maus tratos psicológicos e físicos, que marcam para sempre o ser humano . O otimismo tem de dar cartas para enfrentar as adversidades da melhor forma. •

O

Presidente da República de Cabo Verde, Dr. Pedro Pires foi recebido na Assembleia Municípal de Oeiras pelo Sr. Presidente da Câmara Municípal de Oeiras, Vereação, Presidentes de Junta de Freguesia e deputados Municípais. O local escolhido para visita ao Concelho foi a Freguesia de Carnaxide, em particular Outurela onde reside a maior comunidade Cabo Verdeana do Concelho. A visita iniciouse no Complexo Desportivo Carlos Queiroz onde aguardava o selecionador Nacional Prof. Carlos Queiroz que orientava um treino para crianças do Campo de Férias da “Footballby”.De seguida foi visitada a “casa do Parque”, uma Casa de Acolhimento temporário em Outurela para crianças e jovens. A pé, o Presidente da República e a comitiva acompanhada pelo Presidente da Câmara de

FICHA TÉCNICA Diretora: Graça Tracana direcao.gracatracana@gmail.com Chefe de redação: Verónica Ferreira Redação: Rita Sousa. Colaboradores: Oscar Pinto, Linda Alagoinha, Clara Torrado. redacao.correiodeoeiras@gmail.com Fotografia: Sérgio Martinho. Conceção Gráfica: Vera Tracana. design.mpalavra@gmail.com

SOCIEDADE

Oeiras recruta para projeto “Jovens em Movimento”

Equipa Comercial: José Aguiar, Maria Almeida e Sonia Rodrigues e José Rebelo. comercial.mpalavra@gmail.com contabilidade.mpalavra@gmail.com Morada: Avenida Dos Bombeiros Voluntários Nº19, Loja 1 2725-592 Mem Martins Tlf: 21 920 22 40 / 21 920 23 35 Blog: www.correiodeoeiras.blogspot.com Periodicidade: mensal; Tiragem média: 35000 Propriedade: Mérito da Palavra, Lda.; NIF: 510015603 Registo da ERC N.º: 125477 Depósito Legal: 277926/08 Impressão: Gráfica Funchalense Morelena - 2715 Pero Pinheiro INTERDITA A REPRODUÇÃO DE TEXTOS, IMAGENS E ANÚNCIOS DE PUBLICIDADE SEM O DEVIDO CONSENTIMENTO DA DIREÇÃO DO JORNAL AS NOTÍCIAS DESTE JORNAL FORAM REDIGIDAS AO ABRIGO DO ACORDO ORTOGRÁFICO.

O DESP ORTO ((›D8IxF DE SINT &&>I8KLRA›;@I<:KFI 81GR @KF

ntra Des ANA

PUB

portivo Hocke Sintra y Club de

A função é coordenar equipas de jovens na realização de tarefas de limpeza e sensibilização ambiental, em espaços públicos municipais. Os candidatos devem ter uma idade compreendida entre os 21 e os 23 anos e serem frequentadores de um curso de ensino superior. Outro requisito para a candidatura é ter uma disponibilidade mínima de 15 dias, na parte da manhã, e no período de junho a setembro. Os candidatos devem ainda ter experiência no trabalho com jovens adolescentes. Todos os participantes no projeto são remunerados. Para efeitos de candidatura enviar currículo e carta de apresentação até ao dia 31 de março de 2013 para o e-mail: nspa@ cm-oeiras.pt. • RS

O objetivo de impulsionar e reanimar o comércio local, em particular o Mercado Municipal de Car naxide, apoiar os artesãos, cidadãos desempregados, aposentados e os cidadãos em geral, vamos realizar a I Feira mensal de trocas, artigos em 2ª mão e artesanato a realizar no primeiro sábado de cada mês, no horário compreendido entre as 9H00 e as 19H00, e n t re M a rç o e N o v e m b ro , e x c e t o Agosto.Esta Feira irá dinamizar mais uma vez o Mercado e será realizada com cerca de 37 bancas disponíveis. As inscrições começaram a partir do dia 18 de Fevereiro na Junta de Freguesia e serão validadas por ordem de receção com atribuição de número de inscrição até ao limite previsto, ficando as restantes em lista de reser-

o

Sintra Desportiv

Nuno 14.º CaDias vence Nacionampeonato em ka l Sénior raté

81GRAÇA TRACANA

;@I<:KFI O DE SINTRA› DO DESPORT JORNAL MENSAL ((›D8IxF&&>I8KL@KF 8EF@M›E%²,0›)'

ORTO

Pág.4

t

Ejh[_dW H_dY^e ZehZe:e`e IW WW dWY_edW bYWd‚ekc ckhW_dW W_ikc bdWYWj[ j‡jkbe ]eh_W!  .*A]$

PÁG. 11

e5

Rio de inaugu Mouro Despo ra Complex rtivo o

Jornal Mens al do Concelho de Cascais Directora: Graça Traca na

Hockey Club Sintra

PUB

E9ec fb[ne :[ife Wei[h hj_l l_‚ H_eZ[ eZWfefkbW e`|[ij| C ‚€eZ[  Wdei[d ekheWfŒi[ ijW h[gkWb Y[hhWZefWhW hZe_i _ÓYW‚€ eXhWi e$ PÁG Z[

j_iYedgk_ijek 7[gk_fWZ[?d\WdZWƒfeYW efh_c[_hejhe\ƒk [€Z_ijh_jWb [iW]hek#i[YWcf3 PÁG. (&'&%(&''$

. 11

N.º 40 Fevereiro 2011

ce Nuno Dias ven nato 14.º Campeo ior Nacional Sén em karaté

PUB

DP

PUB

ORTO ESPECIAL DESP

Airsoft

Pág.4 e 5

e`eIWckhW_dW Ejh[_dWZehZe: cW_ikcj‡jkbe H_dY^eWWbYWd‚ekeh_W!.*A]$ dWY_edWbdWYWj[] PÁG. 11

Rio de Mouro plexo inaugura Com Desportivo

DR

| :[ifehj_le`|[ij E9ecfb[ne kbW‚€eZ[ Wei[hl_‚eZWfef i[ijWhZe_i H_eZ[CekheWfŒWhWeXhWiZ[ Wdei[dY[hhWZefPÁG. 11 €e$ h[gkWb_ÓYW‚

VF

al l Mens Jorna ncelho do Co iras de Oe ora: Direct Tracana a Graç

ive

Al ptimus

N.º 47 ro 2011 rei Feve

Câmara Mun

icipal Cascais

Casa das Hist

órias Paula

de

Carlos Car reiras assume presidência do executivo autárquico t p.3

Rego

Exposição “My Choice”

especial S. Doming os

120 obras seleccionada s por Paula a partir da Rego colecção Briti sh Council

p. 2

o de O arítim atro eio m ceber qu Pass vai re t p.2 Algés festival de dias

VF

Airsof L DESP

?%F%K%

ESPECIA

DR

7[gk_fW efh_c Z[?d\Wdj_i [_h Yedgk [iW]hek ejhe\ƒkZW _ijek ƒfeYW (&'&%( #i[YWcf[€ Z_ijh_j &''$ PÁG Wb .3

de Rana

Tráfego rodo viário e lixeira de Traj ouce são os grandes desafios da freguesia t p.4-5

PUB

cial espe arena a Barc a comemor 4-5 t p. uesi sário Freg aniver 175.º ndo

a avalia orais rojectos M o p dos Isaltin

Cruz

idade

ica

Polít

oxim de pr

p. 3

fu

ada Da

Quebr

de iação be Assoc iros rece be bom io t p.6 íd subs

PUB

PUB

esperava a população, a Direção, a equipa de Andebol e o grupo de batuqueiras onde fizeram uma pequena atuação. •RS

Feira mensal de trocas, no 1º sábado de cada mês, em Carnaxide A Junta de Freguesia de Carnaxide promove a I Feira mensal de trocas, artigos em 2ª mão e artesanato (1º sábado de cada mês) no Mercado Municipal de Carnaxide.

PUB

PUB

Oeiras e o Presidente da Junta de Freguesia de Carnaxide percorreram algumas Ruas de Outurela e visitou a Associação de Solidariedade Social “Assomada” de origem Cabo Verdeana onde

A Câmara Municipal de Oeiras está a recrutar responsáveis de equipa para a campanha de verão do projeto “Jovens em Movimento”.

DR

?%F%K%

AÇA TRAC

DIREITOS RESERVADOS

Presidente da República de Cabo Verde visita Concelho de Oeiras - Freguesia de Carnaxide

va para substituição em caso de desistência dos efetivos.Para este efeito deverá preencher a ficha de inscrição, que é válida para todos os meses, devendo efetuar o pagamento da taxa mensal até ao último dia útil antes da Feira para que a inscrição esteja ativa. •


Jornal Mensal • 3 PUB

CONCELHO

DIREITOS RESERVADOS

Nova fase do parque dos poetas

Camões ocupa nova área do espaço de lazer, ampliado em sete hectares. No dia 16 fevereiro pelas 17 horas, assinalaram a abertura da Zona B da 2.ª Fase do Parque dos Poetas, a Música, poesia, luz e som. Numa festa aberta a toda a população, a animação esteve por conta de José Fanha, que pronunciou poesia acompanhado por músicos da Roda do Chorinho de Lisboa – Eduardo Miranda (bandolim) e Carlos Lopes (acordeão) – para além de um espetáculo protagonizado por João Gil e Luís Represas. A fechar a abertura de mais um troço daquela zona verde, a fonte cibernética inaugurada junto ao espaço dedicado a Camões (com rotação a 360º), exibirá todas as suas potencialidades em efeitos especiais com jogos de luz, som e, claro, água. Esta nova zona do parque que dedica homenagem à Poesia e aos escultores da Lusofonia tem uma dimensão de cerca de sete hectares e situa-se na extremidade Sul do recinto, entre a Rua Carlos Vieira Ramos e o viaduto do Espargal. É exatamente na parte que fica situada mais perto do rio que se situa a coqueluche deste novo troço: a Ilha dos Amores, com a Gruta de Camões e as 14 ninfas que fazem referência aos países por onde andaram os portugueses no tempo dos Descobrimentos, mais a exposta fonte cibernética ali por perto. Mercê da eventualidade de esta ser uma zona atravessada por vastos lençóis freáticos, a sustentabilidade hídrica do projeto, desde a rega até ao fornecimento daquela fonte, ficou desde logo, afiançada. O

investimento municipal nesta nova zona rondou os 9 milhões de euros, abrangendo os conjuntos escultóricos – só as 15 esculturas alusivas à obra de Camões (as ninfas e um busto do vate) custaram 850 mil euros e as restantes obras orçaram em cerca de outro tanto. Inaugurado em 2003, com 10 hectares na sua 1.ª fase, o Parque dos Poetas tem a conclusão definitiva dependente do andamento da zona A desta 2.ª fase, a qual fará ligação à fase anterior através da Rua São Salvador da Baía. No total, a 2.ª fase (15 hectares) terá custado cerca de 23 milhões de euros contando já com cortes de 4,5 milhões feitos, entretanto, na despesa prevista inicialmente (27 milhões de euros). Prevê-se que o Parque dos Poetas esteja terminado no final deste ano. •RITA SOUSA

PUB

PUB


4 • março 2013 fESTIVAL OPTIMUS ALIVE 2013

Orquestra das Câmaras de Cascais e Oeiras reconhecida no plano nacional

Tame Impala e Twin Shadow confirmados no Optimus

DIREITOS RESERVADOS

CONCELHO

DIREITOS RESERVADOS

Tame Impala e Twin Shadow são as mais recentes confirmações para o festival Optimus Alive 2013, que decorre entre 12 a 14 de julho no Passeio Marítimo de Algés, em Oeiras. A banda australiana Tame Impala atua dia 14 de julho no Palco Optimus, enquanto o projeto Twin Shadow, do norte-americano George Lewis Jr., tem presença confirmada para o mesmo dia, no Palco Heineken. Com estas duas confirmações, sobe para nove o número de bandas já anunciadas para o Optimus Alive, entre as quais se encontram Depeche Mode, Green Day ou Kings of Leon. Os bilhetes já estão à venda nos locais habituais. Os preços variam entre os 53 euros (um dia) e os 105 euros (três dias). •RS

Conjuntamente com o apoio financeiro proporcionado pelas Câmaras Municipais de Cascais e Oeiras estas verbas permitem à OCCO prosseguir o seu trabalho elevando o nome de Cascais em projetos que irão estender-se a nível nacional. No âmbito da candidatura apresentada pela OCCO foi aprovado um conjunto de pro-

COOL JAZZ

jetos que obrigam a orquestra a reforçar a sua atividade também a nível nacional, com a realização de concertos fora do distrito de Lisboa, o que, constitui, no entendimento do seu diretor, Nicolai Lalov, “uma oportunidade para promover o trabalho que temos vindo a realizar em conjunto com as duas autarquias”. Ao mesmo tempo, a OCCO será a única orquestra que, nos próximos quatro anos terá o apoio simultâneo de duas autarquias e da DGArtes, o que, para o maestro Lalov vai de encontro às reivindicações da orquestra: “há muito tempo que pedíamos um maior envolvimento do Estado (DGArtes) no apoio à nossa instituição”, declarou. •RS

Músico John Legend atuará em julho no festival CoolJazz O músico norte-americano John Legend estreia-se em Portugal a 27 de julho no festival CoolJazz, em Oeiras, cujo cartaz contará ainda com Ana Moura e Luísa Sobral e com os regressos dos canadianos Rufus Wainwright e Diana Krall.

EXPOSIÇÃO

“África no Coração – Coleção Neves e Sousa” é o título da 10.ª exposição organizada a partir do espólio da Coleção Neves e Sousa, pela Câmara Municipal de Oeiras. A inauguração desta mostra teve lugar no dia 16 de fevereiro, pelas 15:00 horas, na Livraria-Galeria Municipal Verney, e vai ficar patente ao público até ao dia 11 de maio, podendo ser visitada nos dias úteis de terça a sextafeira, das 11:00 às 18:00 e aos sábados, entre as 12:00 e as 18:00 horas.

PUB

DIREITOS RESERVADOS

“África no Coração – Coleção Neves e Sousa” na Verney em Oeiras

A organização da EDP Cooljazz anunciou hoje os primeiros nomes do cartaz do festival que cumpre dez anos de existência. Os concertos decorrerão ao longo do mês de julho no Parque dos Poetas -- Estádio Municipal de Oeiras e nos jardins do Marquês de Pombal. Dos nomes hoje anunciados destaca-se a estreia em Portugal do músico de R&amp;B e soul norte-americano John Legend, a 27 de julho no estádio municipal. John Legend, 34 anos, tem três álbuns editados em nome próprio, todos lançados na última década, aos quais se juntam colaborações com outros nomes, como o que aconteceu com os The Roots, com quem editou o premiado “The Wake up”, em 2010, com Mary J. Blige, Black Eyed Peas ou o brasileiro Sérgio Mendes. No CoolJazz atuarão ainda, nos jardins do Marquês de Pombal, a cantora Diana Krall (24 de julho), com o álbum novo, “Glad Rag Doll”, e o PUB

músico Rufus Wainwright (25 de julho), que editou em 2012 o disco “Out Of the Game”. Foram ainda anunciados dois nomes portugueses: Luísa Sobral, que se prepara para editar em maio novo álbum, sucessor de “The cherry on my cake”, e a fadista Ana Moura, que tem andado a mostrar ao vivo o álbum “Desfado”. Em dez anos, o CoolJazz apresentou em Portugal artistas como Seal, Barbara Hendriks, Roy Ayers, Buddy Guy, Caetano Veloso, Jamie Cullum, Norah Jones, Buena Vista Social Club e Michael Kiwanuka. • RS

DIREITOS RESERVADOS

Uma das quatro candidaturas anunciadas na área de música a nível nacional, a da Orquestra das Câmaras de Cascais e Oeiras (OCCO) mereceu o aval da Direção Geral das Artes e um apoio financeiro de 140 mil euros, para o ano de 2013.

PUB


Jornal Mensal • 5 RECICLAGEM

Família Oeiras Ecológica fomenta boas práticas È o que deixa concluir a análise dos inquéritos efetuados pela Oeinerge – Agência Municipal de Energia e Ambiente de Oeiras às cerca de 100 famílias que já associaram-se nas duas primeiras edições do projeto “Família Oeiras Ecológica”, uma ação desta entidade, em parceria com a associação ambientalista Quercus que, entretanto, está a cumprir a sua terceira edição, abrangendo mais 50 famílias. Separação seletiva de resíduos, aquisição de lâmpadas economizadoras e redução dos consumos de água e energia são as áreas onde os inquéritos revelaram haver um grau elevado de boas práticas de eficácia energética e ambiental. No plano oposto está o recurso ao transporte individual para os movimentos pendulares casa/trabalho pela grande maioria das famílias. A 3.ª edição do projeto contabilizou mais de 130 inscrições de famílias residentes no concelho. Destas, as primeiras 50 a inscreverem-se têm direito a visitas ao domicílio – que se iniciaram em janeiro – por parte de uma equipa especializada que, além do levantamento de dados e hábitos de consumo, sensibiliza e dá conse-

DIREITOS RESERVADOS

A maior parte das famílias de Oeiras já desfruta de boas rotinas ambientais no seu dia-a-dia.

Família Oeiras Ecológica com a atriz Sandra Faleiro

lhos às famílias quanto às melhores maneiras de poupar dinheiro e ajudar o Ambiente nas vertentes da energia, água, separação de resíduos, mobilidade, jardim e consumo sustentável. Os munícipes abrangidos recebem, ainda, produtos ecológicos fornecidos por várias empresas que se juntaram à iniciativa. A edição voltou a contar com a participação especial de uma figura pública. A atriz Sandra Faleiro, residente em Paço de Arcos, que

aceitou o desafio. Reciclagem do lixo, utilização de lâmpadas económicas e extensões com interruptor, desligar as luzes sempre que não necessárias, bem como o uso de transportes públicos, foram algumas das boas práticas adiantadas pela atriz que revelou pretender adotar um sistema de energia solar. Sobre a envolvente do local onde reside – junto ao Jardim de Paço de Arcos – regozijou-se porque “as ruas são limpas e o jardim é cuidado

regularmente”, mas lamentou: “Por vezes, reparo que as pessoas não fazem reciclagem do lixo, o que é mau”. A “Família Oeiras Ecológica” pretende ajudar o Município a atingir as metas estabelecidas pela Comissão Europeia no âmbito do “Pacto de Autarcas”, com o objetivo de aumentar 20% de eficiência energética e de energias renováveis e reduzir 20% nas emissões de CO2, até ao ano de 2020 . • RS PUB


Concelho

6 • março 2013 PUB

OEIRAS

DIREITOS RESERVADOS

Porto de Recreio de Oeiras recebe réplica da Nau Nossa Senhora dos Mártires

O Porto de Recreio de Oeiras foi o ponto de partida para a apresentação do projeto de construção da Nau Nossa Senhora dos Mártires. Nos dias 23 e 24 de fevereiro, pelas 10h às 18h, a Ordem da Cavalaria do Sagrado Portugal levou a cabo várias ações no Porto de Recreio de Oeiras. Nesses dias foi possível ver uma pequena exposição de material militar da época da expan-

são marítima portuguesa e com um modelo à escala 1:5, com cerca de 4 metros de comprimento, baseado na Nau Nossa Senhora dos Mártires, que naufragou na barra de Lisboa em setembro de 1606. A exposição foi interativa, em que qualquer pessoa pôde vestir o equipamento ou manobrar a nau. Houve ainda mostras de combates e exibição de réplicas de armas de fogo. No domingo de manhã, foi lançada à água uma coroa de flores em homenagem às vítimas do naufrágio da Nossa Senhora dos Mártires. A Nau Nossa Senhora dos Mártires, inovadora e única na sua época, foi um dos navios que constituiu a base do Império Ultramarino Português e do domínio dos mares por mais de 100 anos, possibilitando manter a segurança nas principais rotas comerciais e manter fortes presenças em territórios longínquos. A organização ambicionou que esta embarcação percorresse o planeta apresentando ao visitante um museu vivo, em cada porto que esteja, assim como o legado português no Mundo. Esta iniciativa contou com o apoio da Câmara Municipal de Oeiras e da Oeiras Viva EEM. • RS

MEDICAMENTOS

Oeiras comparticipa medicamentos em 350 mil euros

A PUB

Câmara Municipal de Oeiras aprovou, para este ano, um pacote de 350 mil euros dirigido à comparticipação de medicamentos aos idosos com dificuldades económicas. A autarquia anunciou, que vai assim, destinar mais 28 mil euros a este apoio do que em 2012. De acordo com comunicado, a decisão deve-se à necessidade “cada vez maior” de “apoiar um grupo populacional que, pelas suas condições socioeconómicas, enfrenta maiores dificuldades no acesso aos medicamentos”. Segundo a autarquia, com esta medida, os pensionistas residentes no concelho que tenham receita médica prescrita em modelo próprio do Serviço Nacional de Saúde (SNS), beneficiam, em qualquer farmácia do país que pertença à Associação Nacional de Farmácias (ANF), de um desconto de 50% da despesa não comparticipada pelo Estado. Para obter o desconto têm apenas de estar devidamente identificados com o cartão de beneficiário do SNS ou ADSE com a letra R (que assinala um utente abrangido pelo regime Especial de Comparticipação) e com o Cartão Oeiras 65+, exclusivo dos munícipes com

idade igual ou superior a 65 anos. “O desconto na aquisição dos medicamentos é imediato, pelo que o utente paga à farmácia a parte remanescente (50%), descontadas as comparticipações do SNS ou da ADSE e da Câmara Municipal de Oeiras”, explica a autarquia. Em 2012, a Câmara de Oeiras gastou 322 mil euros na comparticipação de um total de 75.622 receitas. A comparticipação arrancou em 2009, depois de um protocolo celebrado com a ANF, e, entre novembro desse ano e novembro de 2012, o município comparticipou mais de 130.000 receitas, o equivalente a 649.000 euros em medicamentos. Dados divulgados pela câmara revelam que que o número de potenciais beneficiários deste apoio é superior a 10.250 pensionistas, estando, atualmente, a ser comparticipadas uma média 6.300 receitas por mês. O apoio de 350 mil euros na comparticipação de medicamentos está incluído no orçamento municipal já aprovado pelo executivo independente liderado por Isaltino Morais, que é de 137,1 milhões de euros para 2013 e no qual 57,6 milhões são destinados à área da Ação social. • RS

PUB

PUB


•Suplemento• DIREITOS RESERVADOS

Jornal Mensal • 7

Realidades

atuais

N

o suplemento, vamos dar destaque às realidades atuais da nossa sociedade, que por muitas vezes torna-se obscura de todos nós. Os maus tratos a idosos, crianças e jovens. Fomos conhecer a delegação de Oeiras do Coração Amarelo, demos os parabéns a Universidade Sénior de Lisboa e Algés e falámos também com a comissão de proteção de crianças e jovens de Oeiras, para conseguirmos perceber como eles funcionam, em casos de risco.

A Associação Coração Amarelo nasceu no dia 18 de maio de 2000 do sonho de sete Mulheres,conhecedoras da solidão existente na população mais Idosa e do desejo de a combater. Foi constituida como IPSS em 17 de julho de 2000, publicada no D.R. n°4, de 5 de janeiro de 2001. Tende em mente o pensamento de Albert Camus “ A Verdadeira Generosidade para com o Futuro consiste em dar no Presente”. No Concelho de Oeiras iniciou a sua atividade em 27 de janeiro de 2003, com um pequeno grupo de Voluntários

cheios de entusiasmo e cientes da necessidade de atuar com muito Amor, junto de uma elevada faixa de população Idosa. Presentemente a Delegação de Oeiras conta com 82 Voluntários e 75 Beneficiários (idosos,dependentes e isolados), abrangendo 7 freguesias do Concelho. Os Voluntários desenvolvem um trabalho individual junto do beneficiário,através de: Visitas semanais no domicílio: Lendo, conversando sobre aspetos da atualidade, ouvindo o que têm para contar, preenchendo documentos ou outras atividades

que possam ser necessárias, Noexterior: acompanhando nomeadamente ao médico, ao hospital, ao café, ao cinema, num passeio, a outras instituições, a casa de familiares ou amigos. Para quebrar a Monotonia e a Solidão do ambiente em que vivem,organizam mensalmente um evento com Voluntáriods e Beneficiários, como forma de convívio, fomentador de amizade e do conhecimento,visitando Museus, Palácios, Exposições, Lugares de Lazer e de novas iniciativas no Concelho;terminando com um lanche.

››

PUB


•Suplemento•

8 • março 2013

ASSOCIAÇÃO CORAÇÃO AMARELO

“O maior problema da sociedade atual é a solidão”

Há quanto tempo existe esta associação?

DIREITOS RESERVADOS

A Associação Coração Amarelo foi fundada em 2000 em Lisboa,perante o fenomeno de envelhecimento e de vivências de solidão por 7 mulheres, de formações diferentes, mas preocupadas com esta população,tão abandonada.

Quais são os problemas mais graves que a instituição se deparou?

Sentir-se Só,é não ter quem nos ame,portanto o Combate á Solidão é um DAR de AFETOS,o amigo que senão tem,uma familia que se perdeu;é aumentar a auto estima,passar a confiar e a saber que Alguem se preocupa connosco...Talvez seja este o maior problema da sociedade atual, a SOLIDÃO.

O estado garante algum tipo de ajuda? Todo este trabalho é feito com voluntários,o que damos não tem preço, é AMOR.Através dos Orgaõs Autarquicos temos tido sempre toda a comprensão e apoio.

Quais são os problemas mais profundos de solidão que a instituição viveu na chegada de algum idoso?

As pessoas são todas diferentes e cada uma é unica!Portanto temos que saber acarinhar,o uvir,encaminhar,acompanhar.Todos os Utentes são importantes e com problemas diferentes,que devem ser tratados com privacidade e respeito.

Quais foram as razões que levaram a abrir aqui uma delegação em Oeiras?

Quais são os principais temas que a instituição trata?

O projeto da instituição é o “COMBATE Á SOLIDÃO junto de idosos,dependentes e isolados,através de:Visitas domiciliarias semanais, acompanhamento ao médico,hospital,ba PUB

DIREITOS RESERVADOS:ASSOCIAÇÃO CORAÇÃO AMARELO

A Associação Coração amarelo é uma instituição sem fins lucrativos. A Coração Amarelo, conta atualmente com cerca de 700 voluntários/as a nível nacional, inscritos em sete Delegações em pleno funcionamento, em Lisboa, Oeiras, Cacém, Cascais, Sintra e Porto, ainda uma Comissão Instaladora em Bouceiros/Porto de Mós e contatos para criação de novas estruturas em vários pontos do País, nomeadamente em Aveiro. Falamos com a Drª Aline Bettencourt, responsável pela delegação em Oeiras, que nos relatou um pouco como funciona a instituição e as suas realidades atuais.

nco,serviços,sociais,compras,visitas a amigos ou familiares, ajuda na elaboração de documentação, Passeios mensais,com visita a museus,exposições,locais de lazer e lanche, colonias de férias na praia.

O concelho de Oeiras já tinha vários programas destinados aos idosos,por isso convidou as Fundadoras da Associação do Coração Amarelo a realizarem uma tertúlia sobre o seu projeto na Galeria Verney,dessa apresentação ficou a vontade de existir uma delegação em Oeiras.Estavamos no ano de 2003 e a vontade da CMO,concretizou-se através do trabalho de 4-5 voluntários cheios de entusiasmo e dedicação.Hoje somos 104 voluntários e 110 utentes,estamos em todo o concelho,com dinamismo,criatividade e principalmente com amor.

Acha que Portugal em termos de PUB

instituições sem fins lucrativos está preparado para o envelhecimento da população?

Hoje existe uma nova mentalidade ácerca deste fenomeno,o envelhecimento ativo e util,ele pode transformar a sociedade com o seu saber e o seu apoio.Portugal é dos paises mais velhos da Europa,portanto têm aparecido novas respostas das instituições:centros de dia, de convivio,apoio domiciliario,higiene pessoal,lares.

Qual o papel da família despois da chegada dos idosos a instituição? Cumprem essa função?

A familia pode existir ou não,muitas vezes é ela que encaminha o seu familiar para a Associação.No caso desta estar longe ou afastada cumpre-nos aproxima-los mas sempre respeitando a vontade do Utente, demonstrando o papel importante que a familia tem no equilibrio afetivo do idoso.

Tem algum relacionamento com PUB

outras instituições?

Não se podem dar respostas eficazes sem trabalhar em rede com todas as instituições que conhecem esta faixa etária. Temos parcerias ou protocolos com várias, Pretencemos às Comissoões sociais de freguesia do concelho onde se debatem todas estas problemáticas,enriquecendo-nos para melhor servir.

Quais são os programas que consideram que estão a ganhar mais destaque no programa nacional, como as universidades da terceira idade?

As Universidades séniores têm aumentado no nosso País e também no concelho de Oeiras,são importantes e estimulantes para muitos mas,todas as outras respostas têm que ter em vista o interesse diversificado dos idosos;desporto, viagens, tertúlias,convivios.O próprio idoso deve ser ouvido sobre os programas e atividades a realizar,no pleno direito de cidadania que possuí. •RITA SOUSA PUB


Jornal Mensal • 9 PUB

UNIVERSIDADE SÉNIOR E INTERGERACIONAL DE LISBOA E ALGÉS

Parabéns à USILA No 13º aniversário do funcionamento da Universidade Sénior e Intergeracional de Lisboa e Algés, professores e alunos felicitam os corpos sociais, na pessoa da sua fundadora e diretora, Dra. Emília Barradas de Noronha pela fundação e incrementação deste projeto, em Algés, desde 14 de Fevereiro de 2000.

PUB

O Presidente da Assembleia Geral Dr. José Henriques Madeira, Médico Oftalmologista DIREITOS RESERVADOS:USILA

A funcionar no Palácio Ribamar, graças ao alto patrocínio e apoio da Câmara Municipal de Oeiras, a USILA é um projecto que ensina os seniores que a vida recomeça com a reforma, dando-lhe um novo sentido na luta pelos sonhos vedados e por um envelhecimento activo e com dignidade. Com boas práticas reconhecidas, a USILA aponta para a prevenção da saúde, o combate aos estereótipos negativos da solidão, de se ser menos atractivo onde não se tem duelos. Das diferentes disciplinas desde a Musicoterapia, Tai-chi, Nutrição, Desenvolvimento Social e Pessoal, Geografia, Novas Tecnologias, Artes, uma panóplia de línguas (Latim, Francês, Inglês, Espanhol, Alemão, Italiano), Literaturas (Clássica, Ibero-Americana, Portuguesa, Alemã, Inglesa) num total de cerca de

34 disciplinas diversificadas pela módica quantia de 10€ por mês. A USILA continua a funcionar também como escola de verão. Após a sua fundação outras obras congéneres surgiram inspiradas no mesmo modelo, o que aponta para um projecto pioneiro de sucesso e bem-estar nesta área geográfica. Não podíamos deixar de felicitar as conferências, visitas de estudo, as exposições de pintura, as tertúlias poéticas, os concertos que estimulam as relações sociais e o intelecto, envolvendo a comunidade escolar, a Junta de Freguesia de Algés e a Igreja do Cristo Rei, além da prestigiada Câmara Municipal de Oeiras. Bem-estar, entende-se aqui pela capacidade de recuperar e ter esperança, felicidade, energia contra a falta de família ou a desafiadora reforma. Ao corpo de professores voluntários e à sua ilustre directora, Dra. Emília Barradas de Noronha e alunos, felicitamos por mais um aniversário e desejamos-lhes muitos e reconhecidos projectos.

PUB

PUB

PUB

PUB


•Suplemento•

10 • março 2013

comissÃo de proteçÃo de crianças e jovens de oeiras

Falamos com o Presidente da Comissão de Proteção de Oeiras, João Del que nos explicou qual o funcionamento da comissão e como atuam.

lhimento em instituição, as medidas de promoção e de proteção são executadas no meio natural de vida ou em regime de colocação, consoante a sua natureza.

Quais as Competência da Comissão de Proteção de Oeiras? A intervenção da comissao de proteção de crianças e jovens de Oeiras tem lugar quando não seja possível às entidades com competência em matéria de infância e juventude atuar de forma adequada e suficiente a remover o perigo em que se encontram. A comissão de proteção funciona em modalidade alargada ou restrita, doravante designadas, respetivamente, de comissão alargada e de comissão restrita. À comissão alargada compete desenvolver ações de promoção dos direitos e de prevenção das situações de perigo para a criança e jovem, nomeadamente informar a comunidade sobre os direitos da criança e do jovem e sensibilizá-la para os apoiar sempre que estes conheçam especiais dificuldades, promover ações e colaborar com as entidades competentes tendo em vista a deteção dos factos e situações que afetem os direitos e interesses da criança e do jovem, colaborar com as entidades competentes no estudo e elaboração de projetos inovadores no domínio da prevenção primária dos fatores de risco, bem como na constituição e funcionamento de uma rede de respostas sociais adequadas. À comissão restrita compete intervir nas situações em que uma criança ou vem está em perigo, nomeadamente atender e informar as pessoas que se dirigem à comissão de proteção, apreciar liminarmente as situações de que a comissão de proteção tenha conhecimento, Proceder à instrução dos processos, decidir a aplicação e acompanhar e rever as medidas de promoção e proteção, com exceção da medida de confiança a pessoa selecionada para a adoção ou instituição com vista a futura adoção.

Como são constituídas? A Comissão de proteção na sua modalidade alargada integra, um representante da segurança social,um representante dos serviços do Ministério da Educação, um médico, em representação dos serviços de saúde,um representante das instituições particulares de solidariedade social ou de outras organizações nãogovernamentais que desenvolvam, na área de competência territorial da comissão de proteção, atividades de caráter não institucional, em meio natural de vida, destinadas a crianças e jovens,um representante das instituições particulares de solidariedade social ou de outras organizações não-governamentais que desenvolvam, na área de competência territorial da comissão de proteção, atividades em regime de colocação institucional de crianças e jovens,um representante das associações de pais,um representante das associações ou outras organizações privadas que desenvolvam, atividades desportivas, culturais ou recreativas destinadas a crianças e jovens,um representante das associações de jovens ou um representante dos serviços de juventude, um ou dois representantes das forças de segurança, conforme na área de competência territorial da comissão de proteção existam apenas a Guarda Nacional Republicana ou a Polícia de Segurança Pública, ou ambas, quatro pessoas designadas pela assembleia municipal de entre cidadãos eleitores preferencialmente com especiais conhecimentos ou capacidades para intervir na área das crianças e jovens em perigo,os técnicos que venham a ser cooptados pela comissão, com formação, designadamente, em serviço social, psicologia, saúde ou direito, ou cidadãos com especial interesse pelos problemas da infância e juventude.

Que medidas aplicam a Comissão de Proteção para a promoção e proteção? Apoio junto dos pais, apoio junto de outro familiar, Confiança a pessoa idónea, apoio para a autonomia de vida, acolhimento familiar, aco-

Em que consiste o acompanhamento e apoio da Comissão Nacional? Proporcionar formação e informação adequados no domínio da promoção dos direitos da proteção das crianças e jovens em perigo,

PUB

PUB

DIREITOS RESERVADOS

“A comissão de proteção funciona em modalidade alargada ou restrita”

formular orientações e emitir diretivas genéricas relativamente ao exercício de competências das comissões de proteção, apreciar e promover as respostas às solicitações que lhe sejam apresentadas pelas comissões de proteção sobre questões surgidas no exercício das suas competências,promover e dinamizar as respostas e os programas adequados no desempenho das competências das comissões de proteção, promover e dinamizar a celebração dos protocolos de cooperação. Como funcionam? As instalações e os meios materiais de apoio, nomeadamente um fundo de maneio, necessários ao funcionamento das comissões de proteção são assegurados pelo município, podendo, para o efeito, ser celebrados protocolos de cooperação com os serviços do Estado representados na Comissão Nacional de Proteção de Crianças e Jovens em Risco. As autoridades administrativas e entidades policiais têm o dever de colaborar com as comissões de proteção no exercício das suas atribuições, incumbindo o dever de colaboração igualmente às pessoas singulares e coletivas que para tal sejam solicitadas. Os membros da comissão de proteção representam e obrigam os serviços e as entidades que os designam. As funções dos membros da PUB

comissão de proteção, no âmbito da competência desta, têm caráter prioritário relativamente às que exercem nos respetivos serviços. O processo de promoção e proteção é de caráter reservado. Os pais, o representante legal e as pessoas que detenham a guarda de facto podem consultar o processo pessoalmente ou através de advogado. Quem pode requerer? Qualquer pessoa que tenha conhecimento de situações que ponham em perigo a segurança, saúde, formação, educação ou desenvolvimento da criança e do jovem, pode comunicá-las às entidades com competência em matéria de infância ou juventude, às entidades policiais, às comissões de proteção ou às autoridades judiciárias. Quando se pode requerer? A comissão restrita funciona em permanência. Qual o número de crianças e jovens em risco no concelho de Oeiras? O relatório final de 2013 ainda não esta finalizado, mas em 2011 foram de 879 casos. •RITA SOUSA

PUB


Jornal Mensal • 11 PUB

Agência funerária de carnaxide

“Para trabalhar neste ramo é preciso gostar ” O Correio de Oeiras, entrevistou José Grilo, proprietário da agência funerária de Carnaxide, onde nos falou um pouco sobre o ramo e os apoios que o mesmo sofreu (esta agência nunca teve apoios e o ramo também não) e igualmente nos deu a conhecer o que mais sensibiliza neste ofício.

ram aumentos, nomeadamente os cemitérios.

DIREITOS RESERVADOS

Há quanto tempo tempo, tem a agência aberta ao público? Tenho a agência aberta há 4 anos. A iniciativa de abrir este negócio, foi mera iniciativa própria ou fazia parte de familiares? Foi de inciativa própria. Com 15 anos de experiencia nesta profissão em outras agências, achei que estava na altura de trabalhar sozinho. Como se fundou a funerária? No início nem estava a pensar em abrir uma funerária, mas depois surgiu esta casa e como já trabalhava para outros, decidi trabalhar sózinho. Quis fazer as coisas ao meu gosto. E tem resultado bem. Ao longo dos 15 anos de trabalho fui acumulando um leque de conhecimentos, e criando algumas amizades com famílias, que acabam por me procurar. Por isso abri esta agência mesmo com o meu nome. Para trabalhar neste ramo é preciso gosta, e eu acho que nasci para isto. Quando trabalho não é apenas um funeral, é todo o processo em si. O relacionamento com os familiares, entre outras coisas, é muito importante num momento tão frágil para as pessoas. Eu gosto de trabalhar com dignidade. Sente que este ramo também se encontra a passar pela crise, que atualmente vivemos? Muito mesmo. Foram cortados, alguns apoios a estas agências? Concretamente às agências não. Contudo, como foram cortados apoios aos nossos clientes, acaba por se sentir esses cortes. Por exemplo, antes a segurança social ajudava 2.500€ e agora só dá um apoio de 1.250€. Parecendo que não limita muitas familias a fazer um funeral com a dignidade que gostavam. Os custos não baixaram, bem pelo contrário sofrePUB

Nesta profissão o que mais o sensibiliza? A pergunta que me está fazer, já me foi feita uma vez. Secalhar podia dizer que seria os funerais a crianças. Sim, também me sensibiliza muito, principalmente entre os 8 e 16 anos. Mas à parte disso, sensibiliza me muito o funeral a idosos, que só vão 2 ou 3 pessoas. Estas pessoas ao fim de uma vida deixaram, certamente, marcas. Contudo, parecem que não têm ninguém, ninguém os acompanha… Nesta edição do Correio de Oeiras, direcionamo-nos para um tema muito pouco falado. Os maus tratos a idosos. Tem alguma história que queira nos contar, que o tenha impressionado mais aqui na agência? Não tenho assim nenhuma história de maus tratos, que tenha conhecimento. Até mesmo que soubesse, não lhe podia facilitar essa informação. Mas as histórias que me impressiona mais aqui na agência, são aquelas pessoas que têm mais idade e perdem, por exemplo, o marido, ligam nos para lhes fazer um pouco de companhia porque se sentem sós e não têm mais ninguém. •


12 • março 2013 PUB

PUB

GASTRONOMIA

DIREITOS RESERVADOS

XIV Exposição, Venda de Fumeiro e Mostra de Artesanato do Concelho de Vinhais

PUB

PUB

PUB

PUB

Trabalhar melhor não significa abandonar práticas antigas, pelo contrário. O que diferencia o fumeiro é a fidelidade mantida em relação a matéria-prima. O Mercado Municipal de Oeiras recebe, de 8 a 10 de março, a XIV Exposição, Venda de Fumeiro e Mostra de Artesanato do Concelho de Vinhais. Esta iniciativa, que reúne o que de melhor há neste concelho transmontano, é realizada pela Casa de Vinhais e conta com a colaboração dos Municípios de Oeiras e Vinhais. No dia 8 de março, das 17h00 às 23h00, nos dias 9 e 10 de março, das 10h00 às 22h00. Sem duvida, um grande evento gastronómico no concelho de Oeiras, que vai despertar o interesse de milhares de visitantes. A Exposição também vai poder contar com Tasquinhas, pratos regionais (Fumeiro),

venda de Fumeiro, venda de artesanato e uma grande animação variada. Esta iniciativa, que reúne o que de melhor há neste concelho transmontano, é realizada pela Casa de Vinhais e conta com a colaboração dos Municípios de Oeiras e Vinhais. •RITA SOUSA


Jornal Mensal • 13 Espetáculos

25ª Edição da Mostra de Teatro Amador do Concelho de Oeiras

A NOVA BAILARINA

Entre 6 de Março e 30 de Abril, Oeiras, Paço de Arcos, Cruz Quebrada, Linda-a-Velha, Tercena, Carnaxide e Barcarena recebem a 25ª edição da Mostra de Teatro Amador do Concelho de Oeiras, em que participam doze grupos sedeados no concelho. As peças decorrem em várias salas do concelho, sendo o espectáculo de estreia da Mostra a “Escola de Heróis” que sobe ao palco

do Auditório Novo Espaço –TIO, no dia 6 de Março, às 11H00. Destaque-se que no dia 27 de Março, data em que se celebra o Dia Mundial do Teatro, é apresentada a peça “As Bodas de Fígaro”, pelo Intervalo Grupo de Teatro, às 16H00, no Auditório Municipal Lourdes Norberto. A entrada nos espectáculos é livre, sujeita á lotação dos espaços.

PROGRAMA: 6 de Março – 11H00 Auditório Novo Espaço -TIO Escola de Heróis, pelo T.I.O. M/4 anos 11 de Março – 21H30 Auditório Novo Espaço -TIO Sexo?, sim, obrigada!, pelo T.I.O. M/16 anos 19 de Março – 16H00 Espaço Nova Morada As Histórias do Lobo Mau, pelo Teatro Nova Morada M/4 anos 26 de Março – 21H30 Salão Nobre da SIMECQ Três Séculos, Uma Vida, Uma Obra – SIMECQ, pelo grupo de teatro da SIMECQ 27 de Março – 16H00 Auditório Municipal Lourdes Norberto As Bodas de Fígaro, pelo Intervalo Grupo de Teatro 2 de Abril – 21H30 Auditório Municipal Eunice Muñoz Barraca De Luxe, pelo Teatro Nova Morada M/18 anos - Com linguagem e cenas eventualmente chocantes 9 de Abril – 21H30 Salão do Grupo Recreativo de Tercena A Visita da Dª Genoveva / Cá estamos Nós, pelo Grupo cénico do Grupo Recreativo de Tercena M/12 anos 10 de Abril – 16H00 Auditório Municipal Ruy de Carvalho

História do Soldado, pelo Grupo Cénico do Grupo Cultural e Recreativo de Leião 14 de Abril – 21H30 Auditório Municipal Ruy de Carvalho O café do absurdo, pelo Quarto Crescente M/4 anos 15 de Abril – 21H30 Auditório Municipal Ruy de Carvalho Aparentemente Sim, pelo grupo cénico 18 de Maio M/12 anos 16 de Abril – 21H30 Auditório Municipal Eunice Muñoz É o fim não há Ouro nem Pilim, pelo CENCO 17 de Abril – 16H00 Auditório Municipal Lourdes Norberto pelo Grupo Cénico Joaninhas de leião 17 de Abril – 19H00 Auditório Municipal Eunice Muñoz Andando, Andando… na Noite, pelo Grupo Cénico da Biblioteca Operária Oeirense M/3anos O Inspector, pelo Grupo Cénico da Biblioteca Operária Oeirense M/3anos 28 de Abril – 21H30 Salão da Associação Cultural de Tercena O Diário de Maria Lalande, pelo Grupo Cénico da Associação Cultural de Tercena 30 de Abril – 21H30 Salão da A. H. B. V. Progresso Barcarenense. O Pai do noivo, pelo Grupo cénico da A. H. B. V. P. B.

DIREITOS RESERVADOS

TEATRO AMADOR

Companhia Jangada de Pedra | Dança | Crianças e jovens Sábado 2 de março, pelas 11h00, no Auditório Municipal César Batalha, em Oeiras estreia o espétaculo. A Nova Bailarina é um espetáculo sobre a democracia que nos remete para o papel de cada um na sociedade e para a consciência cívica, abordando, através da dança, questões éticas e de valores base de construção pessoal e social. O público é assim convidado a pensar, escolher e decidir, através de questões que vão sendo colocadas pela bailarina, sendo con-

vidado a tomar posições de cidadania, unindo-se, chegando a ter que se opor à Bailarina, que por vezes, não tem um comportamento nada democrático. Esta é uma peça em que a palavra está muito presente, sempre com objetivo de reforçar a consciência da ligação entre o corpo e a mente, ligando o pensamento à dança e potenciando uma nova forma de viver o lugar do corpo na sociedade. A entrada é livre no limite dos lugares disponíveis e mediante levantamento de uma senha a partir das 10h00.

“Mascotes de Maria Helena”

À procura do tesouro escondido

A Câmara Municipal de Oeiras apresenta ao público o espólio das “Mascotes de Maria Helena”, um artesanato único no nosso país, cuja inauguração tem lugar no dia 8 de março, às 18H00, na sala adjacente ao espelho d’água, no piso térreo do Centro Cultural Palácio do Egito, localizado na Rua Álvaro António dos Santos, no Centro Histórico de Oeiras.

Um espetáculo da companhia Palco de Chocolate, onde se misturam adivinhas, aventuras, músicas, com os ritmos da cidade e do campo, com Natasha Marjanovic, Cristina Vilas e António Dias, a não perder, dia 9 de março às 16h00, no Auditório do Centro de Apoio Social de Oeiras.

Corrida sempre Mulher No dia 21 de abril a Corrida Sempre Mulher está de volta ao centro de lisboa. Todas as participantes terão direito a uma t-shirt, saco-mochila e brindes no momento de levantarem o número frontal. No dia da corrida / Caminhada poderão viajar gratuitamente nos transporPUB

tes oficiais. Para as muitas crianças que participam na Corrida sempre Mulher haverá zonas de lazer especiais e divertidas, o Espaço criança. Mais um ano consecutivo a valorizar as grandes mulheres.

DIREITOS RESERVADOS

CORRIDA SEMPRE MULHER


Desporto

14 • março 2013 COMPLEXO DESPORTIVO DO JAMOR

DIREITOS RESERVADOS

Governo vai investir no Jamor

O

governo vai avançar 2,3 milhões de euros no complexo desportivo do Jamor em 2013 para “colmatar o estado de degradação” herdado do executivo anterior, anunciou o secretário de Estado da Juventude e Desporto, Alexandre Mestre. “Este Governo está a colmatar o estado de degradação que foi deixado no Jamor, este ano 2,3 milhões de euros só para o Jamor. Quem nos dera a nós que fosse só para

inovar,criar e dotar de melhores condições”, acentuou Alexandre Mestre, no decorrer de uma audição na comissão de educação da Assembleia da República marcada por despiques com o seu antecessor no cargo, o agora deputado socialista Laurentino Dias.A degradação das piscinas,”ao ponto de alguns atletas se terem lesionado”, um “relvado completamente sobrecarregado” e um “contencioso com credores a reclamarem

verbas por serviços prestados”, foram alguns dos exemplos apontados Alexandre Mestre deu o exemplo das “águas contaminadas” que obrigaram a um investimento de 184 mil euros, desde logo para a realização de análises, que no mandato do anterior governo “não se faziam”. “O Jamor parece aquelas donas de casa que limpam tudo e depois metem tudo debaixo do tapete”, ironizou o secretário de Estado, numa

referência à situação herdada do anterior executivo. Quanto aos melhoramentos necessários à realização da final da Taça de Portugal de futebol no Estádio Nacional, também confirmada na passada semana, Alexandre Mestre garantiu existir concertação com a Federação Portuguesa de Futebol (FPF), cabendo ao executivo aquilo que será definitivo e ao organismo aquilo que será apenas transitório. •RITA SOUSA

31.º Troféu CM Oeiras

Grande Prémio Bairro dos Navegadores

C

DR - JOÃO LIMA

om mais um triunfo coletivo no Grande Prémio do Bairro dos Navegadores, o NucleOeiras / Sportzone conquistou terceira vitória consecutiva no Troféu CMO – Corrida das Localidades.Nesta prova, organizada pelo Grupo Cultural Atletismo Navegadores de Porto Salvo em parceria com a Divisão de Desporto da Câmara Municipal de Oeiras marcaram presença 32 equipas que se fizeram representar com atletas dos vários escalões etários masculinos e femininos, dando corpo a mais uma grande manifestação desportiva, no concelho. À partida como natural favorita, e vencedora das duas provas anteriores, a equipa do NucleOeiras / Sportzone, campeã em título, arrecadou mais uma vitória, com a soma PUB

PUB

da pontuação alcançada pelos seus atletas a valer 546 pontos. No segundo posto, com 422 pontos, classificou-se a formação do Clube Recreativo Leões de Porto Salvo, tendo o Grupo Recreativo e Desportivo Os Fixes, com 284 pontos amealhados, conseguido o terceiro lugar do pódio. A seguir ao Linda-a-Pastora Sporting Clube, que somou 260, ocupando a quarta posição, ficou a equipa anfitriã do Grupo Cultural Atletismo Navegadores de Porto Salvo, no quinto lugar da classificação geral, com 157 pontos. No plano individual, registe-se os triunfos alcançados por Euclides Varela do NucleOeiras / Sportzone e por Catarina Lopes Ferreira, com a camisola do Grupo Desportivo Joaninhas de Leião, nos escalões de seniores. • RS


Jornal Mensal • 15

A equipa de juniores do Clube Desportivo de Paço de Arcos, sob o comando técnico de Pedro Nunes, conquistou o título de campeã distrital de Lisboa, de hóquei em patins. A turma da Linha chegou ao título após superar na fase final as equipas do Sport Lisboa e Benfica, Sporting Clube de Portugal e Hóquei Clube de Sintra, ga-

rantindo, dessa forma, o direito a disputar o campeonato nacional. Os campeões – treinador: Pedro Nunes; seccionista: Mário Pereira; jogadores: Duarte Santos, Alexandre Reis, André Gaspar, André Ferreira, André Raposo, Márcio Nunes, Ricardo Machado, João Alves, João Candeias, Gonçalo Reis, Diogo Pereira, Rafael Rocha e Tiago Rodrigues. •RS

Minigolfe Clube de Portugal triunfa no campeonato disputado em Oeiras DIREITOS RESERVADOS

Paço de Arcos sagra-se campeão

MINIGOLFE CLUBE DE PORTUGAL

Organizado pelo Minigolfe Clube de Portugal, teve lugar no Parque Urbano de Miraflores, em Oeiras, o campeonato regional do sul, de minigolfe. O emblema oeirense entrou na competição com sete atletas, tendo conseguido com brilhantismo dois primeiros lugares. Neste plano, destaque para as

vitórias de Nuno Costa, na categoria de Homens, e de Lídia Santos, nas Senhoras. Classificação dos atletas oeirenses: Homens - 1º lugar: Nuno Costa; 2º António Manuel; 3º - João Nabais; 4º Tiago Cruz; 6º - Ivo Santos; 7º - Rui Garcia. Senhoras - 1.º lugar: Lídia Santos. •RS

Clube escola de tènis de oeiras

Open juvenil de Oeiras 2013 e campeonato regional Sub 18 O Clube Escola de Ténis de Oeiras - CETO/João Cunha e Silva organizará de 21 a 30 de março o OPEN JUVENIL DE OEIRAS 2013 e de 25 a 28 de março o Campeonato Regional de Sub18.

DIREITOS RESERVADOS

DIREITOS RESERVADOS

HÓQUEI PATINS DE PAÇO DE ARCOS

O torneio será disputado em Sub12B de 21 a 24 de março, Sub14C de 24 a 26 de março, CR Sub18 de 25 a 28 de março e Sub16C de 28 a 30 de março (integrado no Calendário Oficial da Federação Portuguesa de Ténis nºs: 24439/B, 24613/C, 24443/CR e 24615/C, respetivamente) e realizado no Complexo Desportivo da Alameda Conde de Oeiras, nos campos de terra batida, nas seguintes modalidades: Singulares Masculinos e Femininos, Pares Masculinos e Femininos e Quadro B - Sub 12. •RS PUB

PUB

PUB


PUB


Correio de Oeiras 61