Page 1

Li to Su ral l

Ao alcance dos olhos

Sábado,

Casarões coloniais, tombados pelo patrimônio histórico, enriquecem a paisagem urbana de Iguape. Confira na página 8

14 de agosto de 2010

Edição 8, Ano I

Jornal de campanha do deputado federal Márcio França (PSB-SP)

Licença-maternidade será de seis meses O Senado já aprovou proposta de emenda à Constituição que amplia de quatro para seis meses, 180 dias, o período de licença-maternidade. A proposta volta agora à Câmara dos Deputados que deve manter a posição. Para o deputado federal Márcio França (PSB-SP), a mudança é uma conquista de toda a sociedade. Página 4 Bem-estar • Página 11

Um Brasil que trabalha

Teste da orelhinha: obrigatório e de graça

Nos últimos quatro anos foi criada no País a expressiva marca de 13,9 milhões de empregos formais, apontam os dados do Ministério do Emprego e Trabalho. Em 2009, quando o mundo estava em crise, o Brasil foi o único entre as 20 maiores economias do planeta a registrar aumento nos postos de trabalho.

Capaz de identificar deficiências auditivas difíceis de se perceber no dia-a-dia, desde o início do mês uma lei, sancionada pelo presidente Lula, torna obrigatória a realização do exame gratuitamente em todos os hospitais e maternidades.

O Fusca a gente nunca esquece Desde o primeiro modelo, fabricado na Alemanha, lá se vão mais de sete décadas. Quem tem mais de 40 anos, certamente já viveu alguma história a bordo de um Fusca. Página 11

Conheça a trajetória do deputado federal Márcio França, um dos 100 parlamentares mais influentes do Congresso

Páginas centrais

Nacional • Página 3


Expresso 4040 14 • Agosto • 2010

2

O X DA QUESTÃO

Uma conquista de todos nós Resmungos de parcela do empresariado à parte, a aprovação pelo Senado da ampliação do período de licençamaternidade, de quatro para seis meses, inegavelmente representa uma grande conquista para a mulher, para as mães, crianças, enfim, para a sociedade. Não cabe discussão sobre a importância da presença da mãe junto ao bebê nos seis primeiros meses de vida e o consequente aleitamento materno. Não precisa nem de pesquisa para comprovar isso. Mesmo assim, estudos científicos já apontaram que crianças amamentadas por mais tempo têm melhor saúde e, quando adultos, tornam-se pessoas mais inteligentes, criativas e bem-resolvidas. Estes estudos dão conta de que é nos primeiros seis meses de vida que o cérebro da criança mais cresce: ganha 2 gramas por dia. Só a

partir do sétimo mês que a velocidade é reduzida para 300 miligramas por dia. Para o desenvolvimento cerebral, a criança necessita de nutrientes adequados - que existem em abundância no leite materno - e de estímulos sensoriais – auditivos, visuais e olfativos – por meio do contato corporal com a mãe, principalmente, e o pai. A própria Organização Mundial da Saúde, a OMS, indica o aleitamento materno exclusivo para o bebê até os seis meses de idade. Sem qualquer outra preocupação maior, a boa saúde física e mental da mãe e da criança estão garantidas e, conseqüentemente, um leite ainda melhor. A ampliação do período, é preciso reconhecer, é um estímulo valioso à prática do aleitamento materno e a discussão não pode então ficar submetida aos aspectos econômico-financeiros.

Sábado, 14 de agosto de 2010 Aliás, para aqueles que Cuide bem do seu coração: hoje é Dia do Cardiologista. Ah, é também o Dia de Combate à Poluição. só vêem perdas nos ganhos Faça a sua parte! sociais e conquistas dos trabalhadores a dica é que muitas empresas privadas, antes mesmo de toda essa discussão, adotaram a licença por seis meses, justamente por perceberem a importância da mãe acompanhar bem o filho durante esse período. No retorno, mais felizes e produtivas, e com os filhos saudáveis, elas até passaram a render mais. O deputado federal Márcio França (PSB-SP) afirma que a Câmara dos Deputados deve confirmar a posição do Senado e aprovar a ampliação da licença maternidade. “Particularmente vejo essa como uma conquista de toda a sociedade e não apenas das mulheres e das trabalhadoras”, argumenta.

CHARGE

www.marciofranca.com.br

Bom dia!

www.youtube.com/ user/assessoriasv

Entre os muitos registros que carrega em seu “livro” de memórias, o deputado federal Márcio França destaca:

O Brasil nos Jogos Olímpicos

A HISTÓRIA REGISTRA Em 14 de agosto de 1920 tem início a sétima edição dos Jogos Olímpicos, em Antuérpia, na Bélgica. Esta edição contou pela primeira vez com atletas do Brasil, que conquistaram três medalhas na competição.

ARTIGO

Vale do Ribeira e o desenvolvimento regional sustentável Por muitos anos, o Vale do aqui. Alguns municípios já veem Ribeira foi considerado uma das isso como prioridade, procurando regiões mais pobres do Brasil. parcerias que visem à melhoria Hoje, somos reconhecidos por das oportunidades oferecidas a nossa riqueza cultural e ambien- turistas e empresários. tal. E prevemos um grande cresciO fato de termos o pré-sal mento com a instalação de portos como uma alavanca de crescimenem cidades mais próximas e da to deve ser decisivo na definição duplicação de vias de escoamento das políticas públicas. Temos que de produção. ampliar a capacidade dos muTemos um novo desafio: o nicípios de absorver os recursos desenvolvimenque serão gerados to sustentável. pela exploração Ações como a neda nova riqueza. O repasse de recursos gociação de créE para isso, é imfederais ao Vale do Ribeira ditos de carbono portante a parcecresceu significativos por porcentagem ria com candida66% entre 2007 e 2009, de mata nativa em período em que o deputado tos de visão defederal Márcio França bolsas de valores, senvolvimentista. cumpre seu mandato por exemplo, posSomente a sibilitariam sucesaliança com parso na preservação lamentares e oude nosso maior patrimônio: as tros agentes comprometidos com matas nativas. E o Vale seria re- o nosso projeto de região resultará conhecido como uma das regiões em melhorias reais para a populaque mais preservam o ambiente ção. Assim, seremos reconhecidos no País. como uma região que está cresPrecisamos também preo- cendo e não vai parar. cupar-nos em melhorar a infraestrutura da região, com qualificação profissional voltada as nossas vocações econômicas: o ecoturismo, o turismo de serviços e a indústria manufatureira nãopoluente. Precisamos oferecer caSérgio Yasushi Miyashiro pacitação e condições para que os é prefeito de Pedro de Toledo e novos profissionais permaneçam filiado ao PSB


Expresso 4040 14 • Agosto • 2010

TRABALHO

3

Brasil criou mais de 1,7 milhão de empregos formais em 2009 O rendimento médio do trabalhador brasileiro registrou ganho real, alcançando 2,51% acima da inflação O Ministério do Trabalho um aumento real (descontada a e Emprego (MTE) acaba de inflação) de 2,51%. Em 2006, quando candidato, divulgar os dados da Rais, Relação Anual de Informações o presidente Lula prometeu a Sociais/2009, que revelam que criação de 10 milhões de emo Brasil criou, no ano passa- pregos formais no País durante do, 1,76 milhão de empregos o seu mandato. Passados três formais. Aliás, foi o único anos e meio, os números do país do grupo das 20 maiores MTE apontam para 13,9 milhões economias do mundo, o G-20, novos postos de trabalho. Até dezembro, quana registrar audo Lula deixa a mento nos posGoverno Lula deve presidência, deve tos de trabalho. fechar o mandato O s setores ser alcançada a que mais concom 15 milhões de marca de 15 milhões. tribuíram para novos postos de “É inegável a criação de emtrabalho criados que esse bom pregos formais resultado revela foram os de o acerto das poserviço, administração pública, comércio e líticas de geração de emprego e construção civil. Além disso, renda do Governo Federal. Não o rendimento médio do tra- distante disso, o número de embalhador assalariado registrou pregos criados acaba sendo um

Deputado destaca a importância do PAC

Entre as maiores economias do mundo, só o Brasil registrou crescimento de postos de trabalho em 2009

reflexo das obras dos programas de Aceleração do Crescimento, o PAC, e do Minha Casa Minha

Vida, que inclusive beneficiaram inúmeros municípios em todo o litoral de São Paulo, desde Ilha-

Bela até o Vale do Ribeira”, destaca o deputado federal Márcio França (PSB-SP).

INSS vai adiantar o pagamento da primeira Meu voto Nossa voz parcela do 13º salário para aposentados Aposentados e pensionistas receberam úteis de setembro. Os outros 50% serão duas boas notícias na última quinta-feira, pagos em dezembro. A decisão é resultado dia 12. A primeira: os beneficiários do de um acordo firmado entre o governo e as Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) entidades representativas de aposentados já podem contar com e pensionistas. a garantia de anteJá o novo serviço cipação da primeira de contracheque irá parcela do 13º salário. facilitar o acesso a inA segunda: poderão formações do INSS. O retirar em caixas elehollerith acessado via trônicos do Banco do bancos trará dados, Brasil, do Banco Merentre outros, sobre o cantil e do Bradesco o histórico de créditos contracheque de seus e débitos, valor da benefícios. renda mensal, ImposAposentados terão 13º antecipado Decreto assinado to de Renda retido, pelo presidente Lula determina que 50% empréstimo consignado e valor líquido do 13º seja pago entre os últimos cinco dias para saque. úteis de agosto e os primeiros cinco dias Pelo contrato firmado entre o INSS e

Vacinação contra a poliomelite neste sábado, 14 A segunda etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite

começa neste sábado, dia 14, em todo o Brasil. Serão mais de 115 mil postos de saúde em todo o país aptos a imunizar crianças menores de 5 anos. A meta do Ministério da Saúde é vacinar 14,6 milhões de crianças - 95% dos meno-

os bancos, que pagam aposentadorias e pensões, há ainda outras vantagens, como a possibilidade de o beneficiário transferir o valor de sua pensão para uma outra conta bancária da qual seja titular. Como alguns dos segurados não possuem conta em banco e utilizam o cartão magnético fornecido pela instituição bancária apenas para sacar o benefício, o acordo com os bancos também vai permitir que essas pessoas possam abrir uma conta corrente com tarifa zero. O deputado federal Márcio França (PSB-SP) apoia as medidas adotadas pelo Governo. “Tudo aquilo que puder ser feito em benefício do público aposentado, não só em termos de remuneração mas, também, no sentido de facilitar o seu dia-a-dia, é sempre muito bem-vindo”

res de 5 anos. Para isso, foram distribuídas 24 milhões de doses. Na primeira etapa, realizada no último dia 12 de junho, 14 milhões de crianças foram imunizadas. A pol iom iel ite é u ma doença infectocontagiosa grave. Na maioria das vezes,

a criança não morre quando é infectada, mas adquire sérias lesões que afetam o sistema nervoso, provocando paralisia, principalmente, nos membros inferiores. A doença é transmitida por um vírus e a contaminação se dá principalmente por via oral.

“O PSB é um partido sério, de cara limpa, de pessoas competentes. E Márcio França representa bem essas qualidades. O conhecimento que ele tem de São Paulo engrandece a política. Ele é um estímulo para seguir em frente e fazer muito mais pelo nosso Estado”, Paulo Skaf , Presidente licenciado da FIESP / SESI / SENAI e candidato ao governo de São Paulo pelo PSB

Comitê Márcio França: Av. Capitão-Mor Aguiar, 657 - São Vicente - SP CEP 11310-201 e-mail: contato@ marciofranca.com.br


Expresso 4040 14 • Agosto • 2010

4

Conquista

Licença-maternidade de seis meses é aprovada no Senado Projeto de Emenda Constitucional em tramitação amplia o período de afastamento de 120 para 180 dias O Senado aprovou, em segundo turno, Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que amplia de quatro para seis meses o prazo da licençamaternidade. A PEC 64/07 foi aprovada por 62 votos a favor e nenhum contrário. O projeto modifica a Constituição Federal para tornar obrigatória a licença de 180 dias para empresas públicas e privadas. Na prática, será ampliado o alcance da Lei 11.770, de 2008, que faculta à iniciativa privada a concessão da licença de seis meses. Em contrapartida, a norma garante a dedução das despesas extras do Imposto de Renda. Especialistas afirmam que experiências recentes mos-

tram que a mãe que passa mais tempo com o filho retorna mais produtiva ao trabalho. E acrescentam que o ciclo de seis meses de amamentação garante mais saúde ao recém-nascido e, com isso, reduz as faltas da mãe ao trabalho. O deputado federal Márcio França (PSB-SP) acha a medida um avanço. “A licençamaternidade de seis meses já é realidade em diversos países. Agora, as mães brasileiras terão mais dois meses para se dedicar à amamentação dos seus filhos”, comenta. O texto terá ainda de ser apreciado na Câmara dos Deputados, o que deve ocorrer no próximo ano, em razão do período eleitoral.

O ciclo de

6 meses de amamentação garante mais saúde ao recém-nascido

Cesta básica fica mais barata nas capitais O custo da cesta básica recuou em 16, das 17 cidades pesquisadas pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos) no mês de julho. Este é o terceiro mês em que a apuração mostra queda nos preços na maior parte das cidades. O custo da cesta básica em São Paulo caiu 3,89%. Ainda assim, a cidade não perdeu a primeira posição na lista dos maiores preços. Os alimentos essenciais custam R$ 239,38. O número é cerca de 30% maior que o registrado em Aracaju, onde a cesta básica custou em julho R$ 181,04, o menor observado no País. Alterar essa realidade é uma das propostas incluídas no Programa de Governo do PSB para o Estado de São Paulo. O candidato a Governador, Paulo Skaf, pretende articular junto ao Governo Federal pela desoneração integral de impostos sobre produtos da cesta básica, iniciando o processo pelos impostos estaduais. “A proposta do PSB para o governo foi muito debatida com a população. O preço da cesta básica foi um dos pontos que mereceu destaque. Se tirarmos o imposto dos produtos essenciais, o preço pode cair bastante. E já vamos começar tirando os impostos estaduais. Um ganho para as famílias”, comenta o deputado federal Márcio França.

Em São Paulo, o custo dos produtos básicos caiu 3,89%

Mais tempo com os filhos faz as mães retornarem mais produtivas ao trabalho

Valor da receita para o Simples terá reajuste pela inflação Definidos na Lei Complementar nº 123/2006, os valores que estabelecem a definição de microempresa e empresa de pequeno porte estão congelados há cinco anos. Esse fato acarreta prejuízos a essas instituições uma vez que podem perder a chance de ingressar no Simples Nacional, que dá tratamento diferenciado e favorecido às micro e pequenas empresas. Para reparar essa falha, o deputado federal Márcio França (PSB-SP) apresentou na Câmara um Projeto de Lei (PL) que propõe reajuste nos valores da receita bruta que classificam as empresas. “Há muito tempo

não se corrige o valor do Simples. E, com o passar do tempo, as empresas vão aumentando seu faturamento e perdendo o direito de estar num regime mais simplificado, com menos tributos”, explica. Essa proposta prevê o ajuste anual. “A cada ano o limite do Simples será ampliado junto com a inflação e a correção monetária, de maneira que hoje daria um valor em torno de cerca de 20% do valor original. Isso porque quando o governo fez a edição da lei, não colocou um valor de correção”, acrescenta. Os valores de receita bruta que estabelecem uma entida-

de como micro ou pequena empresa serão reajustados ao final de cada ano fiscal pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo). “Temos um processo lento de achatamento do teto para a micro e pequena empresas causando um fluxo de abandono de empresas que superam os limites estipulados em 2006. O tratamento diferenciado e favorecido a ser dispensado às microempresas e empresas de pequeno porte se perde. Por isso a necessidade da criação de indexador para correção dessa distorção”, conclui Márcio França.


Expresso 4040 14 • Agosto • 2010

5

cidadania

Cortiços do Centro de Santos serão revitalizados em breve

Projeto “Alegra Centro Habitação” tem o objetivo de melhorar a vida de quem mora nesse tipo de habitação

A Prefeitura de Santos está ampliando o programa “Alegra Centro” para “Alegra Centro Habitação”, com o intuito de melhorar as condições de vida da população que mora nos cortiços, atrair novas construções ao local e transformar, uma área degradada pelo tempo, em ponto turístico. O Decreto-Lei obriga os proprietários dos casarões a apresentarem um projeto de reforma interna e externa em até dois anos, respeitan-

do os tipos de moradia, que variam de 20m² até 60m², justamente visando uma melhoria na qualidade de vida dos moradores. Em contrapartida, receberão incentivos fiscais para realizarem as reformas, mas caso seja descumprida a ordem, será cobrada uma multa que varia de R$ 2 a R$ 8 mil. O projeto conta ainda com o apoio da Universidade Santa Cecília, que terá um escritório modelo de arquitetura no Mer-

cado Municipal para atender os proprietários dos imóveis. Lideranças da Associação Cortiços do Centro acreditam que o projeto colabora para que a população dos cortiços se sinta inserida em todo o contexto da cidade, de forma digna. Já a Prefeitura diz que em quatro ou cinco anos os bairros do Centro, Paquetá, Vila Nova e Vila Mathias se tornarão espaços turísticos da Cidade, transformando o que hoje é precário em boas instalações.

A princípio, 221 imóveis foram notificados, mas esse número deve crescer nos próximos anos

Segundo o deputado federal Márcio França, o Brasil possui 13,2 milhões de pessoas vivendo em cortiços. “É necessário criar políticas públicas específicas para os os moradores de cortiços. Santos faz essa aposta e esse parece ser um bom caminho”, afirma

Cubatão Sinfonia “toca” vidas através da arte musical O projeto Cubatão Sinfonia foi criado para oferecer atividades culturais através da arte musical, possibilitando a inclusão social de crianças e adolescentes de 7 a 18 anos de idade residentes em áreas de vulnerabilidade social, carentes de opções de lazer e cultura, na cidade de Cubatão. Aproximadamente 140 alunos participam dos cursos com aulas individuais e coletivas, sendo orquestra jovem, camerata de violões e coral. Esses jovens poderão ter no

futuro a música como opção de trabalho e renda. O objetivo é tirar crianças e adolescentes da ociosidade, ocupando o tempo com atividades de aprendizado musical. Um dos pré-requisitos é que exista regularidade de presença no sistema educacional de ensino. O Cubatão Sinfonia funciona em parceria com a Administração Municipal, Associação dos Músicos da Banda Sinfônica e a iniciativa privada.

O projeto atende cerca 140 alunos na Capela São Pedro e na escola Maria Helena Duarte Caetano, na Cota 200, em Cubatão

O deputado federal Márcio França lembra que projetos como esses são mantidos, em parte, por doações posteriormente abatidas do Imposto de Renda. “A destinação aos Conselhos Municipais dos Direitos da Criança e Adolescente é uma possibilidade legal que empresários e pessoas físicas podem adotar mas que, lamentavelmente, ainda é desconhecida pela maioria da população”.

Meu voto Nossa voz

“Eu tenho plenas condições de dizer que o Márcio França é uma pessoa diferente, um amigo diferente, um homem público diferente. É alguém que tem um olhar sempre fraterno e atento sobre tudo que envolve a vida em sociedade e o bem coletivo. Por isso Márcio é e sempre será o meu voto e a minha voz”. Léo Santos, presidente do PSB de São Vicente


Expresso 4040 14 • Agosto • 2010

6

MONGAGUÁ

ITANHAÉM

PERUÍBE

Um

Político para

seu

chamar de

twitter.com/marciofranca40

Márcio Luiz França Gomes, ou, simplesmente, Márcio França. Alguém como a gente e que dá o maior orgulho de ser da gente. A trajetória de vida e política falam por ele: um ser inquieto e transformador, que trata cada momento como uma oportunidade de crescimento

MÁRCIO FRANÇA 4040

Alguém como a gente

Ele nasceu em 23 de junho de 1963, sob o signo de Câncer. Filho do médico Luiz Gonzaga de Oliveira Gomes e de dona Myrthes, tem três irmãos: Cláudio, Heloísa e Flávio. Boa parte da infância alegre foi vivida no quintal da casa onde morava, que dá fundos para o Jardim Aralinda, um espaço charmoso e protegido na rua João Ramalho, já perto da praia, em São Vicente. Subiu ao altar com a professora Lúcia, uma entusiasta de sua carreira. Da união nasceram dois filhos: Caio, hoje vereador em São Vicente, e Helena, que vai lhe dar o primeiro neto, Enzo, por esse dias. Dedicado à família, sempre que pode reúne a todos para praticar, ao lado de dona Myrthes, a culinária, uma de suas diversões preferidas. Márcio é bom mesmo na cozinha e já fez almoços beneficentes para centenas de pessoas. Gosta também de manter aquários de água salgada e, de vez em quando, curte uma pescaria com os amigos.

em açã deral e f o d a Deput andato r - 1º m o d a e r Ve rança árcio F Chef M e filhos - Lúcia Família

É uma publicação da campanha eleitoral do deputado federal Márcio França (PSB-SP). Equipe de redação: Mauricio Juvenal (Mtb. 23260) e Bruno Piesco. Arte e diagramação: Renato Cássio. Impressão: Gráfica Diário do Litoral - CNPJ: 04.720.567/0001-93. Eleição 2010 - Márcio Luiz França Gomes - Deputado Federal - CNPJ: 12.169.390/0001-07 Edição 8 - Baixada Santista, Litoral Sul, Litoral Norte e Vale do Ribeira - Tiragem 50 mil exemplares


7

MONGAGUÁ

MÁRCIO FRANÇA 4040

Alguém preocupado com a gente Márcio França, desde menino, revelava sua preocupação com o semelhante, quando costumava subir em um caixote e discursar contra as injustiças em relação aos mais pobres. No colégio e, depois, na Faculdade de Direito, participou das atividades estudantis, chegando a ser presidente do Diretório Acadêmico Alexandre de Gusmão. Fez pósgraduação em Direito Administrativo e Constitucional e também trabalhou como professor. No Fórum de São Vicente, onde atuou como Oficial de Justiça, ouvia sempre as reivindicações dos colegas e se comprometeu em defendêlas quando entrasse para a política.

ITANHAÉM

PERUÍBE

MÁRCIO FRANÇA 4040

Alguém que representa a gente

Márcio filiou-se ao PSB em 1988 e se mantém fiel ao mesmo partido até hoje. Foi vereador de 1988 a 1996, período em que teve grande aprendizado e contato popular. Foi em seguida eleito prefeito e ganhou prestígio nacional pela revolução administrativa e social que fez em São Vicente. O sucesso foi tanto que sua reeleição, em 2000, com 93,1% dos votos, alcançou o maior percentual do Brasil em cidades acima de 100 mil habitantes. Foi o primeiro presidente do Conselho de Desenvolvimento da Baixada Santista, o Condesb, e também convidado para coordenar campanha do PSB à Presidência da República. Ao fim dos dois mandatos, foi eleito deputado federal com a segunda maior votação do PSB no Brasil.

la amare a linha r b o cutivo No Exe SP o PSB ência d id s e r p Na te o Vicen o de Sã it e f e r P ão Reeleiç Direito tura em Forma

andato te - 2º m n e ic V o o de Sã Prefeit

andato te - 1º m n e ic V o o de Sã Prefeit

MÁRCIO FRANÇA

Alguém que dá gosto de ser da gente

Como homem público e deputado federal, Márcio França revelou-se uma liderança nacional. Além de apresentar projetos de grande alcance social para o País, ele atua com especial destaque em prol de todo o Litoral Paulista, obtendo conquistas e marcas que dão o maior orgulho. Veja só:

É AUTOR DA EMENDA QUE DESTINA DINHEIRO DO PRÉ-SAL PARA OS APOSENTADOS

EMENDAS DE SUA AUTORIA GARANTIRAM MILHÕES EM RECURSOS PARA IMPLANTAÇÃO DA INTERNET PÚBLICA GRÁTIS

APROVADO 4 VEZES ENTRE OS 100 DEPUTADOS MAIS INFLUENTES DO CONGRESSO

A REELEIÇÃO PARA PREFEITO, EM 2000, ALCANÇOU 93,1% DOS VOTOS, A MAIOR DO PAÍS EM CIDADES COM MAIS DE 100 MIL HABITANTES

FOI O 8º MAIS BEM VOTADO NO ESTADO DE SÃO PAULO PARA A CÂMARA FEDERAL E O 20º EM TODO O PAÍS

É PRESIDENTE ESTADUAL DO PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO E TESOUREIRO DO PSB EM NÍVEL NACIONAL

rraes iguel A M m o c rico ro histó Encont

Com o Márcio, Litoral Sul tem recursos federais Sem o Márcio França na Câmara Federal

Com o Márcio França na Câmara Federal

66,2

78,4

2006

2007

MILHÕES

Fonte: Siafi/STN Em milhões de R$

ão

Expresso 4040 14 • Agosto • 2010

97,4

MILHÕES

102,6 MILHÕES

MILHÕES

2008 2009 2010 49,5

até maio

MILHÕES


Expresso 4040 14 • Agosto • 2010

8

RECONHECIMENTO

Iguape é Patrimônio Histórico, Cultural e Paisagístico do Brasil O título foi concedido recentemente pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) Um dos mais preservados chancela de paisagem cultural, centros históricos de São Paulo além dos processos de tombateve enfim seu reconhecimen- mento de 14 bens localizados em to. Localizado no município de áreas rurais, relacionados com a Iguape, no Vale do Ribeira, os imigração japonesa. Para o deputado federal casarões coloniais da área urbana da Cidade foram tombados Márcio França (PSB-SP) a importância como patrimôhistórica e culnio nacional O tombamento de tural de Iguape pelo Instituto Iguape faz parte é indiscutível. do Patrimônio "Iguape faz parHistórico e Arde um plano de tístico Nacional valorização da Região te do processo (Iphan). histórico de fordo Vale do Ribeira mação e ocupaDentro da ção do território política do Iphan brasileiro, do de ampliação dos bens protegidos, a proposta desenvolvimento do país. A enquadra-se num projeto maior, Cidade foi local chave no início que busca um plano de va- da colonização e foi erguida lorização e desenvolvimento por ordem da Coroa Portugueestratégico do Vale do Ribeira. sa para abrigar a administração Estudos vêm sendo feitos desde pública, ocupar e proteger a 2008 para que Iguape receba a Região", analisa.

Os casarões coloniais do centro de Iguape foram construídos na época da fundação da cidade, em 1538

Bertioga é marco do Programa “Praia Acessível” Pessoas com todo tipo de deficiência de todas as idades vão poder desfrutar de um banho de sol e de mar sem as rotineiras

barreiras que inviabilizam o lazer. Bertioga, no litoral norte, aderiu no final de julho ao Programa Praia Acessível, para

O programa vai distribuir 100 cadeiras de rodas adaptadas para várias cidades

oferecer plena acessibilidade à pessoa com deficiência. Considerada como marco do programa, Bertioga conseguiu reunir o poder público, a sociedade civil mais a iniciativa privada e os clubes de servir para realizar o projeto. “Isso nos mostra que com a junção de esforços é possível fazer a mudança de comportamento se tornar realidade”, afirmou a secretária de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Linamara Rizzo Batistella. Tudo começou em abril deste ano, quando a Cidade recebeu 15 cadeiras anfíbias para desenvolver o piloto do ‘Praia Acessí-

Encontre o Márcio

twitter.com/marciofranca40

www.youtube.com/ user/assessoriasv

vel’. Hoje, o projeto está sendo realizado em diversos pontos do Município, com o apoio de entidades parceiras, a exemplo do Sesc, Lions e Rotary Clube. Praia Acessível - Lançado em fevereiro na Praia Grande, Baixada Santista, o programa é iniciativa da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência e vai disponibilizar cerca de 100 cadeiras de rodas anfíbias para as cidades do litoral. As cadeiras ficarão disponíveis em espaços públicos localizados na praia. O usuário receberá instrução sobre como utilizá-la e terá um limite de tempo de uso.

Em defesa da promoção de ações integradas para proporcionar às pessoas com deficiência uma maior acessibilidade, o deputado federal Márcio França (PSB-SP) apresentou na Câmara um projeto de lei que prevê concessão de desconto no imposto de renda para a aquisição de cão-guia aos deficientes visuais

Meu voto Nossa voz

orkut.com.br COMUNIDADE

“Conheço o deputado no litoral e acompanho as ações na Câmara Federal, atendendo as minhas reivindicações, como líder do partido na cidade, sobretudo no Estado. É importante representante de São Paulo”. Antônio Calado de Araújo, Vice-Prefeito de Francisco Morato


Expresso 4040 14 • Agosto • 2010

9

esporte 40

Paulo Skaf propõe a criação de centros esportivos regionais

Além do estímulo à inclusão social, objetivo é formar atletas de alto rendimento que possam representar o País Com o objetivo de contribuir para a formação de atletas de alto rendimento, entre outros para representarem o País já na Olimpíada de 2016, o candidato ao Governo de São Paulo pelo PSB, Paulo Skaf, propõe que em complemento ao trabalho de base nas escolas e nas comunidades sejam construídos

centros esportivos regionais de excelência, voltados a atender os atletas que mais se destacarem. Ainda de acordo com a proposta, será desenvolvido em paralelo um programa de estímulo à concessão de bolsas estudos para esportistas, em cada faculdade, de modo que os estudantes possam com-

patibilizar a prática da modalidade e os estudos. “Além disso, queremos modificar o Bolsa Atleta, Programa do Ministério do Esporte, dando oportunidade para que os atletas recebam o incentivo e ainda possam obter patrocinadores”, afirma o deputado federal Márcio França (PSBSP).

Copa e Olimpíada como vitrine para o desenvolvimento social Sai Dunga e entra Mano. Mas não era para ser o Felipão ou o Muricy? O quarteto “santátisco” (agora dueto, é verdade, com as saídas de André e Robinho) irá finalmente vestir a amarelinha. Passional, o torcedor brasileiro é, mais por crença do que por essência, um técnico nato, de ponta, capaz de escalar e armar times para garantir o caneco ou a medalha de ouro. O que mais importa é a sexta estrela ou soltar o grito de é campeão! Agora, multiplique todo esse sentimento por dez. É o que vai acontecer no Brasil em 2014, ano em que o País finalmente voltar a sediar uma Copa do Mundo, e em 2016, quando o Rio de Janeiro abrigará a Olimpíada. Mas será que só do esporte vive esse tipo de evento?

“Se a intenção for marcar um gol de placa, o Brasil não pode deixar passar em branco a oportunidade de potencializar investimentos sociais. O esporte, e por consequência o futebol, são importantes aliados no combate à criminalidade e às disparidades socioeconômicas”, argumenta o deputado federal Márcio França (PSB-SP). Para ele, é importante que os diversos segmentos da sociedade civil organizada ajam com energia, independentemente da agenda formulada pelo poder público. “Eventos como a Copa do Mundo e a Olimpíada trazem ganhos do ponto de vista da infraestrutura e da própria qualidade de vida. Maximizar isso no campo social é algo que compete à própria sociedade”,

Santos Depois do t ít u lo da Copa do Brasil, o segundo do Santos nesta temporada, Dorival Júnior poupou críticas na estreia da Copa Sul-Americana. Para o treinador, o Santos chegou ao seu limite emocional. “O Avaí fez uma grande partida, mereceu o resultado. O Santos sentiu por novamente ter jogado uma partida importante”, disse. S eg u ndo D or iva l, a volt a do b om f uteb ol aconte ce r á com o tempo. “Voltaremos a atuar na normalidade e fazer o que sabemos”, finalizou.

destaca. Márcio França afirma que são muitos os exemplos da Copa da África que podem ser seguidos. “Entidades que desenvolvem projetos sociais diversos no continente africano aproveitaram a Copa 2010 para mostrar ao mundo esse trabalho e os resultados foram positivos. Cabe então a quem está à frente desses trabalhos mostrar os aspectos que os movem”. Já dentro das quatro linhas, o deputado acredita que também os clubes tendem a se organizar melhor para apresentar ao mundo toda a força que possuem. “Eles podem ganhar muito com a Copa”. Por falar em clubes, confira o que rola com seu time do coração:

Corinthians A luta contra a balança de Ronaldo e a má fase do atacante Souza tem feito o técnico Adilson Batista buscar, nos bastidores, um novo camisa 9. O diretor de futebol, Mário Gobbi Filho, fez alguns contatos, a pedido do treinador. O perfil do jogador é um centroavante que fique mais preso entre os zagueiros adversários, já que os jogadores Iarley, Dentinho e Jorge Henrique não se encaixam nesse perfil. Entre as opções, estão Guilherme, ex-Cruzeiro, e Deivid, do FenerbahceTUR, mas os altos valores descartam os jogadores.

Copa e Olimpíada podem assegurar investimento social

Meu voto Nossa voz

“Em muitos momentos da vida, precisamos nos posicionar claramente para reafirmar nossas convicções. Eu acredito na Educação e no Esporte como ferramentas de transformação da sociedade. Por isso, reafirmo o meu apoio ao deputado federal Márcio França que vem honrando o seu compromisso com o Vale do Ribeira, demonstrando, principalmente, o seu respeito com a nossa gente”, Ednilson Corona, professor de Educação Física e Árbitro Assistente da FIFA

São Paulo Treze pontos atrás do líder Fluminense, o Tricolor precisa reagir rápido para se manter com chances de atingir o topo do Brasileirão. Ricardo Oliveira acredita que ainda há tempo de se recuperar. O atacante sabe que o time precisa reagir e acredita em crescimento imediato em campo. “O time vai dar uma arrancada. Infelizmente perdemos a Libertadores, mas o Brasileiro ainda está aí”, afirmou. Arrancadas têm sido comuns no clube. No ano passado, o time rondava a zona de rebaixamento e chegou na última rodada disputando o título.

Palmeiras Ufa! A torcida palmeirense pode respirar aliviada.O Valdívia já se apresentou no Verdão. O jogador chi leno chegou ao salão nobre do clube dizendo que ama o Palmeiras e que quer se tornar ídolo. “Como eu já disse uma vez, o Palmeiras é a minha casa. O filho retornou. Espero que seja uma volta de ainda mais sucesso. Tenho um contrato por cinco anos e quero ser como o Marcos e o Ademir da Guia, os dois maiores ídolos do clube”, disse o meia muito emocionado.


Expresso 4040 14 • Agosto • 2010

10

NOVELAS

meio ambiente

Você já ouviu falar em ecolavagem de carros? Também conhecida como biolavagem automotiva, a ecolavagem é um processo de limpeza de veículos que praticamente elimina o uso da água, além de não liberar produtos nocivos capazes de contaminar os mananciais. Para se ter uma ideia, enquanto o processo tradicional utiliza pelo menos 80 litros de água por automóvel, a lavagem ecologicamente correta gasta o equivalente a um copo de água, ou seja, 200ml. O novo sistema faz uso de substâncias à base de cera de carnaúba, silicone e tensoativos, que quebram a s m o léculas de s ujeira, possibilitando uma limpeza mais fácil, sem arranhões na lataria, e conferindo uma película protetora impermeabilizante, que protege a pintura do veículo. São cincos os produtos utilizados: - Multiuso: limpa as partes internas do veículo, como estofados, painel e motor; - “Aqualess”: a fórmula com teflon emulsionado limpa a lataria, oferecendo brilho e proteção; - Limpa-rodas: o desengraxante líquido remove graxas e gorduras carbonizadas - Limpa-vidros: limpa e seca os vidros instantaneamente; - Limpa-pneus: conhecido como “pneu pretinho”, renova a cor e a textura dos pneus sem manchar rodas esportivas e calotas.

Aniversariante da semana

Dalmo Viana, Secretário Nacional da Juventude Socialista Brasileira, completou dia 12 de agosto, mais um ano de vida. Márcio França e o Expresso 4040 registram a data!

O equivalente a um copo de 200ml. É que se gasta de água para lavar um veículo com a ecolavagem

O deputado Márcio França apoia a iniciativa da Câmara dos Deputados de adotar a ecolavagem nos veículos que compõem a frota oficial, processo aliás testado por um mês na garagem do Legislativo Federal e aprovado. “Comemorei, inclusive, o fato de a Casa ter realizado uma campanha institucional junto aos servidores sobre as vantagens ecológicas e sociais do uso desse novo processo. Em termos de órgãos públicos, a Câmara age de forma pioneira”

Caça-palavras

Comprometimento - Legislação - Márcio França Projeto de Lei - PSB - Skaf - Voto

Bernardo recebe uma carta da Nação que Queremos, elogiando os resultados da campanha que ele fez com Cristiana. Antônio percebe o desdém de Cristiana ao falar da viagem com Flávio. Nanda insulta Antônio e Silvia repreende a filha. Bimba agradece o apoio de Lise. Tati critica Bia por fingir que está grávida para conseguir ficar com Bernardo. Bernardo tenta convencer Bia a adiar o casamento. Letícia diz a Livramento que dona Tânia também terminou o seu namoro e o diretor fica feliz.

Tadeu fica dividido com a insistência da mãe para que ele minta para o pai. Ricardo pensa em Viviane. Gilmar vai à casa de Velho. Viviane vai até a casa de Gilda e declara seu amor por Ricardo. Vanessa avisa a Jardel que vai sair e ele tentar ligar para Gilmar. Sofia e Beatriz comentam a sintonia entre Vicente e Virgínia durante o jantar. Daniel vê Ricardo parabenizar Vitória/Viviane e fica muito incomodado. Sofia e Beatriz enchem um vidro de perfume francês com uma colônia de farmácia para dar de presente a Vitória/Viviane. Afonso diz a Jane que Gisela, mãe de sua filha Olívia, quer deixar a menina com ele para morar fora do país com o namorado.

Edgar demonstra carinho por Camila e Marcela se emociona. Desirée decide procurar a Lugar Models para iniciar sua carreira de modelo. Breno fica chocado com a aparência de Thaísa. Bruna diz a Gustavo que, em seu sonho, Osmar pedia que ela cuidasse de Julinho. Bruna se alegra ao saber que Marcela está esperando um menino. Madu estranha ao saber que os croquis de Luti eram horríveis e Valquíria resolve investigar. Desirée conta para a mãe que se recusou a posar de biquíni e Nicole repreende a filha. Ariclenes vai ao apartamento de Suzana para agradecer sua ajuda. Nicole, Marta, Amanda e Ângelo admiram o ensaio de Desirée na revista enquanto Stéfany procura disfarçar a inveja.

Clô orienta os carregadores sobre a sua mudança. Totó mostra para Fred o dossiê que recebeu de Bete e o vilão se desespera. Bete conta para Melina sobre a conversa que teve com Totó. Clara tenta seduzir o marido, que não lhe dá atenção. Mauro confessa para Melina que esteve com Diana e fica atônito ao saber que vai ser pai. Stela fica arrasada com a carta de Lorena e diz que não vai deixar Agnello ficar com sua filha.. Saulo descobre que Totó está no Brasil. Bete passa mal por causa da discussão entre Melina e Diana. estilista. tudo o que ela lhe deve. Jéssica fica cada vez mais irritada por não conseguir abrir a porta do apartamento de Berilo.

Admirador do talento e da criatividade dos autores brasileiros de novelas, o deputado federal Márcio França (PSB-SP) destaca que as tramas muitas vezes cumprem importante tarefa social, inclusive combatendo preconceitos e discriminações, através da exposição de temas considerados tabus pela sociedade. É o caso da relação entre os personagens Osmar (falecido) e Julinho, na novela Ti-Ti-Ti

Áries Pessoas amigas, do signo de Sagitário, estão propensas a colaborar com seus projetos e aprimorar suas idéias. Receberá informações úteis e promissoras. Dia feliz para a vida amorosa.

Câncer Dia em que terá forte magnetismo pessoal, o que contribuirá para o seu sucesso, junto as mais altas personalidades de nossa sociedade. O êxito financeiro será óbvio.

Libra Período dos mais favoráveis para realizar, com muito sucesso, grandes negócios, empreendimentos e tudo aquilo que possa elevá-lo materialmente. Bom dia para a vida social e ao amor.

Capricórnio Dia importante e benéfico. Excelente para progredir materialmente. Procure condições de melhorar sua situação econômica. Romance favorecido e vida familiar beneficiada.

Touro Excelente intuição e êxito nos assuntos religiosos. Êxito no exterior e ao trato com pessoas de alto nível social e de inteligência. Boa saúde, pode amar.

Leão Favorabilidade em questões de dinheiro, inventário ou herança. Bons lucros através de parentes ou propriedades agrícolas. Confie mais na pessoa amada e terá vantagens com isso.

Escorpião Dia que favorece muito a realização de alguns de seus mais legítimos desejos e empreendimentos. Procure dar crédito aqueles que se aproximarem de você com o intuito de ajudá-lo.

Aquário Cuide de sua saúde e de sua reputação, evite precipitações e pessoas de caráter duvidoso. Bom para frequentar uma igreja e se ligar mais a Deus.

Gêmeos Seu forte magnetismo pessoal hoje deverá atrair a simpatia alheia, o que lhe trará muitos benefícios. Novas e duradouras amizades, também estão previstas. Êxito no amor.

Virgem Este é um ótimo dia, pois tudo indica que obterá êxito no trabalho. Sucesso social, profissional e amoroso, principalmente. Seja muito feliz com o contato com familiares.

Sagitário As ações corretivas, discussões demoradas, demandas e toda e qualquer questão que se ligue aos seus direitos, devem ser tratadas com cautela e coragem. Bom para o amor.

Peixes Não se torne insistente demais em suas pretensões, junto aos seus superiores. O dia de hoje será favorável para as relações familiares e com a pessoa amada. Cuidado com acidentes.


Expresso 4040 14 • Agosto • 2010

11

bem-estar

Agora é lei: teste da orelhinha de graça e para todos nos hospitais Presidente Lula sancionou a lei que obriga hospitais a disponibilizar o exame gratuitamente aos recém-nascidos Segundo a Sociedade Brasileira de Fonoaudilogia apenas de 5% a 10% da população brasileira de recém-nascidos fazem triagem auditiva durante o primeiro ano de vida e isso em razão do custo do exame, cerca R$ 70,00 na rede particular. Mas era assim. No último dia 3 de agosto, o presidente Lula sancionou uma lei que torna obrigatória a realização do teste da orelhinha gratuitamente em todos os hospitais e maternidades. Em todos! Esse exame é superimpor-

Comitê Márcio França: Av. Capitão-Mor Aguiar, 657 - São Vicente - SP CEP 11310-201 e-mail: contato@ marciofranca.com.br

tante, já que ele é capaz de detectar deficiências auditivas sutis, que não são percebidas no dia-a-dia. Aliás, os especialistas recomendam que o teste seja feito nos primeiros seis meses de vida, preferencialmente nas primeiras 48 horas de vida. Para o deputado federal Márcio França (PSB-SP), que sempre se posicionou favoravelmente à proposta, “é importante que os tantos avanços registrados pela medicina moderna estejam cada vez mais ao alcance de toda a população”.

Todas os recém-nascidos passam, agora, a ter acesso gratuito ao teste da orelhinha nos hospitais do País

twitter.com/marciofranca40

O Fusca nosso de cada um

www.youtube.com/ user/assessoriasv

#

Chef Márcio França

O deputado federal Márcio França (PSB) tem por hobby a culinária e utiliza esse talento em eventos beneficentes, quando cozinha voluntariamente

Carne seca desfiada com cebola Ingredientes 500g de carne seca de boa qualidade 2 cebolas grandes 1 dente de alho amassado e bem picado 1 colher (sopa) de cebolinha cortada em rodelinhas 1 colher (sopa) de salsinha picada Óleo, azeite e sal à vontade

Modo de preparo Lave e corte a carne em quatro pedaços e coloque de molho de véspera. Troque a água algumas vezes, para que não fique salgada. Cozinhe, coberta com água nova até amolecer bem (cerca de 30 minutos). Retire da água e desfie com a mão. Descasque a cebola e corte-a ao meio, no sentido do comprimento. Deite as duas metades sobre a tábua e corte em fatias finas. Sairão tiras e não rodelas. Numa frigideira, aqueça o azeite misturado com um pouco de óleo. Coloque a carne seca desfiada para que comece a ficar levemente tostada. Retire da frigideira e reserve. Acrescente mais azeite e óleo, se necessário, e refogue a cebola até começar a dourar. Junte o alho picado. Refogue mais um pouco. Junte a carne seca, misture bem, corrija o sal e, na hora de servir, polvilhe com salsa e cebolinha.

Ele já desfilou imponente pelas ruas das cidades e pelas telas do cinema, em cores e versões pra lá de diferentes, por vezes, exóticas. Até como veículo militar, já foi utilizado. E convenhamos: quase todo mundo tem uma história envolvendo um fusca. A verdade é que quem gosta de carro pra valer já se pegou muitas vezes com a atenção roubada pelo velho e valente Fusca, um “possante” que tem história. Seu projeto teve origem no início da década de 30, portanto há mais de 70 anos, e foi desenvolvido por Ferdinand Porsche, em Stuttgart, na Alemanha. De suspensão resistente,

garantida por barras de torção, consolidava a proposta de um carro econômico, forte, barato e popular. Aliás, seu nome já sugere isso: volkswagen em alemão significa “carro do povo”. O Fusca ficou pronto para testes em 1935, o que rolou até 1937, quando algumas poucas unidades foram produzidas. Somente em 1938 foi aprovada a construção de uma fábrica para produção em série do carrinho, o que não chegou a acontecer. Com o início da Segunda Guerra Mundial, em 1939, a nova fábrica estreou produzindo veículos militares. Em 1945 a produção é retomada e, em 1946, já havia mais de 10 mil Fuscas em circulação.

Três anos mais tarde, o modelo ganha o mercado dos Estados Unidos e em 1959 começa a ser fabricado no Brasil. Sucesso absoluto de vendas, em 1986 sua carreira chega ao fim em terras brasileiras e ele deixa de ser produzido. Não é bem assim: quando ninguém mais esperava, o Fusca ressuscita, e volta a ser fabricado em 1993, graças a um pedido do então presidente da República, Itamar Franco. Êxito de novo, com cerca de 40 mil unidades comercializadas. Em 1996, agora pra valer, o modelo dá adeus ao mercado brasileiro, mas não às ruas, já que volta e meia é possível se deparar com um “fuca-bala” por aí. O deputado federal Márcio França, ao centro, e o Fusca da família. “É inegável a contribuição da indústria automobilística ao desenvolvimento do País e o Fusca tem muito a ver com essa história”.


Expresso 4040 14 • Agosto • 2010

12

Vai um cafezinho aí? Presença constante na mesa do brasileiro, o café também é recorde em exportações no País

O aroma é inconfundível e o sabor não se compara ao de nenhuma outra bebida. Sem dúvida, o café é a bebida preferida do brasileiro. Afinal, qual brasileiro dispensa um cafezinho? Segundo dados da Associação Brasileira da Indústria do Café (Abic), entidade que representa as indústrias do setor, o Brasil é o segundo maior consumidor de café do mundo. Perde apenas para os Estados Unidos. Só em São Paulo, são mais de 24 milhões de xícaras por dia. Além do crescente consumo interno, as expectativas de exportações também são animadoras. Segundo dados do Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé), as vendas externas do café verde do Brasil deverão crescer este ano em comparação ao

anterior. Em 2009, as exportações de café atingiram 27,33 milhões de sacas de 60 kg. A previsão para 2010 é que as exportações cheguem a 30 milhões de sacas. “Parte desse crescimento se deve à ampliação e à modernização das instalações portuárias, alavancadas com a criação da Secretaria Especial dos Portos (SEP), um dos momentos mais ricos de toda a história portuária do País”, analisa o deputado federal Márcio França, um dos articuladores da iniciativa. Novo modelo de gestão portuária, a SEP surge como reflexo da prioridade atribuída pelo Governo Federal ao setor, que movimenta anualmente 700 milhões de toneladas das mais diversificadas mercadorias e

Naturalmente sem cafeína A cafeína, composto químico presente no café, é apresentada por vários especialistas como prejudicial à saúde. A ingestão excessiva pode provocar, em algumas pessoas, efeitos negativos como irritabilidade, ansiedade, agitação, dor de cabeça e insônia. Existe no mercado o café descafeinado. Muito consumido no exterior, a versão sem cafeína não tem muitos adeptos por aqui. Isso porque o processo químico utilizado para tirar a substância faz o café perder o sabor. Mas para os sensíveis à cafeína, uma novidade. Pesquisadores brasileiros descobriram um grão que é naturalmente sem cafeína. O estudo desenvolvido pela Unicamp mostra uma vantagem: a bebida produzida mantém o sabor original do café e não traz os inconvenientes da cafeína. E em breve poderá ser produzido em larga escala. Uma ótima notícia também para os cafeicultores, já que o café descafeinado representa 10% do café comercializado no mundo. “Isso mostra a qualidade e a força da pesquisa científica no País e, por isso mesmo, tenho sempre feito gestões junto ao Ministério da Ciência e Tecnologia no sentido de privilegiar, nos investimentos, as atividades de pesquisa”, diz Márcio França.

responde por aproximadamente 90% do comércio exterior brasileiro. “A criação do órgão tem, entre os seus objetivos, colocar os terminais portuários brasileiros no mesmo patamar de competitividade dos mais eficientes do mundo”, fala. “Uma estrutura física e logística bem-sucedida amplia a expectativa de novos mercados internacionais e a possibilidade de novos negócios, fazendo com que a produção do café brasileiro tenha cada vez mais demanda no exterior”, resume o parlamentar.


Expresso 4040 - Edição Litoral Sul 04  

Acompanhe as notícias do deputado Márcio França

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you