Issuu on Google+

Touro Moreno "Vocês verão mais filhos de Touro Moreno na Olimpíada do Rio"

Recém-campeão com o Palmeiras pela Copa do Brasil, técnico do penta assume que gostaria de estar em campo em 2014.


Esportes

Luiz Felipe Scolari "Tenho coragem de sobra para treinar a Seleção" por Rodrigo Cardoso SAUDADE

LIBERDADE, o treinador bateu firme com

Aos 63 anos, Felipão reconhece que foi um filho

a mão sobre a mesa e bufou seguidas

ausente

vezes. Por outro lado, emocionou-se ao

Luiz Felipe Scolari voltou a sorrir. Aos 63

falar do pai e até se divertiu ao lembrar

anos, recém campeão da Copa do Brasil

como descobriu que um de seus dois

pelo Palmeiras, ele colocou um ponto-

filhos, frutos do relacionamento de 46

final em um jejum particular de dez anos

anos com Olga Scolari, usava brinco na

sem uma grande conquista – em 2009,

orelha. O técnico do Palmeiras admite

venceu a distante Liga Uzbeque, à frente

que fala sem pensar e não pensa em

do Bunyodkor. Para quem tocou o céu ao

mudar, pois tal característica lhe garante

comandar a Seleção do pentacampeonato

um prontuário médico livre de doenças.

mundial de 2002, esse período sem

Impulsivamente ou não, Felipão adiantou

glórias causou desconforto. Mas não

à ISTOÉ que, se o técnico Mano Menezes

provocou nenhuma mudança no estilo

sair da Seleção, caso não conquiste o

Felipão,

ouro olímpico, pode entrar em campo

conhecido

por

seus

gestos

intempestivos e suas declarações pouco diplomáticas. Durante a conversa com

novamente.


O sr. acha que Neymar deveria jogar no Exterior? LUIZ FELIPE SCOLARI -

Lá fora, o Neymar jogaria em ligas diferentes, com conceitos de futebol diversos e aprenderia muito de tática. Ele teria ao lado jogadores de outras culturas e iria crescer com as adaptações que teria de encarar. O Neymar cresceria como pessoa, na parte tática e culturalmente falando. Aqui está tranquilo. É importante o Neymar jogar lá fora não só para ele, mas para a Seleção também. Mas vale lembrar que, nesse último ano e meio, ele evoluiu como pessoa e, como jogador, é muito mais obediente taticamente.

O Sr. acha que Neymar deveria jogar no Exterior? LUIZ FELIPE SCOLARI -

Lá fora, o Neymar jogaria em ligas diferentes, com conceitos de futebol diversos e aprenderia muito de tática. Ele teria ao lado jogador de outras culturas

e

iria

crescer

com

as

adaptações que teria de encarar. O Neymar cresceria como pessoa, na

parte tática e culturalmente falando. Aqui está tranquilo. É importante o Neymar jogar lá fora não só para ele, mas para a Seleção também. Mas vale lembrar que, nesse último ano e meio, ele evoluiu como pessoa e, como jogador,

é

taticamente.

muito

mais

obediente


"Ronaldinho fez a sua opção. Com 32 anos, não dá mais para pegá-lo pela mão e levá-lo como se fosse um menino de 15. Ele sabe o que faz. É uma pena”.

Acredita que Ronaldinho Gaúcho seja um exemplo de desperdício de talento, ultimamente, por optar por uma vida noturna agitada? LUIZ FELIPE SCOLARI -

Hoje o Ronaldinho não tem o mesmo desempenho, mas ainda é um jogador diferenciado. Ronaldinho deveria ter investido mais na porção jogador porque assim iria durar mais cinco, seis anos. No futebol, se não tiver cuidado físico, esqueça. E o Ronaldinho fez a sua opção. Com 32 anos, não dá mais para pegá-lo pela mão e levá-lo como

se fosse um menino de 15. Ele sabe o que faz. É uma pena.


A sua esposa o critica também quando o Sr. dá umas espanadas em entrevistas? LUIZ FELIPE SCOLARI -

Iiih! Critica? Ela diz que não

precisava, que não posso ser desse jeito. Minha mulher fala o que eu sempre soube: que, em vez de

raciocinar antes de falar, eu sou intempestivo. Ela já está ao meu

lado há 46 anos, sabe o que está dizendo. Aí, digo que, com esse

pessoal (jornalistas), eu sei como devo fazer. Mas já passei um dia sem conversar (com a esposa) quando sofri uma reprovação

dela em casa. A pior coisa é vê-los (os familiares) discordarem de mim. Fico chateado! Uma ou "Minha mulher (Olga Scolari) fala o que eu sempre soube: que, em vez de raciocinar antes de falar, sou intempestivo. Ela já está ao meu lado há 46 anos, sabe o que está dizendo.”

outra vez já tentei raciocinar,

pensar antes de estourar, mas não adianta, aquela coisa vem. Se eu ficar pensando, procurando

palavras, e for politicamente

correto, não irei dizer o que sinto. Aí, vou ser falso? Não quero. Do jeito que sou, não tenho dor de barriga, no coração, problema nenhum. Então, deixa assim.


Mundo

"Uma

guerra que tão cedo não acabará"

porAntonio Carlos Prado e Laura Daudén

Quanto mais se estende o conflito

lutam membros da Al-Qaeda –

na Síria, mais nítidas se tornam as

organização que, na segunda-

forças que movem governo e

feira 23, matou 116 pessoas no

oposição

Iraque.

e

também

mais

O

presidente

Bashar

evidente fica a certeza de que a

Assad, por sua vez, foi duramente

violência não cessará tão cedo. Na

criticado,

semana passada, com os combates

aliados

concentrados

de

defender o uso de armas químicas

Aleppo, os rebeldes se viram

no caso de uma intervenção

confrontados com a notícia de

estrangeira.

que a seu lado

violência obrigou a ONU a retirar

na

cidade

do

país

inclusive (leia-se

A

Rússia),

escalada

metade

observadores.

por

de

seus ao

da seus


Olimpíadas

Touro Moreno "Vocês verão mais filhos de Touro Moreno na Olimpíada do Rio"

Pai dos medalhistas Esquiva e Yamaguchi Falcão, ex-lutador de vale-tudo quer abrir uma academia e treinar boxeadores para 2016 por Flávio Costa

MESTRE

improvisou um ringue no quintal de

Touro Moreno foi o primeiro treinador

casa, mas nunca desistiu. Tamanha

dos filhos

perseverança deu resultado. Dois dos

Conhecido como Touro Moreno, o exlutador de vale-tudo Adegard Câmara Florentino, 75 anos, bateu e apanhou muito na vida. Saiu de casa ainda criança e se tornou um folclórico pugilista cuja luta mais memorável foi um empate. Abandonou, em parte, a boemia para se casar e realizar um sonho:

criar

filhos

que

fossem

campeões. Passou fome, morou na rua,

seus 18 rebentos, Esquiva e Yamaguchi Falcão, foram, respectivamente, prata e bronze nos Jogos Olímpicos de Londres. Em entrevista à ISTOÉ, nos estúdios da Rede Record, em São Paulo, onde assistiu à final que valeu a prata para Esquiva, Touro Moreno conta que o próximo objetivo é ter uma academia para formar campeões para a Rio2016.


"Yamaguchi (à esq.), ultimamente, não está respeitando mais minhas opiniões, mas Esquiva ainda me ouve, é mais obediente"

"No UFC eles não estão brigando nem três minutos e a luta já acabou. Anderson Silva mesmo está com um rosto limpinho"


Quais são seus planos para o futuro, agora, com dois filhos medalhistas olímpicos? LIBERDADE-

TOURO MORENO -

Tenho certeza que agora vou poder

academia para colocar uns quatro ou

fazer um barraquinho melhor. E eu

cinco boxeadores na Olimpíada do Rio

queria uma academia, para provar que

de Janeiro. Os meus filhos já estão

sou treinador, para formar outros

encaminhados. Não é para tirar menino

atletas que não sejam meus filhos. Eu

de rua, que isso é papel do governo. Eu

sou treinador de boxe. Sei olhar para

quero é formar campeões. Pode ter

um menino e saber se ele leva jeito ou

certeza que vocês verão mais filhos de

não. Queria ter

Touro Moreno na Olimpíada do Rio.

O que o sr. acha da possibilidade de Yamaguchi e Esquiva disputarem o UFC? LIBERDADE -

Agora, sobre os dois meninos mais TOURO MORENO -

Eu acho que eles vão para o UFC. Já temos um mais novo, o Thomas Edison, que está treinando o UFC.

LIBERDADE -

velhos, a gente vai ver a proposta, o que vão oferecer para eles. E eu quero treiná-los para essa mudança.

O sr. conversou com eles durante a Olimpíada?

TOURO MORENO -

Eu só conversei com eles uma vez durante os Jogos. Na minha casa não tem telefone, nós usamos o orelhão que fica em frente. Mas antes de viajar, Esquiva veio me visitar e mostrou os

vídeos das lutas dos adversários. Nós passamos a noite vendo os vídeos e eu dando dicas para ele. Yamaguchi, ultimamente, não está respeitando mais minhas opiniões, mas Esquiva ainda me ouve, é mais obediente.


Mas não foi o sr. que pediu ao Yamaguchi para subir de categoria (de 75 kg para 81 kg)? LIBERDADE -

TOURO MORENO -

Foi. Eu fiquei triste quando vi os dois

adaptar à subida de peso. O grande

lutando um contra o outro numa

responsável por essas duas medalhas é

competição. Conversei com

Yamaguchi, que para não prejudicar o

Yamaguchi, que é mais velho, mais

irmão aceitou subir de peso.

experiente. Era mais fácil para ele se

LIBERDADE -

E a Federação Brasileira de Boxe ajudou?

TOURO MORENO -

Eles ajudaram muito. Os treinadores

cubanos, todo mundo. Tem mais de 14

brasileiro. O boxe brasileiro é mais cubano do que brasileiro.

anos que os cubanos mandam no boxe

LIBERDADE -

O sr. planejou fazer de seus filhos lutadores como o sr.?

TOURO MORENO -

Eu não tinha condições de ensinar nada

ela para ser mãe dos meus lutadores,

Minas Gerais, não estudei. Eu teria que

era muito brigão e boêmio. Os meninos

única coisa que poderia passar para

a eles. Yamaguchi e Esquiva são minha

eles era o meu esporte, o que eu sempre

lavoura na vida. Eu sou analfabeto, eu

quando ela trabalhava em um

sei é lutar. E agora eles trouxeram essas

barzinho. Ela tinha 15 anos, coitadinha.

medalhas para o Brasil. Não foi à toa.

trabalho e casar comigo para me dar

tinha planejado na minha cabeça.

a eles. Sou de Resplendor, interior de

deixar os outros ensinar meus filhos. A

soube fazer. Conheci a mãe deles

De menor ainda. Mandei ela largar o

dez filhos. Ela me deu onze. Eu escolhi.

para fazer esses meninos campeões. Eu me assentaram na vida. Eu me dediquei

não vou para a roça capinar. O que eu

Olhe, até o nome dos meninos, eu já


LIBERDADE -

Por que o nome Yamaguchi?

TOURO MORENO -

Era o nome de um amigo meu,

minha mulher: vamos ter um filho

professor de judô, que foi assassinado.

homem, que vai se chamar Yamaguchi.

de mexer. A morte do Yamaguchi foi a

tomei seis litros de uísque para

mesma coisa que perder a perna direita

comemorar, sozinho. E ele não tomava

melhor amigo, era a pessoa mais

banho nele com água de coco.

Essa é uma ferida em que eu não gosto

e não ter uma muleta. Ele era meu

No ano seguinte meu filho nasceu e eu

banho com água normal. Eu dava

honesta que conheci. E eu falei para

LIBERDADE -

E por que Esquiva?

TOURO MORENO -

Para ele aprender a se esquivar dos

parecia com o Mike Tyson. E tem o

golpes dos adversários. A esquiva é um

Estivan, que é em homenagem ao

movimento muito importante no boxe.

campeão cubano Teófilo Stevenson.

Quando ele nasceu disseram que

Os irmãos Falcão passaram dificuldade quando pequenos? LIBERDADE -

TOURO MORENO -

Houve um momento em que nós fomos

ajudavam. Apareceu um juiz de direito.

despejados de nossa casa em Vitória e

Ele me ajudou, pagando meu aluguel e

desempregado, não lutava mais porque

levou para Serra, deu um lote, onde

já estava ficando velho. Ninguém dava

todos nós estamos morando agora.

tivemos de morar na rua. Eu estava

casa para morar, os parentes não

alimentação durante um ano. O juiz me


Como eram os treinamentos que o sr. fazia com eles na infância? LIBERDADE -

TOURO MORENO -

Eu fiz um ringue com bloco de cimento,

A alimentação era feijão, arroz,

e, como não tinha saco, eles batiam na

qualquer tipo de verdura e o angu, que

bananeira. Eu fiz halteres de concreto.

eu não dispenso.

Quando não apareciam adversários, como o sr. fazia para sustentar a família? LIBERDADE -

TOURO MORENO -

Eu fiz de tudo, né? Até roubar eu

mãe deles deixamos de comer várias

boca dos meus filhos. Pegava feijão,

coisa que comer nos pratos.

roubei: mas só comida para dar na

vezes para nossos filhos terem alguma

arroz, açúcar no supermercado. Eu e a

O Esquiva admite que, no período em que desistiu da carreira, chegou a vender drogas. Como foi lidar com essa situação? LIBERDADE -

TOURO MORENO -

Não! Ele nunca mexeu com isso. Ele era

isso. Eu o convenci a sair dessa vida e

amigo de quem mexia com isso. Eu o

voltar a treinar no Rio de Janeiro. Filho

bairro tem muita gente que mexe com

não.

tirei dessas más companhias. No nosso

LIBERDADE -

meu nunca mexeu com essas coisas

O sr. passou por muita dificuldade na infância?

TOURO MORENO -

Tive pai e mãe, mas não fui criado por

por tudo de ruim, o que prestou eu tirei

Espírito Santo. Saí de casa com 8 anos,

meus filhos. O que não prestou, eu

caí no mundo. Dos 8 aos 12, comprava

reciclei. Até que me casei com 18 anos,

a marmita e elas me davam o troco. Foi

tive o primeiro contato com o mundo

eles. Fui criado por madrinha e tia no

marmitas para p... no puteiro, buscava

uma escola de vida para mim. Eu passei

como lição para a vida e passei para

fui para o Exército, no Rio de Janeiro, e das lutas.


LIBERDADE -

Como o sr. começou a treinar?

TOURO MORENO -

Um tal de tenente Nunes me orientou.

vale-tudo. Na Gávea tinha um

No interior, a gente amarrava um pano

programa de vale-tudo, telecatch.

Pedi para lutar, me deram as luvas, mas

apanhado de um professor do judô dos

a primeira luta foi contra um peso-

Gracie, Nilo Gutierrez. Ele me deu uma

testa, caí sentado. O treinador me disse

empatei com ele, na primeira luta

que eu não servia para o boxe, mas me

minha. Ele era uma fera.

na mão para lutar como os boxeadores.

pesado, que me deu uma cacetada na

indicou para treinar com o pessoal do

LIBERDADE -

Daquela época, eu me lembro de ter

coça. Seis rounds de cinco. Mas

Qual foi a luta mais importante da sua carreira?

TOURO MORENO -

Nos anos 60 lutei com um baiano,

perderia se houvesse desistência. O

Valdemar Santana, que ganhou do

público é que não gostou muito, vaiou

aconteceu em Vitória (ES). Foi ela que

batia. No começo, havia mil pessoas e

trouxe a fama que eu tenho. Foram três

no final acabaram ficando umas

época, eu era muito mais pesado, mas,

briga. Fiquei mais de 20 dias no

em compensação, Valdemar tinha 20

hospital. Estraguei tudo, olho inchado,

Hélio Gracie. Essa luta foi empate,

rounds de dez minutos cada. Naquela

quilos a mais. Só ele bateu. Mas eu só

bastante, porque eu apanhava e não

duzentas. Eu fiquei ali igual galo de

perdi dente.

O vale-tudo de sua época era muito mais violento que o atual UFC? LIBERDADE -

TOURO MORENO -

Você está brincando, né? Muito mais.

acabou. Anderson Silva mesmo está

Rapaz, podia cotovelada, chute na cara.

com um rosto limpinho. A gente lutava

chão. Depois eu fui para o telecatch,

sem protetor nos pés. Nessa época, eu

que pagava mais, não apanhava, era só

não tinha uma família. Morei 12 anos

Em pé, você podia chutar adversário no

show. Hoje em dia eles não estão

brigando nem três minutos e a luta já

sem protetor de boca, sem coquilha,

no táxi.


LIBERDADE -

O sr. não tinha casa?

TOURO MORENO -

Eu só vivia em hotel e no táxi, para

curtir muito mais agora, com os

cima e para baixo. A minha mala na

meninos, uma vida honesta e mais

parte de trás. Eu vivia em boate, boate,

pura.

boate (ri). Eu curtia muito a vida. Vou

LIBERDADE -

Por que o sr. insiste em lutar aos 75 anos?

TOURO MORENO -

Não luto para aparecer. Até desafiei o

Agora é difícil arranjar adversário para

me preparo para lutar eu estou

quarentão. Ele caiu com um minuto e

cuidando de minha saúde. São três

40 segundos de luta. Eu bato muito

Éder Jofre, mas ele não quis. Quando

meses em que eu me alimento, tomo meus suplementos, levanto cedo para correr. Eu faço dez quilômetros por dia.

mim. Nocauteei, no ano passado, um

duro ainda.


Luxo

Está

confirmada

pela

marca

inglesa Mini a chegada ao Brasil de seis unidades da mais luxuosa

versão de seu modelo Mini Cooper. Lançado no Salão de

Xangai, o Mini Cooper Goodwood (foto) custará no mercado

nacional cerca de R$ 190 mil.

Possui acabamento interno na cor bege, com couro nos bancos e

portas e madeira no revestimento do painel. As portas são de 17

polegadas e o motor (1.6 I turbo) tem 184 cavalos de potência.


"Blitz no mar" por Antonio Carlos Prado e Fabíola Perez

O governo japonês prendeu e

Pequim desde o final da

decidiu deportar 14 ativistas

Segunda Guerra Mundial –

chineses que desembarcaram

os japoneses as chamam de

nas ilhas do Mar da China

Senkaku e os chineses, de

Oriental e nelas fincaram

Diaoyu.

a bandeira de seu país. Essa

japoneses

ilhas são objeto de disputa

passagem

territorial entre Tóquio e

chinesa rumo às ilhas.

Na

foto,

barcos

impedem de

a

embarcação


Ana Maria Braga (63) abriu mais uma vez seu álbum de fotos e publicou nas redes sociais uma imagem em que aparece mais jovem e com os cabelos compridos. Segundo a assessoria de Ana, a foto foi feita entre as décadas de 1970 e 1980, quando a apresentadora do Mais Você tinha por volta de 30 anos. "Se você quer ter o que nunca teve, tem que fazer o que nunca fez", aconselhou Ana na legenda.


Adriane Galisteu comenta declaração de Xuxa sobre Ayrton Senna: ‘Pedi a Deus para me dar paciência’ Apresentadora diz que assistiu ao programa 'Na Moral' e teve que pedir para Deus dar paciência. 'É isso, quase perdi a paciência, mas não tenho absolutamente nada para comentar', declarou Adriane Galisteu (39) confirmou à CARAS Online que ficou bastante incomodada com as declarações da apresentadora Xuxa (49) sobre o piloto Ayrton Senna (19601994) no programa Na Moral, exibido pela TV Globo na noite de quinta-feira (30). Segundo a apresentadora, a mensagem que escreveu no Twitter foi especialmente para o caso. “Sim, eu estava assistindo, vendo as declarações dela e falei para papai do céu me dar paciência, o que de fato precisei mesmo. É isso, quase perdi a paciência, achei desnecessário, mas não tenho absolutamente mais nada para comentar”, declarou a apresentadora da Band. Na atração, Xuxa disse que tentou falar com Ayrton na véspera de sua morte, em 1994, com a finalidade de reatar o namoro. “Tentei falar com ele no sábado e ele morreu no domingo. Quando fui atrás dele, mesmo ele estando com outra pessoa (no caso, Adriane Galisteu), achei que se ele gostasse de mim como eu gostava dele, ele ficaria comigo", disse. Pouco depois, Galisteu escreveu no microblog: "Papai do céu, dai-me paciência. Muita paciência!!! Na moral, na moral! Só na moral!!". Atualmente, Adriane está com o marido, o empresário Alexandre Iódice (40), a mãe Emma Galisteu (70) e o filho Vittorio (2) curtindo alguns dias de descanso no Guarujá. “No dia 5, também estou indo para Nova York. Estou descansando para trabalhar dobrado daqui a duas semanas. O Muito Mais permanece e também vou apresentar um reality show na Band (Quem quer Casar com o Meu Filho?)”, contou.


Nicole Bahls e Theo Becker estarão em novo programa de Britto Jr. e Ana Hickmann Ex-panicat e ator receberam convite para atuar no 'Programa da Tarde', comandado por Britto Jr. e Ana Hickmann. 'Ainda não tenho nada definido, mas quero continuar na Record', declarou Nicole Nicole Bahls (26) e Theo Becker (35) ganharão uma nova oportunidade dentro da TV Record. De acordo com informações apuradas pela CARAS Online, a ex-panicat e o ator foram convidados e devem estar no Programa da Tarde, a nova atração comandada pelos apresentadores Britto Jr. (49) e Ana Hickmann (31). A assessoria de imprensa da emissora não confirma a história, mas a presença dos dois já é dada como certa nos bastidores do canal. A escolha dá-se pela polêmica e a audiência que os participantes provocaram no reality show A Fazenda. Enquanto Nicole protagonizou brigas homéricas com a vencedora Viviane Araújo (37) na última edição, Theo esteve na primeira e brigou com praticamente todos os peões. Questionada sobre seus novos projetos, a ex-panicat diz querer continuar na Record, mas desconversa sobre o Programa da Tarde. “Ainda não tenho nada definido, mas quero continuar por aqui”. Já sobre a possibilidade e encontrar Juliana Salimeni (25) – seu desafeto desde o extinto programa Pânico na TV! – nos bastidores do canal, ela afirma: “É normal, nem sempre nós encontramos pessoas de quem gostamos. Se continuar na Record, vou estar realizada”. Em seu Facebook, Theo escreveu: “Para todos que sempre torceram por mim , muito obrigado por tudo, pois vencemos!!! Agora, para os que queriam meu mal, sinto muito. Já ouviram falar em uma tal de luva de pelica? E num tal de tapa, mas bem dado? Aguardem”. O Programa da Tarde estreia no dia 10 de setembro.


Gustavo Salyer promete fidelidade à Nicole Bahls: ‘Sou fã número um dela’ Gustavo Salyer (36) afirmou à Caras Online que, se depender dele, a ex-panicat Nicole Bahls (26) não vai mais precisar chorar por conta de traições. De acordo com o modelo, eles estão se conhecendo melhor, mas prefere não usar a palavra “namoro” por enquanto para não atrapalhar. “Estamos nos conhecendo melhor, está rolando, mas quero que tudo aconteça naturalmente. Essa pressão da mídia e do público pode atrapalhar um pouco, pois ela se separou logo que saiu de A Fazenda 5 (Rede Record) e já começamos a nos conhecer. Quero que dê certo, mas tenho muito respeito por ela e por aquilo que ela quer”, disse. O modelo explica que não tentou nenhuma aproximação durante o confinamento no reality show porque procurou respeitar o namoro da ex-assistente de palco com o jogador Victor Ramos (23). “Respeitei demais as vontades dela, o que ela queria para o momento. Como estava namorando, não tentei nada. Agora, estou feliz. Garanto que, ao contrário dos episódios passados da vida dela, comigo não vai rolar traições. Não tenho 22 anos, não tenho cabeça fraca e encaro um relacionamento com seriedade. Se estou com uma pessoa, estou só com ela, caso contrário ficaria sozinho, né?”. Ao falar sobre a nova musa, ele se derrete: “Nicole é autêntica, guerreira, verdadeira e muito engraçada. Morri de rir com ela em A Fazenda, assim como muita gente. Ela chegou aonde chegou porque é merecedora. Para mim, ela é nota mil e eu sou o fã número um dela. Se dependesse só de mim, vai rolar”. É o amor


Adriana Lima perde a cachorrinha em Miami e faz apelo no Twitter Desolada, Adriana Lima faz desabafo no Twitter e pede ajuda para encontrar sua cachorrinha A top Adriana Lima está arrasada com a perda da cachorrinha, Ivy (7), uma maltês branca, em Miami, onde mora com a família. E desesperada, ela usou seu Twitter para pedir ajuda. "Por favor, ajude-me a encontrar minha amada Ivy .... Estou em lágrimas ...", postou ela, que grávida de 6 meses do segundo filho, deixando ainda uma foto do bichinho com um número de telefone. Segundo Adriana, ela havia deixado Ivy com alguns amigos, enquanto está em Nova York, para dar à luz, onde pretende dar à luz. Adriana é casada com o jogador basquete Marko Jaric (33), com quem já tem Valentina (2).


Judô e natação conquistam primeiras medalhas brasileiras na Paraolimpíada de Londres Como nos Jogos Olímpicos, o judô deu ao Brasil a primeira medalha na Paraolimpíada de Londres A judoca Michele Ferreira conquistou nesta quinta-feira, 30, a medalha de bronze na categoria até 52 kg. Assim como nos Jogos Olímpicos, o judô foi o responsável pela primeira medalha brasileira. “Estou muito feliz, é uma sensação muito boa”, disse Michele, que dedicou a medalha à filha. Na natação, André Brasil levou a prata nos 200 m Medley individual.


Chega ao fim o casamento de Débora Nascimento A atriz Débora Nascimento, que interpreta a Tessália em 'Avenida Brasil', terminou o casamento de três anos e meio com o empresário Arthur Rangel A atriz Débora Nascimento (27) e o empresário paulistano Arthur Rangel (28) puseram fim ao casamento de três anos e meio. A informação foi confirmada à CARAS Online pela assessoria de imprensa da atriz, que não informou há quanto tempo ela está solteira. Atualmente, Débora interpreta a Tessália na novela Avenida Brasil. A atriz e Arthur se conheceram na escadaria de uma festa no Rio de Janeiro, apresentados por uma amiga em comum. Eles engataram romance e foram morar juntos pouco tempo depois. "A partir do momento em que nos vimos, nunca mais nos largamos", contou o empresário à CARAS em 2010. Em entrevista ao Fantástico, que será exibida no próximo domingo, 2, Débora conta que o sucesso de sua personagem na novela e a mudança para o Rio de Janeiro mudaram a sua vida. “Fiquei menos tímida, mais segura, mais confiante. Estou vivendo uma nova fase na minha vida”, disse a atriz, que agora divide apartamento apenas com sua cadelinha na capital fluminense.


Wanessa diz que ‘em vida de marido e mulher não se mete a colher Em comentário sobre a separação dos pais, Wanessa diz que não se intromete na vida dos dois Wanessa (29) é só elogios aos seus pais, Zilu (49) e Zezé Di Camargo (50), que anunciaram recentemente o fim do casamento de 30 anos. Quando perguntada sobre as declarações de sua mãe a uma revista, de que seu pai era o “perfeito Cadinho” (personagem de Alexandre Borges em Avenida Brasil, que tem três mulheres), a cantora disse que procura não interferir na vida amorosa deles. “Eu não intrometo na vida dos dois. Acho que em vida de marido e mulher não se mete a colher”, disse a nova loira, que é casada com o empresário Marcus Buaiz (30), com quem tem José Marcus (8 meses). Wanessa ainda comentou sobre o que pensa do fato de seus pais estarem falando naturalmente sobre o divórcio. “Quem sou eu pra falar e ensinar para os meus pais alguma coisa? Eles me ensinam a vida inteira a ter respeito, amor. Eu tenho um exemplo maravilhoso em casa de família, respeito e união. Por mais que eles tenham as diferenças deles, nunca faltaram com respeito um com outro. E é isso que eu levo pra minha vida”, completou.


Príncipe Charles acha que Harry não deve se desculpar por fotos em que aparece nu O príncipe Charles disse ao seu filho caçula, Harry, que ele deve deixar de lado e não se desculpar publicamente pelas fotos em que aparece nu em uma festa em Las Vegas Príncipe Charles (63) acha que Harry (27) não deve se desculpar publicamente com seus súditos britânicos pelo fato de ele ter sido flagrado nu em uma festa em Las Vegas. De acordo com o site norte-americano Radar Online, o filho caçula de Charles estaria planejando pedir desculpas públicas depois que fotos suas nu foram divulgadas. Ele estava em uma festa na piscina (as chamadas “pool parties”) nos Estados Unidos quando foi flagrado em polêmicas poses. Charles teria admitido que, quando tinha a mesma idade que Harry, também foi flagrado em situações embaraçosas. “De todos da família real, Charles é o que mais está aceitando o comportamento de Harry”, disse uma fonte ao site. “Na sua juventude, ele era tão ‘playboy’ quando Harry está sendo, então ele entende quando esse tipo de coisa acontece.” Ainda de acordo com a fonte, Charles acredita que, assim que o filho se juntar às forças militares da Inglaterra no Afeganistão, esse escândalo envolvendo a família real será esquecido. “Ao mesmo tempo em que ele disse ao Harry para ser mais responsável, ele não o castigou por não achar que ele tenha feito algo errado”, afirmou a fonte, acrescentando, ainda, que Charles acredita não ser necessário nenhum pedido de desculpas. “Ele disse para Harry ir ao Afeganistão logo depois que cumprir seus compromissos nos Jogos Paraolímpicos de Londres”, completou


Grazi Massafera publica foto de sua intimidade com Cauã Reymond Luta de dedinhos”, escreveu a atriz, que deu à luz Sofia no dia 23 de maio Enquanto muitas mulheres sonham com Jorginho, personagem de Cauã Reymond (32) na novela Avenida Brasil, da TV Globo, a atriz Grazi Massafera (30) exibiu um pouco de sua intimidade com o maridão. Na manhã desta sexta-feira (31), a artista publicou em seu Instagram uma imagem em que seu pé aparece colado ao pé do ator. “Luta de dedinhos”, escreveu a atriz, que deu à luz Sofia no dia 23 de maio. Em licença-maternidade, a atriz já tem data prevista para voltar às telinhas. Ela está escalada para a novela O Caribe É Aqui, que vai substituir Lado a Lado no horário das seis.


Fabio Assunção recebe vips em pré-estreia de peça em SP O ator Fabio Assunção recebeu amigos famosos na pré-estreia da peça 'O Expresso do Pôr do Sol', da qual é o diretor, na noite desta quinta-feira, 30. Maria Adelaide Amaral, Cássio Scapin e Sarah Oliveira estavam entre os convidados


Record vai lançar reality show ‘Fazenda de Verão’ 'Fazenda de Verão' terá apenas anônimos no elenco. As inscrições começam na semana que vem A Record decidiu produzir uma nova versão do reality show A Fazenda, que irá estrear no verão de 2013. O programa se chamará Fazenda de Verão e terá elenco de anônimos. Os interessados em participar do programa poderão se inscrever pelo site da emissora a partir do dia 7 de setembro.


Chico Anysio vira enredo de escola de samba no Rio de Janeiro O humorista Chico Anysio (1931-2012) será homenageado no carnaval de 2013 no Rio de Janeiro. Após a morte do artista, que aconteceu em março deste ano, a escola de samba Paraíso de Tuiuti escolheu o mestre do humor para ser o tema de seu enredo no próximo ano. A agremiação contará a história de Chico em seus cinco carros durante o desfile, relembrando os personagens de sucesso, informou o site do Instituto do artista. Anysio já foi homenageado em outros carnavais, como em 1984 na Caprichosos de Pilares, em 1997 na Arranco do Engenho de Dentro e em 2009 na Unidos do Anil. Além disso, em 2009, a escola Caprichosos de Pilares trouxe os integrantes da bateria usando máscaras de Professor Raimundo.

Zac Efron brilha no tapete vermelho do Festival de Cinema de Veneza O ator Zac Efron (24) chamou a atenção durante a sua passagem pelo tapete vermelho do Festival de Cinema de Veneza nesta sexta-feira, 31. Mostrando que cresceu e se tornou uma estrela desde que brilhou mundial na trilogia High School Musical, ele deixou à mostra toda a sua elegância ao surgir em um belo terno preto. Zac participou do evento ao lado de Maika Monroe, com quem atua no filme At Any Price, que teve première durante o festival. Maika também estava linda em um vestido de penas e com decote.


Daniel Dias leva 1º ouro na Paraolimpíada 

http://caras.uol.com.br/media/images/large/2012/08/31/img-426155-daniel-dias.JPG

Daniel Dias confirmou seu favoritismo em ganhou a medalha de ouro na competição dos 50 m livre na natação da Paraolimpíada de Londres, além de ter batido o recorde mundial na categoria, com o tempo de 32 segundos e 5 centésimos. Esta foi a primeira medalha de ouro do Brasil nos Jogos Paraolímpicos de Londres. “Fiquei muito feliz de começar os Jogos com o ouro. Em Pequim foi da mesma maneira, espero repetir os resultados de lá”, disse Daniel, que há quatro anos conquistou quatro medalhas de ouro, quatro de prata e uma de bronze. Após ganhar sua décima medalha paralímpica, Daniel disse que sentiu que as provas serão mais difíceis este ano. “Vi que os adversários estão mais fortes do que eu pensava”, admitiu.


Liza Minnelli fará shows no Rio e em São Paulo Liza Minnelli (66) vai desembarcar no Brasil. A estrela de musicais clássicos como Cabaret e New York, New York virá ao país para fazer shows no Rio de Janeiro e em São Paulo. A primeira apresentação acontece no dia 27 de setembro, no Credicard Hall, na capital paulista. No dia 29, ela repete a performance na casa de shows carioca Citibank Hall. Filha da premiada atriz Judy Garland e do renomado diretor de cinema Vincente Minnelli, Liza já conquistou quatro Tony Awards, um Oscar, um Grammy, dois Globos de Ouro e um Emmy. Os ingressos em São Paulo custarão entre R$ 45,00 a R$ 500,00, enquanto no Rio, a entrada mais barata custará R$ 100,00.


Sage, filho de Stallone, morreu por conta de uma parada cardíaca Sage Stallone, filho do astro do cinema de ação Sylvester Stallone (66), morreu devido a uma parada cardíaca, informou o laudo oficial de morte, assinado pelo médico lesgista de Los Angeles após a conclusão da autópsia e dos exames toxicológicos. O documento, divulgado na quinta-feira, 30, informa que Sage sofreu aterosclerose nas artérias coronarianas, tipo de lesão que pode causar a parada dos batimentos cardíacos. O laudo derruba a hipótese que estava sendo sustentada até então: de que Sage, morto no mês passado com apenas 36 anos de idade, teve uma overdose de drogas e medicamentos. Nenhum tipo de substância ilícita foi encontrada no corpo do jovem, apenas uma quantidade inofensiva de hidrocodona, analgésico também conhecido como Vicodin. Amigos próximos a Sage revelaram que ele foi diagnosticado com sopro no coração quanto tinha 10 anos e que, ultimamente, não estava cuidando bem de sua saúde, sendo que frequentemente se alimentava mal, bebia refrigerantes e fumava cigarros

Richard Gere completa 63 anos; Relembre papéis marcantes do ator! Considerado um dos maiores galãs de Hollywood, Richard Gere completa 63 anos nesta sexta-feira, 31. O ator estreou no cinema em 1977 com 'Looking for Mr. Goodbar' e já brilhou em mais de 40 produções, entre elas, os grandes sucessos de bilheteria 'Uma Linda Mulher' (1990) e 'Chicago' (2002). Confira alguns papéis marcantes do ator


Jules Stewart, mãe de Kristen Stewart, entra com pedido de divórcio Parece que uma má fase está rondando a família de Kristen Stewart (22). Pelo menos quando o assunto é a vida amorosa deles. Depois da notícia da traição de Kristen com o diretor Rupert Sanders (41) e que levou ao fim do namoro com o ator Robert Pattinson (26), agora é a vez da mãe dela colocar um ponto final no casamento. Segundo o tabloide TMZ, Jules Stewart, mãe da atriz, entrou com um pedido de divórcio no dia 17 de agosto em um tribunal em Los Angeles, na Califórnia. Jules esteve era casada com John Stewart por 27 anos e citou as diferenças entre eles como os motivos da separação. Jules e John não estão mais juntos desde 15 de junho de 2010, mas só resolveram oficializar o término do relacionamento agora. Até o momento, a filha Kristen Stewart ainda não se pronunciou


Bruce Willis faz piada com fim do namoro de Kristen Stewart e Robert Pattinson  http://caras.uol.com.br/media/images/large/2012/08/02/i mg-416746-robert-pattinson-e-kristen-stewart.jpg

Enquanto a MTV proíbe o apresentador do VMA 2012 de fazer piadas com o término de Kristen Stewart (22) e Robert Pattinson (26), o ator Bruce Willis (57) resolveu se divertir com a situação. Em entrevista ao Late Show with David Letterman, ele exibiu um vídeo ironizando o rompimento dos astros de Crepúsculo. O vídeo foi apresentado como uma cena da quinta sequência de Duro de Matar, que está em processo de finalização. Mas, na verdade, tudo foi uma brincadeira feita apenas para o programa. Bruce está no meio de uma catástrofe, mas não consegue concluir sua missão, pois está abalado com o fim do namoro de Kristen e Robert. "Perdi meus amigos", diz. "Kristen, Droga! É o 'Crepúsculo'! Kristen e Rob, Bella e Edward terminaram! Eles deveriam ficar juntos para sempre!", lamenta


José Horácio Aboudib "Cuidado: médicos despreparados estão exercendo a cirurgia plástica"

O presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica alerta para o risco da invasão da área por profissionais não capacitados

por Eliane Lobato

SEM TREINO Aboudib critica a existência de cursos de fim de semana que garantem títulos de especialista em medicina estética A ferida abriu e não parece haver remédio capaz de estancar o sangue. Essa ideia simboliza o sentimento de médicos integrantes da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP). Eles denunciam, por meio do presidente da entidade, José Horácio Aboudib, a invasão de profissionais não especializados na atividade para a qual se preparam durante 11 anos – seis de faculdade, dois de residência geral e mais três de especialização. O exercício de profissionais não preparados especificamente em cirurgia plástica tem gerado má fama para a classe toda. Levantamento do Conselho Regional de Medicina de São


Paulo (Cremesp) revela que, entre janeiro de 2001 e julho de 2008, foram analisados processos contra 289 médicos envolvidos em cirurgia plástica. Mas apenas 2,1% eram de fato cirurgiões especializados. Os demais foram procedimentos feitos por profissionais de outras áreas. "Vi um folder anunciando um curso de cirurgia plástica nas mamas feito em apenas um fim de semana" Aboudib chama a Sociedade Brasileira de Medicina Estética de fraudadora e diz que a Sociedade Brasileira de Medicina e Cirurgia Estética é uma entidade mais cafajeste ainda. Ambas são entidades não referendadas pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e compostas por médicos que, segundo ele, “fizeram cursos de fim de semana” para ganhar títulos e invadir a área. “Só querem saber de grana”, afirma. Capixaba e residente no Rio de Janeiro, casado, três filhos, Aboudib é, também, coordenador de Cirurgia Plástica da Universidade Estadual do Rio de Janeiro. Ele deu a seguinte entrevista à ISTOÉ.

"Há profissionais que fazem lipoaspiração em consultório, sem anestesia e até sem esterilização adequada"

LIBERADE -

Por que o sr. afirma que há uma invasão no campo da cirurgia plástica no Brasil? JOSÉ HORÁCIO ABOUDIB -

Existe uma coisa que se denomina medicina estética, que não é nada porque essa especialidade não existe. Não é reconhecida pelo Conselho Federal de


Medicina, pela Sociedade Brasileira de Medicina, pelo Ministério da Educação, pela Associação Médica Brasileira. Medicina estética é fraude do início ao fim. Mas existe uma Sociedade Brasileira de Medicina Estética, presidida pelo médico Aloizio Faria de Souza, que só pensa em ganhar dinheiro. LIBERADE -

Por que o sr. diz isso? JOSÉ HORÁCIO ABOUDIB -

A dita sociedade oferece cursos de fim de semana, os quais habilitam médicos sem residência médica a atuar como cirurgiões plásticos. O resultado é o número escandaloso apurado pelo Conselho Regional de Medicina de São Paulo: 97% dos médicos que respondem a processos relacionados à cirurgia plástica não possuem títulos de especialistas na área. Apenas seis cirurgiões plásticos e um dermatologista estão entre os 289 médicos processados por problemas em procedimentos relacionados à cirurgia plástica entre 2001 e 2008. Mas a péssima fama recai sobre todos os cirurgiões. LIBERADE -

Qual a diferença entre o médico especializado em cirurgia plástica e o da medicina estética? JOSÉ HORÁCIO ABOUDIB -

Gigantesca: a formação do especialista, seja cirurgião plástico, seja dermatologista, requer, após a formatura na faculdade de medicina, residência médica de 60 horas semanais, o que dá 240 horas mensais, 2,8 mil horas por ano. E são dois anos de residência em cirurgia geral e mais três anos de especialização. No total de cinco anos, são 14,4 mil horas na formação e no treinamento de um cirurgião plástico. Na chamada medicina estética, fazem cursos de um ano. Se não é uma especialidade reconhecida pelo Conselho Federal de Medicina, como pode dar título? São fraudes em sequência. LIBERADE -

Quais? JOSÉ HORÁCIO ABOUDIB -

A segunda fraude são as aulas dadas em um fim de semana por mês durante um ano. Vamos considerar que sejam oito horas de duração no sábado e o mesmo no domingo. Isso dá uma carga horária de 192 horas por ano. Depois disso, a pessoa recebe título de especialista e está apta a operar. 192 horas por ano contra as 14,4 mil exigidas pela SBCP.


LIBERADE -

Quais os outros problemas? JOSÉ HORÁCIO ABOUDIB -

A terceira fraude é o fato de enganarem os pacientes dizendo que são especialistas sem ser. Medicina estética só visa ganhar dinheiro. Mas, agora, surgiu outra entidade mais cafajeste ainda: intitula-se Sociedade Brasileira de Medicina e Cirurgia Estética, presidida por um cirurgião-geral chamado Edson Teixeira, que ficou famoso há uns 40 anos quando fez transplante de pâncreas em um ser humano, e o paciente morreu. É totalmente amoral, faz qualquer coisa para ganhar dinheiro. LIBERADE -

Por que essa entidade é pior? JOSÉ HORÁCIO ABOUDIB -

Vi um folder deles anunciando um curso de mamoplastia (cirurgia plástica nas mamas) em apenas um fim de semana. Um colega médico ligou para lá para confirmar e a mulher que atendeu perguntou: “O sr. sabe dar ponto?”. Quando ele respondeu que sim, ela disse: “Então, o sr. faz o curso sábado e domingo e já pode marcar sua primeira operação de plástica de mama para a segunda-feira.” Ou seja, tem paciente correndo risco nas mãos de pessoas (des)preparadas assim. Mas eles ganham fortunas dando esses cursos. Essa turma só quer saber de grana, não é de medicina. O nosso diploma e o da dermatologia são referendados por entidades sérias. O deles não é referendado por nada. Não estão pensando em ensinar, em formar profissionais. Só estão pensando em enriquecer, em faturar com o ensino. LIBERADE -

Quais os riscos que os pacientes correm? JOSÉ HORÁCIO ABOUDIB -

De todo tipo. Infecções, resultados desastrosos, por exemplo. E inclusive a morte. Por isso cuidado: médicos despreparados estão exercendo a cirurgia plástica. LIBERADE -

Há áreas preferidas por esses profissionais não especializados? JOSÉ HORÁCIO ABOUDIB -

A chamada medicina estética só quer faturar, não importa a área. E não é só em cirurgia. Tem alguns que, na endocrinologia, repassam a receitinha de


dieta que pegaram nos cursos. LIBERADE -

Como o paciente pode saber se o médico é especialista? JOSÉ HORÁCIO ABOUDIB -

Por meio do site da SBCP ou se ele exibir o título em quadros emoldurados e à vista no consultório. LIBERADE -

O que o Conselho Federal de Medicina pode fazer? JOSÉ HORÁCIO ABOUDIB -

Em uma reunião recente em Brasília, um conselheiro sugeriu perdão aos “coitadinhos” que “somam 12 mil caras trabalhando na clandestinidade...” Eu disse: Mas eles começaram na clandestinidade! Se quer perdoar, então vamos abrir as cadeias também. Vamos acabar com as regras de segurança.” LIBERADE -

O CFM não vai fazer nada? JOSÉ HORÁCIO ABOUDIB -

O conselho argumenta que não pode deixar de ser generalista para não jogar na ilegalidade um médico do Acre, por exemplo, que mora numa cidade que não tem especialistas e tem que fazer parto, cirurgia geral, cuidar de diabéticos. Minha sugestão é que se separe: que se diga na lei do CFM que os médicos que trabalham em cidades com menos de 30 mil ou 40 mil habitantes possam atuar em áreas afins e os outros não. LIBERADE -

Que procedimento cirúrgico já teve resultado mais dramático? JOSÉ HORÁCIO ABOUDIB -

Certamente, o de lipoaspiração, que esses profissionais fazem em consultório, sem anestesia e até sem esterilização adequada. Fizemos um levantamento, que mostrei ao Conselho Federal de Medicina, com mais de dez casos de mortes e complicações graves atribuídas a cirurgiões plásticos – e nenhum era plástico. Todos os responsáveis eram da turma da medicina estética. Eles fazem essas porcarias e as notícias saem como se fossem cirurgiões plásticos. LIBERADE -

Há levantamento sobre os erros realmente cometidos por cirurgiões plásticos?


JOSÉ HORÁCIO ABOUDIB -

Estamos fazendo um estudo. Queremos saber se a lipoaspiração dá mais problema porque é mais feita ou se é porque é mais realizada em condições inadequadas. Chegamos ao número de 30 óbitos nos últimos anos relacionados a cirurgias plásticas feitas por especialistas, em um universo de mais de 100 complicações graves. Temos uma comissão estudando por que isso aconteceu.

LIBERADE -

O conselho tem como punir? Alguém está sendo punido? JOSÉ HORÁCIO ABOUDIB -

Tem, se comprovar negligência, imprudência ou imperícia. Mas há médicos condenados em 15 processos que continuam trabalhando. Fica por isso mesmo. Não pagam as indenizações. Mas, de modo geral, a chamada máfia de branco acabou. Na SBCP e nas regionais não se pode punir, mas podemos excluir o mau profissional. Temos, agora, um problema diferente: um vigarista que não é cirurgião plástico tem um programa na televisão chamado “Dr. Rey” (apresenta o programa “Sexo a 3”, da Rede TV!). Ele foi cassado na Califórnia e veio para o Brasil – só que, aqui, ele não é médico. Não revalidou seu diploma. LIBERADE -

Ele atua como médico? JOSÉ HORÁCIO ABOUDIB -

Atua nesse programa de quinta categoria, vende cintas, fica apalpando mamas de mulheres, é assustador o baixo nível. Denunciamos ao Ministério Público, que foi atrás. E os três cirurgiões plásticos que foram ao programa dele receberam advertência pública da SBCP. E, se insistirem, serão excluídos. Não queremos essas pessoas na Sociedade. LIBERADE -

Outras especialidades, como dentistas, também estão invadindo a área, já que muitos aplicam botox? JOSÉ HORÁCIO ABOUDIB -

Isso é proibido pelo próprio Conselho Nacional de Odontologia. Se o dentista for denunciado, não terá defesa. Agora, isso é diferente de um otorrino fazer plástica de nariz, um mastologista fazer plástica de mama, um oftalmologista fazer plástica de pálpebra, entre outros, se tiver treinamento de pelo menos um ano. O que não pode é fazer um cursinho de fim de semana e operar.


LIBERADE -

Como é em outros países? JOSÉ HORÁCIO ABOUDIB -

Só dá para comparar com os Estados Unidos, que têm padrão à altura do nosso. O cirurgião plástico brasileiro não tem igual, é hoje o melhor do mundo. A prova é que tem mais gente procurando treinamento aqui do que em qualquer outro país. E o nosso congresso é maior que o americano também. A Europa nem conta. Estão 20 anos atrás da gente. Mas o problema de invasão nos Estados Unidos é pior. LIBERADE -

Pior como? JOSÉ HORÁCIO ABOUDIB -

Por exemplo: no processo de implante de cabelo, muitos médicos trabalhavam com enfermeiras que cortavam e separavam o folículo para o cirurgião implantar. Mas como é um trabalho exaustivo, algumas vezes eles passavam o implante para que elas o fizessem também. Resultado: elas filmaram tudo e entraram na Justiça pedindo o direito de ser titular no procedimento. Lá, também dentistas querem o direito de fazer cirurgia de face e tem fisioterapeuta que começou a fazer lipoaspiração.


Paulo

1- Atualmente onde está trabalhando? Hoje estou trabalhando na Loja Arezzo Calçados, especializadada em calçados femininos. 2-Como é seu relacionamento familiar? È um ótimo relacionamento onde vivemos muito bem sem dificuldades ou problemas. 3-Quais são os seus principais objetivos? Primeiro organizar minha vida em todos os sentidos como fazer um curso profissionalizante para pode exercer uma profissão digna, tirar minha habilitação, ter o meu carro poder oficializar um compromisso sentimental. 4-O que você acha das eleições? Tenho certeza de que a cidade não eleger direito vai continuar do mesmo jeito. 5-Qual sua opinião sobre o transporte coletivo do seu bairro? O transporte coletivo do meu bairro não melhorou em nada, pois horários não são compridos, péssimas condições dos ônibus e problemas com motoristas que geral entram em depressão por causa do stress atrás do volante.



Liberdade