Page 1

Distribuição GRATUITA

SEXTA-FEIRA 29/07/2011 SEMANAL| Ano 7 | n° 815 | Região do Caparaó | www.aquies.com.br

Guaçuí não registra casos de dengue »» Guaçuí não registrou novos casos de dengue e, de acordo com a Vigilância Epidemiológica, isto se deve ao trabalho dos agentes de Endemias, com o apoio da população cidades | Pág 04 Serrana Filetti

Patrimônio da Penha vai ganhar Pólo de Educação Ambiental GERAL | Pág 12 Divulgação

Projeto ensina as bases do empreendedorismo em Guaçuí »» No Cisemi, crianças e adolescentes aprendem o valor do dinheiro e que, para consegui-lo é preciso cumprir com determinadas responsabilidades cidades | Pág 05

Entrevista com ex-presidente da Colagua, Toninho Viana

ECONOMIA | Pág 11

Provas de trânsito voltam a ser realizadas em Bom Jesus do Norte

Produtores de Leite de Divino de São Lourenço participam de concurso

CIDADES | Pág 04

ECONOMIA | Pág 06

Consultório Portátil vai atender comunidades em Jerônimo Monteiro GERAL | Pág 13

Festa Junina Comunitária reúne grande público em Alegre CIDADES | Pág 05


02 OPINIÃO

»» SEXTA-FEIRA, 29/07/2011

www.AQUIES.com.br

REGIÃO DO CAPARAÓ

EDITORIAL

Adilson Saloto »» adils0nsal0t0@hotmail.com

Ensinando a caminhar “Ensina a criança no caminho que deve seguir e nunca se desviará dele”. A sabedoria dessas palavras devia ser levada mais a sério pelas autoridades e mandatários de todo o país. E o exemplo do programa realizado pelo Cisemi, de Guaçuí, no qual as crianças aprendem o valor do dinheiro, com este sendo fruto de responsabilidades específicas, é algo a ser considerado. Ou seja, quem merece recebe o crédito a que tem direito, porque se esforçou para isso. Enquanto aquele que não se esforçou não recebe a recompensa ou recebe menos. Pode ser que algumas pessoas vejam essa iniciativa como algo muito capitalista, mas acredito que seria mais capitalista se ensinasse que quem não faz parte do

mundo dos poderosos nunca vai poder ter direitos. Pelo contrário, o programa mostra, para crianças e adolescentes, que qualquer pessoa pode conseguir o que deseja com seu próprio trabalho e esforço. A ideia do dinheiro do CIS é algo que deveria ser copiado por outras instituições que trabalham com crianças em situação de risco social, e até mesmo nas escolas, com algumas adaptações talvez, o que poderia ser analisado pelos profissionais da educação. E não entendemos que isso seria recompensar o estudante por estudar. E sim, seria mostrar que o mundo cobra o seu preço e as pessoas precisam estar preparadas para pagá-lo, seja financeiramente, seja socialmente. Isto é ensinar a caminhar.

canal aberto

»» POR MARCOS FREIRE - marcosfolhadocaparao@gmail.com

Epidemia Estamos vivendo uma epidemia que está colocando em questionamento um dos maiores patrimônios nacionais: o futebol. De repente, os jogadores brasileiros começaram achar que são jogadores de rugby ou futebol americano. Estão se sentindo como os kickers desta modalidade norte americana, que tem o objetivo, quando chuta, de acertar a bola em um grande “Y”. Ou seja, não interessa a altura que a bola vá, desde que ela passe entre as duas paralelas. Porque não existe outra explicação para o que aconteceu na fatídica partida entre a Seleção Brasileira e o Paraguai. E a epidemia está se espalhando, porque os pênaltis perdidos têm se multiplicado, com as técnicas variando, com alguns disputando quem acerta a trave com mais precisão ou o corpo do goleiro, sem qualquer pena do arqueiro que, às vezes, até tenta sair da frente da bola, mas não consegue fugir da pontaria dos funestos atacantes. E a doença parece ter atravessado o Oceano Atlântico, ou ninguém prestou atenção em como o Internacional foi eliminado pelo Barcelona, em um torneio internacional, lá na Alemanha. Os dois atacantes chutaram por cima da meta (talvez visualizando o tal “Y” do futebol americano). E os sintomas não pararam por aí. Por um acaso, vi a semifinal do futebol, nos Jogos Mundiais Militares, contra a Argélia, e o Brasil não conseguiu marcar no tempo normal de jogo – talvez inspirado pela Seleção do Mano Menezes, que tem se esmerado na capacidade de não fazer gols (mas também seleção que tem Fred no ataque, só tricolor para aguentar – e o

»» EXPEDIENTE

DIRETOR GERAL: Elias Carvalho EDITOR CHEFE: Marcos Freire EDITOR DE CRIAÇÃO E ARTE: Luan Ola

que estou falando se tenho que aguentar um Alecsandro, que também se esforça muito na arte de perder gols, inclusive os pênaltis?) Essa tal epidemia de perda de pênaltis no futebol brasileiro, talvez seja o reflexo da perda de valores do que é mais simples, para a preocupação com o que é mais rebuscado, num futebol em que as categorias de base têm se preocupado mais com a altura dos meninos, do que com os fundamentos do futebol. Aliás, toda a doença tem sua causa e, na maioria das vezes, é fruto da carência ou excesso de alguma substância no organismo. Ou seja, no futebol brasileiro atualmente, está existindo uma carência de fundamentos e do simples, para a supervalorização das firulas e cortes de cabelos. Como devemos aprender e ensinar, sempre devemos começar a subir as escadas pelo primeiro degrau. Sem pular qualquer um deles, porque um pulo errado e o tombo pode ser muito prejudicial. E todos estão sujeitos a tombos, até mesmo aqueles que se julgam inatingíveis. E no futebol não é diferente, onde uma nova ordem está se mostrando. Ninguém ganha mais jogo na véspera e, numa realidade em que a Venezuela ficou entre os primeiras colocadas da Copa América, tudo pode acontecer... Até o Brasil perder a Copa do Mundo em casa, num novo Maracanaço, para o Uruguai, que está com a corda toda. É, temos que acordar antes de entrarmos na UTI, vítimas do agravamento dos sintomas da epidemia dos pênaltis e gols perdidos.

Repórteres: Marcos Freire e Filipe Rodrigues DiagramadorA: Suheley Garcia Suhett DEPARTAMENTO COMERCIAL: (28) 3521 7726 / 99761113 Colaboradores: Sérgio Oliveira, José Montoni, Juracy de Almeida - Tigrinho - e Adilson Saloto.

Funk O ritmo do funk, para mim, era tão perturbador quanto o Pânico na TV é para os famosos. Queria me tirar de perto, ligasse um funkzinho básico. Muitas pessoas programam seus celulares para tocarem com batidas de funk, e os programam no volume máximo. Então, imagina você lá no silêncio de uma sala de espera de um consultório e de repente: “LATE CACHORRA! LATE CACHORRA!” O celular do “sem noção” chama, na maior altura, tocando essa deliciosa canção. Deliciosa para o dono do celular que deve se divertir a beça com as caras retorcidas que ele vê quando seu celular toca assim. O interessante do funk é que qualquer frase ou expressão, principalmente, se tiver sentido de baixo calão, serve para fazer uma música, que terá seus quinze minutos de sucesso. Aí, então, entende-se o que Andy Warhol quis dizer nos meados do século passado. É como se naquela época ele já profetizara esse ritmo. Apesar de repugnar as batidas de funk, outro dia, estava caminhando e, de repente, notei que eu estava cantando uma dessas “músicas”. Ao perceber a minha insensatez, sacudi a cabeça tentando afugentar aquela “canção” como se afugenta um marimbondo. Olhei para os lados na esperança de que ninguém tivesse me flagrado cantando. Notei que um velhinho (desses aposentados que vagam pelas calçadas procurando algo que não sabem o que é) me encarava com uma misteriosa admiração. Tive certeza que sua admiração não era pela minha voz. Creio que também não fosse pela música, afinal “table”, “table”, “the book is on the table” não deveria fazer muito sentido para ele. Depois de me ouvir cantando esse funk, de me ver sacudindo a cabeça e me ver o encarando, o senhorzinho devia estar me achando um louco. Com esse episódio, ele deve ter achado o que procurava. Dei um sorrisinho meio desconsertado para ele e continuei minha caminhada. O maldito funk me seguiu como uma sombra. Fechava a boca, andava um pouco e, quando esquecia, já estava eu cantando o danado de novo. Para espantar aquela maldição da minha cabeça, comecei a pensar em outras músicas. Comecei pelas que me atraem mais. Capital inicial, Engenheiros, Titãs. Nada tomava o lugar do funk na minha mente. Continuava a batidinha: “table”, “table”... Apelei para as músicas mais populares, talvez fosse o que meu cérebro esti-

Dpto. Jurídico: Cleber Vagner de Oliveira - Advocacia - Consultoria Dpto. Contábil: ACAD Contabilidade E-mails: comercialfolhadocaparao@gmail.com diretoriafolhadocaparao@gmail.com; publicidadefolhadocaparao@gmail.com redacaofolhadocaparao@gmail.com

vesse precisando para se descontrair. Zé Ramalho: “Ê, ê, ô vida de gado...” Não funcionou! Tentei Raul Seixas: “Quem não tem colírio...” Também não deu! Levando em consideração o meu gosto musical, baixei o nível para Roberto Carlos: “Quando, você se separou de mim...”, Sergio Reis: “Não interessa se ela é coroa...”, e nada do maldito funk me deixar em paz. Aquilo já estava virando uma tortura para mim. Resolvi tentar uma evangélica, pareceu a melhor forma de combater a maldição: “Sou uma florzinha de Jesus...” Voltei rapidamente ao funk (não gostei do olhar que um barbudo me deu). Nada arrancava aquela batida da minha cabeça. Foi aí então que eu resolvi apelar mesmo. Coloquei toda a minha emoção ao soltar a voz naquela clássica canção: “No hospital, na sala de cirurgia...” Nem o Amado Batista exorcizou o funk de mim. Dez passos à frente e os “table”, “table” já tomavam conta da minha mente de novo. E o pior é que, enquanto cantava, eu mexia os ombros e balançava a cabeça no ritmo das batidas. Quando percebi isso, eu parei, entrei num barzinho, me recompus, pedi uma cerveja e me sentei a uma mesa. Pedi uns amendoins e fiquei mastigando, numa tentativa de evitar que eu continuasse cantando aquela infeliz canção. Daí a pouco, notei que eu estava dando cocorotes na mesa no ritmo da música: “toc, toc, totoc, toc, toc”. Coloquei minhas mãos embaixo das pernas e as prendi bem firme. Só tirava para encher a boca de amendoins. Tentando entender o que estava acontecendo, percebi que aquela minha luta contra aquela insistente batida revelava-me um preconceituoso musical. Comecei então a rever meus conceitos. Sempre me policiei para não ser tão preconceituoso e vi naquela hora que eu era puro preconceito contra o maldito funk. Cheguei à seguinte conclusão: se minha mente insiste em cantá-la é porque algo positivo ela deve ter. Então, me despindo daquele preconceito, continuei caminhando despreocupado e cantando: “table, table the book is on the table”, até que ela desapareceu de mim. Descobri, assim, que o algo positivo dela foi quebrar meu preconceito. Foi só eu aceitá-la que ela me deixou em paz. Prossegui minha caminhada com a mente livre e feliz por ter me livrado da batida que insistia em me acompanhar. Refletindo o acontecido, continuei em paz até que passou um carro de som. Daí em diante, comecei: Chão! Chão! Chão, chão, chão!

Circulação: ES - Alegre, Apiacá, Bom Jesus do Norte, Divino de São Lourenço, Dores do Rio Preto, Guaçuí, Ibatiba, Ibitirama, Irupi, Iúna, Jerônimo Monteiro, Muniz Freire e São José do Calçado.

Editora e Jornal Sul Capixaba Ltda - ME | CNPJ: 10.916.216.0001-55. Rua Resk Salim Carone, S/N º - Ed. Ibisa - Loja 03 - Bairro Gilberto Machado. Cachoeiro de Itapemirim-ES (Próximo à rodoviária) . Tel: (28) 3521 7726


SEXTA-FEIRA, 29/07/2011

www.AQUIES.com.br

REGIÃO DO CAPARAÓ

OPINIÃO

03

FOLHEANDO Inauguração e folia No sábado passado, a Prefeitura de Ibatiba entregou, à comunidade da Cachoeira Alegre, a nova pintura da quadra de esportes da escola municipal, que fica na localidade, e também o calçamento do pátio da escola. A entrega aconteceu em ritmo de festa julina, onde não faltaram comidas típicas e várias apresentações de dança, inclusive quadrilhas. Na foto com os alunos, estão o prefeito Lindon Jonhson, a 1ª dama Giovana Gomes, o secretário municipal de Educação, Fabio Ambrosio, e o diretor da escola, Décio.

Luto em Alegre O Prefeito Municipal de Alegre, José Guilherme Aguilar, na segunda-feira (25), decretou luto oficial em todo o município pelo falecimento da ex-primeira dama Adir Junger de Oliveira, esposa do ex-prefeito Ary Fiorezi de Oliveira. O texto do decreto destaca “a relevância de sua atuação como primeira dama, o modelo e o exemplo de dignidade de conduta pessoal e social, além dos inúmeros serviços prestados ao Município”. O prefeito ainda destaca que a vida de Adir Junger, certamente, deixa um legado para os cidadãos alegrenses.

Eleições em Alegre Em Alegre, a corrida pela sucessão municipal também já começou. O atual prefeito José Guilherme já afirmou com todas as letras que é candidato à reeleição e está trabalhando para isso, mantendo o equilíbrio do município. Mas existem outros candidatos correndo por fora – ou por dentro mesmo, como o vereador Nirrô Emerick, que foi lançado pelo Partido Verde, em um encontro do partido no município, e o médico Rubens Tanure que está trabalhando pela estruturação do recém criado PSD e, com certeza, não está fazendo isso apenas pelos “lindos olhos” do presidente nacional do partido, Gilberto Kassab. Ele não falou nada oficialmente, mas seu nome tem que ser relacionado na lista de pré-candidatos.

Mais descontração Em descontraído café da tarde, na casa da assesssora de Planejamento de Ibatiba, Denisia Dias, o encontro entre o prefeito de Ibatiba Lindon Jonhson, a 1ª dama Giovana Gomes, o diretor do Grupo Folha do Caparaó, Elias Carvalho, e o empresário da construção civil, José Reinaldo Egidio.

Arraiá da Felicidade Nesta sexta e sábado (29 e 30), acontece o III Arraiá da Felicidade, no Parque de Exposições de Jerônimo Monteiro, com leilões, danças, barracas com delícias típicas, pescaria e pula-pula. Na sexta-feira, acontece um leilão de assados e, no sábado, uma Ação entre Amigos. Além disso, a festa será animada pelos shows de Forró Country, na sexta, e Tradição Gaúcha, no sábado, sempre às 22 horas.

FRASE DA SEMANA

Festão Solidário No próximo sábado e domingo, dias 6 e 7 de agosto, Apae, Pestalozzi e o Peti, de Ibatiba, vão realizar o Festão Solidário, que será realizado na casa de shows Coração Sertanejo. No dia 6, a partir das 21 horas, haverá show com Reginaldo & Rondinely, Meninos de Goiás e Markin & Vitão. E, no dia 7, a programação vai começar às 10 horas, com um culto ecumênico, seguido de almoço com moda de viola, apresentação cultural e show com Elias Wagner. Às 14 horas, será realizado o sorteio de um Gol, zero quilômetro e outros prêmios. A festa será encerrada com a apresentação da Banda de Música Amigos para Sempre e o forró com a Caravana do Simprão.

Valeu Esta semana o valeu é duplo e vai para Guaçuí. Pelo empenho da Secretaria Municipal de Saúde em reverter o quadro da dengue, tirando o município da posição de local de endemia para nenhum caso registrado, e pela iniciativa do Cisemi, em promover em seus alunos o espírito do empreendedorismo.

Olimpíadas Escolares Equipes de futsal infantil feminino e masculino de Iúna e Muniz Freire se classificaram para a final estadual das Olimpíadas Escolares do Espírito Santo 2011, que ainda não tem local e data definidos. O Colégio Porto Seguro, de Iúna, ficou com o título, no masculino, ao vencer a final contra a Escola Pedro Herkenhof, de Cachoeiro de Itapemirim, e em terceiro, a Escola Domingos Perim, de Venda Nova do Imigrante. Já a Escola Maria Barroso, de Muniz Freire, se classificou em segundo lugar, no feminino, ao perder a final para a Escola Felinto Martins, de Castelo. Em terceiro, também ficou a Escola Domingos Perim. As finais regionais aconteceram em Venda Nova do Imigrante e, na final estadual, as equipes do Caparaó Capixaba, vão enfrentar escolas da Grande Vitória e Norte do Estado.

“Optamos simplesmente pela inovação, pela modernidade, pela segurança, pelo aumento de receita e ajuste das contas. No entanto, fomos alvo de atos irresponsáveis”.

Toninho Viana, ex-presidente da Colagua, em entrevista à Folha do Caparaó, depois de entregar o cargo a seu sucessor.

Não valeu

Para aquelas pessoas que, segundo o ex-presidente da Colagua, Toninho Viana, quase prejudicaram toda uma classe, por causa de picuinhas políticas, com o intuito de prejudicar sua gestão à frente da cooperativa. O embate político é importante, desde que busque melhorias para os cidadãos envolvidos.

www.infozini.com.br


04

CIDADES

SEXTA-FEIRA, 29/07/2011

www.AQUIES.com.br

REGIÃO DO CAPARAÓ

GUAÇUÍ

Município não registra casos de dengue

Serrana Filetti

»» Guaçuí não registrou novos casos de dengue e, de acordo com a Vigilância Epidemiológica, isto se deve ao trabalho dos agentes de Endemias, com o apoio da população Daniel Borges

danielborgeslima@gmail.com

Guaçuí está livre da dengue. Pelo menos, até o presente momento, não há registros de novos casos. A Coordenação da Vigilância Epidemiológica do município informou que não foi notificada mais nenhuma suspeita de dengue no município e que isto se deve ao trabalho constante da Secretaria Municipal de Saúde, com a equipe dos Agentes de Endemias, que

contam com o apoio da população. Mesmo com a chegada do inverno, o trabalho feito pelos agentes não terminou. “Parte desse sucesso se deve à colaboração da população, que permite a entrada dos agentes em suas casas e comércios, para que possam realizar a tarefa preventiva”, afirma a coordenadora dos agentes de Endemias, Marineide Vidal. A Secretaria Municipal de Saúde está pedindo que

os cidadãos continuem com esse entendimento, pois a equipe não pode resolve o problema sozinho, necessitando do apoio de todos para dar prosseguimento ao trabalho. Guaçuí foi um dos municípios mais afetados pelos casos de dengue, no Estado, no ano passado e, desde então, a Secretaria Municipal de Saúde vem realizado rigorosamente um trabalho intensivo para o combate ao mosquito transmissor da dengue.

O trabalho dos agentes de Endemias foi importante no combate à dengue BOM JESUS DO NORTE

Provas de trânsito voltam a ser realizadas na cidade Após muitas solicitações, principalmente, por parte dos motociclistas, Bom Jesus do Norte volta a ter provas de trânsito. O diretor geral do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), João Felício Scárdua, e o deputado estadual Glauber Coelho se reuniram e definiram que as provas teóricas e práticas voltariam a ser realizadas novamente no município. Antes da decisão ser tomada, os interessados em conseguir uma carteira de habilitação, tinham que se deslocar até Guaçuí, o que trazia desconforto e transtornos para os candidatos, porque nem todos os interessados tinham essa disponibilidade. O deputado Glauber Coelho destacou a importância

DIVULGAÇÃO

A decisão agradou aos interessados em tirar a carteira, principalmente, motociclistas dessa decisão. “Será um grande benefício para os condutores que, a partir de agora, não precisarão mais sair da

sua cidade para realizarem as provas. Uma decisão que diminui tempo e custos para os usuários”, destacou.


SEXTA-FEIRA, 29/07/2011

www.AQUIES.com.br

REGIÃO DO CAPARAÓ

CIDADES

05

GUAÇUÍ

Projeto ensina as bases do empreendedorismo

Serrana Filetti

»» No Cisemi, crianças e adolescentes aprendem o valor do dinheiro e que, para consegui-lo é preciso cumprir com determinadas responsabilidades O Centro de Integração Social e Educacional Mãe Iracy (Cisemi), de Guaçuí, desenvolve o Projeto “Empreendedorismo Ação e Reação”, que trabalha a autoestima das crianças, possibilita desenvolvimento de atividades que despertam o empreendedorismo e desenvolve a cidadania. De acordo com a diretora do Cisemi, Cláudia Rosana Moreira, quem faz parte do projeto e cumpre as metas propostas pelo mesmo, tem a oportunidade de participar de atividades promovidas pelo Centro. “Nossos alunos têm várias metas a cumprir. Uma delas é ter frequência na escola e bom

comportamento”, afirmou Cláudia. Segundo ela, para cada meta cumprida, o aluno ganha uma espécie de moeda chamada “Moeda Cis”. “Acima de 100 moedas, o aluno recebe uma ficha azul e pode participar de todas as atividades do projeto e trazer convidados também. Até 100, o aluno está na ficha amarela, considerado sinal de alerta, e abaixo de 100, ficha vermelha, são aqueles educandos que faltaram muito e não cumpriram a meta”, explicou a diretora. Cláudia informou que, das 250 crianças e adolescentes que frequentam o Cisemi, apenas 20 ficaram com ava-

DIVINO DE SÃO LOURENÇO

liação vermelha. “Este dado é excelente, pois mostra o quanto os alunos estão interessados no Projeto e nas atividades”, enfatizou. Para a professora Silda Mota Gomes Moraes, o projeto tem dado muitos frutos. “Tenho observado uma grande mudança no comportamento das crianças. Antes do projeto, muitas não tinham limites. Elas não tinham ideia do que dava para fazer com R$ 1,00, por exemplo. Hoje, elas conhecem dinheiro e sabem que é preciso cumprir tarefas e economizar com a moeda CIS para comprar as coisas que são

As crianças podem comprar o que é oferecido numa espécie de minishopping oferecidas no Bazar do CIS e na Praça de Alimentação quando fazemos o projeto”, enfatizou. Segundo a professora, os alunos desenvolvem a cidadania, aprendem a respeitar o próximo e ser mais compreensivos. “As crianças estão mais organizadas e responsáveis. Hoje, elas sabem o que é ter limites”, acrescentou. A dona de casa Rosângela Diniz Farias é mãe de um educando do Cisemi. Segundo ela, o filho melhorou muito o comportamento dentro e fora de casa, após frequentar as atividades. “Meu filho era muito cala-

dão. Nosso diálogo melhorou e, hoje, ele sabe se expressar”, afirmou.

O projeto

O projeto “Empreendedorismo Ação e Reação” envolve 250 alunos do Cisemi. O trabalho baseia-se em metas que devem ser cumpridas pelas crianças e pelos adolescentes atendidos. Bom comportamento, responsabilidade com as tarefas propostas, frequência no Centro Educacional e na escola e respeito ao próximo são um dos quesitos que fazem os educandos terem bons resultados no projeto.

Com uma avaliação positiva, as crianças e os adolescentes adquirem uma espécie de moeda criada dentro do Programa, que se chama “Moeda CIS”. Com o “dinheiro” adquirido, os educandos participam de um minishopping, que é montado a cada dois meses no Centro Educacional, onde eles encontram uma praça de alimentação e também um bazar com roupas e calçados, onde as crianças e os adolescentes podem comprar com sua moeda. Além disso, há brinquedos como pula-pula, escorrega e atividades que promovem o desenvolvimento das crianças.

ALEGRE

Administração equipa Festa Junina Comunitária reúne grande público Conselho Tutelar

Divulgação

O Conselho Tutelar de Divino de São Lourenço passou por uma profunda transformação. Em atividade desde 2001, o Conselho tem desenvolvido ações importantes no município e goza de prestigio junto à sociedade. Nos últimos dois meses, foram registradas aproximadamente 60 ocorrências, com problemas de alunos nas escolas, crianças na rua, filhos que fogem de casa para outras localidades, rondas nas comunidades para atender diligências, entre outras.

E, diante disso, no início deste ano, foram supridas algumas deficiências que, até então, dificultavam as ações dos conselheiros. Uma parceria da administração municipal de Divino de São Lourenço com o Deputado Estadual Glauber Coelho e o Tribunal de Justiça, facilitou a aquisição de vários equipamentos e um veículo para facilitar o desempenho dos conselheiros. Além de um veículo Gol, o conselho recebeu um computador, uma máquina fotográfica, uma TV e um retro projetor.

Na sexta-feira passada (22), foi realizada a II Festa Junina Comunitária, na Praça da Estação, em Alegre, mantendo o sucesso do ano anterior. Uma verdadeira multidão circulou pelo local da festa que, de acordo com a organização, alcançou seu objetivo, reunindo um público feliz e familiar. O evento é uma realização da Prefeitura Municipal de Alegre, por intermédio da Secretaria Municipal de Turismo, Cultura e Esporte, com o apoio da Aproart, Casa da Cultura e Instituto Histórico e Geográfico de Alegre (IHGA). A abertura ficou por conta da Lyra Carlos Gomes, se-

guida da descontração e animação da quadrilha escolar comunitária, que ficou, este ano, sob a responsabilidade da Escola Municipal Domingos Bravo Reinoso. “A festa foi um espetáculo. Conseguimos alcançar o objetivo do evento, com público animadíssimo e as famílias que curtiram bastante”, parabenizou Tia Audrey, coordenadora da quadrilha. Em seguida, foi a vez da dança comunitária com a participação das escolas Luciano Alves Duarte, Professor Lellis, Pedro Simão, Ceabb e Apae, bem como dos alunos do Peti e Coopersulc. Após as apresentações das danças tra-

Uma verdadeira multidão circulou pela área da Festa Comunitária dicionais, o show ficou por conta da banda Forró Country, que animou o público. E na área da festa, não podiam faltar as barracas com comidas típicas. “Agradeço às escolas, à Casa da Cultura e à Aproart – par-

ceiras na festa, aos secretários envolvidos e aos funcionários da Prefeitura Municipal, que não mediram esforços para tornar o evento um sucesso”, disse o secretário municipal de Turismo, Cultura e Esporte, Marcinho Duarte.


06

ECONOMIA

SEXTA-FEIRA, 29/07/2011

www.AQUIES.com.br

REGIÃO DO CAPARAÓ

GUAÇUÍ

Reunião discute aplicação do Plano Safra em Guaçuí

DIVINO DE SÃO LOURENÇO

Produtores de Leite participam de concurso

Ilustrativa

»» Associações rurais, Secretaria de Agricultura e representantes do Banco do Brasil debateram a aplicação dos recursos do plano para o biênio 2011/2012

Daniel Borges

Daniel Borges

danielborgeslima@gmail.com

O Teatro Municipal Fernando Torres, em Guaçuí, foi o local escolhido para o debate do novo Plano Safra 2011/2012, na sexta-feira passada (22). O Plano Safra visa reforçar as políticas públicas de geração de renda e viabilizar a produção e permanência dos agricultores no campo. E a novidade é fazer alavancar as propriedades rurais, ao mesmo tempo, motivando o agricultor a produzir, por meio de taxas de juros reduzidas, nas linhas de investimento. A redução foi de 4% para 2% ao ano, juntamente com um aumento no limite de financiamento. O teto agora é de R$130 mil. Um dos exemplos citados pelo gerente de agronegócios do Banco do Brasil, Volgano da Rocha Junior, foi o aumento do orçamento do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), que será ampliado em R$ 194 milhões, para atender um maior número de agricultores no Brasil. “O investimento está sendo feito, para dar um aporte ao agricultor e pecuarista. Um incentivo, uma forma de dar tranquilidade para trabalhar”, explicou. Se-

A pecuária leiteira é a segunda maior atividade agrícola de Divino de São Lourenço

O gerente de agronegocios do Banco do Brasil, Volgano da Rocha Junior, explicou o novo Plano Safra gundo ele, de acordo com o que produzir, o agricultor irá atender as escolas, creches e demais instituições. “Isto vai proporcionar uma alimentação balanceada, de forma natural, melhorando a qualidade de vida. Portanto, é o conjunto da obra perfeito”, frisou Volgano. Foi apresentada, também, a utilização do Recurso de Cus-

teio, onde o investimento da mão de obra e ferramentas, por exemplo, pode ser pago com o dinheiro da linha de crédito, que não deixa de ser vantajoso para o agricultor, por causa dos juros baixos. Outro quesito da divisão de crédito é o bloco comercial (estocagem), e um exemplo é o do café. Na espera por uma alta no preço da safra,

o interessado pode utilizar o recurso do crédito, para quitar seus compromissos, enquanto espera uma melhora no mercado para vender a produção. Assim que vender o café (valorizado pela espera do aumento), pode acertar com o banco. Vale lembrar que a regra dos juros baixos do custeio serve também para a estocagem.

Um total de 15 produtores de leite do município de Divino São Lourenço participam de um concurso realizado pelo Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), em parceria com a Prefeitura Municipal e o Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf). O evento acontece a partir desta sexta-feira (29) e vai até domingo (31), e vai premiar os maiores produtores de leite da comunidade de Patrimônio da Penha, durante a festa do distrito. “O concurso tem como objetivo promover o encontro e a participação dos pecuaristas do Município de Divino de São Lourenço e região, em uma disputa amistosa, destinada a fomentar o desenvolvimento da Pecuária de Leite”, diz o extensionista do Incaper, Ricardo Eugênio Pinheiros. Segundo ele, o evento também apresenta ao público visitante uma mostra do potencial do rebanho em aptidão leiteira e morfologia. Ele acrescenta que a pecuária leiteira assume, no município, importante papel socioeconômico, ocupando a segunda

maior atividade agrícola, perdendo somente para o café. As cinco ordenhas programadas para o concurso acontecem das 7 às 8 horas e das 19 às 20 horas, durante os três dias de concurso. Os vencedores nas categorias de 20, 25 e 30 quilos serão premiados com uma quantia em dinheiro doada pela Prefeitura de Divino São Lourenço.

Ordenha

Os animais, que serão avaliadas pelo corpo técnico do concurso, entraram na área de ordenha na quinta-feira (28) para, nesta sexta-feira (29), acontecer, logo pela manhã, a primeira ordenha. O concurso leiteiro do município acontece no Parque de Exposições João Batista Neri, no distrito de Patrimônio da Penha. O município de Divino de São Lourenço possui mais de oito mil hectares de pastagem, cerca de 200 pecuaristas e tem uma produção de leite de 2.920 quilos por ano. O município ainda foi beneficiado pelo Governo do Estado com 15 tanques de resfriamento de leite e dois núcleos de inseminação artificial.

JERÔNIMO MONTEIRO

Concurso público do município será realizado pelo IBAM A Prefeitura Municipal de Jerônimo Monteiro vai realizar concurso público para provimento de vagas em seu quadro permanente, oferecendo vagas para todos os níveis de escolaridade. E a empresa que vai realizar o processo seletivo já foi contratada. O Instituto Brasileiro de Administração Municipal (Ibam), é uma empresa reconhecida nacional e internacionalmente na aplicação de concursos municipais e que melhor atende aos requisitos exigidos pela administração municipal.

Na semana passada, a Prefeitura recebeu o assessor técnico da empresa, Erico Lopes, para dar andamento ao processo seletivo e tratar das etapas estabelecidas para sua realização. Nessa primeira visita técnica, ele reuniu os integrantes da Comissão Municipal de Concurso Público, para a leitura e discussão da minuta do edital, documento que contem as regras do concurso. A comissão é formada por um representante da sociedade civil, dois da administração pública, um do Sindicato dos Servidores e um

representante da Câmara Municipal. A Comissão, por sua vez, se reuniu com o assessor técnico para finalização da leitura. A minuta do edital foi observada minuciosamente, item por item, para verificar se as especificações atendem às necessidades do município. Além disso, a reunião também serviu para que fosse validada a estruturação das provas, de acordo com a escolaridade e cargos, observando o que dispõe o Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos do município. Outro

fator que foi definido é o ponto de corte, que vai delimitar a pontuação mínima para cada matéria da prova. Os inscritos serão avaliados com provas de conhecimento específico e de núcleo comum (matemática, português, etc.), de acordo com o perfil de cada cargo. A publicação do edital está prevista para dia 1º de agosto, no Diário Oficial, e estará disponível no site do Ibam (www. ibam.org.br) e no site da Prefeitura (www.jeronimomonteiro. es.gov.br). A previsão é de que as inscrições sejam abertas dia

Ibam O Ibam é uma associação civil, sem fins lucrativos, que tem como missão promover o desenvolvimento institucional dos municípios. Há mais de 60 anos no mercado, a instituição já aplicou mais de dois mil concursos em todo o país e nunca teve um processo seletivo anulado por causa de irregularidades, conforme informações da Prefeitura de Jerônimo Monteiro.

9 de agosto, e encerradas dia 23 do mesmo mês. Já as provas devem ser aplicadas no dia 09 de outubro. Já a homologação do concurso deve acontecer na primeira quinzena de no-

vembro deste ano. As vagas do concurso serão distribuídas em 43 cargos do quadro permanente da Prefeitura. O número de vagas será publicado no edital.


FOLHADOIS

SEMANAL | Ano 7 | n° 815 Sexta-feira, 29/07/2011 | Região do Caparaó www.AQUIES.com.br

Banda Alldeia vai gravar CD com recursos do Estado

Divulgação

»» A banda de Alegre foi contemplada em um dos editais da Secretaria de Estado da Cultura que selecionou projetos culturais regionais A Banda Alldeia, de Alegre, vai gravar seu CD, com recursos da Secretaria de Estado da Cultura (Secult). A banda foi contemplada por um dos últimos editais divulgados pela Secult, no Diário Oficial, na sexta-feira passada (15), que selecionou projetos culturais regionais de pequeno porte. Os contemplados neste e em outros três editais serão convocados para assinatura do termo de compromisso e apresentação da documentação necessária. Dos prêmios, 18 foram destinados a municípios com até 80 mil habitantes, e sete para cidades com maior população. Cada contemplado receberá R$ 10 mil reais, totalizando R$ 250 mil.

A banda Alldeia surgiu no início de 2008, quando Thiago Soares (Vocalista e Guitarrista) convidou Danilo Almeida (Baterista) para juntos fazerem um reggae com temas ambientais, espirituais e sociais. A partir dali, vários problemas foram encontrados, como falta de instrumentos, local de ensaio e, até mesmo, a falta de músicos com o mesmo propósito. Com o decorrer do tempo e com muita persistência, as coisas foram fluindo positivamente, com chegada de Wagner Tatagiba (contrabaixista), que se encaixou perfeitamente na banda. A partir daí, a banda começou a fazer shows com o “trio”,

contando com participações especiais de trompetes, sax e percussão. Passado algum tempo, a banda sentiu necessidade de se reformular e dar um toque sutil à banda, porém, de grande sonoridade. Foi quando o quarto integrante Bruno Garcia (Tecladista e vozes) entrou para os teclados da banda, criando uma nova sonoridade. A partir daí, a banda se equilibrou e fixou-se no cenário reggae local.

Editais

Este não foi o primeiro caso de artistas alegrenses contemplados com projetos da Secult. O grupo de Teatro “Caparaó em

Cena”, a escola de música “Sain’t Clair Pinheiro” e a banda de música “Lira Carlos Gomes” já foram contempladas em categorias diversas pelo Governo do Estado.

Nestes casos, a Prefeitura de Alegre também deu seu apoio e suporte no desenvolvimento do projeto e das ações propriamente ditas. “Realizamos oficinas periódicas e trouxemos represen-

tantes do Governo Estadual para promover palestras e prestar suporte no desenvolvimento dos projetos”, destaca Marcinho Duarte, secretário de Turismo, Cultura e Esporte.

Muniz Freire em festa até este domingo Marcos Freire

marcosfolhadocaparao@gmail.com

Desde sábado passado, dia 23, está acontecendo a programação do Festival da Amizade e da Exposição Agroturística que marcam as comemorações dos 120 anos de emancipação política de Muniz Freire, numa realização da Prefeitura Municipal. A programação vai se estender até este domingo (31), com destaque para a realização do 1º Festival

de Música de Muniz Freire, que foi aberto nesta quintafeira (28), com premiação marcada para esta sábado (30). E, nesta sexta (29), a festa será marcada pelo show do grupo Roupa Nova, com a noite fechada pela banda Solana. Acontecem também apresentações culturais, a partir das 16 horas, e às 20 horas, mais uma apresentação do Festival de Música. E no sábado, outro show nacional com o grupo

de pagode Jeito Moleque, seguido do show da banda AM5. Mas a programação vai começar às 14 horas, com a Banda Zen, no Rock da Tarde, seguidas de mais apresentações culturais. Às 20 horas, será realizada a premiação do Festival de Música. No domingo (31), será realizado um show de prêmios em benefício da Santa Casa, a partir das 15 horas. E a festa será encerrada com os shows dos Amigos do Forró e banda Art & Vozz.

A festa foi aberta com o Baile da Cidade, no Carretão Show, animado pela Banda Som & Cia. E a programação teve continuidade com o Culto Cívico na Primeira Igreja Batista do município, no domingo passado (24), a Sessão Solene da Câmara Municipal, na terça (26), e a Missa Solene na Igreja Matriz, na quarta (27), seguida da apresentação da Lira Munizfreirense, na Praça Divino Espírito Santo, e música ao vivo, com Helder Chaves e

Divulgação

O grupo Jeito Moleque se apresenta neste sábado, em Muniz Freire Luana Souza. E a abertura oficial da festa aconteceu na quinta (28), seguida da aber-

tura do Festival de Música e show com a banda Hitmus & Thiago Olyver.


02

»» SEXTA-FEIRA, 29/07/2011

Região do Caparaó

ESPAÇO VIP

www.AQUIES.com.br

Por Vitor Moraes | (28) 9981-7647 | vitor_searom@hotmail.com

»» A princesinha Laura Freitas comemorou, no último dia 16/07, seus 02 aninhos de vida! Parabéns e que o Papai do Céu continue sempre te abençoando, Felicidades! »» Crédito: Foto Freitas

»» Amigos comemoraram, no último dia 20/07, o “Dia do Amigo”, na casa do Sebastian. Na ocasião, todos renovaram seus laços de amizade. »» Crédito: Arquivo Pessoal »» Eliara Ataíde estava radiante com sua festa de 15 anos que aconteceu no Oposto, em Guaçuí, no último sábado, 23 de julho. Seus pais, Aparecida Ataíde e Elias Souza, estavam super felizes com a festa da filha. Felicidades!

»» Crédito: Foto Freitas

»» Dr. Alberico e sua esposa Karina comemoraram, no dia 15/07, o aniversário de 5 anos de sua filha Sophia Binica. A comemoração aconteceu no Pointy Diversões, onde a aniversariante recebeu seus amiguinhos e familiares. Parabéns! »» Crédito: Foto Freitas »» Júlia Moraes completou 5 aninhos, no últino finde, ao lado de familiares e amiguinhos. O tema da festa foi o das Princesas. Seus pais, Andréa e Gustavo, eram pura alegria ao lado da filha. Felicidades sempre! »» Crédito: Arquivo Pessoal

»» Neste clique, estão as irmãs Adriana, Andressa e Andréa. »» Crédito: Arquivo Pessoal

»» Dr. Eduardo Cotias comemorou mais um aniversário, no último dia 23/07, com um churrasco no GTC – Guaçuí Tênis Clube, com familiares e amigos. Na foto, sua esposa, Dra. Débora, Dr. Eduardo e suas filhas, Milena e Samiris. Deus abençõe sua vida! »» Crédito: Foto Freitas


VIVAaVIDA

SEMANAL| Ano 7 | n° 815 Sexta-feira, 29/07/2011 | Região do Caparaó www.AQUIES.com.br

O Abacate que já foi vilão agora é benfeitor »» Ele já teve fama de engordar, mas estudos comprovam que o abacate pode ajudar a emagrecer, ajudando na redução do colesterol ruim e aumentando o bom

Com fama de engordativo, altamente calórico e gorduroso, o abacate foi, por muitos anos, banido de toda dieta de emagrecimento. Mas estudos científicos comprovam que, apesar de suas calorias, o abacate pode ajudar a emagrecer. Isto porque a gordura presente no abacate é a mesma existente no azeite de oliva e, como este, atua na redução do colesterol ruim (LDL) e aumenta o bom colesterol (HDL), além de contribuir para a saúde das artérias. Quando ingerido antes das refeições, sua gordura, que é digerida lentamente pelo nosso organismo, ajuda a aumentar a sensação de saciedade, fazendo com que você coma menos e demore mais para sentir fome. Além disso, o abacate ajuda a baixar o índice glicêmico da refeição, ajudando a controlar a produção de insulina e mantendo o nível de glicose no

sangue estável, o que ajudar a evitar os famosos picos que ocorrem pouco depois das refeições. Quando a glicose no sangue aumenta rapidamente, a insulina entra em ação com o intuito de diminuí-la e, sempre que isso acontece, surge a fome como efeito rebote. É um ciclo vicioso que leva a pessoa a comer, ingerindo glicose, que leva à produção de insulina, que baixa a glicose rapidamente, resultando em uma necessidade orgânica de aumentar novamente a glicose que, para nós, nada mais é que a sensação de fome. E vale lembrar que a insulina estimula a produção e o estoque de gordura, principalmente, no abdômen. Manter o índice glicêmico sob controle é uma forma de controlar os picos de glicose no sangue, reduzindo a sensação de fome e a produção de insulina.

Ilustrativa

Consumo

Também pode ser positivo consumir três colheres de abacate antes de ir para a cama, o que dá continuidade ao estímulo do emagrecimento. Quando consumido à noite, o abacate estimula a produção do GH, o hormônio do crescimento que, nos adultos, participa da formação dos músculos e faz o organismo usar a gordurinha estocada como fonte de energia. E vale citar que a maior parte da gordura do abacate é do tipo ômega 9, um ácido graxo que participa do nosso metabolismo. E os benefícios não param por aí! O abacate contém beta-sitosterol, substância antiinflamatória que reduz a resistência à perda de peso e que combinada à L-glutationa, reduz o colesterol ruim sem prejudicar o bom, segundo estudo do Centro de Nutrição Humana da Califórnia (Ucla), nos

Estados Unidos. Ou seja, o abacate ajuda a emagrecer, ao mesmo tempo em que deixa a pessoa mais bonita e saudável. O ideal é consumir duas colheres de sopa no café da manhã, duas no almoço e três antes de dormir. Além disso, o importante é não consumir doces e refrigerantes, que devem ser evitados, e também fazer seis refeições por dia, combinando sempre carboidratos, proteínas, vegetais e gordura boa.

E o brócolis pode trazer maravilhas para a saúde O brócolis é um vegetal cujas folhas, flores e talos são comestíveis. Ele é um alimento rico em cálcio (importante para a formação e manutenção dos ossos e dentes), fonte de vitaminas A e C. Além disso, apresenta ácido fólico (indicado para gestantes), selênio e potássio. Esse vegetal tem propriedades antioxidantes e anticancerígenas contra o câncer de pulmão, cólon e mama. Além de ser rico em fibras e reduzir o colesterol, ele ajuda a acelerar a eliminação do estrogênio do organismo e é uma excelente fonte de cromo – que ajuda a regular a insulina e o açúcar no sangue. Ao ingerir o brócolis regularmente, o risco de um homem desenvolver câncer de próstata reduz sensivelmente, especialmente, quando há tumores mais agressivos. Os fitoquímicos são componentes que aparecem no brócolis e são conhecidos por proteger contra o câncer. O principal fitoquímico já descoberto é o Sulforafano, que elimina a H

Pylori (bactéria responsável por problemas estomacais). Possui ainda outros compostos ativos, como os isotiocianatos, os flavonóides e os carotenóides, todos considerados guardiões das nossas células. Agem principalmente contra o envelhecimento. Outro benefício, desta vez, apontado por pesquisadores, é que o brócolis é ótimo para diabéticos. Os estudiosos verificaram, em células humanas, que moléculas presentes nessa verdura protegem os vasos sanguíneos dos maus efeitos provocados pelo excesso de açúcar. O ator principal desta função é, novamente, o sulforafano. A pesquisa continua com a investigação da função de outras substâncias do brócolis na prevenção de danos nos rins e na retina.

Como consumir o Brócolis?

O brócoli pode ser consumido cru em salada quando muito tenro, ou cozido em

salada, sopa, suflês, bolos e refogados. O cozimento deve ser feito em vapor ou em panela tampada com pouca água, pelo menor tempo possível. O cozimento em excesso leva à perda de nutrientes e prejudica a textura. O descongelamento é rápido e feito durante o processo de cozimento e preparo do prato. Se a pessoa não gostar do sabor ou da consistência, prepare um suco. Essa é a

melhor forma de extrair todos os benefícios sem precisar comer o brócolis. Suco de brócolis 3 flores de brócolis, 2 laranjas 1/2 copo de água Açúcar (melhor não colocar) Ilustrativa


04

www.AQUIES.com.br

SEXTA-FEIRA, 29/07/2011 REGIÃO DO CAPARAÓ

Patrimônio da Penha em festa neste final de »» O distrito de Divino de São Lourenço está em festa desde quinta-feira, semana com programação cultural, concurso leiteiro e muitos shows Marcos Freire

marcosfolhadocaparao@gmail.com

O distrito de Patrimônio da Penha, em Divino de São Lourenço, está em festa desde quinta-feira (28), e a programação segue até domingo (31), e contará com Concurso Leiteiro, apresentações culturais e shows musicais. A festa é uma realização da Prefeitura Municipal de Divino de São Lourenço, com o apoio da Câmara Municipal, Incaper e Idaf. O distrito fica localizado aos pés da Serra do Caparaó. Na quinta-feira, a festa teve apresentações culturais, com quadrilhas, casamento

do Jeca e Boi Pintadinho, e a noite foi fechada com shows de artistas locais e da dupla Roney e Rangel. E nesta sexta, a programação começa com a abertura do Concurso Leiteiro, às 7 horas, e da Exposição de Artesanato, às 12 horas. Na parte da tarde, às 17 horas, acontece o desfile do maquinário do município e a abertura oficial. Depois, a partir das 18 horas, shows com a dupla Luiz Carlos e Alexandre, Célio Costa e Cleyton Aguiar – 19h30 – e banda Country Brasil – 21h30. No sábado (30), a programação vai começar às 8 horas, com o circuito de bike, saindo de Patrimônio

Patrimônio da Penha fica localizado aos pés da Serra do Caparaó da Penha, passando pela comunidade de Limo Verde e retornando pelo Córrego Barro Branco, além das inaugurações, a partir das 14 horas, do Cruzeiro, Parque de Exposição, Praça Digital, Polo de Educação Ambiental e entrega do Microtrator. A noite será encerrada com o desfile da Garota Outono, às 18 horas, e os shows das bandas Forró Country – 20

horas – e Forró Brasil – 22 horas. No último dia de festa, domingo (31), às 10 horas, será realizada a premiação do Concurso Leiteiro, e na parte da tarde, a partir das 15 horas, o Circo Teatro Capixaba vai promover brincadeiras com as crianças. A festa será encerrada pelos shows de Gil Brasil e Banda e de Robinho e Daniel.

FOLHADOIS

Homem de Aluguel no Teatro de Alegre A trupe da Cia. Baiana de Risos está de volta a Alegre. Desta vez, os baianos chegam à cidade com um novo espetáculo intitulado “Homem de Aluguel”. A comédia, estrelada pelo ator Danillo Lima, será apresentada nos dias 6 e 7 de agosto, no Teatro Municipal Virgínia Santos, sempre às 20 horas. O texto e direção do espetáculo são de Alberto Damit, o mesmo de Pretas Por Ter. A comédia Homem de Aluguel acentua o que há de melhor nas qualidades de exigências femininas em relação ao homem. O texto é baseado na fantasia da atitude. Segundo o texto, toda mulher tem no seu íntimo um dese-

jo comportamental que busca encontrar num homem. Gilmar, vivido por Danillo Lima, é um homem que, cansado de atender aos caprichos das mulheres que passaram por sua vida, resolve colocar seus dotes à venda. A partir daí, sua vida ganha novos contornos, fazendo com que a personagem viva as mais hilárias situações de um homem alugado. Os ingressos estão sendo vendidos na Ótica Visual e Teatro Municipal O valor antecipado e a meia são R$10,00, e na hora do espetáculo, o ingresso custará R$20,00. Nos dias dos espetáculos, apresentando a filipeta, o ingresso também será R$10,00.


SEXTA-FEIRA, 29/07/2011 REGIÃO DO CAPARAÓ

ECONOMIA

11

GUAÇUÍ

Entrevista com ex-presidente da Colagua, Toninho Viana

»» Toninho Viana, que se desligou da Colagua, concedeu entrevista à Folha e falou sobre sua gestão, da qual não sai ressentido, apesar das calúnias e mentiras das quais foi vítima O presidente da Cooperativa de Laticínios de Guaçuí (Colagua) desde maio de 2009, Toninho Viana se desligou da presidência da Cooperativa nesta semana. O pecuarista faz um breve relato da sua administração, que considera vitoriosa e não se ressente, segundo ele, das denuncias aos diversos órgãos do governo, das calunias e das conversas mentirosas e irresponsáveis, que foram uma constante durante sua gestão. O novo presidente é Clécio Lemos, produtor rural e empresário.

Folha do Caparaó – Toninho, quais os motivos que o levaram a se afastar do cargo de presidente da Colagua? Toninho Vianna - Por

diversos motivos pessoais necessitei afastar-me do cargo de presidente da nossa Colagua. Agradeço pelo apoio e pela vitória do nosso Conselho Fiscal, no dia 31 de março ultimo, o que atesta como os nossos cooperados querem a continuidade do nosso trabalho.

Folha - Por que a escolha de Clécio Lemos para seu sucessor? Toninho – Clécio é um

cidadão honrado, competente produtor rural e empresário de Guaçuí. É dedicado no que faz e reúne todas as condições para dar continuidade e exercer uma gestão técnica e vitoriosa à frente da Colagua. Mas quem escolhe o presidente da Cooperativa é o Conselho de

Administração, por voto de seus Conselheiros, e não por indicação de quem quer que seja. Isto é o que reza o nosso estatuto, e foi desta forma, por maioria absoluta de votos, que o nosso conselheiro Clécio foi eleito presidente.

Folha – Qual é o seu maior sentimento nessa saída da Cooperativa? Toninho - Minhas palavras

são somente de agradecimento, primeiro, a Deus, e depois aos amigos produtores, aos funcionários da Colagua, às outras cooperativas, á Seag, OCB e tantos outros segmentos que também lutaram e apoiaram este nosso trabalho. Cooperativismo é um movimento baseado na união de forças. E nestes quase 27 meses que estivemos à frente da gestão da Colagua, vivenciamos um tempo de ampla expansão e desenvolvimento com responsabilidade. Exaustivamente, a bandeira do cooperativismo foi mais que divulgada, foi disseminada em reuniões, palestras, batepapos, dias de campo e outras tantas atividades dentro e fora da nossa cooperativa.

Folha – Você recebeu apoio da maioria dos cooperados? Toninho – Sim. Nossos

cooperados deram plena demonstração de apoio e empenho. E, em tudo que empreendemos, contamos com o aval da grande maioria deles. Todos ganharam com isso e a cooperativa ficou mais fortalecida.

Folha – Sua gestão foi marcada por uma grande parceria com a Secretaria de Estado da Agricultura. A que você atribui todo esse apoio? Toninho – A parceria com

o Governo do Estado foi incessante, desde o governo de Paulo Hartung, e continuou com Renato Casagrande, e deveu-se, principalmente, pela honestidade e transparência do nosso trabalho. Através de importantes convênios, recebemos equipamentos, treinamentos, veículos... Ajuda valiosa que nos fortaleceu e nos destacou entre as principais cooperativas do Estado. Nosso eterno agradecimento, principalmente, ao secretário de Estado da Agricultura, Dr. Enio Bergoli, e ao coordenador da Pecuária da Seag, Dr. Pedro Cani.

Folha – E as dificuldades enfrentadas, foram grandes? Toninho – Infelizmente,

foram. Algumas pessoas que não fazem parte da Colagua, ou sequer desempenharam qualquer função que somasse aos nossos esforços, se posicionaram no time contra, ou seja, torceram pelo insucesso do trabalho dessa diretoria e, por conseguinte, dos nossos 800 associados.

Folha – O que você quer dizer com “time contra”? Toninho – Falo de pessoas

que sentiam saudade de uma

época em que a Colagua apenas fornecia leite “in natura” e fortalecia indústrias de outros laticínios, fora de Guaçuí. Pessoas que sentiam saudades dos equipamentos obsoletos da nossa indústria e da falta de segurança e de condições de trabalho dos nossos colaboradores. Empreitada sem sucesso. A corrente do bem se instaurou em nossas dependências e progredimos, como nunca.

Folha – Então, você sai ressentido da Colagua? Toninho – Ressentido não,

mas um tanto chateado por não ter conseguido realizar tudo aquilo que o nosso grupo idealizou, definiu como meta, da nossa administração. Nunca pensei em tirar o mérito dos que me precederam. Todos foram gestores e tiveram seu tempo para administrar a Colagua, e muito mais tempo do que o nosso. Mas optamos simplesmente pela inovação, pela modernidade, pela segurança, pelo aumento de receita e ajuste das contas. No entanto, fomos alvo de atos irresponsáveis e inconsequentes que colocaram em risco o futuro de muitas famílias, de colaboradores, produtores rurais, profissionais, fornecedores e prestadores de serviço de toda a cadeia produtiva que a cooperativa faz parte.

Folha – E como você lidou com toda essa situação adversa? Toninho – Foi

preciso muita dedi-

Nestes quase 27 meses, (...) vivenciamos um tempo de ampla expansão e desenvolvimento com responsabilidade”.

cação, amor, serenidade, compreensão e DEUS me concedeu tudo isto, além de força e sabedoria para agir. Sempre aceitamos manifestações legítimas, como diálogos, críticas, sugestões, debates, sempre que identificadas, e ignorei calúnias e comentários infundados, as conversas sem sustentação, sem futuro, inconsequentes e irresponsáveis. Agimos com coerência, propostas, métodos, ações que contemplaram a coletividade. Pensamos sempre grande e, com isso, a Colagua cresceu.

Folha – Qual é e mensagem que você deixa em sua despedida da Colagua? Toninho – Não poderia deixar de agradecer, primeiramente,

a Deus e aos colaboradores da Colagua, pessoas que nos ajudaram nos momentos de dúvida e angústia pelas quais passamos. Meus sinceros agradecimentos a todos aqueles companheiros que nos apoiaram desde o inicio da nossa campanha e durante todo o tempo da nossa gestão. O novo momento vivido pela Colagua, com Clécio na presidência, tenho certeza, também será um tempo de progresso, de desenvolvimento, de visão de futuro, e não de retrocesso. Vamos alcançar mais união e fortalecer o movimento cooperativista, o agronegócio, porque somos fortes e vencedores. Agradeço de coração pela confiança, companheirismo e apoio de todos.


12

GERAL

SEXTA-FEIRA, 29/07/2011

www.AQUIES.com.br

REGIÃO DO CAPARAÓ

DIVINO DE SÃO LOURENÇO

DIVINO DE SÃO LOURENÇO

Patrimônio da Penha vai ganhar Pólo de Educação Ambiental

»» A obra foi realizada pelo Governo do Estado, por meio do Iema, com o apoio do Consórcio Caparaó e Prefeitura Municipal Marcos Freire

marcosfolhadocaparao@gmail.com

Neste sábado (30), será inaugurado, em Patrimônio da Penha, município de Divino de São Lourenço, o Pólo de Educação Ambiental da Região do Caparaó Capixaba. A solenidade de inauguração vai acontecer a partir das 14 horas, durante a festa do distrito que estão sendo realizada neste final de semana, com a presença de autoridades estaduais, municipais e lideranças da região, além de ambientalistas e moradores da região. A obra está orçada em torno de R$ 105 mil e tem como

objetivo, como explica a secretária executiva do Consórcio Caparaó, Dalva Ringuier, de trabalhar na capacitação e formação de moradores, para a geração de trabalho e renda, além da preservação do Parque Nacional do Caparaó. O distrito fica colado à esta unidade de conservação e é cortada pela chamada Estrada Parque, que está sendo asfaltada e liga todo o entorno da Serra do Caparaó– com o Pólo ficando às suas margens. Dalva contou, ainda, que o Pólo de Educação Ambiental vai contar com um viveiro de mudas nativas na sua parte de trás, enquanto, na frente, foi

Divulgação

montado um jardim,com uma mandala formada por plantas medicinais, na sua parte da frente, por alunos de um curso de jardinagem, promovido pelo Senar, com o apoio do Consórcio Caparaó. Ou seja, antes mesmo de sua inauguração, o Pólo já cumpria com um de seus objetivos, que é o de capacitação e formação de mão de obra, além de trazer desenvolvimento sustentável para o distrito. Um dos objetivos do curso de jardinagem é que os moradores enfeitem as frentes de suas casas, para serem apreciadas pelos turistas que visitam o lugar.

Profissionalização

Um total de 18 pessoas, entre homens e mulheres, aprendeu as técnicas para a montagem e manutenção de jardins,

O Pólo de Educação Ambiental da Região do Caparaó Capixaba será inaugurado neste sábado. num total de 40 horas de aula. O objetivo foi profissionalizar mão de obra, desenvolvendo habilidades para a montagem e manutenção de jardins em espaços abertos e recipientes. Os alunos receberam, ainda, informações para montar um orçamento de prestação de serviço e receberam informações sobre preservação ambiental, conduta profissional adequada e segurança no trabalho.

Doma racional de cavalos é tema de treinamento em Divino São Lourenço Para buscar um melhor desempenho das atividades pecuárias no município de Divino São Lourenço, o Incaper está promovendo, desde terça-feira (26) e vai até sábado (30), o Curso de Doma Racional de Equinos. O curso é resultado de uma parceria entre o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), a Secretaria Municipal de Agricultura (Sema) e o Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável. O treinamento tem duração de 32 horas, distribuídas em aulas das 8 às 17 horas, na propriedade da agricultora Emilia Gomes Miranda, na comunidade Córrego Serra Azul. Os 15 produtores rurais do município que estão participando do curso terão experiência não só com o conhecimento teórico, mas também serão capacitados para a prática da doma. De acordo com o extensionista e chefe do Escritório

do Incaper, em Divino São Lourenço, Ricardo Eugênio Pinheiro, o objetivo do curso é treinar os pecuaristas para qualquer modalidade de trabalho, esporte ou lazer que conte com o uso de cavalos, a partir da técnica de doma racional. “É uma oportunidade de aprenderem uma nova visão sobre o manejo de equinos no dia a dia, como fonte de força de trabalho e transporte e, em alguns casos, até mesmo de competições”, diz. Ele explica que, além da doma racional, há a tradicional, em que se estabelece o uso da força física. O extensionista destaca que o animal adestrado a partir da técnica racional se torna mais fácil de ser conduzido e mais confiável. Devido à grande procura pelo curso, com as vagas sendo esgotadas, o Incaper irá promover uma nova edição do treinamento no final deste ano no município.


SEXTA-FEIRA, 29/07/2011

www.AQUIES.com.br

REGIÃO DO CAPARAÓ

GERAL

13

JERÔNIMO MONTEIRO

Consultório Portátil vai atender usuários com dificuldades de locomoção

»» O consultório odontológico foi adquirido pela Prefeitura, com recursos próprios, e vai começar a funcionar na segunda metade de agosto Divulgação

O consultório portátil vai começar a funcionar a partir da segunda quinzena de agosto Uma novidade, em Jerônimo Monteiro, busca viabilizar a assistência odontológica à toda população. A Secretaria de Saúde adquiriu um consultório odontológico portátil que realiza os mesmos procedimentos de um consultório convencional, mas tem a vantagem de poder ser transportado a qualquer lugar, até mesmo nos porta-malas dos carros da Secretaria Municipal de Saúde. Segundo o secretário municipal de Saúde, José

Maria Justo, o consultório custou R$ 7.980,00 e foi comprado com recursos próprios do município, com a finalidade de atender as pessoas com dificuldade de locomoção e que, por isso, não podem ir até as unidades de Saúde da Família. Com o consultório portátil, o dentista poderá se deslocar das Unidades de Saúde para as áreas de difícil acesso, levando o atendimento aos acamados, idosos, escolares, portadores de necessidades

especiais e pacientes hospitalizados, além de realizar atendimento em igrejas, escolas e comunidades da zona rural. O consultório começa a funcionar a partir da segunda quinzena de agosto e vai atender a todos os usuários cadastrados nas unidades de saúde com dificuldade de locomoção. Os pacientes serão identificados pelos agentes comunitários de saúde nas visitas mensais. “Não é preciso marcar consulta, porque são os

agentes que vão informar quais as casas necessitam do atendimento domiciliar. Somente nos casos de emergência, a pessoa deve ligar para unidade em que está cadastrada. A população que se locomove normalmente deve continuar recebendo atendimento nas unidades”, explicou o secretário. A secretaria Municipal de Saúde de Jerônimo Monteiro desenvolve o Programa de Saúde da Família com cobertura de 100% da população. Cada cidadão é cadastrado em uma das quatro unidades de Estratégia da Saúde da Família, localizadas nos bairros San-

to Antônio, Parada Cristal, Paraná e Centro, e recebe atendimento médico e odontológico gratuito.

Crianças

O consultório portátil também vai auxiliar no trabalho de prevenção nas escolas. As crianças receberão atendimento de profilaxia (limpeza) e aplicação de flúor, além de avaliação do risco de cáries. Já nas escolas das regiões rurais de Jerônimo Monteiro, o consultório vai realizar todos os procedimentos necessários nas crianças das turmas até a 4ª série que residem nessas localidades. Por conta

da distância, muitas delas têm dificuldade de acesso às unidades localizadas no perímetro urbano e, por isso, também serão assistidas pela unidade móvel. Com essa iniciativa, a secretaria pretende democratizar a qualidade da saúde bucal em todo o município. É o que explica a coordenadora de Saúde Bucal, Cíntia P. Siqueira Lannes. “O município é responsável pela atenção básica ou atenção primária à saúde e, por isto, tem o papel de realizar ações de promoção de saúde bucal, prevenção de cáries e de doença periodontal, e reabilitação oral nos usuários”, explicou.


14

POLÍTICA

SEXTA-FEIRA, 29/07/2011

www.AQUIES.com.br

REGIÃO DO CAPARAÓ

GUAÇUÍ

Vereadores querem Câmara mais próxima das comunidades

»» Os vereadores têm realizado reuniões nos distritos do município, mas querem que isso se torne rotina, com a realização de reuniões periódicas Depois das experiências nos distritos de São Pedro de Rates e São Tiago, os vereadores de Guaçuí querem intensificar a realização das reuniões itinerantes. Antes do recesso de meio do ano, o vereador Francisco Carlos Rangel Pereira comentou

sobre a reunião realizada em São Tiago, na qual contou com a presença da vereador Vera Lúcia Costa, onde puderam ouvir as reivindicações dos moradores do distrito e do seu entorno. O vereador destacou que a comunidade também destacou

o que já foi realizado pela atual administração, mas também contou que muito precisa ser feito. Francisco Carlos Rangel disse que preparou um relatório, que pretende encaminhar para o prefeito, secretários e também para os vereadores. “Com o re-

latório, todos vão poder participar e fazer seus comentários e sugestões”, disse o vereador. Ele sugeriu que a próxima reunião aconteça em São Miguel do Caparaó, na volta do recesso. Para o verador Rubens Marcelino de Souza é importante que os vereadores participem de conversas com a população e que todos possam participar. Para ele, também é importante

Marcos Freire

Os vereadores querem que as sessões saiam do plenário e vão para as comunidades que as pessoas saibam que nem tudo depende só do prefeito, porque muita coisa precisa passar pela Câmara. “Precisamos mostrar nosso trabalho à comunidade”, disse. Já a vereadora Vera Lúcia Costa destacou que a Câmara pre-

cisa realizar sessões itinerantes, porque aproximam o Legislativo da população. E o mesmo pensa o vereador José Augusto de Paula. Ele afirma que muita gente não conhece o trabalho dos vereadores, que é especificamente de fiscalizar e legislar.

IÚNA

Câmara aprova projetos que acrescenta cargos e cria estágio Visita dos Maçons Em reunião da Câmara Municipal de Iúna, na semana passada, os vereadores aprovaram dois projetos que mexem com os quadros de servidores da Prefeitura. Um deles acrescenta cinco vagas no Plano de Carreira e Vencimentos dos Servidores Públicos e outro instituiu o Programa Municipal de Estágio Supervisionado sem Remuneração, que sofreu uma emenda e provocou uma maior discussão.

O primeiro criou cinco vagas para o cargo de Agente Comunitário de Saúde, que teve parecer favorável de todas as comissões e da Procuradoria do Legislativo, e foi aprovado por unanimidade. Já o projeto que institui o Programa Municipal de Estágio Supervisionado sem Remuneração também recebeu parecer favorável da Procuradoria e das Comissões, mas depois de receber uma emenda de autoria

do vereador Waldren Marcelo (PSC). A emenda apresentada e aprovada retirou a gratificação do supervisor do programa. Desta forma, os estagiários serão supervisionados por um servidor do quadro efetivo do Executivo Municipal. A emenda recebeu o voto contrário da vereadora Maria da Penha Barros Pereira (PDT), mas o projeto foi aprovado por unanimidade.

Outro projeto que teve votos contrários foi o de autoria da Mesa Diretora da Câmara Municipal, que autoriza a suplementação da verba orçamentária do Poder Legislativo do município. O projeto foi aprovado por cinco votos a favor, dois votos contrários – da vereadora Maria da Penha Barros Pereira e do vereador Joaquim Hubner Vieira (PTdoB) e uma abstenção do vereador Adriano Salviete da Silva (PMDB).

Na mesma sessão, a Câmara Municipal recebeu a visita dos membros da Loja Maçônica Fênix nº 52, de Iúna, que acompanharam a sessão. E o presidente da Casa, vereador Volmir Hote da Silva (DEM), propôs a realização de uma Sessão Solene, em uma data oportuna, para homenagear o “Dia do Maçom”, que acontece no dia 20 de agosto. Esse requerimento será apreciado em

sessões futuras pelos vereadores de Iúna. O Procurador da Câmara Municipal, Marco Antonio Sonsim de Oliveira, membro da Loja Maçônica Fênix nº 52, falou em nome dos demais membros, agradeceu os elogios recebidos e colocou à Maçonaria de Iúna à disposição para colaborar com o município e participar das reuniões de interesse da população.


SEXTA-FEIRA, 29/07/2011

www.AQUIES.com.br Espaço Aberto

Atenção igrejas evangélicas do sul do estado! Este espaço está aberto gratuitamente para mandarem a agenda de suas festas e, após realizá-las, mandarem fotos com o histórico do evento para matéria. Obs: mínimo de 15 dias de antecedência.

Participe josemontoni@yahoo.com.br (28) 9986 8414

REFLITA COMIGO »» JOSÉ MONTONI

PRIMEIRO A ALMA É incrível como o ser humano se materializou de tal forma que preocupa-se primeiro com seu corpo, seu “eu” e depois, talvez, com a alma. As inversões de valores são notórias a cada dia em toda camada social. Infelizmente, até mesmo em algumas igrejas as mensagens já não são mais centradas na volta de Cristo e na preparação com a alma como deveria ser. Algumas pessoas vão à Igreja, não mais para adorar a Deus e se preparar para o céu, mas vão buscar descarrego emocional e algum alivio corporal. Em conseqüência, muitas delas vêem suas finanças também sendo descarregadas em tais igrejas. O corre-corre egoísta continua, e a alma continua também em último lugar. Se for rico, precisa continuar atrás das riquezas, porque senão uma queda nas bolsas faz perder tudo. Se for classe média corre, porque pretende um dia ficar rico. Se for pobre, tenta realizar sonhos e, se possível, ser rico. O fato é que a cada dia há um ativismo e um consumismo desenfreado que leva as pessoas a esquecerem dos bons costumes, da ética, da família, de Deus e até esquecem que existe uma alma que um dia vai para o céu ou para o inferno, depende do cuidado de agora. Realizam coisas, ajuntam valores, talvez até de fonte duvidosas ou sujas mesmo, mas estão achando que estão preparando seus futuros. “Mas Deus lhe disse: Insensato, esta noite te pedirão a tua alma; e o que tens preparados, para quem será?” (Lucas 12:20) Ainda é tempo. Tempo de ajudar, tempo de amar, tempo de sonhar, tempo de investir, tempo de fazer a obra de Deus, tempo de voltar atrás, tempo de estar com os filhos, tempo de proteger a natureza e, principalmente, tempo de buscar a Deus e cuidar de sua alma. Tenha cautela, mas não tenha medo de balas perdidas, do escuro, não temas o homem que maquina o mal na calada da noite. Destes tais, Deus trata com eles. Cuide de sua alma, enquanto há tempo! “E não temais os que matam o corpo, e não podem matar a alma; temei antes aquele que pode fazer perecer no inferno tanto a alma como o corpo” (Mateus 10 28).

REGIÃO DO CAPARAÓ

FOLHA GOSPEL

CENTENÁRIO DA ASSEMBLÉIA DE DEUS EM IBATIBA Este é o ano de comemoração do centenário da Igreja Assembléia de Deus em todo o Brasil. Em muitos estados e municípios, já foi realizada a comemoração e em outros segue a todo vapor. No mês de junho, foi realizado um grande culto nesta comemoração, em Ibatiba, na Igreja que tem como presidente o pastor Mário (o terceiro da direita para esquerda que está na foto junto seus obreiros). Foi um grande culto de louvor a Deus com vários cantores, dentre eles Elias Silva. Esta amada Igreja fica próxima a rodoviária na rua paralela a BR 262. Ela é famosa por possuir um grande reló-

gio em sua torre. Os cultos acontecem aos domingos, às 8 e 19 horas, e também nas quintas-feiras, às 19 horas. Além da sede, o pastor Mário lidera várias congregações

na cidade e zona rural, com o grande apoio de seus obreiros que são fiéis companheiros e também estiveram juntos nas comemorações do centenário.

JOVENS DA MITAB COMEMORAM 27 ANOS

Abraços, em Cristo.

MINISTRANDO VIDA

dica que edifica Nesta semana, temos a satisfação de sugerir mais alimento para seu coração e sua alma. Folha Gospel indica para você o CD de Rose Nascimento. Fácil de encontra aí perto de você. Vale a pena.

aconteceu DORES RIO PRETO A Igreja Batista realizou, no último domingo, mais um grande culto de louvor a Deus. Muita gente estava presente e puderam sentir o poder de Deus. ALEGRE A Igreja Assembléia de Deus realizou um grande culto de cura e libertação, na última quinta-feira. Quem foi recebeu a sua vitória. IÚNA No último sábado, a Igreja Assembléia de Deus Força e Poder realizou uma concentração ao ar livre na quadra da Escola Deolinda Amorim de Oliveira. Muito louvor e pregação da palavra de Deus marcaram o trabalho.

AGENDA DA FOLHA

»» Líria Maria Brites*

IÚNA De 17 a 22 de agosto, a 1ª Igreja Assembléia de Deus realizará o 30º aniversário da Umadeci. Um dos pregadores, será o pastor Nilson Gomes, de São Paulo.

É PRECISO MANSIDÃO “Com toda a humildade e mansidão, com longanimidade, suportando-vos uns aos outros em amor” (Efésios, 4:2). Convido-vos a olhar para o Homem do Calvário. Olhai para Aquele cuja cabeça foi coroada com a coroa de espinhos, que suportou a cruz da ignomínia, que desceu passo a passo o caminho da humilhação. Olhai para Aquele que foi um homem de dores e que sabia o que é padecer, que foi desprezado e rejeitado pelos homens. “Certamente, Ele tomou sobre Si as nossas enfermidades e as nossas dores levou sobre Si” (Is: 53:4). “Ele foi traspassado pelas nossas transgressões e moído pelas nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre Ele, e pelas Suas pisaduras fomos sarados” (Isa. 53:5). Olhai para o Calvário até que o vosso coração se enterneça diante do maravilhoso amor do Filho de Deus. Ele não deixou nada por fazer, para que o homem caído pudesse ser elevado e purificado. E não O havemos de confessar? Degradará a religião de Cristo àquele que a recebe? Não; não será degradação seguir os passos do Homem do Calvário. “Sentemo-nos dia a dia aos pés de Jesus Cristo, e aprendamos dEle, para que em nossa conversação, em nossa conduta, no vestuário, e em todos os nossos negócios, revelemos o fato de que Jesus governa e reina sobre nós.” Deus nos convida a andar no caminho traçado para os remidos do Senhor; não devemos andar na forma do mundo. Cumpre-nos entregar nossa vida a Deus, e confessar Cristo diante dos homens. Precisamos viver uma vida de transparência e realidade. Não podemos ter duas caras. Para ter mansidão, precisamos viver como Jesus mandou. Não podemos ser cristão sepulcro caiado igual os que Jesus condenou. “Aquele que Me negar diante dos homens, também Eu o negarei diante de Meu Pai, que está nos Céus” (Mateus 10:33). Querido(a) amigo(a) leitor(a), creio que esta palavra foi ao encontro de seu coração e se você ainda não tem olhado para o calvário, ainda há tempo. Olhe para o Calvário e convide Jesus para fazer morada em seu coração. Que Deus os abençoe! *Missionária da 1ª Igreja Assembléia de Deus – Iúna-ES

15

A Grande festa foi na Igreja Ministério Tabernáculo, nos dias 16 e 17 de julho, às 19 horas. A igreja esteve sempre cheia (foto) e o povo louvou a Deus com diversos cantores da região e convidados de outras cidades. No sábado, aconteceu a participação do Ministério de Louvor da Mitab de Iúna.

Os cultos foram no sábado e domingo e a preletora oficial dos dois dias foi a missionária Rosemeyre ou Meyre, como é conhecida. Ela é da Igreja Assembléia de Deus, de Cachoeiro de Itapemirim, e foi usada tremendamente por Deus. Os jovens comemoraram 27 anos de organização da mocidade.

Estiveram presentes, dentre outros obreiros, o pastor Hilmar Satlher, que é o atual presidente regional da Mitab, o evangelista Edmilson, da Assembléia de Deus, e este seu humilde colunista, dentre outros. No domingo, a Igreja ofereceu um almoço para todos os presentes. Os cultos acontecem aos domingos, às 8 e 19 horas.

CACHOEIRO Na próxima terça-feira, a Igreja Metodista realizará mais um grande culto de Campanha de oração, às 19 horas. Traga toda a sua família para ser abençoada! TINGUACIABA (IÚNA) A Igreja Ministério Tabernáculo realizará uma grande festa, no dia 6 de agosto, às 19 horas. A Igreja fica a 4 quilômetros da BR262, no sentido Laranja da Terra. Participem!

CONHECIMENTO Não é de hoje que alguém tenta amaldiçoar o povo, mas também é de eternidade que o Senhor nosso Deus livra seus escolhidos. Quem foi o rei que ficou com medo dos israelitas e quem ele contratou para amaldiçoar o povo (mas não consegui)? Resposta: leia Números, capítulo 22.


16

SEXTA-FEIRA, 29/07/2011 REGIÃO DO CAPARAÓ

www.AQUIES.com.br

Edição 815  

Edição 815 Jornal Folha do Caparao

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you