Issuu on Google+

FENOC encerra com chave de ouro A mais nova revelação da nova geração da música sertaneja é LÉO GUILHERME O jovem de apenas 14 anos de idade encantou multidão no último dia da Feira de Negócios e Oportunidades

do Cabo (FENOC). “Desde muito cedo sou fã de Zezé di Camargo e Luciano e carrego o trabalho deles como um espe-

lho para meus projetos. Acredito que nosso estilo irá contagiar o Brasil”, Léo.

página 10

SANTA CLARA SAÚDE com unidade hospitalar no Cabo página 7

“A recompensa é o sorriso do povo”, Aziel. Festa começou por volta do meio dia e terminou só ao anoitecer

11ª Festa Criança Feliz uniu milhares de pessoas O evento tem a iniciativa e a realização do vereador Aziel e uniu crianças e população dos bairros da Cohab, A cidade do Cabo ganha o mais completo espaço de beleza da região. O Espaço São Francisco, Charnequinha, Mauriti, Ego, Estética e Beleza, tem os mais sofisticados equipamentos para limpeza Bela Vista e centro página 6

de pele e estética em geral

página 12


Jornal Gazeta Popular - Edição 05 de 20 a 05 de Dezembro de 2010

O BURACAO DE LULA TÁ CRESCENDO! Foi mostrado na edição 4 deste jornal, um buraco na rua presidente Tancredo Neves - antiga rua 95 -, na Cohab, que danifica parachoque de carros e limita a entrada na rua, por ser na esquina, às margens do canal e da linha férrea (trem).

Moradores estão revoltados com o buraco que está aumentando a cada caída de carro e caminhões.. Moradores da rua rotularam o buraco de O BURACO DE LULA CABRAL! Apesar do apelido ser muito engraçado a situação não tem um pingo de riso e indigna motoristas de carros pequenos e de grande porte. ACORDA SECRETÁRIO DE SERVIÇOS URBANOS. ACORDA, ZÉ!

LEITOR: O Mete a Boca no Trombone não está, excepcionalmente, nesta edição, por considerarmos a matéria abaixo de maior importância

EDUCAÇÃO FINANCEIRA no Colégio e Curso CORAÇÃO DE MARIA

Batista Neto redacao.gp@hotmail.com

U

m dia de compras foi colocado em prática pelos alunos do Colégio e Curso Coração de Maria, no Cabo. Com apenas dois reais no bolso, cerca de 500 alunos do jardim 3 ao 5º ano, tiveram que administrar bem o valor realizando compras no Arco-Vita, localizado no Sho-

pping Costa Dourada. Muitos sentiram na pele o valor do dinheiro, mas entenderam a importância de saber usar e administrar bem as finanças e os recursos próprios. Segundo a coordenadora do colégio, Cleide Santos, “tudo começou com uma produção textual, onde os alunos faziam sua própria lista de compras e de repente surgiu a ideia de por em prática. Com isso, nós os motivamos a saber lidar com o

valor e a importância do produto que eles desejam comprar e consumir, evitando o gasto e o consumo desnecessário”, relatou, Cleide Santos. Essa foi a 2ª edição do projeto Educação Financeira, que investe no social dos alunos e os insere na sociedade como um sábio consumidor final dos produtos. Segundo Cleide, a próxima etapa foi discutir o cumpom fiscal de cada aluno.

Fotos: Senivaldo

PESQUISA E COMPRA Alunos vivem um dia de independência


Jornal Gazeta Popular - Edição 05 de 20 a 05 de Dezembro de 2010

SIM À BOLA E NÃO À BALA!!!

DE OLHO no campeonato Pernambucano

Batista Neto redacao@hotmail.com

D

e olho no Campeonato Pernambucano, a 2ª CIA de Polícia de Ponte dos Carvalhos, na cidade do Cabo, está pronta para a Operação Jogo Limpo, que tem o objetivo de evitar vandalismo nos coletivos que transportam torcidas organizadas aos estádios de futebol. Segundo o sub-comandante da 2ª CIA, sargento Alcântara, “os cem policiais que cobrem Ponte dos Carvalhos e Pontezinha, inicia-

rão o Carrocel de Fogo, que tem a finalidade de realizar bloqueios de ônibus, revistando todos os passageiros e inibindo a ação de vândalos e ladrões em coletivos”, disse, sargento Alcântara. Um outro programa de combate a essas ações criminosas é o PJEX (Programa de Jornada Extra), que destina policiais militares exclusivamente para impedir que torcidas organizadas se enfrentem em praça pública e depedrem coletivos das linhas Cabo/Recife, Cohab/ Recife e Ponte dos Carvalhos/Recife, sem contar com os alternativos.

JABOATÃO

Foto: Senivaldo

TARADO DE ENTEADO - José Alberto dos Santos de 23 anos, foi parar na delegacia de Jaboatão por suspeita de ter abusado sexualmente do enteado de apenas cinco anos de idade. Segundo a polícia civil, ele também agredia e ameaçava de morte sua companheira, a mãe do menino, a qual já estavam juntos há dois anos. O laudo do IML comprovou os abusos. O delinquente foi autuado em flagrante por estupro de vulnerável e violência doméstica. SE LASCOU, MANÉ!

CABO O NOIADO - No último dia 18, a polícia civil do Cabo prendeu um adolescente com quase 300 pedras de crack, a famosa perronha. O ex-dono das pedras tem apenas 17 anos de idade e foi pego no início da madrugada da quinta-feira (18). JÁ ERA. DAQUI A POUCO ELE TÁ DE VOLTA!

CABO CIA evitará torcidas organizadas

FEIO NA FOTO DO VELÓRIO - Homem foi assassinado com um tiro no rosto, na noite do dia 15, na cidade do Cabo de Santo Agostinho. Por volta das 19h, Jedson Diego dos Santos, de 22 anos, estava na casa de um amigo, onde consumia drogas, segundo informações da polícia. Um traficante da região, conhecido por Binho, também estava na residência. O amigo da vítima teria saído para comprar cigarro e, na volta, encontrou Jedson Diego baleado e morto. Binho já não estava mais no local. Ele é suspeito de cometer o homicídio. SUJOU!!!

CABO NA HORIZONTAL - Um homem foi encontrado morto em Ponte dos Carvalhos. Para a polícia, Gilberto Hercolano dos Santos, de 54 anos, voltava do trabalho, quando foi atingido por quatro tiros. A polícia vai investigar a motivação e autoria do assassinato. O corpo foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML), em Santo Amaro. A vizinhança não quias comentar o ocorrido. SEM X9 É PAU!!


Jornal Gazeta Popular - Edição 05 de 20 a 05 de Dezembro de 2010

2012 É HOJE. PREPARA-TE!!!

VEREADOR GESSÉ VALÉRIO cobra manutenção de retorno ao DER Foto: GP IMAGENS

LADEIRA É tão fundo que os carros reduzem para descer na buraqueira Batista Neto redacao.gp@hotmail.com

U

m enorme buraco ofusca o cartão de visita (entrada) da cidade do Cabo de Santo Agostinho. Uma verdadeira cratera se formou em frente a antiga PETROFLEX, no retorno sentido centro do Cabo. O vereador e presidente da câmara municipal do Cabo, Gessé Valério (PTB), se pronunciou, através de um ofício encaminhado ao DER/PE (Departamento de Estradas e Rodagens de Pernambuco), para solicitar a manutenção do trecho.

“Já encaminhamos um ofício ao DER para o senhor presidente, Eugênio Manoel do Nascimento Morais, solicitando o conserto do local. Estive acompanhado, no local, do engenheiro Fernando Malta, que nos auxiliou, tecnicamente, para nos dá base sobre o serviço a ser feito. Estamos nos aproximando das principais festas do ano (natal e ano novo) e nossa cidade tem que está em perfeitas condições nas suas vias para receber turistas e fazer fluir, melhor, o tráfego dentro da cidade”, declarou, o vereador Gessé Valério, pré-candidato a prefeito nas eleições em 2012.

ENQUETE AQUECE ANSIEDADE POLÍTICA NO CABO E EM IPOJUCA CABO - Dita como uma cidade já politizada, o Cabo de Santo Agostinho vive um xadrez de piões, bispos, rainha e rei, que articulam-se, politicamente, para emergir em políticas futuras. Com a crescente popularidade, o vereador Gessé Valério afirmou que está tranquilo e que acredita no apoio do grupo progressista para lançar seu nome em 2012 para prefeito da cidade. IPOJUCA - A bola da vez na enquete do blog e nas ruas da cidade é o vereador Romero Sales. Romero vem trabalhando e exigindo dos seus próprios companheiros da câmara, providências sobre assuntos de caráter público e social da cidade. Sua popularidade está sendo mostrada com quase 100% de aceitação na internet.

Ricardinho também quer!

Gessé cada vez mais popular

Com um mandato de vereador focado em acusações e extrema oposição a Lula Cabral, o vereador Ricardo Carneiro (PPS), se coloca à disposição do partido/coligação para ser o vice do possível candidato a prefeito Betinho Gomes (PSDB), eleito deputado estadual. “Eu estou à disposição para ser um vice atuante e não aquele que briga com o prefeito”, declarou, Ricardinho.

O presidente da Câmara Municipal do Cabo de Santo Agostinho, vereador Gessé Valério, está cada vez mais sólido na candidatura para 2012. “Sou candidato a prefeito nas próximas eleições e terei o apoio do grupo progressista”, declara, sempre que entrevistado, o vereador que vem aumentando sua popularidade nas matérias de blogueiros e imprensa em jornais e sites de notícias.

Enquete movimentada em IPOJUCA...

... E no Cabo também

Até o fechamento desta edição registramos quase trezentos votos nos nomes relacionados por critério de popularidade e ascenção de cargos. Entre esses, estão Romero Sales (cerca de 90% de aceitação), Carlos Santana, o atual viceprefeito Dudu, Fernando Bezerra Coelho, Júnior Alves, Erivelto Lacerda e Maurisson Gomes (o tranca rua). A primeira enquete encerra dia 5. Vote e se aproxime do possível sucessor.

Até o momento quem lidera a enquete é o deputado federal Fernando Ferro (PT), em seguida vem o vereador e presidente da câmara do Cabo Gessé Valério (PTB), Betinho Gomes (PSDB), Edna Gomes (PTB), o atual vice-prefeito Vado, Amaro do Sindicato e Josadac Miguel. A enquete terá três etapas e com os resultado, poderemos começar a traçar algumas coordenadas sobre a popularidade dos possíveis sucessores de Lula Cabral.


Jornal Gazeta Popular - Edição 05 de 20 a 05 de Dezembro de 2010


Jornal Gazeta Popular - Edição 05 de 20 a 05 de Dezembro de 2010

O REI DOS BAIXINHOS!!!

Vereador AZIEL le o São FFrancisco,no rancisco,no Cabo levva alegria ao Bairr Bairro Vinte bicicletas, oito mil picolés e cinco mil saquinhos de bombons incremetaram a festa das milhares de crianças e jovens Batista Neto redacao.gp@hotmail.com

A

décima primeira Festa Criança Feliz, idealizada e realizada pelo vereador Aziel Almeida (PTB), ganhou mais público e brindes para toda a garotada e familiares. Aproximadamente cinco mil pessoas lotaram uma das principais ruas do Bairro São Francisco no último dia 7 deste mês. O motivo foi mais uma edição da festa do dia das crianças, que teve sua data alterada, excepcionalmente este ano, por causa das eleições. “Mesmo antes de ser político eu fazia essa festa. Pois, o que importa é ver o sorriso da população adulta e infantil, no rosto. Acredito que essas pessoas tem muitos problemas em suas

“Tenho as comunidades do Cabo como minha família. Faço isso porque gosto de ver o sorriso do povo e das crianças”, vereador Aziel

vidas e proporcionar um momento como esse é dizer sim à vontade de viver e inseri-las na sociedade como um todo”, disse o vereador. Aziel falou da satisfação de ver um mar pessoas curtindo um domingo diferente. “Apesar de ter sido uma festa com quase cinco mil pessoas, não houve, sequer, uma confusão. Quero agradecer a toda a guarda municipal e a polícia militar que garantiram o brilho do nos-

so evento. Tenho as comunidades do Cabo como minha família, em especial a do Bairro São Francisco. Agradeço aos patrocinadores da festa e a todos que contribuiram com esse evento. Infelizmente muitos políticos não fazem isso, mas, nós, não deixamos passar em branco esse momento mágico da vida deles”, lembrou, o vereador da população carente, do Cabo, Aziel Almeida.


Jornal Gazeta Popular - Edição 05 de 20 a 05 de Dezembro de 2010

SAÚDE É BÓIA!!!

SANTA CLARA amplia sua rede de hospitais Foto: Divulgação

O Sistema Hapvida atua em 11 Estados do Norte/ Nordeste, com 23 hospitais – sendo o segundo maior em rede preferencial do País

Batista Neto redacao.gp@hotmail.com

A

Santa Clara Planos de Saúde – uma empresa do Sistema Hapvida – amplia sua rede preferencial de hospitais e clínicas, passando a oferecer, consequentemente, um maior número de serviços para seus mais de 170 mil usuários em todo o Estado. A nova unidade em destaque é na Região Metropolitana do Recife, o Hospital Cabo. Instalado no centro da cidade do Cabo de Santo Agostinho. O Hospital oferece ambulatório, urgência, emergência, centro cirurgico, 60 leitos de internação e consultas marcadas nas especialidades de clínica médica, cardiologia, pediatria, urologia e ortopedia. Vale destacar que a Santa Clara Planos de Saúde é a única operadora do Estado a manter um hospital preferencial no

Cabo – corredor sul do desenvolvimento de Pernambuco. Para Ana Carla Paz, gerente comercial de Projetos Especiais da Santa Clara e responsável pela Unidade Cabo, o investimento no Hospital facilitou o atendimento não só para a população do município, como também para os colaboradores que atuam nas empresas instaladas no Porto Suape, entre elas a Refinaria, o Estaleiro e o pólo Petroquímico. É importante destacar que a rede própria Santa Clara contempla mais cinco hospitais, dezesseis clí-

nicas, três Pronto Atendimentos, além de três laboratórios e dez unidades com postos de coleta. Sobre o Hapvida O Sistema Hapvida atua em 11 Estados do Norte/Nordeste, com 23 hospitais – sendo o segundo maior em rede preferencial do País –, além de uma ampla rede credenciada de clínicas, pronto-atendimento e laboratórios, com serviços e tecnologia de ponta. Tudo para atender, da melhor forma possível, aos mais de 900 mil usuários em todo o Norte/Nordeste.

O MAIOR CONSÓRCIO

C

oordenando os trabalhos da Santa Clara, na cidade do Cabo, Ana Carla Paz - gerente comercial de projetos especiais - é responsável pelos contratos com a rede Petro (Petrobrás) e SUAPE. Sobre os números crescentes da Hapvida, Ana Carla foi bem clara afirmando que “a Santa Clara possui o maior consórcio em todo o Norte/Nordeste com empresas e planos individuais. Nós temos um público

alvo que atinge as classes C e D, dando oportunidades de ter um plano de saúde que lhes garatem a cobertura médica em todas as especialidades. A unidade hospitalar da cidade do Cabo tem a finalidade de atender todas as vidas que residem no entorno da região, evitando o translado, em caso de emergência, ao Recife”, disse, Ana Carla, satisfeita com o trabalho que vem desenvolvendo o grupo Hapvida Saúde - Santa Clara -, no Cabo.

Foto: Divulgação

Ouviu falar de 2012 como um ano em que algo ocorrerá?

E

xistem várias profecias que indicam dezembro de 2012 como um momento importante da história da humanidade, mas a mais significativa é o término do calendário Maya, cuja profecia foi interpretada de várias formas. Há quem diga que aí o mundo termina, mas sabese que neste ano começa a Era de Aquário. A Terra está sempre mudando a sua vibração, e estas mudanças intensificaram-se desde 1898, levando a um período de 20 anos de alterações dos pólos magnéticos que não ocorriam há milhares de anos. Quando ocorre uma mudança do magnetismo da terra, surge também uma mudança consciencial, assim como uma adaptação física à nova vibração. Estas alterações não acontecem apenas no nosso planeta, mas em todo o universo, como a ciência atual tem comprovado. Um exemplo disso são as mudanças das tempestades solares (que são tempestades magnéticas), que tem levado os aeroportos a modificarem os seus instrumentos nos últimos anos. Esta alteração magnética se manifesta como um aumento da luz, um aumento da vibração planetária. Muitos estudiosos já entendem que a vibração planetária é afetada e intensificada pela consciência de todos os seres humanos. Cada pensamento, cada emoção, cada ser que desperta para a consciência de Deus, eleva a vibração do planeta. Agenda Religar-se Um Curso em Milagres É o curso que será ministrado pela psicóloga Rute Silva no próximo dia 22 de novembro, na sede da Unipaz Recife, no Rosarinho. O curso orienta os aprendizes para um novo modo de vida psicoespiritual ao lhe restaurar o contato com seu mestre interior. Entrada franca. Informações pelo telefone 3244-2742. Dia Nacional de Combate ao Câncer Infato-Juvenil O Grupo de Ajuda à Criança Carente com Câncer (GACPE) marca o Dia Nacional de Combate ao Câncer InfantoJuvenil, 23 de novembro, com uma caminhada no sábado, 20. A saída será da Pracinha de Boa Viagem às 8h30. O passeio será animado pela frevioca, pelos Doutores da Alegria e pelo cantor Almir Rouche, que participa sem cobrar cachê. Estarão presentes parceiros, voluntários, médicos, além de pacientes e familiares.

Ana Carla, na Feira de Negócios e Oportunidades do Cabo (FENOC)

Tereza Soares Sugestão de notas: tecasoares@gmail.com


Batista Neto redacao.gp@hotmail.com

Jornal Gazeta Popular - Edição 02 de 01 a 15 de Outubro de 2010


Jornal Gazeta Popular - Edição 01 de 15 a 30 de Setembro de 2010


Jornal Gazeta Popular - Edição 04 de 01 a 20 de Novembro de 2010

www.leoguilherme.com.br

C

om um público estimado em dez mil pessoas, Léo Guilherme estreou encantando a multidão que parou para assistir e ouvir o seu repertório com músicas inéditas e de sucesso. “Para mim é uma emoção muito forte poder está cantando o que gosto e encantando todos que escutam nossas músicas”, disse, feliz com o trabalho que vem desenvolvendo no mundo artístico, Léo Guilherme. Empresariado pelo pai – José Guilherme -, que é presidente da ACEC (Associação Comercial e Empresarial do Cabo) e um dos diretores da rede de supermercados Arco-Iris, Léo conta com músicos de ponta e com seu primeiro CD que será lançado ainda este mês. “Eu sou suspeito em falar, pois sou o pai dele. Mas, acredito no meu filho e no potencial dele e tenho certeza que tudo irá dá certo, além do que, desde novo, apesar de ter apenas 14 anos, ele se dedicou à música e sempre quis cantar. Eu apenas mostrei os caminhos e Léo está seguindo”, declarou emocionado e orgulhoso com o desempenho do filho, José Guilherme, empresário e pai do cantor sertanejo. “Desde muito cedo sou fã de Zezé di Camargo e Luciano e carrego o trabalho deles como um espelho para meus projetos. Estou com uma equipe empenhada para levar ao público ideias e inovações que enriquecem, cada vez mais, o nosso trabalho. Acredito que nosso estilo, sertanejo universitário pop, irá contagiar o Brasil”, declara, Léo Guilherme. Mesmo tendo pouca idade, Léo carrega um trabalho de sertanejos de décadas na música. Estudante de conservatório de música, Léo admitiu estudar muito técnicas vocais e dedica parte do seu desempenho à sua fonoaudióloga, Teonila Barbosa, que sempre o prepara antes de subir nos palcos. “Além de uma preparação na voz, também procuro manter minha alimentação bem balanceada. Evito comidas gordurosas e gosto de malhar. Estudo, tenho namorada e levo a vida normal como qualquer garoto da minha idade”, disse o cantor que agitou o último dia da FENOC (Feira Empresarial de Negócios e Oportunidades). Sua banda é composta por seis músicos (tecladista, baterista, guitarrista, violonista, percursionista e baixista) e tem, como carro chefe, três músicas: Não Tô Nem Aí, De Volta ao Cais e O bicho vai Pegar. Seu primeiro CD será lançado no final de novembro e terá reprodução nacional.

“Me orgulho muito de ser cabense, porque gosto da energia daqui. Meus pais nasceram nessa terra e é o nome dela que levarei para todo o Brasil em minhas turnês e apresentações em televisão e na mídia de uma modo geral”, Léo. Para o pai, “tudo começou numa brincadeira e de repente eu vi meu filho mostrando que realmente nasceu para a música”, comentou, José Guilherme. Já para o público presente, Léo representou mais um execelente profissional da música sertaneja que possui muito talento e potencial para seguir na carreira. “Eu achei que era Luan Santana, pois ele cantou algumas músicas dele (Luan). Mas eu gostei muito e acho que ele vai fazer muito sucesso, ainda”, disse Adalberto Marques, do Bairro São Franciso.

Foto: Senivaldo

MÚSICA Léo mostra o amor pela música, durante o show

Foto: Senivaldo

FAMÍLIA Léo Guilherme recebeu todo o apoio da família, que estava presente no dia do show


Jornal Gazeta Popular - Edição 05 de 20 a 05 de Dezembro de 2010

IVAN, O IMORTAL!!!!

UM NOVO LIVRO

Batista Neto redacao.gp@hotmail.com

E

m dois anos, alguns poemas do poeta, escritor, acadêmico da Academia Cabense de Letras, artesão e cabense - consagrado -, Ivan Marinho, foram contemplados em quatro coletâneas, duas a nível nacional e duas no Estado de Pernambuco. Primeiro foi o poema Fragmento do Acaso que, após ser selecionado entre os vinte que comporiam a coletânea Solano Trindade do SINTEPE (Sindicato do Trabalhadores em educação de Pernambuco) no ano de 2009, foi selecionado também para Antologia do I Concurso de Poesia Amigos do Livro/ Flipoços (Poços de Caldas - SP) entre 3450 inscritos, figurando entre os quarenta. Este ano o poema Professor em Pernambuco, ficou entre os selecionados para a coletânea do SINTEPE 2010 e os poemas Fragmento do Acaso, Alberto da Cunha Melo e Poesia IV, compuseram a antologia Pernambuco. Terra da Poesia da Carpe

Diem Edições e Produções, organizada por Antônio Campos e Cláudia Cordeiro, foi lançado na FLIPORTO 2010, onde se reune poemas de pernambucanos ou imigrantes fixados em Pernambuco desde o século XVI, como Bento Teixeira, de 1550. O livro tem 757 páginas e reune, entre outros, poetas como Carlos Pena Filho, Manuel Bandeira, Ascenso Ferreira, Alberto da Cunha Melo, Jaci Bezerra, Marcus Accioly, Ângelo Monteiro... e o alagoano e cidadão cabense Ivan Marinho.

DOIS ANOS refletem, para Ivan Marinho, um resultado de toda a vida

Foto: Divulgação

Erivaldo Alves (foto), Pastor da Igreja Batista da Cohab e membro da Academia Cabense de Letras, preparando material para lançar mais um livro. O seu primeiro livro, “Discutindo o Evangelho com o Rebanho” foi um sucesso, devido, principalmente, ao con- PASTOR ERIVALDOALVES teúdo formado por mensagens e reflexões edificantes. Agora, com certeza, o acadêmico repetirá ou ampliará o sucesso junto à população. SENTIMENTOS POEMADOS É o título da Exposição que Antonino Oliveira Júnior pretende realizar ainda este ano. Não será de fotos ou pinturas. Antonino estará expondo 25 poemas de sua autoria, em tamanho A-3 e o título da exposição já fala do estilo dos trabalhos a serem mostrados. A princípio Antonino pretende realizar a exposição no Shopping Costa Dourada. LUZARCUS De 26 de novembro a 13 de dezembro o artista plástico Luzarcus realiza Exposição no Shopping Costa Dourada. A vernissage acontece no dia 26 de novembro, às 20 horas. ESPERANTO A primeira sexta-feira de dezembro está reservada para a última edição do SEXTA DE LETRAS, a partir das 19 horas, na Câmara de Vereadores do Cabo, com a palestra da acadêmica Vera Rocha sobre ESPERANTO, a língua universal. O projeto é uma realização da Academia Cabense de Letras. ABIDORAL Continua o sucesso do radialista Abidoral, com o seu programa que abre as manhãs na cidade do Cabo de Santo Agostinho e região. O veio Abidoral é líder de audiência no seu horário, a partir das cinco horas da manhã.

antoninojr@hotmail.com


Jornal Gazeta Popular - Edição 05 de 20 a 05 de Dezembro de 2010

SÓ FICA FEIO QUEM QUISER!!!

ESPAÇO EGO - O mais sofisticado da cidade Com técnicas inovadoras e profissionais da beleza e estética, o Espaço Ego compõe o rol dos centros de beleza mais sofisticados de Pernambuco

Batista Neto redacao.gp@hotmail.com

A

dministrado por Galdiere Vanderley e Edjane Feitosa, ambas com vasta experiência em beleza e estética, o Espaço Ego possui um completo atendimento na área da beleza e os mais sofisticados equipamentos e cerimoniais de tratamento da pele e da face na cidade do Cabo de Santo Agostinho e região.

Há cerca de três anos as empresárias veem trabalhando juntas no setor da estética. “Hoje nós temos os serviços de eletroterapia, que trata as gorduras localizadas, estrias, celulites, drenagem pré e pós operatórios, estimulação muscular, entre outros. Também temos SPA, escova de ouro (hidrata e recupera danos) e demais serviços em beleza e estética”, disse Galdiere. Segundo a empresária, a visão empreendedora surgiu

oriunda do crescimento populacional e estrutural do Cabo. “Nós inovamos após verificar algumas deficiências de certos serviços de beleza na cidade. Com a migração de trabalhadores de outros Estados, vimos que deveríamos inovar e atender a algumas tendências do sul e do sudeste do país. Com isso, aprimoramos algumas técnicas e estamos consolidando nossa marca no mercado, sempre seguindo as tendências nacionais e internacionais”, concluiu.


Jornal Gazeta Popular - Edição 05 de 20 a 05 de Dezembro de 2010


Jornal Gazeta Popular - Edição 05 de 20 a 05 de Dezembro de 2010

O REI DOS BAIXINHOS!!!

CRIME NA “REDE” RACISMO PELA INTERNET Com a expansão da internet, talvez, em proporções nunca imaginadas, é crescente a procriação de crimes facilmente propagados online pela “grande rede”. Entre tais crimes, citemos alguns como: extorsão, estelionato, injúria, calúnia e difamação, além de racismo, assédio moral (bullying), pedofilia, etc. Recentemente, após o resultado da eleição presidencial no país, comentários preconceituosos e racistas contra os nordestinos, surgiram através das redes sociais online. In Verbis, a mensagem postada por Mayara Petruso em seu Twitter: “Nordestino não é gente, faça um favor a São Paulo, mate um nordestino afogado”! A estudante, em foco, entende que a presidente eleita Dilma Rousseff, não era a melhor opção de voto nestas eleições, e credita aos nordestinos o resultado obtido nas urnas, uma vez que nos 09 (nove) Estados da região a presidente foi vitoriosa com larga margem. Caros leitores, de fato em um Estado Democrático, como o Brasil, foi nos concedido o direito de expressar nossas opiniões, todavia, o Direito de “um” termina quando começa o Direito do “outro”! Além do mais, no Estado Democrático de Direito, crimes deverão ser punidos! A punibilidade dos crimes resguarda as relações sociais, ou mesmo, a própria Nação enquanto sociedade. Na frase “in verbis”, acima, nítido está o cometimento de dois crimes: 1º.) Nordestino não é gente – CRIME DE RACISMO. 2º.) ... mate um nordestino afogado – CRIME DE INCITAÇÃO PÚBLICA AO COMETIMENTO DE ATO DELITUOSO Por tais parâmetros, cabe representação contra a estudante em comento. Os crimes praticados pela “grande rede de computadores” é, no Brasil, competência da Justiça Federal, que possui meios técnicos bastante para localizar a “máquina” utilizada para a prática de crimes e mensagens publicadas na internet, ou mesmo, enviadas por e-mail. Portanto, veja que NÃO EXISTE ANONIMATO NA REDE, todo computador deixa rastros facilmente identificados e você será descoberta e consequentemente, suas ações, serão PUNIDAS! Em caso de dúvidas ou sugestões, envie um e-mail: adv.renatopinto@gmail.com Advogado Dr. Renato Pinto


Jornal Gazeta Popular - Edição 05 de 20 a 05 de Dezembro de 2010

Antonino Oliveira Júnior - é membro da Igreja Batista da Cohab e da Academia Cabense de Letras

QUANDO UM HOMEM TRAÇA SEU CAMINHO

Corria o ano de 1997 e numa quarta-feira à noite eu me decidia em ser evangélico, na Primeira Igreja Batista do Cabo, logo depois de ter assistido ao culto do domingo anterior. À frente da Igreja, o Pastor Ezequiel Alves, ortodoxo, sim sim, não não, quase nenhum jogo de cintura, às vezes transparecendo antipatia, mas, acima de tudo, um homem sincero, coerente com a sua visão de evangelho. Não me demorei muito na Primeira Igreja Batista do Cabo, no máximo dois anos ou um pouco mais, uma vez que sentia a necessidade de ampliar os meus horizontes sociais na prática do Evangelho, o que não era possível na Igreja onde me decidi. Um tanto por conta do Pas-

tor de estilo conservador, mas, um outro tanto pela própria Igreja (leia-se seus dirigentes) que, com o passar dos tempos me deu provas de que a falta de avanço era uma responsabilidade dividida meio a meio, ou, quem sabe, com a parte menor sendo a do Pastor Ezequiel. Muitas e diversas vezes o critiquei pela falta de abertura para os novos modelos de gestão pastoral que surgiam. Porém, não posso deixar de ressaltar dois aspectos importantes: um, de ordem pessoal, pela deferência que ele tinha para com a minha pessoa, sempre cumprimentando-me com um ar de riso e com a seriedade que o respeito exige; o outro, de ordem coletiva. A sua morte re-

velou um carinho imenso que o povo sentia por ele. A população, evangélicos ou não, externou pelo Pastor Ezequiel Alves sentimentos de admiração, de carinho e de respeito. É verdade, sim, que ele não foi um Pastor dos mais avançados no aspecto social e de abertura do Evangelho, mas é inegável que o Cabo de Santo Agostinho conviveu com um Pastor que fez da coerência seu norte de vida pessoal e base de sua vida pastoral. Do jeito dele, conseguiu tocar adiante uma Igreja que sempre relutou em se adaptar aos novos modelos do cristianismo. E o povo não se engana. E é voz geral que o Pastor Ezequiel foi um homem do bem.

Frederico Menezes - é membro da Academia Cabense de Letras

UM ARTIGO ESCRITO COM O FÍGADO OU É PRECISO SABER

Alguns dias atrás, numa das edições deste jornal, meu irmão e amigo, Antonino Júnior, escreveu um artigo intitulado: A Vitória do Povo e da Democracia. No artigo, ele exaltava a vitória de sua candidata Dilma Roussef. No afã de reverenciar a vitória do seu “mito” Lula, parece que escreveu o texto com o fígado.Nem parecia o escritor sensível que aprendemos a admirar. Parece até que sua candidata não venceu. Várias distorções foram feitas pelo articulista e podemos contestá-las aqui: 1) A baixaria que houve não veio da campanha de José Serra. Considerar baixara se contestar a posição de Dilma a favor do aborto significa defender a ideia que não se pode contestar o grupo que está no poder. Isso é um absurdo. Ora, várias vezes ela falou ser favorável a legalização do aborto, está registrado. Que assumisse. O que não dá é mudar de ideia porque estava perden-

VENCER do voto. Tem todo direito de ser favorável, agora, negar o que está registrado, aí... O aborto é pra ser discutido, sim, por quem defende a vida e em tempo de eleição. Não é uma questão só religiosa. É uma questão humana e social. Também não dá pra ser religioso no templo e nas ruas ficar defendendo candidatos que ferem frontalmente o que acreditamos; 2) A baixaria começou com o presidente Lula cometendo vários crimes eleitorais. Foi o campeão de multas por fazer campanha fora de hora e com dinheiro público; 3)O presidente espumava ódio, tratando os oposicionistas como “sujeitos” e desejando extirpar partidos, como se não fosse democrático existir quem o contestasse e a sua forma de governo; 4)Baixaria foi violentar o sigilo fiscal do presidente de um partido da oposição e do candidato José Serra, algo realizado por gente da campanha de Dilma;

5) Serra foi agredido no Rio de Janeiro (fato comprovado por imagens periciadas por especialistas). Isso é baixaria; 6) Por fim, recordo ao articulista, por quem nutro grande admiração, carinho e respeito, que o atual governo conseguiu ignorar o que já era ruim perante Instituições Internacionais.O Brasil saiu mais ainda e tornou-se um dos principais países corruptos do planeta. Isto foi divulgado semana passada. Governar bem não é implantar refinarias e doar 80 reais no bolsa família, pois pioramos nos quesitos educação, saúde e segurança, conforme pesquisas independentes e sérias. Vivemos uma tragédia ético moral. Quando se vota num candidato ou partido como quem torce por time de futebol, dá nisso. Meu grande escritor, você escreve melhor com a mente e o coração. É preciso saber vencer...

Antes que chegue o carnaval, o PMDB tenta desfilar o seu blocão Mal terminaram as eleições e os partidos que apoiaram a candidata Dilma já fazem fila de pires na mão pleiteando cargos e pastas ministeriais. Puxados pelo PMDB, principal aliado do Governo, outros quatro partidos se uniram para formar o que foi chamado de “blocão” pela imprensa. A repercussão foi rápida e mais rápida ainda foi sua dissolução, após o puxão de orelhas dado no presidente do partido e futuro vice-presidente, Michel Temer. O mal-estar foi visível, a ponto de o presidente Lula entrar na discussão e pedir a Temer que O “toma lá, dá cá” e o acalmasse seus colegas de parti“uma mão lava a oudo. O fato é tra” são expressões que essas p r e s s õ e s típicas dessa maneira por cargos não são no- de fazer política, e nem vidade na política brasileira. O sei se poderia ser de “toma lá, dá cá” e o “uma mão lava a outra forma. Num mun- outra” são expressões do perfeito, recheado típicas dessa maneira de utopias, talvez. de fazer política, e nem sei se poderia ser de outra forma. Num mundo perfeito, recheado de utopias, talvez. Mas, voltando à realidade, o problema do PMDB é que ele quer mais do que lhe oferecem, mas tem medo de largar o osso para tentar ganhar mais sozinho. Com isso, prefere aliar-se a quem está vencendo em vez de oporse e tentar vitória. Foi assim nos 8 anos do Governo FHC e nos outros 8 anos do Governo Lula. Se por um lado o PMDB é, isoladamente, o mais representativo e mais forte partido no Congresso Nacional, por outro, a chefe do Executivo será do PT, e, dado o caráter presidencialista de nosso sistema, a sociedade não aceitará que a presidenta eleita seja confrontada por imposições de partidos aliados, como também não admitirá a formação de um Ministério que desconsidere as prioridades e compromissos apresentados durante a campanha e aprovados nas urnas. Enfim, a arte de fazer política requer boas doses de diálogos, acordos e conciliações. A presidenta Dilma haverá de ter boa dose de paciência e controle para lidar com tantos “aliados” reivindicando a recompensa por seu apoio na campanha. Acompanhemos...


Jornal Gazeta popular - Edição 05 de 20 a 05 de Dezembro de 2010

FUNDAÇÃO LAR DO AMANHÃ possui quatro hectares de muito acolhimento e amor “O lar foi uma promessa de Nando Cordel, que quando ele alcançasse o sucesso, faria um trabalho social”, declarou Silvana MariaAlbuquerque, responsável pelo Lar doAmanhã Batista Neto redacao.gp@hotmail.com

S

ituado em Engenho Novo, na cidade do Cabo de Santo Agostinho, o Lar do Amanhã foi uma iniciativa do cantor e compositor Nando Cordel, que acolhe crianças de famílias humildes e dá oportunidades às mães moradoras do engenho, a terem ocupações em troca do afago e educação dos filhos. “A única coisa que as mães das crianças dão em troca é o trabalho na limpeza e outros serviços na creche”,

disse, Silvana Albuquerque. A creche acolhe 69 crianças com idades entre 1 ano e 9 meses a 6 anos e junto com a escola somam 127 crianças. A escola possui quatro séries e conta com oito docentes aptos para ensinar crianças que veem de uma família de baixa formação social e intelectual. “Desde 1994 que estamos à frente desse projeto e o próximo passo que Nando dará, será criar um centro educacional, onde as crianças poderão sair da creche e estudar mais séries do que possuímos hoje. Aqui os pais colocam os filhos e não

pagam nada. A única coisa que Nando pediu em troca foi que elas acompanhacem os filhos, e para que isso funcionasse, criamos uma escala de mães, para que elas acompanhe os trabalhos. Então, cada mãe dá um dia de serviço, na creche”, explicou sobre o funcionamento. Segundo Silvana, a seleção das crianças é feita sob o critério de maior necessidade familiar. “Nós temos uma lista de pais que querem colocar seus filhos aqui, mas nosso espaço já está no limite. Através de uma equipe de professores, nós

avaliamos caso a caso e decidimos realizar as matrículas. A carga horária é entorno nove horas diárias e todas as crianças da creche recebem todo os mantimentos necessários. Os pais não

gastam nada. Fraldas, fardamentos, alimentos, amor e carinho, entre outras necessidades, são supridas pela fundação Lar do Amanhã”, concluiu, Silvana Albuquerque, . Foto: Senivaldo

CRIANÇADA Brinquedos quebram a dura rotina social das crianças


GAZETA POPULAR