Issuu on Google+

Viva a História VIVA A HISTÓRIA

Antigos clássicos, em novos tempos.

As conseqüências do conflito:

O Inicio do Conflito: Como tudo começou, as concordâncias e as discórdias, e o que deu inicio ao conflito.

O resultado após o devido movimento.

Paraguai nos dias Atuais:

Os principais envolvidos no movimento: Desde a plebe á proprietários de terra.

Suas belezas naturais, e suas heranças que promovem fama.

Por apenas: 4,99

“Movimentos de 1721 no Paraguai” 1

“Um conflito entre princípios.”


VIVA A HISTÓRIA

ÍNDICE

Introdução Texto 1 Texto 2 Texto 3 Texto 4 Carta dos Leitores Passatempo Expediente Editorial Agradecimentos

página: 03 página: 05 página: 07 página: 09 página: 11 página: 12 página: 13 página: 14 página: 15 página: 16

2


VIVA A HISTÓRIA

Introdução

Caro Leitor, a revista Viva a História da editora Germinariana, em sua primeira edição, apresenta um assunto super interessante, para todas as idades, que é tema para debate, “Os movimentos de 1721 no Paraguai”, na qual aborda religião, diferenças entre etnias, desentendimentos e conflitos. Esperamos que desfrute do conteúdo, adquira muito conhecimento, e é claro tenha uma boa leitura. Assinado: equipe viva a história.

3


VIVA A HISTร“RIA

Powerful Motors Velocidade e potencia juntos em uma super mรกquina.

Douter car, por: R$ 117.000.000,00

Fast Lauder, por: R$ 800.000.000,00

Red Devil, por: R$ 900.100.000,00

Car of tomorrow, por: R$ 100.000.000, 00

4


VIVA A HISTÓRIA

O Inicio do Conflito O Paraguai inicialmente era predominantemente ocupado pelos indígenas. Logo após a penetração dos descobridores de tal terra, foi mandada uma ordem da coroa aos jesuítas, cuja missão era catequizá-los. Essas missões chegaram a construir praticamente um estado independente baseado no trabalho agrícola e artesanal. Mas esse trabalho muitas vezes não podia ser exercido devido á dois fatores que o dificultavam, o primeiro era que os comerciantes viam sua economia ameaçada devido á tanto poder no trabalho feito pelos jesuítas, já que causavam independência ao estado, e o outro eram os caçadores que adentravam território adentro para a captura de indígenas para mão-de-obra escrava. Devido a esses problemas aconteceu um longo conflito entre jesuítas e proprietários de terra, que finalmente em 1735 se deu ao fim, deixando os proprietários de terra vitoriosos, devido á ajuda de habitantes que viviam no local e que faziam uma revolta para a derrubada do governador Diego de Los Reys Balmaceda, que apoiava somente o clero.

Localizada no Departamento de Missiones, é o mais antigo dos povos fundados pelos jesuítas, em 1609. Uma antiga casa hoje abriga um museu onde são exibidas peças que integram uma das mais finas coleções da arte indígena do período jesuítico. Representa a primeira Missão Jesuítica do Paraguai.

Jesuíta executando a catequização dos indígenas, e ensinando um pouco sobre sua religião.

5


VIVA A HISTร“RIA

A marca que adoรงa a sua vida.

Bombons a partir de: R$ 2,99

Bolo de Chocolate a partir de: R$ 29,99 Fazemos encomendas, basta ligar para: (11) 0800 4491 7222 Quindim a partir de:

Ou acesse o site:

R$ 3,90

www.sweetflavor.com.br

Caixa de Bombom Amor, por apenas: R4 25,40

6


VIVA A HISTÓRIA

Os Principais envolvidos no movimento

Os principais envolvidos em toda essa rebelião, em todo esse movimento, lutando cada qual pelo seu objetivo foram os jesuítas, os indígenas, os proprietários de terra, os criollos paraguaios e o governador Diego de Los Reys Balmaceda.

São Roque Gonçalez Nascido no Paraguai, foi um dos jesuítas na qual participou do processo de catequização dos indígenas paraguaios.

Cena na qual demonstra índios sendo catequizados por um jesuíta.

7


VIVA A HISTÓRIA

Info Way A tecnologia que faz diferença.

Master Not, por apenas:

Mini Stold, por apenas:

R$: 119, 20

R$ 240,00

Coleção potency mix, por apenas:

Coleção black diamond, por apenas:

R$ 367,00

R$ 749,00

Candy pink for girls, por apenas: R$ 662, 00

8


VIVA A HISTÓRIA

As Consequências do conflito

Devido ao fim trágico da revolução uma das medidas tomadas por Bruno Mauricio de Zabala foi o mandato da Audiência de Charcas para restaurar Porto precisa de Santa Fé, que os navios paraguaios foram obrigados a desembarcar na metade do caminho e os comerciantes sofreram com altos impostos e forçados a transportar as mercadorias em vagões de Santa Fe e Buenos Aires. Em outubro de 1777 Carlos III ordenou a criação do ViceReino do Rio da Prata, que incluía os territórios de Buenos Aires, Paraguai, Tucumán, Potosi, Santa Cruz de la Sierra, Lagoas e Cuyo,com a finalidade de dividir a vice-reinado do Peru e facilitar a governabilidade do Império.

Parte Parte frontal frontal da da bandeira bandeira Nacional Nacional do do Paraguai. Paraguai.

Parte dorsal e frontal do escudo nacional, conhecido como Shield.

9 Parte dorsal da bandeira Nacional do Paraguai.


VIVA A HISTÓRIA

Parte dorsal da bandeira Nacional do Paraguai

Style Bike Bicicletas do seu estilo ao seu dispor.

GP Tour, a bicicleta mais rápida da coleção por apenas: R$ 299,00

Snow Fast, bicicleta que anda na neve por apenas: R$ 310,00

Mega Turbo Jet, a bicicleta mais potente da coleção por apenas: R$ 195,50

10


VIVA A HISTÓRIA

Paraguai nos dias Atuais O Paraguai devido á todos esses acontecimentos, elaborou sua história de uma forma tão complexa que os deixou de herança muitos benefícios, um deles foram as ruínas feitas pelos jesuítas, em seu período de catequização dos índios existentes naquela região. Esse fato fez com que o país obtivesse uma grande renda, emitida pelo setor de turismos, tanto pela existência das próprias belezas naturais, quanto pela herança histórica deixada.

La Santísima Trinidad de Paraná é uma antiga construção jesuítica perto de Encarnación. Ela fica perto da Foz do Iguaçu,

Uma das belezas naturais do Paraguai, na qual atrai muitos turistas, o grande rio Ypacarai, que infelizmente está poluído devido á liberação de esgoto e 11 coliformes fecais, vindos de hotéis e outros prédios pertencentes á região.


VIVA A HISTÓRIA

Carta dos Leitores Thaís Garbim Oliveira, 25 anos, Paraná. João Carpiner da Silva, 23 anos, Pará. Olá revista Viva a História, eu gostaria de saber com que intuito houve esse movimento no Paraguai? Caro João, esse movimento teve o objetivo de alcançar a independência do Paraguai, na qual vários conflitos foram formados pela discordância entre o governo e os habitantes da região.

Natália Garcia Gonçalves, São Paulo, 14 anos. Eu venho estudando recentemente esse assunto, e gostaria de saber o porquê do interesse dos jesuítas em catequizar os indígenas? Bom, na verdade não era bem um interesse, era um dever, uma mandato da coroa, pela qual dizia que mandados de Deus, no caso os jesuítas, deveriam levar seus costumes e a religião á povos diferentes, á uma outra etnia, que eram os indígenas, considerados um povo inferior devido ao seus costumes diferentes, que deveria conhecer, e aprender os costumes, perante á coroa,

Essa é a primeira vez em que escrevo para uma revista e gostaria de saber, porque aconteceu a rebelião para tirar o governador Diego de Los Reys Balmaceda do poder? Seja bem vinda Thais, olha os habitantes da região do Paraguai promoveram essa rebelião, porque queriam tirar o governador Diego de Los Reys Balmaceda do poder certo? Pois bem, devido ele apoiar somente as decisões do clero, que eram os jesuítas em seu processo de catequização dos indígenas, enquanto os revoltados queriam uma maior autonomia por parte de tomar as suas próprias decisões, sem que as autoridades governamentais pudessem alterá-las, esse motivo foi o que os levaram a fazer toda essa rebelião e causar todo esse transtorno por uma questão de independência.

Escreva você também á revista Viva á História, é fácil basta acessar o site: www.vivaahistória.org.br ou mandar uma carta pelo CEP 01661-001, no 5º andar, redação VIVA A HISTÓRIA, Avenida das Nações Desunidas, ás terças e quinta-feiras. 12


VIVA A HISTÓRIA

Passatempo

1- A revolta foi feita com o objetivo de alcançar a __________. 2- Ocorreu na região do __________. 3- Os catequizadores são os __________. 4- Os catequizados são os __________. 5- Os manifestantes exigiam uma maior __________. 6- Rebelião para tirar do poder o governador __________. 7- Os movimentos no Paraguai se tratavam de um __________. 8- Consulta prévia aos habitantes para escolherem as autoridades ______. 9- Os jesuítas fundavam __________ pela região.

13


VIVA A HISTÓRIA

EXPEDIENTE Vinicius: Pesquisador das matérias e ajudante no corpo da revista. Thales: Pesquisador, supervisor do grupo, editor de imagens. Matheus: Pesquisador, feitor das matérias e artigos. Renan: Feitor do estilo e design gráfico da revista. Nicole: Pesquisadora, feitora das matérias e artigos, editora gráfica. Patrocinador: Agradecemos o patrocínio das empresas Style Bike, Info Way, Powerful Motors e Sweet Flavor .

14


VIVA A HISTÓRIA

EDITORIAL Vinicius: Foi muito legal fazer a revista, foi uma atividade boa, com certeza inesquecível. Thales: Pesquisamos bastantes e não foi fácil, mas no final o resultado foi bem satisfatório. Matheus: Deu muito trabalho fazer a revista, principalmente quando nós pensamos nos mínimos detalhes, mas foi sem dúvida proveitoso. Renan: Eu particularmente gostei de fazer a revista, pois foi um trabalho diferente, gratificante. Nicole: Realmente não foi nada fácil, mas nos esforçamos bastante, e o resultado foi realmente surpreendente.

15


VIVA A HISTÓRIA

Texto de Agradecimento Gostaríamos de agradecer á Escola Germinare, e principalmente á professora Caroline, que nos deu a oportunidade de fazer a revista, que sem dúvida foi um trabalho muito legal, e proveitoso que nos trouxe muito conhecimento. Para essa profissional excelente fica o nosso agradecimento e o muito obrigado. Escola Germinare

16


Revista Viva História