Page 1

NOME EDITORIA

Conheça a área de Direção e EPS E saiba mais sobre como trabalha esse grande time!

03

Por dentro da ZF TRW Auditorias: por que elas são peças-chave para a Qualidade?

05

RH com você

Entenda a importância da qualificação operacional

06

ZF TRW news

1


PALAVRA DO LÍDER

QUALIDADE: COMPROMISSO DE TODOS, SEMPRE! Sabemos que a busca pela excelência em nossas atividades deve ser um compromisso diário assumido por todos nós. E é por isso que, em nossa primeira edição do ZF TRW News de 2017, teremos como tema central a Qualidade, ressaltado nas matérias sobre o olhar crítico e preventivo que as auditorias proporcionam aos nossos negócios e a importância da qualificação operacional no cumprimento dos procedimentos que regem a Qualidade dos nossos produtos.

Além disso, esta edição traz como destaque na editoria In & Out a área de Direção, com seus gestores e equipe falando sobre os desafios e as conquistas da unidade. Já na editoria sobre Segurança você poderá conferir detalhes sobre a iniciativa de melhoria no uso de EPIs realizada pelo time de Fluido de Freios. Uma ótima leitura!

Ailton Alves

Diretor de Operações de Freios, Direção, OSS e Eletrônicos

ACONTECE

CAMPANHA “ADOTE UMA CRIANÇA” É SUCESSO NA ZF TRW Todos os anos, os funcionários da ZF TRW se reúnem para participar da tradicional campanha “Adote uma Criança”, realizando os sonhos de Natal de diversas crianças de instituições assistenciais de Limeira e Engenheiro Coelho. Em 2016, foram contempladas pela nossa campanha:

71 crianças do Núcleo Nova Vida, 31 do Centro Educacional João Fisher e 90 do Projeto Educar. Para participar da iniciativa, os funcionários da ZF TRW, individualmente ou em grupos, se unem para dar os presentes

escolhidos pelas próprias crianças, além de um kit higiene composto por shampoo, pasta de dente, escova de dente e sabonete. Agradecemos a todos os funcionários que contribuíram para esta ação de solidariedade!

Para pensar: ao longo do ano também é possível ajudar aqueles que mais necessitam. Sempre que puder, procure comunidades ou instituições que precisem de doações. Esse gesto marcará não só quem receber as doações, mas a você também. Expediente

2

ZF TRW news

ZF TRW News é uma publicação bimestral dirigida aos funcionários da ZF TRW. Coordenação: Recursos Humanos • Edição e Produção: Synergic Comunicação Corporativa • Ideias e sugestões: dayane.oliveira@zf.com


IN&OUT

CONHEÇA MAIS SOBRE A ÁREA DE DIREÇÃO E EPS

Da esquerda para a direita: Adriano Xisto, Hélio Gaspari, Márcio Rigobello, Mário Martins, Dayan Carvalho e Alex Pretel

A área de Direção tem grandes desafios e um futuro promissor pela frente. Com a expansão da sua gama de produtos nos últimos anos, a área fornece sistemas de direção mecânica, hidráulica e elétrica, sendo esta última conhecida como EPS (sigla que vem do inglês e significa Electrically Powered Steering e, em português, traduz-se como Direção Elétrica) que, inaugurada em 2011, foi pioneira no Brasil.

reção e, para nos mantermos e crescermos neste mercado, é fundamental que todos sigam os procedimentos de qualidade de nossa empresa que garantem a segurança de motoristas e passageiros, consumidores finais dos nossos produtos”, comenta Ricardo Leite, Gerente de Operações.

“Oferecemos aos nossos clientes produtos com tecnologia que acompanham as tendências do mercado automotivo em Di-

Confira os depoimentos dos Supervisores de Produção sobre cada área e conheça mais sobre o negócio de Direção:

“Somos responsáveis pela montagem de mecanismos hidráulicos, mecânicos, válvulas e usinagem de carcaças. Com uma equipe de 110 pessoas, somos a ponta da cadeia antes de enviarmos para o cliente, o que nos proporciona muitos desafios e aprendizados.” Adriano Xisto, Supervisor de Produção de MSG, HPS, Carcaças e Válvulas, turno 1 “Atuo desde as primeiras atividades da linha de EPS, que é voltada para a direção elétrica. Começamos com 12 pessoas em 2011 e hoje contamos com 135 funcionários para atender as demandas das montadoras Ford, GM, Fiat e a Volkswagen, o que nos traz grande orgulho.” Hélio Gaspari, Supervisor de Produção de EPS, turno 1

“Após um grande aprendizado, nossa linha de EPS se tornou referência no mercado. Este ano, teremos muitos desafios, mas todo o time está engajado para o sucesso da área e do negócio.” Alex Pretel, Coordenador de Produção de EPS, turno 2 “Trabalhamos com as cremalheiras dos sistemas de direção, forjaria do aço e usinagem de terminais e pinos. Temos como clientes as próprias linhas de montagem da ZF TRW, e, com um time de aproximadamente 90 pessoas, atuamos de maneira muito unida.” Dayan Carvalho, Supervisor de Produção de Rack, Forjaria, LBJ e IAM, turno 1

“Supervisiono de forma integrada as linhas de direção mecânica e hidráulica no turno 2. Por isso, nossa dinâmica de trabalho é atuar com muita parceria e responsabilidade com os colegas dos demais turnos, para entregarmos um produto de alta qualidade.” Márcio Rigobello, Supervisor de Produção de LBJ, Cremalheira, Válvulas, MSG e Forjaria, turno 2 “A área de FIG conta com operadores bastante habilidosos para atuarem de forma mais autônoma nas máquinas e, em RP, o trabalho é aliado com uma alta tecnologia. Em todos os casos, o cliente final é quem ganha com tudo isso.” Mário Martins, Supervisor de FIG e Pinhões

Estou há 17 anos na empresa e é uma grande satisfação atuar na área de Direção. Trabalho no setor de EPS desde o início de suas atividades e vejo que estamos aprendendo cada vez mais sobre essa nova tecnologia. Darci Mendes, Operador Facilitador, EPS, turno 1 Trabalho na mesma área desde quando entrei na ZF TRW, há 13 anos. É um setor que exige muita atenção, dedicação e empenho, e me traz muita satisfação. Alessandro Lima, Operador Facilitador, Usinagem e Montagem de Válvulas, turno 1

ZF TRW news

3


POR DENTRO DA ZF TRW

Gilberto Mateus e Márcio Rogério da Silva

PROATIVIDADE QUE GERA SEGURANÇA O time de Fluido de Freios colocou em prática ações que garantem aos operadores ainda mais segurança. Em 2016, dois novos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) passaram a ser usados na área para descarregar os caminhões de Fluido para Freios: um cinto para atividades que necessitem subir no caminhão e um pórtico para que possam transitar em cima do veículo de forma segura, quando necessário. “A instalação do pórtico, com um cabo de sustentação, foi uma ideia em conjunto com a área de Segurança do Trabalho. Essa estrutura elimina o risco de acidente devido ao acionamento de um trava-quedas”, explica Gilberto Mateus, Supervisor de Produção da área. Outro procedimento acrescentado foi a obrigatoriedade de uma autorização do Ambulatório Médico para os funcionários que executarão essa atividade, por meio de exames como aferição arterial, garantindo que estejam aptos para descarregar o caminhão de fluido. “Além disso, todos os funcionários que realizam essa tarefa passaram

4

ZF TRW news

pelo treinamento de NR35 (Norma Regulamentadora de Segurança para Trabalhos em Altura), para estarem devidamente preparados”, acrescenta o Supervisor. Por fim, antes de iniciar o procedimento, o cabo é verificado e feito um teste para garantir o funcionamento da trava do pórtico. “Ficamos muito felizes com o resultado desse novo procedimento. Em nossas reuniões mensais de boas práticas, compartilhamos com os nossos colegas essas melhorias que aplicamos. Afinal, elas podem ser úteis em outros setores da empresa”, conta Gilberto. Márcio Rogério da Silva, Operador de Produção, destaca que as melhorias trouxeram grandes ganhos para seu dia a dia. “Faço a atividade de descarregar o caminhão com tranquilidade, pois sei que estou utilizando EPIs que me protegem. Recomendo que os colegas da empresa sigam à risca o uso dos equipamentos de proteção. Isso porque, muitas vezes, nos sentimos seguros em fazer nossas tarefas sem tomar os cuidados necessários e esquecemos dos riscos”, conclui.


POR DENTRO DA ZF TRW

QUALIDADE CERTIFICADA DIARIAMENTE

Natália Carvalho, Engenheira de Qualidade

A busca pela qualidade deve ser a meta diária de todos que trabalham na ZF TRW, seja qual for a atividade exercida. A todo momento, é preciso olhar para o nosso trabalho com criticidade para termos certeza de que estamos agindo da maneira correta, seguindo os procedimentos e normas de qualidade de nossa empresa. Para isso, contamos com um processo que nos ajuda a garantir que estamos no caminho certo: as auditorias - sejam internas, realizadas por profissionais habilitados da ZF TRW; ou externas, realizadas por instituições autorizadas ou pelos nossos próprios clientes. “As auditorias são essenciais para indicar pontos de melhorias e, ao mesmo tempo, têm um caráter preventivo, pois também nos fazem refletir sempre sobre o que pode ser diferente e mais adequado em cada processo”, explica Natália Carvalho, Engenheira de Qualidade. Dentre os principais aspectos avaliados nas auditorias estão o controle de qualidade dos

MUDANÇA DA ISO TS 16949

produtos, equipamentos e processos, as qualificações dos profissionais, a organização do ambiente de trabalho, entre outros. “Seguindo os requisitos analisados pelas auditorias, temos uma equipe mais bem preparada, produtos com mais qualidade, processos bem definidos, e, assim, garantimos a sustentabilidade dos negócios”, afirma. AUDITORIA COMO FORMA DE PREVENÇÃO Além das auditorias externas que certificam nosso compromisso com a qualidade, outras auditorias são realizadas internamente e desempenham um papel fundamental na obtenção dos melhores resultados. “Temos as auditorias escalonadas, feitas diariamente pelos facilitadores, semanalmente pelos Supervisores e mensalmente pelos Gerentes; e as de processos, realizadas periodicamente pelos auditores de qualidade. Ambas são essenciais para a nossa disciplina e garantia de um bom desempenho nas atividades de maneira contínua. Além disso, todos os funcionários cumprem uma função primordial nessa avaliação diária que busca a excelência em qualidade sempre”, detalha Natália.

A certificação técnica voltada para a indústria automotiva ISO TS 16949 será alterada para IATF 16949. E, para atendermos às mudanças previstas que serão avaliadas em auditoria prevista para 2018, a ZF TRW colocará em prática neste ano um plano para adequação. Por isso, fique atento às mudanças que virão por aí!

ZF TRW news

5


RH COM VOCÊ

QUALIFICAÇÃO OPERACIONAL: PREPARANDO NOSSO TIME São diversas as ações de treinamento que garantem a preparação de nosso time de Operações para executar suas tarefas. Os treinamentos visam o aperfeiçoamento dos profissionais para que saibam claramente suas atividades e

se sintam mais seguros desempenhando seu trabalho com domínio. Na fábrica, contamos com um controle de treinamento por operação formalizado por meio do Quadro de Qualificação. Saiba como ele funciona:

Assim que o novo Operador entra na empresa, ele passa pelo período de integração junto ao RH que dura de seis a dez dias. Após o término, ele se dirige à área e posto onde irá trabalhar. Neste momento, ele é recebido pelo padrinho de treinamento ou cell leader para que seja feita a integração na área, a apresentação do posto, a leitura dos documentos relativos ao produto e ao processo, além de registro do novo Operador no Quadro de Qualificação como iniciante. O Operador evolui seu nível no Quadro de Qualificação de acordo com seu aprendizado e conhecimento na função. O treinamento no posto é conduzido pelo padrinho de treinamento da linha de produção com base na instrução

de trabalho desenvolvida pela Engenharia de Manufatura. A efetividade da aprendizagem é medida pelo Auditor de Qualidade por meio de um formulário de avaliação. Conheça os detalhes de cada nível:

QUALIFICAÇÃO OPERACIONAL

6

ETAPA

INTEGRAÇÃO

NÍVEL 1 INICIANTE

NÍVEL 2 TRABALHO COM SUPERVISÃO

DESCRIÇÃO

Durante a Integração, o novo Operador realiza uma série de treinamentos em sala e na fábrica, a fim de conhecer todos os procedimentos necessários para o início do seu trabalho.

Neste nível, o Operador inicia sua qualificação específica para o posto de trabalho, sendo o Padrinho responsável por ensinar e demonstrar os procedimentos que o operador deverá realizar.

O Operador inicia o trabalho em seu posto sob a supervisão do Padrinho.

DURAÇÃO

6 a 10 dias de treinamentos

Mínimo 2h

Mínimo 24h

AVALIAÇÃO

Avaliação de Eficácia

Avaliação nível 1

Avaliação nível 2

ETAPA

NÍVEL 3 TRABALHO SEM SUPERVISÃO

NÍVEL 4 EXPERIENTE

NÍVEL 5 - PADRINHO EXPERIENTE E FORMADOR

DESCRIÇÃO

O Operador passa a operar e preencher os registros e controles, sem necessidade de acompanhamento.

O Operador é considerado experiente em seu posto de trabalho.

O Operador é experiente em seu posto de trabalho e formador de novos Operadores.

DURAÇÃO

Mínimo 24h

Mínimo 24h

Mínimo 24h

AVALIAÇÃO

Avaliação nível 3

Avaliação nível 4

Avaliação nível 5/ Treinamento padrinho

ZF TRW news


RH COM VOCÊ

O Quadro de Qualificação é fundamental para o correto gerenciamento da célula e a garantia de que todos sabem o que deve ser feito. “Quando o quadro está devidamente preenchido, o Supervisor consegue saber em qual etapa de conhecimento seus funcionários estão e se eles estão prontos para trabalharem em outra linha ou processo”, afirma Alessandro Antônio Soares, Instrutor de Treinamento Operacional. Os novos processos e linhas se desenvolvem com a preparação dos funcionários antes mesmo do efetivo início da produção. “Em caso de novos processos ou máquinas, a Engenharia de Manufatura elabora a instrução de trabalho para aquela linha e treina os primeiros Operadores que iniciarão as atividades na operação”, finaliza Alessandro. Confira as opiniões de nossos Operadores sobre a importância do Quadro de Qualificação:

“Preencher corretamente o Quadro de Qualificação é importante para garantir a capacitação adequada de quem está operando a máquina, a qualidade dos produtos e também a segurança de todos.” Diego Rodrigues de Souza, Operador Facilitador, Freio a Disco, turno 1

“A matriz mostra que todos os Operadores da linha de produção estão treinados e qualificados nas atividades que exercem. Preenchendo corretamente, promovemos um padrão de qualidade e segurança.” Israel Fernandes, Operador de Produção e Padrinho de Treinamento, LBJ, turno 1

SRMCP – Sistema de Registro, Monitoramento e Controle da Produção Desde 2015, a fábrica vem recebendo uma nova forma de acesso, controle e atualização de alguns documentos relativos ao processo produtivo por meio do Sistema de Registro, Monitoramento e Controle da Produção (SRMCP), conhecido como Totem. O projeto desenvolvido pela Engenharia de Manufatura em parceria com diversas áreas da empresa também está informatizando o controle de Qualificação Operacional, tendo já disponível no sistema o Quadro de Qualificação online. Nos postos que já receberam e implementaram o novo sistema, todos os documentos e registros de aprendizagem são atualizados no ambiente virtual e disponibilizados em todos os totens distribuídos pela empresa, facilitando o acesso e o controle.

ZF TRW news

7


FORA DO EXPEDIENTE

RODRIGO LORIZOLLA E SEU DOM DE ENSINAR MÚSICA

Você já teve vontade de tocar algum instrumento musical? E mais: se dedicou o bastante para tirar esse sonho da imaginação e transformá-lo em realidade? Rodrigo Lorizolla, Auditor de Qualidade de Fornecedores, é um grande exemplo disso. Sua relação com a música, ou melhor, com o saxofone, iniciou-se há cinco anos. “Eu era curioso para aprender a tocar algum instrumento musical e me apaixonei pelo sax logo quando o vi”, relembra o funcionário. Porém, com o passar dos anos Rodrigo percebeu que sua missão com a música não se limitava a tocar e então ele decidiu passar seu dom adiante, atuando como professor. “Comecei a ensinar minha esposa em casa e, com isso, vi que eu conseguia passar a mensagem clara da música, pelo menos com o básico”, descreve o Auditor. Foi então que ele ingressou em um curso mais amplo, dentro de sua igreja, e então surgiu a oportunidade de ensinar outras pessoas.

8

ZF TRW news

Já faz quatro anos que Rodrigo ensina saxofone para crianças, jovens e adultos. “É gratificante saber que tenho o dom de transmitir algo tão rico como a música”, garante o Auditor. E, mediante as diversas experiências como professor, o que não faltam são lembranças de superação de quando ele iniciou sua jornada. “No começo da minha aprendizagem, eu ouvi que não conseguiria jamais tocar sax alto, porém, dentro de mim eu sabia que poderia sim, se eu me dedicasse bastante. Hoje não só consigo tocar, mas tenho a oportunidade de ensinar e também de ser maestro da banda de minha igreja”, enaltece. Rodrigo reforça que a todo momento tem o apoio de sua família para atuar como professor de saxofone e conclui que essa atividade é fundamental em sua vida. “A música é algo mágico e lindo. No entanto, é preciso sempre se dedicar para tocá-la cada vez com mais perfeição.”

ZF TRW/News | 4ª Edição  

Jornal Interno da ZF TRW • Ano 2 • Edição 4 • Janeiro/Fevereiro 2017 • Distribuição Interna

ZF TRW/News | 4ª Edição  

Jornal Interno da ZF TRW • Ano 2 • Edição 4 • Janeiro/Fevereiro 2017 • Distribuição Interna

Advertisement