Page 17

Gazeta do Oeste 7

Mossoró, terça-feira, 12 de março de 2013

Polícia ICÉM CARAÚBAS

Mulher acusada de assassinar duas rivais é presa por agentes da Dehom

A

gentes da Delegacia Especializada em Homicídios de Mossoró (DEHOM), sob o comando do delegado Roberto Moura, cumpriu um mandado de prisão em desfavor de Lilian Karla da Silva, 28 anos, acusada de matar duas rivais a tiros. A prisão aconteceu na tarde de ontem e a acusada foi encaminhada para a Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM), onde os crimes estão sendo investigados. O mandato de prisão expedido pela 1ª Vara Criminal de Mossoró se refere a morte de Francisca Vanda de Araújo, assassinada na Favela do Fio, em Mossoró. Segundo o delegado Roberto Moura, Karla foi pre-

sa em casa e com ela os agentes encontraram um revólver calibre 38 cano longo, usado em competições de tiro. Em contato com a reportagem, Karla confessou ter matado Vanda e disse que a vítima vinha lhe fazendo ameaças e que também mantinha um relacionamento com o seu companheiro Francisco Acelino Barros, 26 anos, mais conhecido como "Júnior Bandido", morto em confronto com a polícia na cidade de Baraúna, em janeiro de 2012. Karla é acusada ainda de ter matado com um tiro a adolescente Mércia Arruda da Silva, 17 anos, crime ocorrido na tarde do dia 25 de fevereiro do ano passado, no prolongamento da

Avenida Rio Branco, em Mossoró. Karla nega ter matado Márcia, assume apenas ter assassinado Vanda. Segundo o delegado Roberto Moura, Karla seria apresentada ainda ontem à delegada Cristiane Magalhães, responsável pela condução dos inquéritos, e depois seria levada para o Pavilhão Feminino do Complexo Penal Estadual Agrícola Mário Negócio (CPEAMN). DESVENDADO A Delegacia de Homicídios de Mossoró revelou na manhã de ontem a autoria de mais um crime de homicídio ocorrido na cidade. Na manhã de ontem, após um trabalho de investigação, os agentes conse-

guiram prender Alex Nunes Soares, 19 anos, mais conhecido pelo apelido de "Timbauzinho", que confessou ter matado Robson Roniele da Cunha, 22 anos, mais conhecido pelo apelido de "Boy Robin". O crime aconteceu na madrugada do dia 24 de janeiro deste ano. O corpo de Robson foi localizado em um terreno nas proximidades do Abatedouro Frigorífico de Mossoró (AFIM). Em depoimento ao delegado Roberto Moura, Alex disse que matou com a ajuda de uma adolescente e que o motivo foi um desentendimento entre eles, que planejavam fazer um assalto naquele dia. Após ser ouvido, Alex foi liberado e responderá ao processo em liberdade. FOTOS: EDNILTO NEVES

Buraco por onde os presos conseguiram escapar

Cinco presos fogem da Cadeia Pública de Caraúbas Cinco presos fugiram da Cadeia pública de Caraúbas-RN, na madrugada de ontem, 11. De acordo com o diretor da unidade, major Elyause Moreira da Silva Júnior, os detentos fizeram um buraco na parede da cela e conseguiram fugir. A fuga foi percebida pelos guardas de plantão, que ainda conseguiram evitar que mais presos escapassem. O diretor da unidade explicou que a parede da cela, onde os presos abriram o buraco,dá diretamente na rua e não há muros ou cercas ao redor da cadeia,o que

facilitou a fuga. De onde os presos fugiram havia 57 homens detidos e se não fosse a intervenção da Polícia Militar o número de fugitivos teria sido bem maior. Elyause ressaltou que o sentinela percebeu a movimentação e avisou os agentes. Quando entraram no pavilhão, os agentes perceberam que as grades de todas as celas estavam cerradas, ou seja, todos os presos tentariam fugir. Ainda segundo informações da direção da cadeia, pelo que pôde ser percebido, todos os presos teriam a oportunidade de fugir.

Homem tenta assaltar policial que reage e suspeito fica ferido

Karla confessou apenas um dos crimes dos quais está sendo acusada e disse que matou porque foi ameaçada

Na residência da acusada, os agentes encontraram um revólver usado em competição de tiro

Dupla armada causa terror em escola pública na zona rural de Mossoró O CÂMERA

Dois suspeitos armados de revólver e escopeta calibre 12 tomaram o revólver de um vigilante que faz a segurança da Escola Estadual Gilberto Rôla, na antiga vila Maísa, zona rural de Mossoró. A ação criminosa aconteceu por volta das 8h de ontem, 11. Eles chegaram de motocicleta, renderam o vigilante e disseram que só queriam a arma. Os suspeitos fugiram em direção ao Assentamento Montana. Após o roubo da arma, a Polícia Militar foi acionada e, por volta das 11h, os policiais chegaram ao local e foram informados que a dupla estava escondida em uma residência no

Policiais militares mostram armas apreendidas com a dupla

Assentamento Olga Benário. A polícia foi informada ainda que os dois suspeitos estariam de posse de

uma moto que foi tomada de assalto em Mossoró. Quando a viatura chegou ao assentamento, hou-

ve uma troca de tiros e os suspeitos fugiram em direção a um matagal. Segundo o subtenente Vandilson, comandante do destacamento policial da Maisa, houve uma intensa troca de tiros e é possível que um dos suspeitos esteja baleado no matagal. Na residência foi apreendido um adolescente de 17 anos. Com ele, os militares encontraram uma escopeta calibre 12, utilizada no assalto e peças de várias motocicletas. O adolescente apreendido foi conduzido para Mossoró e disse que a motocicleta e as peças pertenciam a seu irmão, que conseguiu fugir levando a arma do vigilante.

Uma tentativa de assalto a um policial civil, ocorrida por volta das 15h20 de ontem, 11, terminou com o suspeito baleado. O policial civil estava em uma oficina mecânica com o filho, na Rua Manoel Benício,bairro Santo Antônio, consertando seu veículo, quando um homem identificado como Josias Romualdo da Silva Júnior, 18 anos, abordou o filho do policial que estava em uma moto Biz. Armado com um revólver, o suspeito anunciou o assalto e disse para o filho do policial que lhe entregasse a moto. O policial pediu cal-

ma,levantou a camisa,mostrando que estava desarmado e quando o suspeito subiu na motocicleta e pretendia fugir com o veículo que acabava de roubar,o policial sacou uma pistola que estava em seu carro e disparou três vezes contra o suspeito. Josias caiu baleado e foi socorrido por uma equipe do Samu e levado para o Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM). O policial, que terá a identidade preservada, foi até a Delegacia de Polícia Civil para prestar depoimento e apresentou a arma que foi usada pelo suspeito para tentar fazer o assalto. O CÂMERA 2

Suspeito foi atingido e socorrido por uma equipe do Samu

Edição de 12/03/2013  
Edição de 12/03/2013  
Advertisement