Issuu on Google+

Setembro de 2010

A MELHOR IDADE

Ano IX

Setembro de 2010

Distribuição Gratuita

Nº 97

Caraguá a Gosto O

Hotel Janga Jangada Flat, com suas modernas e confortáveis instalapara a apresentação da 5ª edição do Caraguá a ções, foi palco pa Gosto à Imprensa local e regional, na tarde de 18 de agosto último. Impren nsa loc O evento contou com a presença do Prefeito Antonio Carlos da Silva, do vice Antonio Carlos Junior, de diversos secretários municipais, do vereador Celso Pereira representando a edilidade caraguatatubense, presença significativa de órgãos de imprensa local e regional, patrocinadores do evento, proprietários dos estabelecimentos selecionados pelos organizadores e outros convidados. Veja mais em Poucas e Boas.

C

omeça no dia 23 a Primavera. Época do ano em que a natureza revela seu aspecto mais belo e romântico. É quando os campos, vestindo suas flores multicoloridas, se engalanam para a festa de renovação da Vida, num florescer contínuo, que marca o início da época de reprodução de muitas espécies da fl ora e fauna. Bem... coincidência ou não, é nesta Primavera que o nosso “A Melhor Idade” adquire uma roupagem nova e igualmente se revigora para a vida moderna. Tal o campo ornamentado, enche-se de cores para brindar

aqueles que o acompanham, reafirmando o compromisso de sempre oferecer informações e reflexões selecionadas e de qualidade, como tem feito ao longo destes oito anos de ininterrupta existência. Inauguramos uma nova fase. Nada contra o pretoe-branco de nossas páginas, que guardam até um quê de nostalgia e sedução – para os fotógrafos Roberto Linsker e Sebastião Salgado, dentre outros, preto-ebranco é mais que arte e beleza: é alma e transcendência. Todavia, aderir à modernidade dos tempos era preciso e assim se fez, na certeza de se ter adotado a melhor

opção aos nossos Leitores. Em meio às cores e às flores da estação, o agora primaveril “A Melhor Idade” mantém indelével o seu ânimo de atuar como o bastão seguro e uma tribuna inflexível na defesa dos interesses daqueles que foram jovens não faz muito tempo. Nas palavras do Tchê: “Podem silenciar a rosa, mas nunca deter a Primavera”. Inspirados nesse ensinamento, convidamos o Leitor a trilhar conosco o caminho que ainda temos pela frente, longo, de incontáveis Primaveras, mas certamente esplendoroso e produtivo.


2

Setembro de 2010

Editorial Deixa para continuar

N

inguém gosta de despedidas. Principalmente quando elas soam como algo que indica o fim de alguma coisa ou período. Não é o caso, a toda evidência, do editorialista Roberto Espíndola, que se despediu dos nossos leitores na edição de agosto último para melhor poder cuidar de seus negócios e “dar à luz” um novo projeto gráfico de sua prestigiosa “Revista da Cidade - Caraguá”. Ademais disso, o excesso de atividades a que vinha se submetendo, executando quase que sozinho as variadas funções dentro da redação, e ainda escrevendo o editorial do “Melhor Idade”, tomavam-lhe precioso tempo, culminando com a recomendação para que diminuísse o ritmo de trabalho. Roberto Espíndola decidiu “dar um tempo” e não há porque não entender a sua sensata decisão, a decisão de quem muito já deu de si por esta Caraguá, cuja história ajudou e está ajudando a escrever e que por certo haverá de fazê-lo ainda por muito tempo, para a nossa satisfação. Todos o admiramos. Dono de um texto fácil, gracioso e preciso, por vezes pungente, e sempre impregnado das lições apreendidas ao longo da vida, sua pena é insubstituível. Sabemos de antemão que não temos bagagem para sucedê-lo neste editorial, nem a mesma sagacidade, convidados que fomos pelo Amigo Plínio para aqui escrever. Roberto Espíndola há um só. É único e singular. Por isso, a missão que nos foi confiada soa como um desafio. Ele nos deu um “até breve!” apenas e nos deixa para continuar. Sai do “Melhor Idade” para dedicar-se à sua revista e dispor de mais tempo para cuidar de si. Muito justo. Se é do Roberto Espíndola, então é sábia a decisão! Zé Mário

Expediente Diretor: Plínio Ferreira Guimarães Tel.: (12) 3882-5608 - Cel. 8172-8111 Jornalista Responsável: Mara Cirino - MTB 23.110 Editorialista: José Mario Silva Colaboradores: Luiz Meneses Cury Ailton Prado Geraldo Vidal Gislaine Guimarães Secretaria de Comunicação da Prefeitura Sociais: Plínio Ferreira Guimarães Diagramação: Cesar Neves Filho Tiragem: 5.000 exemplares mensais CNPJ: 09.159.576/0001-70 E-mail: amelhoridade@yahoo.com.br Os artigos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores e não expressam necessariamente, a opinião deste periódico.

A MELHOR IDADE

Luizinho Cury

Otimismo não tem idade

Intolerância

D

izem os estudiosos que na medida em vamos ganhando tempo de vida adquirimos mais sabedoria e, portanto, muito mais experiência! Por termos vivido por mais tempo no grande laboratório da existência que é o nosso maravilhoso planeta, aprendendo com os nossos acertos e com os nossos erros, não somente elaborarmos nossas vidas do ponto de vista de conduta moral, ética e social, mas também obtermos um profundo conhecimento da “natureza humana”. Conhecemos o bem e o mal, sabemos o que é bom e o que é ruim, intuímos o que presta e o que não presta, temos pleno entendimento daquilo que nos serve ou não, praticando todas as virtudes e abolindo de nossas vidas todos os defeitos;.... que maravilha!!! Seria se fosse verdade, não é mesmo? Mas... Por que não é assim? Porque a maioria de nós, por força das dificuldades que a vida nos proporcionou, nunca teve “tempo” de parar para pensar em si próprio, pois durante toda a vida tivemos que correr atrás das vicissitudes e dos problemas que foram aparecendo na medida em que caminhávamos por ela; trabalho (desde cedo), estudo, namoro, casamento, filhos, doenças, encaminhamentos diversos, não só dos filhos, mas também de entes queridos,...ufa!!! Foi muito difícil, não foi? E o que sobrou para nós? A realização dos nossos projetos! De todos ou “quase” todos!!! Daí vocês vão me perguntar: E não está bom assim? Não cumprimos nossa missão condignamente? Claro, claro, claro!!! Mas a esta altura das nos-

sas vidas agora ainda temos que pensar em sermos amados e respeitados até o fi m dos nossos dias nesta etapa de agora! E sabem o que falta á maioria de nós? Tolerância, tolerância e tolerância!!! A maioria de nós só é dócil com os filhos e os netos! As demais pessoas não merecem a nossa paciência, pois “sabemos tudo” e não temos tempo para “conversa mole” “o que é certo é certo” e acabou!!! É aí que devemos começar a nos reformar! É importante saber que envelhecer com dignidade signifi ca merecer o respeito não só de nossos entes queridos, mas de toda a coletividade à qual pertencemos. A coisa mais triste que existe é ver um show de impaciência ou intolerância que alguns de nós dão em locais como bancos, lojas, supermercados, estacionamentos, etc.etc. As vezes nos achamos com tanta razão que a acabamos perdendo não se sabe aonde! Somos muito experientes, sabemos quase tudo, já cumprimos bem as nossas missões, mas decididamente, não somos “donos da verdade absoluta”! Entendo até que algumas vezes somos vítimas de algumas injustiças, mas o importante mesmo é que façamos a “nossa parte” e muito bem feita, agindo com docilidade e brandura pois para sermos respeitados é imprescindível que também saibamos respeitar! Usemos o nosso conhecimento sobre a “natureza humana” fazendo-o trabalhar em nosso favor! Velhos rabugentos? Nunca mais!!! Grande abraço.

Nossa opinião

Ailton Prado

Os idosos são pessoas normais

S

abemos que o cérebro é que governa o nosso corpo, portanto mantê-lo em atividade constante é fundamental para poder envelhecer com qualidade de vida... Mas para que isso aconteça é importante que as pessoas mais jovens, que têm contato direto com o idoso, lhe proporcione oportunidades para que este possa sentir-se útil, principalmente dentro da sua família. Os familiares mais jovens devem dar oportunidade de incluir o idoso, sempre que houver possibilidade, em seus programas de lazer ou mesmo fazê-lo participar de decisões familiares, mesmo que a sua visão das coisas seja ultrapassada ou que não se coadune com a conjuntura da situação. A oportunidade do idoso dar sua opinião diante de um fato importante aumenta em muito a sua auto-estima. E esse é um dos fatores de suma importância para a seu fortalecimento mental e psicológico. É fundamental facilitar ao máximo, para que o idoso da sua família participe de comunidades onde haja outras pessoas idosas, procurando saber

de eventos para essa faixa etária, transportando-o até o local quando necessário, ou mesmo promovendo comemorações onde o idoso possa convidar os seus amigos, assim como fazemos para nossos filhos... Mas o idoso também, para ter uma boa qualidade de vida, deve fazer a sua parte, procurando conviver de maneira tolerante com seus familiares mais jovens, bem como, com pessoas da sua faixa etária, num Centro de Convivência de Terceira Idade, numa Associação de Aposentados, ou mesmo em algum serviço voluntário, onde sinta que a sua participação está sendo satisfatória e solidária... Enfi m jovens ou idosos, todos precisam saber que devem manter-se em boa forma física e psíquica para fazer bem aos semelhantes. Essa é uma dádiva que deve ser usada com assiduidade e voluntariedade, pois assim estaremos cumprindo de maneira efetiva nossa missão para a construção de um mundo cada vez melhor.


Setembro de 2010

A MELHOR IDADE

Caraguá a Gosto Na abertura foi exibido vídeo apresentando particularidades dos estabelecimentos participantes. Em pronunciamentos do prefeito e de demais autoridades, foram enaltecidos os propósitos turísticos e a especial importância do Caraguá a Gosto para a nossa cidade. Placas e diplomas alusivos ao evento foram entregues aos representantes dos estabelecimentos participantes do Caraguá a Gosto. Aos representantes da imprensa foram sorteados os estabelecimentos que recepcionarão cada órgão para suas avaliações dos seus pratos concorrentes. Antes da saída os convidados puderam saborear farto e delicioso lanche em ambiente de agradável confraternização. Estão de parabéns os organizadores do evento, como também o Assessor de Comunicação André Procópio e sua dedicada e competente equipe pela fina apresentação e recepção aos convidados.

Prédio do Poupatempo Caraguatatuba será entregue em outubro Secretário de Gestão Pública e prefeito de Caraguá visitam obra no bairro Indaiá O secretário estadual de Gestão Pública, Marcos Monteiro, e o prefeito de Caraguá, Antonio Carlos da Silva, visitaram as obras do Poupatempo Caraguatatuba, no bairro Indaiá, local onde funcionava a secretaria municipal de Saúde. A previsão de entrega do prédio é dia 22 de outubro. O Poupatempo atenderá as quatro cidades do Litoral Norte e está sendo implantado em uma área de 1.800 m², cedida pela prefeitura ao governo do Estado no ano passado. Um consórcio formado por quatro empresas executa o empreendimento na avenida Rio Branco, 955. O Poupatempo Caraguatatuba oferecerá serviços públicos dos seguintes órgãos: Acessa São Paulo (acesso gratuito à Internet); Banco Nossa Caixa; Detran; e-poupatempo (serviços públicos eletrônicos); Instituto de Identificação; CDHU; Secretarias da Fazenda e do Emprego e Relações do Trabalho. Segundo a secretaria de Gestão Pública, existem 17 unidades do Poupatempo em todo o Estado. Até o final deste ano serão 28 postos.

Iniciadas inscrições para Vila Dignidade Já foram iniciadas as inscrições para o programa Vila Dignidade, programa da secretaria estadual de Habitação, voltado à população idosa. Pessoas com mais de 60 anos devem levar originais e xerox do RG, CPF, título eleitoral e comprovante de residência em um dos cinco locais da cidade. A secretaria municipal de Assistência Social é responsável pelo cadastramento dos interessados. O candidato deve ser munícipe há pelo menos dois anos, ter renda mensal de até dois salários mínimos, estar apto para tarefas diárias, preferencialmente só ou sem vínculos familiares sólidos. Os serviços de terraplenagem começaram a ser realizados no bairro Jardim Jaqueira, em um terreno de 3.615 m², onde será edificado o empreendimento. Serão 20 casas projetadas a partir de conceitos do Desenho Universal. Os imóveis terão sala conjugada à cozinha, um dormitório, banheiro, área de serviço e uma área externa nos fundos, que pode ser utilizada como jardim ou horta. O conjunto contará, ainda, com projeto paisagístico diferenciado, academia ao ar livre e salão para atividades diversas como

festas, reuniões, cursos, entre outros. Confira os locais para inscrição: CRAS Porto Novo – Avenida Dr. José Herculano, 6.900 CRAS Jardim Jaqueira – Rua Monteiro Júnior, 47 CRAS Casa Branca – Rua Oito, 35 CRAS Massaguaçu – Rua A 1, sem número CREAS Indaiá – Avenida Sergipe, 955 Para outras informações, o telefone da secretaria de Assistência Social, responsável pelas inscrições é o (12) 38977074.

Voluntária homenageada A dedicação, atenção e carinho com os mais necessitados marcam a vida de Tereza Maria Oliveira Magalhães, 65 anos. Esse trabalho voluntário foi reconhecido oficialmente pela Câmara de Caraguá, que lhe concedeu o título de Cidadã Caraguatatubense, em cerimônia realizada às 19:30h de 20 de agosto. Dona Tereza, conforme é conhecida por todos na Santa Casa Stella Maris, passa boa parte do seu dia ajudando e conversando com os pacientes do hospital. Mostra com orgulho as novas dependências da maternidade Espaço Dr. Keiiti Nakamura e as demais instalações da entidade. Natural de São Sebastião, Tereza conta que desde bem pequena frequenta a Santa Casa. “Meu pai tinha uma transportadora e eu o acompanhava quando ele vinha trazer material para a construção do hospital. Eu gostava demais de ficar aqui, ele até achava que eu seria freira”, conta. Apesar de não ter seguido a vida religiosa, Tereza dedica sua vida a ajudar as pessoas. Além da Santa Casa, participa ativamente como voluntária na Associação do Câncer de Caraguatatuba (ACC) e de várias ações filantrópicas do município.

Programa Acessibilidade para Todos é aprovado Proprietários receberão até 50% do valor para realizarem a obra Segurança e igualdade para os pedestres de Caraguá. Essa é a meta do Programa Acessibilidade para Todos, que ajuda os moradores e comerciantes na construção ou adequação de calçadas acessíveis. O Projeto de Lei Complementar número 3, de 8 de julho de 2010, de iniciativa do Poder Executivo, foi aprovado em 17 de agosto pela Câmara de Caraguá e deverá ser sancionada pelo prefeito nos próximos dias. O programa dispõe de uma planilha, elaborada pela secretaria de Obras, que apresenta a estimativa de valores das adequações ou construções das calçadas. Com isso, o morador ou proprietário interessado em adequar a calçada de sua residência, deverá procurar a secretaria de Urbanismo e verificar o valor de cada obra. Após a consulta na planilha, serão oferecidos aos proprietários 50% de desconto no valor do metro quadrado de construção ou reforma da calçada. Porém, o serviço deve ser iniciado em até três meses a partir da data da divulgação dos valores estimados pela administração, e concluído no período determinado pela secretaria de Urbanismo. Para facilitar a adequação das calçadas, a Secretaria de Urbanismo elaborou uma cartilha explicativa para os interessados, contendo informações sobre qual o modelo correto para cada obra.

“Aquele que age sob o efeito de incontrolável emoção, pode se dar muito mal pelo que diz e, sobretudo, pelo que é capaz de fazer.” Geraldo Vidal

3

CENTRO DE CONVIVÊNCIA DA TERCEIRA IDADE “ESTRELA DO MAR” Programação de Setembro de 2010 Dança de Salão - Todos os domingos, das 10 às 11 horas 5 – Almoço às 12:30h - R$ 8,00 - TAINHA AO FORNO com pirão à moda baiana, arroz, saladas diversas. Sobremesa: mousse de limão 7 ��� Desfile Cívico com a participação do CCTI 10 - Baile da Primavera - com Jorginho – 21 horas - Eleição da Rainha da Primavera 12 - Almocinho às 12:30h - R$ 7,00 - COXA E SOBRECOXA à moda oriental (com gengibre, shoio, amendoim moído), arroz, saladas e sobremesa 17 – Noite PORTUGUESA – 20 horas - JANTAR DANÇANTE com o Conjunto GUZELLA - Apresentação de Danças Folclóricas e Pratos Típicos Portugueses 19 – Assembléia Geral às 11 hs - Almocinho às 12:30h - R$ 7,00 GUISADO INDIANO (cubinhos de carne bovina com iogurte e especiarias). Arroz Primavera, saladas e sobremesa. 21 a 27 – SEMANA DO IDOSO - ACOMPANHEM A PROGRAMAÇÃO ELABORADA PELA FUNDACC E PELO CONSELHO DO IDOSO 24 – Baile dos Aniversariantes às 21 horas com o conjunto SOM DA TERRA 26 – Almoço das 12:30 hs - R$ 8,00 GALINHADA ESPECIAL Arroz, farofa de farinha - de milho, saladas. Sobremesa: doce de abóbora com coco. Alameda dos Ciprestes, 145 - Cidade Jardim Caraguatatuba - Fone: (12) 3883-3668


4

Setembro de 2010

A MELHOR IDADE

Saúde Ritmo de caminhada revela saúde do idoso

C

Boutique das Delicias

érebro, coluna, nervos, músculos, articulações, coração e pulmões. Juntos, e funcionando bem, são eles que permitem o caminhar ereto, ritmado de tantos idosos. Mas se o complexo sistema não vai bem, os pés arrastam-se, a coluna dobra, o movimento é cada vez mais lento. Médicos defendem que a velocidade de marcha também seja considerada um medidor de saúde durante o envelhecimento, tão relevante quanto outros quatro sinais vitais já avaliados nas consultas: pressão, frequência respiratória, temperatura e massa corporal. Perder a velocidade dos movimentos é um sinal natural de diminuição da vitalidade, de saúde deficiente em diferentes espécies, mas muitos especialistas não levam isso em conta. Em trabalho publicado no fim de 2009 na revista científica Journal of Nutrition, Health and Aging, membros de uma força-tarefa da Academia Internacional de Nutrição e Envelhecimento apontaram, após revisão da literatura, que a velocidade de marcha é um instrumento eficiente para prever expectativa de vida, surgimento de incapacidade física, necessidade de hospitalização, quedas e demências. Justamente por ser a expressão da interação de diferentes órgãos e estruturas do corpo. Segundo o estudo, uma velocidade de

marcha menor do que 0,6 m/s deve ser considerada extremamente preocupante. Entre 0,6 a 1 m/s, a situação é regular. E acima de 1 m/s, normal. “O andar é fundamental para o bem-estar. Todo mundo que já quebrou a perna sabe o quanto é ruim. As pessoas se preocupam com o idoso, mas não com sua mobilidade”, afirmou ao jornal O Estado de S. Paulo Stephanie Studenski, professora da divisão de Medicina Geriátrica da Universidade de Pittsburgh (EUA) e uma das maiores autoridades mundiais em mobilidade de idosos. Ela esteve no 17.º Congresso Brasileiro de Geriatria, no mês passado, em Belo Horizonte. Anormalidades na marcha podem indicar, por exemplo, o avanço de uma doença que já acomete o idoso, como uma cardiopatia, ou então um ou vários problemas de saúde desconhecidos que demandam investigação, como artrite, doenças pulmonares, distúrbios da visão ou causados pela diabete. Mesmo a depressão pode levar um idoso a arrastar-se. Além disso, a velocidade da marcha revela o consumo de energia dos velhos, o que ajuda predizer sua capacidade de cumprir tarefas cotidianas. Fonte: http://veja.abril.com.br


Setembro de 2010

A MELHOR IDADE

Saúde Saiba como amadurecer mantendo a saúde, os direitos, o prazer e o bom humor Atividade física - Nunca é tarde para começar

A

atividade física é um ponto importante na qualidade de vida do idoso. No entanto, o tipo de exercício a ser realizado depende do organismo e da vontade de cada um. Segundo Silene Sumire Okuma, coordenadora do grupo de pesquisa em educação física para idosos da Faculdade de Educação Física da Universidade de São Paulo, não há nenhuma fórmula predeterminada do que deve ser feito na terceira idade. Por essa razão, d o i s fatores são preponderantes naa escolha da atividade física. Primeiramente, te, o idoso precisa olhar para si e ver qual ual a sua capacidade funcionall nas atividades do dia-a-dia, como subir as escadas de um ônibus, carregar panelas de pressão, arrumar camas, abaixar-se para ver o forno, por exemplo. A atividade física irá melhorar sua capacidade de desempenhar essas e outras tarefas cotidianas. Avaliação de saúde O outro fator fundamental é a avaliação da saúde do idoso. Estudos mostram que pelo menos 70% dos idosos têm um problema de saúde e a atividade física pode ser uma grande aliada do tratamento. A prática da atividade física pode controlar a manifestação e os sintomas de várias doenças, como a hipertensão, por exemplo, e reduzir o consumo de remédios. Para isso, é preciso trabalhar com três sistemas do corpo humano: o cardiovascular, o nervoso e o músculo-esquelético. O que fazer Após a realização desses dois passos iniciais, a avaliação de sua capacidade funcional e de sua saúde, o idoso deve escolher a atividade de que mais gosta. É importantíssimo que ele tenha prazer. Ao fazer algo que não gosta, o idoso pára após dois meses do início dos exercícios, por isso vale experimentar várias atividades físicas até encontrar a que melhor se adapta ao seu perfil. Entre as atividades que trabalham o sistema cardiovascular estão andar de bicicleta,

caminhar e fazer natação. Privilegiam o sistema músculo-esquelético a musculação e a ginástica, por exemplo, e atividades como yoga e tai chi chuan, com seus movimentos mais suaves, dão mais atenção ao sistema nervoso. Quem já fazia De acordo com Sumire Okuma, quem sempre fez atividades físicas pode mantê-las, quando chegar à terceira idade. Além disso, o idoso jovem (60-65 anos) não tem restrições restriçõe a exercícios. Contudo, é importante frisar que quem nunca praticou exercícios pode começar com co qualquer idade, desde que q observados os fatores de saúde e a capacidade funcional do corpo. Após tomar a decisão, o idoso deve fazer uma avaliação clínica para saber qual a atividade ideal a ser adotada. Os que não gostam t de ficar sozinhos podem formar grupos de amigos ou for procurar instituições que tenham procur cursos voltados para a terceira idade. Caminhadas A maioria dos idosos, hoje, prefere fazer caminhadas por dois motivos: não é preciso ter habilidades específicas e é uma atividade que não tem custo. É bom lembrar, alerta Sumire Okuma, que a caminhada não supre todas as necessidades do corpo, pois trabalha apenas o sistema cardiovascular e o músculoesquelético. Esse último fica restrito aos pés e às pernas. Já a hidroginástica pode ser adotada pelos que gostam de água, independentemente de saberem nadar, pois este conhecimento não é pré-requisito. Freqüência O ideal é fazer atividades físicas duas vezes por semana, pelo menos, por uma hora, mas não existe receita. O idoso pode dedicar-se apenas uma vez por semana e isso será melhor do que levar uma vida sedentária. Fonte: http:// www.serasaexperian.com.br

5


6

Setembro de 2010

A MELHOR IDADE

PIADAS

HORÓSCOPO Áries - 21/3 a 20/4 Você vai se preocupar mais com a saúde e, com isso, poderá sentir vontade de se cuidar melhor. Este é um mês em que seus amigos poderão contar com você para o que der e vier.

A mulher entra num restaurante e encontra o marido com outra: - Pode me explicar o que é isto?? E ele responde: - Só pode ser azar!!!

Touro - 21/04 a 20/5 As energias estão mais leves e se divertir será muito mais fácil em qualquer ocasião. No trabalho, realizará seus afazeres com paixão e muita confiança. A sorte estará ao seu lado.

Antigamente, quando uma moça conhecia um rapaz gentil e educado perguntava logo se era solteiro... Hoje, pergunta se é gay...

Gêmeos - 21/5 a 20/6 Neste mês, você estará mais voltado à sua casa e à sua família. Pode ser um bom momento para tentar compreender algumas situações que antes estavam obscuras.

- A senhorita aceita um uísque? - Não posso. Me faz mal para as pernas. - As suas pernas incham? - Não, abrem...

A mulher compra um kit da Tiazinha para surpreender o maridão que há tempos não se animava. - E aí, querido? Com quem eu fiquei parecida? - Do pescoço pra cima com o Zorro, do pescoço pra baixo, com o Sargento Garcia. - Lobo, por que você tem essa testa tão suada, olhos tão

Câncer - 21/6 a 21/7 Acredite em sua capacidade de convencer as pessoas. Terá facilidade de encontrar alguém que tenha muito a ver com você. A dois, estarão dispostos a tudo pela felicidade. Leão - 22/7 a 22/8 Coloque como prioridade as questões relacionadas a dinheiro, pois será um bom mês para ver seu salário render. No amor, abra-se ao diálogo e ampliará a harmonia. Virgem - 23/8 a 22/9 Suas finanças estarão protegidas e a sorte será sua aliada. Bom mês para fazer cursos e aperfeiçoar seus conhecimentos. No amor, boas surpresas chegarão para quem estiver só. Libra - 23/9 a 22/10 Pare de olhar somente para o seu umbigo. Neste mês, dedique-se a ajudar as pessoas que realmente precisam de apoio e de atenção. No amor, evite brigas e desconfi anças. Escorpião - 23/10 a 21/11 Mesmo com tantas pessoas ao seu redor, poderá sentir-se só. Então, não tenha receio de pedir auxílio quando precisar. Também não se isole, pois isso não ajudará você. Sagitário - 22/11 a 21/12 Dinamismo e criatividade não faltarão para você neste mês. Isso porque vai querer colocar em prática os seus projetos. Na vida amorosa, você terá mais compreensão. Capricórnio - 22/12 a 20/1 Pratique boas ações para que elas voltem para você no futuro. Lembre-se de que plantando boas sementes, colhe-se ótimos frutos. Na vida a dois, estará em total sintonia com o par. Aquário - 21/1 a 19/2 Ótima fase para refl etir sobre sua vida e suas metas. Defi na suas prioridades e lute por elas. No romance e no sexo, será capaz de ir além dos limites. Cuidado! Peixes - 20/2 a 20/3 Nesta fase, viverá com as suas emoções à fl or da pele. Por isso, não leve tudo a “ferro e fogo”. Seja maleável ao lidar com pessoas que pensem diferente de você.

apertados e os dentes tão arreganhados? - Pô, Chapéuzinho, deixa eu fazer cocô tranqüilo!!! - Carmen, você está doente? Te pergunto porque eu vi

Um velho senta-se num banco no ônibus.... Bem em frente a um Punk de cabelos compridos, com mechas verdes, azuis, rosa e vermelhas. O velho fica olhando para o Punk e o Punk olhando para o velho.O Punk vai ficando invocado... até que então pergunta ao velho: - O quê foi, vovô, nunca fez nada diferente quando era jovem? O velho responde: - Sim, eu fiz. Quando era jovem, fiz sexo com uma Arara - e estou aqui pensando: - Será que este FDP é meu filho?’

Culinária

sair um médico da sua casa, esta manhã... - Olha, minha querida, ontem eu vi sair um militar da sua e nem por isso você está em guerra, não é verdade? - Diga-me, por que motivo você quer divorciar-se de seu esposo? - Meu marido me trata como se eu fosse um cão! - A maltrata? Bate? - Não. Quer que eu seja fiel!

Gislaine Guimarãess

Pudim de leite condensado com Ouro Branco o Pronto em: 1h (+2h de geladeira) Rende: 6 porções Ingredientes: 1 e ½ xícara (chá) de açúcar; 6 bombons tipo Ouro Branco; 2 latas de leite condensado; 1 lata de leite (use a lata de leite condensado vazia para medir); 4 ovos; 1 colher (sopa) de café solúvel Modo de Preparo: Leve uma fôrma de buraco no meio de 24 cm de diâmetro com o açúcar diretamente à boca do fogão, em fogo baixo, até o açúcar derreter e formar um caramelo. Com uma colher, espalhe um pouco do caramelo nas bordas da fôrma. Distribua os bombons de cabeça para baixo na fôrma e espere esfriar. No liqüidificador, bata o leite condensado, o leite, os ovos e o café solúvel até obter um creme liso e homogêneo. Despeje a mistura na fôrma com cuidado e leve ao forno médio, preaquecido, em banho-maria,

por 40 minutos ou até dourar. Retire do forno, deixe esfriar e desenforme. Leve à geladeira por 2 horas e sirva em seguida. Cuidado com as mãos Na hora de caramelizar a fôrma, utilize luvas térmicas para não queimar as mãos. Não mexa o caramelo com uma colher para não açucarar. O ideal é inclinar a fôrma até todo o açúcar derreter.


A MELHOR IDADE

Setembro de 2010

7


8

Setembro de 2010

A MELHOR IDADE

Reflexão Drama do World Trade Center Twin Tower

N

a quinta feira, dia nove, entre uma reunião e outra, o empresário aproveitou para ir fazer um lanche rápido em uma pizzaria na esquina das ruas Yafo e Mêlech George no centro de Jerusalém. O estabelecimento estava superlotado. Logo ao entrar na pizzaria, Moshê percebeu que teria que esperar muito tempo numa enorme fila, se realmente desejasse comer alguma coisa - mas ele não dispunha de tanto tempo. Indeciso e impaciente, pôs-se a ziguezaguear por perto do balcão de pedidos, esperando que alguma solução caísse do céu. Percebendo a angústia do estrangeiro, um israelense perguntou-lhe se ele aceitaria entrar na fila na sua frente. Mais do que agradecido, Moshê aceitou. Fez seu pedido, comeu rapidamente e saiu em direção à sua próxima reunião. Menos de dois minutos após ter saído, ele ouviu um estrondo aterrorizador. Assustado, perguntou a um rapaz que vinha pelo mesmo caminho que ele acabara de percorrer o que acontecera. O jovem disse que um homem-bomba acabara de detonar uma bomba na pizzaria Sbarro`s... Moshê ficou branco. Por apenas dois minutos ele escapara do atentado. Imediatamente lembrou do homem israelense que lhe oferecera o lugar na fila. Certamente ele ainda estava na pizzaria. Aquele sujeito salvara a sua vida e agora poderia estar morto. Atemorizado, correu para o local do atentado para verificar se aquele homem necessitava de ajuda. Mas encontrou uma situação caótica no local. Moshê procurou seu ‘salvador’ entre o palco de destruição do local, mas não conseguiu encontrá-lo. Decidiu que tentaria de todas as formas saber o que acontecera com o israelense que lhe salvara a vida. Moshê estava vivo por causa dele.

Precisava saber o que acontecera, se ele precisava de alguma ajuda e, acima de tudo, agradecer-lhe por sua vida. O senso de gratidão fez com que esquecesse da importante reunião que o aguardava. Ele começou a percorrer os hospitais da região, para onde tinham sido levados os feridos no atentado. Finalmente encontrou o israelense num leito de um dos hospitais. Ele estava ferido, mas não corria risco de vida. Moshê conversou com o filho daquele homem, que já es tava acompanhando seu pai, e contou tudo o que acontecera. Disse que faria tudo que fosse preciso por ele. Que estava extremamente grato àquele homem e que lhe devia sua vida. Depois de alguns momentos, Moshê se despediu do rapaz e deixou seu cartão com ele. Caso seu pai necessitasse de qualquer tipo de ajuda, o jovem não deveria hesitar em comunicá-lo. Quase um mês depois, Moshê recebeu um telefonema em seu escritório em Nova Iorque daquele rapaz, contando que seu pai precisava de uma operação de emergência. Segundo especialistas, o melhor hospital para fazer aquela delicada cirurgia fica em Boston, Massachussets. Moshê não hesitou. Arrumou tudo para que a cirurgia fosse realizada dentro de poucos dias.Além disso, fez questão de ir pessoalmente receber e acompanhar seu amigo em Boston, que fica a uma hora de avião de Nova Iorque. Naquela manhã de terça-feira, Moshê foi pessoalmente acompanhar seu amigo - e deixou de ir trabalhar. Sendo assim, pouco antes das nove horas da manhã, naquele dia onze de setembro de 2001. Moshê não estava no seu escritório no 101º andar do World Trade Center Twin Towers. (Relatado em palestra do Rabino Issocher Frand) Colab.: Antonio Carlos Gregato - acege@ig.com.br


A Melhor Idade 97