Issuu on Google+

2011 nº 04

2011 nº 04

Moda

20 anos

15 bolsas, muitas ideias

Uma história de beleza e sucesso

Truques para customizar

Beleza

O jeito certo de passar cremes Maquiagem milagrosa Perfumes para ele

Saúde

Pular corda? Sim, faz bem!

Entrevista

Celso Kamura e os segredos da cabeça da presidente

Nos bastidores com

Monique

Alfradique E ainda Alinne Rosa, Rogério Cintra (Esquadrão da Moda), André Trigueiro (Globonews)

Especial cabelos

8 penteados vapt-vupt para valorizar sua beleza +15 chapinhas e escovas, escolha as suas + tratamentos incríveis + apliques: mudança radical


Astrologia

Planeta verde

08

98

Signo ascendente Descubra o seu!

Volta por cima

20

Vida nova A inspiradora virada da paulista Marlene Mathias

Beleza

30 36

Na prateleira Produtos que você precisa conhecer... e ter!

Transformação A mudança incrível no visual da jornalista Clara Quintela

Saúde

76

Botox Os novos usos da substância além da estética

Comportamento

82

Teste Você é mais razão ou emoção no dia a dia?

Vitrine sustentável Peças ecologicamente corretas que são o máximo!

Nós

100 Turismo de negócios

O Pantanal foi o lugar escolhido para um grande evento da Bio Extratus

Culinária

102 Faça bonito gastando pouco Receitas fáceis e deliciosas para você receber bem com economia

Cabellina

110 Etiqueta no trabalho

Toques importantes para não fazer feio no escritório

Ativos

112 Noni

Com vocês, a rainha das plantas

Elas por ele

114 Carreira

Dicas do expert Marcelo Cuellar para se dar bem na vida profissional

Relacionamento

86 90

4

98

Ciúme Como não ultrapassar os limites

Chapada Diamantina O paradisíaco destino no interior da Bahia

102

FOTOS: DIVULGAÇÃO (VITRINE) / PAULO CARDONE/2X1 (CULINÁRIA)

12

Horóscopo As previsões para os últimos meses do ano


Está na 14 22

FOTOS: DIEGO PASI (ALINE ROSA) / MICHELLE SILVA (MODA) / PAULO CARDONE/2X1 (CELSO KAMURA)

32

42

Bio Extratus 20 anos de beleza e sucesso

capa fáceis de usar, produtos para os loiros claríssimos e os fios expostos ao sol, aula para usar a chapinha e modelos diferentes para você escolher a sua, o talento do especialista Rodrigo Cintra e muito mais

Moda 15 bolsas incríveis para inspirar seu look e três técnicas para renovar seu guarda-roupa sem drama

Beleza Aprenda a passar o creme do jeito certo, a maquiar olhos caídos e a escolher o perfume para ele

Especial cabelos Dicas para deixar os fios invejáveis, as mudanças nos cabelos da cantora Aline Rosa, toques para modernizar o rabo de cavalo e se livrar das pontas duplas, apliques

66

78 94

Monique Alfradique

44

A simpatia, o charme e o talento da atriz carioca que é a estrela das novas campanhas da Bio Extratus

Saúde Pular corda é o novo exercício em alta nas academias

Planeta verde O jornalista André Trigueiro, da Globonews, fala da sua ligação com a ecologia

108 Celso Kamura

A vida e a carreira de um dos mais importantes cabeleireiros do Brasil, responsável pela transformação do visual da presidenta Dilma Rousseff

22

FOTOS: MÁRCIO RODRIGUES PRODUÇÃO DE MODA: SAMANTA SZCZERB CABELO E MAQUIAGEM: RICARDO TAVARES ASSISTENTE DE PRODUÇÃO DE MODA E BELEZA: GILZA SANTOS

66

108

5


Nosso recado Comemoração! Esse é o clima da Bio Extratus e da nossa equipe de redação. A marca completa 20 anos com uma história de muito sucesso no mercado de beleza brasileiro e com constante crescimento no exterior, não é o máximo? No final de agosto, a empresa reuniu a equipe de distribuidores em uma convenção para premiar os que mais se destacaram e lançou duas linhas de produtos: a Blond, que deixa os loiros radiantes, e a Verão, que trata os cabelos expostos ao mar e à piscina. Além disso, apresentou a sua mais nova estrela, a atriz Monique Alfradique, que estreia a campanha dos lançamentos, e a da mais recente produção com a atriz Fernanda Vasconcellos, que continua brilhando nas campanhas da marca. Justamente por tudo isso, a edição número quatro da Fúcsia é especial de aniversário e ganhou mais páginas, o que significa um recheio ainda maior e melhor de infor-

mações sobre beleza, cosméticos, ecologia, comportamento, saúde, culinária, astrologia e muito mais. Temos recebido das nossas leitoras mensagens carinhosas de incentivo e reconhecimento, o que mostra que estamos acertando na fórmula para fazer uma revista cada vez mais com a sua cara. Agradecemos o carinho! Aqui, só para citar alguns destaques, você vai aprender truques incríveis com experts em cabelo e maquiagem, conferir a entrevista exclusiva com o talentoso cabeleireiro Celso Kamura – que fala sobre sua carreira e a transformação no visual da presidenta Dilma Roussef –, se inspirar na volta por cima da nossa personagem Marlene, conhecer melhor o jornalista global André Trigueiro – cuja vida é dedicada ao meio ambiente – e descobrir como é encantadora e linda a nossa mais nova beldade que representa a Bio Extratus, Monique Alfradique. Bem-vinda a mais uma Fúcsia e boa leitura!

Presidente: Vera Lúcia Gonçalves Gomes

Revisão: Helena Aires e Clara Ayres

Conselho Editorial: Thiago Gonçalves Gomes, Janaína Gonçalves Gomes e Thiana Gonçalves Gomes

Produção Gráfica: Gabriel Fonseca Projeto Gráfico: [sic] comunicação Publicidade: Zavala Propaganda

Editora-Chefe: Gabriella Galvão Diretora de Arte: Debora Barbieri Designer: Beatriz Garcias

2X1 Editora www.editora2X1.com.br Tel.: (11) 3867.3848

Assistente de arte: Anderson Sunakozawa e Marina Bevilaqua Colaboraram nesta edição: Andrea Dip, Bettina de Cerqueira César, Carolina Thomeu, Fabiana Farias, Iracema Vieira, Jhonny Braz, Letícia Diniz, Márcia Gonçalves, Mariane Salermo (textos); Lucio Almeida, Márcio Rodrigues, Michelle Silva, Paulo Cardone (fotos) Weslei Marinho (tratamento de imagens) Cerflor/31-13

6

Impressão: divisão gráfica da Editora Abril S.A.

PEFC/28-31-13

Cerflor/31-13

PEFC/28-31-13


Participe Você na Fúcsia A Sheron é muito fofa. Já era fã e fiquei ainda mais depois de ler a entrevista. Adorei as fotos, parabéns!

Fernanda Gomes Ribeiro • Belo Horizonte • MG A capa com a Sheron Menezzes ficou o máximo e valorizou a beleza da mulher brasileira. Parabéns pela reportagem e por ter mostrado para os fãs da atriz (como eu) um pouco mais da sua intimidade.

tória da Isabel Fillardis, que ajuda outras famílias a lidar com crianças especias. Tenho todas as edições e uso e aprovo os produtos Bio Extratus.

Milena Reis • Minaçu • GO Oi, Milena, a força, coragem e determinação da atriz Isabel Fillardis e da sua família são mesmo incríveis e inspiradoras. Uma lição de vida para todos nós sobre nunca desistir diante de um obstáculo da vida, seja ele qual for! Amei a revista, achei muito fofa, de um conteúdo bem legal. Beijo a todos.

Elza Ricco • São Paulo • SP

Liliane Xavier • Redenção • PA

Fiquei deslumbrada com a terceira edição da Fúcsia. Além de dicas de beleza, fala de saúde e assuntos interessantes como a his-

Envie seu comentário para redação@revistafucsia.com.br ou para Editora 2x1 – Rua Américo Brasiliense, 2.171, conj. 1.104, São Paulo/SP, CEP 04715-005

Só nós vimos Depois da indispensável corrida diária, Monique Alfradique chegou ao estúdio pronta para fazer as fotos da nova campanha da Bio Extratus, fotografar para a revista e ainda ser entrevistada. A estrela surpreendeu toda a equipe com uma simpatia incrível e não reclamou das horas dedicadas ao preparo do look. Linda e profissional, um arraso! 7


seu astral

Previsão completa para o 2º semestre

Áries

Gêmeos Touro

De 21 de março a 20 de abril

De 21 de abril a 20 de maio

De 21 de maio a 20 de junho

Amor

Amor

Amor

Período de mudanças importantes. Dobre sua atenção com a pessoa amada. O segundo semestre de 2011 vai exigir ações rápidas. Convites para muitos eventos sociais e novos personagens entrarão na sua vida. Entregue-se.

Finalmente, taurina, já neste segundo semestre de 2011 você terá toda a positividade a seu dispor e, mesmo depois, a sorte será toda sua. Possibilidades afetivas e renovação em alta. Faça boas escolhas.

A calma será um bem precioso para manter a relação nos trilhos e também para quem está em busca da alma gêmea. Afobamentos e descontroles em nada ajudarão. O amor é um exercício de respiração, acredite.

Saúde

Saúde

Saúde

De agora até o final de 2011, a coluna e o sistema nervoso vão sofrer com o estresse. Diminua o ritmo. Contudo, já que a vida social estará em alta, invista na boa forma. Exercícios leves serão benéficos.

Cuidado para os sentimentos não afetarem a saúde que, depois do primeiro semestre, se estabilizará. Não internalize aborrecimentos, encare com normalidade. A água é sua melhor amiga.

O desgaste emocional tem deixado você sem eixo, por isso a saúde se ressentiu. Basta mais repouso e relaxamento e você terminará 2011 como começará 2012: com muita saúde.

Família

Família

Família

Chegou a hora de assumir a liderança no grupo familiar, mas moderese quanto ao autoritarismo ou os desentendimentos se intensificarão. Hasteie a bandeira da paz.

Aproveite a calmaria e faça contato com os familiares. Feche os ouvidos aos comentários pernósticos, frutos da insegurança e do ciúme. Invista em quem merece.

A hora de paz é esta: contemporize e verá a união familiar de volta. A palavra cordata é um bálsamo diante dos conflitos, cultive-a e tudo será pura luz.

Trabalho e finanças

Trabalho e finanças

Trabalho e finanças

A postura mais conservadora ainda é a melhor para se lidar com finanças – assim, você terá o segundo semestre de 2011 cheio de prosperidade, reflexo de um planejamento criterioso. Negocie com clientes e empregadores.

Agora que está com perspectivas mais otimistas, você conseguirá ver novas oportunidades e outros horizontes que antes pareciam não existir. Mantenha as antenas ligadas, sua conexão neste semestre é com o sucesso.

O pique de trabalho, o índice de produção e o ânimo estão altíssimos na sua vida neste segundo semestre. Aproveite para colocar os projetos em marcha. Assim, vai conseguir terminar 2011 com um pé na vitória.

Dica Para diminuir a possibilidade de reveses, leve com voc• uma pedra azul. Banhos com ess•nc ia de lavanda tambŽm ajudar‹ o.

8

Vinicius Puttini

Dica A cor amarela, no Ocidente, Ž prosperidade e, em partes do Oriente, espiritualidade. Abuse dela em todas as apresenta• ›es .

Dica Tanto os cristais de tons lil‡ s, quanto a erva alecrim, em ess•nc ia e incensos, v‹ o ajudar a equilibrar seus desejos.


Leão Câncer

Virgem

De 21 de junho a 21 de julho

De 22 de julho a 22 de agosto

De 23 de agosto a 22 de setembro

Amor

Amor

Amor

Ondas poderosas de afeto emanam de você. Então, que tal se expor mais ao amor? Vale tanto para quem já tem compromisso, como para quem ainda não encontrou a cara-metade. O amor está no ar, respire fundo e termine 2011 feliz.

Em seu período de aniversário, muitos altos e baixos vão ocorrer na vida afetiva – é o momento da decisão. E para as leoninas sem a cara-metade, novidades estão a caminho: chega de solidão. Amizades em alta.

Agora que você compreendeu que lugar tem nas relações, precisa se vigiar para não cometer os mesmos erros, isto é, procurar o caos para chegar à ordem – a pessoa amada não entende essa oscilação. Solteiras, abram o coração!

Saúde

Saúde

O medo é um componente de várias doenças. Muitas vezes, a falta de vitaminas e de repouso causam insegurança, temor e palpitação. Coragem para sorrir e terminar o ano com muita saúde.

O recuo das situações constrangedoras de qualquer natureza é mais do que necessário. É urgente, preserve-se. Você faz o que pode, mas não pode tudo, e sua saúde ficou comprometida.

Saúde

Família

Família

Sempre tentando aplacar conflitos, admita que, agora, o papel não é seu. Não se trata de esquivar-se, mas de se proteger e depois interferir. Seja a paz familiar.

Conflitos, paixões, mistérios... Está na hora de você não ser mais quem salva a pátria em casa. Agora, é organizar-se para começar seus projetos.

Pertencemos a várias famílias e, com laços sanguíneos ou não, o que vale mesmo é a identificação. Agora que aprendeu, valorize quem ama você.

Trabalho e finanças

Trabalho e finanças

Trabalho e finanças

Canceriana, poder é verbo e é substantivo: neste segundo semestre de 2011, você pode – e poderá, sempre – alcançar as ambiciosas, porém justas, metas esperadas. Vá em frente, o sucesso está à sua espera.

O controle tem sido uma boa estratégia, continue a economizar. As perspectivas para este segundo semestre de 2011 são excelentes para você, não se esqueça de se capitalizar. Bons contatos estão favorecidos.

Dica A pedra hematita concretizar‡ suas cren•a s, e o uso da flor de laranjeira com certeza vai ajudar a suavizar sua caminhada.

Dica Depois do seu anivers‡ rio, leonina, use a pedra olho de tigre, o girassol e seus derivados para ganhar for•a extra.

Ainda com sequelas do nervosismo do primeiro semestre de 2011, o modo de reverter a situação é buscar a paz, o equilíbrio e a confiança para beneficiar o corpo.

Família

Assim que estiver mais equilibrada no seu próprio eixo, virginiana, seus contatos e performances serão ativados. Porém, o descanso é necessário para conseguir encontrar novas oportunidades na vida, não esqueça!

Dica Pedras verdes ser‹ o —t imas companheiras, abuse delas e energize-se usando pŽt alas de rosas amarelas em banhos e incensos.

9


Escorpião Sagitário

Libra De 23 de setembro a 22 de outubro

De 23 de outubro a 21 de novembro

De 22 de novembro a 21 de dezembro

Amor

Amor

Amor

Pois bem, libriana, agora finalmente você já sabe o que quer e de que precisa para ser mais feliz nas relações de afeto, estando em relacionamento ou não. Mantenha o foco, a expectativa e o desejo. A partir de novembro de 2011, muitas novidades.

Tenha calma, afinal, é você quem vem dando as cartas na sua vida afetiva. Para solteiras ou comprometidas: que tal mudar um pouco e se deixar seduzir ao invés de atacar o tempo todo? O período vai trazer as definitivas melhorias nas relações.

Pois bem, as mudanças aconteceram e nem todas foram como você queria... Será? Às vezes, quando nos queixamos de algo ou alguém, o que queríamos era atenção e não o afastamento. Chegou a hora das decisões, termine 2011 assertivamente.

Saúde

Saúde

Saúde

Ainda que você tenha enfrentado dificuldades no primeiro semestre, o saldo agora é bom. Mantenha hábitos alimentares saudáveis, atividades físicas em dia e cuide da coluna.

Se você não cuidar das emoções, os altos e baixos no primeiro semestre vão se repetir nos próximos meses. Mas depois de dezembro você verá melhorias concretas.

Finalmente as pendências com a saúde se estabilizaram. Que tal mantê-las? Um programa de atividades físicas, repouso adequado, foco e cuidado farão maravilhas por você.

Família

Família

Família

Furacões, por pior que sejam, passam. Respire fundo, espere um pouco mais antes de dizer o que pensa e permaneça ainda mais suave. Você apaziguará a todos. Seja a harmonia.

Desta vez é você que deve carinho e atenção aos membros da sua família. É tempo de reaproximação e afeto. A família é quem mais nos ama, ainda que haja problemas.

Quem disse que família só é boa no álbum de fotos? Sagitariana, você é a alegria e o centro das atenções, promova reuniões, encontros e espalhe o perdão. Os anjos virão.

Trabalho e finanças

Trabalho e finanças

Trabalho e finanças

Há dificuldades? Continue, siga em frente e não esmoreça – o sucesso virá depois do aniversário e, até o final do ano, chegarão bênçãos e prosperidade.

Um passo de cada vez para não se perder no ritmo e manter as conquistas do primeiro semestre. Com essa postura, o ano será de muita prosperidade.

Nada de pessimismo, nem é o seu jeito de ser. Una-se com as pessoas de boa índole e otimistas. Acredite no seu talento e controle os gastos.

Dica Tons de laranja, ess•nc ia de anis e cristais espalhados pela casa v‹ o ajudar a elevar seu astral, libriana. Vale investir.

10

Dica Use o branco, abuse da ess•nc ia de erva-doce e tenha sempre a pedra de quartzo rosa junto a voc•, escorpiana.

Dica Sagitariana, o tom azulclaro vai ajudar voc• a se sentir bem melhor. Assim como sua ess•nc ia, o s‰ ndalo. Acredite.


Aquário Peixes

ILUSTRAÇÕES: YOUTOART / [SIC]

Capricórnio De 22 de dezembro a 20 de janeiro

De 21 de janeiro a 19 de fevereiro

De 20 de fevereiro a 20 de março

Amor

Amor

Amor

Decepções e euforias fazem parte das relações para quem tem compromisso, seja maleável. Para as solteiras, desde agora até outubro, novas perspectivas virão e, se estiver mesmo a fim, invista naquela amizade que pode se tornar algo mais profundo.

Depois de um período de quietude, você nota que a relação esfriou um pouco? Nada disso. A rotina é uma bênção, garante nosso lugar no mundo. Proponha atos criativos para a pessoa amada. Solteiras, preparem-se para um grande amor ainda em 2011.

Quanto mais você não explicitar seus desejos, mais difícil será acertar a situação afetiva. E se está na solteirice, dê um sinal e os amores florescerão à sua volta. Lembre-se: ciúmes podem apimentar, mas no final arruínam o sabor de uma relação.

Saúde

Saúde

Saúde

Fase excelente para cuidar não só da saúde, mas da beleza e do bem-estar. Um programa de malhação, alimentação saudável e saber relaxar na hora de dormir serão benéficos.

Que bom que você começa a se recuperar. Portanto, muita observação: recaídas de estados gripais ou pulmonares são ruins. Mantenha-se saudável e tudo ficará bem, aquariana.

A sua aparência está ótima e a saúde controlada. É exatamente por isso que os astros aconselham fazer um check-up – afinal, a vigília à plantação é o que garante a colheita.

Família

Família

Família

Ser chefe de família independe do gênero e do estado civil. É um empreendimento difícil que exigirá muito de você até o final de 2011. Concentração, amor e cautela e tudo sairá bem.

Depois de alguns desentendimentos e rupturas, as coisas estão voltando ao lugar. Semeie serenidade e paz. Que tal convidar as partes contrárias para um jantar na sua casa?

Você deve ponderar se agiu corretamente – talvez você tenha sido muito rígida com alguns membros da família. Um acordo ruim é sempre melhor que uma boa briga.

Trabalho e finanças

Trabalho e finanças

Trabalho e finanças

Quem planta, colhe. Estamos no segundo semestre de 2011 e você viu flores brotando. A boa notícia é que tudo melhora para o final do ano. Novas oportunidades virão.

Você sente as melhorias no segundo semestre de 2011. Se mantiver o foco, com a experiência que tem verá resultados promissores. Economizar é sempre bom.

Mantenha o rumo tomado desde o início do segundo semestre de 2011. Daqui para frente, você verá melhorias nos seus negócios. Prepare-se para poupar.

Dica Aposte no uso do verde, capricorniana, seja em cores ou em pedras. O manjeric‹ o tambŽm trar‡ saœ de e prosperidade.

Dica O uso do branco nas roupas, a op•‹ o pelas comidas leves e colocar conchas nos cantos da casa conectar‹ o voc• ao amor universal.

Dica O prata e o cinza, em roupas e pedras, dar‹ o mais firmeza a voc• . Margaridas, as flores e as ess•nc ias, v‹ o alegrar a vida. www.astrologonline.com.br

11


seu astral

Você conhece o seu

ascendente?

Por Fabiana Faria

Faça o cálculo para saber qual o seu signo do impulso e da iniciativa e descubra as influências que ele pode ter na sua vida

Duas previsões Você já deve ter ouvido falar que é preciso verificar o horóscopo dos seus dois signos: 12

o solar e o ascendente. Ana Cristina confirma: “Lendo as previsões para os dois signos é possível ter dados mais definidos e mais verdadeiros.” Segundo o livro “Signos solares para o século XXI”, de Babs Kirby (Editora Nova Era), “Nenhum de nós se resume em um só signo: somos uma mistura de vários deles.” É por isso que o mapa astral tem a influência de diversos signos em diferentes casas solares, e o astrólogo estuda todas as características na hora de preparar o mapa de alguém. Influência ao longo da vida Há quem diga que após os 30 anos as características do signo ascendente se sobrepõem às do signo solar. A astróloga Ana Cristina diz que isso é balela: “O engraçado é que tal história só existe aqui no Brasil. Quando comento sobre isso no exterior, as pessoas dão risada”, explica Ana. De acordo com a especialista, como o ascendente é o signo do impulso, ele atua principalmente na juventude. Com o passar dos anos, as pessoas tomam mais consciência de si, dos traços da sua personalidade e passam a agir sob a influência do signo solar. Ele é o responsável pela sua realização de vida, representa a sua essência.

FOTOS: STOCK.XCHNG

Quando alguma coisa dá errado no seu dia, qual é a sua primeira reação? Seja ela qual for, não é à toa. A maneira como você reage de prontidão aos acontecimentos é orientada pelo seu signo ascendente. Ou seja, o signo que estava surgindo na linha do horizonte na hora exata do seu nascimento. É diferente do signo solar, aquele pelo qual o Sol estava transitando no período do seu nascimento. Parece complicado, mas não é, a gente garante. Preste atenção. Quando você diz que é de Câncer, já que nasceu no dia 12 de julho, por exemplo, é porque o Sol estava passando pelo céu nesse dia. E, justamente na hora em que você nasceu, o signo que estava na linha do horizonte é o seu ascendente. É o seguinte: o ascendente representa o seu corpo físico, ele reflete o modo como você realiza suas atividades. É a famosa “primeira impressão”, o primeiro impulso. Tudo o que você vai começar na vida será influenciado por ele. “É como se o signo solar (aquele sob o qual você nasceu) fosse um carro e, o ascendente, o motorista”, compara a astróloga Ana Cristina Abbade, de São Paulo.


Como calcular o seu ascendente Consulte o seu signo solar na tabela abaixo e o horário em que nasceu para descobrir o seu ascendente. Atenção! Caso tenha nascido no horário de verão ou em locais com fuso horário, considere o horário de Brasília para fazer o cálculo. Signo Solar Áries Touro Gêmeos Câncer Leão Virgem Libra

6:31/ 8:31/ 10:31/ 12:31/ 14:31/ 16:31/ 18:31/ 20:31/ 22:31/ 24:31/ 2:31/ 4:31/ 8:30 10:30 12:30 14:30 16:30 18:30 20:30 22:30 24:30 2:30 4:30 6:30

Legenda

Áries Touro Gêmeos Câncer Leão Virgem Libra Escorpião Sagitário Capricórnio Aquário Peixes

Escorpião Sagitário Capricórnio Aquário Peixes A influência dos ascendentes na sua personalidade Apesar de ter características distintas, os signos sofrem influência dos elementos que os regem. A antiga filosofia grega classificava as coisas como sólidas, líquidas, gasosas e energia. A partir daí surgiram os elementos Terra, Água, Ar e Fogo. • Os signos de Terra (Touro, Virgem e Capricórnio) fazem parte do mundo material. São práticos e gostam de objetividade e disciplina. • Os signos regidos pela Água (Câncer, Escorpião e Peixes) possuem emoções profundas. São sensíveis, receptivos e acolhedores. • Os signos de Fogo (Áries, Leão e Sagitário) são radiantes. Possuem entusiasmo, são autoconfiantes e líderes. • Os signos de Ar (Gêmeos, Libra e Aquário) são cheios de ideias. Comunicativos, se expressam como ninguém. 13


evento

Marca mineira de cosméticos prova que é possível crescer a passos largos, com qualidade e respeito à natureza

14


FOTOS: DIVULGAÇÃO

Entre 17 e 20 de agosto, a empresa reuniu os distribuidores de todo o Brasil na sede da fábrica em Alvinópolis (MG) para celebrar os 20 anos da marca durante a VIII Convenção Nacional Bio Extratus. O evento foi recheado de cultura, recordações, prêmios, lançamentos e muita emoção. O tema da convenção foi Amadurecência, palavra cunhada pelo poeta e compositor Fernando Anitelli, que a Bio Extratus reinterpretou para traduzir sua atual fase: Amadurecer sem Perder a Essência. Ou seja, crescer e se profissionalizar, mas sem perder seus valores: ética, parceria, responsabilidade socioambiental, qualidade e inovação! A abertura do evento foi realizada pelos jovens alunos da Fundação Bio Extratus, que deram um verdadeiro show de talento e habilidade encantando a todos os presentes. Foram quatro dias de conteúdo intenso, apresentação de novas ferramentas de trabalho e troca de conhecimentos.

Durante o show da talentosa trupe do Teatro Mágico, foi anunciado o patrocínio do terceiro projeto do grupo: A Sociedade do Espetáculo

15


Para conduzir toda a programação, o evento contou com um mestre de cerimônia muito especial, Mateus Bonassa, o integrante do Teatro Mágico, que despertou a atenção do público com sua arte circense e com intervenções hilárias e poéticas. Durante o show da talentosa trupe do Teatro Mágico, foi anunciado, com enorme orgulho, o patrocínio do terceiro projeto do grupo, chamado A Sociedade do Espetáculo. Os intervalos do evento foram enriquecidos por curiosas e fascinantes apresentações do ilusionista Marcelo Beutrin e do misterioso mágico Mister Klaus. Para recordar o início de tudo, a empresa preparou um presente especial: um livro contando o início de cada parceria e a fórmula de cada um para superar todos os obstáculos e chegar ao sucesso de hoje.

Esse presente despertou grandes emoções! Além do livro, o grupo Estandarte, da cidade de Ouro Preto, contou “causos” inusitados de cada distribuidora. Foram histórias engraçadas, trágicas, alegres e emocionantes, contadas com muita criatividade e irreverência. Dois dos momentos mais festejados foram os lançamentos das novas linhas BLOND e VERÃO, e as notícias sobre as estrelas da marca. Os produtos Blond têm tecnologia biorreflex desamareladora, para deixar os fios loiros mais radiantes. Já os da linha Verão proporcionam um tratamento anticloro e antissal que recuperam os cabelos dos danos pós-piscina e pós-praia. Em meio a muitos aplausos, foi apresentada a campanha dos lançamentos, estrelada pela atriz Monique Alfradique, e a nova campanha institucional com a já consagrada garota propaganda da Bio Extratus, Fernanda Vasconcellos.

O palestrante Marin

s

ica

Banda Lúdica Mús

a animou a festa com A banda Chama Chuv

16

O grupo Estandarte contou “causos” inusitados de cada

distribuidora

muito forró

Os intervalos foram enriquecidos com apresentações de mágica


FOTOS: DIVULGAÇÃO

Para encerrar o terceiro dia do evento, a tradicional noite esportiva, com churrasco, gincana para as mulheres e futebol para os homens. No último dia, foi a vez do professor Marins, um dos nomes mais requisitados do Brasil. A palestra foi excelente e intensamente aplaudida por todos. A Bio Extratus reconheceu os méritos de seus parceiros em momentos de grande emoção. A La Belle Cosmetic, de Boa Vista (RR), conquistou o troféu Folhinha de Ouro 2010, concedido à distribuidora com maior participação no mercado. Raimunda Moreira e seu marido Oliveira selaram o feito gravando o nome da empresa no quadro de campeões. Para encerrar e comemorar os 20 anos de sucesso, os participantes curtiram os shows das bandas Lúdica Música, uma das mais conceituadas e atuantes da música minei-

ra, sucesso no Brasil e no exterior, e Chama Chuva, que explodiu com seu forró animado em todo o país no final dos anos 90, despertando nos jovens dessa geração o gosto pelo ritmo. A festa contou com um belo espetáculo de fogos, um bolo comemorativo e os parabéns dados pelos funcionários e voluntários da Fundação Bio Extratus. Franqueza e sintonia nos projetos, sentimentos que revelam uma verdadeira parceria entre indústria e distribuidores. É com essa sinergia que a Bio Extratus atravessa sua fase de Amadurecência e se mostra preparada para o futuro. O evento não poderia ter sido melhor. Já imaginou o que a empresa será capaz de fazer nos próximos 20 anos, e mais 20, e mais 20…? A natureza deu a semente, e a Bio Extratus construiu um imenso jardim.

Um registro de todos os participantes

Os alunos da Fundaç

ão Bio Extratus dera

m um show de talen to e habilidade

Raimunda Moreira e o marido Oliveira gravaram o nome da empresa no quadro de campe ões

da convenção

17


volta por cima

A vida

não pode parar Por Carolina Thomeu

Marlene Mathias tinha todos os motivos do mundo para entregar os pontos, mas escolheu o caminho da lucidez. Deixou para trás os momentos amargos da vida e seguiu em frente até voltar a ser feliz Foi em Embu-Guaçu, no interior de São Paulo, que Marlene cresceu, formou família, enfrentou dificuldades financeiras e até traição, mas de lá ela nunca saiu. Ao contrário, preferiu ficar, erguer a cabeça e mostrar que era capaz de recomeçar. Se casou jovem e foi morar em uma casa emprestada pelo pai. Dessa união, não demorou a nascer Anna Priscila. Com mais um sócio, Marlene e o marido abriram um sacolão e montaram uma distribuidora de alimentos. Um casal unido e feliz. “Era essa a impressão que todos faziam de nós e eu realmente acreditava nisso”, conta. O negócio es20

tava dando certo. Ganhou um carro do marido e planejaram o segundo filho. Mas a vida pregou uma peça e, de uma vez só, seu castelinho desabou. Há um mês do nascimento do bebê, o marido sofreu um grave acidente de carro, entrou em coma e, no hospital, Marlene descobriu a traição. “Uma mulher desconhecida rondava o quarto dele. Na minha cabeça poderia ser qualquer coisa, menos amante”, diz. Recuperado, o companheiro pediu perdão, mas a ferida foi tão profunda que ela decidiu seguir a vida sozinha com a filha e o outro filho que ainda carregava na barriga.


FOTO: LUCIO ALMEIDA/2X1

Outro tombo Como o casal tinha negócios juntos, os dois ainda se encontravam e a filha convivia com o pai. Foi aí que, novamente, Marlene perdeu o chão. O ex-marido saiu para entregar uma mercadoria, mas não apareceu no destino e tão pouco voltou para o trabalho. Os dias foram passando e Marlene deu à luz a um menino, Rubens. O sacolão foi vendido e o sócio tocava a distribuidora. “Eu tinha a certeza de que meu ex-marido saiu de cena para espairecer, pensar no que fez e que voltaria. Mas estava enganada”, fala. Sem poder trabalhar para cuidar do bebê e da filha pequena, Marlene foi ficando sem dinheiro. Faltavam leite, fralda e comida. O sócio dizia que não tinha como ajudar, pois a empresa não ia bem e tudo estava no nome do exmarido. Até o carro não era mais dela. “Passei necessidade e fiquei com vergonha de pedir ajuda à minha família. Me senti um pano de chão, sem dinheiro, com dois filhos para criar e sem marido”, confessa. Uma coisa ela tinha em mente: precisava reagir. Recomeço Uma conhecida, também recém-separada, precisava de um teto. Marlene ofereceu um lar e, em troca, a amiga cuidaria dos filhos para que ela pudesse trabalhar. Passou dois meses lavando roupa para fora. Com humildade e pés no chão para enfrentar os momentos mais difíceis, conseguiu que os filhos não passassem fome. A necessidade

de uma estabilidade maior a fez procurar emprego em casa de família. Como doméstica, o salário no final do mês era garantia certa. Os patrões estavam abrindo uma academia de ginástica e, percebendo o potencial de Marlene, a convidaram para ajudar. Começou como auxiliar, foi conquistando espaço e hoje cuida da parte administrativa e financeira da academia. “Não fiz faculdade, mas busquei conhecimento. Estou há 11 anos no meu emprego e devo muito a meus patrões”, comenta. Com o tempo, reformou a casa, limpou o nome sujo, deixou de pedir carona e andar a pé vários quilômetros para chegar ao trabalho. O automóvel novo é financiado, mas saiu em seu nome. Além disso, conseguiu dar uma boa educação para Anna Priscila, que hoje estuda contabilidade e trabalha, e para Rubens, que está no colégio. No ano passado, fizeram um cruzeiro para o litoral paulista e carioca. Sobre o futuro, Marlene aposta em um outro dom, a culinária. Famosa por fazer deliciosos bolos e docinhos nas festas da família, a notícia logo se espalhou por Embu-Guaçu e, nas horas vagas, ela aceita encomendas. “Quero me dedicar, criar um site com as fotos dos bolos, mas no momento não conseguiria deixar a academia, que tanto gosto e tanto me acolheu”, garante Marlene. Porém esses planos podem esperar. O que importa é que, a principal receita, ela soube como fazer dar certo. 21


moda

Boa Companhia Fotos: Michelle Silva Produção de moda: Jhonny Braz

22


Carteira de renda Zara e bolsa de cetim Selinda elas deixam o visual mais sofisticado, principalmente à noite.

Não é à toa que elas estejam presentes nos looks das passarelas. De tecido, couro, metal, coloridas, sóbrias, pequenas ou máxi, as bolsas fazem a diferença em qualquer visual. Escolha a que mais combina com seu estilo, sem esquecer que uma bolsa estilosa valoriza a produção. Selecionamos peças bacanas de tamanhos, materiais e estilos diferentes para você se inspirar, usar e se destacar com glamour durante o dia ou à noite.

23


Bolsa Rosana Mattua e lenço indiano Brechó WR Vintage desde os anos 70, é o tecido preferido da juventude. “Em matelassê e detalhes em pitton deixa qualquer look fino e descontraído. Faça uma bossa com um lenço, fica atual”, diz o stylist Jhonny Braz.


Bolsas de tecido Mulher Elástica e de couro com listras Selo de Controle. Carteira de pelica Brechó WR Vintage abusar das cores é uma tendência. Use a bolsa com roupas coloridas ou dê um toque alegre ao visual básico.


De camurça matelassê e bolsa com textura de cobra Rosana Mattua. De patchwork de couro Selo de Controle inseparáveis das mulheres urbanas, que saem de casa e levam tudo com elas no melhor estilo ‘Minha bolsa, meu mundo’. “Diferentes materiais e texturas deixam as máxi mais elegantes. Finalize pendurando um chaveiro ou balangandã”, fala Jhonny Braz.


Da esquerda para a direita: carteira píton Cris Capoani, de alumínio Brechó WR Vintage, de couro dourado Chenson, de tressê e minibolsa de fuxico ouro velho Rosana Mattua e de malha de metal Brechó Trash Chic sucesso total à noite, aos poucos estão conquistando o dia. Para não errar, use com looks mais neutros.


moda

Tintas, linhas, botões e bordados podem transformar seu guarda-roupa. Veja com outros olhos as antigas peças do seu armário. Inspire-se!

Transforma roupas com cores desbotadas ou fora da tendência em novas. • Antes de tingir, cheque a etiqueta: o tecido deve ter ao menos 80% de fibras naturais (algodão, lã, linho, alpaca) para você mudar a cor em casa com sucesso. • Quer uma cor vibrante? Use corante químico (vendido em armarinhos). Se o tecido for claro, o tom ficará próximo ao do tubo do corante. Sendo colorido, o resultado será a mistura da cor original com a adicionada – mais ou menos como acontece quando tingimos o cabelo. • Prefere algo mais natural e rústico? Use corantes naturais como casca de 28

cebola, chá preto, beterraba, sementes de urucum, açafrão em pó e casca de romã. Nesse caso, a fibra do tecido deve ser 100% natural, e a cor final ficará mais clara. Abra bem a peça (para não criar manchas no tingimento) e reserve. Em uma panela com água fervente, coloque o elemento do corante natural. Quando a tinta se desprender, desligue o fogo e mergulhe a roupa. Mexa para ter certeza de que todo o tecido está imerso. Deixe na água o tempo necessário para alcançar o tom desejado. • Para tingir tecidos sintéticos, há corantes específicos vendidos em armarinhos. Porém tecidos tipo Lycra não tingem bem. • A peça está manchada? A nova cor deve ser escura e intensa. Em tecidos claros, use um “tira-cor” comprado em lojas de artesanato. Você tem que clarear o tecido para tirar a mancha e então dar um novo tom à roupa. • Atenção: o tecido pode ser de fibra natural e ter a linha da costura de poliéster. Prepare-se, a linha não será tingida com a nova cor. Evite o transtorno lendo corretamente a etiqueta ou

ILUSTRAÇÕES: [SIC]

Você não precisa renovar o guarda-roupa a cada nova estação. Com criatividade e os truques certos, dá para modificar calças, camisas, vestidos, bolsas, deixando-os com cara de novos, exclusivos e, o melhor, gastando pouco. Preste atenção nas dicas, deixe as ideias fluírem e mãos à obra!


Por Letícia Diniz

transforme esse “defeito” em efeito desejado. O mesmo pode ocorrer com zíperes. Para fixar melhor a cor e sendo ecológica, use 3 colheres (sopa) de sal de cozinha na água do tingimento. Ao lavar, ponha 1 colher (sopa) de vinagre de álcool branco para cada litro de água no lugar do fixador industrial.

Acessórios baratos que fazem maravilhas pelo seu figurino! • Encurte mangas e comprimentos de camisas com um acabamento feito à mão. Corte a peça na altura desejada, deixando 2 centímetros para a bainha. Faça duas viradas de 1 cm cada e passe a ferro para facilitar o manuseio. Dê o acabamento com crochê ou pontos de bordado feito à mão. Também dá para usar o truque para criar uma nova gola em camisas, vestidos e colarinhos. • Prefere um bordado de ponto cheio? Há inúmeros deles em versão termocolantes nos armarinhos. Encontre o seu favorito, posicione no local escolhido, esquente o ferro e pressione sobre o bordado.

Para não derreter o bordado (que pode ser de poliéster), deixe o ferro na temperatura para algodão e coloque um pedaço de tecido (de algodão, claro) sobre o bordado. Outra ideia é fixar seu bordado pespontando à mão.

Combina com todos os tipos de mulheres, das mais clássicas até as mais modernas. • Troque os botões de camisas, misture-os usando opções de formas e cores diferentes, decore mangas e golas. Vai dar um toque divertido e inusitado à roupa. Fique atenta para que todos passem pela casa correspondente (meça antes de costurar). • Faça de zíperes extensos as alças de um top tomara-que-caia. • Acrescente brilhos, paetês e correntes ao tecido. Os ombros são o local correto para ganhar apliques e estar na tendência. Aposte nas flores. Reaproveite forminhas de tecido para doces utilizando-as como adorno no seu figurino. Cubra uma saia-lápis inteira, as mangas de uma camiseta ou faça colares, tiaras e presilhas de cabelo. 29


beleza

As escolhas da

Por Gabriella Galvão

Nail Polish Remover Pads • ARTDECO Sem acetona, removedor de esmalte em formato de pads. R$ 30

Acqua • PuraInova Água mineral em spray, enriquecida com ingredientes como cálcio, zinco e magnésio. Refresca e hidrata a pele sensível ou sensibilizada por procedimentos dermatológicos. R$ 33

Just Bitten • Revlon Batom em caneta 2 em 1: a ponta facilita a aplicação da cor e, do outro lado, um bálsamo dá brilho aos lábios. Disponível em 6 tonalidades. R$ 40 Óculos para maquiagem • Aclens Com a lente móvel, é perfeito para quem usa óculos de grau maquiar os olhos. R$ 100

Clarité Serum Suavizante • Dermage Com extratos naturais como cafeína, ajuda a minimizar olheiras e inchaço nas pálpebras. O roll-on facilita a aplicação. R$ 105

Máscara Singulier • Yves Saint Laurent À prova d’água, tem um complexo de cera que curva e aumenta o volume dos cílios. Disponível em 3 cores. R$ 141 30

Hidratante Tenys Pé Spa • Baruel De rápida absorção, tem manteiga de karité e ureia, que garantem hidratação mais profunda às peles ressecadas. R$ 12

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Heated Eyelash Curler • Talika O aparelho funciona como um curvex, mas é à base de calor e não tem risco de queimar a pele. R$ 130


Hipertensão arterial | Desintoxicação tabágica e orgânica | Ansiedade | Obesidade | Depressão | Diabetes Redução de medidas | Redução de peso | Relaxamento | Condicionamento físico | Estética | Circuito personalizado Stress | Palestras com médicos | Acompanhamento multiprofissional | Arte-culinária | Arte-terapia | Seresta

Arrume as malas e venha aprender a viver melhor. Bem-estar não é privilégio, é um direito. E ninguém melhor do que nós mesmos para saber que é hora de ir atrás dele. O CEVISA oferece tudo o que você precisa para recuperar sua qualidade de vida. Em 87 mil metros quadrados, em meio à natureza, à paz e ao conforto, você sentirá o impacto de uma proposta de reeducação de hábitos e tratamentos naturais, que vão transformar o seu jeito de viver. Aqui, você estará cercado de profissionais qualificados, que usam técnicas com resultados comprovados nos mais delicados problemas, em um ambiente de harmonia e esperança. O CEVISA é pura revolução em sua saúde. Venha fazer uma experiência conosco e descubra que é possível viver bem e muito mais feliz. Para mais informações ligue (19) 3858 5900 ou acesse www.cevisa.org.br

S PA MÉDI C O E ED U C AT I VO

ONDE O SUCESSO É NATURAL.


beleza

Siga as

setas Por Gabriella Galvão

Aplicar o creme com os movimentos corretos faz toda a diferença para a pele. Os caminhos são simples, não exigem habilidade, e sua beleza agradece!

O movimento certo “Sempre devemos passar o produto contra a gravidade. No rosto, siga para cima e para fora, nunca ao contrário. Uma pessoa com tendência à flacidez, por exemplo, ao aplicar o creme de cima para baixo pode acentuar o problema sem necessidade”, ensina a dermatologista Luciane Scattone, da Sociedade Brasileira de Dermatologia e de Cirurgia Dermatológica e membro da Academia Americana de Dermatologia. Atenção: rosto, pescoço e colo precisam de suavidade. Espalhe o produto com leveza, sem esticar ou franzir a pele, e aproveite para fazer uma leve massagem circular. 32

FOTO: SHUTTERSTOCK

Flacidez, manchas, rugas... Ninguém escapa dos efeitos do envelhecimento, isso é fato. A diferença é como você se prepara para encarar as mudanças ao longo dos anos, e a saída é se precaver da melhor maneira possível. Para garantir a beleza da pele, diariamente é preciso limpar, tonificar, hidratar, tratar e proteger com os cremes ideais para você. Dá trabalho, mas compensa, acredite. Além disso, os cosméticos devem ser aplicados da maneira certa. No mínimo, isso vai ajudar na penetração dos ativos e estimular a circulação sanguínea local.


Testa Comece na ponta do nariz e vá aplicando no sentido do couro cabeludo

Olhos O correto é seguir do canto interno para o externo, nas pálpebras superiores e inferiores, com muita leveza

Bochechas Parta do centro do rosto para as laterais. Siga também a partir do queixo até as orelhas

Pesco o Sempre de baixo para cima, passe o produto do colo em direção ao queixo. Aproveite e espalhe o cosmético no colo fazendo movimentos circulares

33


beleza

Por Márcia Gonçalves

Levante os olhos, menina! A assessora de marketing Flávia Borghetti é uma mulher bonita, bem bonita. Cabelos louros, olhos claros, boca bem desenhada, sempre sorridente. Mas quando está séria, parece um pouco triste, justamente por causa do olhar. Como muitas mulheres, Flávia tem olhos caídos. A sorte dela é gostar de se maquiar, por isso levamos Flávia a uma aula de maquiagem com um expert no assunto: Paulo Amianti, do salão Newton Tamba, nos Jardins, em São Paulo, que deu dicas bacanérrimas sobre o assunto. Confira e veja o passo a passo para “levantar” a expressão e deixar o olhar mais poderoso arrasar na noite.

34

Antes do make, o expert recomenda usar colírio para clarear a parte branca dos olhos: “Isso vale para qualquer pessoa, mas fale com o seu oftalmologista.” Ele preparou a pele com dois tons de base, corretivo e pó facial. Nas pálpebras, use corretivo ou primer (um tipo de pré-base) para fixar melhor a sombra. Passe sombra marrom em quase toda a pálpebra, deixando livre apenas uma linha abaixo da sobrancelha – essa área precisa de claridade e iluminação.

2

3

Com um marrom mais escuro, contorne os olhos rente aos cílios. Comece de dentro para fora e preencha o canto externo fazendo um pequeno triângulo.

Sobre o contorno, use delineador preto de dentro para fora e em linha reta. Trace também um risco reto na parte inferior, preenchendo o canto externo.

FOTOS: PAULO CARDONE/ 2X1

1


4

5

Sobre a sombra marrom, aplique um tom mais escuro acima do delineador e em direção ao côncavo da pálpebra. Esfume a sombra e o traço do delineador fazendo círculos com o pincel do canto externo até o meio da pálpebra. O movimento, para cima e para o meio, é fundamental para levantar o olhar.

Com lápis preto, contorne a linha d’água (a interna e a inferior dos olhos). Use máscara e capriche nos cílios do canto externo, ajuda a deixar os olhos mais amendoados. Aplique blush e batom rosa.“ Se quiser usar esta maquiagem durante o dia, reduza todos os tons e movimentos pela metade. Não carregue tanto nas cores escuras e esfume menos”, ensina o maquiador Paulo Amianti.

6

Eu adoro me maquiar e aprendi a valorizar mais meus olhos de um jeito fácil. Antes eu não conseguiria fazer esse make sozinha.

Paulo Amianti é maquiador há 25 anos e já passou por renomados salões paulistanos como C.Kamura, Studio W e Tamba, onde está até hoje. Para ele, toda mulher deve sair de casa com base com filtro solar, corretivo, delineador, máscara para cílios, blush e batom. “O mais importante é usar a maquiagem para corrigir pequenos defeitos e fazer a mulher se sentir ainda mais bonita”, defende. 35


beleza

Básica e mais bonita Por Gabriella Galvão

Dicas de cabelo e maquiagem para você se inspirar com a nossa transformação e aprender a realçar seus pontos fortes

antes

Com 34 anos, a jornalista cearense Clara Quintela é fã do estilo básico, tanto na roupa quanto no make. “Não por medo de ousar, mas por preguiça. Para mim, é impensável acordar mais cedo para fazer escova no cabelo. Eu não tenho paciência. Por isso, fui deixando o cabelo crescer, já que era só fazer coque e pronto. Só que paguei o preço de ficar com uma aparência desleixada e envelhecida”, confessa Clara, que estava há 15 meses sem corte. Para a visagista e cabeleireira Camis Fank, do espaço Cafofo, em São Paulo, os cabelos estavam compridos demais em relação à altura de Clara, o que deixava um visual pesado, criava muito volume no peito e até engordava. A mudança do cabelo A jornalista estava disposta a mudar o visual, mas como estuda balé, o corte deveria ser prático para poder prender e fazer penteados diversos. Tendo isso em mente, Camis reduziu mais da metade do comprimento e fez camadas desfiadas nos fios. “Na frente, uma franja comprida que termina no maxilar e, como ela tem um pequeno redemoinho nessa região, aproveitei para cortar de forma que o caimento ficasse natural”, explica. Aula de make Clara usa sempre as mesmas cores sutis de sombra. A expert Katiane Romero preferiu seguir o estilo e não ousar nos tons: “É fundamental respeitar a personalidade de cada pessoa, para não descaracterizá-la”. A maquiadora preparou a pele


FOTOS: PAULO CARDONE/2X1 \ PRODUÇÃO VISUAL: JHONNY BRAZ \ VESTIDO DE ALGODÃO ELLUS, VESTIDO DE TULE SUELY CENCINI, BOLERO DE PAETÊ FILIDELLI ARTE, BRINCOS E BOLSA WR VINTAGE, CINTO E SCARPIN ZARA \ TRATAMENTO DE IMAGEM: RODRIGO GALVÃO / AGRADECIMENTOS A CAMIS FANK E KATIANE ROMERO, DO ESPAÇO CAFOFO, EM SP

“O corte e o make estão lindos, não sabia que podia ficar com cara de modelo! Adorei tudo e vou adotar várias dicas, mudar os hábitos de beleza. Agora só saio de casa com maquiagem e cabelo solto!” com primer – uma pré-base que aumenta a duração do make – e uma base cor da pele. Para afinar o rosto, usou uma base um pouco mais escura das têmporas até a linha logo abaixo da bochecha (localize pelo osso dessa área). Para ficar natural, o truque é esfumar muito bem. Nas pálpebras, passou sombra marrom e, nos cantos externos, um tom um pouco mais escuro para amendoar os olhos. Marcou o côncavo com a sombra mais escura, do canto externo até a metade dos olhos, esfumando para dar profundidade no olhar e ampliar o espaço entre os olhos de Clara, que são próximos e pequenos. Sombra bege clarinha logo abaixo das sobrancelhas ajuda a iluminar. Lápis marrom na raiz dos cílios e lápis bege na linha d’água (a parte de dentro inferior dos olhos). Curvex nos cílios e algumas camadas de máscara. Corretivo para disfarçar as olheiras e, na finalização, o blush dá um ar saudável ao rosto.

Para uma festa, deixe a franja solta e prenda mechas aleatoriamente para trás, como se fosse fazer um rabo de cavalo. Deixe as pontas soltas. “O visual fica despojado e elegante”, diz Camis. No make, reforçar os tons da sombra e use iluminador nos olhos. “Se optar por um batom mais vermelho, aconselho a fazer o contorno nos lábios com lápis de boca e completar com batom da mesma cor do lápis”, fala Katiane. 37


Por Gabriella Galvão

Acerte no alvo

beleza

Caracterizamos quatro perfis masculinos diferentes para você não errar na escolha da fragrância que mais combina com a personalidade dele


Diz a etiqueta que perfume é o tipo de presente que se dá só para quem é íntimo. Mesmo assim, nem sempre é fácil presentear seu amor, irmão, pai ou amigo com a fragrância que mais combina com ele. O olfato é um sentido subjetivo, cada pessoa tem suas preferências. Mas existem truques que podem ajudar você nessa tarefa difícil. E quem vai dar o caminho das pedras é a expert Renata Aschar, autora de três livros sobre o universo das fragrâncias e curadora do Espaço Perfume Arte + História, em São Paulo. Primeiro, é preciso identificar as características, hábitos e personalidade do presenteado. É o estilo que define os aromas preferidos de cada um. Selecionamos quatro estilos de homens e o tipo de perfume que mais combina com cada um deles. Agora, a escolha é sua!

FOTO: PAULO CARDONE/2X1

O homem sofisticado tural, é clássico Dono de um charme na strar generoso e refinado, gosta de se mo el e tem orgulho e de viver bem. É sociáv da sua aparência. ados Perfume ideal: amadeir olha certa. Nas esc a Elegantes, eles são , as fragrâncias suas misturas de notas m sândalo, pabé amadeiradas têm tam tchuli, cedro ou vetiver. rolina Herrera; Sugestões: 212 Men, Ca ense Touch, AdiAcqua Fahrenheit, Dior; Int Avon; Boss Orandas; Herve Leger Homme, Jeans 2 ge Man, Hugo Boss; Forum

O homem clássico Visionário, intuitivo, gosta de aventuras e desafios e é um homem que se destaca. Sua fragrância demonstra o espírito de sucesso. Os perfumes dessa categoria têm forte caráter aromático, complementado com notas cítricas e herbais. Perfume ideal: aromático Sugestões: Azzaro Pour Homme; Kaiak, Natura; Splash, Joop!; Drakkar Noir, Guy Laroche; Kourus, Yves Saint Laurent; L.12.12 Bleu, Lacoste

O homem seduto r Tem o estilo reve lado pelo perfum e. É autoconfiante, irr everente, impulsi vo e guiado pelos sent idos. Prefere fragr ân cias mais sofisticad as, com ingredien te s marcantes como âmbar, especiaria s, tabaco, madeiras e notas mais densas . Perfume ideal: or iental Sugestões: Armani Code, Giorgio Arman i; He Wood Silver Wind Wood, Dsquared; Bu gatti Homme; One Million, Paco Raba nn e; Le Male, Gaultier; M inotaure, Paloma Pic asso

O homem esportivo Fã da vida ao ar livre, aproveita cada momento como se cada momento fosse único. Gosta do contato com a natureza e de sair do convencional. Costuma ser extrovertido e agradável. Sua fragrância é refrescante, com notas cítricas e aromáticas, que mostram seu jeito espontâneo e enérgico. Vale apostar também nos perfumes unissex. Perfume ideal: cítrico ou amadeirado aromático Sugestões: Zen For Men White Heat Edition, Shiseido; Gucci Guilty; CK One, Calvin Klein; Black Shine, Ferrari; Pure Instinct, David Beckham; Roadster, Cartier 39


52

Apliques Aliados que ajudam a mudar o visual a jato

42 44 46 50

FOTOS: PAULO CARDONE/2X1 (APLIQUE) \ DIVULGAÇÃO (CHAPINHAS) \ DIVULGAÇÃO (RODRIGO CINTRA)

60

Chapinhas O jeito certo de usar e oito modelos diferentes para sua escolha

54 56

58 64 62

Dica de expert Truques bacanas para deixar seus cabelos invejáveis

Luiza Valdetaro Visual lindo e sem química, acredite!

Rabo de cavalo O clássico com toques diferenciados para você arrasar

Pontas duplas Como disfarçar e evitar o problema

Loiros deslumbrantes Conheça a linha Blond e aprenda a fazer ondas ao estilo Gisele Bündchen

S.O.S. pós-sol Novos produtos para recuperar a beleza dos fios e penteados cheios de glamour

Alinne Rosa Do pink ao loiro, uma cantora com cabelos sempre lindos

Escovas Como encontrar a ideal para você

Rodrigo Cintra Profissão cabeleireiro


ia Fa bi an aF ar Po r

cabelos

Depois de trabalhar nos bastidores de muitos desfiles e campanhas publicitárias, a expert paulistana descobriu que gosta mesmo é do salão de beleza, onde esbanja talento

Aos 13 anos, ela fez o primeiro corte de cabelo, mas antes já fazia a sobrancelha das amigas da escola e maquiava as colegas de trabalho quando era vendedora de uma loja. Na adolescência, estudou teatro querendo ser atriz, porém na coxia era ela quem cuidava das perucas e da caracterização dos seus parceiros de elenco. “A profissão me escolheu. Com 19 anos, finalmente aceitei que tinha talento para esse negócio e decidi me especializar”, conta Andréia Costa, que começou a trabalhar no salão Soho, em São Paulo. “Foi quando procurei o mercado mais ligado à moda e virei assistente do expert Mauro Freire. Aí, a brincadeira começou a ficar boa!” Depois de dois anos, passou pelas mãos do renomado Celso Kamura (que deu uma entrevista exclusiva para esta edição da Fúcsia. Leia na página 106) 106), a quem chama de mestre até hoje. Com ele, realizou trabalhos importantes, participou de desfiles e editoriais de moda. 42


5 1 Pode não ser fácil, mas procure lavar sempre o cabelo com água fria. Nessa temperatura, a água não abre a cutícula (a camada mais externa do fio) e garante uma dose extra de brilho, evidente logo após a lavagem. Além de ajudar a manter o equilíbrio entre a oleosidade na raiz e o ressecamento dos fios.

FOTO: PAULO CARDONE/2X1 \ ILUSTRAÇÕES: [SIC] \ YOUTOART

2 A deliciosa massagem que você recebe no salão na hora da lavagem não é apenas para relaxar. Movimentos circulares feitos suavemente com as pontas dos dedos no couro cabeludo ajudam a ativar a circulação sanguínea local, liberando mais oxigênio, o

Andréia já mostrou seus dotes nos bastidores do extinto Morumbi Fashion (precursor da São Paulo Fashion Week), da Casa de Criadores e até da Semana de Moda de Paris (chique!). Mas como seu negócio é atender clientes no salão de beleza, hoje, aos 38 anos, faz hair e make up no Hair Pin, em São Paulo. Aqui, ela dá truques bacanas para você manter os fios sempre saudáveis e bonitos

que dá uma força a mais ao crescimento dos fios. Experimente repetir em casa!

3 Lavar regularmente é um atalho para manter a beleza e a saúde dos fios. Quem tem raiz oleosa quer lavar todos os dias e quem tem ressecamento às vezes faz isso uma vez por semana. Está errado. A lavagem deve ser feita pelo menos três vezes por semana para que os folículos capilares (a raiz) fiquem livres para respirar. Uma raiz suja pode favorecer a quebra e a queda de cabelo.

4 Cortar com frequência elimina as pontas duplas e dá força, mantendo os fios prontos para receber melhor a força dos ativos dos

tratamentos. Se estiver deixando crescer, corte a cada quatro meses e, para manter o corte, a cada três.

5 Óleos essenciais ajudam a recuperar o brilho, reparar pontas duplas e facilitar a escovação. O de argan é uma novidade, fica ótimo com a coloração, camomila, alecrim, romã, hamamélis, jojoba, uva e aloe vera são fungicidas e bactericidas. Você pode comprar os óleos em lojas especializadas e misturá-los às máscaras. Aplique e fique com touca térmica por 10 min. Para cabelos normais, uma vez por mês é o suficiente. Para os ressecados, a cada 15 dias, e os danificados por química, uma vez por semana. 43


Lui cabelos

za Valdetaro Por Fabiana Faria

Conheça um pouco da história da jovem e linda atriz carioca que é dona de um corpão e de um cabelo bacana, mas que sonha em ter fios com mais volume

44


Você imagina alguma atriz hoje em dia com o cabelo completamente virgem? A atriz global Luiza Valdetaro tem! Ela jura que nunca fez processos químicos nos fios, mas garante que não sofreria caso a profissão exigisse uma mudança radical no look. “Mas só por causa do trabalho”, enfatiza. Na vida real, Luiza, que interpreta a personagem Antônia Cabral, da novela Cordel Encantado, está feliz com eles: “Tenho uma boa relação com os meus cabelos, que não me dão muito trabalho. Porém confesso que gostaria de ter um pouco mais de volume!” Para cuidar desses fios loiros imaculados, ela lava os cabelos diariamente, usa shampoo e passa condicionador só nas pontas. E jura que não gosta muito de frequentar salão de beleza. Desde os tempos em que era modelo, passando pelo primeiro trabalho na televisão como a personagem Gabi da novela Celebridade (em 2003) e pelo sucesso da Manuela de Malhação (em 2006), até agora, a atriz acha que os cabelos escureceram um pouco. “De qualquer forma, quando chega o verão, o loiro natural volta com tudo”, diz.

FOTO: LUIZ EDUARDO DE ABREU

Vida em família Carioca, Luiza dos Santos Valdetaro Blanco tem 25 anos e, apesar da pouca idade, é casada há cinco com o empresário Alberto Blanco, 17 anos mais velho que ela. Eles se conheceram em uma festa de réveillon e, após uma semana de namoro, já estavam morando juntos! A atriz tem duas enteadas, Alicia e Isabela, e é mãe de Maria Luiza, de apenas três anos, com quem passa os melhores momentos do seu tempo livre: “Meu maior prazer é estar com a Malu. Brincar de cabana na sala, levar ao cinema, nadar na piscina, brincar na casinha da árvore... Tudo com ela é muito bom! Desde a gestação, aliás. É que, durante a gravidez, todas as coisas melhoraram, incluindo a pele e o cabelo. O caimento dos fios ficou mais bonito, com mais movimento.”

Luiza como a personagem Ant ônia Cabral, de Cordel Encantado

Rotina tranquila No dia a dia, Luiza é do tipo que adora ficar em casa com os amigos, assistir filmes, ler e jantar com o maridão. Fora, claro, do ritmo forte das gravações da novela. Para manter o pique e o corpo lindo, vai à academia no mínimo três vezes por semana, onde corre e faz ginástica localizada. Após Cordel Encantado, Luiza ainda não tem outros trabalhos em vista. “Pretendo fazer uma viagem com a minha família e aproveitar para estudar e praticar inglês”, conta. 45


cabelos

Para usar a

qualquer Penteado querido das mulheres, de dia ou à noite o rabo de cavalo deixa você pronta para arrasar! Veja como prender o cabelo de dois jeitos diferentes com o hair stylist Ricardo dos Anjos

Para o dia Escove os cabelos e deixe os fios lisinhos perto da raiz. Puxe bem para fazer o rabo. Para prender, o elástico de dinheiro é mais discreto

46

e segura melhor que o encapado. Prenda o cabelo normalmente. Com os fios esticados, é possível que os arrepiados apareçam. Use spray fixador ou pomada seca somente na lateral e na nuca para resolver o problema. Esqueça o gel, que altera a textura dos fios. O expert Ricardo dos Anjos aconselha a manter o frizz em cima da cabeça: ”Dá um ar moderno e urbano. Ao tirar todo o arrepiado, o penteado fica com cara de festa.” Para finalizar com estilo, pegue uma mecha fina de baixo do rabo de cavalo já feito e torça. Com as


hora

FOTOS: PAULO CARDONE / MODELO: DAIARA ZARANTONELLO / BLUSA: MARISA / BRINCOS: MORANA

mãos, faça um movimento leve de desfiar os fios da mecha de cima para baixo para deixar mais natural. Para esconder o elástico, basta envolver com essa mechinha e prender com um grampo. O acabamento fica bacana, simples e dá um efeito diferente ao rabo de cavalo tradicional e o deixa com aspecto mais bagunçadinho! Para a noite Prenda os cabelos bem no alto e controle todo o frizz com spray fixador ou pomada seca. Para dar um ar sofisticado, Ricardo criou um volume grande na parte de cima do rabo de cavalo. Para isso, separe as mechas, desfie a raiz usando um pente e aplique spray em cada mecha desfiada. Vai deixar o visual com aspecto dos anos 60. Enrole os fios com escova e secador para dar charme ao comprimento dos cabelos, virando as pontas das mechas para fora. Se preferir, pode usar babyliss e deixar os cabelos com cachos ou leves ondas. Finalize escondendo o elástico com uma mecha do seu cabelo. (F.F.) 47


cabelos

Por Fabiana Faria

Quando elas aparecem prejudicam a beleza e a saúde dos fios. Descubra por que isso acontece e aprenda a recuperar o estrago da melhor forma

Seu cabelo está com um corte lindo, com a cor que você sempre quis, mas as pontas estão bifurcadas e ressecadas, estragando o visual. A partir daí, elas podem se abrir em duas, três, quatro partes. Além de deixar os fios ásperos e com aspecto de malcuidado, espichado... um horror. O jeito é cortar, então? Nada disso! Você tem muito o que fazer antes de passar a tesoura. Chegou a hora de consertar o problema com as técnicas e os produtos certos. O xis da questão Para você entender melhor, o fio é dividido em três partes: a medula, que se localiza no interior e funciona como uma central de distribuição de minerais e nu50


Para estar em boas condições, o cabelo depende da boa alimentação, assim como a pele, as unhas e o organismo em geral. “A ingestão de alimentos saudáveis é fator determinante para a saúde dos fios”, afirma Pablo Mendes Guimarães, gerente de Desenvolvimento e Registro da Bio Extratus. A região do bulbo capilar é irrigada por nutrientes e o cabelo que nasce sadio tem maior resistência aos danos e, consequentemente, menor possibilidade de apresentar pontas duplas. No livro Você é o que você come (Editora Alegro), a nutricionista inglesa Gillian McKeith lembra que nesse caso é importante garantir o consumo de feijão, sementes, cereais, tofu, brotos, peixes, algas marinhas, cebola, alho, verduras e folhas verdes, cenoura, pepino e pimentão.

trientes; o córtex, no meio, responsável pela força e elasticidade; e a cutícula, a camada mais externa, composta de escamas que vão se sobrepondo (como as dos peixes), o que garante brilho ao cabelo e proteção ao córtex. Quando saudável, a cutícula fica “selada” com proteína por dentro e gordura por fora. O problema é que, com o desgaste natural e o excesso de exposição ao sol, mar, cloro, a processos químicos e a falta de cuidados, as escamas abrem, deixando a estrutura interna do fio exposta e frágil, com a possibilidade de se dividir no sentido do comprimento.

FOTOS: PAULO CARDONE/2X1 \ MODELO: VIVIANE WHOLERS

Para se prevenir “Na hora da lavagem, uma boa estratégia é concentrar menor quantidade de shampoo nas pontas. Essa é a região mais antiga dos fios e a mais exposta aos danos”, orienta

Pablo Mendes Guimarães, gerente de Desenvolvimento e Registro da Bio Extratus. As dicas são simples, mas fique atenta ao que você pode fazer: • Use cremes com filtro solar na fórmula • Faça hidratação uma vez por mês • Escolha produtos ricos em aminoácidos e proteínas – eles têm afinidade com a estrutura do fio e, além de prevenir o problema, conseguem repor as substâncias necessárias para corrigir as áreas danificadas

Para corrigir o estrago Se as pontas duplas já apareceram, não significa que o corte seja a única saída. “Só optamos por cortar os fios depois de tentar todos os tratamentos e produtos”, garante o Prof. Dr.Valcinir Bedin, dermatologista, tricologista, nutrólogo e presidente da Sociedade Brasileira para Estudos do Cabelo. Conheça seus recursos de emergência • Aposte nos cremes ou condicionadores sem enxágue (leave-in). “Eles formam uma película sobre o fio, o que diminui a perda de água e melhora a hidratação e a textura”, explica a hair stylist Sonia Nesi, do Studio de Beleza Sonia Nesi, no Rio de Janeiro. • Use reparadores de pontas à base de silicone, que também podem ser enriquecidos com outras substâncias como ceramidas. São encontrados com diversos nomes (fluidos, cristal ou sérum) e agem colando as pontas temporariamente até a próxima lavagem, protegendo o fio contra as agressões externas. Truque: siga as instruções da embalagem e aplique apenas algumas gotinhas nas pontas, para não correr o risco de o cabelo ficar pesado. 51


cabelos

Menina

aplicada Dá para ter esse franjão lindo em minutos. Dica: se os seus cabelos ficarem com pouco volume atrás do aplique, desfie-os levemente para dar aquela levantada.

Sabe aquele dia em que você acorda querendo mudar os cabelos, mas não tem coragem de cortar? Conheça os aliados que podem ajudá-la nesse momento

52

Gisele Bündchen, Sarah Jessica Parker, Alessandra Ambrósio e outras famosas já aderiram ao truque bacana de mudar o visual rapidinho com a ajuda do aplique. Algumas vezes para fazer penteados, outras muitas para aumentar o volume e ganhar um visual mais sexy e poderoso. Você pode fazer o mesmo e variar o look para uma festa ou até no dia a dia. “Aplique é um acessório como outro qualquer, você não precisa de uma ocasião especial para usá-lo”, comenta o hair stylist Eron Araújo, do Studio W, em São Paulo. Dá para brincar de várias maneiras: cabelos lisos podem ficar mais ondulados com as pontas cacheadas ou volumosos; franjas penteadas a seu gosto, compridas, volumosas ou desfiadas; rabos de cavalo e tranças são feitos sem esforço. Importante: independentemente do tipo escolhido, ele deve ser da mesma cor do seu cabelo ou até um tom mais claro.


Prender é fácil Hoje em dia, os apliques temporários (até o de franja!) mais utilizados são os de tic-tac. Eles têm fivelinhas que abrem e fecham de forma simples, o que facilita a colocação e dá segurança na hora de prender. Se achar que não está firme o suficiente, use grampos como reforço extra. É bem prático de colocar sozinha. Use e cuide Lave os fios em casa, com shampoo e condicionador, sempre que preciso. Desembarace e guarde o aplique seco. Você pode escová-lo, fazer babyliss, colorir e cortar, mas não esqueça que ele não cresce!

Uso de

FOTOS: PAULO CARDONE / MODELO: LARINA BARGAS / BLUSA MARISA

Bom seria se os fios crescessem assim de um dia para o outro, não é mesmo? Para esse efeito, você precisa de várias tiras de cabelo para igualar o seu volume com o do aplique. Dica: cabelos na altura dos seios, use duas tiras. Médios, coloque três camadas. “Se estiver estilo chanel, vá a um cabeleireiro para que ele arrume o aplique de maneira que a extensão fique natural”, aconselha Eron.

Enquanto o aplique você usa somente por um dia, o megahair, o alongamento e o entrelaçamento são métodos para alongar o cabelo que duram de 3 a 4 meses. Portanto, as técnicas pedem cuidados diferentes. Para que eles tenham durabilidade, Eron Araújo recomenda lavar os cabelos com shampoo sem álcool. “A substância dissolve a queratina usada para grudar os fios no couro cabeludo”, explica. Além de dormir sempre de trança. “Dormindo, mexemos muito a cabeça, os fios embaraçam demais, podem quebrar e fazer nós, o que prejudica a manutenção”, alerta.

Investimento certo Apliques custam caro, sim. Eron explica que são um investimento para a vida toda: “Os de cabelo natural, que é um tecido morto, não estragam nunca.” Já os sintéticos têm um custo menor, assim como a qualidade. “O movimento dos fios não é o mesmo, eles embaraçam com facilidade e não se misturam como deveriam”, diz. Gato por lebre Como saber que o aplique é de cabelo natural? Para não errar, Eron ensina o truque: “Na hora da compra, queime um fio de cabelo da peça. Todo mundo reconhece o cheiro de cabelo de verdade queimado!” Antes, não se esqueça de avisar o vendedor que precisa fazer o teste. (F.F.) 53


cabelos

Loiros

deslumbrantes

Por Gabriella Galvão

Desenvolvida para retirar o amarelado dos loiros descoloridos, com mechas e dos cabelos grisalhos, a nova linha Blond Bioreflex ajuda a recuperar a luminosidade natural dos fios. Isso graças a uma tecnologia de ponta que neutraliza o aspecto acinzentado dos cabelos claros, dando mais vivacidade e brilho. Sem sal, os produtos trazem ativos com ação nutritiva, remineralizante, antioxidante e protetora, como os aminoácidos de cereais e o extrato de noni (leia mais sobre essa fruta na página 112). A equipe do salão Bardot, em São Paulo, mostra como usar e ensina você a finalizar o penteado com ondas ao estilo da übermodel Gisele Bündchen. Copie e arrase!

2

Coloque a Máscara em um recipiente e passe em todo o cabelo, com exceção da raiz. Como o shampoo dilata as escamas da cutícula (a parte mais externa do fios), a fórmula da máscara contém ativos que selam, garantindo hidratação e brilho. Para aproveitar melhor, separe pequenas mechas e vá aplicando de cima para baixo, no sentido da raiz para as pontas, com movimentos suaves e contínuos. Coloque a touca de hidratação e deixe agir por 10 minutos.

54

1

Lave os cabelos com o Shampoo Desamarelador e aproveite para massagear o couro cabeludo suavemente com a ponta dos dedos. Enxágue muito bem para não deixar resíduos do produto.


3

Passe o Condicionador, deixe agir por 3 min e lave bem para não deixar resíduos. Coloque, no cabelo úmido, o Pré-Escova com Filtro Solar para proteger os fios, principalmente nas regiões mais danificadas. Não enxágue e faça uma escova lisa.

4 s

A n te

FOTOS: PAULO CARDONE / MODELO: FABRINA DIEHL / AGRADECIMENTOS: SALÃO BARDOT, SP

Para um look no estilo Gisele, use um babyliss. Separe mechas mais grossas, entre 3 a 4 dedos de largura, coloque um pouco de spray fixador se o cabelo for muito liso e enrole deixando o aparelho na posição vertical para criar ondas sinuosas, que têm mais glamour. Deixe por 10 segundos, retire e passe um pouco mais de spray. Use prendedores ao longo das mechas para deixar as ondas com maior definição. Aproveite para fazer a maquiagem neste momento. Aos poucos e delicadamente, vá soltando as ondas com os dedos. Modele com as mãos e spray fixador.

55


Recuperação

pós-sol

A excessiva exposição ao vento, mar, piscina e sol prejudica os cabelos, que podem ficar quebradiços, ressecados e opacos. Como não dá para evitar sair ao ar livre, cabe a você escolher produtos bacanas para prevenir e tratar os danos. Além, claro, de usar chapéu ou boné e se expor com cautela. Pensando nisso, a nova linha Solar tem fórmula com ação nutritiva e protetora. Sem sal, associa o poder hidratante de óleos e manteigas com a capacidade restauradora dos aminoácidos. O mix recupera a maciez e o brilho, devolvendo a beleza e a saúde aos cabelos. A equipe do salão Bardot, em São Paulo, ensina a usar os produtos da melhor forma e a finalizar com um penteado para se destacar na noite. Não perca tempo, copie!

1 2

Lave os cabelos com o Shampoo Terapia Antirressecamento, massageando o couro cabeludo com a ponta dos dedos. Enxágue bem.

Com exceção da raiz, aplique a Máscara Hidratante de cima para baixo, passando o creme mecha por mecha, continuamente. Deixe por 10 min. 56

3

Passe o Condicionador e, depois de 3 min, enxágue bem para não deixar resíduos. “A máscara trata os cabelos, mas não dá emoliência. Essa é uma função do condicionador”, explica a cabeleireira Gabriela Diomkinas. Nos fios úmidos, coloque o Leave-In Máscara Capilar Antifrizz. “Para não pesar, use sempre pouca quantidade e aumente a dose se eles estiverem muito danificados”, orienta Gabriela. Não enxágue.


Opção de penteado Nos fios secos, passe spray fixador e enrole mechas largas no babyliss por 15 segundos na posição horizontal, ajuda a aumentar o volume. Com a cabeça para baixo, solte os cachos suavemente. O cabelo será preso de um lado só. Desfie a raiz das mechas do lado oposto e vá torcendo e prendendo atrás aleatoriamente com grampo da mesma cor dos fios. Use mechas finas e mais largas e fixe com spray. Fica bagunçadinho e moderno.

4 s

A n te

FOTOS: PAULO CARDONE / MODELO: AMÁLIA WEST / AGRADECIMENTOS: SALÃO BARDOT, SP

Faça uma escova lisa secando as pontas para fora. Espalhe algumas gotas do Cristal Líquido, que é protetor e ajuda a dar mais brilho (você pode usar também nos fios úmidos, principalmente se estiverem ressecados). Para finalizar o penteado, divida os cabelos de orelha a orelha e desfie a raiz da parte da frente para dar mais volume. Faça um topete modelando os fios para trás e prenda com grampos da cor do seu cabelo. Passe spray fixador e, se quiser, dê o acabamento com uma fivela.

57


cabelos

Estou assim,

Alinne Rosa Por Fabiana Faria

Há sete anos, foi a exótica cor do cabelo que transformou Alinne Oliveira Santos na cantora Alinne Rosa, da banda baiana Cheiro de Amor. Com o nome artístico, veio a fama em todo o Brasil. Sua discografia tem cinco álbuns e, atualmente, Alinne está à frente de um dos maiores e mais tradicionais blocos do carnaval de Salvador, que tem o mesmo nome da banda e mais de vinte anos de história. Linda, dona de um corpão e de uma voz poderosa, ela está vivendo seu melhor momento profissional. Ao longo dos últimos anos, seus cabelos acompanharam a evolução da carreira e já passaram por algumas transformações até chegar ao loiro atual - belíssimo, aliás. 58


FOTOS: 2004 E 2009: DIGO PASI / 2008: JOSEFA COIMBRA / 2010: FRED PONTES / 2011: CLICK ESTUDIO

Fúcsia – Você lembra como foi a mudança para os fios da cor pink? Alinne – Comecei a mexer nos cabelos antes mesmo de entrar na banda Cheiro de Amor. Pintei os fios com papel crepom rosa (risos), e a loucura acabou se tornando minha marca pessoal. Abandonei o método do papel crepom e comecei a usar tinta, mas passei uns quatro anos com essa cor para então ficar loira. Fúcsia – Na fase cor-de-rosa, os fios eram diferentes de hoje em dia? Eles lhe davam mais trabalho? Alinne – Como eu usava uma tintura muito forte, o processo afetava bastante a qualidade dos meus cabelos. Eu vivia no salão, hidratava sempre, tinha que cuidar bastante para manter a cor e não deixar os fios ressecados. Fúcsia – E por que você decidiu abandonar o tom que era a sua marca pessoal? Alinne – Mesmo com todo o cuidado, meu cabelo estava ficando maltratado. E eu acho que tudo em

minha vida deve traduzir o meu momento. Na época em que resolvi mudar, estava vivendo uma nova fase e simplesmente resolvi aderir ao loiro! Fúcsia – Além das cores, você usou algum outro artifício para mudar o visual? Alinne – Já aderi ao megahair, mas quebrava muito os meus fios. Deixei meu cabelo crescer e hoje o comprimento é natural. Fúcsia – Atualmente, quais são os seus cuidados com os cabelos? Alinne – Lavo diariamente e faço hidratação com máscaras em casa. Cuido bastante das pontas e uso produtos específicos para o couro cabeludo. Faço chapinha só em dias de show, no dia a dia prefiro deixá-los secar naturalmente. Fúcsia – Como é que você resiste à loucura do carnaval e dos shows? Alinne – Pego pesado na malhação! Adoro correr e acabei de perder oito quilos. Também mantenho uma alimentação balanceada, tento dormir bem e faço drenagem linfática.

Já fui assim... 2008

2004

2010

2009 59


cabelos

Não se Por Fabiana Faria

A chapinha é uma aliada para deixar os fios sob controle. Aqui, vamos ajudá-la a encontrar o modelo que vai deixar seus cabelos do jeitinho que você deseja e ainda ensinar o jeito certo de usar

1

60

2

3

4

FOTOS: DIVULGÇÃO

1 Chapa-Escova • Taiff • Multifuncional, promete reduzir pela metade o tempo de alisamento ou da modelagem, já que escova e alisa ao mesmo tempo. Emite íons negativos que, em contato com a carga positiva do cabelo, diminui sua eletricidade estática e ajuda a reduzir o arrepiado. 2 Tourmaline Íon Plus P-11 • Mondial • A vapor e com oito saídas de ar, promete alisar os cabelos em menos tempo. Tem placas ionizadas que dão brilho e ajudam a manter a umidade natural dos fios. 3 Ceramic Pocket Silver • GA.MA Italy • Libera íons negativos e ajuda a selar as cutículas, dando mais brilho aos cabelos. 4 Bella Titanium Wet and Dry • Bellani • Libera íons negativos e tem nanopartículas de prata que mantêm o produto livre de fungos e bactérias.


É essencial tomar alguns cuidados para manter a beleza e a saúde dos cabelos. Preste atenção nos truques do hair stylist Glecciano Luz, do Espaço Glecciano Luz no Rio de Janeiro, e arrase!

1 2 3 4 5

O que fazer na hora de secar, alisar, cachear... Chapinha fria não desliza nos fios e pode quebrá-los. Portanto, ela deve estar na temperatura correta para alcançar o efeito desejado. O ideal para alisar é no mínimo 200°C. Para cachear, mantenha em 180°C. Antes de começar, deixe a chapinha ligada para esquentar o suficiente. Aplique um produto termoativado no cabelo para proteger do calor do secador e da chapinha e prolongar o efeito da escova. Sempre antes de usar o secador, coloque um pouco do produto nas mãos e espalhe nos fios levemente úmidos, no sentido da raiz às pontas. Só então escove. A prancha deve ser passada de forma rápida e precisa, no máximo por cinco segundos em cada mecha - tempo para selar as escamas da cutícula (a parte mais externa do fio), e não deve ficar parada no mesmo lugar. Comece pela raiz e desça imediatamente às pontas, evitando o risco de queimar ou marcar os cabelos. Dica: separar mechas mais finas facilita o processo. Para que as pontas não fiquem espichadas, ao aproximar a chapinha do final dos fios, modele-os com as mãos para dentro ou para fora, de acordo com o seu gosto. O creme termoativado vai ajudar a proteger e a modelar os fios nesse momento. Finalize o visual com um bom reparador de pontas (também conhecido por fluido, silicone ou sérum) para selar as cutículas, disfarçar e evitar pontas duplas. Ponha algumas gotas nas mãos, esfregue uma na outra e passe, sempre longe da raiz. Se quiser, pode usar um spray de brilho.

8

5 Respect • Arno • Regula a tempe-

5

6

7

ratura e a intensidade do alisamento de acordo com a estrutura (ondulado, cacheado ou enrolado) e estado do cabelo (saudável, frágil e danificado), o que elimina o calor excessivo que pode enfraquecer e queimar os fios. 6 Prancha Duda Molinos • Tany • Permite criar looks lisos e cacheados graças ao cabo giratório, que facilita o processo de ondulação. Emite íons negativos. 7 Tourmaline Íon Ceramic • Taiff • Desenhada para permitir a movimentação em vários sentidos, facilitando o trabalho com mechas de diferentes tamanhos e larguras. Tem ação antifrizz. 8 IHT Titanium • GA.MA Italy • Com design sofisticado, aquece por igual em 10 segundos, chegando a 230°C. A temperatura pode ser ajustada conforme o tipo de cabelo – volumoso, cacheado e ondulado. Emite íons negativos. 61


cabelos

profissão

Foco nas tendências 62

FOTO: DIVULGAÇÃO

Rodrigo Cintra


Ele é um dos hair stylists mais requisitados do momento. Trabalha sem descanso, 24 horas por dia, 7 dias por semana. E adora!

FOTO: DIVULGAÇÃO

Famoso por transformar o visual de muitas mulheres no programa Esquadrão da Moda, do SBT, Rodrigo Cintra é do tipo que pensa em trabalho o tempo inteiro. Além da TV, o expert de 32 anos e 18 de carreira atende uma média de 40 clientes por dia no renomado salão Studio W, no Shopping Iguatemi em São Paulo, e ainda ministra cursos e palestras em todo o Brasil. Ele realmente não para! “Quem sofre com isso é a ‘patroa’, que sente muito a minha falta. Mas acredito que quem trabalha em horário comercial chega a um lugar, entretanto, quem se entrega vai mais longe,” comenta Rodrigo. O segredo Visagismo é a ferramenta usada por ele para mudar o visual das clientes. Com a técnica, analisa o formato do rosto, a textura da pele, do cabelo e, principalmente, tenta entender a mensagem que se deseja transmitir com o cabelo. “Testa grande, por exemplo, é uma característica que impõe respeito, dá um ar sério e até metido

à pessoa. Uma franjinha de lado suaviza a expressão”, ensina. A carreira A paixão pela profissão começou na infância, admirando com curiosidade o salão de beleza de uma tia. Até que, aos 14 anos, ao ver uma modificação no visual de uma mulher para uma revista, decidiu que queria fazer aquilo para o resto da vida e foi se profissionalizar. Aos 20 anos, Rodrigo se formou como professor no Instituto Llongueras (Espanha), em seguida estudou na Academia Vidal Sasson (Estados Unidos) e na rede de salões Cebado (Espanha). Para continuar se atualizando, viaja duas vezes por ano para o exterior. “A Espanha tem os melhores cursos do mundo, porém também vou aos Estados Unidos e à Holanda”, conta. Mesmo assim, garante que onde mais aprende é na sala de aula, quando normalmente recebe de 300 a 500 profissionais por fim de semana. “É uma troca de experiências extremamente rica”, afirma. (F.F.)

Na hora de lavar os cabelos, não deixe resíduos dos produtos e enxágue muito bem o couro cabeludo. É melhor gastar mais em uma boa linha de manutenção para usar em casa do que deixar o salário no salão. É possível encontrar ótimos shampoos, condicionadores e máscaras a preços acessíveis em todo o Brasil. Quando os cabelos brancos começam a aparecer, a tendência da maioria das mulheres é fazer luzes para disfarçar. Dependendo do tom, a aparência pode ficar envelhecida, contrastando com sua cor de pele e olhos. Além disso, as luzes ressecam mais os fios do que uma tintura de qualidade. Não tenha medo de tingir!

63


cabelos

Por Fabiana Faria

as médias para modelar e fazer escova e as grandes dão efeito bem liso”, diz o técnico Leandro Pires, da ProArt. E as quadradas são ótimas para desembaraçar. Selecionamos alguns modelos, encontre o seu.

Nano Silver Hot Íon, Vertix. Tem proteção contra bactérias, ajuda a diminuir o frizz e a base de cerâmica acelera a secagem.

Tourmaline Silver Pointed, Vertix. O revestimento das cerdas evita o arrepiado e a base de cerâmica acelera o processo de alisamento.

Life Fast, Condor. A base cerâmica potencializa o calor do secador, o cabo emborrachado minimiza a força da escovação, assim como os tufos das cerdas em fileiras retas.

Profissional Control Hair 9T143, ProArt. Resistente a altas temperaturas, tem pino divisor de mechas e ajuda a diminuir o arrepiado dos fios.

Dual Color, ProArt . A cor do cabo da escova muda, indicando a temperatura ideal para o uso.

por processos químicos

Profissional Black 2777-BL, ProArt. Tem estrutura térmica em madeira e cerdas de nylon e javali.

Bambu, Orgânica. Indicada para todos os tipos de cabelo.

FOTOS: STOCK.XCHNG

Na hora de escolher a escova para seu cabelo, a lógica diz que as pequenas são para os fios curtos, as médias para os fios médios e as grandes para os longos, mas não é só isso. “As menores são ideais para cachear,


coleção

DVDs

UMA NOVA FORMA DE APRENDER Os maiores profissionais do Brasil ensinam técnicas precisas de: 1 MECHAS 2 CORTE E COR 3 COLORAÇÃO 4 VISAGISMO 5 STYLING 6 NOIVAS 7 CORTE E STYLING 8 FRANJAS E NUCAS

ADQUIRA SUA COLEÇÃO COMPLETA PELO SITE: www.assinevivabeleza.com.br  :

vendas@vivabelezacom.com.br       

   ,    ,  ,  , , ,   .  :     /. 65


66

capa


Vestido branco tomara que caia • Oh Boy

Por Gabriella Galvão

Sem medo de ousar na hora de mudar o visual, a jovem e determinada atriz quase não descansa. Fã de moda e beleza, não abre mão da corrida para manter o equilíbrio entre corpo e mente 67


“Não sei qual teria sido meu caminho se não tivesse trabalhado com a Xuxa.”

Vestido preto de renda tomara que caia • Bo.Bô Pulseira e brincos • Lisht 60 68


Não dá para negar que ela é bonita, o que eu já sabia antes mesmo de conhecê-la pessoalmente no dia das fotos da nova campanha da Bio Extratus em que ela é a estrela. O que eu não esperava era encontrar uma mulher tão simpática, acessível, inteligente, acelerada, com uma carreira tão vasta e, acima de tudo, divertidíssima. Vida profissional Aos 8 anos, Monique começou a estudar teatro na escola e acabou transformando o palco e a telinha em sua vida. Mesmo com pouca idade, 25 anos, participou de campanhas publicitárias, oito novelas, doze peças de teatro – incluindo A Comédia dos Erros, de Shakespeare, e Escola de Mulheres, de Molière (ainda em cartaz) – e seriados como Malhação e Lara com Z. Sem falar dos anos em que foi Paquita da Xuxa e de sua atuação na nova novela Fina Estampa, da Rede Globo. Persistência e muita risada Monique encara com bom humor situações desagradáveis pelas quais passou na vida profissional. E ela não exagera. No pacote das surpresas desastrosas estão uma queda de bicicleta na véspera da primeira peça de teatro, quando atuou com dificuldades de falar por causa dos pontos que levou no queixo; perder a voz, duas vezes, dias antes do espetáculo; levar um tombo que deixou a canela inchada e dolorida ao subir a escada em direção ao palco; o aparecimento de um terçol no olho e uma crise alérgica que encheu o rosto de manchas vermelhas. “Sempre antes de uma estreia ocorre alguma coisa inesperada e desastrada comigo. Já fico preparada e não desanimo”, diz. Ao ser convidada para atuar como médica na novela Cama de Gato (2009), já que não entendia do assunto, começou a ver o seriados Grey’s Anatomy (Fox) e foi assistir a um parto com caneta e caderninho nas mãos, anotando tudo o que a médica fazia. “Quan-

do ela começou a retirar o bebê, perdi a audição, suei e fiquei com a vista turva. Minha pressão caiu e eu quase desmaiei. O anestesista me tirou da sala e disse que eu estava dando mais trabalho que a grávida. Parecia filme. Eu, muito burocrática, achando que iria fazer apenas mais um laboratório...”, revela. Estreia na Globo Aos 12 anos, a taurina de Niterói já pensava em estratégia profissional, mesmo sem a menor consciência do que isso significava. Quis participar dos testes para ser Paquita não pelo sonho, como muitas meninas da sua idade na época. “Eu queria ser atriz e sabia que aquele trabalho poderia me ajudar a realizar o meu desejo de vida. Achava que o aprendizado que eu teria – e tive – com a Xuxa seria bom até se eu quisesse ser psicóloga. E o que aconteceu foi incrível”, enfatiza. Ela fez cursos de dança, interpretação de texto, patinação, maquiagem e aprendeu também a ser disciplinada e mais responsável, principalmente para uma adolescente. “Esse conhecimento a gente carrega para toda a vida. Eu não sei qual teria sido o meu caminho se eu não tivesse trabalhado com a Xuxa”, entrega. Deixou de ser Paquita, mas passou a trabalhar com a Xuxa atuando em quadros de outro programa da Rainha dos Baixinhos. Foi quando Roberto Talma, um dos mais conceituados diretores de TV e produtor cinematográfico brasileiro, a convidou para um teste da novela A Lua me Diz. Eufórica e nervosa, passou no teste e acabou como a protagonista de sua primeira novela. Palco X telinha Monique jura que gosta da mesma maneira das duas plataformas e que, durante a carreira, sempre intercalou os dois tipos de trabalho como forma de se reciclar. “No teatro, o público escolhe o que ver de você. Na televisão, as pessoas enxergam o que colocam na tela. No teatro, dá para escolher 69 61


o personagem, na televisão, não dá”, explica. E ressalta que adora optar por estilos diferentes de interpretação para não cair na mesmice. “Na TV, acabei de participar de um drama contemporâneo. Depois fui para o teatro com uma comédia. São atuações muito difíceis. A comédia tem resposta imediata e pode decepcionar. Se o público não rir, você fica frustrada. E no trabalho com a emoção é preciso tocar sentimentalmente a pessoa de alguma forma sem ficar piegas, dramático demais. Tem que ser verdadeiro”, garante. Sempre de cara nova Além da transformação óbvia de menina em mulher ao longo da carreira, sem dúvida, o que mais acompanhou as mudanças de Monique Alfradique foi seu cabelo. Assim como personalidade e figurino, cada um de seus personagens ganhou uma moldura diferente, a maioria das vezes sugerida por ela. Mas foi com a ousada e sensual Bárbara, do seriado Cinquentinha, que ocorreu a grande modificação no seu perfil de menininha para mulherão. “Eu queria uma virada, porém teria que ser com o trabalho. Estava à espera de algum personagem para não ficar forçado. Meu cabelo estava cor de mel e comprido. Cortei quase estilo Chanel e pintei de loiro claro. É impressionante: você muda e tudo na vida se altera também. Meu cabelo trabalha junto comigo, ainda bem que ele está aguentando firme”, afirma. Depois dessa fase, ela já adotou diversos comprimentos, usou mechas e variou do castanho escuro a diversas tonalidades loiras, inclusive o platinado. Como o cabelo aguenta? Foi o excesso de química que danificou os fios e chamou a atenção de Monique para a necessidade de cuidar dos cabelos. Ela faz hidratação profunda no salão de 15 em 15 dias e usa cremes de tratamento em casa. Quando não consegue ir ao salão, lança mão da ampola de Queravit, da Bio Extratus, que faz uma 70

nutrição a jato nos fios. “Descobri o produto recentemente, uso e adoro!”, garante. Uma vez por mês vai ao Laces and Hair, em São Paulo, onde submete os fios a técnicas profissionais intensas de recuperação. Em Niterói, frequenta o salão Werner, também com foco nos cuidados capilares. Evita o calor de secador e chapinha se não for por trabalho e, em casa, seco naturalmente. “Para sair, uso spray para os fios ficarem menos certinhos”, conta. Ainda sobre beleza Sob os holofotes, a atriz jura que prefere ficar de cara limpa, por mais que adore maquiagem. “Gosto tanto, que às vezes eu maquio até minha mãe e minha irmã. Porém, em mim, eu uso pouco. Fico mais animada com as sombras, os batons e pincéis do que utilizar realmente. Na hora de passar em mim eu sou pouco ousada. Mas no momento de comprar, eu sou ousadíssima”, conta. No dia a dia, se não está sem make, não vive sem máscara para os cílios, curvex e protetor labial com filtro solar. Como adora conversar com os experts em busca de dicas, aqui ela ensina um truque legal para deixar os cílios mais curvados: “Antes de colocar o curvex, esquente a borrachinha do aparelho com o secador, o efeito fica mais intenso.” Corpo de sereia Monique já praticou várias atividades físicas, contudo foi a corrida que a conquistou. Na academia ou na praia, corre 10 km/dia pelo menos quatro vezes por semana. “Corrida me dá muito prazer e eu consigo controlar a ansiedade, gastar minha energia excessiva, manter a forma, organizar a minha vida e até passar o texto. Às vezes eu saio da esteira e tenho que anotar correndo tudo o que eu pensei durante o exercício”, afirma. Cardápio saudável Ela nunca teve problemas com peso e mantém uma alimentação equilibrada, que aprendeu a seguir com uma nutricionista há sete anos. A atriz não gosta de carne vermelha,


Vestido verde • Victor Dzenk Brincos • Lisht 71


Fotos: Márcio Rodrigues Produção de moda: Samanta Szczerb Cabelo e maquiagem: Ricardo Tavares Assistente de produção de moda e beleza: Gilza Santos

72


raramente come frango e adora peixes, frutas, legumes e verduras. “Não sigo cardápios e, caso sinta vontade de comer um chocolate eu vou comer, não sou caxias nesse nível, mas eu prefiro uma fruta, me sinto mais leve. Só que não resisto a um petit gateau pelo menos no fim de semana, saboreado com tranquilidade. Engordar sem ter prazer não é comigo”, assume. Figurino pessoal Fã da moda, a atriz tem uma personal stylist que a ajuda a descobrir o que veste melhor em seu corpo. Está mais atenta ao mundo fashion e garante que conseguiu deixar no armário só o que realmente usa. “A maneira com a qual você se veste traduz muito sobre quem você é. Compro revistas e anoto as referências sobre o que posso combinar com o que tenho em casa”, diz. Reservada sobre a vida pessoal, a carioca gosta de estar com os amigos e com a família, tomar um vinho e se divertir em casa. “Mantenho uma agendinha no meu telefone e anoto os nomes dos vinhos que eu mais gosto”, comenta. [Nossa, nunca vi uma entrevista tão longa, vocês conversam... interrompe a produtora.] “É que estamos trocando dicas e figurinhas e não apenas fazendo uma entrevista, está divertido. Voltando ao assunto, eu adoro vinho branco gelado...”, diz Monique. Aqui, a sugestão foi minha: “Experimente colocar morango congelado na taça, fica delicioso, incrível.” “Jura? Vou pôr morango no congelador e provar, adorei a dica!”, se entusiasma Monique. Com o make e penteado prontos para começar as fotos, nossa estrela ficou ainda mais brilhante. Se bem que a primeira frase que falei quando a conheci foi: “Nossa, como você é bonita pessoalmente, mesmo de manhã e sem maquiagem.” – e toda mulher sabe como isso não é fácil Assista ao making of do ensaio em editora2x1.com.br!

73


saúde

injeção de ânimo Por Carolina Thomeu

76

Alívio para muitos A novidade é animadora tanto para quem passou anos à base de analgésicos como para quem acaba de ser diagnosticado com enxaqueca crônica. Segundo Eliana Melhado, neurologista da Sociedade Brasileira de Cefa-

FOTOS: SHUTTERSTOCK

A cabeça parece que vai explodir e a vontade é de se isolar em um quarto escuro... quem nunca passou por isso? A novidade é que o Botox – ele mesmo! – pode ajudar a combater essa tal de enxaqueca crônica

Se as dores de cabeça são fortes, costumam aparecer por mais de 15 dias no mês e duram mais de 4 horas, é grande a chance de você sofrer de enxaqueca crônica. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a doença atinge cerca de 15% da população brasileira e as mulheres são as principais vítimas. Elas têm de 2 a 3 vezes mais enxaqueca que os homens, em grande parte por fatores hormonais. Além disso, a enxaqueca crônica é uma doença neurológica que pode provocar a diminuição das habilidades motoras. A má notícia: não tem cura. A boa: surgiu uma nova luz no fim do quarto escuro. A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) aprovou o uso do Botox (apenas a toxina botulínica tipo A) para o alívio do sintoma da doença. Estamos falando do mesmo Botox usado pelos dermatologistas contra as rugas. Não é interessante?


leia (SBC), quem descobriu a doença há pouco tempo também pode partir para a aplicação do Botox. “Afinal, ninguém é obrigado a aceitar a dor.” Imagine o que isso significa para uma pessoa que passou boa parte da vida com o problema? Benedita da Silva, de 56 anos, conviveu os últimos 30 com a doença: “Começava com uma agulhada na testa. Depois, a dor vinha com tudo.” A copeira foi internada muitas vezes com mal-estar e vômitos e, só de medicamentos, chegou a tomar 7 comprimidos por dia. Começou a fazer o tratamento com Botox e a vida mudou. “Voltei a fazer coisas deixadas para trás ao longo dos anos. Passar perfume e apreciar o cheiro o dia todo foi uma delas. A dor aparece de vez em quando, mas agora um só analgésico (recomendado pelo médico) acaba com o sofrimento.” Como é o tratamento A aplicação é um pouco parecida com a do uso estético do Botox. Depois de avaliar o paciente e descobrir a localização da dor, o

médico injeta a substância nos pontos específicos (veja o quadro), diferentes dos locais da aplicação estética. Para o tratamento da enxaqueca crônica, o neurologista usa um frasco (ou mais) do Botox. No caso estético, geralmente um terço ou meio frasco basta. O Botox provoca relaxamento muscular e, assim, diminui os estímulos responsáveis pela dor, que se torna menos frequente e intensa. O alívio não é imediato, o paciente começa a sentir a diferença depois de mais ou menos três dias. Os efeitos duram em média seis meses, quando é preciso repetir a dose. E as contraindicações? “A toxina botulínica costuma ser bem tolerada. Mas não é indicada para aqueles com hipersensibilidade ao Botox ou quem estiver com alguma infecção no corpo”, diz a neurologista. Atenção: a aplicação da toxina para tratar enxaqueca crônica é tarefa para o neurologista e não para o dermatologista. Mesmo que o paciente deixe o médico com dor de cabeça de tanto insistir.

Onde o Botox é aplicado contra enxaqueca crônica Em geral, o tratamento é feito em 30 pontos na região da testa, lateral da cabeça, nuca, pescoço e cervical, veja a ilustra��ão.

No Brasil, a toxina também pode ser usada para tratar: - Distonia: doença que provoca contrações involuntárias dos músculos - Estrabismo: desalinhamento dos olhos causado por um desequilíbrio dos músculos que agem sobre o globo ocular - Blefaroespasmo: contrações involuntárias que fazem a pessoa piscar sem controle - Espasmo hemifacial: contrações involuntárias dos músculos da face - Rugas de expressão - Espasticidade: rigidez excessiva da musculatura, afetando a mobilidade - Hiperidrose: suor excessivo nos pés, mãos e axilas - Bexiga hiperativa: contrações involuntárias que causam vontade urgente e excessiva de urinar

Quanto custa? De R$ 900 a R$ 1.500* cada ampola (depende da quan­ tidade usada), fora o serviço do médico. O governo diz que o tratamento pode ser feito pelo Sistema Único de Saúde (SUS), mas não de­ terminou um prazo. *Valor pesquisado em junho de 2011.

77


saúde

É provável que você ainda brincava de boneca e amarelinha quando pulou corda pela última vez. Pois saiba que os saltinhos coordenados também são coisa de gente grande, e prometem invadir as academias no verão

O que você vai ler a seguir não é brincadeira. Que tal perder 15 calorias por minuto, ou 900 calorias em uma hora? Então volte no tempo, resgate a criança que existe dentro desse corpinho e mão na corda! Estamos falando de um exercício que não só ajuda a emagrecer como tonifica os membros inferiores, aprimora o equilíbrio e a coordenação motora, além, claro, de melhorar o condicionamento físico. 78


eu

Por

FOTO: PAULO CARDONE/2X1

E tem mais, pular corda aumenta o fluxo linfático, o que ajuda a eliminar as toxinas do organismo e, de quebra – para a nossa sorte! – previne e combate a celulite. Não é à toa que muitas academias já programam aulas específicas para o próximo verão. Caso você não se ache capaz de sair do chão como nos velhos tempos, lembre-se que o ditado da bicicleta “Quem aprende nunca esquece” também vale para a corda. Ah, esse não era o seu passatempo predileto na infância? Sem problemas, chegou a hora de descobrir uma nova atividade. Nunca é tarde A empresária Cintia Camargo, de 30 anos, acredita que demorou mais para se adaptar ao exercício porque não gostava da brincadeira quando criança. “Foi difícil para mim. Eu não conseguia coordenar o giro com o movimento dos pés”. Inspirada por uma amiga, que “na primeira semana já parecia o Rochy Balboa”, ela não desistiu. No começo, Cintia não se importava tanto com os minutos pulados, mas, sim, em acertar os movimentos. Depois da terceira semana, a empresária notou

m Tho lina o r a C

que a postura, os pés e a respiração ficaram sincronizados e, a partir daí, foram só pulos de alegria. Há três meses praticando corda, Cintia faz 30 minutos, de 4 a 5 vezes por semana, alternando com o treino de musculação, e diz já perceber os resultados: “Impressionante como meu corpo secou rapidamente. Com certeza, é um exercício muito eficiente, que trabalha bastante a parte cardiovascular.” O mestre em Educação Física da USP e coordenador do Departamento de Avaliação Física da academia Cia. Athética de São Paulo, Ronaldo Vilela Barros, explica que o ideal é combinar a corda com outra atividade. “É interessante intercalar com a corrida, ciclismo ou até mesmo com a musculação, em circuitos, para não sobrecarregar os ossos, articulações e músculos que trabalham durante o movimento da corda.” O tempo do exercício recomendado por dia ou por semana vai do preparo de cada praticante. Não existe limite de idade, mas o passo inicial é saber se a saúde está em ordem. Corda para pacientes cardíacos e obesos, só com liberação médica. E, em se tratando de um exercício de alto impacto, não é apropriado para quem sofre de problemas nas articulações dos joelhos e tornozelos. Se não for o seu caso, experimente! Vire a página e se inspire nas dicas que Fúcsia preparou para você. 79


Para saber o tamanho ideal da corda, você deve segurá-la pelas extremidades com o braço a 90º. A ponta da corda deve tocar levemente o chão. Nem mais nem menos do que isso.

Gire a corda com os dois braços – um de cada vez – sem pular, para pegar o ritmo do exercício. Tente concentrar o movimento nos punhos e não nos braços inteiros. Ainda sem corda, faça pulos com as pontas dos pés. Os calcanhares ficam sempre em elevação, só tocam o chão no descanso. Dê saltos curtos, permanecendo no mesmo lugar, imaginando um ponto fixo. Não dobre os joelhos para trás.

80

Ela deve ser leve e de boa flexibilidade. Ao comprar, escolha uma com rolamento no suporte de mão para facilitar o giro. As de tecido muito fino podem se romper facilmente. Prefira cordas feitas de plástico ou couro.

Continue girando a corda pela lateral do corpo e acrescente os pulinhos do 2º passo. Mas ainda não passe a corda sob os pés. É só para entrar de vez no ritmo.

Procure um piso plano, que não escorrega. Emborrachados e de madeira diminuem o impacto. A grama também, mas pode aumentar o risco de torção nos tornozelos. O carpete pode ser uma boa opção, desde que não tenha ondulações. E, nesse caso, o atrito da corda com o chão pode dificultar a passagem sob os pés.

Agora sim, junte tudo o que aprendeu. As mãos devem ficar na altura dos ossinhos da bacia. Ombros relaxados e, não se esqueça, o movimento dos punhos (e não dos braços) é que vai dar o tom do exercício. Agora, você já pode sair pulando por aí.

Mantenha os saltos no mesmo local, evitando se deslocar enquanto pula. Para começar, faça uma sequência com duração de 30 a 60 segundos, repetindo quantas vezes aguentar com intervalos de descanso. O domínio com a corda aparece em alguns dias de treino.


81


Você já parou para pensar em como toma suas decisões no dia a dia? Será que analisa os fatos antes de fazer uma escolha ou simplesmente segue o que o coração diz? É comum enfrentarmos conflitos internos na hora de pender para o lado racional, objetivo, focado nos fatos, ou para o emocional, subjetivo, intuitivo. O ideal, claro, é encontrar o equilíbrio entre os dois caminhos, por mais difícil que a tarefa pareça, já que a nossa personalidade pesa mais para um lado do que para o outro na luta entre razão e emoção. Você se conhece? Faça o teste Para ajudá-la a se conhecer melhor, pedimos à doutora Fernanda Monti, psicóloga pela Universidade de São Paulo, para elaborar um teste com situações cotidianas. Selecione a opção que for mais parecida com a sua forma de agir. Marque apenas uma resposta de cada questão, veja qual das letras foi a mais escolhida e confira o resultado. Em caso de empate, leia as respostas equivalentes às duas letras. Segundo dra. Fernanda, isso significa que você está no caminho do equilíbrio emocional.

82

FOTO: SHUTTERSTOCK

comportamento

O duelo entre


razão emoção 1 Seu médico orienta você a cuidar melhor da saúde. Qual a sua reação? a. Ao sair do consultório, procura a academia mais próxima e passa no supermercado para comprar frutas e verduras b. Procura inserir atividades físicas na sua rotina e vai mudando os hábitos alimentares aos poucos c. Muda a sua dieta acrescentando apenas alimentos saudáveis e se exercita todos os dias, mas depois de dois meses já não tem mais tempo de fazer tudo isso e abandona o plano 2 Você começou a fazer regime esta semana e vai à festinha de aniversário do seu sobrinho. Na festa... a. Nem pensa na dieta e trata de comer logo os docinhos b. Come um pedaço de bolo e promete maneirar durante a semana c. Não come nada para se livrar mais rápido dos quilos a mais 3 Quando você precisa tomar uma decisão, prefere: a. Escolher o mais rápido possível b. Analisar todas as informações com cuidado antes de optar c. Pedir ajuda para alguém e seguir as sugestões recebidas

4 Em uma loja, você vê um modelo de televisão melhor do que o seu por um preço ótimo. Qual a sua atitude? a. Compra e parcela no cartão de crédito b. Fica tentada com a oferta, mas não acha necessário comprar agora c. Pensa na surpresa que fará para a família e compra 5 Seu namorado lhe deu um fora. Como você reage? a. Acredita ser impossível viver sem ele e chora por uma semana b. Fica chateada, mas respeita a decisão dele c. Passa a vigiá-lo de longe e não compreende porque ele terminou com você 6 Em relação ao excesso de compromissos do seu dia a dia, você: a. Vai vivendo sem muita preocupação. Afinal, com tantas novidades que aparecem no mundo é impossível se organizar mesmo b. Escreve vários bilhetinhos para não esquecer os compromissos do dia c. Anota na agenda tudo o que planeja fazer, mesmo que às vezes o roteiro mude no meio do caminho

83


7 Você está perdida na cidade e tem um compromisso importante. O que faz para sair dessa?

8 Seu chefe está fazendo muitas críticas a você ultimamente. Como enfrenta a situação?

a. Liga para a primeira pessoa que vem à cabeça, diz que está perdida, parada em frente ao banco, e pede ajuda para se localizar

a. Conversa com ele e expõe a questão, porque se ele está com problemas com você é melhor deixar logo claro

b. Olha para o táxi ao lado e pede uma informação c. Depois de andar uns bons quarteirões, desiste do compromisso porque já perdeu o horário Resultado: Maioria A: Você geralmente busca explicações racionais para justificar suas atitudes, evitando assim assumir que costuma agir impulsivamente. Seu comportamento, muitas vezes inadequado, pode gerar problemas de relacionamento no trabalho ou com as pessoas mais próximas. Procure aprender com as experiências e siga em frente!

b. Procura o chefe para explicar que o excesso de críticas está desmotivando você. Aproveita e pergunta o motivo de ele estar agindo assim para saber como pode melhorar c. Tenta aguentar a pressão desabafando com um amigo, mas tempos depois acha que é melhor pedir demissão

Maioria B: Suas atitudes sã o tomadas com bastante reflexão, o qu e não significa que você seja uma pessoa fria ou que age somente com a cabeça. Si gnifica que dese nvolveu seu “cérebro em ocional” para pe rc eber o mundo de uma forma mais equi lib rada, com base em su as intuições.

Maioria C: Às vezes você usa bem a cab eça, procurando pensar bastante antes de tomar suas decisões, mas nem sempre con segue. Acaba transbordando, mesmo sab endo que é melhor viver de uma forma ma is equilibrada. Apesar de falhar um pouco, nunca perde o foco do seu desenvolvimento emocional. É isso aí!

Leitura recomendada: Para saber mais sobre o assunto, leia Inteligência Emocional, de Daniel Goleman (Editora Objetiva) 84


85


relacionamento

Eu me mordo de Por Iracema Vieira

É natural e saudável ter medo de perder a pessoa amada, porém o exagero está ligado à insegurança e não ao amor. Se uma pessoa não confia em si mesma, imagina que qualquer outra pode tomar o seu lugar

86


FOTO: SHUTTERSTOCK

Tudo parecia sob controle. Eles namoravam por mais de três anos, eram companheiros, apaixonados, se divertiam juntos. Mas, como ele era um cara do tipo que toda mulher deve querer para si, ela tinha que observá-lo meio de perto. Ligava sempre, queria saber aonde ia, com quem andava – afinal, os apaixonados não têm que saber tudo um do outro? E, se ele não atendesse, fazia plantão na porta da casa do rapaz. Achava tudo isso perfeitamente normal para uma mulher que tinha um namorado do cacife do dela. Até que um dia, ela implicou com a natação. Não suportava a ideia de que outras mulheres olhassem para ele de sunga. “Percebi então que estava privando meu companheiro de realizar atividades comuns”, conta a veterinária Renata Ferraz, que hoje, oito anos depois, tem 29 anos e se considera uma “ciumenta reformada”. “Para mudar, fiz um curso de autoconhecimento, frequentei meditações budistas, foquei mais em mim. Quando nos valorizamos, é normal que a insegurança e o ciúme desapareçam ou diminuam muito”, revela. Recuperar a autoestima é a saída Para superar o ciúme, não é obrigatório se tornar budista como Renata. Primeiro, é preciso entender que ele chega disfarçado de amor extremo quando, na verdade, é o seu pior inimigo. “É natural e saudável ter medo de perder a pessoa amada, porém o exagero está ligado à insegurança e não ao amor. Se uma pessoa não confia em si mesma, imagina que qualquer outra pode tomar o seu lugar”, explica Maria Claudia Lordello, psicóloga da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). 87


Ajuda coletiva O ciúme, às vezes, pode se tornar um vício. Por isso, há 17 anos foi fundado o MADA (Mulheres que Amam Demais), um grupo de ciumentas em busca de cura que funciona nos moldes do Alcoólicos Anônimos. Ali, as mulheres podem falar abertamente sobre a compulsão. “O tratamento é baseado em espelhos. Ou seja, a ‘ciumenta’ percebe o quão prejudiciais são suas atitudes observando histórias similares contadas pelas companheiras”, descreve Margarida Dias, colaboradora da entidade. O MADA está presente em quase todos os Estados brasileiros, além de Portugal e Venezuela. É possível encontrar o grupo mais perto de você no site http://www.grupomada.com.br.

A psicóloga Maria Claudia Lordello dá dicas valiosas para você virar o jogo e viver em paz com seu amor. Se você liga o tempo todo – “Normalmente, quem se preocupa demais com o que o outro está fazendo não tem coisas agradáveis que preencham a vida. Procure fazer atividades interessantes. Assim, ele poderá até estar se divertindo sem você, mas você também estará”, aconselha. Se você não admite que ele tenha amigas – Alimente sua autoestima. “Achar que toda mulher oferece risco é sinal de insegurança extrema. E, se você acredita que não dá para ter amigos do sexo oposto, aceite que ele possa pensar diferente.” Se você faz barraco em lugar público – Vale o conselho: não aja sob fortes emoções. Vá para casa, durma e resolva o problema depois. Assim, tomará uma atitude com mais sabedoria. 88

Mas nem toda ciumenta precisa de ajuda especializada. Na maioria dos casos, uma autoavaliação e algumas atitudes simples podem resolver o problema, como foi o caso de Renata. Infelizmente, ela não conseguiu salvar aquele namoro, já corroído pelo ciúme. Contudo, hoje está com outra pessoa, em um relacionamento saudável de verdade. Mesmo depois de vencer a batalha contra o ciúme doentio, a tentação pode voltar a bater na porta. A razão irá embora e um aperto vai dominar o coração. Nessas horas, vale lembrar a frase do sociólogo Zygmunt Bauman, autor de Amor Líquido (editora Zahar): “Quando a insegurança sobe a bordo, perdese a confiança, a ponderação e a estabilidade da navegação. À deriva, a frágil balsa do relacionamento oscila entre as duas rochas nas quais muitas parcerias esbarram: a submissão e o poder absolutos, destruindo a própria autonomia e sufocando a do parceiro. Chocar-se contra uma dessas rochas afundaria até mesmo uma boa embarcação com tripulação qualificada — o que dizer de uma balsa com um marinheiro inexperiente?” E, no amor, ele poderia ter completado, somos todos – e sempre seremos – o marinheiro inexperiente.

Se você não sai do Facebook dele – “A rede social é um espaço público e ele tem direito a uma vida além de você. Não pode lidar com essa ideia? Evite olhar a página dele”, recomenda a especialista. Outra dica é que os dois procurem ter mais privacidade na rede social, se for um acordo do casal, claro. Se você bisbilhota as coisas dele (celular, e-mail e correspondência) – “Para a desconfiança, o diálogo é sempre a melhor opção. Exponha os medos e, na maioria dos casos, verá que está exagerando. Senhas de e-mail e coisas do tipo estão fora do seu limite. Um pouco de segredo faz bem a toda relação”, opina Maria Claudia. Se você não tolera o passado dele – Tenha em mente que cada pessoa que passou na vida dele ajudou a transformá-lo na pessoa que você tanto ama. Logo, o passado vira algo bom, em vez de torturante.

FOTO: SHUTTERSTOCK/NOMES TROCADOS PARA PRESERVAR A PRIVACIDADE DA ENTREVISTADA

O que a pessoa ciumenta esquece no momento da crise é que se apaixonou pelo outro justamente por ele ser do jeito que é. Quanto mais se controla e se transforma a pessoa amada, mais distante ela ficará da pessoa que a encantou no começo. “Às vezes, nós confundimos invasão extrema com cumplicidade, como se isso fosse um sinal de relação saudável. Não é. No fundo, todos precisamos de autonomia para sermos felizes e mais interessantes”, diz a especialista.


89


viagem

r ueira Cesa

a de Cerq

Por Bettin

tina,

an da Diam a p a h C gos... A ndo , rios e la s n io n is do mu â e c ív , r s c le in a s mais dões, v s lugare s, chapa o a d n r m e u v é a , C na Bahia 90


Do alto do Morro do Pai Inácio a vista é deslumbrante. À sua frente, o Monte Tabor

Não é preciso sair do Brasil para se ter uma aventura de outro mundo. No interior da Bahia, em plena caatinga e cerrado, há um oásis com Mata Atlântica, vales verdes, rios cor de coca-cola, lagos translúcidos, cachoeiras sem fim e até manguezal: a Chapada Diamantina. Nesse Parque Nacional, que é cinco vezes maior que a cidade de São Paulo, você encontra as paisagens mais incríveis que puder imaginar. E as aventuras mais instigantes que puder aguentar. Quer ver? Os fãs da natureza ficam felizes de cara. A paisagem agreste é logo atropelada pela imagem dos imponentes chapadões – aqueles morros de pedra chapados no topo. Há uma linda sequência deles. Mas a melhor maneira de apreciá-la é do alto de um dos morros. O mais visitado é o Morro do Pai Inácio, com 1.240 metros de altura e a visão mais impactante do lugar (isso porque você pode ir de carro ou a cavalo a maior parte do caminho). De lá, em um dia claro, você consegue ver até onde sua vista alcançar. Lá embaixo, um verde repleto de vida. Só de orquídeas, por exemplo, são 200 espécies. 91


Cânion de acesso à Cachoeira do Buracão, no extremo sul do parque

Emoção à flor da pele Já quem gosta de adrenalina pode escolher emoções certeiras em um cardápio variado. Que tal, por exemplo, escalar um cânion? Ou descer cachoeiras de rapel? Ou cair em um poço vindo de uma tirolesa? Ou pedalar sobre pedras? Mas há coisas na Chapada que exigem menor esforço físico – e mental, claro. Entre elas, o floating em piscinas naturais de águas tão claras quanto geladas. Ou uma volta em um caiaque, sem qualquer pressa. Ou, o prato de resistência: escolher uma das trilhas de fácil acesso, sempre na companhia de um guia credenciado, ok? Quem vai querer se perder nessas veredas? A diária de um guia vai de 50 para passeios mais curtos a 100 reais para um trekking de dia inteiro. Mas acomodam até cinco pessoas. O exemplo mais feijão com arroz é a trilha que leva à Cachoeira da Fumaça. São 6 quilômetros de trilha, 2 de subida e 4 em campo de altitude, mas sem qualquer sombrinha e quase no ar rarefeito. A sobremesa é uma queda d’ água de – pasme! – 340 metros de altura em um vale absolutamente verde. Há que deitar de bruços no chão para olhar para baixo sem ser acometido pela vertigem. Espetáculo escondido Outra atividade imperdível é a exploração de cavernas. Também não é nada difícil – principalmente se você contar com os guias locais. Se nunca fez isso irá descobrir o silêncio, a escuridão e a beleza das estalactites e estalagmites e dos lagos escuros. Algumas vezes, vence o medo. Sim, nas mais de 200 cavernas há morcegos e outras criaturas à espreita. Mas na maioria do tempo é a descoberta das entranhas do mundo. Em uma delas, por exemplo, você encontra entre maio e setembro, o Poço Encantado. Depois de descer numa caverna por uma cordinha vê-se as águas azuis translúcidas iluminadas pelos raios de sol que entram pela clarabóia.

92


FOTOS: VENTURAS.COM.BR/DIVULGAÇÃO

Cardápio local Como o Parque Nacional é muito grande, há diversas “portas” de entrada. A mais comum – mas nada ordinária – é a cidade de Lençóis, uma joia guardada do tempo em que ali se exploravam os diamantes. O casario colonial e as pedras que cobrem o caminho estão bem preservados. É nessa cidade que estão as melhores opções hoteleiras e, claro, gastronômicas. O café por aqui tem de ser sempre reforçado. O farnel para o dia, variado. Almoço? Raramente há um lugar aberto – espere encontrar só lanches. Mas para o jantar, as delícias locais. A praxe é embarcar na refeição caseira que inclui frango caipira, abóbora, pupunha e, acompanhando,... cacto. Ou então um certo godó de banana, espécie de pirão de banana verde. A duas horas de carro de Lençóis, fica Igatu, que já foi chamada de Xique-Xique nos idos anos do garimpo. A cidade hoje com apenas 300 moradores resguarda as ruínas de outrora. Foi até tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). É outra base para atrações nota 10 como os poços do Brejo e Azul. Um pequeno detalhe: como você estará dentro de um parque nacional na maioria do tempo, terá de pagar para ver algumas dessas maravilhas. A taxa de visitação pode ir de 2 a 10 reais. Pague sem pestanejar. Um lugar como a Chapada vale cada centavo de real.

Canto das Águas • Diárias com café da manhã desde R$ 290, o casal. Avenida Senhor dos Passos, 1, (75) 3334-1154. www.lencois.com.br Hotel de Lençóis • Diárias com café da manhã desde R4 245, o casal (promocional, pois está em obras). Rua Altina Alves, 747, (75) 3334-1102. www.hoteldelencois.com

maça: queda Cachoeira da Fu de altura d’água de 340m

A cidade histórica de

Lençóis

esmo

om o Poço Azul tem ão de mergulho, iss rm pe m o co e ad Menor ço Encant io de sol que o Po fenômeno do ra

Oito dias de viagem, com hospedagem, café da manhã, passeios e seguro viagem por R$ 2.080 por pessoa na Venturas e Aventuras, (11) 3872-0362, www.venturas.com.br. Pacote equivalente sai por R$ 2.024, na Ambiental, (11) 3818-4600, www.ambiental.tur.br 93


planeta verde 94

Ă‚ncora da

natureza Por Andrea Dip e Gabriella GalvĂŁo


FOTOS: HTTP://WWW.MUNDOSUSTENTAVEL.COM.BR/FOTOS/

O apresentador da Globo News, André Trigueiro respira sustentabilidade e virou referência no assunto. Para ele, só reciclagem não basta, é preciso mudar o comportamento para salvar o planeta

“Ambiente limpo não é o que mais se limpa e sim o que menos se suja.” Com a frase de Chico Xavier, o jornalista André Trigueiro desejou ‘bom dia’, como de costume, aos seus mais de 20 mil seguidores do Twitter (@andretrig). A rede social é apenas um dos lugares em que ele dá informações e conversa sobre ecologia. Aos 45 anos, André é professor na PUC/RJ, onde criou o curso de Jornalismo Ambiental, autor de três livros sobre o tema e apresentador do Jornal das Dez e do programa Cidades e Soluções, da Globo News. O carioca também ministra palestras e consegue tempo para administrar o site mundosustentavel.com.br, além de curtir a vida com a namorada e suas duas filhas e de dar conta de um minhocário que tem em casa. À Fúcsia, o jornalista falou sobre seu envolvimento com o meio ambiente, que começou há 20 anos um pouco por conta da sua participação na Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente e o Desenvolvimento (conhecida como Rio 92) e muito por uma vontade inexplicável que ele sempre teve de se conectar à natureza. Intuição afinada “Quando cobri a Rio 92, estreitei ainda mais a afinidade que já tinha com o tema.” Determinado a aprender mais sobre a questão, André conheceu cientistas, representantes de ONGs e estudou a respeito. “Na época, assuntos ambientais eram alvo de preconceito, mas eu segui meu coração.”

Conexão com o meio ambiente “No Rio de Janeiro, a natureza é rica e maravilhosa! Eu sempre tive a necessidade de estar em contato com plantas e bichos, é algo visceral, difícil de explicar. Já adotei vários cachorros, mas os últimos três, como peguei velhinhos, morreram e eu fiquei muito triste. Estou dando um tempo para me recuperar antes de adotar outro animal.” Olhos voltados para o planeta “Não tenho dúvidas de que hoje todos estão mais atentos à sustentabilidade. Na minha infância não existia menção aos riscos ambientais. A qualidade da água e do ar hoje é discutida nas escolas. As empresas estão comprando água de reuso e até as religiões se preocupam em mostrar que certas escolhas contrariam a vontade do criador.” Reaproveitamento “A reciclagem é muito importante nessa luta.” André conta que tem um minhocasa, um sistema que transforma lixo orgânico em húmus, fertilizante produzido pelas minhocas. Atitude e consumo conscientes “Tudo o que consumimos – de comida a roupas, carros e cosméticos – gera um efeito cascata no planeta. Ao comprar uma geladeira com o selo Procel de Economia de Energia, por exemplo, você premia uma empresa preocupada com a sustentabilidade e economiza energia. As mudanças precisam acontecer, e rápido! O mundo mudou. E quem não acompanhar as transformações vai ficar para trás!” 95


planeta verde

Por Mariane

Salerno

aço por a ganhar esp m ça e m co ico ae duto orgân ro s e na Europ p o m id u n U e s m o d a ando conso febre nos Est natureza qu a a d Eles viraram ju a cê vo bra por que aqui. Descu

96


FOTO: DREAMSTIME

Se você não está habituada a comprar prolhorar a qualidade do solo e do meio ambiente. dutos orgânicos, ao menos já passou por eles Um dos principais atrativos é uma rentabilidana prateleira do supermercado. E talvez tenha de melhor, já que a procura por produtos orgâadiado a compra por causa do preço. Sim, eles nicos vem aumentando”, diz Márcio Stanziani, são realmente mais caros. Mas até o final desta secretário executivo da associação. As dificulreportagem vai ficar fácil entender o porquê. dades são encontrar assistência técnica e lidar O alimento que chega à mesa da maioria das com uma transformação grande na propriedafamílias brasileiras é plantado e cultivado à de. “Para ter o selo de produtor orgânico, todo base de insumos industrializados, agrotóxicos, o processo deve estar integrado. É necessário pesticidas e fertilizantes. Isso vale para aquela fazer correções no solo e na água. E, durante a salada do almoço, arroz com feijão – para resufase de adaptação, não pode parar de produmir – e para um extenso cardápio de frutas e zir”, explica Márcio. Ele fala que, com o tempo, legumes (sem falar na carne o agricultor começa a colher Segundo o órgão de dos animais que se alimenas vantagens de ter uma tam deles). Já os orgânicos terra mais fértil, com produalimentos da Organização não recebem nada disso. As ção maior, sem precisar de das Nações Unidas (ONU), técnicas tradicionais de proinsumos químicos e com o a agricultura orgânica dução são substituídas por aumento da vida útil do solo. foi o setor alimentar que um manejo mais manual e Por que custa mais? cresceu mais rápido nos natural. O controle biológico Tudo o que você leu tem últimos anos. (e não químico) de pragas, o um preço. Ficou claro que a uso do adubo verde e a comprodução orgânica exige mais postagem evitam a poluição do solo e da água, cuidados que a tradicional. Para isso, é fundagarantindo o replantio com qualidade. Outra mental buscar mão de obra especializada, e ela característica é a utilização da energia solar nos é mais cara. A continha fica simples: os custos processos de produção, o que diminui a intermais elevados de produção são repassados ao ferência no meio ambiente, regenera a terra, a produto final, e o preço para o consumidor deixa fertilidade do solo e preserva áreas nativas. de ser tão convidativo. Mas em alguns itens essa No Brasil, esse tipo de atividade é dominadiferença diminui bastante ou deixa de existir no da pela agricultura familiar e vem gerando período da safra, como alface, cenoura e bróconovas oportunidades no campo, com mais lis ninja. Compensa o investimento saber que os autonomia aos pequenos produtores. Hoje, orgânicos preservam a saúde dos trabalhadores mais dez mil pessoas trabalham com orgâ– que deixam de manipular agrotóxicos e venenicos. Mas o que chama a atenção é que a no – e são mais nutritivos que os convencionais. maior parte da produção (60%) é exportada Uma pesquisa da Universidade Federal para Europa, Estados Unidos e Japão. do Paraná avaliou dez tipos de alimentos Transformação grandiosa A Associação de Agricultura Orgânica (AAO) incentiva e dá as primeiras orientações a quem quer fazer a mudança do cultivo tradicional para o orgânico. “Na maioria das vezes, somos consultados porque a pessoa está cansada de lidar com venenos, com agrotóxicos e quer me-

produzidos de forma orgânica. Todos apresentaram maior concentração de nutrientes e minerais, como ferro e selênio, em relação aos mesmos alimentos cultivados de forma tradicional. Como se vê, não é só a saúde do planeta que agradece a produção ecologicamente responsável, a nossa também. 97


planeta verde

Vitrine sustentável Por Gabriella Galvão

Reaproveitamento de garrafas PET, uso de madeira certificada e de demolição, papel reciclado, papelão... não faltam materiais e criatividade para inventar objetos bacanas sem agredir o meio ambiente, preservando a natureza com alto estilo!

Bom humor sobre a mesa Porta canetas e lápis da Suck Uk elaborado com madeira de reflorestamento.

Do lixo ao luxo Descartada, a Chaise Long Djinn foi recuperada e reformada pela designer Karina Vargas para o Estúdio Glória

98

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Campanha na parede Adesivos bem-humorados, recicláveis, feitos com um material livre de componentes químicos, cola à base de água e certificados pela FSC, organização internacional que promove o manejo e a certificação florestal. Da Hu2 Design.


Direto da plantação A linha Welf tem utensílios para cozinha feitos com bambu, um dos melhores substitutos para a madeira. Da Só Marcas.

Sem gastar energia elétrica Movido a água, trocada a cada 12 semanas, o relógio Bedol não precisa de pilha nem de bateria.

Decoração consciente Da linha Beladona, a mesa com tampo giratório é de madeira cumaru, com alta durabilidade e de manejo florestal sustentável. Da Dona Flor.

Rústico e elegante Aparador, bancos e mesas montados com a reutilização das sobras de pinho, geralmente utilizado na indústria de embalagens. Móveis da Linha Carga, da Diálogo Design. Design

Condomínio felino De papelão 100% reciclável e com certificação ambiental, o Condocat suporta gatos de até 15 kg. É da Ecobichos, que também desenvolve casinhas para cães

Higiene ecológica A Reach ECO, da Johnson & Johnson do Brasil, é a primeira escova de dentes do mercado brasileiro a ter parte do cabo feito de material reciclado, ou seja, da reutilização de sobras de materiais plásticos da fábrica.

99


nós

Uma bela viagem

de negócios Bio Extratus reúne distribuidores da marca em um dos lugares mais incríveis do Brasil. E agrada em cheio ao propor um novo conceito para viagens de trabalho Entre os dias 2 e 5 de junho, em Cuiabá (MT), aconteceu o II Turismo de Negócios Bio Extratus. O projeto Quatro Operações – como o evento é chamado – tem como objetivo somar conhecimentos, subtrair distâncias, multiplicar estratégias e dividir experiências. Escolhido pelos distribuidores da marca, o cenário não poderia ter sido melhor para aliar lazer, enriquecimento cultural e aprimoramento das atividades profissionais. O evento reuniu 83 distribuidores de diversas partes do Brasil, além da diretoria e funcionários da indústria e da distribuidora anfitriã. Durante os quatro dias de encontro, os participantes tiveram a oportunidade de trocar experiências e ter contato com as maravilhas da natureza da região. Na primeira parte da viagem, foi apresentada a bem-sucedida trajetória da Veradouro, distribuidora da Bio Extratus no Mato Grosso. Foi possível conhecer de perto o trabalho de ponto de venda e as práticas comerciais de sucesso. “O controle de vendas das promotoras, indicando quais os produtos menos ou mais vendidos por elas, 100

foi muito bem elaborado. A partir dessas experiências, poderemos implementar ações que ajudarão nosso trabalho, resultando em um aumento nas vendas e maior afirmação da marca”, comentou Mário Figueiredo, distribuidor da Bello (MG), mostrando entusiasmo com o exemplo de sucesso. Na segunda etapa do encontro, os participantes tiveram tempo de aproveitar o que o Pantanal tem de melhor: a natureza. Foi a oportunidade de passear e se aproximar da cultura local. A programação também reservou espaço para uma dinâmica de grupo, que uniu ainda mais os parceiros comerciais da Bio Extratus. “Foi uma experiência rica em quantidade e qualidade. Volto para casa com muitas ideias e vontade de aplicar o que aprendi”, conta o representante da distribuidora Aliança Cosméticos (SP), Cássio Cuin, se referindo ao jogo estratégico elaborado para exercitar as habilidades de liderança, organização e capacidade analítica. Para finalizar as atividades de negócios, foi realizado o Souvenir Estratégico, uma rica discussão para integrar os conhecimentos adquiridos durante o evento.


iziane Aparecido Ignácio e Ge ratus Ext Bio da res eto dir recebem Anfitriões e vi sitantes reunid os

Participantes reunidos no Centro de eventos de Várzea Grande

FOTO: SHUTTERSTOCK / BAIXAKI

Conhecendo o lugar O Complexo do Pantanal é um ecossistema com 250 mil km² de extensão, situado no sul de Mato Grosso e no noroeste de Mato Grosso do Sul. Engloba também o norte do Paraguai e o leste da Bolívia (onde é chamado de chaco boliviano). É considerado pela UNESCO Patrimônio Natural Mundial e Reserva da Biosfera. Muitos turistas brasileiros e estrangeiros visitam a região durante todo o ano, a grande maioria em busca do contato com a natureza e com o estilo de vida local. Entre as riquezas culturais, merecem destaque as comidas, como o caldo de piranha pantaneiro, peixes e jacarés com urucum, e a bebida de erva-mate, o tereré. No Pantanal, existem pelo menos 3.500 espécies de plantas e 1.130 de animais. Que tal programar a sua próxima viagem para lá também? 101


culinária

Uma boa (e econômica)

Por Gabriella Galvão

Tortinha de calabresa 2 xícaras (chá) de farinha de trigo 2/3 de xícara (chá) de manteiga em cubos gelada ½ colher (chá) de sal 7 a 8 colheres (sopa) de água gelada 1 ovo para pincelar Numa tigela, coloque farinha, manteiga e sal. Amasse com as mãos até ficar uma farofa grossa. Adicione uma colher de água de cada vez e vá trabalhando a massa até que ela se una e não grude nas mãos. Faça uma bola, enrole em um filme plástico e leve à geladeira por 30 min. Rende 4 porções. Tempo de preparo: 45 min Para o recheio 2 linguiças calabresa defumada em cubos. Varie com frango, carne moída, palmito ou o que tiver em casa 1 cebola média picada 102

2 colheres (sopa) de manjericão 1 xícara (chá) de polpa de tomate 1 colher (sopa) de óleo Sal a gosto Aqueça o óleo em uma panela, junte a linguiça e refogue até dourar. Acrescente a cebola e mexa até ficar transparente. Coloque o manjericão e a polpa de tomate e deixe ferver até engrossar. Se necessário, coloque sal. Montagem: ponha o refogado em um pote refratário. Abra a massa sobre uma superfície enfarinhada. Pincele clara de ovo ligeiramente batida na borda externa do pote, corte a massa deixando 2 cm de diâmetro a mais do que o do pote. Arrume a massa na borda do pote, pincele gema de ovo ligeiramente batida, faça um furinho como na foto e leve ao forno por 15 min ou até dourar. Sirva quente.

FOTO: PAULO CARDONE/2X1

Já que o clima da revista é de comemoração, desafiamos a chef paulistana Clau Alaminos – expert em fazer cardápios para todos os tipos de festas – a criar comidinhas gostosas para você receber bem em casa com muita economia. Sim, é possível, e o resultado você confere aqui, em pratos bonitos, deliciosos, baratos, simples de fazer e que vão impressionar seus convidados. Bom apetite e boa diversão!


Patê de abóbora assada 400g de abóbora descascada em cubos 3 colheres (sopa) de azeite de oliva 3 colheres (sopa) de requeijão ou cream cheese Sal e pimenta do reino Numa tigela, ponha a abóbora, azeite, sal e pimenta e misture bem. Espalhe em um tabuleiro. Leve ao forno pré-aquecido a 200°C por 25 min ou até a abóbora estar macia e dourada. Depois de fria, bata com cream cheese/requeijão no processador/liquidificador até ficar uma pasta homogênea. Se estiver muito sólida, acrescente mais azeite. Sirva com torradas. Porção para 4 pessoas. Tempo de preparo: 30 min Espetinhos: em um palito, ponha um cubo de queijo branco e meio tomate cereja. Sirva com azeite batido com manjericão. Outra ideia é fazer bolinhos de carne, espetar em um palito e servir com um mix de maionese, iogurte natural e ervas picadas. Mini baked potato: tempere batatas bolinha com azeite, sal e pimenta. Leve ao forno em alta temperatura por 45 min ou até dourar. Corte as batatas ao meio, retire um pouco da polpa e sirva com requeijão e bacon fritinho. Queijo de coalho: corte o queijo em cubos e coloque em uma frigideira quente. Vire até ficar dourado em todas as faces. Sirva em um palito com geleia de pimenta. Ovo de codorna: corte os ovos ao meio e espete cebolinhas em cada gema. Sirva com uma pasta feita com azeitonas pretas sem caroço batidas com azeite. Copinho de banana com chocolate 2 bananas nanicas maduras picadas 1 colher (sopa) de manteiga 1 colher (sopa) de açúcar 1 xícara (chá) de chocolate meio amargo picado 1 xícara (chá) de creme de leite fresco Derreta a manteiga em uma frigideira, junte as bananas e, quando começarem a amolecer, ponha o açúcar. Mexa até derreter, desligue o fogo e reserve. Coloque o chocolate em uma tigela e reserve. Aqueça o creme de leite em uma panela até começar a formar bolhinhas nas bordas. Jogue o creme de leite sobre o chocolate e mexa até ficar homogêneo. Arrume uma porção de bananas no fundo do copinho e cubra com o creme de chocolate. Para variar: misture 1 xícara (chá) de morangos picados, 1 xícara (chá) de chocolate branco picado e ¾ de xícara (chá) de creme de leite fresco seguindo o mesmo preparo e montagem do copinho de banana. 103


entrevista

o ministro do

Por Gabriella Galvão

No auge do sucesso, completando 30 anos de carreira em 2011, Celso Kamura é o braço direito da beleza da presidente Dilma Rousseff, em quem fez uma revolução no visual. Além da sua cliente mais ilustre, várias celebridades são fiéis ao expert, como Marta Suplicy, Angélica e Grazi Massafera. E não é à toa. Uma de suas características marcantes é criar uma imagem que valorize os traços e a personalidade de cada pessoa

106


Famoso, antenadíssimo com as tendências de beleza mundiais, dono de uma agenda lotada e cheia de estrelas, o paranaense Celso Kamura poderia ter o ego nas alturas. Mas não. Ele é simples, determinado, dono de um talento incrível, tranquilo e carinhoso com cada uma de suas clientes. Com um look exótico e moderno, o baixinho descolado transformou em sua marca pessoal a longa cabeleira que usa há 10 anos. Durante a carreira, teve salões pequenos e, em busca de algo mais grandioso, montou o Spetacollo por Celso Kamura e atualmente mantém o C.Kamura em São Paulo e em Campinas. Mais do que um salão de beleza, é um centro de serviços com estúdio fotográfico, espaço para cursos, tratamentos personalizados e, claro, toda a infraestrutura dos cuidados com a estética. Viaja pelo Brasil e pelo mundo fazendo campanhas e editoriais e assina várias criações para os desfiles da São Paulo Fashion Week (a semana de moda mais importante do país), como a do estilista e amigo pessoal Alexandre Herchcovitch. Quando chega em casa, os holofotes se voltam para Donna e Alê, dois cachorros da raça West Highland Terrier, que considera seus filhos. Celso Kamura recebeu a Fúcsia no seu chique e agradável salão para uma entrevista exclusiva que você confere agora. 107


Fúcsia - É verdade que seu sobrenome não existe? Celso - Descobri no Japão que, quando meus avós chegaram ao Brasil, houve uma confusão nos registros e o sobrenome foi escrito errado. Os japoneses disseram que “Kamura” está incompleto, falta uma parte, uma sílaba. Só que eu adoro, justamente por ter um sobrenome diferente, exclusivo! Fúcsia - Qual foi o maior desafio ao ser chamado para cuidar do visual da presidente Dilma Rousseff, na época ainda candidata? Celso - Primeiro, entrei em pânico. Tinha uma imagem diferente dela, mais fria. Apavorado, encarei como mais um trabalho e fui. Fiquei impressionado, ela não é como imaginei e aceitou todas as mudanças que eu propus. Hoje em dia, como toda mulher, ela expõe suas vontades e conversamos a respeito. Por exemplo, gostaria muito que ela deixasse o cabelo completamente branco, sei que para isso teríamos que fazer outras mudanças mais. Na hora, ela me disse que ainda não está pronta. Tudo bem, sem drama. Eu gosto de estar com ela, conversamos sobre todos os assuntos, ela fala sobre os netos, me mostra fotos. Acho que sou o contato dela com o mundo exterior no sentido do universo que ela respira o tempo todo. 108

Fúcsia - O que você mudou no visual da presidenta? Celso - Ela usava um corte de cabelo que não a favorecia, deixando-a mais baixa, gordinha e “sem pescoço”. Tendo Carolina Herrera (a estilista e empresária internacional) como referência, fiz uma opção simples que a permite estar elegante todo o tempo. Cortei curto, deixei a lateral e a parte de trás batidas e projetei volume em cima, para deixá-la mais longilínea. O make é muito natural, com correção da pele e foco nos olhos, que recebem camadas de rímel e traço do delineador na pálpebra superior, esfumado no canto externo. Ela varia muito a cor de batom, mas a que eu mais gosto é a cor de boca puxado para o coral. Consertei o desenho das sobrancelhas, que hoje são menos arqueadas, o que deixa o olhar mais harmônico e simpático. Fúcsia - Qual conselho você daria às mulheres? Celso - Tenha um profissional de beleza bacana, de confiança, interessado em você, que seja – ou se torne – seu amigo. Ele terá coragem de dizer verdades sobre a sua aparência que às vezes uma amiga não tem, porque você pode se ofender. Eu, quando fico íntimo das pessoas, falo tudo, até se o peso está atrapalhando no visual! Fúcsia - Mas nem todo mundo é como você... Celso - Existem cabeleireiros que ficam com vergonha de falar, abrir o jogo. Se você é honesto e se a cliente sente que você tem interesse e carinho por ela, a amizade vem naturalmente, fica uma relação construída e com certeza fideliza mais. Fúcsia - Quais são suas apostas para o próximo verão? Celso - No make, sombra metalizada com toques de glitter e gloss na boca, a ideia é brilhar. Essa é a estação em que todo mundo quer ser loira, mas acredito na força de todas as cores. Se for loiro, aposto no cabelo tingido totalmente, com reflexos apenas para iluminar. E, como novidade, o vermelho fogo. Mas para usar é preciso ter atitude moderna e personalidade. Quer aparecer no verão? Pinte o cabelo de vermelho e vá para a praia. Sucesso absoluto!

FOTOS: PAULO CARDONE/2X1

Fúcsia - Como foi o início de sua carreira? Celso - Comecei a trabalhar aos 14 anos como office boy, fui auxiliar de escritório e chefe do Departamento Pessoal de uma empresa de contabilidade. Mas sempre gostei de me produzir e maquiar minhas irmãs. Um dia, um vizinho dono de um salão, acostumado a ver as minhas criações, me convidou a fazer um teste de maquiador. Quando conheci aquele ambiente, senti na hora que ali era o meu lugar. Meu ex-chefe ofereceu o dobro do salário para eu continuar no escritório, porém eu já tinha encontrado o meu mundo. Sou autodidata. No início até resolvi fazer um curso de cabeleireiro, contudo descobri que eu sabia mais do que o professor (risos).


109


Dúvidas, dilemas e assuntos cabeludos 110

Mais uma Fúcsia e novamente o nosso encontro! Espero que as dicas estejam servindo para deixar as minhas damas bem informadas e andando sempre na linha com elegância. A boa da vez é: etiqueta no trabalho. Eu estava à procura de um escarpim laranja para usar com o meu tubinho azul (isso mesmo, esse é o hit do verão 2012: misturar cores vibrantes, como roxo e verde, rosa e laranja, no mesmo look). Entrei em uma loja e a vendedora, com cara de mulher fina, me atendeu e disse que ia procurar meu pedido no estoque. Aproveitei para conferir se algum dos modelitos de sapatos, tão órfãos nas prateleiras, iriam para o meu closet com mais de 100 pares. Foi quando ouvi uma voz feminina bem acima do tom educado. A vendedora com carinha de finesse brigava com o companheiro pelo telefone no local onde ela deveria estar trabalhando. Não preciso dizer que deixei a loja sem levar nada. Ou melhor, levei, sim, uma boa luz para a nossa conversa. Dicas que valem ouro Todo contrato de trabalho deveria vir com um manual de boas maneiras. Se a Madame Cabellina fosse a sua chefe e você não cumprisse as regras... ganharia uma multa descontada do salário! Mesmo que a sua profissão não exija formalidade, fique longe do gênero “meu corpitcho chegou para brilhar”. Deixe decotes, calças justas e pernas à mostra para a noitada. Aposte nas calças sociais, camisas, saias na altura do joelho, vestidos mais soltinhos e tons discretos. Assim, as chances de ser lembrada como boazuda ou perua são mínimas. As empresas estão mais flexíveis em relação às cores de esmalte. Mas não interprete isso como um “liberou geral”. Imagine uma médica de roupa branca atendendo com as unhas pretas? Eu acharia que estava na gravação do novo filme: “A enfermeira do Chucky”. Por isso, prefira os esmaltes clarinhos no dia a dia.


ILUSTRAÇÃO: FABIANA SHIZUE

Alguma coisa está fora da ordem Não seja a responsável pela frase acima no seu trabalho. Eu guiarei você pelo caminho da organização, minha dama. Cuidado com os apetrechos sobre a mesa. Vasinho de flor, pelúcia agarradinho, post-it colado em todo o canto, lenço de papel e garrafa de água poluem o ambiente, invadem o espaço do seu colega e ainda podem causar a impressão de que você é alguém com ideias desorganizadas. Sei do que estou falando! Já gastei muita tinta de caneta de marca alemã pelos escritórios por aí afora. Procure um lugarzinho menos visível para seus pertences, use uma agenda para anotar os compromissos e todo mês faça uma limpeza nos papéis, gavetas e pastas. Se ele toca, eu danço Atenção, cuidado com o (mau) uso do celular. Tem coisa mais desagradável do que ouvir a colega falando alto, discutindo com o namorado, chamando a atenção dos filhos ao telefone? Dama minha não pode ter fama de barraqueira. Engula os desaforos de casa e deixe o choro longe da empresa. Se for preciso, tome uma tacinha de champagne (pósexpediente), ela ajuda a descer tudo isso! O toque do celular é outro indício de bons modos. Tenho até náusea só de pensar em sons extravagantes, hits de FM ou sirene de ambulância! Toques comportados, com volume mais baixo ou até mesmo no vibracall demonstram classe e consciência, você deve saber que as paredes no trabalho têm ouvidos! Onde se ganha o pão, não se come a carne Expressão manjada, porém sempre em alta. Eu completaria com um “mas nada impede de levar para a casa”. Querida, partido bom não está dando sopa por aí. Se você ainda não achou o seu, pode, sim, esbarrar com ele na festa da empresa. Isso aconteceu? Encare numa boa e saiba conduzir o romance sem aquela hipocrisia “tentei

de tudo para evitar”. Nesse novo começo de era, seja fina, elegante e sincera, segure as rédeas no ambiente do ganha pão. Evite beijinhos e mãos bobas no corredor. Mas, se alguém perguntar sobre o relacionamento, responda a verdade sem entrar em detalhes – a menos que seja política da empresa não permitir companheiros trabalhando juntos. Voltando lá para a festa, troca de olhares e bom papo não têm problema, mas, pense, pense bem antes do beijo. Se por algum motivo o príncipe virar sapo e os dois continuarem no mesmo recinto, vai ser dificílimo não desejar queimar a carne que um dia foi bastante saborosa!

cabellina@revistafucsia.com.br

111


A estranha frutinha da foto pode ser desconhecida para você e para a maioria dos brasileiros, mas ela é muito famosa e consumida na Europa, nos Estados Unidos e no sudoeste da Ásia, onde foi descoberta e é praticamente uma celebridade. Lá, os nativos usam o noni (que tem o nome científico de Morinda citrifolia) na medicina popular há 2.000 anos. Tudo pelos poderes curativos atribuídos a ele, como a capacidade de melhorar o sistema imunológico (aumentando a resistência do corpo a infecções), de ajudar a regular o sono, combater a asma, hipertensão arterial, artrite e gengivite, tratar problemas oculares, digestivos e circulatórios, aliviar a dor, ter ação anti-inflamatória, dar mais vitalidade à pele, ao couro cabeludo e aos cabelos, hidratar e nutrir. E, rico em vitaminas e antioxidantes, é ingrediente fundamental na luta contra os radicais livres, substâncias que aceleram o desgaste de todas as células do corpo. Quase uma fruta mágica, certo? Segundo a medicina popular, sim, tanto que na Polinésia Francesa ela é um importante fitoterápico, batizada de Rainha das Plantas. Mas não para a medicina

112

tradicional, pois ainda não existem estudos científicos consistentes comprovando que o noni realmente consiga curar e prevenir doenças, mesmo com uma lista de propriedades terapêuticas tão grande. Parecida com a fruta do conde e a graviola, aqui no Brasil ela não é tão popular a ponto de ser vendida nas feiras livres como suas semelhantes, ainda que seja cultivada na Amazônia. Na Ásia e na Austrália, por exemplo, a polpa é consumida crua, com sal, ou cozida com especiarias. Na China, Japão e Taiti são usadas várias partes da árvore e, nas Filipinas, o sumo das folhas. Já no Ocidente, o noni é considerado suplemento alimentar e encontrado em forma de cápsulas, extrato, chás, misturado ao suco de uva ou de cranberry (uma frutinha vermelha comum nos EUA) e em fórmulas de cosméticos. Uma curiosidade: na Segunda Guerra Mundial, o exército americano estudou os benefícios do noni e o incluiu no kit de sobrevivência dos militares, por dar mais energia, ser rico em nutrientes e diminuir a sensação de fome.

FOTO: SHUTTERSTOCK

ativos

Noni


Capa

Oh Boy • tel. (21) 2259-3628 Bo.Bô • tel. (11) 3628-3817 Victor Dzenk • tel. (31) 3025-9898 Lisht • tel. (21) 2522-8618 Vitrine sustentável

Diálogo Design • tel. (21) 2205-6995 Hu2Design • tel. (11) 2275-1978 Bedol • tel. (11) 2275-1978 Johnson & Johnson • tel. 0800 703 6363 EcoBichos • tel. (11) 8359-0000 Só Marcas • tel. (11) 3670-1350 Suck UK (Laris) • tel. (11) 5521-1326 Estúdio Glória • tel. (11) 3097-9970 Donaflor Mobília • tel. (43) 3251-4917 Editorial de moda

Selina • tel. (11) 3326-6146 Zara • tel. (11) 2101-1942 Rosana Mattua • tel. (11) 3045-6737 Brechó WR Vintage • tel. (11) 2679-9099 Brechó TRASH CHIC • tel. (11) 3815-3202 Mulher Elástica • tel. (11) 3060-8263 Selo de Controle • tel. (11) 3081-2329 Cris Capoani • tel. (11) 3045-3518 Chenson • sac@chenson.com.br Cabelos

Vertix • tel. (11) 3371-9599 Orgânica • tel. (11) 4151 - 9300 ProArt • http://www.proarthair.com.br Condor • tel. 0800-47-6666 Gama Italy • tel. 0800-724-4262 Tany • tel. 0800556474 TAIFF • tel. 0800-171655 Arno • tel. 0800 011 99 33 Bellani • tel. (11) 2161-0666 Mondial • tel. 0800 55 03 93

Beleza

PuraInova • tel. 0800 777 2482 ArtDeco • tel. 0800 773 3450 Revlon • tel. 0800 773 3450 Dermage • tel. 0800 024 1064 Baruel • tel. 0800 055 0839 Yves Saint Laurent • tel. 0800 727 5626 Aclens (Loja 62°) • tel. (11) 3813-8434 Talika • tel. 0800 163 434 Nivea • tel. 0800 7764 832 Adidas • tel. 0800 709 9440 Avon • tel. 0800 708 2866 Azzaro • tel. 0800 704 3770 Bugatti • tel. (11) 3039-0019 Calvin Klein • tel. 0800 772 5500 Carolina Herrera • tel. 0800 704 3770 Cartier • tel. (11) 30810051 David Beckham • tel. 0800 55 0203 Dior • tel. 0800 170 506 Dsquared • tel. 0800 55 0203 Ferrari • tel. 0800 773 3450 FORUM • tel. 0800 772 5500 Giorgio Armani • tel. 0800 701 7323 Gucci • tel. 0800 772 5500 Guy Larroche • tel. 0800 701 7323 Hugo Boss • tel. 0800 772 5500 Jean Paul Gaultier • tel. 0800 772 5500 JOOP! • tel. 0800 550 203 Lacoste • tel. 0800 772 5500 Natura • tel. 0800 115 566 Paco Rabanne • tel. 0800 704 3770 Paloma Picasso • tel. 0800 701 7323 Shiseido • tel. 0800 148 023

113


unt

Dr. Marcelo Cuellar

Não há dúvidas de que o mercado de trabalho está cada vez mais competitivo. Para você se dar bem na vida profissional, fomos em busca de informações valiosas com um consultor experiente no ramo. O administrador Marcelo Cuellar é pós-graduado em Relações Humanas e atua em empresas multinacionais há dez anos. Nos últimos quatro, coordena o RH da consultoria multinacional Michael Page, uma das mais importantes no mercado de recrutamento de executivos. Além disso, em 2010, Cuellar lançou um blog para seus clientes e candidatos com dados atualizados do mercado e é autor do blog Na Mira do Headhunter, da revista Você S/A. Preste atenção nas dicas e sucesso! Consigo aumentar o rendimento no trabalho sem prejudicar a vida pessoal? O grande segredo está na gestão do tempo. A gente se perde com conversas, telefonemas e e-mails. É importante estabelecer a rotina da semana para se organizar melhor. Eu tenho dias certos para marcar reuniões e almoços de negócio. Você pode determinar alguns padrões como esses de acordo com a sua realidade. Qual é o caminho para conseguir uma promoção? Primeiro, converse com o seu chefe, ele precisa saber que você quer uma nova vaga. Mas saiba que você só será promovida se já estiver exercendo a função desejada. Por exemplo: na faculdade, o diploma é entregue apenas quando a pessoa já entende o universo da área para a qual estudou. No trabalho é igual: você só vai ganhar uma promoção depois de passar a ser vista pela empresa como uma profissional pronta para a próxima função.

114

Como melhorar meu humor no ambiente de trabalho? Gosto muito de uma frase do pensador chinês Confúcio: “Arrume um trabalho que você goste e não precisará trabalhar um só dia em sua vida.” O segredo é gostar do que se faz. Senão, nenhuma dica vale. Claro que existem fases ruins e, nessas horas, é importante saber que tudo passa. Não podemos deixar os problemas da empresa grudarem na gente. Se for inevitável levar trabalho para casa, não deixe isso atrapalhar outros setores da vida. Se eu recebo um novo desafio que não sou capaz de realizar, como devo agir? Recuse. É pior do que pegar o trabalho e entregar um serviço ruim. Outra saída é alinhar expectativas com o seu chefe. Explique que não sabe fazer o projeto sozinha e precisa de ajuda. Pode até perguntar: se eu não conseguir, serei demitida? É preciso jogar limpo, porque, se não avisar os envolvidos sobre a sua “incapacidade”, vai decepcionar quem apostou em você. Vale a pena fazer cursos de especialização? Existem opções gratuitas? Sempre! O melhor é investir no inglês. Se puder ir a uma escola, ótimo. Mas pode comprar até os cursos vendidos em bancas de jornal, é mais vantajoso do que não entender nada. Mais importante do que falar é ler, para entender artigos e livros da sua área. Sobre outros cursos, a recomendação é se atualizar. Creio que no Sesc, Senai, Sesi e Sebrae seja possível encontrar vários cursos gratuitos ou com baixo custo. (F.F.)

FOTO: DIVULGAÇÃO

rg

as

pe

elas por ele

para


115



Fúcsia Edição 4