Page 1


índice Apresentação.............................................................................................................. 2 Estudo 1: O que é beleza: analisando conceitos............................................................. 3 Estudo 2: A beleza na história............................................................................................... 9 Estudo 3: Quando a beleza vira obsessão.......................................................................15 Estudo 4: Influências...............................................................................................................20 Estudo 5: Mídia: a influência continua.............................................................................25 Estudo 6: Bulimia: excesso que vira doença...................................................................31 Estudo 7: Anorexia: excesso que vira doença................................................................37 Estudo 8: Influenciadoras: sendo sal e luz......................................................................42 Estudo 9: Libertação pela verdade....................................................................................47 Estudo 10: A beleza infinita: a que vem do coração......................................................53 Anexos.........................................................................................................................59


A presentação Para mulheres. Este trabalho foi desenvolvido pensando nelas. Aqui tratamos de assuntos pertinentes ao universo feminino. Assuntos que as afligem, que as alegram, que as estimulam e que as valorizam. Pautada pelos princípios da Palavra de Deus, a Revista Elas traz estudos bíblicos e informativos que as farão refletir sobre seu papel na família, na igreja e na sociedade. Neste número estudaremos sobre a beleza feminina, suas implicações na sociedade atual, distúrbios e soluções bíblicas para problemas enfrentados, e orientações do pensamento cristão para o assunto. Venha, vamos juntas influenciar outras e outros no amor de Jesus, na esperança que a beleza de Cristo se veja em nós. Deus a abençoe! Zezina Bellan

REVISTA ELAS Autoras: Nádia Rodrigues Chagas Alves Rachel Negrão Fernandes Rocha Editor Responsável: Alberto José Bellan Coordenação do Projeto: Zezina Bellan Revisão Gráfica: Juana del Carmen C. Campos Projeto Gráfico: Luis Gustavo Pressutto Produção e Diagramação: Te l / F a x : 1 9 3 4 6 4 . 9 0 0 0

Impressão e Acabamento: Gráfica Mundo

BELEZA VERDADEIRA 1ª Edição - Setembro/2017 ISBN: 978-85-8283-104-5 Copyright © 2017 por Z3 Editora e Livrarias Ltda. Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei nº 9.610, de 19/02/1998. É expressamente proibida a reprodução total ou parcial desta revista, por quaisquer meios (eletrônicos, mecânicos, fotográficos, gravação e outros), sem prévia autorização, por escrito, da editora.

Z3 EDITORA LTDA.

Rua Floriano Peixoto, 103 - Centro CEP 13450-022 - Santa Bárbara d’Oeste - SP Tel/Fax: (19) 3464.9000 E-mail: vendas@z3ideias.com.br www.z3ideias.com.br Filiado à ASEC - Associação de Editores Cristãos


1º Estudo O que é beleza:

analisando conceitos Porque o Senhor não vê como vê o homem. O homem vê o exterior, porém o Senhor, o coração. 1 Samuel 16.7b

Foco do Estudo: Refletir sobre o conceito bíblico de beleza.

C omeçando

o

A ssunto

Quando o assunto é beleza feminina, nos vem à mente a imagem de uma ou várias mulheres que no nosso conceito se enquadram como belas. Você pode se lembrar de vários exemplos de modelos ou artistas ou até mesmo pessoas anônimas que estampam as capas e páginas de revistas femininas, cujo assunto principal são as dicas de beleza para ter um corpo perfeito, cabelos sedosos e uma aparência impecável. Na Bíblia temos alguns exemplos de mulheres belas: ¤¤ Ester, que é descrita como “jovem bela, de boa aparência e formosura” (Ester 2.7). ¤¤ Raquel que era “formosa de porte e de semblante” (Gênesis 29.17). ¤¤ Sara, “Mulher de formosa aparência” (Gênesis 12.11). ¤¤ Abigail, “Sensata e formosa” (1Samuel 25.3). ¤¤ Tamar, a formosa irmã de Absalão (2 Samuel 13.1). ¤¤ As filhas de Jó. “Não se acharam mulheres tão formosas como as filhas de Jó” (Jó 42.15). ¤¤ Abisague, a jovem “sobremaneira formosa” (1Reis 1.3,4). A mulher cristã deve ter firmada em sua mente a Palavra de Deus, conforme nosso texto bíblico: “Porque o Senhor não vê como REVISTA ELAS • Beleza Verdadeira

3


vê o homem. O homem vê o exterior, porém o Senhor, o coração” (1 Samuel 16.7b).

C onstruindo O piniões 1. ENXERGANDO OS CONCEITOS E PRECONCEITOS O conceito é formado por vários precedentes como cultura, região, família, educação, nível socioeconômico entre outros. Quando pensamos sobre beleza, surge logo uma imagem, ou ao menos alguma ideia na nossa mente. Essa imagem ou ideia geralmente é o que temos como conceito de beleza, que é a personificação daquilo que o belo representa para nós individualmente. Eu é que sei que pensamentos tenho a vosso respeito, diz o SENHOR; pensamentos de paz e não de mal, para vos dar o fim que desejais. Jeremias 29.11 E o que é preconceito? Segundo os dicionários, é o pensamento ou opinião sobre um assunto ou uma pessoa construído a partir de análises sem fundamento; pré-julgamento. É exatamente quando nos fechamos tanto nos nossos conceitos, que tudo que está fora de nosso pensamento é errado. Falando em beleza, pode ser a opinião sobre qualquer mulher que não estiver dentro dos “padrões” que julgamos como beleza, é considerada feia. Isso é preconceito, tudo aquilo que não atende ao meu conceito. Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos, os meus caminhos, diz o SENHOR. Isaías 55.8 4

Lição 1 • O que é beleza: analisando conceitos


Para acreditarmos que somos pessoas de conceitos e preconceitos, podemos propor um simples exercício: pegue uma folha de papel e escreva todos os itens que você considera importantes para a beleza. Escreva sobre cabelo: cor, textura, comprimento. Cor da pele; estatura; peso; tamanho do pés; olhos; e o que julga necessário para ser uma mulher bonita. Ao término dessa lista escreva outra, considerando então, tudo o que acha ser “feio” em uma mulher. Se você estiver um pouco armada, vai dizer: ”Eu não considero nada feio”, mas se refletir melhor vai começar a escrever alguns itens. Com essas duas listas feitas, podemos chamar a primeira de conceito de beleza e a segunda de preconceito sobre ausência de beleza. Ou seja, a segunda lista é feita de pré-concepções do que você considera feio. 2. ASSUMINDO OS PRECONCEITOS Se conseguirmos delinear as nossas pré-concepções sobre o que consideramos feio e belo, estaremos mais preparadas para o enfrentamento seguinte: racionalizar se queremos ou não continuar com tais pré-concepções. Nós só conseguimos mudar um preconceito, quando o encaramos de fato e, assim, nos propomos de forma amadurecida se desejamos realmente continuarmos com esse raciocínio. Dessa análise surgem duas possibilidades: querer continuar com as pré-concepções, ou decidir passar por uma mudança. REVISTA ELAS • Beleza Verdadeira

5


Após esse exercício, muitas pessoas podem perceber que não haviam pensado sobre o assunto e que desejam mudar, sentem-se mal quando descobrem que são preconceituosas. Devemos analisar, diante dos princípios da Palavra de Deus, se nossos pensamentos estão adequados. Às vezes estamos em acordo com a comunidade onde vivemos, trabalhamos, estudamos, mas segundo a Bíblia poderemos estar equivocadas. Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção, para a educação na justiça. 2 Timóteo 3.16 A partir da atividade acima, por exemplo, podemos considerar bonita uma mulher com belos cabelos, entretanto, quão bela também pode ser uma mulher sem cabelos talvez por motivos de saúde, porém com bondade e desprendimento em seu coração. 3. MUDANDO Depois da reflexão, se necessário for, podemos decidir mudar. Esse passo requer determinação e força de vontade. Olhar para os seus preconceitos de beleza e decidir mudar requer expandir os horizontes, alterar o foco, buscar conhecimento cultural, histórico, e se desarmar de conceitos vendidos facilmente e de forma barata. Isso é trabalhoso. Justamente por dar trabalho, é que nos vemos numa sociedade com conceitos e preconceitos que causam tanto sofrimento às mulheres, de forma geral. A mudança é um processo, possui etapas que passam necessariamente pelo olhar para si mesma, encarar seus conceitos, elencar o que se considera feio e porquê, para, por fim, decidir o que fazer com essa percepção que se teve. Esse processo será bem detalhado nesta revista, estudo após estudo, abrindo assim a percepção para um novo olhar, para a construção de novos conceitos. No final do processo, será compensador para quem decidir pela mudança, pelo enfrentamento. 6

Lição 1 • O que é beleza: analisando conceitos


4. INFLUENCIANDO Quando a pessoa consegue passar pelas três fases anteriores, enxergar os conceitos, assumir os preconceitos e mudar, terá como consequência a influência positiva que exercerá sobre outras pessoas, outras mulheres. Isso acontecerá porque nós respiramos e vivemos aquilo em que acreditamos e a nossa vida é um retrato fiel daquilo que somos. Através da nossa influência positiva, podemos provocar mudanças nas pessoas com quem convivemos: marido, filhos, familiares, amigos. Assim, estaremos contribuindo para um mundo melhor, com valores voltados para o que realmente importa: a beleza interior, que é aquela que o Senhor enxerga e valoriza. E esta jamais acabará.

V ida P rática Algumas de nós iniciaram este estudo já com os seus conceitos bem analisados e amadurecidos, outras, após analisarem, não veem a necessidade de mudar, e outras ainda desejam e decidem mudar seus conceitos pessoais sobre beleza. Concluímos que muitas vezes nós temos ideias, que nos foram passadas por outras pessoas, e que não tivemos tempo ou intenção de analisarmos se realmente essas ideias eram nossas por decisão, razão, ou se simplesmente absorvemos sem uma análise crítica e madura. ¤¤ Olhe para seu interior como se olhasse para um espelho, e vasculhe o mais íntimo de seus pensamentos e sentimentos. ¤¤ Reflita se o que acredita como conceito e preconceito de beleza, coisas que tem como verdade, é fruto de uma decisão pessoal, ou se herdou de alguém e nem sabe de quem, como e por quê.

REVISTA ELAS • Beleza Verdadeira

7


¤¤ Aproveite esta oportunidade para decidir se quer continuar com os conceitos antigos ou se quer passar por um processo positivo de mudança. ¤¤ Converse sobre o assunto com uma pessoa ou uma amiga que não tenha participado desta aula. Através dessa conversa, você perceberá que está fortalecendo seus conceitos e também começando a influenciar outras. O texto bíblico de 1 Samuel 16.7 nos remete a valorizar a beleza interior, que é formada pela integridade, honestidade, delicadeza, gentileza, amor, lealdade, fé e tantos outros aspectos do nosso caráter que são tão preciosos para Deus. A mulher sábia não se deixa ser levada pelos padrões de beleza que o mundo lhe impõe, valorizando a beleza externa, exclusivamente física, em detrimento da beleza interior, da alma.

O ração Domingo Salmo 51.1 Segunda-feira Provérbios 11. 20 Terça-feira Mateus 5.3 Quarta-feira Mateus 5. 20 Quinta-feira Lamentações 3.57 Sexta-feira Salmo 108.1 Sábado Gênesis 1.31 8

da

S emana

Pai, no momento da criação, o Senhor olhou tudo o que fez e julgou bom, mas ao criar o ser humano considerou-o muito bom. Perdoa-me quando não consigo fazer o mesmo e julgo, de maneira errada, as atitudes dos outros. Faça com que os meus olhos consigam enxergar a beleza da Criação em mim e nas pessoas com quem convivo e que eu tenha o coração agradecido ao Senhor por isso. Desenvolva na minha vida aspectos de caráter que agradem ao Senhor, como: integridade, honestidade, delicadeza, gentileza, amor, lealdade e fé. Por Cristo Jesus. Amém.

Lição 1 • O que é beleza: analisando conceitos


Revista Elas - BELEZA VERDADEIRA  

Revista Elas Para mulheres. Este trabalho foi desenvolvido pensando nelas. Aqui tratamos de assuntos pertinentes ao universo feminino. Assu...

Revista Elas - BELEZA VERDADEIRA  

Revista Elas Para mulheres. Este trabalho foi desenvolvido pensando nelas. Aqui tratamos de assuntos pertinentes ao universo feminino. Assu...

Advertisement