Issuu on Google+

YM_Ed52_site.pdf 1 04/04/2011 17:25:42

Distribuição Gratuita

Ano V | Edição 52 | Abril 2011

TURISMO

MODA

San Andrés

Outono/Inverno 2011

MOTOR E CIA

GASTRONOMIA

Lancha Focker 310GT

Lascas de Bacalhau e Couve

COMPORTAMENTO Limites do Corpo

ENTREVISTA

Thiago Fragoso

1 Yellow Magazine | Abril/2011


2 Yellow Magazine | Abril/2011


R$

MS. 0800-211529

7cada,29

8,99

8cada

R$ ,45

cada

Branquiador Extra Fresh, 50g.

Cód.: 97337 — Proteção Total, 50g. Cód.: 47274 — Pró Esmalte, 50g. Cód.: 092635 — Rápido alívio, 66g. Cód.: 193979 — Original, 50g. Cód.: 058792

Rápido alívio,100g. Cód.: 193987 —Original, 90g. Cód.: 669697

(1)

Sal de Fruta Eno Efervescente 100g,

Cód.: 205864 - Abacaxi, Cód.: 147074 - Limão Cód.: 035568 - Guaraná, Cód.: 005934 - Laranja, Cód.: 004945 - Tradicional

(2)

Paracetamol 200mg/mL cód.: 97402

M.S 1018103510018

R$

(3)

R$

Inalador Inalar Compact

Cód.: 854695

3,31

R$

5X de:

R$

28,58

Ultra Corega Creme 40g / Sem Sabor e Sabor Menta

Valor total de 142,90

R$

9,82

M.S 1.0181.0391.002-4

Cód.: 870634

M.S 1.0181.0391.001-6

Cód.: 871736/ Sem Sabor Cód.: 22392/ Menta

Nistadina + oxido de zinco

MS. 11.0497.1168

,73 36 cada

Dipirona Sódica 500mg/mL Cód.: 141234 10 mL

R$

1

,00

10mL

cód.: 114850 - 20 mL

R$

2,00

20mL

1 - não use este medicamento se você tem restrição ao consumo de sal, insuficiência dos rins, do coração ou do fígado. é um medicamento. seu uso pode trazer riscos. procure o médico e o farmacêutico. leia a bula “se persistirem os sintomas, o médico deverá ser consultado”, 2- medicamento genérico lei nº 9.787/99 contra-indicação: não use este medicamento durante a gravidez e em crianças menores de três meses de idade 3 - medicamento genérico lei nº 9.787/99 se persistirem os sintomas, o médico deverá ser consultado. não use junto com outros medicamentos que contenham paracetamol, com álcool, ou em caso de doença grave do fígado.

3 Yellow Magazine | Abril/2011


4 Yellow Magazine | Abril/2011


5 Yellow Magazine | Abril/2011


Expediente Direção Geral Elias Sá

Projeto Gráfico Editora Sá Ltda.

Redação

Fabiana S.Reis

redacao@yellowmagazine.com.br

Diagramação e Arte Paulo Guilhoto

Foto da Capa

TV Globo/João Miguel Júnior

Fotografia de Moda Newton Medeiros

Tratamento de Imagem

Mariana Terra (Ed. de moda)

Produção de Moda Verônica Garcia

Comercial e Marketing Elias Sá

comercial@yellowmagazine.com.br

Administrativo e Financeiro Verônica Garcia

Priscila Pires – Capa Ed. 51

Colaboradores

Palavra do Leitor Na web ostaria de parabenizar o Elias pelo excelente trabalho desta revista, eu acompanhei desde a edição número 14 e agora está na web, parabéns! Marcelo Edição de aniversário Bom dia! Por favor, como faço para adquirir a Revista Yellow com a Luciana Vendramini? (edição de aniversário) gostei muito! Daniel de Almeida D’além mar Sou de Portugal e gostaria de comprar o livro do Dr. Edmond Saab, “Manual do Proprietário” [Coluna Saúde]. Rute

Guararema I Guararema é minha cidade natal e há anos não a visito. Adorei a matéria da edição de março, que me trouxe doces recordações. Parabéns! Margarida de Oliveira - Tatuapé Guararema II Recebemos com muito carinho a revista falando sobre Guararema, gostamos muito, ficou linda! Janaína, assessora de imprensa da Prefeitura Municipal de Guararema, via telefone.

André Pessoa Andrey Alves Christian Barbosa De Rose Dr. Cesar Vasconcellos de Souza Dr. Edmond Saab Jr. Dr. Gerson Köehler Dr. João Kazuyas Waki Dra. Gisele Barbosa Dra. Sylvia Ypiranga Evaldo Adorno Evaldo Costa Fabiano Caxito João Carlos Cainelli José Antônio Alves Juliana Mancuso Keila Borsatto Marcia Possik Maria Irene Maluf Patricia Bourgeaiseau Patrícia Gebrim Tânia Carlquist Tarsis Ramão Vanessa Gallo

Impressão Intergraf

Yellow Magazine | 52ª Edição | Abril 2011 A Revista Yellow Magazine é uma publicação periódica mensal, esta edição com tiragem especial. Sua distribuição é feita através de pontos fixos e no comércio local nos bairros do Tatuapé, Carrão e Vila Formosa. (Vide relação de pontos de distribuição nesta edição). O conteúdo dos anúncios publicados nessa edição é de inteira e total responsabilidade dos anunciantes. Os artigos assinados por nossos colunistas não refletem necessariamente a opinião da Revista. Não é permitida a reprodução total ou parcial de qualquer material sem prévia autorização por escrito.

Fone: 2659-6330 Redação e Correspondência

Rua Antônio de Barros, 1367 - Tatuapé - SP CEP 03401-001

www.yellowmagazine.com.br

Envie sua opinião, dúvida ou sugestão para: redacao@yellowmagazine.com.br 6 Yellow Magazine | Abril/2011

yellowmagazine@yellowmagazine.com.br


Índice

10 12 14 16 18 20 22 24 26 28 30 32 34 35

Vinhos e Cia

Vinhos brasileiros de guarda

Gastronomia

Lascas de Bacalhau e couve

Dieta e Nutrição Chá Verde

Bem-Estar Conjuntivite

36 Lifestyle 38 Decoração 40 Esporte 42 48 Segurança 52 Comportamento 54 Best-Seller 56 Motor e Cia 57 Acelere Sua Carreira 58 Educação 60 Corpo e Cia O colchão

Preguiça e sucesso

Led

Jovens craques

Reaja

Limites do Corpo

A bola de neve

Sua Empresa Princípio dos 100ºC

Autoajuda

Você pode brilhar

Seu Direito

Alimentos gravídicos

Turismo San Andrés

Entrevista Thiago Fragoso

Saúde

Modulação hormonal

Seu Sorriso

Tratamento ortodôntico

Estética

Nutracêuticos

Lancha Focker 310GT

Moda

Currículo

Noivas

Preguiça ou dificuldade?

Tendências outono/inverno

Casamento não sai de moda

Mulher

Revolução feminina

63 69 70 72 74 76 78 80 82

Editorial de Moda Outono/Inverno 2011

Aconteceu Fique por dentro

Anote

Produtos e serviços da região

Páscoa

Origem e significado

Vida Pet

Chegada do bebê

Tempo

Última hora

Games

Nintendo 3DS

Divirta-se

Dicas culturais em SP

Rir

Charges e piadas engraçadas


Editorial O ano mal começou e já estamos em Abril, início de outono. Ao encerrarmos esta edição tínhamos um tempo chuvoso e todo final de semana foi friorento, o que também lhe conferiu certo ar tristonho. Nesta edição você vai conhecer um pouco do Caribe Colombiano, fomos a San Andrés, uma pequena ilha a 700 km da costa colombiana e em pleno mar do Caribe, muito próximo à Jamaica e à Nicarágua. Você vai conhecer um pouco deste lugar paradisíaco habitado por um povo alegre, feliz, orgulhoso de sua cultura e de seu exuberante e belo habitat. Vai conhecer também o jovem e experiente ator Thiago Fragoso em entrevista exclusiva para Yellow Magazine. Vai ver um retrospecto de sua carreira e seus principais e marcantes personagens. Não paramos por aí. Na moda, mostramos a coleção outono da Alesca, roupas descoladíssimas desta nova loja que promete trazer sempre o melhor da moda em cada estação. A modelo Renata Bonjesus vestiu e nosso mestre, Newton Medeiros fotografou com a maestria de sempre. Tem muito mais sobre saúde, comportamento, autoajuda, best-seller, decoração, carreira, etc. Orgulhamo-nos de levar até você a melhor e mais completa revista da região, que verdadeiramente se preocupa em oferecer a você um conteúdo de qualidade. As colunas são escritas por profissionais do mais alto gabarito, médicos, nutricionistas, advogados, administradores de empresas, psicólogos, muitos pós-graduados, mestres e doutores em suas especialidades. Tudo isso para que cada dia mais você tenha a Yellow Magazine como sua revista mensal de variedades. Neste mês de Abril comemoraremos a Páscoa, embora estejamos focados em nossa viagem ou na compra dos ovos de chocolate, vale à pena aproveitarmos o simbolismo da data e refletirmos um pouco sobre o que desejamos mudar em nossas vidas. Também sobre o que queremos abandonar, deixar para trás a partir do dia 24 de Abril. Vamos fazer desta Páscoa um marco em nossas vidas, deixarmos para trás tudo o que nos incomoda, nos traz angústia e tristeza, buscar novos horizontes, trabalhar em prol de uma vida mais saudável e feliz. Elias Sá Editor elias_sa@yellowmagazine.com.br

8 Yellow Magazine | Abril/2011


9 Yellow Magazine | Abril/2011


Vinhos & Cia.

ESPUMANTE BRASILEIRO

N

os últimos anos, têm sido notória a tendência para a produção de vinhos espumantes no Brasil, principalmente no Rio Grande do Sul. As condições climáticas, a constituição varietal, as características organolépticas das uvas, as tecnologias para a produção e a interferência altamente profissional dos enólogos são alguns dos principais componentes que caracterizam o potencial que tem destacado o Brasil como um grande produtor de espumantes de alta qualidade. Prova disso, são os vários prêmios obtidos por nossos espumantes nos mais variados concursos de nível nacional e internacional. A indústria brasileira de vinhos espumantes tem se desenvolvido com um crescimento quantitativo e qualitativo. O aperfeiçoamento das técnicas de cultivo na parreira, a eleição de variedades de uvas, as zonas de produção idôneas e, sobretudo o desempenho tecnológico da indústria de espumantes, tanto em infraestrutura das vinícolas com novos equipamentos para a produção, como pela qualificação do enólogo brasileiro, são fatores que influenciam este crescimento. As particularidades na elaboração de vinhos espumantes de qualidade requerem habilidades que se estendem desde a uva até a garrafa. Pode-se dizer que a qualidade de um vinho espumante reside em grande parte na qualidade do vinho base. Como elementos importantes na elaboração podem ser citados a matéria-prima, a prensagem e o fracionamento. A escolha da matéria-prima, isto é, a variedade da uva é muito importante. As cepas utilizadas podem ser brancas ou tintas. As uvas brancas fornecem a finura, a leveza e as condições de fazer espuma. As tintas aumentam a presença aromática, a boa constituição, o vigor e a vinosidade. Em função do perfil procurado para o produto final é preciso utilizar variedades de uvas brancas, tintas ou ambas através de uma “assemblage” entre as diferentes variedades. No Rio Grande do Sul são utilizadas as variedades Chardonnay e Riesling entre as brancas, e a Pinot Noir entre as tintas. A qualidade dos vinhos obtidos com estas uvas vai depender do “terroir”, do clima, do estado sanitário, assim como em todas as produções de vinhos de qualidade. A maturidade tecnológica é muito importante para a elaboração dos vinhos espumantes devendo situar-se entre 10,5 a 11 graus de álcool potencial (em % vol.). Outra etapa determinante para a obtenção de um vinho espumante de qualidade é a prensagem. A prensagem de uvas inteiras (com cacho) e o fracionamento são dois procedimentos que fornece-

rão qualidade aos espumantes. Para extrair o mosto da polpa da uva sem romper as películas é necessário exercer pressões baixas, verticais e regulares. Para isso são usadas prensas pneumáticas modernas. O fracionamento dos mostos configura-se na divisão em várias partes de volumes diferentes que são originados na prensa pneumática. O fracionamento serve para separar os mostos de diferentes partes do grão da uva, que são variáveis na sua composição. Cada parte tem uma destinação precisa na elaboração dos vinhos base. Após a obtenção dos vinhos bases para a elaboração de espumantes naturais é necessário realizar a segunda fermentação que pode ser feita a partir de dois métodos. O primeiro é conhecido pelo nome de “Champenoise”, também chamado de “método clássico”, em que uma segunda fermentação ocorre diretamente na garrafa com a finalidade de obter o gás carbônico (este processo teria sido descoberto por um monge beneditino francês chamado Don Perignon). O outro método chama-se Charmat, em homenagem ao engenheiro francês que o criou. O método tradicional, ou champenoise, consiste em várias etapas. Primeiro é feita a mistura dos diversos vinhos bases escolhidos de acordo com o tipo de espumante esperado. A segunda fase é chamada de “tomada de espuma” no qual o vinho base é colocado nas

10 Yellow Magazine | Abril/2011


João Carlos Cainelli Tecnólogo em Vitivinicultura e Enologia, pós-graduado em Viticultura e Enologia

garrafas e acrescido de um licor de tiragem onde estão misturadas leveduras e açúcar que provocarão uma segunda fermentação que dura cerca de três meses. Para a precipitação desta segunda fermentação usa-se bentonita. Este licor de tiragem vai fornecer ao vinho base o gás carbônico, uma quantidade de álcool e aromas oriundos desta fermentação. Após este tempo, se dá o envelhecimento e neste período o líquido permanece junto com as borras das leveduras, conferindo-lhe cremosidade. Este envelhecimento, que pode durar vários meses, é acompanhando de “remuage”, operação que consiste em girar lentamente as garrafas depositadas sobre “pupitres” – cavaletes em forma de V invertido onde são colocadas as garrafas – para que as borras da segunda fermentação se concentrem no gargalo da garrafa sem que ocorram turvações. Após esta fase, o gargalo da garrafa é congelado e a garrafa é aberta sob pressão para que as borras sejam retiradas. Este processo chama-se “degorgement” ou degola. Adiciona-se, então, um licor de expedição que é composto por uma mistura de vinho e açúcar e que determina, dependendo da quantidade de açúcar, se o espumante é brut, demi-sec, sec, etc. O método Charmat é uma simplificação do método champenoise. A diferença é que neste método a tomada de espuma é realizada em grandes recipientes chamados de autoclaves, com capacidade de milhares de litros. Neste método evita-se a “remuage” e o “degorgement”. Depois de realizada a segunda fermentação, o espumante é filtrado ao sair do tanque e engarrafado. O vinho espumante desfruta de uma atmosfera particular traduzida em elegância e frescor e sua produção exige perfeição organoléptica e estética. A variedade de produtos que a indústria vinícola coloca à disposição do consumidor é grande e sua venda, em relação aos outros vinhos, tem vida própria, praticamente independente de quaisquer fatores econômicos. É importante considerar que o espumante, em quase todas suas modalidades, deve ser considerado um vinho de classe, de alta dignidade, fatores estes que não devem influenciar seu preço final. Vale ressaltar que a realidade das vendas tem comprovado a preferência do consumidor brasileiro pelos produtos nacionais: segundo dados do Instituto Brasileiro do Vinho (IBRAVIN) as vendas dos espumantes nacionais cresceram mais de 15% em 2007, enquanto os importados registram uma queda de 26%. Definitivamente os espumantes brasileiros começam a ganhar espaço entre os consumidores. Este fato deve-se à qualidade do espumante brasileiro e a percepção de que nosso produto é melhor que a maioria dos produtos importados. O consumidor está percebendo que o espumante não é uma simples bebida gaseificada que oferece a ingênua satisfação de retirar a rolha e, consequentemente, ver seu espocar. Ele começa a ter uma satisfação qualitativa no qual a riqueza do gás carbônico desempenha um papel preponderante.

11 Yellow Magazine | Abril/2011


Gastronomia Tânia Carlquist Formada em Gastronomia, pós-graduada em Administração, trabalha em cozinha experimental nas indústrias de alimentos há mais de 10 anos e leciona na área

Lascas de Bacalhau envoltas em Couve

A

Revista Yellow Magazine, sempre preocupada em melhorar seu material para atender às necessidades de seus leitores, a partir desta edição conta com as saborosas receitas e dicas culinárias da chef Tânia Carlquist. Delicie-se com cada prato, que além de muito sabor, tem a preocupação em ser saudável para melhorar cada vez mais sua qualidade de vida. Bom apetite!

Ingredientes

Para decorar

Molho branco 1 folha de louro 2 unidades de cravo da Índia Meia cebola 1 colher (sopa) de manteiga 1 colher (sopa) de farinha de trigo 350ml de leite Noz moscada 4 folhas de couve manteiga sem os talos Sal 2 colheres (sopa) de azeite 1 cebola média cortada em tiras 1 pimentão vermelho pequeno cortado em tiras 300g de bacalhau cozido em lascas 2 colheres (sopa) de vinho branco Pimenta do reino branca 1 ovo cozido cortado em rodelas

Lascas de alho frito em azeite Pimenta biquinho

Para montagem Um aro ou uma tigela com 10cm de diâmetro.

Preparo Molho branco 1- Espete a folha de louro na cebola utilizando os cravos para que não solte. Reserve. 2- Em uma panela, aqueça a manteiga em fogo médio até derreter. 3- Adicione a farinha de trigo e misture até formar uma pasta levemente dourada. 4- Acrescente o leite aos poucos na panela, misturando sempre. Acrescente a cebola reservada. 5- Cozinhe em fogo baixo, mexendo sempre, até ferver e engrossar. Reserve. Bacalhau 6- Em uma panela grande, ferva dois litros de água com sal. 7- Cozinhe as folhas de couve na água fervente por cerca de 20 segundos e resfrie 12 Yellow Magazine | Abril/2011

rapidamente, mergulhando a folha em um recipiente com água gelada para cessar a cocção. Reserve. 8- Em uma frigideira, aqueça o azeite e refogue a cebola e o pimentão até dourar. Acrescente as lascas de bacalhau e refogue por mais alguns minutos. 9- Tempere com sal e pimenta do reino. Montagem 10- Disponha a folha de couve no aro formando uma cesta ajeitando o fundo da folha e deixando o excesso solto nas laterais. 11- Disponha uma rodela de ovo no fundo, cubra com o refogado de bacalhau e acrescente uma colher do molho branco. 12- Feche como um envelope com o excedente da couve e desenforme deixando o lado do fechamento para baixo. 13- Repita o processo com as demais folhas. 14- Sirva com o alho frito e a semente biquinho. (Rendimento: 4 porções).


Dieta e Nutrição

Os benefícios do chá verde

O

chá surgiu aproximadamente em 2700 a.C. na China. Segundo a lenda foi devido a um imperador que tomava apenas água destilada. Em um dia que seus súditos estavam fervendo sua água, as folhas de uma árvore próxima caíram dentro do caldeirão, dando origem ao chá. Lenda ou não, vemos nos dias de hoje um crescente consumo dessa bebida em todo o mundo. Existe uma maior preocupação da população em consumir alimentos mais saudáveis e que tragam benefícios à saúde. Entre eles está o chá verde, o qual está na “moda” e caiu no gosto popular devido aos possíveis benefícios que ele pode trazer. Mas será que ele é realmente tão bom assim? É isso que vamos descobrir nesse artigo. O aumento no consumo de chás no mundo todo se deve, entre outras coisas, ao seu possível efeito protetor em cânceres e doenças crônicas. A dieta oriental, muito diferente da ocidental, já há muito tempo é constituída por um maior consumo de peixes, alimentos à base de soja e de chá verde. O consumo de chá sempre foi incentivado nessa cultura para a melhora de diversas dores, como energizante e para a digestão. Atribui-se às diferenças nessa dieta a maior expectativa de vida da população oriental e a menor incidência de doenças cardiovasculares e de câncer. O chá verde é feito com a erva Camellia sinensis, a mesma erva

que é feito o chá preto, havendo diferenças entre eles inicialmente na forma como a folha é processada após a colheita. O chá preto sofre um processo de fermentação, o que o torna diferente em sua constituição. Os principais componentes que podem possuir efeitos benéficos no chá verde são a catequina e seus derivados. As catequinas são flavonóides conhecidos por seu poder antioxidante, e, como mostraram alguns estudos, são capazes de proteger as células do estresse oxidativo (que é o envelhecimento celular). As catequinas podem ser encontradas em diferentes concentrações dependendo da qualidade da planta, do solo onde é plantada, do clima, da forma de cultivo e até do modo de infusão. Por exemplo, o chá verde em saquinhos ou na forma pronta para o consumo possui um menor teor de catequinas que o chá que é preparado com as próprias folhas e consumido logo em seguida. No entanto seus benefícios não dependem apenas das quantidades ingeridas, mas também de sua biodisponibilidade. Um estudo mostrou que não há modificação na biodisponibilidade e na ação antioxidante dos chás prontos para o consumo. A biodisponibilidade das catequinas é relativamente pequena, provavelmente devido à sua rápida metabolização, não se encontrando níveis muito altos no plasma após algum tempo da ingestão. As catequinas são rapidamente absorvidas pelo intestino e

14 Yellow Magazine | Abril/2011


Vanessa Gallo Formada em Nutrição e Metabolismo pela USP, atende em consultório particular em Vinhedo e presta acompanhamento nutricional para a Siemens www.vanessagallonutricionista.blogspot.com

metabolizadas por enzimas hepáticas, as quais ativam suas propriedades. O chá verde, nutricionalmente, pode contribuir complementando as necessidades diárias do consumo de água e, se não for adicionado açúcar, contém quantidades insignificantes de calorias. Além disso, o chá verde possui uma pequena quantidade de cafeína, que pode ajudar na disposição e bom funcionamento da memória e ainda contém várias vitaminas e minerais importantes ao organismo e que podem aumentar ainda mais seu poder antioxidante. Um estudo mostrou que o chá verde possui ainda um composto mineral chamado fluoreto, que está presente principalmente nos dentes e que pode ajudar na prevenção de cáries. Estudos mostraram que, após consumo de quantidades moderadas de chá verde por alguns dias, houve um aumento significativo de antioxidantes no plasma dos indivíduos, diminuindo a quantidade de radicais livres. O chá verde ainda parece ter efeito sobre a atividade insulínica, prevenindo contra a resistência à insulina e, consequentemente, contra o diabetes tipo 2. O efeito anti-inflamatório é outro benefício dessa bebida. Muitos estudos mostram que este chá pode exercer também um papel protetor contra certos tipos de câncer, diminuindo a proliferação das células cancerígenas e aumentando a apoptose (morte) da célula, protegendo e tendo uma ação terapêutica contra o câncer.

Há também a relação entre o consumo de chá verde e a diminuição do risco para doença cardiovascular. Isso porque ele parece diminuir a oxidação do LDL-colesterol e aumentar os níveis de HDL-colesterol. Muitas já são as evidências de que o chá verde realmente pode ser bom para a saúde, no entanto deve se aprofundar mais esses estudos e outros devem ser feitos para se atualizar constantemente e se assegurar sobre esses benefícios. Devemos lembrar ainda que o chá pode substituir bebidas que sejam muito ricas em cafeína, como o café e o refrigerante. No entanto, não se deve usá-lo para substituir a água (a qual não deve ser substituída por nenhuma outra bebida) já que a água é essencial para nossa saúde em sua forma mais pura.

15 Yellow Magazine | Abril/2011


Bem-Estar Dr. João Kazuyas Waki Farmacêutico Industrial, formado Pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas, especializado em Homeopatia, Farmacêutico Responsável da Massao Drogarias

Epidemia de conjuntivite preocupa médicos e população

A

Cidade de São Paulo já registrou 71.252 casos de conjuntivite no período de 1º de fevereiro a 18 de março, segundo o Centro de Controle de Doenças(CDC) orgão da Prefeitura da Capital. Os números da doença a caracterizam como uma epidemia que se alastra por todo o estado, como um rastilho de polvora, tendo em vista ser altamente contagiosa. Desde a década de 1980, os surtos de conjuntivite passaram a ser objeto de vigilância epidemiológica. Em 2003 foi implantado um sistema de monitoramento da doença para investigar e propor medidas de controle. Com a análise desses dados foi possível concluir que a conjuntivite tem uma alta incidência mesmo fora do verão, período em que era considerado o maior número de casos. Portanto,os cuidados para prevenir a conjuntivite devem ser tomados não somente no verão, mas em qualquer época do ano, já que a doença apresenta incidência e transmissão durante os doze meses. Existem três tipos de conjuntivite: a alérgica, a bacteriana e a viral, essa última a responsável pela atual epidemia na cidade. As conjuntivites alérgicas são as mais comuns, não contagiosas, e que normalmente atingem entre 12% e 13% da população. O agente causador pode estar em cosméticos, no depósito de proteínas na lente de contato, nos medicamentos, na poeira e no pólen. Esse tipo de conjuntivite geralmente afeta os dois olhos simultaneamente e provoca coceira, lacrimejamento, vermelhidão e pálpebras inchadas Salvo raras situações onde a infecção é causada por fungos, e esse tipo acontece com pessoas que tiveram acidentes nos olhos com madeira, tendo em vista que esse material possui grande quantidade de fungos, podendo acontecer também com pessoas que utilizam lentes de contato, uma vez que o fungo pode se instalar nesse local. Descontadas as excecões, as conjuntivites infecciosas são transmitidas, quase que exclusivamente, por vírus ou bactérias, sendo mais comuns as virais, ambas as formas são contagiosas e variam de acordo com o agente causador. Enquanto na conjuntivite bacteriana há inchaço palpebral, secreção amarela e abundante; na viral ocorre vermelhidão, lacrimejamento, secreção branca mais espessa e também inchaço das pálpebras. O contágio se dá, nesse caso, pelo contato e não pelo ar. Assim, estar em ambientes fechados com pessoas contaminadas, uso de objetos contaminados, contato direto com pessoas contaminadas são formas de se contrair a conjuntivite infecciosa.

Em geral, a conjuntivite se caracteriza por ardência e coceira na região ocular, com sensação de corpo estranho (areia ou de ciscos) nos olhos, bem como um irritante lacrimejar, olhos vermelhos e sensíveis principalmente à claridade, e pálpebras inchadas. No caso da conjuntivite infecciosa, os olhos doem, além de secretarem um insistente líquido amarelado. Este tipo é, sem dúvida, o que mais aflige. Infecções bacterianas, com estafilococos ou estreptococos, deixam o olho vermelho, associado a um montante considerável de secreção purulenta (pus). Por outro lado, outras infecções bacterianas são crônicas e podem produzir pouca ou mesmo nenhuma supuração, exceto um pequeno endurecimento dos cílios pela manhã. O tratamento para a conjuntivite varia conforme o tipo e o agente causador. No caso das conjuntivites alérgicas, receita-se colírios antialérgicos e lubrificantes. Já quando se trata de conjuntivites virais ou bacterianas, o primeiro e mais importante passo é fazer o diagnóstico etiológico (identificar o agente causador). Em seguida, no caso de agentes virais, é indicado o uso de colírios lubrificantes, compressas geladas com soro fisiológico e anti-inflamatórios. No entanto, quando o agente é uma bactéria, o tratamento é feito à base de antibióticos. Dicas importantes para prevenir o contágio • Lave com frequência o rosto e as mãos, uma vez que estas são veículos importantes para a transmissão de microorganismos. • Aumente a frequência de troca de toalhas ou use toalhas de papel para enxugar o rosto e as mãos. • Não compartilhe toalhas de rosto. • Lave as mãos antes e depois do uso de colírios ou pomadas e, ao usá-los não encoste o bico do frasco no olho. • Não use lentes de contato enquanto estiver com conjuntivite, ou se estiver usando colírios ou pomadas. • Evite “esfregar ou coçar os olhos”. • Caso ocorram sinais e sintomas de conjuntivite, evite frequência a locais com aglomerações (escolas, creches e locais de trabalho). • Não use maquiagem de outras pessoas (e nem empreste as suas). • Use óculos de mergulho para nadar, ou óculos de proteção se você trabalha com produtos químicos. • Não use medicamentos (pomadas, colírios) sem prescrição (ou que foram indicados para outra pessoa).

16 Yellow Magazine | Abril/2011


Corpo & Cia. Juliana Mancuso Fisioterapeuta, especializada em Fisioterapia Ortopédica e Traumatológica; Fisioterapia do Exercício e do Sistema Musculoesquelético e Acupuntura e Medicina Chinesa

Dorme mal? Pode ser o colchão

U

ma pessoa passa praticamente um terço de sua vida dormindo. O período de repouso é fundamental para o relaxamento dos músculos. Dormir bem e corretamente é uma necessidade fisiológica e tão importante quanto fazer exercícios físicos e ter uma alimentação adequada, pois é quando o corpo restabelece o seu equilíbrio. Uma noite mal dormida pode acarretar: olheiras, mau-humor, dificuldade de concentração, redução da eficiência do sistema imunológico, alteração do equilíbrio hormonal, maior probabilidade de estado pré-diabético, obesidade, depressão, ansiedade e dificuldade de cognição. Existem fatores determinantes que fazem diferença na escolha do colchão. A principal delas é que o colchão precisa estar de acordo com o seu biótipo. O colchão deve propiciar conforto para acomodar ombros e quadril de forma igual. É importante testar o colchão sempre que for efetuar uma compra e observar o selo de qualidade. É fundamental verificar o tipo de “recheio” do colchão, ou seja, de quantas camadas de espuma ele é feito, quanto mais espuma tiver, melhor. Se de mola, as molas ensacadas reduzem a vibração ao longo de toda a superfície do colchão. A largura, densidade e comprimento também são importantes. Cada indivíduo tem uma preferência própria, alguns preferem colchões firmes, outros macios, cada tipo de molejo e densidade oferece um grau de firmeza diferente. No entanto, nos colchões de espuma a liberdade de escolha fica limitada ao fator peso, que é determinante para esse tipo de produto. Já os colchões de molas permitem uma maior liberdade de escolha. Um colchão com densidade muito macia não apresenta a resistência necessária para a sustentação do corpo, causando desconforto, distensão e compressão no sistema vertebral. A permanência na postura inadequada submete o corpo a uma sobrecarga mecânica, que pode originar síndromes dolorosas, provocada pelas tensões das cadeias musculoesqueléticas. O colchão deve ser firme e flexível, ao mesmo tempo ser confortável e dar a sustentação necessária para suportar todo o peso do corpo. O colchão ideal exerce uma pressão correta no corpo sustentando o mesmo em toda a sua extensão tornando o ato de dormir muito mais agradável e apropriado. Nosso corpo pode carregar-se de carga elétrica, mesmo quando dormimos e nos mexemos e friccionamos o corpo nos tecidos dos lençóis, pijama, etc. Esse fenômeno por si só é praticamente inofensivo, mas influencia o sono. Se a tensão não for eliminada do corpo, ficamos mais nervosos, agitados e sob tensão. É importante que o corpo possa descarregar essa tensão, é justamente isso que fazem alguns tecidos. Esses fios atraem a eletricidade estática e expelem-na no ar. Assim o sono torna-se mais profundo e o repouso mais reparador.

18 Yellow Magazine | Abril/2011


Lifestyle Comendador DeRose Conselheiro Emérito da Ordem dos Parlamentares do Brasil, Conselheiro da Academia Brasileira de Arte, Cultura e História, Grão-Mestre da Ordem do Mérito das Índias Orientais, de Portugal, Adido Cultural da Université de Yôga de Paris, Membro Honorário e Efetivo do Rotary Clube, distrito 4610

Não posso da Silva Preguiça

O

culpado se você não vencer na vida, aquele graças a quem o seu negócio não prospera, é um conhecido criminoso cujo retrato falado é reproduzido acima, e que é hóspede parasitário em algumas empresas. Seu nome é Não Posso da Silva Preguiça. Ele tem pacto com a sua prima, a Crise*. É amigo dos seus inimigos e agente secreto dos seus concorrentes. Nosso Serviço de Inteligência aconselha a seguinte fórmula como remédio eficaz contra essa endemia: Primeiramente, faça um caldo com uma dose generosa de qualidade, uma pitada de boa administração, alguns gramas de linda embalagem. Deixe fermentar. Depois adicione aos poucos: uma tonelada de trabalho sem esmorecimento; todos os dias uma colher das de chá de tentar-de-novo, sem autopiedade; alguns litros de não-deixar-para-depois; muitas sementi-

nhas de investimento e de divulgação. Tempere bem e adicione constantemente uns torrõezinhos de açúcar para a coisa toda não ficar sem graça. Evite fogo brando porque morno ele não dá liga. Mexa o tempo todo sem parar nem nos fins de semana. Se tirar férias, a mistura apodrece. Quando ficar dourado e você sentir o sabor do sucesso, tome um cálice desse coquetel diariamente. Se achar a mistura amarga, você não deve ter um negócio próprio, pois vai azedar. Nesse caso, jogue tudo fora e recomece como empregado – mas isso é uma outra fórmula. Se achar esta receita estimulante, prossiga: para você ela será a cura de todos os males. * Falsa identidade. A Crise usa nome suposto porque não tem coragem de assumir sua identidade verdadeira. Alguns dizem que ela se chama Derrotismo, outros dizem que é Alarmismo. Mas todos concordam com o nome de família que é Incompetência da Santa Acomodação.

20 Yellow Magazine | Abril/2011


Decoração

LED, a Luz do Século XXI O

diodo emissor de luz, mais conhecido como LED, sigla do inglês Light Emitting Diode é um dispositivo semicondutor emissor de luz. Seu consumo é de 0,3 a 2,5W (30 a 40 vezes menos que Lâmpadas halógenas, dicróicas, bipinos, AR70, etc), sua vida útil é 50 vezes maior (100.000 horas = 11 anos), dispensa manutenção (MTBF = 75.000 horas) e tem ausência de raios UV e IR. No final da década de 1960 os primeiros leds comerciais foram lançados, na cor vermelha. Há cerca de dez anos eles vêm sendo adotados como elemento de iluminação, principalmente nos campos arquitetônico e decorativo, conquistando as fachadas e dando um toque lúdico às edificações. Na decoração de interiores, um bom projeto de iluminação cria um toque pessoal no ambiente, passando sensações como calma,

aconchego, criatividade, etc. Exatamente por isso os LED são muito usados em terapias de luz e na cromoterapia (ciência que usa a cor para estabelecer o equilíbrio e a harmonia do corpo, da mente e das emoções). Segundo a ciência da cromoterapia usada nos ambientes, a cor verde representa a natureza, o desenvolvimento, a saúde, e ajuda a trazer força, esperança e acalma os sentimentos e o nervosismo; a azul traz calma e é relaxante; a lilás traz tranquilidade, bem estar e positivismo; a laranja por ser uma cor forte é estimulante e aguça sentidos, como a comunicação e a criatividade; a vermelha é sinônimo de vida e força, também aguça a afetividade, o sucesso a autoestima e a prosperidade; a amarela é a cor que representa a luz e aumenta a concentração a comunicação e estimula a mente e o 22 Yellow Magazine | Abril/2011

apetite; a branca é uma das cores mais utilizadas em ambientes por ser neutra, e potencializa o efeito de todas as outras cores. Os LEDs são muito usados tanto em projetos arquitetônicos residenciais quanto em escritórios, e também nas áreas comerciais e públicas. Quando ultilizados em lugares externos, são aplicados em iluminação de paisagens, edifícios, estacionamentos, balcões, postes, letreiros, etc. As luzes fluorescentes e as dicróicas convencionais podem ser substituídas pelos LEDs, mas é importante ressaltar que como toda a tecnologia e novidade tem o seu preço, esse tipo de iluminação custa mais caro que a tradicional. Por outro lado devese levar em conta que a diferença de preço promete se pagar em economia e durabilidade das lâmpadas e, de quebra, fazem


Keila Borsatto Formada em Design de Produto pelo Unicentro Belas Artes e Design de Interiores pela Escola Panamericana de Artes

bem ao meio ambiente, por serem muito mais duráveis do que as outras e economizarem bem mais energia. Existe uma infinidade de formas de utilizá-los dentro de projetos residenciais, como por exemplo: dando um toque a mais em nichos, armários, degraus, jardins, adegas, bares, piscinas, iluminação de piso, etc. Atualmente são também criados muitos objetos de decoração com esta tecnologia, tais como obras de arte, papéis de parede, mesas, etc. Sem que percebamos eles já fazem parte de muitos objetos que utilizamos no dia a dia, como em controles remotos, roupas, acessórios, laptops, televisões, celulares, relógios digitais, eletrodomésticos, etc. A loja conceito Espaço Santa Helena, por exemplo, adotou os LEDs como iluminação de sua fachada. Todas as noites os LEDs mudam de cor dando à fachada um efeito espetacular. O Glo Pillow, um produto que ganhou prêmios no Time Magazine’s Best Inventions 2007 é um protótipo de travesseiro que, quando programado, vira um “despertador”. Quarenta minutos antes do horário marcado, a espuma do travesseiro começa a acender gradualmente, para você ir se acostumando com a luz do dia. O LED Shower Light, é um chuveiro que quando a água está gelada fica na cor azul e quando está quente fica vermelho. Outro exemplo de objeto com essa tecnologia embarcada é uma mesa de centro com painel formado por 480 LEDs e 24 sensores infravermelhos que detectam quando um objeto está em repouso em cima da mesa, acendendo os LEDs e dando um efeito muito legal. O Illumesa, de Verner Panton é uma mesa com iluminação de LED, grande o suficiente para comportar várias crianças ao redor que, além de não possuir quinas, evita que as crianças se machuquem. Ingo Maurer criou uma mesa composta por um vidro laminado, metal e peças com 278 LEDs brancos capazes de emitir luz em ambos os sentidos, com possibilidade de controle da luminosidade. Pode-se fazer maravilhas com os LEDs, pois são produzidos em tamanhos mínimos, possibilitando sua aplicação em qualquer lugar dando efeitos muito legais. É conhecido como a Luz do Século XXI, por todos os seus benefícios ecologicamente corretos e resultados magníficos.


Esporte

A dura realidade no êxodo de jovens jogadores brasileiros para o exterior

H

oje em dia, o futebol é o esporte mais popular do mundo sem qualquer sombra de dúvida. Em todos os países ele é praticado desde a infância até a idade adulta, atingindo posteriormente nível profissional. São bilhões de torcedores em todo o mundo, que torcem pelos seus clubes e por suas seleções nacionais. O evento esportivo mais lucrativo e esperado do planeta ainda continua sendo a Copa do Mundo, que de quatro em quatro anos monopoliza mais da metade da população mundial. O futebol movimenta quantias imensuráveis de dólares anualmente, devido a contratos com redes de TV, patrocínios e as transações milionárias de jogadores que acontecem nas chamadas “entressafras” dos campeonatos espalhados pelo mundo. Por ser um País com muita tradição no futebol, uma imensa parte de brasileiros de todas as classes sociais, sonha se tornar um profissional de futebol, onde o mercado de trabalho é grande e competitivo, embora as melhores propostas ainda estejam no exterior. Os jogadores brasileiros são muito bem cotados no futebol do mundo todo, principalmente na Europa, onde existem os melhores salários

e as ótimas condições de trabalho. Pela tradição futebolística, muitos jogadores brasileiros são levados por “olheiros” para o exterior ainda muito jovens, não tendo a oportunidade de atuar profissionalmente por nenhum clube nacional. É importante ressaltar que a carreira de jogador de futebol é curta, por exigir muita energia, disposição e preparo físico dos atletas. Atualmente, com a grande demanda de jogadores brasileiros para o exterior seria recomendável que o jogador tivesse conhecimentos de línguas estrangeiras, mas é muito pouco provável que isso aconteça, uma vez que os atletas da bola, com raríssimas exceções, são oriundos de famílias das camadas subalternas, onde os filhos mais velhos trabalham para auxiliar nas despesas da casa, e os caçulas têm oportunidade de se dedicar ao futebol profissional, sempre contando com o apoio familiar e não possuindo uma cultura que lhes permite dividir o futebol com os estudos. Também seria recomendável que o profissional tivesse certa noção de direito, ou contratasse alguém para resolver os trâmites legais, pela complexidade dos atuais contratos futebolísticos, como

24 Yellow Magazine | Abril/2011


José Antônio Alves Publicitário Historiador e Pesquisador do Futebol Brasileiro

vistos internacionais, compra e venda de passes, publicidade. Mas muitos são levados ao exterior completamente alheios a estas normas tão necessárias para um tão almejado sucesso. O êxodo de jogadores brasileiros para o exterior sempre causou receio por parte da mídia, devido ao seu crescimento nas últimas décadas. Essa aceleração deu-se em virtude de mudanças na legislação europeia, através do decreto conhecido como Bosman, estabelecendo que todo jogador pertencente à União Europeia poderia atuar em qualquer país-membro sem ser considerado estrangeiro. Como as restrições ao limite de jogadores estrangeiros por clube não eram mais atribuídas a esses atletas, agora denominados de “comunitários”, foram geradas oportunidades aos “extra-comunitários”, causando rápido crescimento nas contratações de sul-americanos por clubes europeus. São aproximadamente cerca de cinco mil atletas profissionais nacionais que atuam em clubes de futebol internacional. Uma quantidade que demonstra a qualidade dos jogadores brasileiros e a facilidade de reposição que só o Brasil apresenta no meio futebolístico. Existem no País os chamados clubes de futebol artificiais, cujo objetivo é descobrir talentos, treiná-los e servir de vitrine para os jogadores, valorizando-os comercialmente para negociá-los com clubes europeus. Eles se tornam bens de capital, proporcionando grandes lucros a terceiros, como produtos, fazendo com que suas transferências ao exterior se assemelhem às exportações convencionais de mercadorias. E a dura realidade é que um em cada quatro jogadores de futebol do Brasil que vai para o exterior escolhe destinos com pouca tradição no esporte, como os países asiáticos, em troca de muito pouco dinheiro. A situação destes jogadores em nada lembra a de grandes estrelas do futebol brasileiro, como Kaká, Alexandre Pato, Robinho, que vão para o exterior com contratos milionários.

25 Yellow Magazine | Abril/2011


Segurança

Reaja! N

esta matéria vamos discutir algo de grande importância e tentar formar uma opinião baseada em fatos e conhecimentos técnicos acerca de ocasiões em que podemos ser vítimas de um crime. E a pergunta que nos atormenta, é: devemos ou não reagir? Vamos ter como parâmetro, que não agir já é a decisão de ficar inerte e isso é uma reação. O que não é indicado é ter esta postura quando é possível agir. Ficarmos apenas inertes conscientemente, pode acarretar em uma reação do criminoso desfavorável a nós. Mas, para iniciarmos uma conclusão assertiva em relação a crises como estas, devemos inicialmente dizer que não devemos tentar fugir do local sem conhecimento de técnicas, ou ainda tentar entrar em luta corporal com o criminoso, sem conhecimento em defesa pessoal. Estudando melhor os casos onde a vítima esboçou reação de enfrentamento ou postura agressiva contra o criminoso, e não falo em porcentagens porque os parâmetros adotados podem sofrer influência política ou de interesses particulares, mas em pesquisas rápidas de notícias de roubos ou sequestros, os resultados são assustadoramente desfavoráveis às vítimas. Então como reagir? Vamos esclarecer ainda que o objetivo principal da segurança entre as prioridades é proteger o bem maior do ser humano, a vida, inclusive sobrepondo aos bens materiais em qualquer circunstância, e a reação é uma postura ativa onde a vítima consegue por meio da somatória de alguns conhecimentos técnicos e do controle emocional, conduzir este momento crítico de forma que favoreça a preservação da própria vida. E quais são os conhecimentos técnicos que podemos aplicar neste grave momento? 1. Evite, não ostentando joias, dinheiro, carteira, vidros de veículos abertos, portas destravadas, não ir a local com pouca ou nenhuma iluminação noturna, evitar andar sozinho, procurar não ficar parado demasiadamente em semáforos, não demorar a entrar ou sair e embarcar ou desembarcar do veículo ou em casa. Além de manter-se sempre atento às aproximações de estranhos, sendo que tudo isso pode ainda não evitar, mas estar um passo à frente da ação e não assustar-se no momento do anúncio do “assalto”, pode fazer a diferença. 2. Controle-se, pois se não puder evitar a ação é importante não tentar agir de forma brusca, como arrancar com o carro, ter movimentos que possam ser entendidos como agressão ao criminoso, não gritar, enfim identificar exatamente a situação, pensando que os bens materiais, podem ser substituídos diferentemente da nossa vida, e que a tranquilidade é pressentida pelo causador que pode estar sob extremo estresse, e então agir contra o real objetivo inicial que é a subtração de bens.

Andrey T. Alves Empresário, formado em Gestão de Segurança Empresarial e Patrimonial e especialista em segurança

3. Administre, após o ocorrido, o primordial é atentar-se para diminuir os danos causados, sendo que o mais importante é ligar prontamente para a Polícia Militar (190) descrevendo o fato e as características do criminoso. Isso é importante para reaver o que foi perdido. Ligue ainda, se necessário, para as operadoras de cartões de crédito e débito, faça o boletim de ocorrência na delegacia mais próxima ao local deste evento, pois isso é importante para reaver os valores ou objetos subtraídos. Se por acaso houver a prisão do criminoso, faça a parte que lhe cabe como o reconhecimento, se caso for positivo, e tente analisar com a ajuda de amigos, familiares ou ainda de profissionais, o fato, tentando minimizar o trauma que é inerente ao fato. Grande parte de um problema como este, depende muito de sua reação, entenda e pense o que pode ser feito para, principalmente, preservar sua vida, pois você com certeza é importante para alguém, então REAJA!

26 Yellow Magazine | Abril/2011


Comportamento

Os Limites do Corpo

V

ocê é o seu corpo. Aonde você for, terá que ir com ele. Dorme com ele. Levanta-se após o sono com ele. Seu corpo físico é você. Sua mente, que faz você pensar é fruto do seu corpo, da parte dele chamada cérebro. Os neurocientistas ainda não conseguiram descobrir o que é a mente. Ela é um produto do cérebro. O cérebro (encéfalo) funciona com química e eletricidade. Mas eles verificaram que a mente é mais do que neuroquímica e eletricidade. Sua mente é do seu corpo. Seu corpo físico tem uma mente, por isso pode pensar, sentir, tomar decisões. É uma união indivisível. Não existe mente sem corpo. Tristemente o mundo atual vive de aparências. As pessoas estão, numa grande maioria, com felizes exceções, preocupadas e fissuradas com a aparência. Seja aparência da sua roupa, tênis, celular, automóvel, título profissional, e, claro, do corpo. Quanto mais dúvidas

você tem sobre seu valor como pessoa, maior será a preocupação obsessiva com a aparência externa. Você poderá querer compensar o mal-estar que sente dentro de si, com algo do exterior. Não quer dizer que se a pessoa tem equilibrado respeito pessoal, ela não ligará para a aparência. A beleza física é admirável. O belo nos atrai. Seja na Natureza, numa obra de arte, poesia, texto, produção científica, ajuda comunitária, caráter, etc. Um corpo e rosto bonitos são ajudadores no equilíbrio dentro da pessoa para ela gostar de si mesma saudavelmente. Mas isto é somente uma verdade parcial. Pessoas que não possuem beleza física podem ser agradáveis e de caráter atraente. E pessoas muito belas fisicamente podem ser vazias de alma e chatas. É importante sim você cuidar bem de seu corpo do ponto de vista estético. Uma pessoa desleixada com a aparência de seu

28 Yellow Magazine | Abril/2011


Dr. Cesar Vasconcellos de Souza Médico psiquiatra, palestrante, autor dos livros “Casamento, o que é isso?” e “Consultório Psicológico” e do site www.portalnatural.com.br

corpo seja quanto à higiene ou estética pode revelar sofrimento emocional, podendo ser depressão, autorrejeição, falta de orientação aprendida na infância, etc. Também é verdade que uma pessoa obsessiva com sua aparência física parece revelar importantes dificuldades emocionais, tais como insegurança, carência excessiva de afeto e aprovação, obsessão por aceitação, etc. Você pode não ser uma pessoa de feições bonitas, mas pode cuidar bem de seu corpo, evitando, dentro do possível, os extremos de magreza e sobrepeso excessivos. Isto pode requerer muita luta para os que têm carga genética que favorece um destes extremos (magreza ou obesidade). Mantenha a higiene pessoal diária, cuide de seus cabelos, de sua pele, sua roupa, evitando abusos e extravagâncias. O belo está muito mais próximo do natural do que do artificial. Se você se concentra demasiadamente na sua aparência física a ponto de ficar obsessivo(a) com ela, lembre-se de que seu corpo irá mudar com o tempo. Reações hormonais fazem isto inevitavelmente. O processo de envelhecimento é certo e biológico. Não lute contra ele. Aceite-o e cuide do seu corpo da melhor maneira possível para mantê-lo na melhor forma e aparência que puder. Mas reconheça que há um limite além do qual ele não pode ir, a não ser que você o force com cirurgias que podem ser perigosas e dispendiosas, medicamentos com efeitos colaterais perigosos (moderadores de apetite ou as “fórmulas” para emagrecer), dietas inadequadas para sua nutrição correta, etc. Nosso corpo envelhece e com ele o cérebro. Quanto mais e melhor você cultivar uma mente pura, útil, misericordiosa, honesta, sem extremismos, afetiva, firme com relação às atitudes abusivas de certas pessoas, buscando ser justo, seu corpo funcionará melhor e a beleza do caráter suprirá em muito a decadência do corpo. Uma atriz famosa e bonita fisicamente certa vez disse: “Envelhecer é ruim, mas amadurecer é bom.” Faça algo para melhorar a beleza no seu corpo não se esquecendo dos limites dele. Mas lembre-se de que o melhor dele é a mente. Creio que o mais belo do corpo humano é a mente que produz uma vida de utilidade. Vida de utilidade para mim é aquela em que o que você faz está cheio atitudes que produzem o alívio do sofrimento das pessoas. De qualquer pessoa e não só os da sua família e sem comercializar isto. Acho que podemos chamar isto de “estética da alma”. Cuide dela também.


Best-Seller

O Homem que Queria Ser Feliz

E

Alice Schroeder com Warren Buffet.

A Bola de Neve Número de páginas: 960 Editora: Sextante Preço médio: R$49,90

ste é o livro definitivo sobre a vida de um dos homens mais respeitados e fascinantes do mundo: Warren Buffett. O lendário investidor pela primeira vez autorizou alguém a produzir sua biografia, concedendo a Alice Schroeder acesso irrestrito a seus familiares, amigos e parceiros - e, é claro, a ele mesmo. A autora mergulhou a fundo na vida do empresário, desvendando sua personalidade, suas lutas, seus triunfos e seus momentos de sabedoria e de insensatez. O resultado é a história de um dos maiores personagens de nosso tempo, uma figura complexa e interessante que se tornou uma lenda viva pela fortuna que construiu e, sobretudo, pelas idéias, causas e valores que defendeu. Esta biografia revela o homem por trás do mito e mostra como sua obstinação e seu talento foram sendo lapidados desde garoto - aos 6 anos, ele procurava lucrar vendendo chicletes, aos 7 pediu de presente um livro sobre o mercado de ações, aos 10 fez sua primeira visita à bolsa de valores e, aos 11, seu primeiro investimento. A Bola de Neve conta surpreendentes episódios da vida do empresário que, com sua conduta ética e disciplinada, tratou investidores como sócios e sempre pregou a honestidade como investidor, conselheiro e palestrante. Ao longo de 60 anos, Buffett fez fortuna identificando valor onde ninguém via e aproveitando-se dos momentos de crise enquanto a maior parte dos investidores recuava. Dono de um profundo conhecimento e instinto empresarial, além de uma notável capacidade de fazer amigos, sua vida é uma verdadeira aula de negócios, cheia de histórias saborosas e de ensinamentos valiosos. Como qualquer ser humano, Warren Buffett é uma mistura de força e fragilidade. Por mais notável que seja sua conta bancária, seu legado não é simplesmente a posição que ocupa no ranking das maiores fortunas, mas os princípios e ideais que enriqueceram a vida de tantas pessoas ao redor do mundo.

A Autora Alice Schroeder era Analista em Wall Street e diretora executiva da Morgan Stanley quando decidiu seguir a sugestão de Warren Buffett para escrever em tempo integral. Nascida no Texas, Schroeder completou a sua licenciatura e um MBA em Austin na Universidade do Texas, antes de se mudar para trabalhar na área financeira. Trabalhou como contabilista na Ernst & Young de 1980 a 1991. Até 1993 foi gestora de projeto com o Financial Accounting Standards Board. Quando Alice Shroeder conheceu Warren Buffett, era analista na indústria seguradora e também uma escritora talentosa, conhecida pela sua perspicácia e sagacidade negocial. Os seus artigos sobre finanças impressionaram-no e na altura em que se conheceram, Alice percebeu que, por muito que já se tivesse escrito sobre o estilo de investigação de Buffett, nunca se tinha explorado a sua filosofia, que estava ligada à sua personalidade complexa e aos pormenores da sua vida. Largar tudo para escrever foi um ato de coragem que o efeito Bola de Neve torna extremamente claro. Hoje a autora vive em Connecticut com o marido. 30 Yellow Magazine | Abril/2011


Motor e Cia

Lancha Focker 310GT: divisor de águas

O

lançamento da lancha Focker 310GT da Fibrafort marcou a entrada da empresa no segmento de lanchas maiores, contemplando tudo o que um barco day cruiser pode oferecer de melhor em termos de conforto e design. Não por acaso, a embarcação é a atual campeã de vendas em sua categoria, atraindo o exigente perfil dos consumidores de artigos de luxo e reforçando a posição da Fibrafort como a maior empresa fabricante de lanchas na América Latina em unidades vendidas. Beneficiado pelas condições geográficas ideais e um cenário econômico favorável, com a ascensão constante de novos consumidores para as classes A e B, o estaleiro de Itajaí (SC) vem estimulando ao longo das últimas duas décadas a descoberta e o

encantamento dos brasileiros com o prazer de navegar – impulsionando um setor industrial que atualmente movimenta mais de 150 mil colaboradores no Brasil. (fonte: Acobar). Produzindo modelos de lanchas de 16 a 31 pés – um segmento que representa cerca de 80% do mercado de lanchas comercializadas no Brasil - a Fibrafort acompanha os seus clientes desde o início de suas atividades de lazer na água, até o momento em que eles optam por embarcações mais robustas e sofisticadas como a Focker 310GT. Hoje são mais de 10 mil embarcações da Fibrafort navegando pelos mares lagoas e represas no Brasil e no exterior. A frente deste sucesso esta o trabalho de uma eficiente equipe de cerca de 300 colaboradores que atuam nas duas linhas de produção da empresa - e frequentemente recebem a 32 Yellow Magazine | Abril/2011

visita de futuros proprietários interessados em conhecer o fascinante processo de fabricação de uma lancha. Dentro do crescimento natural do mix de produtos da marca, a Focker 310GT nasceu de um projeto de lancha de 31 pés (9,44 metros) que fosse a mais completa da categoria, agregando diversos itens exclusivos de série e atraindo o perfil de público disposto a pagar mais por produtos identificados com qualidade superior. Com vocação para o lazer, a embarcação impressiona pela versatilidade e oferece a opção de duas motorizações que permitem regular a potência dentro das necessidades de cada proprietário. O design moderno e elegante privilegia a funcionalidade, com o aproveitamento máximo do espaço que abriga confortavel-


mente até 12 pessoas (04 para pernoite). Projetada para proporcionar a maior interação possível entre a família e os amigos, a lancha possui um amplo cockpit, com chaise long, banco de popa rebatível com solário, churrasqueira e pia em inox, porta copos, estofamento em curvim antimofo, além de uma plataforma de popa agradável e espaçosa. As premissas de conforto e segurança se traduzem na extensa lista de itens da linha GT que inclui um painel com disposição para 11 relógios, tomada 12V para carregador de celular, isolamento térmico e acústico da casa de máquinas, sistema autoesgotante, uma cabine que oferece cozinha completa com adega e compartimentos para taças, vinhos, whisky e copos, entre muitos outros itens exclusivos de série que a marca Fibrafort pode oferecer. Uma embarcação completa se reflete também na elegância e no detalhamento dos acabamentos dos espaços, que incluem armário de madeira, mesa de centro em madeira Teka, microondas, geladeira, duas camas de casal, banheiro amplo com sanitário elétrico e enxoval completo.

Ficha Técnica: Comprimento: 9,44 m Tanque Combustível em Alumínio: 380 L Tanque de Água Doce: 160 L ou 2 X 90 L Material do Casco: Fibra de Vidro Capacidade de Passageiros Dia/Noite: 12/4 Altura da Cabine: 1,80 m Altura do Banheiro: 1,70m


Acelere sua Carreira Fabiano Caxito Doutorando e Mestre em Administração e MBA em Recursos Humanos. Professor, Consultor de empresas e autor do livro “Não deixo a vida me levar, a vida levo eu”.

Currículo é bem mais do que tudo o que você sabe fazer

H

á algumas décadas, as pessoas tinham um só emprego durante toda a sua vida. Quem trocava constantemente de emprego era malvisto pelas empresas. Tinha a “carteira suja”. Hoje, é não só comum como até recomendável que o profissional tenha várias experiências profissionais. Outro fato relevante é que a economia brasileira passa por um momento de crescimento. As empresas precisam crescer rapidamente, e buscam profissionais competentes que a ajudem a alcançar seus resultados. Por isso, é importante manter seu currículo constantemente atualizado. Isto não significa apenas reescrevê-lo. Significa que você precisa se desenvolver constantemente, alimentar sua rede de relacionamentos, alcançar novas conquistas e enriquecer sua carreira! O currículo é o seu vendedor, sua propaganda nas mãos do recrutador. Mas não se iluda. As boas empresas recebem dezenas, centenas de currículos por dia. E o que vai fazer o seu se destacar nesta pilha, não é um papel extravagante, uma fonte rebuscada, uma foto descontraída! O que o recrutador busca é conteúdo. Então, em primeiro lugar, não cometa o erro de achar que escrever um currículo é apenas listar em uma folha de papel as empresas e cursos que fez. Invista seu tempo para se repensar, analisar sua carreira, seus pontos fortes e fracos, aquilo que o destaca dos demais. A internet está cheia de sites que oferecem modelos de currículos que só precisam ser preenchidos. Não cometa este erro. Sua experiência é única e seu currículo deve refletir esta diferença. Inspire-se nos modelos, mas crie seu próprio currículo. Vamos nos colocar no lugar de um recrutador. Imagine ter que analisar uma pilha de dezenas de currículos de candidatos a uma determinada vaga. Com certeza, o que essa pessoa quer é ler informações relevantes, claras, focadas, em um formato limpo e não cansativo. O currículo deve ter uma boa apresentação: papel de qualidade, branco, liso e em formato A4. Você não está criando um panfleto promocional. Evite bordas, molduras, imagens, gravuras e fotos. Imprima em formato retrato! Você não quer que o entrevistador tenha que virar seu currículo toda vez que o retirar da pilha. Use no máximo duas folhas, sem capas ou envelopes. Você pode passar uma imagem de ser prolixo e pouco focado. Lembre-se do recrutador e sua pilha de currículos: ele não quer perder tempo com informações irrelevantes.

Há uma frase de Henry Ford que quero usar como exemplo nesta situação. Ele dizia que o modelo T, que popularizou o carro, podia ser comprado em qualquer cor, desde que fosse preto. No caso da cor da fonte usada no currículo, vale o mesmo: preto é sempre o indicado. Já a fonte escolhida deve ser simples como Times New Roman, Arial ou Verdana, com tamanho entre 10 e 12. Menor que isso, fica ilegível e cansa. Maior que isso, vai parecer que você quer “engordar” o currículo aumentando a letra. E por favor: Escreva corretamente! Não é preciso usar uma linguagem rebuscada. Escreva de forma simples, mas use a gramática e o dicionário. Pontue, acentue, corrija, confira, use o corretor automático, releia, peça ajuda dos amigos. Mas nunca entregue um currículo com erros. Muitas pessoas acham que devem escrever um só currículo e enviá-lo a todas as empresas. Esta é uma noção errada. Faça currículos personalizados. Pesquise a empresa, busque informações sobre o cargo, analise quais competências e quais realizações de sua carreira podem ser exploradas de forma a destacar você dos concorrentes. Outra ideia errada é achar que o cargo pretendido deve ser deixado em aberto. Se coloque novamente no lugar do recrutador: ao se deparar com um currículo sem foco definido, ele vai considerar que o profissional não possui uma especialização e um conhecimento aprofundado em determinada área, o que certamente o desqualificará em comparação a outros candidatos. Quanto ao conteúdo, o bom currículo deve conter uma caracterização sobre você, suas competências, realizações e conquistas. Precisa conter também informações sobre as suas experiências profissionais e sobre sua formação acadêmica, além de outros cursos e atividades que possam ajudar a definir você como profissional. Dizer que é voluntário em um programa de desenvolvimento de pessoas carentes é importante, mas falar que joga futebol toda terça-feira com os amigos pode não ser tão relevante assim. E o fundamental: informações de contato atualizadas, completas e acessíveis. Se o recrutador não conseguir entrar em contato com você no momento em que decidir o processo de seleção, o que adiantou ter se dedicado tanto a escrever um bom currículo?

34 Yellow Magazine | Abril/2011


Maria Irene Maluf Pedagoga habilitada em Educação Especial e psicopedagoga clínica

Aproveite a super promoção da lavanderia 5àSec

Preguiça ou dificuldade de aprendizagem?

Vestidos de Noiva

25% de desconto

Delivery O caminho mais fácil para aproveitar os nossos serviços.

Aproveite o nosso Delivery. Ele retira e entrega as peças sem nenhum custo adicional.

Loja Anália Franco R. Apucarana, 1.558

Tel.: 2673-5733 Loja Carrefour Tatuapé Av. Salim Farah Maluf, S/N

Tel.: 2091-1051

N

o final de um semestre escolar, quando analisam o aproveitamento acadêmico de seus filhos, algumas famílias se veem frente de um problema inquietante. As razões são muitas e todas elas compreensíveis. É natural que em algum momento dessa análise surja a preocupação com a adequação do desenvolvimento da criança, caso esta, mesmo que se dedique aos estudos com constância, não consiga se sair bem nas avaliações escolares. Mas aparece também e muitas vezes, uma clara apreensão devida tanto ao desinteresse do filho pela aprendizagem formal quanto à aparente dificuldade deste se adaptar às exigências da escola, a obedecer ao calendário para entrega de pesquisas e lições, a se preparar convenientemente para as provas e até de conservar o material em ordem. É comum se ouvir dos pais, que até entenderiam as notas abaixo da média obtidas pela criança, se esta tivesse “algum problema”, como se apresentar qualquer um dos comportamentos acima já não constituísse uma razão válida para se procurar com a origem da questão, pois o resultado final é o mesmo: baixa autoestima, dificuldade de socialização, prejuízos crescentes na aprendizagem e fracasso escolar. Se a criança não tem problema de aprendizagem, por que não estuda? Preguiça, má vontade, falta de responsabilidade, costumam ser as razões apontadas. Mas, por detrás desse desinteresse aparente existe sim uma questão que precisa de cuidados: a falta de motivação pelo saber. É normal as pessoas gostarem de ser elogiadas e apreciadas por sua inteligência e por serem bem sucedidas. E tenho constatado nestes trinta anos de profissão, que uma parte expressiva desses casos onde as crianças parecem indiferentes ao sucesso escolar, se deve a atitudes e exemplos que elas têm dentro de casa, da falta de informações sobre o que se espera dela e o quanto é importante para a família e para ela própria o bom aproveitamento escolar. Conversar frequentemente com o filho e com seus professores sobre seu desempenho escolar é um primeiro passo na tentativa de prevenir e até resolver esses impasses, de verificar causas e planejar soluções. Mas se a situação se agravar e persistir, um profissional especializado em psicopedagogia deve ser consultado, pelo bem estar e crescimento saudável da criança e do jovem. 35 Yellow Magazine | Abril/2011

Promoção válida até 30/04/11, somente nestas unidades, para pagamento antecipado e não cumulativa.

Educação


Sua Empresa Evaldo Costa Escritor, consultor, conferencista e professor, autor dos livros: “Alavancando resultados através da gestão da qualidade”, “Como Garantir Três Vendas Extras Por Dia” e co-autor do livro “Gigantes das Vendas”

Princípio dos 100 Graus

V

ocê conhece o princípio dos 100 graus? Sabe como usá-lo para alcançar o sucesso? Conhece, mas não se lembra muito bem? Então vamos a ele: esse princípio revela que aos 99 graus a água está muito quente, mas somente aos 100 graus ela ferve. Ao ferver ela gera vapor. O vapor tem força para mover uma locomotiva com muitas toneladas. O princípio nos ensina que apenas UM grau faz toda a diferença. Sem esse grau a locomotiva não sai do lugar, o atleta é ultrapassado e a vitória não acontece. O fato é que um grau extra de esforço nos negócios ou na vida separa o ótimo do bom, os habilidosos dos invejosos e os vencedores dos perdedores. Você sabia que, na média, as vitórias nas competições esportivas, nos últimos 25 anos, são definidas por frações mínimas? Em boa parte das disputas, o vencedor leva para casa prêmios milionários graças ao esforço extra obtido nos últimos segundos. Veja os medalhistas de ouro olímpico nos cem metros rasos: a diferença é tão pequena que não dá para identificar, a olho nu, o vencedor. O mesmo acontece na natação, na corrida de cavalos, onde muitas vezes o vencedor leva o prêmio por menos de um focinho, entre outras. Outro exemplo é a fórmula Indy em que o vencedor, nos últimos dez anos, tem conquistado uma pequena fortuna (mais que o dobro do segundo colocado) em prêmios por vantagem que fica em torno de um segundo. Essa é a realidade que separa os vencedores dos perdedores. E você é o único responsável pelos seus resultados. É tempo de ir para a ponta. Saiba que para ter o que você nunca teve, você terá que fazer o que nunca fez. E, para isso, terá que agir de acordo com os seguintes mandamentos: • 100 graus de Atitude – A única coisa que separa uma pessoa de seus sonhos é a sua capacidade de agir usando os conhecimentos e habilidades de forma inteligente e direcionada. Também, não pode nunca abandonar a fé que mantém a chama da realização acesa. • 100 graus de Generosidade – Não podemos chegar muito longe sem uma boa dose de generosidade. Veja o que nos ensina Ralph Waldo Emerson: “A generosidade é uma das mais belas compensações na vida. Nós não podemos ajudar o outro sem ajudar a nós mesmos”. • 100 graus de Crença – Acreditar com todo o entusiasmo, pois ele é capaz de transformar-se em paixão, aquecer a alma e fortalecer o nosso espírito. • 100 graus de Foco – Como nos ensina o dito popular: “Não há bons ventos para quem não sabe para onde vai”. Não é sábio sair “atirando” para todos os lados. Ter foco e persegui-lo com obstinação fará grande diferença na caminhada para o sucesso. • 100 graus de Perseverança – Perseverar é uma qualidade que sempre encontramos nos vencedores. Porém devemos lembrar do que nos ensinou Walter Elliot: “A perseverança não é uma corrida longa: ela é o somatório de várias pequenas corridas, uma após a outra”. • 100 graus de Amor – O amor é o bem que devemos carregar sempre em nosso coração. Nenhuma outra virtude é maior que o amor de verdade. Veja o que diz um trecho do poema em Télugo (Língua dravídica falada em Andhra Pradesh, Índia): “Uma indagação profunda revelará que, neste mundo, nada se iguala ao amor, seja a caridade, rituais sagrados, penitências, sabedoria, pureza ou a adesão à verdade e à Religião Eterna”. Ainda sobre o tema nos ensina o apóstolo João (I João 4:7, 8 ): “Caríssimos, amemo-nos uns aos outros, porque o amor vem de Deus, e todo o que ama é nascido de Deus e conhece a Deus. Aquele que não ama não conhece a Deus, porque Deus é amor”. 36 Yellow Magazine | Abril/2011


37 Yellow Magazine | Abril/2011


Autoajuda Patrícia Gebrim Psicóloga e escritora

Você pode brilhar

A

vida flui melhor quando derramamos sobre ela o nosso Eu verdadeiro. Ora, cada um de nós é único e portador de características muito específicas que nos diferem das outras pessoas. Alguns de nós são sérios como a coruja e seus enormes óculos cheios de intelectualidade, outros são poderosos e exuberantes como o leão e existem também os que são leves e brincalhões, como os golfinhos que saltam em meio ao oceano por pura diversão; só para dar alguns exemplos Essa particularidade, essa forma única de ser é o que nos confere autenticidade, verdade e brilho. Acredite, quanto mais verdadeiro você for, mais encantador será seu brilho e mais você será capaz de tocar as pessoas ao seu redor. É assim que é possível afirmar que podemos admirar um conferencista que sobe ao palco para discorrer com erudição sobre um assunto complexo, tanto quanto admiramos outro alguém que sobe ao mesmo palco e fala sobre o mesmo assunto de forma leve e inusitada, transformando a complexidade das palavras em ideias que tocam corações. Ambos brilharam, cada um à sua maneira. O erro que cometemos é o de tentar criar generalizações. Quando vemos alguém ser bemsucedido, acabamos nos enganando e acreditando que a fórmula do sucesso está na forma através da qual aquela pessoa se expressou. - Ah! - pensamos - tenho que falar dessa forma bem elaborada, como fez essa pessoa. Ou acreditamos que precisamos ser leves e divertidos como fez o segundo. E assim nos perdemos de nós mesmos na tentativa de imitar o que aquela pessoa fez. O que deixamos de perceber é que o brilho não estava na forma, e sim na sintonia entre o verdadeiro ser da pessoa e o que essa pessoa quis expressar. Assim, pare de olhar ao redor em busca de modelos para ser bem-sucedido e ouse adequar a sua expressão na vida à verdade do seu ser. Se você for afetivo, coloque afetividade nas suas ações. Se for mais contido, encontre uma forma de respeitar a si mesmo. Se for bemhumorado, ouse pincelar seus movimentos de vida com seu bom humor. Se for complexo e elaborado respeite sua complexidade sem achar que as pessoas o acharão um chato, caso não inclua uma piadinha no meio da sua palestra. Seja simplesmente quem você é! O máximo que for capaz! Cada um de nós é como uma lâmpada maravilhosa, capaz de acender-se em luz e cor e tornar-se tão bela a ponto de encantar e iluminar todos ao seu redor. Mas isso só acontece quando nos conectamos a algo maior do que nós, à corrente de força universal, permitindo que essa energia nos insufle com algo que nos torna especiais, únicos e encantadores. Para fazermos isso precisamos ser quem de verdade somos. Uma pessoa que expressa sua verdadeira natureza sempre será alguém brilhante e capaz de tocar as pessoas, não importa o que esteja fazendo, não importa como esteja fazendo, não importa onde esteja fazendo! 38 Yellow Magazine | Abril/2011


39 Yellow Magazine | Abril/2011


Seu Direito Evaldo Adorno Advogado desde 1983, titular do escritório Adorno e Nunes Advogados Associados

Alimentos Gravídicos. O que é isso?

C

ontinuando nossa conversa sobre pensão alimentícia (Y.M. Ed.50), vamos hoje destacar os Alimentos Gravídicos. Essa modalidade de pensão é nova em nosso Ordenamento Jurídico, tendo sido instituída pela Lei nº 11.804/2008. Esta modalidade de pensão permite que a mãe, durante o período de gestação, solicite que o pai pague pensão alimentícia. Tal pedido deve ser feito ao Juiz do Fórum competente, visando uma gravidez tranquila ao bebê e a sua mãe. Dessa forma, a mãe poderá pedir ao pai da criança, que este ajude a custear todas as despesas do período gestacional. Os Alimentos Gravídicos serão fixados considerando os valores suficientes para cobrir os custos adicionais do período de gravidez e que sejam decorrentes da concepção ao parto, inclusive os relativos à alimentação especial, assistência médica e psicológica, internações, parto, medicamentos e demais prescrições preventivas e terapêuticas indispensáveis, a critério do médico; além de outras que o Juiz considerar pertinentes. Os valores definidos como alimentos gravídicos serão extintos quando ocorrer o nascimento com vida ou no caso de aborto, ou ainda, quando comprovadamente o nascituro não é filho do suposto pai, sendo então a mãe a única a arcar com tais despesas, porém, tendo o direito de pleitear novamente tais alimentos para outro suposto pai, e não mais aquele que foi reconhecidamente comprovado não ser o pai do nascituro. Vale destacar que não pode o pai, pedir o exame de DNA durante a gestação, por poder por em risco a mesma. Tudo parece muito tranquilo, porém, devemos aqui destacar

que, quando do nascimento, o pai, que pagou os “alimentos gravídicos” durante toda a gestação, poderá pedir um exame de DNA na criança para confirmar a paternidade. E se o resultado for negativo? O que poderá acontecer? Com certeza, em sendo negativo o exame, o homem que durante a gestação pagou os alimentos gravídicos, bem como, por todo o longo período de nove meses, passou à cria o carinho e o amor de um pai por seu filho, poderá ingressar na justiça, pleiteando uma indenização, quer seja por todo o dinheiro desembolsado no período gestacional, bem como, pelos danos morais, pois, foi enganado e mantido em erro, por um longo período, vendo sua alegria pelo nascimento de seu filho se transformar em uma imensa decepção ao saber que o filho tão esperado não era seu. Assim, deve a gestante tomar muito cuidado ao ingressar com essa ação, pois um equívoco, poderá lhe impor um enorme prejuízo. Para terminar, falamos no início deste artigo sobre o Juiz do Fórum competente para tratar do assunto e, como faremos para saber onde devemos ir, para defender nossos direitos? De maneira simples e prática podemos falar que, nas ações da área de família, em geral, no Fórum mais próximo do endereço da mulher ou da criança (menor). Por fim, quero lembrar que, principalmente nos casos do Direito de Família, como nos Alimentos Gravídicos, a gestante poderá procurar a Defensoria Pública, que fica na Av. Liberdade, 32, próximo à Praça da Sé, ou ainda, nas Faculdades de Direito da Região, que mantém seus escritórios experimentais.

40 Yellow Magazine | Abril/2011


Turismo

. . . s é r d n A

San O MAr das sete cores S

an Andrés e Providência é um arquipélago que dista cerca de 700 km da costa continental colombiana e é banhado pelo mar do Caribe, mar que outrora fora infestado de piratas e corsários e que hoje povoa apenas o imaginário dos turistas que visitam essas paradisíacas ilhas. La Cueva de Morgan é um ponto turístico da ilha que inclusive abriga um pequeno museu, que se reporta ao tempo em que Henry Morgan, corsário inglês espalhava o terror pelo mar caribenho. Nós fizemos uma visita a San Andrés e trouxemos para você, leitor da Yellow Magazine, tudo o que vivenciamos nos cinco dias em que lá estivemos. Venha comigo, vou lhe mostrar um pouco do encanto, do mistério e da magia dessa ilha colombiana incrustada em pleno mar do Caribe, habitada por um povo alegre, gentil e hospitaleiro, orgulhoso de sua cultura e de sua História. A viagem começa em São Paulo, aeroporto Internacional em Guarulhos, vôo TAM para Bogotá. Depois de uma conexão um pouco tumultuada em Bogotá, voamos para Medellin, a capital do estado da Antioquia. Ficamos dois dias em Medellin, belíssima cidade rodeada de montanhas azuis. Moderna, pujante e organizada. Voamos para nosso destino final no início de uma belíssima manhã de sol, aeroporto internacional de Rio Negro, cerca de 40 km da capital, Medellin. O vôo, programado para 90 minutos foi feito com uma

aeronave brasileira, Embraer EMB- 190, um jato elegante, que equipa toda a frota da Aero-República, empresa que nos levou a San Andrés. O voo transcorreu sem novidades, depois de cumprir as exigências legais no Aeroporto Internacional da Ilha, chegamos ao hotel, digase de passagem um belíssimo hotel que avança para dentro do mar, as marolas batem todo o tempo no muro de pedra erguido para proteger a propriedade, a paisagem é deslumbrante, um mar belíssimo, azul turquesa e outras nuances de azul, verde escuro, verde claro. O mar de San Andrés é conhecido como mar das sete cores. San Andrés é uma ilha de corais, diferente das nossas que são formações vulcânicas, ao redor da ilha existe uma grande barreira de corais, a terceira maior do mundo, com paredões submarinos superiores a 100 metros de altura, segundo nos foi informado por um versado guia local. Essas barreiras coralinas representam um ecossistema vivo, que o torna um verdadeiro paraíso ecológico. As formações de corais ao redor da ilha explicam a variedade de cores que o mar assume. Depois de nos acomodarmos e almoçarmos no confortável restaurante do hotel, que serve uma variedade de peixes e frutos do mar, como não poderia deixar de ser, fomos até a agência turística anexa ao hotel, responsável pelos passeios e toda a programação de visitas. Aqui nós começamos a conhecer San Andrés.

42 Yellow Magazine | Abril/2011


VOLTA AO REDOR DA ILHA No primeiro dia de nossa estada circulamos por perto, fomos até o centro da cidade que é um verdadeiro Shopping a céu aberto, são centenas e centenas de lojas a vender de tudo que possas imaginar de produtos de todas as partes do mundo, são perfumes, whiskies, eletrônicos, utensílios domésticos, um verdadeiro paraíso das compras. Também percebi que os carros locais, inclusive os táxis, eram carros grandes e de luxo, como Lincoln, Oldsmobile e outros carros que não vemos por aqui. Isso tudo porque San Andrés é uma zona franca, ou seja, não tem impostos de importação, tudo free de impostos. Não é uma beleza? Nesse caso fomos obrigados a comprar algumas traquitanas, coisas que não precisávamos, mas barato, anima! No dia seguinte a nossa chegada, estávamos nós na hora marcada para nossa volta pela Ilha. Essa volta foi feita via terrestre. Há uma via asfaltada e bem conservada que circunda toda a Ilha, e o veículo era uma Chiva (algo semelhante a uma jardineira, um chassi de caminhão com a cabine dos passageiros feito de madeira e as laterais abertas - veja figura).

Elias aguarda para volta à ilha Nessa Chiva, segue um guia que vai relatando tudo a respeito da Ilha, seu clima, formação geológica, particularidades do povo nativo, sobre ecologia, História, em suma ao final do passeio éramos verdadeiros catedráticos em San Andrés. Fiquei muito atento porque percebi que nosso guia, que se chamava Rigoberto, além de profundo conhecedor de tudo a respeito da Ilha, amava e era um entusiasta da cultura de seu povo. Fomos o tempo todo beirando a orla apreciando aquele belíssimo mar em um encantador dia de verão, afinal estávamos no Caribe. Rigoberto então desatou a falar: Clima O arquipélago se encontra na zona intertropical. A temperatura média é de 27,4° C, com valores máximos e mínimos extremos de 33° C e 17° C. As épocas secas vão de Fevereiro a Abril e de Julho a Setembro. Predominam os ventos do leste e o estado do tempo os determina, especialmente os ventos alísios. Localização O arquipélago faz parte da região do Caribe, está situado ao noroeste da Colômbia, a 800 Km de Cartagena e a 290 Km da Nicarágua entre os paralelos 12 e 16 Latitude Norte e os meridianos 78° e 82° longitude Oeste de Greenwich.

43 Yellow Magazine | Abril/2011


Turismo

San Andrés, a ilha maior O arquipélago é constituído de várias ilhas, sendo a maior delas e a sede San Andrés, na sequência Providência, Santa Catalina e outras menos importantes como Cayo Cangrejo e Johnny Cay. Corsários, piratas e aventureiros, ingleses e holandeses, donos de escravos, chegaram primeiro a essas ilhas do Caribe, um paraíso marinho de cores. Suas lendas estão repletas de piratas e corsários, que são transmitidas de pais para filhos e é parte integrante da cultura desse povo. Os habitantes da ilha são em sua maioria negros descendentes de escravos africanos. São trilíngues, falam fluentemente o inglês que é ensinado na escola junto com o espanhol, obrigado por força de lei a fazer parte do currículo escolar desde 1953, se comunicam entre eles em um dialeto denominado creole. Os nativos são um povo alegre, cantam e dançam ao som do reggae, soca e calypso. São profundamente orgulhosos de sua cultura e da natureza exuberante que os cerca.

aeroporto internacional do qual pousam e decolam inúmeros vôos diariamente. Um porto marítimo de pequeno porte, mas que atende a grande demanda da cidade, uma vez que tudo que é consumido na ilha vem de fora, nada é produzido localmente, até a água para consumo humano vem de fora, não há água na ilha, não existem rios. A água para uso doméstico é água do mar dessalinizada. Vida Noturna A cidade possui muitas opções de lazer noturno, a música caribenha, salsa, merengue, calypso, reggae, zouk, reguetón pode ser desfrutada em muitas casas noturnas da ilha, alguns hotéis tem discotecas, bares e espetáculos ao vivo, inclusive com aulas de dança.

Infraestrutura A ilha de San Andrés em seu último senso acusa uma população de cerca de 70 mil pessoas, a população é estável uma vez que ninguém é autorizado a migrar para a ilha e o controle é rigoroso. A cidade tem uma belíssima infraestrutura hoteleira com hotéis de alto luxo, all inclusive, hotéis medianos, pousadas, apart-hotéis, pensões. A rede Internacional Decameron de hotéis domina o segmento hoteleiro de padrão superior, possuindo seis unidades na ilha, sendo o mais luxuoso o Decameron Aquarium. Estima-se que a ilha disponha de aproximadamente sete mil leitos para os turistas que a visitam, oriundos da Colômbia e de todas as partes do mundo. A ilha conta com um Elias no Decameron Aquarium

44 Yellow Magazine | Abril/2011


Turismo Mergulho San Andrés é a Meca dos mergulhadores, em apneia ou com aparelhos de ar comprimido, o mergulhador tem dezenas de pontos excelentes para um bom mergulho. As barreiras de corais que circundam a ilha se constituem em um paraíso ecológico protegido, com uma grande diversidade de vida marinha e de rara beleza. Existem diversas empresas que atendem aos turistas com interesse em passeios para mergulho. Os preços são bastante acessíveis e nada absurdos, quando comparados com os preços pagos em qualquer parte do litoral brasileiro. Várias outras atividades aquáticas são praticadas como vela, esqui, Jet-ski parapente, entre outras. Todo tipo de materiais para essas atividades é encontrado facilmente para locação em muitos pontos da ilha. Mergulhador nos corais

Em 2001, o arquipélago de San Andrés, Providência e Santa Catalina foi declarado pela UNESCO como reserva de Biosfera de Flora Marinha, pois tem em seu entorno, os três ecossistemas marinhos mas importantes dos trópicos: arrecifes coralinos que alcançam até 103 metros de altura, manguezais e pastos marinhos. A área da reserva representa 78% da área coralina da Colômbia, com mais de 85 espécies de corais e 100 espécies de esponjas. Possui também 270 espécies de peixes, quatro de tartarugas marinhas e mais de 180 espécies de aves.

Igreja Batista PONTOS TURÍSTICOS NA VOLTA AO REDOR DA ILHA La Loma – Com 120 m de altitude, este bairro localiza-se no ponto mais alto da ilha e abriga a primeira Igreja batista da região. Por lá passa a avenida central, que atravessa a ilha, onde é possível observar arquitetura típica anglo-afro-caribenha. Nesse local, podemos ter uma vista completa da maior parte de San Andrés. Para quem quer desfrutar da natureza, cavalgadas, trilhas e passeios podem ser feitos neste local como a visita à Laguna Big Pond, refúgio de várias espécies marinhas e de pássaros. Igreja Batista – Fundada em 1844, a primeira igreja construída na ilha fica ao lado de uma escola e oferece missa às quintas e domingos, em La Loma. Para conhecê-la por dentro, há um tour monitorado por estudantes, para o qual é necessário pagar uma pequena taxa. Segundo os monitores a igreja, que é inteiramente construída em madeira, veio desmontada do Alabama (EUA). Museu do Coco – Neste museu, que fica próximo à Cueva de Morgan, há representação de bailes típicos da ilha, como jumping polka, pasillo, cuadril, calypso, mento, mazurca, shotys, clat pole, e as valsas flow vals, one step, two steps, fox trap e cut out.

45 Yellow Magazine | Abril/2011


Turismo Cueva de Morgan – Há uma lenda recontada pelos nativos que diz que o local era onde o Pirata Morgan guardava seu tesouro. Um nadador ousado pode tentar entrar no espaço de difícil acesso e comprovar a história. Museu Pirata – Exposição de vestimentas e utensílios que fazem referência às histórias da época dos piratas. Hoyo soprador - Semelhante a um gêiser próximo ao mar se constitui um orgulho para os nativos. Trata-se de um fenômeno natural produzido por uma série de tuneis subterrâneos que começam nos arrecifes coralinos e terminam próximo à costa a vários metros de distância da água. Quando a maré sobe e uma onda consegue entrar com força dentro dos tuneis, projeta ar comprimido por “los dutos” e outras vezes jorros de água que podem se projetar a até dez metros de altura.

Elias na Cueva de Morgam

PRAIAS San Luis – A praia mais turística da ilha fica num setor nativo com casas de madeira e arquitetura típica caribenha, nas quais destacam-se as cores e a temática do reggae. Possui um dos seis hotéis da rede Decameron. No local, há um bar de praia frequentado por moradores e turistas durante o dia e à noite.

Rocky Cay – As pessoas caminham desta praia até o barco naufragado, que fica próximo da costa. Com uma fina e branca faixa de areia, esta praia tem acesso restrito e, para entrar é preciso pagar uma taxa. Por isso, os hóspedes do hotel que fica em frente à praia são os principais frequentadores.

Ilhota de Rocky cay Path Way – Localizada perto da zona comercial e hoteleira, em frente à Peatonal, calçadão que abriga as lojas mais luxuosas, tem águas cristalinas que vão do azul mais claro até o mais escuro. É onde reúnem-se as isleñas -como são chamadas as moradoras da ilha-que fazem trancinhas nos visitantes. De lá, pode-se avistar o Parque Regional Johnny Cay. Spratt Bight – No extremo norte, é a praia principal da ilha e tem 450 metros de extensão. Próxima à Peatonal, atrai visitantes por suas águas cristalinas e multicoloridas e pela faixa de areia branquinha.

Path Way

San Andres é um lugar belíssimo e a rota caribenha de menor custo. Os colombianos, sejam os nativos de San Andrés ou os antioquenhos de Medellin, nos recebem muito bem, adoram o povo brasileiro e nos admiram por nossa alegria, por nosso futebol e pela pujança de nossa pátria, um povo verdadeiramente irmão pelo qual somos profundamente gratos.

46 Yellow Magazine | Abril/2011


Entrevista

Thiago Fragoso O GRANDE MOMENTO DE

Foto: TV Globo/João Miguel Júnior

E

ncerrando a novela Araguaia este mês, o ator Thiago Fragoso foi um dos destaques da trama de Walther Negrão, ao lado de Júlia Lemmertz, por quem o personagem chegou a arriscar a vida. Na vida real, Thiago aproveita o bom momento profissional e pessoal, já que este ano ele também se tornou papai. Benjamin nasceu em fevereiro e é fruto do casamento de Thiago com a atriz Mariana Vaz. E sem tempo para férias, o ator já entra de cabeça no remake de “O Astro”, uma macrossérie de 1977. Sua formação passou por duas companhias teatrais no Rio, onde trabalhou com clássicos do teatro brasileiro e mundial. Também participou de inúmeros workshops e cursos de formação de voz, corpo, interpretação, dança e canto, com diversos profissionais como Amir Haddad, Luis Melo, Leila Mendes, Marilena Bibas, Juliana Carneiro da Cunha, Michel Bercovitch e Felipe Abreu, em instituições diversas como Uni-Rio, Casa das Artes de Laranjeiras, Studio Escola de Atores, dentre outras. Em 2001, Thiago estreou no cinema, com o filme “A Partilha”, baseado na obra de Miguel Falabella e dirigido por Daniel Filho. Um de seus trabalhos mais significativos foi na novela “O Profeta”, na Globo, remake de telenovela homônima, onde interpretou um jovem com poderes premonitórios, muito ambicioso. Esse personagem foi criado por Ivani Ribeiro. No mesmo ano fez a dublagem da versão em português do personagem Linguini, do filme de animação da Disney e Pixar, Ratatouille. Também gravou uma música e clipe para a versão brasileira do CD/ DVD da trilha sonora do filme High School Musical 2, ao lado de Itauana Ciribelli, que se chama “Você é a Música em Mim” (versão de “You Are the Music In Me”). A versão fez tanto sucesso que acabou sendo retransmitida nos canais Disney de todo o mundo. Na novela Araguaia, que termina este mês, na Globo, Thiago viveu o personagem Vitor Vilar, que enfrentou o vilão gaúcho Max Martinez para ficar ao lado de sua amada, Maria Amélia. E ainda este ano, poderá ser visto ao lado de Patrícia França em “Blood Brothers”, musical inglês de grande sucesso, adaptado e dirigido por Flávio Marinho.


Por Fabiana S. Reis

CONHEÇA OS PERSONAGENS MAIS MARCANTES DA CARREIRA DE THIAGO FRAGOSO

N

ando Escobar

Na novela o Clone, de 2002, que no ano passado foi eleita “a melhor da década”, está sendo reprisada pela TV Globo, o personagem de Thiago, Nando Escobar, ao lado da personagem Mel, vivida por Débora Falabella, e do personagem Lobato, de Osmar Prado levantaram a questão do uso de drogas, sendo um dos papéis mais densos da carreira do ator. Exibida no horário nobre, a trama teve grande repercussão, dando início ao movimento antigrogas “Se eu posso, você também pode”.

C

apitão Estevão

M

Em 2003, Thiago viveu o apaixonado Capitão Estevão, em par romântico com a atriz Mariana Ximenez, que interpretou Rosário, na série “A casa das 7 Mulheres”. Livremente adaptada da obra homônima da escritora gaúcha Leticia Wierzchowski, o enredo de A Casa das 7 Mulheres narra a trajetória de personagens reais e fictícios durante a Revolução Farroupilha – movimento separatista anti-imperial, ocorrido na então província do Rio Grande (1835-1845). Na trama, Estevão é capitão do exército imperialista, inimigo da família de Rosário, que é republicana. Envoltos no conflito, eles se apaixonam, mas não têm tempo de viver o amor, já que o capitão morre em batalha, deixando Rosário à beira da loucura. Os cachinhos dourados do capitão Estevão e sua devoção pela amada renderam a Thiago Fragoso um de seus papéis mais populares entre o público.

arcos de Oliveira

O Profeta foi uma telenovela brasileira produzida e exibida pela Rede Globo entre outubro de 2006 e maio de 2007, tendo totalizado 178 capítulos. Esta foi uma nova versão da telenovela homônima exibida entre 1977 e 1978, na TV Tupi, de autoria de Ivani Ribeiro. Na trama, Thiago vive um rapaz bonito e carismático, que cresceu com a faculdade da clarividência. Ainda pequeno, conseguiu prever a morte do irmão Lucas, sem conseguir impedi-la. Depois disso, foi morar na cidade de São Paulo, no ano de 1954, com sua irmã Ester e sua sobrinha Baby. Apaixonou-se por Sônia, uma moça linda, noiva de seu primo Camilo, que trabalhava na fábrica de cristais Áurea, de propriedade do milionário Clóvis Moura. No final, Marcos, que passou a usar seu dom de forma correta, consegue se unir definitivamente a Sônia se casando com ela numa cerimônia espírita. E o filho deles, chamado Daniel, nasce com o dom da cura, descobrindo no último capítulo da novela, após uma passagem de 25 anos, a cura do Câncer.

V

itor vilar

Foto: TV Globo/João Miguel Júnior

Em seu mais recente papel televisivo, Thiago vive Vitor Vilar que no início é o noivo da mocinha Manoela (Milena Toscano) e passa a disputar a amada com Solano (Murilo Rosa). Mas a vida amorosa do personagem fica ainda mais movimentada, já que ele se envolve com a própria sogra, Amélia, vivida pela atriz Júlia Lemmertz. Dono de um frigorífico, Vitor é ambicioso e capaz de tudo para conseguir o que quer. Mas ao longo da trama, ele deixa de flertar com a vilania para se tornar um homem apaixonado e obstinado a apenas uma coisa: poder viver em paz com Amélia. 49 Yellow Magazine | Abril/2011


Entrevista COM A PALAVRA, THIAGO FRAGOSO Ocupadíssimo na reta final de Araguaia, Thiago concedeu uma breve entrevista exclusiva à Yellow Magazine, falando sobre seu momento profissional e pessoal e sobre os desdobramentos de sua importante carreira artística. Confira! Yellow Magazine – Thiago, você começou a vida profissional muito cedo, no teatro. Foi incentivado por alguém ou ser ator foi uma escolha pessoal? Thiago – Aconteceu de forma natural, entrei num curso de teatro ainda criança e quando vi, já estava encarando aquilo com profissionalismo. Tive a sorte de contar com o apoio da minha família. YM – Você estudou em várias escolas, inclusive nos Estados Unidos. Como a preparação profissional auxilia o talento nato para atuar? Thiago – Precisamos estar preparados para tudo e quanto mais conhecimento, maior a facilidade de entender as diversas realidades que o ator é imposto em seus personagens. YM – Um dos seus papéis mais marcantes foi na série A casa das 7 Mulheres, pela repercussão e pela densidade do drama. Como esse papel em especial marcou a sua carreira? Thiago – Foi uma delícia viver o Capitão Estevão e sua linda história de amor. Gosto muito desse trabalho, também adoro “O Profeta”, que foi bem marcante pra mim. Atualmente estou plenamente feliz com o meu personagem Vitor Vilar em Araguaia. YM – Atualmente, na novela Araguaia, o seu personagem vive um amor proibido e faz de tudo pela mulher amada. O Vitor tem alguma característica sua? Thiago – Alguma coisa ela deve ter, mas não costumo fazer esse tipo de comparação. Gosto de estar em cena e esquecer do Thiago Fragoso, para poder me entregar melhor ao personagem. YM – Você também é papai de primeira viagem. Como está sendo esta experiência em sua família? Thiago – Uma experiência singular. Sempre quis ser pai e estou realizado nesse aspecto. Eu e a Mariana estamos muito felizes.

YM – Como é a sua relação com as redes sociais? Você acredita que as novas tecnologias de comunicação instantânea são boas ou ruins para a vida de pessoas públicas, como os artistas? Thiago – Tenho Facebook e tenho Twitter (@fragosothiago). Tento aproveitar as coisas boas que essas novas tecnologias nos proporcionam. O fato de eu poder estar em contato com amigos do passado e fãs carinhosos é o lado positivo. Negativo, prefiro não comentar... YM – Se você não fosse ator, que outra profissão teria escolhido? Thiago – Acho que seria ator mesmo!

Foto: TV Globo/João Miguel Júnior

YM – Como estão seus planos para depois de Araguaia? Alguma coisa em vista? Thiago – Não vou ter descanso! Fui convidado para atuar no remake de “O Astro”. Estou muito feliz, o personagem é excelente (Marcio Hayla).


Saúde Dr. Edmond Saab Jr. Médico do Hospital do Coração, especialista em Clínica Médica e Cardiologia pela Sociedade Brasileira de Cardiologia, em Nutrologia pela Associação Brasileira de Nutrologia, em Medicina Ortomolecular e Hiperbárica, idealizador e diretor do CIMP de São Paulo e Vinhedo, autor do livro “Manual do Proprietário” e apresentador do programa homônimo, na Rádio Mundial

Mais do que repor hormônios é necessário uma modulação hormonal

F

ala-se muito a respeito da reposição hormonal, em especial após menopausa. Porém, é preciso questionar as causas desta necessidade, que pode ser tratada pela medicina preventiva para que haja um equilíbrio do organismo muito antes do período de climatério. Ao examinar o paciente de forma generalista, ou seja, em sua totalidade, se torna possível realizar o que chamo de Modulação Hormonal. Modulando a partir dos 30 anos, de preferência, não apenas os hormônios sexuais, mas também os tireoidianos, paratireoidianos, o do crescimento, cortisol e melatonina. Todos eles têm sua importância na nossa máquina humana e é necessário um balanceamento de cada um deles. Exames clínicos simples dão indícios dos níveis de hormônios em homens e mulheres e permitem que se administre corretamente as substâncias para modular o sistema hormonal, garantindo o bem-estar e a vida saudável. Atualmente, e neste início de século XXI não é diferente, os nossos hormônios perdem em produção cada vez mais cedo e até deixam de funcionar. Não existe um milhão de causas para um milhão de doenças. São apenas meia dúzia de causas para um milhão de doenças. E essas causas passam também pelo nosso sistema endócrino. As descompensações hormonais surgem pelos hábitos do cotidiano como a alimentação pobre em nutrientes, que colaboram por sua vez, com a diminuição da nossa capacidade de digestão e absorção das substâncias adequadas para a boa saúde, pelo estresse e pela intoxicação, inclusive de medicamentos e metais

pesados. São tantas as substâncias intrusas no organismo que não há espaço para que a natureza faça sua parte. Existe o declínio dos hormônios, porém, antes que isso ocorra é possível realizar a suplementação hormonal, impedindo os sintomas característicos da queda dos estrogênios, progesterona e testosterona. Sem contar que com o auxílio da Medicina Preventiva, unindo nutrologia, ortomolecular e bioquímica médica, será possível evitar os sintomas característicos, sendo os mais comentados as ondas de calor, sudorese, ganho de peso e desinteresse sexual. E aqui, não falamos apenas de modulação hormonal em mulheres, mas também em homens, que passam por um declínio desta natureza de forma semelhante após os 50 anos de idade, com o decréscimo do hormônio testosterona, relacionado não apenas às funções sexuais, mas a inúmeros outros sistemas. Quanto mais cedo se modular hormonalmente, homens e mulheres só têm a ganhar e ao alcançarem à chamada terceira idade estarão livres de fatores que assustam a maioria das pessoas. O acompanhamento médico e as taxas dos inúmeros hormônios que mantém nosso sistema em equilíbrio permitem que se tenha níveis satisfatórios de oxigenação, massa muscular, força física, capacidade de trabalhar e pensar, ainda mantém o sistema imunológico altamente capaz, diminui a resistência à insulina e até melhora nosso humor. O mais importante é entender que este nosso movimento, o projeto Manual do Proprietário pede que não se deixe a modulação hormonal para a última hora. É parte da prevenção da sua saúde e da sua qualidade de vida.

52 Yellow Magazine | Abril/2011


Seu Sorriso

H谩 uma maneira de acelerar o tratamento ortod么ntico?


Dr. Gerson Köhler Especialista em Ortodontia e Ortopedia Facial

O

organismo tem seu tempo para fazer a readaptação estrutural, que varia no intervalo de 21 a 30 dias, em geral, o tempo de intervalo entre as consultas com o ortodontista. O segredo do tratamento ortodôntico é a movimentação dentária, possível graças à possibilidade de remodelação dos ossos em que os dentes estão presos. A resposta biológica não pode ser acelerada, ela precisa de um espaço de tempo razoável para que os tecidos ósseos se remodelem adequadamente, sem prejuízos à saúde bucal dos pacientes. O aparelho aplica pressões específicas em cada dente para posicioná-lo da maneira correta, corrigindo a oclusão. Esse procedimento estimula uma reabsorção óssea controlada onde o dente pressiona e uma nova formação na parte que fica mais “folgada”. Ou seja, apesar de duro, o tecido ósseo tem plasticidade durante toda a vida, é maleável e permite que o tratamento ortodôntico seja realizado graças à sua capacidade de remodelagem, para conter os dentes em suas novas e corretas posições. Então, vem a pergunta: “mas se aumentar a força, o dente não se move mais rápido”? Não é bem assim. Como já mencionado antes, o organismo tem seu tempo devido para fazer essa readaptação estrutural, que varia no intervalo de 21 a 30 dias, em geral, o tempo de intervalo entre as consultas com o ortodontista. Aplicar uma pressão desproporcional, além do desconforto e da sensibilidade extremos, pode levar à absorção das raízes dos dentes, com possibilidade de lesão e até - em casos mais extremos - de eventual possibilidade de perda destes. Além disso, existem certos pacientes que podem apresentar uma predisposição inata para que isso possa vir a ocorrer, o que exige cuidados e cautelas especiais, com rigorosos controles radiográficos periódicos. Ainda é preciso estar atento para a presença de outras condicionantes no momento da diagnose e da planificação do tratamento para o paciente. Deve-se observar a morfologia dos dentes, das raízes, da região em que estão alocados, da densidade óssea local, a saúde geral e a idade da pessoa, para saber quais pressões dos aparelhos podem ser empregadas com segurança e conforto para o paciente. Por isso, a frequência de visitas ao ortodontista deve ser respeitada criteriosamente. O intervalo médio de um mês não é estabelecido por acaso, ele acompanha o ritmo da evolução da terapia, que dura cerca de 30 a 36 meses na maioria das vezes, dependendo sempre da complexidade de cada caso clínico. O tratamento deve ser feito com calma, sem pressa, para que o resultado buscado atenda tanto às expectativas - funcionais e estéticas – tanto do especialista em Ortodontia quanto àquelas do paciente.


Estética Dra. Gisele Cristine Barbosa Formada pela faculdade de Medicina da USP, pósgraduada e especialista em Medicina Estética

Nutracêuticos para comer e beber

F

ebre mundo afora, esses suplementos são vendidos na forma de bebidas, iogurtes, pães e doces. Logo a maioria dessas novidades chega aqui. Na Europa, no Japão e nos Estados Unidos, o mercado de nutricosméticos alcançou proporções que vão além das pílulas. A Danone lançou na França e na Espanha, o Essensis, um iogurte com polifenóis de chá verde e vitamina E. Sua concorrente, a Parmalat lançou na Itália o iogurte Jeunesse, com vitamina E e coenzima Q10, para combater o envelhecimento das células. No Japão, a Shiseido oferece a linha Beauty Foods, composta por 18 itens. Entre esses itens há uma bebida denominada Collagen EX, formulada com colágeno marinho, ceramidas, ginseng e vitaminas B2, B6 e C, com a promessa de estimular o organismo a produzir mais colágeno e alcançar uma pele mais jovem e firme. Nos Estados Unidos, a Coca-Cola fez uma parceria com a L’Oréal para criar o Lumae (um “beauty drink”) chá pronto para beber com ingredientes que auxiliam no cuidado da pele. Além disso, a empresa também lançou o Enviga, um refrigerante à base de chá verde, que promete queimar entre 20 e 30 calorias por porção. Há versões purificantes, reafirmantes e revitalizantes. A água Antioxidant Water Booster, da linha Dr. Brandt Skincare, promete recuperar os danos causados à pele pelos radicais livres, pois contém extratos de semente de uva, chá verde e chá branco. No Japão, a Pokka lançou a água enriquecida com colágeno, com a promessa de estimular o organismo a alcançar uma pele mais firme. “Tratamento bebível para a pele” nos EUA é a água antiacne. Fabricada pela Borba Skin e composta por um complexo de vitaminas e antioxidantes, alguns retirados do mamão papaia, promete remover toxinas que causam a acne e clarear a pele. Há também água para atenuar rugas. Até mesmo doces com finalidade cosmética antioxidante, para deixar a pele mais bonita são oferecidos no mercado internacional, como os doces e Chocolates da Beleza. Health by Chocolate Diet, da Ecco Bella, formulado com cacau orgânico e extratos de tomate, cenoura, algas e mirtilo, que promete pele macia e mais protegida contra o sol. Frutels, chocolate antiacne com vitaminas e minerais. Era tudo que todo mundo queria: comer chocolate para evitar a acne! Há também as balas Skin Balance Gummi Bear Boosters Borba, com extratos de açaí e chá verde. No Brasil, uma das pioneiras é a Seven Boys, que está lançando um novo pão, chamado Benefice Colágeno e Antioxidantes, com adição de colágeno hidrolisado e vitaminas A, C e E à receita do pão integral. Vamos aguardar os próximos lançamentos no Brasil! 56 Yellow Magazine | Abril/2011


Moda Patricia Granha Bourgeaiseau Formada em Moda pela Faculdade Santa Marcelina e neta de alfaiate, trabalhou na Equilíbrio, com Márcia Gimenez e hoje é proprietária da Jardim Secreto, loja-ateliê especializada em vestidos de festa, cocktail dresses e alta-costura para noivas

Tendências outono /inverno 2011

L

ogo que entrei na faculdade de moda, há 15 anos atrás, lembro-me que o que mais perguntavam era “qual vai ser a cor dessa estação?” e “o que vai ser usado nesse inverno?”. Pois bem, tirem isso da cabeça! Pensem em novas direções, em novos rumos, em novas formas de vestir o que já existe. Cada vez menos, a palavra “tendência” fará parte do nosso vocabulário. Hoje em dia são tantas opções e ofertas, que o que importa mesmo é ter o seu próprio estilo. Criar novas formas de vestir, para ver surgir um novo caminho. Mas, espera aí! Então, é isso? Simples assim?! Nem tanto. Esses novos rumos da moda surgem para que a gente pare e analise com cuidado o que vale à pena usar e o que realmente fica bem em cada uma de nós. Na verdade, agora que despontam nas araras as coleções de inverno, você irá reparar que não mudou muita coisa em relação ao último verão. E seria até estranho se fosse tudo diferente, não é? As saias estão mais compridas e ganham espaço de vez no nosso armário para serem usadas tanto de dia quanto à noite. As calças continuam skinny, além do couro que entra para arrasar. E o que tem de mais novo são as misturas dos tecidos: tecidos leves com tecidos pesados e saias de renda com blusas de couro. Estas composições vão vir com tudo. Para as estampas, aposte em florais ou ainda em estampas de animal - que agora ganham espaço definitivo na indústria da moda. Para quem tem receio em usar estampas de bicho, vale tentar os acessórios. Se você faz o estilo clássico, mas quer um toque de ousadia, imagine-se calçando uma bela sapatilha de onça. Ela pode resolver a questão, com charme e glamour. Teremos também neste inverno um verdadeiro festival de renda, com saias, blusas e vestidos bem femininos, para o dia e para a noite. O brilho do paetê e pedrarias pesadas ganham espaço junto com tecidos transparentes, para serem usados à noite. Já o branco, bege e o cinza, misturados com tonalidades fortes, como o laranja, será uma ótima combinação. Agora, é só olhar no armário, separar as peças que você irá combinar e esperar pelo inverno!

57 Yellow Magazine | Abril/2011


Noivas Marcia Possik Consultora de casamentos e eventos, diretora da Marriages Assessoria e criadora do Clube das Noivas

casamento não sai de moda

M

uito se engana quem pensa que casamento está fora de moda. Continua alto o número de mulheres que sonham em se casar com tudo o que têm direito. Ainda que não seja um casamento oficial, todo mundo comemora, de um jeito ou de outro, sua união com a pessoa amada. O vestido branco, o noivo no altar, a marcha nupcial, a igreja cheia, os padrinhos, as daminhas e pajens, o buquê, a hora do “sim”, o bolo, a valsa e uma linda festa são os principais ingredientes para aquelas noivas que desejam uma cerimônia tradicional como as de antigamente. Quem já casou garante que não há emoção igual. Há também as noivas que preferem optar por uma celebração diferente. Casamentos em espaços para eventos, no campo, na praia ou em luxuosas casas são cada vez mais comuns. Sonho é sonho e, num dia tão especial como este tudo deve ser de acordo com o gosto dos noivos, certo? Seja lá qual for o estilo de casamento, organizar todos os detalhes de uma cerimônia é uma tarefa árdua. Na maioria das vezes, os casais não sabem nem por onde começar os preparativos. Nessa situação, uma ajuda profissional é sempre bem-vinda. Os assessores de casamento estão aí pra isso. São profissionais cada vez mais presentes na organização destes eventos. Como especialistas, podem auxiliar os noivos em todas as etapas, da escolha da data à correspondência de agradecimento dos presentes. Este é um trabalho importante, já que a maioria dos casais atualmente trabalha fora e não tem muito tempo para se dedicar a estes detalhes. Além de garantir tranquilidade, contratar um assessor de eventos é um modo prático de economizar. Ao longo dos anos, estes consultores ganharam experiência e podem dar dicas criativas para fazer uma linda cerimônia gastando o menos possível. A ajuda mais valiosa que estes profissionais podem oferecer são soluções concretas com a melhor relação custo/benefício, além de conseguir resultados mais vantajosos nas negociações por preços justos, descontos, prazos e formas de pagamentos. Antes de contratar um assessor de casamento certifique-se de sua seriedade e profissionalismo. É muito comum neste nicho de mercado fornecedores oferecerem comissão para que os consultores de eventos os indiquem para seus clientes. As boas assessorias de casamento não costumam aceitar este

tipo de proposta, pois o seu principal compromisso é com o cliente e cabe ao assessor zelar pela qualidade dos produtos e serviços oferecidos pelos fornecedores. Caso algum provedor idôneo insista em ofertar tal comissão, o consultor sério deve repassar este valor como desconto para seu cliente. O dia do casamento é único e especial. Por isso, deve ser planejado com antecedência para que todos os detalhes estejam perfeitos e nada estrague um momento tão emocionante. Se não houver planejamento adequado, os noivos podem passar por situações difíceis como faltar flores para a decoração da igreja, os convidados não terem onde estacionar o carro ou ninguém dançar na festa, pois a banda ou DJ contratado não conseguem animar as pessoas. Por exemplo: você sabia que se no seu casamento for servido champanhe aos convidados é preciso calcular uma garrafa por pessoa? Ou ainda: que uma garrafa de vinho branco serve três pessoas, mas que ao calcular o consumo do vinho tinto a proporção é de uma garrafa para quatro pessoas? Pois é, quem trabalha com festas sabe que o champanhe esquenta rápido e que os convidados normalmente deixam o copo cheio, daí a necessidade de se comprar mais champanhes. Já com o vinho tinto o comportamento é diferente e a garrafa “rende” mais. Como você pode ver, essas e outras dicas podem salvar o dia do seu casamento. Pense nisso.


59 Yellow Magazine | Abril/2011


Mulher Fabiana S. Reis Jornalista e pós-graduada em Metodologia do Ensino Superior

Uma nova revolução feminina

A

tenção mulheres! Está na hora de descer do salto. Não, não estou falando sobre problemas ortopédicos ocasionados pelo uso exagerado de salto alto. Estou mesmo usando o sentido figurado e fazendo uma convocação extraordinária. Um estudo realizado pela Fundação Seade e pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) na região metropolitana de São Paulo apontou que embora a participação das mulheres no mercado de trabalho tenha crescido na última década, com grau de instrução superior ao dos homens, os salários delas continuam sendo menores. Segundo a pesquisa, as mulheres ganham 75,7% do valor pago aos homens para o desempenho das mesmas funções. Ou seja, é para ficar bege, rosa chiclete e roxa de raiva, sim. Na prática, isto significa que mesmo saindo de madrugada e voltando à noite para casa, a fim de não perder seu espaço no mercado de trabalho, você continua recebendo menos do que os homens que fazem o mesmo percurso, porém, em sua maioria, sem precisar iniciar uma nova jornada ao chegarem em casa. Sei que já falamos disto aqui. Mas uma coisa é ver que isso acontece com você, sua vizinha, sua prima e uma amiga da sua diarista. Outra coisa é um estudo apontar os vergonhosos números de um estudo feito na quinta maior cidade do mundo, onde se vê mulheres trabalhando em absolutamente todos os setores da geração de renda do País.

A esta altura, a pergunta que não quer calar é: por quê? Por que estamos sofrendo essa injustiça, se a ciência tem comprovado que nossa presença na cadeia produtiva é tão boa quanto, ou melhor que a dos homens? E isto não é mera suposição, como estão pensando aqueles que quase posso ver torcendo o nariz. No primeiro semestre do ano passado, a Universidade de Duke, nos Estados Unidos, divulgou o resultado de uma pesquisa realizada com grupos de estudantes em que as mulheres se destacaram como melhores líderes nas atividades propostas. Recentemente, pesquisadores do MIT (Massachussetts Institute of Technology) e da Carnegie Mellon University concluíram, através de um estudo, que os grupos com maior número de mulheres têm mais inteligência coletiva (termo usado pelas duas instituições para definir o desempenho coletivo na realização de uma tarefa). Para reforçar a tese, podemos utilizar também a opinião de Karen Pine, professora de Psicologia da Universidade de Hertfordshire, no Reino Unido, que lançou no final do ano passado, um livro chamado Sheconomics, que pode ser traduzido livremente como “ela e a economia”. De acordo com Pine, existem provas concretas da forte relação entre o sucesso financeiro das empresas e a presença de um número significativo de mulheres nos cargos mais altos. O estudo do Seade/Dieese concluiu também que nos cargos com nível superior 60 Yellow Magazine | Abril/2011

completo, a diferença de remuneração entre homens e mulheres é ainda maior: elas recebem 63,8% do valor pago a eles para as mesmas funções, menos que em 2000, quando esse percentual era de 65,2%. Isso mostra que precisamos, no mínimo, tomar uma providência urgente, antes de começarmos a pagar para engraxar as botas de nossos colegas de trabalho. Este tipo de estatística só me faz acreditar realmente na velha história de que “Amélia é que era mulher de verdade”. Porque se temos que sair de casa para nos desgastar em empregos que nos cobram mais do que a eles, a fim de provarmos que merecemos estar lá e não vamos ganhar um valor justo por isso, temos que considerar a possibilidade de simplesmente desistir. Temos, rapidamente, de repensar os motivos que nos levam a buscar satisfação profissional. Temos que levantar urgentemente uma bandeira em prol de uma nova igualdade, que contemple direitos reais e não apenas o livre acesso ao mercado de trabalho. Uma constatação destas me dá a impressão de que estamos sendo enganadas e continuamos acenando e sorrindo. Se a revolução para nos tornarmos iguais a eles nos trouxe tanto benefícios quanto prejuízos, possivelmente esteja na hora de uma nova revolução. Não uma revolução de armas e fogueiras, mas uma revolução de ideias, porque neste campo, o percentual é definitivamente favorável a nós.


MODA

OUTONO INVERNO

Legging Carla Carlin – Alesca Multimarcas 3 x R$ 53,30 – no cartão Casaco Verde Exército Carla Carlin – Alesca Multimarcas 3 x R$ 185,63 – no cartão Bolsa de Couro Ultilitar Cantão – Alesca Multimarcas 3 x R$ 208,96 – no cartão Peep Toe Meia Pata Uva – Sutil Calçados 3 x R$ 89,66 – no cartão


Vestido Estampado Floral Cantão – Alesca Multimarcas 3 x R$ 103,63 – no cartão Jaqueta Safira Azul Equus – Alesca Multimarcas 3 x R$ 93,30 – no cartão Open Boot Salto Alto Azul Bic – Sutil Calçados 3 x R$ 99,66 – no cartão

64 Yellow Magazine | Abril/2011


Short Sarja Alfaiataria Cantão – Alesca Multimarcas 3 x R$ 78,30 – no cartão Regata Básica As Marias – Alesca Multimarcas 3 x R$ 11,96 – no cartão Casaco Manga Longa Eqqus – Alesca Multimarcas 3 x R$ 69,96 – no cartão Bolsa Francy Soulier – Alesca Multimarcas 3 x R$ 113,26 – no cartão Summer Boot Caramelo c/ Tachinhas – Sutil Calçados 3 x R$ 83,00 – no cartão


Casaco Tricot Barra Cantão – Alesca Multimarcas 3 x R$ 104,30 – no cartão Vestido N/O SE Aplica Equus – Alesca Multimarcas 3 x R$ 73,30 – no cartão Peep Toe Meia Pata Roxo – Sutil Calçados 3 x R$ 83,00 – no cartão

66 Yellow Magazine | Abril/2011


Vestido Tricot de Gola Redly – Alesca Multimarcas 3 x R$ 109,63 – no cartão Camisa Azul Céu Carla Carlin – Alesca Multimarcas 3 x R$ 52,96 – no cartão Bolsa Chic Soulier – Alesca Multimarcas 3 x R$ 79,93 – no cartão Sapato Boneca Verde – Sutil Calçados 3 x R$ 76,33 – no cartão


ONDE ENCONTRAR Roupas Alesca Multimarcas Rua Francisco Marengo, 1.113 Tatuapé Tel.: (11) 2093-4039 e-mail: alescamultimarcas@hotmail.com Aceita todos os cartões em até 3 vezes sem juros Sapatos Sutil Calçados Rua Eleonora Cintra, 478 Jardim Anália Franco Tel. (11) 2671-2702 Aceita todos os cartões e cheques em até 3 vezes sem juros Modelo: Renata Bonjesus Fotos: Newton Medeiros Tratamento de Imagens: Mariana Terra Newton Medeiros Estúdio Fotográfico Rua Marajó, 113 – Guarulhos Tel. (11) 2440-4747 www.newtonmedeiros.com.br newton@newtonmedeiros.com.br Make hair/up: Daniela Santos Cel. (11) 9671-0662 daniela_santos2@zipmail.com.br Coordenação/produção moda: Verônica Garcia Tel. (11) 2659-6330 veronica@yellowmagazine.com.br

Vestido Estampado Cantão – Alesca Multimarcas 3 x R$ 91,63 – no cartão Casaco Donor Naguchi – Alesca Multimarcas 3 x R$ 71,96 – no cartão Ankle Boot Preto – Sutil Calçados 3 x R$ 89,66 – no cartão


Aconteceu

Carrão e Tatuapé têm nova escola de dança

F

oi inaugurado, no último dia 26 de março, o Studio Cinthia Santos – Núcleo de Danças. Os proprietários Rodrigo e Cinthia Santos receberam amigos, familiares, alunos e profissionais da escola para a inauguração. A festa contou também com a presença ilustre da dançarina Ályyta Suhair, professora de dança do ventre e responsável por inúmeros festivais conhecidos no meio artístico. Rodrigo e Cinthia destacam que o principal objetivo da escola é trazer para os bairros Carrão e Tatuapé uma escola específica de dança, o que, de acordo com eles é uma carência da região. A escola oferece dança do ventre, dança de salão, yoga, jazz dança cigana, ballet (adulto e infantil) street dance, baby ventre e tribal fusion. E para tanto, conta com 10 profissionais especializados. Cinthia é professora de dança do ventre há 12 anos. Segundo ela, durante este tempo conheceu e conviveu com muitas mulheres que foram ajudadas pela dança. “A dança é algo visível, mas também é muito íntima. Mexe com a autoestima, ajuda a combater a depressão. Porque quando você dança, convive com pessoas que têm as mesmas dificuldades e dúvidas e acaba crescendo junto”, afirma. A escola também desenvolve um projeto inovador de dança com crianças portadoras de Síndrome de Down, em parceria com a

Os proprietários Cinthia e Rodrigo Santos.

A professora de ballet, Rosáiris Corrá.

Os profissionais Gustavo, Luciana Vaiano, Daiane, Raphaella Sumaya, Keila, Rosáiris Corrá, Simone Mahasin com Cinthia e Rodrigo.

OSCIP (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público) Down Brasil, chamado Dança e Transformação. As crianças aprendem a modalidade dança do ventre, fazem apresentações e participam de concursos. Cinthia explica que a ideia de trabalhar com crianças especiais surgiu porque ela e Rodrigo têm um filho de 12 anos, o Myckaell, que é portador da Síndrome de Dawn e enfrentaram dificuldade para encontrar um curso de dança que o aceitasse. “A dança é muito boa para crianças especiais, porque trabalha a motricidade grossa e fina e no caso das meninas, também ajuda a desenvolver a delicadeza, por causa dos movimentos. O nosso trabalho é o da inclusão”, reforça. A escola também trabalha voluntariamente cedendo bolsas de estudos completas a estudantes de dança do ventre. As inscrições estão abertas e as candidatas passarão por uma avaliação, com critérios estabelecidos pelos proprietários, que dizem respeito principalmente à disponibilidade para acompanhar as aulas. Quando formadas, estas alunas poderão se tornar professoras de dança do ventre. O telefone para maiores informações é 4306-4366 e a escola fica na Rua Pirambóia, 363, Vila Carrão.

A professora de dança cigana, Luciana Vaiano

Cinthia com as alunas no projeto Dança e Transformação

69 Yellow Magazine | Abril/2011

Ályyta Suhair, professora de dança do ventre foi convidada especial.

Apresentação de ballet.

Simone Mahasin, Raphaella Sumaya, Daiane e Cinthia - Professoras de Dança do Ventre


Anote Viermon Chocolates Artesanais: uma doce história A história da Viermon Chocolates Artesanais começou no ano 2000, quando seus proprietários, Marcelo e Cristiani decidiram montar sua própria empresa. Marcelo já trabalhava com venda de chocolates e Cristiani ocupava um cargo de gerência. Então, eles juntaram suas posses e investiram na pequena fábrica, que iniciou em uma casa alugada na zona leste de São Paulo. A Viermon apareceu em uma hora oportuna, pois o mercado pedia uma empresa com bom gosto e credibilidade, cujo produto final remetesse o cliente ao mais prazeroso sabor já desfrutado: o do chocolate. Apesar das dificuldades iniciais, como a falta de matériaprima e maquinário necessários, a empresa cresceu e se solidificou, superando os obstáculos. Com o crescimento acelerado, a empresa precisou crescer também em espaço e número de vendedores, o que levou a uma segunda e uma terceira sedes. Hoje, porém, a empresa ocupa sede própria, ampla e moderna, para acomodar a demanda do segmento. A sede da fábrica é fruto de grande esforço e prova definitiva de que a empresa tem a credibilidade necessária para sobreviver ao competitivo mercado do chocolate. Ao contrário de muitas histórias, esta não termina aqui. A Viermon Chocolates Artesanais está longe de concluir sua jornada, pois nunca desanima e continua o trabalho, como sempre foi. Fábrica: Rua Alves de Almeida, 342, Vila Formosa. Loja: Rua Francisco Marengo, 704, Tatuapé. Fone: 2676-2208.

Donna Moda Feminina e as tendências da moda outono-inverno Nascida no bairro do Tatuapé, em São Paulo, a loja Donna Moda Feminina estourou no mercado com suas coleções inovadoras e preços incríveis, caindo rapidamente no gosto das mulheres da região. A Donna foi fundada pelos empresários Jane Medeiros e Thiago Beilstrein, em uma parceria que determinou o sucesso total da loja. No ano passado, o crescimento os levou a novos rumos e acabaram por inaugurar a Donna Moda Feminina Boutique, buscando ampliar o público alvo da loja. Com sofisticação e bom gosto, a Donna Moda Feminina Boutique atende a todos os gostos, inclusive os mais apurados. Em um local amplo e com decoração atrativa, a loja recebe seus antigos e novos clientes, para conferir as novidades que semanalmente chegam ao local. Uma vez por mês, a Donna Moda Feminina Boutique também faz uma apresentação especial, para lançamento de tendências. A sensação do momento na loja é a coleção outono-inverno, com tudo o que há de mais recente no mundo da moda, com preços, condições e qualidade para agradar tanto a fashionistas quanto àquelas mulheres que não querem pensar muito para se vestir. Vale à pena conferir! Rua Antônio de Barros, 215, Tatuapé. Fone: 2227-1449.

Pensando no que dar depresente para sua mãe? Não importa qual o estilo ou a idade da mamãe, a Alesca tem um presente ideal para ela. A Alesca Multimarcas é uma loja nova que fica na Francisco Marengo, muito próxima ao Hospital São Luiz. Como o próprio nome diz trata-se de uma loja multimarcas, que foram escolhidas com cuidado entre as melhores marcas de roupa feminina do mercado. O design da loja é moderno e de muito bom gosto e embora seja uma loja de rua, tem um aspecto de loja de Shopping. Conversamos com a Alessandra, uma das proprietárias da loja e ela nos confessou que embora não tenha experiência com design e decoração de ambientes, foi ela mesma a autora do projeto da loja. A Alessandra e a Cláudia iniciaram suas atividades no finalzinho do ano passado. A inauguração foi pouco antes do natal. Apesar do pouco tempo, estão otimistas quanto ao sucesso da loja, tendo em vista o crescente movimento nas vendas, desde a inauguração. A Alesca conta com parceria de grandes marcas como VIDE BULA, SANTO JEANS, EQUUS, REDLEY, entre outras. A maioria das marcas que comercializa é exclusiva para a região do Tatuapé. Vá conhecer a Alesca, temos certeza de que você vai se encantar, com as roupas e com o atendimento da Cláudia e da Alessandra e encontrar uma bela roupa, sapato ou bolsa para a mamãe e com certeza não resistirá à tentação de comprar algo para você. Rua Francisco Marengo, 1.113 – Tatuapé Fone: 2093-4039 70 Yellow Magazine | Abril/2011


71 Yellow Magazine | Marรงo/2011


Páscoa

A Páscoa está chegando: você sabe o que deve comemorar?

O

feriado de Páscoa está sempre entre os mais aguardados do ano, não só pelos chocolates extras que se pode comer sem culpa, ou pelos ninhos infantis escondidos pela casa, mas também pela oportunidade de reunir a família. Mas, você conhece a origem e o significado da Páscoa? A origem da celebração da Páscoa está na história judaica relatada na Bíblia, no livro chamado “Êxodo”. Êxodo significa “saída” e é exatamente a saída dos judeus do Egito que esse livro relata. Quando Ramsés II, rei do Egito, subiu ao trono, apavorou-se com o crescimento do povo de Israel, achando que esse crescimento colocava em risco o seu poder. Essa preocupação deu início a uma série de ordens e obras levaram os judeus a um período de grande sofrimento. Conta a Bíblia que Deus, vendo o que se passava com seu povo, escolheu Moisés para tirá-los dessa situação, dando a ele os poderes necessários para o cumprimento da missão. Na semana em que o povo de Israel iniciou sua jornada para sair do Egito, Deus ordenou que comessem só pão sem fermento e no último dia, quando finalmente estariam fora do Egito seria comemorada a primeira Páscoa, sendo esse procedimento celebrado de geração em geração. Essa celebração recebeu o nome de Pessach, que em hebraico significa passagem, nesse caso da escravidão à liberdade. Daí­surgiu a palavra Páscoa. Jesus Cristo deu novo significado à Páscoa. Ele trouxe a “boa-

nova”, esperança de uma vida melhor, trouxe a receita para que o povo se libertasse dos sofrimentos e das maldades praticadas. A morte de Jesus Cristo representa o fim dos tormentos. A sua ressurreição simboliza o início de uma vida nova, iluminada e regrada pelos preceitos de Deus. O domingo de Páscoa marca a passagem da morte para a vida, das trevas para a luz. Hoje, o domingo de Páscoa representa uma oportunidade de fazermos uma retrospectiva em nossas vidas, e estabelecermos um ponto de recomeço, de sermos melhores, de sairmos do “Egito”. Símbolos Pascais Ovos: Os ovos guardam em si a imagem de uma nova vida, por isso foram adotados como símbolo de renovação. Costumavam ser oferecidos em muitas civilizações como presentes. No Antigo Egito e na Pérsia, por exemplo, eram pintados em tons primaveris. Na China, antes mesmo do nascimento de Cristo já se presenteava com ovos de pata pintados em cores vivas. Na Europa católica do século XVIII, ovos coloridos passaram a ser benzidos pelos cristãos e oferecidos aos fiéis. Chocolate: O chocolate, que por muito tempo foi servido como bebida viu sua indústria se desenvolver bastante na Inglaterra do século XIX. Foi nessa época que apareceu o ovo de chocolate. A partir daí, rapidamente se espalhou pelos mercados europeus e depois pelo mundo. Coelho: O coelho de Páscoa é uma atualização do antigo símbolo pascoalino, a lebre (parente do coelho) considerada sagrada para a deusa Eostre. No século XVIII, colonizadores alemães levaram para os Estados Unidos a ideia dos coelhos de Páscoa. Uma duquesa alemã, ao dizer que os brilhantes ovos de Páscoa tinham sido deixados pelos coelhos para as crianças, deu origem ao costume de fazer com que as crianças os encontrassem no dia de Páscoa. Pomba: A Pomba ou “Colomba” pascal, pão doce e enfeitado com a forma de ave, também é um símbolo cristão. A forma de pomba era usada nos antigos sacrários, onde se guardava a Eucaristia. Atualmente, passou também a ser usada no pão doce que costuma ser compartilhado, na Europa, especialmente na Itália, no café da manhã de Páscoa e da “Pasquetta” ou “Pascoela”, como é chamada no Brasil a segunda-feira após a Páscoa.

72 Yellow Magazine | Abril/2011


Vida Pet

O Bebê Está Chegando

Como ensino meu cão a gostar dele?

C

om a chegada do recém-nascido é normal que a rotina da casa mude e toda a atenção seja dada ao pequenino. Nessa situação, o seu cãozinho, que até então era o rei da casa, começa a perder o trono. A falta de atenção e muitas vezes o começo de novas e regras e limites que acontecem exatamente com a vinda do recém-nascido, podem deixar o peludo inseguro, ansioso, enciumado e desencadear algum problema de comportamento. Saiba como evitar esse problema. Prepare seu cão com antecedência Evite mudanças bruscas e repentinas! Procure prever a como será a rotina para todos na família, incluindo seu cão, e adapteo. Alterações radicais costumam ser as mais estressantes. O cão é um animal social, que necessita do seu grupo para viver, e pode temer ser expulso por causa da chegada de um novo indivíduo. Por isso, o cachorro se mantém muito atento, observando como os outros agem e como fica a situação dele à medida que novos fatos acontecem. Para evitar traumas e ciúmes o ideal é reduzir gradualmente a atenção, o carinho e o até o espaço físico. Assim o cão não relaciona nenhuma mudança ao bebê e percebe que

continua a ser amado por quem sempre cuidou dele e, portanto, a sua posição de membro do grupo continua garantida. Menos atenção, limites e proibições o quanto antes Se seu cão não vai poder entrar no quarto do bebê, ou não vai deixar mais ele dormir na sua cama ou mesmo você prefere que ele não suba no sofá quando você estiver com a criança no colo é recomendável que esse ou qualquer novo limite para o peludo sejam colocados em prática semanas antes, para que seu bichinho não relacione a perda de espaço ao bebê. E com um recém-nascido em casa, vai ficar mais difícil dispensar ao cão a mesma atenção de antes. Por isso, o ideal é também acostumá-lo a isso com antecedência. Nunca tente compensar e fazer todos os agrados e vontades até a chegada do seu filho. Até porque, essa mudança associada justamente com a chegada da criança, permite que o cão faça associações negativas à sua presença. Para que essa aparente redução de interesse não seja associada ao bebê, acostume o cão a nem sempre receber atenção. Procure ignorar algumas das tentativas dele para conseguir carinho. Assim, ele aprenderá a lidar com a frustração e ficará menos

74 Yellow Magazine | Abril/2011


Tarsis Ramão Adestradora da Cão Cidadão e Jornalista www.caocidadao.com.br

ansioso quando não conseguir obter carinho de alguém entretido com o neném. Ensine seu cão a gostar do bebê Além de evitar as associações negativas, é importante mostrar para seu melhor amigo que a presença do nenezinho pode ser muito prazerosa. Se você sempre ignora seu cão quando está com bebê por perto, grita ou o expulsa quando ele se aproxima do pequeno, e enche ele de carinho e atenção quando não está com a criança, o mais provável é que ele não goste muito da criança. Afinal, você está treinando ele para isso, associando o bebê a coisas negativas e sua ausência a coisas boas. Para que seu cão e seu filho sejam grandes amigos é necessário fazer exatamente o contrário. O cão precisa associar a presença do bebê a coisas muito agradáveis. Quando não estiver com a criança, não dê tanta importância ao peludo e sempre que possível, procure dar petiscos, carinho e atenção na presença do bebê. Assim seu cão perceberá que presença da criança lhe rende coisas muito gostosas e, em vez de ficar enciumado, seu peludo se sentirá feliz e entusiasmado com a chegada do nenê. Você pode ainda associar o cheiro da criança com coisas boas. Isso aumenta as chances do cão considerar o bebê como parte da “matilha” em vez de achar que ele é algo estranho, negativo ou perigoso. Esfregue alguns panos no bebê e coloque-os em locais estratégicos, agradáveis para o cão, como embaixo do prato de comida dele e nos locais onde ele gosta de ficar. Assim, enquanto come e dorme, o cão sente cheiro do nenê. Tomando esses pequenos cuidados você deixa seu cão mais à vontade e seguro com a nova rotina da casa e garante uma grande harmonia entre ele e seu bebê. Até a próxima!


Tempo Christian Barbosa Fundador da Triad PS, empresa multinacional especializada em programas e consultoria na área de produtividade, colaboração e administração do tempo; ministra treinamentos e palestras para as maiores empresas do País e da Fortune 100; autor dos livros A Tríade do Tempo e Você, Dona do Seu Tempo, Estou em Reunião e co-autor do Mais Tempo, Mais Dinheiro

Por que sempre na última hora?

M

uitas pessoas reclamam que estão repletas de urgências, que vivem em cima do prazo e suas atividades na empresa são sempre para ontem. A urgência tende a ser um dos principais causadores de infartos, do fim de relacionamentos e dos bons momentos. Tem gente que tem tanta urgência que só vive de “rapidinhas”, e a vida vai correndo e ficando sem graça. Que estamos ocupados e cheios de atividades para fazer, sem dúvida, todos estamos. Agora, a pergunta que fica é: será que você está ocupado com tarefas realmente importantes? Que vão trazer resultados de fato para sua vida, para sua empresa? Ou apenas está correndo atrás de sabe-se lá do que? Pare por um momento e analise as suas urgências. Você vai descobrir que a maioria delas foram esquecimentos, afazeres importantes negligenciadas, erros de comunicação, falhas de processo, pessoas que não sabem se planejar e por aí vai. Boa parte do urgente poderia ser evitado, mas nossa mente é focada em resolver urgências, não em preveni-las. Se não quiser viver com a síndrome do bombeiro por toda a sua vida, aceite que é possível mudar isso. Eu consegui, muitos conseguiram e você também pode fazer. Comece a pensar: como eu posso antecipar minha vida em dois dias? Lembre-se que o bombeiro é um profissional especializado em resolver urgências, este é o objetivo central dele, já o seu, qual é? O que quero dizer com isso é que você deve começar a olhar para frente e ver tudo aquilo que deve ser feito nos próximos três dias e trazer essas atividades a “tempo presente”, ou seja, se a tarefa deve ser cumprida na quarta-feira, faça-a na segunda-feira. Essa é a forma mais simples e básica de começar a diminuir as urgências. Elas nunca deixarão de existir, mas precisam ser colocadas sob controle no seu tempo. Adiantar sua vida. É isso que prego e é isso que começa a te dar mais controle sobre a sua vida. A ideia que devemos centralizar é evoluir ao invés de simplesmente agirmos freneticamente. E então, o que você pode fazer para adiantar sua vida e minimizar as urgências?

76 Yellow Magazine | Abril/2011


Manuella Padaria e Confeitaria Rua Monte Serrat, 1460 - Tatuapé - SP - Fone: 2294-2775 / 2097-9292 Panificadora Marengo Rua Francisco Marengo, 699 - Tatuapé - SP - Fone: 2296-3399 Padaria Amaral Rua Bom Sucesso, 949 - Tatuapé - SP - Fone: 2092-5732 Padaria Chanceler Rua Tuiuti, 2053 - Tatuapé - SP - Fone: 2671-5323 Padaria e Confeitaria Lisboa Praça Silvio Romero, 112 - Tatuapé - SP - Fone: 2296-1983 Panificadora Paulista Av. Conselheiro Carrão, 2501 - Vl. Carrão - SP - Fone: 2091-2066 Panificadora Rainha do Tatuapé Lgo. N. Senhora do Bom Parto, 105 - Tatuapé - SP - Fone: 2295-3891 Crillon Pães e Capricho Rua Nova Jerusalém, 779 - Tatuapé - SP - Fone: 2294-0439 Kerley Padaria e Confeitaria Rua Tuiuti, 1287 - Tatuapé - SP - Fone: 2293-4137 Pães e Doces Beth Mania Rua Dentista Barreto, 1281 - Tatuapé - SP - Fone: 2294-2546 Padaria Leandro’s Av. Conselheiro Carrão, 1566 - Vl. Carrão - SP - Fone: 2296-8885 Fundadores Padaria Rua Serra de Japi, 1550 - Tatuapé - SP - Fone: 2073-3515 / 2071-3925 Luxo Real Panificadora e Confeitaria Rua Acurui, 752 - Tatuapé - SP - Fone: 2671-5716 / 2673-2899 Boulangerie e Pastisserie Parisien Rua Francisco Zicardi, 06 - Jd. Anália Franco - SP - Fone: 2671-2937 Nova Royale Av. Guilherme Giorgi, 681 - Tatuapé - SP - Fone: 2098-0738 Padaria Nova Tatuapé Rua Emilia Marengo, 283 - Tatuapé - SP - Fone: 2097-6145 Center Carnes Nobre Rua Antônio de Barros, 1408 - Tatuapé - SP - Fone: 2294-3077 Perfil Padaria Rua Apucarana, 1134 - Tatuapé - SP - Fone: 2092-7060 Panificadora São João Rua Vilela, 969 - Tatuapé - SP - Fone: 2296-0515 / 2093-0496 Padaria TrigoPão Rua Manilha, 183 - Vl. Carrão - SP - Fone: 2503-5506 / 2503-5507 Pães e Doces Carolina do Tatuapé Rua Antonio de Barros, 1909 - Tatuapé - SP A Poesia Pizzaria / Pães e Doces Rua São Jorge, 373 - Pq. São Jorge - SP - Fone: 2295-0994 Polipan Pães e Doces e Refeições Av. Conselheiro Carrão, 2849 - Vl. Carrão - SP - Fone: 2296-0994 Pães e Doces Rainha da Vila Formosa Av. Eduardo Cothing, 1268 - Vl. Formosa - SP - Fone: 2674-6345 Vídeo X Av. Celso Garcia, 3915 - Tatuapé - SP - Fone: 2295-6851 Loja Santo Antônio Rua Serra da Jurea, 736 - Tatuapé - SP - Fone: 2225-9100 Banca da Praça Praça Silvio Romero, 140 - Tatuapé - SP - Fone: 2294-7273 Revistaria Capital Av. Azevedo Soares, 1175 - Tatuapé - SP - Fone: 2293-2333 Banca Anália Franco Rua Francisco Zicardi c/ Rua João Oliveira Torres - Fone: 2672-3499 Banca Chiquinho Praça Conceição do Herval, 04 - Tatuapé - Fone: 2093-9573 Marechal Auto Posto Rua Marechal Barbacena, 385 - Tatuapé - Fone: 2605-9980 Sport Russo Fitness Rua do Tatuapé, 20 - Tatuapé - Fone: 2091-7929 Trekus & Trakinas Revistaria Rua Comendador Gil Pinheiro, 43 - Tatuapé - Fone: 4508-0169 Pão e Leite Empório de Pães Rua Marechal Barbacena, 1007 - Tatuapé - Fone: 2268-2727 Massao Drogarias Loja Carrão - Av. Conselheiro Carrão, 1778 - Vl. Carrão - Fone: 2036-6000 Loja Vila Formosa - Av. Eduardo Cothing, 1980 - Vl. Formosa - Fone: 2036-6000


Games

Nintendo 3DS é homologado pela Anatel

D

e acordo com o site da Anatel, o Nintendo 3DS ganhou no último mês, o certificado de conformidade e está liberado para venda no Brasil. O documento é obrigatório para aparelhos que usem comunicação sem fio. No site é possível ver o selo da Anatel e o Guia de Inicialização Rápida do Nintendo 3DS em português, mas continham imagens de menu em japonês e unidades de medida pouco usuais no Brasil (o manual diz que a tela deve ficar de 10 a 14 polegadas distante dos olhos). Por enquanto, a Nintendo ainda não revelou a data de lançamento do portátil que exibe imagens em 3D no Brasil. O videogame já possui nativamente menu em português “brasileiro”, além do inglês, espanhol e francês. O Nintendo 3DS já foi lançado no Japão, onde vendeu quase 400 mil cópias. Nos Estados Unidos, ele saiu no dia 27 de março, ao preço de US$ 249,99. O público brasileiro pôde testar o aparelho no evento Troféu Gameworld, que aconteceu no Centro de Convenções Frei Caneca (SP) nos dias 12 e 13 de março. O primeiro ponto positivo apontado é o de permitir a opção de selecionar o português como idioma do sistema. O segundo e mais importante foi o grande número de jogos que a gigante apresentou ao público brasileiro: Steel Diver, Pilotwings Resort, Nintendogs + Cats, The Legend of Zelda 3D, Super Street Fighter IV 3D, PES 2011 3D, Asphalt 3D e LEGO Star Wars III: The Clone Wars. A funcionalidade 3D, que não é obrigatória para todos os jogos,


funciona muito bem no jogo Super Street Fighter IV 3D, dando uma sensação de profundidade excelente, mas vale lembrar que o jogador deve manter certo ângulo de visão para funcionar corretamente. Dependendo do jogo (caso do PES 2011) é normal acabar vendo duas imagens sobrepostas. Para este caso, ou para quem não gosta do efeito 3D, o sistema permite trocar para 2D a qualquer momento. Geração 3D A maior característica do Nintendo 3DS é sua tela que exibe imagens em 3D, passando a sensação de profundidade. Nos Estados Unidos, o aparelho estará disponível nas cores Aqua Blue (azul) ou Cosmo Black (preto) e cada um dos pacotes acompanha um cartão de memória de 2 GB, seis cartões de realidade aumentada e uma base que serve para recarregar o aparelho. Além de games em cartão, o jogador também poderá obter jogos por download, através de uma loja especial chamada Nintendo eShop, acessada no próprio aparelho. Também estarão disponíveis clássicos para Game Boy, Game Boy Color, Game Gear e Turbo Grafx-16 através do serviço Virtual Console, e a Nintendo pretende ter mais de 30 títulos disponíveis para o portátil até o fim do primeiro semestre. Os Friend Codes continuam existindo, mas agora é preciso ter um único código por aparelho, e não uma sequência numérica por jogo, como acontecia no Nintendo DS e no Wii. A conectividade será o ponto forte do Nintendo 3DS. Além de partidas on-line, os aparelhos poderão se comunicar entre si, trocando dados de jogos e de seus usuários no chamado “Street Pass”. Ele acompanhará a evolução do jogador durante o seu dia, contando seus passos por exemplo. Fils-Aime afirma que caminha para liberar conteúdo exclusivo para os games.


Inês de Castro, até o fim do mundo Os Vampiros Que Se Mordam

RIO 08/04 – Comentadíssima, a animação de Carlos Saldanha foi pré-lançada no mês de março no Brasil, com a presença do elenco estelar de dubladores: Jesse Eisenberg, Anne Hathaway, Jamie Foxx e Rodrigo Santoro. Blu é uma ararinha domesticada que nunca aprendeu a voar, e vive pacatamente com sua dona e melhor amiga, Linda. Blu e Linda acreditam que ele seja o último de sua espécie, mas quando descobrem a existência de outra arara que mora no Rio de Janeiro, partem para o Brasil encontrar Jade, a última ararinha fêmea.

13/04 - Já é possível dizer que a dupla Jason Friedberg e Aaron Seltzer ocupa, hoje, o mesmo posto dos irmãos Zucker, que nos anos 80 assinavam diversas comédias satirizando os grandes filmes do momento. Depois de demolirem 300 em Os Espartalhões, os dois voltam agora sua metralhadora de piadas para as histórias de vampiros, em especial A Saga Crepúsculo, transformando todos os elementos da franquia em cenas que arrancam gargalhadas dos espectadores.

Você Vai Conhecer o Homem dos Seus Sonhos

Contra o Tempo 08/04 – Com Jake Gyllenhall, Michele Monaghan, Vera Farmiga e Jeffrey Wright. Quando o capitão Stevens acorda e se vê na pele de um homem que ele não conhece, descobre que está fazendo parte de um experimento criado pelo governo americano chamado de Código Fonte. O programa possibilita que Stevens assuma a identidade de outro homem em seus últimos oito minutos de vida. Agora sua missão é encontrar os responsáveis por um atentado que deixou milhares de vítimas.

Garota da Capa Vermelha 21/04 – Aventura, com a queridinha de Hollywood, Amanda Seyfried e ainda Lukas Haas, Gary Oldman, Billy Burke e Virginia Madsen. Valerie está apaixonada pelo forasteiro Peter, mas seus pais a prometeram em casamento ao rico Henry. O casal planeja fugir, mas a irmã mais velha de Valerie é morta pelo lobisomem que vaga pela floresta do vilarejo onde moram. Ela começa a desconfiar que o lobisomem pode ser alguém que ela ama e descobre que tem uma ligação singular com o monstro.

13/04 – Com Naomi Watts, Antonio Banderas, Anthony Hopkins e Freida Pinto. O filme conta a história de dois casais: Alfie e Helena e sua filha Sally, casada com Roy, abordando as suas paixões, ambições, ansiedades e, logicamente, suas insanidades. Depois que Alfie deixa Helena em busca da sua juventude perdida, com uma menina liberal chamada Charmaine, Helena abandona sua própria racionalidade e entrega sua alma para um vidente charlatão.

De Pernas Pro Ar

19/04 – Sucesso de bilheteria nos cinemas, a comédia brasileira traz no elenco Bruno Garcia, Ingrid Guimarães, Denise Weinberg, Flávia Alessandra e Maria Paula. Alice é uma executiva de 30 e poucos anos, casada com o dedicado João e mãe de um filho. Sua história se cruza por acaso com a da estonteante vizinha Marcela. Alice decide ajudar a nova amiga a salvar seu negócio – um sex shop falido - e Marcela decide ajudar Alice a descobrir os prazeres dos sex toys. O filme discute com leveza e humor os conflitos das mulheres modernas. 80 Yellow Magazine | Abril/2011

Conta a história do par romântico Dom Pedro I e Inês de Castro, de Portugal, que suplantou as guerras, atravessou os séculos e agora, atravessa o Oceano Atlântico, para mostrar uma das mais belas histórias de amor. Com Ralph Maizza, Letícia Bortoletto, Marli Bortoletto, Beth Rizzo, Dulcinéia Dibo, Neviton de Freitas, James Silva e Alexandre Rabelo. Até 26 de Maio, quintas, às 20h30, no Teatro Ruth Escobar. Ingressos: R$ 40. Contato: 3289-2358.

Mais respeito que sou tua mãe Em uma casa modesta do subúrbio mora Nalva, mulher esforçada, que vive brigando com a crise econômica. Aos 50 anos, ela está preocupada com o marido desempregado, com o sogro, que planta maconha em casa, e com seus três filhos adolescentes às voltas com a puberdade. Com Cláudia Jimenez, Ernani Moraes, Henrique César, Frank Borges e Gabriel Borges. Até 29 de Agosto, sexta e sábado, às 21h30 e domingo, às 19h, no Teatro Procópio Ferreira. Ingressos: de R$ 70 a R$ 90. Contato: 3083-4475.

Pterodátilos A família de Artur, um presidente de banco, e Grace, uma dona de casa alcoólatra é chacoalhada pelo retorno do filho mais velho, o eminente casamento da caçula Ema com o namorado transformado em empregada, o desemprego do pai e a descoberta de ossos no subsolo da casa em que moram. Com Marco Nanini, Mariana Lima, Álamo Facó e Felipe Abib. Sextas, às 21h30; sábados, às 21h e aos domingos, às 18h, no Teatro FAAP. Ingressos: de R$ 60 a R$ 80. Contato: 3662-7233.


Devoção Dick e Rick Hoyt narram sua história, a de um pai e um filho que se uniram para compartilhar - mais que uma paixão em comum - uma ligação de amor e apoio incondicional de um para com o outro, que os levou a realizar feitos que, no mínimo, extrapolam o imaginável. Símbolos de coragem, Dick e Rick servem de inspiração não apenas para todas as pessoas com algum tipo de deficiência, mas sim para todos nós. Novo Conceito, R$ 27,90.

O Poder da Paciência É um maravilhoso presente que podemos dar a nós mesmos. O livro mostra que a paciência - uma das virtudes mais ignoradas nos dias de hoje - nos ajuda a aproveitar ao máximo nossos talentos, a administrar a raiva, a crescer no amor e a usufruir o prazer de cada momento. Escrito por M.J. Ryan. Sextante, R$ 15,90.

A Linguagem Das Emoções Aprenda com este livro de Paul Ekman a compreender melhor seus sentimentos e a transformar o círculo de emoções ao seu redor. O controle das nossas emoções não é algo que aprendemos rapidamente. Para a maioria é um conhecimento pessoal que se adquire com a maturidade. Mas e se pudéssemos antecipar esse aprendizado sobre nós mesmos? E se, melhor ainda, aprendêssemos a identificar esses sinais nos outros? Leya Brasil, R$ 27,90.

3OH!3 Ridge Racer 3DS

Indicados como “melhor revelação” ao lado de Lady Gaga, Kid Cudi e Drake, no Video Music Awards do ano passado, a dupla 3OH!3, formada por Sean Foreman e Nathaniel Motte volta ao Brasil e apresentam canções do novo álbum, Streets of Gold. Dia 20 de Abril, às 22h, na Via Funchal. Ingressos: de R$ 120 a R$ 200. Contato: 3846-2300.

Ana Carolina

A clássica franquia de corrida da Namco é uma das marcas alinhadas para a largada do Nintendo 3DS, com um game que tenta atrair os antigos fãs e cativar novos jogadores. O jogo oferece uma frota com vários modelos de automóveis, desde esportivos japoneses até os famosos “muscle cars”. Os efeitos de profundidade da tela 3D procuram ajudar o jogador na percepção do posicionamento dos carros nas pistas e curvas, facilitando ultrapassagens e manobras mais arrojadas. Para DS.

Bulletstorm

Cantora, compositora, empresária, arranjadora, produtora e instrumentista de Pop, Pop Rock, Bossa Nova, Samba e MPB, Ana Carolina é ganhadora de quatro prêmios Multishow de Música Brasileira, três Troféu Imprensa e um Prêmio TIM de Música. Já lançou nove álbuns e cinco DVD’s, vendendo dois milhões de discos. De 8 a 17 de Abril, sextas, sábados e domingos, às 22h, no Citibank Hall. Ingressos: De R$ 80 a R$ 180. Contato: 4003-6464.

Elba Ramalho

O game da polonesa People Can Fly é um retorno ao básico do gênero e entrega o que realmente importa num videogame: diversão. O enredo é simples, cheio de furos e clichês: o jogador é Gray, um pirata espacial preso em um planeta distante, acompanhado por Ichi, um ciborgue que já foi seu amigo e Trishka, uma garota de pavio curto. O trio precisa escapar e para isso, tem que mandar bala em centenas de inimigos que querem impedi-los. Para PS3.

The Cartel

Bicampeã do Grammy Latino, por seus dois últimos trabalhos: “Qual o assunto que mais lhe Interessa?” e “Balaio de Amor”, na categoria Melhor Álbum de Raízes Brasileiras, Elba apresenta seus grandes sucessos, ‘Banho de cheiro’, ‘Ai que saudade de ocê’, ‘Amor com café’, ‘Do jeito que a gente gosta’, entre outras. Dia 16 de Abril, às 18h no SESC Itaquera. Ingressos: de R$ 1 a R$ 7. Contato: 2523-9200. 81 Yellow Magazine | Abril/2011

Após dois jogos no Velho Oeste, “Call of Juarez” parte para pradarias mais modernas com “The Cartel”. A produtora Techland sugere que a essência do bangue-bangue não está em uma época e sim na América sem lei, no sentimento de liberdade e em personagens valentes. É a história de pistoleiros modernos, envolvidos com a violência das gangues e traficantes de drogas da fronteira entre os Estados Unidos e o México. Para Xbox 360.


Rir é o melhor remédio

Abusado Casal estava na cama conversando quando a mulher diz bocejando pro marido: - Vou dormir... Boa noite. - E ele diz: - Já vai dormir? Logo agora que eu iria abusar de você? E ela entusiasmada diz: - Então abusa vai, abusa. E ele diz: - Vai lá na cozinha pega uma cervejinha e algumas azeitonas pra mim. *(eu matava esse cara). Advogado na praia Um advogado está tranquilamente tomando sol na praia, quando uma bela senhora se aproxima: - Doutor Ricardo, o que faz por aqui? O advogado, querendo mostrar que advogados também podem ter veia poética, responde com ar conquistador: - Roubando raios de sol! A senhora, sorrindo docemente: - Vocês, advogados, sempre trabalhando! Em minas gerais Numa escola de Minas Gerais, a professora pergunta a um aluno: - Wandercleison, diga aí um verbo. - Bicicreta.

- Não é bicicreta... É bicicleta! E bicicleta não é verbo. Depois, perguntou ao segundo aluno: - Helvispresli, diga aí um verbo. - Prástico. - Não é prástico... É plástico! E plástico não é verbo. A professora, desesperada, perguntou ao terceiro aluno: - Janedílson, diga aí um verbo. - Hospedar. - Muito bem! Agora diga uma frase com o verbo que você escolheu. - Hospedar da bicicreta são de prástico! Como explicar sem ofender Um homem de 85 anos estava fazendo seu check-up anual. O médico perguntou como ele estava se sentindo: - Nunca me senti tão bem - respondeu o velho. Minha nova esposa tem 18 anos e está grávida, esperando um filho meu. Qual a sua opinião a respeito, doutor? O médico refletiu por um momento e disse: - Deixe-me contar-lhe uma historia: eu conheço um cara que era um caçador fanático, nunca perdeu uma estação de caça. Mas, um dia, por engano, colocou seu guarda-chuva na mochila em vez da arma. Quando estava na floresta, um urso repentinamente apareceu na sua frente. Ele sacou o guarda-chuva da mochila, apontou para o urso e... Bang: o urso caiu morto. - Ha! Ha! Ha! Isto é impossível - disse o velhinho - algum outro caçador deve ter atirado no urso. - Exatamente!

82 Yellow Magazine | Abril/2011


83 Yellow Magazine | Abril/2011


84 Yellow Magazine | Abril/2011


Yellow Magazine 52