Issuu on Google+


02

choice


choice magazine

16 - Conte sua História

choiceVOLUME Magazine11 NUMBER 2

Coaches blogueiros contam suas histórias Por Linda Dessau

choice Volume 12magazine - Número 2

cover stor

VOLUME 11 NUMBER 2

18 - Perspectiva

A forma sugere função o que os coaches podem aprender com os designers por Jessica Austin

cover story 33 Stop Wasting Your Time!

The Whole Coach 20 - A Carreira do Coach

Duped by the do-it-yourself

Marketing, management, mastery Marketing, gestão, domínio 33 Stop Wasting Your Time! The Whole Coach money leak e magnificência por Rosemary Davies

Duped by the do-it-yourself by Becky J. Benes money leak by Becky J. Benes

Marketing,Janes management, mastery

by Rosemary Davies-Janes 24 - Cérebro Como Alicerce by Rosemary Davies-Janes

25

Desenvolvimento de negócio Como o alinhamento pode trazer mais clientes, 35 mais dinheiro E mais alegria por Sylvia Brain-based Business Becker-Hill

25 Brain-based Business Building

35 AIM for Your Coaching Brand AIM for Your Coaching Brand

step towards success can bring step towardsby success Sally Seppanen TM 26 - Seja ummore Gênio decan Marketing you clients, more How Brainalignment bring money 3 estratégias para estar no topo das by Sally Seppanen you moreAND clients, more more joymoney tendências do marketing por Heather 39 Be Well! AND more joy by Sylvia Becker-Hill Markel 39 Be Well! A wellness plan to keep you an by Sylvia Becker-Hill A wellness plan keep you business and yourtocoaching health 31 Become a your coaching business healthy 31 Become a by Barbara B. Appelbaum Marketing Genius

BuildingHow Brainalignment

Marketing Genius

TM

by Barbara B. Appelbaum

3 strategies to stay on top of 3 strategies to stay on top of 41 The Meaningful marketing trends 41 The Meaningful marketing trends Coaches Path Coaches Path by Heather by Heather Markel Markel

building business building business by Sharon Todd & Jill Hewle by Sharon Todd & Jill Hewlett

columns columns 08 - Colaboradores

O Novo Integrante do Grupo Co-criando entrepreneur coachcoach 17 entrepreneur 17 planos de integração por Grace Menzel, Tell Your Story! PCC, CPCC Tell Your Story!

Coach bloggers have

bloggers 11 - Livros daCoach choice stories to share have stories to share Um Enfoque de Coach para Marketing by Linda Dessau por Kat Knecht by Linda Dessau

perspective 19 12 - Ferramentas de Coaching Produtos Comentados perspective 19 Form Follows Function

• Points of You, o Jogo de Coaching WhatForm coaches can learn Follows Function • The Muse is in: Manual do Dono para from designers What coaches can learn Sua Criatividade by Jessica Austin from designers • Izoar • Dropbox by Jessica Austin • Ubicoach corporate leadership 21 por Sandra de Freitas e Marcy Nelson The New Kid on the Block

corporate leadership

21

Garrison Co-creating an onboarding plan The New Kid on the Block Menzel 14 - SituaçõesbydeGrace Rigidez

Co-creating an onboarding plan Como viver uma vida de tempo integral by Grace Menzel como coach?

impact 43

por Carol Adrienne, Craig Carr e Victoria Hitting The Target Trabosh

impact 43 How to choose a target market that will get youHitting booked The solidTarget by Ana Melikian and Michael Port How to choose a target market

that will get you booked solid by Ana Melikian and Michael Port

VOLUME 11 NUMBER 2

03

choice 3


VOLUME 11 NUMBER 2

UME 11 NUMBER 2

departments

8 contributors upfront 5 choice thoughts

departments

8 contributors

epartments

5 choice thoughts

PUBLISHER & CEO Garry T. Schleifer, PCC, CMC

8 contributors

CHIEF OPERATING OFFICER PUBLISHER Jenna Burrow& CEO

VOLUME 11 NUMBER 2

departments

upfront

Garry T. Schleifer, PCC, CMC

MANAGING EDITOR Janet CHIEFLees OPERATING OFFICER

5 choice thought

PROOFREADER PUBLISHER & CEO Ally Gaynor EDITOR MANAGING

8 contributors

Jenna Burrow

Garry T. Schleifer, PCC, CMC

Janet Lees ART DIRECTOR

Michele Singh CHIEF OPERATING OFFICER

PROOFREADER

PRODUCTION MANAGER AllyJenna GaynorBurrow Joleen O’Brien

ARTMANAGING DIRECTOR EDITOR

BUSINESS DEVELOPMENT Michele Singh Janet Lees DIRECTOR Garry T. SchleiferMANAGER PRODUCTION

Joleen O’Brien PROOFREADER PARTNER AND AUDIENCE RELATIONSHIP MANAGER Ally Gaynor BUSINESS DEVELOPMENT Kim George DIRECTOR

28 - Pare de Perder Seu Tempo!

ART DIRECTOR CUSTOMER SERVICE, Garry T. Schleifer COMMUNICATIONS & Michele Singh PARTNER AND AUDIENCE WEB SERVICES RELATIONSHIP Monica Lambert, MANAGER CPC MANAGER KimPRODUCTION George Portable Associate

Ludibriado pelo faça você mesmo o dinheiro escoa pelo ralo por Becky J. Benes

Joleen O’Brien

30 - Objetivo marca de 11 para choicesua books A C o a c h A p Coaching Marketing p r oa c h to

45 industry news

Steady as she Goes

2013 Executive Coaching Survey 8th Annual Earnings Report by Ian Lindsay McAfee

Identificar suaby marca é o primeiro passo Kat Knecht em direção ao sucesso por Sally 11 choice books Seppanen

32 -

45 industry news

G l ob C oGoes a c hi ng L e a d e r s hi p Steady asa lshe

A C12 oa ccoaching h A p p r otools a c h to Products Reviewed: Marketing Viva Bem

• P oints of You, T he C oa c hing G a me by Kat Knecht Um programa •de T hbem e M uestar s e Is para In: A nmanter O wne r’s M a nua l você e seu negócio deCreativity coaching For Your iZ o ar 12 coaching tools saudáveis por• Barbara B. Appelbaum • DReviewed: ropbox Products

2013Coaching Survey 8th 2013Award Executive Frank Bresser honored at World Annual Earnings Report Coaching Congress by Ian Lindsay McAfee A Rare & Special Experience

G l o2nd b a lAnnual C oa cGay hi nCoaches g L e a dConference e r s hi p Award 2013Allen by Dave

• U bic oa c h Frank Bresser honored at World 34 - O Significativo • P ointsbyofSY ouCaminho , T he C oa c hing G a me andra de Freitas & Coaching Congress • T h e M u s e I s I n : A n O w n e r ’ s M a n u a l 50 news Marcy Nelson-Garrison45 industry dos Coaches choice books For Your Creativity A Rare &Goes Special Experience Coaching, she A C oa c h A p p r o•aicZ15 hcondicionamento o situationscognitivo Steady as o a rtsticky Trading in your ‘to do’ lists for 2nd Annual Gay Coaches Conference Coaching • D ropbox negócios por Sharon 2013 Executive conscious intentionSurvey of being 8th Marketing e desenvolvendo Allen “ H ow d o I m a k e a ful l - ti m e l i v i ng by Dave

Todd &• Jill U biHewlett c oas a cahcoach?” by Regina Hellinger Annual Earnings Report 11 choice books by SandBryaCdaeroFlrA ed itraisen&ne, Craig Carby r IanALindsay McAfee 40 - Impacto 50 C oa c h A p p r oa c h to Marcy Nelson-Garrison & Victoria Trabosh connect with us: Marketing Acertando o Alvo G l o b a l C ofacebook.com/choicemagazine a c in hiyour ng ‘to L edo’ a dlists e r sforhi p coaching tools Como escolher um mercado alvo para byTrading Kattwitter.com/choicemagazine Knecht 15 sticky situations Award 2013 conscious intention of being Products Reviewed: ter uma “ Hagenda ow d osólida I m a kPor e aAna ful l -Melikian ti m e l i v i ng linkedin.com/group/choicemagazine Frank Bresser honored at World by Regina Hellinger as a Port coach?” e Michael

by Kat Knecht

P oints of You, T he C oa c hing G a me Coaching Congress Ae drri’senM nea, C raaig 12 coaching tools T he M us e Is In: BAy nCaOrowl n nu l Carr & Victoria Trabosh 42 - Notícias da Industria Products Reviewed: connect with us: 4 V O L U M E 1 1 N U M B E R 2 For Your Creativity A Rare & Special Experience Firme e Constante facebook.com/choicemagazine • P oinGay ts oCoaches f You, T hConference e C oa c hing G a me iZ oa r 2nd Annual 8º Relatório dos Ganhos Anuais da twitter.com/choicemagazine • Tlinkedin.com/group/choicemagazine h e M u s e I s I n : A n O wne r’s M a nua l D ropbox Pesquisa sobre Coaching Executivo by Dave Allen For Your Creativity U bic oa c h de 2013 por Ian Lindsay McAfee • iZ oa r by Sandra dPrêmio e Freit2013 as &de Liderança de Coaching • D ropbox 50 Marcy Nelson-Garrison Mundial 4 VO L U M E 11 N U M B E R 2 • U bic oa c h Frank Bresser homenageado no b y andra e Frlists eitafor s& Congresso de Coaching Mundial Trading inSyour ‘toddo’ sticky situations Marcy Nelson-Garrison conscious intention of being Uma “ H ow d o I m a kExperiência e a ful l - tiEspecial m e l i v ienIncomum g as a coach?”Segunda Conferência Anual de Coaches by Regina Hellinger

By Carol AdGays riennpor e, David CraigAllen Carr & Victoria Trabosh 45 - Palavra final

15 sticky situations

“ H ow d o I m a k e a ful l - ti m e l i v i ng

connect us: as awith coach?”

Intencionalmente Magnífico Negociar sua lista de “coisas para fazer”

facebook.com/choicemagazine By Carol Adrienne, Craig Carr twitter.com/choicemagazine & Victoria Trabosh linkedin.com/group/choicemagazine

CUSTOMER SERVICE, EDITORIAL BOARD Carol Adrienne COMMUNICATIONS & BUSINESS DEVELOPMENT TerI-E WEB Belf SERVICES DIRECTOR Laura Berman Fortgang Monica Lambert, CPC RichGarry Fettke T. Schleifer Portable Associate Debbie Ford C. J. Hayden EDITORIAL BOARD PARTNER AND AUDIENCE Dorcas Kelley Carol Adrienne Pamela Richarde RELATIONSHIP MANAGER TerI-E Belf Phil Sandahl Kim George Laura Berman Fortgang Iyanla Vanzant Rich Fettke CUSTOMER SERVICE, Debbie Ford 2285 Lakeshore C. J.COMMUNICATIONS HaydenBlvd. West, & Suite 807 Kelley Dorcas WEB SERVICES Toronto, ON, Canada M8V 3X9 Pamela Richarde Phone/Fax: 1-800-553-3241 PhilMonica Sandahl Lambert, CPC Iyanla VanzantAssociate Portable P.O. Box 8388 Round Rock, TX 78683 USA

EDITORIAL BOARD Carol Adrienne TerI-E Belf Laura Berman Fortgang P.O. Rich Box Printed in8388 theFettke USA Round Rock, June 2013 IssueTX 78683 Debbie FordUSA choice (ISSN 1708-6116) is published The C. views presented in this magazine J.industry Hayden 45 quarterly for $39.95 US per year are not necessarily those choice of bynews Dorcas Kelley choice Magazine Inc., 2285 Lakeshore Magazine Inc. Copyright ©2013. All Steady as Goes Blvd. West, Suite 807, Toronto, ON,she Pamela Richarde rights reserved. Reproduction in whole Canada M8V 3X9. or inPhil part without written permission Sandahl 2013 Executive Coaching Survey 8th is prohibited. POSTMASTER: Send address Iyanla Vanzant Earnings Report changes to:Annual choice,PO Box 942, The views presented in this magazine 2285 are notLakeshore necessarilyBlvd. thoseWest, choice of Suite 807Inc. Copyright ©2013. All Magazine Toronto, ON, Canada M8V 3X9 rights reserved. Reproduction in whole or in part without written permission Phone/Fax: 1-800-553-3241 is prohibited.

Printed in the USA June 2013 Issue

by Ian Lindsay McAfee

choice(ISSN 1708-6116) is published 2285for Lakeshore Blvd. quarterly $39.95 US per yearWest, by Suite 807 Inc., 2285 Lakeshore choice Magazine Blvd.Toronto, West, SuiteON, 807,Canada Toronto, ON, M8V 3X9 Canada M8V 3X9.

G l o b a l C o a c hi ng L e a d e r s hi p Award 2013 Phone/Fax: 1-800-553-3241 Frank Bresser honored at World Coaching Congress Round Rock, TX 78683 USA

POSTMASTER: Send address changes choice, PO Box 942, P.O. to: Box 8388

The views presented in this magazine are not necessarily those choice of Magazine Copyright ©2013. All 2nd Inc. Annual Gay Coaches rights reserved. Reproduction in whole Allenpermission or inby partDave without written is prohibited.

A Rare & Special Experience

Conference

Printed in the USA

50June 2013 Issue

choice(ISSN 1708-6116) is published quarterly for $39.95 US per year by Trading in your ‘to do’ lists for choice Magazine Inc., 2285 Lakeshore Blvd.conscious West, Suite 807,intention Toronto, ON, of being Canada M8V 3X9.

by Regina Hellinger

POSTMASTER: Send address changes to:choice,PO Box 942,

connect with us:

Equipe Brasil facebook.com/choicemagazine direção executiva twitter.com/choicemagazine Jaqueline Weigel

linkedin.com/group/choicemagazine atendimento Rosely Kelberman

VO L U M E 11 N U M B E R 2

tradução Silvia Pilagallo

4

04

choice

VO L U M E 11 N U M B E R 2

Direção de Arte Maker Studio


Pensamentos da Choice Nossa edição anual desenvolvendo negócios é uma das publicações mais populares da Choice a cada ano. No passado focamos em oferecer ferramentas para ajudar os coaches a desenvolverem seus negócios Entretanto, percebemos que para ser bem sucedido não basta apenas ter ferramentas em sua caixa e sim saber como usá-las para tornar-se um coach em tempo integral, desenvolvendo seu negócio através do marketing, da gestão , da excelência e magnitude. Na reportagem de abertura, Rosemary Davies Janes coloca a questão: “Você foca ou manipula?” e explica como ter uma marca claramente definida pode ajudar você a focar “oferecer o único valor que alavanca suas forças, habilidades e paixão.” Em seguida, Sylvia Becker-Hill aborda o desenvolvimento de negócio alicerçado no cérebro, explorando como o alinhamento pode trazer mais clientes, mais dinheiro e mais alegria. Heather Markel nos ensina como nos tornar gênios de marketing, com três estratégias para estar no topo das tendências de marketing. E Becky Benes mostra como ‘fechar o escoamento do dinheiro pelo ralo’ causado pela perda de tempo, libertando seu tempo

e talentos para dar um passo em direção ao poder do dinheiro e experimentar liberdade financeira. Barbara Appelbaum apresenta um “plano de bem estar” para manter você e seu negócio de coaching saudáveis. E em nosso artigo da reportagem final, Sharon Todd e Jill Hewlett o “significativo caminho dos coaches”, explorando como o condicionamento cognitivo nos ajuda a “reconectar com todo potencial do cérebro e funcionar no nosso melhor, inclusive desenvolvendo um negócio de coaching próspero”. Muitas das nossas colunas e departamento nesta edição também focam em se tornar um “coach por inteiro”.

Garry PCC, CMC, CEO & Publisher

Na nossa coluna ‘impacto’, Ana Melikian e Michael Port explicam como escolher o mercado alvo que leva você a ter um agendamento contínuo, enquanto Jessica Austin tira uma lição dos designers na nossa coluna ‘perspectiva’. E na ‘palavra final’ Regina Hellinger explica como negociar suas listas ‘para fazer’ por uma intenção consciente de ser. Todos os artigos nesta edição de choice são feitos para fazer você pensar, questionar, aprender, expandir, tomar uma atitude em direção a se tornar mais bem sucedido, mais coach por ‘inteiro’. Aproveite essa viagem!

Choice Brasil

Um bom coach por Jaqueline Weigel

Jaqueline Diretora Executiva Choice Brasil

5

VOLUME 11 NUMBER 2

Bons coaches precisam de boa formação, mentoria e supervisão, estudo continuado, prática, troca e muita leitura. É fundamental entender que para evoluir nesta carreira com sucesso é preciso investir tempo, energia e recurso financeiro. Ler a Choice é conectar-se com o mundo, com os assuntos que estão em pauta entre a comunidade de coaches e de áreas corporativas que discutem o desenvolvimento humano e organizacional. O cliente merece ter o melhor serviço que puder ter nesta área e coaches trabalham para isso, mas muitas vezes esquecem que o que vale para os coachees também vale para coaches. Boa leitura!

05

choice


Trabalhamos pelo coaching de alto nível no Brasil

www.weigelcoaching.com.br 06

choice

�����������������������������


07

choice


Colaboradoes Departamentos Carol Adrienne PHD, é autora internacionalmente reconhecida, conselheira intuitiva e coach pessoal, cujos livros já foram traduzidos para mais de 15 idiomas. Atuando como mestre em numerologia, líder de workshop, e coach pessoal, já ajudou milhares de pessoas a eliminar seus paradigmas negativos, lhes oferecendo ferramentas para construir a vida que eles desejam ter. carol22@sonic.net www.caroladrienne.com

Jaime Bacás Possui mais de 20 anos de experiência adquirida em empresas multinacionais em cargos de alta gerência, e também 10 anos atuando com coaching executivo, coaching de equipe e auxilio no desenvolvimento de aprendizado em produtividade pessoal. Ele é o fundador da Coaching de Ventas and Productividad-Personal. Desde 2010, Jaime tem sido diretor-sócio da Atesora trabalhando para empresas multinacionais na Espanha. Ele é membro do ICF e também participa do comitê gerencial da AECOP-EMCC. jbacas@atesora.es www.atesora.es

Craig Carr PCC, CPCC, tem atuado como terapeuta, Doutor em Medicina Chinesa e membro sênior no Coaches Training Institute. Sua vasta clientela de coaching pessoal inclui empreendedores, investidores, executivos, coaches e artistas. Ele é co-autor de The New Clietn Guidebook to Professional Coaching e Danger, Sex and Magic: Life Beyond the Forbidden and Taboo. craigcarr@dsmlifetrainings www.dangersexmagic.com

Todd Dallanegra BA, MAICS, ACC, fortalece líderes de grandes organizações sem fins lucrativos a concretizar suas decisões. Ele tem trabalhado com a CRM Empowering Leaders desde 1998. Todd é membro do ICF Metro DC e atuou como chefe do Comitê de Sponsors & Vendors na Capital Coaches Conference de 2011 e 2012. todd.dallanegra@crmleaders.org

Sandra De Freitas É coach em tecnologia de ponta, palestrante, treinadora e expert em tecnologia da internet. Ela é fundadora da www.TechCoachForCoaches.com e autora de Does this Blogsite Make my Wallt Look Fat? www.wordpressblogsites.com

08

choice

Deborah Grayson Riegel MSW, PCC, é uma expert em comunicação e comportamento e ajuda as pessoas a se apresentarem e manifestarem suas ideias com poder, paixão e profissionalismo. Deborah é uma instrutora visitante do Executive Communications do Beijing International MBA Program na Peking University, China. Deborah é autora do livro Oy Vey! Isn´t a Strategy: 25 Solutions for Personal and Professional Success (Behrman House, 2012). info@elevatedtraining.com www.elevatedtraining.com www.myjewishcoach.com

Kat Knecht CPCC, PCC, é coach de relacionamentos, encontros e amor. Junto com seu marido, Curtis, é co-fundadora da Relationship Coaching Connection. Seu programa, The Art and Science Romance, ajuda centenas de mulheres a encontrar a vida romântica que desejam. O Círculo de Coaching semanal que ela coordena, ajuda mulheres a melhorar o relacionamento que elas já possuem, encontrarem o amor de suas vidas através do aprendizado de como praticar amor próprio e como usar seu poder pessoal de forma positiva. kat@relationshipcoaching.com www.relationshipcoaching.com

Kris Miller MBA, PCC, é um coach executivo que trabalha com líderes mundiais e equipes em corporações, no governo dos Estados Unidos, e organizações sem fins lucrativos. Sua experiência anterior como executivo de negócios lhe confere uma base forte para atuar com os líderes de diversos setores, ajudando clientes e organizações a prosperar. Ele é colaborador do LEARNING, a revista de coaching ICF MetroDC, e sócio e coach executivo no Washington Coaching Group. kris@WashingtonCoachingGroup.com

Marcy Nelson-Garrison MA, LP, CPCC, atua desenvolvendo produtos e é fundadora do www.coachingtoys.com, uma loja online de brinquedos e ferramentas criativas para desenvolvimento pessoal. Marcy ajuda conselheiros, consultores e coaches a alavancar sua própria criatividade visando impacto e benefícios maiores. Seus produtos incluem: Q? Basics, Open-Ended Questions for Coaching Mastery; The Produc Planner; e Passion to Product. marcy@coachingtoys.com www.ProductMentorCoaching.com


Victoria Trabosh É coach executiva, palestrante internacional e autora do livro Dead Rita’s Wisdom - Palavras simples para ajudar você a viver uma vida extraordinária. Ela é co-anfitrã do programa de rádio semanal, Smart Women Talk Radio. Além de atuar em coaching e fazer palestras, ela co-fundou a Itafari Foundation, em 2005, uma organização sem fins lucrativos para mudar e dar suporte ao país de Rwanda. Em 2006, teve a honra de palestrar nas Nações Unidas. Frequentemente viaja para Rwanda para dar suporte à fundação e atuar como coah com as pessoas que estão mudando a cara do país.

Grace Menzel PCC, CPCC, é coach de liderança e carreira com especialidade em coaching de desempenho, e ajuda clientes a cultivar estratégias eficazes para entrevistas e outras apresentações de grande escalão em público, que já resultou em mais de 95% das entrevistas terem sido convertidas em ofertas de trabalho. Sua prática de coaching foca em progressão na carreira de líderes femininas intuitivas. Entre seus clientes estão universitários, gerentes de nível médio e alto, empresários, e donos de organizações sem fins lucrativos. Grace coordena teleforuns e workshops em liderança, desempenho e transição de carreira.

Vicky@victoriatrabosh.com

grace@menzelcoaching.com www.menzelcoaching.com

Colunas John Blakey BSC, MSC, MBA, PCC, atua como coach para líderes de conselhos ao redor do mundo e é coach credenciado PCC pela Federação Internacional de Coach. Seu último cargo empresarial foi como diretor executivo internacional na Logica plc onde, mais tarde, se tornou diretor de coaching. John faz frequentes participações como palestrante em conferências e é escritor em assuntos relacionados ao coaching executivo e de liderança. www.challengingcoaching.co.uk

Ian Day BSC, é coach de inspiração, atua como coordenador e palestrante em nível de gestão e conselho para grandes clientes internacionais. Ian passou mais de 20 anos em recursos humanos e funções de desenvolvimento em grandes organizações de vários segmentos. Ele fala e escreve regularmente sobre assuntos de coaching executivo e liderança. ian@factscoaching.com www.challengingcoaching.co.uk

Laura Garrett MBA, ACC, é sócia e co-fundadora da Ondecision, Inc., uma empresa de coaching especializada no uso de análise de decisão baseada em computador, para dar suporte aos indivíduos que estão passando por transições em carreiras e também em outras decisões pessoais complexas. Laura é certificada pelo Huston Institute e iniciou sua carreira de coaching como coach executiva interna na TaylorMade Golf. Ela possui BA em Economia pelo Kenyon College e um MBA da Stanford Graduate School of Business.

Reportagens Ann Betz CPCC, é membro do Coaches Training Institute, onde atua como assessora do presidente e consultora de neurociência CTI. Ela é perita na neurociência de liderança, coaching e consciência humana. Está ativamente envolvida em fazer conexões entre o coaching e pesquisas atuais sobre o cérebro, e acrescenta isso em seu trabalho de coach, líder e consultora. Ann é também co-fundadora da BEabove Leadership, que foca em ajudar pessoas, donos de negócios e organizações sem fins lucrativos a resgatar suas capacidades internas de liderar, trabalhar e viver, desta forma aumentando sua eficácia e envolvimento. ann.betz@gmail.com www.beaboveleadership.com

Francine Campone EDD, MCC, é professora de coach , além de atuar com coach pessoal e executivo, especializada em trabalhar profissionais experientes a reinventar a vida através da reinvenção do trabalho. Como diretora do programa de coaching Evidence-Based, da Fielding Graduate University, ela mantém atualizadas as pesquisas, informações e atividades do programa. Foi presidente do Comitê de Pesquisa da Federação Internacional de Coach e faz parte da diretoria da Graduate School Alliance of Executive Coaching. fcampone@fielding.edu www.francinecampone.com

laura@ondecisiongroup.com www.ondecision.com

09

choice


Colaboradoes Terrence E. Maltbia PhD, é profissional qualificado com quase 30 anos de experiência como consultor interno e externo de eficácia organizacional, líder e educador de pensamento. Terrence veio para o Teachers College, Columbia University, depois de 2 anos trabalhando em sua própria prática de consultoria, Organizational Effectiveness Consulting and Training (Ofx), onde forneceu soluções baseadas em pesquisa para cumprir as prioridades estratégicas da organização. Atualmente é diretor no Columbia Coaching Certification Program e oferece serviços de coaching e consultoria para clientes em desenvolvimento executivo tanto para corporações como na universidade, focado em liderança de alto impacto, através de inteligência cultural, social e emocional.

Jody Michael MCC, BCC, LCSW, é CEO e fundadora da Jody Michael Associates, uma empresa de coaching e consultoria com base em Chicago que tem parceria com profissionais de carreira, executivos e organizações para criar mudanças transformadoras. Ela traz sua experiência de 20 anos em coaching de carreira, executivo e de negociação; 15 anos de liderança corporativa na indústria financeira; e mais de 12 anos de prática na aplicação de princípios de psicologia clínica para vida no trabalho, carreira e dificuldades na criação de negócios. Jody possui mestrado pela Universidade de Chicago, onde também realizou estudos de PhD em trabalho social clínico. Ela tem feito participações na CNN, Discovery Channel, Today Show da NBC e no Chicago Tribune.

Maltbia@tc.columbia.edu www.tc.columbia.edu/coachingcertification/

jody@jodymichael.com www.jodymichael.com

Geraldine Markel PhD, é diretora da Managing Your Mind, uma empresa de coaching, consultoria e seminários. Ela é psicóloga educacional e ex-membro da University of Michigan. Como líder do Instructional Development Workshop, no Executive Education Center, University of Michigan, ela deu assistência a diversos departamentos de treinamento corporativo ao redor do mundo. Possui muitos anos de experiência ajudando líderes e equipes a alcançar maior produtuvidade. Uma autora vencedora de prêmios, seus livros oferecem uma abordagem de sistemas e estratégias para aumentar o desempenho. Ela trabalha com líderes e empreendedores que têm ADHD. Seu livro mais recente é Actions Against Distractions: How to Manage Your Scattered, Disorganized and Forgetful Mind. geri@managingyourmind.com www.managingyourmind.com

Karlin Sloan É CEO da Karlin Sloan & Company, uma empresa de consultoria de desenvolvimento de liderança que tem a missão de promover bons negócios através do desenvolvimento de liderança e de competências, capacidade e força organizacionais. É autora do livro Smarter, Faster, Better, Unfear: Facing Change in na Era of Uncertainty, e co-autora da publicação recente Lemonade: The Leaders Guide to Resilience at Work. www.karlinsloan.com

10

choice


A Coach Approach to Marketing

Livros da Choice

Um Enfoque de Coaching para Marketing By Kat Knecht, CPCC, PCC

‘coach-like’ way of looking at things. His approach was straightforward in have been keeping my eye out for terms of how people think and how to a book to review especially for this influence them but it is tempered with issue of choice for months. The heart. He very clearly has the intention ‘business building’ issue is a personal of influencing people to do something por Kat Knecht, CPCC, PCC favorite, as I am always looking for that is good for them. Há tips meses um business livro paraI Depois sucesso, não on tenho how toprocurado expand the Thatdesse is what inspired medemorou to keep em analisar, especialmente esta edição eu incorporasse esse aprendizado love. Over the yearspara I have found many que reading. When I implemented what Ino da choice. O número “desenvolvendo meu marketing do negócio coaching! great books that have helped me seu imread, I was very happy de with the results. negócio” é pessoalmente um favorito, uma mensely in that area. I was happy because helped Não li o livro do começo ao the fim. book Li os capítulos vez que estou sempre procurando por dicas There is always an array of new memais to use I know as coach e que mewhat interessavam noa momento de como expandir o negócio que adoro. business books and a couple caught – how to connect authentically with   assim continuei a fazer nos anos seguintes. Ao longo dos anos encontradolike bons my eye. Onetenho title-seemed it livros would people to tell them about what I had to Estes são os capítulos que se destacaram quebe meinteresting ajudaram imensamente nessa área. is a new book by Daniel offer and how it could be a match for para mim: Pink, To Sell Human. de I was also their own dream. Existe sempre umaisvariedade livros novos

I

sobre negócios e alguns me chamaram a atenção. Um título que me pareceu ser interessante é um livro novo de Daniel Pink, To Sell is Human (Vender Faz Parte do Ser Humano). Também fiquei intrigada com a mais recente publicação Decisive: How To Make Better Choices in Life and Work (Como Fazer as Melhores Escolhas na Vida e no Trabalho) de um dos meus autores preferidos, Chip e Dan Heath. Entretanto, intrigued by the newest offering by quando de um livro que me ajudasse one precisei of my favorite writing teams, Chip na and minha última campanha marketing Dan Heath Decisive:deHow To Make e achei na Choices minha estante umand livroWork. marcado, Better in Life Howfoi então que sabia ter encontrado livro ever, when I needed a book to ohelp para este artigo.

O Capítulo mais Importante neste livro

de uma lição óbvia de chamar a “The book helped meDepois to use what I como know atenção de alguém com meu título contagiante. as a coach – how to Este connect capítulo foca authentina área online de vendas e marketing. cally with people to tell them about Não leia este capítulo what I had to offer and how it could be a O autor realça o fato de que usar mensagens com uma negativa pode ser eficaz. Este match for their own dream.”

capítulo também fala sobre o radio, TV e mensagens de success, vídeos. After that it didn’t take me

toda incorporate this learning into A long Magia nudez do dinheiro é atraente my coaching business marketing! Apesar de ser um título intrigante e maluco, I did parte not read theos book cover to há uma sobre desenvolvedores I picked the chapters that docover. PNL (Programação Neuro Linguistica ) me with my latest marketing campaign e most appealed to curiosidade my current éinterest de como o uso da um dos and reached an earmarked book and have continued to tirar do that over Cerca deI cinco anosfor atrás, o primeiro que li, melhores caminhos para as pessoas na época deshelf, sua publicação, Buying Trances on my that wasfoi when I knew I years. dothe transe. – A had New found Psychology of Sales the book for and this Marketing review. Here are the chapters that stood out A verdade sobre porque as pessoas (“Transe” – Uma psicologia de–Vendas I first readnova Buying Trances A New for me: compram e Marketing) de Joe começando Psychology of Vitale. SalesEstava and Marketing Uma observação sobre a pirâmide das várias um by novo naquela época, The MostdeImportant Joeempreendimento Vitale about five years ago necessidades Maslow e porque ele estava alugar uma casacame de campo férias, e a Chapter in This when it first out. I para was starting errado é interessante por Book si só. Existe também queria saber comoatusar para was atraira After an com obvious lesson on how tomais easnew venture the palavras time, which uma lista as cinco motivações interessados alugar minha pequena casa. ily capturedesomeone’s attention with vacationpara rental cottage, and I wanted importantes nosso comportamento. a catchy title, this chapter focuses on to learn how to use words attract Gostei de cara do livro porque era to fácil de ler, Se você pensa que como coach você não the online area of marketing and sales. people to rent outvezes my little abode. interessante e algumas engraçado! está no negócio de vender, eu aconselho I liked the book right away because Percebi também que o autor tinha um “jeito a ler com atenção e com a mente aberta Don’t Read This Chapter it was easy to read, interesting and at coach”, como costumo chamar, de olhar esta edição da Choice. Podemos usar uma The author underlines the fact that times downright funny! I also noticed para as coisas. Sua abordagem era direta linguagem diferente de outros negócios e using canvida, be efthatcomo the author had what I would call a focar sobre as pessoas pensam e como emnegative aspectosmessages invisíveis da mas influenciá-las, mas usando o coração. Ele é precisamos de clientes que desejam comprar claro na intenção de influenciar as pessoas nossos serviços para que possamos trabalhar a fazerem algo que seja bom para elas. Isso me nossa magia e obter sucesso. inspirou para continuar a leitura. Quando Comprar e vender são partes essenciais apliquei o que li, fiquei muito feliz com os da balança de “um negócio de coach bem resultados. Fiquei feliz porque o livro me sucedido”. O requisito é encontrar as pessoas ajudou a usar meu conhecimento como coach que estão à procura da transformação que o - a como me conectar de forma autêntica] coaching oferece. É válido usar seu tempo com as pessoas para dizer o que tenho a em aprender como tirar pessoas do transe oferecer e como ela poderia ir de encontro para vender sua mágica. aos seus sonhos.

fective. This chapter also covers radio, TV and video messages.

Se você está procurando um livro informativo

e divertido para ajudar no The Nude Wizard of seu marketing e na sua venda, este deve fazer parte de seus Money Making Appeal livros de negócio coaching. Besides being ade wacky but intriguing chapter title. there is a piece on the developers of NLP and how using curiosity is one of the best ways to break peoples trances.

The Truth about Why People Buy

“O livro me ajudou a usar meu conhecimento If you have any thinking that as a como coach coach you are not in the business of selling something, I ask that you read – como me this issue of choice carefully and with an open mind. We may use a different conectar de and language than other businesses we may focus on aspects of life that forma autêntica are invisible, but we need customers willing to buy our services in order for com asmagic pessoas us to work our and to succeed. Buying and selling are the essential para dizercoach o que part of the ‘successful business’ equation. Reaching the people who are seeking thea transformation that tenho oferecer coaching brings is a requirement. It’s worth your time to learnpoderia how to break e como ela into someone’s trance and sell them your magic.encontro irIf you de are looking for a fun and informative book to help you with your aos seus sonhos.” marketing and sales, you will enjoy A look at Maslow’s pyramid of needs and why he was wrong is interesting in and of itself. There is also a list of the five top motivators of our behavior.

having this one on your coaching business bookshelf. •

11

VOLUME 11 NUMBER 2

11

choice


Ferramentas de Coaching

Caminhos Criativos e Inovadores para Avivar e Renovar seu Negócio de Coaching Acessórios de Coaching para 2013 Produtos Premiados Produtos Premiados por Marcy Nelson-Garrison, MA, LP, CPCC Em comemoração aos maravilhosos 10 anos da Choice Magazine, 10 anos escrevendo sobre Ferramentas de Coaching e 10 anos de inauguração da Coaching Toys Store (Loja de Acessórios para Coaching), é com grande entusiasmo que divulgamos a Coaching Toys 2013 Products Awards (Loja 2013 com Produtos Premiados). Ao longo dos anos muitas ferramentas incríveis foram destacadas nessas páginas – é hora de homenagear os melhores entre os melhores! Criamos três categorias de produtos premiados: Out Of The Box (Além do Padrão); Big Life, Big Action (Uma Grande Ação, Uma Grande Vida); e Art Of The Heart (A Arte do Coração). O vencedor de cada uma terá uma anotação publicada em “Ferramentas de Coaching”. Esta edição homenageia o ganhador do Produto Premiado Out Of The Box.

Embaralhe as cartas de fotografias magníficas e sugestivas e tire uma carta para cada um dos quadrados pré-estabelecidos no campo do jogo. Cada quadrado tem uma questão de coaching correspondente. As fotografias ativam intuição e sabedoria logo abaixo da superfície e se tornam estímulos perfeitos para reflexão. O livro aprofunda o processo através de histórias, citações e questões de coaching adicionais. O Jogo de Coaching inclui um tabuleiro de pano, 65 cartas de fotografias, um livro escrito de forma maravilhosa para ser seu companheiro e um bloco com folhas destacáveis para anotações, insights e ações futuras. O pacote é tão original que você terá que desembrulhar o conteúdo sempre que for jogar. O ato de desembrulhar é uma metáfora perfeita para as descobertas reveladas durante o jogo.

Points of You - O Jogo de Coaching

Parabéns a “Points of You - O Jogo de Coaching” que ganhou o Produto Premiado Out Of The Box 2013! Points of You é um processo de coaching novo, divertido e inovador que pode ser facilitado ou usado sozinho. ‘Jogar’ é fácil. Escolha um dos quatro ‘jogos’: Vigília; Relacionamento; Perdas e Ganhos; ou Presente, Passado, Futuro. Defina o foco para o coaching; um desafio, uma decisão ou uma oportunidade.

Essa ferramenta para pensar de forma mais aberta é por si só poderosa e incrível quando experimentada com um coach qualificado. Tente oferecer o processo para seus clientes autônomos. Que forma criativa para envolver os clientes em suas próprias descobertas.

iZoar Incentivo, Inspiração, celebração e suporte - este é o coração e a alma da linha de produtos iZoar - vencedores do Prêmio Big Life, Big Action. Personagens femininos caprichosos apresentam sabedoria simples e profunda para o crescimento pessoal, perseguindo e ‘curando’ grandes sonhos. O livro em espiral, Your Dream ... Go For It

12

choice

(Seu sonho... Vá atrás dele) é um grande caminho para dar o tom do coaching. Cada página traz uma mensagem de incentivo do tipo: “Se todos ao seu redor pensam que você é maluco, então você provavelmente está no caminho certo”. A questão na página seguinte é: “Ir atrás de seus sonhos pode não ter aprovação de todos a sua volta. Como você lida com a desaprovação dos outros?”. Supporting Your Healing Journey, A Coloring Book (Apoiando Sua Jornada de Cura, Um Livro Colorido) é um livro perfeito se você trabalha com clientes que passam por desafios de saúde ou momentos de dores na vida. A ação de colorir alivia o stress e incentiva a reflexão. A experiência se torna mais rica com mensagens como: “Somente peço forças para dar um passo à frente” e “Supere conflitos impossíveis permitindo seus próprios milagres”. Imagine um cliente sentado com esta simples ferramenta, conectado com esperança e amor e suavidade. Chega a me dá arrepios. No mesmo espírito, para todos os dias, as mensagens Inspiradoras nas cartas incentivadoras oferecem 50 personagens, cada um com uma mensagem única. Adoro a carta que diz “O quanto você se permite ser poderoso?”. Uma grande pergunta, certo? As cartas podem ser usadas como lembretes de prontidão, lembranças poderosas colocadas em cima de sua mesa ou pode ser um ritual de tirar uma carta ao final de cada sessão de coaching. É definitivamente válido navegar pela vila de iZoar.


The Muse is in - A musa que há dentro de você: Manual do dono para sua criatividade Você sabe que você e seus clientes são criativos, mas você sabe realmente como trazer a criatividade para o grupo? Se envolver como um aliado? Desenvolver realmente aquele músculo precioso? Jill Badonsky sabe! E ela sabe fazer de um jeito que vai fazer você querer reafirmar sua própria criatividade e se sentir eufórico quando fizer! Este foi o impacto que o livro dela causou em mim, e por isso o escolhi para o Prêmio Art Of The Heart.

Antes de qualquer coisa, o livro Muse Is In, tem um visual maravilhoso. É cheio de cores, ilustrações peculiares, inspiração e exercícios que são um deleite para os sentidos e sua musa saltará de dentro com alegria. Pegue um da fase de aquecimento para começar, dispositivos ou ferramentas de reflexão para potencializar sua criatividade. Tente um filtro nas questões, escreva um haiku, quebre algumas regras ou coloque sua ideia na mira (imagine um submarino com um periscópio). Aprenda o que alimenta o processo de criatividade e o que interfere nele. Jill oferece uma sabedoria abundante e completa inclusive de como mudar obstáculos do tipo resistência e rebelião, perfeccionismo, opressão, e própria sabotagem. Badonsky também sabe que todo crescimento exige muita prática. A última parte do livro oferece uma pronta criatividade para cada dia do ano. Eu planejo comprar um novo

diário só para esses exercícios! Este livro é a ferramenta perfeita para expandir sua própria criatividade, explore as ideias para usar com seus clientes ou presenteie-se como parte de sua descoberta ou processo de conclusão. Este é definitivamente um novo favorito!

arquivos na sua conta.

Dropbox

Se você é um coach iniciante, procurando refinar suas habilidades ou tem clientes que deixam você nervoso, o aplicativo Ubicoach vai lhe dar uma mão através de uma chamada para um coaching. É o primeiro aplicativo que direciona você para uma sessão completa de coaching. O aplicativo projetado para um instrutor de treinamento de coaching e tal como o aplicativo direciona uma sessão de coaching a um ciclo completo de coaching.

Por Sandra De Freitas Se você alguma vez tentou enviar por email um vídeo, áudio ou arquivo zipado para alguém da equipe ou cliente e o email voltou para sua caixa de entrada porque o arquivo anexado era muito grande você vai adorar o Dropbox. O Dropbox permite você guardar arquivos enormes, compartilhar eles sem custos e facilmente!

Se você trabalha com uma equipe ou com alguns terceirizados você pode usar o Dropbox para compartilhar arquivos da equipe em pastas específicas do Dropbox. Digamos que você esteja trabalhando num novo site e quer compartilhar vídeos e novos logos, suba os arquivos na sua conta do Dropbox e compartilhe aquela pasta com sua equipe, compartilhando a própria pasta ou um enviando um link para eles acessarem. Nada de arquivos grandes anexados em e-mails. Se você quer que seus clientes gravem suas próprias falas, trabalhando na rede ou facilitando para que você possa corrigir ou treinar, eles devem simplesmente colocar o arquivo do vídeo no Dropbox para que você veja. O melhor é que você não precisa de outro software para assistir o vídeo. Apenas clique para começar! Outra coisa boa sobre o Dropbox é que você pode acessar seus arquivos de qualquer computador ou smartphone que tenha o aplicativo Dropbox. Subir documentos para o Dropbox é fácil. Você pode entrar com sua conta online e subir os arquivos ou pode baixar um aplicativo no seu computador para arrastar e soltar os

Se você ainda não assinou gratuitamente uma conta no dropbox.com, faça agora. Você não vai se arrepender.

Aplicativo Ubicoach Por Sandra De Freitas

O “Ciclo do Coaching” é: 1) Estabelecer a relação 2) Definir a situação atual 3) Definir a situação desejada 4) Plano de ação 5) Reflexão No começo de sua sessão de coaching você vai iniciar o aplicativo, indicar com quem está fazendo o coaching e qual a duração da sessão de coaching. Porque o aplicativo vai preparar você durante a sessão de coaching é necessário saber quanto tempo ele precisa para dar suporte. Quando você estiver trabalhando com o cliente o aplicativo vai expor um conjunto de perguntas para você usar com seu cliente. O aplicativo fala em qual parte do ciclo você está enquanto está trabalhando com o cliente e uma luz avisa quando você muda para o próximo passo do ciclo. Quando você muda de um ciclo para outro o aplicativo Ubicoach mostra um novo conjunto de perguntas para você usar com seu cliente. O aplicativo Ubicoach tomará conta do coach durante a sessão de coaching, assim o coach pode tomar conta de seu cliente. O aplicativo Ubicoach já estará disponível para iPhone e iPad após a publicação.

13

choice


Situações de Rigidez Orientação Especializada sobre publicações fundamentais de coaching

Como Viver em Tempo Integral como Coach? A situação “Nos últimos três anos tenho trabalho meio período como coach e gostaria de dar um salto e viver uma vida de período integral. Entretanto, não consigo imaginar como ter uma vida digna apenas como coach. Se trabalhasse oito horas por dia, cinco dias da semana e tivesse sessões de coaching a cada hora, ganharia um bom dinheiro, mas isso parece irreal. Algumas vezes tenho apenas de três a quatro horas de sessões de coaching na semana. Você pode sugerir o que fazer para viver período integral como coach?”

um sonho maior do que nossas circunstâncias. Além disso, tínhamos uma dose próspera de estratégia para realizar nossos sonhos! Os vários resultados que você experimenta atualmente não são a causa da sua frustração. Os resultados que você experimenta atualmente são “o porquê” do que você está fazendo. Os resultados são efeito - você é a causa. E ISSO É UMA BOA NOTÍCIA! Como coaches sabemos que toda transformação vem de dentro e isso é tudo que podemos verdadeiramente mudar. Como Gandhi disse, “Você deve ser a mudança que deseja ver”. Vamos então falar sobre três coisas que eu acredito você deve mudar em você: foco, atitude e ação. FOCO: O que você quer cobrar pelo seu serviço? E se você não está atualmente cobrando o que deseja, por que não cobra? Crenças limitadoras? Resolva isso com SEU coach (Você tem um coach, certo?). Tenha clareza sobre seu negócio de coaching, tenha pacotes, aceite cartões de créditos através de conta comercial, esteja aberto para o BUSINESS.

A avaliação dos especialistas Por Victoria Trabosh, CDC ® Vejo sua questão como uma metáfora para esta pergunta: Por que você larga uma coisa certa pela chance de, com muito otimismo, pegar algo melhor (especialmente quando está tentando e até agora não obtendo sucesso)? Sou uma sonhadora realista! Em 10 anos trabalhando com coaching, eu e meus clientes temos dado um salto após outro acreditando na beleza e no poder de nossos sonhos e agora olhando para trás posso ver que o sucesso alcançado foi porque ousamos ter

14

choice

ATITUDE: com os outros, seja mais interessado do que interessante. Você identificou seu cliente ideal e somente conversa sobre coaching quando é realmente uma resposta para alguém que você encontra e com quem se conecta? Você está focado no medo e com receio de rejeição ou você acredita no poder do coaching independentemente de seu público e da crença deles? Você fica excitado quando é contratado por alguém e sabe que vai ajudá-lo a conectar seus maiores sonhos e objetivos? Suas atitudes para com o sucesso são primordiais para seu sucesso. Leia, por favor, Think and Grow Rich (Pense e Fique Rico) de Napoleon Hill. AÇÃO: Eu desafio você a trabalhar HOJE em cima de seu sonho de se tornar um coach em período integral, bem pago, compassivo e bem sucedido, que não apenas vai inspirar outros, mas é um evidente caso de importância que mostra como o coaching é a chave para viver a vida dos seus sonhos. Recentemente ouvi John Maxwell, o maior

coach de liderança do mundo reconhecido, resumir da seguinte forma: 1 - Invista em você mesmo 2 - Descubra suas forças 3 - Desenvolva essas forças 4 - Faça de todos os dias, dias importantes (Todo dia é dia) 5 - Pense com sucesso todos os dias (do jeito que as pessoas bem sucedidas pensam) 6 - Multiplique através de outros: tente não ser uma pessoa de sucesso; seja uma pessoa de valor. Através de Foco, Atitude e Ação você pode transpor os obstáculos que você percebe estão impedindo você de dar o salto que deseja. Acredite em você como acredita nos outros, assim como eu acredito em você. Você está com dificuldades em resolver uma situação de rigidez? Você não precisa passar por isso sozinho. Deixe que nossos coaches sêniores deem uma perspectiva diferente para você considerar. Envie sua situação para o email: editor@choice-online.com e coloque no assunto do email “situações de rigidez”.


15

choice


Situações de Rigidez

Conte Sua História! Coaches blogueiros contam suas histórias

por Sandra De Freitas Quando você faz uma postagem no blog sobre tópicos relevantes das preocupações de seus clientes potenciais, você demonstra seu conhecimento na área. Este é um dos principais benefícios do negócio de blog e também a razão pela qual alerto os blogueiros a não transformarem o negócio de blog num diário. Se você apenas compartilha suas experiências, os leitores podem considerar você como uma “bengala” e não pensar em você como profissional para contratar. Se você somente pode compartilhar o seu conhecimento, os leitores podem respeitar e venerar você, mas, pode perder o contato se eles sentirem que você quer dar uma lição a eles. Eu recomendo uma abordagem balanceada, em favor do conhecimento.

16

choice

Por outro lado, coaches blogueiros tem uma oportunidade única de explorar a fundo sua vida pessoal e experiências. Quem você é como pessoa e dono de negócio é parte integrante do trabalho que desenvolve com seu cliente. Compartilhar seu próprio processo durante a jornada pode ser elemento crucial tanto para ganhar a confiança do cliente potencial, como cimentar uma relação com seus clientes atuais. Para muitos coaches, o caminho natural para a escolha de um nicho é focar uma solução para questões que eles já superaram em suas próprias vidas. Ao fazer isso você passa a fazer parte de seu próprio mercado alvo, e direciona o caminho para criar um conteúdo valioso para seu negócio de blog.

Por exemplo, o que te agrada saber agora que não sabia um ano atrás? O que você aprendeu durante a última semana que poderia abreviar a curva de aprendizado para alguém que é seu cliente? Sobre que problema ou questão você está trabalhando e você deseja compartilhar seu aprendizado na procura de soluções?


Expressar vulnerabilidade sem perder a credibilidade Quando você está considerando qual história pessoal quer incluir no seu negócio de blog, deve levar em conta o seguinte: Encontre a moral da história – Se você é membro de seu próprio mercado alvo e está compartilhando um sucesso, tente terminar a história com um ‘chamado para ação’, de modo que o leitor possa desenvolver com sua experiência. Se sua história estiver ressaltando algo que ainda está trabalhando, tente juntar orientações concretas ou conselhos para você e seu leitor aplicarem juntos. Meias-verdades são permitidas – O leitor nem sempre precisa de todos os detalhes. Não é desonesto ou desleal omitir alguma coisa que você não se sente à vontade em compartilhar ou que não está no conteúdo de seu tópico de conhecimento. Você também pode deixar de fora algumas observações pessoais depreciativas, com o objetivo de balancear entre humildade e confiança. Você quer que o leitor se relacione com sua vulnerabilidade, e ainda assim ver em você um especialista que pode ajudá-lo. Uma postagem no blog é para sempre – Embora você possa rever ou apagar um conteúdo de seu blog, uma vez postado, pode ser encontrado no futuro. Se você não quer que alguém leia o que escreve, agora ou depois, não publique na internet. Um negócio de blog é uma ferramenta de marketing – Embora escrever possa ser muito terapêutico e catártico, esta não é a proposta de um negócio de blog. Se você acha que “blogar” sempre provoca essas experiências catárticas, considere criar um blog pessoal, ou controle de acesso por senha protegida. Daí escolha os melhores e reescreva para seu negócio de blog. Natalie Currie, com certificação em coaching pessoal, dona do blog http://thewayfindin coach.com/blog, diz que a decisão de transformar sua experiência pessoal em uma postagem para o blog acontece rapidamente com ela. “Estou sempre à procura de lições da vida onde aprendi alguma coisa e que posso transformar em ensinamento”, comenta Currie. “Por exemplo, quando escrevi ‘Osso

duro de roer’, estava acampando em Georgian Ray. Era setembro, tempo em que as sementes caíam em todo lugar. Quando uma quicou meu braço, pensei como a gravidade ajuda as sementes a se romperem e formar raízes antes que os esquilos peguem elas ou que o terreno congele. Em outras palavras, se expor é uma coisa boa e necessária para o crescimento, apesar da dor que pode causar a curto prazo. Como costumo ficar reflexiva quando em contato com a natureza (sempre faço meu planejamento de trabalho quando acampo) eu me perguntei como esta lição podia ser uma analogia para o comportamento humano e como ser útil aos outros... e assim surgiu a postagem. Penso que é importante que meu blog tenha postagens relacionadas diretamente com a experiência de meus leitores. Eu quero que o foco seja mais no leitor do que em mim.” Esta é uma lição para todos coaches blogueiros. Em primeiro lugar, seu negócio de blog é uma ferramenta de marketing para criar e construir relações duradouras com pessoas que podem se tornar clientes ou indicar clientes. Fornecendo informações valiosas sobre tópicos com que eles se preocupam, você mostra que tem experiência e conhecimento para ajudá-los. Balancear seu blog para satisfazer estas necessidades Cinco razões principais porque clientes potenciais visitam seu blog. 1. Para checar o quanto seu negócio é ativo e sua situação atual, lembre-se de compartilhar suas noticias sobre o negócio, realizações, bem como também suas histórias pessoais. 2. Para conhecer a “voz” e a personalidade que está por trás do negócio, seja o mais autêntico possível, sempre encarando seu blog como uma ferramenta de marketing e uma reflexão de seu negócio.

divide os problemas complexos em partes mais simples. Seja também cuidadoso e organizado em classificar as postagens do blog de modo que eles encontrem facilmente. 5. Para avaliar qual é o seu conhecimento, clientes potenciais querem ver em você um especialista para quem podem confidenciar seus problemas. Afinal, eles estão investindo tempo, dinheiro e energia trabalhando com você. Histórias pessoais satisfazem algumas destas razões, mas certamente não todas. Conselhos de Sucesso para Negócio de Blog 1. Mantenha atualizado – Se você faz uma vez por semana uma postagem, ou por mês, monte uma programação e cumpra. Isto está relacionado com seu profissionalismo e responsabilidade. 2. Revisão – Antes de publicar uma postagem, leia em voz alta e preste atenção em errose linguagem inadequada. Você pode entregar esta tarefa a uma pessoa que possa ser mais objetiva. 3. Promover – Uma vez a postagem feita, divulgue o link para as redes sociais e envie e-mails. Dê uma boa razão para seu link ser acessado. 4. Balancear seu blog – Faça um balanço entre postagens de histórias pessoais com artigos “Como?”, teorias, entrevistas e recomendações de conteúdo de outras pessoas. Organiza suas postagens em categorias para que o leitor encontre o que mais interessa. 5. Plano de sucesso – Identifique seu cliente e alguns problemas que tenham. Como seu blog vai ajudar esses leitores? Também tenha certeza de como “blogar” se encaixa no seu marketing e processo de venda.

3. Para checar como você cuida das pessoas, conte histórias de seus clientes junto com as suas, para dar uma ideia de sua abordagem com o cliente. 4. Para aprender dicas que eles podem usar imediatamente para aliviar o problema, combine sua experiência também com seu conhecimento em artigos “Como?” que

17

choice


Perspectiva

A Forma Sugere Função O que os coaches podem aprender com os designers by Jessica Austin Recentemente comprei uma cadeira Eanes para minha sala de estar. A estrutura de madeira com tonalidade caramelada, com estofado em couro combinou perfeitamente com a decoração retrô. Sou uma admiradora da arte moderna, e adoro objetos que exercem uma função e um propósito. Design é algo que sempre me fascinou e me atraiu, e trago a cadeira Eanes como assunto por uma razão. Quando desenhou este modelo de espreguiçadeira, Charles e Ray Eanes pensaram também em uma função além da experiência do usuário. Verifica-se que o design é tão importante para o coaching quanto para o mobiliário, arquitetura e moda. A maioria das pessoas não colocariam a palavra coaching e desing juntas, e na verdade nem eu, até uns anos atrás. Design thinking não é uma ferramenta para você acrescentar às suas. Melhor que isso, é o processo pelo qual criamos, inovamos e transformamos produtos ou serviços onde a experiência do cliente é de máxima importância. Coaches focam tipicamente mais em seus produtos e serviços do que na forma como seus clientes experimentam esses produtos ou serviços. Incorporar os conceitos do design thinking pode ajudá-lo a criar uma melhor experiência de cliente desde o primeiro ao último contato. Design thinking é algo que qualquer coach pode usar para melhorar o seu negócio. Feito da maneira correta, design thinking pode ajudá-lo a transformar o modo como faz o negócio e criar uma experiência incrível para seus clientes. Todo produto que é desenhado incorpora uma necessidade (objetivo) e os recursos disponíveis para criar opções, isto é, útil e funcional. Todo grande designer usa essas opções e decide a melhor solução para suprir a necessidade e dar a melhor experiência para o usuário. Tome como exemplo o legendário Steve Jobs. Ele criou a Loja da Apple para os clientes terem a oportunidade de experimentar os produtos da Apple antes de comprá-los. A Loja da Apple não é gadget típico de varejo; tem uma proposta diferente. A partir do momento que você entra na loja, você escuta música eletrônica tocando suavemente,

18

choice

e por trás aparece alguém para recepcioná-lo no centro da loja. Conforme olha a sua volta, você vai ver grandes espaços abertos com bancadas de madeira expondo os laptops, iPhones, iPads e outros aparelhos da Apple. São produtos disponíveis, convidando você a manuseá-los e não há estante com estoque. O layout da loja é um convite para o consumidor testar e conhecer os aparelhos e não para apenas olhar.

Há muitos problemas comuns na forma como os coaches prestam seus serviços. O erro mais comum é prometer demais. Deixe de lado o julgamento e simplesmente considere que a experiência de seu cliente pode trazer nova perspectiva para você poder aumentar sua prática para usar design thinking. Como coaches, sabemos que o coaching oferece ao indivíduo oportunidade de mudar sua situação atual. Mas o resultado não é o mesmo para todos. Apesar disso muitos tendem a prometer demais em seus websites. “Leve uma vida de realizações (contrate-me


poderia dizer: “Juntos podemos desenvolver estratégias que ajudarão você a tomar melhores decisões”. Esta segunda declaração é muito mais clara do que a primeira, e diz ao cliente o que está em questão: desenvolvimento e estratégia. Quando focamos mais na experiência do cliente do que nos serviços que oferecemos, estamos mais aptos a criar mensagens que constroem verdade e confiança com clientes. Cada coach tem a oportunidade de desenhar uma experiência para seus clientes. Se como você comercializa seus serviços, para o todo conteúdo do seu site, usando design thinking pode ajudar você a criar uma grande experiência de cliente coerente com sua marca, sua mensagem e sua prestação de serviço. A melhor forma de você fazer isso é olhar para seu site sob a perspectiva do cliente. Pergunte a você mesmo, “estou prometendo demais” ou “a linguagem no meu site está muito vaga?”.

Reconhecer necessidades

Este é meu desafio para você: entre em sites de outros coaches e procure por mensagens sobrepostas, promessas em demasia e declarações vagas. Depois, observe sua prática com olhar perspicaz e procure áreas que necessitam aperfeiçoamento. Daí use os passos do design thinking para fazer as mudanças tendo seus clientes em mente. Você e seus clientes perceberão uma notável diferença nas suas mudanças.

“Quando focamos mais na experiência do cliente do que nos serviços que oferecemos, estamos mais aptos a criar mensagens que constroem verdade e confiança com os clientes.”

Criar opções

Aperfeiçoar as opções como coach)” é o tipo de promessa de que estamos falando. É impossível o coach proferir isso para o cliente. Em vez de prometer demais, tente oferecer algo que possa cumprir. “Juntos podemos aprimorar suas capacidades atuais.” Oferecer aperfeiçoamento é algo possível e não tem os mesmos riscos de quebra de confiança. Outro erro que os coaches cometem é ter declarações vagas em seus sites que não significam coisa alguma – “Faça mudanças duradouras e positivas”. O que isso realmente significa? É uma declaração muito vaga. Em vez disso

Determinar melhores soluções

Prestação do serviço e finalização

19

choice


Feature

Bem-vindos a nossa edição anual para desenvolver negócios, que dá suporte a profissão de coaching. Esta edição fala sobre o verdadeiro conselho “leve para casa” tudo sobre como ser o melhor coach, desenvolver um negócio lucrativo, se organizar, encarar seus medos da tecnologia, onde procurar respostas, melhores pesquisas e tudo que você precisa saber para viver feliz como coach.

20

choice


A Carreira do Coach Marketing, gestão, excelência e magnitude. por Heather Markel, CPC, ACC

1. Conhecimento básico Você foca ou manipula? Esta é a pergunta de um milhão de dólares que todos os coaches enfrentam. Você usa seu tempo profissional com foco em oferecer o único valor que alavanca suas forças, habilidades e paixão (vamos chamar isto de ‘foco central’)? Ou você acrescentou ‘manipulação’ as suas habilidades? Quando você não tem sua marca pessoal claramente definida, você não pode se dar ao luxo de ter foco. Você passa o tempo manipulando seu foco central com múltiplas atividades necessárias que são absolutamente essenciais para atingir o sucesso profissional. Quais são essas atividades essenciais necessárias? Elas caem no âmbito de duas grandes categorias: atrair futuro cliente e manter o cliente. Ambas as categorias ajudam a atingir o sucesso, porque se você não tem receitas definidas ou não está alcançando objetivos específicos, você está praticando um hobby e não desenvolvendo um negócio. Imagine uma pirâmide e a receita de seu objetivo está na camada superior (o que você quer alcançar). Abaixo estão as camadas de venda e marketing (as ferramentas que você usa para alcançar seu objetivo). A base é onde está você e sua prática de coaching atual (como você gera a receita). E não, não é “tudo tem a ver com dinheiro”. A maioria dos coaches são profissionais independentes estabelecidos, e podem focar em alavancar suas habilidades e qualificações para o mercado alvo que desejam e valorizar o que eles têm a oferecer. Mas você deve admitir, rastrear a receita permite avaliar, de forma sólida e concreta, até que ponto eles são bem sucedidos ao oferecer seu foco central para pessoas que querem e precisam disso. Para atingirem com sucesso a receita de objetivos, os coaches precisam assumir a venda e o marketing. Sim, eu posso ver sua interrogação quando leu minhas palavras. Como não consegui encontrar uma estatística séria sobre a porcentagem de coaches que gosta de vender ou fazer marketing de seu

trabalho, e levando em consideração as centenas de personalidades e administrados comportamentos para coaching ao longo dos anos, eu diria que não chega a cinco por cento. Assumindo que vender é algo ardil, muitos coaches tentam ‘suavizar a venda’ participando de uma rede de eventos virtual ou presencial, escrevendo com frequência artigos ou comentários que são postados nos seus blogs, ou de outros, pedindo amizade no Facebook e convidando amigos para participar da sua rede no Linkdin. Passam horas, até mesmos dias da semana, postando atualização de status, ‘colocando’ imagens, ‘tuitando’, ‘curtindo’ e ‘apoiando’ para atrair atenção de futuros clientes. Mas depois de todo tempo e empenho, o índice sobre a conversa ‘perspectiva de atrair cliente’ chega a ser patética e eles estão exaustos. E estão frustrados com a eterna curva de aprendizado sobre a mudança contínua de plataformas e estratégias de marketing na internet nas redes sociais.

Eles têm poucos clientes e, apesar do grande investimento em tempo e energia, seus empenhos para atrair clientes não produzem os resultados que eles querem. Se você está nesse barco, pode começar a se animar, você não está sozinho. Poucos coaches discutem sobre seus fracassos em marketing, então enquanto pensou que era só você nessa canoa, você é apenas um dos milhares a bordo de um pequeno Titanic. Então o que faz a diferença? Como você pode focar em fazer o que adora, alavancar suas forças, habilidades e ainda atrairclientes? A resposta é surpreendentemente simples. Primeiro precisa ficar claro o porquê você é a melhor escolha deles. Segundo você deve ser capaz de articular com clareza os benefícios que seus futuros clientes terão em contratá-lo. Quais problemas sua equipe de coaching vai resolver? Quais necessidades serão preenchidas? Como a vida deles vai se tornar mais fácil, com mais sucesso, mais feliz, mais saudável, etc.?

21

choice


Feature

Titanic Muitos coaches sabotam seus esforços de marketing porque não respondem a essas questões. O foco central deles não vai de encontro às necessidades de seus futuros clientes. Eles não fazem ligação entre os problemas dos futuros clientes e as soluções que seu coaching oferece. Em vez disso, eles se deixam ficar num plano de conversa inferior, onde eles se sentem muito mais confortáveis. Agradeço meu amigo Mike Dooley, vejo nessas conversas um ataque ao ‘famigerado conhecimento’. Em vez de mencionar os resultados benéficos, muitos coaches tentam vender sua própria imagem falando para seus futuros clientes como funcionam os processos ou abordagens que utilizam. Essa negligência tem um custo para eles, uma vez que perguntar “Como” não dá a seu futuro cliente a informação que ele precisa para tomar a decisão de comprar. Na verdade, perguntar “Como” cria a dúvida na cabeça de seu futuro cliente, reconhecendo tanto problemas quanto necessidades. Aqui está um exemplo. Imagine que você quer contratar uma empresa que desenvolve sites para criar um site para seu negócio. Você pergunta se eles podem criar um site para atrair clientes para o coaching para facilitar sua comunicação com eles, uma vez que você não é muito esperto em tecnologia. A pessoa que vai desenvolver o site ignora sua colocação (sua necessidade) e começa falando sobre SEO, hospedagem de site e códigos. Ele fala sobre como sua equipe vai criar o site, como vai atrair futuros clientes e como vai possibilitar você a se comunicar com eles. Você fica com perguntas não respondidas e a sensação desagradável de participar de uma conversa onde você não compreende 90% do que foi dito. Então você procura por outro fornecedor. Quando você encontra uma empresa que desenvolve sites que escuta você, responde e claramente demostra que pode atender suas necessidades, você fica feliz em contratá-la. Quando coaches são claros, precisos e possuem declarações baseadas em benefícios, visão atual das necessidades e problemas do mercado alvo, se torna mais fácil para cada coach individualmente adequar sua mensagem ao seu mercado, atraindo futuros clientes de forma mais rápida, fácil e confortável.

22

choice

Quando a mensagem do coach para o mercado for clara e precisa, eles não precisam passar horas pedindo amizade, curtindo, apoiando ou tuitando. Sim, Coaches devem investir forte em estar presentes em mídias sociais. Quando eles já possuem sua marca pessoal, isso demora um pouco porque as características são inerentes. O verdadeiro processo da marca pessoal capacita os coaches com palavras, percepção e habilidades que eles precisam para atrair futuros clientes efetivamente, eficientemente e autenticamente. Os coaches que têm sua marca pessoal são focados. Eles dedicam a maior parte de seu tempo profissional no seu foco central, coaching, que é exatamente o que eles pretendiam fazer quando começaram seu próprio negócio.

“Em vez de mencionar os resultados benéficos, muitos coaches tentam vender sua própria imagem falando para seus futuros clientes como funcionam os processos ou abordagens que utilizam.”

“Quando a mensagem do coach para o mercado for clara e precisa, eles não precisam passar horas ‘pedindo amizade’, ‘curtindo’, ‘apoiando’ ou ‘tuitando’.”


23

choice


Feature

Cérebro Como Alicerce Desenvolvimento de Negócio Como o alinhamento pode trazer mais clientes, mais dinheiro e mais alegria. por Sylvia Becker-Hill, MA, PCC Quando se fala de coaching se fala em dois tipos de coaches no mercado, diferenciados pelo seu passado e previsão de um futuro bem diferente sobre o sucesso de seus negócios na avaliação dos resultados financeiros obtidos. Existem coaches que saem de dentro do mundo do business, tanto como funcionários de corporações como donos do negócio e que – geralmente através de algum tipo de colapso ou crise que induziu a um exame de consciência voltado para o coaching e largaram o mundo dos negócios – trazem seu conhecimento do business para o coaching e desenvolvem práticas prósperas com naturalidade. E também existem milhares de curandeiros, aristas, profissionais de saúde, terapeutas, pessoas que trabalham com energias, pesquisadores espirituais... empresários centrados em valores e sentimentos e outros de espírito livre e criativos que – geralmente procuram um caminho profissional para compartilhar seus dons com o mundo e descobrem com deleite o potencial do coaching – trazem essa grande paixão e modalidade de conhecimento profundo para o coaching e lutam ou fracassam para desenvolver práticas prósperas. Aqueles que acreditam na ilimitada capacidade humana de aprender podem dizer, “bem, o segundo grupo deve meramente seguir pessoas de negócio bem sucedidas e aprender com elas – sigam o modelo e apliquem o exemplo. Não é uma questão tão difícil. Apenas uma curva de aprendizado.” Este pressuposto não leva em conta o quanto é desafiador desenvolver um negócio para certos tipos de cérebro. Este artigo é escrito para todos grandes coaches que são sugadores quando se trata de negócios. Se você contata milhares de pessoas todos os anos e em média seis ou mais com respectivo caso, você não precisa ler este artigo. Para todos os demais, leiam!

24

choice

A imagem na próxima página mostra a diferença principal entre os talentos de mente consciente e não consciente. O tamanho da relação entre as partes invisíveis do iceberg abaixo da linha da água e acima da linha expressa de uma forma poderosa o domínio invisível da mente subconsciente. Quando você estabelece conscientemente objetivos para desenvolver seu negócio de coaching, sua mente subconsciente precisa dar apoio a isso.

Em caso de grandes divergências entre o consciente e o subconsciente, você cria literalmente um conflito interno que não só destrói as tentativas de desenvolvimento do seu negócio como também seu amor e paixão pelo coaching e inclusive sua autoconfiança! (E nos piores casos, você pode até ficar doente. Seu próprio corpo se torna a zona da guerra e reage com sintomas que mais tarde são diagnosticados pelo médico como doenças.)

Caso contrário, você vai viver com um pé no freio e o outro no acelerador. Como isso traz segurança e faz você ir mais longe? Conscientemente você pode pensar, “eu quero contatar mais pessoas e fazer a grande diferença no mundo enquanto desfruto de um estilo de vida compensador”. Mas inconscientemente você pode pensar, “não quero me tornar um vendedor no mercado como um negociante de carros usados. E se eu me tornar realmente rico e me transformar num monstro mesquinho e perder meu caminho espiritual?”

Para tornar sustentável a possibilidade de desenvolvimento do negócio e para acelerar a realização do processo de seu aprendizado, você precisa que o subconsciente e o consciente trabalhem juntos. Você precisa “limpar a mente” com frequência para criar Alinhamento!

Adivinhe! Você vai acabar gastando uma tonelada de dinheiro em treinamento de marketing e vendas e nada realizando, se sentindo estúpido e ficando bravo com você mesmo; ou tentando realizar um pouco com resultados fracos; duvidando de você mesmo, culpando a economia e invejando ou julgando os milionários do nosso mercado de coaching como superficiais e manipulativos no marketing. Sem alinhamento – sem sua mente consciente E subconsciente te arrastando para mesma direção – você sofre o Efeito-Titanic. Como o Titanic parecia impossível de afundar e acabou com seu mastro na forma de um pedaço de iceberg escondido abaixo da linha da água, da mesma forma sua própria mente subconsciente puxa você e seus negócios para baixo. A notícia frustrante para todos nós é que nosso subconsciente no final sempre ganha sobre a mente consciente. A força de vontade consciente é um recurso esgotável que acaba rapidamente em tempos de stress, excitação física, ansiedade mental, falta de sono, cansaço em tomada de decisões, falta de água e de boa nutrição.

O conteúdo do pensamento/emocional do seu subconsciente que precisa ser limpo pode ser dividido em 12 categorias e tem impacto no seu sucesso e na sua vontade nos 4 Pilares de Desenvolvimento de Negócios: expansão do negócio; relação com o dinheiro; fazer marketing; e focar na venda. Estas são as razões mais comuns para a falta de alinhamento para cada um dos quatro pilares que os coaches criam: Pilar 1: Expansão do Negócio – o melhor material do capitalismo No pilar de desenvolvimento do negócio, a maioria dos coaches espirituais centrados no coração criam uma falta de alinhamento porque se identificam com o seu próprio negócio. Coaching para eles é ‘viver a vocação’ que entendem com orgulho ser a auto expressão deles. Este é um paradigma perigoso porque você está muito ligado ao negócio. Você e seu negócio são ‘um só’. Para ser capaz de pensar estrategicamente, tome uma decisão sensata, não leve nada para o lado pessoal, tenha um estilo de vida saudável pagando um salário a você mesmo... você deve olhar para o seu negócio como algo independente de você. Esses coaches veem a si mesmos como um ‘artista’ ou um ‘espiritualista’. Sim, eles também querem ser grandes coaches, mas eles são resistentes em serem ‘donos do


Efeitos Titatnic nos Coaches: • Resistência • Procrastinação • Exaustão • Peso • Opressão • Pescar sem vara • Excesso de compromissos • Motivação zero • Sintomas físicos como resfriados e pele irritada • Sem reação •Frustração •Efeito ioiô • Acréscimos • Entorpecimento como tv, comida

Pilar 3: Fazer Marketing – manipular exibicionismo custa caro Muitos coaches enxergam o marketing (e as vendas) como alguma coisa diferente do ‘seu verdadeiro coaching’. Para eles é uma necessidade não desejada que tem Combine essa identificação errada com a que ser feita mas eles não querem. Eles versão profunda e enraizada contra qualquer interpretam errado que um bom markeitng coisa ‘business-y ‘ resultante de paradigmas focado no cliente é na sua essência parte negativos que business é alguma coisa hostil de todo o processo do coaching! Através e perigosa transformando qualquer pessoa do marketing o coach fornece informações de espírito bom num vigarista manipulador importantes para os futuros clientes e então e vai ficar fácil entender porque a maioria eles podem fazer uma relação e enxergar dos coaches não investe muito em criar a si mesmos no material oferecido, o que um negócio para aprender a se tornar ajuda a entender onde estão e o que precisam um empresário. para o próximo passo em direção a seus sonhos e objetivos. Abre portas para futuros Pilar 2: Relação com Dinheiro – o infernofeature clientes acreditarem em suas possibilidades da vergonha, medo e culpa e moverem em direção ao compromisso de Quanto mais o coach é centrado em valores mudar – é a essência do coaching! e sentimentos, com mais frequência estão Combine essa aversão ao marketing com presos no subconsciente numa relação não crenças do tipo, ‘Não sou bom o suficiente’ saudável com o dinheiro. Para a maioria das e medos de aprovação do tipo ‘E se eu pessoas há muitos vínculos não cicatrizados parecer um tolo nos vídeos?” e é fácil entender de vergonha, culpa e medos condicionados porque tantos coaches preferem optar por à infância e o melhor é evitar o dinheiro um canal com menos exposição do que o completamente. MAS: Você não pode fazer constante marketing sobre eles mesmos dinheiro e lucro para seu negócio e produzir através de palestra, redes, mídia social e recursos para atingir mais pessoas e viver conditioned in their childhood that it is best sua missão numearly caminho grande com o to vídeos em blog. avoid altogether. money estilomoney de vida sonhadoBUT: semYou criarcan’t umamake relação and a profit for your business and generate the resourc- Pilar 4: Vendas – o comércio desagradável positiva com o dinheiro. Você precisa abraçar es to reach more people and live your mission in a big / mesquinho / de quinta categoria o dinheiro sinceramente como algo espiritual way with a dream lifestyle without creating a positive do comerciante de carros usados – para vê-lo como uma expressão do espírito relationship with money. You need to wholeheartedly Você já encontrou num evento de redes sociais para que você saiba como fazer– dinheiro, embrace money as something spiritual to see it as an um coach apaixonado e franco falando sobre administrar, guardar, investir selearn divertir expression of spirit in order for youE to how to seu coaching e perguntou quanto cobra? com ele. make it, manage it, save it, invest it AND enjoy it. Na maioria dos casos você vai ver uma Desenvolver Negócio Alicerçado no Cérebro transformação de medo em segundos bem na sua frente: seu parceiro de comunicação apaixonado e confiante se transforma num estranho gaguejando, fechado, não autêntico, espumante, sem clareza. Por que essa reação? Falta de alinhamento causado por dúzias de pensamentos no cérebro do coach: “E se meu trabalho não vale tanto?” “E se a pessoa não puder pagar?” “E se me julgar como ridiculamente ‘careiro’?” Essas crenças negativas, suposições e medos rodeando o produto do coaching, o futuro cliente de coaching e o próprio coach precisam limpar e renovar no subconsciente do coach para seu negócio’ devido à crença de que não podem ser as duas coisas ou que ser dono o transforme em algo que não querem ser. Alinhamento significa querer ser um grande coach E um grande empresário também.

siness building possible and mentation process of your conscious and subconscious

h of

ered t by hing tand rous ness. r to ons, ying s an

rtist’ too, elief hem ment busi-

eply hich ss is itual

Pillar 3: Doing Marketing – manipulative money draining exhibitionism

• Sem planejamento • Planejamento sem suporte • Esquecimento • Fácil distração / médio ADD • Falta de foco • Própria sabotagem dos hábitos • Assumir clientes errados • Perda de confiança • Medo de sucesso • Culpa • Vergonha • Apatia • Fracasso • Desistir

que a conversa de apresentação com o cliente seja poderosa e alegre. Como no marketing, se a venda é vista como ‘não parte’ do processo de coaching, permanece um mal desnecessário. Descobrir que uma boa conversa de venda é uma conversa de coaching – ajuda o futuro cliente a conectar com seus objetivos e com a dor de ainda não estar pronto, mostrando a ele que é possível e dando apoio para ele tomar uma decisão clara ‘não, não é a coisa certa para mim’ ou ‘sim, eu quero isso’ – é o simples serviço e o coaching. A venda é equivalente ao lado comprometido do cliente, que é a mediação de coaching mais poderosa. Uma avaliação final de alinhamento para você mesmo usar questões na escala: Para responder as questões, por favor, fechem os olhos, respirem profundamente e direcione completamente sua atenção para os diferentes pilares de desenvolvimento do seu negócio de coaching pregunte a você mesmo: ‘Numa escala de 1 a 10 onde 1 significa que eu sou muito resistente em direção a determinada área onde simplesmente não faço nem dou qualquer atenção” e 10 significa “Adoro o pilar. Dou toda a atenção e me sinto livre e poderoso. Mal posso esperar para agir.” Em que área você está?

Escala de Alinhamento para Desenvolvimento de Negócio Pilar 1: Expansão do negócio 1 -2 -3 -4 -5 -6 -7- 8- 9 – 10 Pilar 2: Relação com dinheiro 1 -2 -3 -4 -5 -6 -7- 8- 9 – 10 Pilar 3: Fazer marketing 1 -2 -3 -4 -5 -6 -7- 8- 9 – 10 Pilar 4: Vendas 1 -2 -3 -4 -5 -6 -7- 8- 9 – 10

25

choice


Feature

O marketing muda diante de nossos olhos e este ano a expectativa é a mesma. O Facebook troca suas regras com a mesma frequência que você muda de roupa. Formador de estratégias de sucesso se tornou “notícia velha”. Então, como você pode comercializar o seu negócio de coaching no meio desse fluxo? Gostaria de oferecer três estratégias para você descobrir o gênio de marketing que existe em você. 26

choice


Seja um Gênio de Marketing 3 estratégias para estar no topo das tendências do marketing por Heather Markel, CPC, ACC

1. Conhecimento básico Certos fundamentos de marketing nunca saem de moda. Aqui estão alguns que você pode confiar: Conheça o que você oferece: O que você oferece aos seus clientes é a chave para atraí-los. Assegure que sua mensagem está clara. Você saberá que acertou quando as pessoas que vão trabalhar com você, repetidamente, são do tipo com quem você ama trabalhar. Descubra pessoas que precisem de você. Uma vez que você tem algo a oferecer, precisa saber para quem vai oferecer. Muitas vezes, este não é exatamente o menor alvo do mercado que você pensa inicialmente. Quando você se abre para as oportunidades, surge um mercado de alvos paralelos. Quanto mais criativo você for para compartilhar sua oferta, mais pessoas serão atraídas. Encontre seu público: Uma vez que você sabe quem se interessa pela sua oferta, você precisa saber onde estão e como encontrá-los. É nisso que você deve refletir e descobrir; em que lugar essas pessoas passeiam, o que gostam de ler, que tipo de transporte utilizam, que lugares públicos frequentam, etc. Estes lugares se tornam alvos potenciais de propaganda e lugares onde pode publicar um artigo, por exemplo. Chame a atenção deles: Propaganda e artigos escritos são ótimos, mas você tem algum retorno? Se não, é hora de descobrir como melhorar um ponto. Considere entrevistar pessoas no seu mercado alvo e pergunte o que chamaria a atenção deles. Respeite que essa é uma fase de aprendizado e leva um tempo para acertar. Fale a linguagem deles: Assegure que você está se colocando no lugar deles quando formula suas ofertas e benefícios. Quando se trata de coaching, as pessoas compram resultados. Sua mensagem deve definir claramente o que os clientes esperam ganhar trabalhando com você.

Peça conselhos: Este é o componente mais negligenciado, e básico, de qualquer campanha de marketing. Muitos donos de negócios acreditam que estão num vazio e precisam pensar em tudo sozinhos. Entretanto, você tem amigos no seu mercado alvo, mentores, e outros donos de negócios e pode tirar proveito disso! Não tenha vergonha de pedir conselho à pessoa certa para ajudá-lo a ser bem sucedido. Você pode pedir a estas pessoas que divulguem seu negócio. Nós todos sabemos que o marketing do ‘boca a-boca’ é um dos mais poderosos.

2. Acompanhe a tendência Você não precisa conhecer todas as tendências, mas é uma boa ideia ter pelo menos um bom nível de conhecimento sobre elas. Pelo que vemos neste artigo, a mídia social está mudando o foco indo da escrita para o visual com a popularidade do Vimeo, Pinterest e Instagram. O LinkedIn fez mudanças nos perfis das páginas e agora podemos postar vídeos. Este é um exemplo desta mudança para o marketing visual. Repetidamente, nos defrontamos com a expectativa de um meio visual para que as pessoas possam nos conhecer. O Facebook está para fazer mudanças na página de notícia. (Quando estiver lendo isto já deverá ter mudado!). Mudanças como estas tem impacto no tempo e frequência com que você posta informação, e em alguns casos, o tipo de informação. (Considere a mudança feita em janeiro quando foi reduzida para 25% a permissão de textos em imagens gráficas). Outra evolução que vemos é a mudança do marketing baseado na pessoa (você ter ouvido falar no termo “avatar”) para o marketing baseado na comunidade. No modelo antigo sua mensagem é baseada em idade, gênero, trabalho e problemas da pessoa que você quer atingir. Agora você precisa entender como se conectar com uma comunidade através de uma experiência compartilhada e a grandeza que eles querem alcançar. Entender as tendências é essencial para determinar que ferramentas de marketing usar, e, o mais importante, como usar.

3. Seja original e tome posse A essência de um plano de marketing brilhante é encontrar uma forma original de trabalhar com as bases a as tendências. Um jeito para ensinar as pessoas a fazerem isso é ter contato com propagandas que eles gostam. Considere a Apple. O marketing deles inspira você em quê? Você pode associá-los a serem inovadores, coloridos, prolífico, provocadores de pensamentos, etc. Uma vez que você identifica essas qualidades inspiradoras, você aplica em seu próprio marketing. Usando a Apple como exemplo, você pode fazer um brainstorm de como ser inovador, colorido, prolífico e provocar pensamentos para explicar o que você faz (seu nicho), para quem é (seu mercado alvo) e porque eles precisam de você (como seu coaching ajuda a alcançar a grandeza pela qual eles se esforçam). Acredito que nossa personalidade é a semente da nossa originalidade. Não há uma pessoa no mundo que seja igual a você. Para se destacar no meio de uma multidão de coaches que focam a mesma área que você, tudo que precisa fazer é ser você mesmo. Isto pode ser assustador porque, por natureza, isto quer dizer que você é diferente de todo mundo. Ser diferente evoca a crença de que será rejeitado. Isto acontece porque fomos criados para acreditar que aceitação é baseada na ‘mistura’. No marketing se misturar na multidão não vai fazer você ganhar clientes. É hora de assumir que o mundo deseja a sua originalidade. Começo a acreditar que uma das melhores formas de crescer no marketing é ousar o fracasso. Em vez de copiar alguém, faça algo diferente. Em vez de sentir medo de um julgamento negativo, coloque para fora essa ideia maluca que você tem pensado durante anos. Dependendo de quem você é, pode acrescentar uma visão de marketing boba, audaciosa ou engraçada. Não se prive disso. Não há experiência maior do que aprender com o fracasso, então faça o marketing com o mesmo gosto que faz seu negócio. Pode ser apenas um fracasso espetacular para o caminho da campanha de marketing mais brilhante da sua vida!

27

choice


Feature

Pare de Perder Seu Tempo! Ludibriado pelo faça você mesmo o dinheiro escoa pelo ralo por Becky J. Benes, MPS A maioria das pessoas procuram em suas planilhas de contabilidade o dinheiro que escoou pelo ralo em forma de custos, despesas e gastos. Enquanto estes são números importantes e áreas a considerar, não revelam o maior motivo para esse dinheiro ter escoado pelo ralo - o tempo perdido. O tempo perdido acontece de várias formas, e seu custo para os negócios pode ser evasivo e estar escondido da consciência. Aqui, estão apenas algumas áreas de grande desperdício de tempo inconsciente que são os maiores ‘escoamentos’ do dinheiro para muitos empresários: • Não definir limites com clareza • Não delegar poderes ou contratar equipe de suporte apropriada • Mentalidade do faça você mesmo • Procrastinação Todos esses assuntos espelham diferentes tipos e compromissos com o dinheiro sagrado. Todos nós temos tipos e compromissos com o dinheiro sagrado que nos permite gerar negócios e um estilo de vida bem sucedido e abundante, com facilidade e graça, quando estamos alinhados com nossos compromissos. Existem oito tipos específicos de dinheiro que influenciam a nossa capacidade de fazer e guardar dinheiro: Acumulador, Alquimista, Soberano, Celebridade, Romântico, Conector, Aventureiro e Provedor. Cada tipo de dinheiro tem um compromisso sagrado que viemos aqui cumprir. Dentro de cada tipo de dinheiro, existem comportamentos com delegação de poderes e outros não, e mentalidades que nos movem em direção ao sucesso ou nos mantém presos. Essas relações inatas com o dinheiro subconscientemente ditam nossa capacidade para atrair e gerenciar nosso dinheiro. Entretanto, tomando consciência de um dos tipos ou compromissos com o dinheiro sagrado, temos a escolha de honrar nossas forças e trabalhar sobre nossas fraquezas para colocar o compromisso em alinhamento e cumprir com o destino do nosso dinheiro sagrado.

28

choice


Vamos pegar um exemplo que aconteceu comigo recentemente. Eu sou uma Acumuladora, que é um Banqueiro Intrínseco (ou o que eu chamo de pão duro). Meu compromisso com o dinheiro sagrado é respeitar o poder do dinheiro investindo para criar liberdade. Respeitar o poder do dinheiro é minha força; eu junto e acumulo dinheiro facilmente. Entretanto, minha flexibilidade é investir dinheiro para criar liberdade. Você pode estar se perguntando, se você não é um Acumulador e não tem uma pilha de dinheiro, “Por que fazer uma pilha de dinheiro é um problema e como isso mantém alguém preso?”. Na verdade disse a mesma coisa e estava indignada, me sentindo financeiramente superior e não tendo problema com dinheiro. Isso foi até quando percebi que minha resistência em gastar dinheiro para liberar meu tempo realmente limitava muito minha capacidade de aumentar meus rendimentos. Para entrar em alinhamento com meu o compromisso, me desafiei a olhar diariamente as áreas onde aplicava e não aplicava o dinheiro e/ou meu negócio para liberar tempo e energia e ajustar minha mentalidade e comportamento com os gastos. Aqui está um exemplo: Minha contadora precisava dividir uma das minhas colunas de despesas em três categorias separadas e ela estava de folga. Eu “não queria incomodá-la,” ou em outras palavras, “eu não queria gastar o dinheiro e pagar o dia dela de trabalho”. Então decidi que eu mesma podia encontrar a informação. Afinal, o quanto podia ser difícil, não é verdade? (Esta é uma grande sabotagem onde o dinheiro escoa pelo ralo para um Acumulador/faça você mesmo, não delegando poderes a seu pessoal). Para resumir, depois de 10 horas, completamente desgastada e exausta, me rendi, admiti minha derrota e finalmente chamei minha contadora.

Na manhã seguinte ela estava em meu escritório, precisou de 45 minutos para olhar minha planilha e me deu a informação que precisava. Entretanto, ela estava um pouco irritada e decepcionada porque não a chamei antes, o que fazia ela se sentir desvalorizada. Ela também me informou que se eu tivesse salvado as interferências que tinha feito teria perdido um valioso trabalho de meses. Minha contadora foi capaz de encontrar a informação com muita graça, facilidade e alegria porque sistemas e diversos detalhes relacionados a dinheiro são sua magia e estão alinhados com o seu tipo sagrado de dinheiro: Soberana. No entanto, para mim, planilhas e detalhes sobre dinheiro não são minha capacidade e me estressa. Como isso criou a grande quantia de dinheiro escoando pelo ralo? • Tentando economizar alguns dólares, gastei minha energia fazendo algo que não era minha da minha capacidade ou o que sei fazer melhor, criar rendimentos e trabalhar com os clientes. • Desamparei minha equipe criando tensão e angústia o que acabou tomando mais energia e tempo para corrigir.

• Delegar poderes e permitir que sua equipe faça o trabalho deles. Assegure-se que cada um faz o trabalho com graça, facilidade e alegria. • Não se envolver em atividades para as quais pode contratar alguém para fazê-las por um custo. Você consegue perceber nessa decisão, aparentemente pequena e insignificante, meu desejo de guardar dinheiro usando meu valioso tempo, energia e muito dinheiro em rendimento perdido? Mais uma vez, eu, um coach com visão produtiva do dinheiro, me deixei enganar por outro comportamento de tipo de dinheiro do Acumulador, sem amparo, inconsciente e sorrateiro. Através do conhecimento e entendimento de seu tipo de dinheiro sagrado você é capaz de trazer esses assuntos para a superfície, veja os padrões e acabe com esse escoar de dinheiro pelo ralo. É um processo de consciência contínuo e uma prática diária que, devagar e com certeza, acabará com esse escoamento de dinheiro de forma que você pode dar o passo para seu poder de dinheiro e sentir a liberdade financeira.

• Essas 10 horas geraram um estresse excessivo no meu ambiente de trabalho e no meu corpo. No dia seguinte, meu pescoço estava duro e as costas com a sensação de aperto dificultando o trabalho e o foco. Portanto, custando ainda mais tempo e perda de rendimentos. (Uma boa justificativa para marcar uma hora no massagista). Então, o que podemos aprender disso? • É importante entender meus dons e talentos e os da minha equipe. • Estabelecer e manter limites para que as pessoas (inclusive você) não ultrapassem territórios. Nesse exemplo, o trabalho dela é a contabilidade e o meu é conectar e trabalhar com os clientes. Posso revisar os livros, mas não é meu trabalho me meter no sistema dela.

29

choice


Feature

Objetivo Para Sua Marca de Coaching Identificar sua marca é o primeiro passo em direção ao sucesso por Sally Seppanen, CLC, ACC Conhecer sua marca é o primeiro passo para gerenciar e viver a marca. Pense em sua marca como dons e talentos únicos, sintetizados em sua proposta confiável que apresenta a seus clientes. Esses talentos e dons são essenciais para o seu lugar no mundo e sua contribuição para ele. Se você prepara profissionais provavelmente já ajudou seu cliente a criar uma marca de liderança. Você pode oferecer essa mesma clareza para trazer mais sucesso para seu trabalho também. Alguns confundem marca com nicho. Seu nicho, como seu cliente no ponto ideal, é um elemento da sua marca incluindo também sua proposta e sua promessa. Sua marca cria uma ponte emocional essencial com seu cliente. Pode guiar você nas decisões e ações que você toma, reforçando de sua marca, e mantendo o entusiasmo que tudo seja para todos. Observe sua marca atual. Se você não definiu ativamente uma para você mesmo, uma foi definida para você. Como? Seu site, seu cartão de visitas, programas, e-mails, serviços e qualquer mídia social que você esteja envolvido, criaram uma imagem ou marca que está no mercado. A questão é: a sua marca atende você? A sua fala é clara? Desenvolva seu negócio e estabeleça o caminho de forma intencional e ativa para definir sua marca. Conhecer sua marca pode te guiar quando você toma decisões, faz abordagens e seleciona seus clientes ideais, identifica oportunidade de treinamento ideal e ajuda você a aprofundar sua proposta. Ofereço um guia para você que tem como OBJETIVO uma marca que sirva você e seu trabalho no mundo.

Avaliação Confira as notações, relatório de desempenho e prêmios que recebeu. Quais as palavras que aparecem com mais frequência? Use seu talento e encontre temas. Olhe os artigos que escreveu, os workshops que apresentou e sua carta de apresentação para os clientes e veja se seu trabalho reforça esses temas externos.

30

choice

Identificação Quais os temas que você reuniu? Escreva eles, de preferência num quadro branco, quando você classificar e ler os temas eles podem não parecer tão óbvio num primeiro momento. Reúna esses temas. Demostre eles em palavras, frases, figuras ou qualquer outra forma que você encontrar. Considere criar uma declaração de marca, uma declaração de auto esclarecimento que ajuda você a olhar para sua empresa e para você mesmo como recursos valiosos para seu mercado alvo. Apesar desta declaração não ter a intenção de tornar pública, é semelhante ao que gostaria de ouvir de um cliente exigindo sobre seus serviços.

Aqui estão dois exemplos de declaração de marca:

Imagine “João”, o coach de

negócios, que definindo sua marca de liderança mudou seu trabalho de atuar como coach de carreira para procurar um trabalho em organizações de programas de desenvolvimento de liderança. Para profissionais de negócios em início de carreira, procurando por um senso de direção mais claro, (John & Associates) é uma firma de coaching que fornece diálogo estimulante num espaço seguro e permite aos clientes o contato com a sabedoria interna para crescer em suas organizações atuais.


marca quando você possuir as qualidades inerentes da declaração e do conhecimento com humildade e aceitação. Você também saberá que não est�� de acordo com sua marca quando você se desgarra de qualquer um dos elementos de sua declaração da marca. O caminho mais rápido para resgatar coerência é realinhar com os temas e qualidades de sua marca. Coerência é a chave, não cometa erros, melhor ainda, esteja pronto para cometer um erro, os erros são parte da experiência humana. Lembre-se, o que vale mais é como uma pessoa/marca se levanta do que como uma pessoa/marca falha. Possuir sua marca com integridade e coerência, é semelhante a ter desenvolvido sua presença de liderança também (particularmente na definição das cinco palavras do exercício no quadro). Sua marca pode ressoar tão claramente que se sente como sua razão de ser. Esteja ciente de que sua marca poderá mudar em pontos diferentes de sua carreira. Faça uma revisão da marca pelo menos uma vez ao ano e sempre que parecer ser relevante.

Imagine “Catarina”, uma coach do bem estar, que ao desenvolver sua marca decidiu que seu programa funcionava melhor com os homens. Colocar sua marca no lugar ajudou Catarina direcionar seu site e impulsionou a apresentação de seu seminário ‘Aprender, Viver e Modelar o Bem Estar para Jovens’, no Clube Kiwanis. Para o homem procurando uma energia maior e uma saúde melhor, (“Catarina” Coach) é uma coach de saúde que fornece um programa de saúde estruturado e comprovado oferecendo o planejamento e motivação necessários para se sentir bem com seu corpo. Manifestação Você saberá que está de acordo com sua

”Sua marca pode ressoar tão claramente que se sente como sua razão de ser.” Objetivos com o “Como” em sua mente Uma vez que você define seu objetivo e identifica sua marca, você provavelmente tem muito mais dados para avaliar do que imagina. Aqui estão algumas ferramentas favoritas do coach – perguntas, para você começar sua declaração sobre sua marca.

• Como sua presença afeta as pessoas a sua volta? • Quais as cinco palavras que descrevem você como o líder que é e se esforça para ser? • Que elogios você recebe dos que trabalham com você ou interagem com você? Essas qualidades podem ser úteis para você desenhar sua marca e mostrar que tipo de coach você quer ser.

Objetivo Ambicioso Talvez sua marca seja mais visionária e algumas das qualidades que definiu são aquelas que você deseja viver. Assim como nossos clientes se beneficiam articulando o trabalho que virá, os grandes coaches também. • Quais características você gostaria de focar e desenvolver? • Que ideias você tem para praticar esses comportamentos? • Que modelo você pode observar para os comportamentos que dão suporte a estas características? • Quem pode ser seu coach, dar suporte ou ser o mentor para desenvolver mais essas características? • Que outras pessoas estão observando? (Se ninguém está falando, considere perguntar a um amigo ou colega de confiança que possa lhe dar um feedback positivo sobre seu progresso.)

Essas perguntas levam a definir como você oferecerá a promessa da sua marca. • Quais as qualidades que você admira nos líderes que você conhece e nos autores que lê? • Quais as qualidades que gostaria de incorporar como líder? • O que você gostaria que sua liderança despertasse nos outros? • O que gostaria que um cliente dissesse para recomendá-lo para outros?

31

choice


Feature

Viva Bem! Um programa de bem estar para manter você e seu negócio de coaching saudáveis por Barbara B. Appelbaum, ACC, MBA, MAT Agora, que metade do ano já se foi, você pensou em seus objetivos de negócios para o resto do ano? Você está a caminho dessas metas? E, se você não estiver já pensou o que precisa fazer? Chances existem você criou um prévio planejamento de negócio estratégico para o Ano Novo e se você olhou ou não para ele, você sabe que tem um. É comum se esforçar numa tarefa para criar um planejamento apenas para quebrá-lo e ignorá-lo. De acordo com o Instituo Nacional do Bem Estar, “Bem estar é um processo ativo através do qual as pessoas se tornam conscientes de uma existência bem sucedida, e fazem escolhas nessa direção”. Para que seu negócio se mantenha saudável e vital, é necessário dar um passo atrás algumas vezes e reavaliar onde você está e aonde quer chegar. Quando você faz isso, precisa levar em conta o que funcionou e não funcionou, por que funcionou e por que não funcionou. Embora os planos para cada ano se faça no último trimestre do ano anterior, continuar a avaliar a cada semestre é uma atitude positiva para assegurar que você não perdeu de vista aqueles objetivos que afetam negativamente a saúde da sua empresa. Aqui estão cinco áreas para considerar quando você cria seu programa de bem estar da empresa. Para cada categoria, faça perguntas e responda essas questões para reconhecer dores e desafios que possa caber em cada bem como encontrar uma forma de resolvê-los. Equipe: Você tem pessoal suficiente para trabalhar na operação? O ambiente de trabalho é produtivo ou destrutivo? Qual é a sua taxa de abstenção? Como gerente você é respeitado ou temido? Clientes: Você tem clientes fiéis que apoiam seu negócio e o recomendam para outros? Ou, você empenha esforços para encontrar a receita dos seus objetivos em decorrência da necessidade de focar retenção de clientes, recrutamento e satisfação?

32

choice


Operações: Você tem processos de negócios estabelecidos? Eles estão racionalizados para ter pouco custo efetivo sem risco? A sua equipe está consciente desses processos e de acordo? Finanças: Você trabalha dentro de algum orçamento? Você considerou o ciclo de vida da sua empresa (jovem e em crescimento em oposição a madura e estabelecida) quando planeja as despesas e a receita? Estratégia Geral: Você estabeleceu objetivos para sua empresa sejam relacionados a crescimento, a se manter estável ou se preparar para vender considerando uma aposentadoria? A qualidade do bem estar de sua empresa hoje tem relação direta com as atitudes tomadas no passado. As avaliações feitas hoje e daqui pra frente determinarão a saúde futura da empresa. Quando você escolhe o planejamento e depois faz a escolha consciente para agir naquele planejamento, você manifesta suas intenções e sua empresa vai prosperar saudavelmente. No entanto, para sua empresa prosperar saudavelmente não esqueça o elemento principal: você. Os coaches com frequência sofrem de fadiga de compaixão, se doando demais para os clientes e encontram um vazio na hora de cuidar deles mesmos. Com que frequência você se sente no piloto automático? Você está além do seu limite, sempre cansado e estressado? Você luta por um balanço entre a demanda de trabalho e a família, tendo a sensação de que se alguma coisa não mudar você vai simplesmente desabar? Exatamente como nos negócios, a sua qualidade de vida hoje é reflexo do seu comportamento no passado. Como coach você sabe que seu comportamento depende de seu pensamento e qualquer intenção que você estabelece hoje e no futuro determinará a qualidade do seu bem estar. Viver é fazer escolhas. Quando você acredita nas suas escolhas, você cresce. Quando você cresce definindo seus objetivos de saúde e intenções, você alcança. Quando você alcança seus objetivos de saúde, você descobre uma nova dimensão de bem estar tanto pessoal como profissional.

Nós vivemos no que eu acredito ser uma sociedade “doente de cuidados”: reacionária quando se trata de nossa saúde. Portanto, para não por em perigo sua saúde, depende de você administrar seu próprio cuidado. E quando você é um empresário, como é a maioria dos coaches, aprender a ser proativo é essencial para manter você e seu negócio de coaching saudáveis. Aqui estão cinco passos para um programa de bem estar para negócios de coaching bem sucedidos que são aplicáveis para criar um planejamento de negócios para seu bem estar pessoal também. Visão: Qual é a sua visão de você e da sua empresa? Tome um tempo para listar o que mais deseja alcançar e/ou experimentar. Se for o caso, divida esta lista em cinco sessões levando em conta as áreas acima: equipe, clientes, operações, financeiro e estratégia geral. Intenções: A partir da sua própria lista de visão, especifique intenções que você e sua empresa irão realizar nos próximos 12 meses. Considere “o que eu ganho com isso” de seu cliente enquanto mantem sempre em mente a capacidade prática de você ir de encontro àquelas necessidades mantendo sua própria saúde. Valores: Priorize os valores corporativos que vai honrar fazendo suas intenções darem frutos. Honrando frutos e valores, você vai fortalecer a integridade geral de sua empresa e equipe. Plano SMART: Quais metas e objetivos (Específico, Mensurável, Alcançável, Oportuno e Relevante) devem ser alcançados para cumprir suas intenções sem comprometer seus valores? Certifique-se que você tenha os recursos necessários (tangíveis e intangíveis) que sustente esse plano SMART.

Ações / Tarefas: Crie uma lista priorizada de tarefas de ações orientadas para completar suas intenções para o ano. Você pode até considerar fazer isso em forma de “quadro de visualização”. Compartilhe com sua equipe inteira para que todos tomem conhecimento do planejamento e das funções que terão nele. Se você está por conta própria, compartilhe com seu coach ou grupo idealizador para sustentar sua responsabilidade. Se for o caso, divida em segmentos diários, semanais, mensais, semestrais e anuais. Confira regularmente para se assegurar que tudo está no caminho escolhido. Se não, ajuste e continue. Se sim, parabenize a sua equipe e a você mesmo e continue em frente! Esteja presente, seja intencional, e viva bem.

“A qualidade do bem estar de sua empresa hoje tem relação direta com as atitudes tomadas no passado. As avaliações feitas hoje e daqui pra frente determinarão a saúde futura da empresa.”

33

choice


Feature

O Significativo Caminho dos Coaches Coaching, condicionamento cognitivo e desenvolvimento de negócios por Sharon Todd & Jill Hewlett Muitas pessoas estão escolhendo o coaching como caminho de carreira, a fim de criar um trabalho significativo e alinhado com suas necessidades pessoais e objetivos profissionais. Além de ouvintes qualificados e de oferecerem questões e insights oportunos, os coaches também são empresários uma vez que administram, desenvolvem seu negócio e ganham rendimentos. Aqueles que escolhem ser coach são pessoas tipicamente auto motivadas, criativas, que se arriscam e são líderes por natureza. Como coach, você tem o conhecimento inato de que quem você é por dentro, poderá realizar ou derrubar o seu negócio aqui fora. As raízes afetam os frutos! Enquanto você é o recurso do seu próprio sucesso, os coaches não são super-humanos e como qualquer um, está sempre suscetível a problemas de baixa energia, falta de confiança, foco fraco, desorganização, bloqueio de comunicação e incapacidade de relacionar e promover comunicações. Quando está nesse estado de estresse você recua para sua base de sobrevivência do cérebro, o lugar para voar, lutar ou congelar. Recursos, soluções e motivação se tornam muito limitados. A fim de compartilhar seus dons como um coach talentoso, você precisa ter clientes. Sua capacidade para promover e vender seu trabalho como coach vai determinar o sucesso do desenvolvimento do seu negócio e qual sua contribuição para o mundo. Nem todos os coaches possuem conhecimento de vendas, tendo você ou não um treinamento em vendas vamos considerar usar sua rede neurológica para que você fique pronto para o negócio efetivo e possa atingir os resultados que quer. Os treinamentos convencionais de vendas focam em técnicas de venda, em vez de identificar os bloqueios subconscientes e não fazendo essa conexão afastam os vendedores de alcançar seus potenciais. Esses bloqueios também limitam a capacidade de se conectar com os outros, consigo mesmo e melhorar a qualidade de vida. Quando nossa conexão mais profunda é negligenciada e não é detectada, é como cuidar do jardim plantando sementes sem tirar ervas-daninhas! Finalmente as ervasdaninhas brotam e não há espaço para as frutas crescerem.p

34

choice


Enquanto nós todos experimentamos níveis de rejeição diferentes no dia a dia, como membros de uma família que não aceita nossas sugestões ou como o futebol faz cortes, pessoas no negócio de coaching precisam manter contato também com vendas regularmente. A forma como você lida e responde com as rejeições pode realizar ou derrubar o sucesso do seu negócio. Observe como fica sua confiança após qualquer tipo de rejeição. Se você se sentir inconfortável, sua visão pessoal (baseada em experiências passadas) pode ter uma interpretação negativa associada a ela. Então quando você tenta uma ação que tem grande potencial para ser rejeitada, você pode se estressar por antecedência e se colocar em desvantagem. Estamos falando em dar um tiro no pé! O Condicionamento do Cérebro trabalha com neurogenias - nossa capacidade do cérebro de formar novos neurônios e continuar durante a vida com as ferramentas corretas. Funciona com a conexão cérebro-corpo e a ciência da neuroplasticidade, que prova que o cérebro pode crescer e reconectar por si só através de experiência. O cérebro por si só não pode distinguir entre uma boa e uma má informação. Para o cérebro, informação é interpretada pela visão pessoal e crenças que nos regem. Com isso em mente, sua conexão do cérebro é a chave! O sistema

de conexão do cérebro é criado e afetado pela forma como as redes neuro são ativadas e simuladas. Isso conduz a como seu cérebro interpreta informações em todas as áreas da vida. Por exemplo, você está assistindo as notícias que falam sobre como a economia está devagar e sem rumo e no dia seguinte você perde um cliente e mais tarde numa oportunidade de rede todos os seus avanços são rejeitadas. Embora rejeição seja uma parte natural da vida e do processo de venda, é como o cérebro fazer automaticamente uma ligação entre a situação econômica e como ficará o resultado de suas vendas. A sua capacidade e a economia se tornam uma coisa só. Meu Deus, mais sementes limitadas pelas ervas-daninhas! Isto é, absolutamente, a principal causa que pode pessoalmente afetar você a produzir os resultados que quer.

À medida que nos envolvemos com todo condicionamento do cérebro, saímos do estresse para um equilíbrio reativando e reforçando aquelas partes do nosso cérebro que se desconectaram, assim reconectamos com todo potencial do cérebro, funcionando no nosso melhor, inclusive desenvolvendo um negócio de coaching próspero.

“O cérebro por si só não pode distinguir entre uma boa e uma má informação.”

Através do uso do condicionamento do cérebro para criar a neuro conectividade podemos em minutos remover a carga ou o gatilho físico, emocional e mental que temos com algum problema e mudar nossa visão para um olhar mais positivo sobre o desenvolvimento de negócios, habilidades, criatividade, comunicação, curiosidade, a escuta, questionamentos importantes e muito mais.

35

choice


Artigos

O Mercado de Coaching no Brasil e no Mundo por Jaqueline Weigel, PCC O mercado de  coaching no mundo está cada vez mais aquecido.  Este segmento já movimenta milhões na economia. No Brasil, o coaching vem amadurecendo, e hoje estamos num momento de triagem entre o coaching profissional e o coaching amador.  Como toda novidade, o processo de maturação é natural. Há alguns anos, poucos sabiam do que se tratava. Depois, tivemos uma grande banalização e agora consumidores e profissionais estão depurando informações, analisando experiências e percebendo a diferença do trabalho sério e do trabalho de má qualidade. Em todo país, poucos tem conhecimento de como um coach se forma, qual é o critério a ser observado na contratação e durante a aplicação do trabalho. Resultado: as empresas e os consumidores contratam mal, e recebem um serviço muito abaixo do padrão de qualidade e excelência.

36

choice

No mercado dos Estados Unidos e da Europa, entidades como a ICF - International Coach Federation, são bastante conhecidas e servem como referência para contratação. Coaches formados por escolas credenciadas e também acreditados como ACC e PCC, Associate e Professional, tem a preferência em empresas que zelam por altos padrões de qualidade. No Brasil, basta indicação, uma marca conhecida e estrutura. O questionamento é insuficiente, porque o comprador também não tem conhecimento dos critérios a serem observados. A maioria sequer pede o diploma. Sabemos que coaches citam clientes e formações que não existem, assim como siglas internacionais de associações das quais fazem parte que também são desconhecidas. Ainda temos um longo caminho pela frente. Certo é que tornar-se um bom coach exige tempo, dedicação e investimento. O avanço profissional do coaching é inevitável e esta é uma metodologia que veio para ficar e auxiliar o país a gerar mudanças, criar consciência e transformar nosso país num país cada vez mais capaz e atualizado.


Team Coaching por Silvana Mello Pode-se dizer que o trabalho com times surgiu de duas vertentes: da necessidade histórica do homem de somar esforços para alcançar objetivos que, isoladamente, não seriam alcançados e da crescente busca por resultados imposta pelo mundo moderno. Há muitos estudos que comprovam cientificamente que os resultados qualitativos e quantitativos do trabalho em equipe é muito mais alto e expressivo do que o esforço individual. Este tema parece ser bastante conhecido e difundido no mundo corporativo, contudo, encontramos times trabalhando de maneira precária, com baixo nível de comunicação e confiança, foco da reflexão que faremos a seguir. A verdade é que a complexidade do trabalho em time evoluiu exponencialmente com o passar dos anos e a sua dinâmica de funcionamento conta com variáveis que se interdependem e se intercomunicam continuamente. Nas organizações há times virtuais, multifuncionais, multiprofissionais, multiculturais e consequentemente visões de mundo bastante distintas. O encontro de múltiplas gerações nas empresas compõe mais uma variável de desconforto. Muito comum encontrar nas empresas gestores

mais jovens que os membros de suas equipes. Os códigos de conduta e “mind sets” se encontram e se misturam na arena corporativa. Estudos demonstram que a competência diversidade presente na equipe é um componente muito importante, que eleva a produtividade do time e traz resultados surpreendentes. Mas, é claro, é muito mais difícil lidar com a diversidade, exige mais debate, o confronto é mais aberto, mas o resultado final é indiscutivelmente melhor. O fato é que a eficácia de um trabalho em time traz resultados significativos para uma organização. Este tema vem ganhando importância estratégica para as empresas, na medida em que os resultados obtidos alavancam os resultados de um negócio. Um time diferenciado traz resultados diferenciados e o oposto também é verdadeiro. A pressão por resultado somado à diversidade e complexidade do trabalho em time pode tornar a convivência corporativa bastante angustiante e frustrante. Uma equipe com baixa produtividade e positividade traz resultados bastante medíocres. O escasso tempo do executivo somado à alta sobrecarga de trabalho, de certa forma, promove superficialidade nas relações e o distanciamento. É muito comum visualizar

membros de equipes que preferem não se posicionar diante de questões de extrema relevância. Os silos de trabalho, muito comum também nas organizações, estão presentes em equipes pequenas e grandes, de baixa e alta senioridade, mas nada disto é colocado em evidência. Neste contexto surge o Team Coaching como uma metodologia que trata das relações entre as pessoas, tira a poeira debaixo do tapete e convida o ser humano adulto a se comportar como tal. Para tanto, é preciso que a empresa e a liderança tenham abertura, disponibilidade e despojamento para visualizar áreas de oportunidade que precisam ser mudadas e, além disto, é necessário folego/vontade para efetivar tais mudanças. O Team Coaching, diferente do time building não é um evento, é um processo. É uma abordagem de alinhamento e fortalecimento do trabalho com equipes que assegura o desempenho de alto nível. A meta do Team Coaching é melhorar a eficiência da equipe de modo que isto se reflita positivamente em resultados de alta performance para a organização, por meio de uma abordagem que propicie eficiência e foco no resultado, otimizando os recursos disponíveis. Além disto, a metodologia de Team Coaching propõe uma co-responsabilidade pelo processo de mudança, aprimora a confiança, comunicação e feedback entre os membros da equipe, fornecendo um vocabulário e modelo para um novo modo de trabalhar em equipe. O Team Coaching, composto por sessões mensais, aposta na ampliação da consciência do time com foco na sustentabilidade das relações ao longo do tempo. Desta forma, podemos ter times com necessidades diversas que vão desde a dificuldadede relacionamentos, conflitos, diversidade cultural, falta de alinhamento, até questões de cunho produtivo como baixo desempenho e posicionamento estratégico. Em um mundo onde os ventos da mudança sopram constantemente, ao invés de ter times que levantam barreiras para se protegerem dos ventos, as empresas precisam ter times efetivos que saibam construir moinhos que vão maximizar os ventos em seu favor. 

37

choice


Artigos

Formação em Coaching - Como Escolher um Curso e o que Observar na Hora de Contratar um coach por Jaqueline Weigel, PCC Como saber, o que solicitar ou observar, onde um bom coach é formado e como. E esta é a finalidade deste texto: orientar os profissionais e o mercado consumidor. Um coach precisa ser formado em coaching e isto não tem nada a ver com administração, psicologia ou outras atividades afins. No mercado brasileiro, candidatos a esta profissão encontram ofertas diversas de formação e infelizmente acabam optando por cursos baratos e rápidos, que não qualificam um coach da forma adequada. Vamos começar pela diferença entre curso e formação. Curso é informativo, gera também aprendizado sobre o que é e o que não é coaching e como funciona, e não habilita profissionais a exercerem a profissão de coach no mercado. Formação é o que prepara um coach para atuar profissionalmente. São vários os modelos oferecidos no mercado, mas com toda certeza, formações breves, de baixo investimento econômico, ligadas a siglas criadas sem critério e desconhecidas são no mínimo duvidosas. Qualquer pessoa pode criar uma comunidade, uma associação, um instituto, mas não uma Federação. Supervisiono alguns coaches e o desempenho é assustador. Uma formação completa, com credenciamento, leva de um a dois anos, entre teoria, prática e avaliação. As escolas internacionais tem uma carga teórica de em média de 125 horas ou mais, com treinamentos práticos, mentoria, provas teóricas e avaliação prática, para então encaminhar o aluno ao credenciamento junto a ICF, International Coach Federation, entidade sem fins lucrativos reconhecida em mais de 110 países, e com 20 mil coaches credenciados. No Brasil, são menos de 30.

A ICF não comercializa nenhum produto ou serviço, apenas habilita escolas de formação com critérios rigorosos, e filtra os coaches para o mercado consumidor. Contratar um coach formado numa escola credenciada pela ICF ou um coach credenciado pela ICF como ACC ( Associate Coach Certificated ), PCC   ( Professional Coach Certficated ) ou MCC  ( Master Coach Certificated ), é uma garantia de qualidade para o contratante. Os cursos credenciados pela ICF são classificados em: ACTP – Accredited Coach Training Program, que forma e credencia o coach ACTSH – Accredited Coach Specific Hours, que forma o coach sem participar do credenciamento, que é feito diretamente pela ICF através de pre-requisitos e testes praticos e teóricos CCE  – Continuing Coaching Education Provider, que são cursos de educação continuada para reciclagem e renivação das credenciais Se o coach tem uma formação em outra escola, a ICF recebe a solicitação de credenciamento, que é feita via portifólio, portanto, todo coach e todas as esolas são convidadas a participar desta que é uma comunidade de coaching internacional de alto nível. O credenciamento via portifolio pode tornar a vida do coach mais dificil, porque a ICF considera 11 competências e um código de ética pelos quais os coach é avaliado. As demais escolas não preparam os coaches para esta avaliação. Mesmo assim, o coach pode fazer parte da comunidade ICF no capitulo de seu pais, desde que comprove 60 h de estudo mínimas. Pertencer a ICF como membro é o minimo que um coach profisisonal deve apresentar. Na escolha da escola para formação existem vários critérios a serem observados. A ICF indica os cursos disponíveis e o candidato deve fazer sua pesquisa, e escolher o curso com conteúdo e perfil qe lhe parecer mais adequado ou voltado ao nicho que pretende atuar.

38

choice

Após a formação, o coach deve particpar de sessões de mentoria, com um coach senior, em nivel maior que o dele, para que as competências de coach sejam desenvolvidas e o coach seja preparado para o credenciamento. Muitos coaches brasileiros infelizmente não reinvestem em seus estudos e em seu desenvolviemnto, especialmente porque o mercado consumidor não exige ou desconhece o que solicitar ou observar na hora da contratação do serviço de coaching. Um coach avançado tem mais de uma formação, e participa de reciclagens com frequencia, assim como de práticas monitoradas e supervisão constante. No Brasil, temos várias escolas credenciadas pela ICF, e as demais que existem no mercado podem solicitar credenciamento à ICF Global. Numa visão de futuro, profisisonais interessados em transformarem-se em um coach escolherão escolas credenciadas pela ICF e também empresas conscientes que contratarão coaches com credenciais ACC , PCC ou MCC.


Competências do Coach

por Eliana Dutra, MCC A ICF prescreve, na descrição de suas competências, que o Coach: “Esclarece ao cliente, diferença entre fato e interpretação”. Exemplo: quando alguém diz ao coachee: “Assim , você vai se dar mal”. A frase pode ser interpretada tanto como um alerta de amigo, como ameaça de um inimigo. Cabe ao coach ajudar o cliente a distinguir o fato, aquilo que foi dito, da interpretação: alerta ou ameaça. Com isto o coachee fica livre para responder ao fato e não à interpretação. Quando isto ocorre o coachee ganha paz interna porque passa a viver de acordo com sua consciência e sua autoestima independe do que os outros pensam dele, alguns também chamam isto de maturidade. *Coach e Diretora da Pro-Fit, Eliana Dutra.

41 39

choice


Impacto

Acertando o Alvo Como escolher um mercado alvo por Ana Melikian, PhD, ACC, Michael Port & BCC É preto no branco – Se você não tem um mercado alvo você está provavelmente andando em círculos e não verá os resultados de todo seus esforços de marketing. História da Ana – Quando decidi me lançar no negócio de coaching eu tinha apenas alguns clientes que comecei a conquistar enquanto ainda estava em treinamento. Sabia que se quisesse ter um negócio a domicílio bem sucedido, eu tinha que aprender mais sobre marketing online. Comecei ouvindo muitos seminários virtuais sobre marketing e compreendi que precisava definir um mercado alvo. No entanto, ainda lutei com o pensamento: “Talvez isso não seja verdade para mim. Sei que como um coach de vida, meu objetivo é dar suporte ao desenvolvimento pessoal durante a jornada das pessoas. Quem não se beneficia de em desenvolvimento pessoal?” Entretanto, como não tive clientes novos, resolvi escutar os especialistas. Eu me esforcei para definir meu mercado alvo. Foi por algo como: “Eu ajudo as mulheres que tem uma vida confortável, mas sentem que alguma coisa ainda está faltando. Minha ajuda é para que elas encontrem esse elo e preencham esse vazio.” Eu estava entusiasmada. Tinha encontrado meu mercado alvo! Mas após alguns meses ainda não tinha conseguido mais cliente. Frustrada e impaciente estava a ponto de desistir dessa ideia de mercado alvo, quando um colega me falou sobre o Método Book Yourself Solid. Na medida em que estudei o método, tudo começou a fazer sentido.

Definições Book Yourself Solid de Mercado Alvo, Cliente Ideal e Nicho O livro Book Yourself Solid de autoria de Michael Port esclarece termos que são usados de formas confusas no mundo do marketing. “Mercado Alvo” é o demográfico (e/ou setor) que decidimos servir com nossos produtos e serviços.

40

choice

“Cliente Ideais” são um subgrupo pequeno de pessoas dentro do nosso mercado alvo. Eles têm um conjunto de qualidades que combina perfeitamente com nosso estilo de negócio e nosso próprio estilo pessoal, fazemos o melhor do nosso trabalho com eles. “Nicho” é o serviço que oferecemos para nosso mercado alvo. Estas especialidades complementam muitos serviços que outros profissionais oferecem e que faz deles fontes poderosas para alianças estratégicas e referências. Portanto, Mercado Alvo é definido em termos demográficos, Cliente Ideal como qualidade das pessoas que queremos atrair e Nicho são os serviços em somos especializados. Por exemplo, minha definição atualizada de mercado alvo, (como coach online) é: Adoro trabalhar com coaches mulheres e consultoras que são uma explosão demográfica (demográfica do mercado alvo), aquelas que querem fazer a diferença, cumprem com sua palavra, são criativas, tem visão de futuro e são aprendizes permanentes (qualidade dos clientes ideais). Minha especialidade é dar suporte para que elas se estabeleçam em seu negócio online, e naturalmente, conquistar mais clientes (nicho ou serviço específico).

Por que é tão Importante Definir nosso Mercado Alvo? Michael Port nos dá três razões principais: Quando você define o mercado alvo, você sabe onde concentrar seus esforços de marketing, o que oferecer que seja mais conveniente e vá de encontro às necessidades e desejos de seus clientes potenciais. Você sabe onde eles se reúnem e quem eles seguem. Quando você identifica seu mercado alvo você também conhece o caminho para novos clientes. Quando você define um mercado alvo e se entrega totalmente, eles sabem que você é dedicado, e querem contratar para serviços especiais - reconhecimento e credibilidade são ferramentas poderosas para o crescimento mais rápido do seu negócio. Virtualmente todo mercado alvo tem algum tipo de rede estabelecida, que acelera seu sucesso de marketing. Seus clientes vão comentar sobre o sucesso deles e vão divulgar seus serviços. Defina seu mercado alvo desde o começo assim não desperdiça sua valiosa energia.


Continua Resistente?

Outro cenário:

Mesmo serviço para mercados alvo diferentes. Você pode abrir outra casa de café num local diferente. Porque você já tem definida sua base de mercado alvo, é muito mais fácil mover para outros mercados que também vão se beneficiar de seus serviços.

que decidiu ir para França para suas E seAs você abre uma casa de café em vez system, de BookImagine Yourself Solid System. I studied this férias tão esperadas. Você tem apenas uma um negócio online? semana e um orçamento limitado. Primeiro Você tem que escolher um lugar específico ything started to make sense. você precisa escolher quais as cidades da França planejar visitar. Digamos Paris. Depois, você tem que escolher os lugares que irá visitar, Mas se você não define aonde quer ir primeiro, provavelmente não irá muito longe.

l Client and Niche

para servir um público específico, e escolher o que servir para seus clientes. Todas essas decisões são concretas e demandáveis. Quando seu negócio tem êxito, você pode pegar um desses dois caminhos abaixo para crescer, sugeridos por Michael Port:

Mais serviços para o mesmo mercado Alvo. Outra opção de crescimento é procurar saber sobre outros serviços e produtos que pode oferecer para o mesmo mercado. Para resumir, você pode crescer servindo em outros mercados alvos demográficos como oferecer mais serviços para um específico mercado alvo que você já conhece bem.

Seu mercado alvo é apenas o

are used in confusing ways in the marketing world. seu ponto de partida É importante ter em mente que definir seu “Target Market” is the demographics (and/or indus mercado alvo -é apenas o primeiro passo para o sucesso do seu negócio. Quando você estabelece sua credibilidade, reputação, hat we decide to serve with our services and products. e experiência seu negócio pode crescer o quanto você quiser a partir de uma fundação “Ideal Clients” are a small subgroup of people sólida e autêntica. in our target market. They have a set of qualities match perfectly our own personal and business style e do our best work with them. “Niche” is the services we offer to our target mar 41 choice These specialities complement many services that


Noticia da Indústria

Firme e Constante O que está acontecendo no mundo do coaching 8º Relatório dos Ganhos Anuais da Pesquisa sobre Coaching Executivo de 2013

ganhos. Isto determina uma etapa para observar em mais detalhe os ganhos dos coaches, separados por região, experiência e outros fatores que afetam o salário.

2013. No global, os coaches que trabalham exclusivamente com clientes pagos pelo empregador, hoje atinge a marca de 65 por cento.

Demanda para Coaching

Ganhos Anuais para Coaches Executivos

Para nós coaches, é bom saber o que nos espera quando se trata de rendimentos.

industry news

Mais experiência significa um ganho maior para os coaches executivos. Os veteranos Por vários anos consecutivos, perguntamos WHAT’S GOING ON IN THE COACHING WORLD por Ian Lindsay McAfee ganham mais que os iniciantes. Entretanto, para coaches e profissionais de negócios isto não significa que todo mundo ganha O mundo do coaching executivo está este para fazerem uma previsão da demanda de mais a cada ano. Nos últimos cinco anos, ano num estado de otimismo cauteloso. coaching para o ano seguinte. os ganhos dos coaches caíram mais do que Coaches e clientes aguardam da mesma As solicitações para coaching estão cada aumentaram. Recentemente, tem acontecido forma que a economia corresponda ao vez mais aumentando. Três em cada quatro 2013 Executive Coaching Survey 8th Annual uma queda repentina nos ganhos anuais otimismo que os coaches executivos estão coaches executivos percebem aumento da Earnings Report para coaches que estão no mercado há dois sentindo nos últimos dois anos. demanda de coaching para o ano que vem. anos ou menos. Este pode ser o principal Nossa oitava e anual Pesquisa sobre Coaching Desta vez, o Recursos Humanos e também sinal de um mercado saturado. Dá a entender confirmou os Executive profissionais coaches, de treinamento estão earnings ainda byExecutivo Ian Lindsay McAfee o que já suspeitávamos: annual que o coaching executivo é uma ocupação todos percebem que será investido mais mais otimistas do que os próprios coaches. % com barreiras crescentes para adentrar. Years in he world of executive coaching is in a state of guard2011 2013 dinheiro em coaching no ano por vir. São Byline Byline É uma mudança que aconteceu de dois anos changeO grau de dificuldade para aqueles que querem Business ed optimism this year. Coaches and clients alike wait esperados aumentos substanciais. Não são atrás para cá, quando coaches $59,000 executivos -23% for the economy to match the optimism executive 0-2 years $45,232 entrar no ramo de coaching pode acalmar as exthave text text text textque textpast texttwo somente osbeen coaches são otimistas. coaches feeling the years. Pelo eram mais esperançosos os colegas-14% 3-5 years $92,000 $79,280do que preocupações sobre coaches não qualificados text text text text text text text Our eighth ano annual Executive Coaching Survey confirmed years $119,000 estão-6% $111,480 segundo esta sustentada pelos de RH5-10 e treinamento. Os empregadores text text text textcrença text textétext what we suspected: everyone sees more money being spent 0% e não treinados “começando seus próprios 10 or more $109,000 $109,080 text text text text text text text text coaches, RH text e profissionais semelhantes de numa crescente assumindo os custos do on thetext yeartext to come. Substantial increases are negócios”. textcoaching text textintext text text text treinamento. Neste cenário, apresentamos coaching, ao contrário dos clientes estarem expected. It’s not just coaches who are optimistic. For the text text text text text Optimism 2011 Os coaches que estão no mercado há cinco second year, that beliefanual is held by coaches, HR and training about Demand nosso os ganhos do pagando de seu próprio bolso. O número Dundi abrelatório ium endigenduciasobre id for Coaching 2013 professionals alike. With this backdrop, we Coaching present our annual est, suntotam dolorer ionem. Itature anos ou mais terão melhores rendimentos do coach, patrocinado pela Sherpa e de coaches executivos que relatam que os report onlestia coaches’ earnings, sponsored rehende consecu lluptat et esti- by Sherpa Coaching Coaches HR and Trainingque qualquer outro este ano. Veteranos de pelos departamentos de educação executiva empregadores estão pagando em parte ou and the executive education departments oribust, ommod eius re, corem quibus at the University of maiorectem id Christian militem alitius molorro da Universidade de Georgia, Universidade for coaching are on the rise. Three out of dez anos se mantem intocáveis pela queda Georgia, Texas University and Miami University. todoRequests esse envolvimento com o coaching ribusdae eos eatur re quiaspiet, eos four executive coaches seede an 88 increase in the demand Here isChristian what we are seeing this year: Miami. nos ganhos anuais. Universidade atingiu um novo recorde por cento em adTexas quos aute verum e hilliqu iaectu-

try news

The Missing 12th Core Steady As She Goes Competence of Coaching

WHAT’S GOING ON IN THE COACHING WORLD

T

sing 12th Core H She As Goes Coaching Annual tenceSurvey of8thCoaching ria simusam, que perum nus, sanda

Earnings Executive Coaches Aquierrores estáfor oaccus que prevemos para este ano: quam alique latur, sandit

Although annual survey centers on executive coaching, facipsunt our quas dici reium fuga. Agnat we get responses from life and business coaches volessi minveli gendest, cuscoaches in cor aut et imet Em sit voloribusa as well.fuga. Out of respect for their corio time and interest, we always dera volestor aut ut quunt, assequo report on their earnings as well. That sets the stage for a vellupta et rerro cum il molor aut broken out by more detailed look at quam coaches’ earnings, Embora nossa pesquisa anual esteja centrada eatquis ad maxime si aut location, experience and other factors that affect earning.

Ganhos para Coaches Executivos

ve coaching is in a state of guardno coaching executivo, também tivemos ear. Coaches and clients alike wait Subheads Demand Coaching respostafor dos coaches de negócios e de vida. For coaches, it’s nice totempo know what to expect when it Dundi ab ium endigenducia id est, Por respeito ao e interesse deles, match the optimism executive suntotam dolorer ionem. Itatureyears in a row, we have comes to revenue. For several também fazemos um relatório sobre seus rehende lestia consecu lluptat et estiasked bothtwo coaches and business professionals to predict text text gxtthe past years. oribust, eius anuais re, corem quibus Ganhos dos coaches demandommod for coaching in the coming year. maiorectem id militem alitius molorro ext text text executivos nos EUA tive Coaching Survey confirmed ribusdae eos eatur re quiaspiet, eose Canadá Here’s a look at executive coaches’ annual earnings by region ext text text ad quos iaectuacross theaute USAverum and in hilliqu Canada: one sees more being spent simusam, que money perum nus, sanda text ria text text quam errores accus alique latur, sandit come. Substantial increases are quas dici reium fuga. Agnat text facipsunt text text volessi minveli gendest, cus in cor aut et imet are fuga. Em sit voloribusa corio hes who optimistic. For the dera volestor aut ut quunt, assequo vellupta et rerro cum HR quam iland molor training aut eld by coaches, eatquis ad maxime si aut ucia id s backdrop, em. Itature we present our annual s, sponsored ptat et esti- by Sherpa Coaching n departments orem quibus at the University of us molorro niversity and Miami University. spiet, eos ing this 42 year: choice u iaectu-

for coaching in the coming year. This time around, HR and training professionals are even more optimistic than coaches themselves. That’s a switch from two years ago, when executive coaches were far more hopeful than their colleagues in HR & training. Employers are increasingly footing the bill for coaching, as opposed to clients paying for services out of pocket. The number of executive coaches who report employers paying for some or all of their engagements climbed to a new record of 88 percent in 2013. Globally, coaches working exclusively with ‘employer-paid’ clients are now at a record high 65 percent.

Coaches executivos, rendimentos - USA Executive coaches, annual anuais earnings Anosin no Years Negócio Business

2013

% Mudança change

2011

Anos 0-2 years $59,000 $45,232 Anos 3-5 years $92,000 $79,280 More experience means more money for executive coaches. Veterans make far more than new entrants. However, Anos 5-10 years $119,000 $111,480 that doesn’t mean everyone makes more money every year. Over10 the last five years, coaches’ earnings have fallen more or more $109,000 $109,080 Mais de 10 Annual Earnings for Executive Coaches

-23% -14% -6% 0%

often than they have risen. In recent years, there has been a precipitous drop in annual earnings for coaches in business for 2 years or less. This may be the first major warning of Esse relatório de ganhos é ifum anexo coaching do 8º Relatório de Coaching Executivo anual. Para uma market saturation. It looks as executive is an occupation with increasing barriers entry. The cópia da pesquisa completa, um to relatório de degree 40 páginas, visite o site www.sherpacoaching.com of difficulty for those entering the field of coaching may relieve concerns about untrained and unqualified executive coaches ‘hanging out a shingle’. Coaches in the trade five years or more fare better than anyone else this year. Ten-year veterans remain untouched by a general drop in annual earnings.

Optimism about Demand for Coaching

2011 2013

Coaches

This earnings report is an addendum to the 8th annual Executive Coaching Survey. For a copy of the full survey, a 40-page report, visit www.sherpacoaching.com.

HR and Training

Requests for coaching are on the rise. Three out of four executive coaches see an increase in the demand


Prêmio 2013 de Liderança de Coaching Mundial Frank Bresser homenageado no Congresso de Coaching Mundial by Kris Miller, MBA, PCC Frank Bresser recebeu o Prêmio 2013 de Liderança de Coaching Mundial durante o Congresso de Coaching Mundial que aconteceu em fevereiro. O prêmio é “o melhor premiado na categoria de liderança de coaching” conferido por júri.

programas de coaching sob medida de acordo com as necessidades específicas da organização, gerando sucesso nos negócios. A Bresser Consulting avalia também empresas de padrões de referência e comportamento da melhor prática de coaching delas.

industry news

internacional, inclusive a Pesquisa Mundial de Coaching e Europeia e o Projeto de Pesquisa de Coaching na introdução do coaching em empresas.

Agende essas datas! Save These Dates!

Bresser foi o pioneiro no desenvolvimento da criação sistemática e estratégica, execução “Esse reconhecimento é uma grande honra, e melhoria nos programas de coaching confirmação e incentivo para toda a equipe como uma disciplina distinta. Ele é autor da ‘Frank Bresser Consulting’ e da ‘FBC do livro The Global Business Guide for the Global Limited’,” disse Bresser. “Receber o Successful Use of Coaching in Organizations segundo prêmio mundial maisFrank respeitado Bresser honored at World Coaching Congress and Coaching Across the Globe (Guia de em dois anos (Prêmio de Excelência em Negócios Mundial para ostrategy Sucesso do Uso rank Bresser received the Globcoaching and design, impleRH Mundial em 2011 durante o Congresso al Coaching Leadership Award emment and optimize tailor-made coachde Coaching Organizações e através RHD Mundial) nos mostra que estamos at the 2013 World Coaching ing programs suited to their organido Globo), e é um orador convidado nas obviamente fazendo a coisa certa.” Congress held in February. The award zation-specific needs and generating conferências internacionais. A is a ‘best in class coaching leadership nacionais businessesuccess. Bresser Consulting Com o suporte dessa equipe, Bresser ajuda by the Bresser também iniciou e conduziu award’ conferred jury. Consultingalso benchmarks firms and conducts acknowledgement is a great best-practice checks ofde their coaching empresas a desenvolver uma “This estratégia projetos de pesquisas de coaching linha honour, confirmation and encouragepractice. de coaching clara e cria, executa e otimiza de frente que ganharam reconhecimento ment for the whole Frank Bresser ConBresser pioneered the development

Global Coaching Leadership Award 2013

F

sulting and FBC Global Limited team,” said Bresser. “Receiving the second well-respected global award within two years [Global HR Excellence Award in 2011 at World HRD Congress] shows us that obviously we are doing something right.” Supported by his team, Bresser helps companies develop a clear

of systematic and strategic design, implementation and improvement of coaching programs as a distinct discipline. He is the author of The Global Business Guide for the Successful Use of Coaching in Organizations and Coaching Across the Globe, and is a regular keynote speaker on national and international conferences.

June 20 - 27 Breaking Boundaries Imagine, Inspire, Impact! 2013 ICF Midwest Regional Coaching Conference Minneapolis, Minnesota, USA icf-midwestregionalconference.com July 21-24 ICF Israel 2013 Congress “Leading to New Reality” Jerusalem, Israel www.icf-congress.co.il October 25-26 The Cultural Competence Event Washington, D.C. area, USA www.coachfederation.org/event Bresser Consulting also initiated and conducted leading-edge coaching research projects which have gained worldwide acclaim, including the European and Global Coaching Survey and the Coaching Research Project on the implementation of coaching in companies.

43

choice


Noticia da Indústria

Uma Experiência Especial e Incomum Segunda Conferência Anual de Coaches Gays

por Ian Lindsay McAfee No papel parecia somente uma conferência profissional de questão padrão: workshops, patrocinadores, e recepção/encontro. Entretanto, a Segunda Conferência Anual de Coaches Gays – organizada pela Aliança de Coaches Gays e que aconteceu no ‘Easton Mountain Retreat Center em Greenwich’, NY, de 2 a 6 de Maio de 2013 – definitivamente não foi uma típica experiência de conferência profissional. Os participantes deixaram a conferência com a sensação de terem experimentado algo raro e especial com seus colegas, irmãos e viajantes seguidores apesar de cada negócio de coaching ser diferente do outro. Eles sentiram como se tivessem uma parte de retiro, uma parte de experiência de conferência tradicional e uma parte de experiência de crescimento pessoal. O coach Tom Keydel falou sobre seu envolvimento com a conferência, “Adoro o fato de existir uma energia tribal, existe uma rede de apoio de colegas.” Terry Hildbrand acrescentou que participar de uma conferência onde todos não apenas compartilham da mesma profissão, mas também da experiência significante da vida de serem homens gays, foi verdadeiramente única e criou uma sinergia praticável em nenhum outro lugar. O programa para a conferência apresentou um dia de pré-conferência com workshops e debates sobre os negócios de coaching. A maioria das sessões incluiu debates honestos e ao vivo sobre o que é preciso para desenvolver um negócio de coaching vibrante, com suporte e sustentável. Os organizadores da conferência procuram que

44

choice

todas as sessões e especialmente este dia de desenvolvimento de negócios com foco no conteúdo fizesse com que os participantes fossem para casa com um planejamento, engajado e com responsabilidade e não com um caderno cheio de coisas para fazer ‘algum dia’. Com essa finalidade, muitas sessões incluíram um tempo para coaching entre os participantes. As sessões da conferência mais importante apresentaram workshops com tópicos que podem ser encontrados em conferências semelhantes: Sua Imagem em Vídeo; Planejar Workshops Certeiros; Descobrir e Desarmar Crenças Limitadoras, Crescimento da Sua Visão, Vender com Confiança e com todo Sentimento; Resistência: espiritual ou Prática?; Fazer o Melhor do meu Tempo; e Dominar seu Sistema de Resultados Pessoais. Muitos participantes tiveram sessões pessoais focadas em como poderiam mudar sua imagem para ter uma primeira impressão duradoura e/ou uma entrevista em vídeo sobre o coach e seu sucesso. As sessões da conferência também incluíam tópicos não abordados antes: Coaching e Saber se Assumir; Clientes de Coaching que Lidam com o Lado Negativo do ‘Armário’; e Público de Coaching GLBTts em Religião e Fé. O programa de pós-conferência teve foco em ‘O Corpo no Coaching’ e incluía tópicos como: Honrando o Corpo no Coaching; Conhecer, Conseguir o Pedido: Nossa Relação com o Querer. Também abordaram temas como saúde sexual, bem estar erótico, como sexo e sexualidade se encontram sob a superfície de outros aspectos das

vidas dos homens, e como coaches podem navegar por esses assuntos e tópicos em debates sensíveis e apropriados de coaching. Os homens participantes tiraram vantagem de um atípico clima quente para caminhadas, sentar ao sol e se envolver em conversas ou ficar em profunda contemplação, aproveitar a sauna à lenha e/ou contemplar um céu limpo e estrelado longe das luzes da cidade. A localização rural do centro do retiro e as oportunidades de estar fora da cidade levaram os homens a observar, conforme iam embora, que eles tinham uma poderosa sensação de rejuvenescimento e relaxamento. A Alliança de Coaches Gays é uma grende organização de associados focada na expansão da profissão de coaching através da criação de uma comunidade para coaches gays. A comunidade cria a oportunidade para uma maior resistência, criatividade, inspiração e colaboração. Informações sobre a aliança e como fazer parte dela podem ser encontradas no site www.thegaycoaches.com. Mais informações sobre a conferência e uma lista completa das atividades e datas para a 3ª conferência anual que acontecerá em 2014 estão disponíveis no site: www.conference.thegaycoaches.com “Participar de uma conferência onde todos não apenas compartilham da mesma profissão, mas também da experiência significante da vida de serem homens gays, foi verdadeiramente única e criou uma sinergia praticável em nenhum outro lugar.”


Palavra Final

Intencionalmente Magnífico Negociar suas listas de “coisas para fazer” por uma intenção consciente por Regina Hellinger, MA, ACC,CPCC

Recentemente participei de um programa de liderança com o CTI (O Instituto de Treinamento de Coaches), onde me foi apresentado o conceito de que líderes têm rituais matinais para despertar o corpo, refletir, conectar, sentir inspiração e estabelecer a intenção do dia. Os líderes do retiro estabeleceram essa prática como parte do nosso dia e fazíamos isso sem exceção. O conhecimento que se instalou na minha consciência vindo das coisas simples como perceber o som da grama sendo pisada sob meus pés ou sentar ao pé de uma árvore e ver a sombra crescer de modo esplêndido me levam a lugares de inspiração, conexão, tranquilidade crescimento espiritual. Sendo todos incríveis, o aspecto que é mais surpreendente deste ritual foi o de poder afirmar uma intenção do dia antes de começar meu dia propriamente dito. A intenção do dia não só é o foco do que faremos naquele dia, mas também quem nós queremos ser e como demonstraremos em nossas interações. Meus rituais matinais são uma parte de quem eu sou agora e minhas intenções são coisas como “hoje vou introduzir criatividade em lugares que se tornaram muito familiar” e “hoje me permitirei falar com meu coração sem me preocupar com a reação que eu tiver.” Isto é bem diferente da lista habitual de “para fazer” que anteriormente associava com ser intencional. O impacto foi profundo. Descobri que sou muito feliz e mais focado a maior parte do tempo durante o dia. Quando sinto uma pequena desconexão se manifestar, eu resgato minha intenção, e redirecionando meu foco para minha intenção sou capaz de mudar minha energia interna e a energia do espaço a minha volta num caminho positivo. Ao final de cada dia eu sinto um sucesso inacreditável. Tem sido espetacular ir todas as noites para cama sabendo que mostrei autenticidade, e com a dimensão do que conheci naquela manhã de que meu mundo precisava mais de mim. As referências que tinha definido anteriormente para mim, tais como “no final de 2013 eu quero ter um montante X de dinheiro no meu próprio negócio” de repente parece insignificante. Entretanto sinto que estou caminhando em

direção para cumprir os meus objetivos empresariais de forma mais efetiva do que antes – justamente com muito menos carga, preocupação e estresse. Dar um passo atrás e focar em quem sou no momento, é como o universo criar para mim mais oportunidades para trazer aquela autenticidade para algum espaço mais impactante, o que também beneficia minha carreira. Intenção consciente é um dom para mim e um presente para o espaço a minha volta. É minha permissão para eu ser o meu eu mais autêntico e o eu que o mundo mais precisa de mim, enquanto tiro a pressão sobre mim de sempre ter que fazer alguma coisa ‘produtiva’ para sempre sentir que estou acrescentando valor. Se você não tentou essa prática simples, eu o encorajo profundamente a tentar. Você vai rapidamente sentir esse impacto. Lembre-se: você está estabelecendo sua intenção, foque no que você quer ser, como quer demonstrar no espaço do qual faz parte nesse dia. Evite as listas “para fazer”. Faça a intenção após clarear sua mente e se inspirar em alguma coisa como passar um tempo na natureza, ler um poema ou fazer uma prece, ouvir uma música que permita uma medição ou que te faz ficar centrado.

Deixe que a intenção venha de seu coração e das suas entranhas. Não PENSE sobre como você DEVERIA ser; apenas deixe sua intenção surgir do fundo do seu âmago. Durante o dia verifique sua intenção e faça um esforço consciente para trazê-la para o mundo físico. Observe suas respostas emocionais para o que está acontecendo a sua volta uma vez que você está sempre intencionalmente se mostrando e use essa consciência como guia para suas ações. Ao final de cada dia comemore sua própria qualidade de ser magnífico, expresse gratidão e admiração com seu incrível eu. Feche os olhos se sentindo bem com o impacto que você tem sobre seu mundo, sabendo que amanhã você vai acordar e ser magnífico novamente!

“Intenção consciente é minha permissão para eu ser o meu eu mais autêntico e o eu que o mundo mais precisa.” 45

choice


Fique por Dentro

Pesquisa Aponta Coaching Como Melhor Ferramenta. Pesquisa Revela que Coaching é o Processo Mais Utilizado no Brasil Portal Nacional de Seguros O coaching é um processo com início, meio e fim, definido em comum acordo entre o coach (profissional) e o coachee (cliente) de acordo com a meta desejada pelo cliente, onde o coach o apoia em busca de realizar metas de curto, médio e longo prazo.

Brasileiros Aprovam Coaching Callcenter.inf.br Uma pesquisa realizada pela Robert Half revela que 77% dos profissionais no Brasil acreditam que a realização de coaching por seu chefe é realmente eficiente, contra 55% do resto dos países. Processo com início, meio e fim, o coaching apoia a busca.



Revista Choice - 08.2013