Page 1

Março 2014

Ano III, #8

Notícias do Campo Missionário

– Família Gusmão -

Nos próximos 3 anos...

Pedidos de Oração: • Crescimento espiritual dos novos convertidos: Kewen, Cristiano, Kennedy, Elisabeth, Márcia, Silvestre, Giliane • Para que não haja divisão entre os membros da igreja • Pelos departamentos da igreja e revitalização da E.B.D. • Por mais igrejas envolvidas em nosso processo de sustento

Depois de 3 anos atuando no Projeto Parelheiros começamos a orar pedindo ao Senhor que nos direcionasse para um novo local de trabalho aonde pudéssemos continuar a servi-lo, e qual não foi a nossa grata surpresa quando recebemos o convite da nossa missão para o desafio de desenvolver um trabalho missionário voltado para a revitalização de igrejas. Temos pensado que tão importante quanto abrir igrejas é fundamental que haja empenho em mantê-las abertas. Essa demanda missionária é resultado natural do amadurecimento do nosso movimento no Brasil. Sabe-se que em todo grupo organizado, após alguns anos de existência, algumas igrejas iniciam um ciclo de perda de ânimo, desvio de foco e prioridades. Passamos a visitar a Igreja Batista Regular em Jd. São Jorge, região do Butantã Zona Oeste de São Paulo, que haviam solicitado ajuda para a Associação Batista Regular. Até então, nos últimos 2 anos a igreja estava sendo assistida por uma escala de pregadores que se revezavam semanalmente para trazer a palavra aos irmãos já que estavam sem pastor. Depois de algum tempo participando dos cultos, pregando, almoçando com algumas famílias da igreja e orando, orando muito ao Senhor, entendemos que ali era a opção de Deus para nós. Realizamos uma sessão e com quase unanimidade foi votado pela igreja á favor da implantação do projeto de Revitalização de Igreja (você pode ver o plano em nosso site www.familia-gusmao.com).

“Dou graças ao meu Deus todas as vezes que me lembro de vós, fazendo sempre com alegria oração por vós em todas as minhas súplicas, pela vossa cooperação no evangelho desde o primeiro dia até agora.” Filipenses 1:3-5

Médicos, mecânicos e pastores. Ouvi uma história sobre a conversa de um médico que enquanto aguardava o concerto do motor do seu carro ouviu do seu mecânico que trabalhar como mecânico era como trabalhar como médico “ambos trabalhamos arrumando os motores”. O médico respondeu: “a única diferença é que eu faço meu trabalho com o ‘motor’ ligado”. Se eu estivesse na conversa teria dito aos dois “tentem fazer isso com o motor ligado e sem anestesia”. O trabalho missionário voltado para revitalização de igrejas é complexo pois o motor (estrutura da igreja) está em funcionamento e as pessoas estão tomadas pela sua consciência sobretudo de experiências passadas e nossa presença pode ser mal interpretada como uma “intromissão”. É necessário muito zelo, amor e contato com o povo para superar todas estas dificuldades para que não haja prejuízo no progresso pretendido pela própria igreja.

Encontramos um grupo de irmãos muito animados e interessados em servir ao Senhor e a dar contribuição para o avanço da causa de Cristo. Em Dezembro tivemos a eleição dos diáconos que aos poucos estão cada vez mais engajados em cuidar das famílias da igreja. Também estamos trabalhando na sistematização da E.B.D retomando o trabalho com jovens , adolescentes e juniores. Recebemos 60 visitantes nestes primeiros meses e 7 aceitaram a Cristo como Salvador. Certamente que há muito trabalho por fazer, pedimos as orações dos irmãos para que Senhor nos dê a sabedoria necessária e o temor requerido para que não pequemos no excesso ou omissão principalmente quanto ao trato para com o rebanho de Deus. Vejam com detalhes alguns eventos em nosso site.

Rua. Adolfino Arruda Castanho, 200 / Taboão da Serra / SP CEP – 06763-180 Tel – 4385-5639 / 9 9637-3007 www.familia-gusmao.com

Carta #8  

Relatório de missões ano 3 número 8.