Page 1

Estudo Bíblico Semanal Baseado na Publicação da CPAD Lições Bíblicas 2º. Trimestre de 2012

AS SETE CARTAS DO APOCALIPSE Carta de Cristo à Igreja em Esmirna A Igreja Confessante e Mártir

“Sê fiel até à morte, e dar-te-ei a coroa da vida” (Ap 2.10c)

Vilemar e Teresa Vilemar e Teresa


Esmirna Uma cidade moderna em 2012. A palavra Esmirna que dizer mirra, uma substância amarga capaz de exalar uma

fragrância agradável, usada como perfume ou na unção de cadáveres deixando-os perfumados. O significado da palavra Esmirna é amargura ou sofrimento. Localização: Sudoeste da Turquia na região do Mar Egeu, a 56 km da cidade de Éfeso. Esta cidade tem mais de 5000 anos de história ininterrupta. Em seus momentos de glória foi chamada de Coroa da Ásia. Os romanos construíram edifícios públicos monumentais e ela era um centro importante de ciência e medicina. A cidade foi fundada por Alexandre Magno 3 a.C. Porto de Esmirna: Famosa no início de sua história pelo seu porto sendo uma passagem estratégica para outras partes do mundo. Economia atual: Mirra, retirada da madeira da commiphora myrrha, conhecida também como mirra arábica. Esmirna tem uma larga tradição em realizar feiras. As feiras acontecem lá por mais 90 anos e de 30 ramos diferentes de negócios. Clima: Agradável com os ventos que sopram do ocidente. Resistência e período como uma vila: A cidade foi praticamente aniquilada em um conflito com o povo lídio em 627 a.C. O povo forte de Esmirna conseguiu superar tal investida, contudo permanecendo por 3 séculos apenas uma vila. Domínio estrangeiro: Gregos, Romanos, Bizantinos, Otomanos e Turcos. Os turcos nunca foram expulsos de Esmirna e continuam até hoje, sendo Esmirna uma cidade turca.

Ressurgimento: A cidade de Esmirna voltou a existir como cidade na metade do século IV a.C. quando esta se tornou a cidade mais importante da Ásia. O ressurgimento de Esmirna trouxe alguns retrocessos também. Por volta de 195 a.C a cidade era obrigada a prestar culto ao busto do imperador Cesar publicamente pelo menos uma vez por ano e sofria fortes perseguições da comunidade judaica. Eles divulgavam falsas doutrinas dificultando em demasia a vida dos cristãos confessantes daquela região. Dizer “Cristo é o Senhor”, (Lesous Kurios) e não “César é o Senhor” (Kaiser Kurios) constituía falta grave. Tal agressão poderia custar a própria vida do condenado dos cristãos que sofriam torturas sendo lançados às feras. População (2009): 3.276,815 – terceira maior cidade da Turquia depois de Istambul e Ancara. A população hoje é predominantemente mulçumana. Esmirna abriga a segunda maior população judaica da Turquia depois de Istambu.


Terra do Poeta Homero, filho de Mele: Homero, autor de Ilíada e Odisseia, nasceu em Esmirna. Outras cidades reclamam ser a cidade natal de Homero, mas os seus escritos provam a sua origem. Nome atual: Izmir. Civilização: Esmirna é a única cidade entre as 7 igrejas que ainda existe continuamente. Quando João escreveu esta carta para os santos em Esmirna, havia naquela comunidade apenas duzentos e cinquenta mil habitantes.

5000 anos de progresso ininterrupto. a) Época em que se firmava o cristianismo


b) c) Tempos modernos

Trens

Aeroporto

Universidades

Hotéis

Porto de Esmirna

Outros Deuses adorados em Esmirna As etnias não cristãs adoravam diversos deuses, entre estes podemos citar: deusa Cibele, Apolo, Asclépio, Afrodite e Zeus. Posêidon (deus grego do mar), Deméter (deusa grega da ceifa e da Terra).


Rompendo com os grupos gregos, adoradores dos deuses citados acima, Esmirna despontou para uma doutrina cristã com os ensinamentos de Paulo em Éfeso, assim com toda a Ásia Menor.

Apocalipse 2:8-11 (Carta para Esmirna) E ao (1) anjo da igreja que está em Esmirna, escreve: Isto diz (2) o primeiro e o último, que foi morto, e reviveu: Conheço as tuas obras, e (3) tribulação, e (4) pobreza (mas tu és rico), e a (5) blasfêmia dos que se dizem judeus, e não o são, mas são a (6) sinagoga de Satanás. Nada temas das coisas que hás de padecer. Eis que o diabo lançará alguns de vós na prisão, para que sejais tentados; e tereis uma (7) tribulação de dez dias. Sê fiel até à morte, e dar-te-ei a (8) coroa da vida. Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas: (9) O que vencer não receberá o dano da (10) segunda morte. (1) Provavelmente Policarpo. (2) Jesus se apresenta como o primeiro ser e quem venceu a morte. (3) Tribulação = pressão que vem de fora. Do grevo (thlipsis), esmagar um objeto, comprimindo-o. (4) Paradoxo de Esmirna, a cidade era rica e igreja pobre. Espiritualmente a igreja era uma grande referência. Os judeus a perseguiam implacavelmente. Embora tivesse passado por tanto sofrimento, a igreja se recusou adorar o imperador Cesar. (5) Os judeus espalhavam muitas mentiras sobre o povo cristão de Esmirna. (6) Os judeus não eram pessoas más. Mas alguns se comportavam como verdadeiros inimigos dos cristãos. (7) Para o sofrimento permitido nesta carta, havia sido determinado um tempo de acordo com a capacidade do homem de suportar a provação. (8) Coroa da Vida: (do grego, stephanos = coroa da vitória). Em 2 Timóteo 4.8 é prometida a coroa da justiça para que amam a vinda de Jesus. Na Grécia antiga, uma coroa era dada aos vencedores de uma competição. Apesar das torturas do povo em Esmirna eles não negavam a sua fé e a sua disposição de ficar ao lado da Igreja de Cristo. O sofrimento deste povo foi tão grande que a Igreja em Esmirna recebeu o nome de a Igreja perseguida. (9) O vencedor é o que conseguir superar as perseguições contra os cristãos e não nevar a sua fé. (10) A primeira morte é a morte física e a segunda morte é a morte espiritual.


As Igrejas em Esmirna na atualidade

Igreja de São Policarpo

Igreja Batista

A Igreja em Esmirna quando pastoreada por Paulo Jesus se apresenta como missivista em Esmirna. Quando esta carta foi escrita se respirava um clima de tortura criado pelos romanos. Um registro importante destes eventos foi, em 155 d.C. quando Esmirna estava sob a política de Trajano. Os cristãos não eram perseguidos. O Governo só agia quando era denunciado. Os achados culpados eram levados a tortura como foi o caso de Policarpo aos seus 86 anos de idade, um bispo de Esmirna, e discípulo do Apóstolo João. Dado a oportunidade de negar a Cristo, Policarpo declarou amarrado a uma estaca e sem roupas: “Há oitenta e seis anos tenho-lhe servido, e ele nunca me fez mal; e como posso agora blasfemar meu Rei que me salvou? [... ] Ameaça-me com fogo que queima por um momento e logo se extingue, pois nada sabes do julgamento que virá e do fogo da


punição eterna reservada para os perversos. Mas, por que te demoras? Faze o que desejas. “ No centro do estádio e antes de acenderem o fogo, Policárpio fez a seguinte oração: “Ó Pai de teu amado e bendito Filho Jesus Cristo, por meio de quem recebemos o conhecimento a teu respeito. O Deus dos anjos e poderes, e de toda a criação, e de toda a família dos justos, que vive diante do pai, bendigo-te por teres me considerado digno deste dia e hora, de fazer parte do número de mártires e do cálice de Cristo, até a ressurreição da vida eterna, tanto da alma como do corpo, na felicidade incorruptível do Santo Espírito. Que eu possa ser recebido entre eles em sua presença neste dia, como um sacrifício rico e aceitável conforme preparou, revelou e cumpriu o fiel e verdadeiro Deus. Assim, por essa causa e por todas as coisas Policarpo louvo-te, bendigo-te por intermédio do sumo sacerdote eterno, Jesus Cristo, teu Filho amado. Por meio de quem seja a glória para ti no Santo Espírito, agora e para sempre. Amém.” Após proferir esta oração, em 155, sem roupas. Policárpio ao ser colocado em uma fogueira, esta não o queimou. Os seus perseguidores o apunhalaram pelas costas até a morte e em seguida queimaram o seu corpo amarrado a um poste.

Lucas em Esmirna O evangelista Lucas, o médico amado (Colossenses 4:14), passou dois anos ensinando em Esmirna. Ele chegou lá quando Paulo veio de sua terceira viagem a Éfeso. Lucas

Nada poderá calar a Igreja de Cristo nem a própria morte. Deus está convosco 1 Coríntios 10:13 “Não veio sobre vós tentação, senão humana; mas fiel é Deus, que não vos deixará tentar acima do que podeis, antes com a tentação dará também o escape, para que a possais suportar.“


Uma lição especial de Esmirna apontada pelo pastor Rivaldo Constantino, Igreja Batista dos Guararapes em 06 de novembro de 2011. a) Influenciar o ambiente com valores do cristianismo (perfume), mesmo quando estiver sofrendo. “E graças a Deus, que sempre nos faz triunfar em Cristo, e por meio de nós manifesta em todo o lugar a fragrância do seu conhecimento. Porque para Deus somos o bom perfume de Cristo, nos que se salvam e nos que se perdem” (II Coríntios 2.14, 15). b) Mendicamento – produzir o bem para os que estão ao redor. Gera conforto e cura para os males da alma porque transmite paz. c) Embalsamento - conservar a sociedade por meio dos princípios cristãos de moral e conduta que possui. “Vós sois o sal da terra; e se o sal for insípido, com que se há de salgar? Para nada mais presta senão para se lançar fora, e ser pisado pelos homens” (Mateus 5.13). A situação é critica para os cristãos em vários lugares do mundo Muitos cristãos são torturados ainda hoje pelo mundo, verdadeiros massacre acontecem mutilando e ceifando a vida de cristãos. Os cristãos são retirados de suas casas a força, as igrejas são invadidas e incendias e muito mais. São mais de 200 milhões de pessoas sofrem torturas intensas e 250 milhões de pessoas sofrem algum tipo de discriminação na atualidade. 1 a cada 3 cristãos sofre perseguição. Em cada dez pessoas do mundo uma é um cristão perseguido. (Fonte: www.jesussite.com.br/acervo.asp?Id=877) No Egito os cristãos precisam colocar em seus documentos de identidade a sua filiação religiosa, o que pode ser motivo para negar ao cidadão oportunidade de emprego, acesso à educação e casamento. No Egito há 93 mil mesquitas para 2 mil igrejas cristãs.

Africa do sul (Fonte: http://presentepravoce.wordpress.com/2011/11/01/o-tempo-da-perseguicao-aoscristaos-ja-chegou)


(Fonte: www.istoe.com.br/reportagens/168132_CRISTAOS+PERSEGUIDOS) Segundo a Organização Portas Abertas os 25 maiores perseguidores dos cristãos no mundo são: Coréia do Norte (dez anos consecutivos na liderança entre os perseguidores) , Afeganistão, Arábia Saudita, Somália, Irã, Maldivas, Uzbequistão, Iêmen, Iraque, Paquistão, Eritreia, Laos, Nigéria, Mauritânia, Egito, Sudão, Butão, Turcomenistão, Vietnã, Chechênia, China, Qatar, Argélia, Comores. (Fonte: oblatvs.blogspot.com.br/2012/01/perseguicao-aos-cristaos-em-2011-top-50.html)

VOCABULÁRIO Commiphora Myrrha: Planta nativa do nordeste da África, também conhecida por Mirra arábica. A mirra é uma planta cheia de espinhos da qual se extrai um perfume, uma resina usada para fazer medicamentos que serve para auxiliar no ambalsamento.

Missivista: Autor de uma missiva ou carta. Redis: Fonte aberta, armazenamento de algo. Ufanava-se: Relativo a ufanar, sentir-se orgulhoso.


ReferĂŞncias: http://pt.wikipedia.org/wiki/Esmirna http://www.estudosdabiblia.net/b09_6.htm http://www.adalagoas.com.br/noticias/?vCod=7657 http://www.oassembleiano.com/2012/04/ebd-licao-4-esmirna-igreja-confessante.html http://www.altairgermano.net/2012/03/esmirna-igreja-confessante-e-martir.html http://judsoncanto.wordpress.com/2012/04/20/licoes-biblicas-esmirna-a-igrejaconfessante-e-martir/ www.cacp.org.br/estudos/artigo.aspx?lng=PT-R&article=1176&menu=7&submenu=3 Prof. JosĂŠ Roberto A. Barbosa - www.subsidioebd.blogspot.com - auxilioaomestre@bol.com.br

http://teologiaevida.blogspot.com.br/2011/11/apocalipse-28-11-uma-igreja-pobre.html http://www.felipeheiderich.com/2012/01/classificacao-paises-por-perseguicao.html

Carta para Ismirna  

Carta aos cristãos em Ismirna

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you