Issuu on Google+

Página-1

Quinta-feira, EDIÇÃO21 de março de 2013

299 Parabéns Ibiúna!

EDITOR-CHEFE: JODI TANAKA • IBIÚNA, 21 DE MARÇO DE 2013 • COM O POVO E A VERDADE • EXEMPLAR R$ 1,00

156 anos de Ibiúna: Festa terá shows de artistas locais Nenhum artista badalado. As comemorações de 156 anos privilegiam os grandes talentos da cultura local. Entre os principais nomes da festa, Marcos Xavier, que venceu por duas vezes o Mapa

Cultural Paulista, é um dos destaques. Mas a festa é para todos os públicos: terá de samba a rock, de ciclismo a skate, de exposição de fotos a arte em grafite. Página 6

Professor Eduardo consegue certidão que possibilita novos convênios

A CND, que impossibilitava convênios e repasses de recursos desde 2010, foi reconquistada pela administração Professor Eduardo e Adal Marcicano. No gabinete, a notícia foi celebrada como um gol em final de Copa do Mundo.

Nos próximos meses será possível reiniciar as obras da Ciclovia, CDHU – Ibiúna C, com a construção de 189 casas (no Jemima), Rodoviária e as UBS do Paruru e do bairro Vargem do Página 2 Salto”

Fábio Bello tem mais uma condenação de Improbidade A coisa não anda bem para o exprefeito Fábio Bello. Depois de ter sido barrado pela ‘Lei da Ficha Limpa’, nas eleições passada, ele teve mais uma condenação de Improbidade administrativa pelo Tribunal de Justiça de São Paulo. O ex-prefeito foi condenado em segunda instancia por mais uma ação movida pelo Ministério

Público. Dessa vez, o motivo da ação foi a “contratação de servidores sem concurso, em desacordo com a legislação municipal e federal, bem como o desvio de finalidade dos atos praticados, em desrespeito aos princípios constitucionais que regem a atividade Pública”. Página 7

Estradas: Prefeitura promete iniciar reparos no início de abril

Página 12

Fone Fácil em breve

Dentro de alguns dias, estará nas ruas a edição 2013 do Fone Fácil, com muitas novidades para nossos leitores, comércio local, cidadãos ibiunenses e visitantes. Não deixe de adquirir nas bancas.

Ed. 298.pmd

1

Saneamento básico do município nas mãos dos Vereadores Depende da Câmara a aprovação do Projeto de Lei que autoriza o convênio entre a prefeitura e a Sabesp, acordo necessário para que sejam feitos investimentos para garantir o saneamento básico de boa parte dos bairros do município. Segundo o Presidente da Casa, o projeto será votado em breve. Página 3

Nascente do Rio Sorocaba receberá marco solene Um ato solene encabeçado pela Secretaria de Meio Ambiente, com a participação de ambientalistas da região, terá como tema a nascente do Rio Sorocaba, que se forma da junção dos Rios Sorocamirim e Sorocabuçu. Perto da margem, que pode ser alcançada por uma trilha, será colocado um marco com uma placa em homenagem ao Rio que abastece cerca de 1 milhão de pessoas na região. Página 3

Ibiúna terá feira de produtos orgânicos todos os sábados

Por iniciativa de produtores orgânicos e das Secretarias de Turismo e Agricultura, o município ganhará, a

partir do dia 23, uma feira permanente do produto no CITI, a partir das 7 horas.

Rodoviária, enfim, será reformada

Com recursos do turismo, a rodoviária vai passar pela tão necessária reforma, que virou

21/03/2013, 03:10

questão de honra para a administração municipal. Página 2


Página-2

Quinta-feira, 21 de março de 2013 Editorial

Ibiúna, 156 anos. Muito a comemorar e mais ainda a desenvolver No próximo domingo, o município de Ibiúna comemora 156 anos. Neste pouco mais de um século e meio de emancipação, muitos cidadãos fizeram história, desde as pessoas responsáveis por elevar o povoado à categoria de município, em 1857, passando pela guerreira Dona Nazária Cipriano de Freitas, fundadora da Casa de Santa Rita que faria 100 anos em 2013, até os agentes que podem entrar para história que vivem entre nós. Certamente, há muito a celebrar nesta história de grandes lutadores. Mas há também muito a desenvolver. Para desenvolver, entretanto, é preciso cobrar. Cobrar daqueles que lesaram o patrimônio público, deixando Ibiúna à beira da falência. Notícias que se espalham dos labirintos do Paço Municipal dão conta de que órgãos como a Corregedoria do Governo do Estado têm cobrado o paradeiro de recursos liberados nas gestões Coiti e Fábio Bello, cujos destinos não são conhecidos. Fala-se em torno de R$ 2 milhões, de verbas para Estrada do Verava, do Carmo Messias, Ciclovia, CDHU, Rodoviária. Enquanto isso, no Gabinete, o Prefeito Eduardo se desdobra para saber como tapar o rombo da herança maldita deixada para seu governo. Quem sofre pelos desmandos passados, como sempre é a população. Muitas pessoas nem se dão conta do quanto a velha política fez mal ao município. Nas redes sociais, chove críticas à prefeitura, por não ter programado para a Festa da Cidade, grandes shows com artistas badalados. Mal sabem que alguns dos artistas, cujos 15 minutos de fama até já passaram, foram responsáveis por levar milhares e milhares de Reais, que deveriam ser usados nas áreas da saúde, da agricultura, do emprego e inclusive no investimento da expressão cultural local. Mas, passando para a celebração, a contenção de gastos da festa de aniversário fez com que, em meio à crise, a administração descobrisse uma oportunidade. Nunca, em uma festa de tradição municipal, os agentes culturais de Ibiúna tiveram tanto espaço. Rock, skate, violeiros de São Sebastião, Grafitti, Artesanato local, violonista Marcos Xavier, que foi por duas vezes vencedor do Mapa Cultural Paulista. Estas são apenas algumas das atrações da programação de aniversário, que também terá procissões, corridas, passeios ciclísticos, entre outras atividades culturais e religiosas. Apesar de ter sido traída por alguns dos últimos representantes públicos, Ibiúna ainda luta e confia, sobretudo, em sua força para reconstruir sua história. Que os administradores e legisladores atuais tomem ciência da necessidade desta união com o povo, para elevarem o município ao lugar de destaque que ele merece sempre estar.

Borracharias devem se cadastrar na Vigilância Ambiental Medida é necessária devido ao armazenamento inadequado de pneus inutilizados que podem transmitir a dengue. A Vigilância Ambiental está cadastrando todas as borracharias de Ibiúna como medida que visa solucionar o grave problema de destinação de pneus inutilizados. “Se a r m a z e n a d o s inadequadamente, os pneus podem se tornar criadouros do mosquito Aedes Aegipty, transmissor da dengue”, explica

DIRETORA: Júlia Tanaka J ORNALISTA R ESPONSÁVEL : Paulo Cesar Bueno - MTB 14305-53/18 - SP CONSULTORIA. J URÍDICA: Delícia Fernandes dos Santos DESIGNER GRÁFICO: Cezar Alexsander Andrade CONS. REDAÇÃO: José Gomes (Linense), Ana Cristina e Claudino Piletti e Luiza Pontes

a orientadora educacional em saúde, Damaris Vieira Cardoso. Portanto, a Vigilância Ambiental solicita que as borracharias que ainda não receberam a visita dos agentes de saúde, entrem em contato o mais breve possível para realização do cadastro, através do telefone 3294-2276 ou pelo e-mail: vas.ibiuna@gmail.com.

Prefeitura consegue liberação da CND Prefeito viabiliza certidão que possibilita repasses de verbas para o município de Ibiúna Próximo ao aniversário da cidade, a população recebe uma ótima notícia. No dia 11 de março, um acordo foi firmado junto ao Ministério da Fazenda – Secretaria da Receita Federal do Brasil, trazendo de volta para o município a Certidão Negativa de Débito – CND, relativa às contribuições previdenciárias e às de terceiros. Essa certidão permite que os repasses, convênios e recursos firmados junto aos Governos Estadual e Federal sejam destinados novamente ao município. “Nosso foco de trabalho, neste momento, é colocar em dia tudo o que estava estagnado. Neste início de ano, a liberação da CND era uma das prioridades do município, pois, através dela, conseguiremos firmar todos os convênios e repasses que até então se encontravam parados. Agora, repasses muito importantes como

emendas parlamentares, transporte, merenda escolar, saúde, DADE e infraestrutura serão liberados, trazendo benefícios à população”, enfatizou o Professor Eduardo. De acordo com o Jurídico da Prefeitura, para a liberação da CND se concretizar, foi necessário realizar uma renegociação. “No ano passado, a Prefeitura entrou com uma negociação junto a Receita Federal, porém, o que foi firmado não aconteceu, colocando o município de volta ao cadastro devedor. Entramos com um processo esse ano, para que de fato houvesse uma regularização e, felizmente, fomos bem sucedidos”, destacou o Procurador Jurídico, César Augusto de Oliveira. Convênios Alguns convênios que estavam parados por falta de recursos e da

Estado abre linha de crédito para agricultura orgânica No último dia 5, a diretora de agricultura, Adrínia Barbosa Peres, esteve presente no lançamento do programa “São Paulo Orgânico”, uma ação de Governo realizada por meio das Secretarias do Meio Ambiente e da Agricultura e Abastecimento, em parceria com associações e entidades do setor. Atualmente, em Ibiúna, existem aproximadamente 60 produtores orgânicos, a maioria concentrados no bairro do Verava, que trabalham com verduras, legumes e algumas frutas. Segundo Adrínia, além dos cursos para formação e capacitação em agricultura orgânica, o governo de São Paulo

também disponibilizará um auxilio financeiro para incentivar este tipo de produção, por meio da Feap (Fundo de Expansão do Agronegócio Paulista) que, segundo o governador, “já está disponível no Banco do Brasil”. A linha de financiamento para a Agricultura Orgânica tem por objetivo viabilizar o período de transição do sistema produtivo convencional para o orgânico, propor inovações tecnológicas que diminuam o consumo de insumos químicos e incentivar a transformação de alimentos nos próprios locais de produção, agregando valor aos produtos agropecuários.

2

Mulher é presa após furtar seis peças de carne Uma mulher foi presa após furtar seis pacotes de carne na tarde do último dia 12 em um comércio no centro da cidade Ibiúna. Por meio do sistema de monitoramento do estabelecimento, os seguranças do local puderam ver quando a mulher colocou seis peças de carne e uma garrafa de água no carrinho, mas pagou somente a garrafa de água. J.S.A. foi abordada e revistada pela Polícia Militar, que foi chamada pelos próprios seguranças do estabelecimento. A carne estava escondida dentro da bolsa. Após boletim de ocorrência de flagrante de furto, foi decretada a fiança no valor de um salário mínimo qual não foi paga. A acusada permanece a disposição da justiça.

Recurso do Turismo proporciona reforma da Rodoviária Após muitos anos abandonada, finalmente a Rodoviária será reformada. De acordo com o responsável pelo projeto da obra, serão refeitos os revestimentos das paredes e forro, as instalações elétricas e hidráulicas, os pisos, os sanitários, além da construção de banheiros para pessoas com necessidades especiais. Esquadrias e divisórias, pintura, cobertura para taxistas e outras melhorias também serão feitas no local. Segundo o Vice Prefeito Adalberto Marcicano, que também responde pelas pastas Esportes e Lazer e Cultura e Turismo, o dinheiro para a reforma virá do Turismo, mesmo assim, a Prefeitura terá que devolver a quantia de R$ 500 mil (quinhentos mil reais) recebida de um Convênio com o DADE (Departamento de Apoio as Estâncias) para esta finalidade que, infelizmente, não foi empregada para tal, mesmo depois da obra ter sido licitada e vencida pela empresa Tecla em 2012.

“Vamos relatar o caso ao Tribunal de Contas e ao Ministério Público para repor este dinheiro, pois a dívida é do município, mas os responsáveis terão que responder”. O Prefeito, Professor Eduardo, no início do ano, pediu total prioridade

REVISOR GERAL: Júlia Tanaka A DMINISTRAÇÃO E DISTRIBUIÇÃO : Jornal VOZ DE IBIÚNA Rua Peru, 20 - Ibiúna - SP - CEP: 18150-000 TELEFAX.: (15) 3241-1325 E-MAIL: vozdeibiuna@uol.com.br REDAÇÃO: Rua Peru, 20 - Ibiúna - SP IMPRESSÃO: Gráfica Atlantica TIRAGEM: 10.000 exemplares T. ACUMULADA: 2.914.000 exemplares

As matérias assinadas são de inteira responsabilidade dos autores.

Ed. 298.pmd

regularização da CND serão retomados. “Dentro de, aproximadamente, 60 dias será possível iniciar as obras da Ciclovia, CDHU – Ibiúna C, com a construção de 189 casas, Rodoviária, Posto de Saúde do bairro Paruru e a Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro Vargem do Salto”, destacou o Chefe de Convênios, Kleber G. de Souza. Ainda de acordo com o responsável, o setor está regularizando, nesta semana, pendências no Cadastro Único de Convênios (CAUC), referente a prestação de contas de convênios realizados em 2002, 2004 e 2007. Com isso, outros poderão ser celebrados.

21/03/2013, 03:10

na reforma da Rodoviária e, apesar das dificuldades financeiras, a obra está prevista para iniciar no final do mês de março. “Acreditamos que a situação está crítica e o povo não pode mais esperar”, finaliza o Vice Prefeito.


Página-3

Quinta-feira, 21 de março de 2013

Ação ambiental celebra nascente do Rio Sorocaba Santa Maria e maldita mania mais barato. Além disso, Claudino Piletti extintores não em Ibiúna na sexta, Dia Mundial da Água A cidade de Santa Maria, no funcionaram, não havia

No dia 22 de março, sextafeira, data em que se comemora o Dia Mundial da Água, a Estância Turística de Ibiúna realiza uma programação especial para celebrar a nascente do Rio Sorocaba, que se forma com a junção (confluência) entre os Rios Sorocabuçu e Sorocamirim no município, a 50 km de Sorocaba. Além de ser responsável pelo abastecimento de cerca de 1 milhão de pessoas e diversas cidades, o Rio Sorocaba é o principal formador da Represa de Itupararanga, que cada vez mais tem sido explorada por seu potencial turístico, com canoas, escunas e catamarã. O evento faz parte das comemorações do aniversário de Ibiúna, que acontece no domingo, 24 de março. Através de uma iniciativa da prefeitura de Ibiúna, um grupo de

entidades fará uma trilha que chega às margens do encontro dos rios (Sorocabucu e Sorocamirm) e instalará no local um marco solene, com a inscrição: “Aqui começa o Rio Sorocaba”. A programação tem início às 8h30, com saída do Paço Municipal, no centro da cidade. Até o momento, estão confirmadas presenças de representantes da Secretaria de Meio Ambiente de Sorocaba, da APA de Itupararanga e da Ong SOS Itupararanga. O ato solene é um registro histórico para o município e também para a região, uma vez que, apesar de toda a relevância do Rio Sorocaba, sua nascente nunca foi valorizada. Segundo o Diretor de Meio Ambiente do Município de Ibiúna, Fernando Salles Rosa, “a ação é fundamental para chamar a

atenção dos órgãos públicos, meios de comunicação, empresas privadas e da sociedade em geral para a necessária reflexão sobre a importância de preservação de tal área e sobre a gestão socioambiental compartilhada no território da bacia do alto Sorocaba, que coincide com a área de proteção ambiental Itupararanga”. Ainda de acordo com a prefeitura, esta é a primeira ação para elevar a nascente do Sorocaba ao status que merece. “Apesar de simples, esperamos que com esse primeiro ato possamos desencadear uma série de atividades educativas voltadas ao reconhecimento da importância de tal local pela própria população ibiunense e demais consumidores dessas águas, sempre em parceria”, finaliza Fernando.

Convênio com a Sabesp só depende da Câmara Municipal Cabe agora apenas à Câmara Municipal aprovar ou não o projeto de lei que visa autorizar o Poder Executivo a celebrar convênio com a Secretaria de Saneamento e Recursos Hídricos e firmar Contrato de Programa com a SABESP para investimentos em infraestrutura, obras e serviços relacionados ao abastecimento de água potável e esgotamento sanitário em nosso município. No dia 14 de março, por convocação da Câmara Municipal de Ibiúna, foi realizada Audiência Pública referente ao documento, que propõe ações para os próximos 30 anos, que irão contemplar grande parte dos territórios ibiunenses, com investimento inicial de mais de R$ 117 milhões. O valor é próximo ao previsto pelo Plano Municipal de Saneamento Básico (Lei Municipal nº 1819/2012). Mesmo com número de pessoas abaixo do esperado, a audiência contou com a presença de representantes da SABESP e do Executivo Municipal, dos vereadores da imprensa local e da Ong SOS Itupararanga. Os representantes da SABESP consideram a proposta de investimentos ousada, pois concentra aproximadamente sessenta e dois milhões de reais em propostas já no curto prazo, ou seja, entre 2013 e 2017. Foi esclarecido também que aproximadamente trinta milhões dos investimentos para Ibiúna serão repassados em contrapartida do Programa Sistema Produtor São Lourenço. Após a explanação, os representantes do Poder Executivo se pronunciaram e em seguida

Ed. 298.pmd

3

alguns vereadores fizeram uso da palavra, levantando uma série de questionamentos. Uma das dúvidas tratava-se da falta de mais audiências públicas a respeito do assunto. Em resposta, o viceprefeito Adalberto Marcicano explicou que a Sabesp tem um cronograma para cumprir. “Se demorar muito para criar a lei e fecharmos o contrato, todas as metas de 2013 estarão comprometidas”, enfatizou. A meta da Sabesp para este ano é atender os bairros Vila Lima, Vila Pitico, Laval I e Laval II, além de terminar o projeto executivo dos bairros Ibiúna Garden, Residencial Europa e Capim Azedo. Isso acontecerá apenas se o contrato for assinado. “Aprovando o projeto, nós poderemos fazer alterações no futuro, quando outros locais do município precisar deste serviço”, completa Adalberto. A tramitação do respectivo

projeto de lei é de grande importância para o município, pois permite que haja a finalização da negociação com a SABESP, garantindo os investimentos no setor. Além disso, com a aprovação do projeto de lei, a fiscalização da atuação da SABESP com relação as obras, operação dos serviços e cumprimento dos prazos ficará a cargo da Agência Reguladora de Saneamento do Estado de São Paulo - ARSESP. Ao término da Audiência o Presidente da Câmara, Carlinhos Marques (PT), informou que a votação atenderá o prazo previsto em lei. No entanto, a SABESP ainda deve apresentar à Câmara Municipal e ao Poder Executivo todos os documentos que compõem o Contrato de Programa, sobretudo os estudos de sustentabilidade econômicofinanceira, os quais não foram apresentados na ocasião.

Rio Grande do Sul, será sempre lembrada como palco de uma das maiores tragédias do país. Na madrugada do dia 27 de janeiro, domingo, um incêndio numa casa noturna matou 241 pessoas, a maioria jovens universitários. Diversas causas foram apontadas, mas a principal é, certamente, a maldita mania de querer levar vantagem. Se Maria, que empresta o nome à cidade, é considerada bendita entre as mulheres, a mania, que em nenhuma cidade presta, deve ser considerada maldita entre mulheres e homens. Em psicologia, a palavra mania, que é utilizada para indicar a compulsão por um objeto ou realização de um ato, geralmente é empregada em combinação com outra palavra que indica o motivo da compulsão. Cleptomania, por exemplo, é a compulsão para o roubo (em grego, klepto). A mania que provocou a tragédia de Santa Maria pode denominar-se de “gersonmania”, que nada tem a ver com os Gersons, principalmente o da professora Cidinha, meu amigo. Tem a ver só com o Gerson tricampeão em 1970, que numa propaganda do cigarro Vila Rica, proclamou: “O importante é levar vantagem”. Surgiu, assim, a famosa “Lei de Gerson”, a mais respeitada em nosso país. A casa noturna, por exemplo, tinha capacidade para 691 pessoas. Mas, para levar vantagem, botaram mais de mil. A banda, para levar vantagem, comprou fogos baratos, impróprios para uso em locais fechados. O isolamento acústico era de material inflamável, 80%

iluminação para orientar saída, não havia portas de emergência, leis não eram respeitadas. Tudo para levar vantagem! A “gersonmania”, porém, não é privilégio dos donos da boate de Santa Maria. Está espalhada por todo o país e suas tragédias são menos espetaculosas, porém, não menos terríveis. Há, entre outras, a tragédia da saúde, da educação, da segurança, dos transportes, da moradia, da falta de saneamento e do excesso de desmatamento. E, a principal causa, é sempre a “gersonmania”, que leva os que detêm o poder a só respeitar a “lei de Gerson”. Os modelos são os presidentes da Câmara e do Senado, seguidos pela maioria dos parlamentares, cujo custo só fica atrás dos norte-americanos. Cada um dos 594 parlamentares do Brasil – 513 deputados e 81 senadores – custa aos cofres públicos R$15 milhões por ano. Com o exemplo vindo de cima, a maldita mania espalha-se pela sociedade feito o incêndio na boate de Santa Maria, provocando inúmeras tragédias. As vítimas são geralmente, os mais humildes. E, os causadores, são sobretudo os que detêm o poder, seja político, econômico e mesmo religioso. Não é à toa que até o Papa renuncia. Então, o que podemos fazer diante da maldita mania? Ora, se até o Papa renuncia, O que nos resta fazer É uma prece à Santa Maria Para que, os donos do poder, Controlem sua maldita mania. É o que vou fazer...

Dicas de Beleza Grátis, na Drogaria São Camilo

A Drogaria São Camilo oferece, a partir de agora, um dia especial para as mulheres. Todas as quintas feiras, das 14 às 18 horas, na São Camilo (Posto Shell, na saída para Piedade), serão oferecidas orientações de como fazer maquiagem e de utilização apropriada de dermocosmético, além de descontos nos anticoncepcionais e ofertas em perfumaria. “Aline,

21/03/2013, 03:10

a nossa demonstradora, estará à disposição para indicar e explicar sobre o uso apropriado de cremes e cuidados com a pele, e como utilizar a maquiagem de dia ou de noite. As mulheres encontrarão esses serviços gratuitamente. Os descontos serão oferecidos durante o dia todo, nas duas unidades da Drogaria São Camilo. Venham participar”, destacou a proprietária!


Página-4

Quinta-feira, 21 de março de 2013

Petistas comemoram 33 anos do partido e 10 anos de governo Lula/Dilma

No dia 24 de fevereiro, o Partido dos Trabalhadores de Ibiúna esteve presente no encontro que comemorou os 33 anos do PT e os 10 anos da gestão petista no Governo Federal. Estiveram presentes o Deputado Estadual Hamilton Pereira, a Deputada

Federal Iara Bernardes e o ex-prefeito de Osasco Emidio de Sousa, que concorre à presidência estadual do partido. Foi apresentado também os vereadores e prefeitos da legenda eleitos na região, com destaque para a prefeita de Araçoiaba Mara Mello e de Ibiúna, Professor Eduardo.

Vigilância Ambiental realiza campanha no combate à dengue O projeto “Arrastão da Limpeza – Ibiúna unida contra a dengue” visa orientar moradores e limpar locais críticos da cidade. O Departamento de Vigilância Ambiental da Prefeitura da Estância Turística de Ibiúna criou o projeto “Arrastão da Limpeza – Ibiúna unida contra a dengue” que será colocado em prática durante a semana de 18 a 22 de março. A ideia principal é limpar, literalmente, alguns pontos da cidade onde é possível a procriação do mosquito Aedes Aegypti, causador da dengue. Para isso, a Vigilância reuniu diversas Secretarias Municipais e outros departamentos para contribuir com esta causa. Agentes da saúde e fiscais irão recolher todo o lixo existente nas casas, comércios e terrenos baldios durante dois dias, conforme a seguinte programação: 21/03/2013 22/03/2013 Figueira Morro Zelão Laval Lavapés Vila Pitico Jd. Nova Ibiúna Vila Lima Curral Conjunto Santa Lúcia Residencial Ibiúna Jardim Aurea

Estes locais foram selecionados mediante o resultado dos trabalhos realizados pela Vigilância Ambiental, que visitou casa a casa e descobriu os bairros onde há maior incidência de possíveis criadouros do mosquito. “Por isso é importante que os moradores destes bairros antecipem a limpeza, deixando todo o lixo na frente de casa nos dias que o ‘Arrastão da Limpeza’ irá passar”, explicam Paulo Mendes e Damaris Cardoso, funcionários da Vigilância Ambiental, que estão à frente do projeto. Para informar os moradores dos referidos locais, uma forte divulgação será realizada durante os dias que antecedem a campanha, através de carros de som, faixas, panfletos, matérias na imprensa e comunicado nas escolas. “Além disso, os agentes de combate à dengue irão visitar todas as residências dos bairros que serão atendidos, auxiliando os moradores

na manutenção de suas casas, com foco principal na questão da limpeza”, completa Paulo. Estão unidas neste projeto as Secretarias da Educação, Meio Ambiente, Governo, Saúde, Desenvolvimento Urbano, além da Vigilância Epidemiológica, Defesa Civil, Centro de Controle de Zoonoses e Fiscalização da Prefeitura. Cada um destes setores irá colaborar de alguma maneira, principalmente cedendo veículos e funcionários para atender todos os bairros com as visitas, distribuição de panfletos, limpeza e orientação, durante os dois dias de ação. “Agradeço muito a colaboração de todos que abraçaram esta campanha conosco. É a primeira vez que uma verba destinada ao combate à dengue é, de fato, utilizada para esta finalidade em nossa cidade. Também é novidade Ibiúna trabalhando tão unida por esta causa”, encerra Paulo.

Com o intuito de melhorar ainda mais o ensino na educação infantil (creche e pré-escola), a Secretaria Municipal de Educação fez adesão ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), tendo como objetivo renovar e padronizar o mobiliário escolar. Com isso, o município foi contemplado com 530 unidades de carteiras e cadeiras no início de 2013. As escolas do município começaram a receber este mobiliário em fevereiro, e as primeiras escolas a serem atendidas foram: EM “Hora Alegre” (Centro),

EM “Pequeno Aprendiz”, EM “Santa Terezinha” (Bairro Jemima) e EM “Cezira Bolgioni Folena” (Bairro Capim Azedo). Posteriormente outras unidades serão beneficiadas durante o mês de março. “A iniciativa da Secretaria pretende oferecer qualidade e conforto aos estudantes nas salas de aula, atendendo as peculiaridades físicas, psicológicas e sociais das crianças, além de favorecer o trabalho dos profissionais de educação infantil no município”, expõe a Secretária da Educação, Jávara Belisário.

Educação recebe mobiliário novo para ensino infantil

Vereador Paulinho Sasaki pede benfeitorias O vereador Paulinho Sasaki (PTB), junto com lideranças esteve na Prefeitura no último dia 15/03 para agradecer a reforma da ponte do Sorocabuçu (Veravinha), conforme solicitação. Pediu também ao Prefeito Eduardo (PT) urgência no serviço de tapa-buraco e futuramente o recapeamento das Rodovias Júlio Dal Fabro (Estrada do Cupim), Verava, Colégio e Lageadinho, do

qual o Prefeito informou que já esta tomando providências para tais benfeitorias. Protocolou ainda vários ofícios junto ao executivo solicitando serviços de Motoniveladora e Cascalhamento em vários Bairros, além de cobrar luminárias, construção e reforma de abrigos de ônibus em varias localidades. O vereador agradeceu a atenção dada por Eduardo a comitiva.

Breve nas bancas: Fone-Fácil 2013

Do Povo para Prefeitura Sou moradora de Ibiuna, própriamente bairro do Verava, há 3 anos e fico horrorizada como o lixo é tratado aqui, ou melhor como não é tratado. Na Estrada do Verava, Km 11, existe uma caçamba de lixo que fica repleta de resíduos por dentro, por fora, dos lados, embaixo. Envio fotos que falarão por si só. Por inúmeras vezes reclamei à Administração anterior, que infelizmente nada fez. Nossa cidade está precisando urgentemente de alguém que faça algo pelos moradores da zona rural, pois aqui não temos água encanada, iluminação pública, tratamento de esgoto, correio, etc, etc, etc. A Estrada Bunjiro Nakao, porta de entrada da nossa cidade,

Ed. 298.pmd

4

tem caçambas de lixo à sua beira, recebendo todos que por ela passam, sejam moradores ou turistas, e isso pega muito mal, só pega bem para o mosquito da dengue, insetos, ratos, baratas. Na Estrada do Verava quase não dá mais parta trafegar, em virtude dos buracos que já viraram crateras. Aqui não podemos exercitar livremente nosso direito constitucional de ir e vir, pois como não temos iluminação pública e aqui celular não pega, fica difícil andar à noite com tranquilidade, portanto precisamos sair e voltar com hora marcada. Senhor Prefeito, estamos confiantes que o senhor olhará por nós. Aguardamos suas providências. Obrigada, Marlli Tegani

21/03/2013, 03:10


Página-5

Quinta-feira, 21 de março de 2013

Ibiunenses ilustres opinam sobre a situação do município VOZ DE IBIÚNA perguntou a alguns importantes cidadãos de Ibiúna o que acham da atual conjuntura política, social e econômica do município. Veja abaixo o que responderam! Júlia Tanaka Francisco Edivan Pereira, 1) Minha expectativa até a posse 1- Quais são as suas expectativas em relação a administração do Sindicato Trabalhadores Rurais era muito grande, pois foi eleito por Professor Eduardo? 4) Podem 2- Você acha que Ibiúna se encontra estagnada nos aspectos um partido de lutas e é uma pessoa geradora de riqueza do município, a reconhecidamente honesta e agricultura, está abandonada, os c o n t r i b u i r sociais/ econômicos em relação aos municípios da região? 3- Quais são os setores mais promissores e os menos promissores inteligente. Mas após a definição de produtores rurais estão há mais de 2 participando mais sua equipe de governo senti uma certa anos sem acesso ao crédito por falta ativamente de da cidade? 4- Como você acha que os ibiunenses podem contribuir em prol frustração, pois acreditava que o de apoio para a regularização de sua o r g a n i z a ç õ e s sociais, dos debates critério de escolha não seria político atividade. do município? 3) No meu entender, um setor p ú b l i c o s 5- Em sua opinião, qual é a secretaria mais eficaz e a menos e, sim, pelo mérito reconhecido dos escolhidos. Não consigo ver promissor é aquele que possui duas promovidos tanto eficaz em termos de prestação de serviços à população? órgãos capacidade para o exercício da características: capacidade para se pelos Eucléia Batista da Silva - Professora função delegada a alguns secretários desenvolver e investidores dispostos a públicos quanto pela sociedade civil, aplicar para que este setor se dando idéias e até ajudando na 1) As de um homem íntegro e integral . É e diretores. 2) Sim, acho, porque não vejo desenvolva. Entendo que os setores execução de ações, parando de a u t ê n t i c o instrumentalizá-lo para o o t i m i s t a . discernimento, a conduta ética, o nenhuma ação concreta que com maior capacidade para se buscar culpados pelas mazelas Otimismo é a poder de escolha. Enfim, trabalhar promova o desenvolvimento social. desenvolverem são a agricultura existentes no município e esperando disposição para com educação e cultura é resgatar Os municípios vizinhos promovem integrada à agroindústria de que os outros resolvam os problemas. 5) É muito cedo para responder encarar as valores e acenar para um futuro atividades esportivas e culturais processamento de alimentos e o coisas pelo seu promissor.Por consequência, todos permanentes para crianças e jovens, turismo rural, ecológico e religioso. Não essa questão, pois se avalia eficiência lado positivo e esperar sempre por os outros setores se desenvolverão. seja com recursos do próprio vejo nenhum setor que seja menos a partir dos resultados alcançados pela 4) Exercendo sua cidadania , orçamento ou em parcerias com o promissor, pois o setor de serviços e o secretaria. Agora, se a pergunta fosse um desfecho favorável, mesmo em situações muito difíceis, como autêntica e plena, caracterizada governo e instituições privadas. No comércio, que são os distribuidores de quais os secretários mais capacitados é o caso da atual administração. pela inclusão e pertencimento a aspecto econômico é mais riqueza, só crescem quando o gerador para o exercício da função, já daria para responder, mas não vem ao caso. Esperemos com otimismo, que uma sociedade, fazendo valer seu complicado ainda, pois a maior de riqueza também cresce. nosso prefeito, juntamente com a direito formal de se organizar, de 4) Acreditando em Ibiúna, tendo Netto - Comerciante sua equipe sejam capazes de expressar livremente suas opiniões a consciência que é aqui que vivemos 1) Minhas 2) Sim , estamos atrasados em superar as expectativas e assim, e interesses, de questionar e e sobrevivemos a cada dia, esperando expectativas comparação a nossa região. suprir as necessidades da participar das decisões que são grandes, 3) Hoje um dos setores mais e se empenhando para que nossa população ( transportes,educação, contemplem os interesses coletivos. pois estamos promissores de Ibiúna é a agricultura; cidade possa trazer uma boa qualidade 5) O princípio da eficácia saúde, segurança,etc). torcendo para abastecemos hoje toda a região , de vida. 2) Sim. Há uma merece sensível cuidado por tratar5) Na minha opinião, não vejo por que Ibiúna cresça grandes supermercados da cidade de interdependência entre se de importante instrumento de , gere renda, São Paulo e também as cidades enquanto uma secretaria se que desenvolvimento social e análise da qualidade dos serviços, destaque ou cause impacto de tenha segurança litorâneas. economia, visto que, para as fator determinante para atuação , tenha saúde e educação de O menos promissor e a área da satisfação a população, mas por necessidades sociais sejam da máquina administrativa qualidade, pois os ibiunenses estão indústria, pois hoje só temos uma de enquanto o setor menos eficaz e que eficientes, o aspecto econômico exigindo resultados positivos para indo buscar isso em cidades vizinhas. grande porte na cidade. deixa a desejar é a secretaria de saúde. tende a ser eficaz. Nesse sentido, o serviço público e satisfatório a transparência, a honestidade e atendimento das necessidades da 1) Que Ibiúna progrida e saia Wilson Marcondes, Barbeiro o comprometimento dos eleitos comunidade e de seus membros. dessa mesmice de tantos anos. Ibiúna precisa de Empresas que da Educação. Com pelo povo é fundamental. Não A “Coleta Seletiva”, a 2) Está estagnada em todos os combinem com a condição de relação a menos esperamos milagres, porém muito “Cooperativa de Catadores”, a aspectos. Enquanto todas as cidade turística. eficaz é a da Saúde, “Campanha de Reciclagem”, o Cidades ao redor se desenvolvem, trabalho e determinação. 4) Participando mais das coisas que parece nunca 3) A Educação e a Cultura é a programa “ De Olho no Óleo”, o Ibiúna nada consegue que se veja. que acontecem na cidade, cobrando mudar de mãos, e por mola propulsora de qualquer “Plano Municipal de Saneamento 3) A agricultura é o setor mais atitude e trabalho dos políticos que isso, nunca funciona sociedade. É o que diferencia Básico”, entre outros inúmeros promissor, e Ibiúna se mantém graças foram eleitos, fazendo valer o voto de maneira homens de animais.Investir em benefícios trazidos à sociedade a ela. Os setores menos promissores de cada um. satisfatória e na medida que educação significa preocupar-se ibiunense, traduz nossos aplausos são os relacionados ao emprego, 5) A Secretaria mais eficaz é a merece o Cidadão de Ibiúna. com o desenvolvimento do à Secretaria do Meio Ambiente. principalmente para os jovens. 1) Acho que o Professor Eduardo terá grandes dificuldades, principalmente nos primeiros anos de governo, tendo em vista que a Prefeitura encontra-se sucateada, sem dinheiro e sem perspectiva de receber novos recursos, dada a grande dívida que seu antecessor deixou com o Governo Federal, com o Fundo de Garantia e INSS. Talvez isso impossibilite a vinda de novos recursos. 2) Sim, principalmente pela falta de empregos, visto que nossa agricultura, que é a maior empregadora do município, passa por grandes dificuldades por falta de estradas e recursos. Isso repercute em todos os setores da sociedade, como comércio, saúde, educação. Precisamos urgente de um parque industrial em Ibiúna!

Ed. 298.pmd

5

Francisco Moura - Comerciante 3) Turismo, agricultura e comércio são os setores mais promissores da Cidade, pelo grande potencial que Ibiúna têm nesses setores. Os menos promissores são Saúde, Educação e Segurança, principalmente pela falta de recursos disponíveis. 4) Fiscalizando, cobrando e exigindo tanto do Executivo, quanto do Legislativo e do Judiciário, ficando sempre vigilantes e atentos a todas as decisões tomadas pelos Poderes, mostrando onde precisam ser mais atuantes. 5) Ainda não dá para dizer qual delas é mais eficaz, pelo pouco tempo que o novo governo tem. Agora podemos dizer que as que precisam ser mais eficazes para o

município, são: Secretaria da S a ú d e , E d u c a ç ã o, Agricultura, Obras e Segurança.

Ibiunense é vencedor!

Lindo Lima, residente no bairro da Vargem do Salto, diz estar muito orgulhoso por seu filho caçula, Tiago J. Lima ter se formado dentista pela Facudade Metropolitanas Unidas (FMU), apesar de sua origem humilde, filho de exlavrador. O jovem Tiago foi protético durante 10 anos o que foi inspiração para sua carreira. Diz que quando fazia as próteses teve muito contato com dentistas e foi se apaixonando pela profissão. Fez muito sacrifício durante a faculdade. Viajava diariamente de moto para frequentar o curso em São Paulo (Santo Amaro). Sente-se realizado

21/03/2013, 03:10

porque conseguiu se formar dentista, montar o seu próprio consultório. Atualmente, Tiago é clínico geral e cirurgião, atende consultas particulares. Ele faz planos para especializar-se em Ortodontia e Implantes.


Página-6

Quinta-feira, 21 de março de 2013

156º aniversário de Ibiúna: homenagem aos ibiunenses Foto: Thiago Moraes Pinto

José Gomes (Linense) Ibiúna comemora em 24 de março de 2013 o 156ª aniversário de sua emancipação política e autonomia administrativa. A festa e as homenagens são para todos os que, de alguma forma, contribuíram para o desenvolvimento e progresso do município. Nesta data magna, fica registrado as mais justas homenagens e os sinceros agradecimentos aos que deram com o seu trabalho a contribuição na agricultura, indústria e comércio, sustentando a base da economia do município. Uma homenagem especial ao professorado, mola mestre da educação, cultura e cidadania, preparando nossas crianças e jovens para o futuro. Estendemos essas homenagens aos profissionais da saúde, da justiça, do direito, da segurança pública, transporte,

comunicação, esporte e lazer. Ninguém há de ser esquecido, até porque, de alguma forma, todos vem contribuindo pela grandeza do município. As homenagens são também para os bons políticos que prestaram e aos que ainda prestam seus bons ofícios à causa publica, desinteressadamente, colocando em primeiro plano os interesses do povo e do município. Enfim, devem ser lembrados os imigrantes italianos que aqui chegaram em 1890, os sírios libaneses em 1898 e os imigrantes japoneses em 1932, cujas descendências lutam conosco na esperança de dias melhores para todos, fazendo parte da grandeza municipal. Portanto, recebam as mais justas homenagens e os mais sinceros agradecimentos do povo ibiunense. Parabéns Ibiúna pelo seu aniversário e muitas felicidades ao laborioso povo da Estancia Turística de Ibiúna.

Saiba o que a numerologia pode fazer por você NUMEROLOGIA estuda as influências das vibrações, dos números contidos no nosso nome e data de nascimento em nossa vida, e é uma poderosa ferramenta de autoconhecimento. Esse estudo começou com Pitágoras, antigo filósofo grego e Pai da Matemática. Através dos tempos, provou-se que cada letra do alfabeto, assim como cada número e cada cor, tem uma certa vibração energética. Somos cercados por energia: o ar que respiramos, a terra que pisamos, os alimentos que comemos, as plantas que enfeitam nosso ambiente, os animais, as pedras, os números, as letras, as cores, a música, nossa fala, nosso pensamento, nosso corpo, etc.

Ed. 298.pmd

6

A NUMEROLOGIA desvenda o que viemos aprender nesta vida, os conhecimentos que trouxemos de outras, nossos Desafios, os tipos de comportamentos que podem abrir nossas portas e as que podem fechálas. Ela mostra nossos carmas, as pedras do nosso caminho, as possíveis falhas de caráter que dificultam nossa vida, nossos pontos fortes, as qualidades que devemos explorar. CONHEÇA-TE, conheça a NUMEROLOGIA e provoque uma revolução na sua vida. Nas próximas publicações falaremos mais a respeito. Obrigada e até mais. MARLLI Tel.:3394.1314 email:magani13@gmail.com

Assim nasceu Ibiúna José Gomes (Linense) Quando partiu de São Paulo a maior de todas as todas as “bandeiras” com 4.000 homens, índios e religiosos, o antigo Vale de Una aparecia pela primeira vez no cenário paulista e brasileiro. Embora os bandeirantes não tenham adentrado no solo Unense, provocaram o acesso aos índios que, acuados por caçadores que queriam escravizá-los, abriram então o primeiro caminho e deram os primeiros passos em direção do vale. Entretanto, em 1650, chegaram os primeiros homens brancos, Felipe e Santiago, Francisco Duarte e Pedro Machado. Com a morte de Felipe Santiago, o genro do capitão Manoel de Oliveira Carvalho assumiu a propriedade, com seus escravos e construiu uma capela em louvor a Nossa Senhora das Dores em 1711. Mais tarde essas terras foram adquiridas por ato de compra e venda pelo Capitão salvador Leonardo Rolim de Freitas que requereu o alvará régio expedido em 29 de Agosto de 1811, fundando a Freguesia de Una, atual Ibiúna. A paróquia de Nossa Senhora das Dores foi canonicamente instalada na segunda semana do mês de setembro de 1812. A emancipação política e autonomia administrativa Em 24 de março de 1857, a freguesia de Una foi elevada a categoria de município e a Câmara Municipal foi criada em 31 de outubro de 1857. Mas só em 1890 foi nomeado o primeiro presidente Fortunato Vieira de Camargo (Fortunatinho), que também assumiria a intendência municipal sendo o primeiro prefeito intendente da antiga Una. E essa condição de prefeito e presidente das Câmaras Municipais pelo Estado permaneceu até a redemocratização do Pais, sendo a primeira eleição municipal realizada em 1947, para um mandato de 4 anos ou seja de 1948 e 1951.

Cetril adia redução tarifária

Foto: Thiago Moraes Pinto

A riqueza da flora e da fauna de Ibiúna Ibiúna possui 1.093 quilômetros quadrados (103.900 hectares), sendo, portanto, o 34º município de maior extensão territorial do estado. A altitude média é de 996 metros, acima do nível do mar, sendo considerada a 3º cidade mais alta do estado. Seu clima de montanha é semelhante ao de Campos do Jordão. Ibiúna é de extraordinária riqueza no tocante a sua flora e fauna, possuindo cerca de 40% de sua área coberta de mata atlântica, capoeiras, cerrados, campo e mata plantada. É rica também em recursos hídricos e repletos de belezas naturais. Sua agricultura é pujante. As primeiras culturas de fato foram os índios que habitavam temporariamente o Vale de Una, o palmito e o mel de abelhas complementavam essas primeiras riquezas, entre tantas que foram surgindo ao longo dos tempos. E isso não tardou a

Ibiúna, Terra da Nossa Gente

Professora Luiza Irmã Denise

Seu Osório

O diretora administrativo da Cetril, Atair Albertin, informou que segundo a Confederção que representa as cooperativas/ permissionárias, esta previsto para o dia 02 de abril a publicação de uma resolução da Aneel que irá determinar os percentuais de redução tarifária de cada classe que serão aplicados pela Cetril. “Ou seja, aguardamos a publicação de uma resolução da Aneel, pois é a agência quem determina os valores das tarifas da Cetril”, explicou Albertin

acontecer, devido à exploração desordenada da madeira de lei, da lenha e do carvão vegetal. E foram essas atividades devastadoras que abriram um campo fértil para a expansão da agricultura (olericultura), (fruticultura) e a (avicultura), que tornaram Ibiúna o maior celeiro de produção de hortifrutigranjeiros do Estado de são Paulo e uma das mais importantes do Brasil até os anos de 1980. Entretanto, pelas belezas naturais e seu clima, iniciou – se a especulação imobiliária em detrimento das áreas de cultura, que se tornaram chácaras e sítios de recreio, fazendas, pousadas confortáveis e condomínios fechados. Ibiúna conserva ainda suas belezas naturais e seus pontos de atração turística, muito embora, ainda carente de apoio e infraestrutura. Mesmo ante esse quadro em maio do ano de 2000, foi elevada a condição de Estância Turística.

Comemorar o aniversário de nossa cidade é comemorar a história de tantas Marias, de tantos Joãos que passaram por aqui. É comemorar a raça e a fé de uma gente acolhedora e feliz. Não precisamos ir muito longe, logo ali está um filho desta terra cheio de causos prá contar... Temos ainda aqueles que já escreveram sua história, mas hoje estão apenas na platéia, assistindo a nossa atuação: quem poderia se esquecer do saudoso Seu Osório e suas peraltices? E da fé inabalável de Dona Mafalda Nanni? Ainda posso ouvir a música do Seu Nego

21/03/2013, 03:10

Mafalda

Nego Lima

Lima e as palavras sábias da Irmã Denise... Enfim, histórias de um povo que construíram a história de uma cidade. Claro que eu não faria justiça se deixasse de me lembrar e agradecer a tantos outros ibiunenses, de sangue e de coração, que tiveram seus feitos não menos importantes para nossa cidade. Desse modo, deixo aqui os meus parabéns à nossa querida cidade na pessoa de cada ibiunense que fez parte e dos que ainda fazem parte desta história em construção. “Você é gente de quem? Gente de quem faz Ibiúna acontecer!”


Página-7

Quinta-feira, 21 de março de 2013

Campeonato de Skate no aniversário da cidade

Como parte da comemoração do aniversário de 156 anos de Ibiúna, os jovens skatistas do município terão o seu momento especial: o I Skate Rock Day. O campeonato, idealizado para que os praticantes desta modalidade radical possam mostrar seu talento, será realizado no Espaço Cultural, no dia 24 de março, a partir das 13h. Enquanto acontece o campeonato, uma série de bandas de Rock do município se apresenta no palco da Praça e no Espaço Cultural, fazendo a trilha sonora do I Skate Rock Day: My Sharona, Cerva Malte, Off Corse, Rota Ventura, Rock Vinil, Vox Camargo, Pink Floyd Cover, entre outras. A apresentação é do

skatista Erik Freitas. O campeonato marca a estreia da nova rampa de Skate do município, que já foi aprovada por praticantes que já puderam conhecer o novo equipamento. Segundo os organizadores, é necessário que o participante esteja trajado com todos os itens de segurança, para prevenir possíveis acidentes. Uma ambulância ficará de plantão no momento das apresentações. Inscreva-se: Para participar, basta do nome completo e contato, bem como a doação de um quilo de alimento não perecível. Onde: Centro Olímpico Municipal

Identidade Cultural e Vaidades Locais Ana Cristina Piletti A formação da sociedade e o desenvolvimento das cidades foram acompanhados pelo nascimento da ideia de identidade. A necessidade de encontrar sentido para as suas existências, fez com que os grupos se organizassem em determinados locais, criando e compartilhando símbolos, normas, rituais, entre outros aspectos representativos de suas práticas e crenças. Essa identidade é o que por muito tempo localizou as pessoas no mundo social e cultural segundo o professor inglês Stuart Hall. A pergunta é: toda cidade ou comunidade tem ou precisa ter uma identidade? As grandes narrativas e as identidades fixas que traduziam a história das nações e da humanidade cada vez mais são questionadas e substituídas pela noção de complexidade e de flexibilidade da identidade dos sujeitos. Ou seja, para Hall “a identidade plenamente unificada, completa, segura e coerente é uma fantasia” e cada vez mais as pessoas assumem diferentes posturas. As implicações da multiplicidade de identidades são inúmeras, mas é relevante destacar que a crise da identidade para uma cidade pode também representar a perda de sentido, a destruição e a aniquilação da história de um povo. Neste sentido, o alegórico conto de

Ed. 298.pmd

7

Kafka “O escudo da cidade” mostra o quanto a tentativa e a necessidade de se construir um significado e uma cidade unificada desmorona nas contraditórias vaidades, interesses econômicos e políticos que usam o discurso da diferença para desintegrar comunidades: “Quando se começou a construir a torre de Babel, tudo estava muito em ordem; e talvez a ordem fosse excessiva; pensava-se demais em indicadores de caminhos, intérpretes; alojamentos para trabalhadores e rotas de enlace, como se se dispusesse de séculos e outras tantas probabilidades de trabalhar livremente. [...] Pois bem, poderia pensar-se que a próxima geração, com seu mais amplo saber, haveria de achar mau o trabalho da geração precedente e que teria de demolir o construído para tornar a começar. [...] Cada grupo regional queria possuir o bairro mais formoso, pelo que sobrevieram regras que redundaram em sangrentos combates. Estas lutas eram incessantes; o que serviu de argumento aos chefes para que, por falta da necessária concentração, a torre fosse erguida muito lentamente, ou, melhor ainda, apenas ao fim de estipulada uma paz geral. [...]” Talvez por isso o projeto de uma cidade unida por um significado, uma história e uma identidade cultural compartilhada esteja cada vez mais distante de ser realizada.

Fábio Bello tem mais uma condenação no TJ/SP O ex-prefeito Fábio Bello de Oliveira foi condenado em mais uma ação movida pelo Ministério Público. Dessa vez, o motivo da ação foi a “contratação de servidores sem concurso, em desacordo com a legislação municipal e federal, bem como o desvio de finalidade dos atos praticados, em desrespeito aos princípios constitucionais que regem a atividade Pública”. O Ministério Público ingressou com ação civil pública com pedido de aplicação das sanções previstas no art. 12 da Lei de Improbidade (lei 8.429/92), apontando contratação irregular de servidores, diretamente ou mediante empresa terceirizada, atos violadores dos artigos 10 e 11 da referida Lei de Improbidade. Segundo o documento do Tribunal de Justiça do Estado, o Tribunal de Contas já havia se manifestado contrario as movimentações de 2004 do exprefeito por conta da falta de processo seletivo na contratação de funcionários. Além disso, constatou também que mesmo a contratação de empresa para prestação de serviço específico (terceirização), não respeitou o próprio limite contratual (número de servidores e prazo), servindo para “camuflar” as indicações da Prefeitura. Segundo a decisão, a Justiça do Trabalho já havia proferido decisão a respeito de irregularidades na contratação. “As pessoas contratadas foram ouvidas e relataram situações, que se repetem nos demais depoimentos colhidos, a demonstrar contratações pelos vínculos pessoais, por participação em campanha eleitoral, por

parentesco e com desvio de função. Parte daquelas pessoas reafirmaram seus depoimentos em Juízo”. Segundo a decisão judicial, o responsável pela empresa contratada, para serviços específicos (recadastramento do IPTU) confirmou que a indicações eram feitas pela Prefeitura, foram realizadas em número maior que o contrato original, sendo destinados servidores para funções diversas, conforme inúmeras cópias de registro de contratos de trabalho juntadas no inquérito civil. “Tais práticas implicam evidente violação aos princípios que disciplinam a atividade pública, especialmente aqueles relacionados à legalidade, impessoalidade e moralidade, referidos no art. 37 da Constituição Federal. Expressam, igualmente, direta violação ao disposto no art.37, II, da Constituição Federal, que trata da exigência de concurso público para provimento dos cargos, ausente excepcionalidade ou justificativa

Entre as entidades da região com contas reprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), está a Associação Oikos, que intermediava a mão de obra do Programa Saúde da Família em Ibiúna e que, no ano de 2005, recebeu o repasse de R$ 253.375 da Prefeitura. A entidade, que encerrou suas atividades em agosto de 2006, deixou de prestar contas da utilização dos recursos. Segundo apurado pela equipe de Assessoria Técnica do TCE, os documentos apresentados pela Associação não evidenciavam a correta utilização da verba, sendo que grande parte dos recibos de pagamentos de salários e também as rescisões trabalhistas não estavam assinadas. A entidade deixou de apresentar também os demonstrativos de todos os servidores contratados, a função, data da admissão e a totalidade

da remuneração paga. O Departamento Jurídico da Prefeitura de Ibiúna informou que a Associação Oikos tem dois processos abertos na comarca do município. Uma Ação Civil de Improbidade Administrativa, proposta pelo Ministério Público, na 1ª Vara Cível (nº 457/2008, de 29/4/2008), e outra Ação Civil Pública, movida pela Prefeitura, em tramitação na 1ª Vara Judicial (nº 896/2008, de 28/8/ 2008), pedindo o ressarcimento do valor aos cofres municipais, mas que ainda não houve um julgamento definitivo. Oito entidades da região de Sorocaba estão impedidas de receber auxílios financeiros e subvenções públicas por irregulares na prestação de contas de valores repassados pelas Prefeituras em gestões anteriores. Somados, os valores que não tiveram os gastos comprovados pelos beneficiários

legal no caso em análise”. A ação também penalizou alguns secretários da época. A sentença foi de “perda da função pública, se ainda exercida, suspensão dos direitos políticos por três anos, pagamento de multa correspondente a três vezes suas últimas remunerações no serviço público, proibição de contratar com o Poder Público e para receber benefícios ou incentivos, ainda que por meio de pessoa jurídica da qual sejam sócios majoritários, pelo prazo de três anos”. Para Fábio Bello a decisão foi mais severa. O ex-prefeito foi condenado “a perda da função pública, se ainda exercida, suspensão dos direitos políticos por cinco anos, pagamento de multa correspondente a dez vezes sua última remuneração pública (cerca de R$ 10 mil) e proibição de contratar com o Poder Público, receber benefícios ou incentivos, ainda que por meio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de três anos”. Cabe recurso no STJ.

TCE reprova contas da entidade Oikos

21/03/2013, 03:11

chegam a R$ 378.111. Os nomes das entidades constam de uma lista de 537 processos com pendências da regularização em relação ao repasse de recursos, divulgada como alerta pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE/SP), em publicação no Diário Oficial do Estado. Todas as entidades da região que foram relacionadas na listagem do TCE não se encontram mais em funcionamento.


Página-8

Quinta-feira, 21 de março de 2013

Imagem peregrina do Divino Pai Eterno em Ibiúna No último domingo (dia 24 de fevereiro), os católicos de Ibiúna e região foram privilegiados com uma visita mais que especial: a Imagem Peregrina do Divino Pai Eterno juntamente com seu missionário o Padre Robson de Oliveira. Em coletiva à imprensa, Padre Robson relatou que é sempre uma grande emoção se encontrar com tantos devotos do Divino Pai Eterno. O movimento que expressa a fé e a devoção ao Divino Pai Eterno acompanha a história do catolicismo desde 1840 e há aproximadamente dez anos que passou ser dedicação da simpatia, sabedoria e doação do Padre Robson de Oliveira. Ele afirma que a essência desta devoção está em sermos gratos e sentirmo-nos sempre acolhidos pelo Pai, que é a origem de tudo e que está em tudo.

Quem pode comparecer ao evento, sentiu a alegria de poder participar deste momento ímpar da fé católica ibiunense. Para o Padre Douglas Dias de Melo, ex-pároco da Paróquia Santa Cruz e responsável pela acolhida, a visita do Ícone Sagrado e a

presença do Padre Robson representaram um momento muito especial para todos que estiveram presentes. O domingo ensolarado e alegre ficou marcado nos corações dos ibiunenses pelas bênçãos da visita da Imagem Peregrina do Divino Pai eterno.

PROCON marca dia do consumidor com atendimento na praça da matriz Dia 15 de março foi comemorado o Dia Internacional do Consumidor e, em função desta data, o PROCON de Ibiúna também atendeu a população na praça da matriz, com o intuito de orientar tanto os empresários como os consumidores sobre seus direitos e esclarecer dúvidas. Conveniado à Fundação PROCON-SP, a unidade de Ibiúna tem como principal função promover a mediação de conflitos na área de consumo e prestar aos cidadãos a devida orientação. Também é responsável por fornecer as informações necessárias e amparar o consumidor, exercendo a proteção e o estímulo à cidadania. “Temos feito visitas no comércio local para orientar os empresários sobre os direitos do consumidor”, explica o coordenador do PROCON Ibiúna. Segundo ele, as reclamações no PROCON são divididas em cinco áreas: alimentação, saúde, habitação, produtos e serviços, sendo que este último divide-se em três: serviços privados, serviços essenciais e assuntos financeiros. “Em Ibiúna, temos muitas reclamações do serviço de telefonia. As pessoas compram aparelho celular que não funciona e buscam ajuda no PROCON para requerer seus direitos”, explica o coordenador.

Ed. 298.pmd

8

O atendimento ao consumidor acontece da seguinte maneira: o cliente que foi prejudicado faz uma consulta no PROCON, que imediatamente faz contato com o fornecedor, via telefone, para propor um acordo. Se o fornecedor não atender a solicitação do consumidor, é marcada uma audiência

21/03/2013, 03:11

conciliatória. Para quem deseja efetuar consulta ou obter orientação, o PROCON Ibiúna funciona de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, na Avenida Vereador Benedito de Campos, 707, centro (próximo à rodoviária), ou pelos telefones 32482523 e 3241-5738.


Página-9

Quinta-feira, 21 de março de 2013

Fórum é revitalizado e pode virar Casa da Cultura O secretário de Esportes e Lazer e de Turismo e Cultura, Adalberto Marcicano, esteve recentemente na Secretaria de Justiça e Cidadania do Estado para rever o processo que visa a celebração de convênio com o Tribunal de Justiça de São Paulo, para a construção de um novo prédio para o Fórum da Comarca de Ibiúna. Segundo ele, que esteve acompanhado de um procurador jurídico e da arquiteta da Prefeitura, os moldes do projeto já foram adquiridos e o terreno já foi doado. “O que está faltando é o governador aceitar a doação do terreno e assinar o convênio”, explica o secretário e vice-prefeito. Enquanto isso não acontece, a referida Secretaria está revitalizando a parte externa, conhecida como pracinha do Fórum. “Foi feito uma nova pintura, reparo nas marquises, iluminação, podas de árvores e uma pracinha de alimentação para desocupar a calçada para os pedestres”, conta. “Além de um mini palco para música ao vivo nos finais de semana, também estão sendo convidados mais artesãos para tornar a feira mais atraente”, completa o secretário. Comemoração do aniversário da cidade Depois de feitos todos os reparos na Praça do Fórum, será realizado um evento no dia 23 de março, em comemoração ao aniversário de Ibiúna. Além dos artesãos que expõem seus produtos, haverá a presença da Banda Lira Unense no período da manhã e dos músicos Marcos Xavier, André Gordo, Fátima e da dupla Misa e Giovani no período

Ed. 298.pmd

9

da tarde. Futura Casa da Cultura Há muito tempo o atual prédio não comporta a demanda forense local que, atualmente, instrumenta-se em 60 mil feitos, cumpridos por mais de 100 servidores públicos. “No que tange ao espaço físico, a situação é precária: um dos juízes não tem sala de audiências e o outro não tem gabinete; não há local reservado para a permanência de réus presos que, assim, ficam frente a frente com suas vítimas e testemunhas”, comenta o viceprefeito e secretário. O prédio também não conta com qualquer adaptação para atender pessoas com necessidades especiais, além de outros problemas. “Instalado provisoriamente em 25 de janeiro de 1963, o mesmo prédio abriga os trabalhos forenses até hoje, sendo relevante dizer que a edificação data de 1896 e, nesta época, funcionava como cadeia pública”, ressalta. Segundo o secretário, a boa

notícia e que, caso o convênio seja assinado, o prédio atual seria transformado em Casa da Cultura, tornando-se um “point” cultural para todas as idades e gostos. “Existem muitas salas, as quais poderiam ser usadas como oficinas de pintura, música, teatro, etc. Também haveria a possibilidade da criação de um mini museu histórico de Ibiúna e o espaço externo seria usado para apresentações como corais, teatro, musica ao vivo, entre outras artes”, finaliza o secretário.

Profissionais da saúde recebem treinamento sobre a dengue Para dar os primeiros socorros no atendimento às pessoas com sintomas da dengue, equipe médica e de enfermagem participaram de curso. No dia 14 de março, médicos e enfermeiros do hospital municipal receberam um treinamento do infectologista José Amaral Elias para atender possíveis casos de dengue no pronto atendimento. Dengue é uma doença contagiosa, que pode ser pega através do mosquito Aedes Aegypti ou do vírus. “Em cidades da região já apareceram 231 casos somente este ano, sendo que em Sorocaba houve um surto, com 165 casos confirmados, inclusive de dengue hemorrágica”, explica o infectologista. Como Ibiúna é uma cidade turística, com grande fluxo de

pessoas de outros lugares, principalmente aos finais de semana, há o risco de contaminação. Por isso, existe a necessidade de treinar a equipe da saúde para ficarem atentos aos casos e atendê-los de maneira adequada, dentro das normas da Vigilância do Estado. Segundo Dr. José, a dengue engana, pois começa com uma febre e três dias depois a pessoa pode estar sangrando e ir a óbito. “É muito importante a equipe médica compreender que, se há suspeita de dengue no paciente, é preciso notificar o caso e saber como serão os primeiros socorros”, finaliza.

Motoclube celebra 4º aniversário com muito Rock O Oficina do Rock Motoclube celebra seu 4º aniversário com muito Rock’n’Roll. O evento acontece nos dias 13 e 14 de abril na Chácara do Enéias, a partir das 10h, no bairro Capim Azedo (mesmo local do ano passado). Para participar das festividades

21/03/2013, 03:11

e curtir muita música, os visitantes devem pagar a entrada de R$ 5,00 ou doarem 2 kg de alimentos não perecíveis. Diversas bandas ibiunenses e de destaque na região estão programadas para a festa dos motociclistas e amigos.


Página-10

Quinta-feira, 21 de março de 2013

Vereadores de Ibiúna aprovam duas Leis em Defesa dos Direitos da Mulher A Câmara Municipal de Ibiúna aprovou na sessão do dia 13 dois projetos de autoria da vereadora Aline do Rosarial (DEM) em defesa das mulheres ibiunenses: um cria o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (CMDM) e outro obriga as instituições de saúde existentes no município a emitirem notificação compulsória dos atendimentos a aquelas que sofrerem violência física, sexual ou doméstica. Ambas as Leis ainda precisam ser sancionadas pelo prefeito. De acordo com Aline, tais projetos são os primeiros passos para a realização de um trabalho de combate ao preconceito e discriminação contra mulher, fazendo valer os direitos adquiridos pelas pessoas do sexo feminino ao longo dos anos. “Para realizar tais ações, visitei o Centro da Mulher, em Sorocaba, que há 25 anos vem trabalhando com o tema. Lá, vi como é importante se criar um conselho, fazer um diagnóstico dos casos de violência contra a mulher e buscar projetos e parcerias a fim de realizar ações que conscientizem as autoridades a construírem uma sociedade mais igualitária e harmônica para com as mulheres”, explicou a vereadora.

Durante a aprovação dos projetos, Aline foi bastante elogiada e parabenizada pelos demais vereadores por ter apresentado tais Leis. “O Presidente desta Câmara teve muito bom senso de colocar estes projetos no mês em que comemoramos o Dia Internacional da Mulher, como um presente às ibiunenses. Com o Conselho, será possível buscar recursos para realização de programas de conscientização dos direitos da mulher e outras atividades voltadas ao tema. Vamos agora cobrar e fiscalizar o prefeito para que realmente faça valer tais Leis e não seja mais uma norma engavetada, como ocorreu com vários outros projetos aprovados pelos vereadores em anos anteriores”, declarou Pedrão da Água (PTB). O vereador Beto Arrais (PPS) também enalteceu o trabalho da Aline e disse que tais Leis vem de encontro com a Lei Maria da Penha, reforçando a preocupação com a defesa dos Diretos da Mulher no âmbito municipal. “Com a criação do Conselho e com os dados provenientes do relatório dos órgãos de saúde, teremos mais subsídios para

Saúde Nota 10 Jodi Tanaka

cobrarmos do Governo Estadual a criação de uma Delegacia da Mulher em Ibiúna, uma vez que, como advogado, frequentemente presencio algumas vítimas deste crime na Delegacia de Polícia do município e muitas delas ficam constrangidas de estarem lá. Com um departamento apropriado para tratar estes casos, podemos evitar este incômodo, sendo que muitas vezes algumas mulheres sofrem a vida toda com a violência e não denunciam tais fatos por terem receio de irem a uma delegacia comum”, acrescentou Arrais. O presidente da Câmara Municipal, Carlinhos Marques (PT) também fez vários elogios a tais iniciativas e reforçou a importância da mobilização e organização da sociedade para o combate a violência contra a mulher. “A partir do momento que o Poder Público participa e mobiliza a sociedade, é possível termos um norte para criarmos ações voltadas à mulher. Também precisamos cobrar a administração municipal para que reative órgãos importantes voltados para outras classes representativas, como o Conselho da Juventude e demais entidades”, reforçou Carlinhos.

A administração anterior encabeçada pelo ex-prefeito Coiti Muramatsu tentou a continuação do governo comprometendo de forma irresponsável o equilíbrio financeiro do município, fazendo da Saúde a sua vitrine administrativa. Manteve durante todo o período pré-eleitoral o Pronto Atendimento rápido e superficial, visando a clientela eleitoral, baseado na quantidade 500 atendimentos por dia - em detrimento da qualidade. Os servidores previamente orientados valorizavam os casos sem importância clínica e os casos realmente graves eram simplesmente encaminhados para hospitais de outras localidades. Os pacientes

submetidos a cirurgias de rotina ou a pequenas cirurgias acreditavam tratar-se de procedimento de alta complexidade ou grande porte, quando sabemos que o nosso centro cirúrgico não está preparado para grandes cirurgias. O slogan SAÚDE NOTA 10 foi largamente utilizado durante toda a campanha eleitoral. Felizmente a população não acreditou e deu a resposta merecida nas urnas. Após a derrota, o caos anterior voltou. Falha no atendimento básico. Falta de material. Falda de médicos. Falta de pagamento, etc. Hoje constatamos a triste realidade que o programa Saúde Nota 10, está estacionado em 10, num critério de avaliação que varia de 10 ( ruim ) até 100 ( bom). O povo anseia por mudanças.

Autoridades visitam deputados por melhorias em estradas e na saúde

Assembléia de Deus em Ibiúna comemora aniversário do seu pastor No último dia 16 de fevereiro , às 19h, membros da igreja Assembleia de Deus em Ibiúna se reuniram em seu templo sede para celebrarem a Deus um culto de gratidão pela passagem do aniversario e bodas do Pastor Clayton Cabral da Cunha e sua esposa Gessana. Estiveram presentes nessa celebração vários pastores da jurisdição de PiedadeSP, no qual o Pastor Clayton Cabral serve como vice-presidente. A reunião foi liderada pelo Pastor Samuel Padilha de Siqueira, presidente da jurisdição de Piedade-SP. Membros da mesa diretora da igreja, diversas

Ed. 298.pmd

10

autoridades estiveram presentes, ressaltando o Prefeito Eduardo e esposa Dona Albertina, e vereadores Carlinhos Marques (presidente da Câmara), Odir Bastos e Zaia. T a m b é m estiveram presentes autoridades de municípios vizinhos, a saber: Marquinhos do Ciretran (vereador em Piedade) e Marcos Nena (presidente da Câmara dos Vereadores de Cotia).

O Pastor Clayton Cabral é pastor titular da Igreja Assembléia de Deus em Ibiúna, sendo que já é a terceira vez que serve como ministro na cidade de Ibiúna, e teve passagens pelas cidades de: Presidente Prudente, Caiabú, Tullamore (República da Irlanda), Sete Barras e atualmente Ibiúna. “Eu agradeço a Deus pelo privilegio que tenho de poder servir os meus irmãos nesta igreja querida” declara o líder, “a cidade de Ibiúna sempre foi muito receptiva a nossa estada aqui, o que promove em nossos corações uma satisfação indescritível” conclui. A igreja Assembleia de Deus esta localizada na Rua Cirineu Soares de Campos, 303, e suas reuniões acontecem às quintasfeiras e domingos às 19h.

No início deste mês, o Prefeito Professor Eduardo (PT) e o presidente da Câmara Carlinhos (PT) estiveram na Assembleia Legislativa para visitar dois deputados: Jooji Hato (PMDB) e Carlos Cezar (PSB). Os políticos estiveram acompanhados pelo médico Jodi Tanaka. O motivo das visitas foi para formalizar pedido de recursos para benfeitorias ao município. O deputado Joogi Hato está intermediando para Ibiúna recursos do Governo do Estado, junto a Secretaria da Agricultura, para o ‘Programa Melhor Caminho’ – onde o Estado custeia o valor dos serviços de motoniveladora e cascalhamento nas estradas rurais. O deputado, que também é médico, é primo

21/03/2013, 03:11

do colega de profissão Jodi Tanaka. O presidente da Câmara também entregou ao deputado um ofício solicitando um repasse no valor de R$ 160 mil para construção do campo de futebol no bairro do Morro Grande – uma reivindicação antiga dos moradores da localidade. Já com o deputado Carlos Cesar (PSB), as autoridades de Ibiúna formalizaram o pedido de recursos, no montante de R$ 200 mil, para construção de uma Unidade Básica de Saúde no bairro do Tavares, em Ibiúna. O deputado, que é primo do vereador ibiunense, disse que irá redimensionar uma emenda parlamentar para atender o pedido das autoridades ibiunenses.


Página-11

Quinta-feira, 21 de março de 2013

Itupararanga novamente ameaçada

Viviane R. de Oliveira São iminentes os riscos às águas da Represa Itupararanga, principalmente, aqueles identificados em Ibiúna. Além de ainda conviver com problemas como a falta de saneamento básico e o despejo clandestino de lixo, novos projetos audaciosos podem ser instalados no município. A construção de um sistema de abastecimento público e projetos de mineração de areia são exemplos recentes. Novamente, Ibiúna ocupa uma posição estratégica para solucionar os problemas de abastecimento público da região. Desta vez, as águas da Represa do França chegarão às casas de quase 1,5 milhão de pessoas da Região Metropolitana de São Paulo, pelo Sistema Produtor São Lourenço, que se encontra na fase de licenciamento ambiental. O projeto foi amplamente discutido na região, pois acarretará impactos não somente pela sua implantação, mas porque comprometerá também a qualidade das águas da Represa Itupararanga. Ou seja, se hoje, já temos um cenário de degradação, a tendência é que a situação se agrave ainda mais, pois as mesmas águas límpidas de Itupararanga que abastecem mais de 1 milhão de pessoas da região de Sorocaba, receberão, indefensáveis, o esgoto proveniente da Região Metropolitana de São Paulo. Uma herança imposta por este audacioso projeto que levará as águas de Ibiúna para mais 7 cidades, aumentando o ônus ao município para garantir a preservação de seus rios e nascentes. Ibiúna também enfrentará um novo desafio: uma mineração de areia projetada para se instalar na

Ed. 298.pmd

11

várzea dos Rios Sorocabuçu, Sorocamirim e Una, na área localizada no centro da cidade, ao longo da Av. Marginal. Simplesmente, na cabeceira do Rio Sorocaba, formador da Represa Itupararanga, um projeto para extrair, em 5 cavas com o tamanho de 4 campos de futebol cada, 30.000 m³ de areia, pelo período de 30 anos. É inaceitável que um município como Ibiúna, estratégico do ponto de vista ambiental, seja tratado desta forma. Suas matas exuberantes, várzeas com rica biodiversidade, cachoeiras e represas ainda são a garantia para as grandes cidades da região de que poderão usufruir das suas águas e atender aos seus habitantes. Estas riquezas, no entanto, estão ameaçadas pelos investimentos de projetos tão grandiosos. E como enfrentar estes desafios? Uma das garantias previstas em lei é a participação da sociedade civil organizada nos órgãos colegiados responsáveis pela gestão ambiental na região. Nestes fóruns, a SOS Itupararanga luta, incansavelmente, pelos interesses de Ibiúna, e, principalmente, para garantir que suas riquezas naturais sejam preservadas. Participa da discussão dos problemas e das tomadas de decisão, juntamente com o poder público, com o objetivo de definir, de forma compartilhada, as ações necessárias para evitar ou minimizar os impactos ambientais destes projetos. Para isso, a SOS Itupararanga conta com o apoio de parceiros e colaboradores, mas precisa da participação da população, através de sugestões e denúncias, que em muito auxiliam nos resultados dos trabalhos da entidade. Participe você também!

Prefeitura inicia a regulamentação no fornecimento de medicamentos Criado em janeiro deste ano pela Secretaria da Saúde, o Programa Municipal de Assistência Farmacêutica visa regulamentar a entrega de medicamentos para a população. Ainda em fase de planejamento, com previsão de término neste mês de março, o Programa oferece muitos benefícios, começando pela organização interna até a distribuição correta dos remédios. De acordo com a Assistente Social, a demanda por medicamentos é um dos maiores problemas da Secretaria de Saúde. “É preciso, com urgência, definir a distribuição de medicamentos como Política Pública que garanta este direito à população”, explica. Segundo ela, o paciente nunca sabe a quem recorrer para ter acesso ao remédio que necessita. “Procuram o Gabinete, o Fundo Social, o Departamento de Compras, sem ter uma informação precisa de onde ir. Agora existe um local específico que é a FARMASUS e, caso o medicamento não esteja disponível, a pessoa passará por uma Triagem, a partir da qual será orientada adequadamente”, explica. O fornecimento de remédios é regido pela Política Nacional de Medicamentos, e nem todos são

distribuídos gratuitamente. “Existe uma lista de medicamentos padronizados, chamada ‘cardápio do SUS’. Esta lista constitui a Relação Nacional de Medicamentos – RENAME – definida pelo Ministério da Saúde, e contém todos os medicamentos que devem ser fornecidos pelo SUS, indicando quais devem ser comprados pelo Estado e quais devem ser adquiridos pelo Município. A Prefeitura tem a responsabilidade de fornecer medicamentos básicos, descritos como Componente Básico da Assistência Farmacêutica – CBAF”, completa a Assistente Social. A Triagem, que já está sendo realizada de segunda à sexta-feira no Posto de Saúde Central, serve para orientar a população sobre a regulamentação da entrega de remédios e providenciar a aquisição de medicamentos padronizados que não estão disponíveis no estoque da FARMASUS. Todos os envolvidos na área da Saúde serão orientados a explicar ao paciente se o remédio receitado está na relação do SUS ou não. “Um dos objetivos do Programa é informar aos médicos quais são os medicamentos fornecidos pelo SUS para que, preferencialmente, eles os prescrevam e, caso indiquem um medicamento

não padronizado, avisem ao paciente que não há no SUS. É importante, inclusive, que o próprio paciente pergunte isso ao médico”, reforça, completando que “a idéia é reeducar tanto a população como a equipe da Saúde”. Por outro lado, o fato de o remédio não estar na relação não significa que ele não possa ser fornecido gratuitamente. Neste caso, se o médico verificar que o remédio não pode ser substituído por outro do SUS, ele deverá preencher um formulário e enviar para a Secretaria de Saúde do Estado, que fará a análise para o fornecimento do medicamento. O Programa ainda está nos passos iniciais e em planejamento. “O começo deste trabalho não vai ser fácil, pois será uma mudança de hábito. Por muito tempo o fornecimento de medicamento foi utilizado como estratégia de favorecimento, agora buscamos trabalhar com base em direitos, um direito que é de toda a população. Era preciso estipular critérios para organizar, criando um protocolo. Assim, busquei verificar a regulamentação, a legislação e, com base nisso, estou criando um regimento para o Programa”, encerra a Assistente Social.

Geraldo Vicente Martins

Assis, São Francisco, santo inspirador de grande renovação no âmbito da Igreja Católica, havia a novidade do primeiro pontífice oriundo da América Latina, região que congrega significativa parcela dos católicos de todo o mundo, além de, no plano social, registrar grande índices de desigualdade e, sobretudo, pobreza entre os que a habitam. Ambas as razões são alvissareiras para a Igreja em todo o mundo, uma vez que a inspiração franciscana para uma vida humilde e de clara opção pelos pobres já se fez presente nas primeiras palavras e gestos do Papa depois do anúncio, antecipando, pelo simbolismo de tais atos, um novo tempo para todos nós. Além disso, a sólida formação catequética de Francisco, atestada pelo belo trabalho desempenhado à frente dos católicos argentinos, há de embasar suas ações como Sumo Pontífice, garantindo que a Igreja fundada por Jesus Cristo continue a seguir os verdadeiros princípios que

a norteiam -– para além de certas vontades “renovadoras’ de alguns, os quais, na verdade, insistem em continuar alheios ao poder espiritual (e não político!) que a Igreja exerce no mundo. Diante disso, o anúncio feito de Roma para o mundo no 13 de março que passou não foi apenas o mais esperado das últimas semanas, foi também o mais feliz. E viva o Papa Francisco!

Francisco: um Papa dos confins do mundo

No início da noite do último dia 13 de março, em meio ao frio e à chuva de um inverno europeu que se despede, a multidão ansiosa, que se reunia na Praça de São Pedro, recebeu, com imensa alegria, o anúncio mais esperado das últimas semanas: a Igreja Católica Apostólica Romana já tinha um novo Sumo Pontífice. O cardeal jesuíta argentino Jorge Mario Bergoglio, doravante Papa Francisco, de 76 anos, havia sido eleito para suceder a Bento XVI na tarefa de conduzir a Igreja em sua tarefa de evangelização, a ela confiada por Jesus Cristo, até os confins do mundo e o final dos tempos. Para este lado do mundo, a alegria chegou em proporção ainda maior, posto que, junto ao fato de um Papa, pela primeira vez, denominar-se Francisco, em homenagem ao “pobrezinho” de

21/03/2013, 03:12


Página-12

Quinta-feira, 21 de março de 2013

Programação de aniversário dá prioridade à expressão cultural de Ibiúna

Prefeitura promete iniciar manutenção das estradas no início do próximo mês

Pensando em agradar a todos os públicos, a Prefeitura preparou diversas atividades para celebrar os 156 anos do município de Cultura e Turismo e Esporte e Lazer, Adal Marcicano. Uma das novidades é a setorização da festa, que acontecerá em mais pontos turísticos do nosso município, como a Capelinha, Praça do Fórum e Espaço Cultural. “Queremos promover e valorizar esses espaços como atrações turísticas , chamando a atenção não só dos turistas que passam por aqui, mas também dos próprios moradores, que muitas vezes não enxergam esse potencial. Ibiúna possui uma área extensa de riquezas naturais, que com muito empenho já estão Newton e Willian, encerram sendo colocadas em foco, agora chegou a vez de mostrarmos o as atrações no dia 24 Os principais pontos turísticos potencial histórico / cultural do da cidade já estão prontos para nosso município e para isso, nada receber as atrações que a Prefeitura mais justo que levar atrações preparou para as festividades de regionais para se apresentarem aniversário. Durante os dias 22, 23 nesses locais”, finalizou a Diretora e 24 de março, Ibiúna estará em de Turismo. Atrações festa. A Capelinha, Praça da Matriz, Na sexta-feira, dia 22, na Área Praça do Fórum, Espaço Cultural e a Área de Lazer serão palco dos de Lazer, às 20h, a animação será por conta do Grupo Substância e artistas da nossa cidade e região. “Nossa prioridade este ano é às 22h, o Grupo Intensidade. Na oferecer ao munícipe o que a cultura Capelinha, quem agitará a festa de Ibiúna tem de melhor a oferecer. às 21h é o grupo Samba do Val. Haverá atrações de todos os estilos, Na Praça da Matriz, às 21h, será bandas de rock, sertanejo, música a vez do Luciano Fest Show. O sábado, dia 23, está repleto clássica, aulas de dança, enfim, vamos promover o artista de atrações durante o dia todo. ibiunense”, destacou o Secretário No CITI – Centro de Informações

Baile da cidade marca início das comemorações de aniversário

O tradicional baile de gala, no Centro Cultural de Ibiúna (CCI), realizado no dia 16, abriu as comemorações de aniversário de Ibiúna que, no próximo domingo, completa 156 anos. A noite foi comandada por “Paulo Gibson e Banda” e, posteriormente, pelo DJ Cristiano de Lima. Na entrada, todos foram

recepcionados pelo prefeito Professor Eduardo, pela primeira-dama Albertina, pelo vice-prefeito Adalberto Marcicano e sua esposa Daniela. A festa, mais modesta em relação a anos anteriores, por conta da contenção de gastos, teve função social, já que a renda é destinada ao Fundo Social de Solidariedade.

Turísticas de Ibiúna, das 7h às 13h, haverá Feira de Produtos Orgânicos, com apresentação às 10h, do Zé da Viola. No Campo do Guarani, terá jogo às 10h, dos Veteranos Guarani Ibiúna X Veteranos Guanabara São Paulo; às 12h, da Seleção Veterana de Ibiúna X Veteranos São Bento Sorocaba; às 14h da Seleção Sub 17 Ibiúna X Sub 17 Atlético Sorocaba e às 16h, da Seleção Sub 20 Ibiúna X Sub Atlético Sorocaba . Na Área de Lazer, das 10h às 18, haverá Exposição de Tratores John Deere; à partir das 20h, quem comandará a festa será a Banda Hard Tail e às 22h, a Banda Babilônia. Na Capelinha, às 16h, haverá apresentação dos Violeiros de São Sebastião e às 18h, uma aula de Zouk (dança). Na Praça da Matriz, à partir das 16h, apresentação da banda Agitação Sertaneja e às 21h, a Banda Marcial de Ibiúna. Na Praça do Fórum, às 9h, Banda Lyra Unense; às 14h, Miza e Giovani; às 15h, Andy Fat; às 16h, o violonista Marcos Xavier e às 17h, Fátima. No Centro Olimpico, a partir da 9h, grafitagem com os alunos do ProfºMagno Solari. No dia do aniversário, 24 de março a programação também está recheada de atrações. No Paço Municipal, às 9h, haverá o Cerimonial em Comemoração aos 156 de Ibiúna. Na Área de Lazer, às 8h30, será a largada da 13º Corrida e Caminhada de Ibiúna, das 10h às 18h, será realizada a Exposição de Tratores John Deer; às 20h, Raízes Dust e encerrando as festividades no local, às 22h, Newton & Willian. Na Rua da Bica (em frente a bicicletaria), às 8h, saida do Passeio Ciclístico de Ibiúna. Na Praça da Matriz, às 13h começa a apresentação de uma série de bandas de Rock. No Espaço Cultural, a programação será iniciada às 9h com RPG, Campeonato de Skate e mais bandas, com o encerramento de Pink Floyd Cover.

Segundo a Secretaria de Governo da Prefeitura de Ibiúna, no início de abril deve ter início uma operação intensiva para manutenção das estradas do município. Serão formados seis ‘comboios’ de máquinas para recuperar as estradas, nos quatro cantos do município, com patrol, retroescavadeira, pá-carregadeira e caminhões. O responsável da garagem, o engenheiro Deimar Albertin, informou que os serviços serão realizados por ordem para atender, primeiramente, as estradas com trafego de ônibus. Deimar disse também que para iniciar os serviços será necessário esperar o fim do período das chuvas, que tem se intensificado

Obrigado, Padre Douglas

Neste mês de março, Ibiúna se despediu de um grande amigo, de um irmão que acabou se tornando filho desta terra: o querido Padre Douglas. Em todo este tempo que esteve em Ibiúna, primeiramente na Paróquia Nossa Senhora das Dores e posteriormente na Paróquia Santa Cruz, como pároco, onde permaneceu até sua despedida, ganhou o respeito e o carinho dos fiéis por toda sua dedicação, humildade e sabedoria. Reorganizou e direcionou os trabalhos de pastorais e movimentos, organizou e promoveu eventos e deu novo ânimo aos servos fieis da Paróquia e comunidades das quais era responsável. A Paróquia de Santa

O violonista Marcos Xavier irá se apresentar na Praça ddo Fórum

Ed. 298.pmd

12

nos últimos dias. Com uma situação financeira extremamente crítica, o prefeito Professor Eduardo (PT) precisou realizar licitação para alugar parte dos maquinários que serão usados nos serviços. Além dos maquinários, a Prefeitura teve de comprar montante de pedras para realizar as benfeitorias. O prefeito disse ainda que devido à desordem financeira que encontrou a prefeitura está tendo dificuldades para realizar serviços essenciais para a população. “Com muito trabalho e com fé em Deus, estamos superando os desafios e dando inicio a importantes ações para beneficiar toda população de nosso município”, enfatizou Eduardo.

21/03/2013, 03:12

Cruz se estende a comunidades distantes, de difícil acesso, mas essas dificuldades nunca se fizeram grandes demais para esse dedicado servo de Deus que desenvolveu um belíssimo trabalho de evangelização. Sempre acolhedor, conseguiu conquistar a simpatia dos muitos ibiunenses que puderam estar ao seu lado. Sua ausência deixará saudades, mas com certeza teremos sempre em nossas orações o desejo sincero de que o Senhor continue a abençoar sua vida e que ele possa transformar os lugares por onde passar, assim como ele transformou e marcou para sempre a comunidade católica de Ibiúna.


Edição 299 - Jornal VOZ de IBIÚNA