Issuu on Google+

Roberto Barbosa: No roteiro de debates regionais, PSB realiza encontro em Macaé

página 3

www.viuonline.com.br

Distribuição gratuita Edição semanal

Ano 02

Online

N° 41

Sábado 26 de abril de 2014

R$ 779

Polícia Federal abre inscrições em junho

Previsão é de 600 vagas para agentes PÁGINA 15 com salários de R$ 7.500

Em 2015, governo quer salário mínimo de R$ 779

PÁGINA 5

Os pecados de Crivella

Líder político da Igreja Universal do Reino de Deus, bispo é acusado de usar dinheiro público em ONG que está sob seu controle no Nordeste página 4


02

OPINIÃO

Região

JORNALVIU - www.viuonline.com.br | Sábado 26 de abril de 2014

editorial | As manifestações de junho e a corrupção

Expediente

O poder das ruas As manifestações que sacudiram o Brasil em junho do ano passado são fatores atípicos desde a redemocratização do país. Foi uma das poucas vezes que o clamor popular conseguiu tirar a classe política de sua zona de conforto e chamar a atenção para os riscos de uma turba enfurecida com a insensibilidade diante da opinião pública. O movimento, mesmo anárquico, conseguiu acuar o andar de cima. É possível que o próximo passo desta insatisfação seja uma resposta mais enfática na eleição de outubro. Os prognósticos apontam para uma forte tendência de aumento de votos brancos, nulos e abstenções, porque persiste a

descrença generalizada na classe política. O povo, num primeiro momento, expressou a revolta por meio da série de manifestações e num segundo momento deve manifestar-se no processo eleitoral. A descrença tem razões de sobra. Os legislativos brasileiros, em todos os níveis, são a expressão nua e crua da sarjeta moral. Nunca antes na história deste país os legislativos foram tão omissos e complacente com a corrupção, quando não são os protagonistas. É injusto jogar toda a cota de responsabilidade sobre a classe política. A omissão dos órgãos de controle externo contribui para a proliferação da perversão moral no

ambiente político, porque em muitos casos funcionam como órgãos de apoio à corrupção. Isso ficou evidente por ocasião do mensalão do DEM, no Distrito Federal, onde se comprovou que promotores de justiça atuavam como serviçais de um governo mergulhado em corrupção. Não é por acaso que em muitas cidades os órgãos de imprensa e jornalistas são submetidos a condenações absurdas ou pagamento de multas por afrontarem governos corruptos. É uma forma de intimidação da liberdade de imprensa. Que as forças das ruas renasçam para revigorar as instituições democráticas e garantir a liberdade de pensamento.

JORNAL VIU! www.viuonline.com.br E-mail: contato@viuonline.com.br Comercial: publicidade@viuonline.com.br P.R. BARBOSA MÍDIA E PUBLICIDADE LTDA-ME. CNPJ: 06.968.064/0001-67 Redação Diretor Executivo Roberto Barbosa São Fidélis-RJ Rua Maestro Acyr Barbosa, 53 – São José CEP: 28400-000

artigo | Preço do lixo

Quissamã, a cidade que tem o lixo mais caro do Brasil *Cláudio Jorge Pereira Com 22.244 habitantes, o município de Quissamã, no Norte Fluminense, paga R$ 22 milhões anuais a empresa União Norte pelo recolhimento de lixo. Chegamos ao valor de R$ 1.000 por habitante. O município de Itaperuna, no Noroeste Fluminense, com 180 mil habitantes, paga R$ 14 milhões por ano, o que equivale a R$ 78 por habitante. Quanta diferença! Conversando com um morador de Itaperuna sobre esses valores, ele ficou assustado com tamanha desproporção. Mostrei a situação de Quissamã, que tem uma população oito vezes menor do que o município do Noroeste, mas que paga bem mais pelo recolhimento de uma quantidade menor de lixo. Em termos de percentuais,

Quissamã está pagando 1.282% a mais do que Itaperuna. É o reflexo de uma administração municipal que subestima a população e que não teme os órgãos de controle externo. São valores que induz a imaginar outras tantas aberrações que acontecem nos bastidores de um governo que não tem pudor. Também nos impressiona o comportamento do legislativo municipal, que se mostra incapaz de manifestar um desagravo com tamanha falta de bom senso. Isto é um descalabro diante de uma sociedade que exige mais transparência na condução dos negócios públicos e que clama por uma administração eficiente. Acima de qualquer pretexto, os vereadores foram eleitos para representar o povo e fiscalizar o Executivo Municipal. Em tese, não tomaram

assento para defender interesses de grupinhos formados com o único propósito de tirar vantagem sobre o mandato. É um quadro desolador. Os vereadores são cumplices deste escárnio moral, desta afronta ao cidadão comum que paga seus impostos. Deveriam primar pela obediência as leis. O lixo deixa odores insuportáveis. Afeta a saúde humana e o meio ambiente. Mas em Quissamã tornou-se um negócio para mil e uma utilidades. O entulho virou oportunidade de contrato milionário. Quissamã entra para o recorde nacional, como a cidade detentora do lixo mais caro do Brasil. *Vice-presidente da Associação dos Pequenos Produtores Rurais de São Miguel do Furado e Flexeiras, na cidade de Quissamã-RJ.

Clinica Médica e Psicológica Uma nova opção para atender São Fidélis Rua Maestro Acir Barbosa, 56 – Olaria São Fidélis – RJ

Telefax: (22) 2758-2005 Campos dos Goytacazes-RJ Avenida Senador José Carlos Pereira Pinto, 569 Bairro – Calabouço CEP: 28-031-101 São João da Barra-RJ AOD Machado Almeida, 35 – Nova São João da Barra CEP: 28.200-000 Circulação São Fidélis, Cambuci, Itaocara, Miracema, Natividade, Santo Antô nio de Pádua, Aperibé, Varre-Sai, São José de Ubá, Cardoso Moreira, Italva, Itaperuna, Lage do Muriaé, Campos dos Goytacazes, São João da Barra, Quissamã, Conceição de Macabu, Carapebus, Macaé, Rio das Ostras


Geral

JORNALVIU - www.viuonline.com.br | Sábado 26 de abril de 2014

Portas abertas

Com a saída do prefeito de Caxias, Alexandre Cardoso, o PSB do Rio abriu as portas. Desde que a legenda destituiu o comando da legenda que estava alinhado ao PMDB, pedetistas e petistas dissidentes aderiram ao projeto de Eduardo Campos. Entre os novos socialistas estão os ex-deputados Vivaldo Barbosa, José Maurício Linhares (ex-PDT) e Vladimir Palmeiras, dissidente do PT.

COLUNA

03

Roberto Barbosa

Debates

O PSB está promovendo debates permanentes para discutir a conjuntura regional. Neste sábado, dia 26, o encontro acontece na Câmara de Vereadores de Macaé. A estrutura foi organizada pelo presidente do diretório municipal, Rodrigo Mosqueira.

Segurança em xeque 1

O ex-deputado Vivaldo Barbosa deixou o PDT e agora integra o PSB no Estado do Rio

Os recentes efeitos colaterais da política de segurança no Estado Rio reacende o debate sobre a presença ostensiva do Exército na ocupação dos morros. Alguns especialistas consideram a ideia equivocada, porque o exército é uma força treinada para a guerra, com uma linguagem diferente das forças que atuam na segurança urbana. Para um policial, quando se fala neutralizar o inimigo, por exemplo, entende-se rendê-lo. Para um soldado do exército, neutralizar significa eliminar.

Segurança em xeque 2

O deputado Anthony Garotinho (PR) não dá refresco. Ele está aproveitando a crise na área de segurança no Rio de Janeiro para atacar o modelo de pacificação em comunidades dominadas pelo tráfico de drogas. Com isso, ele atinge a espinha dorsal do governo Pezão.

Feijoada temperada

A feijoada do grupo Folha da Manhã será o prato da classe política regional neste domingo, dia 27, na cidade de Campos dos Goytacazes. O senador Lindbergh Farias (PT) e o governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) estarão disputando a atenção de centenas de convidados que todo ano comparecem ao evento organizado pela empresária Diva Abreu Barbosa.

Piada editorial 1

Em Macaé, a piada da semana foi o erro grotesco do jornal O Debate. O matutino divulgou um infográfico, numa reportagem sobre investimento de royalties, informando equivocadamente que a prefeitura destinou um percentual de investimentos em cocaína e crack. A derrapada irritou o governo municipal

Piada editorial 2

Não é a primeira vez que O Debate escorrega na linha editorial. Certa vez, numa reportagem sobre a morte de Jorge Amado, o jornal usou como ilustração uma foto de Benedito Lacerda, o mestre do chorinho.

50 mil exemplares Completando um ano, o jornal VIU! já é o seminário de maior circulação no interior do Estado do Rio

Completando um ano, o jornal VIU! já é o semanário com maior circulação no interior do Estado do Rio. Está chegando a 38 cidades do Norte, Noroeste Fluminense, Região dos Lagos e prepara terreno na Região Serrana. O jornal terá uma edição semanal de 50 mil exemplares.


04

POLÍTICA

Estado

JORNALVIU - www.viuonline.com.br | Sábado 26 de abril de 2014

O pecado

do bispo No ministério da Pesca, Crivella teria beneficiado uma ONG que está sob seu controle

O

pré-candidato ao governo do Rio, Marcelo Crivella (PRB), terá que se explicar junto à Comissão de Ética da Presidência da República. O orgão decidiu investigar o uso da estrutura do Ministério da Pesca – no período em que Crivela foi ministro – em benefício da ONG Fazenda Nova Canaã. Localizada no semiárido nordestino e integrada aos projetos de fomento financiados pelo governo, a ONG é ligada do senador e chegou a funcionar como portfólio em sua primeira campanha. A decisão da Comissão de Ética foi anunciada depois que a revista IstoÉ publicou reportagem mostrando que a superintendência do ministério na Bahia e um órgão estadual que recebe dinheiro da Pesca foram acionados para montar um projeto de criação de tilápias na ONG de Crivella, em Irecê, interior baiano. O Estado da Bahia tem 19 mil entidades sociais em funcionamento, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mas a ONG fundada pelo ministro acabou sendo a escolhida para iniciar a criação de tilápias. Em reunião com a participação do próprio Crivella em março, Cássio Peixoto, atual presidente da Bahia Pesca, disse que a implantação dos tanques-rede na Fazenda Nova Canaã era um de seus projetos prioritários. Afirmou ainda que a parceria com o ministério beneficiaria 1,5 mil piscicultores. Em nota, Crivella alegou que não usou “nenhum centavo” de dinheiro público para produzir peixes na Fazenda Nova Canaã. “Seria até justo que ali se fizesse um projeto de aquicultura. Ou será que as crianças pobres do sertão só podem comer calangos?”, questionou.

O senador Marcello Crivella é bispo da Igreja Universal do Reino de Deus, liderada pelo bispo Edir Macedo e deve disputar o governo do Rio de Janeiro. Quando estava à frente do Ministério da Pesca, ele teria confundido o público com o privado


Brasil

JORNALVIU - www.viuonline.com.br | Sábado 26 de abril de 2014

política

05

Os deputados terão que aprovar o projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias até o dia 30, do contrário, não haverá recesso no mês de julho

R$ 779

Salário mínimo em

2015 deve chegar a R$ 779 Reajuste previsto na LDO que governo enviou ao Congresso Nacional é de 7,71%

C

om estimativa de um crescimento da economia de 3% e inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), em 5% para 2015, o governo encaminhou ao Congresso Nacional, desde o dia 15, o Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias para 2015 (LDO-2015). Pelo projeto, o salário mínimo será reajustado em 7,71% e vai ficar em R$ 779,79 em 2015. O governo estima que o superávit primário para o setor público consolidado será de R$ 143,3 bilhões, valor que corresponde a 2,5% do Produto Interno Bruto (PIB) - soma de todos os bens e serviços produzidos no país. Com o abatimento dos R$ 28,7 bilhões destinados ao Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), a meta do

superávit primário fica em R$ 114,7 bilhões (ou 2% do PIB). Superávit primário é a poupança para pagar os juros da dívida que o governo tem com outros países e outros credores. Na medida em que o país consegue alcançar as metas de superávits primários, indica que tem condições de pagar suas dividas. A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) tem como principal finalidade orientar a elaboração dos orçamentos fiscais e da seguridade social e de investimento dos poderes Executivo, Legislativo, Judiciário, das empresas públicas e das autarquias. Com a LDO, o governo estabelece as metas e prioridades da administração pública federal, incluindo as despesas de capital para o exercício financeiro do ano seguinte.

A LDO tem de ser aprovada pelo Legislativo até 30 de junho. Se não for aprovada nesse período, o Congresso não pode ter recesso em julho. A aprovação da LDO é a base para elaborar o Projeto de Lei Orçamentária Anual (LOA), que deve ser apreciada pelo Congresso Nacional até agosto. Como é lei, após ser sancionada, nenhum governante deve aumentar despesas, gastar mais do que está previsto na Lei Orçamentária ou criar novos impostos para o pagamento de suas contas sem autorização do Legislativo. Com a Lei de Responsabilidade Fiscal, a LDO passou a ter um papel importante na condução da política fiscal do governo, devendo estabelecer e indicar as metas fiscais a serem atingidas a cada exercício financeiro a que se refere.


06

POLÍTICA

Búzios

JORNALVIU - www.viuonline.com.br | Sábado 26 de abril de 2014

Ministério Público Federal pede

condenação do prefeito de Búzios André Granado não cumpriu acordo assinado com o MPF e agora pode ser condenado a pagar multa por desobediência

André Granado descumpriu TAC para demolir quiosques irregulares na Praia da Ferradura

O

Ministério Público Federal (MPF) em São Pedro da Aldeia-RJ, na Região dos Lagos, pediu à Justiça Federal que condene o prefeito de Armação de Búzios, André Granado (PSC), ao pagamento de multa pelo descumprimento do acordo de retirar os quiosques na orla da praia de Ferradura. O prefeito assinou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o MPF assumindo o compromisso de demolir todas as construções irregulares até o dia 27 março, com prazo para remoção dos entulhos até o dia 07 de abril. Em vistoria realizada no dia 02 de abril, no entanto, o MPF constatou o descumprimento do acordo, com a presença de sete quiosques na praia. A Procuradoria pediu a execução forçada do acordo, para que em cinco dias sejam demolidos os quiosques, com a aplicação de multa de R$ 10 mil por dia de descumprimento. O MPF também pede que Granado pague multa pessoal no valor de R$ 35 mil no prazo de 15 dias. O valor correspondente a sete dias de atraso para o cumprimento do TAC. Em caso do não pagamento, a promotoria diz que vai pedir a penhora dos bens do prefeito. No fim do mês passado, o MPF também pediu à Justiça a execução forçada do acordo referente à prefeitura de Arraial do Cabo. Naquela ocasião, a Procuradoria pediu a aplicação de multa ao prefeito Wanderson Cardoso de Brito em R$ 10 mil por dia de descumprimento e o pagamento da quantia de R$ 30 mil a título de multa pessoal, também com penhora dos bens do prefeito em caso do não pagamento.

MPF mapeou 79 construções irregulares na Região dos Lagos Em três cidades foram mapeadas 79 construções irregulares na orla marítima. As praias que teriam as construções irregulares demolidas eram as da Ferradura (8 quiosques) e Tucuns (3) em Búzios; Prainha (31) em Arraial do Cabo; e Forte (22) em Cabo Frio, que já demoliu 15 quiosques no ano passado, restando sete construções.

Além da demolição dos quiosques, as prefeituras se comprometeram a impedir novas edificações e instalações de novos estabelecimentos comerciais nas praias sem as devidas autorizações e licenciamentos dos órgãos ambientais competentes. O resultado da fiscalização realizado pelo poder municipal deverá ser apresentado em relatórios trimestrais ao MPF.

Em 2012, o MPF moveu ação na Justiça Federal para resolver a questão dos quiosques irregulares. Em maio do mesmo ano, a Justiça Federal concedeu liminar determinando a retirada das construções irregulares das praias. As prefeituras recorreram da decisão, porém, o Tribunal Regional Federal da 2ª Região rejeitou o pedido.


Geral

JORNALVIU - www.viuonline.com.br | Sábado 26 de abril de 2014

VocêVIU? por

P

Miguel Araújo

O guerreiro de Áries

ara saudar o inicio do ano Zodiacal, a Coluna “Você Viu?” trás um pequeno ensaio com o jovem modelo campista Henrique Alves. Ele chega representando o signo de Áries. É um signo masculino. Simboliza a exteriorização, a energia e a ação. É a pulsação de tudo o que vive.

Este signo é governado por Marte. Em romano significa Ares, o Deus da Guerra da Mitologia Grega. Portanto, simboliza a guerra, as armas, a velocidade, o fogo, a virilidade, a impulsividade. Mas o que seria do mundo se não existisse esse impulso vital? As iniciativas, a coragem, o comando, a ambição, o desejo de autoridade e de execução, a realização dos projetos são governados por este signo e sem os Arianos nada se realizaria... Não é à toa que é o primeiro Signo do Zodíaco, de elemento fogo, sem o qual nada se cria. É neste signo que se encontra a maioria dos esportistas, amantes da velocidade, do risco, de todas as artes marciais e também as pessoas mais impulsivas e com paixão pela vida, vivendo como se, literalmente, fosse o ultimo dia! O impulso que os leva a ter um espírito de luta, decisão, iniciativa e liderança, também pode ser descontrolado e perigoso! Para conter este impulso excessivo, o esporte e qualquer outra atividade que demande muita vitalidade física são necessários e benéficos. Tudo na justa medida! Exemplos de famosos que são nativos do signo de Áries são Cazuza, Lady Gaga, Elton John, Viviane Araújo, o Lutador Vítor Belfort, o também Lutador Anderson Silva. Daí já dá para ter uma noção da força de iniciativa e perseverança para a realização que o poderoso signo de Áries possui!

LAZER

07


Siga VIU ONLINE e fique por dentro

www.viuonline.com.br

O maior portal de notícias do interior em todas as plataformas

VIU ONLINE no Facebook

VIU ONLINE no Twitter

Jornal VIU! Edição semanal em 38 cidades

Canal VIU no Youtube

Portal de Empregos

Revista VIU! Edição mensal

Anuncie – contato@viuonline.com.br


Lazer

JORNALVIU - www.viuonline.com.br | Sábado 26 de abril de 2014

Geral

Piscina, Área de Lazer, Suites, Restaurante, Estacionamento Telefones para reservas Praticidade e melhor comodidade diante das melhores praias de Rio das Ostras, Região dos Lagos e Macaé Hospedagem para empresas e turistas Rua Ayrton Senna, 01 (Próximo ao Supermercado Extra)

(22) 99999-7027 (22) 2764-6999

Quando olhamos pelo retrovisor e vemos os bons resultado do nosso trabalho e investimento, temos a certeza que logo a frente um futuro ainda melhor nos espera. Empresa Brasil ônibus novos, confortáveis e com ar condicionado para você viajar com prazer e segurança. Atendemos no telefone (22)2758-2442

09


Cidades do Noroeste Fluminense promovem intercâmbio para fortalecer cultura Regional

B

Caderno

O caminho é a integração

Sábado 26 de abril de 2014 JORNALVIU - www.viuonline.com.br

Reunião dos gestores de cultura do Noroeste, em Aperibé: grupo tenta integrar experiências das cidades para manter as manifestações populares, preservar o patrimônio histórico e unir esforços na elaboração de projetos *Por Ricardo Gomes

R

egião do Estado do Rio com uma grande diversidade de cultura popular, o Noroeste Fluminense emerge no cenário com uma integração entre cidades para fomentar essas manifestações. A iniciativa parte de gestores municipais na área de cultura, que recentemente participaram de um encontro na cidade de Aperibé. A integração pode representar uma garantia de preservação para manifestações como o caxambu, mineiro-pau e as tradicionais folias de reis, que sobrevivem nessas cidades por meio da abnegação das comunidades, bem como a recuperação de prédios históricos que ainda não são tombados. O movimento de integração reúne gestores das cidades de Miracema, Porciúncula, Laje do Muriaé, Italva e Itaperuna e tem contribuído para um intercâmbio cultural. A iniciativa já evoluiu para um Fórum Cultural Regional, estabelecendo um diálogo com a Secretaria de Cultura do Estado e ampliando os horizontes para a elaboração de projetos. Dos encontros de gestores surgem debates em torno de problemas que são comuns na área de cultura, como, por exemplo, a falta de recursos. Dinheiro para cultura numa Região abastada já é um problema, imagine em cidades pobres. “O Noroeste, como uma região do estado considerada pouco desenvolvida economicamente, tem uma cultura bastante rica, principalmente a cultura popular. Estamos encontrando caminhos para promover o resgate de nossa história, como a recuperação das fachadas de antigos casarões, fazendas centenárias e

praças que guardam em suas originalidades, diferentes conceitos de época”, observa o diretor de Cultura de Aperibé, Marcelo Hungria. Se a falta de dinheiro é um problema para a cultura do Noroeste, o mesmo não se pode dizer quando o assunto é o entusiasmo e a criatividade. Aperibé, por exemplo, que foi anfitriã de um dos encontros de gestores, é um exemplo de cidade que faz do limão uma boa limonada. A cidade tem um Museu e um Espaço anexo para exposições temporárias. Atividades são realizadas nos dois espaços durante o ano inteiro, além das visitas individuais e guiadas ao acervo permanente que conta a história da cidade e da Região.

“Isolamento pode comprometer cultura popular”, diz secretário O Secretário de Cultura de Laje do Muriaé, Fabiano Lacerda, também é um defensor de uma política de intercambio cultural entre as cidades. Ele acredita que a ideia pode funcionar como fomento ao turismo, a arte e ao comércio. “É preciso fortalecer essas manifestações e promover uma democratização, sem perder o enfoque sobre a geração de renda”, disse. O secretário de Laje do Muriaé defende uma política de capacitação dos agentes de cultura e alerta para o risco de algumas cidades perderem contato com a cultura popular por conta do isolamento dos gestores na área de cultura.


Religião CADERNO B

JORNALVIU - www.viuonline.com.br | Sábado 26 de abril de 2014

11

Os padroeiros fazem a festa São João da Barra festeja Nossa Senhora da Penha, Aperibé comemorou São Jorge e São Fidélis badalou o seu protetor: são as festas religiosas passeando com a badalação

N

esta segunda-feira, dia 28, o município de São João da Barra, no Norte Fluminense, festeja Nossa Senhora da Penha, padroeira da praia de Atafona, um dos balneários mais badalados do município e conhecido mundialmente por conta do avanço contínuo do mar sobre casas e ruas. A festa, na verdade, movimenta a comunidade já no final de semana. Uma das atrações anunciada para a última sexta-feira, dia 25, foi o “Cultura, Fé e Prosa”, no salão da Igreja. Trata-se de uma releitura do Café Literário, onde muitas atrações culturais acontecem na mesma noite. O tema da primeira edição foi “Atafona: sua história, sua gente”, numa homenagem à comunidade e à padroeira. A festa da Penha é uma tradição muito forte no município, que reúne o povo de São João da Barra, turistas e devotos de todo o país. Esta festa não é uma agenda isolada no interior do Estado. É apenas mais um exemplo de união entre devoção e badalação. Na maior parte das cidades do Norte e

Noroeste Fluminense, as festas religiosas fomentam um calendário de atrações culturais que atraem milhares de pessoas. São Fidélis durante, a semana, festejou o seu padroeiro, São Fidélis de Sigmaringa, com uma vasta programação, que incluiu atividades religiosas, shows e competições esportivas. Em todo o Estado do Rio, São Jorge foi o grande festejado na quarta-feira, dia 23, inclusive, com um feriado regional. O padroeiro tem forte apelo entre católicos. Em Aperibé, no Noroeste Fluminense, o santo foi eleito por 90% da população de um bairro para ser o padroeiro da comunidade. É uma popularidade, que supera a de qualquer político ou artista nas cidades do interior. Na quarta-feira, Aperibé festejou São Jorge com cerimônias religiosas e uma cavalgada que atraiu centenas de pessoas. Sobre um andor ornamentado, a imagem mística do santo guerreiro foi transportada pelas ruas da comunidade. Na cavalgada, a imponência de um homem vestido de São João Jorge sobre um cavalo branco foi a grande atração. A festa presidida pelo padre Maurício Peixoto, da paróquia de São Sebastião, atraiu fieis de várias cidades da Região, como Cambuci, Itaocara e Santo Antônio de Pádua.

Fachada da Igreja de Nossa Senhora da Penha, na praia de Atafona, em São João da Barra. Festa movimenta o final de semana com shows e atividades religiosas. Nesta segunda-feira, dia 28, procissão atrai fieis de todo o país


12

OPINIÃO

Região

JORNALVIU - www.viuonline.com.br | Sábado 26 de abril de 2014

Comunidade de

Aperibé elege

São Jorge

A

Comunidade de São Jorge, no Bairro Ferreira da Luz, em Aperibé, surgiu a partir do projeto desenvolvido pela Paróquia São Sebastião. O projeto consiste em levar a igreja aos novos bairros e conjuntos habitacionais da pequena cidade do Noroeste Fluminense. Numa eleição direta realizada pela paróquia, a comunidade escolheu São Jorge como padroeiro e acabou batizada com o nome do santo. A nova comunidade está em fase de expansão. Um terreno doado à paróquia incentivou um grupo de moradores a lançar o projeto da construção da igreja, partindo das celebrações realizadas na residência de uma família, onde foram celebradas missas. O passo seguinte foi à escolha do padroeiro numa votação realizada na comunidade no ano passado. Nas cidades do interior os santos são tão populares que não são apenas nome de comunidades. Eles ainda dão nome as crianças, principalmente no Noroeste Fluminense, uma das regiões em que o catolicismo é mais presente no Estado do Rio. “A Igreja Católica precisa marcar presença nos novos bairros, já que as cidades estão se expandindo e já com número considerável de moradores católicos e daí surgiu o projeto que está sendo coordenado por uma equipe que está trabalhando para iniciar as obras de construção da Igreja. Foi muito importante essa iniciativa que partiu dos moradores”, relata o padre José Maurício Peixoto. No bairro Cidade Nova, em Aperibé, os fieis estão construindo a Igreja de Nossa Senhora das Graças. Nos Pinheiros a comunidade está se mobilizando para a construção da Igreja de São Francisco, e no Loteamento Caetanos está iniciando com as celebrações para iniciar uma nova comunidade.

Festa de São Jorge na cidade de Aperibé, no Noroeste Fluminense. Um dos santos mais populares do país foi eleito para ser padroeiro da comunidade com 90% dos votos


14

OPINIÃO

Religião

JORNALVIU - www.viuonline.com.br | Sábado 26 de abril de 2014

A voz do pastor *Pastor Antônio Ribeiro Júnior

*Antônio Ribeiro Pinto Júnior é bacharel em teologia e pastor auxiliar da Igreja Internacional Geração Profética em Macaé - RJ. E-mail para esta coluna: prantoniojunior@hotmail.com

Versículo da semana: “Vinde a mim, todos os que estão cansados e oprimidos e eu vos aliviarei”, (Mt. 11.28)

Ouse sonhar, você é capaz

A

lgo tem chamado minha atenção já faz algum tempo: o número de pessoas que facilmente desistem dos seus sonhos, projetos, trabalho e família. São pessoas que, geralmente, não estão preparadas para enfrentar os problemas do dia a dia. Com isso, se desmotivam diante de qualquer dificuldade. Para muitos é mais cômodo virar as costas para as adversidades do que confronta-las. Buscam refúgio nas bebidas, nas drogas, no divórcio e quem sabe até em atos mais extremos, como o suicídio, para conter as atribulações. Não cabe julga. Não é papel que nos cabe. Existem problemas em nossa sociedade que, que não se limitam a esfera espiritual. Situações envolvendo traumas na infância precisam ser tratadas de forma adequada. Em alguns casos, esses traumas, surgem na relação entre pai e filho. Contudo, existe alguém que está além da psicologia, da bebida, das drogas, do adultério e do divórcio. Alguém que restaura a honra da família, que nos fortalece e que resgata os sonhos: o nome dele é Jesus Cristo. Jesus faz o impossível tornar-se possível em nossas vidas. Reestabelece a verdadeira paz em nossos corações. a Bíblia Sagrada diz: “Vinde a mim, todos os que estão cansados e oprimidos e eu vos aliviarei”, (Mt. 11.28). Portanto, a partir de hoje não dê as costas para os problemas. Encare-os de frente! Tenha a certeza de que o Senhor Jesus, em nenhum momento, vai desampara-lo. Sonhe, ouse sonhar, porque você é capaz.

Inauguração Na última sexta-feira, dia 24, foi inaugurado em Rio das Ostras mais um templo da Igreja Internacional Geração Profética. A igreja é um diferencial na cidade de Macaé. É formada, em grande parte, por jovens e

trabalha pela expansão no Norte Fluminense, em outros Estados e País. O pastor Alexandre Marinho, idealizador desta obra, está convicto que até o fim de 2014 novos templos serão inaugurados para a propagação do Evangelho. Parabéns a todos!


Concurso Caderno B

JORNALVIU - www.viuonline.com.br | Sábado 26 de abril de 2014

15

Polícia Federal deve publicar

edital de concurso em junho Serão 600 vagas para agentes com salário inicial acima de R$ 7.500 e jornada de 40 horas

A

Polícia Federal já está com edital pronto para realização do concurso público visando o preenchimento de 600 vagas para agente. O certamente foi autorizado em 26 de março pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG). A publicação do edital aguarda apenas a escolha da empresa ou fundação organizadora do concurso, que está em andamento. A previsão é de que seja anunciada em meados de maio, para que o órgão possa seguir o cronograma preliminar, já estipulado. Com isso, o edital deverá ser publicado em junho, com aplicação das provas em agosto. Para concorrer ao cargo é necessário possuir curso de nível superior em qualquer área de formação e carteira de habilitação a partir da categoria “B”. A remuneração inicial da categoria é de R$ 7.887,33, incluindo o salário de R$ 7.514,33 e auxílio alimentação de R$ 373, com jornada de trabalho de 40 horas semanais. Os responsáveis pelo setor de concursos explicam que, uma vez pronto, o edital poderia ser liberado logo após a escolha da organizadora. Porém, entre estes procedimentos existe um trâmite burocrático, uma vez que a banca precisa passar por consultoria jurídica do Ministério da Justiça. Este procedimento também foi realizado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em seu concurso para agentes administrativos, quando o Ministério acabou solicitando alterações nas propostas apresentadas pelas interessadas antes da publicação do edital. De acordo com a autorização do Ministério do Planejamento, a PF tem um prazo de até seis meses para a liberação do edital, com limite em 26 de setembro. Porém, a intenção é acelerar todos os procedimentos do concurso, para que os aprovados já possam ser nomeados no início de 2015.

As provas para o concurso da Polícia Federal devem acontecer em agosto e os candidatos precisam ter carteira de habilitação a partir da categoria B

Agentes atuam no setor de investigações e combate ao crime Entre as atribuições do cargo de agente da Polícia Federal estão executar investigações e operações policiais na prevenção e na repressão a ilícitos penais, dirigir veículos policiais, cumprir medidas de segurança orgânica e desempenhar outras atividades de natureza policial e administrativa. O último concurso para o cargo ocorreu em 2012,

com oferta de 500 vagas. A organizadora foi o Cespe/ UnB e a seleção contou com duas fases. A primeira foi composta de provas objetivas, exames discursivos, testes de aptidão física e avaliações médica e psicológica. Na segunda, os candidatos foram submetidos a um curso de formação profissional. O conteúdo programático contou com temas

sobre língua portuguesa, noções de informática, atualidades, raciocínio lógico, noções de administração, noções de economia, noções de contabilidade, noções de direito penal, noções de direito processual penal, noções de direito administrativo, noções de direito constitucional e legislação especial.


16

Geral

Estado do Rio

JORNALVIU - www.viuonline.com.br | Sรกbado 26 de abril de 2014


JORNAL VIU