Page 1

2016

Relatório Anual 2016 | 1

R E L AT Ó R I O A N U A L 2 0 16

|

VI SÃO MUNDIAL


Expediente Conselho Presidente

Ariovaldo Ramos

Vice-Presidente

Valdir Raul Steuernagel

1ª Secretária

Valéria Trigueiro

2º Secretário

Antonio Mota

1º Tesoureiro

Linaldo de Souza Guerra

2º Tesoureiro / Presidente Comitê de Governo

Roberto Souza Chenk

Membro do Conselho Fiscal

Eude Martins da Silva, Edelweiss Falcão de Oliveira

Coordenador do Conselho Fiscal

Henrique Moraes Ziller

Membro da Assembleia

Raquel Novaes Lourenço

Membro da Assembleia

Hadassa de Moraes Alves

Equipe Executiva Diretor Nacional

João Helder Diniz

Diretor de Ministério Integrado

Reinaldo Almeida

Diretor de Marketing

Carlos Diego Cavalcanti

Diretor de Marketing Digital

Thiago Crucciti

Gerente Sênior de Relações Institucionais

Welinton Pereira

Gerente Sênior de Gente e Cultura

Danúbia Carvalho

Gerente Sênior de Finanças

Luís Eduardo Assunção

Gerente Sênior de Estratégia e Planejamento

Eunice Santos

Gerente Sênior de Advocacy

Neilza Costa

Expediente Diretor de Marketing Digital

Thiago Crucciti

Gerência de Comunicação

Maria Helena Monteiro

Textos

Cattleya Lopes e Maria Helena Monteiro

Projeto Gráfico

Máquina do Bem

Contribuição

Andréa Freire, Aizianne Leite, Cattleya Lopes, Cristiane dos Anjos, Gutemberg Neto, Karina Lira, Luís Eduardo de Assunção, Maeli Farias, Maria Helena Monteiro, Nísia Correia, Renata Cavalcanti, Sandra Sonoda, Siméa Meldrum, Sophia Ribeiro, Sueli Catarina de Carvalho, Tales Ferreira e Welinton Pereira

Fotografias

Cattleya Lopes, Gidália Santana, Raul Aragão, Helder Tavares e Marina Vancini


04 06 08 08 10 12 12

Carta do presidente Nosso impacto Quem somos O que fazemos Valores, missão e visão No campo

12

O QUE DIZEM AS CRIANÇAS?

12

PROGR AMA NACIONAL DE FORMAÇÃO

13

PROJETO MOBILIZA NORDESTE

13

COMISSÃO DE PROTEÇ ÃO NAS ESCOL AS

13

CURSO ”DIRETOS DAS CRIANÇAS E DOS ADOLESCENTES -

PROTEÇÃO

CONHECENDO E APLICANDO”

13

PARTICI PAÇ ÃO

13

JUVENTUDE E INOVAÇ ÃO

14

EDUCAÇÃO

14

DOE UMA ESCOLHA

15

C R I A N Ç A S E RTÃO E M E RG Ê N C I A

15

CAIXAS DO SABER

15

SEMANA DE AÇÃO MUNDIAL

16 18 18 19 19 19 20 20 21 21 22 22

ZIKA VÍRUS

Advocacy C A M PA N H A D A F R AT E R N I D A D E E C U M Ê N I C A N4G SIM , EU E XISTO! CIR ANDA 2030

Engajamento com igrejas ALÉM DA MÚSICA MULHERES DE VISÃO NA MISSÃO CAFÉ & PROSA PARTIC I PAÇ ÃO DA VI SÃO M U N DIAL EM REDES E FÓRUNS

24 24 25 26 28 28 29 29 29 30

Inovação & fundraising JUNTOS PEL AS CRIANÇAS F U R A C Ã O M AT T H E W APADRIN H E U MA HI STÓRIA

Empresas AMA ZON VIDAS PROJETO KITEIR AS MENINAS PODEM PROGR AMAR MÃO NA MASSA

Finanças


Carta do presidente A microcefalia foi um problema

programas de apoio a essas

de saúde pública seríssimo, en-

mães heroínas. Em uma reunião

frentado no Brasil durante todo

inusit ada, começamos um

o ano de 2016. Suas causas não

movimento de apadrinhamento

foram esclarecidas de imediato,

coletivo para crianças com

enquanto a incidência continuava

microcefalia. Buscamos parceiros

crescente e preocupante.

e instituições especializadas

Muitas crianças nasceram aco-

que, por meio do recebimento

metidas pela síndrome. Dignos

de recu r sos, cont rat a ra m

de méritos são os pais dessas

profissionais especializados para

crianças, que garantiram a chega-

atuar no tratamento dos bebês.

da delas à humanidade. Contudo,

Tem sido assim nesses 41 anos de

essas famílias se confrontaram

presença no Brasil, agindo frente

com um desafio único, criar es-

aos desafios, oportunizando de-

ses meninos e meninas da forma

senvolvimento e proteção infantil,

mais integrada possível e minimi-

criando e aplicando tecnologias

zando ao máximo o preconceito

sociais nas várias comunidades

da sociedade, para que cresçam

onde atuamos e, principalmente,

com maiores possibilidades de

transformando a vida de milhares

desenvolvimento e com o menor

de crianças.

dano social e psicológico.

Somos gratos a Deus e aos nossos

Aqui entra o importante trabalho

padrinhos e madrinhas por mais um

da Visão Mundial, criando

ano de serviço! Celebre conosco!

4 | Visão Mundial Brasil


Ariovaldo Ramos Presidente Visรฃo Mundial Brasil

Relatรณrio Anual 2016 | 5


Nosso impacto

AM

CE

RN PB PE AL

BA

DF MG

10

Estados + DF

6 | Visão Mundial Brasil

SP

RJ


16

Entidades parceiras

27

Programas PDAs Programa de Desenvolvimento de Área

73 Projetos

1.185 Comunidades

71.933 Crianças

123.281 Beneficiários diretos

*Referente ao número de crianças e adolescentes de 0 a 17 anos que foram beneficiadas pela mudança, incremento ou implementação de leis e programas públicos em cuja aprovação a Visão Mundial atuou diretamente nos níveis federal, estadual e municipal, por meio do monitoramento das políticas e serviços públicos de atenção à infância, lobby junto a parlamentares e atuação em redes e coalizões.

369.843 Beneficiários indiretos

26.034.948 Beneficiários de ações de advocacy*

Relatório Anual 2016 | 7


8 | VisĂŁo Mundial Brasil


Quem somos A Visão Mundial é uma organização cristã de desenvolvimento, advocacy e resposta às situações de emergência, dedicada ao trabalho com crianças, famílias e comunidades para superar a pobreza e a injustiça. Inspirados pela nossa fé e valores cristãos, nos dedicamos a trabalhar com as pessoas mais vulneráveis em todo o mundo. Nós servimos e colaboramos com todas as pessoas, independentemente de religião, raça, etnia ou gênero.

O que fazemos

A Visão Mundial atua no Brasil desde 1975. Em seus programas e projetos de ação humanitária, a organização prioriza crianças que vivem em situação de vulnerabilidades diversas. Estamos comprometidos com a justiça por meio do combate às causas da pobreza e da promoção de desenvolvimento transformador sustentável para famílias e suas comunidades. Trabalhamos para diminuir as desigualdades, a exclusão social e garantir vida plena a milhares de crianças, adolescentes e jovens no País.

Relatório Anual 2016 | 9


10 | VisĂŁo Mundial Brasil


Seguir a Jesus Cristo, nosso Senhor e Salvador, trabalhando com os pobres e oprimidos para promover a transformação humana, buscar a justiça e testificar as boas-novas do Reino de Deus.

Relatório Anual 2016 | 11


No campo Conviver com cada criança, conhecendo seu contexto e acompanhando seu desenvolvimento, é a base da nossa contribuição para a transformação social na vida de cada uma delas. É nesse contato que multiplicamos conhecimentos para que crianças, adolescentes e jovens estejam mais protegidos, com formação cidadã sólida e com meios para a garantia de seu bem-estar e desenvolvimento saudável.

Proteção

O que dizem as crianças? A pesquisa “O que dizem as

nas comunidades onde vivem.

nacional, em setembro de 2016, na

crianças?” foi uma iniciativa da

Os resu lt ados obser vados

cidade do Rio de Janeiro, durante

Visão Mundial e do Instituto

nas

1.404

um painel que teve como proposta

Igarapé realizada em 12 cidades

cr ianças e adolescentes à

chamar a atenção de empresas,

brasileiras. Existem poucos dados

pesquisa apresentaram dados

sociedade civ il e gover no,

no Brasil sobre a segurança de

preocupantes: eles percebem

para que essas organizações

crianças e adolescentes, e a

o nível de segurança de uma

se sensibilizem e promovam

consulta permitiu conhecer

maneira que não corresponde

programas e políticas públicas

quanto as crianças se sentem

aos índices oficiais, evidenciando

para combater o alto índice de

seguras dentro de suas casas,

uma naturalização da violência.

violência contra as crianças,

nas escolas onde estudam e

O estudo foi lançado em nível

jovens e adolescentes.

respostas

de

Programa Nacional de Formação O Programa Nacional de Forma-

de diversos Estados brasileiros

trema importância na expansão e

ção tem o propósito de dissemi-

foram certificados nas metodo-

construção de capacidades locais

nar o conhecimento adquirido

logias Família Cuidadora, Igreja

para a proteção e o desenvolvi-

pela Visão Mundial ao longo dos

Segura para as Crianças, Práti-

mento de meninas e meninos.

seus 41 anos de trabalho comuni-

cas Leitoras e Educomunicação.

tário. Cerca de 500 facilitadores

Esse resultado tem sido de ex-

12 | Visão Mundial Brasil


Projeto Mobiliza Nordeste O Projeto Mobiliza Nordeste é

dos conselhos dos direitos das

cionou uma maior articulação

uma parceria entre Visão Mun-

crianças e dos adolescentes e

entre os Estados e o Ministério

dial e a Escola de Conselhos

dos conselhos tutelares. Como

da Justiça e Cidadania, além de

de Pernambuco do Programa

uma das ações desse projeto,

debater a agenda dos Objetivos

de Extensão da Universidade

a Visão Mundial patrocinou o I

de Desenvolvimento Sustentá-

Federal Rural de Pernambuco

Encontro Nordestino das Esco-

vel (ODS) e o fortalecimento do

(UFRPE), que tem como objeti-

las de Conselhos, que reuniu 18

sistema de garantia de direitos

vo fortalecer a política regio-

participantes dos nove estados

da criança e do adolescente.

nal da formação permanente

da Região. O evento propor-

Comissão de Proteção nas Escolas A Visão Mundial, em parceria

jeto de formação de professores e

de atender o cumprimento da lei

com a Secretaria Municipal de

gestores das escolas públicas mu-

13.230/2002. Em 2016, o projeto

Educação, Ministério Público de

nicipais. O curso tem como obje-

qualificou 300 profissionais da

Educação do Estado do Ceará e

tivo assegurar o funcionamento

educação e 50 escolas por meio

Colegiado de Conselhos Tutelares

das comissões de proteção em 55

de capacitações de prevenção da

de Fortaleza, desenvolveu um pro-

escolas públicas de Fortaleza, a fim

violência e mediação de conflitos.

Curso “Direitos das Crianças e dos Adolescentes – Conhecendo e Aplicando” O projeto é fruto da parceria entre

do sobre os direitos da criança e

de cada participante. O conteúdo é

a Visão Mundial e o Centro Edu-

do adolescente e sobre o sistema

oferecido em recurso on-line com

cativo Renato Saraiva (CERS), com

que garante que esses direitos se

31 horas de duração, dividido em

o objetivo de facilitar o acesso de

efetivem. O curso realiza uma ca-

20 aulas, facilitadas por professo-

um grande número de pessoas a

pacitação ampla, didática e custo-

res com vasta experiência acadê-

um conhecimento mais profun-

mizada mediante as necessidades

mica nos temas propostos.

Participação Juventude e-Novação O projeto Juventude e-Novação teve

vens participaram ativamente dos

um papel de extrema importância

encontros, buscando alternativas

na mobilização da juventude da

para mudar a grave realidade do ex-

Visão Mundial. O cantor e ativista

termínio da juventude negra no Bra-

social Tico Santa Cruz, convidado

sil. Os eventos geraram uma grande

especial do projeto, esteve nas ci-

repercussão nas mídias locais, com

dades de Fortaleza, Salvador, Rio

mais de 40 inserções nos veículos

de Janeiro e Recife, onde reuniu o

impressos das cidades onde as rodas

público jovem para debater o tema

de conversa aconteceram, além de

#EuSintoNaPele. Cerca de 1.450 jo-

entrevistas em canais de televisão.

Relatório Anual 2016 | 13


Educação

Doe uma Escolha A campanha Doe uma Escolha

Mundial atua. Em 2016, a cam-

mil arrecadados em livros e

envolveu as cidades e mobili-

panha focou na ideia de cole-

R$ 13.930 mil arrecadados em

zou embaixadores e dezenas

tar livros paradidáticos, onde

outros recursos, proporcionan-

de parceiros, visando a arreca-

o resultado final foram 42.564

do a crianças acesso à leitura,

dação de livros para criação e

livros paradidáticos arrecada-

além da abertura e fortaleci-

incremento de bibliotecas co-

dos entre fevereiro e março;

mento de bibliotecas públicas

munitárias e salas de leitura,

77 parcerias firmadas com ou-

e comunitárias.

nas comunidades onde a Visão

tras organizações; R$ 223.471

14 | Visão Mundial Brasil


Criança Sertão Emergência Há muitos anos, a seca castiga o

setembro, várias ações de combate

sertão nordestino. Para as comuni-

à seca foram realizadas pela Visão

dades que convivem com essa dura

Mundial no sertão de Alagoas, Pa-

realidade, a solução para o acesso

raíba e Rio Grande do Norte. Foi

à água portável se dá por meio do

distribuída água equivalente a 56

abastecimento de carros-pipa, o

caminhões-pipa nos municípios de

que nem sempre é viável devido à

Catolé do Rocha (PB), Patu, Jandu-

baixa renda das famílias sertanejas.

ís e Governador Dix-Sept Rosado

Pensando neste contexto, a Visão

(RN). Nas cidades de Canapi, Inhapi

Mundial empenhou seus esfor-

e Senador Rui Palmeira (AL), acon-

ços na campanha SerTão Criança

teceram 15 oficinas de manejo de

Emergência, que teve como objetivo

água para 496 famílias, foram cons-

amenizar as dificuldades provoca-

truídos três poços artesianos e mais

das pela seca nas regiões em que a

três foram revitalizados, benefician-

organização atua com programas

do com acesso à água aproximada-

e projetos especiais. De janeiro a

mente 282 famílias da região.

Uma alternativa atrativa e inovadora

vos e outros recursos digitalizados

para São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará,

de educação para crianças que têm

que ajudam a criança a desenvol-

Pernambuco, Alagoas e Distrito Fe-

pouco acesso aos recursos tecnoló-

ver suas habilidades cognitivas de

deral. Em 2016, cerca de 3.750 crian-

gicos. Essa é a proposta do projeto

maneira criativa e envolvente. O

ças foram impactadas por mês pelo

Caixas do Saber, que disponibiliza,

projeto foi iniciado no município

projeto e foram investidos mais de

por meio de um material lúdico, con-

de Itinga (Vale do Jequitinhonha/

R$ 200 mil, entre recursos da pró-

teúdos como vídeos, jogos educati-

MG), e estendido posteriormente

pria organização e de apoiadores.

Caixas do Saber

Semana de Ação Mundial A Semana de Ação Mundial (SAM) é

para todos. No Brasil, a SAM é

mento Jovem de Políticas Públicas),

uma iniciativa realizada simultane-

coordenada pela Campanha Na-

realizou oficinas em sete cidades

amente em mais de 100 países com

cional pelo Direito à Educação em

brasileiras, reunindo aproximada-

o objetivo de envolver a sociedade

parceria com outros movimentos,

mente 3.500 participantes para re-

civil em ações de incidência polí-

organizações e redes. Durante a

fletir e debater sobre a qualidade

tica, a fim de garantir educação

SAM 2016, a Visão Mundial, com a

da educação no Brasil.

pública, gratuita e de qualidade

participação do MJPOP (MonitoraRelatório Anual 2016 | 15


Emergência Zika Vírus

16 | Visão Mundial Brasil

O Brasil enfrentou, em 2016, a

no combate à epidemia do Zika Ví-

maior epidemia registrada de in-

rus. Entre fevereiro e setembro, nas

fecções provocadas pelo mosquito

cidades de Recife, Salvador, For-

Aedes Aegypti desde o ano de 1990.

taleza, Rio de Janeiro e São Paulo,

Até julho de 2016, foram diagnos-

foram desenvolvidas ações para

ticados no País mais de 1.839.803

ajudar de maneira emergencial

casos prováveis de Dengue, Zika

o combate ao mosquito, além de

e Chikungunya. Um estudo rea-

estabelecidas parcerias e articu-

lizado pelo Centro de Controle e

lações com diferentes setores da

Prevenção de Doenças Transmis-

sociedade como governos, igrejas,

síveis (CDC) dos Estados Unidos,

organizações comunitárias, entre

concluiu que o Zika é a causa da

outros. Os resultados alcançados

microcefalia e outros danos cere-

foram extremamente relevantes

brais identificados em fetos cujas

em se tratando de prevenção e

mães foram infectadas pelo vírus.

conscientização da epidemia com

Com o projeto Emergência Zika, a

foco na proteção, sobretudo, de

Visão Mundial atuou efetivamente

crianças e gestantes.


Relatรณrio Anual 2016 | 17


Advocacy Promover a formação sociopolítica, mobilizar adolescentes, jovens e comunidades para incidir em políticas públicas e sensibilizar a sociedade para os Direitos Humanos tem sido a nossa maneira de investir em mudanças estruturais na promoção dos direitos para a infância. Buscamos contribuir para a redução das iniquidades sociais e para a justiça social em favor dos mais vulneráveis.

Campanha da Fraternidade Ecumênica O Brasil é a sétima maior econo-

ponsabilidade. A Visão Mundial, por

visitas domiciliares e campanhas

mia do mundo e possui as maiores

meio do MJPOP (Movimento Jovem

diretas de combate ao mosquito

florestas e bacias de água doce do

de Políticas Públicas), participou in-

Aedes Aegypti. A participação da

planeta. Em contrapartida, metade

tensamente do processo de prepa-

Visão Mundial na Campanha da

da população brasileira vive sem

ração da campanha. Uma das ações

Fraternidade Ecumênica alcançou

saneamento básico. Pensando em

mais exitosas foi a realização da Gin-

2.700 participantes em 20 escolas

levar a sociedade à reflexão desse

cana Nacional do MJPOP contra o

e 15 igrejas cristãs. As informações

problema que afeta o meio ambiente

Zika Vírus, alcançando diretamente

levantadas durante a gincana foram

e a vida de inúmeros cidadãos bra-

236 adolescentes e jovens em oito

transformadas em relatório utilizado

sileiros, a Fraternidade Ecumênica

Estados do Brasil, que participa-

para dialogar com gestores públicos

lançou a sua campanha de 2016 com

ram de formações, palestras, rodas

locais, exigindo melhorias no sane-

o tema Casa Comum, nossa res-

de conversas, sessões de cinemas,

amento básico das comunidades.

O projeto Sim, eu existo! é um con-

especialmente em áreas mais vul-

protetores para crianças e adoles-

junto de ações desenvolvidas junto

neráveis. A iniciativa integra o Mo-

centes. Devido à forte mobilização

à Rede de Proteção na cidade de

vimento Paz e Proteção, que busca

de escolas públicas e igrejas cristãs,

Fortaleza, que visa erradicar a falta

unir esforços de comunidades reli-

que realizaram mutirões e visitas

de registro de nascimento de crian-

giosas para a redução de desigual-

locais, 42 famílias foram orientadas

ças e adolescentes do município,

dades e construção de ambientes

e 74% tiveram resolutividade para

Sim, eu existo!

18 | Visão Mundial Brasil


o problema. No total, 12 crianças

os governos municipal e estadual

Foram visitadas 43 famílias que ha-

obtiveram seu registro civil e ou-

do Ceará.

bitam um prédio do INSS abandona-

tros documentos como Carteira de

No Rio de Janeiro, houve um desdo-

do há mais de 15 anos, em situação

Identidade e CPF. O comitê do pro-

bramento inicial do projeto com a

de extrema vulnerabilidade social,

jeto é composto pela Visão Mundial

realização de um Censo em área de

onde foram identificadas crianças

em parceria com o Unicef, Ordem

risco, na região central da cidade. A

sem Certidão de Nascimento e sem

dos Advogados do Brasil (OAB) e

ação aconteceu em uma ocupação

acesso a serviços básicos como

Arquidiocese de Fortaleza, entre

no Morro da Mangueira em parceria

água, energia elétrica e escola.

outras relevantes instituições como

com a Junta de Missões Nacionais.

N4G – Nutrition for Growth (Nutrição para o Crescimento) O evento Nutrição para o Cresci-

discutindo alternativas para combate

oferecer alimento e dignidade a pes-

mento é liderado por uma parceria

à desnutrição. A Visão Mundial lide-

soas em situação de vulnerabilidade

entre os governos do Reino Unido,

rou a roda de conversas “Crianças

social com o apoio estratégico da

Brasil e Japão, e defendido por im-

sem Fome” com a participação de

Visão Mundial e de outros parcei-

portantes fundações filantrópicas

diversas organizações da sociedade

ros. Diariamente, chefs convidados

e organizações da sociedade ci-

civil em torno do tema Nutrição e

de todo o mundo criaram menus

vil. A primeira edição do Nutrição

Desigualdade: uma agenda pelo di-

deliciosos e nutritivos a partir de in-

para o Crescimento foi realizada em

reito à alimentação digna no Brasil

gredientes excedentes, não manipu-

Londres (2013) com a promessa de

e no mundo.

lados e bons para consumo, doados

investimentos superiores a US$ 4

Como um desdobramento da ação, a

ao Refettorio Gastromotiva pelos

bilhões para combater a desnutrição.

Visão Mundial uniu-se à Gastromo-

restaurantes da Vila Olímpica. A Vi-

Em 2016, durante o período prepa-

tiva e Food for Soul para uma ação

são Mundial mobilizou 13 entidades

ratório para os Jogos Olímpicos, o

durante os ciclos olímpico e parolím-

parceiras, levando 640 pessoas para

Brasil sediou o evento que contou

pico no Rio de Janeiro: o Refettorio

participar dos jantares promovidos

com a presença de líderes globais

Gastromotiva. A ação consistiu em

durante 16 dias.

Ciranda 2030 – Rumo ao alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável O Ciranda 2030 é um grupo de

as desigualdades entre países e

organizações que trabalham com a

dentro deles, além de erradicar a

infância no Brasil e tem a proposta

pobreza no mundo a partir de uma

de unir esforços para discutir, pau-

proposta ambiciosa e transfor-

tar e assegurar a visibilidade da

madora, que agrega 17 objetivos e

infância na agenda dos Objetivos

169 metas. Apresenta ainda, como

de Desenvolvimento Sustentável

princípios de ação, que sejam cria-

(ODS). Essa coalizão é composta

das parcerias entre governos, so-

pela Visão Mundial, Plan Interna-

ciedade civil e setor privado.

cional, ChildFund, Aldeias Infantis

A violência contra a criança e

e Fundação Abrinq, entre outras,

o adolescente é o desafio que a

atuando de forma colaborativa

Visão Mundial tem enfrentado

para o alcance das metas.

por meio de seus programas e

A agenda ODS traz para o centro

projetos; portanto, nosso foco é

do debate o desafio de acabar com

contribuir eminentemente para o

alcance do ODS 16 que é “promover sociedades pacíficas e inclusivas para o desenvolvimento sustentável, oferecer a todos o acesso à justiça e construir instituições efetivas, responsáveis e inclusivas em todos os níveis”. Ao longo de todo o ano de 2016, o Ciranda 2030 tem realizado monitoramentos e encontros com representantes do poder público e parlamentares, a fim de desenhar propostas para a efetivação dos ODS dentro da conjuntura brasileira. Relatório Anual 2016 | 19


Engajamento com igrejas Expressar a identidade cristã por meio de ações pela justiça social e em nome dos mais vulneráveis. Guiados por essa compreensão, conduzimos atividades realizadas em parceria com igrejas e comunidades cristãs pelo País. Em 2016, a Visão Mundial teve como embaixadores junto às igrejas os pastores Ed René Kivitz, Carlos Queiroz, Keith Stewart (EUA) e os cantores Kléber Lucas, Carlinhos Felix, Helena Tannure e Soraya Moraes. Essas importantes parcerias estreitaram ainda mais o relacionamento da Visão Mundial com o público cristão, confirmando o trabalho da organização de transformar a vida de milhares de crianças, adolescentes e jovens no Brasil.

Além da Música

Kléber Lucas

O projeto Além da Música é um

2016, o Além da Música teve um

Pessoa, Fortaleza e Presidente

convite da Visão Mundial para

parceiro muito especial, o cantor

Prudente (SP). O resultado des-

que os cristãos sejam desafiados

Kléber Lucas, que percorreu o

sa parceria foi um sucesso: 423

a adorar a Deus além dos tem-

Brasil como embaixador da Vi-

crianças brasileiras foram apa-

plos e costumes religiosos. Uma

são Mundial e levou o projeto a

drinhadas, recebendo a opor-

adoração que envolve amor ao

igrejas cristãs de diversas de-

tunidade de transformação em

próximo e ação como fruto do

nominações nas cidades do Rio

suas vidas e comunidades

seu compromisso com Deus. Em

de Janeiro, Recife, Maceió, João

20 | Visão Mundial Brasil


Mulheres de Visão Inspirado pela sensibilidade e

organizou uma rede de mulheres

alto potencial da mulher cristã,

evangélicas e formou lideranças

o programa Mulheres de Visão foi

femininas comprometidas com

criado para fortalecer o protago-

a justiça social. O trabalho mais

nismo feminino no desenvolvi-

importante realizado pelo pro-

mento e transformação de vidas,

grama em 2016 foi a mobilização

por meio do conhecimento das

nacional em torno da campanha

causas da pobreza que envolvem

Juntos pelas Crianças, voltada

crianças, jovens e adolescentes

para o apadrinhamento coletivo

no Brasil. Em seu primeiro ano

de crianças com microcefalia.

de atuação, Mulheres de Visão

Pastora Siméa

Ed René Kivitz

Na Missão Realizado no Rio de Janeiro, São

lideranças jovens em prol das cau-

70 líderes e mais de 2.500 jovens

Paulo e Recife, o projeto Na Missão

sas defendidas pela organização,

participaram dos encontros.

da Visão Mundial promoveu even-

como a justiça social e a erradica-

tos com o objetivo de mobilizar

ção da pobreza. Em 2016, cerca de Relatório Anual 2016 | 21


Café & Prosa Café & Prosa é um encontro pro-

de líderes relevantes no Brasil e

movido pela Visão Mundial volta-

na América Latina, como Ed René

do para pastores e líderes com a

Kivitz, Ariovaldo Ramos, Carlos

finalidade de dialogar e capacitar

Queiroz, René Padilla, Harold Se-

lideranças eclesiásticas. Em 2016,

gura, Jayakuma Christian, Jasiel

o evento reuniu um público cristão

Botelho e Ivone Botelho, Davi Lago

de aproximadamente duas mil pes-

e Jorge Barro.

soas e contou com a participação

René Padilla

Participação da Visão Mundial em redes e fóruns •

Aliança Evangélica Brasileira

Associação Brasileira

Direitos da Criança e do

de Organizações

Adolescente

Não Governamentais

(Abong)

Fórum Nacional dos

Grupo de Religiões em Favor da Criança (GNRC)

Ciranda 2030

Movimento Paz e Proteção

Coletivo Ame a Verdade

Rede Ecpat Brasil

Coletivo Inter-Religioso

Rede Evangélica Nacional

Comitê Nacional de

de Ação Social (RENAS)

Enfrentamento à Violência

Rede Mãos Dadas

Sexual de Crianças

Rede Miqueias

Rede Nacional da Primeira Infância

22 | Visão Mundial Brasil


Relatรณrio Anual 2016 | 23


Inovação & fundraising O avanço tecnológico e inovações disponíveis atualmente no universo digital têm possibilitado utilizar essas ferramentas na mobilização de recursos para a causa da infância. Com as plataformas de doação on-line, indivíduos e empresas puderam se engajar na ajuda humanitária às vítimas do Furacão Matthew , no combate à seca no sertão nordestino e no apadrinhamento coletivo de crianças acometidas de microcefalia.

Juntos pelas Crianças Pensando em um novo modelo de

síndrome, o apadrinhamento co-

possuem doadores. Juntos pelas

acompanhamento e relação entre

letivo possibilita as condições de

Crianças é um movimento que in-

doador e criança apadrinhada, a

infraestrutura necessárias para

tegra organizações, indivíduos e

Visão Mundial lançou a platafor-

o processo de desenvolvimento

diversos agentes da sociedade em

ma digital Juntos pelas Crianças

integral dessas crianças e suas

benefício das crianças do Brasil.

– www.juntospelascriancas.com –,

famílias com suporte médico e

O avanço tecnológico e inovações

que tem como objetivo promover

psicossocial. O programa é de-

disponíveis atualmente dentro do

o desenvolvimento e a inclusão

senvolvido em parceria com o

universo digital tem possibilitado

social de crianças com micro-

CERVAC (Centro de Reabilitação e

utilizar essas ferramentas na mo-

cefalia em todo o País. Devido à

Valorização da Criança), localizado

bilização de recursos para a causa

complexidade do atendimento, por

no Recife, onde 26 crianças estão

da infância.

causa das limitações causadas pela

inscritas no programa e todas elas

24 | Visão Mundial Brasil


Furacão Matthew Em outubro de 2016, o podero-

reconstrução do país, com a dis-

somou esforços para ajudar a po-

so furacão Matthew atravessou

tribuição de água potável, alimen-

pulação haitiana. Uma plataforma

o Haiti, no Caribe, deixando um

tos, kits de higiene, entre outros

de doação on-line contou com a

rastro de destruição em sua pas-

suprimentos. As crianças afetadas

participação de 323 doadores e

sagem e afetando a vida de milha-

pela tragédia foram beneficiadas

arrecadou R$ 43.040, 00. A cam-

res de crianças e suas famílias.

com os Espaços Amigáveis da

panha de doação foi realizada em

A World Vision, que há mais de

Criança, onde podiam brincar

parceria com a Associação dos

30 anos atua no Haiti, prepa-

com segurança, além de recebe-

Delegados de Pernambuco.

rou suprimentos emergenciais e

rem acompanhamento psicoló-

continuou dando suporte para a

gico. No Brasil, a Visão Mundial

Relatório Anual 2016 | 25


26 | VisĂŁo Mundial Brasil


Apadrinhe uma história O Nordeste brasileiro é conheci-

rizonte, a campanha teve como

do pela secura de suas terras. Foi

objetivo promover o apadrinha-

esse cenário que motivou a Visão

mento de crianças que vivem no

Mundial Brasil a lançar, em 2015,

sertão nordestino. Como forma de

a campanha SerTão Criança. De-

impactar e sensibilizar o público,

vido à precariedade de recursos

foram montados stands em igre-

da região, a organização sentiu

jas e shopping centers, onde eram

necessidade de dar continuidade

disponibilizados óculos de reali-

às ações, para garantir principal-

dade virtual, que compartilhavam

mente o crescimento saudável das

a experiência de ser uma criança

crianças sertanejas e suas comu-

sertaneja sem acesso aos direitos

nidades. Pensando nisso, a Visão

básicos como água, alimentação e

Mundial lançou, no ano seguinte,

escola. Durante a campanha Apa-

a campanha de marketing inte-

drinhe uma história, 673 crianças

grado Apadrinhe uma História.

foram apadrinhadas.

Realizada na cidade de Belo Ho-

Relatório Anual 2016 | 27


Empresas A Visão Mundial acredita na participação da iniciativa privada e de órgãos multilaterais na superação da pobreza, promoção da justiça e desenvolvimento sustentável. Por isso, cada vez mais, a organização tem unido esforços com empresas, fundações e institutos de diferentes tamanhos e setores, com parcerias e o compartilhamento de valores.

Amazon Vida

O projeto Amazon Vida tem como

comunidades ribeirinhas do Estado

promoveram melhoria na educação,

objetivo contribuir para a melhoria

do Amazonas. Em 2016, o projeto

cidadania, inclusão social, susten-

da qualidade de vida das populações

beneficiou 1.282 crianças, adoles-

tabilidade e resgate da autoestima.

vulneráveis, social e economica-

centes e jovens por meio de ações

Amazon Vida foi desenvolvido com

mente, que vivem em Manaus e nas

educativas interdisciplinares que

o apoio da Universidade Mackenzie.

Meninas Podem Programar

28 | Visão Mundial Brasil

Preocupados com o baixo nível

nal da Mulher, a organização reali-

de ocupação feminina nas profis-

zou o evento #EuPossoProgramar,

sões da área de Tecnologia, a Vi-

onde 165 meninas moradoras de

são Mundial se uniu à Microsoft e

comunidades vulneráveis de For-

a outras organizações sociais para

taleza, São Paulo, Recife, Alagoas

ajudar meninas a terem uma apro-

e Salvador, participaram de um

ximação maior com o universo da

curso sobre os conhecimentos da

programação. No dia 8 de março,

programação de computadores por

quando se celebra o Dia Internacio-

meio de jogos digitais.


Projeto Kiteiras Depois do sucesso alcançado em Salvador, a Visão Mundial ampliou em 2016 a parceria com a Danone, Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e a Aliança Empreendedora para o projeto Kiteiras, um modelo de microdistribuição inclusiva que contribui para o empoderamento feminino e o desenvolvimento do empreendedorismo em comunidades de baixa renda. Nesse ano, desembarcamos em São Paulo, na comunidade do Capão Redondo, onde 2.018 mulheres kiteiras foram cadastradas no projeto e comercializaram mais de 1.600 toneladas de produtos em um ano. Em 2017, a Visão Mundial amplia o projeto para a cidade de Fortaleza.

Mão na Massa O projeto Mão na Massa aborda a redução da pobreza com o empoderamento de mulheres em situação de vulnerabilidade econômica para incluí-las no mercado de trabalho, torná-las capazes de superar seus desafios e serem agentes de mudança dentro

para isso, é utilizada a metodologia

mulheres nos cursos de panificação,

de suas comunidades. Financiado

Gol.d, que visa a formação em

bolos, doces decorados e massas

pela Universidade de Kingston e

educação financeira e a criação

artesanais. Entre as principais

British Council, o principal objetivo

de poupança solidária entre os

conquistas dessas mulheres

do projeto é contribuir para o

grupos participantes. O projeto é

empreendedoras, está a formação

desenvolvimento sustentável por meio

desenvolvido no município de Nova

profissional em Gastronomia e o

da geração de renda e a construção

Iguaçu (RJ) desde maio de 2016 e já

aumento da renda familiar com a

de capacidades empreendedoras,

contou com a participação de 275

abertura de seus pequenos negócios.

Empresas & organizações parceiras Conheça algumas das empresas que expressaram sua responsabilidade social por meio do apoio a nossos projetos. Relatório Anual 2016 | 29


Finanรงas

30 | Visรฃo Mundial Brasil


Receitas Operacionais

1/10/2015 - 30/9/2016

1/10/2014 - 30/9/2015

28.665.885

27.256.720

Receitas de doações locais

9.390.741

10.053.050

Receitas com gratuidade e subvenção

2.733.648

2.750.635

40.790.274

40.060.405

1/10/2015 - 30/9/2016

1/10/2014 - 30/9/2015

Custos diretos com projetos

(24.942.090)

(21.726.029)

Custos indiretos de suporte aos programas

(10.449.433)

(10.424.103)

Despesas com gratuidade e subvenção

(2.733.648)

(2.750.635)

(38.125.171)

(34.900.767)

(3.425.965)

(2.969.777)

(651.086)

(668.673)

(89.700)

(25.771)

(4.166.751)

(3.664.221)

Receitas financeiras

123.177

130.215

Despesas financeiras

(5.088)

(471)

118.089

129.744

(1.383.559)

1.625.161

Receitas de doações do Exterior

Total

Custos e Despesas Operacionais Com programas

Total Administrativos Despesas com captação de fundos Depreciação e amortização Outras receitas (despesas) operacionais

Total Resultado financeiro

Total

(Déficit) Superávit do Exercício

“O déficit do Exercício 2016 foi resultado de maior investimento com custos diretos em projetos do superávit do Exercício 2015.”

Relatório Anual 2016 | 31


ESCRITÓRIO NACIONAL

BRASÍLIA

RECIFE

SÃO PAULO

SDS, bloco Hnúmero 26,

Rua do Fogo, 22

Praça Princesa Isabel, 233

sala 115. Ed Venâncio II

Santo Antônio - Recife-PE

Campos Elíseos - São Paulo-SP

CEP 70393 900

CEP 50010 340

CEP 01206-010

Tel.: 61 3340-0470

Tel.: 81 3081-5600

Tel.: 11 3297-6101

32 | Visão Mundial Brasil

RA2016