Page 1

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 1

Meu Caderno de Atividades

1

08/04/2013 13:01:14


Professores Não sei o que combina mais contigo, Uma poesia, um livro, uma pintura, Sinceramente fico pensando No que deve dar alegria A alguém que é objeto da alegria de tantos. Na verdade, o professor de verdade, É aquele que prefere dividir o que possui, Do que ter somente para si. O verdadeiro mestre, sente-se feliz Quando percebe que o caminho que Ele abriu tem sido trilhado por muitos. O mestre tem a sua realização no aprendizado Do pupilo, da passagem da experiência. É por isso que meras palavras Não podem recompensar A alguém que optou por esta carreira Que muitas vezes é dolorosa e cheia de espinhos. Chamo-te somente mestre, abnegado coração Que se sensibiliza com os olhos sedentos Por uma vida menos escura, mas cheia de luz. E essa luz, está em suas mãos, Em seu coração, em seu olhar. Que bom que existe um dia Reservado só para você! Obrigado por sua obstinação incontida, Pois graças a ela, você nunca desiste. Você é muito importante, Espero que você seja sempre assim. Feliz Dia do Professor! 15 de Outubro - dia do Professor

di

Caderno de atividades.indd 2

it à d

ã

t it

l

08/04/2013 13:01:16


Sonhar... Sonhar com um mundo onde as pessoas sejam solidárias. Sonhar com um mundo onde os filhos obedeçam aos pais. Sonhar com uma sociedade justa e humana. Sonhar com um mundo onde todas as crianças e jovens tenham direito à educação, lazer e cultura. Sonhar com as crianças e jovens distante dos vícios e das drogas. Sonhar com homens e mulheres vivendo com dignidade. Sonhar com uma sociedade onde todos tenham pão. Sim! Isto é possível e necessário. E eu sonho! Para tornar este sonho realidade, quero dar a minha parcela de contribuição, ajudando a todas as crianças e adolescentes de minha Terra Natal, incentivando a freqüência à escola para o aprendizado dos bons hábitos e dos bons costumes e aquisição de conhecimentos que possam vir a transformar a sociedade itamarandibana. Acredito ser a Educação o caminho mais curto para atingir este objetivo, razão pela qual quero incentivar a todos os meus conterrâneos a caminharem nesta direção. A sociedade hoje se encontra agredida e atormentada pela violência, pelo desrespeito, pela desvalorização da família e dos valores éticos e morais. Os adolescentes e jovens se vêem enredados pelos meios de comunicação social (tv e internet) e estes nem sempre são os melhores conselheiros. Daí, não raras vezes, assistimos crianças, adolescentes e jovens se enveredando pelo tenebroso caminho das drogas (o álcool também é droga), caminho quase sempre sem retorno e de fins catastróficos. Portanto, meu caro amigo e conterrâneo, procure o caminho do bem e da verdade e este você encontrará na família, na escola, na religião e acima de tudo, em Deus, criador de tudo e de todos. Respeite os seus pais e os mais velhos e afaste-se radicalmente de todos os vícios e de todas as situações de risco e de perigo para a sua formação intelectual, moral e espiritual. Cuidado com a internet! Seja verdadeiro, autêntico para não se envergonhar de seus atos e poder andar de cabeça erguida. E assim, estará transformando a sociedade e criando melhores condições de vida para você, sua família e para as futuras gerações. E assim sendo, estará cumprindo o plano que Deus idealizou para a sua existência. Um fraterno abraço do amigo,

Pedro Paulo Carvalho.

Caderno de atividades.indd 3

08/04/2013 13:01:18


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

HINO NACIONAL Parte I Ouviram do Ipiranga as margens plácidas De um povo heróico o brado retumbante, E o sol da liberdade, em raios fúlgidos, Brilhou no céu da pátria nesse instante. Se o penhor dessa igualdade Conseguimos conquistar com braço forte, Em teu seio, ó liberdade, Desafia o nosso peito a própria morte! Ó Pátria amada, Idolatrada, Salve! Salve! Brasil, um sonho intenso, um raio vívido De amor e de esperança à terra desce, Se em teu formoso céu, risonho e límpido, A imagem do Cruzeiro resplandece. Gigante pela própria natureza, És belo, és forte, impávido colosso, E o teu futuro espelha essa grandeza. Terra adorada, Entre outras mil, És tu, Brasil, Ó Pátria amada! Dos filhos deste solo és mãe gentil, Pátria amada, Brasil!

4

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 4

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:13


HINO NACIONAL Parte II Deitado eternamente em berço esplêndido, Ao som do mar e à luz do céu profundo, Fulguras, ó Brasil, florão da América, Iluminado ao sol do Novo Mundo! Do que a terra, mais garrida, Teus risonhos, lindos campos têm mais flores; “Nossos bosques têm mais vida”, “Nossa vida” no teu seio “mais amores.” Ó Pátria amada, Idolatrada, Salve! Salve! Brasil, de amor eterno seja símbolo O lábaro que ostentas estrelado, E diga o verde-louro dessa flâmula - “Paz no futuro e glória no passado.” Mas, se ergues da justiça a clava forte, Verás que um filho teu não foge à luta, Nem teme, quem te adora, a própria morte. Terra adorada, Entre outras mil, És tu, Brasil, Ó Pátria amada! Dos filhos deste solo és mãe gentil, Pátria amada, Brasil!

Letra: Joaquim Osório Duque Estrada Música: Francisco Manuel da Silva Atualizado ortograficamente em conformidade com Lei nº 5.765 de 1971, e com o art.3º da Convenção Ortográfica celebrada entre Brasil e Portugal. em 29.12.1943.

Caderno de atividades.indd 5

08/04/2013 12:54:13


Deus fez tudo perfeito para que nós pudéssemos viver felizes! Devemos ter sempre o coração agradecido diante dele.

6

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 6

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:14


A IMPORTÂNCIA DO AMOR O Amor é o sentimento mais bonito que o ser humano possui. É com amor que devemos fazer tudo: trabalhar, estudar, brincar......Devemos amar principalmente as pessoas de nossa familia e amigos. Devemos tratar com amor todos os animais, respeitando cada um deles e o seu direito de um lugar no mundo.

Escreva uma frase para uma pessoa que você ama.

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 7

Meu Caderno de Atividades

7

08/04/2013 12:54:14


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Tudo que Deus Há muito tempo, num Reino distante,havia um Rei que não acreditava na bondade de Deus. Tinha, porém, um súdito que sempre lhe lembrava dessa verdade. Em todas situações dizia: - Meu Rei, não desanime, porque Tudo que Deus faz é Perfeito. Ele Nunca erra!‛ Um dia, o Rei saiu para caçar juntamente com seu súdito, e uma fera da floresta atacou o Rei. O súdito conseguiu matar o animal, porém não evitou que sua Majestade perdesse o dedo mínimo da mão direita. O Rei, furioso pelo que havia acontecido, e sem mostrar agradecimento por ter sua vida salva pelos esforços de seu servo, perguntou a este: - E agora, o que você me diz? Deus é bom? Se Deus fosse bom eu não teria sido atacado, e não teria perdido o meu dedo. O servo respondeu: - Meu Rei, apesar de todas essas coisas, somente posso dizer-lhe que Deus é bom, e que mesmo isso, perder um dedo, é para seu bem! Tudo que Deus faz é Perfeito. Ele Nunca erra!!! O Rei, indignado com a resposta do súdito, mandou que fosse preso na cela mais escura e mais fétida do calabouço. p

8

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 8

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:14


faz é Perfeito Após algum tempo, o Rei saiu novamente para caçar e aconteceu dele ser atacado, desta vez por uma tribo de índios que vivia na selva. Estes índios eram temidos por todos, pois sabia-se que faziam sacrifícios humanos para seus deuses. Mal prenderam o Rei, passaram a preparar, cheios de júbilo, o ritual do sacrifício. Quando já estava tudo pronto, e o Rei já estava diante do altar, o sacerdote indígena, ao examinar a vítima, observou furioso: - Este homem não pode ser sacrificado, pois é defeituoso! Faltalhe um dedo! E o Rei foi libertado. Ao voltar para o palácio, muito alegre e aliviado, libertou seu súdito e pediu que viesse em sua presença. Ao ver o servo, abraçou-o afetuosamente dizendo-lhe: - Meu Caro, Deus foi realmente bom comigo! Você já deve estar sabendo que escapei da morte justamente porque não tinha um dos dedos. Mas ainda tenho em meu coração uma grande dúvida: Se Deus é tão bom, por que permitiu que você fosse preso da maneira como foi? Logo você, que tanto o defendeu!? O servo sorriu e disse: - Meu Rei, se eu estivesse junto contigo nessa caçada, certamente seria sacrificado em teu lugar, pois não me falta dedo algum! Portanto, lembre-se sempre: TUDO O QUE DEUS FAZ É PERFEITO. ELE NUNCA ERRA! Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 9

Meu Caderno de Atividades

9

08/04/2013 12:54:14


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

O remédio certo João era dono de uma bem sucedida farmácia numa cidade do interior. Era um homem bastante inteligente, mas não acreditava na existência de Deus ou de qualquer outra coisa, além do seu mundo material. Um certo dia, ele estava fechando a farmácia quando chegou uma criança aos prantos, dizendo que sua mãe estava passando mal e que se ela não tomasse o remédio logo iria morrer. Muito nervoso e, após insistência da criança, resolveu reabrir a farmácia pra pegar o remédio. Sua insensibilidade perante aquele momento era tal que acabou pegando o remédio mesmo no escuro e entregando à criança que agradeceu e saiu dali às pressas. Minutos depois, percebeu que havia entregue o remédio errado pra criança e que se sua mãe o tomasse, teria morte instantânea. Desesperado, tentou alcançar a criança, mas não teve êxito. Sem saber o que fazer e com a consciência pesada, ajoelhou-se e começou a chorar e dizer que se realmente existisse um Deus, que não o deixasse passar por assassino. De repente, sentiu uma mão a tocar-lhe o ombro esquerdo e ao virar, deparou-se com a criança a dizer: “Senhor, por favor, não brigue comigo, mas é que caí e quebrei o vidro do remédio. Dá pro senhor me dar outro?”. De Deus está sempre nos ajudando, nós é que não percebemos isso!

10

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 10

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:15


O balde rachado o Na Índia, um carregador de água, sempre levava dois baldes, ambos pendurados em cada ponta de uma vara a qual ele carregava atravessada em seu pescoço. Um dos baldes tinha uma rachadura, enquanto o outro era perfeito. No fim da caminhada entre o poço e a casa do chefe, o balde rachado chegava pela metade, o outro sempre chegava cheio de água. Foi assim por dois anos, diariamente, o carregador entregando um balde e meio de água na casa de seu chefe. O balde perfeito orgulhoso de suas realizações. Porém, o balde rachado estava envergonhado de sua imperfeição, sentindose miserável por não ter capacidade de realizar apenas a metade do que havia sido designado a fazer. Após perceber que por dois anos havia sido uma falha amarga, um dia, à beira do poço, o balde falou para o homem: - Estou envergonhado, quero pedir-lhe desculpas. - Por quê e de que você está envergonhado? Perguntou o homem. - Nesses dois anos, eu fui capaz de entregar apenas metade da minha carga, porque essa rachadura no meu lado fez com que a água vazasse por todo o caminho até a casa de seu senhor. Por causa do meu defeito, você tem que fazer todo esse trabalho, e não ganha o salário completo dos seus esforços, disse o balde rachado. O homem ficou triste pela situação do velho balde, e com compaixão falou: - Quando retornarmos para a casa do meu senhor, quero que percebas as flores ao longo do caminho. De fato, à medida que eles subiam a montanha, o velho balde rachado notou flores selvagens ao lado do caminho, e isto lhe deu ânimo. Mas ao fim da estrada, o balde ainda se sentia mal porque tinha vazado a metade, e de novo pediu desculpas ao homem por sua falha. Disse o homem ao balde: - Você notou que pelo caminho só havia flores no lado que você vai? Notou ainda que a cada dia enquanto voltávamos do poço, você as regava? Por dois anos eu pude colher flores para ornamentar a mesa do meu senhor. Sem você ser do jeito que você é, ele não poderia ter essa beleza para dar graça à sua casa.

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 11

Meu Caderno de Atividades

11

08/04/2013 12:54:15


ALGO MAIS Um crente sincero na bondade do Céu, desejando apreender como colaborar na construção do reino de Deus, pediu certo dia ao Senhor a graça de compreender os propósitos divinos, saiu para o campo. De início encontrou com o vento que cantava e o vento lhe disse: Deus mandou que eu ajudasse as sementeiras e varresse os caminhos, mas eu gosto também de cantar embalando os doentes e as criancinhas. Em seguida o devoto surpreendeu uma flor que inundava o ar com seu perfume, e a flor lhe contou: Minha missão é preparar o fruto, entretanto produzo também o aroma que perfuma até mesmo os lugares mais impuros. Logo o homem estacou ao pé de grande árvore, que protegia um poço de água, cheio de rãs, e a árvore lhe falou: Confia-me o Senhor a tarefa de auxiliar o homem, contudo creio que devo amparar igualmente as fontes os pássaros e os animais. O visitante fixou os feios batráquios e fez um gesto de repulsa, mas a árvore continuou: Estas rãs são nossas amigas. Hoje posso ajudá-las, mas depois serei ajudada por elas, na defesa de minhas próprias raízes, contra os vermes da destruição e da morte. O devoto compreendeu o ensinamento e seguiu adiante, atingindo uma grande cerâmica....acariciou o barro que estava sobre a mesa que lhe disse: Meu trabalho é o de garantir o solo firme, mas obedeço ao oleiro e procuro ajudar na residência do homem, dando forma a tijolos telhas e vasos. Então o devoto regressou ao lar e compreendeu que para servir na edificação do reino de Deus é preciso ajudar aos outros, sempre mais, e realizar, cada dia, algo mais do que seja justo fazer. f

12

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 12

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:15


O PEQUENO ABORRECIMENTO Um moço de boas maneiras, incapaz de ofender os que lhe buscavam o concurso amigo, sempre meditava na vontade de Deus, disposto a cumpri-la. Certa vez, muito preocupado com o horário aproximou-se de um ônibus, com a intenção de aproveitá-lo para atravessar um extenso trecho da cidade, em que morava. Mas no momento que o ia fazer, surgiu-lhe a frente um vizinho, que lhe prendeu a atenção para longa conversa. O rapaz consultava o relógio, de segundo a segundo, deixando perceber a pressa que tinha em tomar o ônibus, mas o amigo segurando-lhe o braço, queria contar-lhe, mais e mais. Contrafeito com a insistência do amigo, o jovem ouvia por espírito de gentileza, quando o veículo largou sem ele. Daí a alguns minutos, porem, correu a inquietante noticia: a máquina estava sendo guiada por condutor embriagado e precipitara-se num despenhadeiro, espatifando-se. Ouvindo com paciência uma palestra incômoda, o moço fora salvo do triste desastre. A vontade Divina se manifesta a nosso favor, nas pequeninas contrariedades do caminho, ajudando-nos a cumprir nossos mais simples deveres.

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 13

Meu Caderno de Atividades

13

08/04/2013 12:54:15


A História de Davi Um garotinho pequenino chamado Davi era obediente a seu pai, ao seu povo israelita e a Deus, gostava de tocar harpa sendo um excelente músico e trabalhava com seu pai como pastor de ovelhas, defendendo as ovelhas de todo perigo. Certo dia, o Rei de Israel Saul pediu para seus guardas que buscassem alguém que soubesse tocar lira para que se acalmasse, com isso encontraram Davi que, tocou para Saul que lhe concedeu o titulo de escudeiro por ter a música tão cativante. Mais tarde um gigante filisteu chamado Golias decidiu afrontar os israelitas, e como era muito grande, todos o temiam. Quando Davi ficou sabendo o que estava acontecendo, quis enfrentá-lo, mas Saul seu rei ficou apreensivo, porém, permitiu que ele fosse, pois o garoto dizia que assim como protegia suas ovelhas, iria também proteger o seu povo com a força que vinha de Deus. O confronto de Davi Davi então seguiu com coragem, pegou cinco pedrinhas em um riacho, uma funda (parecido com um estilingue) e foi lutar contra o gigante. Chegando lá, Golias zombou de Davi, pois ele era de baixa estatura, porém, o jovem não se intimidou, pegou uma pedra colocou na funda, girou com toda força e atirou, atingindo a testa do gigante Golias, que caiu no chão e morreu. Assim Davi alcançou a vitória e mostrou que através da fé podemos vencer qualquer desafio. Essa pequena história mostra não só para as crianças, mas também para todos nós que com coragem e determinação podemos alcançar aquilo que almejarmos. po

14

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 14

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:15


CONTO DA BÍBLIA Era uma vez um rapaz que ia muito mal na escola. Suas notas e seu comportamento eram uma decepção para seus pais is que sonhavam em vê-lo formado e bem sucedido. Um belo dia, o bom pai lhe propôs um acordo: “Se você, meu filho, mudar o comportamento, se dedicar aos estudos e conseguir ser aprovado no vestibular para a Faculdade de Medicina, lhe darei então um carro de presente.” Por causa do carro, o rapaz mudou da água para o vinho. Passou a estudar como nunca e a ter um comportamento exemplar. O pai estava feliz, mas tinha uma preocupação. Sabia que a mudança do rapaz não era fruto de uma conversão sincera, mas apenas do interesse em obter o automóvel. Isso era mau! O rapaz seguia os estudos e aguardava o resultado de seus esforços. Assim, o grande dia chegou! Fora aprovado para o curso Medicina. Como havia prometido, o pai convidou a família e os amigos para uma festa de comemoração. O rapaz tinha por certo que na festa o pai lhe daria o automóvel. Quando pediu a palavra, o pai elogiou o resultado obtido pelo filho e lhe passou às mãos uma caixa de presente. Crendo que ali estavam as chaves do carro, o rapaz abriu emocionado o pacote. Para sua surpresa, o presente era uma BÍBLIA. O rapaz ficou visivelmente decepcionado e nada disse. A partir daquele dia, o silêncio e a distância separavam pai e filho. O jovem se sentia traído e, agora, lutava para ser independente. Deixou a casa dos pais e foi morar no Campus da Universidade. Raramente mandava noticias à família. O tempo passou, ele se formou, conseguiu um emprego em um bom hospital e se esqueceu completamente do pai. Todas as tentativas do pai para reatar os laços foram em vão. Até que um dia o velho, muito triste com a situação, adoeceu e não resistiu. Faleceu. No enterro a mãe entregou ao filho, indiferente, a BÍBLIA que tinha sido o último presente do pai e que havia sido deixada para trás. De volta à sua casa, o rapaz, que nunca perdoara o pai, quando colocou o livro numa estante, notou que havia um envelope dentro dele. Ao abrí-lo, encontrou uma carta e um cheque. A carta dizia: “Meu querido filho, sei o quanto você deseja ter um carro. Eu prometi e aqui está o cheque para que você escolha aquele que mais lhe agradar. No entanto, fiz questão de lhe dar um presente ainda melhor: a BÍBLIA SAGRADA. Nela aprenderás o amor a Deus e a fazer o bem, não a”. pelo prazer da recompensa, mas pela gratidão e pelo dever de consciência”. Corroendo de remorso, o filho caiu em profundo pranto... Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 15

Meu Caderno de Atividades

15

08/04/2013 12:54:15


Pegadas na areia Uma noite eu sonhei um sonho. Eu estava andando na praia com o meu Senhor. Através do céu escuro passavam cenas da minha vida. Para cada cena percebi dois pares de pegadas na areia; dois eram meus e dois eram do meu Senhor. Quando a última cena da minha vida surgiu rápidamente diante de mim, eu olhei para trás, para as pegadas na areia. Havia apenas um par de pegadas. Percebi que isto era sempre assim nos momentos mais tristes e desesperadores da minha vida. Isso me incomodou bastante e eu questionei o Senhor sobre o meu dilema: “Senhor, Tu me disseste que se eu resolvesse Te seguir, irias andar e falar comigo por todo o caminho. Mas estou percebendo que durante as maiores tribulações da minha vida só há um par de pegadas. Eu não consigo entender porque, quando mais preciso de ti, tu me abandonas. “ Ele falou, suavemente: “Meu precioso filho, Eu te amo e nunca te deixarei, nunca, nem mesmo durante as tuas provações e testes. Quando vistes apenas um par de pegadas, foi então que eu te carreguei.”

16

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 16

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:15


A Arte de ser feliz Acorde todas as manhã com um sorriso. Esta é mais uma oportunidade que você tem para ser feliz. Seja seu próprio motor de ignição. O dia de hoje jamais voltará. Não o desperdice, pois você nasceu para ser feliz! Enumere as boas coisas que você tem na vida. Ao tomar consciência do seu valor, você será capaz de ir em frente com muita força, coragem e confiança! Trace objetivos para cada dia. Você conquistará seu arco-íris, um dia de cada vez. Seja paciente. Não se queixe do seu trabalho, do tédio, da rotina, pois é o seu trabalho que o mantém alerta,em constante desenvolvimento pessoal e profissional, além disso o ajuda a manter a dignidade. Não se deixe vencer, não seja igual, seja diferente. Se nos deixarmos vencer, não haverá surpresas, nem alegrias. Conscientize-se que a verdadeira felicidade está dentro de você. A felicidade não é ter ou alcançar, mas sim dar. Estenda sua mão. Compartilhe. Sorria. Abrace. A felicidade é um perfume que você não pode passar nos outros sem que o cheiro fique um pouco em suas mãos. O importante de você ter uma atitude positiva diante da vida, terr o desejo de mostrar o que tem de melhor... O tempo para ser feliz é agora. O lugar para ser feliz é aqui!

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 17

Meu Caderno de Atividades

17

08/04/2013 12:54:15


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

O poder de um sorriso Havia um pequeno menino que queria se encontrar com Deus. Ele sabia que tinha um longo caminho pela frente, portanto encheu sua mochila com pastéis e guaraná, e começou sua caminhada. Depois de ter andado três quadras, encontrou um velhinho sentado em um banco de praça olhando os pássaros. O menino sentou-se junto dele, abriu a mochila, e ia tomar um gole de guaraná quando olhou o velhinho e viu que ele estava com fome. Então ofereceu-lhe um pastel. O velhinho, muito agradecido, aceitou e sorriu ao menino. Seu sorriso era tão incrível que o menino quis ver de novo, então, ele ofereceu-lhe seu guaraná. Mais uma vez o velhinho sorriu ao menino. O menino estava muito feliz! Ficaram sentados ali sorrindo, comendo pastel e bebendo guaraná pelo resto da tarde, sem falarem um ao outro. Quando começou a escurecer o menino estava cansado e resolveu voltar para casa, mas antes de sair ele voltou, e deu um grande abraço no velhinho. O velhinho deu o maior sorriso que o menino já havia recebido. Assim que o menino entrou em casa, sua mãe, surpresa, perguntou ao ver a felicidade estampada em sua face: “O que você fez hoje que te deixou tão feliz?” e ele respondeu: “Passei a tarde com Deus” e acrescentou: “Você sabe, ele tem o mais lindo sorriso que eu já vi”. Enquanto isso, o velhinho chegou em casa radiante, e seu filho perguntou: “ “Por onde esteve que te deixou tão feliz?”e ele respondeu: “Comi pastéis e tomei guaraná no parque com Deus”. Antes que seu filho pudesse dizer algo, ele falou: “Você sabe que ele é bem mais jovem do que eu pensava?” Nunca subestime a força de um sorriso, o poder de uma palavra, de um ouvido para ouvir, de um honesto elogio ou até um ato de carinho. Por medo de chorar, deixamos de sorrir! Portanto sorria!

18

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 18

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:15


O MONGE MORDIDO Um monge e seus discípulos iam por uma estrada e, quando passavam por uma ponte, viram um escorpião sendo arrastado pelas águas. O monge correu pela margem do rio, meteu-se na água e tomou o bichinho na mão. Quando o trazia para fora do rio o escorpião o picou. Devido à dor, o monje deixou-o cair novamente no rio. Foi então à margem, pegou um ramo de árvore, voltou outra vez a correr pela margem, entrou no rio, resgatou o escorpião e o salvou. Em seguida, juntou-se aos seus discípulos na estrada. Eles haviam assistido à cena e o receberam perplexos e penalizados. — Mestre, o Senhor deve estar muito doente! Por que foi salvar esse bicho ruim e venenoso? Que se afogasse! Seria um a menos! Veja como ele respondeu à sua ajuda: picou a mão que o salvava! Não merecia sua compaixão! O monge ouviu tranqüilamente os comentários e respondeu: — Ele agiu conforme sua natureza e eu de acordo com a minha.

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 19

Meu Caderno de Atividades

19

08/04/2013 12:54:15


O SÁBIO SAMURAI Perto de Tóquio, vivia um grande samurai, já idoso, que agora se ded dedicava a ensinar Zen aos jovens. Apesar de sua idade, corria a lenda de que ainda era capaz de derrotar qualquer adversário. len Certa tarde, um guerreiro, conhecido por sua total falta de escrúpulos, apareceu por ali. Era famoso por utilizar a técnica da provocação. Esperava que seu adversário fizesse o primeiro movimento e, dotado de uma inteligência privilegiada para observar os erros cometidos, contra-atacava com velocidade fulminante. O jovem e impaciente guerreiro jamais havia perdido uma luta. Conhecendo a reputação do samurai, estava ali para derrotá-lo e aumentar sua fama. Todos os estudantes se manifestaram contra a idéia, mas o velho e sábio samurai aceitou o desafio. Foram todos para a praça da cidade. Lá, o jovem começou a insultar o velho mestre. Chutou algumas pedras em sua direção, cuspiu em seu rosto, gritou todos os insultos que conhecia, ofendendo, inclusive, seus ancestrais. Durante horas fez tudo para provocá-lo, mas o velho sábio permaneceu impassível. No final da tarde, sentindo-se exausto e humilhado, o impetuoso guerreiro desistiu e retirou-se. Desapontados pelo fato de o mestre ter aceitado tantos insultos e tantas provocações, os alunos perguntaram: — Como o senhor pôde suportar tanta indignidade? Por que não usou sua espada, mesmo sabendo que poderia perder a luta, ao invés de se mostrar covarde e medroso diante de todos nós? Se alguém chega até você com um presente, e você não o aceita, a quem pertence o presente? — perguntou o Samurai. A quem tentou entregá-lo — respondeu um dos discípulos. O mesmo vale para a inveja, a raiva e os insultos — disse o mestre. — Quando não são aceitos, continuam pertencendo a quem os carrega consigo. A sua paz interior, depende exclusivamente de você. As pessoas não podem lhe tirar a serenidade, só se você permitir! p 20

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 20

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:15


INOCENTE OU CULPADO? Conta uma lenda que, na Idade Média, um homem muito religioso foi injustamente acusado de ter assassinado uma mulher. Na verdade, o autor do crime era uma pessoa influente no reino e, por isso, desde o primeiro momento, se procurou um bode expiatório para acobertar o verdadeiro assassino. O homem injustamente acusado de ter cometido o assassinato foi levado a julgamento. Ele sabia que tudo iria ser feito para condená-lo e que teria poucas chances de sair vivo das falsas acusações. A forca o esperava! O juiz, que também estava conluiado para levar o pobre homem m à morte, simulou um julgamento justo, fazendo uma proposta ao acusado para que provasse sua inocência. Disse o desonesto juiz: — Como o senhor, sou um homem profundamente religioso. Por isso, vou deixar sua sorte nas mãos de deus. Vou escrever em um papel a palavra INOCENTE e em outro a palavra CULPADO. Você deverá pegar apenas um dos papéis. Aquele que você escolher será o seu veredicto. Sem que o acusado percebesse, o inescrupuloso juiz escreveu nos dois papéis a palavra CULPADO, fazendo, assim, com que não houvesse alternativa para o homem. O juiz, então, colocou os dois papéis em uma mesa e mandou o acusado escolher um. O homem, pressentindo o embuste, fingiu se concentrar por alguns segundoss a fim de fazer a escolha certa. Aproximou-se confiante da mesa, pegou um dos papéis e rapidamente colocou-o na boca e o engoliu.. Os presentes reagiram surpresos e indignados com tal atitude. O homem, mais uma vez demonstrando confiança, disse: — Agora basta olhar o papel que se encontra sobre a mesa e saberemos que engoli aquele em que estava escrito o contrário.

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 21

Meu Caderno de Atividades

21

08/04/2013 12:54:16


Caderno de atividades.indd 22

08/04/2013 12:54:16


Coelhinho da Páscoa Coelhinho da Páscoa, Que trazes pra mim? Um ovo, dois ovos, Três ovos assim. Coelhinho da Páscoa, Que cor eles têm? Azul, amarelo e vermelho também, Azul, amarelo e vermelho também!

Alecrim Alecrim, Alecrim dourado Alecri no campo Que nasceu n Sem sser semeado Alecrim, Alecrim dourado Alecri no campo Que nasceu n Sem sser semeado meu amor Foi me Que me m disse assim Que a flor do campo é o alecrim meu amor Foi me Que me m disse assim Que a flor do campo é o alecrim Alecrim, Alecrim dourado Alecri no campo Que nasceu n Sem sser semeado Alecrim, Alecrim dourado Alecri no campo Que nasceu n Sem sser semeado. Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 23

A Canoa oa Virou A canoa virou Pois deixaram ela virar Foi por causa de Maria Que não soube remar Se eu fosse um peixinho E soubesse nadar Eu tirava Maria Do fundo do mar Siri pra cá, Siri pra lá Maria é bela E quer casar.

Escravos de Jó Escravos de Jó Jogavam caxangá Tira, põe deixa o Zé Pereira ficar Guerreiros com guerreiros fazem zigue-zigue-zá Guerreiros com guerreiros fazem zigue-zigue-zá

Meu Caderno de Atividades

23

08/04/2013 12:54:20


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Ciranda ,Cirandinha Boi da Cara P Preta Boi, boi, boi boi da cara preta pega este menino que tem medo de careta

Ciranda ,cirandinha, Vamos todos cirandar, Vamos dar a meia volta, Volta e meia vamos dar. O anel que tu me destes, Era vidro e se quebrou. O amor que tu me tinhas era pouco e se acabou.

Borboletinha tiinh Borboletinha tá na cozinha fazendo chocolate para a madrinha Poti, poti perna de pau olho de vidro e nariz de pica-pau pau pau 24

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 24

Capelinha de melão Capelinha de Melão é de São João É de Cravo é de Rosa é de Manjericão São João está dormindo Não acorda não ! Acordai, acordai, acordai, João ! Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:21


Pirulito que bate bate Pirulito que bate bate Pirulito que já bateu Quem gosta de mim é ela Quem gosta dela sou eu Pirulito que bate bate Pirulito que já bateu A menina que eu gostava Não gostava como eu

O Cravo Brigou Com a Rosa O cravo brigou com a rosa, Debaixo de uma sacada, O cravo saiu ferido, E a rosa despedaçada. O cravo ficou doente, A rosa foi visitar, O cravo teve um desmaio, E a rosa pô-se a chorar.

Marcha Soldado Marcha Soldado Cabeça de Papel Se não marchar direito Vai preso pro quartel O quartel pegou fogo A polícia deu sinal Acode acode acode A bandeira nacional Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 25

Tomatinho Vermelho Tomatinho vermelho pela estrada rolo o, um grande caminhao veio e o tomatinho esmagou...... coitadinho do tomatinho............. pobrezinho do tomatinho catchup virou catchup virouuuuu

Meu Caderno de Atividades

25

08/04/2013 12:54:22


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Crianca Feliz Indiozinho Um , dois, três indiozinhos ndiozinhos quatro , cinco, seiss iindiozinhos sete , oito, nove indiozinhos dez num pequeno bote Iam navegando pelo rio abaixo Quando o jacaré se aproximou E o pequeno bote dos indiozinhos quase, quase virou quase, quase virou MAIS NÃO VIROU!

Atirei o Pau no Gato Atirei o pau no gato tô tô Mas o gato tô tô Não morreu reu reu Dona Chica cá Admirou-se se Do berro, do berro que o gato deu: Miau!

26

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 26

Criança feliz, feliz a cantarr Alegre a embalar alar seu sonho infantil antil Oh! meu bom Jesus, que a todos conduz Olhai as crianças Do nosso Brasil Crianças com alegria Qual um bando de andorinhas Viram jesus que dizia Vinde a mim as criancinhas Hoje no céu um aceno Os anjos dizem amém Porque jesus nazareno Foi criancinha também.

Não Atire o pau no gato Não atire o pau no gato (to-to) Porque isso (sso-sso) Não se faz (faz-faz) Ô gatinho (nho-nho) É nosso amigo (go) Não devemos maltratar Os Animais Miau!!! Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:23


A Galinha E O Galo Carijó Pó pó pó pó pó... A Galinha Pintadinha e o Galo Carijó a galinha usa saia e o galo paletó A galinha ficou doente e o galo nem ligou e os pintinhos foram correndo pra chamar o seu doutor O doutor era o peru( glu-glu) a enfermeira era um urubu(uh-uh) e a agulha da injeção era a pena do pavão Uiiiii! Pó pó pó pó pó... A Galinha Pintadinha e o Galo Carijó a galinha usa saia e o galo paletó A galinha ficou doente e o galo nem ligou e os pintinhos foram correndo pra chamar o seu doutor o doutor era o peru(glu- glu) a enfermeira era um urubu(uh- uh) e a agulha da injeção era a pena do pavão Uiiiii! Pó pó pó pó pó... Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 27

Roda, Roda, Roda Roda , Roda, Roda Pé , Pé, Pé Roda , Roda, Roda Caranguejo Peixe é Crangueijo não é Peixe Carangueijo Peixe é Carangueijo so é Peixe Na enchente da Maré Palmas, Palmas , Palmas Pé , Pé , Pé Roda, Roda, Roda Carngueijo Peixe é

Homenzinho Torto Havia um homenzinho torto Morava numa casa torta Andava num caminho torto Sua vida era torta Um dia o homenzinho torto A bíblia encontrou E tudo que era torto Jesus endireitou!

Meu Caderno de Atividades

27

08/04/2013 12:54:24


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

A Dona Aranha A Dona Aranha subiu pela parede Veio a chuva forte e a derrubou Já passou a chuva O sol já vai surgindo E a dona aranha continua a subir Ela é teimosa e desobediente Sobe, sobe, sobe e nunca está contente.

Se Essa Rua Fossa Minha

A Dona Aranha desceu pela parede Veio a chuva forte e a derrubou Já passou a chuva O sol já vai surgindo E a dona aranha continua a descer Ela é teimosa e desobediente Desce, desce, desce e nunca está contente. A Dona Aranha subiu pela parede Veio a chuva forte e a derrubou Já passou a chuva O sol já vai surgindo E a dona aranha continua a subir Ela é teimosa e desobediente Sobe, sobe, sobe e nunca está contente.

28

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 28

Se essa rua Se essa rua fosse minha Eu mandava Eu mandava ladrilhar Com pedrinhas Com pedrinhas de brilhantes Para o meu Para o meu amor passar Nessa rua Nessa rua tem um bosque Que se chama Que se chama solidão Dentro dele Dentro dele mora um anjo Que roubou Que roubou meu coração Se eu roubei Se eu roubei teu coração É porque É porque te que quero bem Se eu roubei Se eu roubei teu coração É porque Tu roubaste o meu também

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:24


O SAPO NÃO LAVA O PÉ O SAPO NÃO LAVA O PÉ, NÃO LAVA PORQUE NÃO QUER. ELE MORA LÁ NA LAGOA. NÃO LAVA O PÉ PORQUE NÃO QUER MAS QUE CHULÉ!

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 29

Meu Caderno de Atividades

29

08/04/2013 12:54:26


Caderno de atividades.indd 30

08/04/2013 12:54:29


O que é uma fábula? A fábula é uma narrativa alegórica em forma de prosa ou verso, cujo, as personagens são geralmente animais com características humanas, sustentam um diálogo, cujo desenlace reflete uma lição de moral, característica essencial dessa. É uma narrativa inverosímil, com fundo didático. Quando os personagens são seres inanimados, objetos, a fábula recebe o nome de apólogo. A temática é variada e contempla tópicos como a vitória da fraqueza sobre a força, da bondade sobre a astúcia e a derrota de presunçosos.

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 31

Meu Caderno de Atividades

31

08/04/2013 12:54:29


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

A lebre e a Tartaruga Era uma vez... uma lebre e uma tartaruga. A lebre vivia caçoando da lerdeza da tartaruga. Certa vez, a tartaruga já muito cansada por ser alvo de gozações, desafiou a lebre para uma corrida. A lebre muito segura de si, aceitou prontamente. Não perdendo tempo, a tartaruga pois-se a caminhar, com seus passinhos lentos, porém, firmes. Logo a lebre ultrapassou a adversária, e vendo que ganharia fácil, parou e resolveu cochilar. Quando acordou, não viu a tartaruga e começou a correr. Já na reta final, viu finalmente a sua adversária cruzando a linha de chegada,, toda sorridente.

Moral da história: Devagar se vai ao longe! D

32

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 32

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:30


A Cigarra e a Formiga ga Num dia soalheiro de Verão, a Cigarra cantava feliz. Enquanto isso, uma Formiga passou por perto. Vinha afadigada, carregando penosamente um grão de milho que arrastava para o formigueiro. - Por que não ficas aqui a conversar um pouco comigo, em vez de te afadigares tanto? – Perguntou-lhe a Cigarra. - Preciso de arrecadar comida para o Inverno – respondeu-lhe a Formiga. – Aconselhote a fazeres o mesmo. - Por que me hei-de preocupar com o Inverno? Comida não nos falta... – respondeu a Cigarra, olhando em redor. A Formiga não respondeu, continuou o seu trabalho e foi-se embora. Quando o Inverno chegou, a Cigarra não tinha nada para comer. No entanto, viu que as Formigas tinham muita comida porque a tinham guardado no Verão. Distribuíam-na diariamente entre si e não u tinham fome como ela. A Cigarra compreendeu que tinha feito mal...

Moral da história: Não penses só em divertir-te. Trabalha e pensa no futuro. Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 33

Meu Caderno de Atividades

33

08/04/2013 12:54:30


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

A raposa e a cegonha Um dia a raposa convidou a cegonha para jantar. Querendo pregar uma peça na outra, serviu sopa num prato raso. Claro que a raposa tomou toda a sua n ssopa sem o menor problema, mas a pobre da cegonha com seu bico comprido mas pode tomar uma gota. O c rresultado foi que a cegonha voltou para casa morrendo d de fome. A raposa fingiu que estava preocupada, p perguntou se a sopa não estava do gosto da cegonha, m a cegonha não disse nada. Quando foi embora, mas a agradeceu muito a gentileza da raposa e disse que fazia questão de retribuir o jantar no dia seguinte. Assim que chegou, a raposa se sentou lambendo os beiços de fome, curiosa para ver as delícias que a outra ia servir. O jantar veio para a mesa numa jarra alta, de gargalo estreito, onde a cegonha podia beber sem o menor problema. A raposa, amoladíssima, s teve uma saída: lamber as gotinhas de sopa que só e escorriam pelo lado de fora da jarra. Ela aprendeu m muito bem a lição. Enquanto ia andando para casa, fa faminta, pensava: “Não posso reclamar da cegonha. Ela m tratou mal, mas fui grosseira com ela primeiro”. me

Mo Moral M da história: Trate os outros tal como deseja T Tra ser er tratado. 34

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 34

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:30


A raposa e o leão Uma raposa muito jovem, que nunca tinha visto um leão, estava andando pela floresta e deu de cara com um deles. Ela não precisou olhar muito para sair correndo desesperada na direção do primeiro esconderijo que encontrou. Quando viu o leão pela segunda vez, a raposa ficou atrás de uma árvore a fim de poder olhar para ele antes de fugir. Mas na terceira vez a raposa foi direto até o leão e começou a dar tapinhas nas costas dele, dizendo: - Oi, gatão! Tudo bem aí?

Moral da história: Da familiaridade nasce o abuso. Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 35

Meu Caderno de Atividades

35

08/04/2013 12:54:30


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

O Urso e as Abelhas Um Urso procurava por entre as árvores, pequenos frutos silvestres para sua refeição matinal, quando deu de cara com uma árvore caída, dentro da qual, um enxame de abelhas guardava seu precioso favo de mel. O Urso, com bastante cuidado, começou a farejar em volta do tronco tentando descobrir se as abelhas estavam em casa. Nesse exato momento, uma das abelhas estava voltando do campo, onde fora coletar néctar das flores, para levar à colméia, e deu de cara com o matreiro e curioso visitante. Receosa do que pretendia o Urso fazer em seguida, ela voou até ele, deu-lhe uma ferroada e desapareceu no oco da árvore caída. O Urso, tomado de dor pela ferroada, ficou furioso, e incontrolável, pulou em cima do tronco com unhas e dentes, disposto a destruir o ninho das abelhas. Mas, isso apenas o fez provocar uma reação de toda colméia. Assim, ao pobre Urso, só restou fugir o mais depressa que pode em direção a um pequeno lago, onde, depois de nele mergulhar e permanecer imerso, finalmente se pôs à salvo.

Moral da história:

É mais sábio suportar uma simples provocação em silêncio, que despertar a fúria incontrolável de um inimigo mais poderoso. 36

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 36

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:30


A cigarra e as formigas Num belo dia de inverno as formigas estavam tendo o maior trabalho para secar suas reservas de trigo. Depois de uma chuvarada, os grãos tinham ficado completamente molhados. De repente aparece uma cigarra: “Por favor, formiguinhas, me deem um pouco de trigo! Estou com uma fome danada, acho que vou morrer.” As formigas pararam de trabalhar, coisa que era contra os princípios delas, e perguntaram: “Mas por quê? O que você fez durante o verão? Por acaso não se lembrou de guardar comida para o inverno?” “Para falar a verdade, não tive tempo”, respondeu a cigarra. “Passei o verão cantando!” “Bom... Se você passou o verão cantando, que tal passar o inverno dançando”, disseram as formigas, e voltaram para o trabalho dando risada.

Moral da história: Os preguiçosos colhem o que merecem Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 37

Meu Caderno de Atividades

37

08/04/2013 12:54:30


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

A COBRA E O VAGALUME Conta a lenda que certa vez uma serpente começou a perseguir um vagalume. Este fugia rápido, com medo da feroz predadora, mas a serpente nem pensava em desistir. Fugiu um dia, e ela nao desistia; fugiu dois dias, e nada. No terceiro dia, já sem forças, o vagalume parou e disse à cobra: - Um momento. Posso lhe fazer três perguntas? - Não costumo abrir esse precedente para ninguém, disse a cobra, mas já que vou devorá-lo mesmo, esteja à vontade, pode perguntar. - Pertenço à sua cadeia alimentar ?, perguntou o vagalume. - Não. Respondeu o ofídio. - Eu lhe fiz algum mal? redarguiu o inseto. - Não. Respondeu novamente a cobra. - Então, por que você quer acabar comigo? Perguntou novamente o ofídio - hhmm. Não sei... É uma coisa assim, tipo... O negócio é que não suporto ver você brilhar... disse finalmente a cobra.

Moral da história:

“Se a sua estrela não brilha, não ofusque a dos outros”. 38

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 38

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:30


MOTIVAÇÃO

Na África todas as manhãs uma gazela acordava sabendo que ela deveria conseguir correr mais do que o leão se quisesse se manter viva. Todas as manhãs o leão acordava sabendo que deveria correr mais do que a gazela se não quisesse morrer de fome

Moral da história: Não faz diferença se você é gazela ou leão, quando o sol nascer você deve começar a correr. Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 39

Meu Caderno de Atividades

39

08/04/2013 12:54:30


A Casa Certo dia, a solidão bateu à porta de um grande sábio. Ele convidou-a para entrar. Pouco depois, ela saiu decepcionada. Havia descoberto que não podia capturar aquele ser bondoso, pois ele nunca estava sozinho: estava sempre acompanhado pelo amor de Deus. De outra feita, a ilusão também bateu à porta daquele sábio. Ele, amorosamente, convidou-a a entrar em sua humilde morada. Logo depois, ela saiu correndo e gritando que estava cega. O coração do sábio era tão luminoso de amor que havia ofuscado a própria ilusão. Em um outro dia, apareceu a tristeza. Antes mesmo que ela batesse à porta, o sábio assomou a cabeça pela janela e dirigiulhe um sorriso enternecedor. A tristeza recuou, disse que era engano e foi bater em alguma outra porta que não fosse tão luminosa. A fama do sábio foi crescendo e a cada dia novos visitantes chegavam, objetivando conquistá-lo em nome da tentação. Em um dia era o desespero, no outro a impaciência. Depois vieram a mentira, o ódio, a culpa e o engano. Pura perda de tempo: o sábio convidava todos a entrar e eles saíam decepcionados com o equilíbrio daquela alma bondosa. Porém, um dia a morte bateu à sua porta. Ele convidou-a a entrar. Os seus discípulos esperavam que ela saísse correndo a qualquer momento, ofuscada pelo amor do mestre. Entretanto, tal não aconteceu. O tempo foi passando e nem ela nem o sábio apareciam. Os discípulos, cheios de receio, penetraram a humilde casa e encontraram o cadáver de seu mestre estirado no chão. Começaram a chorar ao ver que o querido mestre havia partido com a morte. Na mesma hora, entraram na casa a ilusão, a solidão e todos os outros servos da ignorância que nunca haviam conseguido permanecer anteriormente naquele recinto. A tristeza dos discípulos havia aberto a porta e os mantinha lá dentro. Moral da história: “Entram em nossa morada aqueles a quem convidamos, mas só permanecem conosco aqueles que encontram ambiente propício para se estabelecerem.” 40

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 40

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:30


A Crise Um homem vivia à beira de uma estrada e vendia cachorro quente. Ele não tinha rádio, televisão e nem lia jornais, mas produzia e vendia bons cachorros quentes. Ele se preocupava com a divulgação do seu negócio e colocava cartazes pela estrada, oferecia o seu produto em voz alta e o povo comprava. As vendas foram aumentando e, cada vez mais ele comprava o melhor pão e a melhor salsicha. Foi necessário também adquirir um fogão maior para atender grande quantidade de fregueses e o negócio prosperava. Seu cachorro quente era o melhor de toda região! Vencedor, ele conseguiu pagar uma boa escola ao filho. O menino cresceu e foi estudar Economia numa das melhores faculdades do país. Finalmente, o filho já formado, voltou para casa, notou que o pai continuava com a vidinha de sempre e teve uma séria conversa com m ele: - Pai, então você não ouve rádio? Você não vê televisão e não lê os jornais? Há uma grande crise no mundo. A situação do nosso país é crítica. Está tudo ruim. O Brasil vai quebrar. Depois de ouvir as considerações do filho estudado, o pai pensou: bem, se meu filho estudou Economia, lê jornais, vê televisão, então só pode estar com a razão. Com medo da crise, o pai procurou um fornecedor de pão mais barato (e, é claro, pior) e começou a comprar salsicha mais barata (que era, também, a pior). Para economizar, parou de fazer seus cartazes de propaganda na estrada. Abatido pela notícia da crise já não oferecia o seu produto em voz alta. Tomadas todas essas providências, as vendas começaram a cair e foram caindo, caindo e chegaram a níveis insuportáveis e o negócio de cachorro quente do velho, que antes gerava recursos até para fazer o filho estudarr Economia, quebrou. O pai, triste, então falou para o filho: e Você estava certo, meu filho, nós estamos no meio de uma grande crise. E comentou com os amigos, orgulhoso: Bendita a hora em que e eu fiz meu filho estudar Economia. Ele me avisou da crise.

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 41

Meu Caderno de Atividades

41

08/04/2013 12:54:30


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

A FLAUTA MÁGICA Era uma vez um caçador que contratou um feiticeiro para ajudá-lo a conseguir alguma coisa que pudesse facilitar seu trabalho nas caçadas. Depois de alguns dias, o feiticeiro e entregou-lhe uma flauta mágica que, ao ser tocada, enfeitiçava o os animais, fazendo-os dançar. Entusiasmado com o instrumento, o caçador organizou uma c ca caravana com destino à África, convidando dois outros amigos. L o no primeiro dia de caçada, o grupo se deparou com um Logo f e feroz tigre. De imediato, o caçador pôs-se a tocar a flauta e, m milagrosamente, o tigre começou a dançar. Foi fuzilado à queima rroupa. o Horas depois, um sobressalto. A caravana foi atacada p por um leopardo que saltava de uma árvore. Ao som da flauta, c contudo, o animal transformou-se: de agressivo, ficou manso e d dançou. Os caçadores não hesitaram: mataram-no com vários tiros. E foi assim até o final do dia, quando o grupo encontrou um leão faminto. A flauta soou, mas o leão não dançou, mas atacou um dos amigos do caçador flautista, devorando-o. Logo depois, devorou o segundo. O tocador de flauta, desesperadamente, fazia soar as notas musicais, mas sem resultado algum. O leão não dançava. E enquanto tocava e tocava, o caçador foi devorado. Dois macacos, em cima de uma árvore próxima, a tudo d assistiam. Um deles observou com sabedoria: a - Eu sabia que eles iam se dar mal quando encontrassem um ssurdinho... u

Moral da história: M Não confie cegamente nos métodos que sempre deram certo, pois um dia podem não dar. Tenha sempre planos ce de d contingência, prepare alternativas para as situações imprevistas, analise as possibilidades de erro. Esteja atento m às à mudanças e não espere as dificuldades para agir. Cuidado com o leão surdo. 42

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 42

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:30


DIFICULDADES Um grande e renomado chefe de cozinha estava trabalhando quando seu filho chegou falando sobre os problemas da vida e as dificuldades para enfrentá-los. O pai, em meio ás suas panelas, aproveitou o momento e olhando para o filho disse: - Filho, observer estas três panelas. Cada uma delas possui um m alimento diferente. Na primeira, temos cenouras, na segunda,, ovos e na terceira, pó de café. Vou colocar água nas três para a ferver. Depois de alguns minutos, perguntou ao filho o que havia acontecido com os alimentos. Observando as três panelas, o filho respondeu: - Percebo que os alimentos foram cozidos. A cenoura amoleceu, o ovo endureceu e o café transformou a água. E o pai calmamente disse: - Sim, meu filho, as dificuldades da vida são como esta água quente que nos atinge, queima e faz-nos sofrer e a nossa reação pode ser como a cenoura, quando nos deixamos amolecer pelos problemas. Como o ovo quando nos tornamos duros diantes do sofrimento. E como o pó de café quando nos deixamos transformar pelas dificuldades.

Moral da história:

“As dificuldades existem no dia-a-dia e não podemos desanimarr nem nos deixar vencer pelos problemas do cotidiano. Jamais fique abatido e enfrente-as com serenidade e naturalidade, pois, para quase tudo na vida, há solução.”” Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 43

Meu Caderno de Atividades

43

08/04/2013 12:54:31


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

O Porco-espinho Durante a era glacial, muitos animais morriam por causa do frio. Os porcos-espinhos, percebendo a situação, resolveram se juntar em grupos, assim se agasalhavam e se protegiam mutuamente, mas os espinhos de cada um feriam os companheiros mais próximos, justamente os que ofereciam mais calor. Decidiram então se afastar uns dos outros e voltaram a morrer congelados; então, precisaram fazer uma escolha: Ou desapareceriam da Terra ou aceitavam os espinhos dos companheiros. Com sabedoria, decidiram voltar a ficar juntos. Aprenderam assim a conviver com as pequenas feridas que a relação com uma pessoa muito próxima podia causar, já que o mais importante era receber o calor do outro. E assim sobreviveram!!!!

Moral da história: M

O melhor relacionamento não é aquele que une pessoas perfeitas, mas aquele onde cada um aprende p pe a conviver com os defeitos do outro e admirar suas qualidades. q 44

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 44

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:31


EXECUTAR NÃO É TUDO, COMUNIQUE-SE E Um jovem executivo estava saindo do escritório quando vê o presidente da empresa com um documento na mão em frente a máquina de “picotar” papéis. - Por favor, diz o presidente, isto é muito importante pra mim, e minha secretária já saiu. Você sabe como funciona esta máquina? - Lógico, responde o jovem executivo! Imediatamente tira o papel das mãos do presidente, liga a máquina, enfia o documento e aperta um botão. - Excelente meu rapaz! Muito obrigado... Eu preciso só de 1 cópia. Onde sai?

Moral da história: Executar não é tudo!!! Pense, pergunte, espere a resposta, analise e então execute. Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 45

Meu Caderno de Atividades

45

08/04/2013 12:54:31


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

A Raposa e a Cegonha A Raposa convidou a Cegonha para jantar e lhe serviu sopa em um prato raso. -Você não está gostando de minha sopa? Perguntou, enquanto a cegonha bicava o líquido sem sucesso. - Como posso gostar? - A Cegonha respondeu. vendo a Raposa lamber a sopa que lhe pareceu deliciosa. Dias depois foi a vez da cegonha convidar a Raposa para comer na beira da Lagoa, serviu então a sopa num jarro largo embaixo e estreito em cima. - Hummmm, deliciosa! - Exclamou a Cegonha, enfiando o comprido bico pelo gargalo - Você não acha? A Raposa não achava nada nem podia achar, pois seu focinho não passava pelo gargalo estreito do jarro. Tentou mais uma ou duas vezes e se despediu de mau humor, achando que por algum motivo aquilo não era nada engraçado.

Moral da história: M àss vezes recebemos na mesma moeda por à ttudo aquilo que fazemos. tu

46

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 46

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:31


EXECUTAR NÃO É TUDO, COMUNIQUE-SE E Um jovem executivo estava saindo do escritório quando vê o presidente da empresa com um documento na mão em frente a máquina de “picotar” papéis. - Por favor, diz o presidente, isto é muito importante pra mim, e minha secretária já saiu. Você sabe como funciona esta máquina? - Lógico, responde o jovem executivo! Imediatamente tira o papel das mãos do presidente, liga a máquina, enfia o documento e aperta um botão. - Excelente meu rapaz! Muito obrigado... Eu preciso só de 1 cópia. Onde sai?

Moral da história: Executar não é tudo!!! Pense, pergunte, espere a resposta, analise e então execute. Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 47

Meu Caderno de Atividades

47

08/04/2013 12:54:31


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Os Três Ratos Cegos Num belo dia, três ratinhos estavam dançando de tanta alegria, pois não trabalhavam, e passavam o dia inteiro brincando no reino. Mas certo dia, o rei estava comentando com o duque que o reino estava entrando em falência. Depois de passarem horas e horas pensando, o duque teve uma idéia ótima: de toda a Ratolândia trabalhar, menos os que têm necessidades especiais. O rei amou a idéia do duque, e disse: __É isso mesmo que eu vou fazer. Assim, o rei chamou todos os cidadãos de Ratolândia e declarou o seguinte: __Cidadãos de Ratolândia, eu declaro que todos vão trabalhar menos os que têm necessidades especiais. Os três ratinhos ficaram com muita raiva, pois tinham que trabalhar para poder comer, então o irmão mais velho teve uma idéia: iam fingir que estavam cegos, e assim não trabalhariam e comeriam de graça. Mais tarde, os ratinhos foram até o rei, este sabendo que eles eram cegos, declarou que não iriam trabalhar. Os ratinhos muito felizes foram caminhando pelo reino, mas sem querer saíram pela porta errada, pois era a saída do reino. Lá fora, tinha um gato muito feroz que pulou em cima deles, então os ratinhos tiraram os óculos escuros, começaram a lutar com o gato, depois correram desesperados para o reino. Eles conseguiram voltar para o reino, mas o rei percebeu que eles não eram cegos, dessa forma ele ordenou que eles teriam que trabalhar dobrado para pagar os atrasados, e assim foi.

Moral da história:

Para ter direitos, temos que cumprir deveres. 48

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 48

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:31


O gato muito orgulhoso o Jerry era um gato muito orgulhoso, passava perto dos outros animais e não falava com ninguém. Ele não queria fazer amizade com os outros animais. Um dia, ele se sentiu muito só, então refletiu que era muito orgulhoso e resolveu conversar com os outros animais, mas chegando lá, eles estranharam sua atitude. Jerry implorou a atenção deles, pedindo perdão. Os animais disseram: - Não guardamos rancor, aceitamos suas desculpas. Moral da história: O orgulho não leva a nada.

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 49

Meu Caderno de Atividades

49

08/04/2013 12:54:31


Hist贸rias para dormir

Caderno de atividades.indd 50

08/04/2013 12:54:31


O porquinho fujão Era uma vez, um porquinho chamado Binho, ele era muito comilão e vivia reclamando da pouca comida que recebia em casa. Certa ocasião Binho foi jantar com seus pais e tornou a reclamar da pequena quantidade de comida, já farto, seu pai falou alto com ele: - Não tá satisfeito, então saia e vá trabalhar pra se manter. Binho irritado, pegou alguns pertences e resolveu sair de casa. - Vou mesmo e não volto mais… Após vários dias, sem conseguir trabalho e sem comer também, Binho repensou sua atitude e resolveu voltar pra casa, láchegando encontrou seus pais, e chorando disse: - Mãe e pai, vocês tinham razão, estava errado e me arrependo, é melhor ter o pouco todo dia garantido, do que ficar pelas ruas mendigando e com fome. Fim Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 51

Meu Caderno de Atividades

51

08/04/2013 12:54:32


Menino Chorão, menino Turrão D. Pequena não sabia mais o que fazer. Seu filho Aparício chorava o dia todo e quando tinha raiva ficava todo roxo e caia no chão como morto. Coitada de D. Pequena , já estava ficando desesperada. Levou o menino numa rezadeira, mais nada adiantou. Ensinaram-lhe chás e mais chás , mais nada resolvia e o menino só piorava. Até que ela resolveu procurar um médico. _ Doutor, não sei mais o que fazer, o meu menino chora sem parar e fica todo roxinho, tadinho. _É seu primeiro filho ? _ É sim senhor. _ Deixa eu examinar o moleque. O doutor mandou botar o menino em cima da cama e examinou tudo , barriga, ouvido , garganta, pé… Quando terminou , sentou-se e ficou pensativo. _Diga logo senhor doutor, o que meu filho tem é grave? _ Não senhora, já tenho um remédio que é tiro e queda. Toda vez que ele cair roxo no chão a senhora dar coro nele. _ O que é dar “coro” doutor? _A senhora não sabe? É só pegar um cinturão e dar um corinho,se ele não melhorar na primeira , tenho certeza que melhora na segunda. A mãe de Aparício saiu desconfiada do consultório; “ que doutor mais doido , mandar bater em um menino tão pequeno”. Chegando a casa contou a seu marido. _ Bem que eu lhe disse mulher: menino turrão tem que caí no coro do cinturão. Aparício ficou quieto ouvindo tudinho, mas como nunca apanhou, não entendia direito que conversa era aquela de coro, cinturão , e ficou na dele. Bastou a mãe começar a fazer o serviço que ele começou a chorar . Chorou tanto que caiu no chão roxinho como berinjela. _ Meu Deus, será que o doutor sabe tudo mesmo. Se ele estudou tanto… Que Deus me perdoe… D. Pequena foi lá dentro pegou o cinturão , deu duas lapadas em Aparício e disse? “ menino chorão e turrão , caí no coro do cinturão.” Ele ficou paradinho , quietinho, com as pernas vermelhinhas… Sua mãe ficou com dó no coração, mas deixou-o sozinho e foi terminar o serviço. Desse dia em diante, Aparício só chorava quando tinha dor de verdade. Às vezes ele tinha até vontade de fazer uma birra, mas bastava lembrar do coro , do cinturão , do doutor , e de sua mãe dizendo : menino chorão , menino turrão … Que ele ficava até rindo de montão.

52

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 52

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:32


O leão e a formiga Era uma vez uma leão muito bonzinho chamado Hércules,ele conheceu uma formiga muito brava ele queria brincar com ela só que ela não queria leão diz: -olha você não quer mais ser meu amiguinha? Formiga fala: -eu nunca foi seu amigo eu quero que você me deixe em paz! -quando precisar de mim não vou te ajudar ta bom senhora formiga -ta não preciso da sua ajuda nunca O verão ia acabando e o inverno chegando a formiga não tinha casa e foi pra casa do leão pra ver se ele deixa ela entra para comer e ficar de baixo do cobertor Formiga diz: -o leão,leão leão fala: -o que você quer? -eu queria que você me deixa-se eu ficar com você ai na sua casa -não,não deixo você disse que não ia precisar da minha ajuda… -é mas eu preciso -agora morra de frio e fome foi passando a semana e a formiga estava muito magra e com frio ela não agüenta mais por isso ela morreu de fome e frio o inverno acabando e a primavera chegando a lebre diz: - extra,extra a formiga brava morreu de fome e frio o leão ouviu e foi olhar o que estava acontecendo leão diz: -formiguinha desculpas vou pegar comida e um cobertor para te esquentar peguei pronto leão pegou o cobertor e muita comida e deu todo pra ele. Fim Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 53

Meu Caderno de Atividades

53

08/04/2013 12:54:32


Os frangos Era uma vez uma galinha carijó muito gorda e muito linda que chocouł ovinhos . Destes sairam dois frangos, um era grande e bonito o outro era magro e franzino. O frango grande se tornou um lindo galo e era muito briguento, pois brigava com o mais fraco dando-lhes bicadas e não o deixava comer direito, o frango fraco mal podia ficar de pé. Um certo dia viram a senhora dona do sítio com um enorme facão nas mãos , o frango forte que por sua vez já tinha se tornado um galo disse ao pequeno e fraco: vc está vendo ela vem vindo aqui pra matá-lo e mandá-lo pra panela, jamais mataria um galo bonito e viçoso como eu. O frango doente e fraco ficou apavorado, mas quando a mulher chegou logo pegou o galo lindo , forte e gordo. O frango fraco não entendeu nada mas falou , mas vale ser fraco e doente e não ir pra panela. Fim.

54

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 54

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:32


O SONHO DE ÍCARO CONTAM OS QUE SABEM QUE DÉDALO FOI UM HOMEM MUITO SÁBIO NA GRÉCIA. ELE ERA O PAI DE ÍCARO. QUANDO ELES ESTAVAM PRESOS NO LABIRINTO DO MINOTAURO, ELE TEVE A IDÉIA DE CONSTRUIR DOIS PARES DE ASAS PARA ELE E O FILHO FUGIREM DALI. DÉDALO CONSTRUIU-AS COM AS PENAS DOS PASSAROS, DEPOIS AS COLOU EM CERA. ANTES DE LEVANTAR VÔO, DISSE AO FILHO: -NÃO VOE MUITO ALTO PERTO DO SOL, A CERA DERRETE. -NEM VOE MUITO BAIXO, PERTO DO MAR. A UMIDADE DEIXA AS PENAS PESADAS E VOCÊ PODE CAIR. MAS A SENSAÇÃO DE VOAR FOI TÃO ESTONTEANTE PARA ÍCARO QUE ELE ESQUECEU AS RECOMENDAÇÕES E ELEVOU-SE TANTO NOS ARES A PONTO DO PIOR ACONTECER. A CERA DERRETEU ÍCARO PERDEU AS ASAS, CAIU AO REDOR DO MAR DE CRETA E MORREU AFOGADO.

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 55

Meu Caderno de Atividades

55

08/04/2013 12:54:32


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

56

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 56

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:32


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 57

Meu Caderno de Atividades

57

08/04/2013 12:54:32


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

58

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 58

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:32


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 59

Meu Caderno de Atividades

59

08/04/2013 12:54:32


60

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 60

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:33


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 61

Meu Caderno de Atividades

61

08/04/2013 12:54:33


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

62

Jogo da velha!!

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 62

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:33


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 63

Meu Caderno de Atividades

63

08/04/2013 12:54:33


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

64

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 64

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:33


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 65

Meu Caderno de Atividades

65

08/04/2013 12:54:33


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

66

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 66

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:33


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 67

Meu Caderno de Atividades

67

08/04/2013 12:54:33


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

68

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 68

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:34


Colorir

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 69

Meu Caderno de Atividades

69

08/04/2013 12:54:34


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

70

Colorir

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 70

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:34


Figuras geométricas

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 71

Meu Caderno de Atividades

71

08/04/2013 12:54:34


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Figuras geométricas

72

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 72

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:34


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 73

Meu Caderno de Atividades

73

08/04/2013 12:54:34


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Ligue os pontos

74

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 74

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:34


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 75

Meu Caderno de Atividades

75

08/04/2013 12:54:34


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Labirinto

76

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 76

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:34


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 77

Meu Caderno de Atividades

77

08/04/2013 12:54:34


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

jogo dos Sete Erros

78

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 78

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:35


jogo dos Sete Erros

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 79

Meu Caderno de Atividades

79

08/04/2013 12:54:35


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

80

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 80

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:35


Emaranhado

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 81

Meu Caderno de Atividades

81

08/04/2013 12:54:35


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Emaranhado

82

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 82

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:35


Ortografia

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 83

Meu Caderno de Atividades

83

08/04/2013 12:54:35


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Ortografia

84

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 84

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:35


Exercícios de números

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 85

Meu Caderno de Atividades

85

08/04/2013 12:54:35


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

86

Exercícios de números

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 86

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:36


Exercícios de números

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 87

Meu Caderno de Atividades

87

08/04/2013 12:54:36


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

88

Exercícios de números

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 88

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:36


Exercícios de números

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 89

Meu Caderno de Atividades

89

08/04/2013 12:54:36


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

90

Exercícios de números

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 90

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:36


Exercícios de números

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 91

Meu Caderno de Atividades

91

08/04/2013 12:54:36


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

92

Exercícios de números

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 92

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:36


Exercícios de números

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 93

Meu Caderno de Atividades

93

08/04/2013 12:54:36


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

94

Exercícios de números

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 94

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:36


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 95

Meu Caderno de Atividades

95

08/04/2013 12:54:36


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

96

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 96

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:36


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 97

Meu Caderno de Atividades

97

08/04/2013 12:54:37


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

98

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 98

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:37


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 99

Meu Caderno de Atividades

99

08/04/2013 12:54:37


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

100

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 100

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:37


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 101

Meu Caderno de Atividades

101

08/04/2013 12:54:37


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

102

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 102

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:37


Substitua os simbolos

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 103

Meu Caderno de Atividades

103

08/04/2013 12:54:37


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

104

Substitua os simbolos

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 104

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:37


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 105

Meu Caderno de Atividades

105

08/04/2013 12:54:37


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

106

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 106

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:38


Para pintar

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 107

Meu Caderno de Atividades

107

08/04/2013 12:54:38


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

108

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 108

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:38


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 109

Meu Caderno de Atividades

109

08/04/2013 12:54:38


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Atividade

110

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 110

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:38


Labirinto

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 111

Meu Caderno de Atividades

111

08/04/2013 12:54:38


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Labirinto

112

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 112

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:38


Atividade

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 113

Meu Caderno de Atividades

113

08/04/2013 12:54:38


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

114

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 114

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:38


Copiar Frases

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 115

Meu Caderno de Atividades

115

08/04/2013 12:54:38


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Copiar Frases

116

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 116

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:39


Copiar Frases

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 117

Meu Caderno de Atividades

117

08/04/2013 12:54:39


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Organizar as Frases

118

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 118

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:39


Atividade Letras

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 119

Meu Caderno de Atividades

119

08/04/2013 12:54:39


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Atividade Letras

120

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 120

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:39


Atividade Letras

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 121

Meu Caderno de Atividades

121

08/04/2013 12:54:39


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Atividade Letras

122

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 122

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:39


Atividade Letras

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 123

Meu Caderno de Atividades

123

08/04/2013 12:54:39


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

124

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 124

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:39


Colorir o desenho, colar a folha em uma cartolina, recortar as partes. Depois é só montar

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 125

Meu Caderno de Atividades

125

08/04/2013 12:54:39


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

r a l o

c

r a l o

c

r a l o

r a l o

c

r a l o

c

c

r a l o

c

r a l o

r a l o

c

c

lar

r a l o

co

c

r a l o

r a l o

c

c

lar

r a l o

co

c

r a l o

r a l o

c

r a l o

c 126

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 126

c c

r a l o

r a l o

c

r a l o

c

r a l o

r a l o

c

r a l o

c

c r a l o

c

r a l o

r a l o

c

r a l o

c

c r a l o

c

r a l o

r a l o

c

r a l o

c

c r a l o

c

r a l o

r a l o

c

r a l o

c

c r a l o

c

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:40


Redação

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 127

Meu Caderno de Atividades

127

08/04/2013 12:54:40


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Para Colorir

128

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 128

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:40


Para Colorir

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 129

Meu Caderno de Atividades

129

08/04/2013 12:54:40


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Para Colorir

130

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 130

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:40


Para Colorir

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 131

Meu Caderno de Atividades

131

08/04/2013 12:54:40


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Para Colorir

132

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 132

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:43


Para Colorir

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 133

Meu Caderno de Atividades

133

08/04/2013 12:54:43


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

134

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 134

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:43


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 135

Meu Caderno de Atividades

135

08/04/2013 12:54:44


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

136

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 136

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:44


Para Colorir

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 137

Meu Caderno de Atividades

137

08/04/2013 12:54:44


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Para Colorir

138

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 138

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:44


Para Colorir

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 139

Meu Caderno de Atividades

139

08/04/2013 12:54:44


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

Para Colorir

140

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 140

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:44


Para Colorir

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 141

Meu Caderno de Atividades

141

08/04/2013 12:54:45


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

142

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 142

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:45


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 143

Meu Caderno de Atividades

143

08/04/2013 12:54:45


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

144

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 144

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:45


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 145

Meu Caderno de Atividades

145

08/04/2013 12:54:45


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

146

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 146

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:46


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 147

Meu Caderno de Atividades

147

08/04/2013 12:54:46


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

148

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 148

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:46


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 149

Meu Caderno de Atividades

149

08/04/2013 12:54:47


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

150

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 150

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:47


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 151

Meu Caderno de Atividades

151

08/04/2013 12:54:47


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

152

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 152

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:48


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 153

Meu Caderno de Atividades

153

08/04/2013 12:54:48


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

154

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 154

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:48


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 155

Meu Caderno de Atividades

155

08/04/2013 12:54:48


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

156

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 156

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:49


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 157

Meu Caderno de Atividades

157

08/04/2013 12:54:49


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

158

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 158

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:49


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 159

Meu Caderno de Atividades

159

08/04/2013 12:54:49


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

160

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 160

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:49


Colorir o desenho, colar o desenho em uma cartolina e depois recortar.

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 161

Meu Caderno de Atividades

161

08/04/2013 12:54:49


IN OL T R

A

DO

A LIN

DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

NA

DO

A EL

DO

C NA

TE

ST

LE

NA

DO

E ST

A LIN

R CA

DO

CA

A EL

ST

E LE

LA

CO

C

INA

INA

OL RT

DO

C NA

A EL

INA

L TO R A

ST

CO

O

E

ST

D LA

AC

N

O AD

NA

DO

LE

LE

ST

E LE

INA

OL RT

CO

DO

NA

CA

A EL

ST

E LE

A AC

CO

N

A

DO

A

A

LIN O RT

DO

DO

E LE

CO

CO

162

C NA

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 162

C NA

A EL

ST

E LE

CO

INA

OL RT

A EL

ST

ST

E LE

IN OL T R

A

A

A EL

IN OL T R

A

CO

C NA

CA

A EL

EL

T ES

NA

CO

A

O AD

A LIN

R CA

EL

T ES

IN OL T R

CO

OL RT

TO

A

E LE

NA

E

E OL

E LE

INA

OL RT

TO

CO

CA

ST

CA

A

EL

T ES

NA

CO

INA

NA

DO

INA

OL RT

A EL

E LE

OL RT

DO

D LA

L

CO

A EL

CO

S EE

CA

NA

O

OL RT

A

E LE

INA

OL RT

INA

L

CO

E LE

CO

T

S EE

A EL

ST

TO

R CA

C NA

DO

NA

CA

A EL

T

ES

Distribuição gratuita, Venda Proibida. LE Material doado paraC asOcrianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:49


A

IN

INA

INA

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 163

Meu Caderno de Atividades

163

08/04/2013 12:54:49


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

164

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 164

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:49


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 165

Meu Caderno de Atividades

165

08/04/2013 12:54:49


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

166

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 166

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:50


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 167

Meu Caderno de Atividades

167

08/04/2013 12:54:50


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

168

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 168

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:50


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 169

Meu Caderno de Atividades

169

08/04/2013 12:54:50


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

170

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 170

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:50


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 171

Meu Caderno de Atividades

171

08/04/2013 12:54:51


DISTRIBUIÇÃO GRATUITA, VENDA PROIBIDA

172

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 172

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:51


data _____/______/______

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 173

Meu Caderno de Atividades

173

08/04/2013 12:54:51


data _____/______/______

174

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 174

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:51


data _____/______/______

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 175

Meu Caderno de Atividades

175

08/04/2013 12:54:51


data _____/______/______

176

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 176

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:51


data _____/______/______

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 177

Meu Caderno de Atividades

177

08/04/2013 12:54:51


data _____/______/______

178

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 178

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:51


data _____/______/______

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 179

Meu Caderno de Atividades

179

08/04/2013 12:54:51


data _____/______/______

180

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 180

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:51


data _____/______/______

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 181

Meu Caderno de Atividades

181

08/04/2013 12:54:51


data _____/______/______

182

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 182

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:51


data _____/______/______

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 183

Meu Caderno de Atividades

183

08/04/2013 12:54:51


data _____/______/______

184

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 184

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:51


data _____/______/______

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 185

Meu Caderno de Atividades

185

08/04/2013 12:54:52


data _____/______/______

186

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 186

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:52


data _____/______/______

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 187

Meu Caderno de Atividades

187

08/04/2013 12:54:52


data _____/______/______

188

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 188

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:52


data _____/______/______

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 189

Meu Caderno de Atividades

189

08/04/2013 12:54:52


data _____/______/______

190

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 190

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:52


data _____/______/______

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 191

Meu Caderno de Atividades

191

08/04/2013 12:54:52


data _____/______/______

192

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 192

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:52


data _____/______/______

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 193

Meu Caderno de Atividades

193

08/04/2013 12:54:52


data _____/______/______

194

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 194

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 12:54:52


data _____/______/______

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 195

Meu Caderno de Atividades

195

08/04/2013 12:54:52


data _____/______/______

196

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 196

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 13:02:06


Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

Caderno de atividades.indd 197

Meu Caderno de Atividades

197

08/04/2013 13:11:23


198

Meu Caderno de Atividades

Caderno de atividades.indd 198

Distribuição gratuita, Venda Proibida. Material doado para as crianças, por: Pedro Paulo Carvalho Em caso de comercialização denuncie, ligue para policia 190

08/04/2013 13:11:24


Linda Criança O seu tempo é mágico. Bruxas, fadas, duendes povoam seus sonhos. Na sua realidade os brinquedos ganham vida e tanta fantasia, às vezes espanta, nos encanta. De seu sorriso puro, de sua ingenuidade, a mentira não faz parte. Você não tem vergonha de extravasar sua sensibilidade. Brinca, pula, grita, chora, reclama, abraça, faz graça, não guarda rancor. Não entende a dor, o abandono, pois você é amor. Sonhe criança, cresça, mostre ao homem que sua lição de verdade pode conduzir à Fraternidade Feliz Dia das Crianças Caderno de atividades.indd 199

08/04/2013 13:11:24


Caderno de atividades.indd 200

08/04/2013 13:01:18


Meu caderno de Atividades  

Meu caderno de Atividades

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you