Page 1

!"#2

DEZ EMBRO DE 2014

O que vocĂŞ deve saber sobre transtornos mentais


M AT É R I A D E C A PA

O que você deve saber sobre transtornos mentais !"#2˙

NESTE N ÚMERO

7 OBSERVANDO O MUNDO

“Fiquei sem chão”, disse Claudia, depois de ser diagnosticada com transtorno bipolar e transtorno de estresse pós-traumático. “Enfrentar o estigma de uma doença mental parecia demais para mim.” “Levou um bom tempo para aceitar nossa situação”, disse Mark, marido de Claudia. “Mas percebi que precisava me concentrar em dar apoio emocional à minha esposa.”

8 AJUDA PARA A FAMÍLIA Como chegar a um acordo 10 Olhudo e miúdo 12 ENTREVISTA Um professor de contabilidade e finanças fala de sua fé 14 O CONCEITO DA BÍBLIA A Terra 16 Índice de assuntos de Despertai! de 2014

SE VOCÊ ou alguém que você ama fosse diagnosticado com um transtorno mental, como reagiria? Felizmente, as doenças mentais podem ser tratadas. Vamos considerar algumas coisas que você deve saber para entender melhor os transtornos mentais.1 1 Neste artigo, usamos a expressão “transtornos mentais” para nos referir tanto a doenças mentais como a distúrbios comportamentais e psicológicos.

Vol. 95, No. 12 / Monthly / PORTUGUESE (Brazilian Edition) Tiragem de cada número: 44.748.000 em 99 idiomas ˜ ˜ ´ ´ Esta publicac¸ ao nao e vendida. Ela faz parte de uma obra educativa bıblica, mundial, mantida por donativos. ˜ ´ ˜ ˜ A menos que haja outra indicac¸ ao, os textos bıblicos citados sao da Traduc¸ ao do Novo Mundo das Escrituras ˆ Sagradas com Referencias. ´ ˜ ´ Despertai! e publicada mensalmente pela Associac¸ ao Torre de Vigia de Bıblias e Tratados. ´ ´ ´ Sede e grafica: Rodovia SP-141, km 43, Cesario Lange, SP, 18285-901. Diretor responsavel: A. S. Machado Filho. ´ Revista registrada sob o numero de ordem 517. 5 2014 Watch Tower Bible and Tract Society of Pennsylvania. Todos os direitos reservados. Impressa no Brasil.

˜ Gostaria de receber mais informac¸ oes ´ ou ter um curso bıblico gratuito em sua casa? Acesse www.jw.org ou escreva para um dos enderecos ¸ abaixo.

´ TESTEMUNHAS DE JEOVA: BRASIL: Rodovia SP-141, km 43, ´ Cesario Lange, SP, 18285-901. PORTUGAL: Apartado 91, P-2766-955, Estoril. Para uma lista completa de enderecos ¸ ´ em outros paıses, acesse www.jw.org/pt/contato.


Fatores importantes sobre saúde mental ˙ “Em todas as partes do mundo, milhões de pessoas sofrem de transtornos mentais, o que também acaba causando mudanças na vida daquelas que as amam. Uma em cada quatro pessoas será afetada por um tipo de transtorno mental em algum momento da vida. Em todo o mundo, a depressão incapacita mais pessoas que qualquer outra doença. A esquizofrenia e o transtorno bipolar estão entre os distúrbios mais graves e incapacitantes. . . . Embora afete um grande número de pessoas, os trans-

tornos mentais continuam invisíveis, negligenciados e discriminados.” — Organização Mundial da Saúde (OMS). ˙ Segundo a OMS, muitas pessoas não buscam tratamento por causa do estigma relacionado à doença mental. ˙ A maioria das doenças mentais é tratável, mas, de acordo com a Aliança Nacional para a Doença Mental, nos Estados Unidos, aproximadamente 60% dos adultos e quase 50% dos jovens entre 8 e 15 anos que têm transtorno mental não receberam tratamento no ano passado.

Despertai! dezembro de 2014 3


Entenda os transtornos mentais O que é transtorno mental? Especialistas o definem como uma disfunção significativa no pensamento, controle emocional e comportamento de alguém, o que muitas vezes compromete sua habilidade de se relacionar com outros e de administrar as várias atividades do dia a dia. A gravidade dos sintomas pode variar de duração e intensidade, dependendo da pessoa, da doença e das circunstâncias. Os transtornos mentais podem afetar qualquer pessoa, independentemente de sexo, idade, cultura, raça, religião, nível educacional ou renda, e não têm nada a ver com fraqueza ou falha de personalidade. Com os cuidados médicos apropriados, a pessoa pode levar uma vida produtiva e gratificante.

Os transtornos mentais não têm nada a ver com fraqueza ou falha de personalidade

Tratamento para transtornos mentais Profissionais da área têm tratado com sucesso vários tipos de transtornos mentais. Por isso, o primeiro passo é ter uma avaliação completa de um profissional de saúde com experiência em tratar distúrbios mentais. No entanto, quem sofre de transtorno mental só vai se beneficiar dessa ajuda se aceitar e seguir um tratamento apropriado. Para isso, ele talvez precise superar qualquer receio de falar sobre seu problema. Pode ser que o tratamento inclua conversas com profissionais de saúde mental habilitados que podem ajudá-lo a entender melhor sua doença, a resolver problemas do dia a dia e a reforçar a necessidade de não interromper o tratamento. Nessas consultas, um membro da família ou um amigo pode ter um papel vital em dar o apoio necessário. Muitas pessoas aprenderam a lidar com os transtornos mentais depois de terem entendido melhor sua doença e seguido o tratamento prescrito por profissionais da área. “Antes de minha esposa receber o diagnóstico”, diz Mark, já mencionado, “nós dois entendíamos muito pouco sobre doenças mentais. Mas aprendemos a viver um dia de cada vez e a nos adaptar a nossa situação. Tem sido muito bom receber o apoio de profissionais confiáveis, da família e dos amigos.”


O primeiro passo é ter uma avaliação completa de um profissional de saúde experiente

Claudia concorda. “No começo, meu diagnóstico parecia uma sentença de prisão”, admite ela. “Mas, apesar de meus problemas de saúde imporem certas limitações a nós dois, descobri que alguns obstáculos aparentemente intransponíveis podem ser superados. Assim, eu enfrento a doença mental por cooperar com os profissionais que cuidam de mim, manter uma boa relação com outros e viver um momento de cada vez.”

CONVIVENDO COM A DOENÇA MENTAL “Existem dias em que o sentimento de pânico parece tornar impossível fazer certas coisas e, em outros dias, eu não consigo me concentrar o suficiente nem para ler. Algumas vezes, quando chego ao fundo do poço por causa da depressão, eu evito contato com as pessoas, até mesmo com amigos queridos. Uns tentam me ajudar dizendo que tudo vai melhorar logo e que as coisas não são tão ruins assim. Outros dizem para eu me concentrar no que a vida tem de bom. Quantas vezes já tentei fazer isso! Mesmo bem-intencionados, comentários como esses só aumentam meu sentimento de culpa, de que não sou boa o bastante e de que não presto para nada.” — Claudia, África do Sul.

A saúde espiritual é indispensável A Bíblia não diz que a espiritualidade cura problemas de saúde. Ainda assim, muitas famílias ao redor do mundo recebem consolo e força do que ela ensina. Por exemplo, a Bíblia nos garante que nosso amoroso Criador faz questão de consolar os que estão com “coração quebrantado” e “espírito esmagado”. — Salmo 34:18. A Bíblia não é um livro sobre cuidados médicos, mas suas orientações práticas podem nos ajudar a enfrentar sentimentos que causam dor e situações angustiantes. Ela também nos dá esperança de um futuro melhor, quando a vida na Terra estará livre de doenças e de sofrimento. A Palavra de Deus promete: “Naquele tempo abrir-se-ão os olhos dos cegos e destapar-se-ão os próprios ouvidos dos surdos. Naquele tempo o coxo estará escalando como o veado e a língua do mudo gritará de júbilo.” — Isaías 35:5, 6.

Despertai! dezembro de 2014 5


COMO LIDAR COM TRANSTORNOS MENTAIS 1. Siga o tratamento prescrito por um profissional qualificado da área de saúde mental.1 2. Mantenha uma rotina diária equilibrada e estável. 3. Pratique exercícios físicos. 4. Durma o suficiente. 5. Tire tempo todos os dias para relaxar. 6. Tenha uma alimentação balanceada e nutritiva. 7. Limite o consumo de álcool e evite medicamentos que não foram prescritos a você. 8. Não se isole. Passe tempo com pessoas em quem confia e que se importam com você. 9. Dê atenção às suas necessidades espirituais.2 1 Despertai! não recomenda nenhum tratamento específico. Os cristãos devem certificar-se de que o tratamento escolhido não entre em conflito com princípios bíblicos. 2 Veja também o artigo “Como controlar o estresse” na Despertai! de maio de 2014.


OBSERVANDO O MUNDO

GRÃ-BRETANHA Cientistas britânicos anunciaram que um molusco islandês, que achavam ter 405 anos de idade, tinha na verdade 507 anos quando foi morto em 2006. Isso faz dele o animal que viveu mais tempo1 de que se tem registro. O marisco morreu quando foi congelado pelos pesquisadores a fim de ser transportado para o laboratório deles. 1 A expressão “animal que viveu mais tempo” usada aqui não inclui organismos que vivem em colônias, como os corais, que possivelmente estão vivos há milhares de anos.

ALEMANHA De acordo com uma pesquisa feita por uma empresa de seguros, o número de internações em hospitais por causa de ataque cardíaco é um terço maior no dia de Natal que em qualquer outro dia do ano. Segundo essa empresa, as causas principais desse número podem ser o aumento de estresse ao procurar presentes de Natal e as expectativas exageradas de parentes e amigos.

Mar Morto: 5 Francesco Tomasinelli/age fotostock

AMÉRICA LATINA E CARIBE No início do ano, numa conferência realizada em Havana, Cuba, os 33 países membros da Comunidade dos Estados Latino-Americanos e Caribenhos proclamaram seus países como “zona de paz” ao adotarem o compromisso de resolver os conflitos entre si sem o uso da força. Um dos que estavam presentes foi o secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon.

MAR MORTO O mar Morto está encolhendo cerca de 1 metro por ano. Alguns temem que esse lago seque completamente por volta do ano 2050. As autoridades estão buscando uma solução. Uma das opções é dessalinizar a água do mar Vermelho para ser consumida e então canalizar a água salgada restante para o mar Morto. Críticos, no entanto, temem que esse projeto prejudique o inigualável ecossistema desse lago.

Despertai! dezembro de 2014 7


A JUDA PARA A FAMÍLIA  CASAMENTO

Como chegar a um acordo

O DESAFIO Você e seu cônjuge têm preferências diferentes sobre um assunto. Nesse caso, você tem no mínimo três opções:

1. Insistir obstinadamente até que as coisas saiam do seu jeito. 2. Render-se passivamente ao que seu cônjuge quer. 3. Chegar a um acordo. “Mas eu não gosto da ideia de chegar a um acordo”, talvez você diga, “porque parece que nenhum dos dois vai conseguir o que quer.” Chegar a um acordo não significa que os dois vão sair perdendo — se você agir da maneira certa. Mas antes de considerar como fazer isso, existem algumas coisas que você precisa saber a respeito dessa habilidade tão importante.

O QUE VOCÊ PRECISA SABER Para chegar a um acordo, é necessário trabalhar em equipe. Antes do casamento, talvez você tenha se acostumado a tomar decisões sozinho. Agora, as coisas mudaram, e vocês dois precisam colocar seu casamento acima de suas preferências pessoais. Considere isso uma vantagem, em vez de um obstáculo. “Duas pessoas juntas podem conseguir uma solução melhor do que se cada uma tivesse feito isso sozinha”, diz uma esposa chamada Alexandra.

Para chegar a um acordo, é necessário ter mente aberta. ‘Não é preciso concordar com tudo que ele(a) diz ou acredita, mas você tem que estar verdadeiramente aberto(a) para levar em conta a posição dele(a)’, escreveu o Ph.D. em psicologia John M. Gottman. Ele também disse que se você se fechar “quando seu cônjuge tentar conversar com você sobre algum problema, essa discussão jamais chegará a algum lugar”.1 Para chegar a um acordo, é necessário fazer sacrifícios. Ninguém gosta de viver com um cônjuge que sempre acha que “ou é do meu jeito ou não tem jeito”. É muito melhor quando os dois estão dispostos a fazer sacrifícios. “Às vezes eu cedo para fazer meu marido feliz, outras vezes é meu marido que faz isso por mim”, diz June. “É isso que deve acontecer no casamento: dar e receber, não apenas receber.” 1 Do livro Sete Princípios Para o Casamento Dar Certo.

r

Encontre mais ajuda para a família no site www.jw.org


O QUE VOCÊ PODE FAZER Comece a conversa da maneira certa. O tom usado para iniciar uma conversa geralmente é o mesmo em que ela termina. Se você começar com palavras grosseiras, as chances de chegar a um acordo de modo pacífico serão mínimas. Por isso, siga o conselho bíblico: “Vistamse de . . . compaixão, bondade, humildade, mansidão, paciência.” (Colossenses 3:12, Bíblia Pastoral) Essas qualidades vão ajudar você e seu cônjuge a evitar discussões e a resolver o problema. — Princípio bíblico: Colossenses 4:6.

Procure pontos em comum. Se suas tentativas de chegar a um acordo num determinado assunto só estão deixando vocês nervosos, pode ser que vocês estejam se concentrando demais no que não concordam. Em vez disso, tentem identificar pontos em que vocês concordam. Para ajudá-los a fazer isso, cada um pode tentar o seguinte: Faça uma lista de duas colunas. Na primeira, escreva que pontos são muito importantes para você. Na segunda, os pontos de que você poderia abrir mão. Daí, conversem sobre suas listas. Pode ser que vocês concordem em mais coisas que imaginam. Se esse for o caso, chegar a um acordo não vai ser tão difícil. Mesmo que não concordem em tudo, ter todos esses pontos no papel ajuda vocês a enxergar o assunto de forma mais clara. Busque com seu cônjuge uma solução. Alguns assuntos podem ser relativamente fáceis de resolver. Outros são mais complexos, mas, quando marido e mulher buscam juntos uma solução — que talvez nenhum dos dois encontraria sozinho —, a união entre eles pode ser fortalecida. — Princípio bíblico: Eclesiastes 4:9. Esteja disposto a ajustar seu ponto de vista. A Bíblia diz: “Cada um de vós . . . ame a sua esposa como a si próprio; por outro lado, a esposa deve ter profundo respeito pelo seu marido.” (Efésios 5:33) Se marido e mulher se sentirem amados e respeitados entre si, os dois vão querer considerar a opinião um do outro — e quem sabe mudar de ideia. Um marido chamado Cameron disse: “Existem coisas que você não faria, mas, graças à influência de sua esposa, você passa até a gostar muito delas.” — Princípio bíblico: Gênesis 2:18. ˛

T E X T O S P R I N C I PA I S “Vossa pronunciação seja sempre com graça, temperada com sal.” — Colossenses 4:6. “Melhor dois do que um.” — Eclesiastes 4:9. “Não é bom que o homem continue só. Vou fazer-lhe uma ajudadora como complemento dele.” — Gênesis 2:18.

CAMERON E DANITRIA “Se você fizesse tudo que você quer e não ouvisse seu cônjuge nem lhe desse a chance de expressar o ponto de vista dele, você estaria vivendo como se ainda fosse solteiro.”

BRAD E KARLEE “Os dois devem sentir que foram ouvidos e que participaram no processo de decisão. Chegar a um acordo dessa maneira cria um ambiente mais cooperador do que se cada um brigasse para fazer as coisas do seu jeito.”

Despertai! dezembro de 2014 9


OLHUDO E MIÚDO AUDIÇÃO: As orelhas do társio, fi-

nas como uma folha de papel, podem dobrar-se, desdobrar-se e virar em direção ao mais leve ruído. Por causa de sua audição aguçada, o társio consegue evitar predadores, como os gatos selvagens, e também localizar sua presa. À noite, as orelhas do társio detectam o som de grilos, cupins, besouros, pássaros e rãs. Daí, ele vira toda a cabeça, direcionando seus olhos arregalados para sua refeição em potencial.

MUITOS o chamariam de bonitinho; outros, de esquisito. Ele tem pernas finas e longas, pelo macio e olhos enormes e brilhantes. Seu corpo tem uns 13 centímetros de comprimento, e ele pesa pouco mais de 100 gramas. Que animal é esse? É o társio. Vamos dar uma olhada mais de perto numa dessas criaturas, o társio-das-filipinas. Ele tem olhos, orelhas, patas, pernas e cauda que parecem grandes demais para seu corpo tão pequeno. Mas, quando o observamos bem, esse estranho animal revela ter sido engenhosamente projetado.

Em 1997, o governo filipino proclamou o társio-das-filipinas um animal “especialmente protegido”. Por isso, é ilegal caçá-lo, destruir seu habitat e até mesmo tê-lo como animal de estimação. O társio continua a ter o carinho do povo filipino e é um cartão postal do país.

Társio na mão: foto de Gunther Deichmann; társio no galho: 5 Minden Pictures/SuperStock

Proteção ao társio

PATAS: As patas do társio são

especialmente projetadas para segurar galhos finos. A ponta dos dedos é almofadada e tem ondulações bem definidas que fazem as patas aderirem aos galhos assim como um pneu adere ao solo. Mesmo enquanto dorme, o társio precisa manter-se agarrado ao galho. Pregas na parte de baixo de sua longa cauda garantem que ele fique firmemente apoiado na árvore até a hora de acordar.


VISÃO: Nenhum outro mamífe-

ro tem olhos tão grandes se comparados ao tamanho de seu corpo. Na verdade, o olho do társio é maior que seu cérebro! Seus olhos não giram em suas órbitas; eles estão sempre olhando para frente. Será que isso é uma desvantagem? Não, pois o társio tem uma compensação: um pescoço flexível que o permite girar a cabeça 180 graus para os dois lados.

AGILIDADE: As longas pernas

do társio dão a ele a força necessária para saltar uma distância de até 6 metros — mais de 40 vezes seu próprio tamanho! Quando caça, esse pequeno predador noturno salta com os dedos esticados para agarrar a vítima com incrível precisão.

O társio raramente sobrevive em cativeiro, em parte por causa de seu apetite voraz por insetos vivos e de sua aversão a ser tocado. Ainda assim, essa criatura sem igual continua a fascinar os filipinos. Quase cada detalhe desse habitante das florestas de olhos esbugalhados é uma surpresa. ˛

Despertai! dezembro de 2014 11


E N T R E V I S TA  S T E P H E N TAY L O R

Um professor de contabilidade e finanças fala de sua fé O professor Stephen Taylor dá aulas e dirige pesquisas na Universidade de Tecnologia de Sydney, Austrália. Ele estuda os mercados financeiros e como podem ser regulados de forma eficiente. Despertai! perguntou a ele como suas pesquisas influenciaram suas crenças religiosas.

5 John Warburton-Lee Photography/Alamy

Fale sobre sua criação. Fui criado por pais religiosos, honestos e trabalhadores. Eles me incentivaram a ser uma pessoa instruída, por isso, resolvi fazer curso superior na Universidade de Nova Gales do Sul. Notei que gostava de pesquisar, daí decidi seguir carreira como professor e pesquisador acadêmico.

A que área de pesquisa você se dedicou? Eu queria entender como funciona o mercado de capitais,1 o qual permite que as pessoas comprem e vendam ações de uma empresa e, com o capital gerado, banquem seus negócios. Entre outras coisas, pesquiso os fatores que influenciam o preço das ações. 1Tambmm chamado mercado de ações ou de valores mobiliários.

Como assim? Por exemplo, espera-se que as empresas relatem corretamente seus ganhos. Os investidores analisam esses relatórios a fim de avaliar a saúde financeira de uma empresa. Mas alguns métodos usados para relatar lucros não são padronizados. Críticos talvez encarem isso como uma brecha no sistema para que as empresas escondam seu valor e sua lucratividade reais. Como os investidores podem conseguir informações exatas e completas? De que informações os órgãos reguladores precisam para garantir que os mercados financeiros operem de forma justa? Atualmente, eu e meus colegas estamos tentando encontrar as respostas.


Estudar a Bíblia foi o melhor “investimento” da minha vida

Qual foi sua formação religiosa? Eu e meus pais íamos regularmente à Igreja Presbiteriana, mas me afastei da religião na adolescência. Eu acreditava num Criador e respeitava a Bíblia, mas achava que, para resolver os problemas da vida, a religião não ajudava em nada. Para mim, os grupos religiosos eram como clubes sociais. Na Europa, visitei várias igrejas imponentes e me perguntava por que elas ostentavam tanta riqueza, enquanto há tanta pobreza no mundo. Era muito difícil aceitar isso, e acabei me tornando um tanto cético quanto à religião. O que fez você mudar de opinião? Minha esposa, Jennifer, começou a estudar a Bíblia com as Testemunhas de Jeová e a ir a suas reuniões. Achei melhor acompanhá-la e saber quem elas eram. Logo descobri que não sabia quase nada sobre a Bíblia. Aquilo foi um choque! Por isso, comecei a estudar a Bíblia com as Testemunhas de Jeová. Seu método de estudo realmente me impressionou. Elas levantavam perguntas, coletavam e analisavam evidências e então tiravam conclusões lógicas

— métodos que eu usava em minhas pesquisas acadêmicas. Em 1999, poucos anos depois de Jennifer ter sido batizada, eu também fui batizado como Testemunha de Jeová. Seu conhecimento de Economia fortaleceu sua confiança na Bíblia? Sem dúvida. Por exemplo, a Lei de Deus ao antigo Israel tratava de problemas econômicos que ainda desafiam os economistas hoje. A Lei exigia que os israelitas deixassem parte de sua safra para os pobres (uma forma de contribuição e seguro social), concedessem empréstimos sem juros aos necessitados (garantia de acesso a crédito) e devolvessem terras hereditárias a seus proprietários originais a cada 50 anos (proteção aos direitos de propriedade). (Levítico 19:9, 10; 25:10, 35-37; Deuteronômio 24:19-21) Essas e outras provisões econômicas ajudavam o povo de três maneiras importantes: (1) davam o sustento durante reveses financeiros, (2) ajudavam o povo a se recuperar da pobreza a longo prazo e (3) suavizavam a desigualdade econômica — e tudo isso mais de 3 mil anos antes do nascimento da Economia.

A Bíblia também incentiva atitudes que promovem a segurança econômica. Por exemplo, ela ensina as pessoas a serem honestas, confiáveis, compassivas e generosas. (Deuteronômio 15:7-11; 25:15; Salmo 15) É interessante que, depois da recente crise financeira mundial, algumas organizações e escolas de negócios passaram a recomendar que os profissionais do ramo empresarial e financeiro se comprometam a manter certos padrões éticos. Os padrões de moral da Bíblia, em minha opinião, superam em muito os valores éticos defendidos pelas empresas. Como sua fé na Bíblia afetou você? Bem, Jennifer me disse que eu me tornei mais razoável. Antigamente, eu costumava ser perfeccionista, e tudo tinha que ser preto no branco. Talvez seja por isso que contabilidade combina comigo. Mas viver de acordo com os princípios bíblicos definitivamente me ajudou a ser mais equilibrado. Eu e minha família somos muito mais felizes agora. Também gostamos muito de compartilhar a sabedoria prática da Bíblia com outros. Estudar a Bíblia foi o melhor “investimento” da minha vida. ˛

Despertai! dezembro de 2014 13


O CONCEITO DA BÍBLIA  A TERRA

A TERRA Qual é o propósito de Deus para com a Terra? O QUE AS PESSOAS DIZEM Muitos afirmam categoricamente que a Terra surgiu por obra do acaso. Alguns religiosos ensinam que a Terra é um lugar provisório onde Deus testa os humanos, para então decidir se eles serão recompensados com a vida no céu ou condenados ao inferno de fogo.

“Assim disse Jeová, . . . o Formador da terra, . . . que não a criou simplesmente para nada, que a formou mesmo para ser habitada.” — Isaías 45:18.

r

O QUE A BÍBLIA DIZ A Bíblia afirma que “Deus criou os céus e a terra”. (Gênesis 1:1) Deus disse ao primeiro casal humano: “Sede fecundos e tornai-vos muitos, e enchei a terra, e sujeitai-a, e tende em sujeição . . . toda criatura vivente que se move na terra.” (Gênesis 1:28) Eles só morreriam em caso de desobediência. (Gênesis 2:17) Deus determinou que a Terra fosse o lar eterno da humanidade. Ela deveria ser habitada por humanos obedientes que cuidariam dela e viveriam nela para sempre.

Encontre mais respostas a perguntas bíblicas no site www.jw.org


A Terra será destruída? O QUE AS PESSOAS DIZEM Cientistas têm levantado diversas hipóteses sobre a Terra ser destruída ou se tornar inabitável. Essas hipóteses, chamadas algumas vezes de riscos existenciais, incluem desastres naturais — como o impacto de um asteroide ou cometa, erupções supervulcânicas, a morte do Sol ou o aquecimento global — e catástrofes causadas pelo homem — como uma guerra nuclear e o bioterrorismo. O QUE A BÍBLIA DIZ O propósito de Deus para com a Terra não mudou. A Palavra de Deus diz claramente: “A terra permanece por tempo indefinido.” (Eclesiastes 1:4) Além disso, ela será sempre habitada: “Os próprios justos possuirão a terra e residirão sobre ela para todo o sempre.” — Salmo 37:29. POR QUE É UM ASSUNTO IMPORTANTE? Por acreditarem que a Terra por fim será destruída, alguns decidem saquear os preciosos recursos dela; outros perdem a esperança de um futuro melhor e vivem apenas para o hoje. Pensar dessa maneira pode levar a uma vida sem significado ou sem objetivo. Mas, quando acreditamos que é possível viver para sempre na Terra, é mais provável que tomemos decisões que beneficiarão a nós e a nossa família, tanto agora como no futuro distante.

“Ele fundou a terra sobre os seus lugares estabelecidos; não será abalada, por tempo indefinido ou para todo o sempre.” — Salmo 104:5.

Será que o céu é o destino final da humanidade? O QUE AS PESSOAS DIZEM Muitos acreditam que todas as pessoas boas vão para o céu. O QUE A BÍBLIA DIZ O céu pertence a Deus, mas a Terra, aos humanos. A Bíblia fala que a Terra sempre será habitada. (Hebreus 2:5) Jesus foi o primeiro homem a ir para o céu, e a Bíblia mostra que uns poucos escolhidos irão para o céu com um propósito específico. Ao lado de Jesus, eles vão “reinar sobre a terra”. — Revelação (Apocalipse) 5:9, 10; Lucas 12:32; João 3:13.

“Quanto aos céus, os céus pertencem a Jeová, mas a terra ele deu aos filhos dos homens.” — Salmo 115:16.

POR QUE É UM ASSUNTO IMPORTANTE? A crença de que todas as pessoas boas vão para o céu não é compatível com o que a Bíblia realmente ensina. Se Deus levasse todas as pessoas boas para o céu, isso indicaria que ele não conseguiu realizar seu propósito original para com a Terra e que suas promessas relacionadas à vida eterna na Terra não eram verdadeiras. Em contraste, a Palavra de Deus promete: “Espera em Jeová e guarda seu caminho, e ele te exaltará para tomares posse da terra.” — Salmo 37:34. ˛

Despertai! dezembro de 2014 15


JANEIRO DE 2014

ˆ UM SITE PARA VOCE

!"#2

FEV EREIRO DE 2014

COMO APROVEITAR BEM SEU TEMPO

MAR C¸ O DE 2014

A VERDADEIRA ´ HISTORIA DA ˜ CRIAC¸ AO

!"#2

!"#2

!"#2

ABRIL DE 2014

Porˆ que˜ continuar? ˜

TRES RAZOES PARA NAO DESISTIR DA VIDA

MAIO DE 2014

!"#2

COMO CONTROLAR O

´ O QUE E UM AMIGO DE VERDADE?

JULHO DE 2014

!"#2

AGOSTO DE 2014

COMO FAZER AS PAZES?

COMO ENFRENTAR ´ UMA TRAGEDIA

!"#2

SETEMBRO DE 2014

COMO VENCER A

ESTAFA

!"#2

NOV EMBRO DE 2014

!"#2

OUTUBRO DE 2014

´ O QUE E O VERDADEIRO SUCESSO?

!"#2

DEZ EMBRO DE 2014

ˆ O que voce deve saber sobre transtornos mentais

COMO SER

FELIZ

ANIMAIS E PLANTAS Jardineiros voadores (morcegos-das-frutas), 10/14 “Observai atentamente as aves”, 8/14 Olhudo e miúdo (társio), 12/14 ASSUNTOS DIVERSOS ‘A sabedoria está chamando’, 5/14 Caça às bruxas, 5/14 Como aproveitar bem seu tempo, 2/14 Como ser feliz, 11/14 Por que choramos? 3/14 Por que continuar? (suicídio), 4/14 Quando acontece uma tragédia, 7/14 Um site para você (jw.org), 1/14 Verdadeiro sucesso, 10/14

JUNHO DE 2014

ESTRESSE

!"#2

Índice de assuntos de !"#26 de 2014

CIÊNCIA Asa da borboleta, 4/14 Cola da aranha, 1/14 Coletor solar da asa da borboleta, 8/14 Lanterna do vaga-lume, 2/14 Pele das cobras, 3/14 Perna do cavalo, 10/14 Rã que tinha filhotes pela boca, 7/14 Sistema anticolisão do gafanhoto, 9/14 Sistema de navegação do besouro africano, 6/14 ECONOMIA E EMPREGO Como controlar os gastos, 6/14 ENTREVISTAS Biotecnólogo (Hans Kotlar), 2/14 Cirurgião (Guillermo Perez), 5/14 Físico experimental (Wenlong He), 7/14 Microbiologista (Feng-Ling Yang), 1/14 Pesquisador farmacêutico (Frédéric Dumoulin), 4/14 Professor de contabilidade e finanças (Stephen Taylor), 12/14 O CONCEITO DA BÍBLIA Criação, 1/14 Dinheiro, 3/14 Espiritismo, 2/14 Imagens, 10/14 Limpeza, 11/14 Meditação, 5/14 Morte, 6/14 Oração, 9/14 Racismo, 4/14 Religião, 7/14

%

Sonhos da parte de Deus, 8/14 Terra, 12/14 PAÍSES E POVOS Aquedutos romanos, 11/14 Belize, 10/14 Camboja, 4/14 El Salvador, 3/14 Expulsão dos mouriscos, 9/14 Irlanda, 7/14 Itália, 1/14 “Símbolo forte e poderoso” (Memorial da Paz de Hiroshima), 11/14 PERSONAGENS HISTÓRICOS Constantino, 2/14 Priestley, Joseph, 6/14 Whiston, William, 8/14 RELAÇÕES HUMANAS Como aceitar correção, 4/14 Como chegar a um acordo, 12/14 Como dizer “não”, 8/14 Como fazer as pazes? 8/14 Como resistir à tentação, 10/14 Como se livrar do ressentimento, 9/14 Ensinar seu filho a usar a internet com segurança, 5/14 O que é um amigo de verdade? 6/14 O que fazer quando seu filho mente, 11/14 Resistir à pressão dos colegas, 1/14 Ser educado ao trocar mensagens de texto, 7/14 Seu casamento não é o que você esperava, 3/14 Sua filha adolescente se sente estressada, 2/14 RELIGIÃO Criação, 3/14 SAÚDE E MEDICINA Diabetes — como se prevenir, 9/14 Doença na gengiva, 6/14 Estafa, 9/14 Estresse, 5/14 Transtornos mentais, 12/14 TESTEMUNHAS DE JEOVÁ Encontrei esperança quando mais precisava (Miklós Aleksza), 11/14

Faltou alguma? Baixe Despertai! do site www.jw.org

g14 12-T 140828

!"#2

G t 201412  
G t 201412  
Advertisement