Page 1

Visรฃo Geral do Projeto

Alternativas de Desenvolvimento Urbano Local Sustentรกvel Projeto Obra Social: Por


Meta final do projeto:

Envolver o maior número de cidadãos porto-alegrenses em atitudes

meritórias

no

sentido

da

conservação

do

Patrimônio Público Municipal e da Manutenção das Obras e Viações, bem como passarem a ser agentes replicadores dos novos saberes, conceitos e valores adquiridos gerando o Desenvolvimento Urbano Local Sustentável da Cidade de Porto Alegre.


Relação com outros projetos e Compromissos Fundamentais: → Com a transversalidade entre os 21 Programas do eixo governamental da cidade de Porto Alegre; → Possuir o fomento da Responsabilidade Social e da Solidariedade por meio da intersetorialização, participação de todas as esferas governamentais e de todas as instâncias da sociedade. →

Com os Programa da Nações Unidas Para o

Desenvolvimento

(PNUD):

que

é

a

rede

global

de

desenvolvimento da Organização das Nações Unidas, presente em 166 países;


→ Com o Pacto Global que é uma iniciativa desenvolvida pela Organização das Nações Unidas (ONU), com o objetivo de mobilizar a comunidade empresarial internacional para a adoção, em suas práticas de negócios, de valores fundamentais e internacionalmente aceitos nas áreas de direitos humanos, relações de trabalho, meio ambiente e combate à corrupção refletidos em 10 princípios → Com as Oito Metas de Desenvolvimento do Milênio.


Metas de alto nível relacionadas a prazo:

Ser reconhecida como a Secretaria Municipal de Obras e Viação, referência em realizações e consultoria em ações horizontais, territorializadas e colaborativas nos eixos: ambiental, social e econômico dentre as Secretarias de Obras, Viação e Infra-estrutura dos municípios do Estado do Rio Grande do Sul e do Merco Sul, obtendo a melhora no índice de qualidade de vida, dos cidadãos portoalegrenses, por intermédio de políticas públicas de fortalecimento da participação cidadã e fomento da Responsabilidade Social.


Descrição o

O Projeto visa a realizações de ações nas comunidades da cidade de Porto Alegre: o sócio-educativas o sócio-inclusivas o de apoio a iniciativas dos cidadãos o de envolvimento de instituições de ensino em fórum de idéias tanto para a utilização de materiais ecológicos para construção, tanto para práticas de inovação social o valorização das habilidades, competências e vocação local o implantação de instrumentos públicos o de geração de ocupação, trabalho e renda o de fortalecimento de práticas de democracia participativa o aproximação das esferas da sociedade civil e as instâncias governamentais o gestão do conhecimento o implantação e manutenção de REDE de Comunidades de Prática o Formação e qualificação permanente o Aumento dos índices de qualidade de vida e redução de danos


Partes do Projeto: o

Planejamento o Formação de Equipe o Capacitação o Mapeamento e diagnósticos de lideranças, problemas locais e possibilidades o Captação de Recursos o Implantação da ação ou obra o Execução o Avaliação e Monitoramento e (re)Planejamento


Análise do Contexto o

Existe a não apropriação por parte da comunidade do Patrimônio Público, das Obras e Viação ( entendendo-se, também por Patrimônio Público: Patrimônio Natural, Histórico, Cultural, Educacional, Social, Intelectual, Individual, Familiar, Comunitário) o A falta de ocupação, de geração trabalho e renda resulta na baixa auto-estima estima dos sujeitos e das comunidades, o que pode levar a danos morais, sociais, atos de desvio de conduta, vandalismo entre outros o Uma parcela dos cidadãos não tem visão de co-responsabilidade e co-gestão local o O não cuidado com o Patrimônio Público gera baixa qualidade de vida nos centros urbanos


o O ser humano não tem condições de replicar saberes que não conhece o Poderá haver mais espaço de aprendizado organizacional e de convivência empresarial entre os próprios funcionários da secretaria o Há pouco envolvimento de alguns setores da sociedade civil e no fomento da Responsabilidade Social o O valor do espírito da solidariedade precisa ser resgatado o Existem inúmeras áreas de conhecimento humano, os cidadãos não são alfabetizados em todas


Pontos Positivos de Expectativa o Com a execução do Projeto há expectativa de: o que haja meta beneficiários com apropriação legitimada e comunitária do Patrimônio Público o maior geração de ocupação, trabalho e renda o resgate a auto-estima dos sujeitos, das famílias, das comunidades, através do empoderamento, gerando maior inclusão social o redução nos índices de vandalismo o redução de danos sociais o aumento nos índices de iniciativa comunitária, de cooperação, de co-responsabilidade e co-gestão territorializada


o aumento nos índices de qualidade de vida dos cidadãos o Alfabetização para o Desenvolvimento Urbano Local Sustentável o que os cidadãos envolvidos no Projeto sejam agentes replicadores do saber o que haja melhora nos índices de aprendizagem organizacional e de convivência entre os funcionários da secretaria o que o espírito da Solidariedade passe a fluir mais entre os cidadãos o fortalecer os vínculos de todas as instâncias da sociedade civil e de todas as esferas governamentais de uma forma linear o Maior índice de comprometimento com do fomento da Responsabilidade Social


Tecnologia o

o

Serão utilizadas tecnologias de práticas de: o Inovação Social o Inovação em modelos Sócio-Produtivos, o Tecnologias de inovação para a conservação do meio-ambiente Serão estimulados e apoiados o estudo e aplicação de tecnologias cientificas de inovação voltadas : o o o o

a harmonia comunitária aprendizagem e aplicação organizacional aos cuidados ambientais Estudos, desenvolvimento e descobertas de novas tecnologias de construção, para a economia energética e redução de custos


Equipe/Recursos o

Pressupostos sobre os recursos alocados para este projeto:

o

Espaço Físico: Avalia-se que para organização e desenvolvimento do Projeto seja necessário uma sala específica.(poderá ser na SMOV ou qualquer outro local e deverá comportar a equipe multidisciplinar)

o

Recursos Humanos: Será necessária uma equipe multidisciplinar para garantir a excelência em eficiência.

o

O envolvimento e recrutamento dos Recursos Humanos será por afinidade e adesão, ao longo do período poderá dar-se: - sob a forma de otimização do aproveitamento de funcionários do quadro, da PMPA, que estejam em readaptação, desvio de função, cargos em extinção, etc. A viabilização e legalização da situação funcional será por cooperação técnica inter-secretarias Também será fortalecida a ação de Voluntários. Contratados pelos parceiros, Outros


o Recursos Materiais Permanentes: serão disponibilizados intersetorialmente, via empréstimo patrimonial por reaproveitamento de materiais sem uso ou desativados; o Os Recursos Materiais de Consumo de Escritório: serão disponibilizados pela Prefeitura Municipal, articulados pela SMOV, mediante solicitação prévia e doações realizadas pelos parceiros do Projeto o Serviços Externos - Visitas às comunidades pelos agentes comunitários - execução de Seminários, fóruns, formações, entre outros o Serviços de Suporte - Veículo para deslocamentos - telefone celular


Procedimentos o

Existem diferenciais nos procedimentos deste projeto: o Otimização dos recursos humanos disponíveis no município o Aprendizado e prática do trabalho em equipe e intersetorializado o Valorização da cultura e do saber de cada indivíduo no processo, tanto funcionário, quanto das comunidades, dos voluntários, do empresariado, etc.. o Empoderamento dos cidadãos gestores ativos o Apropriação comunitária das obras e serviços executados pela secretaria com receita pública o Redução de custos de investimentos municipais o Fortalecimento da democracia participativa o Estímulo e apoio ao empreendedorismo o Aproximação convergente das instâncias da sociedade civil o Apoio da sociedade civil às ações governamentais o Fomento da Responsabilidade Social


Programação o

O avanço do Projeto se dará em fases. Expectativa da programação: Fase

Fase

Fase

Fase

1

2

3

4

Jan Fev Mar

o Fase

Abr

Maio

Jun

Jul

Ago Set

Out

Nov

Dez

1- Implantação; Fase 2 Inicialização; Fase 3 Apresentação dos Projetos e Ações, Captação de Recursos; Fase 4 Execução o Observação: após a Fase 1 e 2 as ações são cíclicas e cada vez mais qualificadas e aperfeiçoadas.


Status Atual Fase 1: o Planejamento o Apresentação o Correções o Adequações o Re- organização do Planejamento o Nova Apresentação Re-adequada o Aval de inicialização o Lançamento do Projeto o Inicialização


Memorial Documental o

Planejamento Geral Impresso: o do Projeto o do Fórum

o

Planejamento Geral versão Power Point: o do Projeto o do Fórum

o

Planejamentos detalhados impressos: o Fases o Avaliação e Monitoramento o Pré Calendário

o

Planejamentos detalhados versão Power Point o Fases o Avaliação e Monitoramento o Pré Calendário


- FIM Porto Alegre 2009

VirgĂ­nia Gelbcke Gubert

2 Visão Geral do Projeto  

parte 2 visão geral do projeo

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you