Page 1

E xperientes

Jornal da Federação das Associações e Departamentos de Aposentados, Pensionistas e Idosos do Estado de São Paulo

ED.004

JUNHO 2014

FAPESP VAI A BRASÍLIA PARA LUTA NA APROVAÇÃO DA PL 4434/08 Durante todo o mês de maio a Federação foi cobrar dos governantes a votação do projeto

A FAPESP durante o mês de maio foi diversas vezes a Brasília para cobrar dos Deputados Federais articulações para que seja aprovada o quanto antes o Projeto de Lei 4434/08 que prevê o reajuste do salário dos aposentados na mesma proporção que foi contribuído. Não vamos parar de lutar e cobrar as autoridades porque os aposentados merecem ter de volta o direito do poder de compra . (Páginas 4, 5 e 6)

PELA APROVAÇÃO DO PROJETO DE LEI 4434/08 E CORREÇÃO DOS VENCIMENTOS DOS APOSENTADOS

CARTA ABERTA AOS DEPUTADOS (Página 3)

www.federacaofapesp.com.br

facebook.com/federacaofapesp

@federacaofapesp


02 ESPAÇO DO PRESIDENTE

EXPERIENTES

TRAPALHADA DO STF: FALTA DE RESPEITO AOS APOSENTADOS

Aproveitamos esse espaço para relembrar a toda nossa gente que o Passe Livre para viagem interurbanas (para qualquer cidade do estado), metrô, CPTM (trens) , EMTU (Transporte Metropolitano) e também nos ônibus municipais da cidade de São Paulo as pessoas a partir de 60 anos de idade já está regulamentado, é direito adquirido. Nossa conquista!

Solicitamos a todas as Associações que informem seus associados e a população de sua cidade. Tem muita gente com 60 ou mais anos que ainda pagam passagem. Lembrando ainda que o Passe Livre veio de Projetos de Leis do próprio Governo do Estado, do Deputado Campos Machado e do Prefeito Haddad com iniciativa da FAPESP. É vitória dos aposentados, pensionistas e idosos. Já tínhamos dúvida quanto às ações do STF, Supremo Tribunal Federal, devido ao julgamento político do crime do mensalão. Foi publicada uma resolução no qual o Supremo diz que os índices dos valores de reajustes pagos pela Previdência são pelo INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), porque desta forma, segundo eles, o percentual atual não traz perda aos aposentados e pensionistas.

Espaço Jurídico com Dr. Rodrigo Oliveira Cevallos DESAPOSENTAÇÃO Nesta edição do jornal Experientes explicaremos a desaposentação que trata-se de concessão de um novo e mais vantajoso benefício. O Superior Tribunal de Justiça pacificou o entendimento de que não precisa devolver dinheiro recebido pela aposentadoria anterior para o INSS. A desaposentação chega até a dobrar o valor da renda recebida pelo aposentado.

Quem tem direito são os aposentados que após a aposentadoria continuaram a trabalhar com registro em carteira de trabalho ou pagou INSS com o mesmo patamar de salário recebido antes da aposentadoria. Os documentos necessários para poder dar entrada no processo são: carta de concessão e memória de cálculo da aposentadoria, CONBAS, CNIS de vínculos, remunerações e ou recolhimentos. Todos estes documentos devem ser retirados no INSS.

Senhores Ministros, com essa afirmação Vossas Excelências mostram que não entendem nada de economia previdenciária. Procurem apoio e assessoria da ANFIP (Associação Nacional dos AuditoresFiscais da Receita Federal do Brasil) e com certeza não diriam “ verdades” improcedentes. Senhores Ministros conversem com as esposas que vão ao supermercado mensalmente que com o mesmo valor não conseguem comprar em fevereiro o que compraram em janeiro. Portanto há perdas sim, mas como alguns Ministros não viram nem os crimes do mensalão, como verão perdas para a gente que construiu este país? Cidadãos de bem são penalizados em nosso país. Cuidado Ministro Joaquim Barbosa, porque daqui a pouco o Senhor vai preso e o pessoal do mensalão todos soltos.

Lembrando que é necessário a apresentação da carteira de trabalho, RG, CPF e comprovante de residência em nome do segurado dos últimos 3 meses. SAIBA SEUS DIREITOS! Para agendar uma consulta com o departamento jurídico da FAPESP basta ligar para o telefone (11) 3150-9393 e marcar hora e data do atendimento. Os atendimentos ocorrem na sede da Federação na Rua 24 de Maio, 250 :: 1º Andar - República, São Paulo.

EXPEDIENTE Federação das Associações e Departamentos de Aposentados, Pensionistas e Idosos do Estado de São Paulo CNPJ: 60.263.365/0001-30 Rua 24 de Maio, 250 :: 1º Andar - República :: CEP: 01041-000 São Paulo SP Tel: (11) 3150-9393 Site: www.federacaofapesp.com.br Facebook: www.facebook.com/federacaofapesp DIRETORIA EXECUTIVA Presidente: Antonio Alves Da Silva Vice-Presidente: José Carlos da Cruz Prates Secretário Geral: José Goulart Da Silva 2º Secretária: Mercedes Lopes Mendes Tesoureiro: Octaviano Pereira Santos 2º Tesoureiro: Felicio Pereira Barbosa

Diretor de Comunicação Social: Adonias Cesário de Souza Diretor Adjunto: Ana Maria Martins Diretor de Assuntos Jurídicos: Valdemar Venâncio Diretor de Rel. Sind. Movimentos Sociais: Juraci Goes Diretor de Patrimônio: Antero Ferreira Lima Diretor Adjunto: Jaime da Silva Cortez Diretor Previdência Social: Jandir Teixeira Diretor Adjunto: Nelson Gonçalves Diretor de Eventos: Rupert Martins Silva Diretor Adjunto: Lydia Roque Diretor de Cultura E Lazer: Eva Narciso Miguel Diretor Adjunto: Norma Lopes Golçalves

CONSELHO FISCAL TITULAR 1 – José Veiga de Oliveira 2 – Laércio Carolino 3 – José Nunes CONSELHEIROS SUPLENTES 1 – José Roberto Scarpari 2 – Ramios Pereira do Nascimento Jornalista responsável e design gráfico Renan Matavelli E-mail: renanmatavelli@gmail.com Impressão: Gráfica Cinelandia Tiragem : 30 mil exemplares


03

JUNHO 2014

CARTA ABERTA AOS DEPUTADOS A FAPESP está comprometida na luta dos direitos do aposentado, pensionista e idoso. Não vamos parar de cobrar as autoridades pela aprovação da PL 4434/08. Este documento intitulado Carta Aberta foi entregue a todos os Deputados Federais. Desta forma, aguardamos para que seja tomada as prodivências necessárias para aprovação deste projeto tão importante para os aposentados. A seguir está disponível na íntegra a carta. “Srs. Deputados. Hoje mais de 90% dos aposentados e pensionistas são idosos e já há muito tempo são discriminados criminosamente pelo Governo Federal quanto aos reajustes dos salários, o qual chamam de Benefício. Hoje, os caros deputados, que foram eleitos dizendo que iriam defender o povo, não votaram ainda, o Projeto de Lei 4434, e cometem a mesma discriminação contra todos aqueles que durante sua vida laboral construíram a nossa nação brasileira, queremos com a aprovação deste Projeto de Lei, que o Seguro Social nos garanta uma vida digna.

A discriminação que falo, ultrapassa os limites de simples consideração financeira e não permite que haja um discernimento entre o BEM e a JUSTIÇA. O artigo segundo do Estatuto do Idoso, assegura a todos as pessoas com mais de 60 anos, os direitos fundamentais à pessoa humana, assegurando todas as oportunidades ao social e a dignidade entre outros. Então, como fica o discurso do governo, onde afirmam que não há perda do poder de compra e nem redução de salários? Basta perguntarmos para qualquer dona de casa, se no mês de fevereiro ela conseguiu comprar os mesmos produtos com o valor que gastou em janeiro. Há sim perdas do poder de compra e redução de salários, e a única forma de se corrigir esta situação será transformar em lei a PL 4434, que aguarda até hoje votação no plenário da Câmara. Discriminar o trabalhador e proteger os empresários (exemplo da desoneração da folha de pagamento, só para citar umas das diversas ações) é marca deste Governo.

ABAIXO A DITADURA DA CANETA Conclamamos que todos os Deputados Federais coloquem em votação e aprovem de vez, o Projeto de Lei 4434/08 – que visa recuperar as perdas dos proventos dos aposentados e pensionistas. Já que dizem que o povo brasileiro é um povo sem memória, vale relembrarmos que o PL 4434 tinha o número 58 e foi aprovado por unanimidade no Senado Federal e em todas as comissões da Câmara Federal. Falta agora ser votado e aprovado no Plenário da nossa Câmara Federal. Aprovando este projeto de Lei, os senhores Deputados corrigirão uma das maiores injustiças praticadas contra o povo brasileiro, e que inclusive atenta contra os direitos humanos, já que a atual política de arrocho coloca na miséria milhões de aposentados em todo o Brasil. Em nome de todos aposentados, pensionistas e idosos brasileiros pedimos – votem e aprovem o projeto de lei 4434 pelo bem da nossa gente.”

Olha a vergonha e covardia: STF reafirma validade do índice de reajuste de benefícios No final do mês de Maio o Sumonetária do benefício porém o mento dos benefícios para preserpremo Tribunal Federal reafirmou Tribunal Especial Federal de Pervar-lhes, em caráter permanente, o entendimento que os índices nambuco reiterou que os perceno valor real, conforme critérios fixados para reajuste dos benefítuais fixados em lei estavam cordefinidos em lei”. cios pagos pelo Instituto Nacional retos e o mesmo ocorreu na maior Podemos concluir que os Sendo Seguro Social, INSS, estão corinstância jurídica do país. hores Ministros não estão a par da retos. O Plenário afirma que houve real economia e vida dos aposenDe acordo com a decisão dos respeito aos limites indicados na tados do país. Os aposentados que Ministros, os índices adotados ennorma de regência, não podendo contribuíram, por exemplo, 10 tre os anos de 1997 e 2003 foram alegar a violação ao artigo 201 salários mínimos hoje recebem 3. superiores ao INPC (Índice Na(parágrafo 4º) da Constituição Essa defasagem faz o aposentado cional de Preços ao ConsumiFederal, que assegura “o reajustanão ter poder de compra e ser mardor), índice base para o cálculo de ginalizado perante a sociedade. reajuste, e assim não desrespeitarOs Ministros do Supremo ia o Parágrafo 4º do artigo 201 da deveriam avaliar a questão Constituição Federal que garante a econômica e consultar a ANFIB manutenção do valor real do benque possuem dados e informações eficio pago aos aposentados. completamente divergentes Inicialmente o assunto foi codo que foi afirmado. O salário locado em discussão pelo motivo do aposentado é vergonhoso, que os autores do processo solicidefasado, e sim, precisa de tavam que fosse aplicado entre os correção monetária digna não anos 1997 e 2003 o IGP-DI (Índice seguindo apenas índices abaixo da Geral de Preços – Disponibilidade inflação que está nas prateleiras Interna) como índice de correção dos supermercados.


04

EXPERIENTES

FAPESP vai a Brasília na luta pela aprovação da PL 4434 A FAPESP sobre a liderança da COBAP foi diversas vezes a Brasília ,em maio, para cobrar dos Deputados Federais articulações para que seja aprovado o quanto antes o Projeto de Lei 4434/08 que prevê o reajuste do salário dos aposentados na mesma proporção que foi contribuído. Os Dirigentes da FAPESP entregaram documentações aos deputados Federais de São Paulo e com a ausência da maior parte das Federações a FAPESP assumiu o compromisso de defender e divulgar a proposta a todos os deputados dos demais estados. O presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), recebeu no dia 13 de maio, o Presidente da FAPESP Antônio Alves da Silva, além de diretores e presidentes de diversas Federações que colocaram em discussão o Projeto que corrige os benefícios dos aposentados de acordo com o aumento do salário mínimo e a aprovação do Projeto de Lei 4434/08, do senador Paulo Paim (PT-RS). Na reunião, a FAPESP se fez presente e pressionou o Presidente da Câmara sobre a importância da articulação do projeto para os aposentados. Na reunião estava presente o Deputado Federal Arnaldo Faria de Sá (PTB), o presidente da COBAP, Warley Martins, e os presidentes das Federações de Santa Catarina, Iburici Fernandes e Minas Gerais,

Dirigentes da FAPESP e da COBAP com o Deputado Federal Arnando Faria de Sá.

o presidente Robson Bittencourt, além dos dirigentes Moacir Meirelles, Nelson Osório, Silberto Silva, Josias Mello, entre outros. O presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves, ouviu as lideranças e percebeu a pressão popular que existe para aprovação do projeto e se comprometeu tratar o assunto com Ministro da Previdência, Garibaldi Alves e que retornaria com um posicionamento sobre a votação da PL 4434 e PL 7185, projeto que garante a continuidade da política de valorização do salário mínimo, com reajustes anuais acima da inflação e com base no PIB para todos os aposentados, inclusive para quem ganha mais de um salário mínimo. Mesmo com o presidente da Câmara mostrando favorável ao projeto, a FAPESP realizou várias reuniões para pressionar a votação

da PL 4434. Os aposentados se encontraram primeiramente com o pré-candidato a presidência da República, Eduardo Campos, sem dar muita esperança ao aposentado em seu plano de governo. Na sequencia os dirigentes foram recebidos pelo précandidato a presidência da República pelo PSDB, Aécio Neves. O pré-candidato se comprometeu colocar no plano de governo ações e projetos a favor do aposentado e se mostrou favorável da aprovação da 4434. Outro projeto barrado era o recolhimento do valor de 2 reais por ano de cada trabalhador para repasse as Entidades que lutam a favor do aposentado. O précandidato percebeu a importância da aprovação do projeto e prometeu liberar para votação, já que estava barrado pelo próprio PSDB.

FAPESP vai a ANFIB pedir apoio a ação no Ministério Público O Presidente da FAPESP, Antonio Alves da Silva e a advogada Rosana Tavares foram à ANFIP ( Associação Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil) para pedir apoio na ação que será movida junto ao Ministério Público a favor dos aposentados. A reunião com o Dr. Floriano Martins de Sá, Presidente da Fundação ANFIP de Estudos da Seguridade Social, se disponibilizou na assessoria e apoiou a

FAPESP. Além disso, verificou o artigo 2º da PL 7185 esclarecendo as dúvidas sobre a PL que beneficia a todos que recebem cobertura da Previdência . A notícia pode ser animadora, mas a PL7185 não prevê o reajuste e a reposição dos salários dos aposentados que já estão defasados. O problema seria resolvido em partes, por isso a luta da FAPESP continua pela aprovação da 4434.

Presidente da Fundação ANFIP, Dr. Floriano Martins de Sá e o Presidente da FAPESP, Antonio Alves da Silva


JUNHO 2014

FAPESP analisa proposta do Projeto de Lei 7185 Durante a primeira ida a Brasília a FAPESP soube que o Projeto de Lei 7185/2014 de autoria do Deputado Federal André Figueiredo que conseguiu aprovação na Comissão de Trabalho da Câmara dos Deputados um relatório favorável ao projeto que garante a continuidade da política de valorização do salário mínimo, com reajustes anuais acima da inflação e com base no PIB, válido até 2019. O Projeto será examinado pela Comissão de Finanças e Tributação, Comissão de

Constituição, Justiça e de Cidadania. O Deputado alterou o projeto original para corrigir uma injustiça sofrida para quem ganha mais de um salário mínimo incluindo a todos os benefícios pagos pelo Regime Geral de Previdência Social. Desta forma, o Presidente da FAPESP e a advogada Rosana Tavares foram debater com o Deputado Federal Arnaldo Faria de Sá o artigo segundo do Projeto que diz: “Art. 2º O disposto nessa Lei se aplica igualmente a todos

05

os benefícios pagos pelo Regime Geral de Previdência Social – RGPS, estabelecido na Lei nº 8.213, de 24 de julho de 1991.”

FAPESP se reúne com liderança do PTB e pede apoio na aprovação da 4434 O presidente da FAPESP, Antonio Alves da Silva se encontrou com os líderes do PTB, o Deputado Federal Arnaldo Faria de Sá, o presidente do PTB Benito Gama, o Deputado Federal e o líder do PTB Jovair Arantes (GO) e Luiz Madureira vice-presidente do PTB representando o Deputado Estadual Campos Machado. Nesta reunião, o Presidente da FAPESP mostrou a importância do projeto que só precisa da votação no Plenário da Câmara. Os líderes se comprometeram levar adiante as articulações nas bancadas para colocar em pauta o Projeto. A FAPESP aguarda por meio desta ação que as lideranças arti-

culem no Congresso a aprovação do projeto. O aposentado precisa ser valorizado e como qualquer outro cidadão tem gastos e merece o mínimo de comodidade e que se preserve a quantidade de salários contribuídos.

Os aposentados exigem respeito e a votação da 4434, do projeto do senador Paim, que nos restituem direitos devidamente contribuídos. A FAPESP não vai parar de cobrar as autoridades até que seja colocada em discussão e aprovada a PL 4434.

Após pressão, o Deputado Federal Vicentinho do PT atende aposentados

Finalmente depois de duas semanas, no dia 27, o líder do PT na Câmara dos Deputados, o deputado Vicentinho (SP), recebeu no gabinete da liderança do partido, documento reivindicando a votação da PL 4434/08. O presidente da COBAP, Warley Martins, apontou que desde que o atual governo tomou posse o projeto está paralisado mesmo estando pronto para ser votado. A FAPESP marcou presença com os Diretores José Nunes e Edegar de Assis, o representante da Anfip, Floriano Sá Neto e o secretáriogeral da COBAP, Luiz Legnani também estiveram presentes e todos pressionaram o líder para que seja votado com urgência o projeto. Vicentinho se comprometeu a levar a demanda para a bancada e retornar o quanto antes e solicitará audiência

direta entre governo e os aposentados. Apesar das cobranças o Deputado ressaltou projetos de autoria dele como o pedágio livre para aposentados, a isenção de impostos para quem faz doações para instituições de idosos carentes e projeto no qual o IBGE calcula a quantidade de cestas básicas que o trabalhador tem condições de comprar quando se aposenta para que seja mantido esse poder de compra. Este encontro aconteceu após o chefe de gabinete de Vicentinho receber o presidente da FAPESP, Antonio Alves da Silva e da COBAP, Warley Martins alegando que o Deputado tinha um compromisso inadiável, mesmo com a reunião agendada anteriormente. Falta de respeito e compromisso com os aposentados. É isso que no governo federal tem feito, distratando o idoso, aposentado e pensionista.

O Deputado foi visto logo depois andando pelos corredores do Congresso Nacional para ajudar os companheiros governistas na CPI da Petrobras. O governo está buscando tapear a população e esconder toda a roubalheira e quebra financeira da Petrobras e dos gastos excessivos para Copa do Mundo e esquecem do principal, governar o país. O não comparecimento do deputado é reflexo da falta de comprometimento com a classe dos aposentados.


06

EXPERIENTES

FAPESP visita Associações no interior de São Paulo A FAPESP durante última semana de maio viajou para diversas cidades do interior do estado de São Paulo para se reunir com dirigentes das Associações filiadas ou não da Federação. As visitas tem como objetivo fortalecer o movimento e trazer unidade na luta do aposentado. O Presidente da FAPESP Antonio Alves da Silva durante as reuniões conversou com os Presidentes das Associações sobre a importância da unidade no movimento e sobre os problemas que os aposentados tem sofrido ao longo dos anos e as propostas que a FAPESP está batalhando. As visitas passaram pela Associação de Ourinhos, Presidente Epitáfio, onde foi recebido pelo prefeito Sidnei Caio da Silva Junqueira (Picucha) e autoridades da Câmara dos vereadores que discutiram até a possibilidade da instalação de uma colônia de férias da Federação na cidade. O Presidente Antonio Alves da Silva também visitou a Associação dos Aposentados de Tupã, Garça e Bauru e região.

Reunião em Presidente Epitáfio

Jornal Experientes entregue as autoridades

Reunião em Bauru e região

Reunião em Tupã

Reunião em Garça

Reunião em Ourinhos

Assoc. dos Aposentados e Pensionistas de São José dos Campos inaugura nova sede

A Associação dos Aposentados e Pensionistas de São José dos Campos inaugurou no dia 2 de junho a nova sede de atendimento. Para celebrar esta inauguração durante toda a primeira semana a Associação realiza um café especial para marcar o início da nova estrutura. Todos os dias centenas de

pessoas passam por lá para conhecer o novo espaço e claro, só recebe elogios. O Presidente da FAPESP, Antonio Alves da Silva estava presente no evento e destaca que com o novo espaço, os associados terão mais conforto e estrutura para receber os serviços oferecidos pela Associação.

FAPESP realiza Assembleia Geral de Prestação de Contas No dia 21 de maio aconteceu na sede da FAPESP a Assembleia Geral de Prestação de Contas de 2013. O encontro contou com a participação dos Diretores que além de aprovarem os gastos debateram assuntos pertinentes a luta do aposentado. Foi destacado as viagens da FAPESP a Brasília para articular a PL 4434. No dia 17 de julho será convocada Assembleia extraordinária para ser acrescentado no Estatuto da Federação itens referentes a prática esportiva e ações culturais para eventos futuros.

Na reunião a presidente da FENIX – Movimento dos Trabalhadores Aposent. e Pensionistas de São Paulo, Mercedes Lopes Mendes, participou da Assembleia de prestação de contas.


07

JUNHO 2014

UAPO marca presença em festa do Dia do Trabalhador No dia primeiro de maio foi comemorado em todo o país o Dia do Trabalhador. A UAPO, União dos Aposentados e Pensionistas de Osasco marcou presença no evento realizado com parceria das centrais sindicais e a prefeitura de Osasco. O Diretor da FAPESP e Presidente da Associação, Octaviano Pereira fez parte da comissão organizadora do evento representado a classe dos aposentados. “Não tivemos discursos políticos e dessa forma deu para marcar presença no evento e mostrar que o aposentado faz parte da sociedade”, disse o presidente. A participação da UAPO na mobilização do Dia do Trabalhador nos mostra o quanto é fundamental fazer

parte da luta do trabalhador ativo porque todos um dia se aposentarão. O aposentado é trabalhador tão quanto o trabalhador ativo. Em ato inédito na história de Osasco, diversos sindicatos e centrais sindicais se uniram para realizar o show que reuniu mais de 20 mil pessoas no evento. O local escolhido para as celebrações foi o Estádio da Vila Yolanda, que sediou uma das atividades da semana, o Grande Show de 1º de Maio de Osasco de 2014. Com entrada gratuita, o evento contou com apresentações de Michel Télo, Paula Fernandes, Gusttavo Lima e Fernando e Sorocaba, Cristiano Araújo, Roberta Miranda, Sorriso Maroto, Sampa Crew, Edson,

João Neto e Frederico, dentre outros nomes da música brasileira e regional.

Idealizado e com a participação da primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade de Osasco, Sandra Missiano Lapas, o “Coral do Servidor” – formado por cerca de 60 funcionários da Prefeitura de Osasco.

Norma Lopes Gonçalves: Vinte anos de dedicação e luta pelo aposentado A presidente da ARAPS, Associação Regional dos Aposentados Pensionistas pela Previdência Social Rio Claro, Norma Lopes Gonçalves é um exemplo de luta e dedicação no movimento dos aposentados. Há mais de 20 anos dedica seus dias auxiliando e lutando a favor da melhor qualidade de vida para os idosos. Norma comenta que soube da FAPESP antes de se aposentar. “Quando ainda estava na ativa ouvi através de uma rádio sobre a Federação e fui atrás para ter mais informações para ajudar no recolhimento de um abaixo assinado que era divulgado na época.” A presidente se aposentou em 1991 e foi convidada para trabalhar no movimento, porém ela já tinha planejado morar no interior. Quando se mudou para Rio Claro viu que existia uma associação pequena com poucos voluntários, a ARAPS. “ A

Associação era bem pequena a porta quase sempre se encontrava fechada e já em 1994 por conhecer um dos dirigentes comecei trabalhando como vice-secretária da associação. No ano de 2000 assumiu o cargo de presidência quando anos depois se associou a FAPESP e neste período lutou para trazer benefícios a associação como o Plano de Saúde e assessoria jurídica. “Nesta

Associações Aniversariantes de Junho! 12/06 – Assoc. dos Trabalhadores Metalúrgicos Aposentados e Pensionistas De Piracicaba 13/06 – União dos Aposentados dos Transportes de São Paulo 13/06 – Assoc.dos Aposentados e Pensionistas de Penápolis 13/06 – Assoc. dos Trabalhadores Têxteis Aposentados de São Paulo 20/06 – Assoc. dos Aposentados, Pensionistas e Idosos de Novo Horizonte 21/06 – Assoc. dos Aposentados e Pensionistas do Embu 22/06 – Assoc. dos Aposentados e Pensionistas da Sabesp 23/06 –Msindicato dos Trabalhadores da Universidade de Campinas – Stu 25/06 - Assoc.dos Aposentados e Pensionistas de Cachoeira Paulista

época conheci as associações da região e nas diversas reuniões que participava fui convidada para fazer parte do conselho fiscal da FAPESP”, ressaltou. Norma destaca a importância do movimento na luta pelos direitos dos aposentados. “Primeiro só tenho que agradecer a FAPESP por unir as associações e fazermos o nosso movimento ter força para conquistar melhor qualidade de vida ao aposentado. O Sr. Antonio Alves, hoje presidente da FAPESP, consegue com sua organização e capacidade de reconciliação unir mais ainda o movimento”, disse a presidente. A dirigente deixa claro a importância e a dedicação que tem com o movimento, não aceitando o tratamento do governo. “A união faz a força para todos os dias conseguirmos ir a luta. Sabemos que o governo nada oferece de bom grado, por isso é necessário lutar e provar que nossa classe é importante e existe. Devemos se orgulhar do nosso papel na sociedade porque se o Brasil é tão rico, é graças ao nosso trabalho de décadas e décadas, hoje somos aposentados mas já contruibuimos muito pelo desenvolvimento dessa país. Por isso, merecemos ser respeitados e vamos continuar lutando pelos nossos direitos.”, finalizou a Presidente.


08

EXPERIENTES

ENTIDADES FILIADAS NA FAPESP SINDAPFER | Sindicato dos Aposentados, Pensionistas, Ferroviários e demais Categorias do Estado de São Paulo (11) 3229-8295 / 3228-0271 sindap@bighost.com.br UAPO | União dos Aposentados e Pensionistas de Osasco Fone:3682-9895 / 99478-2781 uapo@terra.com.br Associação dos Trabalhadores Aposentados nas Indústrias Químicas do ABCD (11) 4433-5835 / 4432-3624 aposentados@quimicosabc.org.br Associação dos Aposentados e Pensionistas de Mauá (11) 4513-2271 / apmaua@yahoo.com.br Associação dos Trabalhadores têxteis Aposentados de São Paulo (11) 3313-4011 / 3313-3679 texteis@uol.com.br Associação dos Aposentados e Pensionistas da SABESP (11) 3372-1000 / Fax:3372-1009 aapsabesp@uol.com.br Associação dos Aposentados Idosos de São Carlos e Região (16) 3411-2189 apaisc.sc@gmail.com Associação dos Aposentados e Pensionistas de Araraquara (16) 3335-2452 / (16) 8173-4645 assoc.apa@bol.com.br

SINTAEMA – Sindicato dos Trabalhadores de Água, Esgoto e Meio Ambiente do Estado de São Paulo – Política Social (11) 3329-2500 / 3329-2537 aposentados.sintaema@terra.com.br Associação dos Aposentados de Taquaritinga (16) 3253-7253 associacao.aposentados-pensionistas@hotmail.com Associação dos Trabalhadores Aposentados e Pensionistas da Região do Grande ABCDMRPRGS (11) 4435-4702 / 4427-8977 secretaria@associacaoabc.com.br; atapaabc@gmail. com Associação dos Pensionistas Aposentados de Itanhaém (13) 3422-2114 apaire@terra.com.br Associação dos Aposentados e Pensionistas de Presidente Epitácio (18) 3281-1233 aappesaopaulo@yahoo.com.br União dos Aposentados e Pensionistas de Embu e Região (11) 4782-1541 jair.to.le.do@hotmail.com União dos Aposentados, Pensionistas de Guarulhos (11) 2087-7788 uniaodosaposentadosguarulhos@hotmail.com

Associação dos Aposentados e Pensionistas de Sorocaba (15) 3211-3554 / 3233-4867 / (15) 98837-1943 Apenso.so@gmail.com

Associação dos Aposentados e Pensionistas de Ribeirão Preto (16) 3636-6914 / 3612-7852 aapirt@yahoo.com.br

ADMAP – Associação Democrática dos Metalúrgicos Aposentados e Pensionistas de São José dos Campos e Região (12) 3922-1341 / 3923-8298 admapsjc@ig.com.br

Associação Regional dos Aposentados e Pensionistas de São José do Rio Preto (17) 3235-3688 arap-riopreto@bol.com.br

Associação dos Aposentados e Pensionistas de Mogi das Cruzes (11) 4727-5157 uapemc1@hotmail.com

Sindicato de Trabalhadores em Empresas Ferroviárias de Bauru, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso (14) 3223-6642 / 3223-6532 sinferrobru@uol.com.br

Associação dos Aposentados e Pensionistas de Jundiaí e Região (11) 4583-1190 / 4583-1193 / 4583-1195 aapjr@terra.com.br aapjr@aapjr.org.br Associação dos Aposentados e Pensionistas de Salto (11) 4028-0112 / 4029-8639 lojadojorge@gmail.com Associação dos Aposentados e Pensionistas de Piracicaba e Região – “Eclética” (19) 3447-3447/ (19) 3447-3440 aposentadospira@terra.com.br União dos Aposentados e Pensionistas de Transporte Coletivo de São Paulo (11) 2921-5747 / 2976-7492 uniaodosaposentados@terra.com.br Departamento de Aposentados e Assuntos de Aposentadoria STU – Sindicato dos Trabalhadores da UNICAMP (19) 3289-4242 / (19) 3289-3502 secretaria@stu.org.br Associação dos Aposentados e Pensionistas de Catanduva (17) 3523-1148 associacaocatanduva@bol.com.br Associação dos Aposentados e Pensionistas de Matão e Região (16) 3384-1139 aapmr@uol.com.br

Associação dos Aposentados, Pensionistas e Idosos de Monte Alto e Região (16) 3242-6925 aposentadosmontealto@gmail.com FENIX – Movimento dos Trabalhadores Aposent. e Pensionistas de São Paulo (11) 3258-6514 / 3231-2726 fenixassociacao@terra.com.br ; fenixaapsp@terra. com.br

Associação dos Aposentados de Caraguatatuba (12) 3883-2418 / 3883-2174 caragua.aapc@gmail.com Associação dos Aposentados e Pensionistas da Região de Garça (14) 3471-1188 aaprg@spacnet.com.br APEVO- Associação dos Aposentados e Pensionistas de Votorantim e Região (15) 3243-2410 comunicação@apevo.com.br Associação dos Aposentados e Pensionistas de Penápolis (18) 3652-8555 aposentadospenapolis@terra.com.br AAPIAR – Associação Aposentados, Pensionistas e Idosos de Andradina e Região (18) 3723-7557 / 3722-8616 AAPINHOR – Associação dos Aposentados, Pensionistas e Idosos de Novo Horizonte e Região (17) 3542-4127 aapinhor@gmail.com AAPV – Associação dos Aposentados e Pensionistas de Valinhos (19) 3849 -2656 / 3871-0092 aapv@ig.com.br SAAP – Secretária de Assuntos de Aposentados e Pensionistas – SINTIUS – SANTOS (13) 3226-3205 /3226-3215 silviosivoca@hotmail.com AAPJR – Associação dos Aposentados e Pensionistas de Jaú e Região ass.aposentados@uol.com.br / www.aapjau.com.br Associação dos Trabalhadores Metalúrgicos Aposentados e Pensionistas de Piracicaba (19) 3433-9845 assaposent@terra.com.br Associação dos Aposentados, Pensionistas e Idosos de Birigui e Alta Noroeste (18) 3641-2701 aapiban@outlook.com / www.aapiban.org.br ARAPS - Associação Regional dos Aposentados Pensionistas pela Previdência Social Rio Claro (19) 3533-8787 arapsrioclaro@uol.com.br Associação dos Aposentados, Pensionistas e Idosos e Lenções Paulista (14) 3264-1393 contato@aposentadoslp.com.br / aapilpr@hotmail.com

Associação dos Aposentados e Pensionistas de Araras (19) 3541-8068 aapas@terra.com.br

Associação dos Aposentados e Pensionistas de Porto Ferreira (19) 3585-6600 aappferreira@hotmail.com

Associação dos Aposentados e Pensionistas do Setor da Alimentação de Catanduva e Região (17) 3521-3440 aapsacr@hotmail.com

Associação dos Metalúrgicos Aposentados de Sorocaba e Região (15) 3031-4271 / 3031-2459 amasosor@yahoo.com.br

Associação dos Aposentados e Pensionistas de São José dos Campos (12) 3942-2930 contato@aapsjc.com.br

Associação Eclética de Aposentados e Pensionistas de Mogi Guaçu (19) 3841-8841 / 3861-7755 a.ecletica@ig.com.br

Associação dos Aposentados e Pensionistas de Várzea Paulista (11) 4606-2414 aapiclp@hotmail.com

Associação dos Aposentados e Pensionistas de Tupã e Região (14) 3441-5050 aaptrtupa@cabonnet.com.br

Associação dos Aposentados de Campo Limpo Paulista (11) 4039-4109 duarteaapi@hotmail.com

União dos Aposentados e Pensionistas do Brasil (11) 3255-0138

Jornal experientes 4ª edição  
Jornal experientes 4ª edição  

Jornal experientes 4ª edição

Advertisement