Page 1

E xperientes

Jornal da Federação das Associações e Departamentos de Aposentados, Pensionistas e Idosos do Estado de São Paulo

Filiado a

ED.019 - SETEMBRO 2015

SÃO PAULO TRABALHA, TRABALHA E MUITO!

APOSENTADOS LUTAM CONTRA O GOVERNO DAS CRUELDADES

O governo não respeita os aposentados! Cada hora dizem uma coisa, mudam de ideia e no final das contas quem paga a incompetência é o povo. Os aposentados depois de 6 anos recebendo a primeira parcela do 13º em agosto o governo atrasa 1 mês o recebimento do benefício. Porém, a presidente e toda equipe econômica já até recebeu a parcela sem problema algum. Queremos justiça! (Página 4)

Senado volta a cogitar corte das pensões Diante dessas atrocidades que este governo faz, o Senado já estuda numa segunda fase do ajuste fiscal uma nova tentativa para limitar os pagamentos de pensões. (Página 4) www.federacaofapesp.com.br

facebook.com/fedaeracaofapesp

@federacaofapesp


02

EXPERIENTES

ESPAÇO DO PRESIDENTE: O GOVERNO QUE NÃO CUIDA DO SEU POVO!

Segundo nota do Instituto Lula o ex-presidente Lula não foi preso para garantir o direito a liberdade, o direito a democracia. A primeira pergunta que fica é: vivemos uma democracia? Somos um povo livre? Será que é livre um cidadão que procura por saúde nos hospitais públicos e não encontra e morre sem atendimento? Hoje são milhares de casos diários de falta de atendimento. É Livre um operário, pai de família que está desempregado e sem condições de sustentar a sua família? O desemprego tem como causa a crise política e financeira provocada pelo governo com desvios milionários do dinheiro público. E porque os verdadeiros culpados, os chefes dessa quadrilha não são punidos? É livre um cidadão que luta para que seu filho estude? E ainda vê como na reportagem do Jornal Nacional do dia 18/08 que milhões de reais foram liberados para a reforma e construção de escolas em uma cidade do nordeste? O dinheiro chegou, as empresas foram contratadas para fazerem a reforma, os serviços foram pagos. E pasmem, nada foi realizado. As empreiteiras eram de fachada. Os endereços das mesmas eram o de residências, se é que podemos chamar de residências aqueles casebres onde moram pessoas muito humildes. A prefeita que antes de ser eleita “vivia” na internet mostrando seus dotes físicos e sensuais afirmou: Aqui tem muito dinheiro, vamos gastar a vontade. Cadê a punição? Mais se os cabeças em Brasília não são punidos, por que punir os

EXPEDIENTE

outros? Isso é democracia? Isso é ser um povo livre? Há muito mais a se perguntar, há muito mais a se questionar. Vejam bem no episódio do adiantamento do 13º salário dos aposentados, até o presente momento ainda não se tem certeza se sairá e nenhuma informação correta, clara e confiável. O jornalista da FAPESP Renan quando na entrevista coletiva do Senhor Joaquim Maldade Levy em São Paulo, perguntou ao ministro sobre a liberação da parcela do 13º salário para os aposentados ele olhou e saiu sem responder. Pressionado voltou-se para a plateia já na porta olhou firmemente e não respondeu. Um ministro empregado do povo se nega a responder ao povo? ABSURDO! Qual terá sido a reação da Presidenta a essa atitude do Ministro? Povo brasileiro somos ludibriados, trapaceados a todo instante por esse governo. A Dilma, o ministro Gabas da Previdência, o Levy e os demais da equipe econômica já receberam em julho a primeira parcela do 13º salário. Alegam que tem esse poder por terem portaria baixada em 1994 durante governo Itamar Franco. Mais se o país esta em crise essa portaria deveria ser suspensa. Quando fomos ameaçados de morte pelo presidente da CUT a presidenta sorriu cúmplice. Então perguntamos: É livre um povo que é ameaçado de morte por esse governo que se diz legítimo? O Presidente do MST o tal de Stédile e o presidente da CUT não são membros importantes do PT e desse governo fraudulento? O governo que falou tanto em defender o povo os ameaça de morte. Vamos aceitar isso? Isso já não é escravidão? Quando esse governo começou a dar vantagens aos empresários tais como desobrigar-lhes de impostos nos produtos, quando autorizou a desoneração da folha de pagamento a FAPESP veio a público e condenou essas atitudes. Agora na

crise o governo se vê obrigado mudar para que haja a oneração da folha. Mais não aprendem a lição, pois está liberando fortunas para manobras políticas e outros assuntos de interesse exclusivo do governo pelos quais o resultado para o bem do povo tal como outros é neutro. Tem dinheiro para tudo: para os empresários, para o 13º da presidente e seus ministros, para o petrolão, lava jato e muito mais. O mais triste é que tudo isso acontece e ninguém dos envolvidos são punidos, os nossos parlamentares e nossos dirigentes estão “surdos e cegos” e com isso o governo deita e rola pra cima do povo. Para o trabalhador e aposentado o dinheiro não existe já que somos sugados pelos impostos e inflação descontrolada. Logo no início do primeiro mandado do governo Dilma ela deu iniciou a cassação de ministros com desvio de condutas e de recursos. Lembro-me bem que ela caçou o ministro do transporte por desvio de recursos. Pasmem, o referido ministro não foi preso, não foi sequer denunciado. Ele voltou para o senado como gente de bem, como autoridade. Isso meus amigos é o “poder” do PT que é explorar o povo até não terem mais qualquer poder de reação. Querem o povo no chão, escravizados. Os neros brasileiros que são desse governo corrupto e incapaz massacram o povo sob alegação de corrigir os rumos do Brasil, querendo botar fogo no Brasil. Por isso temos que buscar a aprovação do PL 4434, a volta com urgência da Administração quadripartite, pela derrubada do veto da Dilma a MP 672 que estabelece reajuste aos aposentados pelo mesmo índice do salário mínimo. Amigos, e meus irmãos tem muita gente que não acredita no bom Deus que se dizem ateus (são mais atoas que ateus), mais podem ter a certeza que um dia irão pagar e muito o mal que fazem. Deus nos quer por amor, corrige porque é Justo! Presidente Dilma, Parlamento e Justiça deixo aqui para meditação. “Um defeito que não se reconhece terá efeitos que se desconhece.”

Federação das Associações e Departamentos de Aposentados, Pensionistas e Idosos do Estado de São Paulo CNPJ: 60.263.365/0001-30 Rua 24 de Maio, 250 :: 1º Andar - República :: CEP: 01041-000 São Paulo SP Tel: (11) 3150-9393 Site: www.federacaofapesp.com.br Facebook: www.facebook.com/federacaofapesp DIRETORIA EXECUTIVA Presidente: Antonio Alves Da Silva Vice-Presidente: José Carlos da Cruz Prates Secretário Geral: José Goulart Da Silva 2º Secretária: Mercedes Lopes Mendes Tesoureiro: Octaviano Pereira Santos 2º Tesoureiro: Felicio Pereira Barbosa

Diretor de Comunicação Social: Adonias Cesário de Souza Diretor Adjunto: Ana Maria Martins Diretor de Assuntos Jurídicos: Valdemar Venâncio Diretor de Rel. Sind. Movimentos Sociais: Juraci Goes Diretor de Patrimônio: Antero Ferreira Lima Diretor Adjunto: Jaime da Silva Cortez Diretor Previdência Social: Jandir Teixeira Diretor Adjunto: Nelson Gonçalves Diretor de Eventos: Lydia Roque Diretor de Cultura E Lazer: Eva Narciso Miguel Diretor Adjunto: Norma Lopes Golçalves CONSELHO FISCAL TITULAR

1 – José Veiga de Oliveira 2 – Laércio Carolino 3 – José Nunes CONSELHEIROS SUPLENTES 1 – José Jair Azzi 2 – Ramios Pereira do Nascimento Jornalista responsável e design gráfico Renan Matavelli - MTB: 79223 E-mail: renanmatavelli@gmail.com Impressão: Gráfica Cinelandia Tiragem : 30 mil exemplares


03

SETEMBRO 2015

FAPESP trabalha e muito e mostra o que faz! A FAPESP trabalha e muito. A Federação de São Paulo existe há 32 anos na luta pelo direito dos aposenatados. O objetivo da FAPESP e sua Diretoria é recuperar direitos que foram roubados pelo Governo bem como corrigir os ganhos e recuperar perdas.

A FAPESP reforça o papel de acompanhar o crescimento e dia-a-dia de suas Associações filiadas como também a orientar as Entidades. A Federação cumpre seu estatuto e suas Associações filiadas seguem rigorosamente as normas que garantem a idoneidade de todo nosso trabalho de luta. Trabalho sério se faz com união, companheirismo e parceria e a Federação só existe graças aos

aposentados que lutam por uma vida mais justa e digna. Por isso, trabalhamos e muito para fazer a diferença, fazer cada dia a nossa Federação mais forte e unida na luta a favor dos aposentados e idosos. A FAPESP está na defesa intransigente dos direitos dos

aposentados, pensionistas e idosos e qualquer desvio de conduta JAMAIS será tolerado. Conquistamos respeito fazendo nosso trabalho com seriedade e compromisso. Sem dúvida a força da nossa luta, é o bem estar do aposentado e idoso.

Jornal Folha de S. Paulo publica resposta da FAPESP Este governo não trabalha nem um pouco para o povo que os elegeu. Junto a isso o jornal Folha de S. Paulo prestou um verdadeiro desserviço ao povo brasileiro publicando mentiras e tentando colocar as margens da sociedade os aposentados e idosos com o editorial “São João na Câmara” em 26/06 no qual criticou duramente a Câmara dos deputados na aprovação da MP 664 com as alterações que minimizavam os prejuízos das viúvas, como manter o valor integral do benefício. Recebemos a informação que no Painel do Leitor do dia 12 de agosto foi publicado um trecho da carta aberta do Presidente da FAPESP, Antonio Alves da Silva repudiando o jornal por não respeitar os aposentados. A FAPESP TRABALHA E MUITO! NÃO DESISTIMOS

DE COBRAR! Enviamos diversos e-mails REPUDIANDO A AÇÃO e EXIGINDO DIREITO DE RESPOSTA, uma retratação pública contra a falta de respeito que tem com os aposentados e idosos. Enviamos correspondências com AR (aviso de recebimento) e enfim conseguimos que fosse publicado na mesma página do editorial pelo menos um trecho do nosso repúdio! QUEREMOS NOSSOS DIREITOS E LUTAMOS MUITO POR ISSO! UM JORNAL DEVE SABER OUVIR TODOS OS LADOS E NÃO SÓ O DESTE GOVERNO CORRUPTO!! Vamos fazer a diferença! Não podemos aceitar que um veículo de comunicação não escute o povo! Queremos a verdade!

A Associação dos Aposentados e Pensionistas de Taquaritinga (AAPT) realizou palestra com os funcionários da regional de Araraquara do INSS. Várias pessoas puderam tirar suas dúvidas diretamente com os servidores do Programa de Educação Previdenciária (PEP) de Jaboticabal, Para o presidente da AAPT, Francisco Procópio, a Associação se sente com o dever cumprido em promover o evento. “As pessoas sempre reclamam da falta de informação para se aposentar ou tirar qualquer tipo de dúvida. Por isso, a Associação

agendou a palestra para tentar ajudar os associados e os taquaritinguenses que estivessem com qualquer problema”, afirmou. Esta ação de realizar palestras e eventos é um exemplo a ser seguido por TODAS as Entidades. Informação a toda a população é primordial. Parabéns ao Presidente da AAPT, Francisco Procópio e toda Diretoria pela iniciativa e belo trabalho de luta a favor dos aposentados e idosos! Estamos juntos nessa luta! O Programa de Educação Previdenciária (PEP) é desenvolvido

AAPT realiza palestra com regional do INSS

pelo INSS com a finalidade de ampliar a cobertura previdenciária por meio da inclusão e permanência dos trabalhadores brasileiros nos regimes de previdência.


04

EXPERIENTES

Governo decide pagar 50% do 13º salário de aposentados em setembro

O governo voltou atrás e mais uma vez mudou, na noite do dia 24 de agosto e decidiu pagar o adiantamento de metade do 13º dos aposentados e pensionistas da Previdência junto com os benefícios de setembro —creditados na conta bancária a partir do dia 24 de setembro. A nossa pressão deu resultado! Há 9 anos, o adiantamento de metade do benefício é pago entre o final de agosto e início de setembro. Milhares de aposentados esperavam por esse adiantamento em agosto, um mês de atraso prejudicando milhões de aposentados! Quando se trata de massacrar os aposentados a presidente Dilma não perde tempo em assinar medidas cruéis as pessoas que mais ajudaram a construir esse Brasil. Mais uma vez a incompetência do governo generalizada quem paga a amarga conta é o aposentado. O Senhor Maldade Levy IGNORA o povo e sequer dá uma explicação! Em junho, a União teve uma despesa de R$ 5,7 bilhões com o adiantamento de metade do 13º dos funcionários públicos civis e militares. O próprio ministro Levy e a presidente Dilma receberam a antecipação de R$ 15.467,35. O deles está garantido enquanto os aposentados tem que esperar mais um mês. UMA VERGONHA NACIONAL! Em 2015, a estimativa do Ministério da Fazenda prevê gasto com a primeira parcela do décimo terceiro dos aposentados um valor de R$ 15,9 bilhões. Esse dinheiro é do povo! Para aprovar impostos e aumentos

arbitrários é fácil. Esse adiantamento é muito importante para milhões de aposentados que dependem do seu salário para sobreviver e o governo IGNORA completamente esse fato. Um governo que só pensa nele mesmo é claro que só haverá crise. Não adianta trabalhar para o Eduardo Cunha, para o Renan Calheiros e nem para o senhor Itaú, Roberto Setubal porque não melhora a popularidade do governo algum pois quem elege todos que estão no comando é o voto do povo. Milhares de aposentados esperavam por esse adiantamento. Mais uma vez a incompetência do governo generalizada quem paga a amarga conta é o aposentado. Um governo que só pensa nele mesmo é claro que só haverá crise. Não adianta trabalhar para o Cunha, para o Renan e nem pro senhor Itaú, Roberto Setubal porque não melhora a popularidade do governo algum pois quem elege todos que estão no

comando é o voto do povo. NÃO PODEMOS NOS CALAR! PRECISAMOS DE UNIÃO PARA REESCREVER ESSA HISTÓRIA DE INJUSTIÇAS CONTRA OS APOSENTADOS E IDOSOS! A FAPESP participou de uma coletiva de imprensa cobrando um posicionamento sobre o 13º ele IGNOROU completamente o assunto. UM ABSURDO! Virou as costas e deu por encerrado a coletiva. Os jornalistas questionaram se realmente não ia responder, apenas olhou a todos e foi embora. A FAPESP repudia a atitude do ministro que deve antes de TUDO prestar esclarecimentos a população. Só comprova mais ainda o quanto esse governo é cruel com o povo. Para anunciar medidas e impostos fica horas e horas justificando gastos excessivos, mas quando se trata do dinheiro do povo não dão satisfação. Falta de respeito, responsabilidade.

Senado das maldades volta cogitar corte nas pensões! Se já não bastasse tantas atrocidades que este governo faz o governo estuda numa segunda fase do chamado “ajuste fiscal” que só prejudica o povo. O governo talvez faça uma nova tentativa para limitar os pagamentos de pensões. O governo já tentou reduzir as pensões do INSS, com a MP 664 ao reduzir pela metade o valor das pensões, com um adicional de apenas 10% por dependente, mas no final ficou o valor integral. Também voltou à mesa de negociação a possibilidade de fixar uma idade mínima para a aposentadoria e já estudam a idade de 65 anos, um verdadeiro absurdo. Um governo que só pensa nele mesmo é claro que só haverá crise. Não adianta trabalhar para o Cunha, o Renan porque quem elege todos é o voto do povo. E podem ter certeza que NUNCA mais serão reeleitos! O Senado não está a favor do Brasil. O Senado se vendeu ao governo e agora prepara junto a este governo cruel um pacote de medidas que visa apenas prejudicar os aposentados e idosos.


05

SETEMBRO 2015

Veto ao fator 85/95 fixo ainda não tem data para ser analisado no Congresso

A sessão do Congresso Nacional que analisaria os vetos da presidente Dilma foi cancelada e não há previsão de data para votação. Entre os vetos que poderiam ser analisados está o da regra 85/95 fixa que havia sido incluída na MP 664. Em junho, o governo propôs uma formula 85/95 progressiva com a MP 676 e está em análise nas comissões mistas do Congresso. O dispositivo segundo MP enviada tem como ponto de partida a chamada fórmula 85/95, até 2019, essa fórmula vai subir um ponto a cada dois anos. Ou seja, em 2017 ficará em 86/96, em 2019, em 87/97. A partir de então, a fórmula subirá um ponto a cada ano, até chegar a 90/100, em 2022. Já admitem ainda a possibilidade de a fórmula ultrapassar 90/100. A nova fórmula não anula o fator previdenciário. Agora cabe o congresso derrubar o veto para voltar a valer o 85/95 fixo. É hora de cobrar a REJEIÇÃO

DO VETO ao artigo da 85/95 sem a progressão. Vamos lotar de mensagens aos deputados e derrubar esse desrespeito ao povo brasileiro! Com essa medida provisória 676 pouca gente irá se aposentar e futuramente menos ainda já que esta medida é uma ação completamente injusta e cruel com o povo brasileiro. O governo quer aposentado só depois de morto, enquanto eles ficam com extravagâncias e desviando bilhões

de reais as nossas custas! MUDAR A APOSENTADORIA DELES, CORTAR SALÁRIOS CARGOS COMISSIONADOS ELES NÃO MUDAM! QUEM PAGA A CONTA DA INCOMPETÊNCIA É NOVAMENTE O POVO BRASILEIRO! VAMOS NOS UNIR E DAR UM BASTA A FALTA DE RESPEITO COM OS APOSENTADOS!

FAPESP na mídia : Greve no INSS já deixa mais de 257 mil sem atendimento

O jornal Diário de S. Paulo abordou a greve dos funcionários públicos do INSS que se estende há mais de 1 mês, prejudicando milhões de atendimentos. O Presidente da FAPESP, Antonio Alves da Silva foi uma das fontes ouvidas. A reportagem aponta que os 264 postos do instituto deixaram de atender 257.256 segurados em 1 mês de paralisação. Ou seja, os mais prejudicados são os aposentados e idosos nisso tudo. Com a greve, cerca de 31%dos atendimentos marcados não foram feitos. A FAPESP se posiciona contrária a paralisação. A cada dia de paralisação

mais e mais pessoas se acumulam para atendimento, como uma bola de neve. O atendimento que já funciona com uma certa lentidão, sem o atendimento mínimo gera filas e mais filas e só agrava a situação. Esse problema é resultado da falta de gestão e liderança do governo que não consegue sequer administrar os problemas de defasagem salarial e quadro de funcionários da própria previdência. Como querem cuidar do dinheiro do trabalhador se não conseguem nem administrar internamente essa Instituição tão importante para o trabalhador e aposentado? Por isso, é necessário que o governo

adote novamente a administração quadripartite, de índole democrática e descentralizada, envolvendo os trabalhadores, os empregadores, os aposentados e o Poder Público. A Previdência não deve estar dentro do governo, mas ao lado dele. A paralisação é reflexo a falta de respeito e compromisso com o trabalhador, aposentado e pensionista que paga o preço da incompetência governamental tendo salários corrigidos abaixo da inflação e um atendimento demorado. Falta gerenciamento do governo que esquece, não cuida da Previdência. A Seguridade Social é do povo!

Associação de Matão comemora aniversário de 16 anos com muita festa!

A Associação dos Aposentados e Pensionistas de Matão e Região comemorou o 16º aniversário com muita festa e alegria! Não poderia ser diferente diante de tantas conquistas e vitórias. Um grande exemplo de luta. A FAPESP parabeniza por mais um ano de conquistas! O Presidente José Veiga de Oliveira e sua Diretoria estão sempre comprometidos na luta pelo bem estar do aposentado e idoso não poderia trazer melhores resultados. A Festa que aconteceu no Salão de Festas Nossa Senhora Aparecida contou com a atração musical de João Bocci & Juliano, sorteio de vários prêmios e um jantar dançante

com churrasco. Estiveram presentes no evento o Prefeito Municipal de Matão José Francisco Dumont e sua esposa Maria Antonia, o vice-presidente da FAPESP, José Prates, o Diretor Laércio e família, a advogada

da FAPESP Rosana Tavares, o Presidente da Cobap, Warley Martins além de muitos outros amigos e toda Diretoria familiares, Funcionários, Associados e centenas de pessoas presentes.


06

EXPERIENTES

Atividades físicas na terceira idade é sinônimo de saúde! Envelhecer com saúde é uma das maiores preocupações das pessoas. Exames de rotina, alimentação regrada e exercícios físicos fazem parte da receita de todos os médicos para passar dos 50 anos com vitalidade. Alguns aspectos são importantes para a manutenção da saúde de qualquer pessoa, mas principalmente na população idosa, como uma alimentação adequada, convivência social e a prática regular de atividades físicas. A caminhada na terceira idade é a atividade física ideal, já que pode trazer vários benefícios ao corpo. O exercício físico é importante para manter a musculatura fortalecida, pois o avanço da idade pode trazer

perda de massa muscular e força. Manter a musculatura forte protege as articulações de lesões e dores Ramius Pereira do Nascimento é um dos dirigentes da FAPESP e da Associação dos Aposentados de Embú. Ramius já está correndo há mais de 10 anos e já participou de várias competições como a São Silvestre, corrida Santos Dumont. Ele destaca o quanto faz bem os exercícios. “Me sentia cansado só de ficar parado. Comecei a fazer caminhadas e depois comecei a me sentir melhor e comecei a correr. Além de me sentir mais disposto ganhei qualidade de vida. É Importante pelo menos caminhar para se exercitar um pouco e também

distrair um pouco a cabeça. Hoje caminho e corro mais de 10 Km por dia e já tenho competições em vista. Por isso repito caminhar é saúde!”

FAPESP participa de reuniões na COBAP e com SINDNAPI

O vice presidente da FAPESP, José Prates e os Diretores José Nunes, José Veiga, Antero Ferreira, e Josias de Oliveira participaram de reunião na COBAP São Paulo com Diretoria e diversas lideranças de Federações de todo Brasil discutindo e traçando ações para o movimento diante de tantas atitudes arbitrárias que o governo federal tem tomado contra os aposentados e idosos. No dia seguinte, o vice presidente da FAPESP, José Prates e o Diretor da FAPESP José Veiga se reuniram junto com a COBAP, presidentes das Federações, Diretoria e Presidência do Sindicato

Nacional dos Aposentados e com o novo Presidente da ANFIP, Vilson Antonio Romero na sede do Sindinapi São Paulo, para definir uma ação conjunta contra as ações cruéis que esse governo

vem fazendo com os aposentados e idosos. Juntos somos fortes e nossas lideranças estão aqui lutando e buscando reescrever essa história!

BANCOS CONTINUAM MASSACRANDO OS APOSENTADOS! A FAPESP CONTINUA DENUNCIANDO o tratamento desrespeitoso aos idosos em quase todas as agências bancárias e de todas as Instituições inclusive os bancos públicos. Nossos Diretores tem acompanhado de perto e presenciado a prática que contraria a carta enviada pela FEBRABAN que pregava que tudo está bem, mas a Lei não está sendo nem um pouco respeitada. Por isso, a FAPESP reenviou MAIS uma vez ofício solicitando um posicionamento URGENTE e que cumpram o Estatuto do Idoso. Esse descaso está chegando a uma situação insustentável. Esta ação dos bancos é uma prática criminosa em não receber boletos de aposentados, pensionistas e idosos. O correntista ou beneficiário da Previdência Social recebem no banco, porém se a conta for igual ou inferior a mil reais devem efetuá-la em uma casa lotérica. Coibir o acesso de cidadãos aos serviços na chamada “boca do caixa” é desumano. Essa atitude contraria, os artigos 2, o artigo 3 o caput e inciso I, o artigo 10 caput e o parágrafo 2º e o 3º, o artigo 96 caput e o parágrafo 1º e 2º. O que significa na prática, crime contra o Estatuto do Idoso.


07

SETEMBRO 2015

MODELO CHINÊS Os partidos que se autodenominam de esquerda, quando chegam ao poder retiram direitos dos trabalhadores; direitos que eles exigiam dos governos que rotulavam de direita. Vejam: os aposentados que recebem acima do mínimo, estão sem receber aumento real desde o primeiro governo Lula. Simultaneamente, retiram direitos e rebaixam salários. Portanto as críticas e denúncias aqui formuladas referem-se às ações negativas que este governo vem tendo contra os aposentados e somam-se as que são feitas por outras associações e federações, cujo objetivo é fazer com que o governo mude sua prática de marginalização dos aposentados e passe a tratá-los como seres humanos e não como objetos descartáveis. Uma de nossas exigências: devolução de todos os valores que nos foram roubados ao longo do tempo. Temos claro que antes de perdoar dívidas de países africanos era preciso ter arrumado nossa casa. É obrigação do governo, melhorar a vida de quem aqui trabalha e paga impostos. Que o povo tenha seus direitos garantidos e respeitados e deixe de ser tungado por

um governo irresponsável que compactua com ditadores sanguinários e corruptos. Em sua primeira campanha eleitoral Lula dizia que o PT precisava chegar ao poder para desbancar famílias que há 500 anos mandam no Brasil. O que ele fez chegando a presidência, foi passar para o outro lado, e repetir: “nunca antes neste país”, o agronegócio, as empreiteiras e os banqueiros ganharam tanto dinheiro e também, antes não teve governo tão corrupto. Nem Collor ou Maluf chegaram a tanto. Lula se considera acima das críticas e mesmo quando é culpado de decisões administrativas, mal conduzidas, não assume seus erros. É uma pessoa sem humildade, incapaz de autocrítica. E por ele e o PT serem o que são é que o BRASIL andou para trás em tudo: na saúde, na segurança, na educação, na infraestrutura e nos direitos sociais. Como o atual governo Dilma já disse que quer se apropriar do Fundo de Garantia, dizendo que devolverá em 8 anos, mas todos sabem que nunca haverá essa devolução. Quando o governo passado criou o Plano Real o PT como sempre, ficou contra. E quando o PT chegou ao poder, trabalhou incansavelmente para acabar com o Plano Real, o que de fato

conseguiu, e não tem nada melhor para oferecer. Trouxeram a inflação de volta e a crise instalada que Lula disse que seria uma marolinha, é na verdade um tsunami devastador da economia de todas as famílias. É por isso que, embora ainda estejamos no primeiro ano do segundo mandato de Dilma, mais parece que estamos em um final melancólico cheio de falcatruas, miséria, fome, saúde precária, fraudes, escândalos, impunidades, desvio de verbas, má distribuição de renda, pobreza, nepotismo, estradas esburacadas e roubo dos aposentados. Várias vezes essa senhora veio à televisão dizer que na ditadura foi torturada. Os aposentados de hoje, seus contemporâneos, que lutaram pela redemocratização do país, certamente lamentaram e choraram pelo que ela sofreu. Hoje quando muitos deles são abandonados nos corredores dos hospitais, certamente choram porque ela sobreviveu. *Por Etevaldo Santiago de Araujo - Presidente da Associação dos Trabalhadores Aposentados e Pensionistas da Região do Grande ABCDMRPRGS

Associação do Grande ABCDMRPRGS realiza Feira da Saúde localizada na Rua Antônio Cardoso A Associação dos Trabalhadores Aposentados e Pensionistas da Região do Grande ABCDMRPRGS realiza no dia 12 de setembro a Feira da Saúde. Esta ação visa prevenir futuras doenças que atingem principalmente as pessoas idosas. Assim conseguiremos melhorar a qualidade de vida de todos. A Feira terá entrada franca e acontecerá na sede da Associação

Franco, 165 Bairro Casa Branca - Santo André. Neste dia de prevenção haverá atendimentos de várias especialidades, exames gratuítos e atendimentos individuais. A FAPESP parabeniza toda a Diretoria que está comprometida com a saúde e bem estar dos aposentados! Saúde aposentados!

Nota de falecimento

eventos da FAPESP, sempre lutando incansavelmente por uma vida mais justa e digna aos idosos. Rupert deixa sua marca de bondade, honestidade e acima de tudo ensinamentos de como amar e servir o próximo. Nós celebramos a vida. Jesus ressuscitou e nos deu vida eterna e vida em abundância. Sabemos que os que ficam choram de saudades, mais o mesmo Jesus os consolará e dará força e amor, pois seu amor é maior que TUDO. Deus

não desampara os seus filhos! A FAPESP em nome de toda Diretoria reitera todo apoio a família e amigos.

Aniversariantes de Setembro!

SAIBA SEUS DIREITOS! Para agendar uma consulta com o departamento jurídico da FAPESP basta ligar para o telefone (11) 3150-9393 e marcar hora e data do atendimento. Os atendimentos ocorrem na sede da Federação na Rua 24 de Maio, 250 :: 1º Andar República, São Paulo.

É com imensa tristeza que comunicamos o falecimento do nosso grande parceiro de luta, o senhor Rupert Martins da Silva, da Associação dos Aposentados e Pensionistas de Jundiaí e Região (Aapjr) e do senhor José de Lima, exDiretor da FAPESP e ex presidente da Associação dos Aposentados e Pensionistas de Piracicaba e Região – “Eclética”. Rupert Martins, Metalúrgico aposentado dedicou décadas na luta a favor dos aposentados e idosos. Nosso movimento se entristece ao perder uma liderança tão importante. Rupert havia tomado posse junto com a nova diretoria da Associação como Secretário-geral e auxiliou em realizar as eleições da Associação e, além disso, atuava como Diretor de

03/09 – AAPIBAN - Subsede em Andradina – Associação dos Aposentados, Pensionistas e Idosos de Birigui, Andradina e Região 11/09 – Associação dos Aposentados Pensionistas de Jaú


ENTIDADES FILIADAS NA FAPESP SINDAPFER | Sindicato dos Aposentados, Pensionistas, Ferroviários e demais Categorias do Estado de São Paulo (11) 3229-8295 / 3228-0271 sindap@bighost.com.br

SINTAEMA – Sindicato dos Trabalhadores de Água, Esgoto e Meio Ambiente do Estado de São Paulo – Política Social (11) 3329-2500 / 3329-2537 aposentados.sintaema@terra.com.br

UAPO | União dos Aposentados e Pensionistas de Osasco Fone:3682-9895 uapo@terra.com.br

Associação dos Aposentados de Taquaritinga (16) 3253-7253 associacao.aposentados-pensionistas@hotmail.com

Associação dos Trabalhadores Aposentados nas Indústrias Químicas do ABCD (11) 4433-5835 / 4432-3624 aposentados@quimicosabc.org.br Associação dos Aposentados e Pensionistas da SABESP (11) 3372-1000 / Fax:3372-1009 aapsabesp@uol.com.br Associação dos Aposentados Idosos de São Carlos e Região (16) 3411-2189 apaisc.sc@gmail.com Associação dos Aposentados e Pensionistas de Araraquara (16) 3335-2452 / (16) 8173-4645 assoc.apa@bol.com.br Associação dos Aposentados e Pensionistas de Sorocaba (15) 3327-1119 Apenso.so@gmail.com ADMAP – Associação Democrática dos Metalúrgicos Aposentados e Pensionistas de São José dos Campos e Região (12) 3922-1341 / 3923-8298 admapsjc@ig.com.br Associação dos Aposentados e Pensionistas de Mogi das Cruzes (11) 4727-5157 uapemc1@hotmail.com Associação dos Aposentados e Pensionistas de Jundiaí e Região (11) 4583-1190 / 4583-1193 / 4583-1195 aapjr@terra.com.br Associação dos Aposentados e Pensionistas de Salto (11) 4028-0112 / 4029-8639 lojadojorge@gmail.com Associação dos Aposentados e Pensionistas de Piracicaba e Região – “Eclética” (19) 3447-3447/ (19) 3447-3440 aposentadospira@terra.com.br União dos Aposentados e Pensionistas de Transporte Coletivo de São Paulo (11) 2921-5747 / 2976-7492 uniaodosaposentados@terra.com.br Departamento de Aposentados e Assuntos de Aposentadoria STU – Sindicato dos Trabalhadores da UNICAMP (19) 3289-4242 / (19) 3289-3502 secretaria@stu.org.br União dos Aposentados e Pensionistas do Brasil (11) 3255-0138 Associação dos Aposentados e Pensionistas de Catanduva (17) 3523-1148 associacaocatanduva@bol.com.br Associação dos Aposentados e Pensionistas de Matão e Região (16) 3384-1139 aapmr@uol.com.br

Associação dos Trabalhadores Aposentados e Pensionistas da Região do Grande ABCDMRPRGS (11) 4992-4702 secretaria@associacaoabc.com.br; atapaabc@gmail.com Associação dos Pensionistas Aposentados de Itanhaém (13) 3422-2114 apaire@terra.com.br Associação dos Aposentados e Pensionistas de Presidente Epitácio (18) 3281-1233 aappesaopaulo@yahoo.com.br União dos Aposentados e Pensionistas de Embú e Região (11) 4782-1541 jair.to.le.do@hotmail.com

Associação dos Aposentados de Caraguatatuba (12) 3883-2418 / 3883-2174 caragua.aapc@gmail.com APEVO- Associação dos Aposentados e Pensionistas de Votorantim e Região (15) 3243-2410 / (15) 3353- 8080 comunicação@apevo.com.br Associação dos Aposentados e Pensionistas de Penápolis (18) 3652-8555 aposentadospenapolis@terra.com.br AAPIBAN - Subsede em Andradina – Associação dos Aposentados, Pensionistas e Idosos de Birigui, Andradina e Região (18) 3721-1061 AAPINHOR – Associação dos Aposentados, Pensionistas e Idosos de Novo Horizonte e Região (17) 3542-4127 aapinhor@gmail.com AAPV – Associação dos Aposentados e Pensionistas de Valinhos (19) 3849 -2656 / 3871-0092 aapv@ig.com.br

União dos Aposentados, Pensionistas de Guarulhos (11) 2087-7788 uniaoapo@outlook.com

SAAP – Secretária de Assuntos de Aposentados e Pensionistas – SINTIUS – SANTOS (13) 3226-3205 /3226-3215 silviosivoca@hotmail.com

Associação dos Aposentados e Pensionistas de Ribeirão Preto (16) 3636-6914 / 3612-7852 aapirt@yahoo.com.br

AAPJR – Associação dos Aposentados e Pensionistas de Jaú e Região (14) 3601-6870 ass.aposentados@uol.com.br / www.aapjau.com.br

Associação Regional dos Aposentados e Pensionistas de São José do Rio Preto (17) 3235-3688 arapriopreto@gmail.com; arapriopreto@outlook. com

Associação dos Trabalhadores Metalúrgicos Aposentados e Pensionistas de Piracicaba (19) 3433-9845 assaposent@terra.com.br

Sindicato de Trabalhadores em Empresas Ferroviárias de Bauru, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso (14) 3223-6642 / 3223-6532 sinferrobru@uol.com.br Associação dos Aposentados, Pensionistas e Idosos de Monte Alto e Região (16) 3245-5059 aposentadosmontealto@gmail.com FENIX – Movimento dos Trabalhadores Aposent. e Pensionistas de São Paulo (11) 3258-6514 / 3231-2726 fenixassociacao@terra.com.br ; fenixaapsp@terra.com. br Associação dos Aposentados e Pensionistas de Araras (19) 3541-8068 aapas@terra.com.br Associação dos Aposentados e Pensionistas do Setor da Alimentação de Catanduva e Região (17) 3521-3440 aapsacr@hotmail.com Associação dos Aposentados e Pensionistas de São José dos Campos (12) 3942-2930 contato@aapsjc.com.br Associação dos Aposentados e Pensionistas de Várzea Paulista (11) 4606-2414 aapiclp@hotmail.com Associação dos Aposentados de Campo Limpo Paulista (11) 4039-4109 duarteaapi@hotmail.com

AAPIBAN - Associação dos Aposentados, Pensionistas e Idosos de Birigui e Alta Noroeste (18) 3641-2701 aapiban@outlook.com / www.aapiban.org.br ARAPS - Associação Regional dos Aposentados Pensionistas pela Previdência Social Rio Claro (19) 3533-8787 arapsrioclaro@uol.com.br Associação dos Aposentados, Pensionistas e Idosos e Lençóis Paulista (14) 3263-2591 aposentadoslencois@gmail.com Associação dos Aposentados e Pensionistas de Porto Ferreira (19) 3585-6600 aappferreira@hotmail.com Associação dos Metalúrgicos Aposentados de Sorocaba e Região (15) 3031-4271 / 3031-2459 amasosor@yahoo.com.br ASSAP – Associação Brasileira de Apoio aos Aposentados, Pensionistas e Servidores Públicos Federal Unidade São Bernardo do Campo (11) 2381-5487/ www. assapadm.com.br/fale-conosco ABRASPAP - Associação De Aposentados e Pensionistas e Servidores Públicos Matriz (11)3473-6241 / Unidade Oeste (11)2639-5075 http://www.abraspap.com.br/contato.php

Jornal Experientes 19ª Edição  

Jornal Experientes 19ª Edição

Jornal Experientes 19ª Edição  

Jornal Experientes 19ª Edição

Advertisement