Page 1

ESTUDOS DE CASO


Qual o  papel  da  mobilidade  na  integração  das   favelas  à  cidade  formal?     Favela-­‐Bairro  e  Plano  de  Aceleração  do   Crescimento  (PAC)    Complexo  do  Alemão    Cantagalo,  Pavão/Pavãozinho    Rocinha    


O que  é  a  favela?  

colina

plana

sobre a água


A favela   Caracterís3cas  mais  importantes     A  favela  não  é  uma  singularidade  étnica,  religiosa  ou   cultural   A  favela  não  é  uma  habitação  transitória   A  favela  não  é  um  problema  morfológico  


A favela  não  é  uma  singularidade  étnica,  religiosa  ou  cultural  


A favela  não  é  uma  habitação  transitória  

Providência

CorOço

Morro Santo  Antonio  

Morro da  Favela  

Favela da  Providência:  primeira  favela  do  Rio,  1893  


A favela  não  é  uma  habitação  transitória  

Ausência de  Infraestrutura  e  serviços  públicos,  circa  1970  


A favela  não  é  uma  habitação  transitória  

Ausência de  infraestrutura  e  serviços  públicos  onde  as  pessoas  construíram  suas  casas  


A favela  não  é  uma  habitação  transitória  

Favela da  Providência,  2002  


A favela  não  é  um  problema  morfológico  


Caracterís3cas espaciais  mais  importantes  

Predomínio das  áreas  privadas  sobre  as  areas  públicas.   Indeterminação  dos  espaços  públicos   Inadequação  do  tamanho  do  sistema  de  vias  públicas  


17

Favela-­‐Bairro

Programa  da  Prefeitura  co-­‐financiado  pelo  BID   1994/2000   2000/2003

Morro da Cai xa D·gua Morro do Caracol Parque Sil va Vale Faz Quem Quer Morro do Sereno Morro do Urubu Parque Royal Buriti C ongonhas Morro do Juramento Bela Vist a da Pichuna Rua Frei Gaspar, 279 Grota Morro Uni„o Vila Primavera Parque Prolet·rio do Grot„o Morro dos Tel Ègrafos Serrinha MoisÈs Santana Fazenda B ot afogo / Margem da Linha Bairro Prol. do Dique Parque Boa EsperanÁa Morro do SapÍ Dois de Maio Bar„o Morro da FÈ Morro do Sossego Caminho do Job Vila EsperanÁa Rato Parque VitÛria @ TrÍs Pont es Morro da IguaÌba Tuiuti @ Morro do DendÍ @ @ @ Bairro Nova AlianÁa Vila Campi nho @ Quinta do C aj˙ @ @ @ Comendador Pinto JacarÈ Pq. Prol. de Vig·rio Geral @ @ @ @ @ @ Parque Jo„o Paulo II A.M. da Fazenda do Mato Alto @ @ @ @ @ Parque Jardim B eira Mar @@ @@@ Vila do C Èu @ @ @ @ Parque S„o Sebasti„o @ @ @ @ @ @ @ @ @ Morro do Fub· @ Morro do Escondidi nho @ @ @ @ Morro de S„o Jo„o @ @@ @ @ @@ @ DivinÈia @ @ @ M. de S„o C arlos @ @ @ @ @ @ @ @@ @ @ @@ @ @ @ @ @ Morro dos Prazeres @ @ @ @@ Vila SapÍ @ @ @ @ @ @ @@ @ @ M. Azevedo Lima @ @ Vila S„o Jorge Parque Candel·ri a @ Morro dos Macacos @ Santa Maria @ Morro do Catumbi Santa Terezi nha @ Salguei ro Vila C‚ndi do Conj. R es. Fern„o Cardi n Santa Amaro @@ Morro da Bacia Vidigal Guararapes Morro da Coroa Bis po Rodo Jardim MoriÁaba AndaraÌ Coti a Arrel ia Morro Santos RodriguÍs Morro dos Cabri tos Pantanal Jamel„o Ch·cara de Del Castilho Morro da Casa Branca Morro do Bananal Cachoeiri nha Mata Machado Morro do Encontro Matinha Fl oresta da Barra da TijucaMorro da Formiga Borel Morro da Li berdade Canal das Tachas Parque Vila Isabel Vila Ami zade Mangueira Morro da Chacri nha Morro da Cachoeira Grande Ladeira dos Funcion·rios Cerro Cor·

 155  favelas                                                                              600.000  habitantes  


Aspectos físicos Sistema de  vias   Rede  de  esgoto   Rede  de  drenagem     Rede  de  água  potável   Iluminação  pública   Sistema  de  Coleta  de  Lixo   Contenção   Reflorestamento   Reassentamento   Crédito  Assitência  Técnica  para   melhoria  da  moradia   Creches   Escritório  Técnico   Áreas  espor3vas   Mobiliário  Urbano  


Aspectos Legais Declaração como  Zona  de  Especial   Interesse  Social   Reconhecimento  das  Vias  Públicas   Legislação  específica  para  os  ediacios  e   urbanização   Titulo  de  Propriedade  

Aspectos Sociais Geração de  Trabalho  e  Renda   Iniciação  Espor3va   Parcerias  público-­‐  privadas   Serviços  para  a  infância   Serviços  para  a  3ra  idade  


sistema de vias

Parque Royal

AndaraĂ­

Parque Royal

Parque Royal


sistema de vias

Mangueira


PAC Plano  de  Aceleração  do   Crescimento   2007/2010    

Programa do  Governo  Federal  com  repasse  de   verbas  através  do  Governo  do  Estado  


Complexo do  Alemão   •  População  65.000  habitantes  (esOmada)   Projeto  de  ar3culação  socio-­‐espacial  -­‐  Complexo  do  Alemão  (Escala  Urbana)   PAC  -­‐  Programa  de  Aceleração  do  Crescimento   Autor  do  Projeto:  Jorge  Mário  Jáuregui  –  Atelier  Metropolitano    

• 

• 

O projeto  do  teleférico  para  o  conjunto  de  favelas  que  integram  o  Complexo  do   Alemão  foi  solicitado  pelo  governo  do  Estado  do  Rio  de  Janeiro  após  uma  visita   do  governador  Sérgio  Cabral  à  cidade  de  Medellín,  na  Colômbia,  que  conta  com   um  sistema  similar  (Metrocable)  no  bairro  Treze,  em  sua  periferia,  conectado  ao   metrô.   O  Plano  Urbano  inicial  para  o  Complexo  do  Alemão  não  Onha  teleférico,  que  surgiu   com  o  interesse  de  dar  maior  visibilidade  à  intervenção,  pelos  Governos  do  Estado (Cabral)  e  Federal  (Lula).  


morro do alemao, rio - Google Maps

10/28/11 3:08 AM

Para ver todos os detalhes exibidos na tela, use o link Imprimir ao lado do mapa.

http://maps.google.com.br/

Page 1 of 2


Esquema de leitura da estrutura do lugar. Autor: Jรกuregui


Complexo do  Cantagalo  /  Pavão   Pavãozinho   •  População  8.140  (Sabren)   Projeto  de  ar3culação  socio-­‐espacial  -­‐  Complexo  do  Cantagalo     PAC  -­‐  Programa  de  Aceleração  do  Crescimento   Escritório  responsável:  Arquitraço   Projetos  existentes:  Mayerhofer  &  Toledo  Arquitetura  

• 

O Governo  do  Estado  e  o  Metrô  Onham  a  intenção  de  fazer  a  ligação  metrô  até  a   via  carroçavel  no  alto  da  comunidade,  altura  total  de  70  metros,  que  seria  vencida   com  um  único  elevador    

• 

Ao longo  do  desenvolvimento  do  projeto  optou-­‐se  por  dividir  o  elevador  em  dois   níveis,  com  um  primeiro  nível  na  cota  50  e  outra  na  cota  70.  

 


Morro do Pav達o, Rio de Janeiro - Google Maps

10/28/11 3:09 AM

Para ver todos os detalhes exibidos na tela, use o link Imprimir ao lado do mapa.

http://maps.google.com.br/

Page 1 of 2


Complexo da  Rocinha   •  População  110.000  (lev.  escritório)   Projeto  de  ar3culação  socio-­‐espacial  -­‐  Complexo  da  Rocinha   PAC  -­‐  Programa  de  Aceleração  do  Crescimento   Escritório  responsável:  Mayerhofer  &  Toledo  Arquitetura   Projeto  Ganhador  do  Concurso  Nacional  organizado  pelo  IAB-­‐RJ  em  junho  2006  

• 

• 

 

O sistema  de  mobilidade  proposto  considera  a  complementaridade  do  andar  a  pé   por  escadas  e  becos,    vias  carroçáveis,  e  planos  inclinados  implantados  em   talvegues.  Priorizando  a  circulação  no  chão.   A  intervenção  na  Rua  4  (meio  da  comunidade)  consisOu  no  alargamento  de  um   beco  para  um  via  que  varia  entre  4  e  8metros.  O  projeto  contou  com  passarela  de   pedestres    com  desenho  de  Oscar  Niemeyer  


rocinha rio de janeiro - Google Maps

10/28/11 11:57 AM

Para ver todos os detalhes exibidos na tela, use o link Imprimir ao lado do mapa.

http://maps.google.com.br/

Page 1 of 2


favela da Rocinha 1

Recomendar

Seja o primeiro de seus amigos a recomendar isso.

A passarela para pedestres na favela da Rocinha, no Rio de Janeiro (RJ). A obra possui 60 metros de extens達o e liga a favela ao bairro de S達o Conrado

Rio de Janeiro, 27 jun (EFE).- As autoridades do Rio de Janeiro inauguraram hoje em uma passarela para pedestres na favela da Rocinha adornada com um sugestivo arco do arquiteto Oscar Niemeyer inspirado nas curvas femininas.


Quinta-feira, Junho 17, 2010

Community Development

What’s Happening in Rio

Rocinha ganha passarela feita por From the News Events Get Informed Niemayer

! PAC Meeting Pushes For Action

The Passarela Niemeyer By admin | Published May 30, 2011 | Full size is 900 ! 599 pixels

A nova passarela da Rocinha, na Zona Sul do Rio, está quase pronta. De acordo com a Secretaria Estadual de Obras (SEA), até o fim de junho a construção deve ser inaugurada. A passarela, que passa sobre as pistas expressas da Autoestrada Lagoa-Barra, vai ligar a comunidade ao Complexo Esportivo da Rocinha, que fica defronte à favela. Mas mesmo antes da conclusão das obras, os moradores da comunidade já estão satisfeitos com o que veem. “Ficou bonito. É uma obra que vai deixar a favela mais bonita para quem vier nos visitar”, destaca, com um certo orgulho, a dona de casa Viviane Jandira Gomes da Silva, que mora há 30 anos, dos 46 de vida, na Rocinha. Ela voltava com o neto, Raí, do colégio, utilizando uma ponte para pedestres provisória. “Parece a letra M”, emendou o pequeno Raí, apontando para a futura passarela. http://hipersessao.blogspot.com/2010/06/rocinha-ganha-passarela-feita-por.html


PAC - Aspectos a serem cotejados DISCURSO OFICIAL X INTERVENÇÕES + Ligação  do  bairro  à  rede  de  transporte   Macro-­‐escala  das  propostas  de  mobilidade     -­‐   Ausência  de  discussão  dos  projetos  (top-­‐down)   Exacerbação  da  visibilidade  das  intervenções  (dimensão)   A  favela  como  Parque  TemáOco  

2012   Programa  Morar  Carioca  -­‐  460  favelas  


Estudos de  Caso   Casos  cheios  /  Casos  vazios     01  -­‐  [2Km]²  do  ENGENHO  DE  DENTRO   ConecOvidade,  uso  e  legilibilidade  de  um  fragmento  da  Zona  Norte   Metropolitana     02  -­‐  Mobilidade  nas  Favelas  –  experiências  da  informalidade  (PAC) Cantagalo,  Alemão,  Rocinha     03  -­‐  Sobre  os  trilhos,  as  águas  e  as  ruas:  a  mobilidade  no  Rio  e  os  grandes   eventos     04  -­‐  Dispersão  urbana  e  espaço  regional:  arco  metropolitano  e  áreas   industriais  

apres-Mexico-2810-FAVELA  

ESTUDOS DE CASO 
   Qual
  o
  papel
  da
  mobilidade
  na
  integração
  das
   favelas
  à
...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you