Issuu on Google+

VICTOR HENRIQUE CORREA DE ANDRADE

SUMÁRIO EXECUTIVO PESQUISA DISNEY INTERNATIONAL COLLEGE PROGRAM – ALUMINIS

GOIÂNIA 2011


VICTOR HENRIQUE CORREA DE ANDRADE

SUMÁRIO EXECUTIVO PESQUISA DISNEY INTERNATIONAL COLLEGE PROGRAM – ALUMINIS

Trabalho

realizado

com

objetivo de obtenção de nota final na disciplina de Pesquisa de Opinião e Mercado ministrada pelo Braga.

Professor

Claudomilson

Faculdade

de

Comunicação e Biblioteconomia – Universidade Federal de Goiás.

GOIÂNIA 2011


VocĂŞ pode criar, desenhar e construir o lugar mais maravilhoso da Terra, mas sĂŁo necessĂĄrias pessoas para transformar esse sonho em realidade - Walt Disney


TEMA

O Disney International College Program (ICP) é um programa de intercambio de trabalho e estudos oferecido pelo Walt Disney World Resorts para estudantes universitário. Esse programa acontece no periodo de férias no Brasil e tem um periodo de aproximadamente 3 meses de duração. No programa o candidato terá a oportunidade de trabalhar nos resorts, parques e restaurantes do complexo do Walt Disney World Resorts e ganhar por isso, além de claro comparecer a aulas na Disney University. O processo seletivo é composto por duas fases, onde, a analise de currículo, entrevistas e dinâmicas são apresentadas e que leva os recrutadores a selecionarem os melhores. Obviamente, busca-se um perfil básico para um futuro empregado da Disney, vem-se então questionar e tentar nortear o perfil dos candidatos a partir dos Aluminis – pessoas que já foram empregados da Disney – e das suas características individuais. E a partir disso definir quais eram suas dificuldades de adaptação, satisfação e suas expectativas a respeito do programa. Avalia-se que cerca de 700 brasileiros são selecionados por ano para trabalharem nos complexos Disney, de ambos os sexos e a partir dos 18 anos e de todos os estados brasileiros.


PROBLEMA DE PESQUISA

Pensa-se em: Qual o perfil do candidato a Disney? Quais os maiores desafios de adaptação quando no Disney International College Program (ICP)? Há desejo dos mesmos de retornarem para trabalharem nos complexos novamente?


HIPÓTESES

Acredita-se que existe um perfil padrão do selecionado.

As dificuldades são bem parecidas.

Acredita-se que a vontade de voltar a trabalhar no complexo é real.

A satisfação em relação a posição de trabalho possivelmente foi negativa

Acredita-se que caso o candidato queira voltar ele trocaria de posição.


VARIÁVEIS

Vd: A satisfações obtidas durante o programa (carga horaria, posição de trabalho, o programa em si) Vi: A posição de trabalho durante o programa.


DADOS SECUNDARIOS

Muitos estudantes visam além do sucesso profissional a experiência de trabalhar em uma grande empresa. Atrelados a isso existem aqueles mais ambiciosos que procuram além de uma empresa reconhecida mundialmente, ainda querem realizalo fora do país. Muitos desses estudantes universitários acabam por se inscrever em processos seletivos para estudo e trabalho no exterior. Como exemplos, têm todo o ano cerca de 700 brasileiros que são recrutados através do Walt Disney World Resorts para trabalhar durante suas férias de Verão. O programa com duração de cerca de 3 meses onde o estudante aprende a ética da Disney, padrões de comportamento, treinamento especifico e podem então, trabalhar nos complexos. Existem cerca de 12 posições de trabalho que são distribuídas aos brasileiros. Essa pesquisa porem leva em consideração apenas nove por conveniência de dados. O contexto dessa pesquisa parte da hipótese que se pode traçar um perfil padrão dos recrutados pela Disney em seu programa chamado aqui de ICP (International College Program). É visível que o interesse por participar desse programa norteia diversos comportamentos, anseios e disposições dos selecionados. Além de fortalecerem o currículo, a experiência e inegavelmente inesquecível.


DELINEAMENTO

A coleta ocorrera através de meios eletrônicos, através do site “Monkey Survey” que gera questionários online para pesquisas diversas. Justifica-se essa utilização por se tratar de multilocalidades, obviamente a amostra esta espalhada pelo Brasil. A realização dessa pesquisa a respeito da coleta de dados ocorrera entre os dias 17 de maio de 2011 a 27 de maio de 2011. A pesquisa pode ser considerada de opinião e qualitativa. Onde através dos questionários viabiliza-se uma contagem numérica e percentual de respostas afim de uma analise especifica a partir do problema de pesquisa e suas eventuais hipóteses que a norteiam.


AMOSTRA •

Probabilística: Aleatória Simples

Tamanho da amostra: 700

Nível de confiança: 95%

Erro Amostral: 5,5%

Proporção: 0,2

Numero de elementos da amostra: 108

Gêneros: Masculino e Feminino

Faixa etária: 18 anos ou mais.


INTRUMENTO

Questionário disponível em: http://www.surveymonkey.com/s/D5QLKS9 e em anexo.


RESULTADOS

Tabela 1 – Gênero Gênero Masculino Feminino

Porcentagem 34% 66%

Tabela 2 – Faixa Etária Idade 19 20 21 22 23 24 25 26

Porcentagem 25% 25% 25% 13% 4% 6% 1% 1%

Tabela 3 – Localização Geográfica Região Nordeste Centro-Oeste Sudeste Sul

Porcentagem 14% 9% 70% 7%

Tabela 4 – Graduação Área de Graduação Ciências Sociais Aplicadas Ciências da Saúde Engenharias Ciências Humanas Linguística, Letras e Artes

Porcentagem 65% 6% 11% 7% 11%


Tabela 5 – Atuação Posição de Trabalho Quick Services Full Services Bell Services Lifeguard Attractions/Operations Character Performer Character Attendant Merchandising

Porcentagem 14% 4% 2% 6% 22% 6% 7% 11%

Tabela 6 – Satisfação Insatisfeito Em relação a: Sua 4.0% posição de trabalho 0.0% Carga Horária Ao 1.0% programa

Pouco Satisfeito

Parcialmente Satisfeito

Satisfeito

Completamente Satisfeito

Media de Avaliação

1.0%

11.0%

32.0%

52.0%

4.27

9.0%

22.0%

44.0%

25.0%

3.85

0.0%

3.0%

25.0%

71.0%

4.65

Verifica-se que cerca de 4% dos entrevistados considerou a posição de trabalho insatisfatória, porém, é visível que a maioria dos entrevistados além de estarem completamente satisfeitos, cerca de 52% da amostra, concordam que a satisfação em relação ao programa foi completa. Apenas 1% da amostra considerou-se insatisfeitos em relação ao programa. Apresenta-se a partir desses questionamentos a escala Likert, onde fora considerado completamente satisfeito uma pontuação igual a 5 e insatisfeito uma pontuação igual a 1. A partir disso traça-se a media avaliativa que por suposto ocorrera


com o valor de 4.27 para a posição de trabalho o que empreende que a amostra considera-se entre satisfeito e completamente satisfeito. Posteriormente a carga horaria compreendeu uma media avaliativa de 3.85, o que compreende os entrevistados entre parcialmente satisfeito e satisfeito. Por ultimo a media avaliativa em relação a satisfação em relação ao programa apresenta uma margem de 4.65 compreendendo a amostra entre satisfeito e completamente satisfeito.

Tabela 7 – Características Pessoais (onde 8 seria a mais importante e 1 a menos importante) Características Dinamismo Paciência Nível de Inglês Condicionamento Físico Bom Humor Criatividade Pro atividade

Media de Respostas 4.31 4.13 3.92 7.03 3.18 6.09 4.53

Nota-se que a característica pessoal mais bem avaliada como importante fora o condicionamento físico o que obviamente é claro, pois as horas trabalhadas geralmente se davam em pé na maioria das posições ocupadas pelos Aluminis. Ao apresentar isso nota-se que apenas 6% da amostra pertencia a posição onde sentar-se era possível (Lifeguard – Salva-Vidas). É visível que o condicionamento físico alcançou uma média de respostas de 7.03 onde a avaliação máxima poderia ser 8. Seguido do condicionamento físico, nota-se que a criatividade com uma media de 6.09 apresenta-se como segunda característica pessoal mais importante de acordo com os entrevistados. Complementa-se a isso a pro atividade com 4.53. Essas


características são importantes durante o trabalho de se manter a magia dentro do complexo. Para isso os Aluminis precisam estar sempre criativos e proativos a respeito de antecipar os anseios do visitante além de proporcionar um entretenimento de qualidade.

Tabela 8 – Dificuldades (onde 6 seria a maior dificuldade encontrada e 1 a menor dificuldade enfrentada) Problema Problemas de Linguagem Local de Trabalho Forca Física Horas em Pé Nostalgia/Saudades de Casa Problemas de Adaptação

Media de Respostas 4.86 3.27 2.82 1.62 4.15 4.28

Nota-se que o maior problema enfrentado pelos Aluminis fora a respeito da linguagem. A dificuldade na língua inglesa ou em qualquer nível comunicacional não especificado na pesquisa. Com uma avaliação de 4.86 de 6 os problemas de comunicação a cerca da linguagem fora considerado o maior problema apresentado. Porém, ao avaliar as características pessoas (Tabela 7) percebe-se que a característica pessoal que se refere a linguagem (nível de inglês) alcançou uma média de 3.98 em 8. Pode-se inferir que mesmo não considerada uma característica pessoal importante, o nível de inglês tornou-se o maior problema enfrentado. Julga-se então que mesmo sendo o problema mais cotado percebe-se entre os Aluminis uma preocupação maior com o condicionamento físico o que talvez pudesse ser explicado por se tratar da primeira experiência profissional de muitos deles.


Ao mesmo tempo, o problema “horas em pé” registrou a menor avaliação entre os outros problemas com uma media de 1.62, o que reforça que o condicionamento físico é sim uma característica pessoal que interfere nos problemas, ora que, uma vez que se tem um bom condicionamento físico, as horas em pé não se tratariam de um problema real. Os problemas de adaptação foram considerados o segundo mais avaliado com uma média de respostas de 4.28 em 6. Esse problema é considerado aceitável pois trata-se de um outro pais, com uma cultura diferente onde os hábitos, comportamentos, padrões éticos, econômicos, políticos e sociológicos são realmente distintos dos brasileiros.

Tabela 9 – Importância Em relação a:

Nada Importante

Pouco Importante

Parcialmente Importante

Importante

Muito Importante

Media de Avaliação

Perfil Acadêmico Características Pessoais

20.0%

35.0%

23.0%

18.0%

4.0%

2.51

0.0%

1.0%

1.0%

13.1%

84.8%

4.82

A respeito do perfil acadêmico temos uma leve surpresa. Cerca de 20% da amostra considerou que o perfil acadêmico, tais quais as competências que se adquire durante a graduação, foram nada importante, assim como 35% as julgaram pouco importante. Ao mesmo tempo, nota-se que 84.8% da amostra considera as características pessoais (Tabela 7) muito importantes em relação ao desempenho no programa.


A partir da escala Likert atribuiu-se valores correspondentes onde muito importante teria um valor 5 e nada importante um valor 1. Com isso traça-se uma media avaliativa, onde, o perfil acadêmico obteve 2.51 estando condensado entre pouco

importante

e

parcialmente

importante,

enquanto

a

importância

das

características pessoais se registra 4.82 situando a amostra entre importante e muito importante.

Tabela 10 – Retorno ao ICP Respostas Sim Não

Porcentagem 81.4% 18.6%

Tabela 11 – Em caso de retorno, que posição se inscreveria. Posição Quick Services Full Services Bell Services Lifeguard Attractions/Operations Character Performer Character Attendant Merchandising Costuming

Porcentagem 18.0% 7.0% 8.0% 9.0% 56.0% 28.0% 41.0% 38.0% 5.0%

A ultima tabela verifica que entre os 81.4% dos Aluminis que retornariam ao programa quais posições estariam dispostos a se inscreverem. Nota-se que Attractions and Operations – Atrações e Operações obteve uma maior concorrência onde 56% dos aluminis considerariam inscrever-se. A posição menos cotada seria a de


Costuming – Guarda-Roupa com apenas 5% dos candidatos o considerarem como opção para sua nova posição.


CONSIDERAÇÕES FINAIS

A pesquisa fora necessária para traçarmos alguns pontos que nos ajudarão a comprovar algumas hipóteses ou não. Além disso, houve uma singela comprovação a respeito de como o perfil do candidato deve ser norteado. Primeiramente observa-se que dentro da amostra usada cerca de mais de 80% dos entrevistados desejam voltar para realizar o programa novamente. A partir disso percebe-se que alguns fatores são conclusivos para que o Alumini tenha sucesso durante o programa. São eles: •

Condicionamento Físico: comprovado pelas horas em pé

onde aqueles que possuem um bom condicionamento físico não consideraram as horas em pé um fator problemático. Percebe-se que a maioria dos turnos de trabalho é de 6 a 14 horas, ou seja, o periodo em pé é sim extenso e por isso os candidatos percebem a necessidade de terem um bom condicionamento físico. •

Bom nível de idioma estrangeiro: não fora considerado uma

característica pessoal importante, porém, fora considerado o maior problema enfrentado pelos aluminis. Não se deve generalizar que a língua inglesa fora o único problema, esse aspecto pode ser justificado com qualquer tipo de idioma aos quais os Aluminis foram expostos. Conclui-se que um pré-perfil dos candidatos pode ser encontrado em alguns fatores. Não somente em nível de adicionar características, mas de justamente


eliminar candidatos, onde, fora classificado que o perfil acadêmico é de pouca ou nenhuma importância na hora do programa. Logo, podemos presumir que o perfil de um candidato ao ICP que poderá ser aprovado segue os seguintes aspectos: •

Bom condicionamento Fisico

Criativo

Espontaneo

Versatil

Objetivo

Assim podemos traçar também, aspectos que poderão eliminar os candidatos do programa na etapa de seleção ou durante o programa. •

Resistencia a mudanças

Timidez

Desatenção

Sedentarismo

Indisposição

Percebe-se que uma análise mais profunda talvez seja necessária através de uma pesquisa qualitativa, talvez. Nota-se que os aspectos observados contribuíram para a apresentação de pequenas conclusões que podem vir a se tornarem um objeto mais profundo para que se de fato tenha um perfil padrão procurado pela Disney.


Nota-se que a satisfação em relação ao programa foi muito elevada, o que leva os Aluminis a tentarem de novo o programa e com sorte, serem aprovados por já possuírem um padrão que a Disney procura, talvez, a partir dai, valide-se um estudo sobre a aprovação e reprovação de Aluminis. Por suposto, nota-se que algumas características poderão ser de fundamental importância para que os candidatos sejam bem sucedidos. A pesquisa se conclui com o fato de que a satisfação na primeira posição trabalhada na Disney é um fator que, sem duvidas, promove nos Aluminis a vontade de se candidatarem de novo.


ANEXOS Anexo 1 – Modelo do Questionário Aplicado



Pesquisa ICP - Aluminis