Page 23

perfil, então foi algo natural. Não fizemos pesquisa para definir o nosso estilo. Todos participam do processo de criação e direção, e é isso que faz os espetáculos terem a cara do grupo, nosso estilo, e não de uma pessoa que escreveu ou dirigiu. VCLive:São quantos anos de trabalho do grupo? Nesse tempo quais foram as maiores dificuldades enfrentadas por todos? Setebelos:Já temos 5 anos de trabalho. Acho que as dificuldades são as mesmas de qualquer um que vise ter sucesso em uma área, seja qual for. Se você terminou o curso de direito , agora é ralar para entrar em um escritório e subir na carreira. Se você é médico,tem que batalhar para ter renome. Se você é ator, tem que batalhar, para levar a sua criação para o público. Estamos na fase da batalha, e até agora, estamos indo muito bem.

al por trás dos espetáculos? Setebelos:Temos uma infraestrutura pessoal sim. Até mesmo porque a maior parte do nosso tempo é dedicada a criação, ensaio e estudo. Mas acompanhamos tudo que é feito. Se não está do nosso gosto ou não está com a qualidade que exigimos sempre interferimos e colocamos a mão na massa.

VCLive:São quantos anos de companhia? Quais são os projetos futuros? Setebelos:5 anos. O Setebelos está sempre em expansão. Esse ano, estrearemos peça nova, modificaremos outras e traremos muitas outras surpresas. VCLive: É fácil fazer teatro em Brasília? Quais as dicas para quem está começando e como fazer para não fracassar no meio do caminho? Setebelos:Fazer teatro no Brasil nunca é fácil. Em todos os lugares as pessoas encontram dificuldades de se firmar em uma carreira. Mas , novamente, isso é para qualquer carreira. Se a pessoa quer mesmo, tem foco e está disposta a conseguir, ela consegue. Foto: Rodrigo Carietti

VCLive:Vocês estão fazendo sucesso em várias mídias como a internet, com vídeos no youtube,o surfista de Brasília. tem o Alan Bique, na Transamérica. Como e quando começaram as incursões fora do palco? Setebelos:É engraçado,porque algumas coisas acontecem pelos meios normais. Por exemplo: A transamérica gostou do nosso trabalho e nos chamou para fazermos o Alambique, que já está na quarta temporada. No caso do vídeo O Herói Leonidas Fontes, que já ultrapassou 500 mil visuVCLive:Todos os componentes alizações no youtube, o caso foi vivem exclusivamente de tea- diferente.Estávamos chegando tro? Desde quando isso acon- no ensaio, quando um chuvaréu sem precedentes caiu. Uma mutece? Setebelos:Sim. Todos vivem ex- lher estava com o carro sendo clusivamente de teatro. É a nos- arrastado. Ninguem queria se sa profissão, nossa vida e nosso prontificar para ajudar. Aí o Léo sonho. Conseguimos começar a foi. Esse é o começo do vídeo. A viver disso a partir do momento partir do momento que já estava em que decidimos que o teatro ensopado, resolveu brincar. deixaria de ser somente um hobbie e se tornaria nossa profissão. VCLive:Vocês sempre trabalham com elenco fixo? O MarVCLive:Vocês têm uma sede cos e a Tati foram os primeiros onde a companhia funciona? convidados, ou já tiveram mais Além de atuar, existe outras atores em trabalhos de vocês? atribuições aos atores, ou vocês Setebelos:Somos sempre nós têm uma infraestrutura pesso- nas peças. Mas sempre precisa-

mos de contra-regras, que são mais do que só ajudantes. São verdadeiros anjos da guarda como é o caso do Jorge Paz, que está conosco desde a primeira apresentação. No caso da Tati e Marcão, foi uma surpresa que não poderia ter vindo em hora melhor. Quando a ela saiu, chamamos , ela e o Marcão toparam

Julho 2011| VC Live 23

Revista VCLive #7 Setebelos  

Edição de julho da revista com matérias da Shakira em Brasília, Seletiva do Porão do Rock 2011, Expedição no Buraco das Araras.