Page 1

política

Desarmamento A Bahia é o 8º Estado com melhor resultado na Campanha Nacional do Desarmamento 2011, com a entrega de 2.222 armas. O projeto acabaria agora, mas o Ministério da Justiça resolveu estendê-lo até o final de 2012.

politica@jornaldametropole.com.br

E o troféu vai para... O Jornal da Metrópole pesquisou e descobriu quem foram os deputados ‘mais mais’ da Assembleia em 2011 Fotos Manuela Cavadas Texto Erick Issa

erick.issa@portaldametropole.com.br

Colaborou Victor Pinto

PRÊMIO É ALGO que todo mundo gosta de ganhar? Depende. Enquanto uns brigam e até fazem campanha para ganhar um troféu, outros não irão simpatizar nadinha com a premiação que o Jornal da Metrópole está propondo para os destaques (positivos ou negativos) da Assembleia Legislativa do Estado da Bahia (AL-BA). Recentemente, no esquema de paz e amor, alguns deputados foram eleitos “Destaque Parlamentar” pelos jornalistas que cobrem a Casa, e parlamentares elegeram destaques da imprensa. Mas chegou a hora de acabar com a rasgação de seda e jogar a porcaria no ventilador. Quem anda na linha

não precisa se preocupar. Já quem fica em cima do muro, ou do lado errado, pode colocar as barbas de molho. Antes da premiação, é preciso pincelar o ano de 2011 na Assembleia. A legislatura marcou a renovação de 49% dos deputados – 31 dos 63 –, e velhas figuras deram lugar a novas caras, mesmo que grande parte seja de filhos de deputados, esposas de prefeitos, etc. Também é verdade que no ano em que a oposição foi a menor da história, algo inédito até nos áureos tempos de ACM, os deputados do outro lado precisaram de muita garganta para chamar a atenção em episódios como a mudança do Planserv e da política ambiental do Estado. De moedinhas no Plenário a lavação de roupa suja, vamos à premiação.

A gente procura a notícia onde quer que ela esteja escondida.

www.bahianoticias.com.br Seu site sobre política com isenção e credibilidade. !"#$%&'()*&!+!,%')*-.!/$0)*+$/0$0+%,0+$!)12/#3%&!

10

Troféu Fogo Amigo Fabrício Falcão (PCdoB) Falcão discursou inflamado contra as notícias sobre os faltosos do Legislativo. Reclamou até do companheiro de partido Álvaro Gomes, muito assíduo e crítico dos filões. Falcão disse que Gomes “só tem anseios para o próprio umbigo” e foi “grosseiro”. Mais tarde, minimizou a fala e pediu desculpas.

Troféu Polêmico Targino Machado (PSC) Ácido em seus pronunciamentos, Machado protagonizou uma das situações mais polêmicas da Casa em 2011. Na votação do projeto que mudou o Planserv, levantou a suspeita de que a aprovação dos governistas foi comprada. Tirou um saco de moedas do bolso e ganhou um processo, arquivado mais tarde.

Troféu Poderoso Chefão Marcelo Nilo (PDT) Eleito três vezes presidente da Casa, o deputado incomoda alguns petistas anunciando que quer ser candidato a governador. Impõe respeito aos companheiros, se diz íntimo do governador Wagner (PT) e o acompanha em eventos. Foi chamado de ditador num bate-boca com o deputado Alan Sanches (PSD). Salvador, 30 de dezembro de 2011


Violência

Farra mal explicada

O prefeito de Senhor do Bonfim, Paulo Machado, acusa o médico João Fernandes de agredi-lo e mantê-lo em cárcere privado na noite de Natal (25/12). Em depoimento à polícia, o prefeito disse ainda que foi ameaçado de morte.

Continuam sem resposta as perguntas sobre a festança de Natal da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza (Sedes). Procurado pelo Grupo Metrópole, o secretário Carlos Brasileiro preferiu não falar.

política politica@jornaldametropole.com.br

Troféu Na Linha

Troféu Turista Fátima Nunes (PT)

Bruno Reis (PRB) e Álvaro Gomes (PCdoB)

Ela ainda não sabe para que foi eleita. Não consegue nem marcar presença nas sessões e é quem tem mais faltas na Casa. Segundo levantamento do site Excelências, atualizado este mês, faltou a 37% das sessões. A petista diz que é coerente, pois não registra a presença quando vai a outros locais, como os colegas. Também diz que estava nas votações importantes. E quais são as desimportantes?

Nesta categoria, que premia os deputados presentes na maioria das sessões, houve o único empate. Segundo o Excelências, os deputados linha-dura são Bruno Reis (PRB) e Álvaro Gomes (PCdoB), ambos com apenas três faltas. Conversas dos bastidores dizem que o título de mais assíduo do Legislativo provoca uma ciumeira danada entre os dois. Ou seja: há esperança!

Troféu Gastador

Troféu Patricinha

Maria Luiza Laudano (PSD)

Graça Pimenta (PR)

Como diz a música, “dinheiro na mão é vendaval”. Segundo o site Excelências, a deputada foi a que mais torrou os recursos da verba indenizatória da AL-BA no ano que passou. Nada mais, nada menos do que R$ 350.150 foram gastos em seu gabinete com consultorias e divulgações. Em tempos de crise internacional, ela bem que podia explicar para onde foi tanto dinheiro.

Sempre muito bem-vestida e ‘toda’ trabalhada na riqueza, a primeira-dama de Feira de Santana parece mais preocupada com a aparência do que com o mandato. Exemplo: ela não compareceu à audiência da Viabahia para representar seu município na luta para que a concessionária responsável pela BR-324, que liga Salvador a Feira, cumpra com o previsto em contrato.

Troféu Independência ou Morte Capitão Tadeu (PSB) Dizem que ele é uma pedra no sapato do governador, pois, apesar de pertencer à base, nem sempre vota com o governo, como no caso da modificação do Planserv, e costuma se vangloriar de ser o único entre os governistas a nem sempre rezar na cartilha petista. Na base do fogo amigo, tem muita gente nos corredores da AL-ba que jura de pé junto que tudo não passa de um jogo de cena. Salvador, 30 de dezembro de 2011

Troféu Mídia Luiza Maia (PT) “Pega ela aí, pega ela aí, pra quê? Pra passar batom”. Se Luiz Caldas decidisse levar a canção ao pé da letra e passar um batom na deputada, ganharia um safanão. A primeira-dama de Camaçari ganhou holofotes com o projeto ‘antibaixaria’ e agora, por estratégia ou não, voltou à mídia ao cortar 30% do cachê de Luiz Caldas, alegando que a letra da música ‘Fricote’ é racista e depreciativa. 11


política

Privataria nervosa

Censura

O PSDB deve processar o jornalista Amaury Ribeiro Jr. pelo livro ‘A Privataria Tucana’, que traz denúncias da gestão FHC. O texto seria “um apanhado de documentos que não provam nada”. Então...

No dia 23/12, dois homens invadiram a Rádio FM Ubatã, renderam o segurança do local e atearam fogo nos equipamentos. A emissora pertence ao prefeito da cidade, Edson Neves (PSD), e está sendo alvo de perícia.

politica@jornaldametropole.com.br

Troféu Galanteador

Troféu Deselegante

Deraldo Damasceno (PSL)

Elmar Nascimento (PR)

Corre à boca pequena que ele é mesmo bom de papo com as garotas. Nos corredores da Assembleia baiana, o delegado tem tratado jornalistas e colegas de trabalho com todos os afagos e carinhos. Nas palavras, é claro. Quem passar, bonita ou ou não, recebe um elogio. Mas vale registrar que não passa disso, já que o delegado licenciado é casado e fiel à esposa.

Pegou péssimo o comportamento do parlamentar na audiência da Viabahia. Atrasado, o republicano sentou-se no fundo da sala e, como se nada estivesse acontecendo ali, bateu altos papos com os colegas. Precisou ser repreendido em três oportunidades pelos companheiros de trabalho Pedro Tavares (PMDB) e Cacá Leão (PP). Envergonhado, deixou a sessão sem dar um pio sobre o tema em discussão.

Troféu Perseguido

Troféu Roupa Suja Maria Luiza Orge (PSD) A deputada não contou conversa ao subir no Plenário e protagonizar uma lavagem pública de roupa suja. Fez um discurso longo sobre sua separação do prefeito de Salvador, João Henrique Carneiro (PP). Ela se disse traída pelo ex, que estaria tendo um caso com a subsecretária de Saúde Tatiana Paraíso. Outros capítulos da novela ajudaram a clarear a mente da população. 12

Troféu Abençoado

Carlos Geilson (PTN)

Sargento Pastor Isidório (PSB)

Censurado é como o deputado tem se sentido nos últimos dias. Após acusar o governo do Estado de pagar publicidade à Rádio Subaé (Feira) em troca do seu desligamento da emissora, o radialista promete não ceder à perseguição. Voz ativa da oposição, ele chegou a ironizar a propaganda do governo da Bahia, afirmando em Plenário que “agora tem mais violência e mais assaltos”.

Este é um caso que nem Sigmund Freud explica. O pastor, que se diz ex-gay curado pela religião, consegue chamar a atenção por suas ideias um tanto esquisitas do que por sua atuação em si. Atualmente, Isidório tem projetos para tratamento de homossexuais e cornos. Ele garante que seguindo os ensinamentos da Bíblia e temendo a Deus, a recuperação acontece.

Troféu Economia Parece que, de tanto conviver com a situação de Salvador, cidade que todos dizem não ter recursos, a ex-primeira-dama do município aprendeu a economizar e acumulou dois troféus nesta premiação. Acredite se quiser: ela foi a única deputada estadual que não gastou nem uma moedinha com verba indenizatória no exercício de 2011. Deveria dar umas aulas aos colegas. Salvador, 30 de dezembro de 2011

Jornal da Metrópole - 30.12.2011  

Matéria de politica do Jornal da Metrópole. Premiação de trófeus aos deputados da Bahia.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you