Issuu on Google+

JC

10

05 de Abril de 2013 www.jeitocatarinense.com.br

Brasil

Hipertensão mata mais de 9,4 Milhões de pessoas por ano A hipertensão é uma doença crônica que causa a morte de 9,4 milhões de pessoas por ano em todo mundo, além de também estar relacionada com 45% dos ataques de coração e 51% dos derrames cerebrais, alertou nesta quartafeira a OMS (Organização Mu n d i a l d a S aú d e ) . Por conta desse fato, a OMS elegeu a hipertensão, ou tensão arterial alta, como tema do próximo Dia Mundial da Saúde, realizado a cada ano no dia 7 de abril para celebrar o aniversário da criação da entidade. Com intenção de conscientizar as pessoas sobre seus riscos, a agência

das Nações Unidas lembrou que, globalmente, as doenças cardiovasculares matam anualmente 17 milhões de pessoas, sendo que 9,4

Empresários da construção Pessimistas no trimestre

O Índice de Confiança da Construção registrou queda de 7,9% no primeiro trimestre do ano, ante o decréscimo de 6,9% no trimestre terminado em fevereiro. O resultado do indicador, medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), mostra que a tendência de desaceleração do nível de atividade econômica do setor, percebida desde o final de 2012, vem se mantendo neste início de ano. Prat icamente to dos os s eg mentos sina lizaram desaceleração. As obras de acabamento tiveram retração de 7,3% no trimestre encerrado em março, ante a queda de 1,5% em fevereiro. O aluguel de equipamentos de construção e demolição apresentou queda de 0,5%, ante a variação de 5,1%. As obras de infraestrutura para engenharia elétrica e de telecomunicações foram exceções às quedas, e tiveram alta de 5,3% no primeiro trimestre, contra a variação de -6% no trimestre encerrado em fevereiro.

milhões de mortes estão ligadas diretamente aos problemas de hipertensão. Segundo os últimos dados da OMS, divulgados ainda

em 2008, 40% dos adultos com mais 25 anos no mundo sofriam de hipertensão, ou seja, um bilhão de pessoas, enquanto, em 1980, esta doença afetava 600 milhões de pessoas com mais de 25 anos. Um dos principais problemas que a luta contra hipertensão enfrenta é o fato de que ela afeta especialmente os países de média e baixa renda. De fato, 80% das mortes causadas por doenças

Daniela Mercury está Apaixonada

cardiovascularesocorremnos países em desenvolvimento O consumo de tabaco, o excesso de sal e de açúcar, a falta de exercícios físicos e o colesterol alto são algumas das principais causas diretas da hipertensão. A detecção precoce da hipertensão e a redução dos riscos de ataques cardíacos e acidentes vasculares cerebrais geram muito menos custos às pessoas e aos Governos que uma cirurgia de coração e outras intervenções que podem ser necessárias se a tensão arterial não for controlada.

A cantora Daniela Mercury dá um bico no maridão e afirma que está vivendo uma nova paixão. E o novo amor de Daniela é a jornalista Malu Verçosa. Mãe de cinco filhos, Daniela Mercury está em turnê por Portugal, de onde confirmou a paixão arrebatadora pela ex-namorada da sua assessora, Fabiana Crato. “Tratei desse assunto com a mesma naturalidade com que tratei minhas outras relações”, disse a cantora. Do primeiro casamento, Daniela Mercury é mãe de Gabriel (26 anos), Giovanna (25). Do segundo casamento, com o italiano Marco Scabia, tem: Márcia (14), Analice (10) e Ana Isabel (2 anos).


yjc010_04