Page 1

Linhas

Revista eletrônica da Secretaria Estadual dos Transportes Metropolitanos | Ano 2 | N º 16

Mais mobilidade

Em apenas um mês, STM entrega três estações do Metrô, uma da CPTM e um terminal de ônibus metropolitano em Osasco


TODOS OS ASSENTOS SÃO

PREFERENCIAIS QUANDO O ASSUNTO É

RESPEITO. OFEREÇA SEU LUGAR A QUEM MAIS PRECISA.

TENHA UMA ATITUDE CIDADÃ.

2

Linhas |||| Número 16


Opinião

Mais mobilidade E

m pouco mais de um mês entregamos tantes

cinco

impor-

empreendimentos

no primeiro semestre de 2018. A operação do Terminal Metropo-

à

litano Luiz Bortolosso (km 21 Osasco)

população. São três novas estações

por sua vez beneficia quem precisa

na linha 5-Lilás do Metrô –Alto da

transitar pela região oeste da Grande

Boa Vista, Borba Gato e Brooklin–, a

São Paulo. Com 8.000 m² de área e

estação Engenheiro Goulart, na linha

seis plataformas, o terminal é passa-

12-Safira da CPTM, e o terminal de

gem de 52 linhas, sendo 40 metropo-

ônibus metropolitano Luiz Borto-

litanas e municipais, e recebe men-

losso, em Osasco.

salmente 250 mil passageiros.

Na linha 5, são mais 2,8 km de

E até o próximo ano entregare-

trilhos para facilitar a vida de quem

mos outras importantes obras. Nos

vive ou trabalha na região do Capão

próximos meses devem ser abertas

Clodoaldo Pelissioni

Redondo, na zona sul da capital. Com

mais sete estações da linha 5-Lilás de

Secretário Estadual dos Transportes

infraestrutura moderna e dotadas

metrô, três da linha 4-Amarela, ope-

Metropolitanos de São Paulo

de uma arquitetura que privilegia a

rada pela concessionária ViaQuatro,

sustentabilidade, as estações Alto da

oito da linha 15-Prata de monotrilho

Boa Vista, Borba Gato e Brooklin têm

e duas da linha 13-Jade da CPTM.

mezaninos inferior e superior com

Estamos investindo ao todo R$

amplas aberturas que permitem ven-

35,7 bilhões nestes e em outros proje-

tilação e iluminação naturais, desde

tos prioritários, como a retomada das

a cobertura até as plataformas. Dis-

obras da linha 6-Laranja de metrô,

põem ainda do que há de mais avan-

a implantação da linha 17-Ouro de

çado em trens e tecnologia de comu-

monotrilho e o prolongamento da

nicação e controle de composições.

linha 9-Esmeralda da CPTM até

Já a abertura da estação Enge-

Varginha. O Governo do Estado tem

nheiro Goulart, da CPTM, é a primeira

empregado todos os esforços neces-

etapa do projeto que vai levar os

sários para aprimorar o transporte

passageiros da capital ao aeroporto

metropolitano a fim de melhorar a

internacional de Cumbica, em Gua-

mobilidade urbana e, assim, possi-

rulhos, por meio da linha 13-Jade.

bilitar que os cidadãos tenham mais

As obras da linha 13 estão em ritmo

tempo para a família, para o lazer e

acelerado para que sejam finalizadas

para o descanso.

Linhas |||| Número 16

3


O que vai pelas linhas

CPTM promove troca e doação de livros Entre 23 e 27 de outubro, o projeto Livro Livre percorrerá nove estações

A

CPTM promoverá, entre os dias 23 e 27 de outubro, em nove

Usuário folheia exemplar durante a edição do Livro Livre no ano passado

estações, a 12ª edição do Livro Livre. O projeto distribui gratuitamente

ano “Deixa o livro te levar” procura

faça-os circular, ampliando o acesso

exemplares de livros em estações e

atrair os usuários para levarem seus

ao conhecimento. Para quem quiser

trens para incentivar os usuários a

livros e trocá-los por outros títulos

contribuir com a iniciativa, as doa-

aderirem a uma corrente de leitura.

nas estantes itinerantes.

ções podem ser feitas durante todo o

Nesse período, mais de 10 mil livros

Além de promover a leitura, o

estarão nas estantes itinerantes de

Livro Livre também incentiva a prá-

ano nas estações da CPTM. Desde 2006, o projeto Livro Livre

doação e troca nas estações Luz, Vila

tica do bookcrossing, movimento

da CPTM já distribuiu mais de 200

Olímpia, Engenheiro Goulart, Santo

que inspirou o projeto e que ocorre

mil exemplares. O evento acon-

André, Mogi das Cruzes, Suzano,

em várias partes do mundo com um

tece sempre no mês de outubro,

Piqueri, Caieiras e Ribeirão Pires.

convite inspirador: deixar livros em

em celebração ao “Dia Nacional do

Inspirado na música “Deixa a

locais públicos, como as estações ou

Livro”, comemorado em 29 de outu-

vida me levar”, do cantor e compo-

bancos de trens, para que outros lei-

bro. Confira a programação no site

sitor Zeca Pagodinho, o slogan deste

tores os encontrem e, após a leitura,

www.cptm.sp.gov.br.

Trianon-Masp é iluminada para o “Outubro Rosa” Um dos acessos da estação receberá a intervenção cromática para campanha de alerta sobre o câncer de mama

P

4

ara promover o “Outubro Rosa”,

A data é celebrada anualmente

campanha de conscientização

com o objetivo de difundir infor-

sobre a importância da prevenção

mações sobre o câncer de mama

e do diagnóstico precoce do câncer

a fim de contribuir para a redução

de mama, a estação Trianon-Masp,

da mortalidade.

da linha 2-Verde do Metrô, terá

São registrados cerca de 200 mil

durante todo o mês de outubro uma

casos de câncer de mama por ano no

intervenção cromática. Em um dos

mundo, matando, ao todo, mais de

acessos, o teto será iluminado todo

40 mil mulheres, entre as quais 15

rosa, cor do laço que simboliza,

mil brasileiras. O diagnóstico pre-

internacionalmente, a luta contra

coce aumenta significativamente as

Estação Trianon-Masp iluminada

a doença.

chances de tratamento e de cura. ||||

na cor rosa

Linhas |||| Número 16

||||


O que vai pelas linhas

Curtas

Holanda e Caixa Belas Artes são temas de exposições na linha 4

Secretário encerra 23ª Semana de Tecnologia Metroferroviária

Mostras ficam em cartaz até 31 de outubro nas estações da linha 4-Amarela

A

O secretário dos Transportes

sobre projetos prioritários como

Metropolitanos, Clodoaldo Pe-

a extensão das linhas 5-Lilás e

lissioni, encerrou a 23ª Semana

4-Amarela de metrô, o prolon-

de Tecnologia Metroferroviária,

gamento da linha 9-Esmeralda

realizada pela Associação dos

da CPTM, até Varginha, e a im-

Engenheiros e Arquitetos de Me-

plantação da linha 13-Jade da

trô (Aeamesp), entre 19 e 22 de

CPTM, que levará os passageiros

setembro no campus Paraíso da

até o Aeroporto de Cumbica, em

Unip. O secretário destacou que

Guarulhos. São, ao todo, R$ 35,7

o Governo do Estado tem inves-

bilhões de investimentos em

tido fortemente na expansão do

obras para melhorar a mobilida-

transporte sobre trilhos e falou

de urbana.

té 31 de outubro, os usuários da linha 4-Amarela, operada

pela ViaQuatro, podem conhecer um pouco mais sobre a Holanda. A ação faz parte do Programa Consu-

ViaQuatro alcança índice de satisfação de 92,1% A ViaQuatro recebeu dois

ários, o índice de aprovação foi

lados, realizado pela concessionária

importantes

reconhecimentos

de 92,1%. Além disso, a empresa

em parceria com representantes de

que confirmam a excelência dos

foi intitulada como melhor ope-

diversos países. A mostra, criada

serviços prestados pela con-

radora de sistema metroviário

pelo Consulado-Geral do Reino dos

cessionária. Na mais recente

do Brasil no 28º Prêmio Revista

Países Baixos, traz imagens e textos

Pesquisa de Satisfação dos Usu-

Ferroviária.

que convidam os brasileiros a ver a Holanda como mais que um destino turístico. A exposição fica na estação Luz até 2 de outubro e depois segue para a estação Paulista, onde pode ser vista até 31 de outubro.

CPTM bate recorde de passageiros em três anos O número de passageiros

Foram 3.054.801.

Para se ter

transportados voltou a crescer na

ideia, esse volume corresponde

Também até o fim do mês de

CPTM depois de queda nos últi-

a todos os moradores do Distrito

outubro, os amantes do cinema pode-

mos dois anos devido à crise eco-

Federal, segundo levantamento

rão conferir até o na linha 4-Amarela

nômica que afetou todo o país.

de julho do IBGE. O número só

de metrô a exposição “100 Anos da

No dia 6 de setembro, véspera

ficou abaixo do recorde histó-

Bela Arte”, que reúne 20 reprodu-

do feriado da Independência,

rico de 28 de novembro de 2014,

ções de cartazes originais de filmes

a Companhia bateu recorde de

quando

históricos com curadoria da Caixa

usuários dos últimos três anos.

3.094.737 pessoas.

foram

transportadas

Belas Artes. A mostra remete ao tradicional cinema de rua paulistano, por meio de cartazes cinematográficos, todos com descrição do ano de lançamento do longa, diretor e uma característica marcante da produção à época. Os trabalhos ficam expostos até 2 de outubro na estação Paulista e depois poderão ser vistos na estação Fradique Coutinho até 31 de outubro. Essa é a primeira etapa da atração que celebra 100 anos de cinema da Caixa Belas Artes.

|||| Linhas |||| Número 16

5


Capa

Governo do Estado avança em mobilidade urbana

E

6

m apenas um mês a Secretaria de Estado dos Trans-

mente de segunda a sábado, inclusive feriados, das 10h às

portes Metropolitanos (STM) entregou à população

15h, em operação assistida. Previsto para durar de 60 a 70

cinco empreendimentos essenciais para a melhoria

dias, o procedimento consiste na apresentação da estação

da mobilidade urbana na capital e Grande São Paulo. No

aos usuários, garantindo a infraestrutura necessária para

dia 6 de setembro, foram abertas as estações Alto da Boa

o funcionamento dos terminais e permitindo a matura-

Vista, Borba Gato e Brooklin, da linha 5-Lilás do Metrô.

ção dos equipamentos e sistemas operacionais, como os

Em 4 de agosto, entrou em operação a nova estação Enge-

de alimentação elétrica, sinalização, controle de tráfego e

nheiro Goulart na linha 12-Safira da CPTM (Companhia

de telecomunicações.

Paulista de Trens Metropolitanos), que fará integração

A operação nesse formato segue o padrão internacio-

com a futura linha 13-Jade, que ligará a capital ao aero-

nal para a abertura de novas estações de metrô. O horário

porto internacional de Cumbica, em Guarulhos. Em 16 de

será ampliado gradativamente até chegar ao funciona-

agosto, o governador Geraldo Alckmin entregou ainda o

mento pleno, das 04h40 à meia-noite, como em toda a

Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso (km 21 Osasco),

rede. Durante essa etapa, as novas estações são atendi-

que integra o Corredor Itapevi–São Paulo.

das por um trem exclusivo que percorre o trecho entre

Somente com os 2,8 km das três novas estações da

Brooklin e Adolfo Pinheiro. Quem desejar seguir viagem

linha 5-Lilás do Metrô beneficiarão mais de 60 mil pas-

para as demais estações da linha 5, será orientado pelos

sageiros por dia. No momento, elas funcionam gratuita-

funcionários do Metrô sobre como acessar a área paga e

Linhas |||| Número 16


Capa

Em apenas um mês, cinco empreendimentos foram entregues à população

embarcar em um outra composição. Cartazes e mensagens sonoras também auxiliam na orientação.

A estação Alto da Boa Vista tem mezaninos inferior e superior com amplas aberturas que permitem ventilação e

Com a inauguração desse novo trecho, o sistema metroviário paulista passou a ter 81,1 km e 71 estações.

iluminação natural, desde a cobertura até as plataformas. Com profundidade de 24 metros, o equivalente a um pré-

Nova estações – Localizada no cruzamento das ave-

dio de oito andares, a estação possui 14 escadas rolantes, 11

nidas Roque Petroni Júnior e Santo Amaro, a estação

escadas fixas, três elevadores, plataforma central e sanitá-

Brooklin tem 24 metros de profundidade, 13.151 m² de

rios acessíveis em seus 8.960 m² de área construída. Estão

área construída, dois acessos, duas plataformas laterais,

previstos cerca de 10.000 embarques diariamente. Durante

24 escadas rolantes, cinco elevadores, sanitários e bici-

a operação assistida, a estação Alto da Boa Vista funcionará

cletário. Estima-se que 30 mil pessoas devam embarcar

com seus dois acessos e o elevador estará disponível na

nessa estação todos os dias.

entrada principal, na avenida Santo Amaro, 5.869, e pela

Com 9.667 m² de área construída e 26 metros de profundidade, a estação Borba Gato poderá ser acessada tanto por quem vem da avenida Santo Amaro como pela avenida Adolfo Pinheiro. Há ainda outros dois acessos secundários. A estimativa é que 20 mil usuários embarquem diariamente no local.

Rua do Estilo Barroco. O acesso da avenida Adolfo Pinheiro será aberto posteriormente.

Arquitetura sustentável Privilegiando a sustentabilidade e a integração da paisagem externa com os ambientes externos, as estações

Linhas |||| Número 16

7


Capa Brooklin, Borba Gato e Alto da Boa Vista têm em seus respectivos acessos principais uma grande cúpula de vidro como elemento visual marcante, que permite a ampla entrada de luz natural para seu interior, gerando economia de energia elétrica. Os vidros protegem contra a entrada de raios ultravioleta e redu-

Novas estações contam com moderno sistema de controle e comunicação de trens

zem a retenção de sujeira, facilitando a limpeza, que poderá ser realizada

entre os diversos níveis e o exte-

O traçado da linha 5 percorre

em intervalos maiores.

rior. Com isso, é possível diminuir a

importantes avenidas que cortam a

Esse conceito arquitetônico está

necessidade de instalação de grandes

zona sul, oferecendo para a população

alinhado às mais recentes tendências

equipamentos de ventilação forçada

acessos a diversos centros comerciais

adotadas em projetos de estações

para garantir a renovação do ar no

e renomados hospitais, como Santa

dos principais sistemas de metrô do

interior das estações, especialmente

Casa de Misericórdia de Santo Amaro,

mundo –como as estações Fulton

nos níveis mais profundos.

Hospital Alvorada, Hospital do Ser-

Center, 34th Street/11th Avenue, Whitehall St./South Ferry e a nova

vidor

Ampliação da linha 5-Lilás

Público

Estadual,

Hospital

Edmundo Vasconcelos, Hospital São

estação do World Trade Center, em

A ampliação da linha 5-Lilás

Paulo, Hospital Santa Cruz, Hospital

Nova Iorque; Canary Wharf e Bat-

compreende a construção de 11 km

Sepaco e outros centros especiali-

tersea, em Londres; e as estações da

e 11 estações, de Adolfo Pinheiro

zados para tratamento como AACD,

nova linha 15 de Paris.

(inaugurada em fevereiro de 2014)

APAE e Lar São Francisco.

Em São Paulo, o projeto arquite-

a Chácara Klabin, além da aquisição

tônico das novas estações contempla

de 26 novos trens, implantação do

empreendimento é de R$ 9,97 bilhões.

amplas aberturas que favorecem a

moderno sistema de sinalização e

Quando completa, de Capão Redondo

iluminação pelo sol até o nível das

controle – CBTC– em toda a linha e

a Chácara Klabin, cerca de 850 mil

plataformas e permite a ventilação

a construção do pátio de manutenção

pessoas devem utilizar diariamente os

natural com a livre circulação do ar

Guido Caloi.

20 km e 17 estações da linha 5.

O

investimento

para

todo

Cúpula de vidro na entrada das estações permite a ampla entrada de luz natural 8

Linhas |||| Número 16

o


Capa

Engenheiro Goulart será integrada à linha 13-Jade

Nova estação Engenheiro Goulart, da linha 12 da CPTM, tem 15 mil m² de área construída e moderna infraestrutura

C

de bloqueio com 16 catracas.

om a reabertura da estação Enge-

usuários direto da estação Aeroporto-

nheiro Goulart, em Cangaíba

No mezanino da estação estão as

Guarulhos até a histórica estação

(zona leste de SP), os trens da linha

salas para as áreas operacionais e de

Luz, que oferece transferência a duas

12-Safira (Brás-Calmon Viana) da

segurança, que incluem vestiários

linhas do Metrô, duas linhas de trem,

CPTM voltam a parar no local. A esta-

e sanitários masculino e feminino.

atrações culturais e outras facilidades

ção possui uma segunda plataforma

Para abrigar as salas técnicas e os

de transportes como ônibus e táxi. O

que funcionará para atender à linha

equipamentos gerais, foi construído

trajeto durará cerca de 35 minutos e

13-Jade, a partir do próximo ano,

um edifício anexo. Os ciclistas terão

os trens partirão em horários progra-

quando a implantação for concluída.

um bicicletário com 152 vagas e sani-

mados: Aeroporto-Centro (8h, 10h,

com

tários. Uma passarela ligará a estação

12h e 22h) e Centro-Aeroporto (9h,

arquitetura moderna e totalmente

ao Parque Ecológico Tietê, com acesso

11h, 13h e 21h).

acessível, tem mais de 15 mil m² de

à ciclovia.

A

nova

estação

conta

Durante toda a operação comer-

área construída e em nada lembra

A estação Engenheiro Goulart

cial, das 4h até meia-noite, funcio-

o modesto prédio de 500 m² que

integra o lote 1 das obras civis da

nará o serviço regular com viagens

existia no local. No quesito susten-

linha 13-Jade, que também engloba

da

tabilidade, o projeto contempla um

a implantação da via permanente e

à estação Engenheiro Goulart com

sistema de aquecimento de água por

rede aérea no trecho em superfície

duração de 15 minutos. Quem dese-

energia solar, reservatório de água

da nova linha, remanejamento da

jar seguir viagem pelo Metrô ou pela

quente e outro para armazenamento

linha 12 e ampliação de duas passa-

CPTM terá que realizar transferência

de água de reuso.

gens inferiores.

para a linha 12-Safira em Enge-

Engenheiro Goulart dispõe de todos os equipamentos de acessibi-

Expresso aeroporto

estação

Aeroporto-Guarulhos

nheiro Goulart. Nos horários de pico (das 5h às

lidade, com dois elevadores e sani-

A linha 13-Jade, que ligará São

9h e das 16h às 20h), haverá ainda

tários adaptados para pessoas com

Paulo ao aeroporto de Guarulhos,

o serviço Connect, com trens que

deficiência ou mobilidade reduzida.

começará a operar em março do ano

seguirão da estação Aeroporto até

Também há quatro escadas rolantes

que vem e oferecerá aos usuários

Brás, sem necessidade de trocar de

e escadas fixas, além de bilheteria

três tipos de viagem. Um deles será o

composição em Engenheiro Goulart.

blindada, com três guichês, e linha

CPTM Airport-Express, que levará os

O trajeto durará cerca de 35 minutos

Linhas |||| Número 16

9


Capa e o trem parará nas estações para embarque e desembarque. A operação da linha 13-Jade foi definida após estudos de estimativa de demanda da nova linha e dos embarques e transportados pela Linha 12-Safira. Ao ligar a capital ao aeroporto de Guarulhos, a linha 13-Jade beneficiará principalmente os moradores das duas maiores cidades do Estado, além de atender aos turistas e pro-

Novos trens da linha 13 terão salão contínuo de passageiros, bagageiros,

fissionais que vêm a São Paulo para

ar-condicionado, sistema CBTC e design arrojado

negócios. A demanda inicial projetada é de cerca de 130 mil passageiros

Do total de 12,2 km de extensão,

por dia útil e a conclusão das obras

quase 8 km de vias férreas serão sus-

civis está prevista para o primeiro

tentadas por 764 vigas gigantes, com

A exemplo das frotas das outras

semestre de 2018.

31 metros de extensão e 96,8 tone-

seis linhas da CPTM, os trens terão

estão sendo entregues para a CPTM.

Atualmente, cerca de 2.300 tra-

ladas cada uma, o equivalente a 121

oito carros cada um, totalizando 170

balhadores estão mobilizados nos

carros populares com peso médio de

metros de comprimento. A parte

quatro lotes que compõem a obra.

800 kg. Para atender a essa demanda,

externa terá design arrojado e a

Além de Engenheiro Goulart, já

uma fábrica foi montada em um dos

interna oferecerá layout moderno

entregue, a linha terá as novas esta-

canteiros e guindastes de grande

e funcional, com salão contínuo de

ções Aeroporto-Guarulhos e Guaru-

porte são utilizados para o lança-

passageiros (passagem livre entre

lhos-Cecap.

mento de vigas nos últimos trechos

os carros), como nos mais recen-

em elevado.

tes trens adquiridos pela CPTM. As

A estação Cecap-Guarulhos terá um dos acessos transpondo o viário, permitindo conexão com a rodoviária

composições terão também monito-

Novos trens

ramento com câmeras no interior e

A linha 13 contará com oito

de Guarulhos. Na estação Aeroporto-

10

posições do lote de 65 unidades que

trens,

modernos

litará a passagem para o Terminal

foi

governador

ponta, as composições terão equi-

Metropolitano Taboão, além do acesso

Geraldo Alckmin no dia 1º deste

pamentos de sinalização de bordo,

direto ao terminal 1 do aeroporto, que

mês. As novas composições terão

como CBTC, ATC e ATO, bagageiros,

será interligado com transporte pró-

bagageiro e serão produzidos pelo

ar-condicionado, iluminação interna

prio da concessionária GRU Airport,

consórcio

Temoinsa-Sifang,

que

com tecnologia de LED, sinalização

responsável pela distribuição dos

venceu

licitação

internacional

de abertura e fechamento de portas,

passageiros pelos diversos terminais.

com a apresentação da melhor pro-

sistema multimídia para os passagei-

posta no valor de R$ 316,720.807,00

ros, sistema de detecção e extinção de

ante o orçamento limite que era R$

incêndio e mapa de linha eletrônico.

autorizada

a

cuja pelo

fabricação

parte externa frontal.

Guarulhos, uma das saídas possibi-

Dotados

com

tecnologia

de

319.251.011,08, gerando economia de

Os trens atendem plenamente às

R$ 2.530.204,08 aos cofres públicos.

exigências das normas brasileiras de

A aquisição dessa frota está sendo

acessibilidade e contam com todos

financiada com recursos do Banco

os dispositivos de acessibilidade para

Europeu

(BEI),

orientar usuários com deficiências

que disponibilizou € 85 milhões ao

auditiva (mapa dinâmico) e visual

Governo do Estado de São Paulo.

(áudio), tais como: sinalização visual

de

Investimento

Os trens serão entregues em até

para identificação de assentos pre-

23 meses, a partir da publicação da

ferencias, painel eletrônico de lado

ordem de serviço. Até a chegada des-

de desembarque e local das estações

Governador com o presidente da CPTM,

sas unidades, a operação da linha 13,

concomitante com áudio, espaço para

Paulo de Magalhães, durante inauguração

prevista para ter início em março de

cadeirantes, pessoas com mobilidade

da estação Engenheiro Goulart

2018, será realizada com novas com-

reduzida ou deficiência física.

Linhas |||| Número 16


Capa

Novo terminal de Osasco tem 8.000 m²

Local é passagem de 52 linhas de ônibus e recebe 250 mil passageiros por mês

E

m operação desde 19 de agosto,

O local, com viário em pavimento

Hospital das Clínicas, Rio Pequeno,

o Terminal Metropolitano Luiz

rígido, é dotado de duas bilhete-

Bortolosso (Km 21 Osasco) recebeu

rias, quatro sanitários devidamente

• Osasco: Centro, Jardim Santo Antô-

investimentos da ordem de R$ 29

acessíveis (dois masculinos e dois

nio, Jardim Veloso, Terminal Santa

milhões. Localizado na Avenida dos

femininos), quatro escadas rolantes

Maria, Vila Yara, Vila Yolanda.

Autonomistas, 7.130, no bairro Qui-

e quatro elevadores, além de uma

• Barueri: Alphaville/Bradesco, Alpha-

taúna, em Osasco, funciona diaria-

passarela que facilita o acesso à esta-

ville 2, Jardim do Líbano, Parque

mente das 4h às 2h.

ção General Miguel Costa, da linha

Com 8.000 m² de área e seis pla-

8-Diamante da CPTM.

Rodovia Raposo Tavares km 17,8.

Viana, Vale do Sol. • Carapicuíba: Cohab 1, Cohab 5,

taformas, o Terminal Metropolitano

A integração tarifária das linhas

Luiz Bortolosso, administrado pela

metropolitanas de ônibus com o trem

Empresa Metropolitana de Trans-

é feita por meio do cartão BOM, que

• Cotia: Terminal Metropolitano.

portes Urbanos (EMTU), é passagem

proporciona um desconto de R$ 1,50

• Itapevi: Centro, Cohab, Cohab/Jd.

de 52 linhas, sendo 40 metropolita-

no valor das duas tarifas.

nas, nove municipais de Carapicuíba

Locais

servidos

pelas

metropolitanas que operam no Ter-

350 ônibus circulam por lá, trans-

minal Luiz Bortolosso:

portando mensalmente cerca de 250

• Capital: Barra Funda, Jardim João 23, Lapa, Metrô Butantã, Pinheiros, Linhas |||| Número 16

Parque Jandaia, Vila Dirce.

Paulista, Vila Gioia. linhas

e três da cidade de Osasco. Ao todo,

mil passageiros.

Cidade Ariston, Jd. Novo Horizonte,

• Jandira: Jd. N. S. de Fátima. • Santana de Parnaíba: Alphaville 10, Res. Tamboré 3. • Pirapora Bom Jesus: Jardim Bom Jesus.

||||

11


12

Linhas |||| NĂşmero 16


Estrada de ferro

Estrada de Ferro ganha site mais moderno e ágil Nova página oferece aos usuários acesso mais claro às informações sobre a EFCJ

A

Estrada de Ferro Campos do Jordão (EFCJ) acaba de colocar no

ar seu novo site. Agora ao acessar o endereço www.efcj.sp.gov.br os usuários encontram uma página mais moderna, com design contemporâneo e com melhor navegação. O objetivo é possibilitar ao público um acesso mais ágil e claro às informações sobre os serviços e atrações da empresa, que mantém a página virtual desde 2012 para todos aqueles que têm interesse pela ferrovia. Desenvolvido pela Prodesp, com

Novo site possibilita melhor navegação e facilita consulta aos serviços da empresa

o suporte da equipe de tecnologia da informação da Secretaria de Estado dos

nossos visitantes e amantes da fer-

Ele destaca que o site também

Transportes Metropolitanos (STM), o

rovia uma página condizente com os

será uma importante ferramenta

site será constantemente atualizado

mais cem anos de história da EFCJ

para auxiliar a atuação das equipes da

pela equipe de comunicação da EFCJ.

e sua importância para o desenvol-

ferrovia que lidam diretamente com o

um

vimento da região de Campos do

público. “Será o principal canal para

site mais convidativo, alinhado aos

Jordão”, afirma Ayrton Camargo,

verificação de informações sobre

padrões atuais, para oferecer aos

diretor da EFCJ.

nossos serviços”, pontua Ayrton. ||||

“Era

necessário

termos

Teleférico de Campos do Jordão passa por manutenção Finalidade é oferecer mais segurança e conforto a usuários do primeiro teleférico construído no Brasil uem passeou no teleférico de

Q

e por uma empresa contratada para

Campos do Jordão nos últimos

fazer a restauração dos volantes.

meses encontrou a atração em melho-

O diretor de divisão das áreas

res condições de uso. Com o propósito

de manutenção da EFCJ, Cláudio

de oferecer mais segurança e conforto

Roberto Borusiewicz, ressalta que

aos usuários, a Estrada de Ferro Cam-

são realizadas semanalmente manu-

pos do Jordão (EFCJ) executou recen-

tenções nas cadeiras, para verificar

Turistas durante passeio no teleférico de

temente serviços de manutenção e

a lubrificação das travas, troca dos

Campos do Jordão

restauração no equipamento.

dispositivos que protegem o cabo de

Foram restaurados dois volantes, um já instalado, e outro de reserva.

aço na junção com a cadeira e a conservação das morsas.

Mais visitantes Todas

as

atrações

da

EFCJ,

Foram realizados também serviços

Localizado no Parque do Capi-

incluindo o teleférico, registraram,

de restauração do pinhão e dentes

vari, o primeiro teleférico construído

em junho deste ano, um crescimento

dos volantes, além de pintura nos

no Brasil, em 1970, percorre cerca de

de 13,2% no número de visitantes,

dois volantes. Foram investidos R$

560 metros em cinco minutos e ofe-

em relação ao recorde anterior fora

29.400,00 nos reparos, realizados

rece uma vista privilegiada daregião

da alta temporada, registrado em

por funcionários da estrada de ferro

aos visitantes.

agosto de 2015.

Linhas |||| Número 16

||||

13


MetrĂ´

14

Linhas |||| NĂşmero 16


Metrô

Linha 5 é premiada por criação de empregos As obras de implantação do trecho abriram mais de 5.500 postos de trabalho

A

linha 5-Lilás do Metrô de São

Pre-Salt. A premiação ocorreu no dia

trens e implantação do moderno sis-

Paulo foi premiada como melhor

13 de setembro. As obras de implanta-

tema de sinalização e controle (CBTC).

projeto de criação de emprego em 2017

ção da linha 5 geraram, ao todo, mais

durante o 15° Fórum Latino-Ameri-

de 5.500 postos de trabalho.

No último dia 6 (ler mais na matéria de capa), mais um trecho de

cano–Brasil de Liderança em Infra-

A ampliação da linha 5-Lilás com-

2,8 km e três novas estações –Alto

estrutura. O empreendimento con-

preende a construção de 11 km e 11

da Boa Vista, Borba Gato e Brooklin–

correu com os empreendimentos da

estações, de Adolfo Pinheiro (inaugu-

foram abertas ao público. Mais seis

Ferrovia EF-170–MT/PA – Ferrogrão

rada em fevereiro de 2014) a Chácara

novas estações serão entregues até o

do Mato Grosso e Second Round of

Klabin, além da aquisição de 26 novos

fim deste ano.

||||

Funcionários assistem à chegada do tatuzão à estação Santa Cruz, em novembro de 2015 Linhas |||| Número 16

15


CPTM

Mais dois trens são entregues à CPTM Já são 20 novas composições em circulação das 65 adquiridas pela Companhia

O objetivo é renovar e padronizar a frota de todas as linhas com trens modernos para oferecer mais conforto aos usuários

D

ois novos trens entraram

à linha 7-Rubi (Luz – Francisco

interna e são acessíveis para pessoas

em operação na última ter-

Morato) e a série 8.500, da CAF, está

com mobilidade reduzida ou defici-

ça-feira, 26 de setembro,

sendo utilizada no Expresso Leste da

ência (contam com sinalização visual

linha 11-Coral (Luz – Guaianases).

para identificação de assentos prefe-

na CPTM. As duas novas composi-

16

ções integram o lote de 65 unidades

Já são 20 composições novas em

renciais, mapa dinâmico e áudio, além

adquiridas pela companhia: 35 enco-

operação: 16 na linha 7-Rubi, que

de espaço para cadeirantes). Também

mendadas à empresa espanhola CAF

transporta em média 425 mil usuários

dispõem de monitores digitais inter-

e 30, à Hyundai Rotem. A série 9.500,

por dia útil, e 4 no serviço Expresso

nos com informações e interação das

da Hyundai Rotem, foi direcionada

Leste, na linha 11-Coral, pelo qual

principais notícias sobre a prestação

circulam cerca de 500 mil pessoas

de serviços, além de reconhecimento

diariamente. Com mais essa entrega,

eletrônico automático do maquinista

a CPTM dá continuidade ao processo

por meio de biometria.

de padronização da frota de todas

Os demais trens serão entre-

as linhas, readequando as séries de

gues ao longo dos próximos meses e

trens de acordo com a necessidade

entrarão em operação, de acordo com

operacional. O objetivo é oferecer

a necessidade operacional de cada

trens modernos e com ar-condicio-

linha, após a realização de testes que

nado, proporcionando mais conforto

são feitos nos sistemas elétricos,

e segurança aos usuários.

mecânicos e de sinalização. Depen-

Com salão contínuo de passagei-

dendo das necessidades de ajustes

Novos veículos têm salão contínuo de

ros (passagem livre entre os carros),

que surgirem e do tempo de solução

passageiros, ar-condicionado, câmeras

os trens possuem monitoramento

por parte do fabricante, os testes

de monitoramento entre outros itens

com câmeras na parte externa e

podem ser prolongados.

Linhas |||| Número 16

||||


CPTM

CPTM dá início à Pesquisa Banheiros da CPTM Melhor Viagem

têm peças antifurto

Ação será realizada até 31 de outubro e visa conhecer melhor o trajeto e a movimentação dos usuários dentro do sistema

A iniciativa visa coibir o alto índice de furtos de materiais como saboneteiras e torneiras

P

ara reduzir o alto índice de furtos de peças nos 338 banheiros

públicos de suas estações, a CPTM desenvolveu peças antifurto. Entre os itens criados pelo Departamento de Manutenção de Obras de Arte, Edificações e Equipamentos (Dofo) estão as saboneteiras de concreto que, internamente, utilizam garrafas plásticas recicláveis e foram batizadas de “pedroneteiras”. Já foram instaladas 56 pedroneteiras nas estações Franco da Rocha, Francisco Morato, Palmeiras

É importante que os passageiros participem pois informações servirão de base

-Barra Funda, Carapicuíba, Barueri,

para melhorias nos serviços

Jandira, Itapevi, Pinheiros, Mauá,

A

Prefeito Celso Daniel-Santo André,

CPTM (Companhia Paulista de

Trens

usuá-

Luz, Guaianases e Suzano. A meta é

Metropolitanos)

rios participem porque, a partir do

substituir as 489 saboneteiras atu-

É

importante

que

os

deu início no último dia 22 à

resultado da pesquisa, a CPTM pode

ais dos sanitários públicos da CPTM

Pesquisa Melhor Viagem. O objetivo

propor melhorias de mobilidade e

pelas de concreto.

conhecer é o trajeto e a movimenta-

formas de acesso às estações. “Essas

ção dos usuários dentro do sistema

informações

fundamentais

temente furtado, foram adaptadas

a fim de contribuir para o planeja-

para o planejamento das expansões

com fixadores. O dispositivo já ins-

mento de ações futuras.

futuras da CPTM”, diz Renata Marie

talado em 185 torneiras será implan-

Miyasaki, chefe do Departamento de

tado em todas as estações.

Os pesquisadores abordarão passageiros nas plataformas das esta-

serão

As torneiras, outro item frequen-

Edgar Fressato, chefe do Dofo,

Planejamento de Transporte.

ções da companhia para saber como

Além disso, tais informações

explica que a maior parte dos danos

vão até o local e qual o seu percurso

servirão para que os especialistas

dos banheiros públicos é causado

no sistema, incluindo as transfe-

identifiquem e estudem soluções

por vandalismo e, por isso, a área

rências para outras linhas, tempo de

para os pontos críticos na movimen-

decidiu investir no desenvolvimento

viagem, como chegam ao seu destino

tação dos passageiros.

dessas peças, que também ajuda-

final e outras questões pertinentes.

O trabalho é realizado pela Oficina

As perguntas e respostam duram

Consultores, empresa de engenharia

“Agora,

cerca de 3 minutos. A pesquisa será

com foco em mobilidade urbana e

dispositivos protetores para impedir

feita em todas as estações e linhas da

transportes, que venceu a licitação

furtos de válvula de mictório e de

CPTM até 31 de outubro.

para a prestação desse serviço. Linhas |||| Número 16

||||

rão a otimizar o trabalho da equipe. estamos

desenvolvendo

válvula de descarga.”

||||

17


Ação conjunta

Empresas se unem contra o abuso sexual Coordenada pelo Tribunal de Justiça de São Paulo, a campanha “Juntos podemos parar o abuso sexual nos transportes” busca reunir instituições do setor para combater esse tipo de crime

A

CPTM, o Metrô, a EMTU e a

EFCJ,

empresas

ligadas

à Secretaria de Estado dos

Transportes Metropolitanos, participam da campanha “Juntos podemos parar o abuso sexual nos transportes”, coordenada pelo Tribunal de Justiça de São Paulo. O objetivo é unir instituições públicas e privadas para combater a violência sexual no transporte coletivo. A campanha, lançada em 29 de agosto, visa promover uma mudança cultural que estimule vítimas de abuso sexual nos transportes e/ou pessoas que presenciam algum episódio de violência a denunciarem os agressores,

e

consequentemente,

inibir a prática desse tipo de crime.

dessa natureza, o número de denún-

força da campanha está no envol-

Foram afixados cartazes nos trens da

cias aumenta. Buscamos sensibilizar

vimento das diversas instituições

CPTM, do Metrô e da EFCJ e nos ôni-

as pessoas que fazem o primeiro

participantes.

bus da EMTU com mensagens alusi-

atendimento às vítimas, para que não

todas as empresas de transporte

vas ao tema, além de postagens nas

ocorra nenhum pré-julgamento. A

da maior cidade da América Latina.

redes sociais das empresas.

culpa nunca é da vítima. A culpa é de

Quem entrar no metrô, no trem ou

quem abusa, de quem constrange”,

no ônibus verá a mesma campa-

afirma a juíza.

nha, porque estamos todos juntos,

“Configura abuso qualquer ato físico, de cunho sexual, que não tem

“Conseguimos

unir

a concordância da pessoa”, explica a

Outro aspecto importante da

falando a mesma língua para estimu-

juíza Tatiane Moreira Lima, da Vara

campanha são programas de ree-

lar a denúncia e acabar com o abuso

de Violência Doméstica e Familiar

ducação direcionados aos abusado-

sexual. Campanha chancelada pelo

do Butantã, e uma das idealizadoras

res, uma vez que apenas a punição

TJSP, Governo do Estado, prefeitura,

da campanha.

nem sempre é suficiente para uma

Ministério Público, polícias Civil e

Antes do lançamento, foram rea-

mudança de conduta. O sociólogo

Militar e Ordem dos Advogados do

lizados seminários de sensibilização

Sérgio Barbosa foi responsável pela

Brasil, para mostrar que a vítima está

direcionados aos funcionários das

concepção do programa, que será

amparada”, ressalta a magistrada.

empresas de transporte. O objetivo

realizado em duas edições, nos meses

foi prepará-los para o atendimento

de outubro e novembro.

às vítimas. “Quando há campanhas

18

Cartazes como este foram afixados em trens e estações

Para a juíza Tatiane Moreira a Linhas |||| Número 16

“Infelizmente

abuso

sexual

acontece em todo lugar, mas, como milhões de pessoas utilizam dia-


Ação conjunta riamente o transporte coletivo, é

Metrô

fundamental unirmos forças para

No caso do Metrô, além de pro-

combatermos cada vez mais esse

curar um funcionário no local da

tipo de crime e levarmos essa impor-

ocorrência, o usuário pode recorrer

tante mensagem a um público tão

ao aplicativo Metrô Conecta ou ao

expressivo”, pontua o secretário

serviço

dos

SMS-Denúncia

(97333-

Metropolitanos,

2252). A mensagem é recebida no

Clodoaldo Pelissioni. Outras ações

Centro de Controle de Segurança,

de conscientização sobre o tema já

que destaca os agentes mais pró-

foram realizadas pela pasta.

ximos da ocorrência para verifi-

Transportes

Instituições que participam da

cação imediata e providências. No

campanha: Tribunal de Justiça de

caso da linha 4-Amarela, operada

São Paulo, Ministério Público de

pela concessionária ViaQuatro, as

São Paulo, Governo de São Paulo,

denúncias podem ser feitas à Cen-

Secretaria de Estado dos Transportes

tral de Atendimento pelo telefone

Metropolitanos, CPTM, Metrô, EMTU,

0800-7707100.

Viaduto Ameríndia, em Itapevi, deve ser concluído em dezembro A obra faz parte do Corredor de Ônibus Metropolitano ItapeviSão Paulo da EMTU e tem investimento de R$ 17,8 milhões

Estrada de Ferro Campos do Jordão

O Metrô dispõe de mais de 1.100

(EFCJ), ViaQuatro, Prefeitura de São

agentes treinados para atuar em

Paulo, SPTrans, Ordem dos Advoga-

benefício dos usuários, realizando

dos do Brasil, Polícia Militar, Polícia

estratégias operacionais e rondas

Civil, Secretaria da Segurança Pública

constantes, uniformizados e à pai-

e Secretaria Municipal de Mobilidade

sana, nos trens e estações, além

(Grande São Paulo), que deve ser con-

e Transportes de São Paulo.

de uma infraestrutura com 3.500

cluída em dezembro. A obra faz parte

câmeras de monitoramento. Todas

do Corredor de Ônibus Metropolitano

CPTM

M

ais de 100 operários trabalham atualmente

na

construção

do viaduto Ameríndia, em Itapevi

as ocorrências de segurança pública

Itapevi-São Paulo da EMTU, que está

Ao sofrer ou presenciar um

no sistema metroviário são atendi-

em implantação e ligará aquele muni-

abuso sexual nos trens ou estações

das e investigadas pela Delegacia do

cípio à capital paulista, passando por

da CPTM a pessoa deve informar o

Metropolitano (Delpom).

Jandira, Carapicuíba e Osasco. Com

fato imediatamente a um funcionário, apontando o autor, a fim de que

cerca de 20 km, o corredor beneficiará

EMTU

principalmente a população da zona

o agressor seja conduzido à delegacia

Os colaboradores das concessio-

de polícia mais próxima para o regis-

nárias e permissionárias responsá-

Com 330 metros de extensão

tro do Boletim de Ocorrência (BO).

veis pela operação dos ônibus metro-

e 16 metros de largura, o viaduto é

Os usuários podem ainda acionar a

politanos foram treinados e estão

construído em estrutura de concreto

Companhia por meio do serviço do

orientados a denunciar o criminoso

pré-moldado sobre a linha férrea,

SMS-Denúncia (97150-4949). Em

pelo telefone 190 do Centro de Ope-

próximo à estação Engenheiro Car-

caso de abuso sexual é importante

rações da Polícia Militar e prestar

doso, da linha 8-Diamante da CPTM.

que sejam apontadas as característi-

total e irrestrito apoio à vitima.

A eliminação de uma passagem de

cas e roupas do autor do crime para facilitar sua localização e detenção.

oeste da Grande São Paulo.

pedestre

EFCJ

existente

proporcionará

mais segurança para quem circula a

O serviço garante total anonimato ao

Ao sofrer ou presenciar um

denunciante e a mensagem é rece-

abuso sexual nos trens, estações ou

bida no Centro de Controle de Segu-

atrações turísticas da EFCJ a pessoa

Ao lado do viaduto será cons-

rança, que destaca os agentes mais

deve informar o fato imediatamente

truída uma passarela entre as ruas

próximos para verificação imediata

a um funcionário, apontando o

Atlanta e Rosângela Maria Lima

e providências.

autor, a fim de que o agressor seja

com rampas e escadas para ofere-

pé pela região, além de significativa melhora na fluidez do tráfego.

A companhia conta com 1.300

conduzido a uma delegacia de polí-

cer acessibilidade às pessoas com

agentes uniformizados e à paisana,

cia para o registro do Boletim de

deficiência ou mobilidade reduzida.

que fazem rondas constantes nas

Ocorrência (BO). Os usuários podem

Ao todo serão implantadas 54 vigas.

estações, e com um sistema de moni-

ainda denunciar o ocorrido pelo

O empreendimento representa um

toramento com mais de 5.000 câme-

telefone 190 do Centro de Operações

investimento de R$ 17,8 milhões do

ras de vigilância em toda a rede.

da Polícia Militar. Linhas |||| Número 16

||||

Governo do Estado de São Paulo.

||||

19


20

Linhas |||| NĂşmero 16


EMTU

VLT amplia integração tarifária na Baixada Medida gera economia a usuários de linhas municipais e metropolitanas

A

gora, os usuários do Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT) tem a facilidade de integração

tarifária dez linhas municipais de Santos. Os passageiros das linhas municipais integradas pagarão R$ 4,40 ao invés de R$ 7,90, que é a soma do valor das duas tarifas cheias (VLT e ônibus). A economia será de R$ 3,50 a cada viagem, tanto se a transferência ocorrer do VLT para o ônibus como também do ônibus para o VLT. Os usuários das linhas municipais integradas pagarão R$ 4,40, ao invés de R$ 7,90 que é a soma do valor das duas tarifas “cheias” (VLT e ônibus). Os usuários poderão economizar R$ 3,50 a cada viagem. A economia ocorrerá tanto se a transferência ocorrer

Integração tarifária é feita com dez linhas de ônibus municipais de Santos e

do VLT para o ônibus como também

45 metropolitanas

do ônibus para o VLT. A integração metropolitana com

complemento da tarifa da linha no

de estacionamento e manobras, um

o VLT também foi ampliada. Iniciada

embarque no ônibus metropolitano.

edifício de apoio e um bicicletário.

em junho de 2016 envolvendo 37

Exemplo: R$ 4,05 (tarifa do VLT) + R$

O pátio de estacionamento e

linhas gerenciadas pela EMTU/SP que

0,35 (complemento) = R$ 4,40 (tarifa

manobras tem capacidade para seis

circulam no raio de 400 metros ao

do ônibus). O débito varia de acordo

VLTs e foi construído com a finalidade

longo da linha do VLT no município

com a tarifa da linha a ser utilizada.

de dar apoio operacional à circulação

linhas

dos veículos no sentido Barreiros

aumentou para 45 com a inclusão

metropolitanas é voluntária, ou seja,

-Porto. O outro pátio fica no Termi-

de linhas metropolitanas que aten-

o cidadão pode optar em continuar a

nal Porto, em Santos. Com 164 m2 de

dem ao litoral sul e o município de

viagem na linha de ônibus ou fazer a

área, o edifício de apoio é dotado de

Cubatão. As estações do VLT em São

integração com o VLT. O VLT trans-

sala administrativa, sala de descanso

Vicente terão interação tarifária com

porta atualmente 22 mil usuários por

para os condutores e sanitários.

40 linhas intermunicipais e as esta-

dia. Com as integrações, a estimativa

Já o bicicletário tem capacidade

ções de Santos, com 37 linhas.

é de que esse número alcance 27 mil

para 100 bicicletas e funcionará dia-

passageiros diariamente.

riamente das 5h30 às 23h30, mesmo

de São Vicente, agora esse número

Ao embarcar no ônibus metropolitano é debitada no cartão do usuário a tarifa da linha utilizada, e na

A

integração

com

as

Bicicletário, pátio e edifício de apoio

horário de operação do VLT. A instalação proporciona mais segurança e

integração com o VLT não é debitado

Outra melhoria recente no sis-

conforto aos usuários que chegam de

valor adicional. No sentido contrá-

tema VLT da Baixada Santista são

bicicleta dos bairros mais distantes

rio, ao embarcar no VLT, é debitado

três novos equipamentos no trecho

de São Vicente para utilizar o VLT em

no cartão o valor de R$ 4,05 mais o

Barreiros-Porto do VLT. São um pátio

direção ao município de Santos.

Linhas |||| Número 16

||||

21


EMTU

Olimpíada de Tecnologia premia brasileiros O projeto vencedor da premiação inédita teve início na 1ª Hackatona Metropolitana promovida pela EMTU e Metra

Fábien Oliveira (à esq.) e Renato Rodrigues durante premiação do projeto Milênio Bus

U

m grupo de brasileiros venceu

um aplicativo, no qual também será

endente”, diz o presidente da EMTU,

pela primeira vez a Olimpíada

possível realizar compras de crédito

Joaquim Lopes.

Internacional de Tecnologia

do transporte.

e Inovação (ICC’2017) em Martigny,

A iniciativa do grupo surgiu

Parcerias+Inovação da EMTU, Renata

na Suíça. O evento ocorreu entre os

durante a 1ª Hackatona Metropo-

Veríssimo, o interessante é saber que

dias 30 de agosto e 19 de setembro e

litana,

Empresa

o grupo começou a pensar em solu-

reuniu cerca de 40 pesquisadores do

Metropolitana de Transportes Urba-

ções a partir de dificuldades reais

mundo todo.

promovida

pela

nos (EMTU) e pela Concessionária

no trânsito do Brasil e que podem

produção

Metra. A equipe foi uma das vencedo-

ser utilizadas em diversas partes do

Renato Rodrigues, o engenheiro de

ras do evento de tecnologia e mobili-

mundo. “A importância de eles tra-

controle e automação Marcel Ogando

dade urbana e passou a desenvolver

zerem essa vitória é ver que o [E] LAB

e o estudante de Engenharia de Con-

o projeto no laboratório de inovação

está atuando como espaço facilitador

trole e Automação Fábien Oliveira,

das empresas, o [E] LAB – Experi-

de inovações no transporte”, afirma.

que juntos compõem a equipe Top

mentos em Transportes.

O

engenheiro

de

Down, foram vencedores com o pro-

Além do título de vencedores da

Com o avanço no dispositivo, os

Olimpíada Internacional de Tecno-

rapazes se inscreveram na Olimpí-

logia e Inovação, a equipe Top Down

A ideia consiste na criação de

ada Internacional. “É uma satisfação

recebeu um cheque de cinco mil

sensores capazes de verificar em

saber que um projeto em construção

francos suíços, equivalente a R$ 18

tempo real quantas pessoas embar-

no nosso laboratório tem reconhe-

mil. O grupo já instalou protótipos

cam e desembarcam dos ônibus. O

cimento. Isso reforça que quando

dos sensores em um dos veículos da

intuito é que as informações de lota-

chamamos a sociedade para parti-

Metra e está em teste no Corredor

ção do coletivo possam ser compar-

cipar de ações com o setor público

ABD, operado pela empresa e geren-

tilhadas pelos usuários por meio de

o resultado é sempre muito surpre-

ciado pela EMTU.

jeto Milênio Bus.

22

Para a coordenadora do Núcleo de

Linhas |||| Número 16

||||


EMTU

Ônibus metropolitanos estão em licitação Concessão visa melhorar atendimento aos 2 milhões de usuários transportados por dia

Além da operação dos serviços de ônibus, a empresa vencedora será responsável pela manutenção de garagens e terminais

E

stá em processo de licitação

nais e sistema de bilhetagem. Além

Atualmente, quatro áreas ope-

a concessão dos serviços de

disso, parte dos veículos deverá

ram em regime de concessão e uma

transporte coletivo intermu-

contar com ar-condicionado, wi-fi,

por sistema de permissão, que inclui

câmbio automático e motor traseiro.

os municípios do ABC, da área 5.

nicipal da Região Metropolitana de São Paulo (RMSP), prestados pelo

O prazo para concessão será de 15

sistema regular de linhas de ônibus

anos. Poderão participar da concor-

tadas e respectivas cidades:

e pelos demais veículos de baixa e

rência empresas individuais ou con-

• Área 1: Cotia, Embu das Artes,

média capacidades, incluindo a ope-

sorciadas e grupos internacionais. As

Embu-Guaçu, Itapecerica da Serra,

ração e manutenção de garagens e

empresas vencedoras serão as que

Juquitiba, São Lourenço da Serra,

terminais. A Secretaria de Estado dos

apresentarem a menor tarifa.

Taboão da Serra e Vargem Grande

Áreas operacionais que serão lici-

Transportes Metropolitanos (STM)

O edital e seus anexos estarão dis-

publicou o aviso da concorrência no

poníveis gratuitamente a partir do dia

Diário Oficial do Estado (DOE) em 16

19 de setembro até 20 de novembro

Carapicuíba,

de setembro.

no site www.stm.sp.gov.br e podem

Franco da Rocha, Itapevi, Jandira,

Paulista. • Área 2: Barueri, Caieiras, Cajamar, Francisco

Morato,

Serão licitados os serviços para as

também ser retirados pessoalmente

Osasco, Pirapora do Bom Jesus e

cinco áreas operacionais (veja abaixo)

na rua Boa Vista, 175, 13º andar, bloco

Santana de Parnaíba.

da RMSP que abrangem 38 municí-

A, Centro, São Paulo, no Centro de

pios, mais a capital paulista. Hoje,

Suporte Logístico da STM de segunda

são, ao todo, 562 linhas e uma frota

a sexta-feira, das 9h às 17h, mediante

• Área 4: Biritiba Mirim, Ferraz de

de 4.599 ônibus. O objetivo é apri-

a apresentação de mídia gravável ou

Vasconcelos, Guararema, Itaqua-

morar a qualidade dos serviços pres-

dispositivo equivalente.

quecetuba, Mogi das Cruzes, Poá,

• Área 3: Arujá, Guarulhos, Mairiporã e Santa Isabel.

tados aos mais de 2 milhões de pas-

A sessão pública para recebi-

sageiros transportados diariamente.

mento e abertura das propostas será

• Área 5: Diadema, Mauá, Ribeirão

Para tanto, está prevista a expansão

no dia 21 de novembro, às 11h, na

Pires, Rio Grande da Serra, Santo

de linhas, melhoria da operação dos

sede da Empresa Metropolitana de

André, São Bernardo do Campo e

ônibus e da infraestrutura de termi-

Transportes Urbanos (EMTU).

São Caetano do Sul.

Linhas |||| Número 16

Salesópolis e Suzano.

||||

23

Linhas - Secretaria dos Transportes Metropolitanos  
Advertisement