Issuu on Google+

1

VirtualMagazine PROFESSOR VITUAL Curso grátis sobre “Como cobrir desastres naturais e crises”. A sessão de treinamento é realizada inteiramente nas instalações virtuais do VJLC no Second Life. Mobile World Congress é a feira de tecnologias móveis mais importante atualmente. O evento praticamente define quais serão os principais lançamentos do ano.

Como melhorar a qualidade de ensino

Opinião do publico Três-Mainese a res-

para estudantes de

peito da mobilidade

diferentes graduações.

na educação.

FEINTECH: Oportunidade para a região Noroeste do estado do Rio Grande do Sul mostrar e conhecer as novas tecnologias


2

3

Sumário 4

Tecnologias moveis no Mundo

5

Tecnologias moveis na região

6

Mundo Virtual

Ficha Técnica Diórgenes Rochinheski Design e Diagramador

Eduardo Weddigen

7

Entrevista

8

Opiniao Tresmaiense sobre Professor Virtual

11

Reportagem sobre emuladores

12

Apresentação do Aplicativo móvel: TED

14

Lojas Becker

15

Auto posto Amigão

17

Reportagem Smart Devices

18

Texto sobre TI

Design e Diagramador

Thiago Viana Design e Diagramador

Editorial Todo mundo sabe que a área da tecnologia é uma área que nunca para de se modificar, ou seja, sempre está surgindo algo novo, do qual se faz necessário ter algum conhecimento. Vendo por esse lado, a Virtual Magazine está trazendo nesta edição do Professor Virtual, reportagens sobre mobilidade, metodologia, professor virtual, e também está apresentando a proposta de desenvlvimento de um aplicativo Professor Virtual para ensino à distância. Também é apresentado, a opinião e posição do público três-maiênse a respeito da mobilidade na educação e do aplicativo


4

5

INTERNACIONAL -

BARCELONA E A MAIOR FEIRA DE TECNOLOGIAS MÓVEIS DO MUNDO

A

Mobile World Congress é a feira de tecnologias móveis mais importante atualmente. O evento praticamente define quais serão os principais lançamentos do ano em tecnologias móveis, os destaques e novidades para o mercado de gadgets, eletrônicos, celulares, smartphones e computadores. Um dos principais destaques da feira de tecnologias móveis foi a novidade da LG, o smartphone LG Optimus 4X HD, que foi apresentado com o inovador processador da Nvidia com 4 núcleos e Tegra 3. Esse poderoso processador possui alto desempenho e baixo consumo de energia, o que garante boa perfomance e maior durabilidade da bateria. Tudo o que queremos! A Mobile World Congress também foi destaque para a Samsung que apresentou seus novos tablets da

linha Galaxy, o Samsung Galaxy Tab 7.7, e o Samsung Galaxy Tab 7 Plus. Mas no quesito tablets quem se sobressaiu mesmo foi a Asus que apresentou um modelo de tablet com telefone celular embutido. A Nokia apresentou um smartphone com câmera de 12 megapixels, e a Huawei anunciou o tablet MediaPad 10, com 8 megapixels de resolução e 10 polegadas. Mas o anúncio mais importante da feira ficou com a Microsoft que finalmente anunciou o Windows 8, que agora expande suas operações para celulares e tablets.

Fonte: http://homem.net/2012/ 04/24/barcelona-e-a-maior-feira -de-tecnologias-moveis-do-mundo/

A

FEITECH

feira é uma oportunidade para a região Noroeste do estado do Rio Grande do Sul mostrar e conhecer as novas tecnologias que estão sendo implantadas na região. Uma feira voltada para o conhecimento onde a prioridade é voltada para a agricultura familiar que é muito forte em nossa região. A feira tem como objetivo mostrar e auxiliar os agricultores do território gaúcho que as tecnologias estão se avançando dentro da agricultura, e que nosso estado vive um momento de plena expansão do setor com a instalação de grandes indústrias e a emergência uma série de pequenas agroindústrias voltadas a cadeia agroalimentar. Instalada em pavilhões especialmente preparados, a feira de tecnologia está voltada especificamente para mostrar as inovações tecnológicas ao público interessado em negócios, conhecimento ou que busca simplesmente descobrir mais sobre as etapas e as tecnologias pelas quais passam os produtos que chegam a sua casa todos os dias.

ao setor que gera emprego, renda e desenvolvimento às cidades do noroeste. Onde nesta feira podem ser mostradas as maquinas que ajudam no desenvolver o agronegócio brasileiro, contribuindo para o desenvolvimento do país. Na feira tem diversos seminários voltados para agricultura, indústria, educação, mostrando o implemento das novas tecnologias em cada uma delas. Um evento de grande importância é o Jeep Country que ocorre durante a feira, com jeepeiros de toda a América do Sul. E já é consolidado como o maior evento de esportes radicais sobre rodas do estado, tem um público fiel que busca a adrenalina e a emoção do off road. Cada um destes eventos converge para oferecer aos expositores, visitantes e parceiros uma oportunidade ímpar de mostrar seus produtos, fortalecer suas marcas e reforçar relações comerciais e de cooperação. A FEINTECH caminha para se firmar como espaço de divulgação - à comunidade regional e visitantes do Mercosul - do que a região tem de melhor. A agricultura, a indústria, o comércio, os serviços, a gastronomia e eventos culturais estarão em evidência na FEINTECH. Integração, inovação e negócios somados ao empreendedorismo e pioneirismo da capital da tecnologia automotriz, caminham para colocar a FEINTECH entre os grandes eventos da Fronteira Noroeste do Rio Grande do Sul.

Fonte: PRADO, 2012. Fonte: PRADO, 2012. Fonte: PRADO, 2012.

Fonte: FEINTECH, 2012 A feira também se volta para a mostra industrial e comercial onde é uma oportunidade dos feirantes fazer negócios com os expositores, onde também pode conhecer um pouco mais do que está sendo lançado no mercado para seus consumidores. A mostra de maquinas e implementos agrícolas que desenvolve a maior economia do município de Horizontina/RS tem o objetivo de evidenciar o potencial da indústria na região, com a missão de promover maior visibilidade

Fonte: FEINTECH, 2012


6

7

Mundo Virtual

O

Centro Knight para o Jornalismo nas Américas está colaborando com o Centro de Aprendizagem Virtual de Jornalismo para oferecer um curso grátis sobre “Como cobrir desastres naturais e crises”. A sessão de treinamento é realizada inteiramente nas instalações virtuais do VJLC no Second Life. O curso tem como objetivo ajudar jornalistas a aprender estratégias básicas e habilidades para tomada de decisões necessárias na cobertura de um desastre natural ou de uma situação de crise. Técnicas específicas de coleta de notícias, reportagem e narrativas serão apresentadas. “Esta colaboração entre o Centro de Aprendizagem Virtual de Jornalismo e o Centro Knight é muito importante para que esse tipo de oportunidade de formação possa estar disponível para o maior número de jornalistas possível na América Latina”, disse Schmitz Weiss. “A plataforma virtual do Second Life oferece uma excelente oportunidade para os jornalistas entrarem e praticarem suas habilidades em uma situação de crise sem risco. Isto lhes dá um ambiente seguro para aprimorar suas habilidades e estar mais bem preparados para cobrir um desastre ou uma crise no futuro. “ O Centro Knight já colaborou com a doutora Weiss na sua pesquisa para determinar melhores formas de treinar jornalistas em ambientes on-line. “Somos pioneiros no uso da Internet para treinar jornalistas desde que lançamos o nosso programa de ensino à distância em 2003, mas também temos interesse em colaborar com as experiências da doutora Weiss sobre o uso de mundos virtuais para ensinar técnicas de reportagem”, disse o professor Rosental Alves, fundador e diretor do Centro Knight. “Os mundos virtuais, no caso o Second Life, oferecem oportunidades únicas para o treinamento em jornalismo e para a educação em geral.” O Centro de Aprendizagem Virtual de Jornalismo foi fundado em 2009 pela Amy Schmitz Weiss, professora assistente de jornalismo na Universidade de San

Diego. A missão do Centro é ajudar jornalistas a se tornarem melhores repórteres para que suas matérias ajudem indiretamente a salvar vidas e a manter o público em geral informado para tomar as melhores decisões durante momentos de crises ou desastres. O Centro de Aprendizagem Virtual de Jornalismo já treinou mais de 50 jornalistas através dos seus programas baseados em mundos virtuais. O Centro Knight para o Jornalismo nas Américas foi criado pelo professor Rosental Alves na Escola de Jornalismo da Universidade do Texas em Austin em agosto de 2002, graças a generosas doações da Fundação John S. e James L. Knight. O Centro Knight também recebe contribuições de outros doadores, incluindo as Fundações Open Society e a Universidade do Texas em Austin. O principal objetivo do Centro Knight é ajudar jornalistas da América Latina e do Caribe a elevar a qualidade do jornalismo em seus países.

Fonte: FRANCISCOPEREIRA, 2011.

Fonte: http://knightcenter.utexas.edu/ptbr/node/8849

Entrevista

1)TED: O que está em alta hoje em dia na area da tecnologia? JORGIANE: Não vou definir uma coisa só, pois a tecnologia em geral está em alta, é o nosso futuro. 2) TED: Tem conhecimento de algum aplicativo móvel de auxilio nos estudos? JORGIANE: Não, pois um aplicativo voltado para educação é um caso muito delicado, porque muitas pessoas podem pensar que estão substituindo o professor. 3)TED: O que acha de um aplicativo professor virtual para auxilio dos esudos, onde seria possível consultar um professor de casa? JORGIANE: Acho a ideia muito boa, pois assim as pessoas poderiam tirar suas frequentes duvidas do dia dia, seria um auxilio muito gratificante principalmente para universitarios e estudantes em geral. Ainda mais ter aulas diretamente de casa seria maravilhoso. 4)TED: Você como tecnico, acharia viável um aplicativo nesta modalidade na região? TED: Porque não? Nossa região está em fase de crescimento tecnologico e educacional, e um aplicativo voltado para educação seria mais uma ajuda para esse avanço acontecer. 5)TED: Você utiliza alguam tipo de aplicativo móvel? JORGIANE: Sim, pois hoje em dia todos os celulares ja vem com algum aplicativo instalado e de um jeito ou de outro a gente sempre usa. 6) TED: você tem algum conhecimento maior sobre computação nas nuvens? o que acha da mesma? JORGIANE: Sim, a computação nas nuvens hoje é uma solução para os problemas das pessoas, pois temos as coisas guardadas precisando apenas do acesso da internet que hoje se acessa de qualquer lugar do mundo. Então não tem mais a desculpa que perdeu o que tinha, pois quem utiliza a computação nas nuvens tem tudo nas mãos. 7)TED: Você utiliza alguma maquina virtual, seja em

casa quanto no trabalho? JORGIANE: Não, pois não trabalho somente voltada para a informatica, então não utilizo muito deste recurso. 8) TED: O que acha da internet como um meio de comunicação? e estudo? e trabalho? e lazer? JORGIANE: A internet hoje é muitoimportante na vida das pessoas, pois quem tem acesso está por dentro de tudo a todo momento. A comunicação atraves dela é um meio que facilita e muito, excelente para os estudos porque tem tudo o que um estudante precisa. Trabalhar usando o recurso da internet é uma facilidade maior que todos que utilizam tem. E ainda nas horas vagas utiliza-se para o lazer, ficar navegando no facebook, msn é um passa tempo que todos os internautas tem.


8

9

Opinião trêsmaiense

O

que é a Pesquisa de Campo? A pesquisa de campo procede à observação de fatos e fenômenos exatamente como ocorrem no real, à coleta de dados referentes aos mesmos e, finalmente, à análise e interpretação desses dados, com base numa fundamentação teórica consistente, objetivando compreender e explicar o problema pesquisado. Ciência e áreas de estudo, como a Antropologia, Sociologia, Psicologia, Economia, História, Arquitetura, Pedagogia,

deste ou daquele evento, ignorando a complexidade da realidade social. Desta forma, nossa pesquisa de campo foi realizada na feira de amostras, expo-terneira, com o intuito de ter uma noção do que o povo trêsmaiense sabe a respeito de novas tecnologias, focando principalmente, para a tecnologia na área da educação. No questionário da pesquisa de campo, estavam incluídas várias perguntas sobre

Como está o acesso a internet em Três de Maio Este gráfico está representando, a posição do público a respeito da chegada de um aplicativo móvel na educação. O gráfico está considerando a idade das pessoas, o que cada uma acha.

Nesse outro gráfico, está sendo representado quantas pessoas, das entrevistadas, tem acesso à internet e quantas não tem. E pode-se perceber que a maioria já possuí acesso à internet, o que facilitaria muito, para a utilização do Aplicativo Professor Virtual. E a seguir, segue um gráfico que mostra quantas pessoas possuem algum conhecimento à respeito de aplicativos móveis. Política e outras, usam freqüentemente a pesquisa de campo para o estudo de indivíduos, grupos, comunidades, instituições, com o objetivo de compreender os mais diferentes aspectos de uma determinada realidade. Exige também a determinação das técnicas de coleta de dados mais apropriadas à natureza do tema e, ainda, a definição das técnicas que serão empregadas para o registro e análise. Dependendo das técnicas de coleta, análise e interpretação dos dados, a pesquisa de campo poderá ser classificada como de abordagem predominantemente quantitativa ou qualitativa. Segundo Franco (1985) numa pesquisa em que a abordagem é basicamente quantitativa, o pesquisador se limita à descrição factual

conhecimento relacionado a tecnologia. Foi incuído também uma pergunta, para se ter uma base a respeito do accesso à internet, já o aplicativo Professor Virtual, será um aplicativo on-line.Pôde-se perceber também com a pesquisa que as pessoas estariam interessadas, porém dependeria muito do custo, pois o resultado da questão em que perguntava se estariam dispostos a pagar pelo aplicativo, ficou bem dividido. Com esta pesquisa de campo,foi possível perceber que a maioria das pessoas estariam interessadas em um aplicativo para educação à distância, e que acham sim, uma necessidade na região.


10

11

Social Networks

T

he influence of internet on society can be perceived in different ways. In some cases it is more evident, with effects quite noticeable in day to day lives. Influence on education Education has been undergoing changes due to the resources that the Internet has put in the hands of people. Students are no longer the same and the teachers did not. The Internet has helped create more informed students and teachers with better tools for academic exercise. New forms of consumption The so-called traditional economy has been losing ground for the new economy, where consumers shop without leaving home. This new form of consumption brought a huge change in trade relations, and influenced and influences the emergence of new companies, products and consumers. Changes in forms of communication The smoke signal to social networks, the man comes closer relations and more communicative. The Internet has brought a huge influence in this communication process. ICQ, IRC, email, MSN, Voip, Torpedo and social networking are some of the contributions that the Internet has influenced significantly the way we communicate. Broad access to information There was a time where people had to read a book or take a trip to gain knowledge of a specific topic. For a long time, and travel books were considered the elite of access to information. Today is no different, however, the book is available and fragmented in numerous websites and travel can be made without leaving the front of the computer. Increased exposure of people and loss of privacy We could list many advantages of the Internet, but we can not forget that the Internet people are increasingly exposed and loss of privacy is a consequence. Your participation in social networks, blogs, forum posts and other interactive sites leave a trail. Be careful with the personal information you have left on the internet. Social networks arise in just this human need to share with each other, creating bonds that are guided by social affinities between them. The e-mail was the first form of relationships on the web, where it was

created for people to share files. The exchange of messages by e-mail, also known as electronic mail, was the only form of communication and exchange of files available to users. This form of interaction between users is maintained until the present day. With the passage of time has been increasing numbers of Internet users, and then it was seen that had to have a broader social network where people could share their things day-to-day. Social networking is a simulation of a real social life, where people virtually relate. The main difference of the social network for the reality is that generally there is no hierarchical difference. The interesting thing also is that people relate as friends, because the important thing is to bring together a network of people who have mutual interests. Local people share these feelings, through photos, videos, texts, among others. A phenomenon of the modern world, social networks seem to have come to stay. The term social networks in the Internet environment, is known for the webs of relationships formed in channels of the web that provide the formation of online communities and interaction of its participants or users, as they are called. Increasing, these networks have influenced the new generations in the way they relate to other people, brands and institutions. An excellent channel of direct communication with consumers, social networks also enable good business opportunities for savvy entrepreneurs who know how to use this tool.

N

Emuladores

a computação, um emulador é um software que reproduz as funções de um determinado ambiente, a fim de permitir a execução de outros softwares sobre ele. Pode ser pela transcrição de instruções de um processador alvo para o processador no qual ele está rodando, ou pela interpretação de chamadas para simular o comportamento de um hardware específico. O emulador também é responsável pela simulação dos circuitos integrados ou chips do sistema de hardware em um software. Basicamente, um emulador expõe as funções de um sistema para reproduzir seu comportamento, permitindo que um software criado para uma plataforma funcione em outra. O primeiro emulador foi criado em 1964 por Larry Moss, na época funcionário da IBM, consistindo em um Software que fazia com que os programas criados para o 7070 mainframe rodassem na mais nova linha de computadores da IBM, os System/360. O emulador foi um sucesso e ajudou bastante o System/360 a se tornar um best-seller na década de 1970. Popularização A popularização dos emuladores veio junto com a Internet e os emuladores de vídeo games. As imagens extraídas de cartuchos de vídeo games são chamadas de ROMs e aliadas à programação em baixo nível de jogos para sistemas antigos tornou fácil a possibilidade de criação de emuladores de sistemas como o Chip-8 e depois de vídeo games mais populares como o Atari 2600 e NES. Apesar de um emulador nem sempre ser a coisa mais fácil de configurar, com pouco conhecimento hoje já é possível rodar um jogo de Playstation em um PC através de um emulador sem muitos problemas, muitas vezes até com qualidade superior ao próprio vídeo game, já que podem-se aplicar efeitos como anti-

Fonte: KOMODOMEDIA, 2012

Fonte: ANIMESXGAMESR,2012.

aliasing que o vídeo game não possui e rodar os jogos em resoluções muito mais altas que o original. Aplicações/Vantagens Rodar jogos de vídeo games. Testar códigos cross-compilado com maior facilidade. Reaproveitamento de softwares escritos para sistemas antigos. Rodar jogos de diferentes plataformas. Quando emular está associado a um hardware, com exemplo vídeo games, o emulador faz o trabalho do console, que por sua vez necessita de ROMs que é o jogo copiado de um cartucho ou CD. As ROMs ou jogos para emuladores são softwares como qualquer outro. Portanto é crime obter uma ROM ou jogo e executá-lo em um emulador ou hardware sem que você tenha o jogo original.

Fonte: ANIMESXGAMESR,2012. A lista de jogos compatíveis com o emulador PSP, JPCSP, é cada vez maior. Já há centenas de jogos disponíveis, com total compatibilidade com este emulador da melhor consola portátil do mundo. O facto de ser programado em JAVA, permite que o leque de jogos compatíveis seja muito superior ao de outros emuladores disponíveis no mercado. Além disso, o emulador pode assim também correr em diversos sistemas operativos e plataformas.


12

13

Professor Virtual TED

A

pps podem se adaptar mais facilmente às especificidades dos dispositivos que um site web ou site móvel rodando num browser. Estes aplicativos móveis têm características definidas, como o tamanho da tela, bom desempenho em baixa velocidade de conexão, menor precisão para selecionar elementos e o relacionamento personalizado com os usuários. Um aplicativo móvel é um software desenvolvido para ser instalado dispositivo eletrônico móvel, como um PDA, um telefone celular, um smartphone ou um Leitor de MP3. Este aplicativo pode ser instalado no dispositivo, logo que os respectivos modelos ou, se o aparelho permite que ele, baixado pelo usuário através de uma loja on-line, tais como Google Play ou App Store. Uma parte dos aplicativos disponíveis são gratuitos, enquanto outros são pagos. Estes aplicativos são pré-instalados ou vêm direto da fábrica, baixados pelos clientes de várias plataformas de distribuição de software móvel ou aplicativos da web entregues por HTTP que usam processamento do

lado do servidor ou do cliente para fornecer uma experiência “aplicativo” dentro de um navegador da Web. Então o projeto TED desenvolveu um aplicativo móvel voltado para a educação com o nome Professor Virtual, pensando na educação da região onde é muito importante, porque todas as pessoas merecem ter um ensino de qualidade seja de qualquer lugar que for. O principal objetivo com este dispositivo, é o auxilio no estudo para as pessoas que tem certo gasto em ir para a escola ou faculdade, e mesmo com

materiais didáticos, desde uma caneta até um livro que se faz necessária comprar. Professor Virtual é um aplicativo de interface simples visando agilizar durante as aulas virtuais. Este aplicativo pode ser acessado de qualquer lugar desde que tenha uma conexão com a internet, como por exemplo, se o cliente estiver dentro de um ônibus, ou na casa de um conhecido, e for horário da aula, ele pode simplesmente acessar o aplicativo e participar da aula normalmente.

Metodologia

M

etodologia significa, etimologicamente, o estudo dos caminhos, dos instrumentos usados para se fazer pesquisa científica, os quais respondem o como fazê-la de forma eficiente. A metodologia, é uma disciplina normativa definida como o estudo sistemático e lógico dos princípios que dirigem a pesquisa científica, desde suposições básicas até técnicas de indagação. Não deve ser confundida com a teoria, pois só se interessa pela validade e não pelo conteúdo, nem pelos procedimentos (métodos e técnicas), à medida que o interesse e o valor destes está na capacidade de fornecer certos conhecimentos.

para síntese e a análise de dados e informações, destacando o método. O método, traço característico da ciência, representa a forma de pensar, constituído por instrumentos básicos, que implica utilizar, de forma adequada, a reflexão e a experimentação, para proceder ao longo de um caminho, e alcançar os objetivos preestabelecidos no planejamento da pesquisa (projeto). Ao responder sobre o como fazer após ter-se definido o que é importante pesquisar o pesquisador busca conhecer a realidade, integrando trabalhos teóricos e trabalhos empíricos, em diferentes áreas e escalas de planejamento: macroeconômica, microeconômico e regional, ou exploratório e analítico. Segundo esse conceito, é possível destacar vários elementos, tais como os instrumentos (métodos e técnicas), os objetos (materiais) e as referências teóricas. A harmonização e a integração balanceada desses elementos definem a metodologia de pesquisa. A metodologia será, então, o estudo dos instrumentos de montagem de uma teoria ou o estudo dos arcabouços teóricos para atender a certas necessidades. Não estuda teorias, mas o modo de armação pela validade delas, com base em observações. É oportuno salientar que essa distinção é abstrata, uma vez que existe uma interação mútua entre teoria e instrumentos usados para a montagem que permite definir o problema, formufonte: EVOLUI, 2011 lar hipótese, observar fatos e fenômenos, sintetizar e analisar as variáveis desses fatos e obter conclusões e Nesse contexto teórico, há, de um lado, quadros teóri- recomendações sobre a realidade objeto de pesquisa e cos de referência (o conhecimento acadêmico) por sua que se quer e pode alterar. Essas reflexões e considervalidade e, de outro, embasamentos empíricos. Assim, ações devem ser tratadas na definição da metodologia a metodologia, mais do que uma descrição formal de de pesquisa. técnicas e métodos a serem utilizados nas pesquisas científicas, indica a opção que o pesquisador fez do quadro teórico para determinada situação prática do problema objeto de pesquisa. O conceito heurístico da pesquisa destaca a importância do problema, um plano de observações ou variáveis destinados a contestar determinadas hipóteses e um método científico para descrever, estabelecer relações de interdependência entre as variáveis do problema e fazer previsões. A metodologia contempla a fase exploratória estabelecimentos de critérios de amostragem, entre outros, e a definição de instrumentos e procedimentos Fonte: HISTORIACSD, 2012.


14

L ojas B ecker

A

empresa começou em 1952, quando Aloysio Eleutério Becker, comprou uma pequena ferraria, situada em Salvador das Missões, que antes era distrito pertencente a cidade de Cerro Largo. Era uma empresa muito pequena, pois possuía 102 metro quadrados, em um prédio de madeira e apenas possuía dois funcionários. Já em 1959 a empresa começou a se expandir, com a comercialização de peças par bicicletas e diversos materiais de metal.

Fonte: ELOJASBECKER, 2011. Filial 59, que no começo contava com cerca de 20 funcionários e agora conta com 26. Ainda neste ano foi fundada a Administradora de Consórcio Becker Ltda., para acompanhar as tendências do mercado e atender os próprios clientes do grupo com a venda de planos de eletrodomésticos, material de construção, motos, carros e imóveis. Lojas Becker é uma empresa que carrega junto de si a missão de um bom atendimento dos clientes, Fonte: ELOJASBECKER, 2011. atingimentos de suas metas e o seu crescimento social e profissional. Sua visão, é que de uma emEm 1975, foi inaugurada a primeira filial da em- presa que veio de um segmento de ferragens, hoje presa no município de Cerro Largo, que depois de 4 estão trabalhando com eletrodomésticos, moveis, anos também recebia a sede da empresa. Cinco anos construção, e querem que quem entre na loja, enmais tarde a empresa já possuía 33 filiais, se desta- contre tudo o que precisar, desde material de concando por prestar um ótimo atendimento, preços strução, até móveis para decoração e mobília da casa. diferenciados, boas condições, e por oferecer produtos de melhores fabricantes. Em 1994, veio para Três de Maio a filial 20 da empresa Lojas Becker. Em 2001 razão social da empresa foi alterada para Eleonor Oscar Becker, que nasceu em 1957, em Salvador das Missões/RS e começou a trabalhar aos Fonte: ELOJASBECKER, 2011. 14 anos no posto de combustíveis da família e na Industrial Becker. Aos 16 anos, após obter a emancipação, começou a ajudar a família na administração das Lojas Becker. seguindo assim, o processo de crescimento , quando, neste período, já contava com 70 pontos de venda. Atualmente a empresa tem em torno de 160 filiais em todo o sul, sendo 15 delas no oeste de Santa Catarina, consolidando-se assim, um dos maiores grupos de varejo do sul do país. Em 2001 também, veio para Três de Maio a Fonte: ELOJASBECKER, 2011.

15

Auto Posto Amigão

História do Auto Posto Amigão

O que hoje é o Auto Posto Amigão no passado já foi o Auto Posto Hübner, e este tinha como proprietário e primeiro gerente Erno Hübner. Sua instalação, sem telhado e apenas com bombas de gasolina e diesel, havia sido comprada no mesmo ano de sua construção, 1968, e sua inauguração ocorreu na data de 03 de julho do mesmo ano. O posto tinha, e ainda tem, por prioridade a excelência no atendimento. Seus primeiros funcionários foram Oscar Köhler, Nelson dos Santos, Aldair Manjabosco e Valério Boeck. Erno nasceu em 14 de outubro de 1938, seus pais eram Teobaldo e Olinda Hübner e ele, junto com seus pais e seus irmãos, morava na Vila Buricá (antiga Três de Maio). Erno casou-se e teve dois filhos, Rogério e Márcia Hübner, e hoje é viúvo. Atualmente, os proprietários do Posto são Roberto Antônio Hermes, nascido em 14 de outubro de 1967, filho de Romeu Geronimo Hermes e Renata Maria Alf Hermes, casado com Cleni Terezinha Schiavo Hermes e pai de Fernando Jost, Rubia Hermes e Ricardo Hermes, e Luís Alberto Casali. Estes são proprietários desde 05 de julho de 2010.

O que você pode encontrar no auto posto amigão:

Combustíveis de qualidade; Óleos lubrificantes e filtros variados; Recargas de celular;

Querosene na bomba de abastecimento; PLANEJAMENTO

Crescer na Área de conveniência, oferecendo novos ambientes para os clientes, com mais conforto, bebidas e lanches. MISSÃO Comercializar produtos e serviços com qualidade e inovação. Buscando excelência no atendimento e lucratividade, respeitando o meio ambiente e a sociedade.

FOCO DA EMPRESA Venda de combustível, agregando outros produtos que possam auxiliar no aumento do faturamento. O QUE SE ESPERA DO JOVEM APRENDIZ

Máximo de aproveitamento para a vida dele, que nos auxilie nas atividades administrativas possibilitando crescimento para ambas as partes. OBJETIVOS Comercializar combustíveis de qualidade; Ser excelência no atendimento ao cliente; Trazer ambiente agradável para os clientes; Buscar resultado positivo no negócio.


16

17

Palestra Mobilidade e TI

N

o dia 27 de Junho de 2012, o grupo de projeto do Curso Técnico em Informática da SETREM, Diórgenes, Eduardo e Thiago, se deslocaram até o municipio de Alegria - RS para dar uma palestra sobre Mobilidade e TI. O grupo foi muito bem recebido no Colégio Caldas Júnior, onde palestraram por cerca de uma hora, para uma turma do primeiro ano do ensino médio. “Foi muito importante para nós que somos estudantes de TI, falar e explicar sobre o que é e para que serve a área da tecnologia da informação.” Declara Eduardo.

Os palestrantes abordaram muitos assuntos interessantes dentre eles a criação e evolução do computador, que concerteza é um assunto que interessa os jovens, assim como redes sociais que foi um dos assuntos tratados. “Ver a atenção de cada estudante que estava ali sentado nos assistindo foi muito gratificante para nós que também estavamos realizando um sonho, que era um dia palestrar para pessoas e sobre um assunto de grande interesse das pessoas.” Enfantiza Thiago O grupo TED assim chamado, fez sua palestra sobre tecnologia, pois era um dos objetivos que o Curso Tecnico em Informatica da SETREM proporciona, e o local escolhido foi a escola de Alegria-RS por se tratar de uma cidade interiorana onde é importante levar os conhecimentos da tecnologia. “Muito importante para nós palestrar para alunos do

ensino médio, pensando que um tempo atrás era nós que estava assistindo a palestra e hoje estamos palestrando. Ter a responsabilidade de não errar e falar tudo certo, ainda mais para mim, por se tratar do colégio onde estudei, a tenção era maior, mais no final deu tudo certo.” Finalizou Diórgenes

GeneXus: HTML5 e smart devices

A

GeneXus lança uma nova versão do GeneXus X Evolution 2, incluindo HTML 5 e facilidades para subir aplicativos à nuvem, além de um gerador para smart devices. Com as novidades, será possível desenvolver de forma flexível e estender seu negócio para os tablets e smartphones nas plataformas Android, iOS e BlackBerry. Segundo o vice-presidente e cofundador de GeneXus International da empresa, Nicolás Jodal, a nova solução que pegar carona na ascensão dos tablets no meio corporativo. “Apenas no último trimestre de 2011, foram vendidos mais tablets que PCs de escritório”, enfatiza Jodal. Já o presidente e cofundador de GeneXus International, Breogán Gonda, o novo formato apresentado visa a ampliar a atuação da empresa e dos clientes, sem abandonar os modelos tradicionais. “Essa parte é um simplesmente um complemento dos aplicativos corporativos de que o mercado continua precisando”, resume Gonda. Atualmente, há milhões de usuários utilizando aplicativos gerados por GeneXus em 45 países. Com sede no Uruguai (América do Sul), GeneXus tem escritórios no Brasil, México, Japão e Estados Unidos, tendo distribuidores oficiais na África, Ásia, Europa, Oceania e em toda América. A muito tempo desde que começou o desenvolvimento do novo gerador para Smart Devices de GeneXus, tenho pensado qual será o produto que eu gostaria de criar com o novo gerador, e nada de aparecer até que (depois vou contar como surgiu a ideia) neste final de semana veio a mim uma coisa de utilidade que gostaria fazer para a comunidade e o mundo, mas isso vou escrever assim que libere o produto… logo em breve, se Deus quiser. Do que queria falar era de como o Desenvolvedor pode aproveitar a alavanca que o novo gerador traz consigo. A adoção de dispositivos móveis inteligentes

é um fato com forte tendência de crescimento. As empresas demandam soluções versáteis com múltiplas interfaces, enquanto que as pessoas querem serviços nos seus celulares ou tablets que os façam mais produtivos. Neste cenário, GeneXus apresenta um novo marco para sua plataforma de desenvolvimento de software, que reúne a potência, produtividade e segurança de sua versão GeneXus X Evolution 1 somando a essas características mobilidade e flexibilidade, resultando no GeneXus X Evolution 2, a plataforma tecnológica que satisfaz as necessidades desta nova era tecnológica. Os pilares de GeneXus X Evolution 2 são o desenvolvimento ágil em equipe, a produtividade para a geração de aplicativos, a facilidade na criação automática do código para as distintas plataformas e sua excelente usabilidade para o desenvolvedor. Com esta nova versão, GeneXus oferece a tecnologia necessária para fazer a diferença no que diz respeito ao desenvolvimento para o mercado de TI, com enfoque nos smart devices. De acordo com dados quantitativos “apenas no último trimestre de 2011, foram vendidos mais tablets que PCs de escritório, números da revolução que confirmam a grandeza da mudança e o fato de que GeneXus X Evolution 2 é uma das versões mais impactantes devido à inovação que possibilita”, afirma o vice-presidente e co-fundador de GeneXus International, Nicolás Jodal. No entanto, também há uma mudança qualitativa no que diz respeito a demanda da indústria TI: “Há um novo tipo de aplicativo que será desenvolvido para os tablets e smart devices, da mesma forma que, quando anos atrás surgiu o PC, não foram feitos os mesmos aplicativos que se desenvolviam para os mainframes”, acrescenta Jodal. Fonte: http://www.baguete.com.br/noticias/software/14/03/2012/genexus-html5-e-smart-devices


18

N

19

A expressão TI

o início, os computadores eram tidos apenas como “máquinas gigantes” que tornavam possível a automatização de determinadas tarefas em instituições de ensino/pesquisa, grandes empresas e nos meios governamentais. Com o avanço tecnológico, tais máquinas começaram a perder espaço para equipamentos cada vez menores, mais poderosos e mais confiáveis. Como se não bastasse, a evolução das telecomunicações permitiu que, aos poucos, os computadores passassem a se comunicar, mesmo estando em lugares muito distantes geograficamente. Mas perceba que, desde as máquinas mais remotas e modestas até os computadores mais recentes e avançados, o trabalho com a informação sempre foi o centro de tudo. É por isso que a expressão Tecnologia da Informação (TI) é tão popular. Mas o que vem a ser isso? A Tecnologia da Informação (TI) pode ser definida como o conjunto de todas as atividades e soluções providas por recursos de computação que visam permitir o armazenamento, o acesso e o uso das informações. Na verdade, as aplicações para TI são tantas - estão ligadas às mais diversas áreas - que há várias definições para a expressão e nenhuma delas consegue determiná-la por completo. Sendo a informação um patrimônio, um bem que agrega valor e dá sentido às atividades a utilizam, é necessário fazer uso de recursos de TI de maneira apropriada, ou seja, é preciso utilizar ferramentas, sistemas ou outros meios que façam das informações um diferencial. Além disso, é necessário buscar soluções que tragam bons resultados, isto é, que permitam transformar as informações em algo de maior valor ainda, principalmente se isso for feito considerando o menor custo possível. A questão é que não existe “fórmula mágica” para determinar como utilizar da melhor maneira as informações. Tudo depende da cultura, do mercado, do segmento e de outros aspectos relacionados ao negócio ou à atividade. As escolhas precisam ser bem feitas. Do contrário, gastos desnecessários ou, ainda, perda de desempenho e competitividade podem ser a consequência. Tome como base o seguinte exemplo: se uma empresa renova seu parque de computadores comprando máquinas com processadores velozes, muita memória e placa de vídeo 3D para funcionários que apenas

precisam utilizar a internet, trabalhar com pacotes de escritório ou acessar a rede, a companhia fez gastos desnecessários. Comprar máquinas de boa qualidade não significa comprar as mais caras, mas aquelas que possuem os recursos necessários.

Fonte: PORTALDOSERVIDOR, 2012.

Por outro lado, imagine que uma empresa comprou computadores com vídeo integrado simples à placamãe (onboard) e monitor de 15 polegadas para profissionais que trabalham com Autocad. Para esses funcionários, o correto seria fornecer computadores que suportassem aplicações pesadas e um monitor de, pelo menos, 19 polegadas. Máquinas mais baratas certamente conseguiriam rodar o programa Autocad, porém com lentidão, e o monitor com área de visão menor dá mais trabalho aos profissionais. Neste caso, percebe-se que a aquisição das máquinas reflete diretamente no desempenho. Por isso, é preciso conhecer quais as necessidades de cada setor, de cada departamento, de cada atividade, de cada indivíduo. Veja este outro exemplo: uma empresa com 50 funcionários, cada um com um PC, adquiriu um servidor de rede que suporta 500 usuários conectados ao mesmo tempo. Se a empresa não tem expectativa de aumentar seu quadro de funcionários, comprar um servidor deste porte é o mesmo que comprar um ônibus para uma família de 5 pessoas. Mas o problema não é apenas este. Se este servidor, por alguma razão, parar de funcionar, a rede ficará indisponível e certamente atrapalhará as atividades da empresa. Fonte: http://www.infowester.com/ti.php

Falando de TI... “Buscando realização profissional efetivei minha inscrição para o curso técnico em informática na SETREM, onde tive contato com várias pessoas que buscam objetivos semelhantes aos meus. Também escolhi a área de TI por ser do meu interesse descobrir os caminhos tecnológicos que a sociedade segue e quais são os equipamentos que a norteiam. Tive a oportunidade de participar do programa JovemAprendiz, onde já tenho o contato com o mercado de trabalho.” Diórgenes Rochineski

“Imagino que TI, é uma área que só a tem a ganhar e crescer, assim, como quem atua nela. Até pouco tempo atrás, eu não tinha muita ideia do que se tratava essa área, de tudo o que essa área engloba, do conhecimento que se adquire dentro da mesma. Foi lendo sobre o assunto nas horas vagas, que me interessei pela mesma, e hoje estou fazendo o Curso Técnico em Informática na SETREM, o qual pretendo concluir com sucesso, por ser nesta área, e por se tratar do que gosto de fazer. Pretendo continuar por muito tempo, atuando, estudando nessa área. Considero TI, o futuro, assim como a mobilidade.” Thiago Schuller Viana

“A Tecnologia da Informação pode ser definida como um conjunto de todas as atividades e soluções providas por recursos de computação. Na verdade, as aplicações para TI são tantas - estão ligadas às mais diversas áreas - que existem várias definições e nenhuma consegue determiná-la por completo. E fazendo o CTI na Setrem descobrimos as áreas que ligam o TI. E que esse curso abre muitas portas para o futuro.” Eduardo Rafael Weddigen


20


Revista TED