Page 22

ASTRA «Broken Balance» (Scarlet Records) Se forem como eu e ouvirem primeiro os, também, Italianos Noveria vão achar os Astra um pouco… “leves”, se é que me entendem. É o que acho enquanto os ouço. Tentem não cair neste “erro”. Apesar de serem uma banda boa tecnicamente, não o são da mesma forma que os “irmãos” Noveria. São menos pungentes mas igualmente melódicos. Emanuele Casali é um elemento comum às duas bandas mas nos Astra, talvez um pouco menos virtuoso. «Broken Balance» é o terceiro lançamento dos Astra, muito mais virado para a coesão em vez de se centrar na virtuosidade individual. Um bom álbum de Metal Progressivo a que devem dar uma oportunidade. [7.5/10] Eduardo Ramalhadeiro

CALIFORNIA BREED «California Breed» (Frontiers Records) É Rock’n’Roll, baby!! Álbum de estreia dos California Breed, composto nada mais, nada menos por Glenn Hughes (Black Sabbath, Deep Purple), Jason Bonham (Sim, filho de John Bonham) e um miúdo de 23 anos, chamado Andrew Watt. Esta estreia é realmente muito boa, os temas foram compostos a três, rock clássico, com uma pinta moderna, muito Groove e enérgico – YEAH! - Bonham tem muito de… Bonham, Hughes é um veterano com as reconhecidas capacidades vocais muito expressivas, ainda intactas e… o míudo! Andrew Watt vai dar que falar e o sucesso desta estreia deve-se, em grande parte, ao seu (MUITO) talento! [8/10] Eduardo Ramalhadeiro

DUST BOLT «Awake the Riot» (Napalm Records) O Thrash é daqueles estilos que já começa a ser difícil fazer algo de… diferente. O ano passado os Lost Society surpreenderam muita gente com o magnífico álbum de estreia. Os Dust Bolt lançam agora o seu segundo registo, novinhos, portanto. O Thrash é furioso, directo, explosivo, riffs bem rasgados e solos furiosos. No entanto, ainda lhes falta algo para os elevar a outro patamar. São competentes mas… um pouco mais do mesmo. [7/10] Eduardo Ramalhadeiro

EISREGEN «Flötenfreunde» (Massacre Records) Os Eisregen estão de volta com um mini-álbum, de cinco temas, que serve de aperitivo para “Marschmusik“ a ser lançado em 2015 e que marca o vigésimo aniversário. Os temas Industriais, com um laivos de Death/ Black Metal que os torna… interessantes! A temática lírica dedica-se ao “macabro”, algo que o meu alemão não me permitiu verificar. De qualquer das formas, estes alemães são muito controversos, tendo já três álbuns debaixo da alçada das autoridades… Fico a aguardar pelo novo álbum… cinco temas são poucos! Pelo menos despertou a minha curiosidade! [7.5/10] Eduardo Ramalhadeiro

22

Versus Magazine #31 Junho/Agosto 2014  
Versus Magazine #31 Junho/Agosto 2014  

DOWNLOAD: www.mediafire.com/download/c12c7566sv2t687/Versus%2331.pdf#31.pdf

Advertisement