Page 198

segredos e eras de história que eu nunca iria apanhar, eles eram minha família agora. E eu não estava os deixando ir para qualquer lugar. *** Henry, Milo e eu voltamos para o Submundo na manhã seguinte. Apesar da escuridão das cavernas, não havia outro lugar que eu preferia estar. Estávamos em casa. Quando entramos em nosso quarto vermelho e dourado, parei na porta e olhei ao redor, engolindo o nó na minha garganta. Ava tinha decorado antes de eu chegar no ano anterior. Quanto tempo demoraria antes que tudo parasse de me lembrar dela? Nunca, eu esperava. Eu manteria minha promessa de recordá-la sempre, mesmo que a culpa e a dor me matassem. Henry inclinou sua cabeça até que seu rosto estava a centímetros do meu. — Vai ficar mais fácil. — Promete? — Disse. — Sim. — Ele pressionou seus lábios na minha testa. — Eu não posso dizerlhe que nunca vai embora, mas essa dor é parte de você agora. É parte de todos nós. E porque sabemos disso, porque nós tivemos que sobreviver a isso, nós vamos fazer o que temos para ter certeza que nunca tenhamos que experimentar de novo. Eu exalei. — Eu sinto falta dela. Eu não sei como Walter espera apenas substituí-la assim. — Eu nunca pensei que eu iria encontrar uma substituta para Persephone também, — disse ele calmamente. — E como aconteceu, eu não encontrei. Eu encontrei algo ainda melhor. Eu encontrei você. Minha mão repousava sobre seu coração, e eu não disse nada. Palavras não poderiam ter descrito o quanto eu o amava naquele momento. Enterrando o nariz no meu cabelo, Henry me segurou enquanto balançávamos para frente e para trás num ritmo silencioso. — Você nunca vai encontrar alguém para substituir Ava porque essa pessoa não existe, — ele murmurou. — Mas você vai encontrar alguém que entende o amor como Ava entendia. Quem encarna isso. Quem tem, sem dúvida, herdado a paixão e devoção que ela tinha. E um dia, talvez daqui a alguns anos, talvez séculos a partir de agora, você vai parar no meio de tudo o que você está fazendo e olhar ao redor, e você vai perceber que as coisas estão bem novamente. Talvez nunca completamente completas, porque nada pode preencher essa lacuna de perda. Mas as partes em torno dela vão crescer. Você vai amar. Você vai ser feliz. Você vai rir de novo. E esse dia será melhor do que hoje. Eu prometo. Com o bebê entre nós, eu o abracei, enterrando meu nariz na curva do pescoço dele. — Eu te amo, — eu sussurrei. — Obrigada por ter me escolhido. Obrigada por me deixar entrar.

198

Profile for Valentina

Aimee carter goddess 03  

Aimee carter goddess 03  

Advertisement