Jornal Sou+Notícias - Primeira Edição

Page 1

s o u+ notícias DEZEMBRO 2019

UnC celebra meio século em 2020

O ano de 2020 inicia com uma celebração especial. A Universidade do Contestado completa meio século de oferta de Ensino Superior em Santa Catarina. Programação especial marcará as comemorações nos seis Campi da Instituição. Página 7.

Página 3

Página 8

Página 10

Pesquisadores da UnC criam protótipo inédito no Brasil

Da UnC para o mundo - Mobilidade Acadêmica

Entrevista - Carreira: use as mídias a seu favor

Dispositivo garante mais segurança para cadeirinhas de bebê.

Um Olhar para o Intercâmbio: possibilidades e perspectivas.

CEO da Empreendelab, de São Paulo, fala sobre o assunto.


2

EXPEDIENTE

SOU + NOTÍCIAS! - JORNAL LABORATÓRIO DO CURSO DE JORNALISMO

Universidade do Contestado Reitora Solange Sprandel da Silva

SOMOS + NOTÍCIAS UNC

Vice-reitor e Pró-reitor de Administração e Planejamento Luciano Bendlin Pró-reitora de Ensino Marilene Stroka Pró-reitor de Pesquisa, Pós-graduação e Extensão Gabriel Bonetto Bampi Diretora de Processos Regulatórios Dulce de Oliveira Valério Diretora de Articulação Ensino, Pesquisa e Extensão Elisete Ana Barp

ANDERSON GUZZO

LAIRTON REICHERT

DOUGLAS DIAS

MAURÍCIO ORSOLIN

FERNANDA DE OLIVEIRA

PRISCILA DOS ANJOS

IVANA MARIA ALMEIDA

ROMULO FERNANDO MARTINS

JORGE ALBERTO ALMEIDA

RAFAEL MARTINI

Diretor de Administração Luiz Alberto Brandes Gerente de Educação a Distância Neide Maria Favretto Presidente da Fundação Universidade do Contestado Ismael Carvalho Jornal Laboratório do Curso de Jornalismo Coordenador Curso de Jornalismo: Jairo Roberto Fachi Disciplina: Laboratório de Jornalismo Impresso II Professora responsável: Camila Candeia Paz Fachi Produção: Acadêmicos Alison de Oliveira, Ana Carolina Sobanski, Anderson Guzzo, Douglas Julio Dias, Fernanda de Oliveira, , Ivana Maria Almeida, Jorge Alberto Almeida Yoneda, Lairton Reichert, Maurício Orsolin, Priscila dos Anjos, Rômulo Fernando Martins, Rafael Martini. Diagramação: Guilherme Doss Girardi Tiragem: 1 mil exemplares Distribuição: Gratuita Impressão: Gráfica Sul Oeste Uma publicação da Editora UnC

ALISON MARTINS


SOU + NOTÍCIAS! - JORNAL LABORATÓRIO DO CURSO DE JORNALISMO

3

Dispositivo garante mais segurança para cadeirinhas de bebê Um dispositivo de segurança para cadeirinha é o primeiro registro de patente obtido por pesquisadores da UnC POR CAMILA PAZ FACHI E ANDERSON GUZZO

S

inalizador de alerta para cadeiras de retenção infantil é o nome do dispositivo resultado da pesquisa do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) da acadêmica, Eliane de Fátima S. Katica, do Curso de Engenharia da Produção do Campus de Canoinhas, sob a orientação do professor de Administração, Gildo Nogueira. O pedido de patente de invenção foi encaminhado para o Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) em junho de 2017. A resposta veio somente um ano e meio depois. De maneira inovadora, o sistema eletrônico adaptado na cadeira detecta a presença da criança e se ela está ou não afivelada na cadeirinha do carro. Caso não esteja, o dispositivo emite o alerta sonoro.

O sinal é acionado em quatro situações: 1- Quando as tiras de retenção estiverem desacopladas; 2- Quando as tiras de retenção estiverem acopladas e houver tentativa de burlar o sistema;

PROFESSORES PALOMINO, REINHARDT, A ACADÊMICA ELIANE E O PROFESSOR GILDO APRESENTAM A INVENÇÃO

ele soltava o cinto minha irmã não percebia”, 3- Quando as tiras de retenção estiverem relembra. O próximo passo foi colocar a ideia em prática. Eliane procurou um colega do curso desacopladas e soltas sobre o assento; de Engenharia Elétrica, Sandro Banhuk. “Em 4- Quando a própria criança soltar as tiras de um primeiro momento, ele também não colocou muita fé na ideia, mas continuei insistindo. Após retenção quando o carro estiver em movimento. iniciar a criação do circuito, Sandro também ficou “Esta inovação apresenta o modelo de produção empolgado com o protótipo”, conta ela. Em seguida, após apresentar o trabalho na conforme as demandas de mercado e dentro das disciplina, Eliane decidiu dar continuidade como normas exigidas pelo INMETRO”, conta Eliane. A ideia da invenção surgiu após Eliane ser projeto do seu trabalho de conclusão de curso desafiada a criar algo diferente. “Tudo teve início (TCC). A partir de 2017, começou o processo para o em 2016, em uma disciplina do professor Vilmar registro da patente, com o auxílio de uma empresa Araújo. Nessa matéria precisávamos desenvolver especializada no assunto. Ela explica que o estudo algo e, de preferência, que fosse inovador. No do protótipo foi realizado a partir das 23 principais momento não gostei muito, mas depois comecei a marcas do mercado, e o dispositivo eletrônico pode refletir sobre as possibilidades de novos produtos, ser colocado em todos os modelos existentes. A proposta é comercializar o sinalizador direto e o que poderia ser melhorado. Ao observar meu afilhado utilizar a cadeirinha para as empresas fabricantes de cadeirinhas, desta percebi que algo poderia ser feito, pois quando forma o sinalizador já sai acoplado de fábrica.

O que é patente?

Patente é um título de propriedade temporária sobre uma invenção ou modelo de utilidade, outorgado pelo Estado aos inventores ou autores ou outras pessoas físicas ou jurídicas detentoras de direitos sobre a criação. Com este direito, o inventor ou o detentor da patente tem o direito de impedir terceiros, sem o seu consentimento, de produzir, usar, colocar a venda, vender ou importar produto objeto de sua patente e/ ou processo ou produto obtido diretamente por processo por ele patenteado.

Quais são os tipos de patentes e quais são os prazos de validade? Patente de Invenção (PI) - Produtos ou processos que atendam aos requisitos de atividade inventiva, novidade e aplicação industrial. Sua validade é de 20 anos a partir da data do depósito.

CONHECIMENTO INTERLIGADO O coordenador do Curso de Engenharia da Produção, professor Reinhardt Sievers, destacou a importância da produção de conhecimento em parceria com outros cursos, como Administração e Engenharia Elétrica. “Isso mostra a importância da Universidade e como a produção de conhecimento em parceria com diferentes áreas pode gerar excelentes resultados”. Para o orientador, Gildo Nogueira, a invenção reforça o papel da UnC como espaço de criação de conhecimento, e comprova a qualidade do ensino oferecido pelos cursos da instituição. “Tivemos uma ação integrada com grande êxito. Este produto, com certeza, fará a diferença para a segurança das crianças”, comenta ele. O professor de Engenharia Elétrica, Luiz Eduardo Palomino Bolívar, está desenvolvendo novos testes com o circuito, com foco no aperfeiçoamento do sinalizador.

Que documentos devo apresentar? Patente de Modelo de Utilidade (MU) - Objeto de uso prático, ou parte deste, suscetível de aplicação O pedido de patente deverá conter: (1) conteúdo industrial, que apresente nova forma ou disposição, envolvendo ato inventivo, que resulte em melhoria técnico - relatório descritivo, quadro reivindicatório, funcional no seu uso ou em sua fabricação. Sua listagem de sequências (se for o caso, para pedidos validade é de 15 anos a partir da data do depósito. da área biotecnológica), desenhos (se for o caso) e resumo; (2) requerimento – formulário FQ001 - “Depósito do Pedido de Patente”, disponível no Como posso depositar um portal do INPI; e (3) comprovante do pagamento pedido de patente? da guia de retribuição relativa ao depósito (Guia de Recolhimento da União - GRU). A partir do mês de março de 2013, o pedido de patente foi alterado para o modelo eletrônico É necessário fazer pesquisa para pode ser registrado de forma on-line pela internet, saber se o invento já existe? através da plataforma online e-Patentes, onde o usuário consegue acessar os formulários para o Antes de depositar o pedido de Patente, é preenchimento dos documentos necessários. As outras opções para depositar de forma recomendável que se faça primeiro uma busca presencial um pedido na sede do Instituto, que para saber se não há nada igual ou semelhante já fica no Rio de Janeiro, ou então em uma divisão ou patenteado não somente em termos de Brasil, mas de mundo. FONTE: http://www.inpi.gov.br/ representação do INPI.


4

SOU + NOTÍCIAS! - JORNAL LABORATÓRIO DO CURSO DE JORNALISMO

Surpreenda-se! Cenpaleo revela como era o planeta há mais de 300 milhões de anos Com mais de 20 anos de história, o Cenpaleo é um Centro de Pesquisa que existe desde 1997, na UnC em Mafra. POR DOUGLAS DIAS

U

m conflito criado durante a instalação de uma nova empresa em Mafra resultou na criação de um dos principais Centros de Pesquisa em Paleontologia da América Latina. Passados mais de 20 anos, o Cenpaleo é referência acadêmica e importante ponto turístico regional que existe desde 1997, na UnC em Mafra. Segundo o Coordenador do Cenpaleo, professor Luiz Carlos Weinschütz, foi durante os serviços de terraplanagem da empresa, que algumas rochas com fósseis foram encontradas, embora tenham sido danificadas pelo trabalho da terraplanagem. Os fósseis são considerados patrimônio histórico. Nos anos 90 o país vivia uma crise de desemprego, mas independentemente desse cenário era preciso preservar a história. Na época a principal polêmica era entorno da continuidade ou não das obras. As discussões foram acirradas pelos defensores de ambos os lados, mas o final da disputa pendeu para o lado do conhecimento e da preservação dos fósseis. “A partir daí a Universidade iniciou a construção de um centro de pesquisa sobre fósseis, liderado pelo professor Oscar Roesler. No ano seguinte, foi inaugurado o Museu da Terra e da Vida para levar à população as descobertas e pesquisas realizadas na região”, relembra. Ainda segundo o pesquisador, Mafra está instalada sobre um patrimônio fossilífero riquíssimo e muito importante para a história do nosso planeta. O potencial do município já foi reconhecido, inclusive, por muitas universidades de todo o país e do exterior. “É um potencial que a cidade tem e que vamos tentar alavancar cada vez mais para que seja realmente aproveitado”, ressalta.

RECONHECIMENTO DO TRABALHO NO CENPALEO LEVOU O PESQUISADOR LUIZ CARLOS A VISITAR O POLO SUL

AS DESCOBERTAS

Dentre as diversas pesquisas, o que mais chama a atenção são os peixes-fósseis descobertos na região. Duas espécies já foram descritas, mas a estimativa é de que, ao menos, seis outros tipos de peixes, incluindo tubarões, viveram na região há 300 milhões de anos atrás. Fora da região, as equipes do Cenpaleo participaram de diversas outras descobertas. Uma das mais interessantes se deu em Uberaba, em Minas Gerais, com a escavação de diversos fósseis de dinossauros.

O centro de pesquisa também foi responsável pela descoberta de fósseis de répteis voadores (pterossauros) na cidade de Cruzeiro do Oeste (PR), considerada uma das escavações mais ricas em nível mundial. “Temos descoberto organismos bem interessantes que nos ajudam a entender a evolução de grupos de animais e plantas ao longo do decorrer da história da Terra”, aponta o pesquisador.

EXPEDIÇÃO NA ANTÁRTIDA Por seu trabalho à frente do Cenpaleo, Luiz foi convidado recentemente para uma expedição à Antártida através do Programa Paleoantar. O projeto é coordenado pelo Museu Nacional do Rio de Janeiro e vai se estender até 2023. “Nessa excursão, descobrimos rochas de 100 milhões de anos, do tempo em que a Antártida tinha florestas e um clima bem quente”, conta. Está prevista uma exposição sobre a Antártida com o material descoberto nas escavações. O Museu conta com um acervo de mais de 10 mil peças e está subdivido em Sala do Universo, Sala da Terra e Sala da Vida Antiga. O local possui um variado acervo de fósseis dos mais diversos períodos geológicos, bem como uma rica coleção de rochas e minerais.

SAIBA MAIS

O Cenpaleo e o Museu da Terra e da Vida estão localizados no Bloco “E” da UnC – Campus Universitário de Mafra, Avenida Nereu Ramos, 1071, Jardim do Moinho - Mafra/SC

O CENPALEO PROPORCIONA UMA VIAGEM NO TEMPO COM UM RIQUÍSSIMO ACERVO DE FÓSSEIS

AGENDE SUA VISITA - Pelo telefone (47) 36415514 ou via e- mail: cenpaleo@unc.br


SOU + NOTÍCIAS! - JORNAL LABORATÓRIO DO CURSO DE JORNALISMO

5

A análise da qualidade do leite de SC passa pela UnC! POR RÔMULO FERNANDO

A

LABORATÓRIO DO LEITE, INSTALADO JUNTO AO CAMPUS CONCÓRDIA, É CREDENCIADO PELO MAPA DESDE 2015

limentação é um dos itens mais importantes no cotidiano da sociedade. Diariamente, o consumidor ingere uma grande variedade de alimentos e, muitas vezes, não pensa sobre a sua qualidade e procedência. Quem não lembra das aulas no período escolar que ensinavam sobre a classificação dos alimentos: De origem animal, de origem mineral e de origem vegetal. Independentemente de qual grupo pertençam, nenhum alimento chega à mesa do consumidor sem antes passar por uma análise de certificação e aprovação para o consumo.

A condição positiva aplicada aos alimentos é sinalizada por Laboratórios especializados, e o Campus da UnC em Concórdia conta com o único laboratório de Santa Catarina que atesta a procedência e qualidade do Leite, exigidas por órgãos de Vigilância Sanitária Animal. Credenciado no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), o laboratório integra a Rede Brasileira de Laboratórios de Controle da Qualidade do Leite desde 2015. No sentido de mostrar a notabilidade deste órgão de análise, em 2017 o Brasil atingiu a marca de 33,5 bilhões de litros de leite. A porcentagem deste

produto produzido pelos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, no mesmo ano, foi de 34,2% da totalidade nacional. Somente Santa Catarina, na época, produziu 24,9% do leite da Região Sul. No ranking de classificação da produção de leite catarinense, Oeste e Extremo Oeste são as regiões mais produtivas. Na classificação por microrregiões, os municípios de São Miguel do Oeste, Chapecó e Concórdia tem maior destaque de acordo com a Embrapa Brasil 2019. SERVIÇOS PRESTADOS Em número aproximado, o Laboratório de Leite da UnC processa um total 20 mil amostras/mês, tendo como principais clientes agroindústrias e laticínios sob Serviço de Inspeção Federal - S.I.F, Serviço de Inspeção Estadual - S.i.E, Serviço de Inspeção Municipal - S.I.M, e serviço de - SISBISUASA. A Universidades e instituições técnicas, e a população em geral também estão na rede de clientes que o laboratório atende. A Coordenadora/Gerente da Qualidade, Izabel Romancini Antunes, explica que o Laboratório do Leite da UnC realiza análise laboratorial em matriz leite cru, contagem bacteriana, contagem de células somáticas, composição centesimal (gordura, proteína, lactose, sólidos totais e extrato seco desengordurado) caseína e uréia. A UnC e o Estado de Santa Catarina ocupam posição de destaque através dos serviços realizados pelo Laboratório Estadual da Qualidade do Leite, pois este contribui de forma direta na gestão e avaliação da produtividade e da qualidade do leite que chega à mesa de todos os consumidores catarinenses e de outras aregiões do país.


6

SOU + NOTÍCIAS! - JORNAL LABORATÓRIO DO CURSO DE JORNALISMO

SECRETÁRIO DE AGRICULTURA EXPLICA POLÍTICA DE TRIBUTAÇÃO DE AGROTÓXICOS Evento “Tributação Verde”, realizado pela UnC, contou com a presença do Secretário Ricardo Gouvêa, que detalhou a nova medida.

O

POR PRISCILA DOS ANJOS

Secretário de Estado da Agricultura, Pesca e Desenvolvimento Rural, Ricardo Gouvêa, visitou a Universidade do Contestado – UnC, campus de Concórdia, durante o evento “Tributação Verde” para falar sobre a nova Política de Tributação de Agrotóxicos no Estado de Santa Catarina. Esse tema tem gerado polêmica no setor do agronegócio, pois esses produtos eram isentos de tributação de ICMS e com a proposta do governo a partir de janeiro de 2020, passará a receber tributação. Sou + Notícias: Na visão do Governo como está sendo esperado esse aumento na arrecadação do imposto sobre os defensivos agrícolas? C A R RA I questão E R E S não é tanto pela arrecadação, Gouvêa: é muito mais na questão fiscal. O governo consegue manter um pouco mais de recursos em caixa, o que ele arrecada inclusive de outras atividades. O impacto da redução é significativo para o governo porque estamos tentando trabalhar com as metas e SECRETÁRIO DE ESTADO EM ENTREVISTA EXCLUSIVA AO JORNAL SOU + NOTÍCIAS contas em dia, tentando manter o Estado com uma boa saúde financeira, então qualquer centavo faz químico. Então esta questão é principalmente a para cinco, talvez o impacto seja menor. Então é diferença na estrutura do governo. orientação do uso e o controle do resíduo. isso que estamos propondo, o incentivo em usar um produto de menor toxicidade que também Sou + Notícias: O ganho realmente esperado Sou + Notícias: Como está a relação do governo facilita o controle e o resíduo na planta. com a redução do incentivo, é em relação a saúde da população em consumir produtos com menos com o setor do agronegócio, devido a polêmica toda que foi gerada em torno deste assunto? agrotóxicos? Gouvêa: Eu acho que a questão de incentivo é muito ligada ao conceito de incentivo fiscal, que é para qualquer outra cadeia evolutiva, que é permitir a competitividade com outros estados e outros países principalmente. Então quando o governo decide dar um incentivo fiscal ele está olhando principalmente para isso. É uma forma transitória de fazer com que aquele setor se torne competitivo, acho que esse é o principal motivo de uma política de incentivos fiscais. Agora com relação ao agrotóxico, nós temos que entender o que é um insumo na produção, e que ele acaba ajudando muito na produtividade, o que precisa ser feito é um bom trabalho de orientação no uso desse produto. Hoje temos uma infinidade de produtos com diferentes moléculas, que inclusive não chegam nem a fazer mal para a própria saúde, tem muito até do bioinsumo que não é nem

A

Gouvêa: Nós tivemos uma reunião com o Governador e Secretarias de Estado com os representantes do setor produtivo agrícola, como por exemplo a Federação da Agricultura, Organização das Cooperativas, Federação da Cooperativas e Federação dos trabalhadores da agricultura, exatamente para promover essa discussão. Desse debate surgiu uma alternativa, que foi essa medida provisória que o Governo mandou, pensando numa proporcionalidade em relação a toxicidade. É uma proposta criada pela própria secretaria com suas empresas CIDASC e a EPAGRI. Foi uma equipe que pensou nisso, numa visão muito moderna do que está acontecendo no mundo. Agora, lógico que o setor sempre vai se ressentir, uma vez que o custo era zero, sair de zero para 17 o impacto é grande, agora sair de zero para quatro,

A PROPOSTA

A proposta do Governo é classificar os agrotóxicos em seis categorias, com variação na carga tributária de acordo com o grau de toxicidade. Os produtos classificados como alta e extremamente tóxicos não teriam redução na base de cálculo e permanecerão na faixa vermelha, com 17% de ICMS. Já os que são moderadamente tóxicos, inseridos na faixa amarela, terão 12%. Na faixa azul, há os produtos pouco tóxicos, cuja carga tributária será de 7%, e os improváveis de causar dano agudo, com carga de 4,8%. Por fim, isentos de ICMS estarão os produtos biológicos e os bioinsumos, incluídos na faixa verde (Fonte: SECOM, 2019).

DOUTORADO NA UNC É NOVIDADE PARA 2020

UnC fecha o ano de 2019 com chave de ouro. A aprovação do Doutorado Acadêmico em Desenvolvimento Regional pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior CAPES é motivo de comemoração para a comunidade acadêmica. A proposta do Curso foi analisada pelo Conselho Técnico-Científico da Educação Superior e recebeu nota 4, de uma escala de 1 a 5. Atualmente, a Universidade oferta o Curso de Mestrado em Desenvolvimento Regional no Campus Canoinhas, com foco nas linhas de pesquisa em

Políticas Públicas e Desenvolvimento Regional; e Ambiente e Dinâmica Socioeconômica e Organizacional nos Territórios. O foco é debater o processoa de desenvolvimento de forma multi e interdisciplinar. A conquista fortalece ainda mais o papel da UnC na produção e disseminação do conhecimento científico e consolida a Instituição como agente articulador do processo de desenvolvimento regional, afirma a Reitora Solange Sprandel da Silva. A UnC oferta ainda mais dois Programas de

Mestrado com duração de 24 meses: Mestrado Profissional em Engenharia Civil, Sanitária e Ambiental no Campus de Concórdia, com ênfase nas linhas de pesquisa Construção Civil e Tecnologia Ambiental; e Mestrado Profissional em Administração no Campus de Mafra, com foco nas linhas de Pesquisa de Gestão, Inovação e Agronegócio. Para saber mais, acesse o site www.unc.br, no Portal Pós-Graduação ou entre em contato com a Pró-reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Extensão, pelo telefone (49) 3441-1000 ou no e-mail pesquisa@unc.br.


SOU + NOTÍCIAS! - JORNAL LABORATÓRIO DO CURSO DE JORNALISMO

Em 2020, a Universidade do Contestado completa POR RAFAEL MARTINI O desenvolvimento político, econômico e social das regiões do Planalto Norte, Planalto Serrano e Oeste de Santa Catarina caminham lado a lado com a trajetória de quase 50 anos de inserção do Ensino Superior no Estado de Santa Catarina com a presença da Universidade do Contestado. Prestes a completar meio século, a UnC atinge patamares de Excelência na oferta de Ensino, Pesquisa e Extensão reconhecidos pelo órgão normativo do Sistema Estadual de Ensino de Santa Catarina. E para marcar a data, a UnC realiza uma série de atividades especiais com uma programação cultural nos seis campi de abrangência. O selo comemorativo aos 50 anos foi lançado no em cerimônia realizada no Campus Concórdia com a presença da comunidade acadêmica.

7

50 anos

Atendimento psicológico é diferencial em Rio Negrinho

Serviço é desenvolvido no Núcleo de Psicologia, inaugurado em abril deste ano, e já registra mais de 60 atendimentos/mês

H

á seis meses, a comunidade de Rio Negrinho tem um espaço especializado para atendimento em saúde mental. A inauguração do Núcleo de Serviços em Psicologia da Universidade do Contestado foi criado para suprir a crescente demanda nesta área, além de proporcionar um espaço de aprendizado aos acadêmicos de Psicologia da Universidade. Inaugurado em abril de 2019, o serviço já tem uma média de 60 atendimentos por mês. “Estes números englobam desde pacientes que procuram por demanda natural ou então por encaminhamento, onde são realizadas triagens e entrevistas para posteriores atendimentos”, explica Santa Cecília Marques Herzog, Coordenadora do Curso de Psicologia da UnC Rio Negrinho. Entre os serviços, são oferecidos atendimentos individuais ou em grupos, infantil, familiar e avaliação psicológica, abrangendo a demanda local e regional. Também existem parcerias com as Secretarias Municipais da Saúde e de Educação que mantém convênio com a Universidade. Outro aspecto interessante, afirma Cecília, é que o atendimento é realizado pelos acadêmicos de Psicologia, com supervisão dos professores orientadores nos Estágios Curriculares Obrigatórios de Psicologia Clínica. “Essa atividade possibilita unir os conteúdos teóricos à prática, proporcionando experiência e aprendizado para a formação acadêmica de nosso aluno”, acrescenta. A Coordenadora destaca que o Núcleo de Serviços

POR MAURÍCIO ORSOLIN

ACADÊMICOS, PROFESSORES E REITORIA DURANTE A INAUGURAÇÃO DO NÚCLEO DE PSICOLOGIA EM RIO NEGRINHO

em Psicologia vai além de disponibilizar os serviços à população carente. “Ao mesmo tempo em que se cumpre uma exigência para a formação acadêmica dos alunos, atende principalmente a função social da Universidade junto à comunidade”, finalizou. HORÁRIO DE ATENDIMENTO: Das 13h às 17h e das 18h às 22h30min.

CONTATO: (47) 36441051 A UnC também oferece os serviços do Núcleo de Psicologia nos Campi de Canoinhas, Concórdia, Mafra e Porto União. Os atendimentos são realizados em diversas áreas. Saiba mais em www.unc.br


8

SOU + NOTÍCIAS! - JORNAL LABORATÓRIO DO CURSO DE JORNALISMO

UM OLHAR PARA O INTERCÂMBIO

MOBILIDADE ACADÊMICA PARA VIVENCIAR CULTURA E ESTUDO EM OUTROS PAÍSES JÁ É REALIDADE NA UNC. POR IVANA E JORGE ALBERTO

A

Universidade do Contestado ultrapassa fronteiras e oportuniza o intercâmbio com 16 instituições estrangeiras através do Programa Mobilidade Acadêmica. Os convênios com universidades da América Latina e da Europa buscam expandir as experiências de alunos brasileiros e estrangeiros. O professor Dr. Gabriel Bonetto Bampi, Pró-Reitor de Pesquisa, Pós-graduação e Extensão coordena o Programa de Mobilidade Acadêmica dos seis campi da UnC e descreve experiências únicas tanto para a Universidade e como para o aluno que procura pelo serviço.

DICA A cada dia fica mais fácil experienciar o estudo e a vida fora do país e os alunos da UnC com, mais de 18 anos, passaporte em dia e com interesse no Programa de Mobilidade Acadêmica (PMA) podem entrar no site da Universidade do Contestado, na seção de Pesquisa, e conferir o passo a passo de como participar.

COMO PARTICIPAR - O Universitário de estar regularmente matriculado em um curso de graduação da UnC; - Ter cursado no mínimo 25% e no máximo 70% do curso; - Ser brasileiro nato ou naturalizado; - Atender os requisitos determinados pela instituição acolhedora.

QUER SABER MAIS? As informações e documentação estão disponíveis no link: https://www.unc.br/mobilidade.php

ACADÊMICA TAMILI SCHNEIDER, ALUNA DE CIÊNCIAS BIÓLÓGICAS ESTÁ NA UNIVERSIDADE DE AVEIRO/PORTUGAL “A experiência de estudar através do intercâmbio que a UnC me proporcionou, aqui em Aveiro/Portugal, está sendo maravilhosa. Uma ótima vivência para criar independência e para conhecer novos lugares, novas pessoas, ampliar conhecimentos e treinar idiomas. Estou tendo a oportunidade de viajar para várias cidades diferentes, em Portugal e em outros países, pois aqui tudo é próximo geograficamente. A Universidade de Aveiro é grande, bem equipada e moderna, com mini- auditórios para as aulas teóricas, salas de computador e laboratórios para as práticas. As aulas são distribuídas ao longo da semana na parte da manhã e da tarde, com duração de duas a três horas de aula. O que mais gosto aqui, é que são promovidos eventos para alunos de Erasmus (como eles denominam quem faz intercâmbio), visando a interação entre os intercambistas. No início, tive dificuldade em me comunicar, mas a adaptação foi rápida. O costume em Portugal é o aluguel quartos. Hoje estou bem acomodada perto da Universidade. Penso que todos os acadêmicos deveriam ter a oportunidade de realizar intercâmbio, conhecendo novas culturas, pessoas e lugares. Eu sou + UnC.”

Universidades conveniadas com a UnC MÉXICO: UNIVERSIDAD AUTÓNOMA DE BAJA CALIFORNIA UNIVERSIDADE VERACRUZANA ESPANHA: UNIVERSIDAD DE CASTILLA-LA MANCHA UNIVERSITAT ROVIRA I VIRGILI UNIVERSITAT DE GIRONA UNIVERSITAT AUTÓNOMA DE BARCELONA PORTUGAL: UNIVERSIDADE DE TRÁS-OS-MONTES E ALTO DOURO UNIVERSIDADE DE AVEIRO

ALEMANHA: HOCHSCHULE NORDHAUSEN FACHHOCHSCHULE ERFURT ERNST ABBE HOCHSCHULE JENA ITÁLIA UNIVERSITÀ DEGLI STUDI DI TERAMO COLÔMBIA: UNIVERSIDAD DE LA SALLE UNIVERSIDAD DE CIENCIAS APLICADAS Y AMBIENTALES MOÇAMBIQUE: UNIVERSIDADE LÚRIO


SOU + NOTÍCIAS! - JORNAL LABORATÓRIO DO CURSO DE JORNALISMO

Editora UnC: estímulo à publicação

POR LAIRTON REICHERT

Lançada no começo de 2019, a Editora da Universidade do Contestado visa estimular, apoiar, editar e divulgar obras de valor cultural e científico, incluindo publicações periódicas e não periódicas, das mais diversas áreas, avaliadas pelo Comitê de Política Editorial da Universidade do Contestado. Conforme o professor Gabriel Bonetto Bampi, Pró-reitor de Pesquisa, Pós-Graduação e Extensão, a Editora UnC surgiu para atender um maior volume de publicações que a Universidade já vem produzindo. Ele destaca que a política adotada pela Editora, no que tange as publicações, ou seja, para os interessados em publicar alguma obra, prevê que o recebimento de propostas ocorre de forma contínua ao longo do ano e passa por quatro etapas.

COMO PUBLICAR NA EDITORA UnC 1ª Etapa: O interessado deve apresentar a proposta seguindo as normas da ABNT básicas e encaminhar por meio de um formulário que está disponível no site da instituição (www.unc.br). Na proposta, colocar: características da publicação; objetivo, público-alvo e a obra em si, a ser editada. 2ª Etapa: A proposta é encaminhada para o Comitê de Política Editorial da Universidade do Contestado - órgão de caráter deliberativo, responsável pela análise e aprovação de obras para publicação, pela definição de sua política e linhas editoriais e pela apreciação de propostas para a edição e coedição de livros. O Comitê de Política Editorial da UnC é vinculado a Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Extensão, sendo composto por sete membros, sendo seis editores das revistas científicas institucionais e um Coordenador/Editor Técnico Executivo. A análise da obra ocorre em um prazo aproximado de 30 dias. 3ª Etapa: Após aprovada na etapa inicial, passa-se a segunda fase, que engloba a parte de produção do documento, que envolve a diagramação, exclusão ou inclusão de algumas partes textuais que a própria equipe editorial poderá indicar. 4ª Etapa: Realizados os ajustes, a obra irá para requisição de ISBN, - Código que faz com que a publicação possua um valor nacional, saindo logo após, em formato digital. O professor Gabriel comenta que o tempo médio CATÁLOGO DE OBRAS estimado para o processo é de 45 dias. “Após esse período a obra está pronta, sem custo nenhum. E-Book 10 Anos de Engenharia ElétricaPsiVale destacar que esta oportunidade serve para cologia, experiência e escola: impressões acadêmicos e também para a comunidade extersobre uma intervenção no Alto Vale do Rio na”, ressalta.

DEPOIMENTO

Negro

Anais da 3ª Mostra de Iniciação Científica “A possibilidade de publicar os resultados de Administração (MICAD) – 2017 das pesquisas desenvolvidas pelos docentes e discentes do Grupo de Pesquisa Direitos E-Book Saúde e Meio Ambiente: Práticas e Humanos foi, ao longo do semestre uma Reflexões Interprofissionais grande motivação. Divulgar as pesquisas Cartilha de Combate à Violência e Exploraacadêmicas para fora dos muros da Institu- ção Infantil ição faz parte da missão do pesquisador”.

Coordenadora do Curso de Direito de Rio Negrinho Amanda Bechers

Gestão Urbana da Água (José Galizia Tundisi e Rui Manhá) Direitos humanos e Desenvolvimento

(PHOTO)

9


10

SOU + NOTÍCIAS! - JORNAL LABORATÓRIO DO CURSO DE JORNALISMO

CARREIRA:

USE AS MÍDIAS SOCIAIS A SEU FAVOR

E

ENTREVISTA COM DANIEL MOSCARDO, CEO DA EMPREENDELAB POR CAMILA PAZ FACHI

m um mercado cada vez mais competitivo, o uso das mídias sociais torna-se importante ferramenta para o profissional que deseja ampliar suas possibilidades de atuação. Para falar sobre o assunto, conversamos com o professor Daniel Moscardo, sócio fundador da EmpreendeLab, que presta consultoria de inovação para empresas e pessoas em todo o país. Autor de cursos na área de Empreendedorismo, Marketing e Inovação, Moscardo é Certificado como Innovator pelo Google, em que usa a tecnologia para criar experiências onde as pessoas possam descobrir, conectar e aprender colaborativamente. É DANIEL MOSCARDO: “MOSTRE COMO VOCÊ TRANSFORMA O SEU CONHECIMENTO EM AÇÃO” Co-fundador da EmpreendeCasa, projeto que fomenta educação empreendedora e você coloca suas ideias em prática. irrelevantes. Nem preciso dizer sobre as piadas mentalidade de crescimento de forma gratuita, de mal gosto e preconceituosas. UnC: Em um cenário com uma variedade colaborativa, compartilhada e integrada ao de opções, quais ferramentas de apoio nas repropósito de vida de cada pessoa. UnC: Quais são as principais atitudes/virdes sociais você indica para os profissionais tudes que se pode buscar no uso das mídias a UnC: Como construir uma relação positiva utilizarem para a vida profissional? favor da imagem profissional? Moscardo: Eu costumo utilizar aplicativos entre carreira profissional e o uso das redes Moscardo: Como eu disse anteriormente, de produtividade que me ajudam a registrar mostrar aquilo que se pensa, mostrar como sociais? Moscardo: A relação entre redes sociais e minha ideias, independente do lugar que eu você transforma seu conhecimento em ação. carreira começa cedo, desde a procura pelo estiver. Isso ajuda a criar um banco de ideias Além do mais as redes sociais são um ótimo luemprego. Nesse quesito o ideal é usar as redes para construir trabalhos criativos e inovado- gar para fazer boas conexões. Conecte-se com sociais para mostrar um pouco mais das coi- res. pessoas e marcas relevantes e alinhados com sas que você faz e acredita. Antigamente o bom sua visão de mundo. UnC: Quais são os grandes pecados que não profissional era valorizado pelo seu conhecimento. Hoje não apenas o conhecimento é va- se pode cometer nas redes sociais? UnC: Qual adica fundamental para os proMoscardo: Penso que o grande pecado é fissionais de hoje? lorizado, mas sim o que você faz com o seu conhecimento. Colocar o seu portfólio nas redes ser o chato das redes sociais. Falar sempre da Moscardo: Cerque-se de pessoas boas e filtre sociais é uma boa maneira de mostrar como mesma coisa. Postar muito ou muitas coisas tudo o que vê.

ACERTE NA ESCOLHA PROFISSIONAL

POR FERNANDA DE OLIVEIRA

Qual a melhor profissão? Quem vai desaparecer do mercado? Essas dúvidas são a razão para o medo e angústia de jovens que estão ingressando no mercado de trabalho ou que vão escolher que graduação cursar após o ensino médio. A busca pelas respostas pode ser facilitada com o apoio de profissionais na orientação para escolha de futuras profissões. A Coordenadora do Curso de Psicologia da UnC, campus Canoinhas, professora Me. Jaqueline Conceição, reforça a importância desse apoio na hora de escolhas tão importantes e aponta qual é o primeiro passo para começar essa análise. “Quando temos que fazer escolhas na vida, devemos prioritariamente, saber o que queremos, então, partimos do princípio que o autoconhecimento é o primeiro passo para uma escolha assertiva em todas as áreas

da vida, inclusive para escolha profissional”, explica a professora. O mundo atual considerado “digital” apresenta um novo perfil de profissionais, exigindo mais criatividade e habilidades como a inteligência emocional e flexibilidade. Para Jaqueline essas mudanças já estão sendo absorvidas pelos jovens. “O mundo sempre esteve em mudanças e os jovens sempre o acompanharam de certa forma. Certamente as diversas ofertas de brinquedos, jogos e desafios propostas às crianças e adolescentes do século XXI, incentivam o desenvolvimento de novas habilidades”, ressalta. Em um cenário cheio de mudanças a professora recomenda uma ferramenta bem tradicional, o teste vocacional. Segundo ela ter clareza sobre as preferências pessoais faz toda a dife-

rença para uma escolha profissional correta. “Os testes vocacionais são recursos recomendados para auxiliar na definição das características pessoais e interesses profissionais”, afirma ela. DICAS Jaqueline cita, de forma resumida, três etapas que podem auxiliar no processo: Autoconhecimento é essencial para dar início às escolhas para futuras profissões; Auxílio de profissionais que avaliam as opções de carreira e orientação vocacional. Buscar informações com quem já atua na profissão escolhida antes de ingressar na carreira.


SOU + NOTÍCIAS! - JORNAL LABORATÓRIO DO CURSO DE JORNALISMO

11


12

SOU + NOTÍCIAS! - JORNAL LABORATÓRIO DO CURSO DE JORNALISMO

«De Concórdia para o mundo, o Handebol é nosso orgulho» POR ALISON MARTINS

C

omo obter conquistas no esporte? Essa é uma pergunta que todos os envolvidos com o desporto se fazem, mas a resposta vai muito além de clichês e frases feitas. Diante dessa pergunta, Alexandre Schneider, técnico da equipe de Associação Atlética Universitária UnC Concórdia, destaca um conjunto de fatores para que se chegue ao sucesso coletivo e aos resultados efetivos. “Oportunidade e dedicação” são as palavras escolhidas por ele para buscar explicar essa trajetória de muitos títulos e sucesso na modalidade. O técnico reforça que as oportunidades surgiram nos mais de 30 anos residindo em Concórdia e foram consolidadas com o apoio recebido da esfera pública, da Fundação Municipal de Esportes, e de forma muito importante da UnC, que dá um grande suporte para a equipe. A dedicação é o segundo aspecto citado para explicar os resultados, pois de nada adiantaria a oportunidade e o apoio sem o esforço individual e coletivo. Alexandre ressalta a importância da parceria com a UnC, em que as atletas podem unir o esporte e a formação em diversas graduações. A

partir do Programa Bolsa Atleta há condições do acadêmico oferecer a dedicação necessária para as competições, desde a preparação da equipe até as diversas disputas enfrentadas em uma temporada. “A parceria abriu possibilidades de visibilidade nacional e internacional, desde 2005, e certamente a dedicação, o empenho coletivo gera sucesso no esporte”, afirma. O handebol feminino é um grande case de sucesso em Concórdia, pois a equipe da Associação Atlética Universitária UnC Concórdia mantém uma trajetória de conquistas, inclusive superando fronteiras internacionais. Em 2019 o time foi para Ásia onde representou o Brasil no Campeonato Mundial de Handebol Feminino, que foi disputado na cidade de Wuxi, na China. A equipe voltou para casa com a terceira colocação e mais uma experiência gratificante no currículo. Observar e conhecer como as atletas de outros países atuam foi algo muito importante para todas destaca Adga Rafaela Gonçalves Pereira. A armadora central e ponta direita, de 29 anos, afirma que a viagem para China foi especial e única. “ Mesmo já tendo experiência vestindo a

FOTO: AAU/UNC CONCÓRDIA

camisa da Seleção Brasileira, o fato de ter ido com o meu clube, tem um gosto especial, até mesmo costumes e culturas procuramos conhecer pois tudo dará resultado no futuro”, explica. A experiência na China foi proporcionada para as mais experientes, mas também as atletas mais jovens integraram a delegação para “pegar” ritmo de jogo com as colegas do time adulto. “Uma chance de ouro, estar na primeira temporada em Santa Catarina e ir para China é uma realização incrível. Foi uma oportunidade produtiva dentro e fora de quadra”, explica Bárbara Bella, ponta esquerda de apenas 18 anos. A equipe de Handebol Feminino reúne maturidade e juventude há cada temporada e, assim, o grupo se torna uma grande família focada no empenho e dedicação para buscar o resultados. Por fim a fórmula para o sucesso é complexa, mas envolve o apoio essencial da UnC e da esfera pública, passando pela orientação focada do treinador e pela dedicação, esforço e união coletiva do grupo de atletas, para continuar trilhando uma história de sucesso e de muitas conquistas. Essa é a AAU UnC um orgulho para Concórdia e para o país. TÍTULOS DA AAU UnC Concórdia

MESMO JÁ TENDO EXPERIÊNCIA VESTINDO A CAMISA DA SELEÇÃO BRASILEIRA, O FATO DE TER IDO COM O MEU CLUBE, TEM UM GOSTO ESPECIAL, ATÉ MESMO COSTUMES E CULTURAS PROCURAMOS CONHECER POIS TUDO DARÁ RESULTADO NO FUTURO”

- Campeã Joguinhos Abertos de Santa Catarina - 2007, 2008 e 2013 - Campeã Jogos Abertos Brasileiros - 2013 - Campeã Brasileira Júnior - 2007, 2008 Campeã Copa Brasil de Clubes - 2011, 2014 - Campeã Jogos Abertos de Santa Catarina 2009, 2010, 2011, 2012, 2013,2015, 2017, 2018, 2019 - Campeã Liga Nacional – 2013, 2017 e 2018 - Vice-campeã Liga Nacional – 2011, 2012, 2014 e 2015 - Campeã Jogos Universitários Catarinenses (JUCs) – 2015, 2016, 2017,2018, 2019 - Campeã Jogos Universitários Brasileiros (JUBs) – 2015, 2016, 2017 e 2018 - Campeã Sul-Centro Americano de Handebol Feminino de Clubes – 2019 - Bronze no Iº Mundial de Clubes – Wuxi/ China 2019


Millions discover their favorite reads on issuu every month.

Give your content the digital home it deserves. Get it to any device in seconds.