Page 1

RELATร“RIO ANUAL 2015 Doe. Seja voluntรกrio. Viva Unido.

United Way Brasil


Equipe Diretora Executiva Elen Portero de Paula Gerente de Programas e Projetos Paula Crenn Pisaneschi Coord. de Relacionamento com Investidores e Comunicação Adriana Vasone Ferrazoli Coord. Administrativo e Contábil José Carlos Carpenito Analista de Projetos Alana Carvalho Analista Administrativo Financeiro Jonas Moreira Batista Estagiária Gabriela Amorim United Way Brasil

2


SUMÁRIO 4

Mensagem aos Leitores Nossa História

8

Membros do Conselho

10

11 Cidades de Atuação 12 Missão e Visão

United Way Brasil 2015

13 14 Crescer Brincando 16 Crescer Lendo 18 Crescer Saudável 20 Juventude (Competências para a Vida) 22 Nova Geração de Cientistas 24 Mentorias 26 Voluntariado Corporativo 28 Dia do Viva Unido 30 Primeira Infância (Crescer Aprendendo)

Institucionais Beneficiadas Empresas Parceiras

34

Balanço Patrimonial

35

32


Mensagem aos Leitores Estou na presidência do conselho da United Way Brasil há quase dois anos e tenho, junto com o Corpo Diretivo da organização, acompanhado os avanços nos programas relacionados a Primeira Infância, Juventude e Voluntariado. Gostaria de agradecer a todos que fazem parte da rede United Way e que, de alguma forma, participam no engajamento e na mobilização de pessoas, empresas e comunidades a fim de que os investimentos sociais alcancem sempre melhores resultados. Com o Programa Crescer Aprendendo visamos garantir o desenvolvimento integral das crianças de zero a 6 anos, através da disseminação de informações relativas à importância desta fase, da formação dos cuidadores e educadores, da participação e apoio das famílias e da melhoria na infraestrutura das escolas e creches. As habilidades motoras, cognitivas e sociais das crianças são igualmente observadas e integradas ao escopo do projeto. Também estamos atuando juntamente com a Fundação Bernard van Leer, que desde 1949 tem trabalhado em mais de 50 países para melhorar as oportunidades das crianças em desvantagem social e econômica, nos projetos Primeira Infância Manauara e Primeira Infância Acreana. Essa parceria, com certeza, fortalecerá o modelo de gestão destes programas, e nos ajudará na criação de políticas públicas para garantir escala e sustentabilidade aos projetos. No Programa Competências para Vida temos o projeto Nova Geração de Cientistas, que tem como objetivo estimular o interesse de jovens dos Ensinos Fundamental e Médio a atuarem nas áreas de ciências, tecnologia e inovação. Através da parceria firmada com a Secretaria de Educação do Estado de São Paulo foi possível dar mais amplitude ao projeto e fortalecer as capacidades de aprendizagem dos estudantes das escolas públicas.

4


Com as mentorias, colaboramos para a formação pessoal e profissional de mais de 1.500 jovens, facilitamos sua inserção no mercado de trabalho e contribuímos para que tanto os jovens quanto os voluntários (mentores) desenvolvessem competências e habilidades importantes no mundo corporativo. Celebramos o Dia Internacional do Voluntariado através do Dia Viva Unido, que tem como objetivo mobilizar diversas empresas e seus colaboradores na realização de uma grande atividade de voluntariado. Com a realização prévia da escuta das crianças, e o apoio dos pais e professores, pudemos entender os sonhos e as necessidades de melhorias e então transformar os espaços físicos das escolas. Em nome do Conselho Deliberativo e da equipe United Way Brasil, agradeço a todos pelo apoio intelectual e financeiro, e espero que nosso trabalho sirva de inspiração para que outras empresas unam forças com o objetivo de melhorar a qualidade de vida das crianças e dos jovens brasileiros.

Rildo Lima Presidente do Conselho Deliberativo da United Way Brasil

5


Mensagem aos Leitores Numa manhã de segunda-feira levo meu filho na escola e, enquanto ele está sentado no banco de trás tocando a música “ciranda cirandinha” no seu instrumento musical favorito - uma guitarra de plástico sem muita sofisticação, deparo-me olhando para uma criança no colo de sua mãe, que pede esmola na calçada próxima a entrada de um shopping. Fico ali parada, esperando pelo farol, e me questionando ao ver aquela cena, enquanto meu filho canta alegremente uma de suas canções favoritas. O farol abre e sigo pensando naquela mãe, naquela criança, naquela família. Quantas cenas como esta fazem parte do nosso cotidiano? Quantas crianças são privadas de brincar, de serem felizes ou mesmo de viverem com dignidade? Quantas dessas crianças serão os jovens de amanhã que não conseguirão finalizar o ensino médio nem arrumar um emprego, mas que poderiam atuar em suas comunidades, pensando e criando soluções para o bem de toda a sociedade? Hoje já sabemos o quanto a intervenção na primeira infância é efetiva para tornar essa história parte de um passado distante, e também que essa transformação só é possível quando todos os setores da economia estão envolvidos, atuantes, e acreditando nesse desfecho. É por acreditar nisso que nos últimos 15 anos, a United Way Brasil e as empresas parceiras, têm unido esforços para melhorar a educação pública no Brasil, por meio de ações de voluntariado e aprimoramento das práticas educacionais em creches e escolas da educação infantil e nos ensinos fundamental e médio. Acreditamos que ampliando

6


nossas parcerias e conscientizando as empresas e funcionários da importância do investimento e dedicação conseguiremos transformar a história do nosso país, num país mais justo e democrático. Sabemos que nosso trabalho é árduo, mas é com muita energia que persistimos no nosso objetivo, todos os dias, juntos, para que possamos diminuir a desigualdade social e fortalecer a cidadania do povo brasileiro. Temos um longo percurso a ser trilhado, mas a convicção é de que, se juntarmos forças, teremos histórias felizes e esperançosas para contar.

Elen Portero de Paula Diretora Executiva da United Way Brasil

7


Nossa História

1887 A United Way é fundada nos Estados Unidos, na cidade de Denver por uma assistente social, um padre, dois pastores e um rabino.

2001 Início das atividades no Brasil com o nome de Associação Caminhando Juntos.

2002 Começam as campanhas de investidores sociais junto aos colaboradores nas empresas para arrecadação de recursos.

2009

2010

2011

Desenvolvimento de projetos voltados para a Primeira Infância e estruturação do método para ampliação do programa de capacitação de jovens para Brasília, Belo Horizonte e Porto Alegre.

Criação do fundo de investimento social para projetos nas comunidades locais.

A educação é definida como pilar chave dos projetos da United Way no Brasil.

2015 A United Way Brasil fortalece sua atuação em Primeira Infância e Juventude por meio de parcerias com o poder público mobilizando indivíduos, empresas e comunidade.

8


2003 Criação do programa para capacitação de jovens em parceria com organizações sociais e início da “Mentoria de Inglês”.

2012 Lançamento do Projeto Crescer Aprendendo com o objetivo de estimular o aprendizado na Primeira Infância. O programa voltado para jovens ganha o nome de “Competências para a Vida” e amplia suas áreas de conhecimento.

2005 Incremento nas mentorias com os temas “Investir Vale a Pena” e “Agindo Juntos”.

2013 Consolidação da Mentoria Student United Way Brasil, metodologia baseada no programa da United Way Worldwide, que mobiliza jovens para o desenvolvimento de projetos de transformação social nas comunidades locais.

2008 A Associação Caminhando Juntos adota a identidade internacional “United Way Brasil” e o slogan Live United, Viva Unido em português. Ampliação das mentorias para o interior de SP, para o RJ e Curitiba.

2014 O programa Crescer Aprendendo se torna uma importante estratégia de atuação e a United Way Brasil expande sua atuação para 27 cidades em 9 estados: PE, BA, MG, RJ, SP, RS, SC, PR e AM.

9


Membros do Conselho Presidente Rildo Lima, Owens-Illinois Vice-Presidente Miguel Alvarez, Owens-Illinois Conselheiros Celso Doria, Morgan Stanley Eduardo Queiroz, Fundação Maria Cecília Souto Vidigal Eliane Maccari, Instituto 3M Fábio Cornibert, consultor Jasmin Eymeri, GE Julio Gay Ger, Lilly Marília S. Meneghisse, Ecolab Pedro Luiz Dias, consultor Conselho Fiscal Bruno Zarella, contador Fábio Cornibert, consultor Diretoria Executiva Silvia Zanotti Magalhães (2012 - 2015) Elen Portero de Paula (dezembro 2015 - )

10


Missão Construir oportunidades através da melhoria na educação de Primeira Infância e Juventude, conectando empresas, voluntários, sociedade civil e governo.

Visão Ser reconhecida dentre as 20 maiores organizações sociais que promove o voluntariado e investe em educação de qualidade em Primeira Infância e Juventude.

11


Cidades de Atuação

35 Cidades 11 Estados (DF)

Amazonas Manaus

Ceará Fortaleza

Acre

Bahia

Rio Branco

Salvador

Distrito Federal

Minas Gerais

Brasília

Belo Horizonte

Paraná Curitiba

Maringá

Curiúva

Reserva

Rio de Janeiro Rio de Janeiro

São Paulo Santa Catarina

Angatuba

Louveira

Bocaína do Sul

Lages

Araçatuba

Mogi das Cruzes

Correia Pinto

Otacílio Costa

Barueri

Piracicaba

Itajaí

Rio Rufino

Campinas

Registro

Fernandópolis

Ribeirão Preto

Francisco Morato

São Paulo

Guarulhos

Taubaté

Itararé

Vinhedo

Rio Grande do Sul Porto Alegre

Limeira

12


United Way Brasil 2015

12.549

3.573

crianças

jovens

887

249

profissionais da educação

famílias

137

68

escolas

ong’s

3.505

13.098

voluntários

horas de voluntariado13


Primeira Infância | Crescer Aprendendo Objetivo Garantir o desenvolvimento integral e o aperfeiçoamento das habilidades motoras, cognitivas e sociais das crianças de zero a 6 anos.

Ações Ações junto aos pais e cuidadores Disseminação da importância desta fase para o pleno desenvolvimento do ser humano Formação de educadores de creches Melhoria da infraestrutura dos espaços Apoio na qualificação dos serviços Atenção destinada às famílias com gestantes e crianças com até 6 anos de idade Visitação domiciliar

Público Alvo Profissionais das escolas e creches (professores, coordenadores e diretores) Famílias e cuidadores Coordenadores e Técnicos das Áreas das Secretarias Estaduais: Saúde, Educação e Assistência Social ESF (Equipe de Saúde da Família) Visitadores e Agentes Comunitários

Temas abordados Brincar, leitura, saúde, desenvolvimento Infantil (Marcos do Desenvolvimento)

Planos de Ação Diagnóstico inicial para identificar melhorias Plano de formação continuada para educadores, famílias e ESF (Equipe de Saúde da Família) Desenvolvimento de atividades de voluntariado alinhadas a estratégia formativa Monitoramento, avaliação e sistematização da metodologia

14


5.849 crianças

43 famílias

620 profissionais da educação

19 escolas

21

ong’s

129 voluntários

698 horas de voluntariado

15


Crescer Brincando “Eu achei uma ação muito bonita, todo mundo unido, em prol de um objetivo de proporcionar alegria para as crianças. ” Érika, educadora maternal II – Creche Nise da Silveira

16


Em 2015, o projeto Crescer Brincando teve como foco a melhoria do planejamento e das práticas pedagogicas do brincar.

4 municípios 11 instituições 1.310 crianças

Escuta das Crianças

HUB Ermelino Matarazzo

Objetivo: empoderamento infantil para expressão de desejos e opiniões a fim de promover melhorias na instituição e capacitação dos professores para adotarem essa prática.

Ações 1. Formação de profissionais da educação. 2. Realização das atividades de escuta e identificação das necessidades e desejos das crianças.

98 824

3. Reformas e melhorias de 6 instituições com a ajuda de 160 voluntários.

Objetivo: Capacitação de 70 profissionais da educaçao que trabalham com crianças de zero a 3 anos dos CEI’s da região de Ermelino Matarazzo

3 anos de duração 5 Creches 626 crianças beneficiadas 3 temáticas Brincar (2013) estrutura e qualifica o brincar. Estética (2014) reorganiza e adequa os ambientes / valoriza a produção das crianças. Blocos (2015) brinca com blocos para desenvolver habilidades motoras e cognitivas.

17


Crescer Lendo Foi uma iniciativa excelente! Provocou uma mudança significativa na rotina da escola. Em certo momento do dia, em todas as salas, todas as professoras contam histórias para as crianças.” Janaina de Souza, diretora do Centro Infantil Municipal Sônia Maria Ferreira, em Betim, Minas Gerais, fala sobre o projeto Crescer Lendo a

18


Em 2015, o projeto Crescer Lendo esteve presente nos estados de São Paulo, Santa Catarina e Paraná.

3 estados 23 escolas 4.400 livros 4.379 crianças

Objetivo 1

Objetivo 2

Melhoria das práticas de leitura e do contato diário das crianças com os livros.

Apoio ao Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa.

Ações Formalização do Projeto com a Secretaria da Educação do Município.

11 municípios

Formação em leitura dos profissionais de educação infantil.

136 profissionais da educação

Reorganização dos espaços de leitura.

13 cantinhos de leitura

Realização de oficinas de contação de histórias para a família e/ou voluntários.

180 famílias 19


Crescer Saudável “A equipe participou de dinâmicas sobre a importância da Primeira Infância nos vários segmentos: saúde bucal, corporal, psicossocial e educação. Foram dois dias de trocas de experiências, relatos de cada escola e suas peculiaridades. Através das experiências trocadas durante o curso poderemos enriquecer mais o dia a dia das nossas crianças”. Cleonice Oliveira Costa Neta, diretora do CMEI Padre Luis Ruas a

20


Em 2015 iniciou-se o projeto piloto Crescer Saudável em Rio Branco e Manaus. Este projeto terá duração de 30 meses e atenderá:

22 municípios 113.000 crianças

Objetivo 1

Objetivo 2

Implantar modelo de visitação domiciliar para fortalecimento e aprimoramento da parentalidade e dos cuidados com as crianças de zero a 6 anos.

Fortalecer a rede de cuidados com a Primeira Infância, nos serviços de Educação Infantil, Saúde e Desenvolvimento Social, envolvendo universidades para processo de educação permanente, monitoramento e avaliação.

Ações 1. Estabelecer um Modelo de Governança junto aos gestores públicos e técnicos. 2. Estruturar a rede de apoio, cuidados e desenvolvimento integral da Primeira Infância.

3. Mobilizar a Rede da Primeira Infância: através de investimentos locais pela iniciativa privada, iniciativas convergentes e atores da sociedade civil. 4. Gerar conhecimento: conhecer as práticas culturais e familiares que promovem o desenvolvimento da Primeira Infância em comunidades tradicionais e não tradicionais a fim de desenhar um projeto que respeite as peculiaridades locais.

21


Juventude | Competências para a Vida Objetivos Promover inclusão social Melhorar a qualidade de vida Estimular jovens de escolas públicas a concluir o ensino médio Desenvolver habilidades empreendedoras Promover autonomia em busca de conhecimento Ampliar perspectiva de futuro Elaborar projetos de pesquisa Formação pessoal e profissional

Ações Apoiar professores e políticas públicas Fortalecer as capacidades de aprendizagem e de comportamento Promover vínculo entre profissionais e estudantes

Público Alvo Professores e alunos dos ensinos fundamental e médio Funcionários voluntários Jovens de instituições sociais

Temas abordados Ciências Exatas e Sociais, Tecnologia, Engenharia, Matemática, Recursos Humanos, Educação Financeira, Empreendedorismo, Contabilidade e Departamento Pessoal.

Planos de Ação Diagnóstico inicial para identificar melhorias Plano de formação continuada para educadores e jovens Desenvolvimento de atividades de voluntariado alinhadas a estratégia formativa Monitoramento, avaliação e sistematização da metodologia

22


1.509 jovens

172 profissionais da educação

112 escolas e instituições beneficiadas

27

ong’s

555 voluntários

2.680 horas de voluntariado

23


Nova Geração de Cientistas O programa visa aproximar jovens de escolas públicas da pesquisa científica e de profissões relacionadas às áreas de ciências e tecnologia por meio da formação de professores, da participação em feiras e do voluntariado.

24


172 professores 350 jovens 162 meninas

Objetivo Apoiar professores e alunos das escolas da rede pública estadual no desenvolvimento de projetos de pesquisa de Pré-Iniciação Científica tornando este um processo ativo nas unidades escolares e contribuindo para a autonomia dos alunos na busca do conhecimento.

188 meninos

Parceria Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

“Eu nunca pensei nisso, de um dia estar aqui presente. E para mim foi tão importante isso porque com um pedacinho de giz eu pude mudar o caminho da minha história” Jhonatan Felipe da Silva Santos, aluno da rede que cumpria medida socioeducativa na Fundação Casa recebeu o prêmio na categoria revelação

25


Mentorias United Way Brasil As mentorias são projetos de formação, nos quais funcionários das empresas se habilitam a dar aulas para compartilhar conhecimentos e, assim, colaborar com a formação pessoal e profissional de jovens em situação de vulnerabilidade social. Contribuem para a ampliação da perspectiva de futuro proporcionando vivências que enriquecem o repertório dos participantes.

26


782 jovens beneficiados 485 voluntários 2.288 horas de voluntariado

5 temas Empreendedorismo Social (Student United Way)

estimula os jovens a olharem para sua própria comunidade e a desenvolverem projetos sociais.

Seu Futuro Financeiro e Profissional

leva os jovens a pensarem em conceitos de educação financeira e fornece aconselhamento nas áreas de empreendedorismo e finanças pessoais.

Introdução à Contabilidade

aborda temas básicos de contabilidade para apoiar o jovem a entender o funcionamento financeiro de uma empresa.

Departamento Pessoal

aborda temas básicos de Depto. Pessoal visando instruir sobre o funcionamento da rotina de RH de uma empresa.

Sou Protagonista

apoia os jovens a desenvolverem um planejamento de vida com metas de curto, médio e longo prazo para sua formação profissional.

27


Voluntariado Corporativo Objetivos Ampliar o olhar cidadão dos funcionários Motivar as pessoas para a cultura do voluntariado Desenvolver habilidades e competências Dividir conhecimentos Aumentar a autoestima Diminuir as desigualdades socias Fortalecer a cidadania

Ações Promover atividades de voluntariado Formação e capacitação para atuação nos projetos de forma mais estruturada Campanhas de arrecadação Melhoria na infraestrutura das escolas e creches Acompanhamento formativo Contação de histórias Atuação estratégica nos projetos por meio da educação de crianças e jovens

Público Alvo Funcionários-voluntários

Temas abordados Comitês, Dia Viva Unido, Atividades diversas relacionadas a nossa causa.

Planos de Ação Diagnóstico inicial para identificar melhorias Plano de formação continuada para voluntários Desenvolvimento de atividades de voluntariado alinhadas a estratégia formativa Monitoramento, avaliação e sistematização da metodologia

28


6.700 crianças

2.064 jovens

200

famílias

95 profissionais da educação

6

escolas

20

ong’s

2.821 voluntários

9.720 horas de voluntariado

29


Dia Viva Unido “Estar com as crianças, e perceber que, para elas, é tudo novo, é uma alegria. É uma experiência diferente, um aprendizado...” Mariana Sotieri – P&G SP, que teve esta como a primeira experiência de voluntariado.

30


4 escolas 577 crianças 60 profissionais da educação 28 famílias 90 voluntários 594 horas de voluntariado Objetivo Mobilizar diversas empresas e seus colaboradores para a realização de uma grande atividade de voluntariado na celebração do Dia Internacional do Voluntário. Os voluntários das empresas parceiras foram responsáveis por transformar o espaço das escolas de educação infantil participantes através da pintura dos espaços, reforma dos brinquedos e criação de novos espaços de aprendizagem para as crianças. Dessa forma os voluntários também contribuiram para o desenvolvimento das habilidades motoras, sociais e cognitivas das crianças, em conjunto com a escola, familiares e cuidadores.

Escolas

Localidades Empresas Participantes

CEI São Joaquim CEI Paulo e Admar CEI Infantil Prof.ª Aparecida E. G. Yembo Creche Municipal Sempre Vida Nise da Silveira São Paulo, Louveira e Rio de Janeiro GIFE, Lilly, O-I, PwC e P&G

31


Instituições Beneficiadas Abrigo O Coração do Pai

CEI José Bonifácio

Acolhimento Moacyr Alves

CEI Leontina Lourenço

Aldeias Infantis

CEI Mina

CIEE - Centro de Integração Empresa Escola

CEI Neusa Reis Cesale Pereira

Grupo de Apoio à Criança com Câncer – GRACC

CEI Paulino Eva

Jovens e Cidadãos de Ouro

CEI Paulo e Admar

Abrigo Infantil Monte Salém

CEI Verbo Divino

Associação Cultural Pró-Morato

CEI Vila Silvia

Associação Filantrópica Esperança para Todos

CEIL Infantil Prof.ª Aparecida E. G. Yembo

Associação Obra do Berço

CEIM Conta Dinheiro

Associação Semente do Amanhã

Centro de Promoção Social Bororé

Casa Vidha

CEPAC - Associação para a proteção das crianças e adolescentes

CEI Arco Íris CEI Casa da Criança

CEPROMM - Centro de Estudos e Promoção da Mulher Marginalizada

CEI Claudenei Ribeiro - Bolinha

CER - Centro Educacional Rebouças

CEI Itajaí I

Cidade dos Meninos - Campinas

CEI Itajaí II

CMEI Menino Deus

CEI Jardim São Joaquim

CMEI Pequeno Príncipe

CEI Jardim São Norberto

CMEI Pingo de Gente

CEI João Lourenço

CMEI Prof° Maria de Lourdes

32


Comunidade São Mateus

Escola Municipal Professora Alvina Prestes

CPA - Centro de Profissionalização de Adolescentes

Escola Nucleada João Walter

Creche Municipal de Manguinhos Creche Municipal Raulino Felipe dos Santos Curinga Creche Municipal Sempre Vida Nise da Silveira E.M. Prof. Oracy da Silva EMEF Diva Morais Camargo Escola EMEI Vice Prefeito Pedro Miqueletto Escola Básica Municipal Padre Theodoro Bauschult Escola Estadual Alberto Santos Dumont Escola Estadual Djanira Velho Escola Estadual Doutor Tomás Alberto Whatlly

Fundação Educandário Coronel Quito Junqueira Fundação Julita Grupo Primavera Guarda Mirim Sorocaba Instituto Bola pra Frente Instituto Padre Josimo IPMS - Instituto de Promoção do Menor de Sumaré Lar Batista Jannel Doyle Novo Lar Betânia Núcleo Prof. Andilha Matias

Escola Estadual Professora Irene Dias Ribeiro

OCSAMC - Organização Comunitária Santo Antonio Maria de Claret

Escola Estadual Reverendo Tercio Moraes Pereira

Pão Nosso

Escola Municipal de Educação Infantil Fundação Maria de Lourdes

Patrulheiros 3M

Escola Municipal Joana Vieira Escola Municipal João do Nascimento Escola Municipal Profª Rita de Cássia Paulucci Costa

Programa Mãos Estendidas Raio de Sol SOBERP - Sociedade Beneficente Evangélica de Ribeirão Preto

33


Empresas Parceiras

34


Balanço Patrimonial Balanço Patrimonial levantado em 31 de dezembro de 2015 (Em reais - R$, centavos omitidos)

Ativo

31/12/2015 31/12/2014

Circulantes Caixa e equivalentes de caixa

75.254

41.586

Títulos e valores mobiliários

702.780

1.098.084

2.131.055

-

51.265

-

Adiantamentos

5.188

8.850

Impostos a compensar

1.576

-

2.967.118

1.148.520

Imobilizado

9.714

11.394

Total do ativo não circulante

9.714

11.394

2.976.832

1.159.914

Contas a receber Despesas antecipadas

Total do ativo circulante Não circulante

Total do Ativo

35


Balanço Patrimonial levantado em 31 de dezembro de 2015 (Em reais - R$, centavos omitidos)

Passivo e Patrimônio Social

31/12/2015 31/12/2014

Circulantes Contas a pagar

91.409

3.634

Salários e encargos sociais

87.033

195.507

Impostos a recolher

12.701

628

Adiantamentos de doações

2.167.406

357.901

Total do passivo circulante

2.358.549

557.670

Provisão para riscos trabalhistas

228.751

228.751

Total do passivo não circulante

228.751

228.751

Patrimônio Social Acumulado

389.532

373.493

2.976.832

1.159.914

Não circulante

Total do Passivo e Patrimônio Social

36


Demonstração do Superávit (Déficit) Para o exercício findo em 31 de dezembro de 2015 (Em reais - R$, centavos omitidos)

31/12/2015 31/12/2014 Receitas Doações para programas de voluntariado e mentoria

796.358

775.456

Doações recebidas da United Way Worldwide

286.131

251.938

1.410.260

1.104.597

128.424

97.225

2.247

-

2.623.420

2.229.216

Programas, voluntariado e mentoria

(538.727)

(625.201)

Projetos United Way Worldwide

(286.131)

(176.479)

(1.410.260)

(649.709)

(372.263)

(801.846)

Doações para projetos específicos Receitas financeiras Reembolsos de despesas operacionais Total das receitas Despesas

Projetos específicos Despesas gerais Total das despesas Superávit (Déficit) do Exercício

(2.607.381) (2.253.235) 16.039

(24.019)

37


Demonstração do fluxo de caixa Para o exercício findo em 31 de dezembro de 2015 (Em reais - R$, centavos omitidos)

Fluxo de caixa das atividades operacionais Superávit (Déficit) do exercício

31/12/2015 31/12/2014 16.039

(24.019)

2.420

1.031

128.424

(97.225)

-

41.654

(2.131.055)

-

Impostos a compensar

(1.576)

-

Despesas antecipadas

(51.265)

-

3.662

(5.158)

87.775

21

(108.474)

163.597

12.073

(902)

Adiantamentos de doações

1.809.505

108.116

Caixa líquido (aplicado nas) gerado pelas atividades operacionais

(232.472)

187.115

Ajustes para reconciliar o superávit (déficit) do exercício ao caixa líquido (aplicado nas) gerado pelas atividades operacionais: Depreciações Receitas financeiras de títulos e valores mobiliários Constituição de provisão para riscos trabalhistas Variações nos ativos operacionais: Contas a receber

Adiantamentos Variações nos passivos operacionais: Contas a pagar Salários e encargos sociais Impostos a recolher

38


Fluxo de caixa das atividades de investimento Títulos e valores mobiliários

266.880

(204.064)

(3.266)

(5.029)

2.526

-

266.140

(209.093)

Aumento (Redução) líquido(a) de caixa e equivalentes de caixa

33.668

(21.978)

Caixa e equivalentes de caixa no início do exercício

41.586

63.564

Caixa e equivalentes de caixa no fim do exercício

75.254

41.586

Aumento (Redução) líquido(a) de caixa e equivalentes de caixa

33.668

(21.978)

Aquisição de imobilizado Baixas de imobilizado Caixa líquido aplicado nas (gerado pelas) atividades de investimento

Examinamos as demonstrações financeiras da United Way Brasil (“Associação”), que compreendem o balanço patrimonial em 31 de dezembro de 2015 e as respectivas demonstrações do déficit, do resultado abrangente, das mutações do patrimônio social e dos fluxos de caixa para o exercício findo naquela data, assim como o resumo das principais práticas contábeis e demais notas explicativas. Em nossa opinião, as demonstrações financeiras anteriormente referidas apresentam adequadamente, em todos os aspectos relevantes, a posição patrimonial e financeira da United Way Brasil em 31 de dezembro de 2015, o desempenho de suas operações e os seus fluxos de caixa para o exercício findo naquela data, de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil. São Paulo, 15 de agosto de 2016. DELOITTE BRASIL Auditores Independentes CRC nº 2 SP 000164/O-4

Tarcísio Luiz dos Santos Contador CRC nº 1SP207626/O-0

39


Doe. Seja voluntรกrio. Viva Unido.

40


United Way Brasil

41


United Way Brasil

www.unitedwaybrasil.org.br /unitedway.brasil

/unitedwaybrasil Rua Cubatão, 97 | Paraíso | São Paulo | SP CEP: 04013-040 55 11 3995-5679 contato@unitedwaybrasil.org.br

/ brasilunitedway

Relatório Social United Way Brasil 2015  
Relatório Social United Way Brasil 2015  
Advertisement