Issuu on Google+

INSTITUCIONAL

Ano X

Via Campus 1

Nº 99 Março/2012

Rádio UniFOA Light D

epois de quase quatro anos com uma programação exclusivamente jovem, a Rádio Web UniFOA oferece agora uma opção para outro tipo de público – a Light. A seleção musical traz sucessos dos anos 70, 80, 90, além das canções atuais, sem muito agito. A equipe de produção também pretende promover entrevistas e programas com os diversos profissionais da comunidade acadêmica. Fique por dentro na página 5.

Não é tão complicado assim Para ajudar os pesquisadores em seus futuros projetos, a equipe do Via Campus bateu um papo com a presidente do Comitê de Ética em Pesquisa em Seres Humanos – CoEPS. Nosso objetivo foi tentar descomplicar o que muita gente por aí tem achado muito difícil: aprovar um projeto. Então, descomplique na página 10.

Produção da rádio conta com o trabalho de alunos de Publicidade e Jornalismo

Situação da mulher em VR O UniFOA e a Coordenadoria Municipal da Mulher de Volta Redonda firmaram uma parceria para desenvolver uma pesquisa sobre a situação da mulher na cidade. O trabalho terá a participação de alunos e professores na coleta e análise de dados. Conheça os objetivos deste levantamento na página 3.

Documentos pendentes Se você é aluno do UniFOA e está com pendência de documentos, apresse-se. O prazo para regularizar sua situação termina dia 2 de abril. Veja o que é preciso fazer na página 3. março.P65

1

Plugue-se Já é sucesso na região o programa Plugue, exibido pela TV Rio Sul às sextasfeiras. O que você não deve saber é que o apresentador, Ed Júnior, é ex-aluno do curso de Jornalismo, recém-graduado. Ed conduz o programa ao lado de Dalila Lemos, e tirou um tempinho entre uma gravação e outra para nos contar sobre seu trabalho. Você confere este papo na página 4.

Nossa equipe acompanhou Ed numa manhã de gravações

19/3/2012, 11:27


INSTITUCIONAL

Basta entrar o mês de março e a equipe do Via Campus fica às voltas para dar conta de tantas atividades que alunos e professores começam a programar e que dependem da nossa cobertura jornalística para ganharem a visibilidade merecida. E isso é ótimo. Prova de que a galera está trabalhando muito, que a sala de aula é apenas o ponto de partida e que todos entendem que a formação profissional se faz com um conjunto de ações. E, de onde estamos, assistimos com orgulho estas ações se desenvolverem, alcançando cada vez mais resultados dignos de comemoração. Nossa manchete desta edição fala deste exemplo. A Rádio Web UniFOA foi desmembrada em duas, com opções Pop e Light, com planos de diversificação dos programas. Um salto de qualidade para um projeto que completa quatro anos em 2012.

No curso de Design a boa notícia é o alto percentual de empregabilidade, anunciado pela coordenação. Alunos e profissionais formados tem excelentes oportunidades, tanto na região quanto em outras cidades, numa demanda cada vez mais crescente. O curso de Jornalismo também garante bom nível de empregabilidade aos seus alunos. Um dos exemplos mais recentes é de Edison Júnior, graduado em fevereiro, apresentador do programa Plugue, na TV Rio Sul. E para quem está mergulhado ou pretende mergulhar de cabeça na vida acadêmica, trouxemos nesta edição uma matéria especial sobre o CoEPS, o temido Comitê de Ética em Pesquisa em Seres Humanos. Vale a pena ler com atenção e entender como funciona. A você que está conosco todos os meses e para quem está chegando agora, uma ótima leitura.

Via Campus 2

O UniFOA foi homenageado dia 8, pelo presidente da Câmara Municipal de Volta Redonda, vereador Jair Nogueira, com uma Moção de Congratulações e aplauso por ser o melhor centro universitário do Estado do Rio de Janeiro e por estar entre os melhores do país, segundo avaliação do MEC. A congratulação foi entregue à relações públicas e participante institucional da FOA, Amélia Silva.

Foi inaugurada dia 12 a Liga Acadêmica de Semiologia Médica e Raciocínio Clínico – SemioLiga. O evento contou com palestras dos professores Albino Moreira Torres e Walter Luiz da Fonseca.

A Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão realiza neste mês II Workshop de Iniciação Científica, que este ano traz como tema “A importância da iniciação científica na formação acadêmica”. Os evento é realizado por área, em três sábados. A programação oferece oficinas sobre PIC, Comitê de Ética e Curriculum lattes.

O curso de Serviço Social realizou sua Aula Magna no dia 6, no campus Aterrado. Acadêmicos de todos os períodos assistiram à palestra “A importância da pesquisa no contexto da formação profissional do assistente social”, ministrada pelo professor Peterson Leal Pacheco.

O coordenador do curso de Ciências Contábeis, Agamêmnom Rocha Souza, foi o colunista campeão de 2011 no ranking de acesso ao blog do Portal Rio Sul Net, da TV Rio Sul, afiliada à Rede Globo. Por atrair 11.080 visitas a sua coluna, o professor recebeu como prêmio uma visita às dependências do Projac, no Rio de Janeiro.

De lá pra cá Após quatro anos e finalmente formado no curso de Design pelo Centro Universitário UniFOA, hoje estou no mercado de trabalho, gerindo minha carreira, graças aos esforços do curso em promover desde o 1° período a inserção do aluno em atividades e vivências práticas. O curso foi além do conteúdo técnico e metódico, humanizando as disciplinas que foram possíveis, convidando sempre à discussão, reflexão do mundo que nos cerca, a região em que vivemos, e nossa relação com ela, sem deixar nunca de vislumbrar outras realidades ao alcance de todos. Mais do que profissionais, repetidores de conteúdo, é preciso formar pessoas éticas, conscientes e criativas. E diversos esforços neste sentido eu pude observar no decorrer do

curso, principalmente por parte dos professores. Tenho a certeza de que nossa região, empresas, serviços e indústrias, e o próprio UniFOA ganharam muito com a presença do curso de Design. O curso evoluiu, cresceu e apareceu, em quantidade e qualidade, e assim continuará. (Se pudesse, gostaria de poder voltar e colher as novidades e melhorias, que já estão aí para as novas turmas que a cada semestre chegam). Parabéns e o meu muito obrigado a todos os envolvidos – coordenação, professores, técnicos, secretaria e demais profissionais. Elton Rodrigues Ex-aluno de Design (Mensagem enviada pela Ouvidoria)

EXPEDIENTE Ano X - Nº 99 - Março/2012

Tiragem: 5 mil exemplares

Pró-Reitora Acadêmica: Profª Cláudia Yamada Utagawa

Gerente de Comunicação e Marketing: Débora Martins

Registro ISSN 1809-9483

Periodicidade: Mensal

Pró-Reitora de Pesquisa, Pós-Graduação e Extensão:

Editoração e Diagramação: Jusimara Medeiros

UniFOA - Centro Universitário de Volta Redonda

Presidente da FOA: Dauro Aragão

Profª Daniella Regina Mulinari

Av. Paulo Erlei Alves Abrantes, 1325, Três Poços

Vice-Presidente: Jairo Conde Jogaib

Superintendente Executivo: Eduardo Prado

Colaboração: Érica Patricia, Leticia Borges, Gabriella Vicente, Alana Azevedo, Ana Lopes e Ana Carolina Moura

Volta Redonda - RJ - Cep: 27240-560

Diretor de Relações Institucionais: José Tarcísio Cavaliere

Superintendente Geral: José Ivo de Souza

Fotos: Equipe Marketing

Tel: (24) 3340-8400 - www.unifoa.edu.br

Diretor Administrativo Financeiro: Iram Natividade Pinto

Jornalista Responsável: Giovana Damaceno - RGMTPS 17065

Ilustração : Jader Mattos

Reitor do UniFOA: Prof. Alexandre Fernandes Habibe

Assessoria de Imprensa: Fernando de Barros - RGMTPS 16046

Fotolito e Impressão: Gráfica Jornal Lance

email:jornalismo@foa.org.br

março.P65

2

19/3/2012, 11:27


INSTITUCIONAL

Via Campus 3

Documentos pendentes

Garanta seu acesso aos serviços UniFOA A

partir do dia 2 de abril, todos os alunos matriculados noscursos do UniFOA devem estar com sua documentação em dia. Caso o acadêmico tenha pendências, perderá o direito de pegar livros na Biblioteca e não poderá fazer inscrições para bolsas e estágios. Para conferir sua situação, o aluno deve acessar a área restrita do site do UniFOA com login e senha. Verifique se há um pop up com informações ou clique em ‘Menu’ \ ‘Outras opções’ \ ‘Documentos pendentes’. Junte os documentos e entregue no Arquivo Acadêmico do campus Três Poços, ou nas secretarias dos campi Aterrado e Tangerinal.

Assista ao vídeo explicativo no site do UniFOA e tire suas dúvidas

Parceria em favor da mulher Um projeto que pretende traçar o perfil das mulheres residentes em Volta Redonda para dar suporte à elaboração e implementação de políticas públicas voltadas ao segmento. É este o objetivo da Coordenadoria Municipal da Mulher, com um projeto de pesquisa de cunho científico que busque o recorte desta realidade no município. Para este levantamento, o UniFOA entrará como parceiro, com a participação de alunos e professores na coleta e análise de dados. “É preciso produzir indicadores que justifiquem a implantação de programas que garantam a cidadania plena às mulheres”, justifica o coordenador do Programa de Ação Institucional e Social – Pais do UniFOA, Otávio Mithidieri. A pesquisa de campo começa pelo bairro Roma I; na verdade, um piloto. Os acadêmicos serão capacitados durante o próprio processo e, depois de

março.P65

3

concluída esta primeira fase, o projeto vai se estender para outros bairros. Pela delicadeza do trabalho, a coordenação do Pais optou pela escolha de alunos de Serviço Social. “Trata-se de um projeto de extensão e pesquisa, que contará com a participação de cinco alunos e alguns professores. E os acadêmicos são especialmente preparados para lidar com situações como esta”, explica. O desenvolvimento da atividade consiste em entrevistas com mulheres e também tem base em documentos já elaborados pelos Centros de Referência de Assistência Social – Cras. Para Otávio, o projeto estreita as relações entre a instituição e os órgãos municipais. “E é também uma possibilidade do aluno entrar em contato com a comunidade, com a qual adquire experiência profissional”, completa.

19/3/2012, 11:27


INSTITUCIONAL

Via Campus 4

Plugado na carreira Ex-aluno de Jornalismo apresenta programa de TV

S

ão oito horas de uma segundafeira. O jornalista Ed Júnior chega à redação da TV Rio Sul, no bairro Bela Vista, em Volta Redonda, e junto com os demais integrantes da equipe do programa Plugue sai com destino ao Zoológico da cidade para mais um dia de gravações. Mas o que tem isso - o leitor deve estar se perguntando - com o Via Campus? Bem, para quem não sabe, Ed Júnior, que na realidade se chama Edison José da Silva Júnior, até o semestre passado foi aluno do curso de Jornalismo e assim como muitos outros formandos teve no curso um forte aliado para a conquista do primeiro emprego. Estagiário da Divisão de Marketing por dois anos, Ed Júnior, como agora é chamado, buscou sempre aprimoramento e foi o que ajudou a ser convidado pela TV Rio Sul para um teste. A emissora procurava caras novas para um programa que, inicialmente, iria apenas ser apresentado via internet. Depois de vários testes, Ed, assim como sua colega de programa, Dalila Lemos, foram aprovados e hoje, depois de três meses da estreia do programa, começam a colher os frutos do trabalho. Recém-formados – Edison teve sua cerimônia de formatura no dia 1º de março e Dalila no dia 2, os dois têm forte vontade de aprender. Para Wandel Garcia, diretor do programa

Ed Júnior e Dalila Lemos e a equipe do programa durante uma gravação Plugue e um dos mais experientes jornalistas da nossa região, trabalhar com novos profissionais é altamente enriquecedor. “Não só eles aprendem conosco, mas nós também aprendemos com eles”, destaca. Para Edison, que um dia foi metalúrgico, sonhou em ser repórter de jornal e acabou protagonista de um programa de TV, esta fase é muito enriquecedora. “É uma experiência muito gostosa. As coisas foram acontecendo na minha vida e é como se tudo tivesse conspirado para que me tornasse apresentador do Plugue. Hoje o que posso fazer é trabalhar muito e curtir esta ótima fase da

minha vida”, comemora. Sobre a importância do curso de Jornalismo, Ed reconhece que foi essencial. “Aprendi muito nestes quatro anos e com certeza foi determinante para a minha carreira. Foi durante o curso que aprimorei meu texto (essencial para a área), foi lá que descobri que gostava muito de trabalhar à frente das câmeras e onde aumentei consideravelmente minha bagagem cultural”, relata o ex-aluno. Sobre planos para o futuro ele os classifica como bem simples: continuar se dedicando para se tornar um profissional cada vez melhor. E ele sabe

o que quer: estar entre os melhores apresentadores do país. A respeito do Plugue, Ed revela: “tenho verdadeira paixão pelo programa. Amo de verdade o que faço. Eu e toda a equipe queremos fazer do Plugue um marco na história da nossa região e, por que não, na história das afiliadas da Rede Globo. Acredito que o programa está no caminho certo e tem tudo para ficar cada vez melhor. Já temos muitos fãs, mas o objetivo é virar uma febre”, arrisca, entre risos. Além de Ed Júnior e Dalila Lemos, a equipe do programa é constituída pelo diretor e jornalista Wandel Garcia e pelo editor de imagens Matheus Gehrard.

Parada rápida para a entrevista

100% de empregabilidade Meta alcançada “Em cinco anos de curso vi o aumento de salário do profissional de design na região, que hoje está equiparado ao salário da capital, Rio de Janeiro.” A afirmação é da coordenadora do curso de Design, Cristiana Fernandes, a Kitty, comemorando as excelentes colocações de alunos e ex-alunos no mercado de trabalho. O único curso de Design da região se preocupa em criar parcerias com empresas que possibilitem os acadêmicos desenvolverem projetos. Den-

março.P65

4

tro da sala de aula, além de outras atividades, estudam o mercado de trabalho, como aproveitar e como criar oportunidades dentro dele. “Felizmente o maior problema que encontramos não é falta de vagas e, sim, alunos que não estejam ainda em fase de estágio para ocupar essas vagas”, avalia a coordenadora, que acredita no meio de aprendizagem disponibilizado pelas empresas de médio e grande porte e que favore-

ce ao novo profissional alçar voos mais altos em pouco tempo. Segundo Kitty, 90% da primeira turma formada pelo UniFOA há um ano e meio está posicionada no mercado de trabalho. “Já na última turma formada houve 100% de empregabilidade”, garante e completa: “Ensinamos design como estratégia para a empresa; formamos empreendedores”. Para o ex-aluno Luan Moura, designer de produto na MAN Latin America

19/3/2012, 11:27

(antiga Volkswagen, em Resende), é essencial ter foco, capacitação profissional e aproveitar as oportunidades. “Saber o que quer é fundamental para qualquer coisa na vida, assim você concentra toda sua energia e tempo em uma só direção. Contar com a sorte é importante, mas estar preparado para aproveitá-la é outra história. Estudar, evoluir, se empenhar sempre! De nada adianta uma boa oportunidade sem preparo”, aconselha.


INSTITUCIONAL INSTITUCIONAL

Via Campus Campus 55 Via

Rádio Web Light

Novidade no ar

A

Rádio UniFOA completa quatro anos em 2012 com uma novidade: agora os ouvintes têm também a opção Light, voltada para o público que curte uma programação com menos agito. “Na verdade, a ideia já existia desde o início. Geralmente é criada uma rádio institucional e depois é que é feita a divisão por estilo, mas a rádio com o perfil mais jovem acabou passando à frente e foi lançada primeiro”, conta o professor Douglas Gonçalves, coordenador da rádio. A programação musical conta com sucessos dos anos 70, 80, 90 e, claro, as atuais, sempre light. A equipe também pretende divulgar melhor os cursos, promovendo entrevistas e programas com coordenadores, professores e alunos de diversas áreas de ensino. O programa ‘Fala Mestre’, por exemplo, criado e produzido por acadêmicos do curso de Publicidade e Propaganda, estar�� na Rádio UniFOA Light, conduzido por Diogo Veloso, com entrevistas com professores sobre seus gostos musicais. Para a criação da nova rádio foi feita uma pesquisa nas principais emissoras do gênero na capital do estado para servir de parâmetro. E as diferenças começam já no layout do site, mais leve; download de notícias e entrevistas; opção de acesso por Iphone, celular e smartphone; sorteios para atrações esportivas e culturais na região. O professor Douglas lembra

Site da nova rádio tem layout diferente

ainda que a rádio é aberta a sugestões e é um espaço aberto a toda a comunidade acadêmica. “Há um rótulo de que a rádio pertence aos cursos de Jornalismo e de Publicidade e Propaganda, e isso não é verdade; queremos estimular todos os cursos a participar da nossa programação. Os alunos podem enviar sugestões de programas e matérias”, convida.

24 horas no ar A Rádio Web UniFOA completa quatro anos em outubro e, desde que foi inaugurada, mantém sua proposta de estar no ar 24 horas, com estilo musical mais direcionado ao público jovem. Na programação, os ouvintes têm participação aberta para sugestões de músicas, pautas para

notícias, entrevistas com cantores e bandas. Muito satisfeitos com a audiência da rádio, que agora passou a ser chamada de Pop, a equipe vê a chegada da Light como um crescimento. ”Acredito que estamos ampliando nossa abrangência, pois são duas rádios distintas. Estamos progredindo”, afirma Douglas.

A rádio web permite que ouvintes de qualquer lugar acessem a programação. Confira abaixo: Cidades que mais acessam a Light: 1- Volta Redonda 2- Rio de Janeiro 3- Joinville/SC 4- Barra Mansa 5- Belo Horizonte/MG 6- Porto Alegre/RS Em quase quatro anos da Rádio Pop há quase cem mil visualizações de todos os arquivos disponíveis no site. Para ouvir a Pop – acesse radiounifoa.com Alunos de Publicidade março.P65

5

19/3/2012, 11:27

Cidades que mais acessaram a Pop em 2011: 1- Volta Redonda 2- Rio de Janeiro 3- São Paulo 4- Belo Horizonte 5- Quatis 6- Resende 7- Porto Alegre/RS 8- Fortaleza/CE 9- Recife/PE 10-Brasília/DF

Para ouvir a Light – acesse radiounifoa.com.br

Para enviar sugestões radio@unifoa.edu.br


INSTITUCIONAL

marรงo.P65

6

Via Campus 6

19/3/2012, 11:27


INSTITUCIONAL

marรงo.P65

7

Via Campus 7

19/3/2012, 11:27


INSTITUCIONAL

marรงo.P65

8

Via Campus 8

19/3/2012, 11:27


INSTITUCIONAL

Via Campus 9

Fisioterapia

Novos Talentos

O

Centro Integrado de Fisioterapia - CIF retomou no dia primeiro de março de 2012 o projeto “Novos Talentos”, cujo objetivo é reintegrar ex-alunos do curso de Fisioterapia e favorecer sua entrada no mercado de trabalho, dando oportunidade aos novos profissionais para desenvolverem suas atividades. É cobrado um valor simbólico como aluguel da clínica e os profissionais usufruem do CIF para atender seus pacientes. Segundo a coordenadora da clínica, professora Cleize Cunha, os

tratamentos fisioterápicos incluem Hidroterapia, Eletroginásio e Uroginecologia. “Visamos com este projeto estimular o aluno já formado a ingressar no mercado de trabalho, adquirir experiência e fazer seu nome profissional”, explica Cleize. As vagas disponibilizadas para novos fisioterapeutas dependem da demanda de pacientes. Horários de atendimento: segundas, de 8h às 12h e de 13h às 19h. De terça a sexta, de 8h às 12h e de 13h às 17h.

Profissionais utilizam a clínica para atender seus pacientes

ComemoraRH Depois do sucesso do projeto ConquistaRH, agora o curso de Gestão de Recursos Humanos inicia o ano letivo de 2012 com uma novidade: o projeto ComemoraRH, que pretende literalmente comemorar o Dia do Gestor de RH, em 3 de junho. A programação prevê uma semana de atividades, a primeira do mês, denominada “Semana de RH em Ação”. Serão realizadas palestras, workshops e outras atividades extracurriculares para os alunos do curso.

março.P65

9

Na “Semana de RH em Ação” alguns dos palestrantes são até mesmo alunos de 3º e 4º períodos ou exalunos formados pelo UniFOA que já estão atuando em grandes empresas da região, como AmBev, Saint-Gobain, White Martins e Unimed. A programação deste ano inclui palestras com temas como Motivação Organizacional no RH; Mercado de Trabalho; Atendimento ao Cliente com Diferencial Competitivo; Conflitos nas

Organizações Contemporâneas; Características da Liderança e Comportamento de um Líder”, sempre trabalhando a interdisciplinaridade. O projeto também engloba visitas técnicas à Fundação CSN, ao Hospital da Unimed e ao setor de Recursos Humanos do UniFOA. Orientados pelos professores Edson Santos, Hyder Araújo e pela coordenadora Patrícia Nunes, os alunos conhecem as diversas atividades de um analista e de um

19/3/2012, 11:27

gestor de recursos humanos, tais como entrevista de emprego e desligamento e gestão de conflitos. O foco principal é a postura e o modo do profissional de RH lidar com pessoas. “É muito importante o aluno saber respeitar as diferenças de cultura que possam vir a encontrar no seu meio de trabalho. Um gestor de RH precisa ter sensibilidade, criatividade, mas acima de tudo deve ser ético”, explica a professora Patrícia.


INSTITUCIONAL

Via Campus 10

Comitê de Ética

Sem complicações

A

notícia que o Via Campus deve dar nesta matéria é que a partir de agora a aprovação de projetos que contenham pesquisa em seres humanos ou com seres humanos, em todas as áreas, deverão ser inscritos pela Plataforma Brasil. Mas, para dar a informação principal, é preciso antes explicar com o máximo de detalhes que este espaço nos permite, como trabalha o Comitê de Ética em Pesquisa em Seres Humanos do UniFOA CoEPS, já considerado um bicho-papão por muita gente que tenta aprovar projetos e passa sufoco com as pendências detectadas pela equipe. “É fundamental compreender que este controle é exercido para evitar qualquer tipo de constrangimento ou consequências mais graves a um indivíduo pesquisado”, explica a presidente do CoEPS, professora Rosana Ravaglia. Ao contrário do que a maioria pensa, o comitê não avalia os projetos com base em regras próprias. A análise de cada pesquisa proposta é realizada a partir de um conjunto de exigências estabelecidas pela Resolução 196/96, do Ministério da Saúde, que instituiu a Comissão Nacional de Ética em Pesquisa, o Conep. “O UniFOA possui o registro desde 2007; a cada três anos o comitê é reavaliado”, completa Rosana. Segundo a presidente, a legislação determina que os projetos sejam avaliados com o cruzamento de itens fundamentais: metodologia da pesquisa; se o grupo a ser pesquisado é considerado vulnerável (idosos, deficientes em geral, menores de idade, pessoas com qualquer relação de dependência com o pesquisador); e, ainda, se o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido - TCLE (que o pesquisado vai assinar) está totalmente de acordo com o que propõe a metodologia. “Muita gente faz confusão com isso, e o projeto acaba retornando com pendências”, diz a presidente. Novidade no processo – Até pouco tempo atrás, os pesquisadores davam entrada nos projetos diretamente na sala do comitê. Mas agora vai ficar mais fácil. O pesquisador deve inscrever seu projeto on line, na março.P65

10

Plataforma Brasil: pesquisador monte todo o projeto no sistema

Plataforma Brasil. O sistema é amplo e permite todo o detalhamento, desde objetivo, justificativa, metodologia, além de um questionário, que deve ser respondido com muita atenção. “Na verdade ele monta todo o projeto no sistema”, acrescenta Rosana. E quanto aos documentos exigidos, basta entrar no site do UniFOA, que os modelos estão todos disponíveis. Logo que o pesquisador submete seu projeto on line, o CoEPS é comunicado pela própria Plataforma e, então, é indicado um relator, que procede à avaliação, e no encontro mensal com toda a equipe, é definida a aprovação, reprovação ou retorno do projeto, com pendências. A resolução do Conep exige que sejam analisados no máximo vinte projetos por reunião. “Esta informação também costuma confundir; pensam que temos uma cota de reprovação anual

e isso não é verdade. Avaliamos cerca de 180 projetos por ano e, claro que tem reprovação. Fica em torno de 10%”, corrige. Esteja atento – “A maioria das pendências, em todas as instituições do país registradas no Conep, está relacionada à inadequação do TCLE à metodologia”, revela Rosana. O que isso quer dizer: o Termo de Consentimento, que vai ser assinado pela pessoa pesquisada, em nada combina com o que o pesquisador propõe. “Algo como pesquisa com grupo de idosos e TCLE para menor de idade. Não passa, alerta a presidente do CoEPS. Para evitar atrasos, retorno de projeto, reprovações, interpretações incorretas sobre o trabalho do comitê, Rosana avisa que a sala do CoEPS está permanentemente aberta a todos. Basta agendar um horário com a secretária,

19/3/2012, 11:27

que a própria coordenadora, ou qualquer membro da equipe se disponibiliza para esclarecer dúvidas. “É bom, inclusive, que o pesquisador venha até nós antes mesmo de submeter o projeto na Plataforma. Isso evita tropeços no meio do caminho”, aconselha. CoEPS – www.unifoa.edu.br. Clique em Portal da Pesquisa e, na coluna da esquerda, em Comitês de Ética, clique em - Comitê de Ética em Pesquisa em Seres Humanos – CoEPS. Para downloads da arquivos, já na página do CoEPS, escolha a opção Downloads, na guia superior. Telefone – (24) 3340 8400 – ramal 8571.


INSTITUCIONAL

Via Campus 11

Mecsma

Mestrandos têm sua primeira aula A

sexta turma de Mestrado Profissional em Ensino em Ciências da Saúde e Meio Ambiente - Mecsma iniciou o ano letivo dia 3 de março, no campus Aterrado. As aulas acontecerão sempre aos sábados e as orientações e palestras às sextas- feiras. O Mecsma é o único Mestrado Profissional do sul fluminense nesta área de ensino e fechou turma com o número máximo de alunos. “É um curso que vem crescendo, por isso temos grandes expectativas quanto a esta turma. Acredito que teremos bons resultados a partir daqui”, afirma a pró-reitora de PósGraduação, Pesquisa e Extensão, Daniela Mullinari. Na primeira aula o curso foi apresentado aos mestrandos. Cada professor falou sobre sua área de atuação e projetos orientados. Uma turma heterogênea quanto à formação dos alunos e também na origem. “Há alguns de São Paulo e Minas Gerais, além dos que são aqui da região. As formações são variadas, de diversos campos do saber, mas todas conver-

Nova turma foi recebida pelos professores para uma apresentação geral

gem para o ensino da ciência”, relata Rosane Meirelles, professora do curso. Os mestrandos terão disciplinas

obrigatórias e outras eletivas, que serão escolhidas por eles, com base em critérios específicos. “Foi uma seleção muito boa, estamos

confiantes com os alunos e esperamos que contribuam na publicação de artigos e eventos”, concluiu a professora Rosane.

Graduou? Vai graduar? Então, é hora de fazer uma pós Para quem ainda não se decidiu sobre que curso fazer na sua pós-graduação, ainda está em tempo. São mais de vinte cursos oferecidos pelo UniFOA, nas três áreas do conhecimento, todos com corpo docente selecionado para

março.P65

11

oferecer a melhor especialização. Cursos como Gerenciamento de Projetos, Engenharia de Segurança no Trabalho e Planejamento e Gestão de Políticas Sociais estão com as vagas quase completas; é preciso se apressar. Também estão quase fe-

chando turma os cursos de Engenharia de Manutenção Industrial e Tecnologias, Gerência e Segurança de Redes Convergentes. - A pós-graduação é sempre um diferencial e deve estar nos planos de quem faz graduação, se quiser au-

19/3/2012, 11:27

mentar suas chances de ingresso no mercado de trabalho. Afinal, o profissional de hoje não pode deixar de se atualizar e se aperfeiçoar constantemente -, afirma a coordenadora da pós do UniFOA, Úrsula Amorim.


marรงo.P65

12

19/3/2012, 11:27


Via Campus - Edição Ano X n 99