Page 246

Marx & Engels David Riazanov

anos para ordená-los e classificá-los. A escrita de Marx era muito pouco legível; com frequência usava abreviações somente inteligíveis a ele. Pouco antes de morrer, quando compreendeu que não estava em condições de acabar seu trabalho, disse a sua filha mais nova que Engels talvez aproveitaria alguma coisa desses papéis. Felizmente, Engels pode cumprir a parte principal daquele trabalho. Editou o segundo e o terceiro tomo de O Capital. O plano dessa conferência não nos permitirá nos deter nessa obra, pois a exposição acerca do primeiro tomo de O Capital foi transferida para outro curso. Mas para demonstrar a importância do trabalho de Engels, diremos que sem ele, provavelmente ninguém teria sido capaz de levar a cabo tal tarefa. A obra apresenta alguns defeitos, mas não são imputáveis unicamente a Marx. Pouca esperança temos de ver alguma vez em nossas mãos todos os manuscritos tal como os teve Engels, e não podemos, tal qual as gerações futuras, estudar os dois últimos tomos de O Capital senão no seu atual estado, na forma que lhe deu Engels. Outro dever lhe cabia, que antes havia cumprido como colaborador e auxiliar de Marx, mas que agora recaía sobre ele, com todo seu peso. Depois da dissolução da Primeira Internacional, Marx e Engels continuaram ocupando as funções do antigo Conselho Geral. Agora, Engels somente havia de ser intermediário entre os diferentes partidos socialistas, devia aconselhá-los e, por consequência, estar minuciosamente informado sobre suas situações. E justo após a morte de Marx, o movimento operário internacional se desenvolveu com força, de forma que em 1886 se colocava a questão da organização de uma nova Internacional. Mas após 1889, ano no qual se reuniu em

Profile for União Reconstrução Comunista

[RIAZANOV] Marx & Engels  

www.novacultura.info

[RIAZANOV] Marx & Engels  

www.novacultura.info

Advertisement