Page 232

Marx & Engels David Riazanov

sentença de morte para o homem que não quer ser um ignorante”. Após 1878 se viu obrigado a interromper completamente o trabalho acerca de O Capital, mas conservava a esperança de voltar a sua obra quando pudesse se reestabelecer. Esta esperança nunca se realizou. Contudo, ainda era capaz de escrever. Continuou tomando notas; seguia atentamente ao movimento operário internacional e intelectualmente tomou nele parte ativa, respondendo a inumeráveis consultas e problemas que lhe submetiam de diferentes países. A lista de endereços que anotou em um livro especial é enorme após 1880. Com Engels, que então assumiu definitivamente o grosso do trabalho, estava a par do movimento operário, que se desenvolvia rapidamente e no qual começavam a triunfar as ideias do Manifesto do Partido Comunista, e isso, graças sobretudo a Engels, que de 1870 a 1880 empregou uma intensa energia na propaganda revolucionária. Falar de luta entre marxistas e bakuninistas na Primeira Internacional é exagerado. Os segundos eram na realidade bastante numerosos, mas suas fileiras estavam compostas dos elementos mais heterogêneos, somente unidos pela campanha contra o Conselho Geral. A situação era ainda pior entre os marxistas. Marx e Engels não tinham com eles senão um punhado de homens, que conheciam bem o Manifesto do Partido Comunista e compreendiam perfeitamente a doutrina marxista. A publicação de O Capital não fez aumentar em número, nos primeiros tempos. Para a imensa maioria dos comunistas, essa obra era como um bloco de granito, a qual tentavam entender arduamente, mas sem resultado. É suficiente ler os escritos dos social-democratas entre 1872 e 1875, e ainda os de Wilhelm Liebknecht, discípulo direto de Marx, para ver o quão pouco se

Profile for União Reconstrução Comunista

[RIAZANOV] Marx & Engels  

www.novacultura.info

[RIAZANOV] Marx & Engels  

www.novacultura.info

Advertisement