Page 152

Marx & Engels David Riazanov

extensão das uniões. Quase toda a indústria têxtil estava concentrada em dois condados, da mesma forma em que na Rússia se concentrava nos governos de Moscou e de Ivanovo-Vozenessensk, cada um dos quais, evidentemente, era muito maior que um condado inglês. Porém, o defeito principal dos sindicatos ingleses não residia em sua pouca expansão territorial, mas em sua estreiteza corporativa. Cada profissão, somente em uma e mesma indústria, se organizava em uma união específica. Por essa característica, o movimento profissional que teve grande desenvolvimento após 1850, não estava em condições de criar formas de organização que permitisse organizar, em vasta escala, a luta contra os industriais. Enquanto a indústria prosperava, a maior parte dos operários conquistavam facilmente aumentos de salário. Ademais, os industriais, em franca concorrência, pelo aumento dos salários e melhorias das condições de trabalho tratavam de atrair os operários, demasiado escassos para satisfazer as necessidades dos novos ramos que surgiam na indústria. Durante esses anos, o capitalismo se esforçou para atrair à Inglaterra os operários do continente, alemães, franceses e belgas. Nessas condições, o movimento profissional, ainda que conseguisse se desenvolver pouco a pouco, ficou, porém, em um nível muito baixo. As distintas uniões que se formaram nos ramos de uma mesma indústria permaneciam divididas dentro do país e ainda, nos limites de uma cidade. Os conselhos locais inexistiam. A crise de 1857-1858 trouxe consideráveis mudanças nesta situação. Como dizemos, o sindicato melhor organizado era o dos operários da engenharia mecânica, composto pelos trabalhadores mais qualificados. Esta indústria, o mesmo vale para a têxtil, não trabalhava unicamente para o

Profile for União Reconstrução Comunista

[RIAZANOV] Marx & Engels  

www.novacultura.info

[RIAZANOV] Marx & Engels  

www.novacultura.info

Advertisement