Page 1

P R O J E T O D E R E V I S TA PA R A B R U T B O U T I Q U E

1


2


3


4


Centro Universitário UNA Ariela Nogueira Rosa

B r i g i t t e B a rd o t P a s s a d o e P re s e n t e

Trabalho de conclusão de curso apresentado à disciplina de Projeto Experimental, como requisito para obtenção do título de bacharel em moda. Professora: Jane Leroy Área: Produção de moda Produto: Revista Institucional 5


AGRADECIMENTO Ao longo destes anos, tenho muito a agradecer às pessoas maravilhosas que me ajudaram e me auxiliaram de todas as formas possíveis, nesta longa caminhada. Primeiramente agradeço a Deus, por me guiar sempre e me dar forças para seguir em frente. Em seguida agradeço aos meus pais, Eduardo e Nivia, por todo amor, por me apoiarem em todos os momentos, e me orientarem a focar e dar sempre o meu melhor. Agradeço ao meu namorado Vagner, pelo companheirismo, paciência, compreensão e principalmente pelo incentivo quando por algum motivo, eu pensava em desistir. Tenho muito a agradecer à minha família e aos meus sogros, que sempre torceram por mim. Às minhas queridas amigas, que sempre que possível me ajudavam a concretizar trabalhos e ideias. Enfim, a todas as pessoas que de alguma forma contribuiu para que esse sonho se tornasse realidade. Muito obrigada!

6


R ES U M O Este trabalho tem como objetivo retratar a vida da atriz francesa Brigitte Bardot. No artigo foi estudado toda a sua trajetória desde a primeira aparição no cinema, até a sua “aposentadoria” na década de 70. Será feito um portfólio, onde irá constar todos os materiais utilizados para o entendimento e elaboração do trabalho. Será confeccionado também uma revista institucional, que mostrará através de ensaios fotográficos, dois estágios da vida de Brigitte Bardot, no primeiro editorial mostra a atriz atrás das câmeras, em seu estilo de vida simples, com gostos humildes e adoração aos animais; e no outro, sua vida quando exposta pela mídia, glamorosa, e de eterna sex simbol. Palavras - chave: Influência Brigitte Bardot, cinema, ícone.

Abstract This project aims to show the life of the French actress Brigitte Bardot. The article has studied her career throughout history since her first appearance in cinema, to her "retirement" in the 70's. There will be a portfolio, which will include all of the materials used for the understanding and developing of the work. An institutional magazine will also be made, and will show two stages of Brigitte Bardot's life through photo trials. The first editorial will show the actress in her simple lifestyle and worship of animals behind the camera; and the other will be her life when exposed by the media, glamour, and eternal sex symbol. Key - words: Influence Brigitte Bardot, cinema, icon.

7


SUMÁRIO Currículo ------------------------------------------ 9 Briefing de negócio ------------------------------10

-Descrição geral da marca -----------------10 - Descrição de serviços --------------------10 - Concorrentes -----------------------------11 - Margem de preço ------------------------12 Público-Alvo -------------------------------------13 - Painel de público-alvo da empresa ------13 - Público-alvo Brut Boutique -------------14 Identidade Visual -------------------------------15 - Logomarca/Tipografia-------------------15 - Justificativa do nome, cor e fonte--------15 - Monocromia (P&B) ---------------------16 - Escala de cores com Pantone e CMYK -16 - Área de Proteção e redução mínima ----17 - Grade de ampliação ----------------------17 - Usos Indevidos ---------------------------18 - Papel timbrado ---------------------------19 - Envelope ----------------------------------19 - Cartão de visita --------------------------20

8

- Adesivos -------------------------------20 - Tags -----------------------------------21 - Brindes --------------------------------22 Briefing do Plano de Comunicação ------24 - Descrição do plano de comunicação-24 - Canais de divulgação -----------------26 Projeto de Imagem de Moda --------------30 - Memorial descritivo ------------------30 - Descritivo de processos --------------36 - Conclusão -----------------------------37 - Painel de Inspiração do tema --------38 - Texto e painel Macrotendência -----39 - Texto e painel de tendências --------40 - Painel de acessórios -----------------41 Projeto Gráfico ------------------------------42 - Projeto gráfico da revista -----------42 - Roteiro dos Editoriais --------------43 - Roteiro da revista ---------------------45 - Boneca da revista -------------------46 Plano de Styling ----------------------------89 - Croquis de Cabelo ------------------89 - Croquis de Beleza -------------------89 - Croquis de opções de unhas -------90 - Croquis de Acessórios e adereços de cena -----------------------------------91 - Ficha Técnica ----------------------93 - Cartela de Materiais ---------------103 - Casting de Modelos -------------104 - Tabela de custos -------------------105 - Cronograma de Execução -----------------106 Referências Bibliográficas ---------------107 -Anotações---------------------108


ARIELA NOGUEIRA ROSA

CURRÍCULO Sou Ariela Nogueira Rosa, tenho 24 anos, sou natural de Coronel Fabriciano/MG, mas fui criada em Itabira/ MG. Assim que formei o ensino médio, eu já sabia a área que eu queria seguir, como morava no interior e lá não tinha muitos recursos na área de moda, decide fazer o curso de design de moda com Denise Aguiar no Sesc / MG de Belo Horizonte, foi ele que me incentivou a entrar em uma faculdade. Em 2011 fui aprovada no curso de Design de Moda pela Faculdade Estácio de Sá, lá estudei apenas o primeiro semestre, por falta de identificação com o método de ensino, decidi mudar de faculdade, foi quando entrei no Centro Universitário UNA. Durante os períodos do curso, trabalhei em uma loja de vestuário feminino, na Schutz do BH Shopping, auxiliei na produção de um desfile de moda e fiz estagio no Minas Trend Preview, além de ter feito um curso de corte e costura. Após o término do curso de moda, pretendo abrir uma loja própria de acessórios femininos e trabalhar também na área de consultoria de imagem e estilo.

9


BRIEFING DE NEGÓCIO DESCRIÇÃO GERAL DA MARCA E SERVIÇOS A Ariela Rosa Produção e Consultoria é uma empresa mineira que atua no segmento de moda, nas áreas de produção de catálogos, desfiles, editoriais, consultoria de imagem e estilo, além de palestras e workshops, visando auxiliar os seus clientes em suas diversas demandas.

DESF IL ES E DIREÇÃO A Ariela Rosa realiza direção de desfiles, coordenando o cenário, trilha sonora, casting de modelos e montagem de looks.

PRODUÇÃO DE MODA A empresa trabalha na direção de catálogos de estações e editorias de moda, auxiliando nas poses, produtos e acessórios, produção de looks e cenário.

CONSULTORIA DE IMAGEM PROFISSIONAL E PESSOAL O papel da consultoria de imagem é orientar o cliente qual a melhor forma de expressar seu estilo, de acordo com cada momento de sua vida. O profissional irá orientar quais partes do corpo a serem valorizadas, cores e peças mais apropriadas. A consultoria pode ser utilizada para fins profissionais e pessoais.

PA L ES T R A S E W O R K S H O P

A Ariela Rosa Produção e Consultoria de Moda oferece palestras e workshops de variados temas, voltadas para treinamento de empresas e estudantes da área de moda.

10


CONCORRENTES - ALLCLICK AllClick, é uma agência de São Paulo, especializada em comunicação e negócios de moda. Tudo na empresa funciona de maneira integrada, oferecendo serviços como: direção de arte, direção de fotografia, casting, cenografia e produção, catálogo, planejamento, publicidade, design gráfico entre outros. O principal diferencial da AllClick é integrar todos os serviços que o potencial cliente pode precisar em um só local, oferecendo maior praticidade ao cliente.

- ESTILLO Estillo é uma empresa de consultoria de imagem e estilo de Belo Horizonte / MG. Os serviços prestados são consultoria de imagem profissional, consultoria de imagem pessoal, personal shopping, palestras e treinamento de equipe. Seu principal diferencial é o serviço de visagismo, onde é possível perceber qual o melhor corte e cor de cabelo, maquiagem, para determinado tipo de rosto ou tom de pele.

- RODRIGO CEZÁRIO A Rodrigo Cezário Marketing e Estilo é uma empresa mineira, especializada na construção da imagem de pessoas, marcas e instituições. Os serviços prestados são: styling, direção de desfiles, consultoria em marketing de moda, direção criativa de produto, consultoria de imagem e estilo, palestras e workshops. Seu principal diferencial é a gama de serviços oferecidos, para maior comodidade do cliente e sua experiência de mais de 15 anos de mercado.

11


MARGEM DE PREÇO Para que uma empresa seja reconhecida e valorizada no mercado, demanda tempo, em um primeiro momento os valores cobrados pelos serviços serão de acordo com a popularidade da empresa, podendo estes, aumentar de acordo com a aceitação dos clientes.

DIREÇÃO DE DESFILES - R$1.500,00 A R$3.500,00 PRODUÇÃO DE MODA - R$1.500,00 A R$3.500,00 PALESTRA E WORKSHOP - R$130,00 A R$160,00 POR HORA CONSULTORIA DE IMAGEM PROFISSIONAL - R$1.600,00 (pacote de 10 horas) hora avulsa R$200,00 CONSULTORIA DE IMAGEM PESSOAL - R$1.200,00 (pacote de 10 horas) hora avulsa R$150,00

12


PÚBLICO ALVO PÚBLICO DA EMPRESA

A Ariela Rosa produção e consultoria de moda, é uma empresa que atua no mercado afim de assessorar seus clientes em suas diversas demandas. Seu público encontra-se em maioria em Minas Gerais e nos estados próximos, sendo empresas, lojas e marcas de vestuário e acessórios, no segmento de moda jovem, que buscam serviços e/ou orientação em catálogos de estações, editorias, vídeos, desfiles, diversas produções, consultoria de moda, workshops e palestras empresariais. A empresa atende também pessoas cujo interesse é aprender a valorizar partes do corpo, otimizar sus próprias peças de roupa ou aprender a se vestir para determinada ocasião.

13


PÚBLICO BRUT BOUTIQUE A multimarcas Brut Boutique, atende mulheres de todas regiões de Belo Horizonte, principalmente na região da pampulha, além de atender todo Brasil através de vendas online. A mulher Brut, tem entre 20 e 30 anos, e um estilo de vida independente, podendo ser universitárias ou formadas em profissões variadas como advogada, psicologia e engenharia. Geralmente são solteiras, noivas ou tem namorado e podem ou não ter filho. A maioria pertence a classe média, podendo variar entre C e B. Seu estilo de se vestir, varia entre o sexy, romântico e fashion, seus gostos musicais são variados, mas ela ouve principalmente pop rock nacional, MPB e pop internacional. Nos finais de semana geralmente frequenta o Mix Garden, Wood’ s, Caribbean ou casas de amigas, além de sempre que possível participar de festivais de música. Na televisão, ela gosta de assistir principalmente a programas como Pânico na Band, The Voice Brasil e novelas. Seus filmes preferidos são os de comédia, romance e drama. Quando está de férias seu destino geralmente são as praias do Brasil. Muito feminina a mulher Brut, tem ótima relação com seu corpo, gosta de se cuidar e ela regularmente corre ou faz caminhada e frequenta academias. Além disso, se interessa muito por assuntos relacionados à cabelo, maquiagem e unhas.

14


IDENTIDADE VISUAL A Ariela Rosa Consultoria e Produção presta serviços específicos na área de moda e como as qualificações e o nome do profissional são uma das coisas mais importantes nesta área, o nome da empresa é o mesmo da produtora de moda, buscando assim, levar para a empresa características próprias como inovação e compromisso com a qualidade. A fonte escolhida para a logomarca é a Frutiger LT std, com serifa, por se assemelhar a uma assinatura, passando uma imagem mais leve e pessoal, fugindo da rigidez . O AR foi criado como abreviação em formato de rosa dos ventos, para no futuro ser reconhecido facilmente no mercado da moda. As cores preto e rosa passam nobreza e sensibilidade, e pelo fato da marca ser “Ariela ROSA” temos uma dupla leitura.

TIPOGRAFIA Frutiger LT Std

Biloxi Script

abcdefghijklmnopqrstuwxyvz ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUWXYVZ

abcdefghijklmnopqrstuwxyvz ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUWXYVZ

15


MONOGRAMA

ESCALA CROMÁTICA

O ES C A L A D E C O R ES C O M PA N T O N E E C M Y K

16

C: 0 M: 95 Y: 66 K: 0

C: 0 M: 0 Y: 0 K: 99

p 65-8c

p 179-16c

C: 10 M: 7 Y: 8 K: 0

p 179-1c


ÁREA DE RESPIRO

Área de proteção e redução 2cm

2cm

2cm

2cm

Redução mínima 6cm

5 Redução mínima 2,5cm

1cm

4 3 2 1 1

2

3

4

5

17


APLICAÇÕES INCORRETAS

APLICAÇÕES CORRETAS

18


PAPEL TIMBRADO

Papel couche 90g fosco 21 cm x 29 cm

ENVELOPE

papel couche 150g fosco Kraft 31 cm x 22,5 cm

19


CARTÃO DE VISITAS

papel couche 300g fosco 5 cm x 9 cm

A D ES I V O

vinil fosco 3,5 cm x 10 cm

20


ETIQUETAS

fosco couche 300 g 3 cm x 9 cm

21


B R I N D ES

altura 4cm, largura 2,0 cm, profundidade 6,0 cm.

caneca de porcelana, altura: 9,5 cm, diâmetro 8cm, impressão em sublimação.

22


altura: 15 cm, largura: 9cm, capa dura, folha sulfite 50 gr.

23


BRIEFING DO PLANO DE COMUNICAÇÃO A CAMPANHA A campanha de inverno 2016 da Ariela Rosa Produção e consultoria de moda têm como tema o ícone dos anos 50, Brigitte Bardot. Brigitte começou sua carreira como modelo fotográfica e logo chamou a atenção dos produtores de cinema, durante a década de 50 a atriz francesa participou de vários filmes, mas foi somente com o longa “E Deus criou a mulher” que ela ganhou notoriedade na mídia. Com inspiração na sua trajetória como atriz, no cinema e por de trás das câmeras, esta campanha retrata os dois lados da sua vida, dividida entre o glamour e a solidão. A ARPC, no intuito de estreitar os laços entre seus potenciais e atuais clientes, possui, como principais formas de comunicação, as seguintes plataformas: • Site; • Instagram; • Facebook; • Eventos.

O SITE A sua principal função será apresentar aos clientes, atuais e potenciais, uma completa descrição da empresa, além de auxiliar na comunicação. No site será possível observar a história da empresa, principais clientes, serviços prestados, portfólios com fotos e vídeos, notícias relacionadas com o mundo da moda, informações dos colaboradores, entre outros. Terá uma área com a função de estabelecer o primeiro contato entre cliente e empresa, onde será possível tirar dúvidas, elaborar orçamentos, etc. No site, será possível também, acompanhar um blog que apresentará os trabalhos recentes da ARPC e os desafios que foram superados.

O INSTAGRAM Servirá como um acesso aos bastidores da ARPC. Uma vez que o cliente consegue adentrar, mesmo que online, na área de trabalho da empresa, esse se sente mais íntimo, o que gera mais confiança e respeito a marca.

24


O FACEBOOK Nessa rede, a distância entre cliente e empresa tenderá a ser a menor possível. Através do Facebook os clientes poderão tirar todas as suas dúvidas por meio do Messenger e do timeline, com um curto tempo de resposta. Será também a principal ferramenta para fazer comunicados oficiais, apresentar novos trabalhos, divulgação de promoções, etc.

EVENTOS Stands serão montados nos principais eventos de moda de minas gerais e região. Terão como objetivo apresentar ao cliente potencial os serviços prestados pela empresa com um diálogo “cara a cara”. Será o principal meio para fechamentos de negócios de grande valor.

OUTDOOR Os outdoors serão fixados primeiramente em bairros de Belo Horizonte, onde se encontra faculdades de moda e onde tem concentração de empresas da área, como: Lourdes, Cruzeiro, Savassi e Prado.

25


APLICAÇÕES

26


27


28


29


PROJETO DE IMAGEM DE MODA M E M O R I A L D ES C R I T I V O INTRODUÇÃO Tendo como tema Brigitte Bardot, este é um trabalho de duas partes, onde foi feito a pesquisa teórica do tema e a pesquisa prática. O problema de pesquisa é comentar, quais foram as principais mudanças na moda e no comportamento feminino nos anos 50 e que podem ter influenciado as mulheres de hoje. O objetivo geral deste trabalho é entender como Brigitte Bardot influenciou o comportamento feminino, incluindo seu reflexo na moda, a partir dos anos 50 e os específicos são: Entender as mudanças mais relevantes no comportamento feminino na década de 50, pesquisar a história da atriz Brigitte Bardot, desde sex simbol à ativista e compreender o impacto do comportamento social da atriz nos anos 50 e 60 e identificar a influência do estilo da Brigitte Bardot na moda e no comportamento feminino atuais. Conforme o Texto 2 online , as mulheres dos anos 50, deveriam estar sempre belas e bem arrumadas, casar-se cedo e ter filhos, ser uma boa mãe e saber cuidar do lar e do marido, essas, eram regras impostas pela sociedade da época, mas a maioria das mulheres não iam contra a essas medidas.

Ainda de acordo com o Texto 2, quanto as roupas femininas, metros de tecidos eram usados para a confecção dos vestidos, que eram bem amplos e na altura dos tornozelos, os sapatos eram de salto alto, e a maquiagem estava em alta, delineados e penteados no estilo da atriz de cinema Brigitte Bardot, estavam em alta. Brigitte Bardot foi um ícone dos anos 50. Em 1952, ainda com 17 anos, começou no cinema e estrelou sucessos como: “E Deus criou a mulher” e “Amar é minha profissão”. Seu estilo de se vestir, uma mistura de extremos, sendo romântica e ao mesmo tempo sexy; e seu comportamento chamou muita atenção na época e influenciaram mulheres de várias décadas. Como diz o Obvius Mag online , “Nunca uma mulher foi tão odiada, invejada, incensada, insultada e amada”.

¹www.texto2-rej.blogspot.com.br

30


Brigitte começou sua carreira no cinema atuando em “Manina, a Moça Sem Véu”. A partir daí, estrelou vários filmes entre as décadas de 50 e 70, de acordo com o Buzios el parador online . Naquele momento, ela já era considerada um sex simbol e vivia cercada por paparazzi. Em seu ultimo filme, em 1970, ainda de acordo com Buzios el parador online, Brigitte Bardot anunciou sua precoce aposentadoria, pois de acordo com a própria Brigitte Bardot ( 1997. p.138 ) a fama não era seu objetivo de vida, proferindo assim a simplicidade e viver no anonimato. Em 1973, se tornou ativista e criou uma fundação que leva seu nome, cujo foco é defender os direitos dos animais. Será analisada as mudanças no comportamento feminino ao decorrer da década de 50, e como o ícone Brigitte Bardot pode ter influenciado essas mudanças. Entender como se deu o impacto do comportamento de Brigitte Bardot para as mulheres de sua época e identificar elementos da década de 50 que perpetuam até os dias atuais.

JUSTIFICATIVA O tema a ser trabalhado é “Brigitte Bardot: passado e presente”, com ênfase em sua influência no mundo da moda e o comportamento feminino tanto de sua época, quanto nos dias atuais. Brigitte tornou-se um símbolo para o mundo, pelo seu jeito de agir e de se vestir, que fugia dos padrões estabelecidos na época. De acordo com Almanaque online, seu estilo era uma junção de “ingenuidade e sensualidade”. A ideia é compreender como uma mulher apareceu com estilo e atitudes nunca vistas antes pelas pessoas do seu tempo e conseguiu influir tanto sua geração; e entender sua trajetória de vida desde seu início nos anos 50, seu sucesso nos anos 60 até sua aposentadoria nos anos 70 e suas influencias no comportamento feminino. Este estudo é importante para identificar como que, após mais de 60 anos, a figura da mulher trazida por ela perpetua até os dias de hoje, inspirando várias áreas, como por exemplo, a moda e a beleza. Este trabalho nos levará a refletir sobre a grande contribuição dada pela Brigitte Bardot no cenário atual da moda e do comportamento feminino. O legado deixado por ela irá nos permitir a compreensão de mudanças estruturais nos hábitos e costumes femininos daquela época, que ainda hoje são temas de desfiles e editoriais, de marcas famosas no contexto mundial da moda. A pesquisa mostra-se relevante para a área de estudo e para a formação da pesquisadora, pois Brigitte Bardot tornou-se um ícone capaz de influenciar até hoje os segmentos da moda contemporânea. Cabe destacar que entender a atriz e o contexto histórico dos meados da década de 50, ajudará a compreender futuros acontecimentos que possam influenciar de forma relevante o estilo atual. ³ www.buzioselparador.com.br/feed/cinquenta-anos-da-visita-de-brigitte-bardot-em-buzios/

31


MULHERES DOS ANOS 50 De acordo com o texto 2 online, as mulheres dos anos 50 deviam se casar cedo, ser bem cuidadas, ser uma boa esposa, cuidar do lar, ter filhos e ser boa mãe, esses padrões não eram impostos, mas sim uma cultura do pós guerra, o modo de agir e como se comportar diante das situação estavam presentes até nas revistas femininas da época, conforme o curiosidades online , as mulheres : • Não se deve irritar o homem com ciúmes e dúvidas. (Jornal das Moças, 1957) • Se desconfiar da infidelidade do marido, a esposa deve redobrar seu carinho e provas de afeto. (Revista Claudia, 1962) • Se o seu marido fuma, não arrume briga pelo simples fato de cair cinzas no tapete. Tenha cinzeiros espalhados por toda casa. (Jornal das Moças, 1957) • A desordem em um banheiro desperta no marido a vontade de ir tomar banho fora de casa. (Jornal das Moças, 1945) • Sempre que o homem sair com os amigos e voltar tarde da noite, espere-o, linda, cheirosa e dócil. (Jornal das moças, 1958) Ainda em relação ao comportamento feminino na década de 50, Juscelina Bárbara Anjos Matos, discorre em seu artigo Papéis de mulher - Moda, Identidade e Gênero, sobre o universo feminino desta década. Para a autora, “... a mulher era definida por características como pureza, a docilidade, a delicadeza, fragilidade, resignação e maternidade; o homem era reconhecido por sua força, autoridade, ousadia e poder...” (MATOS, 2010, p. 02). Atualmente, essas características ainda predominam em algumas pessoas, principalmente naquelas que foram criadas por pais que cresceram nesta época, apesar de já perceber-se uma mudança neste cenário; nos dias de hoje consegue-se perceber também muitas características colocadas pela autora como masculinas, como por exemplo: autoritarismo e ousadia, em algumas mulheres. Conforme o texto 2 online, também nessa época surgiram os eletrodomésticos, aspiradores de pó, máquina de lavar, dentre outros, para facilitar a mulher com seus afazeres domésticos e conseqüentemente gerando consumismo na sociedade da época. Outra área que foi influenciada

32


no pós guerra foi a de moda, com o fim do racionamento de tecidos gerado durante a guerra, “a mulher dos anos 50 se tornou mais feminina e glamurosa”, eram usados vários metros de tecido para confeccionar um vestido na altura dos tornozelos, a cintura era sempre bem marcada e os sapatos de salto alto, os acessórios mais usados eram luvas, joias e casacos de pele. No livro, A Moda do Século, o autor, François Boudot, fala, no capítulo “Os anos 50”, sobre fatos e opiniões sobre os anos 50. Em relação à Segunda Guerra Mundial, o autor argumenta que “Consumados sob o impulso da guerra, progressos tecnológicos quase sempre importantes vêm ao encontro desses desígnios: invenções no campo dos utensílios domésticos, melhores condições de habitação, desenvolvimento das comunicações, o gosto pelo novo, etc”. (BOUDOT, 2002, p.141). De acordo com o texto 2 online, várias figuras femininas fizeram sucesso na época,no cinema e na televisão, Grace Kelly e Audrey Hepburn, eram conhecidas pelo jeito chique e ingênuo, Rita Hayworth e Ava Gardner eram caracterizado pelo estilo sexy e fatal, já Brigitte Bardot e Marilyn Monroe, eram conhecidas como símbolo de beleza, com uma mistura dos dois estilos. Matos (2010, p.02) afirma que na ideologia dos Anos Dourados, “maternidade, casamento e dedicação ao lar faziam parte da essência feminina; sem história, sem possibilidade de contestação”. O cenário atual mudou significantemente, nos dias de hoje as mulheres têm muito mais liberdade de expressão, e autonomia de sua própria vida. Apesar disso, ainda existem mulheres que não por imposição social e sim por escolha preferem viver como as de antigamente. Segundo Matos:

“... os conselhos sobre como se comportar estavam sempre presentes nas conversas entre mãe e filha, nos romances para moças, nos sermões do padre, nas opiniões de um juiz ou legislador, sintonizado com seu tempo. Isso não quer dizer que todas as mulheres pensavam e agiam de acordo com o esperado, e sim que as expectativas sociais faziam parte de sua realidade, influenciando suas atitudes e pesando em suas escolhas... (MATOS, 2010, p. 3).”.

A mulher de antigamente não tinha liberdade, ela era nascida e criada em cima de cultura que dizia o que ela deveria ser e como devia se portar diante da sociedade, porém isso era utópico, nem todas as mulheres seguiam esta regra, um exemplo do oposto, foi a atriz francesa Brigitte Bardot que chamou atenção das pessoas por ser uma das primeiras a filmar cenas sensuais no cinema, ela tinha um estilo particular que conquistou e influenciou várias mulheres de sua época. Apesar de a mulher ter um papel marcado na sociedade, em 1949, Simone de Beauvoir escreveu, O segundo sexo, uma obra feminista, que explicava as condições femininas, a situação da mulher perante o mundo e experiências pessoais. Esse livro, deu vasão às mulheres para pensar sobre elas mesmas e perante aos olhos dos homens, além de dar ideias para a mulher escolher seu próprio modo de vida. De acordo com o texto 2 online, a obra colaborou para o amadurecimento de consciência de uma juventude que “estava dando os primeiros passos para a revolução seiscentista”, que surgiu uma mulher mais independente e disposta a lutar pelos seu ideais.

33


B R I G I T T E B A R D O T : PA S S A D O E P R ES E N T E Em 1934, nasceu em Paris, Brigitte Anne- Marie Bardot, de acordo com Lelière ( 2014) Brigitte era uma garota que usava aparelhos nos dentes, óculos com lentes grossas e era amblíope, freqüentemente era rejeitada por seus pais, pelo fato destes, quisesse ter tido um menino. Em 1949, com o apoio de sua mãe Brigitte, começou a trabalhar com moda fazendo fotos para revistas, em 1950 foi capa da revista Elle Francesa e seu trabalho chamou a atenção do cineasta Roger Vadim, ainda de acordo com Bardot (1997), este a convidou para um teste de um filme que ele estava produzindo, que acabou não sendo realizado, porém, esta oportunidade despertou em Brigitte o interesse por ser atriz. Brigitte Bardot estreou no cinema em 1952, mas foi só em 1956 que ela ganhou notoriedade com o filme “E Deus criou a mulher”, segundo o bestriders online , “O filme foi proibido em alguns países e condenado pela Liga da Decência Católica. A cena em que ela dança descalça em cima de uma mesa foi considerada uma das mais eróticas da história do cinema”. O longa foi um sucesso, transformando Brigitte em um ícone. Sobre seu apogeu repentino, ela disse: “Não estava preparada para a vida de estrela, ela caiu sobre mim sem que eu percebesse...” (Bardot – 1997. Pg 145). “Sex simbol dos anos 50, Brigitte Bardot, lança penteado e uma maneira de ser, cuja liberdade será imitada no mundo inteiro”. (BOUDOT, 2002, p.168). O ícone, Brigitte Bardot, influenciou várias mulheres de sua época. Ela se lançou na mídia de um jeito repentino e muito particular de ser, e logo o que ela usava, fazia ou pensava sobre a liberdade, virou tendência. Durante os anos 50 e 60, de acordo com Bardot (1997), Brigitte estrelou vários filmes, foi amada e odiada pela média, conheceu várias pessoas, era considerada um símbolo sexual mundial, casou-se, divorciou-se, teve seu primeiro e único filho em 1960, porém ela não se identificava com essa vida que levava de glamour e notoriedade, segundo a própria Bardot, ela tinha uma vida nos estúdios e uma completamente diferente do lado de fora. ..” Trabalhava muito, mas ao sair do estúdio, meu universo restringia-se a Alain e a Pinocchio, e a papai e mamãe, de vez em quando. Ou a Olga, para falar do próximo filme, e a Jicky algumas vezes, e só! Apesar de ter me transformado em uma celebridade mundial, vivia reclusa, sem ver ninguém, cercada de paparazzi em busca de um furo, enlouquecida pela multidão, não tendo nenhum contato, a não ser as relações de trabalho! “...” (BARDOT – 1997. p. 181)

Em 1970, Brigitte fez seu último filme e em 1973 ela anunciou estava se aposentando, se tornou ativista e criou uma fundação que leva seu nome, cujo foco é defender os direitos dos animais, “... saía pela porta principal do cinema, dizia adeus a um caminho que não era mais o meu. Era um esclarecimento claro, nítido e preciso do que eu realmente era e do que eu queria ser de agora em diante... “(Bardot – 1997, pg. 578). Atualmente, Brigitte Bardot está com 80 anos e vive em La Madrague, na França.

4 http://www.bestriders.com.br/brigitte-bardot-a-musa-da-harley-davidson/

34


BRIGITTE E SUA INFLUÊNCIA NOS DIAS ATUAIS Após mais de 60 anos desde seu sucesso, Brigitte continua sendo tema de coleções e editorias de moda por todo mundo. Lehnert (2000) considera que Brigitte Bardot, determinou de forma categórica a imagem das mulheres entre os 50 e 60, que consistia em uma aparência de aspecto natural e um sex appeal, num misto de ingenuidade e leviandade. Brigitte foi um ícone para um estilo de mulher. Ao mesmo tempo em que ela transparecia uma imagem ingênua, infantil, ela era naturalmente sexy, e isso fez com que ela fosse diferente, com um jeito de ser e um estilo totalmente particular, e servisse como influencia para as mulheres de sua época. Segundo o, Moda Terra online , em 2012 a grife italiana “.normaluisa.” levou para as passarelas de Milão uma coleção inspirada na atriz, que tinha como identidade uma mistura entre o “chic” e o esportivo. Já de acordo com o site, O dia com estilo online •, Emilio Pucci criou sua coleção Resort, para 2015, tendo como tema Brigitte Bardot. Para o diretor criativo da marca Peter Duntas: “Brigitte Bardot é uma das principais musas inspiradoras da nova coleção que está fresca e alegre”.No quesito editorias, de acordo com o site das revistas Allure Americana, Mary Claire, Vogue e Glamour, a atriz também aparece como influência, seja nas roupas, no cabelo e na maquiagem e em mulheres por todo mundo. De acordo com o artigo da autora, Caroline Freiberger Caron, “A influencia da moda na ditadura brasileira”, a mesma, argumenta sobre um estudo da mulher contemporânea e sua relação com o corpo, no chamado: ditadura da beleza. Para a autora, “Apesar do movimento feminista, a mídia dirigida às mulheres ainda constrói mensagens de: feche a boca, faça uma plástica e pare de comer, reforçando ainda mais o papel de ser bela socialmente” (CARON, 2006, p.03).A ditadura do ideal de beleza feminina vem crescendo durante as décadas. Nos anos 50, estrelas do cinema como Brigitte Bardot inspiravam as mulheres de sua época, pelo seu estilo ousado e seu jeito de ser, natural e livre, visto que esse comportamento era diferente das demais, por isso tornou-se um dos ícones ideais de beleza da época. Relacionado à moda, Caron (2006, p.5) afirma que: Apesar da suposta liberdade de escolha que se têm hoje em dia, as tendências de moda ditam o que se deve vestir ou não. A liberdade é subjetiva, já que estas tendências estão na maioria das lojas e se a pessoas não se adaptam a elas, estas, possivelmente não poderão pertencer a determinados grupos. Por fim, a autora ressalta também que “A maquiagem é um aspecto constante de todas as culturas da moda, moderna e exótica, e tem um valor tanto de proteção como de comunicação”. (CARON, 2006, p.4).

A maquiagem em si, pode ser uma forma de comunicação feminina, as formas de usá-la, o estilo adotado em determinadas épocas, tudo isso contribui para uma comunicação particular. A maquiagem adotada por Brigitte Bardot nos anos 50 e 60, imortalizou o delineado estilo gatinho como sua marca registrada, esse estilo passa uma imagem sexy e sedutora para as mulheres que o adotam. 5 - http://moda.terra.com.br/moda-no-mundo/milao/estilista-leva-colecao-inspirada-em-brigitte-bardot-para-milao 6- www.odiacomestilo.com/noticias/dicas-tendencias/emilio-pucci-apresenta-pre-colecao-verao-2015-inspirada-embrigitte-bardot

35


DESCRITIVO DE PROCESSOS A pesquisa realizada neste projeto se refere a um ícone dos anos 50, Brigitte Bardot. Os referenciais bibliográficos auxiliaram a compreensão e o desenvolvimento do projeto. Em relação à metodologia, a pesquisa se apóia no método histórico, no qual as referências bibliográficas e biográficas são usadas para o entendimento do objeto de pesquisa que remete aos anos 50 e rebusca antigos conceitos e parâmetros da moda e comportamento feminino para a atualidade. No que diz respeito ao procedimento aplicado, é feita a elaboração de um projeto que busca compreender o problema e objetivos de pesquisa. Há ainda uma busca por autores que por meio de suas obras contribuem para o enriquecimento da proposta do trabalho, assim como, uma seleção e organização de fontes condizentes em forma de fichamentos. Além disso, um estudo aprofundado sobre o objeto de pesquisa em questão vem sido desenvolvido através de biografias e busca por fontes online que acrescentam informações relevantes ao projeto, para maior compreensão deste. Como resultado deste trabalho, foram apresentados dois editoriais de moda onde, no estúdio é retratado a atriz Brigitte Bardot, quando em sua vida no trabalho, cercada de paparazzi, de glamour e sensualidade. No ensaio externo a atriz está de volta para sua casa, em sua vida simples, solitária e sem mordomias. Além disso, foi incorporada ao trabalho uma revista institucional, onde foram anexados os editoriais e também assuntos relevantes ao público alvo do cliente, Brut Boutique. Para a elaboração da revista, foi contratada uma equipe composta por fotografo, produtora de moda, maquiadora, cabeleireira, modelos, design gráfico, além de colaboradores de diversas áreas. Foi feito também um portfólio, onde se encontra o conceito e descrição dos serviços da empresa Ariela Rosa Consultoria e Produção de Moda, um estudo sobre a atriz Brigitte Bardot e todo o processo de criação dos ensaios fotográficos e da revista institucional.

36


CONCLUSÃO Após toda pesquisa para o artigo, conclui que Brigitte Bardot, foi uma mulher muito a frente do seu tempo, sua carreira começou no inicio dos anos 50,mas foi em meados da década que ela ganhou notoriedade, com um jeito de ser e agir particular ela conquistou vários admiradores e críticos no mundo todo, tudo que era usado por ela, virava tendência.E acredito que tudo isso se deve a sua coragem de se mostrar do jeito que ela realmente era. Na parte prática do trabalho, cujo resultado é uma revista institucional, Brigitte foi retratada em dois estágios de sua vida, o primeiro quando esta estava em frente as câmeras, foi retratado a atriz de um jeito mais sexy porém natural, seguindo sua própria característica . Este foi o primeiro editorial feito pela produtora, pela falta de experiência, houve algumas falhas, como falta de materiais para um melhor resultado do trabalho. Já o segundo editorial, tendo com experiência o primeiro, foi mais fácil perceber os erros, o que poderia ser feito ou não, este retratou Brigitte Bardot em sua casa, fora da mídia, uma pessoa solitária, de poucos amigos, não tinha convívio com a família; seus companheiros fiéis eram apenas seus cachorros. O resultado foi mais que o esperado, a equipe estava mais preparada e atenta aos detalhes.

37


PAINEL DE INSPIRAÇÃO DO TEMA: BRIGITTE BARDOT

38


PA I N E L : M A C R O T E N D Ê N C I A

Sendo o público alvo da Ariela Rosa, marcas, lojas e pessoas; tudo relacionado a tendência influência de alguma forma este público. Para as marcas de vestuário e acessórios, sua criação demanda pesquisa em diversos veículos como: livros de moda e assuntos relevantes ao tema da coleção, desfiles internacionais e nacionais, filmes com grande espera para o público da marca e viagens para estudo de outras culturas e tendências. Para as lojas, revistas de moda, desfiles, novelas, cantoras pop internacionais e blogueiras conceituadas, são os canais de maior influência. Na consultoria de imagem pessoal, as revistas de moda, blogueiras e novelas, são o que de alguma forma pode inspirar este público a procura novas formas de comportamento e estilo.

39


PAINEL: TENDÊNCIAS DA ESTAÇÃO

CHANEL

HÈRMES

CHANEL

HÈRMES

EMILIO PUCCI

EMILIO PUCCI

LOUIS VUITTON

LOUIS VUITTON

ALEXANDER MACQUEEN ALEXANDER MACQUEEN MIUMIU

MIUMIU

Analisando os desfiles de inverno 2016 de Milão e Paris, pode-se perceber que algumas tendências se repetem. Chanel trouxe faixas no cabelo, saias na altura dos joelhos e o xadrez, quem também apostou no xadrez foi a Miu Miu, que usou também o animal print em sua coleção e Louis Vuitton. Alexander McQueen desfilou várias peças com transparências e trouxe um acessório que promete ser must have da estação, as luvas.  Já a Hermès utilizou bastante o couro, peças com cintura no lugar, gola role e tons de vermelho, que apareceu também em coleções de outras várias grifes.

40


PAINEL DE ACESSÓRIOS

DOLCE & GABBANA

DOLCE & GABBANA

DOLCE & GABBANA

FENDI

DOLCE & GABBANA

FENDI

CHANEL

DOLCE & GABBANA

41


PROJETO GRÁFICO REVISTA REVISTA - FORMATO A4 - CAPA: COUCHÊ FOSCO 300GR, MIOLO: COUCHÊ FOSCO 170 GR - IMPRESSÃO DIGITAL 4X4 - ACABAMENTO: CORTE RETO, RESINA BRILHO NA FRENTE E FOSCA NO VERSO, - DOBRA E GRAMPO - PÁGINAS: 44

PORTFÓLIO - FORMATO A4 - CAPA COM BRILHO - ENCADERNAÇÃO HOTMELT - MIOLO: COUCHÊ FOSCO 150 GR - IMPRESSÃO DIGITAL 4X4 - ACABAMENTO CORTE RETO, RESINA FOSCA. - PÁGINAS: 112

42


ROTEIRO DE EDITORIAIS ROTEIRO 01 Roteiro dos editoriais Título do editorial – La belle Brigitte Texto de abertura – Em um clima dos anos 60, Brigitte Bardot é retratada como um ícone de beleza que nunca sai de moda. Conceito da campanha – A vida da atriz Brigitte Bardot é o tema central da campanha, através deste editorial iremos mostrar como era a vida de Brigitte por trás das câmeras, quando ela se isolava em sua residência; em um clima solitário e triste. Dados técnicos Recurso técnicos e matérias utilizados – câmera, Led, Rebatedor, Flash, Difusor, fita crepe, pregador e alfinete Locação – Centoequatro Espaço Cultural Cenografia – Cenários executados pelos produtores dentro do galpão. Equipe: Fotógrafo – Chris Araújo Produtora de moda – Ariela Rosa Beleza – Stefania Felix

43


ROTEIRO 02 Roteiro dos editoriais Título do editorial - E Deus criou a mulher Texto de abertura – Um jeito de menina e um sex appeal particular, Brigitte deixou sua marca por todo o mundo. Conceito da campanha – Tendo a vida da atriz como tema principal da campanha, este editorial retrata seus momentos de glamour em frente as câmeras, deixando evidente sua sensualidade natural. Dados técnicos Recursos técnicos e materiais utilizados – câmera, lente, fita crepe, pregador e alfinete Locação – Estúdio ReCriar Cenografia – Estúdio com fundo cinza. Equipe Fotógrafo – Chris Araújo Produtora de moda – Ariela Rosa Beleza – Luana Batista

44


R O T E I R O D A R E V I S TA PÁGINA| CONTEÚDO CAPA - Nome da revista - Edição com número e data - Editora - Chamadas - Foto principal - Código de barras PÁGINA 01 | Apresentação da equipe PÁGINA 02 | Matéria com o fotógrafo Chris Araújo PÁGINA 03 | Matéria com o fotógrafo Chris Araújo PÁGINA 04 | Entrevista proprietária Brut Boutique PÁGINA 05 a 27 | Editorial “La belle Brigitte” PÁGINA 27 | Passo a passo maquiagem Brigitte Bardot PÁGINA 28 | Passo a passo cabelo Brigitte Bardot PÁGINA 29 a 43 |Editorial “E Deus criou a muher” PÁGINA 44 | Expediente

45


BOUTIQUE

1ª EDIÇÃO

CHAMADAS NUMERO UM

CHAMADAS DE TEXTO REVISTA

LOREM IPSUM MODE LOVE

LOREM IPSUM MUSSUM

CHAMADA EDITORIAIS

46


Folha em branco, posterior a capa.

47


EQUIPE Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado. Se popularizou na década de 60, quando a Letraset lançou decalques contendo passagens de Lorem Ipsum, e mais

Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado. Se popularizou na década de 60, quando a Letraset lançou decalques contendo passagens de Lorem Ipsum, e mais

Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado. Se popularizou na década de 60, quando a Letraset lançou decalques contendo passagens de Lorem Ipsum, e mais

Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado. Se popularizou na década de 60, quando a Letraset lançou decalques contendo passagens de Lorem Ipsum, e mais

Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado. Se popularizou na década de 60, quando a Letraset lançou decalques contendo passagens

48


FASHION EDITORIAL Or solendae eici temquam erum rem quidestrum que invella cipidit qui veligent accus del molor sam net pa non eariam aut. Untiberibea dolupta sperestiunt. Ad quam fuga. Int ide non nimuscit, sim cus. Abo. Sam doluptae maximin eum nimillectur si ius est andellis.

FOTO

Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado. Se popularizou na década de 60, quando a Letraset lançou decalques contendo passagens de Lorem Ipsum, e mais recentemente quando passou a ser integrado a softwares de editoração

Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado. Se popularizou na década de 60, quando a Letraset lançou decalques contendo passagens de Lorem Ipsum, e mais recentemente quando passou a ser integrado a softwares de editoração

Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado. Se popularizou na década de 60, quando a Letraset lançou decalques contendo passagens de Lorem Ipsum, e mais recentemente quando passou a ser integrado a softwares de editoração

49


Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado. Se popularizou na década de 60, quando a Letraset lançou decalques contendo passagens de Lorem Ipsum, e mais recentemente quando passou a ser integrado a softwares de editoração eletrônica como Aldus PageMaker. Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado. Se popularizou na década de 60, quando a Letraset lançou decalques contendo passagens de Lorem Ipsum, e mais recentemente quando passou a ser integrado a softwares de editoração eletrônica como Aldus PageMaker. Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado. Se popularizou na década de 60, quando a Letraset lançou decalques contendo passagens de Lorem Ipsum, e mais recentemente quando passou a ser integrado a softwares de editoração eletrônica como Aldus PageMaker. Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só

50

foto

Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado. Se popularizou na década de 60, quando a Letraset lançou decalques contendo passagens de Lorem Ipsum, e mais recentemente quando passou a ser integrado a softwares de editoração eletrônica como Aldus PageMaker. Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século

Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado. Se popularizou na década de 60, quando a Letraset lançou decalques contendo passagens de Lorem Ipsum, e mais recentemente quando passou a ser integrado a softwares de editoração eletrônica como Aldus PageMaker. Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século


ENTREVISTA

LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREN IPSUM LOREM Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado. Se popularizou na década de 60, quando a Letraset lançou decalques contendo passagens de Lorem Ipsum, e mais recentemente quando passou a ser integrado a softwares de editoração eletrônica como Aldus PageMaker. Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica,

Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado. Se popularizou na década de 60, quando a Letraset lançou decalques contendo passagens de Lorem Ipsum, e mais recentemente quando passou a ser integrado a softwares de editoração eletrônica como Aldus PageMaker. Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica,

Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado. Se popularizou na década de 60, quando a Letraset lançou decalques contendo passagens de Lorem Ipsum, e mais recentemente quando passou a ser integrado a softwares de editoração eletrônica como Aldus PageMaker. Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cinco séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica,

51


O Lorem Ipsum é um texto O Lorem Ipsum é um texto modelo da indústria tipográfica e de impressão. O Lorem Ipsum tem vindo a ser o texto padrão usado por estas indústrias desde o ano de 1500, quando uma misturou os caracteres de um texto para criar um espécime de livro. Este texto não só sobreviveu 5 séculos, mas também o salto para a tipografia electrónica, mantendo-se essencialmente inalterada. Foi popu-

52


53


54


55


56


57


58


59


60


61


62


63


64


65


Magazine | StockInDesign

LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM Or solendae eici temquam erum rem quidestrum que invella cipidit qui veligent accus del molor sam

Or solendae eici

foto

temquam erum rem quidestrum que invella cipidit qui veligent accus del molor sam

Or solendae eici temquam erum rem quidestrum que invella cipidit qui veligent accus del molor sam

Or solendae eici temquam erum rem quidestrum que invella cipidit qui veligent accus del molor sam

66


Or solendae eici temquam erum rem quidestrum que invella cipidit qui veligent accus del molor sam

Or solendae eici

foto

temquam erum rem quidestrum que invella cipidit qui veligent accus del molor sam

Or solendae eici temquam erum rem quidestrum que invella cipidit qui veligent accus del molor sam

Or solendae eici temquam erum rem quidestrum que invella cipidit qui veligent accus del molor sam

67


O Lorem Ipsum é um texto O Lorem Ipsum é um texto modelo da indústria tipográfica e de impressão. O Lorem Ipsum tem vindo a ser o texto padrão usado por estas indústrias desde o ano de 1500, quando uma misturou os caracteres de um texto para criar um espécime de livro. Este texto não só sobreviveu 5 séculos, mas também o salto para a tipografia electrónica, mantendo-se essencialmente inalterada. Foi popu-

68


69


70


71


72


73


74


75


76


77


78


79


80


81


82


83


84


85


86


EXPEDIENTE O Lorem Ipsum é um texto modelo da indústria tipográfica e de impressão. O Lorem Ipsum tem vindo a ser o texto padrão usado por estas indústrias desde o ano de 1500, quando uma misturou os caracteres de um texto para criar um espécime de livro. Este texto não só sobreviveu 5 séculos, mas também o salto para a tipografia electrónica, mantendose essencialmente inalterada. Foi popularizada nos anos 60 com a disponibilização das folhas de Letraset, que continham passagens com Lorem Ipsum, e mais recentemente com os programas de publicação como o Aldus PageMaker que incluem versões do Lorem Ipsum

87


88


PLANO DE STYLING EDITORIAL EXTERNO CABELO

MAQUIAGEM

E D I T O R I A L ES T Ú D I O CABELO

MAQUIAGEM

89


UNHA

90


C R O Q U I S D E A C ES S Ó R I O S LENÇOS

PRESÍLHAS

PULSEIRAS

91


TIARAS E FAIXAS

COLARES

92


Base da faixa c=13 cm

b=6cm

4,50 2,00

4,50 2,00 1

1 1

Linha preta

P. E

39,90

39,90 1

Preço Unitario Preço Total 2,56

Qtde. 1m

Un. Crepe com Glitter Argola

Material

TABELA DE PREÇOS

Linha preta

Argola prateada 6cm comprimento x 6 cm de largura

Material de composição 1

Material de composição 2

Crepe com glitter 2,56m de comprimento x 13 largura

MATERIAL

Material Principal

CÓDIGO

DESCRITIVO DE MATERIAIS

Descritivo de processo: foram cortados quatro pedaços de tecido de 1,25m cada por 13 cm de largura, logo após posicionar a argola, cada par foi costurado entre si.

Pilotista/ Ateliê responsável: Ariela Rosa

Crepe com Glitter Preto

Argola de Metal Prata

Obs: Peça Piloto

Tamanho Único

Referências: BB001

Ano: inverno 2016

Modelo: Faixa com Argola

Coleção: Brigitte Bardot

ARIELA ROSA

Faixa de cabeça com Argola de Metal

a,b=1,25m cada lados

FICHA TÉCNICA

D ES E N H O S T É C N I C O S

93


94 b=1m

Lenço de Chiffon listrado preto e branco

1m 1m 1

Chiffon Linha preta

1

Qtde.

2,00

16,98

P. E

2,00

16,98

Preço Unitario Preço Total

TABELA DE PREÇOS

Linha preta

Chiffon listrado – tam: 1,0m x 1,0m

MATERIAL

Un. Material

Material de Composição 1

Material Principal

CÓDIGO

DESCRITIVO DE MATERIAIS

Descritivo de processo: Foi cortado um quadrado de 1,0x1,0 e depois foi passado uma costura em volta de todo o tecido para dar o acabamento.

Pilotista/ Ateliê responsável: Ariela Rosa

Tecido listrado

Obs: Peça Piloto

Tamanho Único

Referências: BB002

Ano: inverno 2016

Modelo: Lenço

Coleção: Brigitte Bardot

ARIELA ROSA

FICHA TÉCNICA

a=1m


ARIELA ROSA

FICHA TÉCNICA

Obs: Peça Piloto

Tamanho Único

Referências: BB003

Ano: inverno 2016

Modelo: Faixa com Arame

Coleção: Brigitte Bardot

Tamanho total a=88cm

Tricoline Vermelha

Faixa de cabeça em Tricoline

Linha vermelha

Material de composição 2

1

Arame Linha vermelha

1

90cm

88cm 1m 15m

Tricoline

Qtde. Un. Material

2,00

12,20

12,20

P. E

2,00

1,37

14,94

Preço Unitario Preço Total

TABELA DE PREÇOS

Arame

Tricoline vermelha

MATERIAL

Material de composição 1

Material Principal

CÓDIGO

DESCRITIVO DE MATERIAIS

Descritivo de processo: foi cortado uma faixa de 88 cm x 10cm e foi costurado ao meio, deixando uma abertura para a passagem do arame, logo após foi dado o acabamento.

Pilotista/ Ateliê responsável: Ariela Rosa

b=10cm

95


96

1m

a= m 7c

Tricoline Preta

2,00

2,00

2,67 1

1m 1

Tricoline Linha preta

P. E

16,98

16,98

Qtde. Un.

Preço Unitario Preço Total

TABELA DE PREÇOS

Linha preta

Tricoline Preta

MATERIAL

Material

Material de Composição 1

Material Principal

CÓDIGO

DESCRITIVO DE MATERIAIS

Descritivo de processo: foi cortado uma faixa de 1m X 10cm, logo após ela foi dobrada ao meio finalizando com uma costura, em seguida foi cortado dois triangulos de 45cmX45X 67cm, ester foram costurados um no outro e a faixa foi finalizada com a junção das duas partas por uma costura.

5cm

c=4

6 b=

Triangulo – 45cm dos lados e 67 cm na base (Faixa 1m X 5cm)

Faixa cabelo triangular com amarração na frente

Pilotista/ Ateliê responsável: Ariela Rosa

Obs: Peça Piloto

Tamanho Único

Referências: BB004

Ano: inverno 2016

Modelo: Faixa triangular

Coleção: Brigitte Bardot

ARIELA ROSA

FICHA TÉCNICA

d=45cm


97

Altura da pulseira c=2,5cm

a=10cm

Pulseira de Renda e Pérola

2,00

P. E

2,00

1pct Pérola 8mm

1

10 1

1,50

1,50

1m 1m Fita de renda

Tricoline

0,95

0,95

Qtde. Un.

Preço Unitario Preço Total

TABELA DE PREÇOS

Linha Branca

Pérola 8mm

Fita de Renda

MATERIAL

Material

Material de composição 1

Material de composição 1

Material Principal

CÓDIGO

DESCRITIVO DE MATERIAIS

Descritivo de processo: Para fazer a pulseira foi utilizada linha branca para dar o efeito sanfonado, juntamente com uma agulha a linha vai passando pela renda e pela pérola produzindo o efeito.

Pilotista/ Ateliê responsável: Ariela Rosa

b=8mm

Pérolas

Renda Chantilly Branca

Obs: Peça Piloto

Tamanho Único

Referências: BB005

Ano: inverno 2016

Modelo: Pulseira

Coleção: Brigitte Bardot

ARIELA ROSA

FICHA TÉCNICA


98

Tamanho total a=12cm

e=7 cm

1cm

d=1

Arco com Laço grande de Veludo

a=12cm

P. E

4,20

4,20 1

1 Colar de tecido

23,90

23,90

1m 30cm

1m 30cm

Fita de cetim

1 1 Fita de renda

Veludo alemão

2,00 1,50

2,00 1,50

Qtde. Un. Material

Preço Unitario Preço Total

TABELA DE PREÇOS

Colar de tecido

Veludo alemão

Material de composição 2 Material de composição 3

Fita de cetim

Arco

Material Principal Material de composição 1

MATERIAL

CÓDIGO

DESCRITIVO DE MATERIAIS

Descritivo de processo: O arco foi encapado com uma fita de cetim de 1m, logo após foi feito o laço a partir do tecido cortado em retângulo, finalizado o laço, este, foi colado no arco.

Pilotista/ Ateliê responsável: Ariela Rosa

Veludo Preto

Fita de cetim

Obs: Peça Piloto

Tamanho Único

Referências: BB006

Ano: inverno 2016

Modelo: Arco

Coleção: Brigitte Bardot

ARIELA ROSA

FICHA TÉCNICA

b=12cm


a

5c m 5c m

Altura flor a= 5cm

30cm 30cm 30cm 1pct

Veludo Filo Bolinhas Pretas

1

Un.

Tricoline

Tic Tac

Material

Linha preta

Material de composição 5

5

3,20

7,00

P. E

3,20

1,66

23,90

3,98 5cm

16,98

0,85

1,00 5cm

1,00

Preço Unitario Preço Total

5cm

1

Qtde.

TABELA DE PREÇOS

Bolinhas Pretas

Material de composição 4

Filó

Material de composição 3

Tricoline

Material de composição 1 Veludo

Tic Tac

Material Principal

Material de composição 2

MATERIAL

CÓDIGO

DESCRITIVO DE MATERIAIS

Descritivo de processo: foram cortados 6 moldes de flor em tecido diferentes, logo após, estes, juntamente com 5 pedras, foram costurados no tic tac.

Pilotista/ Ateliê responsável: Ariela Rosa

Altura da flor c= 5cm

, =9

Veludo

Tricoline

Filo

Obs: Peça Piloto

Tamanho Único

Referências: BB007

Ano: inverno 2016

Modelo: Presilha

Coleção: Brigitte Bardot

ARIELA ROSA

FICHA TÉCNICA

b=

99


100 b=1,5cm

c=5m

m

Colar de pérolas com fita de cetim

Pérola cinza pequena 5mm

Fita de cetim preta.

Argolinhas

Material de composição 1

Material de composição 2 Material de composição 3

1m 1pct

Pérola menor Fita de cetim Argolinhas

4

1m

9

8 8 1pct

Pérola grande

Qtde. Un. Material

P. E

2,50

1,50

1,50 2,50

3,00 2,80

0,37 2,80

Preço Unitario Preço Total

TABELA DE PREÇOS

Pérola cinza grande 1,5cm

MATERIAL

Material Principal

CÓDIGO

DESCRITIVO DE MATERIAIS

Descritivo de processo: Foi feito um colar com pérolas grandes intercaladas com perolas pequenas e finalizado com duas fitas de cetim para poder fazer a amarração.

Pilotista/ Ateliê responsável: Ariela Rosa

Obs: Peça Piloto

Tamanho Único

Referências: BB008

Ano: inverno 2016

Modelo: Colar

Coleção: Brigitte Bardot

ARIELA ROSA

FICHA TÉCNICA

a=1,20cm


101


102 anh o l a= 18cm

tota

1m 1m

Corda P/pedra Elástico

25cm

P. E

1,60

6,00

5,10

85cm 1m Corda preta

0,40

0,80 0,65

85cm 1m Corda P/D

85cm

0,80 0,65

Qtde. Un. Material

Preço Unitario Preço Total

TABELA DE PREÇOS

Elástico

Corda preta c/ pedra dourada

Material de composição 2 Material de composição 3

Corda preta

Corda Preta com dourado

Material Principal Material de composição 1

MATERIAL

CÓDIGO

DESCRITIVO DE MATERIAIS

Descritivo de processo: Cada corda de 85 cm foi cortada ao meio, estas foram agrupadas juntamente com um elástico, para finalizar a tiara foram utilizados dois fechos.

b=9 cm

Tam

Faixa cabelo várias cordas com elástico.

Pilotista/ Ateliê responsável: Ariela Rosa

Obs: Peça Piloto

Tamanho Único

Referências: BB0010

Ano: inverno 2016

Modelo: Faixa com voltas

Coleção: Brigitte Bardot

ARIELA ROSA

FICHA TÉCNICA

c=12cm


PAINEL DE MATERIAIS

Crepe com brilho – Cristina Tecidos – 39,90

Corda dourada com bolinha Ornatos – 6,00 Corda preta – Ornatos – 0,80 Corda dourada trançada – Ornatos – 0,80

Tic Tac - Loja Coreana - 2,00

Arco médio – loja Coreana – 2,50 Argola de metal - Ornatos - 4,50 Arco fino – Loja Coreana – 1,50

Tricoline preto – Loja Rebuen – 6,50

Fita de cetim – Alvorada das rendas – 1 , 5 0

Chiffon – Varajão das fábricas – 16,98

Fio de nylon – Alvorada das rendas – 4 , 2 0

Pérola Média - Eliane Bijuterias - Pérola Média - Eliane Bijuterias 3,20 3,20

Arame – Leroy Merlin - 12,20

Pérola grande – Elaine Bijuterias – 3,00

Filó preto - Varejão das fábricas - 8,50

Fita de renda – Alvorada das rendas – 0,95

Tricoline vermelho – Loja Rebuen – 6,50

Pérola pequena – Eliane Bijuterias – 4,80

Veludo - Varejão das Fábricas 23,90

103


CASTING DE MODELOS CAROL ARANTES

LARISSA ANTONIAZZI

Tel.: 31. 8591 7251 Altura: 1 , 7 2 Manequim: 36 Busto: 80 Cintura: 62 Quadril:89 Sapatos: 35

104

Tel: 31. 9631 7353 Altura: 1,72 Manequim: 38 Busto: 84 Cintura: 62 Quadril:90 Sapatos: 38


TA B E L A D E P R E Ç O S -

Veludo - Varejão das Fábricas - 23,90 Tricoline vermelho – Loja Rebuen – 6,50 Tricoline preto – Loja Rebuen – 6,50 Chiffon – Varajão das fábricas – 16,98 Cetim estampado – Loja Rebuen – 6,50 Crepe com brilho – Cristina Tecidos – 39,90 Pérola pequena – Eliane Bijuterias – 4,80 Pérola Média - Eliane Bijuterias - 6,40 Pérola grande – Elaine Bijuterias – 3,00 Fita de cetim – Alvorada das rendas – 1,50 Fita de renda – Alvorada das rendas – 0,95 Fio de nylon – Alvorada das rendas – 4,20 Corda dourada com bolinha - Ornatos – 6,00 Corda preta – Ornatos – 0,80 Corda dourada trançada – Ornatos – 0,80 Tic tac – Loja Coreana – 1,99 Argola de metal - Ornatos - 4,50 Arco médio – loja Coreana – 2,50

- Arco fino – Loja Coreana – 1,50 - Arame – Leroy Merlin - 12,20 - Pingente - Ornatos - 4,00 - Fotógrafo – 650,00 - Modelos – 400,00 - Projeto gráfico – 1020,00 - Impressão gráfica – 540,00 - Beleza – Permuta - Espaço CENTOEQUATRO - Permuta TOAL: 2.765,42

105


CRONOGRAMA DE EXECUÇÃO

MESES

CRONOGRAMA

MARÇO

ABRIL MAIO

JUNHO JULHO

106

Finalização dos projetos.


R EFER ÊNCIA S BIBLI O G R Á F I C AS BARDOT, Brigitte. Iniciais BB memórias. São Paulo: Scipione Ltda., 1997 BAUDOT, François. A Moda do Século. São Paulo: Cosac Naify, 2002 LEHNERT, Gertrud . Historia da Moda do Século XX . Portugal: Konemann, 2001 LELIÈVRE, Marie – Dominique. Biografia Brigitte Bardot. Rio de Janeiro. Editora Record, 2014. CARON, Caroline F. A influência da moda na ditadura da beleza feminina. 2006. 7 f. Dissertação (Pós Graduação em Gestão e Moda) – Federação das Indústrias do Estado do Paraná, Curitiba, 2006, MATOS, Juscelina B. Anjos. Papéis de mulher: Moda, identidade e gênero. 2010. 13 f. Dissertação (Mestrado em Cultura Visual)- Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2010. PELICANO, Búzios. Cinquenta anos da visita de Brigitte Bardot Disponível em: <www.buzioselparador. com.br/feed/cinquenta-anos-da-visita-de-brigitte-bardot-em-buzios/>. Acesso em: 11 set. 2014. DIRAMI, Vitor. Brigitte Bardot: O mito de uma mulher. Disponível em: <www.lounge.obviousmag. org/vitor_dirami/2012/02/brigitte-bardot-o-mito-de-uma-mulher.html>. Acesso em: 12 set. 2014 PUCCI, Emilio. Pré-coleção Verão 2015: Inspirada em Brigitte Bardot. Disponível em: <www. odiacomestilo.com/noticias/dicas-tendencias/emilio-pucci-apresenta-pre-colecao-verao-2015inspirada-em-brigitte-bardot>. Acesso em: 10 set. 2014. SOUSA, Danielle. Estilista leva coleção inspirada em Brigitte Bardot para Milão. Disponível em: <www.moda.terra.com.br/moda-no-mundo/milao/estilista-leva-colecao-inspirada-em-brigittebardot-para-milao>. Acesso em 11 set. 2014. CHAGAS, Juarez. Influência dos anos 50. Disponível em: <www.jornaldehoje.com.br/influencia-dosanos-50-juarez-chagas/>. Acesso em: 22 out. 2014. JUVENTUDE, Rebeldia e. A Juventude dos Anos Dourados: o tradicionalismo pós-guerra e a ruptura como prenúncio de revolução e vontade de liberdade. Disponível em: <www.texto2-rej.blogspot.com. br>. Acesso em: 22 out. 2014.

107


ANOTAÇÕES

108


109


110


111


112

ARÍELA ROSA  
ARÍELA ROSA  
Advertisement