Page 1

INFORMATIVO OFICIAL DA UNIÃO NACIONAL DOS ANALISTAS TRANSACIONAIS - BRASIL N° 88 NOVEMBRO DE 2017

“PRECISAMOS VOLTAR NOSSO OLHAR PARA A BASE DA PIRÂMIDE QUE SUSTENTA NOSSA ASSOCIAÇÃO” Vitor Mehry, novo presidente da Unat-Brasil NOVA GESTÃO DIRETORIA DA UNAT-BRASIL COMPARTILHA PRIORIDADES DE CADA ÁREA PARA OS PRÓXIMOS MESES

ENTREVISTA “UMA TREMENDA LIÇÃO DE VIDA PARA MIM”, DIZ MÁRCIA BERTUOL, COORDENADORA DO XXVI CONBRAT

AT PELO BRASIL 202 EDUCACIONAL COMEÇA EM JANEIRO SOB COORDENAÇÃO DE JORGE CLOSE


ACERVO LETÍCIA E ROGÉRIO MILANI | VIAJANDOBEMEBARATO.COM.BR

EDITORIAL

JUNTOS ONTEM, HOJE E AMANHÃ Nesta edição queremos conduzir seu olhar para o passado, para o presente e para o futuro. Reverenciamos nosso passado com registros de acontecimentos recentes entre nossos associados e duas entrevistas: uma com a ex-presidente Katia Ricardi de Abreu, que deixou a direção da Unat-Brasil no início de setembro, e outra com Márcia Beatriz Bertuol, que coordenou o último Conbrat. Focamos no presente ao ler sobre as primeiras ações de cada condutor

das diretorias da nossa associação, sob o comando do presidente Vitor Mehry. Vislumbramos o futuro ao conhecer a agenda de eventos internacionais de AT e ao saber do primeiro curso AT 202 para a área Educacional desde nossa fundação, em 1985. E em uma entrevista, José Silveira antecipa o que poderemos experienciar no X Fórum Brasileiro de Análise Transacional em setembro de 2018, no Rio de Janeiro. E será no futuro a próxima edição

do Opções, informativo que virá reformulado no ano que vem, com desejo de se aproximar mais do associado e da comunidade de AT no Brasil, conforme foi constatado na pesquisa que a Comissão de Comunicação fez com 95 associados participantes. Boa leitura e até breve!

Michelle Thomé Diretoria de Comunicação

COMO ASSOCIAR-SE NA UNAT-BRASIL Entre no site unat.org.br, clique em inscrição, preencha a ficha e faça o pagamento de forma on-line.

2

INFORMATIVO OPÇÕES • UNAT-BRASIL N° 88 | NOVEMBRO DE 2017


ÍNDICE EDITORIAL Juntos ontem, hoje e amanhã

ENTREVISTA

2 9 15

ENTREVISTA

4 11 16

NOVA GESTÃO

Katia Ricardi de Abreu, ex-presidente da Unat-Brasil

Diretoria foca nos membros associados, regulares e certificados

ENTREVISTA

AT NO BRASIL

7 13 17

Márcia Beatriz Bertuol, coordenadora do XXVI Conbrat

José Silveira Passos, coordenador do X Fórum

AT NO MUNDO

AT EDUCACIONAL

RECONHECIMENTO

AT 202 Educacional terá início em janeiro

Trabalho acadêmico sobre AT é premiado em São Paulo

Brasileiros representam Unat-Brasil em congresso internacional

CONSELHO DELIBERATIVO GESTÃO TRIÊNIO 2016 - 2019 PRESIDENTE Maria Clara Ramos Grochot conselho@unat.org.br CONSELHEIROS Adriana Montheiro Andreia Cechin Débora Pereira Machado Ercília Antônio da Silva Érika Neves Priscila Balthazar Chrispim Tânia Elizabeth Caetano Alves

VICE-PRESIDENTE Marília Pereira vicepresidente@unat.org.br

OPÇÕES – Informativo da União Nacional dos Analistas Transacionais (Unat-Brasil) Av. Getúlio Vargas, 489 sala 204 PortoAlegre/RS CEP 90160-003 Fone/Fax: (51) 3233-6355 unat@unat.org.br | unat.org.br

DIRETORA ADMINISTRATIVA Maku Almeida administrativo@unat.org.br DIRETORA CIENTÍFICA Mary Melazzo cientifica@unat.org.br

EDIÇÃO E PRODUÇÃO RaioZ Soluções para Internet Ltda Rua Carlos Huber, 580 Sala B - Porto Alegre/RS contato@raioz.com | raioz.com

DIRETORA DE COMUNICAÇÃO Michelle Thomé comunicacao@unat.org.br DIRETORA DE DOCÊNCIA E CERTIFICAÇÃO Jane Maria P. Costa docencia@unat.org.br

JORNALISTA RESPONSÁVEL Michelle Thomé

DIRETORIA

GESTÃO TRIÊNIO 2017 - 2020

DIRETORA DE ÉTICA Sonia Nogueira Pedreira etica@unat.org.br

PRESIDENTE Vitor Mehry presidente@unat.org.br

DIRETORA FINANCEIRA Marta Schumacher financeiro@unat.org.br

Os artigos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião da UNAT-BRASIL. Os artigos assinados são de responsabilidade dos autores. Imagem capa: pxhere.com.

INFORMATIVO OPÇÕES • UNAT-BRASIL N° 88 | NOVEMBRO DE 2017

3


ENTREVISTA

Cinco perguntas para Katia Ricardi de Abreu, ex-presidente da Unat-Brasil 1 - O que representaram para você - pessoalmente e profissionalmente - estes anos na Presidência da Unat-Brasil?

ACERVO PESSOAL

Cada etapa vivenciada neste processo foi rica em crescimento e desenvolvimento pessoal e profissional durante os três anos de gestão e os que o antecederam, desde a minha aceitação à Presidência. E isso representa para mim a meta alcançada: aprender. Desde que surgiu o convite para que eu me disponibilizasse a trabalhar na Presidência da Unat, foi a possibilidade de crescimento e desenvolvimento - busca constante ao longo da minha vida – que me motivou a me colocar neste papel. Já havia participado de outras funções na diretoria, como a vice-presidência, a Diretoria de Comunicação e o Conselho Deliberativo em duas gestões. Em Bento Gonçalves, no final do Conbrat, Regina Silva me fez o convite para a Presidência e não me senti em condições de aceitar. Vida pessoal e profissional não conciliavam com a disponibilidade de tempo, foco e energia para isso e eu não me senti preparada. Depois surgiram oportunidades de ficar mais próxima do entendimento da dinâmica de funcionamento da Unat-Brasil e fui amadurecendo. Foi então que surgiu o convite do Silveira e aceitei, apoiada por amigos e colegas engajados nesta trajetória.

4

INFORMATIVO OPÇÕES • UNAT-BRASIL N° 88 | NOVEMBRO DE 2017


Na composição da equipe, experimentei a angústia, a surpresa e o alívio. Convites recusados, convites aceitos, aos poucos a equipe foi se delineando e com a posse da diretoria completa em 2014, meu caminhar estava rico de sonhos possíveis, parceiros e amigos. No meu entendimento, fechamos a gestão com muitas realizações e fortalecimento de nossos vínculos desenvolvidos ao longo deste tempo.

2 - Quais foram as principais contribuições da sua gestão? Na última assembleia geral da Unat-Brasil, realizada em Porto Alegre, nossa diretoria apresentou um resumo das principais contribuições que esta gestão realizou. Vou fazer um resumo desta apresentação. Foram cerca de 97 horas de reuniões oficiais sem contar as reuniões do Conselho Deliberativo, e incontáveis horas de contatos e reuniões de alinhamento com e entre as diretorias. Propusemos a mudança no estatuto, de Secretaria para Diretoria Administrativa e de Tesouraria para Di-

retoria Financeira. Isso possibilitou o funcionamento destas Diretorias de forma mais dinâmica, com a possibilidade de formar comissões. Assumimos a Coordenação do IX Fórum Brasileiro de Análise Transacional, em momento difícil da conjuntura econômica nacional, em 2016. Tivemos que encerrar o contrato com a empresa Market Comunicação, em função do falecimento do Francis Oliveira, e negociar rapidamente com outro parceiro para não prejudicar o andamento das atividades da Unat e do IX Fórum. Fechamos contrato com a RaioZ em substituição à Market. Na Diretoria Científica, tivemos duas edições da Rebat e representação da Unat-Brasil em eventos internacionais. Conseguimos acordo com a Eata sobre a tradução de artigos científicos e autorização para traduzir e publicar artigos do Jornal da ITAA. Fizemos contato com Julie Hay e a indicamos para ser a convidada internacional do 26º Conbrat. Trabalhamos nos eventos da Unat-Brasil em parceria com a Comissão organizadora. Na Diretoria de Comunicação, tivemos seis edições do Informativo

Opções e trabalhamos no desenvolvimento da imagem da associação através das mídias sociais, apoiando e divulgando as atividades que os associados realizam. Fizemos a revisão, edição e diagramação de duas Rebats publicadas. Trabalhamos em parceria dando suporte às demais diretorias em suas necessidades. Na Diretoria de Ética, elaboramos tutorial com orientações aos associados para veiculação de publicidade nos canais de divulgação da Unat-Brasil e demais canais de comunicação de acordo com o Código de Ética da Unat-Brasil. Realizamos trabalho de orientação direta aos associados a respeito de diversas questões éticas. Reformulamos o Código de Ética da Unat-Brasil, com aprovação em Assembleia Geral. Código de Procedimento Ético criado e também aprovado em Assembleia Geral. Estatuto da associação revisado e aprovado em Assembleia Geral. Na Diretoria de Docência e Cerificação, tivemos 04 reuniões de Membros Didatas e Didatas em Formação, sendo que na última delas, foi entregue o novo Manual de Certificação. RealiACERVO UNAT

Cada etapa vivenciada neste processo foi rica em crescimento e desenvolvimento pessoal e profissional durante os três anos de gestão e os que o antecederam, desde a minha aceitação à Presidência. E isso representa para mim a meta alcançada: aprender. Katia Ricardi de Abreu

INFORMATIVO OPÇÕES • UNAT-BRASIL N° 88 | NOVEMBRO DE 2017

5


zamos a Oficina de Escrita Criativa, cinco Módulos 303, dois SEDs com 11 novos Membros Didatas em Formação, três Exames de Certificação num total de 25 Membros Certificados e um Membro Didata. A Pós-graduação fez parcerias com as faculdades JK (Brasília), Sustentare (Joinville) e Fato (Porto Alegre e todo território nacional). O Projeto Educação à Distância concluiu a edição dos módulos do Curso AT 101 online. Nas Diretorias Administrativa e Financeira, introduzimos o pagamento das anuidades da associação e vendas em eventos da Unat através de cartão de crédito. Reduzimos despesas fixas como telefone, banda larga e assessoria de marketing e ampliamos receitas, como a venda de livros em consignação em eventos. Ampliamos relacionamento com associados e clientes através da loja virtual. Migramos o Banco de Dados para o Manager, com 643 associados cadastrados, dos quais 91 novos. Entregamos o caixa da associação com saldo conforme previsto no orçamento. Todos os eventos da Unat-Brasil nesta gestão resultaram em lucro, sendo o 26º Conbrat, com resultado positivo histórico. Foram emitidos 2103 Certificados AT 101.

3 - E os principais desafios enfrentados? Muitos! Isso significou muitas reuniões paralelas às oficiais de Diretoria, aos domingos, feriados, noites, intervalos de consultas, durante caminhadas, esperas em aeroportos. Parece bizarro, mas eu e a Marília fazíamos reuniões durante meu horário e o dela na manicure (rsrs) pois era um horário compatível a ambas e aproveitávamos o tempo alinhando nossos assuntos. Realizar um Fórum somado às funções de diretoria foi uma sobrecarga para todos. Não contávamos com isso. Fazer uma gestão em plena crise econômica, com recessão histórica,

6

principalmente em 2016, também foi um desafio. Não fizemos projetos envolvendo investimentos e custos. Ao contrário, preparamos a estrutura da Unat no sentido de gerar entradas financeiras nesta e nas gestões futuras. Pessoalmente, o maior desafio foi fazer a transição da Market Comunicação para a RaioZ. Foi um processo delicado. Tínhamos pouco tempo para substituir a empresa cujo responsável faleceu em um momento crítico: o IX Fórum. Precisávamos de inscrições para garantir o cumprimento das responsabilidades financeiras assumidas para a realização do evento. Tudo dependia do suporte deste fornecedor/parceiro: hotsite, disparos de e-mail mkt, peças de divul-

Estamos cada vez mais visíveis no cenário nacional e global. A tecnologia aplicada à comunicação contribui muito para isso e a Unat-Brasil faz seu papel de disseminar a AT e o trabalho de seus associados, adquirindo cada vez mais expressividade dentro deste cenário virtual e globalizado. Katia Ricardi de Abreu gação, estrutura para as inscrições do evento e eleições da Unat-Brasil. Encerrar o contrato com a Market Comunicação significou contatos com a esposa e o pai do parceiro que havia falecido. Isso foi duro e triste. Negociar a transição com todos os cuidados emocionais, contratuais e técnicos em curto espaço de tempo, foi o maior desafio que vivenciei nesta gestão.

INFORMATIVO OPÇÕES • UNAT-BRASIL N° 88 | NOVEMBRO DE 2017

4 - Como percebe a receptividade atual da Análise Transacional no Brasil? Estamos cada vez mais visíveis no cenário nacional e global. A tecnologia aplicada à comunicação contribui muito para isso e a Unat-Brasil faz seu papel de disseminar a AT e o trabalho de seus associados, adquirindo cada vez mais expressividade dentro deste cenário virtual e globalizado. A tendência é termos cada vez mais espaço, considerando o rico legado de conteúdo deixado por Berne e seus discípulos, conteúdo este que se desenvolve através dos estudiosos neobernianos.

5 - Quais seus planos póspresidência? Voltar para minhas atividades que ficaram em segundo plano durante estes três anos, como a prática de exercícios físicos regularmente, exigida pelos médicos que me assistem. Dedicar-me às leituras de gêneros variados e assistir muitas séries no Netflix. Direcionar meu tempo e energia para o convívio com a minha família, desfrutar da natureza, praticar jardinagem e artesanato. Preparar uma das salas da Ego Clínica para receber um colega de profissão: meu filho Marco, que termina a graduação em Psicologia na USP. Reassumir o Rotary Club, ONG a qual pertenci durante 16 anos ininterruptos e tive que pausar me afastando de projetos sociais e amigos queridos para colocar foco na gestão da Unat. Iniciei o projeto de Educação a Distância na Aioa, empresa que me convidou para ministrar Cursos online. O primeiro Curso já está no site. Iniciei projeto de trabalho voluntário com psicoterapia de apoio, juntamente com um grupo de 12 psicólogos, em uma instituição que presta assistência à população carente.


NOVA GESTÃO

DIRETORIA FOCA NOS MEMBROS ASSOCIADOS, REGULARES E CERTIFICADOS Empossados no dia 2 de setembro, os integrantes da nova gestão da Unat-Brasil compartilham a seguir qual a prioridade de cada área nestes primeiros meses de trabalho PRESIDENTE

VICE-PRESIDENTE

Vitor Mehry

Marília Pereira

“Durante quatro anos participei da direção da União Nacional dos Analistas Transacionais: três anos como presidente do Conselho Deliberativo e um ano como presidente eleito. Agora, estou tomando posse como presidente da Unat-Brasil junto com toda a Diretoria, que considero preparada e competente para, juntos, dirigirmos os destinos de nossa Associação. Durante estes anos, refleti que rumos poderia imprimir à Unat para que crescesse, se desenvolvesse e se tornasse forte e robusta. Acredito firmemente que precisamos voltar nosso olhar para a base da pirâmide que sustenta nossa associação e essa base é, sem dúvida, constituída pelos nossos membros associados, regulares e certificados. É neste sentido que toda a Diretoria atual vai dirigir seu foco e procurar atender a essa grande parcela da Unat. Para que isso aconteça, peço a todos vocês que nos comuniquem seus anseios e necessidades para que, carinhosamente, possamos atendê-los e tornarmos nossa coesão suficientemente entrelaçada, conseguindo crescer de forma sustentada. Precisamos, no meu entender, atingir com mais eficácia o maior número de Estados da Federação saindo do eixo Sudeste e Sul para atingir o Nordeste e o Norte de nosso País, chegando lá com a teoria e a prática da Análise Transacional, que acreditamos todos seja eficaz em propiciar crescimento em direção à Autonomia. Contamos com a participação de vocês e conclamamos todos a arregaçar as mangas e trabalhar para a expansão e crescimento da Unat. Comuniquem-se conosco, exijam, opinem, proponham! Deixo aqui minha confiança, meu carinho e minha disponibilidade”.

“Quero acompanhar a Presidência e contribuir nos projetos da Unat que aproximem nosso associado das atividades da instituição e da teoria da Análise Transacional. A partir desta gestão, é uma proposta que a Vice-presidência passe a fazer a ponte entre a Unat e as comissões organizadoras dos congressos, fóruns e encontros regionais de AT. Assim, estaremos mais juntos na preparação destes importantes momentos de aprendizado e convivência”.

ACERVO UNAT

Comuniquem-se conosco, exijam, opinem, proponham! Vitor Mehry INFORMATIVO OPÇÕES • UNAT-BRASIL N° 88 | NOVEMBRO DE 2017

7


DIRETORIA ADMINISTRATIVA

DIRETORIA DE DOCÊNCIA E CERTIFICAÇÃO

Maku Almeida

Jane Maria P. Costa

“Missão: Fornecer para o associado apoio e estrutura administrativa para o estudo e a disseminação da Análise Transacional. Objetivos Estratégicos: (1) Produzir informações de qualidade; (2) Fazer a gestão do fluxo de informações, com cortesia e tempestividade; (3) Ser pró-ativo na produção de soluções de apoio e logística para o associado; (4) Apoiar as demais diretorias; (5) Otimizar os resultados da loja virtual; (6) Fazer a gestão dos diversos processos administrativos, (6) Estar disponível para o atendimento das demandas do associado. Visão de Futuro: Gestão otimizada dos processos de modo a estabelecer uma relação próxima e adequada com o associado e parceiros”.

“Queridos companheiros associados, estamos entusiasmados com os propósitos desta Diretoria 2017/2020, sob coordenação de nosso amigo, presidente Vitor. Na Docência e Certificação, alinhados com todos, estamos pensando nas ações que podem trazer profissionais certificados pela Unat de volta à participação ativa na associação. Que necessidades e vontades destas pessoas podem ser sintônicas com nossas possibilidades? Também estamos investindo, todos os MDs e MDFs, na continuidade da atualização de nosso processo de certificação para que fique equiparado ao processo de certificação da ITAA e da Eata, bem como de outras associações no planeta. Estamos, também, investindo mais uma vez e fazendo acontecer a Pós-graduação Lato Sensu, com certificação pelo MEC. Contamos com vocês nesta caminhada e estamos acolhendo ideias que queiram compartilhar”.

DIRETORIA CIENTÍFICA

Mary Melazzo “Tenho consciência dos desafios que teremos. Me encontro neste início de gestão bastante motivada e tenho como meta inicial incentivar a escrita científica de alto nível para que os artigos produzidos pela comunidade de AT sejam de alto impacto, pois, com isso, seguiremos rumo a um grande desejo de todos nós, que é a indexação da nossa revista. Aproveito este momento para incentivar os colegas que se comprometeram, na nossa reunião de didatas e didatas em formação, a escrever os artigos que, assim que o fizerem, nos enviem os artigos para que façamos os ajustes, se necessários”.

DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO

Michelle Thomé “Estruturamos uma robusta Comissão de Comunicação, com integrantes de diferentes idades e cantos do País, que tem a missão de aproximar a nossa instituição do associado. Nos primeiros dias de trabalho, promovemos uma pesquisa com o associado sobre a percepção da Comunicação da Unat. A partir da reflexão e análise de 95 questionários respondidos, elaboramos nossa estratégia para os três anos de gestão. Neste primeiro trimestre, temos como meta a revitalização de boas ideias do passado, que estavam desativadas, e o início de novos canais de informação e relacionamento”.

8

INFORMATIVO OPÇÕES • UNAT-BRASIL N° 88 | NOVEMBRO DE 2017

DIRETORIA DE ÉTICA

Sonia Nogueira Pedreira “Quero colocar à disposição dos associados a Diretoria de Ética para esclarecimentos de dúvidas que possam surgir de interesse pessoal relacionadas aos trâmites da nossa associação neste quesito. Dirimir dúvidas quantos às publicações para que estas sigam as normas exigidas, informar quando estiverem em desconformidade e solicitar as devidas correções, buscando evitar transgressões que possam prejudicar de alguma maneira nosso associado. Estar à disposição para que o atendimento seja o mais breve possível e para escutar sugestões que possam aprimorar os nossos processos e nosso funcionamento”.

DIRETORIA FINANCEIRA

Marta Schumacher “Neste início de gestão, o foco está em compreender os processos existentes e aprimorar aqueles sobre os quais percebemos problemas. E, junto com as demais diretorias da Unat, contribuir com uma instituição sólida e que corresponda com os anseios dos associados, além de torná-la reconhecida e eficaz da sua existência e missão”.


ENTREVISTA

Cinco perguntas para Márcia Beatriz Bertuol, coordenadora do XXVI Conbrat Esta é uma pergunta simples, com uma resposta complexa. Coordenar o XXVI Conbrat foi uma experiência com muitas etapas. Como o processo todo durou 23 meses, vivemos várias fases. No inicio, a tomada das primeiras decisões, o entusiasmo das muitas ideias, várias pessoas sugerindo e criando possibilidades. O lançamento do Congresso no Fórum de São José do Rio Preto (set/16) cheio de alegria e energia, várias inscrições acontecendo, prenunciando um belo movimento. A proximidade com o final do ano (2016) trouxe a necessidade de estabelecer um ritmo mais intenso e organizado de trabalho. Comissões se estruturaram. As pessoas que realmente se dispõem a trabalhar, se engajam em um ou outro grupo, e alguns se afastam no ritmo de suas demandas pessoais. Os prazos começam a correr e as reuniões ganham tensão e exigências. Uma crise institucional nos abala: a Unat está sem recursos para bancar as despesas de organização do congresso. Esta realidade impõe a necessidade de buscarmos alternativas com o mínimo de custos e que aceitem pagamento após o evento realizado. Encontramos um novo local para a realização do encontro e decidimos levar adiante o projeto. O tema do en-

ACERVO PESSOAL

1 - O que representou para você coordenar o congresso de 2017?

contro – ESPERANÇA E MEDO: O QUE TE MOVE? – passa a ser vivido por nós. Ora cheios de esperança, ora mergulhados no medo, vamos encaminhando cada uma das áreas do congresso. É necessário concretizar toda a programação científica, pensando também na programação social, na organização administrativa e financeira. É preciso divulgar, chamar pessoas, obter patrocínios. O Congresso é também um evento importante para os processos de Certificação e os processos políticos da associação. Mais um aspecto a considerar e a ser organizado. Ser a coordenadora geral do Congresso pediu de mim tempo e atenção a todos estes processos. É um papel com múltiplas tarefas. Frente à Unat-Brasil, sou o elo de ligação da associa-

ção com o grupo que está trabalhando para o evento. Diante do grupo, como líder, preciso acompanhar o trabalho de todas as comissões, cobrar tarefas e prazos quando necessário, apoiar os coordenadores de cada comissão, participar e colaborar com as várias tarefas. Manter o ritmo interno para que cheguemos à data do encontro com o que é necessário pronto. Na divulgação do Congresso sou a pessoa que dá entrevistas, que escreve artigos, que vai para a mídia. O que representou? Trabalho, dedicação, empenho, confiança, foco e fé. O resultado pessoal? Satisfação, realização, alegria, plenitude, gratidão pelo grupo que construímos e orgulho com cada uma das pessoas que “pegou junto” e criou o evento.

INFORMATIVO OPÇÕES • UNAT-BRASIL N° 88 | NOVEMBRO DE 2017

9


2 - Em sua visão, qual a contribuição do congresso para a comunidade de AT no Brasil? Penso que a comunidade brasileira de AT pode desfrutar de um encontro caloroso, alegre, com muitas oportunidades para contato genuíno. Imagino que a oportunidade de ficarmos reunidos em um local onde estávamos juntos nas atividades científicas, nas refeições e nos finais de noite, trouxe a possibilidade de restabelecer laços, de aproximar pessoas, de encontrarmos o clima de oqueidade que tanto prezamos. E, talvez, esta tenha sido uma contribuição tão valiosa para a comunidade AT quanto a contribuição científica do congresso. Pretendemos criar um evento em que as atividades científicas iniciaram com uma experiência concreta sobre “Esperança e Medo: o que te move?”, passando por reflexões das experiências, agregando conhecimentos e reflexões teóricas, para finalizar em uma grande atividade grupal, onde todos foram convidados a criar ações para levar para a vida cotidiana o que aprendemos nos dias do encontro. A estrutura geral do encontro foi nova, organizada não por áreas e sim por eixos temáticos. E dentro de um contexto em que foi possível uma imersão, criando uma nova alternativa para nossos encontros.

meus sentimentos o quanto um pequeno grupo trabalhando junto, cada um fazendo sua parte com total dedicação e empenho, pode gerar milagres. O resultado financeiro final ficou assim para mim, um milagre. Multiplicamos os pães e o vinho! Foi um encontro abundante de gentilezas. Abundante de momentos de alegria, música e dança. Abundante em oferecer as atividades sociais sem custo adicional. Abundante ao oferecer aos didatas e didatas em formação um pós-Congresso gratuito. Abundância essa que gerou abundância aos “cofres” da Unat-Brasil. Uma tremenda lição de vida para mim.

4 - Na sua opinião, quais foram os momentos mais marcantes? Na minha vivência pessoal, como participante do encontro, os momentos mais marcantes foram a abertura do Congresso, com a atividade guiada pela Dra. Rosemary Napper e as atividades do encerramento. Em ambas, o propósito com que organizamos o evento se materializou. O início, com toda a experiência sobre Esperança e Medo, o engajamento de todos os participantes, a reflexão coletiva, criando o tom que queríamos para o evento. E o final, com as ações sendo criadas em cada Eixo Temático, com os

O quanto conseguimos realizar com os poucos recursos que dispúnhamos superou minhas expectativas. O quanto “juntos somos fortes”, o quanto um “sonho que se sonha junto se torna realidade”. Frases que gosto e que se tornaram experiência. Vívidas memórias que agora fazem parte dos eixos centrais de sustentação da minha personalidade. É fato, está tecido nos

10

INFORMATIVO OPÇÕES • UNAT-BRASIL N° 88 | NOVEMBRO DE 2017

5 - O que mais te chamou atenção? Algo que ficou com uma interrogação para mim foi o pequeno número de participantes do Congresso. Tínhamos um desejo de chegar a 150 pessoas. Ficamos no número médio dos últimos congressos, 110. Tudo o que havíamos pensado que poderia contribuir para uma adesão maior dos analistas transacionais não pareceu surtir efeito. Local acessível, valor do investimento adequado, curso pós gratuito, atividades sociais sem custo adicional, refeições incluídas no valor da inscrição, convidadas internacionais com excelente currículo e com temas interessantes. O próprio tema do Congresso, considerado tão atual e pertinente por tantas pessoas, o engajamento dos colegas de vários estados na divulgação do evento, como nossos apoiadores, fazendo palestras e divulgando nas suas redes sociais o encontro... Fico com esta pergunta: o que move a comunidade de AT brasileira a não participar do seu encontro maior? ACERVO UNAT

3 - O que superou sua expectativa?

grupos trazendo para a vida cotidiana o aprendido, foi muito profundo, mobilizador e cheio de amor e alegria. E a Dança Circular, conduzida brilhantemente pelo Matheus Pozatti, nos reforçou o senso profundo de pertencer a uma comunidade valiosa.


ENTREVISTA

Cinco perguntas para José Silveira Passos, coordenador do X Fórum 1 - Como surgiu o tema do Fórum de 2018? O tema é "Ser ou ter: qual é a sua? Reflexões sobre ética, escolhas e consequências". Nos reunimos pela primeira vez, com cerca de dez participantes convidados, para dar o pontapé inicial. Começamos a discutir qual seria o tema do Fórum e chegamos à conclusão que deveria ser algo que pudesse nos levar a refletir sobre o momento atual. A partir daí, realizamos um brainstorming e, depois de várias ideias apresentadas, chegamos ao tema.

2 - O que o tema representa? O SER representa aquilo que há de mais puro e sutil, é a nossa essência. Segundo Spinoza “essência é a energia que você tem para viver – Potência de Agir”. Viver é relacionar-se com o mundo, ser afetado pelo mundo e também afetar o mundo. Potência de Agir é o que Spinoza chama de Alegria – me alegro – é a busca do mundo que imaginamos nos alegrar e afastar do mundo que supomos nos entristecer. É a busca do “mais de você em você mesmo”, diz o slogan spinoziano. Pareceu-nos apropriado para suscitar reflexões do que somos no mundo que habitamos. O TER tem a ver com a satisfação

dos nossos desejos. O homem é um ser “desejante” e o desejo está voltado para aquilo que não temos, não possuímos. Quando desejamos algo que não temos - é justamente por isso que estamos desejando este algo - a nossa energia vital é direcionada para a sua obtenção. Assim que obtemos, deixamos de desejar este algo e passamos a desejar outra coisa, e assim por diante... Muitas vezes, desejamos algo que nem mesmo temos consciência de que realmente queremos aquilo. Isto leva o ser humano a buscas desenfreadas de ter coisa, lugares e até mesmo, ter o outro esquecendo completamente do seu SER e do SER de seu semelhante. A proposta é refletir e debater sobre isso de uma maneira aberta, franca, com o maior número de participantes

e, acima de tudo, que possamos dizer e compartilhar qual está sendo a nossa contribuição como analistas transacionais! Reflexões sobre ética, escolhas e consequências são complementos dos dois temas (o SER e o TER). Ética em filosofia - é nesse sentido que pensamos em incluir como uma espécie de “complemento” para o tema ficar mais instigante - “é a inteligência compartilhada a serviço da convivência em aperfeiçoamento”, segundo o professor Clóvis de Barros Filho. Ética, portanto, não é um saber acabado e, sim, mutante o tempo todo, e tem a ver com liberdade de escolha. Uma sociedade tem a liberdade de escolher como quer viver. Pelo menos deveria ser assim.

INFORMATIVO OPÇÕES • UNAT-BRASIL N° 88 | NOVEMBRO DE 2017

11


Toda escolha tem consequências, tanto boas como ruins. É importante termos consciência das consequências de nossas escolhas - o que nem sempre é possível - mesmo assim, se observarmos com atenção, podemos perceber que nossa vida é feita de escolhas o tempo todo. Pensemos no estímulo e na resposta (Transação). O que existe entre os dois? Existe a escolha da resposta a esse estímulo e como tal haverá consequências.

3 - Qual o público do encontro?

A estrutura prevê o pré-Fórum com atividades compatíveis com um público que ainda não conhece a teoria e a prática da AT ou que conhece pouco. A ideia é fazer minicursos com os temas da AT. Além disso, a estrutura do X Fórum será composta de Seminários, Oficinas, apresentação de Artigos Científicos ou Cases. Também, teremos bancas de exames, reunião dos MDs e MDFs, bem como espaço para reunião da assembleia.

5 - Como está a organização? A organização do X Fórum está em andamento desde antes do Conbrat em Porto Alegre, ocasião em que comunicamos as datas e o tema. Durante o Conbrat abrimos as inscrições onde tivemos uma magnífica adesão e dezenas de inscrições foram feitas. Atualmente, estamos à procura de espaço que possa comportar confortavelmente o evento e que seja acessível finan-

ACERVO PESSOAL

O evento destina-se primordialmente aos associados da Unat. Entretanto, a ideia é abrir para o público em geral e, principalmente no pré-Fórum, para estudantes de todas as áreas. Pensamos com isto atingir uma abrangência maior na divulgação da AT e despertar o interesse dos estudantes em conhecer mais a respeito das áreas de atuação dos analistas transacionais. Pretendemos dar informações sobre a formação e certificação em AT pela Unat e demais pertinências.

4 - Qual será a estrutura de atividades?

12

INFORMATIVO OPÇÕES • UNAT-BRASIL N° 88 | NOVEMBRO DE 2017

ceiramente para nós. Temos algumas propostas de parcerias e, uma delas, de uma faculdade, que parece ser atraente, uma vez que estamos propondo que a instituição ceda o local e em troca abriremos espaço para a participação de professores e alunos. Estamos constituindo as comissões, algumas estão formadas e outras ainda necessitando de alguns participantes para completar. Finalmente, convido todos os nossos associados a que se animem e façam suas inscrições e que os MDs e MDFs, incentivem seus alunos a participarem aproveitando o investimento que está bem em conta. Além do evento em si, a cidade do Rio de Janeiro está de braços abertos para recebê-los, esperamos preparar também algumas atrações, passeios, ou seja, um pouco de lazer durante e após o evento. Vai ser animado! Aguardamos vocês para um momento que poderemos compartilhar o que estamos produzindo e fazendo com AT no Brasil. Poderemos, também, mostrar ao público externo o que a Análise Transacional tem a oferecer.


AT NO BRASIL

GRUPO DE AT NO PARANÁ PLANEJA ATIVIDADES PARA 2018 Há uma década o Grupo de Estudos da AT no Paraná tem se reunido para contribuir no aprofundamento da teoria e na divulgação da AT pela realização de eventos abertos à comunidade de Curitiba e redondezas, ao mesmo tempo em que se nutre e estuda. Os integrantes estão em fase de pensar ações para o próximo ano. Em outubro, foi enfocado o planejamento para 2018, em uma reunião da qual participaram alguns de seus membros. Neste encontro, foi realizada a retrospectiva das ações de 2017, salientando-se o trabalho do voluntariado e de apoio ao XXVI Conbrat. Para 2018 está planejado que o serviço de voluntariado continuará trabalhando por demanda e por oferta. A primeira reunião para formatar o plano de ação será ainda neste ano. Continua valendo a missão do voluntariado: “Desenvolver ações voluntárias com o

suporte teórico da AT e sistematizar os conhecimentos adquiridos, a fim de contribuir com o desenvolvimento da comunidade dos Analistas Transacionais”, com atuação nas áreas de Psicoterapia, Organizacional, Educacional e Ciências da Saúde. O IV RelacionAT, sob coordenação geral da Ivana Zanini, vai acontecer em 12/11/2018, em Curitiba, cuja aprovação será submetida em breve à diretoria da Unat-Brasil. Também serão organizados eventos fechados de estudo para, no mínimo, quem está cursando AT 202. Eixo temático do ano será a Síndrome da Passividade e o cronograma está assim definido: Março/2018 Simbiose, quadro de referência, Redefinição; maio/2018 –Desqualificação; junho/2018 - Grandiosidade, Transtorno de Pensamento, Comportamentos Passivos; setembro/2018 - Jogos Psicológicos e Transações.

Oportunidade de atualização em Porto Alegre O Síntese – Psicoterapia, Pesquisa e Formação em Análise Transacional, das didatas Jane Maria P. Costa e Márcia Beatriz Bertuol, irá promover em 2018 os “Encontros de atualização em Análise Transacional” para analistas transacionais que buscam atualizar conhecimentos teóricos, treinar aplicação na clínica e receber supervisão. As datas definidas são: 23 e 24 de março, 15 e 16 de junho, 10 e 11 de agosto, 23 e 24 de novembro de 2018, em Porto Alegre (RS). Os horários são: sextas das 14h às 20h e sábados das 9h às 12h30 e das 14h às 16h. As inscrições podem ser feitas pelo email sintese@sintese-at.com.br e pelo fone 51-3233-0961, com Luíza.

ACERVO UNAT

Workshop de Script no Sul O “Workshop Script: resgatando sua trajetória de vida”, também promovido pelo Síntese, tem duas edições previstas para 2018. De 12 a 14 de janeiro, em Curitiba (PR), com informações com There Moura there.moura@uol.com.br. E de 13 a 15 de julho será em Porto Alegre (RS), com informações com Luíza - sintese@sintese-at.com.br ou 51 3233-0961.

INFORMATIVO OPÇÕES • UNAT-BRASIL N° 88 | NOVEMBRO DE 2017

13


Duas edições da Oficina de Escrita Científica foram promovidas neste semestre pela Unat-Brasil: a primeira

em Porto Alegre (RS) e a segunda em Uberlândia (MG). Os encontros foram facilitados pela Didata Clínica Ede Lanir Ferreira Paiva e pela Didata em Formação Organizacional Maku Almeida. O pesquisador Denis Fabiano de Souza (foto) contribuiu na reunião mineira com sua experiência em pesquisas científicas internacionais. De acordo com a diretora Científica, Mary Melazzo, outras edições estão previstas para o ano que vem: “Queremos fortalecer a cultura de produção de artigos científicos na nossa revista e a pesquisa em AT”.

ACERVO PESSOAL

Unat promove Oficina de Escrita Científica

• O pesquisador Denis Fabiano de Souza possui experiência em pesquisas científicas internacionais e esteve no encontro de Uberlândia (MG)

Certificação em prol do rigor da pesquisa A Didata Clínica Ede Lanir Ferreira Paiva acaba de receber um certificado que a habilita fazer pesquisas na área de saúde. Esta certificação é validada pelo Nida (National Institute on Drug Abuse), uma associação que verifica a qualidade ética e de conhecimentos dos pesquisadores no mundo. Ela conta sua motivação: “Quero fazer e orientar pesquisas em AT que sejam levadas a sério e respeitadas por todos”.

14

INFORMATIVO OPÇÕES • UNAT-BRASIL N° 88 | NOVEMBRO DE 2017


AT NO MUND0

Brasileiros participam de congresso em Berlim Na Conferência Mundial de Análise Transacional, realizada em julho em Berlim, capital da Alemanha, a Unat-Brasil foi representada pelos MDFs Organizacional Michelle Thomé e Renato Morandi. Participando da programação do evento, Michelle facilitou o workshop "A abordagem da AT Relacional em counselling: desenvolvimento profissional e pessoal de universitários", para analistas transacionais de diferentes partes do mundo.

AGENDA 2018 20-27 de janeiro

Frenchman’s Cove, Jamaica. USATAA. Contato: usataa.org (clicar em “eventos”)

27-29 de abril

Liverpool, Inglaterra. Conferência Nacional Ukata. Contato: ukataconference.co.uk

11-13 de maio

Viena, Áustria. 38o Conferência DGTA. Contato: dgta-kongress.de/workshop-registrierung

5-6 de julho

Londres, Inglaterra. Conferência de Desenvolvimento e Pesquisa Eata/Iarta. Contato: eata2018.london

ACERVO PESSOAL

17-19 de agosto

Kochi, Índia. Conferência ITAA-Saata. Contato: saata.org/conference2018

3-4 de novembro

Lyon, France. Primeira Conferência Tri-Nacional de AT na Língua Francesa (Ifat/Assobat/Asat-SR). Contato: info@ifat.net

INFORMATIVO OPÇÕES • UNAT-BRASIL N° 88 | NOVEMBRO DE 2017

15


AT EDUCACIONAL

AT 202 EDUCACIONAL TERÁ INÍCIO EM JANEIRO Coordenado por Alberto Jorge Close, um grupo de analistas transacionais certificados nas áreas Clínica e Organizacional iniciará o curso. O primeiro encontro será em Uberlândia (MG) cacional. “Isto transcende ao estudo teórico e dá ênfase a trabalhar sobre a aplicação de AT para educar”, afirma. Como a realidade do trabalho do Analista Transacional envolve educar, qualquer que seja sua área de certificação, o didata planeja conduzir o grupo para ampliar as experiências e práticas para cobrir diversas situações educacionais. Como este é o primeiro curso 202 Educacional da Unat desde sua fundação (nos anos 70, a Unaat e a Alat desenvolveram alguns cursos), Close pretende aplicar, ajustar e ampliar o programa aprovado, de modo a permitir a formação e certificação de profissionais com atitude, capacidade, habilidade e experiência na aplicação de AT nas diversas áreas de aplicação Educacional. Cada integrante do grupo irá assinar três contratos: o formal com a

ACERVO PESSOAL

Sob a coordenação de Alberto Jorge Close, TSTA pela ITAA, didata Educacional e Organizacional pela Alat e didata Organizacional e Educacional pela Unat, um grupo de analistas transacionais certificados nas áreas Clínica e Organizacional iniciará o curso AT 202 Educacional. O primeiro encontro será em Uberlândia (MG). “Nossa primeira meta neste curso será cumprir com o objetivo do processo de Certificação da Unat, que é assegurar – perante nossa comunidade e o público em geral – que o profissional é capaz de aplicar com êxito, cumprindo as metas contratadas, a Análise Transacional na sua área de atuação”, informa Close. A segunda meta, segundo ele, é ajustar o programa ao objetivo de gerar a capacidade e habilidade no uso de AT pelo certificando na Área Edu-

• Close planeja conduzir o grupo para experiências e práticas que possam cobrir diversas situações educacionais Unat, o funcional sobre os módulos e guias do 202 e o terceiro a nível individual para ajustar as habilidades, conduta e conhecimento de modo a contribuir para o desenvolvimento pessoal necessário para a aplicação profissional.

Cada integrante irá assinar três contratos: o formal com a Unat, o funcional sobre os módulos e guias do 202 e o terceiro a nível individual para ajustar as habilidades, conduta e conhecimento

16

INFORMATIVO OPÇÕES • UNAT-BRASIL N° 88 | NOVEMBRO DE 2017


RECONHECIMENTO

TRABALHO ACADÊMICO SOBRE AT É PREMIADO EM SÃO PAULO ACERVO PESSOAL

O painel “Análise de juízes do inventário dos Estados do Ego segundo a Teoria da Análise Transacional’, elaborado pela mestranda da Universidade Federal de Uberlândia, Renata Brandão Rossini e orientado pelo professor Ederaldo José Lopes e pela didata em Análise Transacional, Ede Lanir Ferreira Paiva, venceu o Prêmio Luiz Marcellino de Oliveira, na categoria Mestrado, na 470 reunião anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, realizada no final de outubro, em São Paulo. Para Ede, esta premiação “representa a importância de levar a Unat-Brasil e a Análise Transacional para a validação dos meios acadêmicos. A dissertação em andamento, que originou o banner premiado, trata da validação de um instrumento para diagnóstico dos Estados do Ego. Todo o estudo está sendo conduzido dentro dos parâmetros mais rígidos da produção científica do nosso País. A importância é relativa à abertura de uma cultura formal de produção de ciências na AT. Ter sido distinguida com o primeiro lugar garante para a dissertação um olhar atento de pessoas fora da comunidade de AT no Brasil, o que pode estimular o crescimento da disseminação da nossa teoria”. Para a diretora Científica da Unat-Brasil, Mary Melazzo, este trabalho legitima ainda mais a aplicação da AT: “Estamos felizes em ter em breve esta importante contribuição para nossa prática como analistas transacionais”.

Renata conta que sua relação com a AT é antiga. Seu primeiro contato com a teoria foi na faculdade, por volta de 1996 quando fez o AT 101. “Quando me formei em 1999, atendia fazendo terapia e supervisão na linha”, relembra. Em 2003 ela fez o AT 202 e recentemente finalizou a especialização em AT. Além deste histórico, sua motivação para estudar AT no mestrado também vem da prática clínica, onde usa vários instrumentos da teoria que viabilizam o diagnóstico e monitoramento da evolução da terapia. “Uso o Egograma, a verificação das Injunções, entre outras ferramentas, e sempre senti necessidade de algo que me auxiliasse neste sentido. Assim, surgiu a ideia de desenvolver um instrumento sobre os Estados do Ego, o qual iniciei na especialização e agora estou dando continuidade no Mestrado”, especifica Renata. Foram atribuídos prêmios aos me-

lhores trabalhos de três categorias: Prêmio Carolina Martuscelli Bori, na categoria Doutorado; Prêmio Luiz Marcellino de Oliveira, na categoria Mestrado; e Prêmio Reinier Johannes Antonius Rozestraten, na categoria Graduação. Os critérios para avaliação dos painéis foram: • Apresentação do trabalho, que se refere à capacidade do pesquisador apresentar o conteúdo de seu trabalho com clareza e domínio, e responder às questões do avaliador. Inclui capacidade de síntese e adequação da linguagem. • Conteúdo e consistência dos resultados ou da argumentação teórica, o que inclui relevância do tema, qualidade metodológica e aplicabilidade e impacto dos resultados. • Clareza do painel, que se refere à organização do texto no espaço e estética do painel.

INFORMATIVO OPÇÕES • UNAT-BRASIL N° 88 | NOVEMBRO DE 2017

17

Revista Opções - Novembro/2017  
Advertisement